Carlos Eduardo Corrêa da Fonseca

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Carlos Eduardo Corrêa da Fonseca"

Transcrição

1

2

3 ESTA É UMA PUBLICAÇÃO DA FEDERAÇÃO BRASILEIRA DE BANCOS - FEBRABAN COPYRIGHT 2008 FEVEREIRO TODOS OS DIREITOS RESERVADOS COMISSÃO ORGANIZADORA Coordenador-Geral Carlos Eduardo Corrêa da Fonseca Membros Carlos Augusto de Oliveira - Banco Itaú Darlene G. A. Fasolo - Santander Banespa Delfino Natal de Souza - Caixa Econômica Federal Fernando Antonio Fagundes da Motta - Unibanco Keiji Sakai - HSBC Odair Garcia - Banco do Brasil Paulo Cherberle - Bradesco Wilson Inácio Nunes - Nossa Caixa Gerente Geral de Eventos e Cursos da Febraban Nair Macedo Consultor Luis Marques de Azevedo Superintendente das Assessorias Técnicas da Febraban Wilson Antonio Salmeron Gutierrez Assessor Técnico da Febraban Nilton César Gratão Superintendente de Comunicação Social da Febraban Willian Tomazzi Salasar Edição Danilo Vivan (MTB ) Colaborador Vanderlei Campos Fotos Arnaldo Pereira, Alexis Flores Perez Projeto Gráfico e Editoração Felici+Designers Pautas, Reportagens e Textos ABCE Comunicação Sede Av. Brigadeiro Faria Lima, º andar Torre Norte, Pinheiros CEP SP QUANTO MeNOS PAPeL MeLHOR Os bancos investem pesado em tecnologias de captura de imagem que possam eliminar o papel. A digitalização de documentos reduz custos de transportes e diminui riscos de fraudes. O Brasil está avançado no tema, mas especialistas afirmam que ainda é preciso criar padrões de formato, de segurança e trabalhar a questão de legislação. 14 SeGURANÇA é SeMPRe POUCA As chaves para a evolução da segurança em meios de pagamento digitais estão na maior cooperação entre instituições, organismos públicos e grandes empresas; sem esquecer as campanhas de treinamento para funcionários e orientação para os clientes finais. Conheça algumas das iniciativas da IBM, Microsoft e CPM Braxis. 17 CHAMe o XeRIFe Os ataques cibernéticos atingem a confidencialidade, integridade e disponibilidade das informações. Se a confidencialidade de uma senha, ou um banco de dados forem violados, acaba a segurança da informação. O alerta é de Paulo Quintiliano, da Polícia Federal. Ele é o representante da América Latina no International Botnet Task Force Counsel. Índice Editorial 05 Digitalização 06 Bancos e segurança 10 Prevenção e reação 14 Artigo 17 Expositores

4

5 CIAB FEBRABAN 2008 TECNOLOGIA E SEGURANÇA O Ciab Febraban 2008 promete ser o maior da sua trajetória de 18 edições anuais. As animadoras avaliações dos eventos anteriores resultaram na inscrição de um nú - mero expressivo de patrocinadores para o evento des te ano. Serão sete os patrocinadores na categoria Diamante - Itautec, Diebold Procomp, Oi, IBM, Perto, CPM Braxis e HP - e mais cinco patrocinadores na categoria Ouro - DTS, EMC, CA, Microsoft e CSC Brasil, além do tradici o nal copatrocínio da Serasa. Já a Mastercard optou pelo patrocínio na categoria Prata. O prestígio que nos confe rem estes 14 parceiros redobra nossa respon sabilidade na organização de um congresso formi dável. Por outro la do, mais de 60 empresas já con fir ma ram presença na exposição. Além das mudanças no formato de patrocínio, a escolha do tema central do Ciab Febraban Tecnologia e Segurança - retrata o que mais desperta interesse para o qualificado público-alvo representado pelos dirigentes de instituições financeiras do Brasil e do Exterior, em especial da América Latina. O crescimento da economia brasileira sinaliza claramente para a aceleração das transações financeiras. Cabe aos bancos imprimir maior eficácia aos meios de pagamentos para assegurar o desenvolvimento contínuo da socie - dade e o bem estar de seus cidadãos. Também vamos abordar os temas que venham de encontro ao avanço da segurança na utilização dos canais eletrônicos. Reeditaremos os bem sucedidos seminários de um dia - carinhosamente batizados de Ciabinhos, eventos preparatórios do congresso, com o objetivo de abordar construtivamente temas considerados prioritários. Con - victos da necessidade de promover iniciativas de sen - volvidas por empresas de TI com soluções aplicáveis às instituições financeiras, editaremos pelo 4º ano consecutivo o Espaço Inovação. De modo a provocar os debates sobre Tecnologia e Segurança o quanto antes, oferecemos nas sessões des - ta revista e no site Ciab Febraban uma série de ma térias sobre o assunto. Assim, nas páginas seguintes contamos com um artigo de Paulo Quintiliano, res pon sável no qua - dro da Polícia Federal pela repressão aos crimes ciber - néticos, pugnando pela aprovação de leis que regu la - mentem especificamente a prática desses delitos. Outra matéria enumera providências adotadas por em - presas de tecnologia, em todo o mundo, para coo-perar com a segurança eletrônica. Apresentamos ainda um resumo das iniciativas de bancos brasileiros que agem de forma cooperada para monitorar e auxiliar as autoridades na incidência e prevenção às práticas delituosas tais como phishing (roubo on-line de senhas), malware (disseminação de vírus e in trusões), spyware (soft ware espião), além da ocorrência de spam e distribuição de material pornográfico. Muito boa leitura, contamos com a sua participação ativa na fase preparatória e nos Ciabinhos. Reserve em sua agenda os dias 11, 12 e 13 de junho deste ano para sua presença no Ciab Febraban. Carlos Eduardo Corrêa da Fonse ca - Diretor de Tecnologia da Febraban e Coordenador Geral do Ciab Febraban FEVEREIRO 05

6 CIAB FEBRABAN 2008 as imagens VALEM MUITO MAIS Carlos Rodríguez, vice-presidente comercial da Diebold Eras, do México 06 FEVEREIRO 2008

7 CIAB FEBRABAN 2008 A eliminação da guarda de papéis é o sonho de todas as companhias, principalmente dos bancos. Por isso, cresce o investimento em tecnologia para captura de imagens DO QUE OS PAPÉIS A digitalização é uma das prioridades do setor financeiro. Eliminar a guarda de papéis e investir na captura de ima - gens representa redução de custos com transporte e diminuição dos riscos de fraude, entre outros. Tudo isso tem sido propiciado pelas novas soluções que os for - necedores de tecnologia oferecem ao mercado. Houve, no último ano, um grande impulso no uso de tecnologia no mercado norte-americano e lá o desafio neste momento é incentivar e difundir a captura de imagens. Tratase de uma prioridade bancária nos EUA, por exemplo, ressaltou o executivo Carlos Rodríguez, vice-presidente comercial da Diebold Eras, do México. O assunto foi amplamente discutido no painel Digitalização de Documentos, no Ciab Rodríguez abordou a Captura de Depósitos Remotos (RDC); a origem desse tipo de serviço e como os bancos têm usado a aplicação para reter clientes e eliminar o máximo possível o uso de papéis, principalmente os do cumentos de movimentação bancária. Citou um projeto que a Diebold implementou no México, onde 39 bancos adotaram o RDC para fazer o intercâmbio digital dos cheques. Na visão do executivo, o mercado está adotando a digitalização por que a ima - gem é mais leve que o papel, custa menos e pode ser integrada de maneira muito mais simples a qualquer tipo de produto interno utilizado pelos bancos. Victor Miguel Lopez, executivo da Unisys Latin America e Caribe, avalia que o Brasil está bastante avançado no tema digitalização. Caso os seis ou oito maiores bancos deste país adotem o intercâmbio de imagens, teremos mais de 85% do volume total de cheques processados dia riamente. Com isso, acrescenta, os custos deverão cair consideravelmente, o controle da segurança se tornará mais eficaz e a substituição do microfilme pela imagem eletrônica possibilitará que os bancos integrem essas ima gens a outras aplicações do banco. PROTEÇÃO AOS DOCUMENTOS O especialista em sistemas da informação e diretor da Ima geware, Walter Koch, afirma que o Brasil está mais perto de uma legislação de proteção aos documentos, que ampare as instituições financeiras contra qualquer tipo de prova judicial. Nesse sentido, a Febraban tem desenvol - vido trabalhos junto ao Congresso para criar uma lei específica para disciplinar o uso da digitalização. O executivo acrescentou que é preciso criar padrões de formato, de segurança e trabalhar fortemente na questão da legislação FEVEREIRO 07

8 CIAB FEBRABAN 2008 Koch lembra que o momento é bastante propício para a digitalização. A evolução tecnológica atual, aliada a algumas iniciativas de implementação da aplicação, e a experiência positiva alcançada por algumas instituições no exterior vai possibilitar de fato que os bancos planejem o uso da digitalização. É uma questão muito mais jurídica. O diretor jurídico da Serasa, Silvanio Covas, lembra que a destruição do documento original só é possível após sua digitalização com o emprego de certificação digital, emitido para o digitalizador por autoridade certificadora credenciada pelo Comitê Gestor, da ICP Brasil. Este pro - cedimento visa garantir os requisitos de integrida de, auten ticidade e, se necessário, de confidencialidade, as segura o executivo. Segundo Covas, o documento digitalizado e suas cópias, produzidas de acordo com o dispositivo na Lei, terão o mesmo valor probatório do documento original para todos os fins de direito. 08 FEVEREIRO 2008

9

10 CIAB FEBRABAN FEVEREIRO 2008

11 CIAB FEBRABAN 2008 NO FRONT DE COMBATE Instituições financeiras se armam na luta contra crimes digitais Quais os principais desafios no combate aos crimes virtuais? Como avançar em sistemas, como biometria, que reduzem os riscos de fraude? Qual o impacto da Internet 2.0 na atuação das equipes de segurança? E a necessidade de colaboração entre as institui - ções? Para discutir essas e outras questões, a revista do Ciab Febraban convidou três especialistas: José Waldir Pacheco de Carvalho, gerente de Divisão de Tecnologia da Informação da Nossa Caixa; Carlos Bernardo, gerente de Projetos de Segurança do Banco Real e Dorival Dourado, diretor de Novas Tecnologias e Serviços da Serasa. ATUAÇÃO CONJUNTA DOS BANCOS NO COMBATE AOS CRIMES DIGITAIS Pacheco de Carvalho: Segurança de ve ser um macroprocesso. Ou se - ja, deve ser parte de todos os pro - du tos e serviços. Clientes e usu á rios in ternos têm de respirar se gu rança para que a credibilidade não seja co - locada em dúvida. Carlos Bernardo: As medidas to - madas individualmente pelos ban cos aumentam a segurança, diminuindo a eficácia dos golpes, mas é apenas através da cooperação entre as instituições que as causas do pro blema podem ser atacadas. Dorival Dourado: Segurança é prérequisito fundamental. Mas, por ou - tro lado, pode ser diferencial competitivo. A diferenciação que as empresas têm não é pelo uso das me - lhores tecnologias ou práticas, mas no conjunto da obra, ou como proceder. Todo mundo tem informação e conhecimento, mas o co mo vai se dar na estratégia de abordagem é que é o grande diferencial. Participamos, por exemplo, dos comitês da Febraban de gestão de risco e vários programas de parcerias. Além disso, somos o prin cipal patrocina - dor do programa Internet Segura, si - te que orienta empresas e consumi - dores comuns a trabalhar no mundo do digital (www.internetsegura.org). CONSCIENTIZAÇÃO DOS CLIENTES PARA USO SEGURO DA INTERNET Pacheco: Realizamos campanhas in - ternas e externas, desde a publica - ção de informações no site até avi - sos nos extratos, na rede de au toatendimento, em eventos e em pa - les tras de segurança. Bernardo: Os bancos fazem conti - nua mente várias campanhas na mí - dia para cons ci entizar os seus cli entes sobre a for ma segura de uso dos canais ele trônicos. Dourado: Os bancos estão fazendo a lição de casa. Ferramentas em TI não faltam e estão sendo usadas co - mo se deve, da certificação digital a senhas diferenciadas. É uma ques tão de maturidade do mercado e re lação custo/benefício. EDUCAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS Pacheco: Realizamos diversas ações: palestras internas, uso intensivo da Intranet, endomarketing, Dia da Se - gu rança da Informação, informativos, avisos diários etc. Bernardo: São comuns as campanhas internas, informando os funcio - nários sobre as questões de se gu - rança, e o uso da Intranet para trei - namentos e informações pontuais. Dourado: Temos um Manual de Éti - ca, pelo qual segurança é princípio ético e de modelo de gestão. Os quesitos de segurança são acompa - nhados semanalmente pela diretoria FEVEREIRO 11

12 CIAB FEBRABAN 2008 Temos, por exemplo, o ma nual interno de política de seguran ça, a semana de segurança com pa les trantes e outras iniciativas internas. O QUE LHE TIRA O SONO Pacheco: A rapidez com que os frau - dadores se organizam. Saber que o crime virtual é parte do crime organizado e jovens talentos estão indo pa ra este caminho. Bernardo: A dificuldade em cara c - terizar o crime eletrônico. Embora a legislação possibilite aos órgãos pú - blicos combater os golpes, há difi - Nesta li nha, a Web 2.0 apresenta novos desafios pa ra a segurança, principalmente na identificação dos usuários e processos de autorização e validação. Na medida em que o conceito evoluir e amadurecer será pos sível avaliar as mudanças. Dourado: A Web 2.0 exporá mais os aspectos de segurança na Internet. Afinal, os frauda dores e ha ckers também podem atuar nesse am biente. Trabalharemos para trazer, pelo me nos, o mesmo nível de segurança que o ambiente a tual. A Web 2.0 pode ser lução da tecnologia, é de que a bio - metria seja usada nas situações em que simplifique para o cliente o uso do canal eletrônico, mantendo ou aumentando sua segurança. Os pro cessos de identificação e autenticação de usuários verificam normal mente dois fatores diferentes, por exemplo, algo que você sabe (senha) e algoque você possui (cartão mag né - tico/tabela de se nhas/ etc.). A biometria pode subs - tituir um des ses fa - tores. Ge ralmente se pen sa na se nha, porque traz um be ne fício direto Segurança é pré-requisito, mas pode ser diferencial competitivo. A diferenciação está no conjunto da obra Dorival Dourado, diretor de Novas Tecnologias e Serviços da Serasa culdades na tipificação de alguns. Seria desejável que atualizações fossem feitas. Por exemplo, se o da do digital fos se reconhecido como sen do pro tegido por lei, talvez tivés semos mais facilidade no combate à invasão das máquinas e a modifica ção de arquivos com propósitos ma liciosos. WEB 2.0 E SEGURANÇA Bernardo: A Web 2.0 ainda é um conceito vago, associado à idéia de sites com conteúdo dinâmico e cola - boração entre os usuários. Um exemp lo seria a Wikipedia, uma en ci - clo pédia criada de forma cooperativa por usuários que atuam como auto res de seus verbetes. usada como plataforma de negócios e ambiente colaborativo, na difusão de conhecimento e como alavanca de produtividade. Mas os investimentos adicio nais são importantes. BIOMETRIA E NOVAS TECNOLOGIAS DE PREVENÇÃO E COMBATE ÀS FRAUDES Pacheco: Pretendemos intensificar a biometria, mas a substituição das senhas está atrelada à utilização pe - los clientes e usuários internos, por exemplo, do Certificado Digital pa - drão ICP Brasil A3 e/ou e-cpf. Bernardo: A tendência, com a evo - pa ra o cli ente ao eli minar a ne ces - sidade de memorizá-la ou se preocupar com sua troca pe riódica. Dourado: Adotamos internamente o reconhecimento de impressão digital e de íris. Damos preferência a produtos que tenham certificado digital e biometria em dupla che cagem de forma convergente. Por exemplo: chip com processador criptográfico e com características biométricas a gre - gados. Já promovemos testes dis so e dependemos de um cliente viabilizar o projeto para o mercado. A entrevista completa com esses três especia listas está publicada no novo site do Ciab 2008: 12 FEVEREIRO 2008

13

14 CIAB FEBRABAN 2008 SEGURANÇA É PARA TODOS É preciso investir em sistemas sofisticados de segurança, mas também ainda é fundamental realizar campanhas de esclarecimento para a utilização segura da Internet Não apenas os bancos e organismos públicos se preocupam com toda a cadeia afetada pelas tentativas de frau - des eletrônicas. As principais empresas forne cedoras de Tecnologia da Informa - ção (TI) também incluem em seus variados programas iniciativas que atingem o treinamento de funcionários as grandes corporações, orientações aos usuários finais (clientes) e desenvolvimento de produtos para o internauta. Tais iniciativas ajudam no combate e prevenção às práticas delituosas como phi shing (roubo on-line de senhas), malware (disseminação de vírus e intrusões), spyware (software espião), além de spams (envio indiscriminado de s, para milhões de usuá - rios) e material pornográfico. Segurança é atitude. E essa atitude tem de partir do capital humano, um fator chave na atividade de TI, avalia o vice-presidente de Aplication Outsourcing da CPM Braxis, Jack Cavalcanti. No início do ano, a empresa inaugurou uma fábrica de testes de software em Pato Branco (PR). O objetivo é reforçar a atuação no segmento de offshore outsourcing, atendendo clientes de diversos países. Para cumprir esse objetivo, a nova unidade possui características como funcionamento 24 horas (o que facilita o atendimento a parceiros localizados em diferentes locais do mundo e, portanto, sujeitos a diferenças de fuso horário). Além disso, todos os funcionários dominam mais de um idioma (inglês, francês, italiano e árabe, por exemplo). A linha de testes deverá contar com 200 colaboradores até o final deste ano. A proposta é verificar a eficácia de todos os tipos de programas. Para cada solicitação será desenvolvido um projeto de testes úni - co. Escolhido o software, a equipe da CPM Braxis realizará os testes, repetidos à exaustão, para detectar eventuais fa - lhas durante sua execução. As avaliações simulam ambientes de produção, capa - cidade de processamento, tempos de resposta e requisitos de segurança. MODELO BASEADO EM PREVENÇÃO E NÃO APENAS EM REAÇÃO Na IBM, a questão também é tratada como prioridade. Um passo decisivo, nesse sentido, foi a incorporação, em 2006, de uma companhia dedicada exclusivamente ao combate aos crimes virtuais, a Internet Security Systems (ISS). O ex-ceo da ISS e atual gerente da companhia, Thomas Noonan declarou, na época, que era preciso automatizar os sistemas de detecção e reação das ameaças e riscos. Um dos mais importantes investimentos da IBM nessa área é a chamada IBM Internet Security System X-Force, uma equipe de contra-inteligência que tem como objetivo avaliar e combater ameaças, desenvolver solu ções e campanhas de esclarecimento. Outro gigante do setor, a Microsoft, também tem atuado forte mente na prevenção de ameaças. A companhia ofe rece o sistema Forefront, de segurança corporativa. O produto garante camadas adicionais de proteção à informação e preservar o acesso a dados críticos da empresa. 14 FEVEREIRO 2008

15 CIAB FEBRABAN FEVEREIRO 15

16 CIAB FEBRABAN 2008 Ana Claudia Oliveira, gerente de produto, segurança e gereciamento da Microsoft Brasil É NECESSÁRIO DISSEMINAR PRÁTICAS MAIS SEGURAS PARA COMPRAS ON-LINE E OPERAÇÕES BANCÁRIAS Mas a principal novidade é uma rede de parceiros internacionais que já conta mais de quatro mil empresas atuantes com soluções que abrangem o cliente, servidores e redes por meio do programa Security Software Advisor (SSA ou Consultor de Segurança de Software). Recentemente, anunciamos novos investimentos de US$ 50 milhões em vendas, marketing, treinamento e outros su b - sídios para a área de segurança, informa Ana Claudia Oliveira, gerente de produto, segurança e gerenciamento da Microsoft Brasil. O objetivo é possibilitar a especialização desse ecossistema de parceiros em soluções de segurança, criando competências que incluem infra-estrutura e administra - ção de acordo com as necessidades de cada cliente e com o cenário de ame a ças de segurança. PROGRAMA NAVEGUE PROTEGIDO Autor de dois livros sobre o assunto, o gerente sênior de Segurança da Informação da CPM Braxis, Edison Fontes, avalia que o elo mais fraco dessa corrente é, mesmo, o usuário. Portanto, não adianta investir apenas em sistemas sofisticados de segurança se não há, nessa outra ponta, uma campanha de esclarecimento para o uso seguro da Internet: Os bancos brasileiros são cases mun - diais de segurança. Seus sistemas Internet Banking são muito protegidos. Os fraudadores atacam a credulidade do usuário final ou do cliente, daquele que não é técnico. Por isso, é preciso reforçar a segurança nessa área, explica o especialista. As ações da Microsoft em prevenção também atingem o internauta. A companhia anunciou para o Brasil (com o apoio institucional da Fundação Abrinq e da ONG Ci - dade Escola Aprendiz) a campanha educacional nave - gue protegido. Os objetivos são conscientizar pais, jovens e educadores sobre a importância de utilizar a Internet com segurança: estamos disseminando as práticas mais seguras para comprar on-line e operações ban - cárias, ensinar usuários a identificar sites não seguros e au mentar a privacidade na web, finaliza Ana Claudia. Mais detalhes podem ser conferidos no endereço ele - trônico REDE DE COOPERAÇÃO Edison Fontes saúda o início de iniciativas de bancos nacionais de educar seus clientes e alerta para a credulidade natural das pessoas. O gerente de projetos de Se gurança do Banco Real, Carlos Bernardo, concorda com Fontes. As causas do problema não são apenas técnicas, mas relacionadas com comportamento. Os golpes exploram fragilidades do ser humano e da sociedade. Conseguem as informações dos clientes através de ardis, da mesma forma que no velho conto do vigário, e são apli cados por quadrilhas organizadas, afirma. Ele argumenta que as medidas tomadas pelos bancos aumentam bastante a segurança do sistema. Entretanto, é preciso mais: criar uma rede de cooperação entre as instituições. Só desta maneira as causas do problema podem ser atacadas, gerando a confiança do cliente no uso da Internet para a realização de transações financeiras, avalia. 16 FEVEREIRO 2008

17 CIAB FEBRABAN 2008 A segurança da informação NOS Tempos dos Crimes Cibernéticos A segurança da informação está relacionada com a proteção dos dados e das informações corporativas e pessoais, dentro de uma organização, em que são observados os princípios da confidencialidade, da integridade e da disponibilidade das informações, dentro de uma política de segurança forte. A proteção dos dados é feita por controles físicos e lógicos. Os controles físicos são implementados por meio de dispositivos que impedem ou limitam o contato direto com a infra-estrutura utilizada para o armazenamento das informações, como as salas-cofre, blindagem, guardas armados etc. Os controles lógicos são dispositivos que impedem ou limitam o acesso às informações em meios eletrônicos por pessoas não autorizadas, como senhas, biometria, criptografia, assinatura digital e outros. Os ataques cibernéticos usualmente procuram atingir a confidencialidade, a integridade e/ou a disponibilidade das informações. Se a confidencialidade de uma senha, a integridade ou a disponibilidade de um banco de dados forem violados, a segurança da informação será comprometida. Nos sistemas de informações há vários pontos passíveis de ataques. Os criminosos escolherão os pontos mais frágeis, normalmente representados pelos usuários finais em muitos sistemas. Como se sabe, os sistemas bancários são extremamente seguros, há investimentos pesados na segurança física e lógica, bem como em treinamento. Por mais organizados que venham a ser, dificilmente os criminosos teriam sucesso num ataque à infraestrutura central dessas informações. Diante dessa dificuldade, os criminosos atacam diretamente os correntistas, violando a confidencialidade de suas senhas. Os correntistas são o ponto fraco da corrente, principalmente se não receberem informações sobre os cuidados mínimos necessários para não se tornarem vítimas dos criminosos do espaço cibernético. Assim, para que a segurança da informação seja atingida em níveis de excelência, é necessário que todos os pontos sejam fortalecidos. Além da segurança física e lógica, é necessário que os usuários sejam treinados adequadamente e recebam informações sobre os cuidados mínimos que devem ser observados, de modo a se evitarem possíveis violações. Paulo Quintiliano é perito criminal Federal da Polícia Federal, onde atua na área de combate aos crimes cibernéticos. É graduado em Ciência da Computação e em Direito, mestre em Ciência da Computação e doutor em Processamento de Imagens e Reconhecimento de Padrões. Em 2005, foi eleito o conselheiro representante da América Latina no International Bo tnet Task Force Counsel. É o editor-chefe do The International Journal of Forensic Computer Science (IJoFCS) e coordenador-geral das conferências ICCyber The International Conference on Computer Science e ICoFCS The International Conference of Forensic Computer Science. É o presidente da HTCIA Brasília Chapter FEVEREIRO 17

18 > ATP Criada em 1993, a ATP desenvolve soluções tecnológicas integradas de ponta para mais de 100 instituições financeiras, com foco na redução de custos para os clientes. Com 20 filiais no país, a ATP destaca-se nos mais importantes rankings econômico-financeiros e de governança corporativa do mercado como uma das empresas de prestação de serviços mais sólidas do Brasil. Produtos e Serviços ATP: Outsourcing de Back-Office Outsourcing de Redes de Auto-Atendimento Compartilhamento de Redes de Auto-Atendimento Tecnologia e Operações de Correspondente no País Sistemas Integrados de Arrecadações e Pagamentos Treinamentos e Consultorias em TI > BRQ Informática Fundada em 1993, a BRQ é uma das empresas de TI que mais crescem no Brasil (Deloitte ). Focada em integração, desenvolvimento de aplicações sob medida e outsourcing, possui grande know-how no setor financeiro, além de ser reconhecida também em outros segmentos. Com uma gestão jovem e moderna, está entre as 40 melhores empresas de TI/Telecom para se trabalhar e é a única no Brasil a possuir o certificado CMMI5 (nível máximo de desenvolvimento de software) em duas localidades. Seu principal valor é a ética na relação com clientes e uma cultura de qualidade na entrega dos serviços. > Boxfile IT Advanced Solutions A Boxfile IT oferece soluções integradas de TI e infra-estrutura para ambientes críticos (centro de controle, mesa de operações financeiras e data center) que exigem operação contínua, alta disponibilidade e segurança da informação. Nossas soluções garantem melhor desempenho e performance do ambiente de TI e do usuário, a segurança e proteção física máxima, dos dados e equipamentos de TI, como a ergonomia diferenciada do ambiente de trabalho. Com mais de 100 projetos executados para as mais renomadas Instituições Financeiras do Brasil, a Boxfile IT é hoje um dos principais provedores de soluções em infra-estrutura e TI para o setor financeiro. > CA A CA (NYSE: CA), uma das maiores empresas de software independente, oferece soluções para unificar e simplificar o gerenciamento da Tecnologia da Informação. Com a visão e a qualificação do EITM (enterprise IT management) da CA, as empresas podem administrar, gerenciar e proteger a TI com mais eficiência para melhorar o desempenho dos negócios e manter uma vantagem competitiva. Fundada em 1976, a CA atende clientes em praticamente todos os países do mundo. No Brasil, onde está presente desde 1982, conta com milhares de clientes, de grande, médio e pequeno portes. Para obter mais informações, visite o site > Cisco A Cisco, (NASDAQ: CSCO) é líder mundial em redes que transformam a maneira como as pessoas conectam-se, comunicam-se e colaboram. Informações sobre a Cisco podem ser encontradas em > Convergys A Convergys é líder mundial na área de gestão de relacionamentos. Fornece soluções que obtém maior valor das relações que seus clientes têm com os próprios clientes e funcionários. A Convergys é uma integrante da S&P 500 e, por sete anos consecutivos, foi eleita como uma das Mais Admiradas Empresas da Fortune. Contamos com aproximadamente 75 mil funcionários, em 79 centros de atendimento ao cliente e outras instalações, nos Estados Unidos, Canadá, América Latina, Europa, Oriente Médio e Ásia. Para mais informações, acesse > CP Eletrônica Alinhada ao tema do Ciab 2007, a Bull apresentará suas soluções de auto-serviço baseadas em conceitos de mobilidade e portais multicanais, utilizando ferramentas que facilitam e-crm, interfaces gráficas, processos de vendas e gestão do relacionamento e satisfação do cliente pelos canais eletrônicos. Atendendo às tendências de distribuição das operações, a Bull apresentará sua solução para tratamento de documentos financeiros e comerciais de captura centralizada e descentralizada de imagens, regras de negócios e complementação remota de dados, utilizando técnicas sofisticadas de video-coding.

19 CIAB FEBRABAN 2008 A lista de expositores do Ciab Febraban se confunde com a lista dos maiores e mais importantes fornecedores de tecnologia da informação do Brasil e do mundo. Confira nas páginas seguintes o que cada um deles produz e oferece ao mercado financeiro. > CPM Braxis A CPM Braxis é a maior empresa brasileira de serviços TI. Foi a primeira companhia nacional a conquistar o nível 5 do CMMI DEV 1.2. Atua em Consultoria de TI, Soluções de Negócios, Outsourcing de Aplicações e Soluções de Infra-Estrutura, além de reunir um histórico de sucesso em projetos de implantação, desenvolvimento e manutenção de sistemas ERP. Com mais de 5 mil funcionários, 200 clientes e 14 centros de desenvolvimento, opera também na América Latina, Estados Unidos, Europa e Ásia. Tem como visão ser uma das dez maiores empresas globais de TI, reconhecida pela excelência de seus serviços. > CSC BRASIL Sistemas Ltda A CSC BRASIL tem foco e experiência em soluções de gerenciamento de sistemas e de serviços de TI. Em 22 anos de atuação, acumulou experiência e conhecimento sobre os desafios da TI de empresas em que a Tecnologia da Informação é vital para seus negócios. A equipe é o principal diferencial da CSC BRASIL. Seus profissionais aliam conhecimento, qualificação, experiência e maturidade. A CSC BRASIL é igualmente reconhecida por seu histórico de projetos bem sucedidos, solidez financeira, visão de futuro e, acima de tudo, comprometimento com os resultados. > Crivo A Crivo oferece serviços destinados à automação nos processos de tomada de decisão para crédito e risco. Com oito anos de atuação no mercado e sede em São Paulo, a empresa 100% nacional, encerrou 2007 com crescimento de 100%. Possui mais de 80 clientes ativos nas áreas de seguros, finanças, telecomunicações e outras indústrias. O software da Crivo permite que as empresas automatizem a busca e análise em mais de 150 fontes de informações on-line. Entre as áreas usuárias do software nas corporações estão Crédito Consignado, Cartões, CDC, Financiamento de Veículos, Risco, Fraude, Crédito e Fiscal. > ddcom Systems Há 15 anos no mercado, a ddcom Systems é líder no fornecimento de soluções para gerenciamento de voz, dados e controle de produção. Os produtos ddcom Systems estão implementados nas principais instituições financeiras, contact centers e fábricas de produção de documentos do país, capturando diariamente milhares de transações comerciais, através de sistemas de Voice & Screen Recording, IP Recording, Gestão de TI, Workforce Management, Quality Monitoring, e-learning, Customer Feedback e Performance Analysis. Visite o estande ddcom Systems e conheça os produtos que irão otimizar a performance de seus colaboradores, processos e tecnologia. > Diebold Procomp A Diebold Procomp é a principal fornecedora de produtos para automação bancária no Brasil, com 60% de market share. Sediada em São Paulo, tem 3 fábricas no País, emprega colaboradores e possui cerca de 15 bancosclientes, tendo um parque instalado de 250 mil equipamentos em cerca de agências e pabs. Fornece ainda equipamentos para automação eleitoral, sendo responsável pela fabricação das urnas eletrônicas para as eleições de 1998, 2000, 2004 e A Diebold Procomp também atua como integradora e fornece serviços como Outsourcing da operação de redes de auto-atendimento, Segurança, Infra-Estrutura e Suporte Técnico. > D-Link Fundada em 1986, em Taiwan, a D-Link é umas das líderes mundiais na fabricação de soluções para Networking, Conectividade e Comunicação de dados. Possui 4 mil funcionários, mais de 100 escritórios e 55 subsidiárias no mundo, além de quatro fábricas (Estados Unidos, China, Índia e Taiwan). A D-Link está presente no Brasil há sete anos e possui 200 colaboradores e é líder de mercado no Home e SoHo, com modems, roteadores e adaptadores wireless e mais de quatro milhões de clientes usuários finais. Para o Ciab Febraban 2008, a D-Link apresentará para o mercado corporativo soluções completas de Conectividade (do core à borda da rede local), Mobilidade, Segurança, Monitoramento e vigilância IP e Voz sobre IP. > DTS Consulting A DTS Consulting, especializada em consultoria e projetos de alta tecnologia, tem experiência de mais de duas décadas no mercado financeiro e atende 46 dos 50 maiores bancos da América Latina. A unidade de Financial Application Consulting - FAC possui know-how em especificação, desenvolvimento, implementação e manutenção de aplicações críticas. Em 2008, a DTS completa 25 anos, com atuação nos EUA, Europa e na América Latina, e mais de consultores. Eleita pelo IDG a Melhor Empresa de Consultoria na Categoria Projetos, a DTS oferece agilidade nas soluções aliada à soluções em projetos o que resulta em liderança para os clientes FEVEREIRO 19

20 > Eccox Technology Multinacional brasileira que desde 1992 oferece soluções para garantir qualidade e disponibilidade de sistemas, agregar valor às plataformas de negócios e contribuir para diminuição de custos de TI por transação. Pioneira em software para controle das melhores práticas de programação, a Eccox mantém um laboratório próprio de pesquisa e desenvolvimento, possui mais de 1,6 mil sistemas implantados e cerca de 35 mil usuários finais. Com forte atuação no setor financeiro, a Eccox está sediada em São Paulo, possui filial nos Estados Unidos e mantém operações de distribuição e suporte na Europa. > Embratel Com 43 anos de história, a Embratel oferece soluções completas para todo o mercado brasileiro, incluindo telefonia local, longa distância nacional e internacional, transmissão de dados, televisão e Internet, além de assegurar atendimento em qualquer ponto do território nacional através de soluções via satélites. Seja em telefonia, dados ou Internet, os serviços da Embratel oferecem um mix ideal entre tecnologia, qualidade e segurança para o mercado corporativo, residencial e também para o setor público. > EMC Brasil A EMC Brasil é líder em soluções de gerenciamento, segurança e armazenamento de informações. Para o segmento financeiro, a companhia oferece serviços de consultoria e uma linha completa de software e hardware para diversas aplicações em empresas de todos os portes. Suas soluções permitem preservar dados e transações de clientes, gerenciar com eficiência o acesso seguro a informações de missão crítica, aplicar planos de contingência para garantir funcionamento sem interrupções, digitalizar e arquivar documentos com segurança, e consumir cada vez menos energia elétrica e recursos naturais. > Enterasys Networks Há mais de 15 anos no Brasil, a Enterasys fornece as Redes Seguras que garantem a integridade e performance dos serviços de TI e seus usuários. Reconhecida pelo Gartner como inovadora, nossa visão traz soluções integradas de hardware e software que impedem, detectam e respondem automaticamente às ameaças de segurança, além de permitir a visibilidade necessária para que as empresas estejam em conformidade com as regulamentações do seu mercado. Com mais de 500 patentes e clientes em mais de 70 países, vivemos a filosofia: "Nada é mais importante do que nossos clientes". Saiba mais, visite nosso estande. > EverSystems A EverSystems é uma multinacional brasileira, reconhecida e premiada internacionalmente por seu pioneirismo e inovação tecnológica para a Indústria Financeira e Telecom, com mais de mil projetos desenvolvidos na América Latina, África e Estados Unidos. A empresa oferece uma completa gama de soluções e serviços de TI, incluindo soluções integradas de canais eletrônicos (ATM, Web, etc), segurança da informação, fábrica de software e uma exclusiva plataforma EverSystems Financial Framework. O Grupo EverSystems integra ainda a EverMedia, especializada em Marketing Digital e a EverMobile, focada na viabilização de Serviços Financeiros Móveis. > Finansys Softwares Financeiros - GRUPO attps Com 17 anos de mercado e forte atuação no segmento financeiro, apresentará novos módulos da Solução Finansys - sistemas destinados ao processamento das operações diárias, eventos contábeis e gerenciamento de informações das instituições financeiras: FIDC - Controle de título de Fundos de Investimentos de Direitos Creditórios CIL - Consolidador de Informativos Legais Gerenciamento de recebíveis na web Gerenciador de bases históricas Serviços de TI: Soluções de Business Intelligence Serviços de Infra-estrutura voltados ao "up-grade" do Nível de Maturidade das estruturas de TI Soluções de Certificação e Assinatura Digital, Conectividade e Fábrica de Software Soluções de Outsourcing > First Tech A First Tech desenvolve aplicações para transações eletrônicas das principais instituições financeiras do país, realizando a validação de mais de 80% das mesmas sob as bandeiras Visa e Mastercard. Soluções em Segurança Perimetral, Criptografia e E-security serão apresentados no Ciab 2008 com nosso portfólio de soluções para dados e voz. Considerada uma das 200 maiores empresas pelo Anuário Informática Hoje, Destaque do ano no Anuário Telecom e presente no ranking da Exame PME - As 100 que mais crescem, a First Tech tem muito mais a oferecer. Venha degustar um café gourmet em nosso estande G6.

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do

Leia mais

Tecnologia a serviço da saúde.

Tecnologia a serviço da saúde. Tecnologia a serviço da saúde. A Diebold A Diebold é uma empresa multinacional, especializada em automação bancária, segurança eletrônica e líder mundial no fornecimento de equipamentos de autoatendimento.

Leia mais

a identidade como o novo perímetro: adotando a nuvem, a plataforma móvel e a mídia social com segurança agility made possible

a identidade como o novo perímetro: adotando a nuvem, a plataforma móvel e a mídia social com segurança agility made possible a identidade como o novo perímetro: adotando a nuvem, a plataforma móvel e a mídia social com segurança agility made possible A transformação da TI e as identidades em evolução Diversas tendências da tecnologia,

Leia mais

Alavancando a segurança a partir da nuvem

Alavancando a segurança a partir da nuvem Serviços Globais de Tecnologia IBM White Paper de Liderança em Pensamento Serviços de Segurança IBM Alavancando a segurança a partir da nuvem O quem, o que, quando, por que e como dos serviços de segurança

Leia mais

Convergência TIC e Projetos TIC

Convergência TIC e Projetos TIC TLCne-051027-P1 Convergência TIC e Projetos TIC 1 Introdução Você responde essas perguntas com facilidade? Quais os Projetos TIC mais frequentes? Qual a importância de BI para a venda de soluções TIC (TI

Leia mais

IBM Software IBM Business Process Manager Simples e Poderoso

IBM Software IBM Business Process Manager Simples e Poderoso IBM Software IBM Business Process Manager Simples e Poderoso Uma única plataforma BPM que oferece total visibilidade e gerenciamento de seus processos de negócios 2 IBM Business Process Manager Simples

Leia mais

Cards Brasil 2006 Segurança, Autenticação e Certificação nos Meios Digitais. Abril de 2006 Gustavo E. Prellwitz Diretor de Banking América do Sul

Cards Brasil 2006 Segurança, Autenticação e Certificação nos Meios Digitais. Abril de 2006 Gustavo E. Prellwitz Diretor de Banking América do Sul Cards Brasil 2006 Segurança, Autenticação e Certificação nos Meios Digitais Abril de 2006 Gustavo E. Prellwitz Diretor de Banking América do Sul Agenda 2 Segurança Digital: O Ambiente Mundial e do Brasil

Leia mais

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia P ORTFÓ FÓLIO Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia versão 1.1 ÍNDICE 1. A EMPRESA... 3 2. BI (BUSINESS INTELLIGENCE)... 5 3. DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS... 6 3.1. PRODUTOS

Leia mais

2Avalie novos modelos de investimento. Otimize a estrutura de tecnologia disponível

2Avalie novos modelos de investimento. Otimize a estrutura de tecnologia disponível Crise? Como sua empresa lida com os desafios? Essa é a questão que está no ar em função das mudanças no cenário econômico mundial. A resposta a essa pergunta pode determinar quais serão as companhias mais

Leia mais

Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação. Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica

Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação. Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica Fernando Bittar Diretor de Novos Negócios ITM IT Management Contexto do Mercado de Cloud Computing

Leia mais

Fontoura SOLUÇÕES CONSULTORIA E CAPACITAÇÃO CATÁLOGO DE

Fontoura SOLUÇÕES CONSULTORIA E CAPACITAÇÃO CATÁLOGO DE 96 CONSULTORIA E CAPACITAÇÃO TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fontoura e d u c a t i o n Empresa de Consultoria e Auditoria em TIC e implantação das melhores práticas em Governança, Risco e Compliance. Avaliação

Leia mais

Soluções em Tecnologia da Informação

Soluções em Tecnologia da Informação Soluções em Tecnologia da Informação Curitiba Paraná Salvador Bahia A DTS Sistemas é uma empresa familiar de Tecnologia da Informação, fundada em 1995, especializada no desenvolvimento de soluções empresariais.

Leia mais

Apresentação da Empresa

Apresentação da Empresa Apresentação da Empresa Somos uma empresa especializada em desenvolver e implementar soluções de alto impacto na gestão e competitividade empresarial. Nossa missão é agregar valor aos negócios de nossos

Leia mais

A Itautec continuará direcionando esforços no lançamento de produtos inovadores, e no crescimento das operações no mercado externo.

A Itautec continuará direcionando esforços no lançamento de produtos inovadores, e no crescimento das operações no mercado externo. NEGÓCIOS : : Operações Internacionais : : Soluções e Automações : : Informática : : Serviços A Itautec continuará direcionando esforços no lançamento de produtos inovadores, e no crescimento das operações

Leia mais

APTRA PASSPORT DA NCR. Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos

APTRA PASSPORT DA NCR. Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos APTRA PASSPORT DA NCR Um núcleo empresarial para captura remota de depósitos Uma maneira melhor para os seus clientes depositarem cheques Bancos e instituições financeiras continuam a enfrentar os desafios

Leia mais

Nossa atuação no setor financeiro

Nossa atuação no setor financeiro Nossa atuação no setor financeiro No mundo No Brasil O porte da equipe de Global Financial Services Industry (GFSI) da Deloitte A força da equipe do GFSI da Deloitte no Brasil 9.300 profissionais;.850

Leia mais

O Banco do futuro na visão da geração Y

O Banco do futuro na visão da geração Y O Banco do futuro na visão da geração Y XX Congresso e Exposição de Tecnologia da Informação das Instituições Financeiras Paulo Cheberle - Comissão Organizadora CIAB FEBRABAN Atribuído ao autor da melhor

Leia mais

Os novos usos da tecnologia da informação na empresa

Os novos usos da tecnologia da informação na empresa Os novos usos da tecnologia da informação na empresa Internet promoveu: Transformação Novos padrões de funcionamento Novas formas de comercialização. O maior exemplo desta transformação é o E- Business

Leia mais

webaula S/A 1 de 15 Grupo webaula Educação sem fronteiras

webaula S/A 1 de 15 Grupo webaula Educação sem fronteiras webaula S/A 1 de 15 Grupo webaula 1. LMS webaula O LMS WEBAULA (Learning Management System) foi desenvolvido especialmente para promover a capacitação e reciclagem teórica e prática dos colaboradores de

Leia mais

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte IBM Global Technology Services Manutenção e suporte técnico Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte Uma abordagem inovadora em suporte técnico 2 Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável

Leia mais

Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE. Prof. Luís Rodolfo

Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE. Prof. Luís Rodolfo Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Luís Rodolfo Vantagens e desvantagens de uma rede para a organização Maior agilidade com o uso intenso de redes de computadores; Grandes interações

Leia mais

IMPLEMENTANDO UMA ARQUITETURA DO SECURITY ANALYTICS

IMPLEMENTANDO UMA ARQUITETURA DO SECURITY ANALYTICS IMPLEMENTANDO UMA ARQUITETURA DO SECURITY ANALYTICS Resumo da solução RESUMO As novas ameaças de segurança exigem uma nova abordagem ao gerenciamento de segurança. As equipes de segurança precisam de uma

Leia mais

Ricardo Setubal Diretor de Relações com Investidores

Ricardo Setubal Diretor de Relações com Investidores Ricardo Setubal Diretor de Relações com Investidores Agenda Perfil da Empresa Investimentos Estratégicos Ações Desenvolvidas no Período Desempenho das Áreas Informações Financeiras Consolidadas Governança

Leia mais

TRIAD SYSTEMS DESTAQUES. Desenvolvimento para Dispositivos Móveis. Metodologia Ágil. Expertise em. Fábrica de Testes Mobile.

TRIAD SYSTEMS DESTAQUES. Desenvolvimento para Dispositivos Móveis. Metodologia Ágil. Expertise em. Fábrica de Testes Mobile. Expertise em Metodologia Ágil Desenvolvimento para Dispositivos Móveis Fábrica de Testes Mobile Aderência a Cloud e Big Data DESTAQUES TRIAD SYSTEMS Nós somos a TRIAD SYSTEMS, uma empresa de TI, 100% brasileira,

Leia mais

Administração. Segurança. Corporativo. Habitacional. Produto Contratos. Ramos Elementares. Vida. Habitacional. Habitacional.

Administração. Segurança. Corporativo. Habitacional. Produto Contratos. Ramos Elementares. Vida. Habitacional. Habitacional. 20 SIES VISÃO GERAL Sistema Especialista para Seguros Registro INPI nro.: 94007756 - Copyright 2011. Todos os direitos reservados. Bancos Corretor Processos Batch Interfaces Agências e-sies Central Atendimento

Leia mais

Nori Lermen Quer Revolução no ATM

Nori Lermen Quer Revolução no ATM Nori Lermen Quer Revolução no ATM Em entrevista exclusiva à Relatório Bancário, o novo presidente da ATP, Nori Lermen, revelou as intenções da empresa brasiliense em ir além do fornecimento de serviços

Leia mais

Gestão de Clientes no Mercado de Consórcios

Gestão de Clientes no Mercado de Consórcios Relatório de pesquisa Gestão de Clientes no Mercado de Consórcios Via Consulting Maio de 2009 1 Caro leitor, Gostaria de convidá-lo a conhecer o resultado de uma pesquisa patrocinada pela Via Consulting

Leia mais

Versão 1 Mkt Salvador 17.10.12

Versão 1 Mkt Salvador 17.10.12 Versão 1 Mkt Salvador 17.10.12 NÓS CUIDAMOS DOS PROCESSOS. VOCÊ CUIDA DOS NEGÓCIOS. NÓS CUIDAMOS DOS PROCESSOS. Mais de 10 anos de atuação. Empresa mais premiada do setor. Consolidada e com experiência

Leia mais

Serviços IBM de Resiliência:

Serviços IBM de Resiliência: Serviços IBM de Resiliência: Sempre disponível, em um mundo sempre conectado Como chegamos até aqui? Dois profissionais de TI estão sofrendo com interrupções de negócios frequentes, os problemas estão

Leia mais

Workshop de Marketing Estratégico e. Inteligência Competitiva na Prática

Workshop de Marketing Estratégico e. Inteligência Competitiva na Prática Workshop de Marketing Estratégico e Inteligência Competitiva na Prática Pesquisa Inteligência Empresarial, MKT e Vendas Realidade, Desafios e Cenários Marketing e Vendas Parcerias estratégicas no setor

Leia mais

A Internacionalização de Empresas de Tecnologia da Informação

A Internacionalização de Empresas de Tecnologia da Informação A Internacionalização de Empresas de Tecnologia da Informação ENAServ 2014 Encontro Nacional do Comércio Exterior de Serviços Sergio Paulo Gallindo São Paulo, 29 de maio de 2014 Porque Internacionalizar?

Leia mais

A LIBERDADE DO LINUX COM A QUALIDADE ITAUTEC

A LIBERDADE DO LINUX COM A QUALIDADE ITAUTEC A LIBERDADE DO LINUX COM A QUALIDADE ITAUTEC O AMBIENTE OPERACIONAL QUE AGREGA A CONFIABILIDADE E O SUPORTE DA ITAUTEC À SEGURANÇA E À PERFORMANCE DO LINUX O LIBRIX É UMA DISTRIBUIÇÃO PROFISSIONAL LINUX

Leia mais

Informe técnico: Segurança de endpoints Symantec Protection Suite Enterprise Edition Proteção confiável para ambientes de endpoints e mensageria

Informe técnico: Segurança de endpoints Symantec Protection Suite Enterprise Edition Proteção confiável para ambientes de endpoints e mensageria Proteção confiável para ambientes de endpoints e mensageria Visão geral O Symantec Protection Suite Enterprise Edition cria um ambiente de endpoints e mensageria protegido contra as complexas ameaças atuais,

Leia mais

reputação da empresa.

reputação da empresa. Segurança premiada da mensageria para proteção no recebimento e controle no envio de mensagens Visão geral O oferece segurança para mensagens enviadas e recebidas em sistemas de e-mail e mensagens instantâneas,

Leia mais

SOLUÇÕES DE TECNOLOGIA A SERVIÇO DA SAÚDE

SOLUÇÕES DE TECNOLOGIA A SERVIÇO DA SAÚDE SOLUÇÕES DE TECNOLOGIA A SERVIÇO DA SAÚDE CONHECIMENTO E TECNOLOGIA A SERVIÇO DA SAÚDE A Diebold Procomp está presente em vários segmentos da vida dos brasileiros. Em automação bancária, É lider de mercado

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SOFTWARE PANORAMA E TENDÊNCIAS

MERCADO BRASILEIRO DE SOFTWARE PANORAMA E TENDÊNCIAS MERCADO BRASILEIRO DE SOFTWARE PANORAMA E TENDÊNCIAS 2009 Introdução Resumo Executivo Apesar das turbulências que marcaram o ano de 2008, com grandes variações nos indicadores econômicos internacionais,

Leia mais

Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM

Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM Obtenha soluções em nuvem comprovadas para as suas prioridades mais urgentes Destaques da solução Saiba sobre os benefícios mais comuns de implementações

Leia mais

Quantidade de Profissionais e Empresas participantes nos eventos de 2011

Quantidade de Profissionais e Empresas participantes nos eventos de 2011 calendário virtualização auditoria de ti monitoração segurança da informação sustentabilidade riscos governança cloud computing planejamento estratégico saas compliance gestão de processos As organizações

Leia mais

Mão-de-obra qualificada, flexibilidade

Mão-de-obra qualificada, flexibilidade > TECNOLOGIA INFORMÁTICA Negócio oportuno Empresas criam centros no Brasil para desenvolver softwares e aplicativos destinados ao mercado mundial DINORAH ERENO ILUSTRAÇÕES BUENO Mão-de-obra qualificada,

Leia mais

EFICIÊNCIA E EFICÁCIA. E COM OS DIFERENCIAIS INOVAÇÃO E QUALIDADE. ISSO É EVERIS BPO. attitude makes the difference

EFICIÊNCIA E EFICÁCIA. E COM OS DIFERENCIAIS INOVAÇÃO E QUALIDADE. ISSO É EVERIS BPO. attitude makes the difference EFICIÊNCIA E EFICÁCIA. E COM OS DIFERENCIAIS INOVAÇÃO E QUALIDADE. ISSO É EVERIS BPO. attitude makes the difference Consulting, IT & Outsourcing Professional Services everis BPO. Nossa razão de ser: Direcionamos

Leia mais

Lacerda e Franze obtém economia significativa em custos de impressão com ECM/GED da SML Brasil

Lacerda e Franze obtém economia significativa em custos de impressão com ECM/GED da SML Brasil lacerda e franze Escritório de Advocacia Lacerda e Franze obtém economia significativa em custos de impressão com ECM/GED da SML Brasil CLIENTE Lacerda e Franze Advogados Associados V I S Ã O G E R A L

Leia mais

Net View & Panda ManagedOfficeProtection Mais que antivírus, solução em segurança.

Net View & Panda ManagedOfficeProtection Mais que antivírus, solução em segurança. Net View & Panda ManagedOfficeProtection Mais que antivírus, solução em segurança. Net View & Panda Managed Office Protection É fato, tanto pequenas e médias e grandes empresas enfrentam os mesmos riscos

Leia mais

Vantagens competitivas das parcerias estratégicas entre empresas brasileiras e as subsidiárias das empresas globais Eduard de Lange

Vantagens competitivas das parcerias estratégicas entre empresas brasileiras e as subsidiárias das empresas globais Eduard de Lange Vantagens competitivas das parcerias estratégicas entre empresas brasileiras e as subsidiárias das empresas globais Eduard de Lange 15 de Fevereiro 2006 1 A TIVIT nasce da fusão entre a modernidade e o

Leia mais

Apresentação institucional. Claudio A Violato Vice-Presidente de Tecnologia

Apresentação institucional. Claudio A Violato Vice-Presidente de Tecnologia Apresentação institucional Claudio A Violato Vice-Presidente de Tecnologia O CPqD Aumento da competitividade e inclusão digital do País Uma organização focada na inovação com base em Tecnologias de Informação

Leia mais

PORTFÓLIO www.imatec.com.br

PORTFÓLIO www.imatec.com.br História A IMATEC foi estabelecida em 1993 com o objetivo de atuar nos segmentos de microfilmagem, digitalização e guarda de documentos e informações, hoje conta com 300 colaboradores, têm em seu quadro,

Leia mais

Índice. 03 A Empresa. 04 Missão Visão Valores 05 Nossos Eventos 23 Corpbusiness - Patrocínio 24 Divulgação 25 Expediente

Índice. 03 A Empresa. 04 Missão Visão Valores 05 Nossos Eventos 23 Corpbusiness - Patrocínio 24 Divulgação 25 Expediente MÍDIA KIT 2014 Índice 03 A Empresa 04 Missão Visão Valores 05 Nossos Eventos 23 Corpbusiness - Patrocínio 24 Divulgação 25 Expediente A empresa Fundada em 2007, a empresa possui uma grade anual com diversos

Leia mais

Guia de vendas Windows Server 2012 R2

Guia de vendas Windows Server 2012 R2 Guia de vendas Windows Server 2012 R2 Por que Windows Server 2012 R2? O que é um servidor? Mais do que um computador que gerencia programas ou sistemas de uma empresa, o papel de um servidor é fazer com

Leia mais

Introdução ao Oracle Identity Management

Introdução ao Oracle Identity Management Introdução ao Oracle Identity Management White Paper Oracle Junho de 2008 Introdução ao Oracle Identity Management página 1 Introdução ao Oracle Identity Management INTRODUÇÃO A suíte Oracle Identity Management

Leia mais

TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO.

TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. OneIT A gente trabalha para o seu crescimento. Rua Bento Barbosa, n 155, Chácara Santo

Leia mais

Consultoria em TI PARA LIBERDADE, NÃO TEM PORQUÊ. TEM SOLICON.

Consultoria em TI PARA LIBERDADE, NÃO TEM PORQUÊ. TEM SOLICON. Consultoria em TI PARA LIBERDADE, NÃO TEM PORQUÊ. TEM SOLICON. Portifólio Missão Atender as necessidades de nossos clientes e garantir o retorno de seus investimentos, implementando os melhores serviços

Leia mais

expandindo o logon único da web para ambientes de dispositivos móveis e na nuvem agility made possible

expandindo o logon único da web para ambientes de dispositivos móveis e na nuvem agility made possible expandindo o logon único da web para ambientes de dispositivos móveis e na nuvem agility made possible o mundo de negócios online está evoluindo rapidamente... Em anos anteriores, os clientes caminhavam

Leia mais

Como Reduzir Custos em Operações de BackOffice

Como Reduzir Custos em Operações de BackOffice Como Reduzir Custos em Operações de BackOffice Luciano Moraes da Silva Marketing Global Services Xerox Global Services Outubro 2006 1 Agenda Xerox Xerox Global Services Diferenciais Documentos Custos Processos

Leia mais

Security Officer Foundation

Security Officer Foundation Security Officer Foundation As comunicações e os meios de armazenamento das informações evoluíram mais nestes últimos anos do que em outro tempo na história conhecida. A internet comercial foi consolidada

Leia mais

Bancos Corretoras Seguradoras

Bancos Corretoras Seguradoras Bancos Corretoras Seguradoras A TCI BPO Com atuação em todo o Brasil, a TCI oferece excelência na prestação dos serviços em BPO - Business Process Outsourcing, levando aos seus clientes as melhores competências

Leia mais

TECNOLOGIA PARA OS DESAFIOS DO BRASIL

TECNOLOGIA PARA OS DESAFIOS DO BRASIL TECNOLOGIA PARA OS DESAFIOS DO BRASIL Consultoria, tecnologia e outsourcing indracompany.com INDRA NO BRASIL UMA DAS PRINCIPAIS EMPRESAS DE CONSULTORIA E TECNOLOGIA DO PAÍS BRASIL. PRINCIPAL MERCADO INTERNACIONAL

Leia mais

Tecnologias da Informação e da. e Organizacionais

Tecnologias da Informação e da. e Organizacionais Tecnologias da Informação e da Comunicação nos Cenários Econômicos e Organizacionais A evolução tecnológica acompanhando a mudança organizacional Os negócios na era eletrônica O comércio eletrônico Cadeias

Leia mais

SISTEMAS BRASILEIRO EM INFORMÁTICA CNPJ:

SISTEMAS BRASILEIRO EM INFORMÁTICA CNPJ: Dados da Empresa Dados da SYSTEMBRAS SISTEMAS BRASILEIRO EM INFORMÁTICA CNPJ: 00.000.000/0001-00 Rua Paramoti, 04 Vila Antonieta SP Cep: 03475-030 Contato: (11) 3569-2224 A Empresa A SYSTEMBRAS tem como

Leia mais

MBA EM ARQUITETURAS DE REDES E CLOUD COMPUTING

MBA EM ARQUITETURAS DE REDES E CLOUD COMPUTING MBA EM ARQUITETURAS DE REDES E CLOUD COMPUTING Você é um profissional de infraestrutura capaz de integrar Redes, Sistemas/Software e Banco de Dados em datacenters e utilizar técnicas de virtualização em

Leia mais

S OLUÇÕES E AUTOMAÇÕES. Desempenho. RECEITA BRUTA (R$ Milhões)

S OLUÇÕES E AUTOMAÇÕES. Desempenho. RECEITA BRUTA (R$ Milhões) S OLUÇÕES E AUTOMAÇÕES Desempenho A área reúne as atividades de automação bancária e comercial, auto-atendimento, soluções e-business e Itec (área de provedor de soluções). Em 2003 somou receita bruta

Leia mais

Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing)

Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing) Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing) Transforme suas comunicações mais lidas em participações multicanais altamente direcionadas que reduzem custos, aumentam a satisfação do cliente e geram

Leia mais

E-Business global e colaboração

E-Business global e colaboração E-Business global e colaboração slide 1 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. 2.1 Copyright 2011 Pearson Education, Inc. publishing as Prentice Hall Objetivos de estudo Quais as principais

Leia mais

Segurança de Dados. Relatório de Segurança de Dados, Inteligência de Mercado

Segurança de Dados. Relatório de Segurança de Dados, Inteligência de Mercado Segurança de Dados Segurança de dados e sigilo de informações ainda é um tema longe de ser solucionado no Brasil e no Mundo. A cada novo dispositivo lançado, cada nova transação bancária ou a cada novo

Leia mais

Ciab Febraban 2009 Bancarização Coletiva - O Setor Bancário em Números

Ciab Febraban 2009 Bancarização Coletiva - O Setor Bancário em Números Ciab Febraban 2009 Bancarização Coletiva - O Setor Bancário em Números 1 Rede de atendimento 2 Número de contas e Internet Banking 3 Cartões de crédito 4 Transações bancárias por origem 5 Transações interbancárias

Leia mais

CA ARCserve Backup. Visão geral

CA ARCserve Backup. Visão geral INFORME DE PRODUTO: CA ARCSERVE BACKUP R12.5 CA ARCserve Backup CA ARCSERVE BACKUP, O PRODUTO DE ALTA PERFORMANCE, LÍDER DA INDÚSTRIA DE PROTEÇÃO DE DADOS, COMBINA TECNOLOGIA INOVADORA DE ELIMINAÇÃO DE

Leia mais

Usando a nuvem para melhorar a resiliência dos negócios

Usando a nuvem para melhorar a resiliência dos negócios IBM Global Technology Services White Paper IBM Resiliency Services Usando a nuvem para melhorar a resiliência dos negócios Escolha o provedor de serviços gerenciados certo para mitigar riscos à reputação

Leia mais

Benner Jurídico. Soluções inovadoras em Governança Corporativa

Benner Jurídico. Soluções inovadoras em Governança Corporativa Benner Soluções inovadoras em Governança Corporativa Melhor do que prometer tudo para sua empresa é fazer toda a diferença. Nós fazemos! >> A BENNER 16 anos de história Mais de 3.500 sistemas implantados

Leia mais

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 PROSPERE NA NOVA ECONOMIA A SPEKTRUM SUPORTA A EXECUÇÃO DA SUA ESTRATÉGIA Para as empresas que buscam crescimento

Leia mais

Itaú Unibanco Banco Digital Pedro Donati

Itaú Unibanco Banco Digital Pedro Donati Itaú Unibanco Banco Digital Pedro Donati Agenda Evolução digital Construindo um banco digital Evolução digital 90% dos dados de hoje foram criados apenas nos dois últimos anos 10% de todas as fotos do

Leia mais

Symantec Asset Management Suite 7.5 com a tecnologia Altiris

Symantec Asset Management Suite 7.5 com a tecnologia Altiris Symantec Asset Management Suite 7.5 com a tecnologia Altiris Controle seus ativos, garanta a conformidade e revele economias Informe técnico: Gerenciamento de endpoints Você está pagando por licenças de

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1. COLABORAÇÃO NAS EMPRESAS Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar a colaborar, comunicando idéias, compartilhando

Leia mais

Painel 2 Identidade Digital

Painel 2 Identidade Digital Painel 2 Identidade Digital Painel 2 Identidade Digital Este painel apresenta o projeto de Registro de Identidade Civil, bem como os modelos de identificação digital utilizados pelo sistema bancário. Palestrantes

Leia mais

INTERNET HOST CONNECTOR

INTERNET HOST CONNECTOR INTERNET HOST CONNECTOR INTERNET HOST CONNECTOR IHC: INTEGRAÇÃO TOTAL COM PRESERVAÇÃO DE INVESTIMENTOS Ao longo das últimas décadas, as organizações investiram milhões de reais em sistemas e aplicativos

Leia mais

Guia Canais de Distribuição PLANETFONE 2016

Guia Canais de Distribuição PLANETFONE 2016 Guia Canais de Distribuição PLANETFONE 2016 Av. Nossa Senhora do Carmo, 1.191, 3º andar, Sion, Belo Horizonte/MG - www.planetfone.com.br 1 SUMÁRIO 1. A PLANETFONE... 03 2. OBJETIVOS ESTRATÉGICOS... 04

Leia mais

MBA Gestão da Tecnologia de Informação

MBA Gestão da Tecnologia de Informação MBA Gestão da Tecnologia de Informação Informações: Dias e horários das aulas: Segundas e Terças-feiras das 18h00 às 22h00 aulas semanais; Sábados das 08h00 às 12h00 aulas quinzenais. Carga horária: 600

Leia mais

Microsoft Nosso Comprometimento Mais de 9 bilhões em P&D/ano

Microsoft Nosso Comprometimento Mais de 9 bilhões em P&D/ano Microsoft Nosso Comprometimento Mais de 9 bilhões em P&D/ano Windows e Web Dynamics Comunicação e Produtividade Servidores Infraestrutura Empresarial Busca e Anúncios Mobilidade Entretenimento e TV PRODUTIVIDADE

Leia mais

Ampla visão corporativa

Ampla visão corporativa Ampla visão corporativa Sobre a DTS Latin America Uma das principais provedoras em alta tecnologia e negócio com atuação na América Latina. Desenvolvemos projetos inovadores para nossos clientes, em diversas

Leia mais

NAVITA SGM SERVIÇOS GERENCIADOS DE MOBILIDADE

NAVITA SGM SERVIÇOS GERENCIADOS DE MOBILIDADE White Paper NAVITA SGM SERVIÇOS GERENCIADOS DE MOBILIDADE A cada dia, o mundo da mobilidade se torna mais crítico e complexo. Por esta natureza, usuários de mobilidade necessitam cada vez mais de agilidade

Leia mais

design funcional Soluções da Perto aliam estética com qualidade e funcionalidade [p5]

design funcional Soluções da Perto aliam estética com qualidade e funcionalidade [p5] Publicação bimestral da Perto Março/Abril 2012 serviços Ampliação da rede [p6] soluções tecnológicas e inovação para o banco e o varejo comemoração 35 anos do Grupo Digicon [p8] design funcional Soluções

Leia mais

ÍNDICE. I) Introdução. Apresentação e Contextualização. II) O evento. Objetivo. Público-Alvo / Segmentos. Programação. III) O evento em 2013

ÍNDICE. I) Introdução. Apresentação e Contextualização. II) O evento. Objetivo. Público-Alvo / Segmentos. Programação. III) O evento em 2013 ÍNDICE I) Introdução Apresentação e Contextualização II) O evento Objetivo Público-Alvo / Segmentos Programação III) O evento em 2013 Dados Quantitativos Dados Qualitativos Fotos do evento IV) Meios de

Leia mais

Soluções em Tecnologia e Sistemas para Gestão de Negócios

Soluções em Tecnologia e Sistemas para Gestão de Negócios Soluções em Tecnologia e Sistemas para Gestão de Negócios Criamos informação e conhecimento, através de nossa suíte de soluções em Tecnologia e Sistemas para Gestão de Negócios, ajudando as pessoas a tomarem

Leia mais

Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do País.

Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do País. Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do País. OBJETIVOS A Pesquisa

Leia mais

SOLUÇÕES DE TECNOLOGIA PARA O SEGMENTO DE SAÚDE

SOLUÇÕES DE TECNOLOGIA PARA O SEGMENTO DE SAÚDE SOLUÇÕES DE TECNOLOGIA PARA O SEGMENTO DE A gestão eficiente é o coração do seu negócio e garante a saúde da sua empresa. > www.totvs.com/saude 0800 70 98 100 3 Conceitos TOTVS Ser essencial é atender

Leia mais

Programas de Transformação de TI em Seguradoras Carlos Figueiredo Fabio Pereira

Programas de Transformação de TI em Seguradoras Carlos Figueiredo Fabio Pereira Programas de Transformação de TI em Seguradoras Carlos Figueiredo Fabio Pereira Programas de transformação de TI em Seguradoras: Tendências e Desafios Tech Trends 2015 Exponenciais Principais problemas

Leia mais

A rede de dados mais confiável do país. Proposta de Parceria para. Certificado Digital

A rede de dados mais confiável do país. Proposta de Parceria para. Certificado Digital A rede de dados mais confiável do país. Proposta de Parceria para Certificado Digital 1. Objetivo Esta proposta tem por objetivo realizar a emissão e validação do Certificado Digital da Serasa Experian.

Leia mais

SOLUÇÃO COMPLETA EM SOFTWARE, TECNOLOGIA, CONSULTORIA E SERVIÇOS DE TELECOM E INFO

SOLUÇÃO COMPLETA EM SOFTWARE, TECNOLOGIA, CONSULTORIA E SERVIÇOS DE TELECOM E INFO 1 SOLUÇÃO COMPLETA EM SOFTWARE, TECNOLOGIA, CONSULTORIA E SERVIÇOS DE TELECOM E INFO CONHEÇA NOSSAS SOLUÇÕES SOB MEDIDA PARA AVALANCAR A GESTÃO DE SUA EMPRESA SEJA QUAL FOR SEU NEGÓCIO, O NOSSO É FAZER

Leia mais

Workshop de Marketing Estratégico e. Inteligência Competitiva na Prática

Workshop de Marketing Estratégico e. Inteligência Competitiva na Prática Workshop de Marketing Estratégico e Inteligência Competitiva na Prática Outubro 2009 As Inteligências Realidade, Desafios e Cenários Marketing e Vendas Método REVIE Rede de Valor para Inteligência Empresarial

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 2 0 1 5 EMPRESA A Connection está presente no mercado desde 1993 atuando nas áreas de Segurança da Informação e Gestão da Tecnologia da Informação com atuação nos três estados

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO EDUARDO ROCHA BRUNO CATTANY FERNANDO BAPTISTA

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO EDUARDO ROCHA BRUNO CATTANY FERNANDO BAPTISTA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO EDUARDO ROCHA BRUNO CATTANY FERNANDO BAPTISTA Descrição da(s) atividade(s): Indicar qual software integrado de gestão e/ou ferramenta

Leia mais

CONTEÚDOS PARA TREINAMENTOS, CURSOS DE CAPACITAÇÃO, PALESTRAS

CONTEÚDOS PARA TREINAMENTOS, CURSOS DE CAPACITAÇÃO, PALESTRAS CONTEÚDOS PARA TREINAMENTOS, CURSOS DE CAPACITAÇÃO, PALESTRAS Os conteúdos listados abaixo são uma prévia dos temas e podem ser adequados ao cliente de acordo com o perfil e demanda da empresa/instituição.

Leia mais

Soluções: Agir é a Palavra Chave. Segurança nas transações eletrônicas

Soluções: Agir é a Palavra Chave. Segurança nas transações eletrônicas Soluções: Agir é a Palavra Chave Segurança nas transações eletrônicas 2003 Setor Bancário 2001 2002 Variação (em milhões) Nº Cartões de Crédito 35,3 41,5 17,6% Tendência de utilização Nº transações 1.027,8

Leia mais

As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames

As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames Introdução Fique atento aos padrões do CFM ÍNDICE As 6 práticas essenciais de marketing para clínicas de exames Aposte em uma consultoria de

Leia mais

Perfil. Nossa estratégia de crescimento reside na excelência operacional, na inovação, no desenvolvimento do produto e no foco no cliente.

Perfil. Nossa estratégia de crescimento reside na excelência operacional, na inovação, no desenvolvimento do produto e no foco no cliente. Institucional Perfil A ARTSOFT SISTEMAS é uma empresa Brasileira, fundada em 1986, especializada no desenvolvimento de soluções em sistemas integrados de gestão empresarial ERP, customizáveis de acordo

Leia mais

TREINAMENTO CONTACTCENTER

TREINAMENTO CONTACTCENTER TREINAMENTO CONTACTCENTER CENTER CONTACT Os Contact Centers atuais têm um grande impacto nas empresas em diversos aspectos referentes a lucro, custos, inteligência de mercado e fidelização do cliente. Para

Leia mais

Universo Online S.A 1

Universo Online S.A 1 Universo Online S.A 1 1. Sobre o UOL HOST O UOL HOST é uma empresa de hospedagem e serviços web do Grupo UOL e conta com a experiência de mais de 15 anos da marca sinônimo de internet no Brasil. Criado

Leia mais

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA 2011 Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA SUMÁRIO Introdução... 4 Metodologia... 6 Resultado 1: Cibersegurança é importante para os negócios... 8 Resultado

Leia mais

Conquistamos ao longo de nossa trajetória mais de 30.000 licenças em operação em 6.500 clientes ativos.

Conquistamos ao longo de nossa trajetória mais de 30.000 licenças em operação em 6.500 clientes ativos. Institucional Perfil A ARTSOFT SISTEMAS é uma empresa brasileira, fundada em 1986, especializada no desenvolvimento de soluções em sistemas integrados de gestão empresarial ERP, customizáveis de acordo

Leia mais

Itaú BBA protege operações e transações financeiras com soluções CA Service Assurance

Itaú BBA protege operações e transações financeiras com soluções CA Service Assurance CUSTOMER SUCCESS STORY Itaú BBA protege operações e transações financeiras com soluções CA Service Assurance PERFIL DO CLIENTE Indústria: Serviços Financeiros Companhia: Itaú BBA Grupo Itaú Unibanco Empregados:

Leia mais

Tradição, pioneirismo e credibilidade.

Tradição, pioneirismo e credibilidade. Tradição, pioneirismo e credibilidade. A Converge Comunicações desenvolve serviços convergentes com foco em novas tecnologias, soluções e tendências. Nosso portfólio inclui a organização de feiras, congressos

Leia mais

INFORMAÇÃO EXTREMA PREPARE-SE PARA A ERA DA. 08 e 09 de Outubro de 2013 FECOMÉRCIO São Paulo SP. Confira Descontos Especiais e Condições para Grupos

INFORMAÇÃO EXTREMA PREPARE-SE PARA A ERA DA. 08 e 09 de Outubro de 2013 FECOMÉRCIO São Paulo SP. Confira Descontos Especiais e Condições para Grupos SP conteúdo comunidade negócios PREPARE-SE PARA A ERA DA INFORMAÇÃO EXTREMA Principais Tópicos Informação como Valor Estratégico A Internet das Coisas e a Gestão da Informação Conteúdo na Mobilidade e

Leia mais