Layout de Importação de Resultados de Exames

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Layout de Importação de Resultados de Exames"

Transcrição

1 Layout de Importação de Resultados de Exames O processo de atualização dos resultados de exames laboratoriais é uma tarefa extensa e exaustiva. Para tal, foi implementada uma rotina no Nefrodata-ACD que facilitará este trabalho. Esta rotina consiste na leitura de um arquivo texto em formato pré-definido. Que, a partir das informações lidas, atualizará os resultados dos exames de forma automática. Visto que a maioria dos Laboratórios de Análises Clínicas estão informatizados. Este processo se dá pela implementação no sistema de cada laboratório, de uma simples rotina que grava, em formato texto, os resultados dos exames dos pacientes da diálise. Este arquivo poderá ser gravado em disquete e enviado ao centro de diálise e seu nome ficará a critério de cada usuário (exemplo: EX TXT, resultado dos exames do mês 10 (Outubro) de 2009). De posse deste arquivo, o Nefrodata-ACD fará sua leitura para atualizar o banco de dados. O layout proposto para este arquivo deverá ser composto por dois grupos: 1º Grupo: (01) Identificação do Grupo (2 posições numéricas) Identificação da Linha (Número inteiro positivo até ) Nome do Paciente (até 100 posições alfanuméricas) Identificação da Solicitação (Número inteiro positivo até ) Prontuário (Números inteiros positivos até ) CPF (11 posições numéricas) Data do Exame (10 posições alfanuméricas no formato DD/MM/AAA) 2º Grupo: (02) Identificação do Grupo (2 posições numéricas) Identificação da Linha (Número inteiro positivo até ) Código do Exame (Até 10 posições alfanuméricas) Resultado (Até 60 posições alfanuméricas) Resultado Calculado (Até 60 posições alfanuméricas)

2 Considerações Importantes: - A identificação do grupo é obrigatória ( 01 para o 1º Grupo e 02 para o 2º grupo); - A identificação da linha é obrigatória, deverá ser sequencial e iniciada com o valor 1 (um) Ex: 1,2,3,4,5,6,7,8,9,10,11,...; - O nome do paciente não é obrigatório. Esta informação servirá somente para facilitar a identificação visual do paciente no arquivo; - A identificação da solicitação do exame poderá ou não existir. Caso exista, não será necessário informar os seguintes campos Prontuário, CPF e Data do Exame; - A data dos exames será obrigatória. Caso não exista o número da solicitação dos exames; - O prontuário do paciente é o mesmo lançado no Nefrodata-ACD. Esta informação será obrigatória. Caso não existam o CPF do paciente e a identificação da solicitação dos exames; - O CPF do paciente poderá ou não existir no TXT. Se lançado, será a identificação do paciente. Caso não existam prontuário e a identificação da solicitação do exame; - Se estiver lançado no arquivo TXT prontuário e CPF, a prioridade de identificação será o CPF; - Os códigos dos exames deverão seguir a lista de identificação abaixo, mas poderão ser modificados à critério do laboratório. Porém, terão que ser alterados também no campo Código de Importação na tela de Cadastro dos Itens do Exame no sistema Nefrodata-ACD; - Poderão ser incluídos novos exames na rotina de importação sem a intervenção da Nefrodata/LifeSys. Para isso deverá ser informado o código do exame no campo Código de Importação na tela de Cadastro dos Itens do Exame no sistema Nefrodata-ACD; - A data do exame deverá obedecer ao formato indicado. Exemplo: 05/10/2009; - Os resultados com casas decimais poderão conter ponto (.) ou vírgula (,); - Os campos de cada grupo deverão ser separados pelo caractere (pipe), que deverá existir em qualquer hipótese, mesmo que o campo não possua valor. Ex: JOÃO DA SILVA /10/2009. Neste exemplo, o campo prontuário não tem valor; - A ordem dos campos deverá obedecer à mesma citada acima; - Caso o exame seja do tipo Informado Calculado, o mesmo deverá conter os dois valores nos respectivos campos do TXT, resultado e resultado calculado, sendo que o resultado calculado deverá conter a unidade. Ex: 1946 mm³. Os outros resultados deverão estar no campo resultado; - Com exceção dos campos identificação do grupo, CPF e data do exame, os campos poderão variar de tamanho, não sendo necessário completar com 0 (zero) ou (espaço vazio) para se atingir determinado tamanho; - Por convenção, serão consideradas as seguintes atribuições: NEG - para negativo POS - para positivo IND - para indeterminado REAG - para reagente NREAG - para não reagente REAL - para realizado

3 Lista de identificação (código) dos exames: Hidroxivitamina D Ácido Urico Albumina Aluminio Sérico 069 Anti HBC IgG Anti HBC IGM(Resultado) Anti HBC IGM(Valor Anti HBs (Resultado) Anti HBs (Valor) Anti HCV (Resultado) Anti HCV (Valor) Anti HIV (Resultado) Anti HIV (Valor) 072 Bacterioscopia (Gram) Basófilos Bastonetes Blastos Cálcio Cálcio X Fósforo Cap. Latente de Ligação do Ferro Cap. Total de Ligação do Ferro CHCM Colesterol Colesterol HDL Colesterol LDL Colesterol VLDL 003 Creatinina 073 Cultura de Bactérias p/ Identificação 077 Eletrocardiograma (Situação) Eosinófilos 057 Eritroblastos 075 Exame de Carac. Físicos Contagem Global e Espec. De Células Fator Rh Ferritina Ferro Sérico Fosfatase Alcalina 006 Fósforo 078 Gasometria (ph) 079 Gasometria (PO2) 080 Gasometria (PCO2) 081 Gasometria (HCO3 Atual) 082 Gasometria (CO2 Total) 083 Gasometria (B.E.) 084 Gasometria (SO2) Glicose Globulina Grupo Sanguíneo HbsAg (Resultado) HbsAg (Valor) HCM Hemácias Hemácias (Hemograma) Hematócrito Hematócrito (Hemograma) Hemocultura 010 Hemoglobina 067 Hemoglobina Glicosilada Hemoglobina (Hemograma) Índice de Anisocitose (RDW) Indice de Saturação da Transferrina Leucócitos Linfócitos Linfócitos Atípicos Metamielócitos Mielócitos Monócitos Plaquetas Plaquetas (Hemograma) Potássio Promielócitos Proteínas PTH Segmentados Sódio 007 TGP 071 Tiroxina (T4) Total Diferencial de Leucócitos Transferrina 040 Triglicérides 070 TSH 076 Ultrassonog. Aparelho Urinário (Situação) Uréia Pós Uréia Pré 059 VCM

4 Exemplo de um arquivo texto: 01 1 JOÃO DA SILVA /10/ , , mm³ 01 6 JOSÉ DA SILVA /10/ POS O bloco de texto de cor AZUL possui os seguintes valores: Grupo 1: 01 1 JOÃO DA SILVA /10/2009 Identificação do Grupo:01 Identificação da linha:1 Nome do Paciente: JOÃO DA SILVA Identificação da Solicitação: 3145 Prontuário: 243 CPF: Data dos Exames: 05/10/2009 Grupo 2: ,3 Identificação do Grupo:02 Identificação da Linha:2 Código do exame: 003 Resultado:6,3 -O bloco de texto de cor VERMELHA possui os seguintes valores: Grupo 1: 01 6 JOSÉ DA SILVA /10/2009 Identificação do Grupo:01 Identificação da linha:6 Nome do Paciente: JOSÉ DA SILVA

5 Identificação da Solicitação: não possui Prontuário: não possui CPF: Data dos Exames: 06/10/2009 Grupo 2: Identificação do Grupo:02 Identificação da Linha:7 Código do exame: 066 Resultado:152000

Layout de Exportação de Solicitações de Exames

Layout de Exportação de Solicitações de Exames Layout de Exportação de Solicitações de Exames Este manual descreve de forma detalhada o arquivo em formato texto, contendo informações sobre as solicitações dos exames dos pacientes, que deverá ser enviado

Leia mais

Layout de Importação de Resultado de Exames

Layout de Importação de Resultado de Exames Nefrodata-ACD Automação para Centros de Hemodiálise Layout de Importação de Resultado de Exames O processo de atualização dos resultados de exames laboratoriais é uma tarefa extensa e exaustiva. Para tal,

Leia mais

Layout de Exportação de Resultado de Exames. 1º Grupo. Descrição Tipo Tamanho Obrigatoriedade Valores Possíveis

Layout de Exportação de Resultado de Exames. 1º Grupo. Descrição Tipo Tamanho Obrigatoriedade Valores Possíveis Nefrodata-ACD Automação para Centros de Hemodiálise Layout de Exportação de Resultado de Exames Este manual descreve de forma detalhada o arquivo em formato texto, contendo informações sobre as solicitações

Leia mais

Material: Sangue c/edta Método..: Citometria/Automatizado e estudo morfológico em esfregaço corado

Material: Sangue c/edta Método..: Citometria/Automatizado e estudo morfológico em esfregaço corado HEMOGRAMA COMPLETO Material: Sangue c/edta Método..: Citometria/Automatizado e estudo morfológico em esfregaço corado ERITROGRAMA V.R: Homens Mulheres Hemacias em milhoes/mm3...: 5,08 4,5 a 5,9 4,0 a 5,4

Leia mais

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS. Dúvidas Técnicas: Telefone: PABX (011) 3053-6611 Ramal: 2028

LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS. Dúvidas Técnicas: Telefone: PABX (011) 3053-6611 Ramal: 2028 Telefone PABX (011) 3053-6611 e-mail hcor@hcor.com.br Dúvidas Técnicas Telefone PABX (011) 3053-6611 Ramal 2028 EQUIPE CLINIC CHECK UP Num. Pedido 050802886 10/08/2005 060000 Emissão 11/08/2005 135055

Leia mais

Valores de Referencia (Adultos - Homens) HEMACIAS: 4.85 milhoes/mm3. Relativo (%) /mm3 VR (%) VR (mm3) LEUCOCITOS: 4.400

Valores de Referencia (Adultos - Homens) HEMACIAS: 4.85 milhoes/mm3. Relativo (%) /mm3 VR (%) VR (mm3) LEUCOCITOS: 4.400 Resultados Página: 1/13 HEMOGRAMA ERITROGRAMA Valores de Referencia (Adultos - Homens) HEMACIAS: 4.85 milhoes/mm3 04.50 a 06.10 HEMOGLOBINA: 13.5 g/dl 13.00 a 16.50 HEMATOCRITO: 41.1 % 36.00 a 54.00 VCM:

Leia mais

HEMOGRAMA COMPLETO. GRUPO SANGUINEO Data de Coleta: 10/09/2013 Material: Sangue Método: Aglutinação Resultado...: Tipo B ERITOGRAMA:

HEMOGRAMA COMPLETO. GRUPO SANGUINEO Data de Coleta: 10/09/2013 Material: Sangue Método: Aglutinação Resultado...: Tipo B ERITOGRAMA: HEMOGRAMA COMPLETO Método: Automação ERITOGRAMA: Referências Hemácias...: 4,47 milhões /mm3 4.00 a 5.20 milhôes/mm3 Hemoglobina...: 14,70 g % 11.7 a 15.7 g% Hematócrito...: 41,6 % 36.0 a 47.0 % Volume

Leia mais

Isaac de Melo Xavier Junior Fernando Jose Goncalves Cardoso

Isaac de Melo Xavier Junior Fernando Jose Goncalves Cardoso 535C5710 «$E9T"J0 03.362451.01.41:15 Setor Técnico Urinalise Emissão 03/10/2008 SUMARIO DE URINA Coleta: 03/10/2008 ASPECTOS FÍSICO-QUÍMICOS Valores de referência Cor Amarelo claro Amarelo claro - amarelo

Leia mais

Exames de análises clínicas Laboratório Central

Exames de análises clínicas Laboratório Central Exames de análises clínicas Laboratório Central Simples o Ácido úrico sérico o Ácido úrico urinário o Albumina o Amilase (LIQUOR) o Amilase (sérica) o Anti estreptolisina (ASLO) o Antibiograma o Baciloscopia

Leia mais

TABELA DE PREÇOS. BIOQUÍMICA SÉRICA VALOR MATERIAL PRAZO Ácidos biliares totais (jejum) 115,00 Soro sanguíneo 5 dias

TABELA DE PREÇOS. BIOQUÍMICA SÉRICA VALOR MATERIAL PRAZO Ácidos biliares totais (jejum) 115,00 Soro sanguíneo 5 dias TABELA DE PREÇOS ANÁLISE CITOLÓGICA VALOR MATERIAL PRAZO Líquidos cavitários (pleural, pericárdico e peritoneal) 100,00 Fluido em tubo seco e EDTA 24 horas Líquor 100,00 Fluido em tubo seco 24 horas Citologia

Leia mais

HEMOGRAMA COMPLETO Método : Análise realizada por Citometria de fluxo fluorescente e impedância "XE2100-Sysmex" Material: SANGUE TOTAL COM EDTA

HEMOGRAMA COMPLETO Método : Análise realizada por Citometria de fluxo fluorescente e impedância XE2100-Sysmex Material: SANGUE TOTAL COM EDTA Unidade : VICENTE PIRES Página: 1/7 HEMOGRAMA COMPLETO Método : Análise realizada por Citometria de fluxo fluorescente e impedância "XE2100-Sysmex" Material: SANGUE TOTAL COM EDTA Eritrograma Valores de

Leia mais

Matriz/Analito. Gram - Esfregaço preparado a partir de crescimento bacteriano, na forma física e digitalizada.

Matriz/Analito. Gram - Esfregaço preparado a partir de crescimento bacteriano, na forma física e digitalizada. Folha: 1 de 19 BACTERIOLOGIA Bacterioscopia BAAR e Gram, identificação e teste de susceptibilidade a antimicrobianos de microrganismos ambulatoriais e hospitalares BAAR - Lâmina com esfregaço prepara com

Leia mais

T3 - TRIIODOTIRONINA Coleta: 18/11/2005 06:28. T3 LIVRE Coleta: 18/11/2005 06:28. T4 - TETRAIODOTIRONINA Coleta: 18/11/2005 06:28

T3 - TRIIODOTIRONINA Coleta: 18/11/2005 06:28. T3 LIVRE Coleta: 18/11/2005 06:28. T4 - TETRAIODOTIRONINA Coleta: 18/11/2005 06:28 AUTENTICIDADE: 755339 Set.Tecnico Imunoensaio T3 - TRIIODOTIRONINA Coleta: 18/11/2005 06:28 Resultado 108.6 ng/dl Referencial: Criancas ate 5 anos 105.0 a 269.0 ng/dl 5 a 10 anos 94.0 a 241.0 ng/dl Maiores

Leia mais

ESTADO DO MATO GROSSO

ESTADO DO MATO GROSSO Folha: 1/12 (As propostas serão abertas para julgamento às 08:30 horas do dia 09/08/2016). Fornecedor: Cidade: Endereço: CNPJ / CPF: Validade da Proposta:......... Estado:...... Inscrição Estadual:......

Leia mais

Exames realizados pela Unidade de Patologia Clínica do HC-UFTM

Exames realizados pela Unidade de Patologia Clínica do HC-UFTM Exames realizados pela Unidade de Patologia Clínica do HC-UFTM SETOR BIOQUÍMICA E HORMÔNIOS- RAMAL: 3318-5546 25 - HIDROXIVITAMINA D ACIDO FOLICO ACIDO URICO ACIDO URICO NA URINA DE 24H ÁCIDO URICO NA

Leia mais

SÓDIO: 140 meq/l [DATA DA COLETA : 19/11/13 07:00] Método...: Fotometria de chama Vlor. Ref.: 135 a 145 meq/l Material..: sangue

SÓDIO: 140 meq/l [DATA DA COLETA : 19/11/13 07:00] Método...: Fotometria de chama Vlor. Ref.: 135 a 145 meq/l Material..: sangue GLICEMIA DE JEJUM: 115 mg/dl Método...: Enzimático Vlor. Ref.: 65 a 99 mg/dl Material..: Plasma fluoretado RESULTADOS ANTERIORES: 06/09/13 = 110 mg/dl 02/08/13 = 97 mg/dl URÉIA: 32 mg/dl Método...: Enzimático

Leia mais

Tempo de Jejum para realização de Exames

Tempo de Jejum para realização de Exames Tempo de Jejum para realização de Exames Jejum não necessário Amilase, Bilirrubina, Células LE, CKMB, Coombs Direto, Coombs Indireto, CPK, Desidrogenase Lática, Gasometria, Pesquisa de Drepanócitos, Eletroforese

Leia mais

HEMOGRAMA COMPLETO SERIE VERMELHA

HEMOGRAMA COMPLETO SERIE VERMELHA Histórico de exames desde 1996 Laudo HEMOGRAMA COMPLETO SERIE VERMELHA CONTAGEM DE HEMACIAS : 4,83 m ilhoes/m m 3 DOSAGEM DA HEMOGLOBINA : 14,4 g/dl AVALIACAO DO HEMATOCRITO : 44,4 % VOLUME GLOBULAR MEDIO

Leia mais

HEMOGRAMA COMPLETO Método : Analise realizada por Citometria de fluxo fluorescente e impedância "XE2100-Sysmex" Material: SANGUE TOTAL COM EDTA

HEMOGRAMA COMPLETO Método : Analise realizada por Citometria de fluxo fluorescente e impedância XE2100-Sysmex Material: SANGUE TOTAL COM EDTA Unidade : GAMA LESTE Página: 1/5 HEMOGRAMA COMPLETO Método : Analise realizada por Citometria de fluxo fluorescente e impedância "XE2100-Sysmex" Material: SANGUE TOTAL COM EDTA Eritrograma Resultados Homens

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORAÍ ESTADO DO PARANÁ

PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORAÍ ESTADO DO PARANÁ ATA REFERENTE Á ABERTURA E JULGAMENTO Nº 078/2014 CHAMADA PÚBLICA N 003/2014 Processo. : 146/2014 Chamada Pública n 003/2014 OBJETO DA LICITAÇÃO: Contratação de laboratório para realização de exames clínicos

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Instrumento de convênio que entre si fazem, de um lado a CNPJ nº, com sede social na CEP Nº inscrita no CREMEB-BA sob o Nº, Telefone, Endereço eletrônico, doravante denominado

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Instrumento de convênio que entre si fazem, de um lado a CNPJ nº, com sede social na CEP Nº -inscrita no CREMEB-BA sob o Nº, Telefone ( ), Endereço eletrônico, doravante

Leia mais

APLICAÇÕES GOLD ANALISA PARA O QUICK LAB

APLICAÇÕES GOLD ANALISA PARA O QUICK LAB ÁCIDO ÚRICO - PP - Cat. 451 200 Determinações - Volume: 200 ml Técnica de Análise: Seguir as Instruções de Uso do produto. Calibração Para a calibração, usar o (1) do kit ou o Calibrador Gold Analisa Cat.

Leia mais

Capítulo 1. Importação de Dados de Instituições Financeiras - Arquivo TXT 3

Capítulo 1. Importação de Dados de Instituições Financeiras - Arquivo TXT 3 Sumário Capítulo 1. Importação de Dados de Instituições Financeiras - Arquivo TXT 3 Capítulo 2. Importação de Dados de Instituições Financeiras - Arquivo XML 12 Capítulo 1. Importação de Dados de Instituições

Leia mais

Histórico de exames desde 1996

Histórico de exames desde 1996 Endereço: R Itaipava, 62, Apto 303 - Jd Botanico - Rio de Janeiro - RJ Nascimento: 12/08/1951 (62 anos), Sexo: M: Médico: Luiz Maurino Abreu (RJ-CRM-52355942) Unidade: Leblon - Cid Leblon HEMOGRAMA COMPLETO

Leia mais

Hemoglobina. Uma mulher com Hb de 11,5 a vida toda pode ser considerada normal e não anêmica.

Hemoglobina. Uma mulher com Hb de 11,5 a vida toda pode ser considerada normal e não anêmica. 11 de Agosto de 2008. Professor Fernando Pretti. Anemia Abordagem Diagnóstica Definição É a redução, abaixo do normal, da concentração de hemoglobina circulante total. A anemia não é um diagnóstico de

Leia mais

ETAPAS DA MIGRAÇÃO SITUAÇÃO DO ALUNO 2015

ETAPAS DA MIGRAÇÃO SITUAÇÃO DO ALUNO 2015 ETAPAS DA MIGRAÇÃO SITUAÇÃO DO ALUNO 2015 1ª ETAPA EXPORTAÇÃO PARA A MIGRAÇÃO A exportação de dados da Situação do Aluno visa exclusivamente a obtenção do Código de Identificação Única (ID) do aluno, do

Leia mais

LABORATORIO NEFRODATA - LIFESYS

LABORATORIO NEFRODATA - LIFESYS HEMOGRAMA COMPLETO 2e7cca4ba4544fca5241caf8039deedb Método: Sistema Automatizado - Citometria de Fluxo ERITROGRAMA Hemoglobina..: 15,0 g/dl 13,5 a 17,5 g/dl Hemácias...: 5,0 milhões/mm³ 4,50 a 5,90 milhões/mm3

Leia mais

BENEFÍCIOS DOS ADVOGADOS

BENEFÍCIOS DOS ADVOGADOS ESPÍRITO SANTO SAÚDE CONDIÇÕES Check-Up Hospital da Luz / Clínica Parque dos Poetas / Centro Clínico da Amadora Consultas > 45 anos < 45 anos Menopausa > 38 anos < 38 anos Consulta de Oftalmologia Consulta

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 001/2012

PROCESSO SELETIVO Nº 001/2012 PROCESSO SELETIVO Nº 001/2012 O Instituto de Gestão e Humanização IGH, torna público para conhecimento dos interessados, que fará realizar Processo Seletivo objetivando a contratação de serviços laboratoriais

Leia mais

Anexo I Relação de exames laboratoriais Pregão presencial nº 20/2015

Anexo I Relação de exames laboratoriais Pregão presencial nº 20/2015 Anexo I Relação de exames laboratoriais Pregão presencial nº 20/2015 ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO DO PROCEDIMENTO VALOR 01 02.02.05.001-7 ANÁLISE DE CARACTERES FÍSICOS, 3,70 ELEMENTOS E SEDIMENTOS NA URINA (EQU)

Leia mais

LINX DMS APOLLO Documento complementar

LINX DMS APOLLO Documento complementar LINX DMS APOLLO Documento complementar Rua Ramiro Barcelos, 1545/401 - CEP 95780-000 - Fone: (51) 3649.8000 1 / 11 Assunto... 3 Abrangência... 3 Parâmetro de Veículo... 3 Manutenção do NCM... 4 Manutenção

Leia mais

Nota Salvador - NFS-e Manual de Exportação de NFS-e

Nota Salvador - NFS-e Manual de Exportação de NFS-e Nota Salvador - NFS-e Manual de Exportação de NFS-e Versão 1.1 Manual de Exportação de NFS-e Instruções e Layout ÍNDICE 1. Introdução... 3 2. Especificações... 3 3. Formatos e Layout Disponíveis... 3 4.

Leia mais

Anexo Técnico de Acreditação Nº E0009-1 Accreditation Annex nr.

Anexo Técnico de Acreditação Nº E0009-1 Accreditation Annex nr. Tel +351.212 948 21 Fax +351.212 948 22 Anexo Técnico de Acreditação Nº E9-1 A entidade a seguir indicada está acreditada como Laboratório Clínico, segundo a norma NP EN ISO 15189:27 Endereço Address Contacto

Leia mais

PODER EXECUTIVO LUIZ FABRÍCIO DO RÊGO TORQUATO Prefeito Municipal ZÉLIA MARIA LEITE Vice-Prefeito CPL

PODER EXECUTIVO LUIZ FABRÍCIO DO RÊGO TORQUATO Prefeito Municipal ZÉLIA MARIA LEITE Vice-Prefeito CPL DIÁRIO OFICIAL DO MUNICÍPIO Instituído pela Lei Municipal n 901, de 02 de julh o de 2002. ADMINISTRAÇÃO DO EXMO. SR. PREFEITO LUIZ FABRÍCIO DO REGO TORQUATO ANO XI N 1089 PAU DOS FERROS/RN, Sexta-feira,

Leia mais

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 SERVIÇO DE CONTROLE EXTERNO DA QUALIDADE - CEQ

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 SERVIÇO DE CONTROLE EXTERNO DA QUALIDADE - CEQ INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 SERVIÇO DE CONTROLE EXTERNO DA QUALIDADE - CEQ O INSTITUTO DE SAÚDE E GESTÃO HOSPITALAR - ISGH, pessoa jurídica de direito privado, associação sem fins lucrativos de

Leia mais

FATURA ELETRÔNICA DO PRESTADOR Layout do Arquivo Texto Versão 1.1.1

FATURA ELETRÔNICA DO PRESTADOR Layout do Arquivo Texto Versão 1.1.1 Orientações gerais: 1. Este layout é destinado a todos os prestadores de serviços de saúde do Ipasgo. Os prestadores pessoas físicas e pessoas jurídicas nas categorias laboratório e clínicas que apresentam

Leia mais

Direcção-Geral da Saúde

Direcção-Geral da Saúde Assunto: Para: Elementos integrantes das componentes do preço compreensivo para diálise (Gestão Integrada da Doença Renal Crónica) Unidades de Diálise Nº: 13/DQS/DGIDI DATA: 20/08/09 Contacto na DGS: Departamento

Leia mais

Parasitológico de Fezes

Parasitológico de Fezes Data de impressão: 03/04/2012 14:52:53 Parasitológico de Fezes Material: Fezes (a fresco) Método: HPJ e Microscopia Ótica Resultado: Análise Macroscópica: - Consistência: Pastosa - Coloração...: Castanho

Leia mais

Sangue: funções gerais

Sangue: funções gerais Sangue Sangue: funções gerais Transporte de nutrientes para órgãos e tecidos; Regulação térmica e hídrica; Transporte de gases para órgãos e tecidos; Defesa do organismo; Coagulação. Componentes do Sangue

Leia mais

PORTARIA Nº 3.193/GM DE 24 DEZEMBRO DE 2008.

PORTARIA Nº 3.193/GM DE 24 DEZEMBRO DE 2008. PORTARIA Nº 3.193/GM DE 24 DEZEMBRO DE 2008. Altera a Tabela de s, Medicamentos, Órteses/Próteses e Materiais Especiais do Sistema Único de Saúde SUS. O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso das atribuições

Leia mais

Coombs Indireto Soro Jejum desnecessário Fibrinogênio Plasma Jejum desnecessário Grupo Sangüíneo Sangue total com EDTA e K3 Jejum desnecessário

Coombs Indireto Soro Jejum desnecessário Fibrinogênio Plasma Jejum desnecessário Grupo Sangüíneo Sangue total com EDTA e K3 Jejum desnecessário HEMATOLOGIA: Células LE Sangue sem anticoagulante Jejum desnecessário Coombs Direto Sangue total com EDTA Jejum desnecessário Coombs Indireto Soro Jejum desnecessário Fibrinogênio Plasma Jejum desnecessário

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICIPIO DE ITATIBA DO SUL COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES EDITAL DE TOMADA DE PREÇO N.º 017/2013

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICIPIO DE ITATIBA DO SUL COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES EDITAL DE TOMADA DE PREÇO N.º 017/2013 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO N.º 017/2013 O Município de Itatiba do Sul, RS, torna público, em conformidade com a Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, que no dia 20 de dezembro de 2013, às 10:00 horas,

Leia mais

DISCIPLINA DE PATOLOGIA CLÍNICA I 5º período CASOS CLÍNICOS. A.A., 68 anos de idade, sexo feminino, natural e residente em Contagem, MG

DISCIPLINA DE PATOLOGIA CLÍNICA I 5º período CASOS CLÍNICOS. A.A., 68 anos de idade, sexo feminino, natural e residente em Contagem, MG DISCIPLINA DE PATOLOGIA CLÍNICA I 5º período CASOS CLÍNICOS CASO CLÍNICO 1 A.A., 68 anos de idade, sexo feminino, natural e residente em Contagem, MG HMA: Paciente procura assistência médica com queixas

Leia mais

TABELA DE CÓDIGOS CONCENTRADO DE HEMÁCIAS

TABELA DE CÓDIGOS CONCENTRADO DE HEMÁCIAS UNIDADE HEMACIAS CONCENTRADO DE HEMÁCIAS TRIAGEM CLÍNICA DE DOADOR COLETA DE SANGUE DE DOADOR 40402045 27020010 PROCESSAMENTO ABO/RH(**) Doador ANTICORPOS IRREGULARES(**) Doador TAXA DE BOLSA PLASTICA

Leia mais

Raniê Ralph Semio 2. 01 de outubro de 2007. Professor Fernando Pretti. Hemograma Interpretação. O hemograma é um exame complementar muito importante.

Raniê Ralph Semio 2. 01 de outubro de 2007. Professor Fernando Pretti. Hemograma Interpretação. O hemograma é um exame complementar muito importante. 01 de outubro de 2007. Professor Fernando Pretti. Hemograma Interpretação O hemograma é um exame complementar muito importante. Doenças do sangue Anemias Doenças hemorrágicas: hemofilia, cirrosse hepática,

Leia mais

O Laboratório Clínico do D.A.V. do Jockey Club de São Paulo conta com amplo e bem estruturado espaço, além de equipamentos modernos que conferem

O Laboratório Clínico do D.A.V. do Jockey Club de São Paulo conta com amplo e bem estruturado espaço, além de equipamentos modernos que conferem O Laboratório Clínico do D.A.V. do Jockey Club de São Paulo conta com amplo e bem estruturado espaço, além de equipamentos modernos que conferem fidedignidade aos resultados. Seu principal objetivo é assegurar

Leia mais

VERSÃO 5.2.2 NEFRODATA ACD 02 JUN 2014

VERSÃO 5.2.2 NEFRODATA ACD 02 JUN 2014 VERSÃO 5.2.2 02 JUN 2014 Prezado Cliente, Neste documento estão descritas todas as novidades da versão 5.2.2 do Nefrodata ACD. Fique atento às últimas alterações do sistema. Desta forma, você poderá interagir

Leia mais

NOVIDADES NOVIDADES DA VERSÃO ACD. Prezado Cliente, Neste documento estão descritas todas as novidades da versão 4.4.0 do Nefrodata-ACD.

NOVIDADES NOVIDADES DA VERSÃO ACD. Prezado Cliente, Neste documento estão descritas todas as novidades da versão 4.4.0 do Nefrodata-ACD. NOVIDADES Prezado Cliente, Neste documento estão descritas todas as novidades da versão 4.4.0 do Nefrodata-ACD. Fique atento às últimas alterações do sistema. Desta forma, você poderá interagir e usufruir

Leia mais

KATAL. BTS 302 a 310 BioSystems ACIDO URICO. SAC INTERTECK KATAL : (_11) LOCALIDAD...* PUNTO FINAL COM ESTANDAR

KATAL. BTS 302 a 310 BioSystems ACIDO URICO. SAC INTERTECK KATAL : (_11) LOCALIDAD...* PUNTO FINAL COM ESTANDAR ACIDO URICO : mg/dl MODO LECTURA : MONOCROMÁTICA : 546nm TIEMPO ESTABIL. : 1 VOL.ASP. :800 TIPO DE REACCION : CRESCIENTE ESTANDAR : * Reagente de trabalho: Pronto para uso. Estabilidade: 18 meses, se armazenado

Leia mais

Ministério da Saúde GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 3.193, DE 24 DEZEMBRO DE 2008

Ministério da Saúde GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 3.193, DE 24 DEZEMBRO DE 2008 Ministério da Saúde GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 3.193, DE 24 DEZEMBRO DE 2008 Altera a Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses/Próteses e Materiais Especiais do Sistema Único de Saúde - SUS.

Leia mais

DISCIPLINA DE PATOLOGIA CLÍNICA I - 5º período CASOS CLÍNICOS. A.A., 68 anos de idade, sexo feminino, natural e residente em Contagem, MG

DISCIPLINA DE PATOLOGIA CLÍNICA I - 5º período CASOS CLÍNICOS. A.A., 68 anos de idade, sexo feminino, natural e residente em Contagem, MG DISCIPLINA DE PATOLOGIA CLÍNICA I - 5º período CASOS CLÍNICOS CASO CLÍNICO 1 A.A., 68 anos de idade, sexo feminino, natural e residente em Contagem, MG HMA: Paciente procura assistência médica com queixas

Leia mais

TÍTULO: DIFERENÇAS DE VOLUME SANGUÍNEO COLETADO E SUA INFLUÊNCIA NO HEMOGRAMA INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO DAS FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS

TÍTULO: DIFERENÇAS DE VOLUME SANGUÍNEO COLETADO E SUA INFLUÊNCIA NO HEMOGRAMA INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO DAS FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS TÍTULO: DIFERENÇAS DE VOLUME SANGUÍNEO COLETADO E SUA INFLUÊNCIA NO HEMOGRAMA CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: BIOMEDICINA INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO DAS FACULDADES

Leia mais

PATOLOGIA DO SISTEMA HEMATOPOIÉTICO

PATOLOGIA DO SISTEMA HEMATOPOIÉTICO PATOLOGIA DO SISTEMA HEMATOPOIÉTICO Rafael Fighera Laboratório de Patologia Veterinária Hospital Veterinário Universitário Universidade Federal de Santa Maria LEUCEMIA LINFOBLÁSTICA AGUDA EM GATOS Rafael

Leia mais

Introdução. Sangue. Tecido líquido Elementos figurados. Plasma. Glóbulos Sanguíneos. Matriz Extracelular. Glóbulos Vermelhos. Plasma.

Introdução. Sangue. Tecido líquido Elementos figurados. Plasma. Glóbulos Sanguíneos. Matriz Extracelular. Glóbulos Vermelhos. Plasma. Introdução Sangue Tecido líquido Elementos figurados Glóbulos Sanguíneos Plasma Matriz Extracelular Plasma Glóbulos Vermelhos Capilar Plaquetas Glóbulos Brancos http://www.sobiologia.com.br/conteudos/histologia/epitelio16.php

Leia mais

SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO CND CND PORTAL DE RELACIONAMENTO Cadastro CND Painel de Controle

SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO CND CND PORTAL DE RELACIONAMENTO Cadastro CND Painel de Controle Sage CND SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO... 1 2. CND... 2 1.1. 1.2. Cadastro CND... 2 Painel de Controle... 6 3. CND PORTAL DE RELACIONAMENTO.... 10 1. Apresentação A Plataforma Sage visa dinamizar os negócios

Leia mais

Mulher com 63 anos apresentou manchas na pele, hemorragias gengivais e genitais, além de muita fraqueza e confusão mental. Há uma semana tem febre e

Mulher com 63 anos apresentou manchas na pele, hemorragias gengivais e genitais, além de muita fraqueza e confusão mental. Há uma semana tem febre e CASO 01 - Mulher com 63 anos apresentou manchas na pele, hemorragias gengivais e genitais, além de muita fraqueza e confusão mental. Há uma semana tem febre e muita sudoração. O médico examinou a paciente

Leia mais

ANÁLISES CLÍNICAS. conhecimento que trabalha com o estudo de. alguma substância de forma a coletar dados e

ANÁLISES CLÍNICAS. conhecimento que trabalha com o estudo de. alguma substância de forma a coletar dados e ANÁLISES CLÍNICAS ANÁLISES CLÍNICAS A análise clínica é o ramo de conhecimento que trabalha com o estudo de alguma substância de forma a coletar dados e apontar diagnósticos a respeito da saúde do paciente.

Leia mais

COLETA DE MATERIAIS PARA EXAMES

COLETA DE MATERIAIS PARA EXAMES COLETA DE MATERIAIS PARA EXAMES PROFESSOR ENFERMEIRO DIÓGENES TREVIZAN Definição Consiste em colher sangue, urina, fezes e secreções, solicitados pelo médico, durante a internação do paciente. Em muitos

Leia mais

COORDENAÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAS-CGAP SAMO - UNIDADE SIASS EXAMES MÉDICOS PERIÓDICOS E.M.P CARTILHA DO SERVIDOR

COORDENAÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAS-CGAP SAMO - UNIDADE SIASS EXAMES MÉDICOS PERIÓDICOS E.M.P CARTILHA DO SERVIDOR 1 2 Ministério da Agricultura, Pacuária e Abastecimento COORDENAÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAS-CGAP SAMO - UNIDADE SIASS EXAMES MÉDICOS PERIÓDICOS E.M.P CARTILHA DO SERVIDOR Missão Mapa Promover

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE: Tomada de Preços

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE: Tomada de Preços EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE: Tomada de Preços Processo nº...: 25/11 Modalidade...: Tomada de Preços nº 3/2011 Data de Recebimento dos Envelopes: 17/05/11 Horário...: 09:00 --------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Nome que consta no Site Nome Correto (conforme Linha de Produtos) Nomes dos arquivos para acrescentar. Anti - HBc --- Anti - HBs ---

Nome que consta no Site Nome Correto (conforme Linha de Produtos) Nomes dos arquivos para acrescentar. Anti - HBc --- Anti - HBs --- Ácido Úrico Uric Acid AFP AFP Albumina 001 Albumina AlfaAmilase a-amilase Amilase 002 Amilase Anti - HBc --- Anti - HBs --- Anti - HCV Anti-HCV Anti-HCV Double Spot Test --- Anti-n-DNA quick teste SLE

Leia mais

EXAMES CLASSIFICAÇÃO prazo material COLETA VETERINARIO. cloretos Bioquimico até 24h tubo vermelho R$ 20,00 R$

EXAMES CLASSIFICAÇÃO prazo material COLETA VETERINARIO. cloretos Bioquimico até 24h tubo vermelho R$ 20,00 R$ . TABELA DE PREÇOS 2015 EXAMES CLASSIFICAÇÃO prazo material COLETA VETERINARIO ácido úrico Bioquimico até 24h tubo vermelho R$ 20,00 R$ 14,00 Aplicação ACTH = R$ 15,00/Kg Hormonal ----------- -----------------

Leia mais

Resultados de Exames. Data do Exame: 16/04/2015. GASOMETRIA VENOSA Método: Potenciometria/Amperometria/Espectrofotometria

Resultados de Exames. Data do Exame: 16/04/2015. GASOMETRIA VENOSA Método: Potenciometria/Amperometria/Espectrofotometria Data do Exame: 16/04/2015 Paciente: CLAUDIA MACEDO Resultados de Exames GASOMETRIA VENOSA Método: Potenciometria/Amperometria/Espectrofotometria ph : 7,37 7,33 a 7,43 po2 : 157 mmhg 30 a 50 mmhg pco2:

Leia mais

Órgão/Entidade : SECRETARIA DA SAUDE Unidade Licitação : FUNDO ESTADUAL DE SAUDE - HOSPITAL GERAL DO ESTADO. Preço Total: Preço Total: Preço Total:

Órgão/Entidade : SECRETARIA DA SAUDE Unidade Licitação : FUNDO ESTADUAL DE SAUDE - HOSPITAL GERAL DO ESTADO. Preço Total: Preço Total: Preço Total: Licitação : PP154/2014 Data e Hora da Entrega das Propostas: 03/10/2014-09:00 Grupo :027-Materiais e Equip. de Uso Hospitalar, Odontológico, Veterinário e de Laboratório Órgão/Entidade : SECRETARIA DA

Leia mais

INTERPRETAÇÃO CLÍNICA DO HEMOGRAMA

INTERPRETAÇÃO CLÍNICA DO HEMOGRAMA INTERPRETAÇÃO CLÍNICA DO COMPLETO: É a avaliação qualitativa e quantitativa dos elementos do sangue. Alterações fisiológicas podem ocorrer no hemograma por exercícios físicos e refeições gordurosas. Pode

Leia mais

Programa Analítico de Disciplina VET362 Laboratório Clínico Veterinário

Programa Analítico de Disciplina VET362 Laboratório Clínico Veterinário 0 Programa Analítico de Disciplina Departamento de Veterinária - Centro de Ciências Biológicas e da Saúde Número de créditos: Teóricas Práticas Total Duração em semanas: 5 Carga horária semanal Períodos

Leia mais

O SANGUE HUMANO. Professora Catarina

O SANGUE HUMANO. Professora Catarina O SANGUE HUMANO Professora Catarina SANGUE Principais funções: Transportar O 2 e nutrientes a todas as células do corpo; Recolher CO 2 e excreções; Transportar hormônios; Proteger o corpo contra a invasão

Leia mais

ESCOPO DA ACREDITAÇÃO ABNT NBR ISO/IEC 17043 PROVEDOR DE ENSAIOS DE PROFICIÊNCIA (PEP) PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE DE QUALIDADE LTDA.

ESCOPO DA ACREDITAÇÃO ABNT NBR ISO/IEC 17043 PROVEDOR DE ENSAIOS DE PROFICIÊNCIA (PEP) PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE DE QUALIDADE LTDA. Norma de Origem: NIT-DICLA-016 Folha: 1 Total de Folhas: 8 RAZÃO SOCIAL/DESIGNAÇÃO DO PROVEDOR DE ENSAIO DE PROFICIÊNCIA (PEP) ACREDITAÇÃO N PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE DE QUALIDADE LTDA. PEP 0013 SAÚDE

Leia mais

QAD Localização Brasil

QAD Localização Brasil QAD Localização Brasil Documentação Técnica Manad Versão eb2 e QAD 2007 Revisão 01 Maio/2008-1 1 OBJETIVOS... 3 2 INTRODUÇÃO... 3 3 CADASTROS... 3 3.1 DADOS CADASTRAIS... 3 3.2 MANUTENÇÃO DOS RESPONSÁVEIS...

Leia mais

HEMOGRAMA COMPLETO Método : Análise realizada por Citometria de fluxo fluorescente e impedância "XE2100-Sysmex" Material: SANGUE TOTAL COM EDTA

HEMOGRAMA COMPLETO Método : Análise realizada por Citometria de fluxo fluorescente e impedância XE2100-Sysmex Material: SANGUE TOTAL COM EDTA Unidade :CRISPIM Página: 1/18 HEMOGRAMA COMPLETO Método : Análise realizada por Citometria de fluxo fluorescente e impedância "XE2100-Sysmex" Material: SANGUE TOTAL COM EDTA Eritrograma Valores de Referência

Leia mais

ANEXO I CONTEÚDO PROGRAMÁTICO E ATRIBUIÇÕES CARGO/FUNÇÃO

ANEXO I CONTEÚDO PROGRAMÁTICO E ATRIBUIÇÕES CARGO/FUNÇÃO EDITAL DE ABERTURA N 006/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ADMISSÃO POR TEMPO DETERMINADO PARA O DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE SÁUDE. ANEXO I CONTEÚDO PROGRAMÁTICO E ATRIBUIÇÕES CARGO/FUNÇÃO ENSINO

Leia mais

CATÁLOGO DE MATERIAIS DE LABORATÓRIO - HEMATOLOGIA

CATÁLOGO DE MATERIAIS DE LABORATÓRIO - HEMATOLOGIA CATÁLOGO DE MATERIAIS DE LABORATÓRIO - HEMATOLOGIA Descrição Simplificada Azul de cresil brilhante em solução Câmara de Fuchs-Rosenthal Câmara de Neubauer Conjunto de mangueiras para o equipamento Hematek

Leia mais

RELAÇÃO DE EXAMES REALIZADOS NO IBEx

RELAÇÃO DE EXAMES REALIZADOS NO IBEx 1 Ácido úrico 2 Albumina 3 Alfa 1 glicoproteína ácida 4 Alfa fetoproteína 5 Amilase 6 Androstenediona 7 Anticorpos Anti-HIV I, Western Blot 8 Anticorpos anti-hiv1 + HIV2 (Determinação Conjunta) ELISA 9

Leia mais

LEI N.º 1.713/06, DE 18 DE AGOSTO DE 2006.

LEI N.º 1.713/06, DE 18 DE AGOSTO DE 2006. LEI N.º 1.713/06, DE 18 DE AGOSTO DE 2006. Autoriza chamamento público para credenciamento de serviços de exames laboratoriais e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE PAVERAMA-RS, no uso das

Leia mais

HEMATOLOGIA Resultados de pacientes anêmicos - contagem de reticulócito sem ônus. Prazo (dias úteis)

HEMATOLOGIA Resultados de pacientes anêmicos - contagem de reticulócito sem ônus. Prazo (dias úteis) HEMATOLOGIA Resultados de pacientes anêmicos - contagem de reticulócito sem ônus Hemograma 1 (Eritrograma C/ ret, leucograma, cont. plaq. + proteína plasmática total) Hemograma 2 (Hemograma 1+ pesq. Hematoz.

Leia mais

DEFINIÇÃO. quantidade de plaquetas.

DEFINIÇÃO. quantidade de plaquetas. HEMOGRAMA DEFINIÇÃO É o exame mais requisitado pela medicina e nele analisa-se as células sanguíneas. É comum você pegar um laudo dividido em três partes:eritrograma, parte que analisa as células vermelhas

Leia mais

DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIO

DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIO de Controle de Pedidos Versão 2.0 DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIO Página 2 / 8 de Controle de pedidos HISTÓRICO DE REVISÕES Data Versão Descrição Autor 25/09/2010 1.0 Elaboração do Documento Bruno Mota

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO UNIDADES DE MEDIDA E FATORES DE CONVERSÃO

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO UNIDADES DE MEDIDA E FATORES DE CONVERSÃO BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO UNIDADES DE MEDIDA E FATORES DE CONVERSÃO Efetuadas alterações no Cordilheira Escrita Fiscal, para que seja possível cadastrar as unidades de medida dos itens, bem como os fatores

Leia mais

MUNICÍPIO DE BOM RETIRO DO SUL GABINETE DO PREFEITO

MUNICÍPIO DE BOM RETIRO DO SUL GABINETE DO PREFEITO EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO O Município de Bom Retiro do Sul, nos termos da Lei Municipal nº 2.745, de 18 de agosto de 2004, comunica aos interessados que está procedendo ao Chamamento Público, no período

Leia mais

REF.: REGULAMENTO PARA CREDENCIAMENTO DE SERVIÇOS DE SAÚDE E DE SEGURANÇA DO TRABALHO

REF.: REGULAMENTO PARA CREDENCIAMENTO DE SERVIÇOS DE SAÚDE E DE SEGURANÇA DO TRABALHO Belo Horizonte, 28 de Fevereiro de 2014. TABELA DE PREÇOS CREDENCIAMENTO - SST Página 1 de 155 Aos Srs. Participantes, REF.: REGULAMENTO PARA CREDENCIAMENTO DE SERVIÇOS DE SAÚDE E DE SEGURANÇA DO TRABALHO

Leia mais

Programações de Automação Biotécnica Clinline 150

Programações de Automação Biotécnica Clinline 150 Indice ÁCIDO ÚRICO - MONO 3 ALBUMINA 4 α-amilase 5 ALT / TGP 6 AST / TGO 7 BILIRRUBINA DIRETA 8 BILIRRUNINA TOTAL 9 CÁLCIO ASX 10 CÁLCIO 11 CK NAC 12 CK MB 13 CLORO 14 COLESTEROL 15 CREATININA 16 DESIDROGENASE

Leia mais

Manual Sistema de Gerenciamento dos Auxiliares da Justiça

Manual Sistema de Gerenciamento dos Auxiliares da Justiça 2016 Manual Sistema de Gerenciamento dos Auxiliares da Justiça MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DOS AUXILIARES DA JUSTIÇA PÚBLICO EXTERNO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO STI

Leia mais

Variáveis, Tipos de Dados e Operadores

Variáveis, Tipos de Dados e Operadores ! Variáveis, Tipos de Dados e Operadores Engenharias Informática Aplicada 2.o sem/2013 Profa Suely (e-mail: smaoki@yahoo.com) VARIÁVEL VARIÁVEL É um local lógico, ligado a um endereço físico da memória

Leia mais

Informativo Sistema Resulth-Versão 19.12

Informativo Sistema Resulth-Versão 19.12 Informativo Sistema Resulth-Versão 19.12 Índice ERP Faturamento... 2 Cadastro de Filiais... 2 Cadastro de Produtos... 4 Digitação e Emissão de NF-e... 5 Validação do Cst Ipi X Cód. Enquadramento Ipi...

Leia mais

ANEXO 1 DA INSTRUÇÃO NORMATIVA SF/SUREM Nº 10, DE 23 DE JULHO DE 2009

ANEXO 1 DA INSTRUÇÃO NORMATIVA SF/SUREM Nº 10, DE 23 DE JULHO DE 2009 ANEXO 1 DA INSTRUÇÃO NORMATIVA SF/SUREM Nº 10, DE 23 DE JULHO DE 2009 1 - DADOS TÉCNICOS DE GERAÇÃO DO ARQUIVO 1.1 - CD-ROM de 650MB: 1.1.1 - Formatação: compatível com o MS-Windows; 1.1.2 - Tamanho do

Leia mais

SERVIÇO DE CONTROLE EXTERNO DE QUALIDADE - CEQ

SERVIÇO DE CONTROLE EXTERNO DE QUALIDADE - CEQ SERVIÇO DE CONTROLE EXTERNO DE QUALIDADE - CEQ ANEMIA: capacidade de fixação de ferro (livre e total), ferritina, ferro, transferrina. ácido fólico, vitamina b12, pré-albumina e TSH. Autoimunidade I: Anti-DNA,

Leia mais

SISTEMA PROVINHA BRASIL GUIA DE USO ESCOLAS DIRETORIA DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO BÁSICA DAEB

SISTEMA PROVINHA BRASIL GUIA DE USO ESCOLAS DIRETORIA DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO BÁSICA DAEB SISTEMA PROVINHA BRASIL GUIA DE USO ESCOLAS DIRETORIA DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO BÁSICA DAEB REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MEC SECRETARIA EXECUTIVA DO MEC INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS

Leia mais

Urinálise Sedimentoscopia Identificação

Urinálise Sedimentoscopia Identificação Caso Clínico Item EAS04 Paciente masculino, 60 anos, transplantado renal em acompanhamento no ambulatório de pacientes transplantados. Foram solicitados o Exame físico-químico da urina e análise do sedimento

Leia mais

O estudo laboratorial da série vermelha é composto de vários testes que serão comentados a seguir. Ele é chamado de eritrograma.

O estudo laboratorial da série vermelha é composto de vários testes que serão comentados a seguir. Ele é chamado de eritrograma. Introdução O hemograma pode ser entendido como o exame do sangue periférico que permite fazer avaliação da série vermelha, série branca (leucócitos), e das plaquetas. Grosso modo, o sangue pode ser conceituado

Leia mais

2. MONTAGEM DO ARQUIVO DIGITAL DE DOCUMENTOS FISCAIS

2. MONTAGEM DO ARQUIVO DIGITAL DE DOCUMENTOS FISCAIS 1. DADOS TÉCNICOS DE GERAÇÃO DO ARQUIVO 1.1 CD-R ou DVD-R: SECRETARIA MUNICIPAL DE FINANÇAS 1.1.1 Formatação: compatível com o MS-Windows; 1.1.2 Tamanho do registro: 126 bytes, acrescidos de CR/LF (Carriage

Leia mais

ANEXO I ORIENTAÇÕES PARA PREENCHIMENTO DAS INFORMAÇÕES. Não inserir ou excluir colunas, tampouco alterar a ordem em que se apresentam.

ANEXO I ORIENTAÇÕES PARA PREENCHIMENTO DAS INFORMAÇÕES. Não inserir ou excluir colunas, tampouco alterar a ordem em que se apresentam. ANEXO I ORIENTAÇÕES PARA PREENCHIMENTO DAS INFORMAÇÕES ITEM 1 DO ARQUIVO O arquivo estará disponível no site da CGU pelo link http://www.cgu.gov.br/conexaocgu/terceirizados/planilha-terceirizados.xls.

Leia mais

RMS Software S.A. - Uma empresa TOTVS

RMS Software S.A. - Uma empresa TOTVS DEFINIÇÃO ACORDO RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado de comércio e varejo.

Leia mais

MONITORAMENTO DE ACIDENTES COM EXPOSIÇÃO A MATERIAL BIOLÓGICO. Alcyone Artioli Machado 14º Congresso Brasileiro de Infectologia

MONITORAMENTO DE ACIDENTES COM EXPOSIÇÃO A MATERIAL BIOLÓGICO. Alcyone Artioli Machado 14º Congresso Brasileiro de Infectologia MONITORAMENTO DE ACIDENTES COM EXPOSIÇÃO A MATERIAL BIOLÓGICO Alcyone Artioli Machado 14º Congresso Brasileiro de Infectologia Acidente Estresse Vírus Doença Letal TRANQUILIZAR O TRABALHADOR Subnotificação

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO TOCANTINS (TRE-TO) STI/CDS SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE INTERDITOS E REGISTRO DE ÓBITOS. MANUAL DO USUÁRIO. Versão 1.

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO TOCANTINS (TRE-TO) STI/CDS SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE INTERDITOS E REGISTRO DE ÓBITOS. MANUAL DO USUÁRIO. Versão 1. TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO TOCANTINS (TRE-TO) STI/CDS SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE INTERDITOS E REGISTRO DE ÓBITOS. MANUAL DO USUÁRIO Versão 1.0 PALMAS TO 2015 ÍNDICE INTRODUÇÃO...3 1. SISTEMA DE LOGIN...4

Leia mais

Provisionamento de Processos no Projuris. Orientações sobre Provisionamento de Processos no Projuris

Provisionamento de Processos no Projuris. Orientações sobre Provisionamento de Processos no Projuris Orientações sobre Provisionamento de Processos no Projuris Elaborado por: Arnaldo Hauer de Oliveira 28/11/2014 PÁG. 1/11 Índice 1. Objetivo... 3 2. Cálculo de Provisionamento... 3 2.1 Pré Requisitos...

Leia mais

Instituto Veterinário de Imagem

Instituto Veterinário de Imagem Instituto Veterinário de Imagem Tabela de Preço ABRIL DE 2012 CARDIOLOGIA VALOR R$ Eletrocardiografia (E.C.G.) 98,00 Ecodopplercardiografia Colorido 138,00 Pressão Arterial 41,00 ULTRASSONOGRAFIA (U.S.G.)

Leia mais

DEZ PASSOS NA INTERPRETAÇÃO LABORATORIAL NO VEGETARIANO PROF. ANTONIO CLÁUDIO GOULART DUARTE 2006

DEZ PASSOS NA INTERPRETAÇÃO LABORATORIAL NO VEGETARIANO PROF. ANTONIO CLÁUDIO GOULART DUARTE 2006 DEZ PASSOS NA INTERPRETAÇÃO LABORATORIAL NO VEGETARIANO PROF. ANTONIO CLÁUDIO GOULART DUARTE 2006 Agradecimento: A todos os pacientes e seus familiares que permitem que possamos usar seus exames laboratoriais

Leia mais

TABELA DE EXAMES PERFIS HEMATOLOGIA BIOQUÍMICOS

TABELA DE EXAMES PERFIS HEMATOLOGIA BIOQUÍMICOS TABELA DE EXAMES PERFIS Cardiopata I (Hemog., creatinina, uréia, Na, K, AST, lactato) Cardiopata II (Hemog., creat., uréia, Na, K, AST, lactato, CK, Ca, P, prot. totais, albumina) Geriátrico (Hemog., creatinina,

Leia mais

AVALIAÇÃO BIOQUÍMICA NO IDOSO

AVALIAÇÃO BIOQUÍMICA NO IDOSO C E N T R O U N I V E R S I T Á R I O C AT Ó L I C O S A L E S I A N O A U X I L I U M C U R S O D E N U T R I Ç Ã O - T U R M A 6 º T E R M O D I S C I P L I N A : N U T R I Ç Ã O E M G E R I AT R I A

Leia mais