PREFEITURA MUNICIPAL COQUEIRAL/MG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PREFEITURA MUNICIPAL COQUEIRAL/MG"

Transcrição

1 PREFEITURA MUNICIPAL COQUEIRAL/MG CONCURSO PÚBLICO E D I T A L 00 1 / MANUAL DO CANDIDATO Organização: - CALENDÁRIO - Período de Inscrições 02 a 06/06/2008 Planilha contendo Locais e Horários de Realização das Provas Objetivas e Práticas 18/06/2008 Provas Objetivas e Práticas 22/06/2008 Gabarito Oficial 23/06/2008

2 De ordem do Excelentíssimo Prefeito Municipal de Coqueiral, Estado de Minas Gerais, Senhor Jens Villela Larsen, o Presidente da Comissão designada para acompanhamento do CONCURSO PÚBLICO Municipal da Prefeitura de Coqueiral, torna público que estarão abertas inscrições ao Concurso Público de Provas e Títulos para provimento de cargos vagos de seu Quadro de Pessoal, e para fins de criação de cadastro de reserva, nos termos da legislação pertinente e das normas estabelecidas neste Edital. 1 - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1. Os cargos, escolaridades, vagas, valor de inscrição, vencimentos e carga horária, são os constantes do Anexo I, deste Edital. 2 - DAS CONDIÇÕES PARA INSCRIÇÃO 2.1. Ser brasileiro nato ou naturalizado ou cidadão português na forma da Lei Ter, na data da posse, 18 (dezoito) anos completos Conhecer e estar de acordo com as exigências contidas no presente Edital. 3 - DAS CONDIÇÕES PARA POSSE 3.1. Estar em dia com as obrigações eleitorais; 3.2. Estar em dia com as obrigações militares, se do sexo masculino; 3.3. Estar em gozo dos direitos políticos; 3.4. Não ter sido demitido por justa causa por órgão público da administração direta ou indireta a nível municipal, estadual e federal; 3.5. Não registrar antecedentes criminais, encontrando-se no pleno gozo de seus direitos civis e políticos; 3.6. Não ter sido condenado por prática de ato de improbidade administrativa ou que tenha causado dano ao erário; 3.7. Não estar incompatibilizado para nova investidura em cargo público nos termos do disposto no art. 37, XVI da Constituição Federal. 4 DAS INSCRIÇÕES PERÍODO DE INSCRIÇÕES: 02 a 06/06/2008. NO POSTO DE INSCRIÇÃO: Local: Sede da Prefeitura Municipal de Coqueiral. Horário: 07:00 às 12:00 e 13:00 às 16:00 hs. 4.1 Documentação exigida: O candidato deverá apresentar no ato da solicitação da inscrição, pessoalmente, ou através de procuração específica, os seguintes documentos: a) Comprovante de recolhimento da importância referente à inscrição do cargo pretendido no Banco do Brasil, Agência nº , Conta Corrente nº , em nome da Prefeitura Municipal de Coqueiral. b) Original e cópia da cédula de identidade ou de documento equivalente, de valor legal. No caso de inscrição por procuração, o procurador também deverá apresentar original e cópia de seu documento. c) Para o cargo de MOTORISTA, apresentar no ato da inscrição, comprovante de experiência exigido no Anexo I deste Edital Após apresentação da documentação exigida, o candidato deverá assinar documento (o próprio formulário de inscrição), no qual declare atender às condições exigidas para a inscrição e submeter-se às normas expressas neste Edital Às pessoas portadoras de deficiência é assegurado o direito de se inscreverem no presente concurso, desde que as deficiências de que são portadoras sejam compatíveis com as atribuições do cargo e declarado no ato da inscrição A declaração falsa ou inexata dos dados constantes na ficha de inscrição, bem como a apresentação de documentos ou informações falsas ou inexatas, determinarão o cancelamento da inscrição e anulação de todos os atos decorrentes, em qualquer época O preenchimento dos dados constantes na ficha de inscrição é de total responsabilidade do candidato ou de seu procurador Outras informações: 1 PMC Edital 01/2008 1

3 a) O pagamento da importância relativa à inscrição poderá ser efetuado com dinheiro ou cheque do próprio candidato no local de inscrição, sendo considerada nula a inscrição se o cheque for devolvido por qualquer motivo.; b) Só o pagamento da inscrição não significa que o candidato esteja inscrito; c) O valor da inscrição, uma vez pago, não será devolvido, sob hipótese alguma, salvo no caso de não realização do Concurso, por culpa ou omissão exclusiva da Administração; d) Não haverá, sob qualquer pretexto, inscrição provisória ou condicional; e) Não serão recebidas inscrições por via postal, fax, condicional e/ou extemporânea; f) Não serão aceitas inscrições com documentação incompleta; g) O candidato poderá se inscrever em apenas um cargo, com exceção do Médico Plantonista, que terá prova no período da tarde e poderá se inscrever em outro cargo que terá prova no período da manhã. 5 DAS PROVAS 5.1. O processo seletivo constará de Provas Objetivas de Múltipla Escolha, Prova Prática e Títulos As Provas Objetivas de Múltipla Escolha, de caráter eliminatório e classificatório, serão aplicadas para todos os cargos e, terão duração máxima de 3 (três) horas O conjunto das Provas Objetivas de Múltipla Escolha será composto de 40 (quarenta) questões, com 04 (quatro) opções de respostas cada, valorizado de 0 (zero) a 100 (cem) pontos, sendo 2,5 (dois e meio) o valor de cada Questão Será aprovado o candidato que totalizar o mínimo de 50% (cinqüenta por cento) do total de pontos distribuídos no conjunto das Provas Objetivas de Múltipla Escolha O programa de prova para as questões de múltipla escolha será entregue aos candidatos no ato da inscrição, sendo disponibilizado, ainda, no endereço eletrônico As Provas Práticas, de caráter eliminatório e classificatório, serão aplicados para os candidatos ao cargo de MOTORISTA, e constará de exame de direção em veículo a ser definido pela Comissão de Concurso, avaliado por examinador habilitado, resultando em Laudo de Avaliação Técnica, avaliando, desta forma, a capacidade prática do candidato no exercício e desempenho das tarefas do cargo conforme critérios preestabelecidos, separados por tipo de falta, a seguir: I FALTA GRAVE MENOS 15 PONTOS POR FALTA: - Deixar de observar e respeitar as placas de sinalização; - Arrancar o veículo com a porta aberta; - Uso incorreto do cinto de segurança; - Interromper o funcionamento do motor sem justa razão após o início da prova. II FALTA MÉDIA MENOS 7,5 PONTOS POR FALTA: - Apoio do pé no pedal da embreagem com o veículo engrenado e em movimento; - Controle incorreto de embreagem; - Arrancar o veículo sem soltar o freio de mão; - Avanço sobre o balizamento demarcado quando da colocação do veículo na vaga e/ou na marcha-à-ré rente ao meio-fio. III FALTA LEVE MENOS 2,5 PONTOS POR FALTA: - Movimentos irregulares no veículo, sem motivo justificado; - Manuseio irregular do cambio; - Regulagem incorreta dos retrovisores; - Uso incorreto dos instrumentos do painel A não execução do teste na totalidade do percurso preestabelecido ou falha como colisão com outro veículo ou qualquer objeto presente no percurso, subir no meio-fio ou colocar em risco a vida dos passageiros que se encontrarem no veículo na hora do teste e de transeuntes, implicará na reprovação do candidato Os candidatos deverão apresentar sua habilitação (CNH D) original ao examinador no ato da prova. 5.7 A Prova de Títulos, de caráter classificatório, somente para os cargos do magistério e cargos de nível superior, será valorizada de 0 (zero) a 10 (dez) pontos, sendo que pontuação superior a 10 (des) pontos será desconsiderada. 2 PMC Edital 01/2008 2

4 5.7.1 Os títulos deverão ser entregues no ato da inscrição pelo candidato ou pelo seu procurador em envelope contendo externamente em sua face frontal, os seguintes dados: CONCURSO PÚBLICO PREFEITURA MUNICIPAL DE COQUEIRAL Edital nº 01/2008, O NOME DO CANDIDATO, NÚMERO DE INSCRIÇÃO E O CARGO PLEITEADO O candidato, no ato da entrega, preencherá e assinará formulário próprio, declarando os títulos entregues, seu nome e o cargo pretendido Os títulos considerados neste concurso, suas pontuações, o limite máximo por categoria e a forma de comprovação, são assim discriminados: TÍTULOS PONTOS MÁXIMO DE PONTOS COMPROVAÇÃO Atuação no cargo ou função pretendida, exercido na Prefeitura Municipal de Coqueiral ou em outros órgãos públicos. 02 (dois) pontos por ano 10 (dez) pontos Certidão de contagem de tempo expedida pelo órgão Cursos na área 01 (um) ponto por curso 05 (cinco) pontos Certificado ou Diploma de conclusão do curso, contendo carga horária mínima de 20 (vinte) horas. Pós-graduação 02 (um) ponto por curso 06 (seis) pontos Certificado ou Diploma de conclusão do curso, autenticado, contendo carga horária mínima de 360 horas As certidões de contagem de tempo de servidores da Prefeitura Municipal de Coqueiral/MG serão fornecidas diretamente à Comissão Municipal de Concurso Público pelo Departamento Pessoal quando classificado o candidato nas demais provas Para fins de apuração como títulos, o período de trabalho compreendido entre 06 (seis) meses a 01 (hum) ano serão arredondados para 01 (hum) ano, o período inferior a 05 (cinco) meses e 29 (vinte nove) dias não serão considerados na pontuação para títulos, e ainda, não poderão ser utilizadas somas de períodos inferiores a 06 (seis) meses, quando este tempo de serviço tenha sido prestado em diferentes instituições O candidato não poderá se valer de contagem paralela de tempo de serviço para fins de títulos, não podendo ocorrer contagem em duplicidade, quando no mesmo período o candidato porventura tiver dois vínculos empregatícios em jornada de trabalho dobrada em uma mesma instituição ou em instituições diferentes A comprovação de tempo de serviço apresentada através de certidão de contagem de tempo expedida pelo órgão público onde o candidato efetivamente prestou serviço, deverá ser assinada pelo dirigente da entidade e pelo diretor do departamento de recursos humanos, ou diretor/chefe de departamento similar A análise das documentações apresentadas e correspondente pontuação será feita pela Comissão Municipal de Concurso Público e, posteriormente encaminhada à Magnus para digitação. 6 DA REALIZAÇÃO DAS PROVAS 6.1. As Provas Objetivas de Múltipla Escolha e Práticas serão realizadas no Município de Coqueiral, no dia 22/06/2008, em dois turnos Estarão afixadas na sede da Prefeitura Municipal de Coqueiral e disponíveis no site: a partir do dia 18/06/2008, planilhas contendo locais e horários de realização das provas objetivas e práticas A identificação correta dos locais de aplicação das Provas e o comparecimento no horário determinado serão de inteira responsabilidade do candidato, observando o item deste Edital. Em hipótese alguma serão realizadas provas fora do local, data e horário determinados O ingresso nos locais de provas só será permitido dentro do horário estabelecido e ao candidato que apresentar o comprovante de Inscrição, juntamente com a Cédula Oficial de Identidade ou Carteira de Trabalho e Previdência Social ou Certificado de Reservista ou Carteira do Conselho Regional, correspondente à sua atividade profissional ou Carteira de Motorista (CNH modelo novo com foto). Como o documento não ficará retido, será exigida a apresentação do original, não sendo aceito cópias, ainda que autenticadas. 3 PMC Edital 01/2008 3

5 6.4. Em nenhuma hipótese haverá segunda chamada ou repetição de prova, importando a ausência ou retardamento do candidato em sua exclusão do Concurso Público, seja qual for o motivo alegado Em nenhuma hipótese haverá aplicação de provas fora dos locais e horários preestabelecidos O candidato deverá comparecer ao local designado, com antecedência mínima de 30 (trinta) minutos, munido de caneta tipo esferográfica azul ou preta Não será permitido o uso de máquina calculadora, computador portátil, relógio digital do tipo Data Bank, aparelhos de celulares ou com quaisquer outros equipamentos eletrônicos ou capazes de transmitir dados O candidato portador de deficiência que necessitar de provas em condições especiais e/ou tempo adicional, deverá informar no ato da inscrição, através de requerimento juntamente com parecer emitido por especialista da área de sua deficiência A candidata que tiver a necessidade de amamentar no dia da prova, deverá levar um acompanhante que ficará com a guarda da criança em local reservado e diferente do local de prova da candidata. A amamentação se dará nos momentos que se fizerem necessários, não tendo a candidata neste momento a companhia do acompanhante, além de não ser dado nenhum tipo de compensação em relação ao tempo de prova perdido com a amamentação. A não presença de um acompanhante impossibilitará a candidata de realizar a prova As condições especiais solicitadas pelo candidato para o dia da prova serão analisadas e atendidas, segundo critérios de viabilidade e razoabilidade O candidato deverá transcrever suas respostas na Folha de Respostas, com caneta esferográfica azul ou preta Não serão computadas questões não assinaladas ou que contenham mais de uma resposta, emenda ou rasura, ainda que legível Será excluído do concurso o candidato que: a) Se apresentar após o horário estabelecido; b) Não comparecer às provas, seja qual for o motivo alegado; c) Não apresentar documento de identidade; d) Durante a realização das provas for colhido em flagrante comunicação com outro candidato ou com pessoas estranhas, oralmente, por escrito, ou através de equipamentos eletrônicos, ou ainda que venha a tumultuar a sua realização; e) Ausentar-se do recinto da prova, a não ser momentaneamente, em casos especiais e desde que na companhia de um fiscal; f) Usar de incorreções ou descortesia para com os coordenadores ou fiscais de provas, auxiliares e autoridades presentes Não haverá revisão de provas O candidato, ao terminar a prova, deverá entregar ao fiscal o sua Folha de Respostas Serão consideradas, exclusivamente, as respostas marcadas na Folha de Respostas, não sendo atribuído ponto a questão que contenha mais de uma resposta assinalada, emenda, rasura ou não marcada. 7- DO PROCESSO DE CLASSIFICAÇÃO FINAL E DESEMPATE 7.1. Será eliminado o candidato que não alcançar o mínimo exigido de 50% (cinqüenta por cento) do total de pontos das provas Objetivas de Múltipla Escolha ou Prática, esta quando houver A classificação final dos candidatos será feita pela soma dos pontos obtidos nas provas Objetivas de Múltipla Escolha, Prática e Títulos Comissão Municipal de Concurso Público Apurado o total de pontos, na hipótese de empate entre os candidatos, será dada preferência, para efeito de classificação, sucessivamente, ao candidato que: a) Obtiver maior pontuação na prova de Língua Portuguesa, quando houver; b) Obtiver maior pontuação na prova Prática, quando houver; c) For o mais idoso. 4 PMC Edital 01/2008 4

6 8 DOS RECURSOS 8.1. Caberá recurso, em única e última instância, à Comissão de Concurso Público da Prefeitura Municipal de Coqueiral: 8.2. Contra questão da prova Objetiva de Múltipla Escolha, nos dois primeiros dias úteis seguintes ao da divulgação do gabarito oficial, desde que demonstrado erro material, divulgação esta que ocorrerá no 1º dia útil após a realização das provas Contra os resultados, nos dois primeiros dias úteis seguintes ao da divulgação, desde que demonstrado erro material; 8.4. Serão rejeitados liminarmente os recursos que não estiverem redigidos em termos próprios ou não fundamentados, ou ainda aqueles a que se der entrada fora dos prazos preestabelecidos Os recursos deverão ser protocolados na Prefeitura Municipal de Coqueiral, no horário de expediente, e encaminhados à Comissão Municipal de Concurso Público Após o julgamento dos recursos interpostos, os pontos correspondentes às questões, porventura anuladas, serão atribuídos a todos os candidatos, indistintamente, que não obtiveram os pontos na correção inicial. 9 DAS DISPOSIÇÕES GERAIS 9.1. O candidato aprovado e nomeado submeter-se-á ao Estatuto dos Servidores Públicos Municipais e ao Plano de Cargos e Salários do Município de Coqueiral O local de trabalho será em qualquer unidade da Administração Municipal de Coqueiral ou outros locais por força de convênios A carga horária máxima de trabalho será de 44 horas semanais, observada a especificidade do cargo e o local de lotação A Comissão de Concurso Público terá a responsabilidade de acompanhar a realização do Concurso, receber os recursos, encaminhando-os à Magnus Auditores e Consultores Associados que fará estudo, fornecendo parecer O prazo de validade do presente concurso é de 02 (dois) anos, contados da data da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por mais 02 (dois) anos Ao entrar em exercício, o servidor ficará sujeito a estágio probatório, de três anos, durante o qual sua eficiência e capacidade serão objetos de avaliação para o desempenho do cargo A aprovação no Concurso não assegura direito à nomeação, mas esta, quando ocorrer, obedecerá rigorosamente à ordem de classificação dos candidatos e seu prazo de validade A inscrição do candidato importará no conhecimento das presentes instruções e na aceitação tácita das condições do Concurso Público, tais como se acham estabelecidas neste Edital A Prefeitura Municipal de Coqueiral e a Magnus Auditores e Consultores Associados não se responsabilizam por quaisquer cursos, textos, apostilas e outras publicações referentes a este Concurso Público O candidato deverá manter junto à Divisão de Recursos Humanos da Prefeitura Municipal de Coqueiral, durante o prazo de validade do Concurso, seu endereço atualizado, visando eventuais convocações, não lhe cabendo qualquer reclamação caso não seja possível a sua convocação por falta da citada atualização Toda informação referente à realização do Concurso será fornecida pela Prefeitura Municipal de Coqueiral, através da Comissão de Concurso Público Ficam reservados 5% (cinco por cento) das vagas de cada cargo, desprezadas as frações inferiores a 0,5 (meio), na forma do Anexo I deste Edital, para pessoas portadoras de deficiência, em cumprimento às normas legais, desde que compatível com o exercício do cargo e declarada no ato da inscrição. O candidato que não declarar ser deficiente no ato de sua inscrição não poderá declarar posteriormente Os candidatos deverão declarar, em requerimento próprio (o próprio formulário de inscrição), serem portadores de deficiência, especificando-a no ato da inscrição, juntamente com laudo médico atestando a espécie e o grau ou nível da deficiência, 5 PMC Edital 01/2008 5

7 com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças CID, bem como a provável causa da deficiência Os portadores de deficiência, quando de sua posse, serão submetidos a exame médico, que terá decisão terminativa sobre a qualificação do candidato como deficiente ou não, e o grau de deficiência que não o incapacite para o exercício do cargo O candidato deverá solicitar, no ato de sua inscrição, caso necessite, condições especiais para realização das provas, em campo especificado na ficha de inscrição É considerado portador de deficiência aquele que se enquadrar nas condições especificadas no artigo 4º do Decreto Federal nº 3.298/ Na falta de candidatos aprovados para as vagas reservadas a deficientes, estas serão preenchidas pelos demais concursados, com a estrita observância da ordem de classificação O candidato aprovado, quando nomeado, deverá apresentar, obrigatoriamente, os seguintes documentos, para efeito de posse no cargo: a) Fotocópia autenticada da certidão de nascimento ou casamento; b) Fotocópia autenticada da certidão de nascimento dos filhos, se tiver; c) Fotocópia autenticada do CPF; d) Fotocópia autenticada da Carteira de Identidade; e) Fotocópia da Carteira de Trabalho e Previdência Social; f) Cartão de Cadastramento no PIS/PASEP (se tiver); g) Laudo médico favorável, fornecido pelo Serviço de Medicina da Prefeitura Municipal de Coqueiral; h) 02 (duas) fotografias 3x4; i) Fotocópia autenticada do Título de Eleitor ou o comprovante de votação na última eleição; j) Fotocópia autenticada do Certificado de Reservista, se do sexo masculino; k) Fotocópia autenticada do comprovante de capacitação legal para o exercício do cargo, bem como registro no órgão, quando cabível; l) Declaração de não acumulação de cargos públicos, exceto nos casos previstos em lei; m) Declaração de bens e valores componentes do patrimônio individual Decorridos 180 (cento e oitenta) dias da homologação do Concurso Público, e não se caracterizando óbice administrativo, legal ou judicial, é facultada a incineração das provas e demais registros escritos, mantendo-se, entretanto, pelo período de validade do concurso público, os registros eletrônicos a ele referentes Os casos omissos ou duvidosos serão resolvidos pela Comissão de Concurso Público da Prefeitura Municipal de Coqueiral, ouvida a Magnus Auditores e Consultores Associados, empresa responsável pela execução do Concurso Caberá ao Prefeito Municipal a homologação do resultado final Todas as informações referentes ao concurso e os resultados serão publicadas no quadro de avisos no saguão do Prédio da Prefeitura de Coqueiral e disponibilizadas no site da Magnus (www.magnusauditores.com.br). Coqueiral/MG, 23 de maio de Dr. Zacarias Abrão Piva Presidente da Comissão Municipal de Concurso 6 PMC Edital 01/2008 6

8 CARGO Nº DE VAGAS VAGAS PARA PPD* SALÁRIO MENSAL Agente de Serviços Administrativos 3-494,50 Arquivista Assistente Social 1-900,44 Auxiliar de Biblioteca 1-415,00 Auxiliar de Dentista 3-415,00 Auxiliar de Enfermagem 2-415,00 Auxiliar de Laboratório 1-415,00 Auxiliar de Serviços Públicos ,00 Bioquímico Borracheiro ANEXO I VALOR INSCRIÇÃO CARGA HORÁRIA SEMANAL ESCOLARIDADE E PRÉ-REQUISITOS 30, º grau completo conhecimentos de informática 1-415,00 25, º grau completo conhecimentos de informática 55, ,44 55,00 30 Coordenador de Creche 1-586,03 Enfermeiro 25, º grau completo conhecimentos de informática 25, º grau completo 25, º grau completo mais registro no COREN 25, º grau completo 25, ª a 4.ª série do 1.º grau 1-415,00 25, ª série do 1.º grau 35, ,44 55,00 30 Pedagogia ou Normal Superior, com especialidade em Educação Infantil TIPO DE PROVA E NÚMERO DE QUESTÕES Informática 15 Informática 15 Informática 15 Matemática 10 C. Gerais 15 Matemática 10 C. Gerais 15 Matemática 10 C. Gerais 15 C. Didáticos 10 TURNO DA PROVA 7

9 CARGO Nº DE VAGAS VAGAS PARA PPD* SALÁRIO MENSAL Fiscal de Obras e Posturas 1-538,78 Fisioterapeuta Fonoaudiólogo ANEXO I (continuação) VALOR INSCRIÇÃO CARGA HORÁRIA SEMANAL 1-900,44 55, ,44 55,00 30 Lavador de Veículos 1-415,00 Mecânico Médico Cardiologista ,41 70,00 Médico Cirurgião Geral ,41 70,00 Médico Clínico Geral ,41 70,00 Médico Endoscopista / Gastroenterologista ESCOLARIDADE E PRÉ-REQUISITOS 30,00 40 Ensino Médio e conhecimentos de informática 25, ª série do 1.º grau Superior completo, mais registro no Conselho 1-494,50 30, ª a 4.ª série do 1.º grau ,41 70,00 20 Médico Ginecologista ,41 70,00 Médico Neurologista ,41 70,00 Médico Ortopedista ,41 70,00 Médico Plantonista 9 1 Legislação específica 70, Ensino superior em Medicina, com residência e/ou especialidade em Endoscopia / Gastroenterologia e registro no CRM Ensino superior em Medicina, com residência e/ou especialidade em Neurologia e registro no CRM Legislação Ensino superior em Medicina, com no mínimo um específica ano de experiência e registro no CRM TIPO DE PROVA E NÚMERO DE QUESTÕES Matemática 10 C. Gerais 15 Matemática 10 TURNO DA PROVA TARDE 8

10 CARGO Nº DE VAGAS VAGAS PARA PPD* SALÁRIO MENSAL ANEXO I (continuação) VALOR INSCRIÇÃO Médico Psiquiatra ,41 70,00 Médico Reumatologista / Geriatra ,41 70,00 Médico Ultrassonografista ,41 70,00 Mestre de Obras 1-586,03 Monitor de Creche 3-415,00 Motorista Nutricionista Odontólogo Professor Psicólogo CARGA HORÁRIA SEMANAL ,27 25, ,44 55, ,44 55, , º grau completo ESCOLARIDADE E PRÉ-REQUISITOS Ensino superior em Medicina, com residência e/ou especialidade em Psiquiatria e registro no CRM Ensino superior em Medicina, com residência e/ou especialidade em Reumatologia e Geriatria e registro no CRM Ensino superior em Medicina, com residência e/ou especialidade em Ultrassonografia e registro no CRM 25,00 40 Magistério a nível de 2.º grau TIPO DE PROVA E NÚMERO DE QUESTÕES C. Didáticos 10 1.ª a 4.ª série do 1.º grau, mais Carteira Nacional de Habilitação Categoria D, mais experiência comprovada de 1 (um) ano na função, com cursos de transporte escolar, transporte de passageiros, Prática direção defensiva e primeiros socorros ,27 25,00 24 Pedagogia ou Normal Superior 2-900,44 55,00 30 Servente Escolar 2-415,00 Técnico em Contabilidade 1-758,73 TOTAL 99 *PPD Pessoas Portadoras de Deficiência 25, ª a 4.ª série do 1.º grau 45, º grau técnico com registro no Conselho, mais conhecimentos de informática C. Didáticos 10 Matemática 10 C. Gerais 15 TURNO DA PROVA 9

11 ANEXO I PROGRAMA DE PROVA OBJETIVA DE MÚLTIPLA ESCOLHA CARGOS DE NÍVEL 1ª A 4ª SÉRIE DO 1º GRAU I AUXILIAR DE SERVIÇOS PÚBLICOS, BORRACHEIRO, LAVADOR DE VEÍCULOS, SERVENTE ESCOLAR. CARGOS DE NÍVEL 1ª A 4ª SÉRIE DO 1º GRAU I AUXILIAR DE SERVIÇOS PÚBLICOS, BORRACHEIRO, LAVADOR DE VEÍCULOS, SERVENTE ESCOLAR. LÍNGUA PORTUGUESA: Interpretação de Texto; Alfabeto; Sílaba; Encontro Vocálico; Encontro Consonantal; Sílaba Tônica; Substantivo; Coletivo; Acentuação; Sinônimos e Antônimos; Frase, Tipos de Frase; Pontuação; Artigo; Substantivo Próprio e Comum; Gênero, Número e Grau do Substantivo; Adjetivo; Pronomes; Verbos; Tempos do Verbo; Sujeito; Predicado; Advérbio. MATEMÁTICA: Conjuntos; Sistema de Numeração Decimal; Sistema Romano de Numeração; Adição, Subtração, Multiplicação e Divisão de Números Naturais; Números Racionais; Operações com Frações de Mesmo Denominador; Números Decimais; Sistema Monetário, Medidas de Comprimento, Massa, Capacidade e Tempo; Geometria, Perímetro e Cálculo de Áreas. CONHECIMENTOS GERAIS: 1- História, Geografia e Ciências de 1ª a 4ª série. 2 - Assuntos ligados à atualidade nas áreas: Econômica, Científica, Tecnológica, Política, Cultural, Saúde, Ambiental, Esportiva, Artística e Social do Brasil. MOTORISTA, MECÂNICO CARGOS DE NÍVEL 1ª A 4ª SÉRIE DO 1º GRAU II LÍNGUA PORTUGUESA: Interpretação de Texto; Alfabeto; Sílaba; Encontro Vocálico; Encontro Consonantal; Sílaba Tônica; Substantivo; Coletivo; Acentuação; Sinônimos e Antônimos; Frase, Tipos de Frase; Pontuação; Artigo; Substantivo Próprio e Comum; Gênero, Número e Grau do Substantivo; Adjetivo; Pronomes; Verbos; Tempos do Verbo; Sujeito; Predicado; Advérbio. CONHECIMENTOS GERAIS: 1- História, Geografia e Ciências de 1ª a 4ª série. 2 - Assuntos ligados à atualidade nas áreas: Econômica, Científica, Tecnológica, Política, Cultural, Saúde, Ambiental, Esportiva, Artística e Social do Brasil. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS MOTORISTA: Código Nacional de Trânsito Lei Federal nº 9.503, de 23/09/97 (Legislação de Trânsito). Direção defensiva MECÂNICO: Conhecimentos Gerais Inerentes ao Cargo. MESTRE DE OBRAS. CARGO DE NÍVEL 1º GRAU COMPLETO LÍNGUA PORTUGUESA: TEXTO: Interpretação de texto informativo ou literário. FONÉTICA: fonema e letra; classificação dos fonemas (vogais, semivogais e consoantes); encontros vocálicos; encontros consonantais; dígrafos; sílabas; tonicidade das sílabas. ORTOGRAFIA: Emprego das letras maiúsculas e minúsculas; acentuação gráfica; representação das unidades de medida; emprego do hífen. MORFOLOGIA: Famílias de palavras; afixos; processos de formação de palavras; reconhecimento, emprego, flexões e classificações das classes gramaticais. SINTAXE: A estrutura da oração (classificação e emprego dos termos); a estrutura do período composto (classificação e emprego das orações); emprego dos sinais de pontuação; regência verbal e nominal; a ocorrência da crase, concordância verbal e nominal. CONHECIMENTOS GERAIS: 1- História, Geografia e Ciências de 1ª a 8ª série. 2- Assuntos ligados à atualidade nas áreas: Econômica, Científica, Tecnológica, Política, Cultural, Saúde, Meio Ambiente, Esportiva, Artística e Social do Brasil. 10

12 CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Conhecimentos Gerais Inerentes ao Cargo. CARGOS DE NÍVEL ENSINO MÉDIO I AGENTE DE SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS, ARQUIVISTA, AUXILIAR DE BIBLIOTECA. LÍNGUA PORTUGUESA: 1 Compreensão de texto literário ou informativo. 2 Conhecimentos Lingüísticos: Fonética: fonemas, encontros vocálicos e consonantais, dígrafos, sílabas, tonicidade. Morfologia: a estrutura da palavra, formação de palavras, as classes de palavras. Ortografia: emprego das letras, acentuação gráfica. Pontuação: emprego dos sinais de pontuação. Sintaxe: os termos da oração, as orações no período composto, concordância verbal e nominal, regência verbal e nominal, ocorrência da crase, colocação de palavras. Semântica: sinonímia e antonímia, homografia, homofonia, paronímia, polissemia. CONHECIMENTOS GERAIS: História, Geografia e Ciências de 1º e 2º grau. Assuntos ligados à atualidade nas áreas: Econômica, Científica, Tecnológica, Política, Cultural, Saúde, Meio Ambiente, Esportiva, Artística e Social do Brasil e do Mundo. Testes de raciocínio lógico. Conhecimentos básicos de informática e Internet. CONHECIMENTOS BÁSICOS DE INFORMÁTICA: I - Conceitos básicos de operação de microcomputadores. II - Conceitos básicos de operação com arquivos em ambiente de rede Windows. III - Noções básicas de operação de microcomputadores e periféricos em rede local. IV - Conhecimento de interface gráfica padrão Windows. V - Conceitos básicos para utilização dos softwares do pacote Microsoft Office, tais como: processador de texto, planilha eletrônica e aplicativo para apresentação. VI Conhecimento básico de consulta pela Internet e recebimento e envio de mensagens eletrônicas. AUXILIAR DE DENTISTA CARGO DE NÍVEL ENSINO MÉDIO II LÍNGUA PORTUGUESA: 1 Compreensão de texto literário ou informativo. 2 Conhecimentos Lingüísticos: Fonética: fonemas, encontros vocálicos e consonantais, dígrafos, sílabas, tonicidade. Morfologia: a estrutura da palavra, formação de palavras, as classes de palavras. Ortografia: emprego das letras, acentuação gráfica. Pontuação: emprego dos sinais de pontuação. Sintaxe: os termos da oração, as orações no período composto, concordância verbal e nominal, regência verbal e nominal, ocorrência da crase, colocação de palavras. Semântica: sinonímia e antonímia, homografia, homofonia, paronímia, polissemia. MATEMÁTICA: Conjuntos; Conjuntos numéricos; Funções; Relações; Função polinominal do 1º e 2º grau; Função modular; Função exponencial; Função logarítima; Progressões aritméticas e geométricas; Matrizes; Determinantes; Sistemas Lineares; Análise combinatória; Binômio de Newton; Conjuntos de números complexos; Polinômios; Trigonometria - Aplicação no triangulo retângulo, Funções circulares, Relações e identidades trigonométricas, Transformações trigonométricas; Equações trigonométricas; Inequação trigonométricas; Relações de triângulos quaisquer. CONHECIMENTOS GERAIS: História, Geografia e Ciências de 1º e 2º grau. Assuntos ligados à atualidade nas áreas: Econômica, Científica, Tecnológica, Política, Cultural, Saúde, Meio Ambiente, Esportiva, Artística e Social do Brasil e do Mundo. Testes de raciocínio lógico. Conhecimentos básicos de informática e Internet. CARGOS DE NÍVEL ENSINO MÉDIO III AUXILIAR DE ENFERMAGEM, AUXILIAR DE LABORATÓRIO, FISCAL DE OBRAS E POSTURAS, TÉCNICO EM CONTABILIDADE. LÍNGUA PORTUGUESA: 1 Compreensão de texto literário ou informativo. 2 Conhecimentos Lingüísticos: Fonética: fonemas, encontros vocálicos e consonantais, dígrafos, sílabas, tonicidade. Morfologia: a estrutura da palavra, formação de palavras, as classes de palavras. Ortografia: emprego das letras, acentuação gráfica. Pontuação: emprego dos sinais de pontuação. Sintaxe: os termos da oração, as orações no período composto, concordância verbal e nominal, regência verbal e nominal, ocorrência da crase, colocação de palavras. Semântica: sinonímia e antonímia, homografia, homofonia, paronímia, polissemia. CONHECIMENTOS GERAIS: História, Geografia e Ciências de 1º e 2º grau. Assuntos ligados à atualidade nas áreas: Econômica, Científica, Tecnológica, Política, Cultural, Saúde, Meio Ambiente, Esportiva, Artística e Social do Brasil e do Mundo. Testes de raciocínio lógico. Conhecimentos básicos de informática e Internet. 11

13 CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: AUXILIAR DE ENFERMAGEM: Procedimentos básicos da enfermagem. Técnicas, Tipos de Curativos, Administração de Medicamentos (diluição, dosagem, vias e efeitos colaterais). Medidas de controle das doenças transmissíveis; doenças transmissíveis não imunizáveis e parasitárias. Doenças sexualmente transmissíveis. Doenças transmissíveis imunizáveis. Imunização: Conceito, tipos, principais vacinas e soros utilizados (indicação, contra indicações, doses, vias de administração, efeitos colaterais), conservação de vacinas e soros (cadeia de frio). Esterilização: conceito, método de esterilização. Assistência de enfermagem à mulher no pré-natal. Assistência de enfermagem à criança: No controle das doenças diarréicas, no controle das infecções respiratórias agudas, no controle das verminoses. Assistência de enfermagem ao adulto. Conceito, causas, sinais e sintomas, tratamento e assistência de enfermagem das patologias: hipertensão arterial, pneumonias, hemorragia digestiva, diabetes mellitus, acidente vascular cerebral, traumatismos (distenção, entorços e fraturas). Primeiros Socorros. AUXILIAR DE LABORATÓRIO: Procedimentos para limpeza e/ou designação de utensílios e instalações de laboratório; Lavagem e secagem de vidraria e materiais em geral; Reconhecimento e manuseio de vidraria; Pesagem e medidas (massa e volume); Limpeza e conservação de aparelhos; Métodos e técnicas de esterilização; Conhecimento e manuseio amostras biológica: sangue total, soro, plasma sangüíneo e urina; Noções sobre procedimentos básicos para a coleta de materiais para exame (sangue, urina e fezes); Noções básicas sobre coloração (Gram, Gyema, etc.) e montagem de lâminas; Conhecimento geral de medidas de segurança e primeiros socorros. FISCAL DE OBRAS E POSTURAS: Código de Obras, Lei nº Código de Posturas Posturas, Lei nº TÉCNICO EM CONTABILIDADE: 1. Contabilidade Pública: Conceitos Gerais; Campo de aplicação, Regimes Contáveis; Técnicas de registro e de lançamentos contábeis; Plano de Contas; Balanço orçamentário e financeiro e patrimonial; Demonstração das variações patrimoniais. 2. Orçamento Público: Conceitos gerais, Processo de planejamento; Princípios, Ciclo orçamentário, Orçamento por programas. 3. Receita Pública: Conceitos; Classificação; Estágios. 5. Restos a Pagar; 6. Dívida Pública. 7. Regime de Adiantamento: Conceito; Finalidades; controle dos adiantamentos. 8. Patrimônio Público: Conceito; Bens, direitos e obrigações das Entidades Públicas; Variações Patrimoniais; Variações ativas e passivas. 9. Créditos Adicionais: Conceito; Classificação; Autorização e abertura; Vigência; Indicação e especificação de recursos. 10. Licitações e Contratos na Administração Pública(Lei Federal nº 8.666/93 e suas alterações(lei de Licitações e Contratos Administrativos); 11 Concessões e Permissões de uso; 12-. Lei de Responsabilidade Fiscal(Lei Complementar nº 101/2000) 13. Lei Federal nº 4.320/1964 e suas alterações(estatui Normas Gerais de Direito Financeiro para elaboração e controle dos orçamentos e balanços da União, Estados, dos Municípios e do Distrito Federal 14 Instrução Normativa do TCE/MG 08/2003 e alterações posteriores fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional, e patrimonial da administração direta, e indireta. MONITOR DE CRECHE CARGO DE NÍVEL ENSINO MÉDIO / MAGISTÉRIO LÍNGUA PORTUGUESA: Significação literal e contextual de vocábulos; Emprego de classes de palavras; Compreensão, interpretação e reescrita de textos, com domínio das relações morfossintáticas, semânticas e discursivas; Tipologia textual; Coordenação e subordinação; Estrutura, formação e representação das palavras; Ortografia; Pontuação; Concordância; Regência; Estratégias de Ensino/aprendizagem de leitura e de produção de textos. CONHECIMENTOS DIDÁTICOS: Ética no Trabalho Docente; Gestão Escolar Participativa; Educação Inclusiva; A Construção do Conhecimento: papel do educador, do educando e da sociedade; Concepções de Educação e Escola; Avaliação; Visão Interdisciplinar e Transversal do Conhecimento; Currículo: os diferentes paradigmas, fundamentos, conceitos e concepções; Currículo, tempos e espaços escolares; Projeto Político Pedagógico: fundamentos, planejamento, implementação, acompanhamento e avaliação, tomando como foco o processo ensino-aprendizagem; Organização da Escola centrada no processo de desenvolvimento do educando; Função social da Escola e compromisso social do Educador; Concepções de aprendizagem, correntes teóricas e as práticas pedagógicas na organização curricular. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Epistemologia; Currículo; Psicomotricidade; Fundamentos filosóficos, psicológicos, sociológicos e históricos da educação: Concepções filosóficas da educação; Relação entre educação, sociedade e cultura; A escola como instituição social; - Teorias do desenvolvimento e da aprendizagem; Psicologia da Educação; - Fundamentos didático-metodológicos da Educação: Tendências pedagógicas na prática escolar; Planejamento, metodologia e avaliação do processo ensino/aprendizagem; Projeto Político Pedagógico; Escola Cidadã. - Orientações metodológicas - alfabetização, leitura e escrita a criança, o número e os jogos visão transversal e interdisciplinar do conhecimento. - Ensino e aprendizagem de questões sociais; Linguagem na escola; História da 12

14 Educação; Pedagogia da inclusão; A relação professor/aluno; Conhecimento sobre ciclos de formação; Estrutura e funcionamento do ensino de 1º grau; Reorganização do Ensino; Democratização do ensino; Avaliação; Planejamento Participativo. - Fundamentos legais da Educação: Constituição Federal de 1988 (Atualizada): Título VIII, Capítulo III, Seção I - Da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais da Educação. Lei de Diretrizes e Bases da Educação (Lei nº 9.394/96); Parâmetros Curriculares Nacionais da Educação Básica; Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/90); Lei /2001 Plano Nacional de Educação. O FUNDEF e o FUNDEP. Financiamento da Educação. CARGO DE NÍVEL ENSINO MÉDIO / MAGISTÉRIO / PEDAGOGIA / NORMAL SUPERIOR COORDENADOR DE CRECHE, PROFESSOR. LÍNGUA PORTUGUESA: Compreensão de texto literário ou informativo. Noções gerais e práticas de gramática. CONHECIMENTOS DIDÁTICOS: Ética no Trabalho Docente; Gestão Escolar Participativa; Educação Inclusiva; A Construção do Conhecimento: papel do educador, do educando e da sociedade; Concepções de Educação e Escola; Avaliação; Visão Interdisciplinar e Transversal do Conhecimento; Currículo: os diferentes paradigmas, fundamentos, conceitos e concepções; Currículo, tempos e espaços escolares; Projeto Político Pedagógico: fundamentos, planejamento, implementação, acompanhamento e avaliação, tomando como foco o processo ensino-aprendizagem; Organização da Escola centrada no processo de desenvolvimento do educando; Função social da Escola e compromisso social do Educador; Concepções de aprendizagem, correntes teóricas e as práticas pedagógicas na organização curricular. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Epistemologia; Currículo; Psicomotricidade; Fundamentos filosóficos, psicológicos, sociológicos e históricos da educação: Concepções filosóficas da educação; Relação entre educação, sociedade e cultura; A escola como instituição social; - Teorias do desenvolvimento e da aprendizagem; Psicologia da Educação; - Fundamentos didático-metodológicos da Educação: Tendências pedagógicas na prática escolar; Planejamento, metodologia e avaliação do processo ensino/aprendizagem; Projeto Político Pedagógico; Escola Cidadã. - Orientações metodológicas - alfabetização, leitura e escrita a criança, o número e os jogos visão transversal e interdisciplinar do conhecimento. - Ensino e aprendizagem de questões sociais; Linguagem na escola; História da Educação; Pedagogia da inclusão; A relação professor/aluno; Conhecimento sobre ciclos de formação; Estrutura e funcionamento do ensino de 1º grau; Reorganização do Ensino; Democratização do ensino; Avaliação; Planejamento Participativo. - Fundamentos legais da Educação: Constituição Federal de 1988 (Atualizada): Título VIII, Capítulo III, Seção I - Da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais da Educação. Lei de Diretrizes e Bases da Educação (Lei nº 9.394/96); Parâmetros Curriculares Nacionais da Educação Básica; Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/90); Lei /2001 Plano Nacional de Educação. O FUNDEF e o FUNDEP. Financiamento da Educação. CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR ASSISTENTE SOCIAL, BIOQUÍMICO, ENFERMEIRO, FISIOTERAPEUTA, FONOAUDIÓLOGO, MÉDICO CARDIOLOGISTA, MÉDICO CIRURGIÃO GERAL, MÉDICO CLÍNICO GERAL, MÉDICO ENDOSCOPISTA/GASTROENTEROLOGISTA, MÉDICO GINECOLOGISTA, MÉDICO NEUROLOGISTA, MÉDICO ORTOPEDISTA, MÉDICO PLANTONISTA, MÉDICO PSIQUIATRA, MÉDICO REUMATOLOGISTA, MÉDICO ULTRASSONOGRAFISTA, NUTRICIONISTA, ODONTÓLOGO, PSICÓLOGO. LÍNGUA PORTUGUESA: Compreensão de texto literário ou informativo. Noções gerais e práticas de gramática. CONHECIMENTOS GERAIS: História, Geografia e Ciências de 1º e 2º grau. Assuntos ligados à atualidade nas áreas: Econômica, Científica, Tecnológica, Política, Cultural, Saúde, Meio Ambiente, Esportiva, Artística e Social do Brasil e do Mundo. Testes de raciocínio lógico. Conhecimentos básicos de informática e Internet. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS ASSISTENTE SOCIAL: 1. Fundamentos teóricos-metodológicos do Serviço Social: 1.1. O debate contemporâneo entre as diferentes vertentes; 1.2. O conhecimento da realidade social; 1.3. Relação teoria-prática. 2. Reestruturação produtiva e as transformações no mundo do trabalho: 2.1. Mudanças nas relações de trabalho; 2.2. Impactos no Serviço Social. 3. Estado, direito sociais e políticas sociais: 3.1. Políticas sociais no neoliberalismo; 3.2. Seguridade Social (Previdência (LOPS), Assistência social (LOAS), e Saúde (LOS); Educação, Habitação; 3.3. Legislação trabalhista (CLT). 4. Ética em Serviço Social: 4.1. Fundamentos ontológicos da ética; 4.2. A ética profissional em Serviço Social; 4.3. O projeto éticopolítico do Serviço Social. 5. Planejamento e Gestão em Serviço Social: 5.1. instrumentos de planejamento (plano, programa e projeto) e planejamento estratégico; 5.2. práticas administrativas em Serviço Social (coordenação, gerenciamento, assessoria e supervisão). 6. Espaço institucional e poder nas organizações: 6.1. O Serviço Social na divisão sócio-técnico do trabalho; 6.2. Relações profissionais no espaço institucional. 7. Processo de trabalho e Prática profissional em Serviço Social: 7.1. O processo de trabalho no serviço social; 7.2. Instrumentalidade e mediação na intervenção profissional; 7.3. O instrumental técnico em Serviço Social. 8. Gestão Participativa de Políticas Públicas: 8.1. Participação; Gestão Social; Controle social; Conselho de políticas 13

15 setoriais; Sociedade civil. 9. Estado e Sociedade Civil: 9.1. Aspectos conceituais históricos; 9.2. Relação público e privado; 9.3. Relação governo e sociedade. BIOQUÍMICO: Legislação e Ética Farmacêutica; Organização do Serviço Público de Saúde; Bioquímica Clínica - Padronização, Fotometria, Fundamentos Químicos, Metodologias, e interpretação clínico laboratorial das dosagens bioquímicas e das determinações enzimáticas; Hematologia Clínica - Hematipoiese, Fisiologia da linhagem vermelha e branca, imunologia, determinação dos antígenos eritrocitários, hemostasia; Imunologia Clínica - Reação de: Imunoensaio, imunofluorescência, fixação do complemento, precipitação e aglutinação, imunologia aplicada ao diagnóstico de: Rubéola, Doenças Autoimunes, Alergias, Hepatite, Imunodeficiências; Parasitologia clínica: Patologia, morfologia, epidemiologia, sintomatologia, profilaxia, e diagnostico das principais doenças causadas ao homem por parasitas intra e extra intestinais; Microbiologia Clínica - Métodos de esterilização, meios de cultura, sintomatologia, patogenia, profilaxia e diagnóstico laboratorial das principais doenças causadas ao homem por bactérias inclusive vias urinárias, líquidos de punções, controle de qualidade em microbiologia. ENFERMEIRO: 1. Sistema Único de Saúde SUS: princípios, diretrizes e articulação com serviços de saúde; 2. Trabalho Gerencial em Enfermagem: planejamento e a tomada de decisão como instrumentos do processo de trabalho gerencial do enfermeiro; funções administrativas e o trabalho em enfermagem; organização e direção do serviço de enfermagem; supervisão e liderança em enfermagem; educação continuada: treinamento e desenvolvimento; avaliação de desempenho profissional. 3. Fundamentos da epidemiologia, prevenção e controle da infecção na prática assistencial: epidemiologia aplicada à prevenção e controle das infecções; biossegurança; ações educativas no controle das infecções. 4. Atuação do enfermeiro no processamento de materiais na central de material e esterilização: atuação do Enfermeiro visando o rompimento do ciclo de transmissão de Infecções no preparo, manuseio e distribuição de materiais; Central de Material Esterilizado (CME), estrutura e funções; métodos atuais de controle dos processos de esterilização; legislação específica no processamento de materiais por diferentes métodos. 5. As dimensões do cuidar: assistir, educar, pesquisar e administrar. 6. Sistematização da assistência de Enfermagem: o processo de enfermagem. 7. Atuação do Enfermeiro em Primeiros Socorros: convulsão, tontura e síncope; parada cárdio respiratória cerebral (pcrc) e reanimação; avaliação da vítima acidentada; queimaduras; intoxicações; traumatismos. 8. Atuação do enfermeiro na Saúde do Adulto e do idoso: doenças crônicas degenerativas; doenças cardiovasculares cerebrais; doenças respiratórias. 9. Assistência de enfermagem à saúde da mulher: câncer cérvico-uterino, mama; DSTs e parasitárias; violência doméstica e familiar. 10. Atuação do enfermeiro na saúde da criança e do adolescente: situação de Saúde da Criança no Brasil; aleitamento materno; desmame e alimentação da criança e do adolescente; crescimento e desenvolvimento da criança e do adolescente; atenção integrada às doenças prevalentes na infância. 11. Relações humanas no trabalho e implicações éticas: comunicação terapêutica; comunicação entre equipes; trabalho em equipe. 12. Condições de trabalho em Enfermagem: o trabalhador e o ambiente de trabalho; riscos inerentes e evitáveis; medidas preventivas. FISIOTERAPEUTA: Fisioterapia: conceituação, recursos e objetivos. Reabilitação: conceituação, objetivos, sociologia, processo e equipe técnica. Papel dos serviços de saúde. Modelos alternativos de atenção à saúde das pessoas deficientes. Processo de fisioterapia: semiologia; exame e diagnóstico, postura, diagnósticos das anomalias posturais (patomecânica e correção). Processos incapacitantes mais importantes (processo de trabalho, problemas de atenção à saúde pré, peri, pósnatal e na infância, doenças infecto-contagiosas, crônico-degenerativas e as condições de vida); papel dos serviços de saúde. Trabalho multidisciplinar em saúde; papel profissional e as instituições de saúde. Fisioterapia em Traumato-Ortopedia. Fisioterapia em Neurologia. Fisioterapia em Pneumologia. Fisioterapia nas Afecções Reumáticas. Fisioterapia em Queimaduras. Fisioterapia em Cardiologia e Angiologia. Fisioterapia em Ginecologia e Reeducação Obstétrica. Fisioterapia em Geriatria. Reabilitação profissional: conceito, objetivos, processo e equipe técnica. Recursos terapêuticos em Fisioterapia. Prevenção: modelos alternativos de atenção à saúde. Fisioterapia em Geriatria. FONOAUDIÓLOGO: 1. Audiologia: anatomia e fisiologia da audição; audiologia clínica e imitanciometria; prótese auditiva e reabilitação do deficiente auditivo; otoneurologia; potenciais evocados auditivos. 2. Voz: anatomia e fisiologia laríngea; avaliação e tratamento das disfonias; avaliação e tratamento fonoaudiológico dos pacientes submetidos à cirurgia de cabeça e pescoço. 3. Motricidade orofacial: anatomia e fisiologia do sistema estomatognático; avaliação e tratamento dos distúrbios da motricidade orofacial; avaliação e tratamento dos distúrbios da fala desvios fonético e fonológico. 4. Linguagem: desenvolvimento cognitivo; bases neurológicas do desenvolvimento da linguagem e da aprendizagem; alterações do desenvolvimento de linguagem princípios, avaliação e tratamento; avaliação e tratamento dos distúrbios da linguagem oral e escrita. Fonoaudiologia e Saúde Pública - O trabalho da Fonoaudiologia na Saúde Mental. MÉDICO CARDIOLOGISTA: Semiologia cardiovascular; Métodos diagnósticos aplicados à Cardiologia; Doenças do pericárdio; Cardiopatias congênitas; Insuficiência coronariana; Doenças da aorta; Embolia pulmonar; Diagnóstico e manejo clínico das arritmias cardíacas; Hipertensão arterial sistêmica; Doença cardiovascular no idoso e em mulheres; Febre reumática; Doença cardíaca valvular; Insuficiência cardíaca; Cardiomiopatias; Dislipidemias; Endocardite infecciosa; Avaliação clínico-cardiológica para cirurgias não-cardíacas; Miocardiopatias; Endocardiopatias; Dislipidemias; Terapia trombolítica; Cardiopatias e gravidez; Exames complementares em cardiologia; Terapêutica medicamentosa e invasiva em cardiologia (procedimentos e cirurgia cardiovascular). 14

16 MÉDICO CIRURGIÃO GERAL: Anatomia humana. Fisiologia do aparelho digestivo. Fisiopatologia das doenças abdominais. Clínica cirúrgica. Avaliação do pré e pós operatório. Cirurgia ambulatorial. Abdome agudo. Traumatologia. MÉDICO CLÍNICO GERAL: 1- Princípios da assistência preventiva à saúde. O exame de saúde preventivo. 2- Cuidados com a dieta. A atividade física. O tabagismo e abuso do álcool. 3- Princípios de terapia farmacológica. 4- Radiologia do coração. Princípios de eletrocardiograma. 5- Conduta na insuficiência cardíaca. 6- Abordagem clínica das arritmias cardíacas supraventriculares. 7- Hipertensão arterial sistêmica. 8- Abordagem clínica da cardiopatia isquêmica. 9- Asma brônquica. 10- Pneumonias comunitárias. 11- Cálculos renais. Uropatia obstrutiva. 12- Cistite e pielonefrite. 13- Gastrite. Úlcera péptica. 14- Distúrbios gastrintestinais funcionais: síndrome do cólon irritável. 15- Dispepsia sem úlcera e dor torácica não-cardíaca. 16- Abordagem do paciente com diarréia. Doença intestinal inflamatória. 17-Neoplasias do estômago e do intestino grosso. 18- Pancreatite. 19- Hepatites virais. 20- Cirrose hepática. 21- Doença da vesícula biliar e dos ductos biliares. 22- Abordagem das anemias. 23- Leucopenia e leucocitose. 24-Abordagem do paciente com linfadenopatia e esplenomegalia. 25- Abordagem do paciente com sangramento e trombose. 26- Prevenção de câncer. Marcadores tumorais. Síndromes paraneoplásicas. 27-Avaliação nutricional. Obesidade. Dislipidemia. 28- Diabetes mellitus. 29- Hipoglicemia. 30- Hipo e hipertireoidismo. 31- Rinite alérgica. Anafilaxia. Alergia a picadas de insetos. Alergia medicamentosa. 32-Reações adversas às drogas e aos alimentos. 33- Artrite reumatóide. 34-Gota e metabolismo do ácido úrico. 35- O ombro doloroso. Espondiloartropatias. Dorsalgia e cervicoalgias. Doenças do disco intervertebral. 36- Abordagem clínica do paciente febril. 37- Tuberculose. 38- Doenças sexualmente transmissíveis. Síndrome de Imunodeficiência Adquirida. 39- Gripe e resfriado. 40- Abordagem clínica das orofaringites agudas. 41- Princípios da prevenção vacinal. 42- Parasitoses intestinais. 43- Princípios da antibioticoterapia. 44- Síncope e cefaléias. 45- Acidentes com animais peçonhentos. 46- Interpretação dos distúrbios hidroeletrolíticos e ácido-básicos. MÉDICO ENDOSCOPISTA/ GASTROENTEROLOGISTA: Endoscopia nas doenças esofagianas, gástricas e duodenais. Endoscopia nas patologias bilio-pancreáticas. Endoscopia nas doenças do cólon e reto. Terapêutica endoscópica na urgência e emergência. Endoscopia terapêutica. Doença do Refluxo gastroesofágico (DRGE). Câncer de Esôfago. Gastrites. Úlcera Péptica Gaserodunodenal. Câncer Gástrico. Hemorragia Digestiva alta e baixa. Diarréias Agudas e Crônicas. Parasitoses. Doença de Crohn. Retocolite Ulcerativa. Síndrome do Cólon Irritável. Doença Diverticular dos Cólons. Tumores Colorretais. Hepatite Aguda e Crônica. Cirrose Hepática. Típado e Drogas. Hepatite Aguda Fulminantes. Litíase Biliar. Colecistite. Pancreatite Aguda. Pancreatite Crônica. Câncer de Pâncreas. Aparelho Digestivo e AIDS. MÉDICO GINECOLOGISTA: GINECOLOGIA: Incontinência urinária de esforço. Neoplasias ovarianas. Doenças sexualmente transmissíveis. Endometriose. Doença inflamatória pélvica. Hemorragias ginecológicas. Prolapso uterino. Endocrinologia ginecológica. Neoplasias uterinas. Climantério. OBSTETRÍCIA: Hemorragia do 1º/3º trimestre da gravidez. Gravidez ectópica. Diagnóstico de gravidez. Toxemia da gravidez. Hipertensão arterial associada à gravidez. Trabalho de parto (Fisiologia). Infecção puerperal. Gravidez múltipla. MÉDICO NEUROLOGISTA: 1- Semiologia neurológica. 2- Cefaléias. 3- Epilepsias. 4- Distúrbios paroxísticos. 5- Distúrbios do sono. 6- Coma. 7- Doenças infecciosas e parasitárias do sistema nervoso. 8- Doenças vasculares do sistema nervoso. 9- Distúrbios do líquido cefalorraquiano e da circulação liquórica. 10- Tumores do sistema nervoso. 11- Neurologia do trauma. 12- Distúrbios neurocutâneos. 13- Demências. 14- Distúrbios do movimento. 15- Doenças desmielinizantes. 16- Doenças da medula espinhal. 17- Doenças do sistema nervoso periférico. 18- Distúrbios da junção neuromuscular. 19- Miopatias. 20- Manifestações neurológicas das doenças sistêmicas. 21- Exames complementares em neurologia. MÉDICO ORTOPEDISTA: 1. Osteomielite, artrite piogênica. 2. Pé torto congênito. 3. Luxação congênita do quadril. 4. Fratura dos ossos do antebraço na criança, doença de Legg Calvè Perthes, talus verticalis e fraturas do anel pélvico. 5. Fratura patológica (osteosssarcoma). 6. Osteoporose. 7. Síndrome compartimental. 8. Doença tromboembólica. 9. Hallux valgus. 10. Lesões meniscais. 11. Hérnia discal lombar. 12. Luxação coxofemural. 13. Lesão ligamentar do punho. 14. Fraturas da cabeça do rádio na criança. 15. Fraturas do colo do fêmur. 16. Lesão do ligamento cruzado anterior do joelho. 17. Fratura luxação da coluna cervical. 18. Fratura exposta. 19. Pseudoartrose do escafóide. 20. Contratura isquêmica de Volkman. 21. Patologia do manguito rotador. 22. Princípios e indicações da fixação externa. 23. Anatomia da mão. 24. Osteoporose. 25. Fratura do tornozelo. 26. Luxação recidivante do ombro. 27. Coluna vertebral: hérnias cervicais e lombares. 28. Trauma raquimedular. 29. Fratura luxação da coluna vertebral Espondilolistese lombar. 30. Escoliose. 31. Tuberculose óssea. 32. Estenose de canal lombar. 33. Tumores mais freqüentes na coluna. 34. Joelho: anatomia biomecânica; lesões meniscais; instabilidade crônica do joelho; osteoartrose do joelho; instabilidade femoro-patelar; fratura do planalto tibial. 35. Osteoartrose do quadril. 36. Tumores músculo esqueléticos. 37. Fratura da Tíbia. 38. Tumor de Ewing. 39. Fraturas dos ossos longos dos membros superiores. 40. Fraturas dos ossos longos dos membros inferiores. 41. Fratura de mão. 42. Fratura de pé. 15

17 MÉDICO PLANTONISTA: 1.O pronto atendimento ao idoso: estados confusionais, quedas, hipertensão postural, hipertensão arterial, infecção. 2. Pneumologia. Insuficiência respiratória aguda, doença pulmonar obstrutiva crônica, doenças infecciosas agudas e crônicas, doenças da pleura. 3. Cardiologia: arritmias, isquemia miocárdica aguda e crônica, hipertensão arterial, insuficiência cardíaca. 4. Dor torácica. 5. Hematologia: anemias, distúrbios da hemostasia, estados hipercoaguláveis. 6. Gastroenterologia: hemorragias digestivas, má absorção, icterícias, hepatites, imunologia, imunodeficiências, doenças auto-imunes. 7.Reumatologia: farmacologia dos medicamentos usados no controle das doenças reumatológicas, equilíbrio hidro-eletrolítico e ácido básico. 8. Nefrologia: glomerulopatias, doenças túbulo-intersticiais, insuficiência renal crônica aguda. 9. Sistema nervoso central. 10. Coma, esturpor, estados confusionais. 11. Endocrinologia: doenças da tireóide, doenças da córtex supra renal. 12. Uso clínico de corticosteróides. 13. Doenças metabólicas: dislipoproteinemias, diabetes mellitus. 14. Antibióticos. 15. Ressuscitação cardiopulmonar. MÉDICO PSIQUIATRA: 1. A história das relações entre sociedade e loucura: a loucura nas diferentes épocas; a Grande Internação; o nascimento do hospital psiquiátrico; o saber e o poder psiquiátricos na constituição do conceito de doença mental. 2. As Reformas Psiquiátricas: as experiências reformistas (comunidades terapêuticas, psiquiatria de setor, psiquiatria preventiva); as experiências em ruptura com o modelo psiquiátrico tradicional (a antipsiquiatria, a psiquiatria democrática). Modelos atuais de Reforma Psiquiátrica, especialmente as experiências brasileira e italiana. 3. A legislação referente à Saúde Mental. As relações entre loucura, cidadania e direito. 4. Clínica psiquiátrica: Nosografia, nosologia e psicopatologia. 5. Terapêutica: psicofarmacologia, psicoterapias. 6. Noções básicas de psicanálise e suas interfaces com a psiquiatria e a saúde mental. 7. Saberes e poderes no campo da saúde mental: impasses e confrontos. 8. Transtornos psiquiátricos na clínica geral, aspectos da relação médico paciente, abordagem psiquiátrica dos quadros sintomáticos e dos estados demenciais, dependência e uso nociso do álcool, tratamento da dependência da nicotina, transtornos relacionados ao uso de drogas, depressões e transtorno bipolar do humor, esquizofrenia. MÉDICO REUMATOLOGISTA/GERIATRA: Reumatologista: Exame clínico do paciente reumático; Mecanismos etiopatogênicos da dor, da inflamação e da autoimunidade; Doenças difusas do tecido conjuntivo; Espondiloartropatias; Vasculites; Doenças reumáticas de partes moles; Osteoartrose; Artrites microcristalinas; Artrites infecciosas; Doenças sistêmicas com manifestações articulares; Doenças osteometabólicas; Terapêutica em reumatologia; Laboratório em reumatologia; Métodos de imagem em reumatologia. Geriatra: Teorias do envelhecimento; Aspectos biológicos e fisiológicos do envelhecimento; Prevenção e promoção da saúde no idoso; Exames complementares e Instrumentos de avaliação; Distúrbio hidroeletrolítico; Déficit cognitivo, Instabilidade postural e Quedas; Doenças cerebrovasculares: Acidente vascular cerebral isquêmico e hemorrágico; Síndromes parkinsonianas, Tremor essencial, Doença de Parkinson; Doenças osteomioarticulares: Osteoporose, Osteomalácia, Osteoartrite, Artrite reumatóide, Doença de Paget, Fibromialgia; Cirurgia e anestesia, Risco Cirúrgico no idoso;cuidados paliativos e ao final da vida; Deficiências de B12 e ácido fólico. MÉDICO ULTRASSONOGRAFISTA: 1. Princípios físicos do ultra-som. 2. Ultra-sonografia abdominal e pélvica. 3. Ultra-sonografia na gravidez. 4. Ultra-sonografia vascular. 5. Ultra-sonografia cervical. 6. Ultra-sonografia invasiva. 7. Ultra-sonografia pediátrica. NUTRICIONISTA: 1. Nutrição normal: carboidratos, proteínas e lipídios: classificação, funções, digestão absorção, metabolismo e necessidades nutricionais; enzimas e hormônios: funções e metabolismo. vitaminas e minerais: macro e micronutrientes. água, fibras: funções, fontes alimentares e necessidades nutricionais; nutrição e atividade física. aspectos fisiológicos e nutricionais nos diferentes ciclos da vida: gestação, aleitamento materno, lactação, infância, adolescência, fase adulta e terceira idade; alimentos funcionais. 2. Bromatologia, tecnologia de alimentos e controle sanitário: estudo bromatológico dos alimentos: leite e derivados, carnes, pescados, ovos, cereais, leguminosas, gorduras, hortaliças, frutas e bebidas; propriedades físico-químicas dos alimentos; condições higiênico-sanitárias e manipulações de alimentos; conservação de alimentos; uso de aditivos em alimentos; transmissão de doenças pelos alimentos; intoxicações e infecções alimentares; Avaliação de Perigos e Pontos Críticos de Controle (APPCC). 3. Técnica dietética: conceito, classificação e características dos alimentos; preparo de alimentos: processos e métodos de cocção; a pirâmide alimentar; planejamento de cardápios; técnica dietética e dietoterapia. 4. Administração de unidades de alimentação e nutrição: características e atividades do serviço de nutrição; planejamento, organização, coordenação e controle. 5. Nutrição em saúde pública: aspectos epidemiológicos em carências nutricionais: desnutrição energético-protéica, hipovitaminose A, anemia ferropriva, cárie dental, bócio endêmico, indicadores, intervenções; saúde materno-infantil; infecção pelo hiv na gestação e infância; educação alimentar-nutricional; Vigilância nutricional; Alimentação equilibrada na promoção da saúde. 6. Nutrição clínica: nutrição em condições clínicas específicas: doenças carenciais, doenças metabólicas, doenças cardiovasculares, obesidade e magreza, hipertensão, diabetes mellitus, hepatopatias, nefropatias, distúrbios do trato digestório, câncer, AIDS, pré e pósoperatórios; indicadores e diagnósticos do estado nutricional; avaliação nutricional; recomendações e necessidades de nutrientes; aconselhamento nutricional; suporte nutricional; terapia nutricional enteral e parenteral. 16

18 ODONTÓLOGO: 1- Cariologia. 2- Doenças da polpa e dos tecidos periapicais. 3-Distúrbios do desenvolvimento das estruturas bucais e parabucais. 4- Tumores benignos e malignos da cavidade bucal. 5- Tumores das glândulas salivares. 6- Cistos e tumores de origem odontogênica. 7-Alterações regressivas dos dentes. 8- Infecções bacterianas, virais e micóticas. 9- Disseminação das infecções bucais. 10- Lesões físicas e químicas da cavidade bucal. 11- Manifestações bucais das doenças metabólicas. 12- Doenças do periodonto. 13- Doenças dos nervos e músculos. 14- Anestesiologia local e controle da dor. 15- Técnicas de anestesia regional e local. 16- Anatomia das regiões da cabeça e pescoço. 17- Soluções anestésicas. 18- Emergências no consultório. 19- Flúor. 20- Adesão aos tecidos dentários. 21- Radiologia. 22- Oclusão. 23- Periodontia aplicada à dentística. 24- Restaurações diretas e indiretas em dentes posteriores com resinas compostas. 25- Restaurações diretas em dentes anteriores com resinas compostas. 26- Lesões não-cariosas. 27- Restaurações adesivas diretas. 28- Facetas diretas com resinas compostas. 29- Restaurações cerâmicas do tipo Inlay/Onlay. 30- Facetas de porcelana. 31- Restaurações de dentes tratados endodonticamente. 32- Restaurações em dentes fraturados. 33- Materiais odontológicos. 34- Biocompatibilidade dos materiais dentários. 35- Materiais de moldagem. 36- Gesso. 37- Resinas para restauração. 38- Amálgama dental. 39- Cimentos odontológicos. 40- Cerâmicas odontológicas. 41- Materiais de acabamento e polimento. 42- Diagnóstico e plano de tratamento em clínica odontológica infantil. 43- Dor em Odontopediatria. 44- Tratamento nas lesões cariosas em dentes decíduos. 45- Terapia endodôntica em dentes decíduos. 46- Desenvolvimento da oclusão. 47- Cirurgia bucal pediátrica. 48- Traumatismo em dentes anteriores. 49- Selantes de fóssulas e fissuras. 50- Doenças infecciosas de preocupação especial na Odontologia. 51- Avaliação do paciente e proteção pessoal. 52- Princípios de esterilização e desinfecção. 53- AIDS e a prática odontológica. 54- Controle da infecção cruzada na prática odontológica. 55- Odontologia preventiva e social, odontopediatria. PSICÓLOGO: 1. Psicologia e Saúde Mental; 2. A história da Loucura: o modelo hospitalar e o conceito de doença mental; 3. As Reformas Psiquiátricas; 4. Legislação em Saúde Mental; 5. Nosologia, Nosografia e psicopatologia: a clinica da Saúde Mental. A Clínica feita por muitos. Articulação entre clínica e reabilitação psicossocial. Projeto Terapêutico. Multidisciplinariedade; 6. Noções básicas de psicanálise e suas interfaces com a saúde mental; 7. Psicologia e Educação; 8. Psicologia e Saúde Pública. 9. Diagnóstico psicológico: fundamentos e passos do processo psicodiagnóstico; testes psicológicos (tipos, aplicação, interpretação, análise dos testes); Entrevista psicológica: definição, tipos e finalidade; Elaboração de laudo psicológico: comunicação dos resultados do psicodiagnóstico; 10. Psicopatologia: conceituação; alterações da percepção, representação, juízo, raciocínio, memória, atenção, consciência e afetividade; doenças de natureza psíquica (alcoolismo, depressão, esquizofrenia, ansiedade); 11. Princípios gerais das grupoterapias: conceituação de grupo; modalidades grupais; fenômenos do campo grupal; 13. Saúde ocupacional: qualidade de vida no trabalho; os vínculos nas instituições; 14. Psicologia do trabalho: saúde mental e trabalho; L.E.R; ergonomia; 15. Transtornos mentais e do comportamento relacionados ao trabalho. 16. Organização do trabalho e saúde do trabalhador; 17. Assédio moral no trabalho. 17

PREFEITURA MUNICIPAL DE MENDES PIMENTEL/MG Edital de Abertura de Concurso Público nº 01/2008

PREFEITURA MUNICIPAL DE MENDES PIMENTEL/MG Edital de Abertura de Concurso Público nº 01/2008 A PREFEITURA MUNICIPAL DE MENDES PIMENTEL faz saber que realizará, através da empresa Magnus Auditores e Consultores Associados, Concurso Público de Prova e Títulos para provimento de cargos de seu quadro

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITACAMBIRA - MG EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2006

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITACAMBIRA - MG EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2006 EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/06 A PREFEITURA MUNICIPAL DE ITACAMBIRA faz saber que realizará, através da empresa Magnus Auditores e Consultores Associados, Concurso Público de Provas e

Leia mais

EDITAL Nº 21/2013. 1.1- Profissional/Carga Horária/Número de Vagas/Requisitos para a contração /Vencimentos. n.º de Vagas. Reserva Vagas PNE *

EDITAL Nº 21/2013. 1.1- Profissional/Carga Horária/Número de Vagas/Requisitos para a contração /Vencimentos. n.º de Vagas. Reserva Vagas PNE * EDITAL Nº 21/2013 RICARDO PINHEIRO SANTANA, Prefeito do Município de Assis, no uso de suas atribuições legais, TORNA PÚBLICO o presente Edital de Abertura do Concurso Público nº 01/2013 para preenchimento

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MAJOR VIEIRA CNPJ/MF 83.102.392/0001-27

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MAJOR VIEIRA CNPJ/MF 83.102.392/0001-27 EDITAL Nº 002/2015 PROCESSO SELETIVO DE PROVAS PARA SUPRIR VAGA TEMPORÁRIA ORILDO ANTONIO SEVERGNINI Prefeito Municipal de Major Vieira, Estado de Santa Catarina, usando de suas atribuições legais, faz

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO CAIUÁ ESTADO DO PARANÁ E D I TA L D E C O N C U R S O P Ú B L I C O N º 0 0 1 / 2 0 1 4

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO CAIUÁ ESTADO DO PARANÁ E D I TA L D E C O N C U R S O P Ú B L I C O N º 0 0 1 / 2 0 1 4 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO CAIUÁ ESTADO DO PARANÁ ANEXO II - DOS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS E D I TA L D E C O N C U R S O P Ú B L I C O N º 0 0 1 / 2 0 1 4 RETIFICADO COMUNS A TODOS OS CARGOS

Leia mais

PROCESSO SELETIVO FUNCAMP Nº 043/2009

PROCESSO SELETIVO FUNCAMP Nº 043/2009 PROCESSO SELETIVO FUNCAMP Nº 043/2009 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA A CONTRATAÇÃO DE PESSOAL PARA O AMBULATÓRIO MÉDICO DE ESPECIALIDADES - AME- RIO CLARO A Fundação de Desenvolvimento da Unicamp - FUNCAMP

Leia mais

Edital Para Ingresso nos Programas de Residência Médica da Santa Casa de Misericórdia de Pelotas - 2015

Edital Para Ingresso nos Programas de Residência Médica da Santa Casa de Misericórdia de Pelotas - 2015 Edital Para Ingresso nos Programas de Residência Médica da Santa Casa de Misericórdia de Pelotas - 2015 A COREME- Comissão de Residência Médica da Santa Casa de Misericórdia de Pelotas comunica que estarão

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTINÓPOLIS ABERTURA DE INSCRIÇÕES PROCESSO SELETIVO N 002/2014. Vagas Venc. (R$) 04 837,80 39,00

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTINÓPOLIS ABERTURA DE INSCRIÇÕES PROCESSO SELETIVO N 002/2014. Vagas Venc. (R$) 04 837,80 39,00 1 PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTINÓPOLIS ABERTURA DE INSCRIÇÕES PROCESSO SELETIVO N 002/2014 A PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTINÓPOLIS, Estado de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal da Saúde, torna público,

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA Nº 05/SMS/2012 FUNÇÃO REQUISITOS REMUNERAÇÃO. - Graduação em Medicina;

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA Nº 05/SMS/2012 FUNÇÃO REQUISITOS REMUNERAÇÃO. - Graduação em Medicina; EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA Nº 05/SMS/2012 O Prefeito Municipal de Canoinhas-SC, torna público que se encontram abertas as inscrições ao Processo Seletivo para Contratação Temporária

Leia mais

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL Edital de Abertura de Inscrição Processo Seletivo Simplificado Regional para contratação de Agente de Organização Escolar/2015 A Comissão Especial de Contratação

Leia mais

PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC

PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC A Prefeitura Municipal de Caruaru/PE divulga a realização do CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS para o provimento dos cargos de Professor

Leia mais

PROCESSO SELETIVO N 001/2014 CONTRATAÇÃO DE JOVENS APRENDIZES

PROCESSO SELETIVO N 001/2014 CONTRATAÇÃO DE JOVENS APRENDIZES PROCESSO SELETIVO N 001/2014 CONTRATAÇÃO DE JOVENS APRENDIZES O Diretor Presidente da COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DE PASSO FUNDO CODEPAS, no uso de suas atribuições legais, e conforme determina o art.

Leia mais

REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - Os concursos para seleção de candidatos aos cargos públicos dos órgãos de administração direta e indireta, da Prefeitura

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHÃO EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHÃO EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHÃO EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS A Comissão Especial do Processo de Seleção de Estagiários, criada pelo Decreto n.º 151/2013, de 26 de março

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PEDRAS DE MARIA DA CRUZ/MG Edital de Abertura de Processo Seletivo nº 01/2009

PREFEITURA MUNICIPAL DE PEDRAS DE MARIA DA CRUZ/MG Edital de Abertura de Processo Seletivo nº 01/2009 A Prefeita Municipal de Pedras de Maria da Cruz / MG, Sra. Norma S. de Britto Pereira, torna público que estarão abertas inscrições ao Processo Seletivo de Provas para contratação de Agente Comunitário

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE SANTANA DA VARGEM/MG Concurso Público Edital 001/2008

CÂMARA MUNICIPAL DE SANTANA DA VARGEM/MG Concurso Público Edital 001/2008 CÂMARA MUNICIPAL DE SANTANA DA VARGEM/MG Concurso Público Edital 001/2008 O Presidente da CÂMARA MUNICIPAL DE SANTANA DA VARGEM faz saber que realizará Concurso Público de Prova e Títulos para provimento

Leia mais

A Comissão Especial de Contratação por Tempo Determinado CE CTD da Diretoria de Ensino - Região Guarulhos Norte, com fundamento no inciso

A Comissão Especial de Contratação por Tempo Determinado CE CTD da Diretoria de Ensino - Região Guarulhos Norte, com fundamento no inciso Edital de 24/07/2015 Processo Seletivo Simplificado Regional para contratação de Agente de Organização Escolar/2015 A Comissão Especial de Contratação por Tempo Determinado CE CTD da Diretoria de Ensino

Leia mais

Prefeitura Municipal de Taubaté Estado de São Paulo

Prefeitura Municipal de Taubaté Estado de São Paulo PREFEITURA MUNICIPAL DE TAUBATÉ PROCESSO SELETIVO N 003/2015 A Comissão do Processo Seletivo Simplificado nº 003 / 2015, instituída pela Portaria nº 573, de 26 de maio de 2015, faz saber a todos quantos

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA O Diretor Presidente do Departamento Municipal de Eletricidade de Poços de Caldas DME-PC, no uso de suas atribuições, considerando

Leia mais

ANEXO I FUNÇÕES, VAGAS, PRÉ-REQUISITOS, VENCIMENTOS, JORNADA DE TRABALHO E LOTAÇÃO.

ANEXO I FUNÇÕES, VAGAS, PRÉ-REQUISITOS, VENCIMENTOS, JORNADA DE TRABALHO E LOTAÇÃO. ANEXO I FUNÇÕES, VAGAS, PRÉ-REQUISITOS, VENCIMENTOS, JORNADA DE TRABALHO E LOTAÇÃO. Cargos/ Área de Atuação Hs/ Sem Nº de Vagas Nº de Vagas LOTAÇÃO Pré-Requisitos/ Escolaridade Vencimento Básico R$ Comuns

Leia mais

ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ

ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ ASSESSOR JURIDICO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N. 001/2013 A PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ, ESTADO DO RONDÔNIA,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAGUARI SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAGUARI SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 006/2010, DE 12 DE JULHO DE 2010. ARAGUARI MINAS GERAIS 1 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 006/2010 A Prefeitura Municipal de Araguari MG, através

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA O Diretor Presidente do Departamento Municipal de Eletricidade de Poços de Caldas DME-PC, no uso de suas atribuições, considerando

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SERRA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE SAÚDE EDITAL Nº. 005/2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE SERRA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE SAÚDE EDITAL Nº. 005/2015 PREFEITURA MUNICIPAL DE SERRA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE SAÚDE EDITAL Nº. 005/2015 A Prefeitura Municipal da Serra, usando de suas atribuições legais por meio das Secretarias de Saúde e de

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE NAQUE/MG Edital de Abertura de Concurso Público nº 01/2007

PREFEITURA MUNICIPAL DE NAQUE/MG Edital de Abertura de Concurso Público nº 01/2007 ANEXO II PROGRAMA DE PROVA OBJETIVA DE MÚLTIPLA ESCOLHA CARGOS DE NÍVEL ELEMENTAR AUXILIAR DE OBRAS E SERVIÇOS, AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS, CARPINTEIRO, COVEIRO, MOTORISTA A/B, MOTORISTA D, OPERADOR DE

Leia mais

Edital de Abertura de Inscrição para o Programa Aprendiz da Prodeb.

Edital de Abertura de Inscrição para o Programa Aprendiz da Prodeb. Edital de Abertura de Inscrição para o Programa Aprendiz da Prodeb. O Presidente da Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia PRODEB, no uso de suas atribuições, em conformidade com disposto

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE EDITAL N 001/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE EXCEPCIONAL INTERESSE

Leia mais

MUNICÍPIO DE CAMPO ALEGRE-SC. SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL Nº 010/2013

MUNICÍPIO DE CAMPO ALEGRE-SC. SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL Nº 010/2013 MUNICÍPIO DE CAMPO ALEGRE-SC. SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL Nº 010/2013 O Município de Campo Alegre, Estado de Santa Catarina, conforme dispõe o Art. 37, inciso

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ Ladeira Laurindo José da Silva, 40 Queluz/SP CEP: 12.800-000 Tel.: (12) 3147.1405 / 3147.1396 Processo Seletivo Simplificado Edital nº 02/2013 Processo seletivo para preenchimento,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015 A Comissão Organizadora do Processo Seletivo, designada através da Portaria nº 096/2015, no uso de suas atribuições

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SENAI 02/2013 INTERNO

PROCESSO SELETIVO SENAI 02/2013 INTERNO PROCESSO SELETIVO 02/2013 INTERNO O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, Departamento Regional da Paraíba, torna pública a realização do Processo Seletivo Nº 02/2013 INTERNO destinado a selecionar

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DOS ESTADOS DE RONDÔNIA E ACRE -CRF-RO/AC

CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DOS ESTADOS DE RONDÔNIA E ACRE -CRF-RO/AC Edital nº02/2008 DO PROCESSO SELETIVO 02/2008 CRF/RO-AC DE 07 DE NOVEMBRO DE 2008 ABERTURA. A Presidente do Conselho Regional de Farmácia dos Estados de Rondônia e Acre, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

1.4. Toda menção a horário neste Edital terá como referência o horário de Brasília.

1.4. Toda menção a horário neste Edital terá como referência o horário de Brasília. Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica CEEE GT SELEÇÃO PÚBLICA - EDITAL 003/ 2010 CONTRATO DE APRENDIZAGEM - JOVEM APRENDIZ ABERTURA DE INSCRIÇÕES DE 03 A 12/11/2010. O Diretor Administrativo

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO Nº 030/2015

EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO Nº 030/2015 EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO Nº 030/2015 De acordo com o disposto no Regulamento de Processo Seletivo, devidamente registrado no 1º OFICIAL DE REGISTRO CIVIL DAS PESSOAS JURÍDICAS de Marília,

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE BIGUAÇU SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE BIGUAÇU SECRETARIA DE EDUCAÇÃO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº. 006/2015 - QUADRO RESERVA - A Secretária Municipal de Educação de Biguaçu, no uso de suas atribuições, comunica que estarão abertas, as inscrições para o Processo

Leia mais

Prefeitura do Município de Carapicuíba Estado de São Paulo

Prefeitura do Município de Carapicuíba Estado de São Paulo EDITAL Nº 0005/2011 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO A Comissão Permanente de Acompanhamento de Processos Seletivos do Município de Carapicuíba, nomeada pelo Decreto Municipal n.º 3.918 de 30 de setembro

Leia mais

FACULDADE DE CAMPINA GRANDE DO SUL M A N U A L D O C A N D I D A T O

FACULDADE DE CAMPINA GRANDE DO SUL M A N U A L D O C A N D I D A T O 1 FACULDADE DE CAMPINA GRANDE DO SUL M A N U A L D O C A N D I D A T O PROCESSO SELETIVO - INVERNO / 2014 Rua Profº Duílio Calderari, nº 600 Jardim Paulista CEP 83.430-000 Campina Grande do Sul PR. Fone:

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE TURVO/SC SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTES

PREFEITURA MUNICIPAL DE TURVO/SC SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTES PREFEITURA MUNICIPAL DE TURVO/SC SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTES EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ADMISSÃO DE PESSOAL EM CARÁTER TEMPORÁRIO PARA A SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

ESTADO DE SANTA CATARINA FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE pú DE OTACÍLIO COSTA, Estado de Santa Catarina, Fundo Público, inscrito no CNPJ sob nº 10.433.103/0001-07, com sede na Av. Vidal Ramos Jr, 228, Bairro Centro Administrativo, cidade de Otacílio Costa -

Leia mais

ABNER SANTOS MAGALHÃES 5821273 ADRIANA OLIVEIRA DOS SANTOS 456432280 CAMILA GIL DAMACENA 468135820 MICHELLY LEITE CAMPOS PINTO 496312534

ABNER SANTOS MAGALHÃES 5821273 ADRIANA OLIVEIRA DOS SANTOS 456432280 CAMILA GIL DAMACENA 468135820 MICHELLY LEITE CAMPOS PINTO 496312534 IRMANDADE DA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE SÃO PAULO Entidade Mantenedora ESCOLA DE ENFERMAGEM DA SANTA CASA Autorização de Funcionamento: Portaria 312 Publicada no D.O.E. 09.01.1993 Diretoria de Ensino

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Abre inscrição para o processo de seleção simplificado para contratação por tempo determinado visando atender a necessidade temporária de excepcional interesse

Leia mais

EDITAL 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - 001/2015 PROGRAMA JOVEM APRENDIZ

EDITAL 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - 001/2015 PROGRAMA JOVEM APRENDIZ EDITAL 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - 001/2015 PROGRAMA JOVEM APRENDIZ PERÍODO DE INSCRIÇÕES: de 03/08/2015 a 07/08/2015. O Diretor Presidente da Centrais Elétricas de Carazinho S.A. ELETROCAR,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SERRA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE SAÚDE EDITAL Nº. 002/2014

PREFEITURA MUNICIPAL DE SERRA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE SAÚDE EDITAL Nº. 002/2014 PREFEITURA MUNICIPAL DE SERRA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE SAÚDE EDITAL Nº. 002/2014 A Prefeitura Municipal da Serra, usando de suas atribuições legais por meio das Secretarias de Saúde e de

Leia mais

As áreas de atuação da Pediatria abaixo relacionadas, já estão com as bolsas definidas.

As áreas de atuação da Pediatria abaixo relacionadas, já estão com as bolsas definidas. FACULDADE DE MEDICINA EDITAL Nº 064/2011-FM/DTA. A FACULDADE DE MEDICINA DE BOTUCATU - UNESP torna público que, no período de 04 a 11 de novembro de 2011, somente através da Internet, estarão abertas as

Leia mais

EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 2009 HOSPITAL SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE JUIZ DE FORA

EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 2009 HOSPITAL SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE JUIZ DE FORA EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 2009 HOSPITAL SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE JUIZ DE FORA O Coordenador Geral da Comissão de Residência Médica - COREME, Dr. Cícero de Lima Rena, o Provedor Dr. José Carlos

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO - REGIÃO NORTE 2

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO - REGIÃO NORTE 2 DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO NORTE 2 Edital de Abertura de Inscrição Processo Seletivo Simplificado Regional para contratação de Agente de Organização Escolar/2015 A Comissão Especial de Contratação por

Leia mais

EDITAL N. 002/2013/FMS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE MEDICOS PROC- 311/2013

EDITAL N. 002/2013/FMS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE MEDICOS PROC- 311/2013 EDITAL N. 002/2013/FMS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE MEDICOS PROC- 311/2013 O, pessoa jurídica de direito público, inscrito no CNPJ sob o nº. 15.845.340/0001-90, estabelecido com sua

Leia mais

Estado da Bahia Prefeitura Municipal de Ilhéus Secretaria de administração PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 02/2015

Estado da Bahia Prefeitura Municipal de Ilhéus Secretaria de administração PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 02/2015 Estado da Bahia Prefeitura Municipal de Ilhéus Secretaria de administração PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 02/2015 A Comissão de Seleção, instituída através da Portaria n 140/2015, torna pública

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PESQUISADOR CIENTÍFICO LABORATÓRIOS DE INVESTIGAÇÃO MÉDICA HCFMUSP

CONCURSO PÚBLICO PESQUISADOR CIENTÍFICO LABORATÓRIOS DE INVESTIGAÇÃO MÉDICA HCFMUSP CONCURSO PÚBLICO PESQUISADOR CIENTÍFICO LABORATÓRIOS DE INVESTIGAÇÃO MÉDICA HCFMUSP Período de inscrições 04/08 a 05/09/08, das 8 às 16 horas Local de inscrições Serviço de Seleção do Hospital das Clínicas

Leia mais

EDITAL 020/13 TÉCNICO EM ENFERMAGEM COMPLEMENTAÇÃO TARDE PARA CANDIDATOS FORMADOS EM AUXILIAR EM ENFERMAGEM

EDITAL 020/13 TÉCNICO EM ENFERMAGEM COMPLEMENTAÇÃO TARDE PARA CANDIDATOS FORMADOS EM AUXILIAR EM ENFERMAGEM IRMANDADE DA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE SÃO PAULO Entidade Mantenedora ESCOLA DE ENFERMAGEM DA SANTA CASA Autorização de Funcionamento: Portaria 312 Publicada no D.O.E. 09.01.1993 Diretoria de Ensino

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA PMT SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS SEMA

PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA PMT SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS SEMA 0 PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA PMT SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS SEMA EDITAL DE SELEÇÃO PARA BOLSAS DO PROGRAMA SERVIDOR UNIVERSITÁRIO 2011 A Secretaria Municipal de Administração

Leia mais

3. As inscrições ficarão abertas no período de 11/11/2013 a 20/01/2014, às16 horas, exclusivamente no site do IBCC: www.ibcc.org.br.

3. As inscrições ficarão abertas no período de 11/11/2013 a 20/01/2014, às16 horas, exclusivamente no site do IBCC: www.ibcc.org.br. São Paulo, 01 de novembro de 2013. Instituto Brasileiro de Controle do Câncer - IBCC Edital Imagem 2013 O Centro de Estudos Prof. Dr. Sampaio Góes Junior do Instituto Brasileiro de Controle do Câncer torna

Leia mais

EDITAL E NORMAS DO CONCURSO DE SELEÇÃO DOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNOESTE

EDITAL E NORMAS DO CONCURSO DE SELEÇÃO DOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNOESTE EDITAL E NORMAS DO CONCURSO DE SELEÇÃO DOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNOESTE A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação da UNOESTE, faz saber que fará realizar nesta cidade de

Leia mais

CONCURSO INTERNO DE PROMOÇÃO DOS SERVIDORES DO SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTOS DE INDAIATUBA

CONCURSO INTERNO DE PROMOÇÃO DOS SERVIDORES DO SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTOS DE INDAIATUBA EDITAL Nº 001/2015 CONCURSO INTERNO DE PROMOÇÃO DOS SERVIDORES DO SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTOS DE INDAIATUBA O Presidente da Comissão para Processo de Promoção dos Servidores Municipais do Serviço

Leia mais

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Empresa: ELETROACRE

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Empresa: ELETROACRE PROGRAMA JOVEM APRENDIZ EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Empresa: ELETROACRE O SENAI - Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, com base na Lei nº 10.097/2000, no Decreto nº 5.598/2005, e nas Portarias

Leia mais

Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013

Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013 1 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013 José Carlos A. Amaral, Prefeito de Três Passos em exercício, no uso de suas atribuições legais, torna público a abertura

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA - EDITAL 001/2012

SELEÇÃO PÚBLICA - EDITAL 001/2012 SELEÇÃO PÚBLICA - EDITAL 001/2012 PROGRAMA JOVEM APRENDIZ PERÍODO DE INSCRIÇÕES: de 30/04/2012 a 04/05/2012. A Centrais Elétricas de Carazinho S.A. ELETROCAR, inscrita no CNPJ sob o nº 88.446.034/0001-55,

Leia mais

EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS DE APERFEIÇOAMENTO MULTIPROFISSIONAL SEGUNDO SEMESTRE DE 2015.

EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS DE APERFEIÇOAMENTO MULTIPROFISSIONAL SEGUNDO SEMESTRE DE 2015. EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS DE APERFEIÇOAMENTO MULTIPROFISSIONAL SEGUNDO SEMESTRE DE 2015. O torna público o Edital para os cursos de Aperfeiçoamento Multiprofissional, segundo semestre

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011 PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011 A Fundação de Educação Tecnológica e Cultural da Paraíba FUNETEC/PB, pessoa jurídica

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº. 033/2013 ENFERMEIRO (A) AMBULATORIAL

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº. 033/2013 ENFERMEIRO (A) AMBULATORIAL EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº. 033/2013 ENFERMEIRO (A) AMBULATORIAL O Superintendente do Centro de Estudos e Pesquisas Dr. João Amorim CEJAM torna público que estarão abertas no período de 0h00min de

Leia mais

Faculdade de Tecnologia do Amapá Portaria, MEC Nº 1.956, de 06/07/2004. VESTIBULAR 1º SEMESTRE DE 2015/Edital de 07/10/2014

Faculdade de Tecnologia do Amapá Portaria, MEC Nº 1.956, de 06/07/2004. VESTIBULAR 1º SEMESTRE DE 2015/Edital de 07/10/2014 Processo Seletivo 2015.1 - EDITAL N 003-2014/COPEVE A Faculdade de Tecnologia do Amapá - META, situada na Rua Pedro Siqueira, N 333, Jardim Marco Zero Macapá AP, faz saber que estarão abertas as inscrições

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GONÇALO DOS CAMPOS EDITAL DE RETIFICAÇÃO- II

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GONÇALO DOS CAMPOS EDITAL DE RETIFICAÇÃO- II PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GONÇALO DOS CAMPOS EDITAL DE RETIFICAÇÃO- II O Prefeito do Município de São Gonçalo dos Campos, Estado da Bahia, no uso de suas atribuições legais, retifica o Edital 001/2014

Leia mais

COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA

COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA EDITAL Nº 019/2013 - COREME A Comissão de Residência Médica (COREME) da Associação Beneficente Bom Samaritano, torna público que no período de 15 de Outubro de 2013 a 25 de Novembro de 2013, das 08h às

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MIRACATU

PREFEITURA MUNICIPAL DE MIRACATU EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 04/2009. DÉA FÁTIMA VIANA LEITE MOREIRA DA SILVA, Prefeita do Município de Miracatu, Estado de São Paulo, através do Departamento Municipal de Saúde, no uso de suas atribuições

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2012

EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2012 EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2012 A Diretora Presidente do SICOOB Credicenm, no uso de suas atribuições legais e em parceria com o Setor de Recursos Humanos da Cooperativa,

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO. EDITAL DE SELEÇÃO PARA TRANSFERÊNCIA Ano letivo de 2015

FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO. EDITAL DE SELEÇÃO PARA TRANSFERÊNCIA Ano letivo de 2015 EDITAL DE SELEÇÃO PARA TRANSFERÊNCIA Ano letivo de 2015 O Diretor da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo torna público, para conhecimento dos interessados, que estarão abertas, no período de

Leia mais

A - MODALIDADE DO PROCESSO SELETIVO Prova com 50 (cinquenta) questões, sob a forma de múltipla escolha, e uma Redação.

A - MODALIDADE DO PROCESSO SELETIVO Prova com 50 (cinquenta) questões, sob a forma de múltipla escolha, e uma Redação. EDITAL PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO 2016 De acordo com a Lei nº 9394/96 de 20/12/96, Portaria Normativa do MEC nº 40 de 12/12/2007 e/ou Regimento das Faculdades Unidas do Vale do Araguaia, MARCELO

Leia mais

PREFEITURA DE MONTES CLAROS SECRETARIA MUNCIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO

PREFEITURA DE MONTES CLAROS SECRETARIA MUNCIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO EDITAL nº 005/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA DA SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA, ESPORTE E JUVENTUDE A Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão,

Leia mais

EDITAL FMJ- 032/2011, de 21/6/2011 ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO CONCURSO VESTIBULAR DE 2012 MEDICINA

EDITAL FMJ- 032/2011, de 21/6/2011 ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO CONCURSO VESTIBULAR DE 2012 MEDICINA EDITAL FMJ- 032/2011, de 21/6/2011 ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO CONCURSO VESTIBULAR DE 2012 MEDICINA O Prof. Dr. ITIBAGI ROCHA MACHADO, Diretor da Faculdade de Medicina de Jundiaí, autarquia municipal de

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2014 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2014 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2014 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA 1. 0 - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Edital de Processo Seletivo Simplificado para contratação por prazo determinado. A Prefeitura

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DEPARTAMENTO DE GESTÃO DO TRABALHO E EDUCAÇÃO EM SAÚDE

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DEPARTAMENTO DE GESTÃO DO TRABALHO E EDUCAÇÃO EM SAÚDE EDITAL N 005/2013. PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DEPARTAMENTO DE GESTÃO DO TRABALHO E EDUCAÇÃO EM SAÚDE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATACÃO TEMPORÁRIA DE TÉCNICOS EM RADIOLOGIA

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBORIÚ SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO E ASSISTENCIA SOCIAL EDITAL Nº 001/2013

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBORIÚ SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO E ASSISTENCIA SOCIAL EDITAL Nº 001/2013 EDITAL Nº 001/2013 Abre inscrições e define normas para o Processo seletivo simplificado destinado a admissão de pessoal em caráter temporário para a formação de cadastro de reserva. O Município de Camboriú,

Leia mais

EDITAL Nº 01/2015 - PMI/SE/CE/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - PSS/01/2015

EDITAL Nº 01/2015 - PMI/SE/CE/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - PSS/01/2015 PREFEITURA MUNICIPAL DE IGUATU ADMINISTRAÇÃO FAZER MAIS PELOS QUE MAIS PRECISAM SECRETARIA DA EDUCAÇÃO COORDENADORIA DE ENSINO EDITAL Nº 01/2015 - PMI/SE/CE/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - PSS/01/2015

Leia mais

ANEXO II CONTEÚDO PROGRAMÁTICO NÍVEL SUPERIOR CARGO: ASSISTENTE SOCIAL, PSICÓLOGO, ENFERMEIRO, E MÉDICO.

ANEXO II CONTEÚDO PROGRAMÁTICO NÍVEL SUPERIOR CARGO: ASSISTENTE SOCIAL, PSICÓLOGO, ENFERMEIRO, E MÉDICO. ANEXO II CONTEÚDO PROGRAMÁTICO NÍVEL SUPERIOR CARGO: ASSISTENTE SOCIAL, PSICÓLOGO, ENFERMEIRO, E MÉDICO. I - PORTUGUÊS Interpretação de textos. Escrita: Morfologia, Vocabulário; Ortografia Oficial; Pontuação;

Leia mais

UNI-FACEF - CONCURSO PÚBLICO EDITAL UNI-FACEF Nº 01/2005

UNI-FACEF - CONCURSO PÚBLICO EDITAL UNI-FACEF Nº 01/2005 UNI-FACEF - CONCURSO PÚBLICO EDITAL UNI-FACEF Nº 01/2005 A Reitora do Uni-FACEF Centro Universitário de Franca faz saber que fará realizar Concurso Público para formação de cadastro de reserva e preenchimento

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ SECRETARIA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO ECULTURA 19ª GERÊNCIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO CEMTI JOÃO HENRIQUE DE AL MEIDA SOUSA

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ SECRETARIA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO ECULTURA 19ª GERÊNCIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO CEMTI JOÃO HENRIQUE DE AL MEIDA SOUSA O Centro de Ensino Médio de Tempo Integral João Henrique de Almeida Sousa torna público aos interessados a abertura das inscrições do Exame Classificatório para preenchimento de vagas referentes à 1ª,

Leia mais

3.1. O número de vagas ofertadas por este Centro de Ensino Médio de Tempo Integral encontrase descrito no Anexo I, deste documento;

3.1. O número de vagas ofertadas por este Centro de Ensino Médio de Tempo Integral encontrase descrito no Anexo I, deste documento; O Centro de Ensino Médio de Tempo Integral João Henrique de Almeida Sousa torna público aos interessados a abertura das inscrições do Exame Classificatório para preenchimento de vagas referentes à 1ª e

Leia mais

EDITAL Nº. 71/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1

EDITAL Nº. 71/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 EDITAL Nº. 71/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 O Diretor Superintendente das Faculdades Alves Faria ALFA, no uso de suas atribuições regimentais e em acordo com a Lei nº. 9394/1996 das Diretrizes e Bases

Leia mais

Pref e i t u r a M u n i c i p a l d e S a n t o E x p e d i t o

Pref e i t u r a M u n i c i p a l d e S a n t o E x p e d i t o ANEXO II DO CONCURSO PÚBLICO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ENSINO SUPERIOR Para os Cargos de: 01. Médico PSF, 02. Médico I, 03. Médico II. 01. MÉDICO PSF Programa: I. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 01. Abordagem

Leia mais

EDITAL N º 004 / 2010

EDITAL N º 004 / 2010 EDITAL N º 004 / 2010 O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, do Município de Videira, no uso de suas atribuições legais e considerando a possibilidade de contratação temporária por excepcional interesse público,

Leia mais

EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 01 CONCURSO PÚBLICO - EDITAL Nº 01/2014

EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 01 CONCURSO PÚBLICO - EDITAL Nº 01/2014 EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 01 CONCURSO PÚBLICO - EDITAL Nº 01/2014 O Prefeito do município de Motuca, Estado de São Paulo, no uso das atribuições que lhe são conferidas pela legislação em vigor, torna público

Leia mais

EDITAL Nº 005/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

EDITAL Nº 005/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL Nº 005/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO O MUNICÍPIO DE CONQUISTA, representado pela Exma. Sra. Prefeita Municipal, VÉRA LÚCIA GUARDIEIRO, no uso de suas atribuições legais, em cumprimento às

Leia mais

Temas para o Concurso de Residência Médica do Hospital Regional de Presidente Prudente I - Clínica Médica

Temas para o Concurso de Residência Médica do Hospital Regional de Presidente Prudente I - Clínica Médica Temas para o Concurso de Residência Médica do Hospital Regional de Presidente Prudente I - Clínica Médica 01 Demências; 02 Depressão; 03 Hipertensão Arterial Sistêmica Primária e Secundária; 04 Infecções

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PÚBLICO Nº 01/2015

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PÚBLICO Nº 01/2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PÚBLICO Nº 01/2015 O Município de Vassouras, através da Comissão de Processo Seletivo Simplificado, designada pela Portaria n.º 193/2015, torna público que estarão

Leia mais

reais) perante geração de boleto bancário no endereço eletrônico, referido no artigo 4º.

reais) perante geração de boleto bancário no endereço eletrônico, referido no artigo 4º. EDITAL (07/2015) E NORMAS DO CONCURSO DE SELEÇÃO DOS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNOESTE A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação - PRPPG da UNOESTE faz saber que fará realizar,

Leia mais

EDITAL GDG Nº 003/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO ESTÁGIO DE FORMAÇÃO NAS ÁREAS DE ESPECIALIDADES CLÍNICAS, CIRÚRGICAS E ÁREAS DE ATUAÇÃO 2015

EDITAL GDG Nº 003/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO ESTÁGIO DE FORMAÇÃO NAS ÁREAS DE ESPECIALIDADES CLÍNICAS, CIRÚRGICAS E ÁREAS DE ATUAÇÃO 2015 EDITAL GDG Nº 003/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO ESTÁGIO DE FORMAÇÃO NAS ÁREAS DE ESPECIALIDADES CLÍNICAS, CIRÚRGICAS E ÁREAS DE ATUAÇÃO 2015 Recomenda-se a leitura atenta de todo o Edital antes de realizar

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2014 EDITAL Nº 001

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2014 EDITAL Nº 001 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2014 EDITAL Nº 001 Abre inscrições para o processo seletivo simplificado destinado à contratação temporária de excepcional interesse público para funções de Professor

Leia mais

FACULDADE ESTÁCIO DE ALAGOAS FAL 2013.2 PROCEDIMENTOS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO DE DOCENTES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO E GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA

FACULDADE ESTÁCIO DE ALAGOAS FAL 2013.2 PROCEDIMENTOS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO DE DOCENTES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO E GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA FACULDADE ESTÁCIO DE ALAGOAS FAL 2013.2 PROCEDIMENTOS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO DE DOCENTES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO E GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA A FACULDADE ESTÁCIO DE ALAGOAS divulga processo seletivo

Leia mais

Prefeitura Municipal de Tapiratiba Estado de São Paulo

Prefeitura Municipal de Tapiratiba Estado de São Paulo EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO PÚBLICO PM TAPIRATIBA Nº 03/2009 A Prefeitura Municipal de Tapiratiba através da Gerência de Administração Superior, nos termos da legislação vigente, torna pública a abertura

Leia mais

EDITAL 001 DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 017/2014

EDITAL 001 DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 017/2014 EDITAL 001 DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 017/2014 Processo Seletivo para preenchimento de Vagas, em caráter temporário, no quadro de Pessoal na Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Lazer e Secretaria

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº. 002/2014 POR PROVA DE TÍTULOS

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº. 002/2014 POR PROVA DE TÍTULOS 1 PREFEITURA MUNICIPAL DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº. 002/2014 POR PROVA DE TÍTULOS A Secretária Municipal de Educação de Biguaçu, no uso de suas

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO PROCESSO SELETIVO 2016

MANUAL DO CANDIDATO PROCESSO SELETIVO 2016 MANUAL DO CANDIDATO PROCESSO SELETIVO 2016 FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE TANGARÁ DA SERRA - FAEST UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR DE TANGARÁ DA SERRA LTDA - UNISERRA EDITAL/VEST. Nº 03/15 PROCESSO SELETIVO AGENDADO

Leia mais

EDITAL Nº. 17/2015 PROCESSO SELETIVO 2016/1

EDITAL Nº. 17/2015 PROCESSO SELETIVO 2016/1 EDITAL Nº. 17/2015 PROCESSO SELETIVO 2016/1 O Diretor Superintendente da Faculdade Autônoma de Direito FADISP, no uso de suas atribuições regimentais e em acordo com a Lei nº. 9394/1996 das Diretrizes

Leia mais

EDITAL VESTIBULAR FLORENCE AGENDADO SEMESTRE LETIVO 2016.1

EDITAL VESTIBULAR FLORENCE AGENDADO SEMESTRE LETIVO 2016.1 EDITAL VESTIBULAR FLORENCE AGENDADO SEMESTRE LETIVO 2016.1 EDITAL N 15 2016 PROCESSO SELETIVO 2016.1 A Diretora Geral do Instituto Florence de Ensino Superior, no uso de suas atribuições regimentais, torna

Leia mais

Câmara Municipal de Campina Verde Estado De Minas Gerais

Câmara Municipal de Campina Verde Estado De Minas Gerais A Câmara Municipal de Campina Verde torna público que estarão abertas inscrições ao Concurso Público de Provas para provimento de cargos vagos de seu Quadro Permanente nos termos do Plano de Cargos e Vencimentos

Leia mais

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CENTRO DE LÍNGUAS DE MARACANAÚ EDITAL N 01/2015

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CENTRO DE LÍNGUAS DE MARACANAÚ EDITAL N 01/2015 SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CENTRO DE LÍNGUAS DE MARACANAÚ EDITAL N 01/2015 Regulamenta a seleção para o Semestre I do Centro de Línguas de Maracanaú, período 2015.2. O Secretário de Educação de Maracanaú,

Leia mais

EDITAL Nº. 76/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1

EDITAL Nº. 76/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 EDITAL Nº. 76/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 O Diretor Superintendente da Faculdade Autônoma de Direito FADISP, no uso de suas atribuições regimentais e em acordo com a Lei nº. 9394/1996 das Diretrizes

Leia mais