CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA"

Transcrição

1 CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1

2 Curso Superior em Tecnologia em Design de Moda Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal da Mantenedora A Ata de Assembléia Geral para Constituição da entidade civil, com denominação social de UNIC União das Escolas Superiores de Cuiabá foi lavrada em 07 de setembro de 1.989, na Avenida Beira Rio, no , Jardim Europa, cidade de Cuiabá, Estado de Mato Grosso. E a Ata de Assembléia Geral para Transformação da Sociedade empresária de responsabilidade limitada com denominação social de IUNI Educacional Ltda foi lavrada em 04 de abril de 2008, na Avenida Beira Rio, no , Jardim Europa, cidade de Cuiabá, Estado de Mato Grosso, sendo a mesma protocolada sob o número 08/ de 12/05/2008 e certificado e registrado na Junta Comercial do Estado de Mato Grosso sob o número em 15 de maio de O IUNI Educacional está registrado no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica CNPJ sob nº / Em assembleia geral os sócios do IUNI Educacional Ltda, reúnem-se no dia 08 de março de 2010 e resolvem aprovar a transformação do tipo jurídico da Sociedade, de sociedade limitada para sociedade por ações, que passou a ser denominada IUNI EDUCACIONAL S. A., com o objetivo de melhor atender aos propósitos e necessidades da Sociedade. Mantida Universidade de Cuiabá UNIC CNPJ n.º / Portaria Credenciamento: Portaria do MEC n.º de 02/12/1994 Avenida Beira Rio, Jardim Europa Cidade: Cuiabá - MT CEP: Fone: (065)

3 Dirigentes da Mantida Reitor: Rui Fava Pró- Reitora Acadêmica: Simone Cristina de Castro Wojcicki Pró- Reitor Administrativo: Evaldo Tadeu Gomes da Rosa Coordenador do Curso: Verena Fazolo; graduada no Curso em Tecnologia em Confecção Têxtil pela UPF - Universidade de Passo Fundo (2000), pós-graduada, Lato Sensu, em Gestão Estratégica Empresarial pela mesma universidade (2003), mestranda em Administração Estratégica em Negócios pela Universidade Nacional de Misiones - UNAM - Argentina (conclusão prevista para 2012). Tem participação no Colegiado de Curso e NDE (Núcleo Docente Estruturante). É professora de Moda desde 2004 na Universidade de Cuiabá, atualmente ministra as disciplinas Modelagem Feminina, e já ministrou as disciplinas de Modelagem Masculina, Modelagem Computadorizada e Gestão Industrial; também atuou como professora de Projetos de Extensão da UPF e ministrou cursos de aperfeiçoamento pelo SENAI MT. A formação auxilia na condução do curso uma vez que estas atividades são condizentes com as necessidades da realidade regional e a proposta do curso. Portaria Autorização: Ato e data de Autorização CONSAD nº 09/03 de 06/10/03. Portaria Reconhecimento: Portaria Ministerial nº35, de 06/02/2009, considerando decreto n , de 09/05/2006, com alterações do Decreto 6.303, de 12/12/2007, tendo em vista o Despacho N 0 19/2009 da Diretoria de Regulamentação e Supervisão de Educação Profissional e Tecnológica, publicado no DOU nº. 27, de 09/02/2009. Portaria de Renovação do Reconhecimento: Portaria Ministerial nº 91, de 09/02/ 2011 considerando o Decreto nº 5.773, de 09/05/2006, com alterações do Decreto nº 6.303, de 12/12/2007, a Portaria Normativa nº 40, de 12/12/2007, republicada em 29/12/2010, tendo em vista o Despacho nº 06/2011, da Diretoria de Regulação e Supervisão de Educação Profissional e Tecnológica, resolve: Art. 1 - Renovar o reconhecimento, nos termos do art. 10, 3º, do referido Decreto nº 5.773/

4 CÓDIGO VAGAS Nº ORDE CURSO DO CURSO TOTAIS ANUAIS MANTIDA MANTENEDORA ENDEREÇO DE FUNCIONAMENTO DO MUNICÍPI O UF M CURSO Curso Superior (cento e UNIVERSIDADE IUNI EDUCACIONAL AVENIDA BEIRA RIO, 3100 CUIABÁ MT de Tecnologia vinte) DE CUIABÁ LTDA em Design de Moda Turno: Noturno Regime de Matrícula: Semestral. Duração e tempo de integralização do curso: Mínimo 24 meses (4 semestres) e máximo de 48 meses (8 semestres) Regime de Matrícula: semestral Objetivos do Curso Superior de tecnologia em Design de Moda Objetivo Geral O Curso tem por objetivo a formação do Tecnólogo em Design de moda, profissional habilitado a exercer atividades voltadas para o mercado de trabalho, que possam atuar em empresas do segmento de moda, levando em consideração aspectos estéticos, ergonômicos, culturais e produtivos e que contemplem o processo de criação, gestão, produção e comercialização de produtos de moda. Objetivos Específicos Formar profissionais voltados à realidade regional e nacional, atentos na identificação de oportunidades de negócios e aptos a operarem novas situações; Habilitar profissionais comprometidos com a ética profissional e problemas sociais; Qualificar profissionais de Moda para o exercício de funções na área de estilismo, desenvolvendo as capacidades criativa e crítica dos egressos, de forma que os mesmos 4

5 proponham soluções inovadoras com bases nas novas tecnologias e processos de criação; Desenvolver o desenho técnico e artístico de moda de forma manual e computadorizada através de softwares de edição de imagens; Promover o conhecimento sobre aspectos da tecnologia têxtil como matérias e tecidos utilizados pela indústria de confecção; Habilitar o egresso nas técnicas e processos da costura industrial assim como no manuseio de máquinas e equipamentos utilizados na confecção de peças do vestuário. Capacitar o acadêmico nas técnicas e métodos de modelagem industrial feitos de forma manual e computadorizada habilitando-o a operar softwares específicos para a área de moda; Desenvolver habilidades gerais de gestão e produção de moda instrumentalizando o futuro profissional nas ferramentas técnicas e conceituais para correta tomada de decisões e soluções de problemas referentes às organizações empresariais do ramo da moda e confecção. BSC BSC do Curso de CST Design Moda Atuar nas atividades técnicas e gerenciais, no planejamento e criação de produtos de moda, e nos processos industriais inseridos na cadeia produtiva do vestuário. Área de Atuação Área de Atuação Área de Atuação Designer de Moda Atuar na pesquisa de moda, criação e desenvolvimento de coleções; como consultor de imagem e moda; ser empreendedor; na criação de editoriais de moda e catálogos. Gerenciamento de Produção Modelista Atuar nas áreas técnicas e operacionais da Atuar no desenvolvimento modelagens para os indústria do vestuário. produtos de moda. Competências Competências Competências Conhecer e ter domínio estético, artístico e histórico- Cultural Conhecer e interpretar Processos sociais e comunicacionais através de pensamento crítico e reflexivo aplicados aos produtos de Moda Conhecer de forma técnica e operacional a Conhecer técnicas e métodos de modelagem engenharia do processo produtivo do vestuário industrial. Conhecer Matérias-Primas aplicadas aos produtos de Moda Conhecer, ler e interpretar e representar graficamente as criações de Moda Conhecer e elaborar processos de gestão para soluções do mercado de moda. Conhecer e elaborar pesquisas, desenvolver 5

6 projetos de coleção e criar produtos de Moda Habilidades Habilidades Habilidades Analisar e Interpretar Planejar Tomar decisão Liderar Ser criativo Relacionar de forma lógica Raciocinar de forma crítica e analítica Negociar Comunicar Relacionamento Interpessoal Trabalhar em Equipe Multiprofissional Planejar Analisar e Interpretar Tomar decisão Liderar Ser criativo Raciocinar de forma lógica Raciocinar de forma crítica e analítica Negociar Comunicar Relacionamento Interpessoal Trabalhar em Equipe Multiprofissional Liderar Tomar decisão Analisar e Interpretar Planejar Ser criativo Raciocinar de forma lógica Raciocinar de forma crítica e analítica Negociar Comunicar Relacionamento Interpessoal Trabalhar em Equipe Multiprofissional Disciplinas Disciplinas Disciplinas Criatividade II Pesquisa e Criação de Moda I Criatividade I Psicologia do consumo Sociologia, Cultura e Moda Marketing Desenho Básico Laboratório de Confecção I Laboratório de Confecção II Tecnologia da Produção I Tecnologia da Produção II Tecnologia Têxtil I Tecnologia Têxtil II Modelagem Computadorizada Modelagem Masculina Modelagem Feminina II Modelagem Feminina I História da Arte e da Moda Desenho de Moda II Desenho de Moda I Desenho Computadorizado Informática Aplicada à Moda Comunicação e Moda (optativa) Gestão de Custos Pesquisa e Criação de Moda II Matriz Curricular A matriz curricular está estruturada por disciplinas institucional, de área e de curso. Cumprindo a determinação da Portaria MEC 03/2007 de 02 de julho de 2007, todas as disciplinas são organizadas e mensuradas em horas de 60 minutos de atividades acadêmicas e de trabalho 6

7 discente efetivo, contendo preleções e aulas expositivas, atividades práticas supervisionadas, tais como laboratórios, atividades em biblioteca, trabalhos individuais e em grupo, etc. Nas disciplinas que requerem práticas, as atividades presenciais são divididas em atividades teóricas e práticas em laboratórios específicos, sempre respeitando os critérios legais do número máximo de alunos em aulas práticas, no caso das disciplinas que demandam esse tipo de prática, ou através de desenvolvimento de trabalhos em equipe e discussão de temáticas de interesse da própria matéria/conteúdo ou de enfoque interdisciplinar. A seguir são apresentadas as disciplinas que compõe a grade curricular do curso: 1 o Semestre N o Disciplina CH 1 História da Arte e Moda 80 2 Laboratório de Confecção I 80 3 Psicologia do Consumo 40 4 Criatividade I 40 5 Modelagem Feminina I 80 6 Marketing 80 Atividade Complementar ED 1 20 Subtotal o Semestre N o Disciplina CH 1 Desenho Básico 80 2 Comunicação e Moda 40 3 Tecnologia Têxtil I 40 4 Laboratório de Confecção II 80 5 Modelagem Feminina II 80 6 Tecnologia da Produção I 40 7 Criatividade II 40 Atividade Complementar ED 2 20 Subtotal o Semestre N o Disciplina CH 1 Sociologia, Cultura e Moda 40 2 Tecnologia Têxtil II 40 3 Desenho de Moda I 80 4 Tecnologia da Produção II 40 5 Informática Aplicada a Moda 80 6 Pesquisa e Criação de Moda I 80 7 Optativa - (Libras) Gestão de Custo 40 Atividade Complementar ED 3 20 Subtotal o Semestre N o Disciplina CH 1 Modelagem Masculina 80 2 Desenho de Moda II 80 7

8 3 Modelagem Computadorizada 80 4 Pesquisa e Criação de Moda II 80 5 Desenho Computadorizado 80 Atividade Complementar ED 4 20 Subtotal 420 Atividade Carga Horária Aulas Teóricas 720 Aulas Práticas 880 Estágios Supervisionados 0 Atividades Complementares 120 Carga Horária Total

PUBLICIDADE E PROPAGANDA

PUBLICIDADE E PROPAGANDA PUBLICIDADE E PROPAGANDA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: AGRONOMIA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo

Leia mais

CURSO: REDES DE COMPUTADORES

CURSO: REDES DE COMPUTADORES CURSO: REDES DE COMPUTADORES Dados de Identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base Legal da Mantenedora A Ata de Assembléia Geral para

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Dados de Identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo

Leia mais

CST EM DESIGN DE INTERIORES

CST EM DESIGN DE INTERIORES CST EM DESIGN DE INTERIORES Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: CST EM DESIGN DE INTERIORES Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed.

Leia mais

CST EM GASTRONOMIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC

CST EM GASTRONOMIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC CST EM GASTRONOMIA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: CST EM GASTRONOMIA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo

Leia mais

COMUNICAÇÃO SOCIAL - JORNALISMO

COMUNICAÇÃO SOCIAL - JORNALISMO COMUNICAÇÃO SOCIAL - JORNALISMO Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: COMUNICAÇÃO SOCIAL - JORNALISMO Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente:

Leia mais

PSICOLOGIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC

PSICOLOGIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC PSICOLOGIA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: PSICOLOGIA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal

Leia mais

NUTRIÇÃO. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC

NUTRIÇÃO. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC NUTRIÇÃO Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: NUTRIÇÃO Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal da Mantenedora

Leia mais

ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

ENGENHARIA DE PRODUÇÃO ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Universidade de Cuiabá CURSO: ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal

Leia mais

FARMÁCIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC

FARMÁCIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC FARMÁCIA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: FARMÁCIA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal da Mantenedora

Leia mais

FISIOTERAPIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC

FISIOTERAPIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC FISIOTERAPIA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: Fisioterapia Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal

Leia mais

Enfermagem. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC

Enfermagem. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC Enfermagem Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: Enfermagem Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora residente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal da

Leia mais

CIÊNCIAS CONTÁBEIS. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 10/09/2012 1

CIÊNCIAS CONTÁBEIS. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 10/09/2012 1 CIÊNCIAS CONTÁBEIS Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 10/09/2012 1 CURSO: CIÊNCIAS CONTÁBEIS Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo

Leia mais

CST EM RADIOLOGIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1

CST EM RADIOLOGIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CST EM RADIOLOGIA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: CST EM RADIOLOGIA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo

Leia mais

ENGENHARIA AMBIENTAL. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC

ENGENHARIA AMBIENTAL. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC ENGENHARIA AMBIENTAL Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: ENGENHARIA AMBIENTAL Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo

Leia mais

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - LICENCIATURA

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - LICENCIATURA CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - LICENCIATURA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - LICENCIATURA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente:

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos

Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: Curso Superior de Tecnologia de Recursos Humanos Dados de identificação da Universidade de Cuiabá

Leia mais

Universidade de Cuiabá. Curso de Licenciatura em Letras Habilitação Português / Espanhol e suas licenciaturas

Universidade de Cuiabá. Curso de Licenciatura em Letras Habilitação Português / Espanhol e suas licenciaturas Universidade de Cuiabá Curso de Licenciatura em Letras Habilitação Português / Espanhol e suas licenciaturas Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente:

Leia mais

ODONTOLOGIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC

ODONTOLOGIA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC ODONTOLOGIA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: ODONTOLOGIA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal

Leia mais

Projeto Pedagógico de Curso

Projeto Pedagógico de Curso 2012 UNIVERSIDADE DE CUIABÁ FACULDADE DE ENGENHARIA E COMPUTAÇÃO Projeto Pedagógico de Curso UNIVERSIDADE CUIABÁ DE FACULDADE DE ENGENHARIA E COMPUTAÇÃO UNIVERSIDADE DE CUIABÁ FACULDADE DE ENGENHARIA E

Leia mais

MEDICINA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1

MEDICINA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 MEDICINA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: MEDICINA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal da Mantenedora

Leia mais

EDUCAÇÃO FÍSICA - LICENCIATURA

EDUCAÇÃO FÍSICA - LICENCIATURA EDUCAÇÃO FÍSICA - LICENCIATURA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: EDUCAÇÃO FÍSICA - LICENCIATURA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente:

Leia mais

ARQUITETURA E URBANISMO

ARQUITETURA E URBANISMO ARQUITETURA E URBANISMO Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: ARQUITETURA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Estética e Cosmética

Curso Superior de Tecnologia em Estética e Cosmética Curso Superior de Tecnologia em Estética e Cosmética Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal da Mantenedora A Ata

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC

ADMINISTRAÇÃO. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC ADMINISTRAÇÃO Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: ADMINISTRAÇÃO Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base

Leia mais

ENGENHARIA CIVIL. Universidade de Cuiabá

ENGENHARIA CIVIL. Universidade de Cuiabá ENGENHARIA CIVIL Universidade de Cuiabá CURSO: ENGENHARIA CIVIL Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal da Mantenedora

Leia mais

DIREITO. Universidade de Cuiabá

DIREITO. Universidade de Cuiabá DIREITO Universidade de Cuiabá 2 CURSO: DIREITO Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal da Mantenedora A Ata de

Leia mais

ENGENHARIA ELÉTRICA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC

ENGENHARIA ELÉTRICA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC ENGENHARIA ELÉTRICA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: ENGENHARIA ELÉTRICA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo

Leia mais

PILOTAGEM PROFISSIONAL DE AERONAVES

PILOTAGEM PROFISSIONAL DE AERONAVES PILOTAGEM PROFISSIONAL DE AERONAVES Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: PILOTAGEM PROFISSIONAL DE AERONAVES Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora

Leia mais

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - BACHARELADO

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - BACHARELADO CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - BACHARELADO Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo

Leia mais

PEDAGOGIA PEPEDA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1

PEDAGOGIA PEPEDA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 PEDAGOGIA PEPEDA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: PEDAGOGIA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal

Leia mais

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS. (Resumido)

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS. (Resumido) FACULDADE DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRATIVAS DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM ES Curso de Administração reconhecido pelo Decreto Federal nº 78.951, publicado no D.O.U. de 16-12-1976 Curso de Ciências Contábeis

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS. RECONHECIDO conforme PORTARIA nº 295, de 25 de Junho de 2008.

CURSO DE GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS. RECONHECIDO conforme PORTARIA nº 295, de 25 de Junho de 2008. CURSO DE GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS RECONHECIDO conforme PORTARIA nº 295, de 25 de Junho de 2008. Título: Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Turno: Noturno

Leia mais

EDUCAÇÃO FÍSICA - BACHARELADO

EDUCAÇÃO FÍSICA - BACHARELADO EDUCAÇÃO FÍSICA - BACHARELADO Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: EDUCAÇÃO FÍSICA - BACHARELADO Dados intificação da Universida Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presinte: Ed. Rodrigo

Leia mais

CETEC EDUCACIONAL S.A. Mantenedora FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS - ETEP. Mantida

CETEC EDUCACIONAL S.A. Mantenedora FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS - ETEP. Mantida CETEC EDUCACIONAL S.A Mantenedora FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS - ETEP Mantida PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SÃO JOSÉ DOS CAMPOS 1 SUMÁRIO

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO DO CURSO

1. IDENTIFICAÇÃO DO CURSO 1. IDENTIFICAÇÃO DO CURSO O Curso de Secretariado Executivo das Faculdades Integradas de Ciências Exatas Administrativas e Sociais da UPIS, reconhecido pelo MEC desde 1993, pela Portaria 905, de 24.06,1993,

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO. Concepção do Curso de Administração

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO. Concepção do Curso de Administração CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Concepção do Curso de Administração A organização curricular do curso oferece respostas às exigências impostas pela profissão do administrador, exigindo daqueles que integram a instituição

Leia mais

Direito. 592 Nível (Bacharelado, Turno. Carga Horária Licenciatura) Bacharelado Noturno 3774 Horas 201111874 24-08-2011

Direito. 592 Nível (Bacharelado, Turno. Carga Horária Licenciatura) Bacharelado Noturno 3774 Horas 201111874 24-08-2011 Curso Direito Código INEP Código UFLA 592 Nível (Bacharelado, Turno Carga Horária Licenciatura) Bacharelado Noturno 3774 Horas Processo e-mec- Tipo Autorização Número Data 201111874 24-08-2011 Despacho

Leia mais

O Curso de Administração da ESAG. Prof. Dr. Nério Amboni (ESAG/UDESC) 2011.2

O Curso de Administração da ESAG. Prof. Dr. Nério Amboni (ESAG/UDESC) 2011.2 O Curso de Administração da ESAG Prof. Dr. Nério Amboni (ESAG/UDESC) 2011.2 Missão da ESAG A ESAG tem por missão realizar o ensino, a pesquisa, a extensão, de modo articulado, a fim de contribuir na formação

Leia mais

CHECK-LIST PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO

CHECK-LIST PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO CHECK-LIST PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO Com a finalidade de otimizar o processo de elaboração e avaliação dos Projetos Pedagógicos do Cursos (PPC), sugere-se que os itens a seguir sejam

Leia mais

Informações sobre o Curso de Administração

Informações sobre o Curso de Administração Objetivo Geral do Curso: Informações sobre o Curso de Administração Prover a sociedade de profissional dotado de senso crítico e comportamento ético-profissional qualificado. Um Administrador criativo,

Leia mais

APRESENTAÇÃO OBJETIVO DO CURSO

APRESENTAÇÃO OBJETIVO DO CURSO 1 APRESENTAÇÃO Segundo Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos de Graduação em Design (2004), o curso de graduação em Design deve ensejar, como perfil desejado do formando, capacitação para a apropriação

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO PRESENCIAL SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CURSO DE GRADUAÇÃO PRESENCIAL SISTEMAS DE INFORMAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS CURSO DE GRADUAÇÃO PRESENCIAL SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Identificação do Curso Nome do Curso: Sistemas de Informação Titulação: Bacharelado Modalidade de ensino: Presencial

Leia mais

GRADUAÇÃO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING DENOMINAÇÃO: CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING / ÁREA PROFISSIONAL: GESTÃO E NEGÓCIOS.

GRADUAÇÃO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING DENOMINAÇÃO: CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING / ÁREA PROFISSIONAL: GESTÃO E NEGÓCIOS. GRADUAÇÃO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING CARACTERIZAÇÃO DO CURSO DENOMINAÇÃO: CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING / ÁREA PROFISSIONAL: GESTÃO E NEGÓCIOS. DIPLOMA CONFERIDO: TECNÓLOGO DE

Leia mais

CURSO DE DESIGN DE MODA

CURSO DE DESIGN DE MODA 1 CURSO DE EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2011.1 BRUSQUE (SC) 2013 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 3 01 CRIATIVIDADE... 3 02 HISTÓRIA DA ARTE E DO DESIGN... 3 03 INTRODUÇÃO AO... 3 04 LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO... 3

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA PORTARIA Nº 136, DE 24 DE JUNHO DE 2009

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA PORTARIA Nº 136, DE 24 DE JUNHO DE 2009 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA PORTARIA Nº 136, DE 24 DE JUNHO DE 2009 O Presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais

Leia mais

Gestão de Tecnologia da Informação e Comunicação

Gestão de Tecnologia da Informação e Comunicação Gestão de Tecnologia da Informação e Comunicação Curso autorizado pela Resolução nº 247-06/12/2010. Publicado:09/12/2010 SETEC/MEC Nota obtida na autorização: 4 Objetivos O Curso Superior de Tecnologia

Leia mais

AUTORIZAÇÃO PARA FUNCIONAMENTO DE CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO

AUTORIZAÇÃO PARA FUNCIONAMENTO DE CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE POLÍTICA DO ENSINO SUPERIOR - DEPES COORDENAÇÃO DAS COMISSÕES DE ESPECIALISTAS DE ENSINO COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

CURSO DE DESIGN DE MODA

CURSO DE DESIGN DE MODA 1 CURSO DE MATRIZ CURRICULAR 2016.1 EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS BRUSQUE (SC) Consuni nº. 49/15, 2015 de 7 de outubro de 2015. SUMÁRIO 2 1ª FASE... 4 01 DESENHO DE MODA I... 4 02 HISTÓRIA: ARTE E INDUMENTÁRIA...

Leia mais

GRADUAÇÃO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL

GRADUAÇÃO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL GRADUAÇÃO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL CARACTERIZAÇÃO DO CURSO DENOMINAÇÃO: CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL / ÁREA PROFISSIONAL: GESTÃO E NEGÓCIOS DIPLOMA CONFERIDO:

Leia mais

MODA. HABILITAÇÃO: Bacharelado em Moda - habilitação em modelagem e desenvolvimento de produto. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos

MODA. HABILITAÇÃO: Bacharelado em Moda - habilitação em modelagem e desenvolvimento de produto. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos MODA 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Bacharelado em Moda - habilitação em modelagem e desenvolvimento de produto GRAU ACADÊMICO: Bacharel em Moda PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos Máximo = 7 anos 2.

Leia mais

Administração. Curso de Graduação Bacharelado em

Administração. Curso de Graduação Bacharelado em Curso de Graduação Bacharelado em Administração O curso de Administração está enquadrado como uma ciência social aplicada. Estuda-se em profundidade técnicas e instrumentos analíticos, além de simulações

Leia mais

PARECER HOMOLOGADO(*)

PARECER HOMOLOGADO(*) PARECER HOMOLOGADO(*) (*) Despacho do Ministro, publicado no Diário Oficial da União de 18/07/2006. Portaria MEC nº 1.319, publicada no Diário Oficial da União de 18/07/2006. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 2, DE 27 DE SETEMBRO DE

CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 2, DE 27 DE SETEMBRO DE Ministério da Educação CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 2, DE 27 DE SETEMBRO DE 2013 Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do curso de graduação em Relações

Leia mais

PROTOCOLO DE COMPROMISSO

PROTOCOLO DE COMPROMISSO PROTOCOLO DE COMPROMISSO Protocolo de Compromisso que a Faculdade de Tecnologia César Lattes Mantida pela Sociedade de Educação, Ciência e Tecnologia de Itu Ltda e representada pelo Sr. José Fernando Pinto

Leia mais

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2011/1

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2011/1 1 1 INTRODUÇÃO AO DESIGN DE MODA Terminologias e conceitos da área. Contextualização e processo de moda. Mercado. Ciência e. 2 LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO Leitura analítica e crítica. Gêneros textuais.

Leia mais

Faculdades Integradas do Vale do Ivaí

Faculdades Integradas do Vale do Ivaí ESTRUTURA E CONTEÚDO CURRICULAR Organização Curricular do Curso A grade curricular do Curso de Bacharelado em Administração das Faculdades Integradas do Vale do Ivaí está fundamentada em dois grandes blocos.

Leia mais

31956 Monografia II 31926

31956 Monografia II 31926 Currículo Novo 2006/01 Duração: 182 créditos 2.730h, acrescidas de 270h de atividades complementares, totalizando 3.000h 31544 Teoria das Organizações I - 31554 Matemática I - 31564 Teoria das Organizações

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA REGULAMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM REDES DE COMPUTADORES. RECONHECIDO conforme PORTARIA n 64, de 04 de Fevereiro de 2011.

CURSO DE GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM REDES DE COMPUTADORES. RECONHECIDO conforme PORTARIA n 64, de 04 de Fevereiro de 2011. CURSO DE GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM REDES DE COMPUTADORES RECONHECIDO conforme PORTARIA n 64, de 04 de Fevereiro de 2011. Título: Tecnólogo em Redes de Computadores Turno: Noturno Carga horária total: 2.000

Leia mais

NORMATIZAÇÃO E REGULAÇÃO DOS DOCUMENTOS OFICIAIS DAS INSTITUIÇÕES DE EDUCAÇÃO SUPERIOR LASSALISTA CURSOS DE GRADUAÇÃO

NORMATIZAÇÃO E REGULAÇÃO DOS DOCUMENTOS OFICIAIS DAS INSTITUIÇÕES DE EDUCAÇÃO SUPERIOR LASSALISTA CURSOS DE GRADUAÇÃO NORMATIZAÇÃO E REGULAÇÃO DOS DOCUMENTOS OFICIAIS DAS INSTITUIÇÕES DE EDUCAÇÃO SUPERIOR LASSALISTA CURSOS DE GRADUAÇÃO PROVÍNCIA LA SALLE BRASIL - CHILE APRESENTAÇÃO O Setor de Educação Superior da Província

Leia mais

CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO

CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO NOME DO CURSO: Curso de Administração TÍTULO: Bacharel em Administração TURNO: Diurno e Noturno CARGA HORÁRIA: 3.300 horas aula NÚMERO DE VAGAS: 200 Anuais COORDENADOR:

Leia mais

SECRETARIADO EXECUTIVO TRILÍNGÜE, PORTUGUÊS, FRANCÊS E INGLÊS. COORDENADORA Ana Carolina Gonçalves Reis carolinareis@ufv.br

SECRETARIADO EXECUTIVO TRILÍNGÜE, PORTUGUÊS, FRANCÊS E INGLÊS. COORDENADORA Ana Carolina Gonçalves Reis carolinareis@ufv.br SECRETARIADO EXECUTIVO TRILÍNGÜE, PORTUGUÊS, FRANCÊS E INGLÊS COORDENADORA Ana Carolina Gonçalves Reis carolinareis@ufv.br UFV Catálogo de Graduação 2009 375 Bacharelado ATUAÇÃO O curso de Secretariado

Leia mais

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO: Instituto Educacional da Bahia Ltda. (IEB) UF: BA ASSUNTO: Credenciamento da Faculdade de Tecnologia de Valença,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei 5.152 de 21/10/1966 São Luís Maranhão

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei 5.152 de 21/10/1966 São Luís Maranhão RESOLUÇÃO N 758CONSEPE, de 24 de maio de 2010. Aprova a mudança de denominação do Curso de Desenho Industrial para Design, modalidade Bacharelado, e sua reestruturação pedagógica. O Reitor da Universidade

Leia mais

FACULDADE PASCHOAL DANTAS

FACULDADE PASCHOAL DANTAS FACULDADE PASCHOAL DANTAS PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO ÊNFASE GESTÃO DE PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SÃO PAULO - SP NOVEMBRO DE 2008 ÍNDICE 1. Visão e Missão da FPD...3 2. ORGANIZAÇÃO

Leia mais

Faculdades Integradas do Vale do Ivaí

Faculdades Integradas do Vale do Ivaí 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CURSO 1.1 Denominação Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas 1.2 Total de Vagas Anuais 80 vagas anuais 1.3 Regime Acadêmico de Oferta Seriado

Leia mais

FACULDADE KENNEDY BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FACULDADE KENNEDY BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO FACULDADE KENNEDY BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO A Faculdade Kennedy busca sempre melhorar a qualidade, oferecendo serviços informatizados e uma equipe de profissionais preparada para responder

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM DESIGN

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM DESIGN CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM DESIGN Matriz Curricular do Curso de Design Fase Cód. Disciplina Créditos Carga Horária 01

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN DE MODA Campus: Curso: Modalidade: Integralização do Curso: Trindade Superior de Tecnologia em Design de Moda Superior de Tecnologia Mínimo:

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE DESIGN, BACHARELADO REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O estágio não obrigatório,

Leia mais

RELATÓRIO AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL FACULDADE POLITÉCNICA DE UBERLÃNDIA 2009-2010

RELATÓRIO AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL FACULDADE POLITÉCNICA DE UBERLÃNDIA 2009-2010 RELATÓRIO AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL FACULDADE POLITÉCNICA DE UBERLÃNDIA 2009-2010 UBERLÂNDIA, MG JANEIRO, 2011 1 Este relatório aqui apresentado foi elaborado pela Comissão Própria de Avaliação da Faculdade

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 24/8/2009, Seção 1, Pág. 16. Portaria n 816, publicada no D.O.U. de 24/8/2009, Seção 1, Pág. 16. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL

Leia mais

Instrumento de Avaliação de Cursos de Graduação em Direito (presencial e a distância)

Instrumento de Avaliação de Cursos de Graduação em Direito (presencial e a distância) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Inep Diretoria de Avaliação da Educação Superior DAES Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior Sinaes

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: SISTEMAS DA INFORMAÇÃO MISSÃO DO CURSO Os avanços da ciência, a melhoria dos processos produtivos e a abertura de mercado, são exemplos de fatores que contribuíram

Leia mais

DIRETRIZES CURRICULARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR

DIRETRIZES CURRICULARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional DIRETRIZES CURRICULARES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UTFPR APROVADO PELA RESOLUÇÃO

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Manutenção Industrial 4.1-Histórico:

Curso Superior de Tecnologia em Manutenção Industrial 4.1-Histórico: Curso Superior de Tecnologia em Manutenção Industrial 4.1-Histórico: O Curso Superior de Tecnologia em Manutenção Industrial da Faculdade Sul Fluminense FASF, tendo como Entidade Mantenedora o Instituto

Leia mais

PROPOSTA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2012.2. Noturno

PROPOSTA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2012.2. Noturno PROPOSTA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2012.2 DENOMINAÇÃO: PORTARIA DE AUTORIZAÇÃO: PORTARIA DE RECONHECIMENTO: REGIME ESCOLAR: NÚMERO DE VAGAS ANUAIS: TURNOS DE FUNCIONAMENTO: NÚMERO DE ALUNOS POR TURMA:

Leia mais

FACULDADE ESTÁCIO MONTESSORI DE IBIÚNA ESTÁCIO FMI SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1

FACULDADE ESTÁCIO MONTESSORI DE IBIÚNA ESTÁCIO FMI SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: ADMINISTRAÇÃO - BACHARELADO MISSÃO DO CURSO Formar profissionais de elevado nível de consciência crítica, competência técnica empreendedora, engajamento

Leia mais

I Seminário Integrador do Curso de Administração

I Seminário Integrador do Curso de Administração I Seminário Integrador do Curso de Administração! Coordenador: Prof.,MSc.,Mário,Mendonça mariomacneto@gmail.com, Vice9Coordenador: Prof.,MSc.,Robson,Materko robsonmaterko@yahoo.com.br, Telefone:,(96),331291763

Leia mais

PDI 2012-2016 Implementação da Instituição e Organização Acadêmica

PDI 2012-2016 Implementação da Instituição e Organização Acadêmica PDI 2012-2016 Implementação da Instituição e Organização Acadêmica Pró-Reitoria de Ensino do IFG Gilda Guimarães Dulcinéia de Castro Santana Goiânia_ 2012/1 1- PARÂMETROS LEGAIS LEI Nº 11.892, DE 29 DE

Leia mais

CONSELHO DE EDUCAÇÃO DO DISTRITO FEDERAL. - Área de Comunicação: Técnico em Propaganda e Marketing

CONSELHO DE EDUCAÇÃO DO DISTRITO FEDERAL. - Área de Comunicação: Técnico em Propaganda e Marketing CONLHO DE EDUCAÇÃO DO DISTRITO FEDERAL Homologado em 24/7/2001, publicado no DODF de 27/7/2001, p. 40. Portaria nº 353, de 14/8/2001, publicada no DODF de 16/8/2001, p. 16. Parecer nº 136/2001-CEDF Processo

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2012 PRÓ-REITORIA DE ENSINO/IFMG/SETEC/MEC, DE 05 DE JUNHO DE 2012.

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2012 PRÓ-REITORIA DE ENSINO/IFMG/SETEC/MEC, DE 05 DE JUNHO DE 2012. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE ENSINO Av. Professor Mario Werneck, nº 2590,

Leia mais

D I R E I T O SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES AUTORIZAÇÃO

D I R E I T O SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES AUTORIZAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Superior Sesu Departamento de Supervisão da Educação Superior - Desup Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Inep Diretoria

Leia mais

XXII Seminário de Educação da Medicina Veterinária

XXII Seminário de Educação da Medicina Veterinária XXII Seminário de Educação da Medicina Veterinária Competência, Habilidade e Atitude na capacidade de gestão de qualidade do curso Dr. Lázaro Manoel de Camargo Coordenador do Curso de Medicina Veterinária

Leia mais

A instituição pretende oferecer quatro turmas de vinte alunos cada, que funcionarão de segunda à sexta-feira.

A instituição pretende oferecer quatro turmas de vinte alunos cada, que funcionarão de segunda à sexta-feira. INTERESSADO: Centro de Estudos e Pesquisas em Eletrônica Profissional e Informática Ltda CEPEP EMENTA: Reconhece o Curso Técnico em Administração Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios, do Centro de Estudos

Leia mais

CENTRO DE ESTUDO DE PÓS-GRADUAÇÃO PROPOSTA DE CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

CENTRO DE ESTUDO DE PÓS-GRADUAÇÃO PROPOSTA DE CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CENTRO DE ESTUDO DE PÓS-GRADUAÇÃO PROPOSTA DE CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2013 INTRODUÇÃO: O presente trabalho apresenta a relação de Cursos de Pós-Graduação Lato Sensu a serem reorganizados no

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Coordenadoria Geral de Pós-Graduação Lato Sensu

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Coordenadoria Geral de Pós-Graduação Lato Sensu PORTFÓLIO ESPECIALIZAÇÃO / MBA UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Sumário ÁREA: CIÊNCIAS DA SAÚDE... 2 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO: PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL E DO TRABALHO... 2 ÁREA: COMUNICAÇÃO E LETRAS...

Leia mais

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional INTERESSADO: Centro de Estudos e Pesquisas em Eletrônica Profissional e Informática Ltda CEPEP EMENTA: Reconhece o Curso Técnico em Segurança do Trabalho, oferecido pelo Centro de Estudos e Pesquisas em

Leia mais

MINI STÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINI STRO P ORTARIA Nº 808, DE 18 DE JUNHO DE 2010

MINI STÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINI STRO P ORTARIA Nº 808, DE 18 DE JUNHO DE 2010 MINI STÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINI STRO P ORTARIA Nº 808, DE 18 DE JUNHO DE 2010 Aprova o instrumento de avaliação para reconhecimento de Cursos Pedagogia, no âmbito do Sistema Nacional de Avaliação

Leia mais

Quadro Resumo de Projeto Pedagógico do Curso Superior de Tecnologia em GESTÃO COMERCIAL

Quadro Resumo de Projeto Pedagógico do Curso Superior de Tecnologia em GESTÃO COMERCIAL Quadro Resumo de Projeto Pedagógico do Curso Superior de Tecnologia em GESTÃO COMERCIAL Dados de Identificação: -Modalidade: Graduação Tecnológica -Ato Legal de Autorização: Resolução CONSUNI nº -Turnos

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR. (Eixo Tecnológico: Produção Cultural e Design)

MATRIZ CURRICULAR. (Eixo Tecnológico: Produção Cultural e Design) Curso: Graduação: Regime: Duração: MATRIZ CURRICULAR DESIGN DE MODA (Eixo Tecnológico: Produção Cultural e Design) TECNOLÓGICA SERIADO ANUAL - NOTURNO 3 (TRÊS) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL

Leia mais

O MINISTRO DE ESTADO DA EDUCAÇÃO

O MINISTRO DE ESTADO DA EDUCAÇÃO Portaria nº 808, de 8 de junho de 00. Aprova o instrumento de avaliação para reconhecimento de Cursos Pedagogia, no âmbito do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior - SINAES. O MINISTRO DE

Leia mais

Instrumento de Avaliação de Cursos de Graduação Bacharelados, Licenciaturas e Cursos Superiores de Tecnologia (presencial e a distância)

Instrumento de Avaliação de Cursos de Graduação Bacharelados, Licenciaturas e Cursos Superiores de Tecnologia (presencial e a distância) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Inep Diretoria de Avaliação da Educação Superior DAES Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior Sinaes

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR E DIMENSIONAMENTO DA CARGA HORÁRIA POR PERÍODO LETIVO (A CARGA HORÁRIA APRESENTADA NAS TABELAS REFEREM-SE À HORA AULA DE 50 MINUTOS)

MATRIZ CURRICULAR E DIMENSIONAMENTO DA CARGA HORÁRIA POR PERÍODO LETIVO (A CARGA HORÁRIA APRESENTADA NAS TABELAS REFEREM-SE À HORA AULA DE 50 MINUTOS) MATRIZ CURRICULAR E DIMENSIONAMENTO DA POR PERÍODO LETIVO (A APRESENTADA NAS TABELAS REFEREM-SE À HORA AULA DE 50 MINUTOS) PRIMEIRO SEMESTRE / 1 O ANO Leitura e Interpretação de Textos 2-40 Matemática

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Habilitação: Bacharel em Sistemas de Informação Cálculo I - 90 6 Lógica - Programação I - 90 6 1º. Fundamentos de Sistemas de Informação - Metodologia da Pesquisa - 30 2 Comunicação Empresarial - 30 2

Leia mais

Introdução à Engenharia de Controle e Automação

Introdução à Engenharia de Controle e Automação Introdução à Engenharia de Controle e Automação O CURSO DE ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO DA FACIT Renato Dourado Maia Faculdade de Ciência e Tecnologia de Montes Claros Fundação Educacional Montes

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE DESIGN, BACHARELADO REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O presente documento

Leia mais

Coordenação de Pós-Graduação e Extensão. Legislação sobre cursos de Pós-graduação Lato Sensu e Credenciamento da FACEC

Coordenação de Pós-Graduação e Extensão. Legislação sobre cursos de Pós-graduação Lato Sensu e Credenciamento da FACEC Coordenação de Pós-Graduação e Extensão Legislação sobre cursos de Pós-graduação Lato Sensu e Credenciamento da FACEC Os cursos de especialização em nível de pós-graduação lato sensu presenciais (nos quais

Leia mais

Informações do PPC que constarão na página eletrônica do Curso. Missão

Informações do PPC que constarão na página eletrônica do Curso. Missão Informações do PPC que constarão na página eletrônica do Curso CURSO: Gestão de Seguros Missão O Curso Graduação Tecnológica em Gestão de seguros tem como missão, através da formação de recursos humanos

Leia mais