6. Como a senhora avalia as ações que foram desenvolvidas pelo estado aqui em Aragarças?

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "6. Como a senhora avalia as ações que foram desenvolvidas pelo estado aqui em Aragarças?"

Transcrição

1 Data da entrevista: Aragarças, 11 de outubro de 2012 Responsável: Danielly Cardoso da Silva e Helimar Vieira Morais Transcrição: Pollyana Reis Barros de Queiroz Entrevista com a Dna. Luzia: A senhora poderia começar nos contando um pouco da sua vida: onde a senhora nasceu? Qual é a sua formação? Há quanto tempo a senhora trabalha com educação? Dna. Luzia: Nasci em Goiânia em 1973, vim pra cá (Aragarças) em 1980 e trabalho com educação desde Qual é a sua formação? R. Professora em Letras, mestre em educação e doutora em Ciências Pedagógicas. 3. Na área da Educação, quais cargos a senhora já trabalhou? R. Bom, na educação de jovens e adultos eu comecei em agosto de 1988 no Centro de Educação de Jovens e Adultos de Aragarças. Comecei no programa que o Estado de Goiás tinha para Jovens, então eu estava com 15 anos, e trabalhei com a multimídia, que eram os programas que tinha com acervo multimídia. Depois me afastei e retornei em fevereiro de 1991 ocupando o cargo de secretária acadêmica, foi um período em que o supletivo não tinha credibilidade na cidade e foi feito todo um trabalho de resgate de credibilidade e da documentação do período compreendido entre: 1988 e dezembro de Desde fichas de matrícula, registro de notas em livro de resultado final e expedição dos certificados que até então não eram expedidos. Eu fiquei na secretaria e em 1993 passei num concurso público, assumi e continuei trabalhando na secretaria acadêmica. Depois com a desativação da escola Padre Anchieta eu saio da secretaria acadêmica, se não me engano foi a Mara que assumiu no meu lugar, e passei a trabalhar no processo de intervenção do colégio Padre Anchieta que também ofertava EJA aqui em Aragarças, era uma escola particular. Depois o professor José Nogueira saiu, a professora Mara assume a direção, eu retorno para a secretaria acadêmica e fico até Em 1999 tirei uma licença por interesse particular para terminar meu mestrado e retorno já em cargos de coordenação, não consigo lembrar do que eu era Rua 235 S/N Setor Universitário Goiânia/GO CEP Fone: (62) Página 1

2 coordenadora porque foram cargos criados na época, acho que era a coordenadoria de sucesso que eu voltei, assumi até que me afastei e fui trabalhar em regime de permuta na Secretaria Municipal de Educação de Aragarças e depois permaneci fora de Goiás. 4. No período em que a senhora trabalhava aqui como e quais eram as ações desenvolvidas para a EJA tanto em Aragarças quanto pelo estado? R. Bom, o estado tinha a princípio dois programas, que era o Centro de Educação de Jovens e Adultos que envolvia Goiânia, Anápolis e Aragarças, e também tinha os exames supletivos, a cada seis meses as provas ocorriam em Aragarças. Com o passar do tempo os exames supletivos passaram a ser só em Iporá, deixaram de ser em Aragarças, o que eu acredito que foi um erro de logística de quem conduziu o processo porque Aragarças, pela sua situação fronteiriça, atendia não só a Goiás como a Mato Grosso também. Então deixou de ser atendida uma demanda e deixou de se atender a própria cidade de Aragarças porque tornou-se mais cômodo as pessoas fazerem o exame em Barra do Garça do que ter que se deslocarem para a cidade de Iporá. Depois teve a oferta do Telecurso 2000, um programa que tinha as aulas gravadas, o estado comprou os acervos dessas aulas da Fundação Roberto Marinho, tinha o professor e o objetivo era preparar os alunos para os exames supletivos para aquela pessoal que não tinha a disponibilidade de frequentar as aulas todo dia. Então esse programa funcionava como um preparatório e que também, eu digo que foi uma perda, porque você deixa de atender e qualificar pessoas... Ele teve a função social e acredito que cumpriu bem seu papel. 5. Qual foi a época em que o estado começou a trabalhar com supletivo aqui em Aragarças? R. Os exames supletivos, se não me engano, começaram desde Não na forma de exame, mas em outros programas como o Mobral, o Projeto Minerva, e então os exames supletivos. Depois em 1988 com a fundação do CEJA e paralelo a isso a escola Padre Anchieta que era na modalidade de EJA. 6. Como a senhora avalia as ações que foram desenvolvidas pelo estado aqui em Aragarças? Rua 235 S/N Setor Universitário Goiânia/GO CEP Fone: (62) Página 2

3 R. O CEJA teve um momento que eu diria que foi o momento de glória entre 1991 até 93 porque tinha recursos destinados ao CEJA. Nós recebíamos caminhões com resmas de papel, móveis para escritório, o que na época era tecnologias: as máquinas eletrônicas, fotocopiadoras, logo depois o computador. Depois disso houve, no meu modo de ver, um esquecimento do estado para a EJA, no sentido de que existem essas escolas e que elas precisam ser assistidas, que elas precisam de material, de um acompanhamento. Não sei como está hoje, mas tem esse momento que eu diria que o estado se preocupou com a EJA e isso vai até mais ou menos 1996 e depois esse tipo de educação caiu um pouco no esquecimento. É como se existe, deixa lá, eu não vou fechar, mas não é mais meu foco de preocupação. Em relação às questões pedagógicas, diminui-se o papel da superintendência, porque tinha uma superintendência para a EJA e ela tinha uma força, para mim diminui-se a função dela e com isso passa-se a ter a EJA como um ensino regular e deixa-se de atender as características básicas dela, mas hoje não sei te dizer como o estado está agindo. 7. Qual era a logística de organização dos exames supletivos? R. Os exames supletivos, se não me engano, você fazia o recolhimento direto para o estado. Então para o quê era utilizado essa taxa, eu não sei. Sei que durante um tempo era feito por uma professora em Aragarças, depois pelo professor José Nogueira na residência dele, as inscrições eram feitas lá depois com o CEJA elas passaram a ser feitas no próprio centro, que antes era Centro de Estudos Supletivos de Aragarças. Aqui no centro nós fazíamos as inscrições, o dinheiro era recolhido no banco, o candidato trazia você efetuava a inscrição. Na época de aplicar os exames vinha uma equipe de Goiânia com as provas, antes eles informavam o número de salas e professores que seria necessário para trabalhar no final de semana. As escolas providenciava essa logística de fiscais e do pessoal que trabalharia na limpeza, os professores trabalhavam e ao final da aplicação das provas era feito o pagamento. Rua 235 S/N Setor Universitário Goiânia/GO CEP Fone: (62) Página 3

4 8. Em relação aos cursos oferecidos, seu José Nogueira falou dos cursos de corte e costura, datilografia, como era organizados esses cursos? Como era feito o levantamento de qual curso seria oferecido? R. Não digo para você que foi feito um levantamento de qual curso seria oferecido, na época era uma oferta de cursos e você escolhia de acordo com a necessidade local. No caso de Aragarças foi feita a opção pelo curso de datilografia que funcionou muitos anos e depois foi trocado pelo curso de informática, e também o curso de corte e costura que nós tínhamos duas turmas que funcionavam pela manhã e tarde e atendia pessoas de baixa renda que queriam ter uma formação, uma profissão para auxiliar em casa. E as professoras eram formadas era a professora Marta que estava terminando o curso de Letras e a professora Marilene que era pedagoga, na juventude delas precisavam ajudar a própria família e aprenderam o corte e costura. O curso de datilografia nós tínhamos nos três turnos, doze máquinas, se não me engano, e sempre cheio, a procura era grande. Depois trocou-se pelo curso de informática. 9. A senhora sabe onde poderíamos encontrar outros documentos em relação a esses cursos ou sobre o supletivo? Programa de curso? Cópia de exame? Ficha de inscrição? R. Não. 10. Dentre as pessoas que trabalharam com a senhora, você poderia indicar outras pessoas a serem entrevistadas? R. Tem a professora Marilene que trabalhou com o corte e costura, depois com o Telecurso Outra já faleceu, a Marta não mora mais aqui. No início tinha duas modalidades de funcionamento: as turmas regulares durante a semana e as turmas de final de semana, era o sistema direto e indireto respectivamente. No final de semana eram alunos que não tinham como frequentar durante a semana e vinham professores para ministrar aulas para eles e tinham avaliações preparadas na própria unidade para que eles realizassem aqui, além dos exames supletivos. Rua 235 S/N Setor Universitário Goiânia/GO CEP Fone: (62) Página 4

5 11. Dentre as pessoas que prestavam esses exames supletivos, a senhora sabe me dizer mais ou menos a faixa etária e o nível sócio-econômico delas? R. No caso do EJA no sistema direto era um público com faixa etária acima de 26 anos, depois do trabalho feito para resgatar a credibilidade da instituição. Atendíamos pessoas também de Barra do Garça e Bom Jardim, nós tivemos um período que vinham dois ônibus coletivos que a empresa precisou adaptar o horário eles paravam na porta da escola às 18:50 e no horário que liberava os ônibus estavam na porta esperando os alunos. Depois começou a atender um público mais jovem de 18 anos, de 15 anos para o ensino fundamental. No caso dos exames supletivos eram pessoas já com seus 30, 40 anos, não tinha um público tão grande com 18 anos, e realmente não tinham condições como frequentar a escola por questões familiares ou de trabalho e optaram por fazer isso como forma de melhorar o padrão dele e até no trabalho a remuneração financeira dele. Era o que se adequava ao que ele podia na época. Rua 235 S/N Setor Universitário Goiânia/GO CEP Fone: (62) Página 5

EDITAL Nº 06/2016 Diretoria Geral

EDITAL Nº 06/2016 Diretoria Geral SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CABEDELO CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA FIC PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE OPERADOR DE BENEFICIAMENTO

Leia mais

Olhando o Aluno Deficiente na EJA

Olhando o Aluno Deficiente na EJA Olhando o Aluno Deficiente na EJA ConhecendoJoice e Paula Lúcia Maria Santos Tinós ltinos@ffclrp.usp.br Apresentando Joice e Paula Prazer... Eu sou a Joice Eu sou a (...), tenho 18 anos, gosto bastante

Leia mais

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO Gênero e diversidade na escola: sexualidade, violência, olhares sobre práticas contemporâneas. Modalidade a Distância

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO Gênero e diversidade na escola: sexualidade, violência, olhares sobre práticas contemporâneas. Modalidade a Distância Ministério da Educação Rede Nacional de Formação Continuada de Professores na Educação Básica Secretaria de Educação Básica Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS EDITAL DE RETIFICAÇÃO 2016 SELEÇÃO DE CANDIDATOS A ALUNO REGULAR

Leia mais

IV Encontro Pedagógico do IFAM 2016 DIRETORIA DE ENSINO MÉDIO E TÉCNICO SISTÊMICA DET/PROEN

IV Encontro Pedagógico do IFAM 2016 DIRETORIA DE ENSINO MÉDIO E TÉCNICO SISTÊMICA DET/PROEN DIRETORIA DE ENSINO MÉDIO E TÉCNICO SISTÊMICA DET/PROEN AVALIAÇÃO DOS CURSOS TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO DO IFAM Lei Nª 11.872/2008 Art. 7ª - Objetivos dos Institutos Federais: I - ministrar educação profissional

Leia mais

EDITAL N 02/ DAS INSCRIÇÕES E TESTE DE SELEÇÃO

EDITAL N 02/ DAS INSCRIÇÕES E TESTE DE SELEÇÃO EDITAL N 02/2016 EMENTA: Estabelece as condições para o processo seletivo de admissão de novos alunos para o ano letivo de 2017 (Diurno). A Diretora Geral do Colégio Santo Inácio, Albanisa Gomes de Moura,

Leia mais

ABERTURA DE VAGAS E SELEÇÃO DE ALUNOS PARA OS CURSOS DE EXTENSÃO EM MÚSICA E GRUPOS MUSICAIS 2017 DO PROJETO PRELÚDIO

ABERTURA DE VAGAS E SELEÇÃO DE ALUNOS PARA OS CURSOS DE EXTENSÃO EM MÚSICA E GRUPOS MUSICAIS 2017 DO PROJETO PRELÚDIO Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Porto Alegre EDITAL N o 002, DE 13 DE JANEIRO DE

Leia mais

Ex-catadora de caranguejo faz mestrado na Uenf em Campos, RJ

Ex-catadora de caranguejo faz mestrado na Uenf em Campos, RJ Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro Gerência de Comunicação Jornal: Cidade: Data: Página: Seção: Globo.com Brasil 28/05/2013 WEB 28/05/2013 12h00 - Atualizado em 28/05/2013 12h32 Ex-catadora

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA EDITAL N 008, de 30 de janeiro de 2009 INSCRIÇÃO AO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO A DISTANCIA ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL, PARA 0 1 SEMESTRE

Leia mais

EDITAL Todas as vagas dos cursos técnicos de formação subsequente serão destinadas ao Programa Bolsa Formação do PRONATEC.

EDITAL Todas as vagas dos cursos técnicos de formação subsequente serão destinadas ao Programa Bolsa Formação do PRONATEC. São Paulo, 14 de março de 2014 EDITAL Nº 01/2014 O Presidente do Conselho Universitário da Universidade Anhanguera de São Paulo UNIAN - SP, no uso de suas competências e demais disposições legais, ouvido

Leia mais

PLANO DE CARREIRA DE MAGISTÉRIO - EDITAL

PLANO DE CARREIRA DE MAGISTÉRIO - EDITAL PROCESSO DE SELEÇÃO DE DOCENTES De ordem do Magnífico Reitor, faço saber aos interessados que, nos termos do Título VI, Capítulo I, Art. 56 do Regimento Geral do Centro Universitário Newton Paiva, acham-se

Leia mais

Falará sobre o NTI auxiliando no processo de apoio às ações de ensino dos alunos, particularmente os alunos do Curso de Letras da UFAC.

Falará sobre o NTI auxiliando no processo de apoio às ações de ensino dos alunos, particularmente os alunos do Curso de Letras da UFAC. UFAC RBR-AC 31.10.2011 Falará sobre o NTI auxiliando no processo de apoio às ações de ensino dos alunos, particularmente os alunos do Curso de Letras da UFAC. [Se identificou, identificou o setor e o Diretor

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UEPB N O 01/2016

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UEPB N O 01/2016 Universidade Estadual da Paraíba Centro de Ciências e Tecnologia Departamento de Física Programa de Pós-Graduação em Ensino de Física - Polo Campina Grande EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UEPB N O 01/2016 PROCESSO

Leia mais

EDITAL N 001/2016, DE 11 DE JANEIRO DE SELEÇÃO DE PROFESSOR PARA O CURSO DE PEDAGOGIA

EDITAL N 001/2016, DE 11 DE JANEIRO DE SELEÇÃO DE PROFESSOR PARA O CURSO DE PEDAGOGIA EDITAL N 001/2016, DE 11 DE JANEIRO DE 2016. SELEÇÃO DE PROFESSOR PARA O CURSO DE PEDAGOGIA O Diretor da Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais Aplicadas do Araguaia, no uso de suas atribuições, por

Leia mais

Seleção de bolsista PET Conexões de Saberes da Educação Popular e Saberes Acadêmicos

Seleção de bolsista PET Conexões de Saberes da Educação Popular e Saberes Acadêmicos MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG INSTITUTO DE EDUCAÇÃO - IE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL CONEXÕES DE SABERES EDITAL 02/2016 Seleção de bolsista

Leia mais

2 CURSO DE EXTENSÃO EM MÚSICA INICIAÇÃO MUSICAL

2 CURSO DE EXTENSÃO EM MÚSICA INICIAÇÃO MUSICAL Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Câmpus Porto Alegre EDITAL N o 001, DE 16 DE JANEIRO DE

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ODONTOLOGIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ODONTOLOGIA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ODONTOLOGIA EDITAL DE SELEÇÃO N 05/2011 O DIRETOR DA FACULDADE DE ODONTOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA,

Leia mais

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA. Modalidade a Distância

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA. Modalidade a Distância Ministério da Educação Rede Nacional de Formação Continuada de Professores na Educação Básica Secretaria de Educação Básica Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

Edital do Concurso de Bolsas. Ano Letivo de 2017

Edital do Concurso de Bolsas. Ano Letivo de 2017 Edital do Concurso de Bolsas Ano Letivo de 2017 Página 1 de 5 A Fundação Valeparaibana de Ensino - FVE torna pública a realização do Concurso de Bolsas para o 1º ano do Ensino Médio/Técnico do Colégios

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD DIRETORIA DE REGULAÇÃO ACADÊMICA PROGRAMA DE MONITORIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD DIRETORIA DE REGULAÇÃO ACADÊMICA PROGRAMA DE MONITORIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORES 1. IDENTIFICAÇÃO Unidade/Campus: Cacoal Departamento: Ciências Contábeis Disciplina(s): Conforme quadro abaixo Número de vagas: 01

Leia mais

REALIZANDO QUALIDADE PRÓ REITORIA DE PESQUISA E PÓS GRADUAÇÃO - PPG COORDENADORIA DE PÓS GRADUAÇÃO CPG

REALIZANDO QUALIDADE PRÓ REITORIA DE PESQUISA E PÓS GRADUAÇÃO - PPG COORDENADORIA DE PÓS GRADUAÇÃO CPG REALIZANDO QUALIDADE PRÓ REITORIA DE PESQUISA E PÓS GRADUAÇÃO - PPG COORDENADORIA DE PÓS GRADUAÇÃO CPG Prorrogação do Período de seleção do Mestrado em Ciência Animal. EDITAL Nº. 28/2013 PPG/CPG/UEMA MESTRADO

Leia mais

Considerando a necessidade de acompanhar, orientar e preparar melhor os acadêmicos no

Considerando a necessidade de acompanhar, orientar e preparar melhor os acadêmicos no Of Circular /2011 FAPAC - Faculdade Presidente Antônio Carlos. ITPAC-INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS PORTO LTDA. Rua 02 Qd. 07 - Jardim dos Ypês Porto Nacional TO CEP 77.500-000 Fone:

Leia mais

Edital 03/2014 UNA-SUS/UFCSPA Seleção de Tutores à Distância para o Curso de Especialização em Saúde da Família

Edital 03/2014 UNA-SUS/UFCSPA Seleção de Tutores à Distância para o Curso de Especialização em Saúde da Família Edital 03/2014 UNA-SUS/UFCSPA Seleção de Tutores à Distância para o Curso de Especialização em Saúde da Família O Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-graduação da Universidade Federal de Ciências da Saúde de

Leia mais

EDITAL N o 003/2016/DComp

EDITAL N o 003/2016/DComp EDITAL N o 003/2016/DComp PROCESSO SELETIVO PROGRAMA DE MONITORIA O Departamento de Computação (DComp), do Centro de Ciências Exatas e Tecnologia, do campus São Cristóvão da Universidade Federal de Sergipe,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE TECNOLOGIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA INDUSTRIAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE TECNOLOGIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA INDUSTRIAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE TECNOLOGIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA INDUSTRIAL EDITAL nº 01/2017-PPGEI/ITEC/UFPA, 04 janeiro de 2017 Processo de Seleção do Programa de Pós-Graduação

Leia mais

COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO. EDITAL Nº 004/2016, DE 22 de Julho de 2016

COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO. EDITAL Nº 004/2016, DE 22 de Julho de 2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CAMPUS CAJAZEIRAS Rua José Antônio da Silva, 300, Jardim Oásis CEP: 58.900-000 Cajazeiras-PB Fone: (83) 3532-4100 E-mail:

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EDITAL N 02, DE 18 DE JANEIRO DE 2017.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EDITAL N 02, DE 18 DE JANEIRO DE 2017. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EDITAL N 02, DE 18 DE JANEIRO DE 2017. EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS PARA A COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO

Leia mais

CONCURSO DE BOLSAS MEDIO TECNICO - CENTRO 29/11 PROVA. Unidade Centro

CONCURSO DE BOLSAS MEDIO TECNICO - CENTRO 29/11 PROVA. Unidade Centro CONCURSO DE BOLSAS MEDIO TECNICO - CENTRO 29/11 PROVA Unidade Centro 2 CONCURSOS DE BOLSAS 2015 COLÉGIOS UNIVAP UNIDADE CENTRO EDITAL A Fundação Valeparaibana de Ensino - FVE torna pública a realização

Leia mais

EDITAL N 01/ADM-EaD-UFSC/2017 PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS ADMINISTRAÇÃO-EaD/FEPESE

EDITAL N 01/ADM-EaD-UFSC/2017 PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS ADMINISTRAÇÃO-EaD/FEPESE EDITAL N 01/ADM-EaD-UFSC/2017 PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS ADMINISTRAÇÃO-EaD/FEPESE A Coordenadora do Curso de Graduação em Administração, na modalidade a distância, torna pública a abertura das inscrições

Leia mais

EDITAL Nº 02/2012 Convênio UNISINOS - UEMA

EDITAL Nº 02/2012 Convênio UNISINOS - UEMA EDITAL Nº 02/2012 Convênio UNISINOS - UEMA PROCESSO DE SELEÇÃO PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADODO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃOEM LINGUÍSTICA APLICADA ANO LETIVO DE 2013/1 Reconhecido pelo Parecer nº 0083/2003

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 5. Cronograma de Aulas Pág. 11. Coordenação Programa e metodologia; Investimento

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 5. Cronograma de Aulas Pág. 11. Coordenação Programa e metodologia; Investimento 1 SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento 3 3 4 Etapas do Processo Seletivo Pág. 5 Matrícula 10 Cronograma de Aulas Pág. 11 2 PÓS-GRADUAÇÃO EM ANESTESIA Unidade Dias

Leia mais

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CRONOGRAMA DE ATRIBUIÇÃO 2016/2017 4 de agosto Entrega de declaração da Unidade Escolar referente ao saldo de classes e ou aulas referente ao período 01/08/15 a 31/07/16, para Processo

Leia mais

CADASTRO SÓCIO ECONÔMICO Nº... Sexo M ( ) F ( ) Data de nascimento Estado Civil Procedência (cidade/uf) Curso Fase Centro Matrícula

CADASTRO SÓCIO ECONÔMICO Nº... Sexo M ( ) F ( ) Data de nascimento Estado Civil Procedência (cidade/uf) Curso Fase Centro Matrícula UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA - UDESC PRÓ - REITORIA EXTENSÃO, CULTURA E COMUNIDADE - PROEX COORDENADORIA DE PROMOÇÃO E APOIO A COMUNIDADE UNIVERSITÁRIA SERVIÇO DE ATENDIMENTO AO ACADÊMICO E

Leia mais

EDITAL PROEX VAGAS

EDITAL PROEX VAGAS EDITAL PROEX 2014 PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS DE EXTENSIONISTAS PARA PROGRAMA DE EXTENSÃO PUC MAIS IDADE DO NÚCLEO MEIO AMBIENTE E SAÚDE DA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO DA PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE

Leia mais

Convocatória Pública n. 001/2017 SELEÇÃO de ASSISTENTES e ESTAGIÁRIO de PESQUISA do PPGDP-UFG

Convocatória Pública n. 001/2017 SELEÇÃO de ASSISTENTES e ESTAGIÁRIO de PESQUISA do PPGDP-UFG Convocatória Pública n. 001/2017 SELEÇÃO de ASSISTENTES e ESTAGIÁRIO de PESQUISA do PPGDP-UFG O Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Direito e Políticas Públicas da UFG, por autorização da Coordenadoria

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DE MONITORIA

REGULAMENTO GERAL DE MONITORIA CENTRO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ REGULAMENTO GERAL DE MONITORIA FAFIL/FAECO/FAENG Índice Capítulo I Das Finalidades 3 Capítulo II - Das Inscrições dos Alunos 3 Capítulo III - Dos critérios de

Leia mais

EDITAL Todas as vagas dos cursos técnicos de formação subsequente serão destinadas ao Programa Bolsa Formação do PRONATEC.

EDITAL Todas as vagas dos cursos técnicos de formação subsequente serão destinadas ao Programa Bolsa Formação do PRONATEC. Guarulhos, 14 de março de 2014. EDITAL Nº 01/2014 A Presidente do Conselho de Administração Superior da Faculdade Anhanguera de Guarulhos, no uso de suas competências e demais disposições legais, ouvido

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA GABINETE DO REITOR NÚCLEO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA GABINETE DO REITOR NÚCLEO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA GABINETE DO REITOR NÚCLEO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL EDITAL Nº. 001, de 01 de fevereiro de 2017. O Núcleo de Tecnologia Educacional da Universidade

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAIBA PRÓ-REITORIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 001/2017 SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE TUTORIA ESPECIAL

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAIBA PRÓ-REITORIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 001/2017 SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE TUTORIA ESPECIAL UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAIBA PRÓ-REITORIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 001/2017 SELEÇÃO PARA O PROGRAMA DE TUTORIA ESPECIAL A Universidade Estadual da Paraíba, por meio da Pró-Reitoria Estudantil, no uso de

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO SUL E SUDESTE DO PARÁ Instituto de Ciências Humanas ICH Campus Marabá. EDITAL n.

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO SUL E SUDESTE DO PARÁ Instituto de Ciências Humanas ICH Campus Marabá. EDITAL n. EDITAL n.º 001 / 2016 PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIOS (AS) (ICH) O da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará, amparada pela legislação vigente, em especial pela Lei n.º 11.788/2008, a Orientação

Leia mais

Questionário. Engenharia Eletrônica Primeiro período

Questionário. Engenharia Eletrônica Primeiro período Questionário Engenharia Eletrônica Primeiro período 1. Idade a) Menos de 18 b) 18 c) 19 d) 20 e) Mais de 20 2. Residência a) Campo Mourão. b) Cidade vizinha de Campo Mourão. c) Distante de Campo Mourão.

Leia mais

Extensão Blumenau Edital 024/2015

Extensão Blumenau Edital 024/2015 Extensão Blumenau Edital 024/2015 Edital de abertura das inscrições para o ingresso nos Módulos I e II da Escola Superior da Magistratura do Estado de Santa Catarina ESMESC, em Blumenau. O Juiz Cláudio

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL. Edital de seleção Nº 01/2017

CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL. Edital de seleção Nº 01/2017 CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL Edital de seleção Nº 01/2017 Seleção de Estudantes para compor o PET- Física - IFCE - CAMPUS SOBRAL O Tutor do Programa de Educação Tutorial

Leia mais

Page 1 of /06/ :20:22. Questão: 1 Qual o seu sexo? A Masculino ,31 % B Feminino ,72 % X Inválida 10 1,97 %

Page 1 of /06/ :20:22. Questão: 1 Qual o seu sexo? A Masculino ,31 % B Feminino ,72 % X Inválida 10 1,97 % Curso: 101 Administração Page 1 of 376 26/06/2003 09:20:22 Questão: 1 Qual o seu sexo? A Masculino. 250 49,31 % B Feminino. 247 48,72 % X Inválida 10 1,97 % Questão: 2 Quantos anos você completará em 2003?

Leia mais

CONVOCAÇÃO PARA TUTORIA PRESENCIAL MARABÁ, CAMETÁ E BREVES

CONVOCAÇÃO PARA TUTORIA PRESENCIAL MARABÁ, CAMETÁ E BREVES SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS FACULDADE DE BIOLOGIA CURSO DE LICENCIATURA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS EAD/UAB/CAPES CONVOCAÇÃO PARA TUTORIA PRESENCIAL

Leia mais

E DIT AL N 01/ VAGAS. às 12:00 h e das 14:00 h às 17:30 h;

E DIT AL N 01/ VAGAS. às 12:00 h e das 14:00 h às 17:30 h; E DIT AL N 01/2017 A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica PPGEE da Universidade Regional de Blumenau FURB, no uso de suas atribuições, torna público a abertura das inscrições

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO EDITAL 001/ 2012 - PROCESSO SELETIVO (Publicado em 09/10/2012) EDITAL DE ABERTURA

Leia mais

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS

CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS CENTRO DE MEMÓRIA DO ESPORTE ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PROJETO GARIMPANDO MEMÓRIAS NILTON SANTOS DE ATHAYDE (depoimento) 2011 CEME-ESEF-UFRGS FICHA TÉCNICA Projeto:

Leia mais

Educação de Jovens e Adultos no Brasil

Educação de Jovens e Adultos no Brasil Educação de Jovens e Adultos no Brasil Objetivo Surgimento do EJA; como funciona; o que trouxe de melhorias; Entrevistas: professor e aluno; como é o convívio; relação entre ambos; aprendizado do aluno;

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS SECRETARIA DE ESTADO DE TRABALHO E EMPREGO FUNDAÇÃO DE EDUCAÇÃO PARA O TRABALHO DE MINAS GERAIS UTRAMIG

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS SECRETARIA DE ESTADO DE TRABALHO E EMPREGO FUNDAÇÃO DE EDUCAÇÃO PARA O TRABALHO DE MINAS GERAIS UTRAMIG EDITAL PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS PARA O ATENDIMENTO NO LABORATÓRIO DO CURSOS TÉCNICO DE MEIO AMBIENTE UTRAMIG/DEP Nº 1/2016 1- A, inscrita sob o CNPJ 17.319.831/0001-23, com sede e foro nesta Capital,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA A 8ª TURMA DE ALUNOS REGULARES DO MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO

PROCESSO SELETIVO PARA A 8ª TURMA DE ALUNOS REGULARES DO MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO EDITAL Nº 68/2016 DA PRÓ-REITORIA DE PROCESSO SELETIVO PARA A 8ª TURMA DE ALUNOS REGULARES DO MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO Em conformidade com o artigo 33 do Regulamento da Pró-reitoria de Pós-graduação

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 13

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 13 PROCESSO SELETIVO ENEM 2015.2 EDITAL Nº 13 SUMÁRIO 1. Da Validade... 3 2. Das Inscrições... 5 3. Da Avaliação... 6 4. Do Resultado... 6 5. Da Matrícula... 7 6. Do regime escolar e semestralidade... 7 7.

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO JOVEM APRENDIZ EMPRESA RONDONORTE

EDITAL PROCESSO SELETIVO JOVEM APRENDIZ EMPRESA RONDONORTE EDITAL PROCESSO SELETIVO JOVEM APRENDIZ EMPRESA RONDONORTE 1º SEMESTRE/2017 APRESENTAÇÃO PREZADO CANDIDATO Este Manual/Edital oferece orientações sobre o Processo de Seletivo para o Curso de Aprendizagem

Leia mais

b. Comprovante de regularidade de matrícula em nível superior na instituição de origem (original); c. Histórico Escolar do curso de origem contendo ca

b. Comprovante de regularidade de matrícula em nível superior na instituição de origem (original); c. Histórico Escolar do curso de origem contendo ca EDITAL FATEC MAUÁ Nº. 01/2017 de 25 de novembro de 2016. O Diretor da Fatec-Mauá - Faculdade de Tecnologia de Mauá, no uso de suas atribuições legais, faz saber que estão abertas inscrições para participação

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 01

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 01 PROCESSO SELETIVO ENEM 2017.1 EDITAL Nº 01 SUMÁRIO 1. Da Validade... 3 2. Das Inscrições... 3 3. Da Avaliação... 4 4. Do Resultado... 4 5. Da Matrícula... 4 6. Do regime escolar e semestralidade... 5 7.

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UFT N O 01/2016 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA POLO UFT

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UFT N O 01/2016 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA POLO UFT Universidade Federal do Tocantins Campus Universitário de Araguaína Curso de Física Programa de Pós-Graduação em Ensino de Física UFT EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UFT N O 01/2016 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO

Leia mais

SOCIEDADE EDUCACIONAL PALMITOS - SEPAL

SOCIEDADE EDUCACIONAL PALMITOS - SEPAL SOCIEDADE EDUCACIONAL PALMITOS - SEPAL FACULDADE REGIONAL PALMITOS FAP FACULDADE SANTA RITA DE PALMITOS Instituição vinculada ao Sistema Federal de Educação. Credenciada pela Portaria Ministerial nº 222,

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MATEMÁTICA Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação Campus Campo Mourão - DIRPPG-CM 1º.

EDITAL DE ABERTURA DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MATEMÁTICA Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação Campus Campo Mourão - DIRPPG-CM 1º. EDITAL DE ABERTURA DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MATEMÁTICA Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação Campus Campo Mourão - DIRPPG-CM 1º. Semestre 2016 Pelo presente, fazemos saber aos interessados que se

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EDITAL N 34, DE 9 DE AGOSTO DE 2016. EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS PARA A COORDENADORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

Leia mais

EDITAL Nº 01/2014 SELEÇÃO DE ALUNO ESPECIAL

EDITAL Nº 01/2014 SELEÇÃO DE ALUNO ESPECIAL Universidade Federal do Tocantins Programa de Pós-Graduação em Educação PPGE Mestrado em Educação Campus Universitário de Palmas Av. NS 15, ACLNO 14 Sala 24 Bloco III Fone: (63) 3232-8201 e-mail: ppgedu@uft.edu.br

Leia mais

ADITAMENTO DO EDITAL PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE DOCENTES - LICENCIATURA ESPECIAL

ADITAMENTO DO EDITAL PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE DOCENTES - LICENCIATURA ESPECIAL ADITAMENTO DO EDITAL PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE DOCENTES - LICENCIATURA ESPECIAL - 2017 A Diretora da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Souza Marques FFCLSM, mantida pela

Leia mais

EDITAL N 002/2014/VIOLÊNCIA POR PARCEIRO ÍNTIMO /UFSC

EDITAL N 002/2014/VIOLÊNCIA POR PARCEIRO ÍNTIMO /UFSC 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE Campus Prof. João David Ferreira Lima CEP 88040-900 Trindade - Florianópolis - Santa Catarina - Brasil https://unasus.ufsc.br/violencia/

Leia mais

Universidade Federal do Rio Grande do Norte Escola de Ciências e Tecnologia Programa de Pós-Graduação de Mestrado Profissional em Ensino de Física

Universidade Federal do Rio Grande do Norte Escola de Ciências e Tecnologia Programa de Pós-Graduação de Mestrado Profissional em Ensino de Física Universidade Federal do Rio Grande do Norte Escola de Ciências e Tecnologia Programa de Pós-Graduação de Mestrado Profissional em Ensino de Física PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE NOVA MUTUM

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE NOVA MUTUM PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFISSIONAL TÉCNICO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL N. 001/2014 UNEMAT - A, por intermédio do Campus Universitário de Nova Mutum-MT, no uso de

Leia mais

Edital nº 009/2016. Especialista em Arquitetura e Urbanismo Especialista em Arquitetura e Urbanismo

Edital nº 009/2016. Especialista em Arquitetura e Urbanismo Especialista em Arquitetura e Urbanismo Edital nº 009/2016 O Diretor da Faculdade Brasileira MULTIVIX torna pública a abertura de inscrições para o processo seletivo docente 2017/01 para os cursos de graduação, 27 de Outubro de 2016 a 16 de

Leia mais

O curso de especialização em Gestão Escolar tem por objetivo formar, em nível de pós-

O curso de especialização em Gestão Escolar tem por objetivo formar, em nível de pós- EDITAL CEAD/UFOP N 35/2014 Dispõe sobre o procedimento de seleção de candidatos para o Curso de Especialização em Gestão Escolar (Pós-Graduação lato sensu), oferecido pelo Centro de Educação Aberta e a

Leia mais

EDITAL PROEXCE Nº 06

EDITAL PROEXCE Nº 06 EDITAL PROEXCE Nº 06 A Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Empreendedorismo da Universidade Federal do Maranhão, PROEXCE, divulga, por meio do presente edital, a abertura das inscrições para os Cursos

Leia mais

UNIVERSIDADE DO CEUMA UniCEUMA CURSO DE DIREITO NÚCLEO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES NAC NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA NPJ

UNIVERSIDADE DO CEUMA UniCEUMA CURSO DE DIREITO NÚCLEO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES NAC NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA NPJ PROJETO VISITAS TÉCNICAS EM BRASÍLIA/DF EDITAL NAC DE SELEÇÃO nº06/2016 A Coordenadoria Geral do Curso de Direito da Universidade Ceuma, através de seu Núcleo de Atividades Complementares NAC e do Núcleo

Leia mais

CURSOS TÉCNICOS SEMIPRESENCIAIS EDITAL PROCESSO SELETIVO 2017/2

CURSOS TÉCNICOS SEMIPRESENCIAIS EDITAL PROCESSO SELETIVO 2017/2 CURSOS TÉCNICOS SEMIPRESENCIAIS EDITAL PROCESSO SELETIVO 2017/2 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO............................................ 04 1. O PROCESSO SELETIVO.................................05 2. DISPOSIÇÕES

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE CAPES / UAB / MÍDIAS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE CAPES / UAB / MÍDIAS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE CAPES / UAB / MÍDIAS EDITAL - Nº 009/2014 SELEÇÃO PARA TUTOR DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MÍDIAS DA EDUCAÇÂO

Leia mais

PROJETO DO 1º SEGMENTO DA EJA DE 1ª A 4ª SÉRIES INSTRUIR EM ÁREAS DE ASSENTAMENTOS DA REFORMA AGRÁRIA EM RORAIMA

PROJETO DO 1º SEGMENTO DA EJA DE 1ª A 4ª SÉRIES INSTRUIR EM ÁREAS DE ASSENTAMENTOS DA REFORMA AGRÁRIA EM RORAIMA Edital n.º 49/2012 Boa Vista, 12 de junho de 2012. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ATENDER O PROJETO DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS EM ASSENTAMENTOS DE REFORMA AGRÁRIA PROJETO INSTRUIR DO 1º SEGMENTO

Leia mais

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO CAMPUS PETROLINA EDITAL 03 /2014 SELEÇÃO DE ALUNOS ALUNOS-MESTRE PARA O PREVUPE (PRÉ-VESTIBULAR DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO) 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1 O processo de seleção

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento.

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo. Cronograma de Aulas. Coordenação Programa e metodologia; Investimento. SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento Etapas do Processo Seletivo Pág. Matrícula Cronograma de Aulas Pág. PÓS-GRADUAÇÃO EM NEUROLOGIA CLÍNICA E INTENSIVA Unidade

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS/FISICA EDITAL 13/2014.

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS/FISICA EDITAL 13/2014. EDITAL 13/2014. Edital de Inscrição, Seleção e Matrícula para o curso de Mestrado do Programa de Pós-Graduação em Ciências - Área de Concentração em Física. MESTRADO EM CIÊNCIAS/FÍSICA - 2015 I - Inscrição

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA PIM PLANO ANUAL DE MONITORIA

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA PIM PLANO ANUAL DE MONITORIA Of Circular /2011 FAPAC - Faculdade Presidente Antônio Carlos. ITPAC-INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS PORTO LTDA. Rua 02 Qd. 07 - Jardim dos Ypês Porto Nacional TO CEP 77.500-000 Fone:

Leia mais

SELEÇÃO DE BOLSISTA PARA MONITORIA

SELEÇÃO DE BOLSISTA PARA MONITORIA Atualização em 2017 EDITAL DE CHAMADA XX/XX SELEÇÃO DE BOLSISTA PARA MONITORIA CURSOS DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS, GESTÃO COMERCIAL, GESTÃO PÚBLICA, MARKETING E ANÁLISE

Leia mais

A gratificação da função foi implementada pela Lei Complementar nº de 15/10/2007 e pela Lei Complementar nº de 01/07/2013.

A gratificação da função foi implementada pela Lei Complementar nº de 15/10/2007 e pela Lei Complementar nº de 01/07/2013. A Diretora da EE NOSSA SENHORA DOS NAVEGANTES, em Guarujá com fundamento na Resolução SE 75 de 30/12/2014, torna público o processo para seleção de docente para a função gratificada de Professor Coordenador

Leia mais

Considerando a necessidade de acompanhar, orientar e preparar melhor os acadêmicos no

Considerando a necessidade de acompanhar, orientar e preparar melhor os acadêmicos no Of Circular /2011 FAPAC - Faculdade Presidente Antônio Carlos. ITPAC-INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS PORTO LTDA. Rua 02 Qd. 07 - Jardim dos Ypês Porto Nacional TO CEP 77.500-000 Fone:

Leia mais

PLANO DE CARREIRA DE MAGISTÉRIO - EDITAL

PLANO DE CARREIRA DE MAGISTÉRIO - EDITAL PROCESSO DE SELEÇÃO DE DOCENTES De ordem do Magnífico Reitor, faço saber aos interessados que, nos termos do Título VI, Capítulo I, Art. 56 do Regimento Geral do Centro Universitário Newton Paiva, acham-se

Leia mais

LISTA DE LIVROS E RELAÇÃO ESCOLAR ADOTADOS PARA O ANO DE 2015.

LISTA DE LIVROS E RELAÇÃO ESCOLAR ADOTADOS PARA O ANO DE 2015. LISTA DE LIVROS E RELAÇÃO ESCOLAR ADOTADOS PARA O ANO DE 2015. INFANTIL BABY LIVRO: Vai começar a brincadeira Maternal Autores: Júnia La Scala, Arnaldo Rodrigues, Sorel Silva Edição Renovada Editora: FTD

Leia mais

SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL EDITAL Nº. 01/2012 PARA PROCESSO SELETIVO EBEP/EJA GRATUITO

SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL EDITAL Nº. 01/2012 PARA PROCESSO SELETIVO EBEP/EJA GRATUITO 1 SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL EDITAL Nº. 01/2012 PARA PROCESSO SELETIVO EBEP/EJA GRATUITO EBEP - Educação Básica Articulada à Educação Profissional na modalidade

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO. Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira

ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO. Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira QUINTA SELEÇÃO PARA ADMISSÃO AO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO PROCESSUAL CIVIL E DO TRABALHO

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

MINISTÉRIO DA SAÚDE UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ MINISTÉRIO DA SAÚDE EDITAL DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA SUPERVISORES NO ÂMBITO DO PROGRAMA DE VALORIZAÇÃO DO PROFISSIONAL DA ATENÇÃO BÁSICA (PROVAB) EDITAL Nº 001/2016 UFPR/PROVAB A Universidade Federal

Leia mais

Formulário Para Criação de Curso FORMULÁRIO Nº 1: ESPECIALIZAÇÃO - CURSO NOVO

Formulário Para Criação de Curso FORMULÁRIO Nº 1: ESPECIALIZAÇÃO - CURSO NOVO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, INOVAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO Formulário Para Criação de Curso FORMULÁRIO Nº 1: ESPECIALIZAÇÃO - CURSO NOVO Campus:

Leia mais

EDITAL 01/ DOCUMENTOS PARA REALIZAÇÃO DA INSCRIÇÃO (enviar as cópias para o ).

EDITAL 01/ DOCUMENTOS PARA REALIZAÇÃO DA INSCRIÇÃO (enviar as cópias para o  ). EDITAL 01/2017 EDITAL PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES DE ENSINO SUPERIOR E ENSINO MÉDIO/TÉCNICO PARA A REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO NO ÂMBITO DO INSTITUTO FEDERAL DO PIAUÍ. O Instituto Federal de Educação, Ciência

Leia mais

EDITAL N 051/2014 INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE SECRETÁRIOS DE COORDENAÇÃO E DE APOIO ESCOLAR E AUXILIAR DE APOIO DO PROJETO UNIVERSIDADE PARA TODOS

EDITAL N 051/2014 INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE SECRETÁRIOS DE COORDENAÇÃO E DE APOIO ESCOLAR E AUXILIAR DE APOIO DO PROJETO UNIVERSIDADE PARA TODOS Secretaria da Educação do Estado da Bahia Coordenação de Desenvolvimento de Educação Superior CODES Coordenação de Ações Afirmativas CAA Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia UESB Pró-Reitoria de

Leia mais

COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO. EDITAL Nº 008/2016, de 09 de agosto de 2016.

COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO. EDITAL Nº 008/2016, de 09 de agosto de 2016. COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO EDITAL Nº 008/2016, de 09 de agosto de 2016. A Diretoria Geral do Campus São João do Piauí, por meio da sua Coordenação de Extensão, torna público o presente Edital que estabelece

Leia mais

REABERTURA CHAMADA PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS

REABERTURA CHAMADA PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS REABERTURA CHAMADA PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS O Instituto de Computação da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), no âmbito do sistema da Universidade Aberta do Brasil (UAB), informa

Leia mais

PERFIL DOS ALUNOS INGRESSANTES CARACTERÍSTICAS SÓCIO-ECONÔMICAS Curso : BIOMEDICINA

PERFIL DOS ALUNOS INGRESSANTES CARACTERÍSTICAS SÓCIO-ECONÔMICAS Curso : BIOMEDICINA CARACTERÍSTICAS SÓCIO-ECONÔMICAS Quadro e Gráfico 01 - Renda familiar mensal Não informado 1 0 1 Até R$ 26 0 0 0 de R$ 261,00 a R$ 78 0 1 1 de R$ 781,00 a R$ 1.30 1 1 2 1 de R$ 1.301,00 a R$ 1.82 3 2 5

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO DE COORDENADOR (A) PEDAGÓGICO (A) E PROFESSOR (A) DE ENSINO TÉCNICO

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO DE COORDENADOR (A) PEDAGÓGICO (A) E PROFESSOR (A) DE ENSINO TÉCNICO PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO DE COORDENADOR (A) PEDAGÓGICO (A) E PROFESSOR (A) DE ENSINO TÉCNICO EDITAL Nº 002/2016 A Faculdade do Vale do Araranguá- FVA, pessoa jurídica de direito

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE

FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE Obs.: Período de inscrições 30/05/16 a 10/06/2016 (exceto 04 e 05/06/16), no horário das 15h30 às 17h30h e 18h30 as 20h30. EDITAL FATEC DA ZONA LESTE Nº. 05/2016 de 25 de maio de 2016. O Diretor da Faculdade

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 06

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 06 PROCESSO SELETIVO ENEM 2015.1 EDITAL Nº 06 SUMÁRIO 1. Da Validade... 3 2. Das Inscrições... 4 3. Do Calendário... 4 4. Da Avaliação... 5 5. Da Matrícula... 5 6. Das Disposições Finais... 6 Edital nº 06

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA Autorizada pelo Decreto Federal nº 77.496 de 27/04/76 Reconhecida pela Portaria Ministerial nº 874/86 de 19/12/86 Recredenciada pelo Decreto Estadual 9.271 de

Leia mais

SELEÇÃO INTERNA DE MONITORIAS NÍVEL TÉCNICO

SELEÇÃO INTERNA DE MONITORIAS NÍVEL TÉCNICO CAMPUS TERESINA ZONA SUL COORDENAÇÃO DE PESQUISA E INOVAÇÃO EDITAL N.º 06/206 SELEÇÃO INTERNA DE MONITORIAS NÍVEL TÉCNICO O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí, Campus Teresina

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE AÇÕES EDUCACIONAIS EDITAL INTERNO N 001/2017

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA COORDENADORIA DE AÇÕES EDUCACIONAIS EDITAL INTERNO N 001/2017 1 MNSTÉRO DA EDUCAÇÃO UNVERSDADE FEDERAL DE SANTA MARA COORDENADORA DE AÇÕES EDUCACONAS EDTAL NTERNO N 001/2017 Comunicado de abertura de inscrições para seleção de 14 (quatorze) Bolsas para o Projeto

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2016 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2016 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR 1 CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2016 A Coordenação do Curso de ARQUITETURA E URBANISMO, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE E DESPORTO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA BOLSISTA DE PROJETO DE EXTENSÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE E DESPORTO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA BOLSISTA DE PROJETO DE EXTENSÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE E DESPORTO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA BOLSISTA DE PROJETO DE EXTENSÃO Em cumprimento ao Edital PROEX/DAEX 04/2017 a Pró-Reitoria de Extensão

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL/UAB SELEÇÃO DE TUTORES EDITAL AEE/UFSM 01/2009

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL/UAB SELEÇÃO DE TUTORES EDITAL AEE/UFSM 01/2009 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL/UAB SELEÇÃO DE TUTORES EDITAL AEE/UFSM 01/2009 A UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (UFSM), em parceria com o Programa Universidade

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DECRETO 5.800/2006 Res.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DECRETO 5.800/2006 Res. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DECRETO 5.800/2006 Res. 012/2008 CONSU EDITAL Nº 016/2014 DE SELEÇÃO DE ALUNOS PARA PROVIMENTO DAS VAGAS EXISTENTES

Leia mais

EDITAL Nº 001, DE 18 DE JANEIRO DE 2016

EDITAL Nº 001, DE 18 DE JANEIRO DE 2016 Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Porto Alegre EDITAL Nº 001, DE 18 DE JANEIRO DE

Leia mais