25 Anos de Fundação do Sincor Ceará GRANDES EVENTOS IMPULSIONAM A PROCURA PELO SEGURO PARA TÁXI

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "25 Anos de Fundação do Sincor Ceará GRANDES EVENTOS IMPULSIONAM A PROCURA PELO SEGURO PARA TÁXI"

Transcrição

1 Nº JUNHO DE Anos de Fundação do Sincor Ceará GRANDES EVENTOS IMPULSIONAM A PROCURA PELO SEGURO PARA TÁXI Diante dos muitos desafios enfrentados pelos taxistas em seu cotidiano insegurança, trânsito caótico, acidentes, problemas mecânicos, entre outros os profissionais da praça têm procurado serviços que auxiliem na redução dos riscos inerentes ao exercício da atividade. A indenização para passageiros, em caso de acidentes de trânsito, é uma das coberturas que têm aquecido a procura pelo seguro de automóvel para taxistas, aponta o Grupo BB e Mapfre.(Página 03) Manoel Nésio No dia 06 de junho de 2014, em uma sexta-feira inesquecível, o Sindicato dos Corretores de Seguros, Capitalização, Previdência Privada e de Empresas Corretoras de Seguros no Estado do Ceará comemorou um quarto de século de existência. Fundado como uma das primeiras entidades classistas a se formar com a redemocratização brasileira, o Sincor-CE chegou aos seus 25 anos com a maturidade e dedicação necessários para alavancar os anseios de nossa importante categoria. O almoço comemorativo teve início às 12:00 h e foi embalado até o começo da noite pela grupo musical de sertanejo universitário Ely e Banda, sorteio de brindes, como também pelo calor humano de todos aqueles que estiveram presentes ao evento na Cervejaria Devassa, em Fortaleza, e prestigiaram o valoroso aniversariante. (Página 03) PALESTRA: CANAIS DE DISTRIBUIÇÃO O QUE TEM MUDADO? QUEM SÃO NOSSOS CONCORRENTES? OPORTUNIDADES... Durante o encontro, mesmo para aqueles que já possuem experiência no ramo, a palestra serviu para reciclar conceitos e sedimentar algumas técnicas que, muitas vezes, acabam ficando adormecidas em nosso subconsciente. (Página 10) Em clima de Copa do Mundo, a SulAmérica levou corretores para o jogo Brasil e México A Liberty Seguros, Seguradora Oficial da Copa do Mundo FIFA 2014 A SulAmérica Seguros, levou em torno de 80 corretores de seguros de diversas regiões do país para assistir ao jogo do Brasil contra o México, realizado no dia 17 de junho de A Liberty Seguros, Seguradora Oficial da Copa do Mundo FIFA 2014, levou a Arena Castelão, no último dia 21 de junho, para assistir ao jogo Alemanha x Gana, o presidente do Sincor/CE, Manoel Nésio Sousa. Também foram convidados para a partida cerca de 35 corretores do mercado cearense de seguros. De acordo com o gerente da filial Fortaleza da Liberty Seguros, Rodrigo Kwiatkowski, em todos os jogos da Arena Castelão, um grupo seleto de corretores parceiros da seguradora é convidado a assistir as partidas. (Página 12) (Página 12) MINISTRO AFIF DOMINGOS (PSD)

2 2 Junho 2014 O MERCADO DE SEGUROS SACODE O NORDESTE DPVAT: AS PARCERIAS FAZEM A FORÇA DESTE SEGURO SOCIAL O Seguro de Danos Pessoais C a u s a d o s p o r Ve í c u l o s Automotores de Via Terrestre DPVAT é um direito de todo brasileiro. Criado em 1974 pela Lei Federal nº , atende as vítimas de sinistros causados por veículo automotor sejam elas o condutor do veículo, passageiro ou pedestre independente da culpabilidade. Ajudar as vítimas Manoel Nésio destes acidentes é uma das metas do Sindicato dos Corretores de Seguros, Capitalização, Previdência Privada e de Empresas Corretoras de Seguros no Estado do Ceará (SINCOR-CE) que, além de prestar auxílio numa hora muitas vezes delicada para a família da vítima, também inibe a figura do atravessador, que busca tirar vantagem num momento de dor, ao cobrar por um seguro que é totalmente grátis e que independe de culpa, como diz a Lei O DPVAT é o maior seguro de cunho social do Brasil, direito de todo cidadão vítima de acidente de trânsito. Pensando nisto, o SINCOR-CE tomou a iniciativa de abraçar o Seguro DPVAT a fim de evitar que as vítimas de acidente de trânsito ou seus familiares sejam lesados por pessoas de má-fé, que se aproveitam de um momento de descontrole emocional a fim de tirar proveito financeiro. É necessário que as pessoas tenham esta preocupação em fazer valer seus direitos. Sozinho, o SINCOR-CE não pode garantir que a fraude no Seguro DPVAT se torne apenas uma sombra no passado do Estado do Ceará. Precisamos da força tanto de entidades privadas como governamentais, do empenho e comprometimento de pessoas interessadas em fazer valer os direitos de cada cidadão, principalmente daqueles mais humildes, que muitas vezes desconhecem a existência do seguro e acabam por se tornar vítimas fáceis de pessoas com intenções dolosas. Por isto mesmo, convoco os corretores de seguros a fim de que se tornem Parceiros DPVAT através da associação com uma corretora consorciada, através do qual os senhores ingressarão em uma vasta comunidade de corretores por todo o país, que tem como objetivo principal estender o conhecimento e o uso da população a este seguro, que tanto traz benefícios àqueles que se envolvem em acidentes de trânsito. É importante também que as seguradoras não se atenham somente aos seus produtos mais rentáveis e que busquem atender e orientar as pessoas que procuram auxílio. Ao receber com carinho e presteza as vítimas de acidentes e seus familiares, estas empresas poderão atrair uma nova clientela, além de prestarem um valioso serviço social. Conclamo também as prefeituras da área metropolitana de Fortaleza e das cidades do interior do Estado, Detrans, Correios, PROCON, SINDILOJA, Polícias Rodoviária Estadual e Federal, delegacias de polícia civil, hospitais públicos e particulares, funerárias, IMLs, clubes de serviços Lions, Rotary e Serra Clube que podem recomendar a seus familiares que venham ao Sincor-Ce. É preciso que nos unamos no sentido de fazer com que a moralidade e a justiça social sejam a maior marca do Seguro DPVAT em nosso Estado. Apenas juntos poderemos garantir que as vítimas de acidentes de trânsito e seus familiares não sejam enganadas, não tenham seu direito usurpado por mal-feitores. O sindicato presta este atendimento gratuito e possui material de divulgação como folders, cartazes e panfletos disponível para as prefeituras e entidades públicas e particulares de todas as cidades do Estado do Ceará que desejem divulgar a importância do Seguro DPVAT. Em Fortaleza, procure o Sincor-Ce em sua sede na Rua Perboyre e Silva, 111, Edifício Alvorada, sala 606, Centro. O horário de atendimento se estende das 08:00 h às 15:00 h. O contato pode ser estabelecido através do telefone (0**85) , do site ou dos e mails TABELA DE PRÊMIOS E GARANTIAS DO SEGURO DPVAT VIGENTE NO MÊS DE JUNHO DE 2014 NOS TERMOS DA RESOLUÇÃO CNSP Nº 274 DE 21 DE DEZEMBRO DE 2012 DIRETORIA EFETIVOS SUPLENTES PRESIDENTE: MANOEL NÉSIO SOUSA MARIA ALICE FERNANDES PIMENTEL SECRETÁRIA: SILVIA HELENA PEREIRA DE SOUSA DELEGADOS REPRESENTANTES JUNTO À FENACOR TESOUREIRO: FRANCISCO PEREIRA DE SOUSA EFETIVOS SUPLENTES 1 DELEGADO - MANOEL NÉSIO SOUSA ALEXANDRE AKSAKOF PEREIRA DE SOUSA 2 DELEGADO - CICERO GUARACI PEREIRA DE SOUSA CICERO GUARACI PEREIRA DE SOUSA SUPLENTES LÍSIAS BARBOSA PEREIRA DE SOUSA 1ª SUPLENTE - SILVIA HELENA PEREIRA DE SOUSA CONSELHO FISCAL EFETIVOS 2 SUPLENTE - ALEXANDRE AKSAKOF PEREIRA DE SOUSA MARIA RAIMUNDA LOPES FERNANDES SIRLANE ABREU DE ARAÚJO CARLOS ALBERTO PONTES DE ARAÚJO

3 3 25 Anos de Fundação do Sincor/CE. No dia 06 de junho de 2014, em uma começo da noite pela grupo musical Valter Azevedo Excelsior Seguros, E x c e l s i o r S e g u r o s ; G b o e x sexta-feira inesquecível, o Sindicato de sertanejo universitário Ely e Banda, Marcelo Amanajás HDI Seguros, Previdência Privada; HDI Seguros; dos Corretores de Seguros, sorteio de brindes, como também pelo Jorge Figueiredo MBM Seguro de Icatu Seguros; Mapfre Seguros; Capitalização, Previdência Privada e calor humano de todos aqueles que Pessoas, representantes da Mapfre e MBM Seguro de Pessoas; Porto de Empresas Corretoras de Seguros no estiveram presentes ao evento na Porto Seguro. Seguro Seguradora; Sulamérica Estado do Ceará comemorou um Cervejaria Devassa, em Fortaleza, e Seguros; Unimed Seguros e Padrão de quarto de século de existência. p r e s t i g i a r a m o v a l o r o s o O Sincor-CE representado Vida Corretora de Seguros. Também Fundado como uma das primeiras aniversariante. na pessoa de seu presidente Manoel gostaríamos de estender o nosso muito entidades classistas a se formar com a Nésio Sousa, e de sua Diretoria obrigado àqueles que são a razão e a redemocratização brasileira, o Sincor- Para abrilhantar a solene agradece a participação em todos força de nosso sindicato: os corretores CE chegou aos seus 25 anos com a ocasião, honraram-nos com suas e s s e s a n o s d a F E N A C O R, de seguro do estado do Ceará. maturidade e dedicação necessários presenças os senhores: Alan FUNENSEG, Sincor's de todo Brasil, para alavancar os anseios de nossa Vasconcelos Bradesco Seguros, SINDSEG, Clube da Bolinha e o Que esta data se repita, cada importante categoria. Raphael Cunha Sulamerica, apoio das seguintes companhias de vez mais esplendorosa, por muitos e Henrique Jenkins Icatu Seguros, seguros atuantes no Ceará: Bradesco muitos anos! O almoço comemorativo teve Isidoro Delgado Unimed Seguros, Seguros; Chubb Do Brasil Seguros; Emerson Braga - Assessor de Imprensa início às 12:00 h e foi embalado até o GRANDES EVENTOS IMPULSIONAM A PROCURA PELO SEGURO PARA TÁXI Diante dos muitos desafios Automóvel do Grupo, aponta que, furto, incêndio, responsabilidade civil Outro diferencial do seguro é que o enfrentados pelos taxistas em seu com a realização de grandes eventos, e de danos físicos aos ocupantes do profissional pode incluir outras cotidiano insegurança, trânsito a procura também está focada na carro. O Grupo também oferece, de coberturas, conforme a sua necessidade, como danos aos vidros, caótico, acidentes, problemas garantia de mais segurança ao forma gratuita, assistência mecânica extensão de quilometragem do mecânicos, entre outros os passageiro. O taxista comunica aos ao veículo e assistência para a reboque etc., complementa profissionais da praça têm procurado seus clientes a cobertura de residência do motorista (encanador, Alexandre. serviços que auxiliem na redução dos indenização de acidentes como um chaveiro, eletricistas etc.). riscos inerentes ao exercício da grande diferencial, que agora está Fonte: Revista Apólice atividade. A indenização para automaticamente incluída na sua passageiros, em caso de acidentes de apólice, afirma o especialista. trânsito, é uma das coberturas que têm Essa cobertura é válida para casos de aquecido a procura pelo seguro de acidentes de trânsito que resultam em automóvel para taxistas, aponta o morte, invalidez ou despesas Grupo BB e Mapfre. h o s p i t a l a r e s e n v o l v e n d o o s Para atender a essa demanda, a passageiros do veículo. O valor a companhia está incluindo como item partir de R$ 50 mil varia conforme o básico do seguro a cobertura de danos contrato fechado pelo taxista. aos passageiros. A proteção, antes As coberturas mais requisitadas pelos opcional, desde maio último passou a taxistas são de roubo/furto, serviços ser item básico da apólice, a exemplo de guincho e socorro mecânico. da cobertura a outros riscos, como O PRODUTO roubo, furto, incêndio etc. A apólice para taxistas cobre roubo, Jabis Alexandre, diretor geral de

4 4 Junho 2014 QUANTO VALE UMA CARTEIRA DE CLIENTES? á alguns caminhos que o organicamente, que é a forma mais corretor de seguros pode sólida, porém lenta, ou crescer através Hse direcionar para de aquisições e fusões, que é mais conquistar ainda mais clientes e rápido. A vantagem vem em ganhar sucesso em sua carreira. A mais time já treinado, operação vencedora, conhecida é trabalhar dia após dia, e economizar no tempo de uma conquistar cada cliente e fidelizá-lo experiência, explica Viana. no bom atendimento baseado na Para ele, a compra de uma nova experiência. Ou comprar uma carteira carteira é o risco do cliente não querer de cliente que já sabe o que é seguro, ter o atendimento do novo corretor. cabendo manter o atendimento com Para que isso não aconteça, é preciso profissionalismo e desempenho. Mas fazer passagem gradativa do quanto custa uma carteira de cliente já relacionamento da antiga corretora formada? para a compradora, de forma que o Para Amilcar Viana, Diretor do Clube antigo corretor deva se ocupar em de Corretores de Seguros do Rio de apresentar e fazer a transição do r e l a c i o n a m e n t o. I s s o é q u e comissionamento que ele aplica. Tem Janeiro e Membro da Diretoria da minimizará os riscos. também que observar a margem de Fenacor, não é simples avaliar o valor perda com a mudança do corretor de de uma carteira. Há alguns fatores O corretor Carlos Alberto Gonçalves, seguros, porque cada cliente entende que influenciam esse tipo de Sócio Diretor da NCK Corretora de essa mudança de uma forma. estimativa. Se for seguro de Seguros, nunca tinha comprado uma automóvel, de vida, varia um pouco carteira de clientes, mas arriscou com Já o corretor Roger Tenheri, da Frente Corretora, quer vender sua carteira em função do interesse do comprador. a intenção de expandir seus negócios. com 1600 segurados, por diversos Além disso, outros fatores devem ser Além disso, meu interesse era motivos que ele considera agravar o levados em consideração como administrar o cliente que já está dia a dia de um corretor de seguros. instalações, móveis, know-how. inserido no mercado, ou seja, que já Meu interesse na venda surgiu por Quando falamos de carteira de possuem algum tipo de seguro. causa da rotina e das companhias que clientes, falamos além dos negócios, j o g a m c a d a v e z m a i s Ele também concorda que aferir uma mas de uma equipe já treinada. responsabilidades para o corretor. carteira de clientes não é tarefa fácil. Hoje temos que brigar com a Mas comprar novas carteiras ainda é Eu avaliaria a carteira do corretor de seguradora para que ela perceba que um dilema. É a dúvida de crescer a c o r d o c o m a p r o d u ç ã o e teve uma recusa indevida. Isso tudo deixa o trabalho cansativo e triplicado, porque as companhias não têm empenho em resolver e ajudar. Ele já conseguiu mensurar o valor de uma carteira de clientes. Pela base que eu pesquisei, uma carteira custa de três a quatro vezes o valor líquido recebido no último ano. Para Roger há valorização de alguns tipos de carteiras de clientes, que deve ser levada em consideração. Aquelas que possuem seguros com renovação é mais valorizada, como o de automóveis. Fonte: Tany Souza CQCS

5 Junho 2014 Nos últimos cinco anos, o fatia na receita nacional, que ficou nove estados mais do que dobraram de vez, aumentaram 85,5%, e os voltados f a t u r a m e n t o d o m e r c a d o praticamente inalterada em 1,8%, de tamanho em cinco anos, não foi para condomínios, 66,6%. O n o r d e s t i n o s u b i u %, 2009 para O Sul cresceu 89,2% observado em outra região. No segmento de pessoas foi outro cujas desempenho que nenhuma outra e o Centro-Oeste, 83,3%, mas ambos Sudeste, todos apresentaram vendas no mercado nordestino região do País conseguiu alcançar. permaneceram estacionados com crescimento abaixo de 100%. Dos subiram significativamente de 2009 Sudeste perde market share e parcelas ao redor de 15,7% e 6,6%, sete estados que compõem o Norte, para A alta foi de 146,8%, parcela do Sul fica inalterada respectivamente. Já o Sudeste, onde a em quatro as vendas dobraram no superada apenas pelos 165% do Enquanto a atividade de seguros atividade de seguros se concentra, período, mas não nos dois polos Norte. A média brasileira de brasileira avançou 85,8% nos últimos perdeu espaço. Sua participação de principais da região, que são Pará e crescimento situou-se na faixa de cinco anos, o mercado nordestino mercado, que era de 68,3%, em 2009, Amazonas. No Centro-Oeste, Goiás e 89%. O destaque no Nordeste ficou mais do que dobrou de tamanho. O caiu para 66,5% em 2013, queda de Mato Grosso subiram 130,5% e com seguro prestamista, produto salto foi de 121%, com a receita de 1,8 ponto percentual, embora a região 120,4%, respectivamente. E no Sul, ligado ao consumo, que evoluiu prêmios pulando de pouco mais de R$ tenha evoluído 81,1%. Aliás, foi a apenas o Paraná cresceu acima de 1.200,7%. O seguro de viagem 6 bilhões, em 2009, para R$ 13,265 menor taxa de crescimento registrada 100%. Nos riscos patrimoniais, o aumentou 209% e o de acidentes bilhões no ano passado. Com esse no período. Tal desempenho indica Nordeste faturou R$ 905,1 milhões, pessoais, 173,2%. Desempenho crescimento, o Nordeste ampliou seu que o seguro ganha força fora do eixo avanço de 179,2% o maior entre expressivo entre 2009 e 2013 também Market share sobre o faturamento Sudeste-Sul. No Nordeste, o único todas as regiões ficou nada menos foi observado na carteira de veículos nacional de 7,7% para 9,2%, 1,5 ponto estado que não dobrou de tamanho de que 103,2 pontos percentuais acima (seguros de cascos, responsabilidade percentual a mais, segundo 2009 para 2013 foi o Rio Grande do da média nacional, que foi de 76% nos civil facultativa e assistências), onde o levantamento realizado pelo Jornal do Norte, com alta de 80,5%. O Ceará foi últimos cinco anos. Entre as Nordeste apresentou o segundo maior Commercio com base nas estatísticas o que mais cresceu: 146,8%, seguido principais carteiras de negócios, a crescimento, de 73,5%, quatro pontos da Superintendência de Seguros de Sergipe, com 146,3%. Hoje, o região registrou expansão de 640,5% percentuais acima da média nacional Privados (Susep), que não incluem o Ceará é o terceiro maior polo de na garantia estendida, chegando a (69,4%). O Sul foi o que mais cresceu: seguro-saúde. A pesquisa mostra que seguros do Nordeste. Perde para a 346% nos riscos operacionais, que 81,4%. O Nordeste também não ficou nenhuma performance das demais Bahia, dona de 31% da região, e t ê m c o m o c l i e n t e s g r a n d e s atrás no VGBL, ao contrário, foi onde regiões do País se iguala à Pernambuco, que responde por outros empreendimento empresariais. Em o produto mais avançou frente às conquistada pela nordestina nos 25,2%. A parte cearense fica em outro seguro destinado ao universo outras regiões nos últimos cinco anos: últimos cinco anos. A expansão mais 21,3%. corporativo, a alta foi de 98,6%, 168,7%, 62,5 pontos percentuais próxima foi de 92,8%, no Norte, ainda alcançada nos pacotes empresariais. acima da média brasileira de 106,2%. À frente assim insuficiente para mexer em sua O feito do Nordeste, onde oito dos Os multirriscos residenciais, por sua Fonte: Jornal do Commercio - RJ ICSS-FENACOR ÍNDICE DE CONFIANÇA DO SETOR DE SEGUROS A FENACOR lançou o Índice de Confiança do Setor de Seguros (ICSS), que é obtido a partir da combinação de três indicadores: o ICGC Índice de Confiança das Grandes Corretoras; o ICES - Índice de Confiança e Expectativas das Seguradoras; e o ICER Índice de Confiança e Expectativas das Resseguradoras. O ICSS é calculado mensalmente, com base nas entrevistas feitas junto a executivos de mais de 100 companhias, entre corretoras, seguradoras e resseguradoras, visando a apurar a avaliação do mercado, quanto ao grau de confiança e suas expectativas. Essa metodologia segue um padrão similar ao existente em Indicadores de Confiança de outros setores econômicos por exemplo, Índice McKinsey, Índice Fecap (IFECAP), Índice de Confiança do Comércio (ICEC), Índice de Confiança da Indústria (ICI), etc. Dessa forma, a FENACOR espera contribuir para o desenvolvimento institucional do setor de seguros e, em especial, das corretoras de seguros. Em junho de 2014, o ICES (Índice de Confiança e Expectativas das Seguradoras) continuou em queda, agora pelo 5º mês seguido. Nesse mês, é a primeira vez que todos os fatores usados no seu cálculo sinalizam pessimismo ao mesmo tempo. Isto é, economia brasileira, rentabilidade e faturamento das seguradoras. Os indicadores que avaliam as expectativas das resseguradoras e grandes corretoras (ICER e ICGC, respectivamente) também permaneceram com viés negativo, tal como nos meses anteriores. Em junho, o ICSS (Índice de Confiança do Setor de Seguros) foi 84,3, com queda de 2,4% em relação ao mês anterior. Fontes: FENACOR & Rating de Seguros Consultoria Vendas ganham força no Nordeste 5

6 6 Junho 2014 Como faço para saber tudo sobre o pedido do Seguro DPV AT? Ligue para o SAC SAC DPVAT DPVAT no ou no site O que posso esperar do Seguro DPVAT? Onde posso pedir o Seguro DPVAT? Veja no site, ou ligue para o SAC, para saber o ponto mais perto de você. Vá até lá e cuide você mesmo do seu pedido! O atendimento é GRA TUITO! O atendimento é GRATUITO! O Seguro DPVAT paga indenizações por danos pessoais causados a pessoas que sofreram acidentes de trânsito. Despesas Médicas poderão ser reembolsadas até R$ 2.700,00 Em caso de Invalidez Permanente, a indenização pode chegar até R$ ,00 Em caso de Morte do cônjuge, companheiro ou parente, a indenização é de R$ ,00 partilhada entre os herdeiros legais. Que documentos preciso ter para fazer o meu pedido? Para qualquer tipo de pedido, você vai precisar de: 1. Registro Policial da Ocorrência (B.O. ou R.O.) - Original ou cópia autenticada 2. CPF e Documento de Identificação da vítima ou beneficiário - Cópia simples 3. Comprovante de Residência da vítima ou do beneficiário do pedido - Cópia simples 4. Ficha de Autorização de Pagamento - Grátis no site e nos pontos de atendimento Além desses documentos, para pedidos de indenização por invalidez permanente e reembolsos de despesas médicas é preciso ter também: Boletim de Atendimento Hospitalar ou Ambulatorial - cópia simples. Relatório Médico indicando as lesões sofridas e o tratamento realizado, emitido em formulário do próprio hospital ou ambulatório - cópia simples. Laudo do IML do local do acidente, ou da residência da vítima - original ou cópia autenticada do laudo apenas para os casos de Invalidez Permanente; ou Declaração de Ausência de Laudo do IML - modelo da declaração GRÁTIS no site do DPVAT ou nos pontos de atendimento. Comprovantes originais das despesas Médico-Hospitalares pagas - Somente para pedidos de reembolso. Notas Fiscais originais dos medicamentos comprados e cópia simples dos respectivos receituários médicos. A elaboração e divulgação desse cartaz decorrem da celebração do TCAC vinculado ao Inquérito Civil Público nº / PRM-Piracicaba, Ministério Público Federal. Em caso de denúncias ou reclamações Para pedidos de indenização por morte, você precisará apresentar: Os documentos mencionados nos itens de 1 a 4. Certidão de Óbito da Vítima. Declaração de Únicos Herdeiros - GRÁTIS no site do DPVAT, ou nos pontos de atendimento autorizados. Comprovante de que é beneficiário da vítima (cônjuge, ou companheiro e herdeiros legais) - veja no site do DPVAT, ligue GRÁTIS para o SAC DPVAT ou informe-se em um dos pontos de atendimento. ATENÇÃO: PROCEDIMENTO, FORMULÁRIOS, LAUDOS E RELATÓRIOS MÉDICOS NECESSÁRIOS PARA RECEBER O DPVAT SÃO GRATUITOS. PEÇA AO MÉDICO E/OU AO HOSPITAL, QUE ATENDEU APÓS O ACIDENTE, TODA A DOCUMENTAÇÃO DE SEU TREINAMENTO. VOCÊ MESMO PODE DAR ENTRADA SEM INTERMÉDIÁRIOS. OUVIDORIA DPVAT OU DISQUE SUSEP

7 Junho

8 8 Junho 2014 A Susep informa a publicação dos seguintes normativos: Tipo: Circular SUSEP Número: 487 Data da Publicação: 22/05/2014 Ementa: Altera o disposto no Artigo 2º da Circular Susep nº 360, de 15 de fevereiro de o=32971 Tipo: Circular SUSEP Número: 488 Data da Publicação: 28/05/2014 Ementa: Altera dispositivos da Circular Susep nº 171/2001. o=32982 Tipo: Edital de Consulta Publica Número: 03 Data da Publicação: 2014 Ementa: O Superintendente da Superintendência de Seguros Privados - Susep decidiu colocar em consulta pública minuta de Circular que dispõe sobre instruções complementares para o plano de regularização de solvência. Link:http://www.susep.gov.br/setores-susep/seger/copy_of_normas-emconsulta-publica/edital-de-consulta-publica-no Coordenação de Documentação - CODOC Superintendência de Seguros Privados - Susep Tipo: Resolução CNSP Número: 309 Data da Publicação: 25/06/2014 Ementa: Referenda a Resolução CNSP nº 306, de 02 de abril de o=33094 Tipo: Resolução CNSP Número: 310 Data da Publicação: 25/06/2014 Ementa: Referenda a Resolução CNSP nº 307, de 23 de abril de o=33095 Tipo: Resolução CNSP Número: 311 Data da Publicação: 23/06/2014 Ementa: Dispõe sobre a prestação de serviços de auditoria atuarial independente para as sociedades seguradoras, entidades abertas de previdência complementar, sociedades de capitalização e resseguradores locais. [Em vigor apartir de 01/01/15, produzindo seus efeitos em relação ao exercício de 2014]. o=33083 Seja sócio do Sincor-Ceará O Sindicato dos Corretores de Seguros, Capitalização, Previdência Privada e de Empresas Corretoras de Seguros no Estado do Ceará SINCOR/CE é a entidade representativa da categoria no Estado do Ceará. A nossa entidade completou, no mês de maio de 2014, 25 anos de fundação. O Sincor/Ce faz parte, juntamente com os demais sindicatos de todo o Brasil, da Fenacor Federação Nacional dos Corretores de Seguros Privados, de Capitalização, de Previdência Privada e das Empresas Corretoras de Seguros. O Sincor/Ce é o representante oficial dos Corretores de Seguros e das Empresas Corretoras de Seguros do Ceará, e a nível estadual, tem um papel importante no mercado de seguros. Aos corretores, empresas corretoras, seus dependentes/funcionários, a nossa entidade oferece uma série de serviços e benefícios oriundos de convênios e acordos com entidades de classe e empresas seguradoras. Para usufruir desses benefícios, o corretor deve filiar-se ao Sincor/Ce. Para nós que fazemos a diretoria do Sincor-Ce é uma honra recebê-lo como sócio do sindicato e assim podermos beneficiá-lo com toda a estrutura que a entidade dispõe e oferecer-lhe nosso esforço e solidariedade corporativista. Sendo sócio do Sindicato você estará fortalecendo a categoria e ajudando a diretoria a combater as irregularidades do mercado e a conquistar novos benefícios para a classe. Filiando-se ao sindicato, você ganha a legitimidade básica para pleitear, no futuro, funções executivas na sua diretoria, inclusive Presidente da entidade, no próximo pleito. Não perca tempo! Seja associado do Sindicato dos Corretores de Seguros, Capitalização, Previdência Privada e de Empresas Corretoras de Seguros do Estado do Ceará. Venha ao SINCOR/CE., solicitar sua Filiação Pessoa Física ou Jurídica. Maiores informações pelo número: (85) no horário de funcionamento 08:00h às 15:00h, ou pelo site Atenciosamente, Manoel Nésio Sousa Presidente do SINCOR/CE. Tipo: Resolução CNSP Número: 312 Data da Publicação: 25/06/2014 Ementa: Dispõe sobre a prestação de serviços de auditoria independente para as sociedades seguradoras, sociedades de capitalização, entidades abertas de previdência complementar e resseguradores locais, bem como sobre a criação do Comitê de Auditoria. o=33096 Tipo: Carta Circular SUSEP/CGRAT Número: 10 Data da Publicação: 30/06/2014 Ementa: Esclarecimentos acerca da Circular SUSEP nº 460 de 21 de dezembro de o=33110

9 Junho 2014 Seguradoras não cobrem danos 9 Seguradoras seguem a regra de não aponta alguns critérios estipulados que o seguro é exatamente um serviço ou indiretamente de: tumultos, cobrir danos em veículos causados pelas seguradoras que norteiam o oferecido para acobertar ou assegurar vandalismo, motins, greves, 'lockpor atos considerados vandalismo. p o s s í v e l p a g a m e n t o d a s o consumidor de danos decorrentes de out', e quaisquer outras perturbações Especialistas advertem que, mesmo indenizações. O primeiro é o casual e ações externas. Caso não haja uma de ordem pública. q u e h a j a u m a c o n d i ç ã o se refere a um fato acontecido, o qual cláusula determinando a condição, especificada em contrato, o não houve contribuição por parte do não há o que discutir. se houver, o CONCLUSÃO consumidor pode pedir a anulação dono do veículo. Nesta situação, há consumidor pode pedir a anulação na Um seguro veicular não prevê da cláusula na Justiça. cobertura, adverte. O segundo tipo é Justiça, frisa. Para certas situações, cobertura para danos causados por involuntário por parte do segurado e fica definido que o consumidor não vandalismo e, muitas vezes, o Danos causados em carros por delimita que houve um acidente. terá defesa. Se faço parte de um consumidor não se ateve a esta manifestantes, grevistas ou vândalos Também haverá a cobertura, mas protesto, utilizo o meu carro em meio exclusão. O mesmo vale para não são cobertos por seguros. Em sempre o evento passará por uma à multidão e ele acaba com danos, catástrofes naturais. As empresas de paralisações, manifestações ou análise. E, no terceiro caso, o dono logicamente, não poderei ser seguros estabelecem a exclusão de greves, por exemplo, as seguradoras do veículo contribui para que haja o indenizado, explica. Na situação cobertura em casos de maremotos, de veículos não cobrem danos dano no carro, deixando de ser um oposta, em caso de ser surpreendido, terremotos, erupção vulcânica ou causados por atos de hostilidade, acidente e passando a ser dolo. O o consumidor ganha esse direito, qualquer outro tipo de distúrbio da vandalismo, rebelião ou tumultos presidente da Comissão de Direito do ressalta. natureza. sobre o bem dos segurados. A C o n s u m i d o r d a O r d e m d o s maioria das seguradoras segue as #NãoVaiTerSeguro POR OUTRO LADO Advogados do Brasil (OAB-CE), mesmas regras que norteiam as Eginardo Rolim, destaca que não H Á T R Ê S T I P O S D E O Código de Defesa do Consumidor normas gerais dos produtos, afirma o cobrir danos de vandalismo COBERTURAS DE SEGURO (CDC) prevê, no parágrafo 4º do corretor de seguros Jamildo Correia caracteriza uma cláusula abusiva e, AUTOMOTIVO artigo 54, que as cláusulas que Lima, que trabalha no ramo há 20 de forma geral, coloca o consumidor impliquem na limitação do direito do anos. Danos causados em veículos 1. Cobertura básica, em desvantagem manifestamente consumidor devem estar redigidas por atos de vandalismo, além de ser excessiva. Para Eginardo, é preciso 2. RCF-V (Responsabilidade Civil com destaque, permitindo sua objeto de não cobertura, consta nas que esteja especificado claramente na Facultativa de Veículos) imediata e fácil compreensão. Do condições gerais da maior parte das apólice todas as condições. Conforme contrário, é possível questionar a empresas do setor, ressalta. O 3. APP (Acidentes Pessoais de o advogado, as seguradoras devem negativa de indenização na Justiça, consumidor, portanto, deve estar Passageiros). informar expressamente no ato da pois o direito à informação clara e a t e n t o a o l e r a s a p ó l i c e s, contratação essas exclusões, o que, De acordo com a Superintendência de precisa é um dos pilares da defesa do especialmente aos itens de danos na realidade, isso não acontece. O Seguros Privados (Susep), são não consumidor. cobertos e excluídos de cada empresa, profissional aponta ainda como indenizáveis, dentre outras coisas: aconselha o profissional. Jamildo Fonte: Jornal da Manhã contraditório a não cobertura, já Perdas ou danos decorrentes direta Ações Implantadas pela Bradesco Seguros geram economia de 632 toneladas de papel em 2013 O Kit Digital adotado pela empresa fabricação do material atingiu um destinação final correta ao material 76% foi a redução no volume de em janeiro impactou positivamente volume de 63 milhões de litros (1 d e s c a r t a d o p o r o f i c i n a s d e folhas de papel tipo A4 utilizadas na ao evitar tanto o desmatamento tonelada de papel utiliza 100 mil litros automóveis e reduzir o impacto ao impressão das apólices. 632 toneladas quanto o desperdício de água. de água). meio ambiente, o Grupo Segurador de papel correspondem a lançou em 2009, também de forma árvores. Suficientes para cobrir um Em 2013 a Bradesco Seguros Parcerias sustentáveis pioneira, o Programa Auto espaço equivalente a 126 hectares economizou 543 milhões de folhas de Essa é apenas a mais recente de uma Reciclagem. Desde então, foram (cálculo utilizado pela Embrapa papel usadas na impressão de série de ações sustentáveis que o recicladas mais de 7,6 mil toneladas levando em consideração 100 árvores apólices, redução de 76% no volume Grupo Segurador desenvolve. Em de peças resultantes dos reparos de por hectare cultivo de pinus para impresso total. Essa economia foi 2004, em uma iniciativa pioneira, o carros, caminhonetes, caminhões e celulose). Mais de 7,6 mil toneladas obtida por meio do Kit Digital Auto, segmento de capitalização lançou motocicletas danificados em de peças resultantes dos reparos de implantado pela empresa no início do títulos com apelo socioambiental, acidentes com segurados e terceiros. carros, caminhonetes, caminhões e ano com o objetivo de diminuir o uso abrangendo áreas como Ecologia, Somente no ano passado, 1,9 mil motocicletas danificados em de papel em apólices dos ramos Educação e Saúde. Ao adquirir os toneladas de material foram acidentes com segurados e terceiros Automóvel, Residencial e Vida e produtos, além de concorrer a encaminhadas à reciclagem. A marca foram recicladas por meio do Previdência, que passaram a ser prêmios em sorteios, os clientes Bradesco Seguros também foi a Programa Auto Reciclagem, desde encaminhadas aos segurados em contribuem diretamente com primeira, no mercado segurador, a que foi lançado, em arquivo digital (PDF). Buscamos entidades de cunho social que a d e r i r a o s P r i n c í p i o s p a r a não apenas oferecer produtos e mantêm parcerias com o Grupo. Os Sustentabilidade em Seguros (PSI, Sobre o Grupo Bradesco Seguros resultados incluem o plantio de mais O Grupo Bradesco Seguros, líder do s e r v i ç o s a l i n h a d o s c o m a s sigla em inglês). A PSI é uma de 24 milhões de mudas de árvores setor de seguros no Brasil, tem necessidades do consumidor iniciativa financeira do Programa das nativas (Fundação SOS Mata atuação multilinha em âmbito moderno, cada vez mais exigente, Nações Unidas para o Meio Atlântica); e o atendimento de mais nacional. Até março de 2014, seu mas mostrar para o cliente que o Ambiente, lançada em O Grupo de 35 mil pessoas em 15 Unidades de faturamento atingiu R$ 11,5 bilhões Grupo está atento às boas práticas de Segurador também participa do Conservação da região amazônica n o s s e g m e n t o s d e s e g u r o s, sustentabilidade com o mínimo de Protocolo Verde, iniciativa criada capitalização e p r evidência (Fundação Amazonas Sustentável). impacto ao meio ambiente, afirma pela CNseg e pelo Sindicato das complementar aberta. Tal valor Além disso, a parceria com o Projeto Eugênio Velasques, diretor da Seguradoras (RJ/ES) para implantar representou evolução de 4,5% em Tamar tem sido decisiva para o Bradesco Seguros. Somente no uma agenda de sustentabilidade na relação ao totalizado no mesmo monitoramento, pesquisa e proteção último ano, a implantação do Kit indústria de seguros. período de Esse faturamento do ciclo de vida das tartarugas Digital pela Bradesco Seguros, para mantém o Grupo Segurador na marinhas, já tendo assegurado a Números da reciclagem os segmentos Auto, Residencial e liderança do mercado nacional de manutenção de mais de 15 milhões de 63 milhões de litros d'água são prêmios de seguros, rendas de Vida e Previdência gerou a economia filhotes. suficientes para abastecer uma cidade c o n t r i b u i ç ã o e r e c e i t a s d e de 632 toneladas de massa de papel de 570 mil habitantes por 1 dia (seg capitalização. (50 kg de papel equivalem a 1 árvore). Programa Auto Reciclagem undo cálculos da ONU que considera Já a redução da água utilizada na Com o objetivo de propiciar uma suficientes 110 litros por pessoa). Fonte: Bradesco Seguros

10 10 Junho 2014 PALESTRA CANAIS DE DISTRIBUIÇÃO O QUE TEM MUDADO? QUEM SÃO NOSSOS CONCORRENTES? OPORTUNIDADES... Bruno Kelly o dia 09 de maio de pela área de Gerenciamento de estas palavras, Bruno Kelly abriu a e muito mais abertos a aquisição de 2014, o SINCOR/CE Riscos, bem como a administração palestra e, de imediato, ganhou a conhecimento. N em parceria com a d o s s e g u r o s p a t r i m o n i a i s, atenção dos corretores de seguros Bruno encerrou a palestra falando FENACOR e a FUNENSEG automóveis, riscos de engenharia, presentes no auditório do SENAC, em sobre os desafios que os corretores promoveu a palestra "CANAIS DE responsabilidade civil, riscos Fortaleza-Ce. têm pela frente, se quiserem se DISTRIBUIÇÃO O QUE TEM industriais, transportes nacionais e Segundo o especialista, a estabilidade destacar em meio à concorrência, MUDADO? QUEM SÃO NOSSOS internacionais, seguros agrícolas e de econômica, a inflação controlada e o como a necessidade de ampliar a base C O N C O R R E N T E S? animais. maior acesso à renda por parte da de clientes e a importância de uma população, aliados às obras de cada vez maior qualificação de seus OPORTUNIDADES..., ministrada Durante o encontro, mesmo para infraestrutura pelas quais passa o País quadros. pelo Sr. Bruno Kelly. Administrador aqueles que já possuem experiência e o número cada vez maior da Mais uma vez o SINCOR/CE, os de empresas com MBA em no ramo, a palestra serviu para reciclar população economicamente ativa, são corretores de seguros do estado do gerenciamento de riscos pela conceitos e sedimentar algumas c o n d i ç õ e s f a v o r á v e i s à Ceará e o mercado de seguros Universidade Federal Fluminense, técnicas que, muitas vezes, acabam cearense agradecem ao Sr. Bruno Bruno também é certificado pelo comercialização do seguro. ficando adormecidas em nosso Kelly, a FENACOR e a FUNENSEG A I C P C U / I I A, M a l v e r n, E m d u a s h o r a s m u i t o b e m subconsciente. pela oportunidade de aprendizagem e aproveitadas pelos corretores de Pennsylvania, e professor dos cursos "A ideia é que a gente consiga trocar crescimento. Sua palestra trouxe novo seguros que se fizeram presentes à preparatórios para habilitação de experiências. Viemos aqui hoje trazer valiosa aula, Bruno Kelly demonstrou ânimo à nossa categoria em terras corretores de seguros e do MBA em uma discussão do que está de maneira prática e de fácil alencarinas. seguros e resseguro, ministrados pela acontecendo no mercado, a assimilação os principais pontos do Escola Nacional de Seguros. Na potencialidade do que ele tem de novo tema proposto, o que deixou os Emerson Braga Correcta Consultoria é responsável e o que podemos aproveitar". Com participantes da palestra confortáveis Assessor de imprensa

11 Junho NOTA DE PESAR 10º Ciclo de palestras para corretores Prezados(as) Senhores(as), Antônio Carlos Macedo Munró A Diretoria do Sindicato dos Corretores de Seguros, Capitalização e de Previdência Privada no Estado do Ceará Sincor Ceará, ainda consternado com o inesperado falecimento do Sr. Antônio Carlos Macedo Munró que foi presidente do Conselho Deliberativo do Grupo GBOEX e teve duas passagens pela Confiança Companhia de Seguros. A primeira entre 2008 e 2010, e a segunda em 2011, quando assumiu o cargo de diretor-presidente da companhia. Em nome dos corretores cearenses expressa a tristeza da perda desse nosso valoroso companheiro, nesse momento de dor, pedimos a Deus que a providência Divina forneça, a toda a sua família, a paz e o conforto necessários. As concessionárias que não tiverem um profissional habilitado para venda de seguros está proibida de autuar. Recentemente, houve a publicação das representante devidamente habilitado e Resoluções CNSP nº 297/2013 e capacitado, nos termos da lei, sendo Circular 480/13, que criaram, vedada qualquer participação direta respectivamente, a figura do dos funcionários das concessionárias "representante de seguros" e das nesse sentido. "organizações varejistas", nas quais A SUSEP(Superintendência de enquadram as concessionárias de Seguros Privados) ressalta que a veículos, pelo conceito aplicado na prática de qualquer ato em desacordo norma, como organizações varejistas. com os referidos normativos e demais No entanto, referidas normas não normas expedidas pelo CNSP possibilitam que as Concessionárias, (Conselho Nacional de Seguros como representantes de seguros, Privados), poderá acarretar em vendam o seguro automóvel de forma penalidades cabíveis, aplicáveis direta. Assim, a venda do seguro inclusive à concessionária e aos automóvel nas Concessionárias corretores, previstas na Resolução somente poderá ser realizada, a partir CNSP nº 243/2011 do próximo dia 18/06, por intermédio de um corretor de seguros ou seu (Fonte:Susep) O Sindicato dos Corretores de Seguros, Capitalização, Previdência Privada e de Empresas Corretoras de Seguros no Estado do Ceará Sincor-Ceará, com o apoio da Funenseg e Fenacor, irá promover durante o ano de 2014, 06(seis) palestras dentro do 10º Ciclo de Palestras para corretores de seguros, no período de abril a novembro do corrente ano. A exemplo das palestras realizadas no ano passado, o certame deverá, atrair a atenção dos interessados em torno de temas importantes para a categoria, todos previamente escolhidos, ouvindo a opinião dos corretores cearenses. Cada palestra, a cargo de autoridades do mercado e/ou professores do quadro da Funenseg, é destinada a 150 corretores devidamente inscritos, podendo também contar com a presença de dirigentes e funcionários de seguradoras parceiras atuantes no estado. Como no ano anterior, a presença de várias Companhias Seguradoras, reforçaram ainda mais a parceria existente entre corretores e seguradores, fortalecendo a nossa iniciativa de promover eventos em nível regional buscando sempre a melhoria da qualificação do corretor e a sua sintonia com o mercado e as instituições de seguros. Importante: 1. As palestras são realizadas sempre no SENAC da Av. Tristão Gonçalves, 1245 ou em um hotel de Fortaleza com auditório com total infra-estrutura; 2. No evento haverá coffee-break; 3. (podendo haver alterações de data/palestrante/tema); 4. Informações: Tel: (85) Inscrições gratuitas. Temas: 04 abril 'A arte de negociar' - Palestrante: Bernardo Wolak 09 maio 'Canais de distribuição aprendendo a enxergar novas oportunidades' - Palestrante: Bruno Kelly 01 agosto 'Plano de Marketing para Corretores satisfação e fidelização' - Palestrante: Maurício Tadeu 05 setembro 'Análise de carteira e venda cruzada' - Palestrante: Rodrigo Maia 03 outubro 'Desbravando novas possibilidades' - Palestrante: Andresa Pugliesi 07 novembro 'Gestão de Vendas e Gestão Empresarial para corretores' - Palestrante: Guilherme Contrucci Lísias Barbosa Diretor 0**(85) **(85) E contem sempre com o SINCOR/CE.

12 12 Junho 2014 Em clima de Copa do Mundo, a SulAmérica levou corretores para o jogo Brasil e México SulAmérica Seguros, campanha P.R.A e convidados, Odonto, Sr. Christian Menezes, SulAmérica pela excelência na levou em torno de 80 estavam presentes os Diretores da Diretor SP Interior, Sr. Raphael organização do evento e pelo carinho Acorretores de seguros de Companhia: Sr. José Henrique Cunha, Gerente da Filial Fortaleza o em proporcionar aos diversos diversas regiões do país para assistir P i m e n t e l, D i r e t o r R e g i o n a l Sr. Manoel Nésio Sousa, Presidente corretores do país essa experiência ao jogo do Brasil contra o México, Norte/Nordeste, Sr.Eduardo Dal Ri, do Sincor-CE e vários corretores de realizado no dia 17 de junho de Diretor de Automóvel e Massificados, seguros de nosso estado. única em assistir ao jogo da copa do Dentre os parceiros vencedores da Sr. Manoel Cardoso, Diretor Saúde e O Mercado Cearense parabeniza a mundo de futebol. A Liberty Seguros, Seguradora Oficial da Copa do Mundo FIFA 2014 Liberty Seguros, mercado cearense de seguros. De Oficial da Copa do Mundo da pontos de vendas em todo Brasil. Com Seguradora Oficial da acordo com o gerente da filial FIFA2014, a Liberty Seguros está mais de 13 mil corretores em todo o ACopa do Mundo FIFA Fortaleza da Liberty Seguros, Rodrigo no mercado brasileiro desde 1996, território nacional, a Liberty Seguros quando adquiriu a tradicional possui um portfólio com mais de , levou a Arena Castelão, no Kwiatkowski, em todos os jogos da Companhia Paulista de Seguros, e está soluções de seguros para pessoas último dia 21 de junho, para assistir ao Arena Castelão, um grupo seleto de entre os nove maiores grupos físicas, empresas e grandes riscos. É jogo Alemanha x Gana, o presidente corretores parceiros da seguradora é seguradores do país. Com prêmios de pioneira e especialista em seguros do Sincor/CE, Manoel Nésio Sousa. convidado a assistir as partidas. R$ 2,4 bilhões e uma carteira com personalizados para funcionários de Também foram convidados para a mais de 1,3 milhão de segurados, tem empresas, o seguro de afinidade partida cerca de 35 corretores do Sobre a Liberty Seguros Seguradora cerca de 1,5 mil funcionários, em 72 (Affinity). JORNAL DO SINCORCE Brasil! Queremos educação, saúde, transporte, segurança e infraestrutura. Nós fazemos o Congresso Nacional! FEDERAÇÃO NACIONAL DOS CORRETORES DE SEGUROS PRIVADOS, DE CAPITALIZAÇÃO, DE PREVIDÊNCIA PRIVADA E DAS EMPRESAS CORRETORAS DE SEGUROS SINCOR - CE

WEBINAR SEGURO DPVAT O SEGURO DO TRÂNSITO. Palestrante Vera Cataldo

WEBINAR SEGURO DPVAT O SEGURO DO TRÂNSITO. Palestrante Vera Cataldo 1 WEBINAR SEGURO DPVAT O SEGURO DO TRÂNSITO Palestrante Vera Cataldo Seguro DPVAT Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Via Terrestre ou por sua carga, a pessoas transportadas

Leia mais

Cavalo de Troia no seu quintal?

Cavalo de Troia no seu quintal? Nº 212 - SETEMBRO DE 2014 Cavalo de Troia no seu quintal? Fabio Luchetti Presidente da Porto Seguro Tenho falado bastante sobre sites de informações e, principalmente, nos procura pelo melhor preço não

Leia mais

CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012 ANEXO

CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012 ANEXO Fl. 2 da CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012. CIRCULAR SUSEP N o 451, de 17 de outubro de 2012 ANEXO INSTRUÇÕES COMPLEMENTARES PARA A OPERAÇÃO DO SEGURO OBRIGATÓRIO DE DANOS PESSOAIS CAUSADOS

Leia mais

Todo início de ano é a mesma coisa: fazemos a

Todo início de ano é a mesma coisa: fazemos a Entre nós www.marinhodespachantes.com Novas oportunidades! de todos nossos clientes, parceiros, amigos e colaboradores em 2012 e renovar nosso contrato de amizade para 2013 Elza Aguiar Presidente Todo

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O CLUBE CORREIO DO POVO DE VANTAGENS SEGURO DE VIDA

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O CLUBE CORREIO DO POVO DE VANTAGENS SEGURO DE VIDA FAQ Atualizado em 16/10/2014-1 PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O CLUBE CORREIO DO POVO DE VANTAGENS O que é o Clube Correio do Povo de Vantagens? O Correio do Povo volta a proporcionar aos seus assinantes,

Leia mais

SEGUROS. Manual de Seguros. Banco Mercedes-Benz do Brasil S/A

SEGUROS. Manual de Seguros. Banco Mercedes-Benz do Brasil S/A SEGUROS Manual de Seguros Banco Mercedes-Benz do Brasil S/A 2013 SUMÁRIO 1. CONCEITOS... 3 1.1. Objeto do Seguro... 3 1.2. Tipos de Seguro... 3 1.3. Vigência... 3 2. COBERTURAS ADICIONAIS... 4 2.1. Responsabilidade

Leia mais

MANUAL DE SINISTROS PARA SEGURADOS RSA SEGUROS AUTO FROTAS

MANUAL DE SINISTROS PARA SEGURADOS RSA SEGUROS AUTO FROTAS MANUAL DE SINISTROS PARA SEGURADOS RSA SEGUROS AUTO FROTAS 1 Prezados (as), A RSA Seguros se preocupa com a tranquilidade de seus clientes e quer contribuir para que seus negócios se mantenham em movimento.

Leia mais

PROCEDIMENTOS DO SEGURADO EM CASO DE SINISTRO

PROCEDIMENTOS DO SEGURADO EM CASO DE SINISTRO PROCEDIMENTOS DO SEGURADO EM CASO DE SINISTRO 46 1. COLISÃO DO VEÍCULO SEGURADO Em caso de colisão, o Segurado deve atentar para as seguintes orientações: REGISTRO DE OCORRÊNCIA POLICIAL Para sua segurança

Leia mais

PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS!

PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS! PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS! sdfgdfhfdgfsgfdgfsdg sdfgsdgsfdgfd PRODUTOS PARA VOCÊ PRODUTOS PARA VOCÊ Simples e econômico: com apenas uma apólice, toda sua frota fica segurada.

Leia mais

Programa Credivisa de Formação Técnica SEGUROS

Programa Credivisa de Formação Técnica SEGUROS Programa Credivisa de Formação Técnica Módulo Específico SEGUROS Informações Iniciais Desde 01/05/2010 Atuação em todos os ramos de seguros Abrangência das coberturas: Patrimoniais Transporte Riscos Pessoais

Leia mais

Resultados do 4T08 e 2008 PSSA3

Resultados do 4T08 e 2008 PSSA3 Resultados do 4T08 e 2008 PSSA3 Questões Onde queremos chegar? Como vamos chegar? Onde estamos? Como estamos indo? 2 Mercado Segurador Brasileiro Expanção Geográfica: Oportunidade de Crescimento Queremos

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013.

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. Dispõe sobre as regras e os critérios para operação do seguro de garantia estendida, quando da aquisição de

Leia mais

4. É possível receber mais de uma indenização em decorrência de um mesmo acidente em coberturas diferentes?

4. É possível receber mais de uma indenização em decorrência de um mesmo acidente em coberturas diferentes? www.blabus.com.br DICAS Seguro DPEM. O que é DPEM? O seguro DPEM foi instituído pela Lei nº 8.74, de 0//9, que em seu artigo º alterou a alínea "l" do artigo 0 do Decreto lei nº 7, de //66. Tem por finalidade

Leia mais

MANUAL DO SEGURADO SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES

MANUAL DO SEGURADO SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES MANUAL DO SEGURADO SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES Estipulante: ATUAL TECNOLOGIA E ADMINISTRACAO DE CARTOES. CNPJ: 07.746.799/0001-09 1. OBJETIVO DO SEGURO O presente contrato de seguro tem por objetivo

Leia mais

PROCEDIMENTOS E DOCUMENTAÇÃO EM CASO DE SINISTRO. b) Providenciar especificação detalhada de todos os prejuízos sofridos, além da comprovação

PROCEDIMENTOS E DOCUMENTAÇÃO EM CASO DE SINISTRO. b) Providenciar especificação detalhada de todos os prejuízos sofridos, além da comprovação PROCEDIMENTOS E DOCUMENTAÇÃO EM CASO DE SINISTRO 1. PROCEDIMENTO DO SEGURADO 1.1. SINISTRO DE INCÊNDIO E EXPLOSÃO Em caso de Incêndio e/ou Explosão, o Segurado deve atentar para as seguintes orientações:

Leia mais

ARM Sul Americana Unibrás Corretora de Seguros. Proposta de Seguro de Excursão

ARM Sul Americana Unibrás Corretora de Seguros. Proposta de Seguro de Excursão ARM Sul Americana Unibrás Corretora de Seguros Proposta de Seguro de Excursão Brasília, 01 de fevereiro de 2011 Proposta de Seguro de Excursão Seguradora: MAPFRE Seguros 1. Descrição Este seguro é um produto

Leia mais

Nº DO SINISTRO CAMPO PREENCHIDO PELA SEGURADORA

Nº DO SINISTRO CAMPO PREENCHIDO PELA SEGURADORA AUTORIZAÇÃO DE PAGAMENTO DE INDENIZAÇÃO DO SEGURO DPVAT Nº DO SINISTRO CAMPO PREENCHIDO PELA SEGURADORA Este formulário deve ser preenchido exclusivamente com dados do beneficiário da indenização do Seguro

Leia mais

CARTILHA DPVAT. Todo proprietário de veículo é obrigado a pagar anualmente o seguro obrigatório, sob pena de não licenciar o veículo junto ao DETRAN.

CARTILHA DPVAT. Todo proprietário de veículo é obrigado a pagar anualmente o seguro obrigatório, sob pena de não licenciar o veículo junto ao DETRAN. CARTILHA DPVAT - Apresentação Esta cartilha nasceu da constatação dos Promotores de Justiça, que atuam nas Varas de Delitos de Trânsito e nos Juizados Especiais Criminais, de que grande parte das vítimas

Leia mais

TERMO DE ADESÃO AO SEGURO DE PROTEÇÃO CONTRA PERDA OU ROUBO DE CARTÃO DE CRÉDITO

TERMO DE ADESÃO AO SEGURO DE PROTEÇÃO CONTRA PERDA OU ROUBO DE CARTÃO DE CRÉDITO TERMO DE ADESÃO AO SEGURO DE PROTEÇÃO CONTRA PERDA OU ROUBO DE CARTÃO DE CRÉDITO O presente Termo indica as condições do Seguro de Proteção contra Perda ou Roubo de CARTÃO DE CRÉDITO oferecido pelo Banco

Leia mais

Seguros, Previdência e Capitalização

Seguros, Previdência e Capitalização Seguros, Previdência e Capitalização Análise das contas Patrimoniais e do Resultado Ajustado do Grupo Bradesco de Seguros, Previdência e Capitalização: Balanço Patrimonial Mar10 Dez09 Mar09 Ativo Circulante

Leia mais

Apresentação. Queremos lhe dar as boas-vindas à San Martin Corretora de Seguros um negócio seguro até no nome.

Apresentação. Queremos lhe dar as boas-vindas à San Martin Corretora de Seguros um negócio seguro até no nome. Apresentação Queremos lhe dar as boas-vindas à San Martin Corretora de Seguros um negócio seguro até no nome. História A empresa foi fundada no ano de 1995 na cidade paulista de São José do Rio Preto e

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO SEGURO DE EQUIPAMENTOS ELETRONICOS PORTÁTEIS SEGURO DE GARANTIA ESTENDIDA ORIGINAL Cláusula 1 DEFINIÇÕES AVARIA OU DEFEITOS PREEXISTENTES Danos existentes antes da contratação

Leia mais

Um seguro de responsabilidade civil contra danos pessoais obrigatório, criado há 37 anos por Lei Federal (Lei n o 6.194/74).

Um seguro de responsabilidade civil contra danos pessoais obrigatório, criado há 37 anos por Lei Federal (Lei n o 6.194/74). Setembro 2012 O que é Um seguro de responsabilidade civil contra danos pessoais obrigatório, criado há 37 anos por Lei Federal (Lei n o 6.194/74). Objetivo Cobrir Danos Pessoais causados por Veículos Automotores

Leia mais

Resultados do 2T08 PSSA3

Resultados do 2T08 PSSA3 Resultados do PSSA3 Perspectivas Perspectivas para o para segundo 2008 semestre de 2008 A Aumento criação de de empregos 31,6% no formais número até de empregos junho foi o formais maior desde em relação

Leia mais

Vida Segura Empresarial Bradesco:

Vida Segura Empresarial Bradesco: PRÊMIO ANSP 2005 Vida Segura Empresarial Bradesco: A democratização do acesso ao Seguro de Vida chega às Micro e Pequenas Empresas. 1 SUMÁRIO 1. Sinopse 3 2. Introdução 4 3. O desafio de ser o pioneiro

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS RESERVE CLUBCAR

CONDIÇÕES GERAIS RESERVE CLUBCAR Seja bem-vindo à Blue Service Assistance, a opção mais vantajosa em assistência e clube de vantagens. É uma enorme satisfação ter você como nosso associado. A Blue Service Assistance está cada vez mais

Leia mais

Projeto Seguro DPVAT

Projeto Seguro DPVAT SEGURO DPVAT Projeto Seguro DPVAT Contribuindo com a Responsabilidade Social, o Sincor-Go através das Unidades de Atendimento oferece a população goiana atendimento gratuito no processo do DPVAT, serviço

Leia mais

Resultados do 3T08 PSSA3

Resultados do 3T08 PSSA3 Resultados do PSSA3 Porto Seguro Fundação Mudança de controle Líder Segmento Auto no Brasil Grupos Seguradores Funcionários diretos Sucursais e escritórios no Brasil Principais cidades 2 Estrutura Societária

Leia mais

SEGUROS, RESSEGUROS E PREVIDÊNCIA. Resoluções CNSP de fevereiro de 2013. 1. Resolução CNSP nº. 276, de 30 de janeiro de 2013

SEGUROS, RESSEGUROS E PREVIDÊNCIA. Resoluções CNSP de fevereiro de 2013. 1. Resolução CNSP nº. 276, de 30 de janeiro de 2013 SEGUROS, RESSEGUROS E PREVIDÊNCIA 08/03/2013 Resoluções CNSP de fevereiro de 2013 1. Resolução CNSP nº. 276, de 30 de janeiro de 2013 A Resolução CNSP nº. 276, publicada em 18 de fevereiro de 2013 no Diário

Leia mais

Seguro de Acidentes Pessoais Coletivo para Eventos Resumo das Condições Contratuais

Seguro de Acidentes Pessoais Coletivo para Eventos Resumo das Condições Contratuais Seguro de Acidentes Pessoais Coletivo para Eventos Resumo das Condições Contratuais Fica determinado que as condições específicas, estabelecidas na Proposta de Contratação e nessas Condições Contratuais,

Leia mais

O QUE É DPVAT? VALORES DE INDENIZAÇÃO

O QUE É DPVAT? VALORES DE INDENIZAÇÃO DPVAT O QUE É DPVAT? Toda a facilidade para vítimas, beneficiários, corretores de seguro e hospitais no atendimento aos processos de indenização do Seguro Obrigatório. O Seguro DPVAT foi criado com o objetivo

Leia mais

Portfólio SulAmérica Auto

Portfólio SulAmérica Auto Portfólio SulAmérica Auto Auto Tradicional Produto Tradicional de prateleira, voltado para a maioria dos perfis de clientes. Auto Mulher Produto para mulheres, com garantias, serviços e benefícios exclusivos.

Leia mais

PRÊMIO DE INOVAÇÃO ANTONIO CARLOS DE ALMEIDA BRAGA

PRÊMIO DE INOVAÇÃO ANTONIO CARLOS DE ALMEIDA BRAGA 2012 PRÊMIO DE INOVAÇÃO ANTONIO CARLOS DE ALMEIDA BRAGA CASE: Programa de Educação para a Sustentabilidade SulAmérica CATEGORIA: Comunicação FUNCIONÁRIO: Adriana Boscov Sumário INTRODUÇÃO... 3 ORIGEM DO

Leia mais

PRÊMIO BANDEIRANTE 2015. XVI Edição. Onde o seu voto faz toda a diferença. O que é?

PRÊMIO BANDEIRANTE 2015. XVI Edição. Onde o seu voto faz toda a diferença. O que é? PRÊMIO BANDEIRANTE 2015 XVI Edição Onde o seu voto faz toda a diferença. O que é? Idealizado pelo Sindicato dos Corretores e das Empresas Corretoras de Seguros, de Capitalização e de Previdência Privada

Leia mais

A representação institucional do mercado segurador

A representação institucional do mercado segurador A representação institucional do mercado segurador A Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização CNseg é a entidade de representação

Leia mais

RESIDENCIAL MANUAL DE ASSISTÊNCIA DOMICILIAR

RESIDENCIAL MANUAL DE ASSISTÊNCIA DOMICILIAR Prezado Segurado, Obrigado por contratar o seguro Residencial. Ficamos honrados pela sua escolha. Como você é nossa principal motivação e a sua segurança e tranquilidade é o nosso maior objetivo, disponibilizamos

Leia mais

Ainda em ajuste, ICES de fevereiro é 114,0

Ainda em ajuste, ICES de fevereiro é 114,0 Dados de Fevereiro/2013, Relatório Número 4 Ainda em ajuste, ICES de fevereiro é 114,0 Em fevereiro, o ICES foi 114,0, com a mesma trajetória de ajuste do mês anterior, mas em uma intensidade bem menor.

Leia mais

Manual de Boas Práticas para Venda de Seguro em Organizações Varejistas

Manual de Boas Práticas para Venda de Seguro em Organizações Varejistas Manual de Boas Práticas para Venda de Seguro em Organizações Varejistas 1. Introdução A estabilização da economia nacional, a facilidade de acesso ao crédito e as ações do governo para incentivar o consumo

Leia mais

SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS

SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS Marco Antonio Rossi Presidente da Fenaprevi Presidente da Bradesco Seguros Agenda Mercado Segurador Nacional Os direitos dos Segurados e Participantes Legislação O Brasil

Leia mais

CERTIFICADO DE SEGURO TROCO DA SORTE

CERTIFICADO DE SEGURO TROCO DA SORTE CERTIFICADO DE SEGURO TROCO DA SORTE A Cardif do Brasil Vida e Previdência S.A., doravante denominada Seguradora e o BR Home Centers S/A., doravante denominada Estipulante, especificam nestas Condições

Leia mais

Em agosto, ICES interrompe alta e cai para 96,2

Em agosto, ICES interrompe alta e cai para 96,2 Dados de Agosto/2013, Relatório Número 10 Em agosto, ICES interrompe alta e cai para 96,2 Em agosto, o ICES interrompeu a pequena tendência de alta registrada em julho, e voltou a cair, indo para 96,2,

Leia mais

PROMOÇÃO DE CRÉDITO: COMO AMPLIAR AS VENDAS E GARANTIR QUALIDADE OPORTUNIDADES NO MERCADO DE SEGUROS SP, 10.11.2010.

PROMOÇÃO DE CRÉDITO: COMO AMPLIAR AS VENDAS E GARANTIR QUALIDADE OPORTUNIDADES NO MERCADO DE SEGUROS SP, 10.11.2010. PROMOÇÃO DE CRÉDITO: COMO AMPLIAR AS VENDAS E GARANTIR QUALIDADE OPORTUNIDADES NO MERCADO DE SEGUROS SP, 10.11.2010 Eugênio Velasques 2020 2030 2040 2050 2010 Evolução da População 300 250 200 150 5 vezes

Leia mais

Ao seu lado, onde você estiver, no que você precisar.

Ao seu lado, onde você estiver, no que você precisar. Ao seu lado, onde você estiver, no que você precisar. 0 0 Participação da Indústria no PIB - Internacional Prêmios/PIB em % (2004) 1 1 A Indústria de Seguros no Brasil Desde a implantação do Plano Real,

Leia mais

SUPERINTENDENTE DA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS - SUSEP

SUPERINTENDENTE DA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS - SUSEP SUPERINTENDENTE DA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS - SUSEP Circular nº 266 de 25.08.2004 Dispõe sobre instruções complementares para a operação do seguro obrigatório de danos pessoais causados por

Leia mais

PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 31, DE 2004. RELATÓRIO PRÉVIO (reformulado)

PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 31, DE 2004. RELATÓRIO PRÉVIO (reformulado) PROPOSTA DE FISCALIZAÇÃO E CONTROLE Nº 31, DE 2004. RELATÓRIO PRÉVIO (reformulado) Propõe que a Comissão de Finanças e Tributação realize ato de fiscalização e controle, por meio de órgão competente, acerca

Leia mais

São 12 anos de parceria com a Associação SABESP. Apresentando o que tem de melhor em seguro e seguradoras

São 12 anos de parceria com a Associação SABESP. Apresentando o que tem de melhor em seguro e seguradoras São 12 anos de parceria com a Associação SABESP. Apresentando o que tem de melhor em seguro e seguradoras Apólice de Vida em Grupo Associação SABESP Administração - FAMA Corretora de Seguros Apólice em

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETIVO: o presente projeto visa a contratação de seguro para os veículos, especificados no Anexo a este termo: Relação e Dados dos Veículos para Contratação do Seguro,

Leia mais

Estabelece a codificação dos ramos de seguro e dispõe sobre a classificação das coberturas contidas em planos de seguro, para fins de contabilização.

Estabelece a codificação dos ramos de seguro e dispõe sobre a classificação das coberturas contidas em planos de seguro, para fins de contabilização. CIRCULAR SUSEP Nº 395, DE 03 DE DEZEMBRO DE 2009 Estabelece a codificação dos ramos de seguro e dispõe sobre a classificação das coberturas contidas em planos de seguro, para fins de contabilização. O

Leia mais

12 dicas para baixar o preço do seguro do carro

12 dicas para baixar o preço do seguro do carro 12 dicas para baixar o preço do seguro do carro Especialistas ensinam a pagar mais barato sem assumir riscos demais cortando coberturas necessárias Carros antigos: seguros mais caros devido aos custos

Leia mais

Reunião Pública de Analistas 2T10

Reunião Pública de Analistas 2T10 Reunião Pública de Analistas 2T10 Porto Seguro Inicio das atividades Mudança de Controle Líder nacional em seguro de automóvel Maior seguradora do Brasil Posição Companhia `Principal Produto 1 Bradesco

Leia mais

OBJETIVO CAPITAL SEGURADO

OBJETIVO CAPITAL SEGURADO OBJETIVO Assegurar aos participantes da SIAS, que aderiram ao seguro, uma indenização aos próprios ou ao(s) seu(s) beneficiário(s), em caso de falecimento ou invalidez, bem como propiciar a utilização

Leia mais

Se estiver no Mercosul, também poderá contar com os serviços de emergência, bastando ligar para 55 11 4133 6537.

Se estiver no Mercosul, também poderá contar com os serviços de emergência, bastando ligar para 55 11 4133 6537. Assist24h_AutoPasseio_jul 6/13/07 4:32 PM Page 1 CARO SEGURADO Para você que adquiriu o Real Automóvel e contratou os serviços de Assistência 24 horas, este é o seu guia de serviços da Real Assistência.

Leia mais

PORTO SEGURO ANUNCIA LUCRO LÍQUIDO DE R$110,9 MILHÕES OU R$0,48

PORTO SEGURO ANUNCIA LUCRO LÍQUIDO DE R$110,9 MILHÕES OU R$0,48 PORTO SEGURO ANUNCIA LUCRO LÍQUIDO DE R$110,9 MILHÕES OU R$0,48 POR AÇÃO ATÉ MAIO DE 2008. São Paulo, 02 de julho de 2008 Porto Seguro S.A. (BOVESPA: PSSA3), anuncia os resultados dos 5M08. As informações

Leia mais

EMPRESARIAL MANUAL DE ASSISTÊNCIA

EMPRESARIAL MANUAL DE ASSISTÊNCIA Prezado Segurado, Obrigado por contratar o seguro Empresarial. Ficamos honrados pela sua escolha. Nossa principal motivação é garantir a segurança e tranquilidade aos seus negócios, por isso disponibilizamos

Leia mais

E S P E C I F I C A Ç Õ E S

E S P E C I F I C A Ç Õ E S E S P E C I F I C A Ç Õ E S 1) DO OBJETO: É objeto da presente licitação, a contratação de empresa para Prestação de Serviço de Auditoria externa (independente), compreendendo: 1.1 Auditoria dos registros

Leia mais

Apresentação dos Resultados do 2T09 e 1S09

Apresentação dos Resultados do 2T09 e 1S09 Apresentação dos Resultados do 2T09 e 1S09 Comentários 2T09 Evolução dos prêmios auferidos no 2T09 em relação ao 2T08; Evolução da frota segurada; Sinistralidade das carteiras de automóvel na Azul Seguros

Leia mais

Horário Atividades Descrição Informações Importantes Visitação dos participantes ao Complexo Portuário de SUAPE e Abertura Oficial do CONSEG

Horário Atividades Descrição Informações Importantes Visitação dos participantes ao Complexo Portuário de SUAPE e Abertura Oficial do CONSEG C o n g r e s s o d e S e g u r o s Horário Atividades Descrição Informações Importantes 13h às 22h Visitação dos participantes ao Complexo Portuário de SUAPE e Abertura Oficial do CONSEG Ônibus sairá

Leia mais

Aon Risk Solutions. Outubro/2014 FINANCIAL LINES

Aon Risk Solutions. Outubro/2014 FINANCIAL LINES Aon Risk Solutions Outubro/2014 Aon Risk Solutions Aon Corporation Líder mundial em consultoria de seguros, gerenciamento de riscos e benefícios para funcionários e executivos; Maior corretora mundial

Leia mais

Transcrição da Teleconferência de Resultados do 2T14 Q&A SULAMÉRICA

Transcrição da Teleconferência de Resultados do 2T14 Q&A SULAMÉRICA Transcrição da Teleconferência de Resultados do 2T14 Q&A SULAMÉRICA Vamos agora iniciar a sessão de perguntas e repostas. Nossa primeira pergunta vem do Senhor do Bradesco. Por favor, você pode ir em frente.,

Leia mais

CERTIFICADO DE SEGURO SEGURO SORTE GRANDE CARREFOUR

CERTIFICADO DE SEGURO SEGURO SORTE GRANDE CARREFOUR CERTIFICADO DE SEGURO SEGURO SORTE GRANDE CARREFOUR A Cardif do Brasil Vida e Previdência S.A., doravante denominada Seguradora e o Carrefour Comércio e Indústria Ltda., doravante denominada Estipulante,

Leia mais

Marco Antonio Rossi. Diretor Presidente do Grupo Bradesco Seguros e Previdência

Marco Antonio Rossi. Diretor Presidente do Grupo Bradesco Seguros e Previdência Marco Antonio Rossi Diretor Presidente do Grupo Bradesco Seguros e Previdência 1 Brasil Entre as Maiores Economias do Mundo Mercado Brasileiro de Seguros e Previdência O Mundo do Seguro e Previdência Desafios

Leia mais

Mensagem do Diretor. Conte conosco! Jabson Magalhães da Silva

Mensagem do Diretor. Conte conosco! Jabson Magalhães da Silva Mensagem do Diretor A Adventist Risk Management Sul-Americana é uma parceira da Divisão Sul-Americana referente à administração de riscos. Nosso trabalho é identificar e eliminar riscos que possam impedir

Leia mais

GRUPO MARÍTIMA SEGUROS CLASSIFICAÇÃO: COR AZUL MUITO BOA

GRUPO MARÍTIMA SEGUROS CLASSIFICAÇÃO: COR AZUL MUITO BOA GRUPO MARÍTIMA SEGUROS CLASSIFICAÇÃO: COR AZUL MUITO BOA Exercício 2008 RELATÓRIO FINANCEIRO & CLASSIFICAÇÃO DE RISCO Exercício 2008 GRUPO MARÍTIMA SEGUROS CLASSIFICAÇÃO: COR AZUL Relatório 1. Institucional

Leia mais

Guia de Assistências

Guia de Assistências Guia de Assistências Como acionar os serviços de assistência? Sempre que precisar acionar uma assistência, entre em contato com a Assistência 24 horas BB Seguro Auto: Brasil - 0800 775 1532 Mercosul -

Leia mais

MANUAL DE BOAS PRÁTICAS PARA VENDA DE SEGUROS EM ORGANIZAÇÕES VAREJISTAS

MANUAL DE BOAS PRÁTICAS PARA VENDA DE SEGUROS EM ORGANIZAÇÕES VAREJISTAS MANUAL DE BOAS PRÁTICAS PARA VENDA DE SEGUROS EM ORGANIZAÇÕES VAREJISTAS 18/03/2014 Manual de Boas Práticas para Venda de Seguro em Organizações Varejistas 1. Introdução A estabilização da economia nacional,

Leia mais

Serão aceitos no seguro todos os proponentes que estejam em boas condições de saúde e em plena atividade de trabalho.

Serão aceitos no seguro todos os proponentes que estejam em boas condições de saúde e em plena atividade de trabalho. Estipulante: 0 Ramo de Atividade: Serviços Relacionados a Comunicação Corretora: Opipari Corretora de Seguros Ref.: Condições Gerais do Seguro de Pessoas GRUPO SEGURADO Poderão ser incluídos no presente

Leia mais

FAM - Fundo de Apoio à Moradia

FAM - Fundo de Apoio à Moradia FAM - Fundo de Apoio à Moradia O Seguro Coletivo de Pessoas descrito neste material foi estipulado pela FHE com um grupo de seguradoras por ela selecionadas, em uma operação de cosseguro, tendo como líder

Leia mais

Lucro Líquido de R$179,4 milhões ou R$2,33 por ação no 4T06 e R$460,2 milhões ou R$5,99 por ação em 2006.

Lucro Líquido de R$179,4 milhões ou R$2,33 por ação no 4T06 e R$460,2 milhões ou R$5,99 por ação em 2006. Lucro Líquido de R$179,4 milhões ou R$2,33 por ação no 4T06 e R$460,2 milhões ou R$5,99 por ação em 2006. São Paulo, 28 de fevereiro de 2007 - A Porto Seguro S.A. (Bovespa: PSSA3) anuncia seu resultado

Leia mais

REGULAMENTOS DAS COBERTURAS OPCIONAIS PREVCAR AUTO

REGULAMENTOS DAS COBERTURAS OPCIONAIS PREVCAR AUTO REGULAMENTOS DAS COBERTURAS OPCIONAIS PREVCAR AUTO RESPONSABILIDADE CIVIL FACULTATIVA ESTA COBERTURA NÃO PODERÁ SER CONTRATADA ISOLADAMENTE FICANDO CONDICIONADA À COBERTURA DO EQUIPAMENTO ATIVO CADASTRADO

Leia mais

Vencedoras - XI Prêmio Cobertura Francisco Galiza Outubro/2008

Vencedoras - XI Prêmio Cobertura Francisco Galiza Outubro/2008 Vencedoras - XI Prêmio Cobertura Francisco Galiza Outubro/2008 I) Critérios www.ratingdeseguros.com.br 1) Os dados usados serão os números de 2007 e do 1º Semestre de 2008. 2) Os prêmios serão dados nas

Leia mais

FAM - Fundo de Apoio à Moradia. Manual do Participante FAM

FAM - Fundo de Apoio à Moradia. Manual do Participante FAM - Fundo de Apoio à Moradia Manual do Participante FAM As presentes instruções normativas revogam todas as demais publicadas anteriormente. 25/09/2009 FAM - Fundo de Apoio à Moradia Manual do Participante

Leia mais

2010 Começa a expansão. 11 de Setembro. Aquisição Internacional da. Sinistros pagos em. Alico MetLife (US)

2010 Começa a expansão. 11 de Setembro. Aquisição Internacional da. Sinistros pagos em. Alico MetLife (US) Breve Histórico 1868 Início das atividades 1912 Centro de Apoio aos sobreviventes do Titanic 1931 Financiamento do Empire State e do Rockfeller Center 1945 Financiamento aos Aliados durante a Segunda Guerra

Leia mais

Saiba mais sobre o Seguro Escoteiro

Saiba mais sobre o Seguro Escoteiro Definição do Seguro: Este seguro garante ao Beneficiário, o pagamento do capital segurado ou reembolso das despesas médicas, hospitalares e/ou odontológicas, exceto se o evento caracterizar-se como um

Leia mais

CO-SEGURADO VIGÊNCIA DO SEGURO OBJETO DO SEGURO CONDIÇÕES DE COBERTURA DE RESPONSABILIDADE CIVIL

CO-SEGURADO VIGÊNCIA DO SEGURO OBJETO DO SEGURO CONDIÇÕES DE COBERTURA DE RESPONSABILIDADE CIVIL DADOS DO ESTIPULANTE/SEGURADO Nome CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE AEROMODELISMO Atividade Principal Desenvolvida CPF / CNPJ 42.508.044/0001-77 Endereço RUA DO ARROZ CE 21011-070 Nome Bairro PENHA CIRCULAR

Leia mais

Treinamento de Prevenção a Fraudes

Treinamento de Prevenção a Fraudes Treinamento de Prevenção a Fraudes 1. Introdução Esse treinamento visa orientar os colaboradores, parceiros, fornecedores, terceiros e pessoas com as quais mantém relacionamento comercial com a PAN Seguros,

Leia mais

ESECS-PJ. Estudo Socioeconômico das

ESECS-PJ. Estudo Socioeconômico das ESECS-PJ Estudo Socioeconômico das Empresas Corretoras de Seguros A G O S T O / 2 0 1 3 O Estudo Socioeconômico das Empresas Corretoras de Seguros Pessoa Jurídica (ESECS-PJ) é fruto de um trabalho de

Leia mais

Coberturas completas para seu automóvel e o Compromisso MAPFRE com você.

Coberturas completas para seu automóvel e o Compromisso MAPFRE com você. Coberturas completas para seu automóvel e o Compromisso MAPFRE com você. Seu carro é um patrimônio que você conquistou e ele merece atenção e proteção. Nós, da MAPFRE, queremos cuidar dele como se fosse

Leia mais

Disciplina a corretagem de seguros, resseguros, previdência complementar aberta e capitalização e estabelece aplicáveis às operações de seguro,

Disciplina a corretagem de seguros, resseguros, previdência complementar aberta e capitalização e estabelece aplicáveis às operações de seguro, MINUTA DE RESOLUÇÃO CNSP Disciplina a corretagem de seguros, resseguros, previdência complementar aberta e capitalização e estabelece aplicáveis às operações de seguro, resseguro, previdência complementar

Leia mais

É mais que seguro, é proteção e tranquilidade.

É mais que seguro, é proteção e tranquilidade. É mais que seguro, é proteção e tranquilidade. Pioneirismo Fundada em 198. Pioneira no desenvolvimento de programas de seguros diferenciados para o Setor Sucroenergético e Concessões de Rodovias. Constante

Leia mais

Análise econômica das novas regras de solvência das seguradoras brasileiras Francisco Galiza 1 Outubro/2007

Análise econômica das novas regras de solvência das seguradoras brasileiras Francisco Galiza 1 Outubro/2007 Análise econômica das novas regras de solvência das seguradoras brasileiras Francisco Galiza 1 Outubro/2007 1) Introdução Nos últimos dias úteis de 2006, o Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP)

Leia mais

FenSeg. Guia de Boas Práticas. Seguro Automóvel

FenSeg. Guia de Boas Práticas. Seguro Automóvel FenSeg Guia de Boas Práticas Seguro Automóvel Sumário 1. Introdução 2. Objetivo 3. O Seguro Automóvel 3.1 Coberturas 3.2 Abrangência Geográfica 4. Recomendações 4.1 Relações com Segurados 4.2 Relações

Leia mais

REGULAMENTO SEGURO EDUCACIONAL UNINTER

REGULAMENTO SEGURO EDUCACIONAL UNINTER REGULAMENTO SEGURO EDUCACIONAL UNINTER O CENECT Centro Integrado de Educação, Ciência e Tecnologia Ltda., inscrito no CNPJ/MF sob n. 02.261.854/0001-57, com sede no Município de Curitiba, Estado do Paraná,

Leia mais

CIRCULAR GERAL. TÍTULO: Seguro de Veículos Apólice 2009/2010

CIRCULAR GERAL. TÍTULO: Seguro de Veículos Apólice 2009/2010 DISTRIBUIÇÃO A TÍTULO: Seguro de Veículos Apólice 2009/2010 1. A CAEFE Caixa de Assistência dos Empregados de FURNAS e ELETRONUCLEAR renovou com a SUL AMÉRICA Seguros, a Apólice Coletiva de Seguro de Veículos,

Leia mais

MANUAL SAFE VIDROS. Prezado Cliente,

MANUAL SAFE VIDROS. Prezado Cliente, MANUAL SAFE VIDROS Prezado Cliente, Você acaba de adquirir uma das melhores garantias de conserto e reposição de vidros, faróis, lanternas e retrovisores automotivos do mercado. Neste Manual você encontrará

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS

SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS CIRCULAR SUSEP N o 429, DE 15 DE FEVEREIRO DE 2012. Dispõe sobre o registro de corretor e de sociedade corretora de seguros, sobre a atividade de corretagem de seguros

Leia mais

CONDIÇÕES PARTICULARES SEGURO DE PESSOAS PLANO DE SEGURO PROTEÇÃO PESSOAL PREMIADA I ACE SEGURADORA S.A. CNPJ: : 03.502.

CONDIÇÕES PARTICULARES SEGURO DE PESSOAS PLANO DE SEGURO PROTEÇÃO PESSOAL PREMIADA I ACE SEGURADORA S.A. CNPJ: : 03.502. CONDIÇÕES PARTICULARES SEGURO DE PESSOAS PLANO DE SEGURO PROTEÇÃO PESSOAL PREMIADA I ACE SEGURADORA S.A. CNPJ: : 03.502.099/0001-18 18 Processo Susep: 10.002766-00 00-19 Apólice: 10.82 82.82.000 82.000933

Leia mais

PRINCÍPIOS PARA SUSTENTABILIDADE EM SEGURO GRUPO SEGURADOR BANCO DO BRASIL E MAPFRE

PRINCÍPIOS PARA SUSTENTABILIDADE EM SEGURO GRUPO SEGURADOR BANCO DO BRASIL E MAPFRE PRINCÍPIOS PARA SUSTENTABILIDADE EM SEGURO 2014 GRUPO SEGURADOR BANCO DO BRASIL E MAPFRE O modelo de Gestão da Sustentabilidade do GRUPO SEGURADOR BANCO DO BRASIL E MAPFRE é focado no desenvolvimento de

Leia mais

UM GUIA PRÁTICO SOBRE O QUE FAZER EM SINISTROS. Sinistro o que fazer? Seja qual for seu Sinistro saiba o que fazer!

UM GUIA PRÁTICO SOBRE O QUE FAZER EM SINISTROS. Sinistro o que fazer? Seja qual for seu Sinistro saiba o que fazer! UM GUIA PRÁTICO SOBRE O QUE FAZER EM SINISTROS Sinistro o que fazer? Seja qual for seu Sinistro saiba o que fazer! Batida Alagamento Roubo/Furto Incêndio Introdução O que é de sinistro? Sinistro é a ocorrência

Leia mais

MODALIDADE: SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL EVENTOS RESUMO DAS COBERTURAS E CONDIÇÕES

MODALIDADE: SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL EVENTOS RESUMO DAS COBERTURAS E CONDIÇÕES MODALIDADE: SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL EVENTOS RESUMO DAS COBERTURAS E CONDIÇÕES SEGURADO: Pessoa Jurídica organizadora, participante ou patrocinadora de um evento, feira ou exposição. LIMITE: São

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES:

CONDIÇÕES GERAIS 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES: CONDIÇÕES GERAIS 1. INFORMAÇÕES PRELIMINARES: É um autoprograma de saúde que possui uma rede de profissionais credenciados para indicação de serviços nas áreas de saúde, bem-estar e qualidade de vida.

Leia mais

11 de fevereiro de 2010. DESEPE Nº 2010.02.1010/CE

11 de fevereiro de 2010. DESEPE Nº 2010.02.1010/CE 11 de fevereiro de 2010. DESEPE Nº 2010.02.1010/CE CONDIÇÕES PARTICULARES DO SEGURO DE VIDA EM GRUPO E ACIDENTES PESSOAIS CONVEÇÃO COLETIVA DO SINDICATO DOS CONCESSIONÁRIOS E DISTRIBUIDORES DE VEÍCULOS

Leia mais

A palavra é eficiência

A palavra é eficiência A palavra é eficiência A redução de juros está no radar da indústria global de seguros. Compensar negócios mal precificados com ganhos financeiros já não é mais possível em um cenário de taxas em queda.

Leia mais

Conhecimentos Bancários. Item 2.3.3- Seguros

Conhecimentos Bancários. Item 2.3.3- Seguros Conhecimentos Bancários Item 2.3.3- Seguros Conhecimentos Bancários Item 2.3.3- Seguros Insegurança nas atividades cotidianas SEGURO Necessidade de controlar o RISCO! Conhecimentos Bancários Item 2.3.3-

Leia mais

SINCOR-SP 2015 OUTUBRO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS

SINCOR-SP 2015 OUTUBRO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS OUTUBRO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS 1 Sumário Palavra do presidente... 3 Objetivo... 4 1. Carta de Conjuntura... 5 2. Análise macroeconômica... 6 3. Análise do setor de seguros 3.1. Receita

Leia mais

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 5 anos.

RETROATIVIDADE DO SEGURO: O Protector possibilita a contratação de cobertura retroativa para fatos desconhecidos de até 5 anos. SEGURADO: Sócio Administrador (Pessoa Física) Limite: São 6 opções entre R$ 100.000 e R$ 500.000. O limite do seguro poderá ser utilizado para um ou uma série de sinistros indenizados durante a vigência

Leia mais

Manual seguro do segurado GAP 1

Manual seguro do segurado GAP 1 Manual seguro do segurado GAP 1 Seguro GAP: muito mais tranquilidade na compra do seu veículo Parabéns! Você está adquirindo o Seguro Garantia GAP, da MAPFRE, desenvolvido especialmente para os clientes

Leia mais