Frente Parlamentar em Defesa das Microempresas

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Frente Parlamentar em Defesa das Microempresas"

Transcrição

1 Frente Parlamentar em Defesa das Microempresas Empresas de Pequeno Porte, Microempreendedores Individuais e Cooperativas Floriano Pesaro (PSDB) Presidente Tel.: Site: TWITTER: BLOG: BLOG Orgulho de Ser Político: Eliseu Gabriel (PSB) Vice-presidente Tel.: Site: José Américo (PT) Secretário Tel.: Câmara Municipal de São Paulo Viaduto Jacareí, 100 Centro CEP a MEI 3.indd 1 8/19/09 10:41

2 Tudo o que você precisa saber sobreo MEI, em 15 perguntas e respostas Frente Parlamentar em Defesa das Microempresas Empresas de Pequeno Porte, Microempreendedores Individuais e Cooperativas Tudo o que você precisa saber sobre o MEI, em 15 perguntas e respostas. a MEI 3.indd 2 8/19/09 10:42

3 a MEI 3.indd 3 8/19/09 10:42

4 Índice 1. O que é o MEI Microempreendedor Individual? 2. Quais as vantagens e o objetivo do MEI? 3. Qual o custo para contratação de um empregado? 4. Como e onde me formalizar? 5. Quanto tempo demora a formalização? 6. Qual o custo da formalização? 7. Como fazer o pagamento destes impostos? 8. O que fazer em caso de atraso nos pagamentos? 9. Que outras obrigações o MEI tem com a Receita Federal, Secretaria da Fazenda do Estado e Secretaria de Finanças do Município de São Paulo? 10. A receita bruta do MEI é de R$ 36 mil de faturamento anual. Se estourar essa cota o que ocorre? 11. Para o ambulante que trabalha nas ruas de São Paulo, como vai funcionar o sistema? 12. O MEI é obrigado a emitir nota fiscal? 13. O MEI precisa ter contabilidade? 14. Que atividades podem ser enquadradas como MEI? 15. Onde fazer gratuitamente sua inscrição como MEI? a MEI 3.indd 4 8/19/09 10:42

5 4 a MEI 3.indd 5 8/19/09 10:42

6 Olá, amigo! A Frente Parlamentar em Defesa das Microempresas, Empresas de Pequeno Porte, Microempreendedores Individuais e Cooperativas apresenta a você esta cartilha tira-dúvidas. Especialmente preparada para esclarecer sobre os principais aspectos, características, direitos e obrigações de um MEI. Leia com atenção e veja como é fácil se beneficiar de todas as vantagens que a formalização do seu negócio pode trazer. Um abraço, Floriano Pesaro (PSDB) Presidente Eliseu Gabriel (PSB) Vice-presidente José Américo (PT) Secretário 5 a MEI 3.indd 6 8/19/09 10:42

7 1 - O que é o MEI Microempreendedor Individual? O MEI é a pessoa que trabalha por conta própria. Foi instituído pela Lei Complementar n 128/08, que alterou a Lei Complementar nº 123/06, conhecida como Supersimples ou Simples Nacional. Para se enquadrar nesse perfil, é necessário que o trabalhador individual tenha um faturamento de até R$ 36 mil por ano, não ter participação em outra empresa como sócio ou titular e ter no máximo um empregado contratado que receba o salário mínimo ou o piso da categoria. 2 - Quais as vantagens e o objetivo do MEI? Com a obtenção do registro na Junta Comercial de São Paulo (JUCESP) e com o Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), o MEI terá facilidade na abertura de conta em banco, aquisição de empréstimos e emissão de notas fiscais. Outro benefício é a isenção dos impostos federais: IRPJ, PIS, COFINS, IPI e CSLL (LC 123/06, Art. 18-A, 3º). O objetivo é proporcionar ao trabalhador individual a inclusão social e o reconhecimento de sua cidadania, oferecendo cobertura previdenciária a ele e a toda sua família, além de acesso a serviços bancários, crédito e outros benefícios financeiros. 6 a MEI 3.indd 7 8/19/09 10:42

8 3 - Qual o custo para contratação de um empregado? O custo previdenciário, recolhido em GPS, é de R$ 51,15, sendo R$ 13,95 de responsabilidade do empregador e R$ 37,20 descontados de empregado. Esses valores se alteram caso o salário seja superior ao salário-mínimo e até o piso da categoria profissional. A GPS é recolhida até o dia 20 de cada mês. 4 - Como e onde me formalizar? A formalização do MEI é feita pela internet no endereço Há um considerável número de empresas contábeis espalhadas pelo Estado de São Paulo que realizam esse trabalho de graça. Veja a relação, por município no endereço eletrônico acima. O SEBRAE é outro parceiro que oferece orientação gratuita sobre a formalização. 5 - Quanto tempo demora a formalização? Como a formalização do MEI é feita via internet, o CNPJ, o número de inscrição na Junta Comercial, a inscrição no INSS e um documento que equivale ao alvará de funcionamento são obtidos imediatamente. A operação gera um documento que deve ser impresso, assinado e encaminhado à Junta Comercial, acompanhado de cópia da Identidade e do CPF. 7 a MEI 3.indd 8 8/19/09 10:43

9 Importante lembrar que, na Capital, é necessário conhecer as normas da Prefeitura Municipal para desenvolver o seu negócio, seja ele qual for. Você não conseguirá fazer o registro, caso não esteja dentro dos requisitos municipais, principalmente em relação ao endereço e à atividade da empresa. 6 - Qual o custo da formalização? A formalização do MEI, incluindo sua primeira declaração, é isenta de qualquer tarifa no primeiro ano. Passado esse período, o microempreendedor terá os seguintes custos. Para a Previdência: R$ 51,15 por mês (representa 11% do saláriomínimo, que é reajustado no início de cada ano); para o Estado: R$ 1,00 fixo por mês, se a atividade for comércio ou indústria; para o Município: R$ 5,00 fixos por mês, se a atividade for prestação de serviço. 7 - Como fazer o pagamento destes impostos? Por meio de um documento chamado DAS - Declaração Anual do Simples Nacional, que é gerado pela internet no endereço www. portaldoempreendedor.gov.br. É possível gerar, de uma só vez, os DAS do ano inteiro e pagá-los mensalmente, através da rede bancária e casas lotéricas (até o dia 20 de cada mês). 8 a MEI 3.indd 9 8/19/09 10:43

10 8 - O que fazer, em caso de atraso nos pagamentos? Nesse caso, haverá cobrança de juros e multa. A multa é de 0,33% por dia de atraso, limitados a 20%. Os juros são calculados com base na taxa SELIC, sendo que para o primeiro mês de atraso os juros são de 1%. Após o vencimento, deverá ser gerado um novo DAS, que é gratuito e já vem acrescido dos valores da multa e dos juros. Você não precisa fazer nenhum cálculo complementar. 9 - Que outras obrigações o MEI tem com a Receita Federal, Secretaria da Fazenda do Estado e Secretaria de Finanças do Município de São Paulo? Apenas declarar seu faturamento anual, via internet. Essa declaração deve ser feita até o último dia do mês de janeiro de cada ano. Mensalmente deverá fazer uma declaração de quanto faturou, com ou sem a emissão de notas fiscais. Pode ser de próprio punho e não precisa ser enviada a lugar algum. Basta guardá-la. O modelo dessa declaração está no Anexo à Resolução CGSN nº 10. Além disso, o Microempreendedor deve guardar as notas fiscais de suas compras A receita bruta do MEI é de R$ 36 mil de faturamento anual. Se estourar essa cota o que ocorre? Se o seu faturamento foi maior que 36 mil, porém não ultrapassou R$ 43,2 mil, seu empreendimento 9 a MEI 3.indd 10 8/19/09 10:43

11 é incluído no sistema do Simples Nacional, na categoria de microempresa, a partir de janeiro do ano seguinte ao exercício em que o faturamento excedeu os R$ 36 mil. Na hipótese do faturamento superar os R$ 43,2 mil, o seu pagamento passa a ser de um percentual do faturamento mensal: 4% se for comércio, 4,5% se for indústria e 6% se for prestador de serviço. O valor do excesso deverá ser acrescentado ao faturamento do mês de janeiro e os tributos serão pagos juntamente com o DAS referente àquele mês. Nesse caso, o enquadramento no Simples Nacional é retroativo e o recolhimento sobre o faturamento passa a ser feito no mesmo ano em que ocorreu o excesso no faturamento, com acréscimos de juros e multa. Ao perceber que seu faturamento no ano será maior que R$ 43,2 mil, inicie imediatamente o cálculo e o pagamento dos tributos acessando diretamente o Portal do Simples Nacional, no endereço Para o ambulante que trabalha nas ruas de São Paulo, como vai funcionar o sistema? 10 Antes de fazer seu registro, o ambulante ou quem trabalha em lugar fixo nas ruas de São Paulo deve consultar a Prefeitura / Subprefeitura, com relação ao tipo de atividade e ao local onde irá trabalhar. Apesar de o Portal do Empreendedor a MEI 3.indd 11 8/19/09 10:43

12 emitir documento que autoriza o funcionamento imediato do empreendimento, as declarações do Microempreendedor Individual (MEI), de que observa as normas e posturas municipais, são fundamentais para que não haja prejuízo à coletividade e ao próprio microempreendedor que, caso não seja fiel ao cumprimento das normas como declarou, estará sujeito a multas, apreensões e até mesmo fechamento do negócio e cancelamento dos seus registros. Caso verifique que requisitos legais não foram obedecidos, o Município pode no prazo de 180 dias cancelar todas as inscrições e opções do Microempreendedor Individual. O trabalho em áreas públicas no Município de São Paulo é permitido somente àqueles que já possuam o Termo de Permissão de Uso (TPU), devidamente recadastrado junto às Subprefeituras O MEI é obrigado a emitir nota fiscal? O Microempreendedor Individual está dispensado dessa obrigação quando tiver pessoas físicas como clientes. Mas é obrigado a emitir notas, quando vender para destinatário cadastrado no CNPJ. Nesse caso, pode emitir Nota Fiscal Avulsa (desde que prevista na legislação do Estado ou do Município de São Paulo). Além disso, ao vender mercadorias para pessoa jurídica contribuinte do ICMS, o comprador poderá emitir nota fiscal de entrada. 11 a MEI 3.indd 12 8/19/09 10:43

13 13 - O MEI precisa ter contabilidade? A contabilidade formal como livro diário e razão está dispensada. Não é preciso também ter Livro Caixa. Contudo, o empreendedor deve zelar pela sua atividade e manter controle em relação ao que compra, ao que vende e quanto está ganhando. Essa organização mínima permite gerenciar melhor seu empreendimento e a sua própria vida, além de ser importante para o desenvolvimento dos negócios. O empreendedor deve registrar mensalmente em formulário simplificado, o total das suas receitas, além de manter em seu poder as notas fiscais de compras de produtos e de serviços Que atividades podem ser enquadradas como MEI? 12 Açougueiro Adestrador de animais Alfaiate Alfaiate que revende artigos ligados à sua atividade Alinhador de pneus Amolador de artigos de cutelaria (facas, canivetes, tesouras, alicates etc) Animador de festas Artesão em borracha Artesão em cerâmica Artesão em cortiça, bambu e afins Artesão em couro Artesão em gesso Artesão em madeira Artesão em mármore a MEI 3.indd 13 8/19/09 10:43

14 Artesão em materiais diversos Artesão em metais Artesão em metais preciosos Artesão em papel Artesão em plástico Artesão em tecido Artesão em vidro Astrólogo Azulejista Babá Balanceador de pneus Banhista de animais - domésticos Bar (proprietário de) Barbeiro Barqueiro Barraqueiro Bikeboy (ciclista mensageiro) Bombeiro hidráulico Boneleiro (fabricante de -bonés) Bordadeira sob encomenda Bordadeira sob encomenda e/ou que vende artigos de sua produção Borracheiro Borracheiro que revende artigos ligados à sua atividade Cabeleireiro Cabeleireiro que revende artigos ligados à sua atividade Calafetador Caminhoneiro Capoteiro Carpinteiro sob encomenda Carpinteiro sob encomenda e/ou que vende artigos de sua produção 13 a MEI 3.indd 14 8/19/09 10:43

15 14 Carregador de malas Carregador (de veículos de transportes terrestres) Carroceiro Cartazeiro Catador de resíduos recicláveis (papel, lata etc.) Chapeleiro Chaveiro Churrasqueiro ambulante Churrasqueiro em domicílio Cobrador (de dívidas) Colchoeiro Colocador de piercing Colocador de revestimentos Confeccionador de carimbos Confeccionador de fraldas descartáveis Confeccionador de instrumentos musicais Confeiteiro Consertador de eletrodomésticos Costureira Costureira que revende artigos ligados à sua atividade Contador/técnico contábil Cozinheira Criador de animais domésticos Criador de peixes Crocheteira sob encomenda Crocheteira sob encomenda e/ou que vende artigos de sua produção Curtidor de couros Dedetizador Depiladora Digitador a MEI 3.indd 15 8/19/09 10:44

16 Doceira Eletricista Encanador Engraxate Esteticista Esteticista de animais domésticos Estofador Fabricante de produtos de limpeza Fabricante de velas artesanais Ferreiro/forjador Ferramenteiro Filmador Fotocopiador Fotógrafo Fosseiro (limpador de fossa) Funileiro / lanterneiro Galvanizador Gesseiro Guincheiro (reboque de veículos) Instrutor de artes cênicas Instrutor de música Instrutor de arte e cultura em geral Instrutor de idiomas Instrutor de informática Jardineiro Jornaleiro Lapidador Lavadeira de roupas Lavador de carro Lavador de estofado e sofá Mágico Manicure Maquiador Marceneiro sob encomenda 15 a MEI 3.indd 16 8/19/09 10:44

17 16 Marceneiro sob encomenda e/ou que vende artigos de sua produção Marmiteiro Mecânico de veículos Merceeiro Mergulhador (escafandrista) Motoboy Mototaxista Moveleiro Oleiro Ourives sob encomenda Ourives sob encomenda e/ou que vende artigos de sua produção Padeiro Paneleiro (reparador de panelas) Passadeira Pedicure Pedreiro Pescador Peixeiro Pintor Pipoqueiro Pirotécnico Pizzaiolo em domicílio Poceiro (cisterneiro, cacimbeiro) Professor particular Promotor de eventos Quitandeiro Redeiro Relojoeiro Reparador de instrumentos musicais Rendeira Restaurador de livros Restaurador de obras de arte a MEI 3.indd 17 8/19/09 10:44

18 Salgadeira Sapateiro sob encomenda Sapateiro sob encomenda e/ou que vende artigos de sua produção Seleiro Serigrafista Serralheiro Sintequeiro Soldador / brasador Sorveteiro ambulante Sorveteiro em estabelecimento fixo Tapeceiro Tatuador Taxista Tecelão Telhador Torneiro mecânico Tosador de animais - domésticos Tosquiador Transportador de escolares Tricoteira sob encomenda Tricoteira sob encomenda e/ou que vende artigos de sua produção Vassoureiro Vendedor de laticínios Vendedor ambulante de produtos alimentícios Vendedor de bijuterias e artesanatos Vendedor de cosméticos e artigos de perfumaria Vendeiro (secos e molhados) Verdureiro Vidraceiro Vinagreiro 17 a MEI 3.indd 18 8/19/09 10:44

19 15 - Onde fazer gratuitamente sua inscrição como MEI? Na capital paulista, consulte a lista de empresas abaixo e dirija-se a mais próxima de você. Elas são optantes do Simples Nacional e irão realizar essa tarefa sem cobrar nada no primeiro ano. Zona central 18 Nome da Empresa: Friso Consultoria e Serviços Contábeis e Administrativos Ltda. Endereço: Rua Cel. Xavier de Toledo, º Andar - cj Bairro: Centro - CEP: Nome da Empresa: Mlc & Machado Assessoria Empresarial Ltda. Endereço: Rua Cel Xavier De Toledo, 264, 2º Andar cj Bairro: Centro - CEP: Nome da Empresa: Bertola e Associados Contabilidade S/S Ltda. Endereço: Rua Libero Badaró, º Andar Bairro: Centro - CEP: Nome da Empresa: Safranauskas Assessoria Contábil Ltda. Endereço: Avenida São João, º Andar, Sala Bairro: Centro - CEP: Nome da Empresa: Mello & Veiga Assessoria Contábil e Fiscal S/S Ltda. Endereço: Rua Barão de Itapetininga, º Andar. Salas 516 a Bairro: Centro CEP: a MEI 3.indd 19 8/19/09 10:44

20 Nome da Empresa: Torres Serviços Contábeis e Fiscais Ltda. Endereço: Rua Líbero Badaró, º Andar - cj Bairro: Centro - CEP: Nome da Empresa: Direcional Assessoria Contábil S/S Ltda. Endereço: Rua Sete de Abril, 235 Bairro: Centro - CEP: Nome da Empresa: Ldm Consultoria Empresarial S/C Ltda. Endereço: Rua Coronel Xavier de Toledo, 44. 7º Andar. Sala 05 - Bairro: Centro CEP: Nome da Empresa: Awp Assessoria Contábil Ltda. Endereço: Rua Sete de Abril, 103 cj. 41 Bairro: Centro - CEP: Nome da Empresa: Dataccount Consultoria, Assessoria e Serviços Contábeis S/S Ltda. Endereço: Rua Sete de Abril, º Andar cj. 32 Bairro: Centro - CEP: Nome da Empresa: Esatec Assessoria Empresarial e Contabilidade Ltda. Endereço: Rua São Bento, º Andar Sala Bairro: Centro - CEP: Nome da Empresa: Audit Consult - Auditoria & Consultoria Ltda. Endereço: Rua Líbero Badaró, º Andar cj Bairro: Centro - CEP: a MEI 3.indd 20 8/19/09 10:44

21 Nome da Empresa: Jda Assessoria Contábil Fiscal e Empresarial Ltda. Endereço: Rua Sete de Abril, º Andar cj Bairro: Centro - CEP: Zona oeste Nome da Empresa: Concity Assessoria Fisco Contábil S/S Ltda. - Me. Endereço: Rua Monte Pascal, 118 Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Palma & Ribeiro Assessoria Contábil Ltda. Endereço: Rua Doze de Outubro, 385 cj. 72 Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Ssp Assessoria Contábil e Administrativa Ltda. Endereço: Rua Dronsfield, 69. Sala 08 Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Rogers Contabilidade S/S. Ltda. Epp. Endereço: Rua Dom João V, 294 Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Organização dr. Elias Benedicto Endereço: Rua Fautolo, 1818 Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Master Consultores Ltda. Endereço: Rua Nossa Senhora da Lapa, 671 cj Bairro: Lapa - CEP: a MEI 3.indd 21 8/19/09 10:44

22 Nome da Empresa: Deluca Consultoria e Serviços Ltda. Endereço: Rua Aurélia, 329. Apto. 121 Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Lorenzo & Associados Ltda. Endereço: Rua Faustolo, Apto 123-B Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Opinião Consultoria Empresarial e Assessoria Contábil Ltda. Endereço: Rua Domingos Rodrigues, 341 cj. 72 e 73 - Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Gnw Solução Consultoria & Auditoria Sociedade Simples Ltda. Endereço: Rua Roma, cj. 22-B Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Maktura Assessoria Contábil S/C Ltda. Endereço: Rua Tonelero, 973. Sala 3 Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Msfreitas Serviços de Contabilidade Ltda. Endereço: Rua Dronsfield, 421 cj. 02 Bairro: Lapa - CEP: Nome da Empresa: Quality Associados Serviços Empresariais S/S Ltda. Endereço: Rua Diogo Ortiz, Bairro: Lapa CEP: Nome da Empresa: Cecont - Centro de Estudos Contábeis e Tributários Ltda. Endereço: Rua Roma, 620. Sala 161 B Bairro: Lapa - CEP: a MEI 3.indd 22 8/19/09 10:45

23 Zona norte Nome da Empresa: Awal Assessoria Contábil S/C Ltda. Endereço: Rua Benvinda Aparecida de Abreu Leme, 168 cj. 03 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: Serac Serviços de Assessoria a Cartórios Ltda. Epp Endereço: Rua Alfredo Pujol, 285 cj. 63 / 64 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: A.C.Assessoria Contábil Bechtold Ltda. - Me Endereço: Rua Alferes Magalhães, ºAndar - cj. 104 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: Mvr Consultores S/C Ltda. Endereço: Rua Duarte de Azevedo, 737 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: Cronos Auditoria e Assessoria Contábil S/S Ltda. Endereço: Rua Voluntários da Pátria, º Andar cj. 03 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: Cae s Contabilidade S/S Ltda. Endereço: Rua Alferes Magalhães, 300 Bairro: Santana - CEP: a MEI 3.indd 23 8/19/09 10:45

24 Nome da Empresa: Sartorelli, Calanca e Araújo Pericias e Serviços Contábeis Ltda. Endereço: Rua Ezequiel Freire, 55 Sala 13 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: Magda Assessoria Contábil Ltda. Endereço: Rua Heliodora, 367 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: Anic Assessoria Empresarial Ltda. Endereço: Rua Alfredo Pujol, 545. Sala 28 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: Mrd Consultoria Contábil e Tributária Ltda. Endereço: Rua Anibal Benevolo, 102 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: Jawa Assessoria Contábil Ltda. Endereço: Rua Henrique Bernardelli, 136 cj. 92 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: Imperium Contábil Ltda. Endereço: Rua Banco das Palmas, 186 Bairro: Santana - CEP: Nome da Empresa: Contábil Norte - Consultoria Empresarial S/S Ltda. Endereço: Rua Doutor César, 203 Bairro: Santana - CEP: a MEI 3.indd 24 8/19/09 10:45

25 Zona sul Nome da Empresa: Dena Contábil Ltda. Endereço: Rua Valter Ribeiro Marrany, 335 Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Contacting Organização Contábil S/C Ltda. Endereço: Rua Senador Flaquer, 199 Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Roma Assessoria Contábil S/S Ltda. Endereço: Estrada do Alvarenga, 3076 Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Seconfi-Serv Especializados Cont. e Fiscais S/C Ltda. Endereço: Rua Ten. Cel. Carlos da Silva Araújo, 181 Sala 12 Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Contábil Soares Serviços Contábeis Ltda. Endereço: Rua Manoel Antonio da Luz, 96 Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Silva Contabilidade e Administração S/C Ltda. Endereço: Rua Tijuape, 640 Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Nova Geração 2007 Contabilidade Ltda. Me Endereço: Avenida Adolfo Pinheiro, 1269 Bairro: Santo Amaro - CEP: a MEI 3.indd 25 8/19/09 10:45

26 Nome da Empresa: Adguerra Contábil Ss Ltda. Endereço: Rua Amleto Farro, 509 Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Angulo Contabilidade e Planejamento Tributário Ltda. Endereço: Rua Visconde de Taunay, 471 Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Escritório Contábil Roma - Sociedade Simples Ltda. Endereço: Rua São Sebastião, 87 Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Lupa Contabilidade Ss Ltda. Endereço: Rua Desembargador Bandeira de Melo, 328. Sala 08 Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Contalife - Contabilidade Ltda. - Me Endereço: Largo Treze De Maio, º Andar - Sala 21 (N.220 Iptu do Terreno) Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Organiza Nacional Contabilidade Ltda. Endereço: Estrada Itapecerica, º Andar - Sala 08 - Bairro: Santo Amaro - CEP: Nome da Empresa: Conta-Bill Contabilidade Ltda. Endereço: Rua Visconde de Taunay, 463 Bairro: Santo Amaro - CEP: a MEI 3.indd 26 8/19/09 10:45

27 26 Zona leste Nome da Empresa: A&F Assessoria Contábil e Fiscal Ltda. Endereço: Rua Rosa Musgo, 135. Sala 01 Bairro: São Miguel Paulista - CEP: Nome da Empresa: Maia Contabilista e Consultores Ltda. Me Endereço: Rua João Honorato Pedroso, 121 Bairro: São Miguel Paulista - CEP: Nome da Empresa: Org. Contábil Radar S C Ltda. Endereço: Rua Daniel Bernardo, º Andar Bairro: São Miguel Paulista - CEP: Nome da Empresa: Advance Contabilidade S/C Ltda. Endereço: Rua José Otoni, º Andar - cj. 82 Bairro: São Miguel Paulista - CEP: Nome da Empresa: G Fonseca Assessoria Fisco Contábil S/C Ltda. Endereço: Rua João Augusto de Moraes, 356. Pavimento Térreo - Bairro: São Miguel Paulista CEP: Nome da Empresa: Penedo Assistência Contábil S/C Ltda. Endereço: Rua dr. Durval Vilalva, 82 - Sobreloja Bairro: Itaim Paulista - CEP: Nome da Empresa: Evidence Contabilidade Empresarial Ltda. Me Endereço: Avenida Marechal Tito, º Andar. Sala 10 - Bairro: Itaim Paulista - CEP: Nome da Empresa: Wagner Souza de Oliveira Me Endereço: Rua Bernardo de Chaves Cabral, 418 Bairro: Itaim Paulista - CEP: N Lt En Ba No En Ba N En Ba N S/ En Ba N S/ En Ba N Em En Sa Fo L L M h P h R R a MEI 3.indd 27 8/19/09 10:45

28 e l-.. o. il r. 0 e Nome da Empresa: Grupo União Fiscal e Contábil Ltda. Me Endereço: Rua José Cardoso Pimentel, 83 Bairro: Itaim Paulista - CEP: Nome da Empresa: Organização Contábil Waroli Ltda. Endereço: Rua Tiburcio de Souza, 78 Bairro: Itaim Paulista - CEP: Nome da Empresa: Andrelli Contabilidade Ltda. Endereço: Avenida Mal Tito, º Andar. Sala 2 Bairro: Itaim Paulista - CEP: Nome da Empresa: Eje Contábil e Assessoria S/C Ltda. Endereço: Avenida Líder, Sala 14 Bairro: Itaquera - CEP: Nome da Empresa: Liderança Contabilidade S/C Ltda. Endereço: Rua Lagoa Salgada, 91 Bairro: Itaquera - CEP: Nome da Empresa: Exactho Assessoria Empresarial Ltda. Endereço: Rua Augusto Carlos Bauman, 480. Sala 10 - Bairro: Itaquera - CEP: Fontes: Lei Complementar n 123/2006; Lei Complementar n 128/2008; Ministério da Fazenda Simples Nacional, disponível em: Portal do Empreendedor, disponível em: Resolução CGSN nº 58, de 27 de abril de 2009; Resolução CGSN nº 10, de 28 de junho de a MEI 3.indd 28 8/19/09 10:46

Microempreendedores. Sem taxas

Microempreendedores. Sem taxas Microempreendedores O Comitê Gestor do Simples Nacional aprovou, no dia 28 de abril de 2009, a formalização dos chamados microempreendedores individuais a partir de julho deste ano. A decisão permitirá

Leia mais

Chico Macena BENEFÍCIOS QUEM PODE SER UM EMPREENDEDOR INDIVIDUAL? QUANTO VAI CUSTAR? CONTABILIDADE FORMAL É NECESSARIO? (...ONDE ENCONTRAR?

Chico Macena BENEFÍCIOS QUEM PODE SER UM EMPREENDEDOR INDIVIDUAL? QUANTO VAI CUSTAR? CONTABILIDADE FORMAL É NECESSARIO? (...ONDE ENCONTRAR? Esta cartilha foi produzida com o objetivo de informar e orientar os/as trabalhadores/as que hoje atuam informalmente nas áreas de comércio, indústria ou serviços e faturam até 36 mil reais por ano, sobre

Leia mais

Empreendedor Individual:

Empreendedor Individual: Empreendedor Individual: 1. O que é Empreendedor Individual? Considera-se EI o empresário individual a que se refere o art. 966 da Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002 - Código Civil, que tenha auferido

Leia mais

CABELEIREIRO CABELEIREIRO QUE REVENDE ARTIGOS LIGADOS À SUA ATIVIDADE

CABELEIREIRO CABELEIREIRO QUE REVENDE ARTIGOS LIGADOS À SUA ATIVIDADE A Resolução 58, regulamentou o capítulo da Lei Complementar nº 128/08 que criou o Empreendedor Individual e suas atividades, figura jurídica que entra em vigor dia 1º de julho de 2009. A B C AÇOUGUEIRO

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA SECRETARIA DE ESTADO DA RECEITA 28576_ LEI GERAL DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS LEI COMPLEMENTAR Nº 123, DE 14 DE DEZEMBRO DE 2006

ESTADO DA PARAÍBA SECRETARIA DE ESTADO DA RECEITA 28576_ LEI GERAL DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS LEI COMPLEMENTAR Nº 123, DE 14 DE DEZEMBRO DE 2006 ESTADO DA PARAÍBA SECRETARIA DE ESTADO DA RECEITA 28576_ LEI GERAL DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS LEI COMPLEMENTAR Nº 123, DE 14 DE DEZEMBRO DE 2006 PERGUNTAS E RESPOSTAS MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI)

Leia mais

-ARTESÃO EM PAPEL -ARTESÃO EM PLÁSTICO -ARTESÃO EM TECIDO -ARTESÃO EM VIDRO -ASTRÓLOGO -AZULEJISTA -BABY SITER -BALANCEADOR DE PNEUS -BANHISTA DE

-ARTESÃO EM PAPEL -ARTESÃO EM PLÁSTICO -ARTESÃO EM TECIDO -ARTESÃO EM VIDRO -ASTRÓLOGO -AZULEJISTA -BABY SITER -BALANCEADOR DE PNEUS -BANHISTA DE Quais os principais objetivos da criação do MEI? R: O principal objetivo é a inclusão social, ou seja, proporcionar ao empresário o reconhecimento de sua cidadania e dar-lhe cobertura previdenciária. Paralelamente,

Leia mais

SUBCLASSE (na tabela AÇOUGUEIRO 4722-9/01 COMÉRCIO VAREJISTA DE CARNES - AÇOUGUES

SUBCLASSE (na tabela AÇOUGUEIRO 4722-9/01 COMÉRCIO VAREJISTA DE CARNES - AÇOUGUES DENOMINAÇÃO AÇOUGUEIRO 4722-9/01 COMÉRCIO VAREJISTA DE CARNES - AÇOUGUES ADESTRADOR DE ANIMAIS ALFAIATE 1412-6/02 ALFAIATE QUE REVENDE ARTIGOS LIGADOS À SUA ATIVIDADE 8011-1/02 SERVIÇOS DE ADESTRAMENTO

Leia mais

FORMALIZAÇÃO formalização será feita pela internet no endereço no endereço www.portaldoempreendedor.gov.br, a partir de 01/07/2009.

FORMALIZAÇÃO formalização será feita pela internet no endereço no endereço www.portaldoempreendedor.gov.br, a partir de 01/07/2009. M.E.I. (Micro empreendedor Individual) Lei Complementar numero 128 de 19 de dezembro de 2008. Considera-se MEI o empresário individual a que se refere o art. 966 da Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002

Leia mais

MEI - Empreendedor Individual Relação de Atividades

MEI - Empreendedor Individual Relação de Atividades MEI - Empreendedor Individual Relação de Atividades Ocupação Descrição do objeto Código da cnae Denominação (na tabela cnae) Açougueiro Comércio varejista de carnes - Acougueiro 4722-9/01 Comércio varejista

Leia mais

ANEXO XIV B Lei 6393/2010 Tabela de atividades do Micro Empreendedor Individual - MEI (com código do CNAE)

ANEXO XIV B Lei 6393/2010 Tabela de atividades do Micro Empreendedor Individual - MEI (com código do CNAE) ANEXO XIV B Lei 6393/2010 Tabela de atividades do Micro Empreendedor Individual - MEI (com código do CNAE) Legenda: atividades que deverão obedecer as exigências do PDM quanto à permissão do uso no local;

Leia mais

MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL M E I

MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL M E I COORDENADORIA de PLANEJAMENTO e DESENVOLVIMENTO URBANO SUPERVISÃO TÉCNICA de LICENCIAMENTO - SUSL MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL M E I Esta palestra é baseada nos sites: PMSP/SEMEI e no PORTAL do EMPREENDEDOR

Leia mais

+APROVADA RESOLUÇÃO SOBRE O MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (atualização em 30/04/2009)

+APROVADA RESOLUÇÃO SOBRE O MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (atualização em 30/04/2009) +APROVADA RESOLUÇÃO SOBRE O MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (atualização em 30/04/2009) Em reunião de 27/04/2009, o Comitê Gestor aprovou a Resolução CGSN nº 58, que dispõe sobre o Microempreendedor Individual,

Leia mais

CARTILHA DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL

CARTILHA DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL CARTILHA DO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL MARCOS ARAÚJO Presidente do SINDSIME ÍNDICE 1 3 5 7 9 INTRODUÇÃO LEI 2 VANTAGENS COMO ME ESCREVO OBTENÇÃO DE ALVARÁ 4 OBTENÇÃO DE ALVARÁ DOCUMENTAÇÃO FISCAL 6 AMBULANTES

Leia mais

Acredite no seu trabalho que o Brasil acredita em você. Ministério do Desenvolvimento, Confiança no Brasil.

Acredite no seu trabalho que o Brasil acredita em você. Ministério do Desenvolvimento, Confiança no Brasil. Acredite no seu trabalho que o Brasil acredita em você. Ministério do Desenvolvimento, Confiança no Brasil. Indústria É assim que e Comércio a gente segue Exterior em frente. Introdução Atualmente, muitos

Leia mais

Orientações sobre Micro Empreendedor Individual

Orientações sobre Micro Empreendedor Individual Orientações sobre Micro Empreendedor Individual Micro Empreendedor individual Definição Microempreendedor Individual (MEI) é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário.

Leia mais

Quem tem conhecimento vai pra frente

Quem tem conhecimento vai pra frente blogdosempreendedores.com.br facadiferente.sebrae.com.br contabilidadeschmitt.com.br Fotos: Produtos do Projeto Gemas e Joias do Sebrae-PA Livro Artesanato- Um negócio genuinamente brasileiro (Sebrae,

Leia mais

CARTILHA TIRA - DÚVIDAS (Elaborada por Bel Contabilidade Eireli EPP)

CARTILHA TIRA - DÚVIDAS (Elaborada por Bel Contabilidade Eireli EPP) CARTILHA TIRA - DÚVIDAS (Elaborada por Bel Contabilidade Eireli EPP) Edição 2013 01) O que é Microempreendedor Individual - MEI? Considera-se Microempreendedor Individual - MEI o empresário individual

Leia mais

Apresentação. Torne-se um Empreendedor Individual e traga para o seu negócio todos os benefícios da formalização. Guia do Empreendedor Individual

Apresentação. Torne-se um Empreendedor Individual e traga para o seu negócio todos os benefícios da formalização. Guia do Empreendedor Individual Apresentação Muitos brasileiros trabalham informalmente por conta própria, ou seja, não têm nenhum tipo de registro. E por isso ficam sem acesso a diversos benefícios, como a Previdência Social, cursos

Leia mais

SUBCLASSE (na tabela. DENOMINAÇÃO (na tabela CNAE) CNAE) AÇOUGUEIRO /01 COMÉRCIO VAREJISTA DE CARNES - AÇOUGUES

SUBCLASSE (na tabela. DENOMINAÇÃO (na tabela CNAE) CNAE) AÇOUGUEIRO /01 COMÉRCIO VAREJISTA DE CARNES - AÇOUGUES DENOMINAÇÃO AÇOUGUEIRO 4722-9/01 COMÉRCIO VAREJISTA DE CARNES - AÇOUGUES ADESTRADOR DE ANIMAIS 8011-1/02 SERVIÇOS DE ADESTRAMENTO DE CÃES DE GUARDA ALFAIATE 1412-6/02 ALFAIATE QUE REVENDE ARTIGOS LIGADOS

Leia mais

AÇOUGUEIRO /01 COMÉRCIO VAREJISTA DE CARNES - AÇOUGUES

AÇOUGUEIRO /01 COMÉRCIO VAREJISTA DE CARNES - AÇOUGUES DENOMINAÇÃO AÇOUGUEIRO 4722-9/01 COMÉRCIO VAREJISTA DE CARNES - AÇOUGUES ADESTRADOR DE ANIMAIS ALFAIATE 1412-6/02 ALFAIATE QUE REVENDE ARTIGOS LIGADOS À SUA ATIVIDADE 8011-1/02 SERVIÇOS DE ADESTRAMENTO

Leia mais

CARTILHA DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL

CARTILHA DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL Câmara dos Deputados CARTILHA DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL ação parlamentar Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio Brasília ı 2010 Mesa da Câmara dos Deputados 53ª Legislatura 4ª

Leia mais

EI, você aí! Conheça os tributos, taxas e contribuições de responsabilidade do Empreendedor Individual

EI, você aí! Conheça os tributos, taxas e contribuições de responsabilidade do Empreendedor Individual EI, você aí! Conheça os tributos, taxas e contribuições de responsabilidade do Empreendedor Individual SEBRAE-SP Conselho Deliberativo Presidente: Alencar Burti (ACSP) ACSP Associação Comercial de São

Leia mais

1. Qual o significado da sigla MEI? 2. Qual é a definição de MEI? 3. Quem pode se enquadrar como MEI?

1. Qual o significado da sigla MEI? 2. Qual é a definição de MEI? 3. Quem pode se enquadrar como MEI? FAQ -MEI 1. Qual o significado da sigla MEI? R: MEI é a sigla utilizada para Micro Empreendedor Individual 2. Qual é a definição de MEI? R: O MEI é o empresário individual a que se refere o art. 966 do

Leia mais

Quais as condições necessárias para que eu me cadastre como empreendedor individual? Faturar até R$ 36 mil por ano;

Quais as condições necessárias para que eu me cadastre como empreendedor individual? Faturar até R$ 36 mil por ano; cultura 1. Quais as condições necessárias para que eu me cadastre como empreendedor individual? 2. Faturar até R$ 36 mil por ano; Não participar de outra empresa, como sócio ou titular; Trabalhar sozinho

Leia mais

TÍTULO: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - A IMPORTÂNCIA DA FORMALIZAÇÃO

TÍTULO: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - A IMPORTÂNCIA DA FORMALIZAÇÃO TÍTULO: MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - A IMPORTÂNCIA DA FORMALIZAÇÃO CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: CIÊNCIAS CONTÁBEIS INSTITUIÇÃO: FACULDADE ANHANGUERA DE RIO CLARO AUTOR(ES):

Leia mais

2ª Etapa 2009 a 2011. EI - Empreendedor Individual Profissionalizar para prosperar. Aqui, todos ganham!

2ª Etapa 2009 a 2011. EI - Empreendedor Individual Profissionalizar para prosperar. Aqui, todos ganham! 2ª Etapa 2009 a 2011 EI - Empreendedor Individual Profissionalizar para prosperar. Aqui, todos ganham! Benefícios para o Setor de Agenciamento de Viagens Com a Lei Complementar 128/08 - que alterou o Estatuto

Leia mais

Lei Complementar 128 / 2008 MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI)

Lei Complementar 128 / 2008 MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI) Lei Complementar 128 / 2008 MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI) É o empresário individual (sem sócio) que tenha auferido receita bruta anual de até R$ 36.000,00. (Faturamento médio de R$ 3 mil/mês) O Microempreendedor

Leia mais

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL EMPREENDEDOR INDIVIDUAL Oportunidade de regularização para os empreendedores individuais, desde a vendedora de cosméticos, da carrocinha de cachorro-quente ao pipoqueiro. 2 Empresas em geral Microempresas

Leia mais

Lei Geral da Micro e Pequena Empresa Empreendedor Individual

Lei Geral da Micro e Pequena Empresa Empreendedor Individual 10/07 12/08 07/09 12/06 03/07 03/07 07/07 09/07 09/07 Sanção da Lei Geral da MPE (re)fundação da Frente Parlamentar da MPE Criação da subcomissão Permanente da MPE Entrada em vigor do Simples Nacional

Leia mais

MEI MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL

MEI MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL MEI MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL Conheça as condições para recolhimento do Simples Nacional em valores fixos mensais Visando retirar da informalidade os trabalhadores autônomos caracterizados como pequenos

Leia mais

Taller sobre remesas, educación financiera y microemprendimiento en Goíanía, Brasil, 26 y 27 de Noviembre 2014.

Taller sobre remesas, educación financiera y microemprendimiento en Goíanía, Brasil, 26 y 27 de Noviembre 2014. Fortalecimiento del diálogo y de la cooperación entre la Unión Europea (UE) y América Latina y el Caribe (ALC) para el establecimiento de modelos de gestión sobre migración y políticas de desarrollo www.migracion-ue-alc.eu

Leia mais

EI, VOCÊ AÍ! Tributos, taxas e contribuições de responsabilidade do MEI - Microempreendedor Individual

EI, VOCÊ AÍ! Tributos, taxas e contribuições de responsabilidade do MEI - Microempreendedor Individual EI, VOCÊ AÍ! Regularize a situação da sua empresa com as dicas do Sebrae-SP e aproveite todos os benefícios da formalização. Tributos, taxas e contribuições de responsabilidade do MEI - Microempreendedor

Leia mais

EI, você aí! Passo a passo para as declarações de renda do Empreendedor Individual

EI, você aí! Passo a passo para as declarações de renda do Empreendedor Individual EI, você aí! Passo a passo para as declarações de renda do Empreendedor Individual SEBRAE-SP Conselho Deliberativo Presidente: Alencar Burti (ACSP) ACSP Associação Comercial de São Paulo ANPEI Associação

Leia mais

LEI N.º DE 23 DE MARÇO DE 2010

LEI N.º DE 23 DE MARÇO DE 2010 LEI N.º 2.016 DE 23 DE MARÇO DE 2010 INSTITUI A LEI GERAL MUNICIPAL DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL, PARA ATENDER E DAR EFETIVIDADE A LEI COMPLEMENTAR N. 123/2006, ALTERADA PELA LEI COMPLEMENTAR N. 128/2008.

Leia mais

MEI Microempreendedor Individual. O que é?

MEI Microempreendedor Individual. O que é? Secretaria Municipal do Trabalho e Renda Microempreendedor Individual MEI MEI Microempreendedor Individual. O que é? É a pessoa que possui seu próprio negócio, sem a ajuda de sócios, com faturamento de

Leia mais

Programa de Formalização do Micro Empreendedor Individual Sustentabilidade Social. Florianópolis - SC

Programa de Formalização do Micro Empreendedor Individual Sustentabilidade Social. Florianópolis - SC Programa de Formalização do Micro Empreendedor Individual Sustentabilidade Social Florianópolis - SC 27 de outubro de 2014 A INFORMALIDADE NO BRASIL A INFORMALIDADE Pesquisa ECINF IBGE Pertencem ao setor

Leia mais

Quem tem conhecimento vai pra frente

Quem tem conhecimento vai pra frente facadiferente.sebrae.com.br Fotos: Produtos do Projeto Gemas e Joias do Sebrae-PA blogdosempreendedores.com.br Livro Artesanato- Um negócio genuinamente brasileiro (Sebrae, Vol. 1, março 2008) 2.307.530

Leia mais

MANUAL DO PROCESSO ELETRÔNICO DE INSCRIÇÃO DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI)

MANUAL DO PROCESSO ELETRÔNICO DE INSCRIÇÃO DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI) MANUAL DO PROCESSO ELETRÔNICO DE INSCRIÇÃO DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI) Organização: Patrícia Bianchi Machado, membro da Secretaria Executiva do Comitê Gestor do Simples Nacional V 1.01-05.02.2010

Leia mais

COMO ABRIR SEU NEGÓCIO

COMO ABRIR SEU NEGÓCIO COMO ABRIR SEU NEGÓCIO 08 a 11 de outubro de 2014 08 a 11 de outubro de 2014 Reflexão Qual o principal motivo para buscar a formalização de seu negócio? É importante lembrarmos que: Para desenvolver suas

Leia mais

Simples Nacional MicroEmpreendedor Individual (MEI)

Simples Nacional MicroEmpreendedor Individual (MEI) MEI Simples Nacional MicroEmpreendedor Individual (MEI) MEI: Definição É considerado MEI (Microempreendedor Individual) o contribuinte que cumpra os requisitos dispostos na Lei Complementar 123/2006, alterada

Leia mais

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL. Para Se inscrever como Empreendedor Individual, o trabalhador deve exercer atividades em uma das categorias a seguir:

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL. Para Se inscrever como Empreendedor Individual, o trabalhador deve exercer atividades em uma das categorias a seguir: EMPREENDEDOR INDIVIDUAL Quem pode? Para Se inscrever como Empreendedor Individual, o trabalhador deve exercer atividades em uma das categorias a seguir: A 1. ABATEDOR DE AVES 2. ABATEDOR DE AVES COM COMERCIALIZAÇÃO

Leia mais

O que é Empreendedor Individual (EI)? Quais são as condições para se tornar um Empreendedor Individual?

O que é Empreendedor Individual (EI)? Quais são as condições para se tornar um Empreendedor Individual? Atualização: 08 abril 2011 - de acordo com a MP 529/2011 O que é Empreendedor Individual (EI)? Empreendedor Individual (EI) é uma oportunidade para quem trabalha por conta própria conquistar cidadania

Leia mais

19 a 21 de junho de 2012. Mostra de Oportunidades de Negócios. Clube Filadélfia Rua Israel Pinheiro, 1315 Bairro São Pedro Governador Valadares

19 a 21 de junho de 2012. Mostra de Oportunidades de Negócios. Clube Filadélfia Rua Israel Pinheiro, 1315 Bairro São Pedro Governador Valadares 19 a 21 de junho de 2012 Clube Filadélfia Rua Israel Pinheiro, 1315 Bairro São Pedro Governador Valadares Mostra de Oportunidades de Negócios Visite os estandes e conheça a exposição de produtos e serviços

Leia mais

Palestra Ana Afonso Formalização da atividade

Palestra Ana Afonso Formalização da atividade Bem-Vindos! APRESENTAÇÃO Ana Afonso organizadora profissional em São Paulo atua desde 2006 realizando serviços de organização de espaços, gestão de residências, treinamento de funcionários domésticos,

Leia mais

Tipos de Empresas, Requisitos e Passos para Abertura, Abertura Empresas Virtuais, Tributação.

Tipos de Empresas, Requisitos e Passos para Abertura, Abertura Empresas Virtuais, Tributação. Tipos de Empresas, Requisitos e Passos para Abertura, Abertura Empresas Virtuais, Tributação. 1) Tipos de Empresas Apresenta-se a seguir, as formas jurídicas mais comuns na constituição de uma Micro ou

Leia mais

Ficha Técnica Copyright 2010 by Sebrae - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas

Ficha Técnica Copyright 2010 by Sebrae - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas A I U G OLE R T N TO O N C E DE AM R R O U D T DE FA N O E D RE E P L M A E L U A D I U DO V N I IND ÇÃO A A RA D A A L IC DEC MPLIF SI BRASÍLIA 2010 Ficha Técnica Copyright 2010 by Sebrae - Serviço Brasileiro

Leia mais

CONTABILIDADE E PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO

CONTABILIDADE E PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO Prof. Cássio Marques da Silva 2015 SIMPLES NACIONAL LC 123, 14 de Dezembro de 2006 Alterada pela LC 127, 14 de Agosto de 2007 Alterada pela LC 128, 19 de Dezembro de 2008 Alterada pela LC 133, 28 de Dezembro

Leia mais

AVANÇOS NA IMPLEMENTAÇÃO E APRIMORAMENTO DA LEI GERAL DAS MPE

AVANÇOS NA IMPLEMENTAÇÃO E APRIMORAMENTO DA LEI GERAL DAS MPE AVANÇOS NA IMPLEMENTAÇÃO E APRIMORAMENTO DA LEI GERAL DAS MPE O MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI Seminário tripartite - OIT Políticas para superar a informalidade Maio/09 - Brasília - DF 12/08 07/09

Leia mais

MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI

MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI 1. NOÇÕES GERAIS MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI 1.1. O que é Micro Empreendedor Individual? É o contribuinte que tenha auferido receita bruta no ano calendário

Leia mais

MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI

MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI 1. NOÇÕES GERAIS MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL - MEI 1.1. O que é Micro Empreendedor Individual? É o contribuinte que tenha auferido receita bruta no ano calendário

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAR UMA EMPRESA

PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAR UMA EMPRESA PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAR UMA EMPRESA Equipe Portal de Contabilidade Para encerrar as atividades de uma empresa, é preciso realizar vários procedimentos legais, contábeis e tributários, além de, é claro,

Leia mais

Econ. Paulo Nascimento CORECON 31.880. Secretaria de Desenvolvimento Econômico

Econ. Paulo Nascimento CORECON 31.880. Secretaria de Desenvolvimento Econômico Econ. Paulo Nascimento CORECON 31.880 Econ. Paulo Nascimento CORECON 31.880 O que é o Empreendedor Individual? O Empreendedor Individual (EI) é uma oportunidade para quem trabalha, por conta própria, conquistar

Leia mais

MATERIAL EXTRAIDO DA REVISTA SEMANA COAD Nº 19 PG. 285 / 2009

MATERIAL EXTRAIDO DA REVISTA SEMANA COAD Nº 19 PG. 285 / 2009 MATERIAL EXTRAIDO DA REVISTA SEMANA COAD Nº 19 PG. 285 / 2009 Informativo 19 - Página 285 - Ano 2009 ORIENTAÇÃO MEI MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL Opção pelo SIMEI Conheça as condições para recolhimento

Leia mais

MANUAL DO PGMEI. 1 Introdução. 1.1 Apresentação do Programa

MANUAL DO PGMEI. 1 Introdução. 1.1 Apresentação do Programa PGMEI PGMEI Pág. 1 MANUAL DO PGMEI 1 Introdução 1.1 Apresentação do Programa O Programa Gerador do Documento de Arrecadação do Simples Nacional para o Microempreendedor Individual (PGMEI) é um sistema

Leia mais

Palestrante: Anderson Aleandro Paviotti

Palestrante: Anderson Aleandro Paviotti Palestrante: Anderson Aleandro Paviotti Perfil do Palestrante: Contador, Consultor e Professor Universitário Colaborador do Escritório Santa Rita desde 1991 Tributação das Médias e Pequenas Empresas Como

Leia mais

COMITÊ GESTOR PROROGA PRAZO DA COMPETÊNCIA 12/2008 E REGULAMENTA DISPOSITIVOS DA LEI COMPLEMENTAR Nº 128/2008

COMITÊ GESTOR PROROGA PRAZO DA COMPETÊNCIA 12/2008 E REGULAMENTA DISPOSITIVOS DA LEI COMPLEMENTAR Nº 128/2008 COMITÊ GESTOR PROROGA PRAZO DA COMPETÊNCIA 12/2008 E REGULAMENTA DISPOSITIVOS DA LEI COMPLEMENTAR Nº 128/2008 O Comitê Gestor do Simples Nacional (CGSN) publicou resoluções que prorrogam o prazo da competência

Leia mais

IBRATEF Instituto Brasileiro de Tecnologia Fiscal Manual do Microempreendedor Individual MANUAL DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL

IBRATEF Instituto Brasileiro de Tecnologia Fiscal Manual do Microempreendedor Individual MANUAL DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL IBRATEF Instituto Brasileiro de Tecnologia Fiscal 1 MANUAL DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL 2 Flávio Carvalho Costa IBRATEF Instituto Brasileiro de Tecnologia Fiscal 3 FLÁVIO CARVALHO COSTA MANUAL DO MICROEMPREENDEDOR

Leia mais

MANUAL DO PGMEI. 1 Introdução. 1.1 Apresentação do Programa

MANUAL DO PGMEI. 1 Introdução. 1.1 Apresentação do Programa PGMEI PGMEI Pág. 1 MANUAL DO PGMEI 1 Introdução 1.1 Apresentação do Programa O Programa Gerador do Documento de Arrecadação do Simples Nacional para o Microempreendedor Individual (PGMEI) é um sistema

Leia mais

GUIA DO MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI)

GUIA DO MICRO EMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI) APOSTILA PARA CAPACITAÇÃO DE GESTORES MUNICIPAIS, MICRO E PEQUENOS EMPRESÁRIOS DO SETOR AGROINDUSTRIAL E DE SERVIÇOS TÉCNICOS PARA A INDÚSTRIA AGROALIMENTAR CONVÊNIO Ministério do Desenvolvimento, Indústria

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS Nota Fiscal Avulsa Eletrônica MEI NFAe-MEI SUMÁRIO (versão 1.7 - atualizada em 24/04/2015)

PERGUNTAS E RESPOSTAS Nota Fiscal Avulsa Eletrônica MEI NFAe-MEI SUMÁRIO (versão 1.7 - atualizada em 24/04/2015) PERGUNTAS E RESPOSTAS Nota Fiscal Avulsa Eletrônica MEI NFAe-MEI SUMÁRIO (versão 1.7 - atualizada em 24/04/2015) 1 Conceito e Noções Gerais da NFAe-MEI 1.1 - O que é a Nota Fiscal Avulsa eletrônica MEI

Leia mais

Receita Federal do Brasil. Lei Complementar 128. Alterações na Legislação Previdenciária

Receita Federal do Brasil. Lei Complementar 128. Alterações na Legislação Previdenciária Lei Complementar 128 Alterações na Legislação Previdenciária Microempreendedor Individual MEI Conceito: É o empresário individual, referido no art. 966 do Novo Código Civil, que tenha auferido receita

Leia mais

PESSOA COM DEFICIÊNCIA Av. João Pessoa, 6239 - Parangaba (85) 3101.3034

PESSOA COM DEFICIÊNCIA Av. João Pessoa, 6239 - Parangaba (85) 3101.3034 FORTALEZA Aldeota (Av. Santos Dumont, 5015) Tel.: (85) 3101.1660 Barra do Ceará (Av. Francisco Sá, 6485) Tel.: (85) 3101.2743 Parangaba (Av. João Pessoa, 6239) Tel.: (85) 3101.3034 Messejana (Av. Pergentino

Leia mais

ANOTE O NÚMERO DA VAGA de interesse e dirija-se ao

ANOTE O NÚMERO DA VAGA de interesse e dirija-se ao ANOTE O NÚMERO DA VAGA de interesse e dirija-se ao Informações das vagas oferecidas no Sistema Nacional de Emprego (SINE). Vagas Maio/15 Nº Vaga Ocupação 3275599 Administrador hospitalar 3277945 Agente

Leia mais

Total de vagas: 5.565

Total de vagas: 5.565 Painel de vagas - CEAT em 12/04/2011 Total de vagas: 5.55 OCUPAÇÃO VAGAS BAIRRO 1 Açougueiro 17 EXPERIÊNCIA MÍNIMA (MESES) Escolaridade Mínima 2 Agente administrativo 1 ZONA OESTE Ensino Médio completo

Leia mais

Notícias: Secretaria de Comércio e Serviços -SCS Departamento de Micro, Pequenas e Médias Empresas DEPME Brasília, 29 de Abril de 2009

Notícias: Secretaria de Comércio e Serviços -SCS Departamento de Micro, Pequenas e Médias Empresas DEPME Brasília, 29 de Abril de 2009 Secretaria de Comércio e Serviços -SCS Departamento de Micro, Pequenas e Médias Empresas DEPME Brasília, 29 de Abril de 2009 Notícias: Empresas deixam de informar inovação e perdem benefício fiscal Inova

Leia mais

VIDEOCONFERÊNCIA AÇÕES DO ESTADO PERANTE O MEI 20/04/2010

VIDEOCONFERÊNCIA AÇÕES DO ESTADO PERANTE O MEI 20/04/2010 VIDEOCONFERÊNCIA AÇÕES DO ESTADO PERANTE O MEI 20/04/2010 1 MEI-MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL EMBASAMENTO LEGAL: MEI - é o empresário individual definido no art. 966 do Código Civil - Lei 10.406/2002; Art.18-A,

Leia mais

DECLARAÇÃO DE SERVIÇOS PRESTADOS

DECLARAÇÃO DE SERVIÇOS PRESTADOS DECLARAÇÃO DE SERVIÇOS PRESTADOS RESUMO DA DECLARAÇÃO NA ESCRITA FISCAL Menu: Declaração de Serviços/Prestados/Homologados Tela de Declaração de Serviços prestados no FISCAL WEB (ISSQN por homologação)

Leia mais

FAQ - PERGUNTAS E RESPOSTAS

FAQ - PERGUNTAS E RESPOSTAS FAQ - PERGUNTAS E RESPOSTAS ESCRITA FISCAL A nota eletrônica é melhor do que a nota em papel? Sim a nota eletrônica não possui custo para emissão, necessitando apenas de um computador, um certificado digital

Leia mais

o GUIA definitivo do Microempreendedor Individual

o GUIA definitivo do Microempreendedor Individual o GUIA definitivo do Microempreendedor Individual sumário >> Introdução... 3 >> Você sabe o que é MEI?... 5 >> Quais as vantagens em ser um MEI?... 11 >> Quais as responsabilidades do MEI?... 14 >> Como

Leia mais

SIMPLES NACIONAL. Panorama para 2010

SIMPLES NACIONAL. Panorama para 2010 SIMPLES NACIONAL Panorama para 2010 SILAS SANTIAGO Rio de Janeiro, 14 de janeiro de 2010. Fundamentação legal Histórico: Fundamentação legal Estatuto Nacional da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte

Leia mais

ALTERAÇÕES NA LEI GERAL DAS MICROEMPRESAS, EMPRESAS DE PEQUENO PORTE E DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL

ALTERAÇÕES NA LEI GERAL DAS MICROEMPRESAS, EMPRESAS DE PEQUENO PORTE E DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL ALTERAÇÕES NA LEI GERAL DAS MICROEMPRESAS, EMPRESAS DE PEQUENO PORTE E DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL Porto Alegre 26 de Julho de 2010 CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE FINANÇAS E TRIBUTAÇÃO presidencia.cft@camara.gov.br

Leia mais

GUIA PRÁTICO DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL MEI

GUIA PRÁTICO DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL MEI GUIA PRÁTICO DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL MEI 2009 APRESENTAÇÃO O Guia Prático do Microempreendedor Individual MEI - é uma publicação da FENACON e dos sindicatos que fazem parte do Sistema SESCAP/SESCON.

Leia mais

Matéria atualizada com base na legislação vigente em: 11/04/2011. 1 - INTRODUÇÃO. nº 123/2006, com a redação dada pela Lei Complementar nº 128/2008.

Matéria atualizada com base na legislação vigente em: 11/04/2011. 1 - INTRODUÇÃO. nº 123/2006, com a redação dada pela Lei Complementar nº 128/2008. Trabalhistas MICROEMPREENDEDOR - Alterações INDIVIDUAL - MEI - Aspectos Previdenciários e Matéria atualizada com base na legislação vigente em: 11/04/2011. Sumário: 12 Conceito Introdução 3.1 - Tributação

Leia mais

EI, VOCÊ AÍ! Passo a passo para as declarações de renda do MEI - Microempreendedor Individual 2014

EI, VOCÊ AÍ! Passo a passo para as declarações de renda do MEI - Microempreendedor Individual 2014 EI, VOCÊ AÍ! Regularize a situação da sua empresa com as dicas do Sebrae-SP e aproveite todos os benefícios da formalização. Passo a passo para as declarações de renda do MEI - Microempreendedor Individual

Leia mais

INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA: EFICIÊNCIA EM PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO. Desenvolvido por:

INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA: EFICIÊNCIA EM PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO. Desenvolvido por: INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA: EFICIÊNCIA EM PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO. Desenvolvido por: 2014 PRIMEIRA PARTE: DEFINIÇÃO E VANTAGENS O que é a industrialização por encomenda? É uma forma de ganhar eficiência

Leia mais

CONHEÇA A NOSSA EMPRESA >>

CONHEÇA A NOSSA EMPRESA >> CONHEÇA A NOSSA EMPRESA >> Para se candidatar a Vaga de Promotor(a) iremos dividir por etapas a apresentação e o treinamento: Primeira Etapa: 1. Apresentação da Empresa e seus Canais de Vendas 2. Apresentação

Leia mais

Revista Científica INTERMEIO Faculdade de Ensino e Cultura do Ceará FAECE / Faculdade de Fortaleza - FAFOR

Revista Científica INTERMEIO Faculdade de Ensino e Cultura do Ceará FAECE / Faculdade de Fortaleza - FAFOR Microempreendor Individual (MEI) e a Importância da Formalização Neuton Farias Tomozetto 8 João Batista Filho 8 Carlos Alberto Ramalho Santa Rosa Galvão 8 Profa. Ivanete Gomes dos Santos 9 RESUMO Esta

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA AS EMPRESAS SOBRE COMO FAZER O CADASTRO NA SUFRAMA.

ORIENTAÇÕES PARA AS EMPRESAS SOBRE COMO FAZER O CADASTRO NA SUFRAMA. Compilações das Informações Maria da Conceição Mira dos Santos Outubro/2014 Página 1 CARTILHA DE ORIENTAÇÕES TÉCNICAS SOBRE O CADASTRO DA SUFRAMA. APRESENTAÇÃO Os pequenos negócios no Amapá contam com

Leia mais

PROPOSTA COMERCIAL PARA ABERTURA DE EMPRESA

PROPOSTA COMERCIAL PARA ABERTURA DE EMPRESA PROPOSTA COMERCIAL PARA ABERTURA DE EMPRESA PROPOSTA DE ABERTURA DE EMPRESA INDIVIDUAL / SOCIEDADE / EIRELI É com grande satisfação que agradecemos a oportunidade de apresentarmos nossa proposta comercial,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DA BARRA DO QUARAÍ SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA

PREFEITURA MUNICIPAL DA BARRA DO QUARAÍ SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA SIMPLES MUNICIPAL (LEI MUNICIPAL Nº 1.273/2010) SUMÁRIO Apresentação 03 O que é o Simples Municipal 03 Quem coordena o Simples Municipal 03 Do Registro e Legalização de Empresas 04 Do Alvará 04 Da Sala

Leia mais

Cobranças Fraudulentas. Microempreendedor Individual

Cobranças Fraudulentas. Microempreendedor Individual Cobranças Fraudulentas Microempreendedor Individual COMISSÃO DE SEGURANÇA PÚBLICA E COMBATE AO CRIME ORGANIZADO AUDIÊNCIA PÚBLICA Quem são os Pequenos Negócios? MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI) Receita

Leia mais

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL (EI) 1ª Parte

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL (EI) 1ª Parte EMPREENDEDOR INDIVIDUAL (EI) 1ª Parte É o empresário individual (sem sócio) que aufere receita bruta anual de até R$ 60.000,00 (Média de R$ 5 mil/mês); Não participe de outra empresa (titular, sócio ou

Leia mais

Prezado empreendedor,

Prezado empreendedor, Prezado empreendedor, Caderno do Empreendedor Este é o Caderno do Empreendedor, criado para facilitar o dia-a-dia da sua empresa. Com ele você poderá controlar melhor suas despesas, saber quanto está vendendo

Leia mais

SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO...3 2. O QUE É UM EMPREENDEDOR INDIVIDUAL...4 3. BENEFÍCIOS E QUANTO CUSTA...8

SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO...3 2. O QUE É UM EMPREENDEDOR INDIVIDUAL...4 3. BENEFÍCIOS E QUANTO CUSTA...8 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO...3 2. O QUE É UM EMPREENDEDOR INDIVIDUAL...4 3. BENEFÍCIOS E QUANTO CUSTA...8 4. OS CINCO PASSOS PARA A FORMALIZAÇÃO DO SEU NEGÓCIO...15 5. CONTRATAÇÃO DE UM COLABORADOR...31 6.

Leia mais

O que muda com a Lei Geral (para maiores informações acessar WWW.LEIGERAL.COM.BR)

O que muda com a Lei Geral (para maiores informações acessar WWW.LEIGERAL.COM.BR) O que muda com a Lei Geral (para maiores informações acessar WWW.LEIGERAL.COM.BR) Pontos Lei Geral Como é hoje 1 Alcance da Lei A lei do Simples está voltada para os tributos federais. Os sistemas de tributação

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS Nota Fiscal Avulsa Eletrônica MEI NFAe-MEI SUMÁRIO (versão 1.4 - atualizada em 12/06/2013)

PERGUNTAS E RESPOSTAS Nota Fiscal Avulsa Eletrônica MEI NFAe-MEI SUMÁRIO (versão 1.4 - atualizada em 12/06/2013) PERGUNTAS E RESPOSTAS Nota Fiscal Avulsa Eletrônica MEI NFAe-MEI SUMÁRIO (versão 1.4 - atualizada em 12/06/2013) 1 Conceito e Noções Gerais da NFAe-MEI 1.1 - O que é a Nota Fiscal Avulsa eletrônica MEI

Leia mais

IRPJ. Lucro Presumido

IRPJ. Lucro Presumido IRPJ Lucro Presumido 1 Características Forma simplificada; Antecipação de Receita; PJ não está obrigada ao lucro real; Opção: pagamento da primeira cota ou cota única trimestral; Trimestral; Nada impede

Leia mais

MANUAL DO PROCESSO ELETRÔNICO DE INSCRIÇÃO DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI)

MANUAL DO PROCESSO ELETRÔNICO DE INSCRIÇÃO DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI) MANUAL DO PROCESSO ELETRÔNICO DE INSCRIÇÃO DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL (MEI) Organização: Patrícia Bianchi Machado, membro da Secretaria Executiva do Comitê Gestor do Simples Nacional V 3.0 06.12.2012

Leia mais

Manual de procedimentos do Alvará de Licença e Funcionamento de Atividade

Manual de procedimentos do Alvará de Licença e Funcionamento de Atividade Manual de procedimentos do Alvará de Licença e Funcionamento de Atividade Prefeitura Municipal de São Leopoldo Secretaria Municipal da Fazenda Coordenadoria Tributária Divisão de Tributos Mobiliários Seção

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIAS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIAS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIAS EIRELI X MEI ALUNA: Karen Lorena Guzmán Rodriguez 3º ano de Ciências Contábeis 2012 EMPRESA INDIVIDUAL DE RESPONSABILIDADE LTDA DEFINIÇÃO A Definição do Empresário Individual

Leia mais

Boletim. Federal. Manual de Procedimentos. IPI - Montagem fora do. por estabelecimento industrializador. ICMS - IPI e Outros

Boletim. Federal. Manual de Procedimentos. IPI - Montagem fora do. por estabelecimento industrializador. ICMS - IPI e Outros Boletim Manual de Procedimentos Federal IPI - Montagem fora do estabelecimento industrial SUMÁRIO 1. Introdução 2. Caracterização da montagem como industrialização 3. Descaracterização da montagem como

Leia mais

Rafael de Farias Costa Moreira (Sebrae)

Rafael de Farias Costa Moreira (Sebrae) Rafael de Farias Costa Moreira (Sebrae) Metodologia Entrevistas por telefone com 9.657 Microempreendedores Individuais feitas em abril de 2015. Análise da base de dados do Microempreendedor Individual

Leia mais

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS Regime de Contratação Serviços 1 Garçom Temporário Aparecida Alfabetizado 3

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS Regime de Contratação Serviços 1 Garçom Temporário Aparecida Alfabetizado 3 Setor da Economia Qtde Vagas Ocupação SÃO JOSÉ DOS CAMPOS Regime de Contratação Local de Trabalho Escolaridade Garçom Temporário Aparecida Alfabetizado Comércio 1 Serralheiro Aparecida Alfabetizado Comércio

Leia mais

Guia do Requerente. Orientações de preenchimento

Guia do Requerente. Orientações de preenchimento Guia do Requerente Orientações de preenchimento Bem-vindo (a) ao nosso novo sistema on-line de atendimento Empresa Legal. Este documento é o Guia do Requerente. Ele o (a) ajudará em seu contato com o ambiente

Leia mais

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo

CeC. Cadastro eletrônico de Contribuintes. Usuário Anônimo CeC Cadastro eletrônico de Contribuintes Usuário Anônimo Versão 1.3 11/02/2011 SUMÁRIO Apresentação... 3 Objetivos... 3 1. Solicitação de CeC... 4 1.1. Cadastro de Pessoas Físicas... 6 1.1.1 Cadastro de

Leia mais

PESSOA COM DEFICIÊNCIA Av. João Pessoa, 6239 - Parangaba (85) 3101.3034

PESSOA COM DEFICIÊNCIA Av. João Pessoa, 6239 - Parangaba (85) 3101.3034 FORTALEZA Ajudante de carga e descarga de mercadoria 1 vaga Assistente administrativo 9 vagas Atendente de lanchonete 2 vagas Auxiliar cozinha 10 vagas Auxiliar de almoxarifado 1 vaga Auxiliar de confeiteiro

Leia mais

CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2011

CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2011 CARGA TRIBUTÁRIA ANO 2011 Orientações Básicas INFORMAÇÕES GERAIS PESSOA JURÍDICA 1) DCTF : (Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais) ATENÇÃO! Apresentação MENSAL obrigatória pelas Pessoas

Leia mais

OBRIGAÇÕES FISCAIS FEDERAIS JULHO/12

OBRIGAÇÕES FISCAIS FEDERAIS JULHO/12 CIRCULAR 37/12 Novo Hamburgo, 02 de julho de 2012. OBRIGAÇÕES FISCAIS FEDERAIS JULHO/12 DIA 04 IR-FONTE Pessoas obrigadas: pessoas jurídicas que efetuaram retenção na fonte nos pagamentos ou créditos decorrentes

Leia mais

CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS e PREVIDENCIÁRIAS OUTUBRO/2010

CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS e PREVIDENCIÁRIAS OUTUBRO/2010 1 CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS e PREVIDENCIÁRIAS OUTUBRO/2010 Dia 06-10-2010 (Quarta-feira): SALÁRIOS Todos os empregadores, assim definidos pela CLT (Consolidação das Leis do Trabalho). Fato

Leia mais

PESSOA COM DEFICIÊNCIA

PESSOA COM DEFICIÊNCIA FORTALEZA Centro (Rua Assunção, 699) Tel.: (85) 3101.2775 Aldeota (Av. Santos Dumont, 5015) Tel.: (85) 3101.1660 Barra do Ceará (Av. Francisco Sá, 6485) Tel.: (85) 3101.2743 Parangaba (Av. João Pessoa,

Leia mais