Copyright 2004/ VLC

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Copyright 2004/2015 - VLC"

Transcrição

1 Nota Fiscal Eletrônica de Serviços Manual do Usuário Versão 8.1 Atualizado em 26/08/2015

2 Copyright 2004/ VLC As informações contidas neste manual são de propriedade da VLC Soluções Empresariais Ltda., e não poderão ser usadas, reproduzidas ou divulgadas sob qualquer forma, sem autorização prévia. O conteúdo deste manual tem caráter exclusivamente técnico e informativo. É reservado a VLC, o direito de promover sem aviso prévio, as alterações que julgar necessárias. VLC Soluções Empresariais Ltda. Página 1

3 Índice 1. Nota Fiscal Eletrônica Benefícios para prestador de serviços emitente de NFSe Acesso ao Sistema Requisitos básicos para acesso ao sistema Busca de dados com filtro Cadastro do Contribuinte Cadastro de Tomadores Cadastro de Tomadores do Exterior Layout de Importação de Tomadores Download do RPS OffLine Emissão de RPS Importação de RPS Layout de importação do RPS Autenticidade da Nota Fiscal Eletrônica Importação de Logotipo Exportação em XML Layout de exportação em XML Emissão de Nota Fiscal Eletrônica Reserva de Nota Fiscal Eletrônica Visualização e alteração da Nota Fiscal Eletrônica Autenticação da Nota Fiscal Eletrônica Impressão da Nota Fiscal Eletrônica Impressão da Nota Fiscal Eletrônica em lote Visualização da Nota Fiscal Eletrônica em PDF Envio de Nota Fiscal Eletrônica por Envio de Nota Fiscal Eletrônica por em PDF Envio de Nota Fiscal Eletrônica por em XML Retificação de Nota Fiscal Eletrônica autenticada Cancelamento de Nota Fiscal Eletrônica autenticada Emissão de Guia de recolhimento Controle de Recebimentos (opcional) Extrato de Pagamentos Recibo de Entrega de Declaração (obrigatório) Registro de Prestação de Serviços Página 2

4 1. Nota Fiscal Eletrônica O módulo de Nota Fiscal Eletrônica está disponível na Internet para ser utilizado pelos contribuintes do ISSQN, emitentes da nota fiscal eletrônica de serviços. A nota fiscal eletrônica de serviços - NFSe, é um documento emitido e armazenado eletronicamente no banco de dados da prefeitura, com o objetivo de registrar as operações relativas à prestação de serviços. Este documento substitui as notas fiscais convencionais (impressas em papel) autorizadas pelo município e impressas em gráfica. Os contribuintes optantes pela emissão da nota fiscal eletrônica de serviços não poderão retornar à emissão da nota fiscal convencional, mas poderão utilizar o RPS (recibo provisório de serviços) para lançamento posterior ou para importação no GeisWeb Benefícios para prestador de serviços emitente de NFSe - Redução de custos para confecção de talonário e impressão; - Redução de custos de envio de documento fiscal; - Redução de custos com armazenagem de documentos fiscais; - Simplificação de obrigações acessórias, como dispensa de AIDF; - Recursos de gerenciamento e controle das notas fiscais emitidas e recebidas; - Eliminação de erros de cálculo e de preenchimento de guia de arrecadação; - Agilidade com a importação do RPS (Recibo Provisório de Serviços); - Incentivo ao uso de relacionamentos eletrônicos com seus clientes; - Transparência na relação entre o fisco e o contribuinte. 2. Acesso ao Sistema Inicie o acesso ao sistema de Nota Fiscal Eletrônica após preencher o formulário do cadastramento de contribuinte e receber a liberação da Prefeitura. Página 3

5 Para a segurança dos dados pedimos para que o contribuinte mantenha sempre um ativo e uma senha que contenha preferencialmente letras e números para dificultar o acesso por estranhos. Caso o contribuinte esqueça a senha, poderá fazer uma solicitação da senha através do link esqueceu a senha? localizado na entrada do sistema. Por isso também, é importante manter o de acesso sempre atualizado Requisitos básicos para acesso ao sistema O navegador de acesso ao sistema poderá ser o Internet Explorer, Mozilla, Opera ou Chrome em suas versões mais atuais. 3. Busca de dados com filtro Algumas consultas e relatórios permitem organizar por ordem ascendente ou descendente, escolher quais colunas devem aparecer na tela e também buscar uma determinada informação através do filtro. Para acessar estas facilidades, ao passar o mouse pelo título da coluna, aparecerá uma seta para baixo indicando todas estas possibilidades de busca. 4. Cadastro do Contribuinte Os dados contidos no cadastro do contribuinte somente podem ser alterados pela Prefeitura, exceto os campos: telefone, celular, , senha, responsável e RG ou CRC, que podem ser alterados pelo contribuinte. Caso o contribuinte cadastrado utilize o módulo contador do sistema GeisWeb, será permitido a alteração dos campos: telefone, celular, e senha, não sendo permitido a alteração dos campos responsável e RG/CRC devido à associação do contador com o contribuinte. Ainda neste cadastro, através do botão código de serviço, o contribuinte deverá associar os códigos da lista de serviços do município de acordo com os serviços prestados. Esta associação faz com que no momento da inclusão da NFSe o sistema calcule automaticamente o imposto devido através da alíquota escolhida. Página 4

6 Quando o serviço prestado for devido em outro município, o contribuinte deverá utilizar os códigos da lista de serviços do seu município que se iniciam com 8000, escolhendo de acordo com a alíquota. 5. Cadastro de Tomadores O cadastro do tomador é preenchido pelo próprio prestador do serviço, que informa todos os dados que serão impressos na NFSe. A alteração dos dados cadastrais do tomador pode ser feita por qualquer contribuinte, sendo que a Prefeitura tem o controle de quem fez a inclusão ou atualização do mesmo. Caso o tomador também seja um contribuinte no município, as alterações somente poderão ser feitas pela prefeitura. Na listagem dos tomadores é possível filtrar ou buscar um tomador, colocar em ordem ascendente ou descendente e escolher quais campos aparecem na consulta. No caso de serviço prestado no Brasil ou sem identificação do tomador, informe No caso de serviço prestado no exterior ou sem identificação do tomador, informe " " Cadastro de Tomadores do Exterior Para cadastrar um tomador localizado no exterior acesse o cadastro de tomadores e clique no botão "exterior" para abrir a janela com os tomadores do exterior já cadastrados. Caso seja necessário cadastrar um novo tomador do exterior, clique em "incluir" e preencha os campos solicitados. Não é necessário o preenchimento do campo CNPJ pois o sistema preenche automaticamente em ordem numérica sequencial para manter um número de registro para cada tomador cadastrado. Página 5

7 6. Layout de Importação de Tomadores Pensando em mais uma facilidade para o contribuinte, disponibilizamos a importação do cadastro de clientes do prestador. Para a utilização da importação de tomadores, será necessário gerar um arquivo em extensão TXT, sem separadores de campos e terminando cada linha na posição 325. Posteriormente à importação do RPS o contribuinte pode importar os dados dos tomadores, sendo dessa forma, desnecessário o cadastramento dos tomadores não existentes no GeisWeb. Através deste layout é possível enviar para o GeisWeb os clientes que já possuem uma NFSe com o seu CNPJ ou CPF, importado através do arquivo de RPS. Ressaltamos que essa opção está disponível para os contribuintes que importam RPS para o GeisWeb. Campo 01 CNPJ ou CPF Posição 1 a 14 Tamanho 14 Informe o CNPJ ou CPF do tomador com 14 caracteres. Conteúdo Quando o tomador for pessoa física, preencha com 3 espaços em branco à direita do número até completar as posições. Campo 02 Tipo da Pessoa Física ou Jurídica Posição 15 Tamanho 1 Conteúdo Informe o tipo de pessoa J ou F. Campo 03 Razão social Posição 16 a 115 Tamanho 100 Conteúdo Informe a razão social ou nome do tomador. Campo 04 Endereço Posição 116 a 175 Tamanho 60 Conteúdo Informe o endereço do tomador com rua e número. Campo 05 Bairro Posição 176 a 215 Tamanho 40 Conteúdo Informe o bairro do tomador. Campo 06 Cidade Posição 216 a 255 Tamanho 40 Conteúdo Informe a cidade do tomador. Página 6

8 Campo 07 Estado Posição 256 a 257 Tamanho 2 Conteúdo Informe o estado do tomador. Campo 08 CEP Posição 258 a 265 Tamanho 8 Conteúdo Informe o CEP do tomador sem máscara. Exemplo: Campo 09 Telefone do tomador Posição 266 a 275 Tamanho 10 Conteúdo Informe o telefone do tomador sem máscara. Exemplo: Campo 10 do tomador Posição 276 a 325 Tamanho 50 Conteúdo Informe o do tomador sempre com letras minúsculas. 7. Download do RPS OffLine Este sistema foi desenvolvido para o usuário que deseja emitir o RPS - Recibo Provisório de Serviço sem a necessidade de estar conectado à internet. Uma grande facilidade na utilização deste OffLine é que ele gera automaticamente o arquivo de RPS e de tomadores, que posteriormente serão importados para o GeisWeb OnLine. O RPS tem a validade de 10 dias e dentro deste período deve ser convertido em nota fiscal eletrônica. 8. Emissão de RPS A emissão do RPS (recibo provisório de serviços) torna-se essencial no caso de não ser possível a emissão da NFSe em determinado momento ou quando o contribuinte utilizar um sistema próprio de gestão administrativa. No caso de eventual impedimento de emissão da NFSe, o prestador deverá entregar ao cliente um recibo provisório de serviços - RPS e posteriormente efetuar a inclusão da NFSe no sistema. O RPS deverá ser emitido em duas vias, sendo uma entregue ao tomador de serviços e a outra ficando em poder do emitente. Página 7

9 O RPS poderá ser confeccionado e impresso em sistema próprio do contribuinte, sem a necessidade de solicitação de autorização de impressão de documento fiscal - AIDF. Não existe um modelo padrão de RPS, mas o mesmo deve ser confeccionado ou impresso contendo todos os dados que permitam a sua conversão por NFSe. O número do RPS deve ser obrigatoriamente em ordem crescente sequencial e deverá manter a sequência numérica igual ao da nota fiscal eletrônica. 9. Importação de RPS Na importação do RPS deve-se observar a data da ocorrência do fato gerador do ISS, não sendo permitida a emissão da NFSe em data posterior ao serviço prestado, pois mesmo que a conversão possa ser feita em data posterior, o sistema considera a data de emissão do RPS para o cálculo do imposto. O RPS poderá ser importado para o sistema uma única vez e se sofrer alguma alteração após a importação, esta alteração deverá ser feita através do botão editar, antes da autenticação e impressão da NFSe. No caso de ser necessário cancelar um RPS antes de sua conversão em NFSe, o prestador de serviços deverá importar o RPS com o tipo de lançamento normal (N, P, R ou T) e posteriormente efetuar o cancelamento no sistema, após a geração do código de verificação. Lembre-se que após a importação, a NFSe precisa ser autenticada para gerar o código de verificação e ter validade legal. Outra opção que o contribuinte tem para gerar o código de verificação de todas NFSe de uma única vez é emitindo o recibo de entrega de declaração da competência Layout de importação do RPS Para a utilização da importação de RPS, será necessário gerar um arquivo em extensão TXT e fazer a validação do RPS no próprio GeisWeb que automaticamente libera o programa de importação. Portanto antes da importação do primeiro arquivo, o mesmo deve ser validado na opção de validação de RPS e, posteriormente, deve ser realizada a importação do arquivo de RPS. Página 8

10 Na geração do arquivo de importação todos os campos são obrigatórios, exceto o campo 13 de descrição dos serviços e campo 14 de outros impostos. O arquivo de importação deverá ser gerado sem separadores de campos e com todos os caracteres em maiúsculo, terminando cada linha na posição 748 e seguindo o layout definido a seguir. Campo 01 CNPJ ou CPF do prestador Posição 1 a 14 Tamanho 14 Informe o CNPJ ou CPF do declarante com 14 caracteres. Conteúdo Quando o prestador for pessoa física, preencha com zeros à esquerda até completar as posições. Campo 02 Tipo da NFSe Posição 15 a 19 Tamanho 5 Informe o tipo da nota fiscal como RPS e preencha com dois espaços em Conteúdo branco à direita para completar as posições. Campo 03 Série da NFSe Posição 20 a 21 Tamanho 2 Informe a série da nota fiscal como U (única) e preencha com um espaço em Conteúdo branco à direita para completar a posição. Campo 04 Número da NFSe Posição 22 a 29 Tamanho 8 Informe o número da nota fiscal com 8 posições, preenchendo com zeros à Conteúdo esquerda até completar as posições. Campo 05 Código do serviço prestado Posição 30 a 33 Tamanho 4 Informe o código do serviço prestado de acordo com a lista de serviços do Conteúdo seu município. Se necessário, preencher com zeros à esquerda até completar as posições. Campo 06 Tipo de lançamento da NFSe Posição 34 Tamanho 1 Informe o tipo de lançamento de acordo com o serviço prestado. Conteúdo N - devido no município pelo prestador. T - devido no município pelo tomador. (não utilize esta opção caso o tomador Página 9

11 do serviço esteja em outro município). P - prestadores de serviços cadastrados no Simples Nacional ou MEI (Micro Empresário Individual) com imposto recolhido através do DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional). R - prestadores estabelecidos no município com o imposto devido em outro município. Também utilizado para prestadores com ISS fixo, isento ou imune. O RPS cancelado deverá ser importado com um dos tipos acima e posteriormente cancelado no sistema, após a autenticação da NFSe. Campo 07 Data de emissão da NFSe (aaaammdd) Posição 35 a 42 Tamanho 8 Informe a data de emissão da nota fiscal no formato aaaammdd. Conteúdo Este campo será utilizado pelo sistema para a geração do mês de competência da prestação do serviço. Campo 08 Valor total da NFSe Posição 43 a 56 Tamanho 14 Informe o valor total da nota fiscal sempre maior que zero, preenchendo com zeros à esquerda até completar as posições. Conteúdo Incluir os centavos, sem ponto decimal e não utilizar R$. Exemplo: R$ 500,85 = R$ 500,00 = Campo 09 Valor da Base de Cálculo Posição 57 a 70 Tamanho 14 Informe o valor da base de cálculo sempre maior que zero, preenchendo com zeros à esquerda até completar as posições. Conteúdo A base de cálculo não pode ser maior que o valor total da NFSe. Incluir os centavos, sem ponto decimal e não utilizar R$. Exemplo: R$ 500,85 = R$ 500,00 = Campo 10 CNPJ ou CPF do tomador Posição 71 a 84 Tamanho 14 Informe o CNPJ ou CPF do tomador, preenchendo com espaços brancos à esquerda até completar as posições. No caso de serviço prestado no Brasil ou sem identificação do tomador, Conteúdo informe No caso de serviço prestado no exterior ou sem identificação do tomador, informe " ". Página 10

12 Campo 11 Município da NFSe Posição 85 a 134 Tamanho 50 Informe o município do tomador do serviço da nota fiscal, preenchendo com Conteúdo espaços em branco à direita até completar as posições. Campo 12 Data de emissão da NFSe (aaaammddhhmmss) Posição 135 a 148 Tamanho 14 Informe a data de emissão da nota fiscal no formato aaaammddhhmmss. Conteúdo Este campo será utilizado pelo sistema para a geração da data de emissão da nota fiscal e para a geração do código de segurança da nota fiscal. Campo 13 Descrição dos serviços Posição 149 a 648 Tamanho 500 Este campo não é obrigatório. É de uso livre para a descrição dos serviços prestados e seus valores correspondentes. Também poderá conter, a critério do prestador, outras informações como a data de vencimento dos serviços, informações sobre conta bancária para pagamento e número da inscrição Conteúdo estadual do tomador de serviços, ou qualquer outra informação relevante. Para fazer a quebra de linha utilizar \r\n no final de cada linha, lembrando que a cada 90 caracteres o sistema efetua uma quebra automática de linha. Evite alinha os textos usando espaços em branco. Campo 14 Outros impostos (PIS, COFINS, CSLL, IRRF e INSS) Posição 649 a 748 Tamanho 100 Este campo não é obrigatório e se informado deverá obedecer à sequência: PIS, COFINS, CSLL, IRRF e INSS. Os valores deverão ser informados da direita para a esquerda, colocando um pipe de separação entre o valor de cada imposto, não sendo necessário Conteúdo preencher com brancos ou zeros para completar as posições. Incluir os centavos, sem ponto decimal e não utilizar R$. Exemplo: R$ 500,85 = R$ 500,00 = Exemplo: Exemplo: Página 11

13 10. Autenticidade da Nota Fiscal Eletrônica Para verificar a autenticidade de uma nota fiscal eletrônica de serviços, os prestadores e tomadores de serviços têm acesso módulo de Consulta Pública. Para fazer uma consulta são necessárias três informações básicas, que se encontram no canto superior direito da nota fiscal emitida: CNPJ ou CPF do prestador do serviço, número da NFSe e código de verificação. Se o sistema buscar a NFSe, significa que ela consta no banco de dados da prefeitura e, portanto, é uma NFSe autêntica, ou seja, sua emissão foi autorizada pelo respectivo município. Contudo, caso aquele que estiver fazendo a consulta digite as informações necessárias para verificar a autenticidade da NFSe e o sistema não localiza-la, significa que esse documento não é uma NFSe autorizada pelo respectivo município. Orientamos que o tomador do serviço entre em contato com o setor de tributação do município para verificar a autenticidade dos dados do emitente desse documento. 11. Importação de Logotipo Na nota fiscal eletrônica, ao lado das informações cadastrais do prestador é possível inserir o logotipo da empresa. O arquivo pode ser importado diretamente pelo usuário com as extensões: png, jpg ou gif e com tamanho máximo de 70 x 70 pixels. 12. Exportação em XML Através deste layout é possível gerar um arquivo retorno em extensão XML no padrão ABRASF, contendo as informações da NFSe, sendo que esta só será exportada se já tiver o código de autenticidade. Página 12

14 13. Layout de exportação em XML CAMPO TIPO DESCRIÇÃO DA TAG TAM. NFSE TAG Raiz - Nfse TAG Grupo de informações da Nfse - IdentificacaoNFse TAG Grupo de informações da Nfse - Numero CodigoVerificacao DataEmissao Regime Competencia Número dd/mm/yyyy Número Alfanumérico Grupo de informações da IdentificacaoNfse que identifica o número da nota fiscal Grupo de informações da IdentificacaoNfse que identifica o código de verificação da nota fiscal Grupo de informações da Nfse que identifica a data de emissão da nota fiscal Grupo de informações da Nfse que identifica o tipo de regime do contribuinte Grupo de informações da Nfse que identifica a competência da nota fiscal Servico TAG Grupo de informações da Nfse - Valores TAG Grupo de informações do Servico - ValorServicos IssRetido ValorIss BaseCalculo Aliquota ItemListaServico CodigoTributacaoMunicipio Discriminacao MunicipioPrestacaoServico Monetário Monetário Monetário Monetário Percentagem Número Alfanumérico Grupo de informações do Valores que identifica o valor do serviço Grupo de informações do Valores que identifica o valor do ISS retido Grupo de informações do Valores que identifica o valor do ISS devido Grupo de informações do Valores que identifica o valor da base de cálculo Grupo de informações do Valores que identifica a alíquota do serviço Grupo de informações do Servico que identifica o código do serviço utilizado Grupo de informações do Servico que identifica o código de tributação que pode ser: N - devido no município pelo prestador T - devido no município pelo tomador P - devido conforme regime Simples Nacional/MEI R - devido em outro município, fixo, isento ou imune C - cancelada Grupo de informações do Servico que identifica a descrição dos serviços Grupo de informações do Servico que identifica o nome do município PrestadorServico TAG Grupo de informações da Nfse - IdentificacaoPrestador TAG Grupo de informações do PrestadorServico - Cnpj Número Grupo de informações do IdentificacaoPrestador que identifica o CNPJ/CPF do prestador ,2 12,2 12,2 12,2 3, Página 13

15 InscricaoMunicipal RazaoSocial Número Grupo de informações do IdentificacaoPrestador que identifica a inscrição municipal do prestador Grupo de informações do PrestadorServico que identifica a razão social do prestador Endereco TAG Grupo de informações do PrestadorServico - Rua Numero Bairro Cidade Estado Cep Número Alfanumérico Grupo de informações do Endereco que identifica a rua do prestador Grupo de informações do Endereco que identifica o número do endereço do prestador Grupo de informações do Endereco que identifica o bairro do prestador Grupo de informações do Endereco que identifica a cidade do prestador Grupo de informações do Endereco que identifica o estado do prestador Grupo de informações do Endereco que identifica o CEP do prestador Contato TAG Grupo de informações do PrestadorServico - Telefone Número Alfanumérico Grupo de informações do Contato que identifica o telefone do prestador Grupo de informações do Contato que identifica o do prestador TomadorServico TAG Grupo de informações da Nfse - IdentificacaoTomador TAG Grupo de informações do TomadorServico - Cnpj RazaoSocial Número Grupo de informações do TomadorServico que identifica o CNPJ/CPF do tomador Grupo de informações do TomadorServico que identifica a razão social do tomador Endereco TAG Grupo de informações do TomadorServico - Rua Numero Bairro Cidade Estado Cep Número Alfanumérico Grupo de informações do Endereco que identifica a rua do tomador Grupo de informações do Endereco que identifica o número do endereço do tomador Grupo de informações do Endereco que identifica o bairro do tomador Grupo de informações do Endereco que identifica a cidade do tomador Grupo de informações do Endereco que identifica o estado do tomador Grupo de informações do Endereco que identifica o CEP do tomador OrgaoGerador TAG Grupo de informações da Nfse - CodigoMunicipio Uf Grupo de informações do OrgaoGerador que identifica o nome da prefeitura Grupo de informações do OrgaoGerador que identifica o estado da prefeitura OutrosImpostos TAG Grupo de informações da Nfse Página 14

16 Pis Cofins Csll Irff Inss Monetário Monetário Monetário Monetário Monetário Grupo de informações de OutrosImpostos que identifica o valor do PIS Grupo de informações de OutrosImpostos que identifica o valor do COFINS Grupo de informações de OutrosImpostos que identifica o valor do CSLL Grupo de informações de OutrosImpostos que identifica o valor do IRFF Grupo de informações de OutrosImpostos que identifica o valor do INSS 12,2 12,2 12,2 12,2 12,2 14. Emissão de Nota Fiscal Eletrônica A emissão da nota fiscal eletrônica é feita pelo prestador do serviço através de um único formulário, observando a data da ocorrência do fato gerador do ISS, não sendo permitida a emissão da NFSe em data posterior ao serviço prestado. Este formulário deverá conter o CNPJ ou CPF do tomador cadastrado, que caso ainda não esteja cadastrado, pode ser feito pelo próprio prestador do serviço e alterado a qualquer momento, por qualquer prestador do município que esteja cadastrado na prefeitura. Os campos de número da NFSe e data de emissão são informados automaticamente pelo sistema, não sendo possível a alteração dos mesmos. O código do serviço prestado deve ser selecionado para que o sistema calcule automaticamente o ISS devido de acordo com a alíquota. O tipo de lançamento deverá ser informado de acordo com o tipo de serviço prestado que poderá ser: - Devido no município pelo prestador (tipo N); - Devido no município pelo tomador (tipo T), mas não utilize esta opção caso o tomador do serviço esteja em outro município; - Devido conforme regime Simples Nacional ou MEI (tipo P), com imposto recolhido através do DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional). Veja mais informações sobre este regime no final do texto. - Devido em outro município (tipo R), para prestadores estabelecidos no município com o imposto devido em outro município, e também utilizado para prestadores com ISS fixo, isento ou imune. Página 15

17 O valor total e a base de cálculo devem ser preenchidos para que o sistema calcule automaticamente o valor do ISS devido. Caso a base de cálculo seja diferente do valor total, o contribuinte deverá informar esta diferença, lembrando que a base de cálculo não pode ser maior que o valor total do serviço prestado. Os valores dos outros impostos não são obrigatórios. O campo de valor total das deduções será preenchido automaticamente pelo sistema, somando os campos de PIS, COFINS, CSLL e IRRF, quando houver, lembrando que estes impostos informados anteriormente, não são deduzidos da base de cálculo. É importante observar que quando a base de cálculo for menor que o valor total, a diferença aparecerá no campo de valor total das deduções. Para que no valor total das deduções não apareçam os valores dos outros impostos, o contribuinte deverá informar o imposto com um sinal negativo ( - ) antes do valor. Exemplo: -100,00 No campo de outras informações serão informados o decreto e o regime em que o contribuinte encontra-se cadastrado. Para identificar o tipo de tributação que consta na NFSe, o contribuinte deverá verificar a letra que está impressa do lado direito do campo de valor do ISS (tipo N, P, R, T ou C). No campo de descrição dos serviços, o prestador pode informar a descrição dos serviços prestados e seus valores correspondentes. Também poderá inserir outras informações como a data de vencimento dos serviços, a conta bancária para pagamento e número da inscrição estadual do tomador de serviços, ou qualquer outra informação relevante, observando o limite de até 900 caracteres (10 linhas com 90 caracteres cada). Caso seja necessário o canhoto para aceite na NFSe, o texto poderá ser digitado no campo descrição dos serviços e após a impressão, o aceite poderá ser efetuado mediante a assinatura neste campo. Quando o prestador for optante pelo Simples Nacional, deverá utilizar o tipo de lançamento P quando o ISS for devido no município pelo próprio prestador através do recolhimento pelo DAS. Este tipo não gera guia de recolhimento de Página 16

18 ISS pelo sistema GeisWeb, mas gera um débito que será quitado com o pagamento da guia do DAS. Ao optante pelo Simples Nacional não é possível utilizar o tipo N (devido no município pelo prestador). Para este tipo P (devido conforme regime Simples Nacional) deve-se utilizar o código do serviço prestado de acordo com faturamento da empresa. Estes códigos encontram-se na lista de serviços do município (códigos 9100 válidos a partir de 01/01/2012). Exceção 1: nos casos em que a empresa é optante pelo Simples Nacional e o ISS for pago pelo tomador (vide tais situações no art. 3º da LC 116/2003) na guia própria do município do prestador, o tipo correto a ser selecionado é o T (devido no município pelo tomador), pois neste caso o tomador conseguirá imprimir a guia de recolhimento do ISS. Exceção 2: nos casos em que a empresa é optante pelo Simples Nacional e o ISS for pago em outro município (Vide tais situações no art. 3º da LC 116/2003) na guia própria do município onde o serviço foi realizado, o tipo correto a ser selecionado é o R (devido em outro município). Este tipo não gera a guia de recolhimento de ISS e não gera débito para o prestador pois o imposto será recolhido em outro município. 15. Reserva de Nota Fiscal Eletrônica Para o prestador que desejar emitir uma NFSe com base na competência anterior ao da competência atual, é possível reservar a NFSe com dados ainda não confirmados, onde mostra a tarja com a informação Conferência - sem valor legal. Esta opção pode ser utilizada por prestadores que fazem o fechamento do mês no primeiro dia útil do mês subsequente, mas tem o serviço prestado no mês anterior e o ISS devido dentro da competência do serviço. Página 17

19 16. Visualização e alteração da Nota Fiscal Eletrônica Para visualizar ou alterar uma nota fiscal eletrônica já lançada no sistema, o contribuinte deverá utilizar os ícones de controle disponíveis no momento da consulta. Editar Visualizar O contribuinte poderá enviar a NFSe por , para conferência antes da impressão definitiva. Esta NFSe será visualizada com a inscrição Conferência - sem valor legal. Enviar visualização para o do tomador cadastrado. Enviar visualização para qualquer utilizando o seu gerenciador. Antes da autenticação, todos os campos da NFSe podem ser alterados. 17. Autenticação da Nota Fiscal Eletrônica Para autenticar uma NFSe utilize o ícone de controle. No momento da autenticação o sistema gera um código formado por 10 letras, que atesta a autenticidade da NFSe, não permitindo mais a alteração dos campos. 18. Impressão da Nota Fiscal Eletrônica Para a impressão da nota fiscal eletrônica, o contribuinte deve utilizar o ícone de controle. A NFSe deve ser impressa por ocasião da prestação do serviço, em via única, em papel comum, de tamanho A4 ou ofício. A impressão pode ser dispensada caso o tomador do serviço informe o e solicite o envio por este meio eletrônico. Para que o cabeçalho e rodapé contendo informações de diretório não apareçam na impressão da NFSe em papel, o contribuinte poderá configurar esta opção em seu navegador. No momento em que o contribuinte imprimir a NFSe, o sistema efetua um controle com os botões para indicar o status de impressa ou não. Página 18

20 19. Impressão da Nota Fiscal Eletrônica em lote Para a impressão da nota fiscal eletrônica em lote, o prestador deve utilizar o botão de imprimir lote, que fica na emissão da NFSe. A impressão em lote solicita uma NFSe inicial e final que não pode ultrapassar o limite de 20 NFSe. Para as NFSe que ainda não foram autenticadas e serão impressas em lote, o sistema autentica automaticamente e gera um arquivo em PDF para a impressão de 20 NFSe de uma única vez. 20. Visualização da Nota Fiscal Eletrônica em PDF O botão de impressão em lote que fica na emissão da NFSe também serve para a geração de uma NFSe em PDF. Informe a NFSe inicial e final que deseja visualizar em PDF e caso queira visualizar apenas uma, coloque o mesmo número de NFSe inicial e final. 21. Envio de Nota Fiscal Eletrônica por O é uma ferramenta para facilitar a entrega da NFSe para o tomador do serviço, mas ele não é obrigado a informar o e neste caso, deve-se optar pela impressão de uma via da NFSe em papel comum, de tamanho A4 ou ofício. O envio do poderá ser feito através dos ícones de controle. Enviar NFSe para o do tomador cadastrado. Enviar NFSe para diversos endereços de s não cadastrados, juntamente com um anexo da nota em PDF. No momento em que o prestador enviar a NFSe por , o sistema efetua um controle com os botões para indicar o status de enviada ou não para o tomador. Mas este controle só é utilizado para as NFSe que já foram emitidas, cujo código de verificação foi gerado. Se o prestador desejar colocar algum comentário no ao tomador, poderá faze-lo através da opção de envio do para diversos endereços. 22. Envio de Nota Fiscal Eletrônica por em PDF O prestador de serviço tem a opção de enviar para o seu cliente a NFSe por com um anexo em PDF. Este arquivo em PDF é útil para empresas que Página 19

Copyright 2004/2015 - VLC

Copyright 2004/2015 - VLC Nota Fiscal Eletrônica de Serviços Manual do Usuário Versão 8.1 Atualizado em 29/10/2015 Copyright 2004/2015 - VLC As informações contidas neste manual são de propriedade da VLC Soluções Empresariais Ltda.,

Leia mais

Copyright 2004/2014 - VLC

Copyright 2004/2014 - VLC Escrituração Fiscal Manual do Usuário Versão 7.2 Copyright 2004/2014 - VLC As informações contidas neste manual são de propriedade da VLC Soluções Empresariais Ltda., e não poderão ser usadas, reproduzidas

Leia mais

Copyright 2004/2015 - VLC

Copyright 2004/2015 - VLC Nota Fiscal Eletrônica de Serviços Perguntas Frequentes Versão 8.1 Atualizado em 26/08/2015 Copyright 2004/2015 - VLC As informações contidas neste caderno de Perguntas e Respostas são de propriedade da

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Sistema Nota Fiscal Eletrônica. Sil Tecnologia LTDA

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Sistema Nota Fiscal Eletrônica. Sil Tecnologia LTDA Sistema Nota Fiscal Eletrônica Sil Tecnologia LTDA SUMÁRIO INTRODUÇÃO 4 1. CONHECENDO OS COMANDOS DO SISTEMA 5 1.1 Tela Inicial do Sistema 5 1.2 Navegador de registros 6 1.3 Filtro de Registros 6 2. TELA

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Exportação de NFS-e

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Exportação de NFS-e Manual de Exportação de NFS-e Página 2 de 20 Índice ÍNDICE... 2 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ESPECIFICAÇÕES... 4 2.1. FORMATO DO ARQUIVO... 4 2.2. CONTEÚDO DO ARQUIVO... 4 2.3. TIPOS DE ARQUIVOS... 4 3. FORMATOS

Leia mais

Nota Salvador - NFS-e Acesso ao Sistema - Pessoa Física

Nota Salvador - NFS-e Acesso ao Sistema - Pessoa Física Nota Salvador - NFS-e Acesso ao Sistema - Pessoa Física Versão 1.0 Nota Salvador NFS-e Versão do Manual: 1.0 pág. 2 Manual do Sistema Nota Salvador NFS-e Acesso ao Sistema para Pessoa Física ÍNDICE 1.

Leia mais

Nota Fiscal de Serviços eletrônica NFS-e. Introdução. Apresentação

Nota Fiscal de Serviços eletrônica NFS-e. Introdução. Apresentação Nota Fiscal de Serviços eletrônica NFS-e Manual do Usuário Prestador Introdução Este manual tem como objetivo apresentar a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) que será utilizado pelos contribuintes

Leia mais

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE Guia do Usuário ÍNDICE ÍNDICE Setembro /2009 www.4rsistemas.com.br 15 3262 8444 IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 3 Sou localizado no município... 4 Não sou localizado no município... 4 ACESSO AO SISTEMA... 5 Tela

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento do Imposto sobre

Leia mais

SISTEMA DE NFS-e. Manual de Exportação de NFS-e Instruções e Layout. Versão: 2.1

SISTEMA DE NFS-e. Manual de Exportação de NFS-e Instruções e Layout. Versão: 2.1 SISTEMA DE NFS-e Instruções e Layout Versão: 2.1 Para baixar a versão mais atualizada deste documento, acesse o link: http://nfse.manaus.am.gov.br 10/10/2007 Página 1 de 12 Índice 1 Introdução... 3 2 Especificações...

Leia mais

VERSÃO 1.0.1 (09/2010)

VERSÃO 1.0.1 (09/2010) VERSÃO 1.0.1 (09/2010) 1. APRESENTAÇÃO... 4 2. CONCEITO... 4 3. BENEFÍCIOS... 4 4. ACESSO AO SISTEMA... 5 4.1 ACESSANDO O SISTEMA DA NFS-E PELA PRIMEIRA VEZ... 5 4.2 ACESSANDO A ÁREA EXCLUSIVA DE PRESTADOR...

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica de Serviços

Nota Fiscal Eletrônica de Serviços Nota Fiscal Eletrônica de Serviços Arquivo de Envio de RPS em Lote - Instruções e Layout - Versão 1.0 Manual de Envio de RPS em Lote Instruções e Layout 1. Recibo Provisório de Serviços RPS O RPS é o documento

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica de Serviço NFS-e

Nota Fiscal Eletrônica de Serviço NFS-e Nota Fiscal Eletrônica de Serviço NFS-e 1. Solicitar a senha Clicar na opção Solicitar Senha. Digitar o CNPJ da empresa, razão social e cadastrar uma senha, digitar novamente a senha para confirmar. Abaixo

Leia mais

NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS. Manual. Versão 1

NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS. Manual. Versão 1 NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS Manual Versão 1 1 INDICE 1 CONSIDERAÇÕES GERAIS...4 1.1 Definição...4 1.2 Obrigatoriedade de emissão da NF-e...4 1.3 Benefícios para o prestador de serviços que emitir

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PESSOA FÍSICA

MANUAL DO USUÁRIO PESSOA FÍSICA MANUAL DO USUÁRIO PESSOA FÍSICA 1 Índice DSF - Desenvolvimento de Sistemas Fiscais Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução total ou parcial deste documento sem o pagamento de direitos autorais,

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO.

SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO. Página 1 PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAXÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO. ARAXÁ MINAS GERAIS 2010 Página 2 Manual do Sistema da Nota Fiscal Eletrônica de Serviços NFS-e ÍNDICE 1. NOTA FISCAL

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Sumário: Tópico: Página: 2 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFS-e. Prefeitura Municipal de Tupãssi

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFS-e. Prefeitura Municipal de Tupãssi NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFS-e Prefeitura Municipal de Tupãssi PERGUNTAS E RESPOSTAS O QUE É A NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFS-e? R NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e) é um documento

Leia mais

Índice Nota Fiscal Eletrônica de Serviços. 1.0 Prestadores 1.1 Acessar Sistema 1.2 Cadastro 1.3 Consulta

Índice Nota Fiscal Eletrônica de Serviços. 1.0 Prestadores 1.1 Acessar Sistema 1.2 Cadastro 1.3 Consulta Índice Nota Fiscal Eletrônica de Serviços 1.0 Prestadores 1.1 Acessar Sistema 1.2 Cadastro 1.3 Consulta 2.0 - Contadores 2.1 Acessar Sistema 2.2 Cadastro 2.3 Liberação 3.0 - Tomadores 3.1 Consulta RPS

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e)

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) Diretoria Geral de Tributos Biguaçu, Janeiro de 2012 INTRODUÇÃO

Leia mais

Serviço de Informações Municipais Nota Fiscal de Serviços Eletrônica - NFS-e. Manual de Operação Versão 2.0

Serviço de Informações Municipais Nota Fiscal de Serviços Eletrônica - NFS-e. Manual de Operação Versão 2.0 Manual de Operação Versão 2.0 Índice de Operações 1. Apresentação...2 2. Solicitação de Uso da NFS-e...3 3. Consultar Andamento da Solicitação de Uso...5 4. Emitindo a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica...5

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO... 3 2. CONCEITO... 3 3. BENEFÍCIOS... 3 4. ACESSO AO SISTEMA... 4 5. MANUTENÇÃO... 6

1. APRESENTAÇÃO... 3 2. CONCEITO... 3 3. BENEFÍCIOS... 3 4. ACESSO AO SISTEMA... 4 5. MANUTENÇÃO... 6 1. APRESENTAÇÃO... 3 2. CONCEITO... 3 3. BENEFÍCIOS... 3 4. ACESSO AO SISTEMA... 4 4.1 ACESSANDO O SISTEMA DA NFS-E PELA PRIMEIRA VEZ... 4 4.2 ACESSANDO A ÁREA EXCLUSIVA DE PRESTADOR... 5 5. MANUTENÇÃO...

Leia mais

MANUAL FUNCIONAL SOBRE NFS-e MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO/RS

MANUAL FUNCIONAL SOBRE NFS-e MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO/RS MANUAL FUNCIONAL SOBRE NFS-e MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO/RS SUMÁRIO SUMÁRIO...2 1. APRESENTAÇÃO...4 1 2. ACESSO AO APLICATIVO...5 3. GERAÇÃO DE NFS-e...6 3.1. Preenchimento dos dados para emissão da NFS-e...6

Leia mais

SISTEMA DA NOTA FISCAL PAULISTANA

SISTEMA DA NOTA FISCAL PAULISTANA SISTEMA DA NOTA FISCAL PAULISTANA Manual de Exportação de NFTS Instruções e Layout Versão 2.0 Para baixar a versão mais atualizada deste documento, acesse o endereço: http://www.nfpaulistana.prefeitura.sp.gov.br/informacoes_gerais.asp

Leia mais

Help de NFSe. Credenciamento

Help de NFSe. Credenciamento Prestador 2 1 Help de NFSe Credenciamento Se for prestador do município, substituto ou empresas de outros municípios clique na opção credenciar Para acessar a tela de credenciamento do contador, clique

Leia mais

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Página1 e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é Nota Fiscal de Serviço eletrônica

Leia mais

Passos básicos para utilização de Nota Fiscal Eletrônica (NF-E)

Passos básicos para utilização de Nota Fiscal Eletrônica (NF-E) Conteúdo Solicitação de Autorização...2 Numeração da NF-E...3 Emissão de NF-E...3 Pesquisa de NF-E emitida...5 Cancelamento de NF-E emitida...5 Carta de Correção...6 Envio de Arquivo de RPS...6 Número

Leia mais

Help de NFSe. 2011 E&L Produções de Software LTDA. Contador

Help de NFSe. 2011 E&L Produções de Software LTDA. Contador Contador 2 1 Credenciamento Se for prestador do município, substituto ou empresas de outros municípios clique na opção credenciar Para acessar a tela de credenciamento do contador, clique na opção Contador

Leia mais

Manual de Integração Web Service. Prefeitura Municipal de Valparaíso de Goiás/GO

Manual de Integração Web Service. Prefeitura Municipal de Valparaíso de Goiás/GO Manual de Integração Web Service Prefeitura Municipal de Valparaíso de Goiás/GO 1. INTRODUÇÃO Este manual tem como objetivo apresentar as especificações e critérios técnicos necessários para utilização

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE TRIBUTAÇÃO M A N U A L D A NFS-e NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NOTA NATALENSE ÍNDICE INFORMAÇÕES GERAIS...4 1. Acesso ao Portal do Sistema...7

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota EBM ASSESSORIA E CONSULTORIA EM INFORMÁTICA LTDA MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota PRESTADOR / CONTADOR Versão 2.0 Índice 1. Acessar o sistema 2. Notas Eletrônicas 2.1. Emitir

Leia mais

Indice. O que é NFSe?... 5

Indice. O que é NFSe?... 5 DSF - Desenvolvimento de Sistemas Fiscais Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução total ou parcial deste documento sem o pagamento de direitos autorais, contanto que as cópias sejam feitas

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA. Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA. Acesso ao Sistema - Pessoa Física ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 36 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 2. REGRAS PARA CADASTRAMENTO... 5 3. SENHA WEB... 6

Leia mais

NFSE - Nota Fiscal de Serviços Eletrônica 1

NFSE - Nota Fiscal de Serviços Eletrônica 1 1 DSF - Desenvolvimento de Sistemas Fiscais Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução total ou parcial deste documento sem o pagamento de direitos autorais, contanto que as cópias sejam feitas

Leia mais

Manual de Integração Web Service

Manual de Integração Web Service Manual de Integração Web Service Prefeitura de São Simão/MG 1. INTRODUÇÃO Este manual tem como objetivo apresentar as especificações e critérios técnicos necessários para utilização do Web Service disponibilizado

Leia mais

NFSE - Nota Fiscal de Serviços Eletrônica 1

NFSE - Nota Fiscal de Serviços Eletrônica 1 1 DSF - Desenvolvimento de Sistemas Fiscais Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução total ou parcial deste documento sem o pagamento de direitos autorais, contanto que as cópias sejam feitas

Leia mais

Manual de Utilização. On-Line

Manual de Utilização. On-Line Manual de Utilização On-Line Nota Control Tecnologia www.issnetonline.com.br www.notacontrol.com.br Download da Ajuda em PDF Sumário Login Página Inicial Declaração de Serviços Prestados Incluir Consultar

Leia mais

NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS MUNICÍPIO DE SÃO PAULO

NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS MUNICÍPIO DE SÃO PAULO NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS MUNICÍPIO DE SÃO PAULO Cortesia: FARO CONTÁBIL (www.farocontabil.com.br) Matéria publicada originalmente no Diário do Comércio Data: 01/08/2006 01 - CONCEITOS? 1.01.

Leia mais

Manual de Integração Web Service. Prefeitura de Ituiutaba/MG

Manual de Integração Web Service. Prefeitura de Ituiutaba/MG Manual de Integração Web Service Prefeitura de Ituiutaba/MG 1. INTRODUÇÃO Este manual tem como objetivo apresentar as especificações e critérios técnicos necessários para utilização do Web Service disponibilizado

Leia mais

DECRETO Nº. 531 DE 01 DE JULHO DE 2012.

DECRETO Nº. 531 DE 01 DE JULHO DE 2012. DECRETO Nº. 531 DE 01 DE JULHO DE 2012. Regulamenta o uso da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica no ISSQN, a forma e o prazo de recolhimento dos tributos municipais e respectivos acréscimos perante o Código

Leia mais

E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município

E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município Após receber a confirmação de aceite do Credenciamento via e-mail já é possível efetuar o login no sistema

Leia mais

Prefeitura Municipal de Barra Mansa

Prefeitura Municipal de Barra Mansa Prefeitura Municipal de Barra Mansa Manual de Envio de RPS em Lote (Arquivo TXT Versão 3.0) Sistema desenvolvido por Tiplan Tecnologia em Sistema de Informação. Todos os direitos reservados. http://www.tiplan.com.br

Leia mais

ISSWEB Contribuintes de Outro Município FIORILLI SOFTWARE

ISSWEB Contribuintes de Outro Município FIORILLI SOFTWARE Manual do Sistema de ISS ISSWEB Contribuintes de Outro Município FIORILLI SOFTWARE Manual do Sistema de ISS 1 CONTEÚDO 1. Menu Contribuintes 1.1 Página Inicial... 2 1.2 Dados Gerais... 2 1.3 Trocar Contribuinte...

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Sumário: Tópico: Página: Apresentação: 02 Método de Acesso ao Sistema Sig Iss: 02 Tela de Abertura: 03 Modo de Acesso: 04 Botões e Telas

Leia mais

Eletrônica Município do Rio de Janeiro NFS-e - Nota Carioca. www.notacarioca.rio.gov.br

Eletrônica Município do Rio de Janeiro NFS-e - Nota Carioca. www.notacarioca.rio.gov.br Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Município do Rio de Janeiro NFS-e - Nota Carioca www.notacarioca.rio.gov.br Objetivo Apresentar na prática os procedimentos para acesso e manuseio do sistema da Nota

Leia mais

Manual do Sistema ISS.net Online

Manual do Sistema ISS.net Online Manual do Sistema Sistema de Gestão de ISSQN Índice 3 Índice Analítico Parte I Introdução 4 Parte II Página Inicial 4 1 Nota Eletrônica... 5 Verificar a autenticidade... de Nota Eletrônica 5 Consultar

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E (Modelo IV) 1 Introdução Este manual apresenta e detalha os procedimentos para a realização do processo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS. NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS. NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHAIS NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA PINHAIS - 2014 SUMÁRIO 2 1. Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e)... 3 1.1 Considerações Iniciais...

Leia mais

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 MANUAL DE USO DO SISTEMA GOVERNO DIGITAL ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 2.0. SOLICITAÇÕES DE AIDF E AUTORIZAÇÃO DE EMISSÃO DE NOTA

Leia mais

Manual de Acesso e Utilização ao Safeweb enota NFSe

Manual de Acesso e Utilização ao Safeweb enota NFSe Manual de Acesso e Utilização ao Safeweb enota NFSe Safeweb enota NFSe Sistema de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Manual do Usuário - Versão 1.0.0 1. Sobre O enota NFSe é um sistema de emissão de Nota

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica do Tomador de Serviços NFTS

Nota Fiscal Eletrônica do Tomador de Serviços NFTS Nota Fiscal Eletrônica do Tomador de Serviços NFTS Versão 1.0 Nota Salvador NFS-e Versão do Manual: 1.0 pág. 2 Manual do Sistema da Nota Fiscal Eletrônica do Tomador de Serviços NFTS ÍNDICE 1. Acessando

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 37 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 1.2. OBRIGATORIEDADE DE EMISSÃO DA NFS-E... 4 1.3. CONTRIBUINTES IMPEDIDOS DA EMISSÃO

Leia mais

Guia do Sistema de ISS - Contribuintes Nota Avulsa

Guia do Sistema de ISS - Contribuintes Nota Avulsa Manual do Sistema de ISS 1 Guia do Sistema de ISS - Contribuintes Nota Avulsa Na página inicial do sistema de ISSWEB são apresentados quatro menus: Início, Acesso ao Sistema, Credenciamento e Consultas.

Leia mais

Manual de Utilização. Sistema. Recibo Provisório de Serviço

Manual de Utilização. Sistema. Recibo Provisório de Serviço Manual de Utilização Sistema Recibo Provisório de Serviço Versão 1.0 17/08/2011 Sumário Introdução... 5 1. Primeiro Acesso... 7 2. Funções do e-rps... 8 2.1 Menu Superior... 8 2.1.1 Arquivo......8 2.1.2

Leia mais

Guia de Emissão de NF-e

Guia de Emissão de NF-e Guia de Emissão de NF-e Índice Nota Fiscal Eletrônica (NF-e)...3 Configuração de Perfil... 4 Configurando o Perfil no Sistema... 6 Configuração de Emissão de RPS... 6 Gerando os Arquivos para Emissão de

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento do Imposto sobre

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Envio de RPS em Lote (Arquivo XML / ABRASF Versão 1.0)

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Envio de RPS em Lote (Arquivo XML / ABRASF Versão 1.0) Manual de Envio de RPS em Lote (Arquivo XML / ABRASF Versão 1.0) Página 2 de 15 Índice ÍNDICE... 2 1. INTRODUÇÃO... 3 1.1. MANUAL COM O LAYOUT DO MODELO NACIONAL... 3 1.2. EXEMPLO... 3 2. ENVIANDO UM ARQUIVO

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Exportação de NFS-e Página 2 de 16 Índice ÍNDICE... 2 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ESPECIFICAÇÕES... 4 2.1. FORMATO DO ARQUIVO... 4 2.2. CONTEÚDO DO ARQUIVO... 4 2.3. TIPOS DE ARQUIVOS... 4 3. FORMATOS

Leia mais

DECRETO Nº 057, de16 denovembro de 2011.

DECRETO Nº 057, de16 denovembro de 2011. DECRETO Nº 057, de16 denovembro de 2011. Regulamenta a Lei Municipal nº 1.874, de 11 de novembro de 2011, que instituiu a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e) O Prefeito do Município de Campina Verde,

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA CARTILHA E TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA SUMÁRIO

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA CARTILHA E TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA SUMÁRIO NFS-e NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA CARTILHA E TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA SUMÁRIO 1. NFS-e 1.1 Considerações Iniciais 1.2 Definição 1.3 Regras de uso 1.3.1 Quem está obrigado a emitir a NFS-e?

Leia mais

RPS Recibo Provisório de Serviços Formato para envio do arquivo com os dados

RPS Recibo Provisório de Serviços Formato para envio do arquivo com os dados Manual de envio das remessas de RPS para UPLOAD, V1.00 P a g e 1 NFWeb RPS Recibo Provisório de Serviços Formato para envio do arquivo com os dados Conteúdo do arquivo com os dados do RPS Um ou mais RPS

Leia mais

https://top.solucaopublica.com.br/mantena/

https://top.solucaopublica.com.br/mantena/ 1) Acesso ao sistema NFS-e na WEB A comunidade terá acesso ao NFS-e através do Site da Prefeitura Municipal de Mantena. Para acessar o sistema da NFS-e, o contribuinte deverá acessar o site: https://top.solucaopublica.com.br/mantena/

Leia mais

Prefeitura Municipal de Barra Mansa

Prefeitura Municipal de Barra Mansa Prefeitura Municipal de Barra Mansa Manual de Envio de RPS em Lote (Arquivo XML / ABRASF Versão 1.0) Sistema desenvolvido por Tiplan Tecnologia em Sistema de Informação. Todos os direitos reservados. http://www.tiplan.com.br

Leia mais

SERRA DO SALITRE MINAS GERAIS 21/05/2014 11:06:04

SERRA DO SALITRE MINAS GERAIS 21/05/2014 11:06:04 SERRA DO SALITRE MINAS GERAIS 21/05/2014 11:06:04 Manual do Sistema da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica NFS-e ÍNDICE NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA-NFS-e - CONSIDERAÇÕES GERAIS Definição Obrigatoriedade

Leia mais

MANUAL DO ISS ONLINE

MANUAL DO ISS ONLINE MANUAL DO ISS ONLINE Empresas Internas / Externas Índice 1 - Regularização Cadastral... 3 2 - Login... 5 3 - Acessos ao Sistema... 7 4 - Solicitações de AIDF e AIDF-e... 10 5 - Emissão de Notas Fiscais

Leia mais

Manual Prático de Acesso Novo Hamburgo/RS. ISS.Net Emissor de Nota Fiscal Eletrônica

Manual Prático de Acesso Novo Hamburgo/RS. ISS.Net Emissor de Nota Fiscal Eletrônica Novo Hamburgo/RS ISS.Net Emissor de Nota Fiscal Eletrônica SUMÁRIO Página LOGIN AO SISTEMA...3 EMITIR NOTA FISCAL ELETRÔNICA...7 CONSULTAR NOTA FISCAL ELETRÔNICA...12 CONSULTAR SOLICITAÇÕES DE CANCELAMENTO

Leia mais

Pág. 5 - GERAÇÃO DE GUIAS PARA RECOLHIMENTO DO ISS

Pág. 5 - GERAÇÃO DE GUIAS PARA RECOLHIMENTO DO ISS Manual prático Pág. 2 - EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA Pág. 5 - GERAÇÃO DE GUIAS PARA RECOLHIMENTO DO ISS Pág. 8 - ATRIBUIR UM CONTADOR A UMA EMPRESA Pág. 9 - VERIFICAR REGISTRO DE RPS Pág. 11 - TRANSMISSÃO

Leia mais

Prefeitura de Rio Verde GO. SEFAZ - Secretaria da Fazenda. DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas

Prefeitura de Rio Verde GO. SEFAZ - Secretaria da Fazenda. DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas Prefeitura de Rio Verde GO SEFAZ - Secretaria da Fazenda DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas DMS e Notas Fiscais Eletrônicas Rio Verde, GO, setembro 2009 1 Sumário INTRODUÇÃO... 03 LEGISLAÇÃO...

Leia mais

Manual do Sistema da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica NFS-es

Manual do Sistema da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica NFS-es LAGOA FORMOSA MINAS GERAIS 2012 Manual do Sistema da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica NFS-es ÍNDICE NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA-NFS-e - CONSIDERAÇÕES GERAIS Definição Obrigatoriedade de emissão

Leia mais

ISSWEB Contribuintes com Inscrição Municipal

ISSWEB Contribuintes com Inscrição Municipal Manual do Sistema de ISS ISSWEB Contribuintes com Inscrição Municipal FIORILLI SOFTWARE Manual do Sistema de ISS CONTEÚDO 1. Menu Contribuintes 1.1 Página Inicial...2 1.2 Dados Gerais...2 1.3 Trocar Contribuinte...3

Leia mais

Nota Fiscal de Serviços Eletrônica - NFS-e

Nota Fiscal de Serviços Eletrônica - NFS-e Nota Fiscal de Serviços Eletrônica - NFS-e Acesso ao Sistema Pessoa Física Versão: 1.0 Para baixar a versão mais atualizada deste documento, acesse o link: http://nfse.manaus.am.gov.br 1/8/2007 Página

Leia mais

Versão 2.3 (01/2013)

Versão 2.3 (01/2013) Versão 2.3 (01/2013) Sumário INTRODUÇÃO... 4 CONCEITO... 4 BENEFÍCIOS... 4 REQUISITOS TÉCNICOS... 4 INFORMAÇÃO AO USUÁRIO... 4 PANORAMA DO SISTEMA... 5 COMO OBTER AUTORIZAÇÃO PARA UTILIZAR A NFS-E... 6

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Envio de RPS/DSR-e em Lote (Arquivo TXT Versão 3)

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Envio de RPS/DSR-e em Lote (Arquivo TXT Versão 3) Manual de Envio de RPS/DSR-e em Lote (Arquivo TXT Versão 3) Página 2 de 33 Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ESPECIFICAÇÕES... 4 3. LAYOUT DO ARQUIVO... 6 3.1. INSTRUÇÕES GERAIS... 6 3.2. REGISTRO TIPO 10 CABEÇALHO...

Leia mais

Número. Preenchimento

Número. Preenchimento Num. de casas Identificador Observação Referência Nome do campo Descrição Formato Obrigatório decimais do Mínimo Máximo Definição do registro 10 1 TipoReg Tipo de registro Numérico Sim 2 0 Fixo 2 2 Preencher

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Envio de RPS, Declaração de Notas Recebidas e Declaração de Materiais (REMAS) em Lote (Arquivo TXT Versão 3.1) Página 2 de 38 Índice ÍNDICE... 2 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ESPECIFICAÇÕES... 4 3. LAYOUT

Leia mais

M a n u a l de E m i s s ã o NFeI

M a n u a l de E m i s s ã o NFeI M a n u a l de E m i s s ã o NFeI Sistema Versão 1.8 21/08/2009. ÍNDICE Apresentação... 1 Objetivos... 2 Conceitos... 2 Recibo Provisório de Serviços RPS... 3 Geração da NFeI... 3 Cancelamento de NFeI...

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica de Serviços Manual do Sistema

Nota Fiscal Eletrônica de Serviços Manual do Sistema 1 Índice Apresentação... 3 Entrada no sistema... 4 Manual da NFe de Serviços Módulo Tomador... 5 Consultar RPS Recibo Provisório de Serviços... 6 Verificar a Autenticidade de Nota Fiscal...7 Geração de

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAXÁ

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAXÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAXÁ Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão ARAXÁ MINAS GERAIS 2010 Manual do Sistema de Arrecadação Tributária SIAT Online e Nota Fiscal Eletrônica de Serviços NFS-e ÍNDICE

Leia mais

Manual NFSe - Prestadores e Tomadores de Serviço

Manual NFSe - Prestadores e Tomadores de Serviço VALPARAÍSO DE GOIÁS quarta-feira, 28 de outubro de 2014 Manual NFSe - Prestadores e Tomadores de Serviço ÍNDICE Legislação Cadastrando A Senha Eletrônica Acessando O Sistema De Nfs- E Pela Primeira Vez

Leia mais

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA SISTEMA ISS WEB Sil Tecnologia LTDA Sumário INTRODUÇÃO 3 1. ACESSO AO SISTEMA 4 2. AUTORIZAR USUÁRIO 5 3. TELA PRINCIPAL 6 4. ALTERAR SENHA 7 5. TOMADORES DE SERVIÇO 7 5.1 Lista de Declarações de Serviços

Leia mais

DECRETO N.º 3.937, DE 27 DE MARÇO DE 2012.* (JOM DE 30/03 E 04/04/2012)

DECRETO N.º 3.937, DE 27 DE MARÇO DE 2012.* (JOM DE 30/03 E 04/04/2012) DECRETO N.º 3.937, DE 27 DE MARÇO DE 2012.* (JOM DE 30/03 E 04/04/2012) Institui a Nota Fiscal Eletrônica de Serviços, NFS e e o Recibo Provisório de Serviço RPS e dá outras providências. A PREFEITA MUNICIPAL

Leia mais

MANUAL PRONIM NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFS-E

MANUAL PRONIM NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFS-E MANUAL PRONIM NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA NFS-E VERSÃO ON-LINE Manual do Usuário do Sistema NFS-E PRONIM NFS-e Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Manual do Usuário Pagina 1 APRESENTAÇÃO No atual

Leia mais

SISTEMA DE NF-e Arquivo de Envio de RPS em Lote - Instruções e Layout

SISTEMA DE NF-e Arquivo de Envio de RPS em Lote - Instruções e Layout SISTEMA DE NF-e Arquivo de Envio de em Lote - Instruções e Layout Versão 2.3 Envio de em Lote Instruções e Layout Versão do Manual: 2.3 pág. 2 ÍNDICE Manual de Envio de em Lote Instruções e Layout 1. INTRODUÇÃO...

Leia mais

APLICAÇÕES WEB GUIA DO USUÁRIO

APLICAÇÕES WEB GUIA DO USUÁRIO Parte:...................................... Gabarito Assunto:............................ Atualização: Original........................ Página: 1 SIA 7.5 - Sistema Integrado de Arrecadação APLICAÇÕES

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE TRIBUTAÇÃO M A N U A L D A NOTA FISCAL AVULSA ÍNDICE 1. Acesso ao Portal do Sistema...6 2. Requerimento de Acesso para os novos usuários...6 2.1 Tipo

Leia mais

MANUAL DO ISS ONLINE

MANUAL DO ISS ONLINE MANUAL DO ISS ONLINE Bancos / Instituições Financeiras Índice 1 - Regularização Cadastral... 3 2 - Login... 5 3 - Acessos ao Sistema... 7 4 - Solicitações de AIDF e AIDF-e... 10 5 - Emissão de Notas Fiscais

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e) Manual da Declaração Eletrônica de Serviços de Instituições Financeiras (DES-IF) Todos os dados e valores apresentados neste manual são ficticios. Qualquer dúvida consulte a legislação vigente. Página

Leia mais

Manual do Sistema Nota Fiscal Eletrônica de Serviços (Contador)

Manual do Sistema Nota Fiscal Eletrônica de Serviços (Contador) Manual do Sistema Nota Fiscal Eletrônica de Serviços (Contador) Índice: Manual do Sistema Usuário (Contador)... 1 Índice:... 2 Introdução:...Erro! Indicador não definido. Entrada no sistema:... 4 Acesso

Leia mais

ÍNDICE. 1.1 Em Login do Administrador o usuário do sistema vai digitar seu Nome de Usuário e a senha, que foi criado anteriormente.

ÍNDICE. 1.1 Em Login do Administrador o usuário do sistema vai digitar seu Nome de Usuário e a senha, que foi criado anteriormente. ÍNDICE Descrição 1.0 Acessos ao Sistema 1.1 Login do Administrador 1.2 Login do Fiscal 1.3 Login do Contribuinte 2.0 Menu Principal 2.1 Gerar NFS-e 2.1.1 Gerar NFS-e 2.2 Cadastros 2.2.1 Cadastro de Atividades

Leia mais

Manual da Nota Fiscal Eletrônica

Manual da Nota Fiscal Eletrônica Manual da Nota Fiscal Eletrônica Memory Informática Tabela de Conteúdos Meu Usuário Meu Perfil --------------------------------------------------------- 4 Minha Empresa Configurar Minha Empresa -------------------------------------

Leia mais

Importação de notas fiscais

Importação de notas fiscais Importação de notas fiscais O e.iss permite a importação de notas fiscais por meio de arquivos. Deve ser usada quando as notas já foram digitadas em outro sistema. Entretanto o sistema gerador do arquivo

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GERENCIAMENTO DO ISS SIGISS. Manual de Envio de Notas Fiscais Eletrônicas em lote Instruções e Layout

SISTEMA INTEGRADO DE GERENCIAMENTO DO ISS SIGISS. Manual de Envio de Notas Fiscais Eletrônicas em lote Instruções e Layout SISTEMA INTEGRADO DE GERENCIAMENTO DO ISS SIGISS Manual de Envio de Notas Fiscais Eletrônicas em lote Instruções e Layout Versão 2.0 São Paulo, 08 de junho de 2015. Índice 1. Introdução... 2 2. Especificação...

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Acesso ao Sistema Pessoa Jurídica Todos os dados e valores apresentados neste manual são ficticios. Qualquer dúvida consulte a legislação vigente. Sistema desenvolvido por Tiplan Tecnologia em

Leia mais

Nota Fiscal de Serviços Eletrônica

Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Acesso ao Sistema Versão 4.0 Revisão: 17/03/2014 Manual de utilização do Sistema da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica- NFS-e ÍNDICE 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 3 1.1.

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA. Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA. Acesso ao Sistema - Pessoa Física ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 48 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 2. REGRAS PARA CADASTRAMENTO... 5 3. SENHA WEB... 6

Leia mais