Mirae Asset Global Investments Apresentação Institucional

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Mirae Asset Global Investments Apresentação Institucional"

Transcrição

1 Mirae Asset Global Investments Apresentação Institucional Janeiro de 2014 ESPECIALISTAS EM MERCADOS EMERGENTES

2 Sumário Grupo Financeiro Mirae Asset Expertise Global na Gestão de Investimentos Mirae Asset Global Investimentos (Brasil) Fundos de Investimento Locais Apêndice 2: Reconhecimentos e Trabalho Social

3 1. Grupo Financeiro Mirae Asset 3

4 Grupo Financeiro Mirae Asset A Mirae Asset Financial Group é uma organização financeira independente com atuação em diversos setores do mercado financeiro, que incluem gestão de recursos, atividades de banco de investimentos e seguradora. Somos líderes no segmento de serviços financeiros na Ásia. Com nossa tradição única de empreendedorismo, utilizamos nossa expertise em mercados emergentes para proporcionar oportunidades de investimento excepcionais aos nossos clientes. Mirae Asset Financial Group Mirae Asset Global Investments Fundos de Investimento ETFs Investimentos alternativos Mirae Asset Securities Wealth Management Banco de Investimento Corretora de Valores Mirae Asset Life Insurance Seguros de Vida Previdência Privada 4

5 Nossa Missão Buscamos aproveitar da nossa presença global e expertise em mercados emergentes, com o objetivo de contribuir para o sucesso na gestão de investimentos dos nossos clientes e criação de riqueza. 5

6 Plataforma Diversificada de Produtos Mirae Asset Global Investments é o braço de gestão de investimentos do Grupo e exerce a atividade fundamental de investimentos nos mercados emergentes onde atuamos. Trabalhamos toda nossa plataforma de serviços financeiros com foco na geração de resultados aos nossos clientes. Mirae Asset Global Investments PL Total US$ 58.9bi Global Business Unit Ações / Balanceados Renda Fixa ETFs Multimercados / Hedge Funds Investimento Imobiliário 1) Private Equity 1) Infra- Estrutura 1) Patrim. Liq. US$23.7bi US$19.0bi US$8.1bi US$2.3bi US$3.1bi US$1.5bi US$1.2bi Profissionais de Inv ) Total investido em Ativos (imobiliário, private equity e infra-estrutura) Comercial & Marketing / Operacional / Gerenciamento de Risco / Compliance / T.I. / Administrativo Dados até 30/10/2013 6

7 Nossa História 2013 Lançamento do fundo de índice S&P 500 Covered Call ETF, primeiro ETF lançado pela Horizons nos EUA 2013 Lançamento do fundo de índice CSI300 Enhanced, primeiro fundo lançado com a parceria na China 2012 Lançamento do primeiro ETF reverso listado na bolsa Australiana (ASX) pela BetaShares ETFs 2012 Abertura da Mirae Asset Huachen Fund Management, a primeira parceria de gestão de investimentos entre Coreia e China 2011 Aquisição de Gestora de ETF s no Canadá: Horizons ETFs 2011 Mirae Asset Private Equity finaliza a aquisição da Acushnet, dona das marcas de equipamentos de golfe Titleist / Footjoy 2011 Taiwan: Aquisição de gestora de recursos chinesa 2010 Lançamento dos fundos domiciliados nos Estados Unidos 2008 Abertura dos escritórios nos EUA e Brasil 2008 Lançamento dos fundos SICAV domiciliados em Luxemburgo 2007 Lançamento dos ETF s TIGER 2006 Mirae Asset Securities passa a ser listada na bolsa da Coreia do Sul(KSE) 2005 Abertura da Mirae Asset Life Insurance por meio da aquisição da SK Life Insurance 2004 Pioneirismo: Lançamento do primeiro fundo Imobiliário e Private Equity da indústria coreana 2003 Abertura do 1º escritório global em Hong Kong 1999 Abertura da Mirae Asset Securities 1998 Pioneirismo: Lançamento do 1º fundo de Investimentos da indústria coreana 1997 Abertura da Mirae Asset Global Investments 7

8 Presença Global Contamos com presença local em mercados estrategicamente selecionados nos quais investimos, possibilitando uma extensa rede de contatos por todos os mercados emergentes. REINO UNIDO CHINA CORÉIA DO SUL CANADÁ TAIWAN ESTADOS UNIDOS ÍNDIA HONG KONG COLÔMBIA VIETNÃ AUSTRÁLIA BRASIL 8

9 Equipe de Investimentos Global Parte do nosso sucesso vem da presença local com equipes de investimento e pesquisa espalhadas pelos principais mercados emergentes. Nosso objetivo é oferecer estratégias de investimentos diferenciadas, criteriosamente selecionadas e com performance consistente. Profissionais de Investimento na Asia Total: 103 (70 Gestores e 33 Analistas) Profissionais de Investimento nas Americas Total: 23 (14 Gestores e 9 Analistas) 9

10 Expertise e Independência na Gestão de Investimentos Distribuição do Patrimônio por Classes de Ativos Ações Renda fixa Balanceados ETFs Imobiliário Private Equity Multimercados / HF s Infra-estrutura Outros 14% 14% 4% 2%2% 2% 5% Total AUM USD 56.3bn 30% 27% A Mirae Asset Global Investments estabeleceu uma extensa equipe de pesquisa espalhada pelos principais mercados emergentes pois acredita que o crescimento e desenvolvimento dessas economias têm base fundamentalista e sustentável. Como um dos maiores investidores em mercados emergentes, nosso objetivo é oferecer aos nossos clientes estratégias de investimento diferenciadas e performance consistente. Investimentos em Ações por Mercado 1) 14% Mercados EM Emergentes 1 s DMercados s Desenvolvidos 86% Herança Cultural Fundada na Ásia, nossas raízes estão nos mercados emergentes. Profundo entendimento das culturas locais e da dinâmica das economias nas quais investimos. Liderança em investimento nos mercados emergentes O total de ativos sob gestão do grupo é de US$ 56,3 bi* Um dos maiores gestores em Ações de Mercados Emergentes no mundo. 1) Coreia do Sul incluída como Mercado Emergente Dados até 30/06/

11 Pioneirismo na Indústria Sul Coreana A Mirae Asset Global Investments foi a 1º empresa a lançar fundos de investimentos na Coreia do Sul, em Desde então, somos reconhecidos pelo pioneirismo na indústria de fundos coreana. Nossa herança cultural permanece e, atualmente, somos líderes não somente na gestão de investimentos tradicionais como Renda Fixa e Ações, mas também na gestão de investimentos alternativos. Market Share na indústria Coreana: Fundos de Ações (% Total de Ativos) Market Share na indústria Coreana: Fundos de Renda Fixa (% Total de Ativos) 32% 3% 3% 8% 10% 19% 12% 13% Mirae Asset Samsung Korea Investment KB Shinhan BNP Shinyoung Hana UBS Others 42% 5% 5% 6% 15% 6% 14% 7% Hanwha Mirae Asset Samsung KB Tongyang Kyobo AXA Woori Other Dados até 30/06/

12 Evolução do Portfolio de Produtos Visamos o desenvolvimento de produtos de investimento inovadores e lançamos produtos que se tornaram líderes em seus respectivos mercados. Continuaremos a perseguir nosso objetivo de encontrar oportunidades diferenciadas de investimento e produtos inovadores que atendam ou antecipem as necessidades de nossos clientes. Fundos de Ações em Mercados Emergentes / Asia Fundos de Renda Fixa Globais Fundos Imobiliários e de Private Equity Fundos SICAV (Luxemburgo) e Fundos nos EUA Parceria com o Japão Austrália / Canadá / ETFs em HK Mutual Funds ETFs Overseas Institutional Mandates Retirement Investment Real Estate Investments Private Equity + Asset Allocation Absolute / Total Return Customized Solutions Hedge Funds Income-Oriented 12

13 2. Expertise Global na Gestão de Investimentos 13

14 Fundos de Investimento Tradicionais US$ 40.0 bi de ativos sob gestão: Fundos de Ações US$ 15.1n Balanceados US$ 7.7bn Renda Fixa US$ 16.9bn 80 Profissionais de Investimento dedicados Desde o lançamento do nosso primeiro fundo de investimento em 1998, adotamos a estratégia de diversificar nossa oferta de produtos, estabelecendo uma rede global de profissionais de investimento especializados em seus respectivos mercados. Hoje somos um dos maiores gestores da Ásia com foco e expertise em mercados emergentes. Expertise na Gestão de Ações Renda Fixa Rigoroso Gerenciamento de Risco Adquirimos nossa expertise com base em análise bottom-up fundamentalista em busca de identificarmos oportunidades de investimento com vantagens competitivas sustentáveis em seus respectivos mercados. Nosso processo de investimento é fortalecido por uma equipe de pesquisa local e times de investimento localizados em países estratégicamente selecionados globalmente. Nossa abordagem em Renda Fixa oferece globalmente uma ampla plataforma de produtos com foco em países específicos, regiões ou global. Nosso processo de investimento está fundamentado em análise e pesquisa econômica nos países em que atuamos e se utiliza da sólida estrutura operacional e tecnológica proprietárias. Nosso rigoroso processo de gerenciamento de risco é parte essencial de nosso processo e filosofia de investimento. Nosso time de gerenciamento de risco adota os procedimentos necessários para avaliar com precisão o nivel de risco dos ativos em diferentes cenários. Dados até 30/06/

15 Plataforma Global de Produtos Fundos de Ações Ações Sector Leader ( Líderes de Segmentos ) Estratégia de investimento em empresas com alto potencial de crescimento, com foco nos líderes de segmentos de economias emergentes. Fundos de Renda Fixa Renda Fixa Global Oferta de produtos inovadores de Renda Fixa. Multimercados / Classes variadas Produtos com Foco em Renda Estratégias Globais e Merc. Emergentes Busca oportunidades de investimento de longo prazo que se beneficiem do aumento da renda nos mercados emergentes. GEM Sector Leader (HK, KR, US) Asia Sector Leader (HK, KR, US) China Sector Leader (HK, KR) India Sector Leader (HK, KR) Ações Great Consumer (Consumo Amplo ) Investimento sustentável de longo prazo com base na tendência de crescimento do consumo em países emergentes. Global Dynamic (US, HK, TW, KR) Global Emerging Opportunities (HK) GEM Local Currency (HK) Asia High Income Bond (TW) Emerging Market Bond (TW) IMA-B Renda Fixa Índices (BR) Global Income (KR) AP Dividend (HK, KR) Global Great Consumer (HK, JP, KR, US) GEM Great Consumer (HK, KR, US) Asia Great Consumer (HK, KR, TW, US) *US funds are 40 Act Mutual Funds. HK funds are UCITS Compliant SICAV funds. 15

16 ETFs - Exchange Traded Funds US$ 7.3bi de Ativos sob Gestão Passivos US$ 4.3bi Ativos US$ 1.8bi Alavancados/Inversos US$ 1.2bi 10 Profissionais de Investimento Lançamos nosso primeiro fundo ETF em 2007 com o objetivo de oferecer uma alternativa de investimento eficiente e com boa relação de custo x benefício aos nossos investidores. Nossa plataforma global de ETFs cresceu com aquisições estratégicas no Canadá e na Austrália, por meio da Horizons ETFs e BetaShares. 140 ETFs em 6 Mercados Canadá Horizons ETFs Colombia Horizons ETFs USA Horizons ETFs Coreia do Sul TIGER ETFs Austrália BetaShares ETFs Hong Kong Horizons ETFs PL: US$ 3.8bi 71 ETFs Um dos maiores gestores de ETFs ativos do mundo O ETF iniciou no 2º semestre de 2013 Dados até 30/06/2013, unless otherwise stated PL: US$ 16m 1 ETF Primeiro ETF lançado na NYSE em 24 de Junho de 2013 PL: US$ 2.8bi 45 ETFs A maior família de ETFs da Coreia do Sul PL: US$ 522m 13 ETFs Um dos gestores de ETF com maior expansão da Austrália PL: US$ 144m 10 ETFs Primeiro ETF lançado na Bolsa de Hong Kong em

17 Aquisições Estratégicas - ETFs Em 2011, Mirae Asset adquiriu a participação majoritária na Horizons ETFs Management Inc, líder na indústria canadense de gestão de ETF s (fundos de índices negociados em bolsa). Primeira empresa financeira coreana a adquirir uma empresa de gestão de investimentos na América do Norte Crescimento de mais de 50% em ativos sob gestão para aproximadamente US$ 4.3bi Destaques: Equipe de gestão altamente capacitada, com extensa rede de contatos na indústria e dinâmica empreendedora Horizons ETFs manteve participação minoritária de 15%, alinhando os interesses em busca de melhores resultados. Empresa serve como um marco para a futura expansão da nossa plataforma global de ETFs A aquisição impulsionou os planos de expansão da plataforma global de ETF s da Mirae Asset, acrescentando uma gama completa de produtos e uma equipe de gestão experiente e dedicada. Dados até 30/06/

18 3. Mirae Asset no Brasil 18

19 Princípios de Investimento Mirae Asset segue fielmente os princípios fundamentais de investimentos abaixo: 1. A Mirae Asset identifica a competitividade sustentável das empresas. 2. A Mirae Asset investe com uma perspectiva a longo prazo. 3. A Mirae Asset avalia riscos de investimento com retorno esperado. 4. A Mirae Asset valoriza abordagem de equipe na tomada de decisão. 19

20 Abordagem de Investimento em Ações Abordagem Bottom-Up: Seleção de Ações Adotamos análise fundamentalista Bottom-up em cada oportunidade de investimento para avaliar valor intrínseco e potencial futuro; Combinamos Análise Qualitativa e Quantitativa: nossa equipe busca identificar vantagens competitivas de longo prazo; Buscamos uma abordagem de equipe, focada nos fundamentos das empresas e em pesquisas de campo, para maximizar o resultado da Seleção de Ações. Abordagem Top-Down: Asset Allocation Complementamos a abordagem Bottom-Up com a abordagem Top-Down, buscando resultados ainda melhores e minimizando o risco de mercado ou do país O Comitê Global de Estratégia de Investimento valida um processo de decisão de investimento de forma estratégica, com base em análises das economias onde atuamos e seus possíveis impactos globais. 20

21 Processo de Investimento em Ações Buscamos retorno com base em rigoroso processo de investimento fundamentado em nosso trabalho em equipe, abordagem bottom-up e pesquisa de campo. Ações listadas Universo de Investimentos Universo de Investimentos Filtro feito pela Equipe de Investimentos Global, levando em consideração: Risco de Liquidez Risco Financeiro Gestão do Negócio Revisão Contínua & Controle de Risco Portfolio Modelo Universo de Investimentos Portfolio Modelo (Model Portfolio) Definido mensalmente pelo Comitê de Estratégia de Investimento Global (GIC): Visa maximizar o efeito da seleção de ações Utiliza modelos quantitativos Medir o potencial de crescimento Portfolio Modelo Portfolio real Construção do Portfolio O Gestor toma as decisões de investimento e constrói a carteira real: Aderência ao Portfolio Modelo monitorada pela área de Risco Concentração & Diversificação Decisões táticas 21

22 Equipe Local Nosso time conta com 16 profissionais no Brasil. Mirae Asset Global Investiments (Brasil) Diretor Presidente (CEO) Young Cheol Kim Investimentos (3) Risco & Operações (9) Marketing (2) Inv. Imobiliários (1) Gestão & Estratégia (2) Gerenciamento de Risco (2) Controladoria & Financeiro (2) Comercial & Produtos (1) Análise / Research (1) Compliance & Jurídico (1) Contabilidade (1) Produtos (1) T.I. (1) RH & Administrativo (1) Middle (1) 22 Dados referentes a novembro de 2013

23 Equipe de Investimentos Equipe de Gestão, Estratégia & Research Brasil Mirae Asset Brasil André Pimentel Otávio Aidar Head de Investimentos & Portfolio Manager Portfolio Manager & Estrategista TBA Analista / Research Mirae Asset Nova York Equipe de Gestão & Research América Latina Young Hwan Kim Deputy CIO & Head of Research Oliver Leyland, CFA Portfolio Manager and Senior Analyst Comitê de Estratégia de Investimentos Global (GIC) Comitê mensal de alocação estratégica global dos fundos geridos pelo grupo Composto pelos Chefes de Investimento e Pesquisa de todos os escritórios do grupo 23

24 Estrutura de Research Empresa avaliada de acordo com a competitividade, potencial de crescimento e valor. Abordagem de perspectiva a longo prazo em empresas baratas com competitividade sustentável Competitividade Crescimento Sustentável 03 Valor Atrativo 24

25 Ferramentas de Research Pesquisa Própria e de Terceiros Equipe de Research Visitas de empresas, telefonemas, conferências e reuniões. Contato e intermediário de corretora. Research independente de terceiros. Análise interna da empresa e da indústria 25

26 Fundos de Investimento Locais 26

27 Fundos de Investimento Locais Fundo Ações Dividendos Renda Fixa IMA-B Macro Strategy FIM MultiMercado Global MultiStrategy Referenciado DI Estratégia Fundo ativo, com foco em ações com elevado dividendo yield e ações com potencial de valorização. Tem como estratégia investir em títulos indexados à inflação. Proporcionar aos cotistas, no médio/longo prazo, rentabilidade compatível com os riscos assumidos, através de uma carteira diversificada, com a possibilidade de envolvimento em diversos fatores de risco. Alternativa de investimento em diferentes modalidades nos mercados de renda fixa, renda variável, moedas e/ou commodities e em mercados de derivativos como swaps, futuros, termo e opções relacionadas a diversos ativos. Obtenção retornos próximos aos do CDI, através de investimentos em títulos e modalidades operacionais que proporcionem baixos riscos de credito e de preço. Benchmark Ibovespa IMA-B CDI CDI CDI Taxa de Administração 2% a.a 0,3% a.a 1,50% a.a. Taxa de Performance 20% do que exceder o Ibovespa - 20% do que exceder o CDI 1,5% a.a (0,5% FIM + 1% FIC) 20% do que exceder o CDI 0,30% a.a. - Classificação Anbima Ações Dividendos Renda Fixa Índices Multimercado Macro Multimercado Multiestratégia Referenciado DI Classificação CVM Ações Renda Fixa Multimercado Multimercado Futuro Referenciado For Institutional Use Only 27

28 Fundos de Investimento Locais Mirae Asset Discovery Ações Dividendos 180% 140% Mirae Asset Discovery Ações Dividendos FI Ibovespa 100% 60% 20% -20% dez-08 mar-10 mai-11 ago-12 nov-13 Dez/13 Nov/13 Out/13 Set/13 Ago/13 Jul/ Meses Desde o início* Fundo -2,81% -2,30% 4,77% 5,06% -2,13% 1,86% -4,17% -4,17% 19,41% -2,99% 16,67% 120,40% 180,61% Ibovespa -1,86% -3,27% 3,66% 4,66% 3,68% 1,64% -15,50% -15,50% 7,40% -18,11% 1,04% 82,66% 28,94% Diferença -0,95% 0,97% 1,10% 0,40% -5,81% 0,22% 11,33% 11,33% 12,01% 15,12% 15,63% 37,74% 151,67% Taxa de Administração 2% a.a Classificação Anbima Ações Dividendos Taxa de Performance Público Alvo 20% a.a do que exceder a variação do Ibovespa Investidores em geral Benchmark Movimentação Ibovespa Aplicação: Cotização em D+1* Resgate: Cotização em D+1* / Pagamento em D+4* PL Médio últimos 12 Meses : R$ 6,87 Milhões. Inicio do fundo em 17 de Dez/2008 / Fonte: Mirae Asset Global Investimentos (Brasil) A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. * dias úteis 28 Em 25/07/2013 o fundo Mirae Asset Discovery Ações Dividendos FIA incorporou os fundos Mirae Asset Discovery Equity Focus Multim. FI e Mirae Asset Discovery Equity Focus II FIA.

29 Fundos de Investimento Locais 29

30 Fundos de Investimento Locais Mirae Asset Discovery Ações Dividendos Portfólio (12/2013) Alocação Setorial média no mês (Dezembro/13) Setor % do Portfólio Relação ao Índice 11% Energia 0,00 12,45 Outros 3,86 0,00 62% 16% 11% 13% ALPA4 AlpargatasPN N1 Ambev S/A DIRR3 Direcional Engenharia ON ARTR3 Arteris ON NM Sula11 Sul Americaunt N2 Consumo não cíclico 9,19 11,54 T.I. 2,54 1,88 Utilidade pública 13,48 7,89 Indústria 10,03 4,98 Materiais básicos 13,53 24,85 Telecom. 4,83 3,85 10% Outros Consumo cíclico 18,73 11,54 Financeiro 23,80 23,24 Performance Attribution por Setores (desde o inicio do fundo) Fundo (%) Ibovespa (%) Contribuição (%) 1, Consumo cíclico Consumo não cíclico Energia Financeiro Saúde Indústria T.I. Materiais básicos Outros Telecom. Utilidade pública 30 Em 25/07/2013 o fundo Mirae Asset Discovery Ações Dividendos FIA incorporou os fundos Mirae Asset Discovery Equity Focus Multim. FI e Mirae Asset Discovery Equity Focus II FIA.

31 Fundos de Investimento Locais Mirae Asset IMA-B Renda Fixa FI 50% Mirae Asset IMA-B Renda Fixa FI IMA-B CDI 45% 40% 35% 30% 25% 20% 15% 10% 5% 0% jun-11 jan-12 set-12 abr-13 nov-13 Dez/13 Nov/13 Out/13 Set/13 Ago/13 Jul/ Meses Desde o início* Fundo 1,30% -3,83% 0,90% 0,07% -2,77% 1,40% -10,66% -10,66% 27,40% 11,82% 27,27% IMA-B 1,31% -3,59% 0,91% 0,39% -2,61% 0,54% -10,02% -10,02% 26,68% 11,04% 26,57% Diferença -0,01% -0,24% -0,01% -0,31% -0,15% 0,87% -0,64% -0,64% 0,72% 0,78% 0,70% Taxa de Administração 0,30% a.a Classificação Anbima Renda Fixa Índices Taxa de Performance - Público Alvo Investidores em geral Benchmark Movimentação IMA-B Aplicação: Cotização em D+0* Resgate: Cotização em D+0* / Pagamento em D+1* * Inicio do fundo: 30 Junho PL Médio últimos 12 Meses: R$ 29,53 Milhões * Fonte: Mirae Asset Global Investimentos (Brasil) A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. 31

32 Fundos de Investimento Locais Mirae Asset Macro Strategy FIM Características Classificação ANBIMA: Multimercados Macro Risco: Diversas Classes de Ativos + Alavancagem Descrição: Os Fundos Multimercados Macro apresentam como principal característica a realização de operações em diversas classes de ativos. Estas classes de ativos são escolhidas através de estratégias de investimento baseadas em cenários macroeconômicos de médio e longo prazos, sendo que o fundo pode atuar de forma direcional e utilizar-se de instrumentos para alavancagem. Objetivo do Fundo O objetivo do fundo é proporcionar ao investidor uma performance próxima ao CDI. Este retorno deverá ser obtido com baixo risco de crédito e de mercado. Público Alvo O Fundo tem como público alvo investidores em geral que buscam obter, com base em cenários macroeconômicos de médio e longo prazo, rentabilidade compatível com os riscos assumidos por meio de uma carteira diversificada de títulos. Política de Investimento A política de investimento do Fundo consiste em buscar proporcionar aos cotistas rentabilidade compatível com os riscos assumidos por meio de uma carteira diversificada de títulos. Esta carteira baseia-se em cenários macroeconômicos de médio e longo prazo, podendo utilizar-se de valores mobiliários e modalidades operacionais dos mercados de renda fixa, moedas, commodities, renda variável e derivativos. Dada a ampla possibilidade de envolvimento em diversos fatores de risco, o Fundo não possui o compromisso de concentração em nenhum fator de risco ou ativo financeiro específico, possuindo liberdade de atuação dentro dos critérios de composição e diversificação estabelecidos nas normas em vigor e no Regulamento. Taxa de Administração 1,50% a.a Classificação Anbima Multimercado Taxa de Performance Público Alvo 20% do que exceder o CDI Investidores em geral Benchmark Movimentação CDI Aplicação: Cotização em D+0* Resgate: Cotização em D+1* / Pagamento em D+2* * Inicio do fundo: 29 Novembro * Fonte: Mirae Asset Global Investimentos (Brasil) * dias úteis 32

33 Fundos de Investimento Locais Mirae Asset Referenciado DI FI Características Classificação ANBIMA: Referenciado DI Risco: DI/Selic + Crédito Descrição: Fundos que objetivam investir, no mínimo, 95% do valor de sua carteira em títulos ou operações que busquem acompanhar as variações do CDI ou Selic, estando também sujeitos às oscilações decorrentes do ágio/deságio dos títulos em relação a estes parâmetros de referência. O montante não aplicado em operações que busquem acompanhar as variações destes parâmetros de referência deve ser aplicado somente em operações permitidas para os Fundos Curto Prazo. Objetivo do Fundo Proporcionar aos cotistas, no médio/longo prazo, rentabilidade compatível com os riscos assumidos, através de uma carteira diversificada, com a possibili dade de envolvimento em diversos fatores de risco. Desta forma, o fundo utiliza principalmente estratégias nos mercados de renda fixa, bolsa e câmbio. Além disso, também são utilizadas operações de arbitragem, primordialmente nos mercados de juros nominais. Público Alvo O Fundo tem como público alvo exclusivamente investidores qualificados que buscam acompanhar o referido indicador de desempenho. Política de Investimento A política de investimento do Fundo consiste em obter retornos próximos aos dos Certificados de Depósitos Interfinanceiro CDI, por meio de investimentos em títulos e modalidades operacionais que proporcionem baixos riscos de credito e de preço, com o objetivo de acompanhar o referido indicador de desempenho. Taxa de Administração 0,30% a.a Classificação Anbima Referenciado DI Taxa de Performance - Público Alvo Investidores em geral Benchmark Movimentação CDI Aplicação: Cotização em D+0* Resgate: Cotização em D+0* / Pagamento em D+1* * Inicio do fundo: 31 de julho de * Fonte: Mirae Asset Global Investimentos (Brasil) * dias úteis 33

34 Ranking de Índices Estratégias st IMA-B 19,85% IBOV 27,71% IBOV 32,93% IBOV 43,65% PTAX 31,95% IBOV 82,66% IMA-B 17,04% IMA-B 15,11% IMA-B 26,68% PTAX 14,64% 2 nd IBOV 17,81% IFM 19,59% IMA-B 22,09% IMA-B 14,04% IRFM 13,88% IMA-B 18,95% IRFM 11,87% IRFM 14,45% IRFM 14,30% DI 8,05% 3 rd DI 16,17% IRFM 19,54% IFM 20,54% DI 11,82% DI 12,37% IFM 17,46% DI 9,74% PTAX 12,58% IFM 13,18% IFM 7,29% 4 th IFM 16,02% DI 19,00% IRFM 18,30% IFM 11,27% IMA-B 11,03% IRFM 12,47% IFM 8,90% DI 11,59% PTAX 8,94% IRFM 2,61% 5 th IRFM 15,44% IMA-B 13,89% DI 15,05% IRFM 10,73% IFM 2,48% DI 9,90% IBOV 1,04% IFM 11,09% DI 8,41% IMA-B -10,02% 6 th PTAX -8,13% PTAX -11,82% PTAX -8,66% PTAX -17,16% IBOV -41,22% PTAX -25,50% PTAX -4,31% IBOV - 18,11% IBOV 7,40% IBOV --15,50% DI IRF-M IMA-B PTAX IBOV IFM : Depósito Interbancário (taxa média de juros praticada nos empréstimo entre bancos). : Índice de Renda Fixa do Mercado calculado para uma carteira teórica composta por títulos públicos federais prefixados (LTN e NTN-F). : Índice de Mercado Andima calculado para uma carteira teórica composta por títulos públicos federais atrelados ao IPCA (NTN-B). : Taxa que expressa à média das taxas de câmbio pratica no mercado interbancário. : Índice Ibovespa composto pelas ações de maior liquidez da bolsa de valores dos últimos 12 meses. : Índice de Fundos Multimercados calculado pela Risk Office representa o universo de fundos multimercados elegíveis no mercado brasileiro. 34

35 Apêndice Reconhecimentos e Trabalho Social 35

36 Reconhecimentos 2010 a Asia Fund Award, Best ETF Fund for Tiger 200 ETF By Asia Economic Daily Asia Fund Award, Best Fixed Income Fund By Asia Economic Daily BetaShares US Dollar ETF awarded 2012 Best of the Best, Best innovative product of the year By Money Magazine Horizons Morningstar Hedge Fund Index ETF awarded 2012 Best ETF Innovation Award By William F. Sharpe Mirae Asset India Opportunities Fund won the Best Fund of the Diversified Equity Funds 2012 By CNBC TV-18 CRISIL Mutual Fund Awards Best Retail House (Korea) & Best House for Offshore Funds By Asia Asset Management Best of Best Awards Chairman Hyeon Joo Park awarded The Best Financier award By KOFIA (Korea Financial Investment Association Best Korea Deal of the Year ( Acushnet ) By Finance Asia 2010 Harvard Business School selects Mirae Asset's story and the entrepreneurship of Chairman Hyeon Joo Park for a case study Asia Asset Management Best of Best Awards Best Retail House (Korea) / Best House for Offshore Funds / ETF Manager of the Year (MAPS) Chairman Hyeon Joo Park receives Entrepreneur of the Year By Ernst & Young 36

37 Reconhecimentos 2007 a Best Emerging Market Equities / Best Korea On-shore Fund House By Asian Investor Investment Performance Awards Best Retail House (Korea) By Asian Investor Investment Performance Awards Best House for Offshore Funds By Asia Asset Management Best of Best Awards 2008 Asia Investor 2008 Achievement Awards By Korea equities One-year performance Best Asset Management Company By Mae-il Business Newspaper Asset Management-Gold Prize By Mae-il Newspaper Best Fund-China Solomon By Joongang Newspaper 2007 CEO of the Year (H. J. Park) By Mae-Kyung Economy Best Asset Manager / Best Fund By Money Today, Morning Star Fund Grand Prize Best Asset Management (Equity) By KRX Asia Investor 2007 Achievement Awards By Korea Fund House 37

38 Responsabilidade Social Criando um mundo melhor Mirae Asset ajudou mais de estudantes desde 2000 por meio de diversas plataformas que incluem a Fundação Hyeon Joo Park e o Fundo de Bolsas de Estudos Mirae Asset. Continuamos nossos esforços para criar um mundo melhor para as crianças, nossos clientes e a sociedade. 38

39 Obrigado A Mirae Asset Global Investimentos (Brasil) não comercializa nem distribui quotas de fundos de investimento ou qualquer outro ativo financeiro. As informações contidas neste material não constituem uma oferta ou recomendação para compra ou venda de quotas de qualquer fundo de investimento, nem deve servir como base para tomada de decisões de investimento ou de quaisquer outros valores mobiliários. Fundos de investimento não contam com a garantia da instituição administradora, do gestor da carteira ou do FGC - Fundo Garantidor de Créditos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura. Ao aplicar seus recursos é recomendada a leitura cuidadosa do Prospecto e do Regulamento do Fundo. Estes fundos poderão apresentar perdas de capital investido em decorrência da sua política de investimento. A rentabilidade divulgada é liquida da taxa de administração e performance porém não é líquida de impostos. Para os fundos: 1 e 3: Estes fundos utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em significativas perdas patrimoniais para seus cotistas. Para os fundos: 2 e 4 : Estes fundos utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em significativas perdas patrimoniais para seus cotistas, podendo inclusive acarretar perdas superiores ao capital aplicado e a conseqüente obrigação do cotista de aportar seus recursos adicionais. Para os fundos: 1, 2, 3 e 4: Estes fundos podem estar expostos a significativa concentração em ativos de renda variável de poucos emissores, com os riscos daí recorrentes. 1. Mirae Asset Discovery Ações Dividendos FIA: Tx. Adm.: 2% (Tx. Mín. 2%aa. e Tx. Máx. 3%aa); Tx. Perf.: 20% s/ ibov;. Cotiz. e Pagto.: Aplic.: D+1 / Resg. D+1 / D+4 / Em 25/07/2013 o fundo Mirae Asset Discovery Ações Dividendos FIA incorporou os fundos Mirae Asset Discovery Equity Focus Multim. FI e Mirae Asset Discovery Equity Focus II FIA. 2. Mirae Asset Long&Short FICFI Multimercado: Tx. Adm.: 1,5 % (Tx. Mín. 1,5%aa. e Tx. Máx. 1,75%aa); Tx. Perf.: 20% s/ CDI; Cotiz. e Pagto.: Aplic.: D+1 / Resg. D+1 / D+4 3. Mirae Asset IMA-B FI Renda Fixa: Tx. Adm.: 0,3% (Tx. Mín. 0,3%aa. e Tx. Máx. 0,5%aa); Cotiz. e Pagto.: Aplic.: D+0 / Resg. D+0 / D+1; Público Alvo para todos os fundos: Investidores em geral. 4. Mirae Asset Multi Strategy FICFI: Tx. Adm.: 1,50% (Tx. Mín. 1,50%aa. e Tx. Máx. 2,00%aa); Tx. Perf.: 20% s/ CDI; Cotiz. e Pagto.: Aplic.: D+0 / Resg. D+3 / D+4; Público Alvo para todos os fundos: Investidores em geral. Em 25/07/2013 o fundo Mirae Asset Discovery Ações Dividendos FIA incorporou os fundos Mirae Asset Discovery Equity Focus Multim. FI e Mirae Asset Discovery Equity Focus II FIA. A- Fonte: Mirae Asset e IPE (Investments Pensions Europe) Investing in Emerging and Frontier Equities Survey; Janeiro De acordo com a pesquisa divulgada pela IPE, dentre as Assets com mais de 100 MM sob gestão, a Mirae apresentou um dos ratios mais elevados: total de ativos investidos em Mercados Emergentes e de Fronteira/total mundial de ativos sob gestão. Para contatar o Administrador/Distribuidor Legal ligue para BNY Mellon Serviços Financeiros DTVM S.A - Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC): ou através dos telefones (021) ou (011) Ouvidoria: ou através do telefone Mirae Asset Global Investments (Korea) East Tower 36F, Mirae Asset CENTER1 Bldg, 67, Suha-dong, Jung-gu, Seoul, Korea ( ) Tel Mirae Asset Global Investments (Hong Kong) Level 15, Three Pacific Place, 1 Queen s Road East, Hong Kong, HK Tel Mirae Asset Global Investments (United Kingdom) 4-6 Royal Exchange Buildings, London, EC3V 3NL Tel Mirae Asset Global Investments (USA) 1 Bryant Park, 39 th Floor, New York, NY, 10036, USA Tel Mirae Asset Global Investments (Taiwan) 6F, No. 42, Zhongshan N. St, Taipei city 10445, Taiwan Tel Horizons ETFs Management (Canada) 26 Wellington Street E., Suite 700/608, Toronto, Ontario, M5E 1S2 Tel Horizons ETFs Management (Latam) 1 Bryant Park, 39 th Floor, New York, NY, 10036, USA Tel Mirae Asset Global Investments (India) Unit No. 606, 6 th Floor, Windsor Building Off. C.S.T Road, Vidyanagari Marg. Kalina, Sanatacruz (East), Mumbai, , India Tel Mirae Asset Global Investments (Brazil) Rua Olimpiadas, 194/200, 12 andar, CJ 121 Vila Olimpia São Paulo SP Brazil. CEP Tel Mirae Asset Global Investments (China) 5 th Floor, Mirae Asset Tower, 166 Lujiazui Ring Road, Pudong, Shanghai, China, Tel Mirae Asset Global Investments (Ho Chi Minh City Rep Office) Gemadept Building, Suite 1803, 6 Le Thanh Ton, District 1, HCM City, Vietnam Tel. +84-(0) BetaShares Exchange Traded Funds (Australia) 50 Margaret Street, Sydney New South Wales, 2129 AU Tel Horizons ETFs Management (USA) 1 Bryant Park, 39 th Floor, New York, NY, 10036, USA Tel Horizons ETF Management (Latam) (Colombia Rep Office) Carrera 7 # Torre B Oficina 1501 Bogotá, Colombia Tel

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional 3 A SULAMERICA VOCÊ JÁ CONHECE 116 anos no mercado 4.947 funcionários 6,7 milhões de clientes 54 filiais 35 C.A.S.A.s Maior grupo segurador independente

Leia mais

Oportunidades de Investimento no Exterior

Oportunidades de Investimento no Exterior Oportunidades de Investimento no Exterior Junho 2015 Fund of Funds Informação Confidencial Política Corporativa de Segurança da Informação Disclaimer O fundo local discutido neste material se encontra

Leia mais

BTG Pactual. Administração de Fundos Agosto 2012. Para informações adicionais, favor observar a página ao final desta apresentação.

BTG Pactual. Administração de Fundos Agosto 2012. Para informações adicionais, favor observar a página ao final desta apresentação. BTG Pactual Administração de Fundos Agosto 2012 Para informações adicionais, favor observar a página ao final desta apresentação. Histórico do BTG Pactual 2012 Aquisição da Celfin Capital no Chile 1983-86

Leia mais

O ETF como instrumento na gestão de recursos:

O ETF como instrumento na gestão de recursos: O ETF como instrumento na gestão de recursos: Agosto de 2013 Tendências e Oportunidades no Brasil e no mundo. Informação Pública Política Corporativa de Segurança da Informação Conteúdo Utilização de ETFs

Leia mais

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional AGENDA 3 SUL AMÉRICA INVESTIMENTOS Processos de investimento Produtos Informativos e boletins 4 A SULAMERICA VOCÊ JÁ CONHECE 116 anos no mercado 4.947

Leia mais

Investimentos para Investidores Institucionais Fernando Lovisotto

Investimentos para Investidores Institucionais Fernando Lovisotto Investimentos para Investidores Institucionais Fernando Lovisotto Importante: Este documento não constitui uma opinião ou recomendação, legal ou de qualquer outra natureza, por parte da Vinci Partners,

Leia mais

A presente Instituição aderiu ao Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para os Fundos de Investimento. CARACTERÍSTICAS HG Verde Fundo de Investimento Multimercado FUNDO de Investimento em Cotas

Leia mais

Apresentação GAP Multiportfolio

Apresentação GAP Multiportfolio Apresentação GAP Multiportfolio Estrutura GAP ASSET MANAGEMENT Renda Fixa Renda Variável Pesquisa Macroeconômica Crédito Risco Portfolio Manager Leonardo Callou Oscar Camargo Renato Junqueira Portfolio

Leia mais

EXCLUSIVO E CONFIDENCIAL

EXCLUSIVO E CONFIDENCIAL EXCLUSIVO E CONFIDENCIAL Por que GTI? Alinhamento Partnership Modelo de negócio participativo, meritocrático e com total alinhamento de interesse entre sócios e investidores Equipe experiente oriunda de

Leia mais

Processo de Seleção de Gestores e Fundos

Processo de Seleção de Gestores e Fundos Processo de Seleção de Gestores e Fundos Fórum ANCEP 2013 Mercado Brasileiro de Fundos de Investimentos Classificação ANBIMA Fundos Classificação Anbima Fundos Ações Dividendos 55 Investimentos no Exterior

Leia mais

A presente Instituição aderiu ao Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para os Fundos de Investimento. CARACTERÍSTICAS HG Verde Fundo de Investimento Multimercado FUNDO DE INVESTIMENTO EM COTAS

Leia mais

Relatório Mensal Dezembro de 2015

Relatório Mensal Dezembro de 2015 Relatório Mensal Relatório Mensal Carta do Gestor O Ibovespa teve um desfecho melancólico no ultimo mês de 2015, fechando com queda de 3,92% e acumulando uma retração de 13,31% no ano. O cenário econômico

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL. Julho 2010 APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL. Julho 2010 APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL Edge Investimentos Ltda. Av. Ayrton Senna 3000 Bloco 2 324 Rio de Janeiro RJ Tel: +55 (21) 2421-4262 www.edgeinvestimentos.com.br Administrador/ Distribuidor:

Leia mais

BNY Mellon ARX Extra FIM. Julho, 2013

BNY Mellon ARX Extra FIM. Julho, 2013 BNY Mellon ARX Extra FIM Julho, 2013 Índice I. Filosofia de Investimento II. Modelo de Tomada de Decisão III. Processo de Investimento IV. Características do Fundo 2 I. Filosofia de Investimento Filosofia

Leia mais

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional. Novembro/2011

SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional. Novembro/2011 SULAMERICA INVESTIMENTOS Apresentação Institucional Novembro/2011 3 A SULAMERICA VOCÊ JÁ CONHECE 116 anos no mercado 4.925 funcionários 6,7 milhões de clientes 45 filiais 256 escritórios de venda Maior

Leia mais

BRASIL PLURAL PREV FIC FIM

BRASIL PLURAL PREV FIC FIM BRASIL PLURAL PREV FIC FIM Agosto / 2013 Todos os direitos reservados para Icatu Seguros S/A - 2013. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida, arquivada ou transmitida de nenhuma forma ou por

Leia mais

A Indústria de Fundos de Investimento no Brasil. Luiz Calado Gerente de Certificação da ANBID

A Indústria de Fundos de Investimento no Brasil. Luiz Calado Gerente de Certificação da ANBID A Indústria de Fundos de Investimento no Brasil Luiz Calado Gerente de Certificação da ANBID A ANBID A ANBID Associação Nacional dos Bancos de Investimentos Criada em 1967, é a maior representante das

Leia mais

O Brasil Plural é um Grupo Financeiro fundado em 2009 que possui escritórios no Rio de Janeiro, São Paulo e Nova York. Nossos sócios possuem um amplo

O Brasil Plural é um Grupo Financeiro fundado em 2009 que possui escritórios no Rio de Janeiro, São Paulo e Nova York. Nossos sócios possuem um amplo O Brasil Plural é um Grupo Financeiro fundado em 2009 que possui escritórios no Rio de Janeiro, São Paulo e Nova York. Nossos sócios possuem um amplo histórico de sucesso no mercado de capitais brasileiro

Leia mais

Perfin Institucional FIC FIA

Perfin Institucional FIC FIA Perfin Institucional FIC FIA Relatório Mensal- Junho 2013 O fundo Perfin Institucional FIC FIA utiliza-se de análise fundamentalista para compor o seu portfólio, baseado no diferencial existente entre

Leia mais

Política e Alternativas de Investimentos. Alessandra Cardoso Towers Watson

Política e Alternativas de Investimentos. Alessandra Cardoso Towers Watson Política e Alternativas de Investimentos Alessandra Cardoso Towers Watson Processo de gestão de recursos Governança Definir Definição dos objetivos Alocação dos recursos Estrutura de investimento Executar

Leia mais

Fundos de Investimento

Fundos de Investimento Fundo de Investimento é uma comunhão de recursos, constituída sob a forma de condomínio que reúne recursos de vários investidores para aplicar em uma carteira diversificada de ativos financeiros. Ao aplicarem

Leia mais

Relatório Mensal - Novembro de 2013

Relatório Mensal - Novembro de 2013 Relatório Mensal - Relatório Mensal Carta do Gestor Depois de quatro meses consecutivos de alta, o Ibovespa terminou o mês de novembro com queda de 3,27%, aos 52.842 pontos. No cenário externo, os dados

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Dezembro/2014 BOGARI CAPITAL Quem somos Estratégia Alinhamento Recursos sob gestão Fundos de Pensão Gestora independente focada em renda variável, fundada em 2007 Ações long-only,

Leia mais

dt A presente Instituição aderiu ao Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para os Fundos de Investimento. CARACTERÍSTICAS HG Verde Fundo de Investimento Multimercado FUNDO DE INVESTIMENTO EM

Leia mais

APRESENTAÇÃO XP UNIQUE QUANT

APRESENTAÇÃO XP UNIQUE QUANT APRESENTAÇÃO XP UNIQUE QUANT SUMÁRIO 1. Histórico XP 2. Apresentação XPG 3. Organograma XPG 4. Equipe de Gestão Quant 5. XP Unique Quant. Metodologia de Análise. Conceitos Quantitativos. Estratégia. Exemplos

Leia mais

CSHG Verde AM Horizonte FIC FIM IE

CSHG Verde AM Horizonte FIC FIM IE CSHG Verde AM Horizonte FIC FIM IE MODELO DE GESTÃO Não está autorizada a distribuição deste material sob nenhuma hipótese. Este material foi preparado pela Verde Asset Management S.A., bem como suas sociedades

Leia mais

CSHG Crédito Privado Magis FIC FIM LP

CSHG Crédito Privado Magis FIC FIM LP CSHG Asset Management Comentários do gestor CSHG Crédito Privado Magis FIC FIM LP Setembro de 2014 1. Revisão do resultado do O obteve rentabilidade de (a) 1,01% (111,1% do ) no mês; (b) 8,44% (107,8%

Leia mais

A importância do asset allocation na otimização dos resultados

A importância do asset allocation na otimização dos resultados A importância do asset allocation na otimização dos resultados Joaquim Levy Diretor Superintendente da BRAM Cristiano Picollo Corrêa Portfolio Specialist da BRAM Agenda Introdução Estudo de Casos Caso

Leia mais

VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros. GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos

VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros. GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos 1 CENÁRIO ECONÔMICO Economia Internacional RECUPERAÇÃO Produção Industrial (total) 115.00 Revisões

Leia mais

CSHG Strategy II FIC FIA Comentário do Gestor

CSHG Strategy II FIC FIA Comentário do Gestor A presente Instituição aderiu ao Código ANBIMA de Regulação e Melhores Práticas para os Fundos de Investimento. CSHG Strategy II FIC FIA Comentário do Gestor Agosto 2010 Em Agosto, o fundo CSHG Strategy

Leia mais

Soluções em Investimentos RPPS

Soluções em Investimentos RPPS Soluções em Investimentos RPPS Março de 2012 Informação Restrita Política Corporativa de Segurança da Informação Agenda Por quê Itaú Asset Management? Cenário Econômico Produtos Informação Confidencial

Leia mais

FTIF Templeton Global Bond Fund

FTIF Templeton Global Bond Fund FTIF Templeton Global Bond Fund A ESTRATÉGIA Objetivo de investimento O FTIF Templeton Global Bond Fund busca maximizar o retorno total, com uma combinação de renda por juros, valorização de capital e

Leia mais

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS CAGEPREV - FUNDAÇÃO CAGECE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR POLÍTICA DE INVESTIMENTOS PLANO DE BENEFÍCIO DE CONTRIBUIÇÃO VARIÁVEL Vigência: 01/01/2013 a 31/12/2017 1. OBJETIVOS A Política de Investimentos tem

Leia mais

Informe Mensal Mai 12

Informe Mensal Mai 12 Informe Mensal Mai 12 Especial Institucional Tendências do Mercado Palavra do Gestor A Taxa Selic e a Bolsa de Valores Juros Até a última reunião do Banco Central, as expectativas para queda da Selic se

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - CONSERVADORA FIX

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - CONSERVADORA FIX BENCHMARK 100.00%CDI Relatório Gerencial Consolidado - Período de 01/04/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/04/2015 pg. 1 Posição Sintética dos Ativos em 30/04/2015 Financeiro % PL FUNDOS

Leia mais

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - MODERADA MIX 20

Posição e Desempenho da Carteira - Resumo HSBC INSTITUIDOR FUNDO MULTIPLO - MODERADA MIX 20 BENCHMARK RF:80.00% ( 100.00%CDI ) + RV:20.00% ( 100.00%IBRX 100 ) Relatório Gerencial Consolidado - Período de 01/04/2015 Posição e Desempenho da Carteira - Resumo a 30/04/2015 pg. 1 Posição Sintética

Leia mais

Constância NP. Em busca de valor AGOSTO 2015

Constância NP. Em busca de valor AGOSTO 2015 Constância NP Em busca de valor AGOSTO 2015 DISCLAIMER A CONSTÂNCIA NP não comercializa nem distribui cotas de fundos de investimentos ou qualquer outro ativo financeiro. As informações contidas neste

Leia mais

Constância NP. Em busca de valor JULHO 2015

Constância NP. Em busca de valor JULHO 2015 Constância NP Em busca de valor JULHO 2015 DISCLAIMER A CONSTÂNCIA NP não comercializa nem distribui cotas de fundos de investimentos ou qualquer outro ativo financeiro. As informações contidas neste material

Leia mais

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS

POLÍTICA DE INVESTIMENTOS CAGEPREV - FUNDAÇÃO CAGECE DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR POLÍTICA DE INVESTIMENTOS PLANO DE GESTÃO ADMINISTRATIVA Vigência: 01/01/2013 a 31/12/2017 1. OBJETIVOS A Politica de Investimentos tem como objetivo

Leia mais

a) mercados de derivativos, tais como, exemplificativamente, índices de ações, índices de preços, câmbio (moedas), juros;

a) mercados de derivativos, tais como, exemplificativamente, índices de ações, índices de preços, câmbio (moedas), juros; CREDIT SUISSE HEDGINGGRIFFO 1. Públicoalvo LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS dezembro/2013 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o CSHG EQUITY HEDGE LEVANTE FUNDO DE INVESTIMENTO

Leia mais

Santos, 30 de setembro de 2009

Santos, 30 de setembro de 2009 Santos, 30 de setembro de 2009 Estas são nossas primeiras impressões, comentário e observações quanto a Resolução 3790/09 que regula as aplicações financeiras dos RPPS: Valorização da elaboração da política

Leia mais

Relatório Mensal - Fevereiro de 2015

Relatório Mensal - Fevereiro de 2015 Relatório Mensal - Relatório Mensal Carta do Gestor O Ibovespa encerrou o mês de fevereiro com alta de 9,97%, recuperando as perdas do início do ano. Mesmo com o cenário macroeconômico bastante nebuloso

Leia mais

Sessão Especial de Asset Allocation. Vital Menezes

Sessão Especial de Asset Allocation. Vital Menezes Sessão Especial de Asset Allocation Vital Menezes Introdução ao Investimento no Exterior Os 3 Pilares do Investimento no Exterior Por que investir no exterior? 1 COMPOSIÇÃO DO BENCHMARK 2 CORRELAÇÃO E

Leia mais

BNY Mellon ARX Investimentos. Julho, 2013

BNY Mellon ARX Investimentos. Julho, 2013 BNY Mellon ARX Investimentos Julho, 2013 Agenda I. BNY Mellon II. BNY Mellon Investement Management III. BNY Mellon ARX Investimentos I. Overview II. Prêmios III. Estratégias IV. Biografias IV. Apêndice

Leia mais

Cenário Econômico como Direcionador de Estratégias de Investimento no Brasil

Cenário Econômico como Direcionador de Estratégias de Investimento no Brasil Cenário Econômico como Direcionador de Estratégias de Investimento no Brasil VII Congresso Anbima de Fundos de Investimentos Rodrigo R. Azevedo Maio 2013 2 Principal direcionador macro de estratégias de

Leia mais

Av. Ataulfo de Paiva, 245-3º andar Leblon CEP: 22440-032 www.animaeducacao.com.br/ri Rio de Janeiro Tel.: +55 (21) 3550-1630. www.genuscapital.com.

Av. Ataulfo de Paiva, 245-3º andar Leblon CEP: 22440-032 www.animaeducacao.com.br/ri Rio de Janeiro Tel.: +55 (21) 3550-1630. www.genuscapital.com. Av. Ataulfo de Paiva, 245-3º andar Leblon CEP: 22440-032 Rio de Janeiro Tel.: +55 (21) 3550-1630 www.genuscapital.com.br A EMPRESA A Genus Capital Group é uma gestora independente centrada em produtos

Leia mais

E-book de Fundos de Investimento

E-book de Fundos de Investimento E-book de Fundos de Investimento O QUE SÃO FUNDOS DE INVESTIMENTO? Fundo de investimento é uma aplicação financeira que funciona como se fosse um condomínio, onde as pessoas somam recursos para investir

Leia mais

FCLCapital. Junho 2015. www.fclcapital.com

FCLCapital. Junho 2015. www.fclcapital.com Junho 2015 www.fclcapital.com FCL Equities FIA Filosofia de Investimentos - Pág. 4 Estratégia Long-Biased - Pág. 5 Processo de Investimentos - Pág. 6 Gestão de Riscos - Pág. 10 1 Plano de Crescimento Plano

Leia mais

HSBC Smart Juros Aproveite o atual cenário de queda de juros e diversifique seus investimentos

HSBC Smart Juros Aproveite o atual cenário de queda de juros e diversifique seus investimentos HSBC Smart Juros Aproveite o atual cenário de queda de juros e diversifique seus investimentos Diante do atual cenário doméstico e internacional, os especialistas da HSBC Global Asset Management acreditam

Leia mais

PROGRAMA DE ATUALIZAÇÃO dos Profissionais Certificados pela ANBIMA CPA-10

PROGRAMA DE ATUALIZAÇÃO dos Profissionais Certificados pela ANBIMA CPA-10 PROGRAMA DE ATUALIZAÇÃO dos Profissionais Certificados pela ANBIMA CPA-10 Controle: D.04.10.04 Data da Elaboração: 10/11/2009 Data da Revisão: 30/09/2013 Elaborado por: Certificação ANBIMA Aprovado por:

Leia mais

Fundos de Investimento

Fundos de Investimento Gestão Financeira Prof. Marcelo Cruz Fundos de Investimento 3 Uma modalide de aplicação financeira Decisão de Investimento 1 Vídeo: CVM Um fundo de investimento é um condomínio que reúne recursos de um

Leia mais

Fundos de Investimentos Multimercado

Fundos de Investimentos Multimercado Fundos de Investimentos Multimercado Fundos de Investimento Definição condomínio que reúne recursos de um conjunto de investidores destinado à aplicação em títulos e valores mobiliários, em como quaisquer

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Visão Geral Administradora de Recursos Independente Fundada em 2001 por Luiz Carlos Mendonça de Barros. Diretor do BACEN, presidente do BNDES, Ministro das Telecomunicações e

Leia mais

VITER GEICO. Vice-Presidência de Gestão. Gerência Nacional de Investidores Corporativos

VITER GEICO. Vice-Presidência de Gestão. Gerência Nacional de Investidores Corporativos VITER Vice-Presidência de Gestão de Ativos de Terceiros GEICO Gerência Nacional de Investidores Corporativos CENÁRIOS ECONÔMICOS JUROS JUROS x INFLAÇÃO x META ATUARIAL Meta Atuarial = 6,00% + IPCA (FOCUS

Leia mais

Simulado CPA 10 Completo

Simulado CPA 10 Completo Simulado CPA 10 Completo Question 1. O SELIC é um sistema informatizado que cuida da liquidação e custódia de: ( ) Certificado de Depósito Bancário ( ) Contratos de derivativos ( ) Ações negociadas em

Leia mais

Relatório Mensal - Setembro de 2013

Relatório Mensal - Setembro de 2013 Relatório Mensal - Relatório Mensal Carta do Gestor O Ibovespa emplacou o terceiro mês de alta consecutiva e fechou setembro com valorização de 4,65%. Apesar dos indicadores econômicos domésticos ainda

Leia mais

BTG Pactual Asset Management

BTG Pactual Asset Management ESTRITAMENTE CONFIDENCIAL BTG Pactual Asset Management Janeiro, 2015 Abril, 2012 Para informações adicionais, leia atentamente os Avisos Adicionais no final da apresentação. Segmentos de Negócio Asset

Leia mais

BTG Pactual. Administração de Fundos Junho 2012. Para informações adicionais, favor observar a página ao final desta apresentação.

BTG Pactual. Administração de Fundos Junho 2012. Para informações adicionais, favor observar a página ao final desta apresentação. BTG Pactual Administração de Fundos Junho 2012 Para informações adicionais, favor observar a página ao final desta apresentação. Visão Geral do BTG Pactual Investment Banking Corporate Lending Sales &

Leia mais

Os fundos referenciados identificam em seu nome o indicador de desempenho que sua carteira tem por objetivo acompanhar.

Os fundos referenciados identificam em seu nome o indicador de desempenho que sua carteira tem por objetivo acompanhar. FUNDO REFERENCIADO DI Os fundos referenciados identificam em seu nome o indicador de desempenho que sua carteira tem por objetivo acompanhar. Para tal, investem no mínimo 80% em títulos públicos federais

Leia mais

Relatório Destaques da Plataforma XP Janeiro de 2013 XP Investimentos

Relatório Destaques da Plataforma XP Janeiro de 2013 XP Investimentos Relatório Destaques da Plataforma XP Janeiro de 2013 XP Investimentos Av. das Américas, 3434, Bl. 7, 2º andar, Rio de Janeiro RJ Tel.: 55 21 3265-3691 Prezados, É com muito prazer que enviamos o relatório

Leia mais

DESAFIOS PARA OS FUNDOS DE PENSÃO

DESAFIOS PARA OS FUNDOS DE PENSÃO DESAFIOS PARA OS FUNDOS DE PENSÃO Marcelo Rabbat e Tais Campos Importante: Este documento não constitui uma opinião ou recomendação, legal ou de qualquer outra natureza, por parte da Vinci Partners, e

Leia mais

PROGRAMA DE ATUALIZAÇÃO dos Profissionais Certificados pela ANBIMA CPA-10

PROGRAMA DE ATUALIZAÇÃO dos Profissionais Certificados pela ANBIMA CPA-10 PROGRAMA DE ATUALIZAÇÃO dos Profissionais Certificados pela ANBIMA CPA-10 Controle: D.04.10.05 Data da Elaboração: 10/11/2009 Data da Revisão: 14/05/2015 Elaborado por: Certificação ANBIMA Aprovado por:

Leia mais

CARTA MENSAL SulAmérica Total Return FI Ações Novembro 2014

CARTA MENSAL SulAmérica Total Return FI Ações Novembro 2014 CARTA MENSAL SulAmérica Total Return FI Ações Novembro 2014 Cenário Internacional Crescimento mundial: gradual e desequilibrado A economia mundial fecha 2014 com um desempenho não muito diferente daquele

Leia mais

Fundos de Investimento

Fundos de Investimento Fundos de Investimento Luiz Fernando Figueiredo Setembro de 2012 Fundos de Investimento Poupança CDBs Fundos de Investimento Ações Imóveis Pool de investidores que reúnem seus recursos e delegam a gestão

Leia mais

CSHG Equity Hedge FIC FIM

CSHG Equity Hedge FIC FIM CSHG Asset Management Comentários do gestor CSHG Equity Hedge FIC FIM Setembro de 2013 O CSHG Equity Hedge FIC FIM teve rentabilidade de 1,96% em setembro ante uma variação de 0,70% do CDI. Ao longo do

Leia mais

A estrutura de uma. de uma gestora de especialistas.

A estrutura de uma. de uma gestora de especialistas. A estrutura de uma grande asset e a agilidade de uma gestora de especialistas. Expertiseque faz a diferença Fundada em 2006, a Gestão de Recursos tem uma história de crescimento robusta e consistente.

Leia mais

Módulo V Fundos de Investimentos. De 13 a 15 Questões na prova (26% a 40%)

Módulo V Fundos de Investimentos. De 13 a 15 Questões na prova (26% a 40%) Módulo V Fundos de Investimentos De 13 a 15 Questões na prova (26% a 40%) 5 - Fundos de Investimentos Definições legais Tipos de Fundo Administração Documentos dos fundos Dinâmica de Aplicação e resgate

Leia mais

INFORMATIVO FUNDOS GALT FIA - FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES GERAL DIVIDENDO - FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES. Química 12% Papel e Celulose 8%

INFORMATIVO FUNDOS GALT FIA - FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES GERAL DIVIDENDO - FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES. Química 12% Papel e Celulose 8% Outubro de 2015 INFORMATIVO FUNDOS GALT FIA - FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES O Geral Asset Long Term - GALT FIA é um fundo de investimento que investe em ações, selecionadas pela metodologia de análise

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO- DEZEMBRO -2011

RELATÓRIO DE GESTÃO- DEZEMBRO -2011 O ano de 11 terminou sem grandes surpresas. Na tentativa de manter aquecido o mercado consumidor brasileiro, a taxa básica de juros, que chegou a 1,5% ao longo do ano, encerrou o período em 11%. O crescimento

Leia mais

FUNCEF DIRETORIA DE INVESTIMENTOS

FUNCEF DIRETORIA DE INVESTIMENTOS FUNCEF DIRETORIA DE INVESTIMENTOS Brasília 26/03/2015 2 Recebimento de contribuições: R$ 1.746 milhões; Pagamento de benefícios e pensões: R$ 2.086 milhões; Participantes: 137,0 mil ativos e assistidos;

Leia mais

Relatório Mensal - Junho de 2013

Relatório Mensal - Junho de 2013 Relatório Mensal - Relatório Mensal Carta do Gestor Junho foi mais um mês bastante negativo para o Ibovespa. O índice fechou em queda pelo sexto mês consecutivo impactado pela forte saída de capital estrangeiro

Leia mais

Perfin Long Short 15 FIC FIM

Perfin Long Short 15 FIC FIM Perfin Long Short 15 FIC FIM Relatório Mensal- Junho 2013 O Perfin LongShort 15 FICFIM tem como objetivo gerarretorno superior ao CDIno médio prazo. O fundo utiliza-se de análise fundamentalista eaestratégia

Leia mais

Divulgação de Resultados 1T15

Divulgação de Resultados 1T15 São Paulo - SP, 06 de Maio de 2015. A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private equity

Leia mais

RBC BRASIL DTVM LTDA. Confiança que faz a diferença

RBC BRASIL DTVM LTDA. Confiança que faz a diferença RBC BRASIL DTVM LTDA Confiança que faz a diferença Sobre o RBC Brasil O RBC Brasil (RBC Brasil DTVM Ltda) é uma subsidiária integral do Royal Bank of Canada, cuja história de atuação em nosso país remonta

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DA POLÍTICA DE INVESTIMENTO E RESUMO DO INFORMATIVO MENSAL DA BB GESTÃO DE RECURSOS DTVM Novembro/2014 1. Extrato Sintético das Aplicações FUNDOS RENDA FIXA SALDO 31.10.14 APLICAÇÃO

Leia mais

CONSELHO DE REGULAÇÃO E MELHORES PRÁTICAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO DELIBERAÇÃO Nº 58

CONSELHO DE REGULAÇÃO E MELHORES PRÁTICAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO DELIBERAÇÃO Nº 58 CONSELHO DE REGULAÇÃO E MELHORES PRÁTICAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO DELIBERAÇÃO Nº 58 O Conselho de Regulação e Melhores Práticas de Fundos de Investimento, no exercício das atribuições a ele conferidas

Leia mais

Transferência da administração de recursos e alocação de ativos para profissionais especializados;

Transferência da administração de recursos e alocação de ativos para profissionais especializados; Guia de Fundos de Investimento A CMA desenvolveu o Guia de Fundos de Investimento para você que quer se familiarizar com os princípios básicos do mercado financeiro, ou que tem interesse em aprofundar

Leia mais

Divulgação de Resultados 2014

Divulgação de Resultados 2014 São Paulo - SP, 10 de Fevereiro de 2015. A Tarpon Investimentos S.A. ( Tarpon ou Companhia ), por meio de suas subsidiárias, realiza a gestão de fundos e carteiras de investimentos em bolsa e private-equity

Leia mais

RISCOS DE INVESTIMENTO. Proibida a reprodução.

RISCOS DE INVESTIMENTO. Proibida a reprodução. Proibida a reprodução. A Planner oferece uma linha completa de produtos financeiros e nossa equipe de profissionais está preparada para explicar tudo o que você precisa saber para tomar suas decisões com

Leia mais

2ª Conferência de Investimentos Alternativos: FIDC, FII E FIP

2ª Conferência de Investimentos Alternativos: FIDC, FII E FIP 2ª Conferência de Investimentos Alternativos: FIDC, FII E FIP São Paulo, 21 de Agosto de 2013 Hotel Caesar Park Patrocínio SPX Capital Agosto 2013 Perspectivas Macroeconômicas Inflação acumulada em 12

Leia mais

BRASIL PLURAL GESTÃO DE RECURSOS Janeiro de 2015

BRASIL PLURAL GESTÃO DE RECURSOS Janeiro de 2015 BRASIL PLURAL GESTÃO DE RECURSOS Janeiro de 2015 GRUPO BRASIL PLURAL Brasil Plural Um banco múltiplo completo O Brasil Plural é um banco múltiplo com uma plataforma integrada de produtos e serviços financeiros.

Leia mais

XP UNIQUE QUANT FIC FEEDER FIM

XP UNIQUE QUANT FIC FEEDER FIM XP UNIQUE QUANT FIC FEEDER FIM O XP UNIQUE QUANT FIC FEEDER FIM é um Fundo Quantitativo que busca superar o CDI com operações sistemáticas nos mercados de Bolsa, juros e câmbio, através de modelos matemáticos

Leia mais

A P R E S E N TAÇ ÃO I N S T I T U C I O N A L

A P R E S E N TAÇ ÃO I N S T I T U C I O N A L A P R E S E N TAÇ ÃO I N S T I T U C I O N A L 2 0 1 4 Í N D I C E VISÃO GLOBAL A EMPRESA EQUIPE FILOSOFIA DE INVESTIMENTO NOSSOS FUNDOS CONTATOS 2 V I S Ã O G L O B A L A E M P R E S A A Log Fund é uma

Leia mais

Informe Mensal. Novembro 2013. XP Gestão de Recursos: Palavra dos Gestores. Índice. Palavra dos Gestores Renda Variável 1

Informe Mensal. Novembro 2013. XP Gestão de Recursos: Palavra dos Gestores. Índice. Palavra dos Gestores Renda Variável 1 Renda Variável No final do mês de Outubro, logo após o anuncio da Petrobras acerca da apresentação de uma possível fórmula para o reajuste automático dos combustíveis, em seu conselho de administração,

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O VIDA FELIZ FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES CNPJ 07.660.310/0001-81 OUTUBRO/2015

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O VIDA FELIZ FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES CNPJ 07.660.310/0001-81 OUTUBRO/2015 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o Vida Feliz Fundo de Investimento em Ações. As informações completas sobre esse fundo podem ser obtidas no Prospecto e no Regulamento do fundo,

Leia mais

Performance da Renda Fixa em 2013

Performance da Renda Fixa em 2013 Performance da Renda Fixa em 2013 Atualizado em outubro de 2013 Performance da Renda Fixa em 2013 O que tem acontecido com os investimentos em renda fixa? Desde o começo do ano temos visto o mercado de

Leia mais

Política Anual de Investimentos (PAI)

Política Anual de Investimentos (PAI) Política Anual de Investimentos (PAI) 2013 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 OBJETIVOS... 3 2.1 OBJETIVO GERAL... 3 2.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS... 3 3 VIGÊNCIA... 3 4 MODELO DE GESTÃO... 4 5 PROCESSO DE SELEÇÃO

Leia mais

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SPINELLI FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES CNPJ 55.075.238/0001-78 SETEMBRO/2015

LÂMINA DE INFORMAÇÕES ESSENCIAIS SOBRE O SPINELLI FUNDO DE INVESTIMENTO EM AÇÕES CNPJ 55.075.238/0001-78 SETEMBRO/2015 Esta lâmina contém um resumo das informações essenciais sobre o Spinelli Fundo de Investimento em Ações. As informações completas sobre esse fundo podem ser obtidas no Prospecto e no Regulamento do fundo,

Leia mais

Carta de Gestão Junho 2010

Carta de Gestão Junho 2010 Carta de Gestão Junho 2010 O mês de junho foi marcado pela continuidade no movimento de aversão a risco verificado em maio, a partir da divulgação de indicadores que começaram a apontar para uma desaceleração

Leia mais

MULTIMERCADOS PROSPECTO - JULHO DE 2015 FUNDO DE INVESTIMENTO

MULTIMERCADOS PROSPECTO - JULHO DE 2015 FUNDO DE INVESTIMENTO PROSPECTO Julho de 2015 PARNAMIRIM MULTIMERCADO CNPJ n o 09.274.058/0001-06 ADMINISTRADORA Daycoval Asset Management Adm de Recursos Ltda CNPJ: 72.027.832/0001-02 Registro CVM Ato Declaratório nº 8056,

Leia mais

CSHG Unique Comentário do Gestor

CSHG Unique Comentário do Gestor CSHG Unique Comentário do Gestor Outubro 2010 Para nós, essa é uma carta muito especial. Na busca por oferecer a melhor prateleira possível de produtos para nossos clientes, lançamos em 24 de setembro

Leia mais

Divulgação de Resultados Segundo Trimestre de 2015

Divulgação de Resultados Segundo Trimestre de 2015 Divulgação de Resultados Segundo Trimestre de 2015 Apresentação da Teleconferência 06 de agosto de 2015 Para informações adicionais, favor ler cuidadosamente o aviso ao final desta apresentação. Divulgação

Leia mais

POLÍTICA DE INVESTIMENTO

POLÍTICA DE INVESTIMENTO QUEM SOMOS Somos uma gestora independente de investimentos, totalmente alinhada com os interesses de nossos clientes. Os sócios possuem larga experiência no mercado financeiro, em diversas áreas de atuação.

Leia mais

ETF Exchange Traded Fund. Fevereiro 2015

ETF Exchange Traded Fund. Fevereiro 2015 ETF Exchange Traded Fund Fevereiro 2015 1 SUMÁRIO DESTAQUES INICIAIS VANTAGENS DO PRODUTO ESTATÍSTICAS MERCADO LOCAL ESTATÍSTICAS MERCADO INTERNACIONAL FUNCIONAMENTO DO PRODUTO ETF DE ÍNDICE ESTRANGEIRO

Leia mais

Demonstrativo de Investimentos

Demonstrativo de Investimentos Demonstrativo de Investimentos 2º Trimestre de 2013 Este relatório é de uso exclusivo dos órgãos de administração (Diretoria, Conselho Deliberativo e Conselho Fiscal) da SIAS. Diretoria Administrativa

Leia mais

Informe Mensal Especial Parcerias

Informe Mensal Especial Parcerias Informe Mensal Especial Parcerias Abr 13 Tendências do Mercado Juros No mês de março a inflação continuou no foco do mercado e do próprio Banco Central; o IPCA de fevereiro foi de 0,6% contra uma expectativa

Leia mais

XP TOP Dividendos FIA

XP TOP Dividendos FIA XP TOP Dividendos FIA INTRODUÇÃO O XP TOP DIVIDENDOS FIA é um Fundo de Investimento em Ações que tem como objetivo proporcionar ganho de capital, no longo prazo, a seus cotistas, por meio da gestão ativa

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Quem Somos 2 CTM Investimentos Visão Geral A empresa A CTM Investimentos, fundada em 2012, é uma empresa independente, focada na busca por valor em empresas (Equity Research)

Leia mais

Relatório de Gestão Invext FIA. Maio - Junho

Relatório de Gestão Invext FIA. Maio - Junho Relatório de Gestão Maio - Junho 2013 1 Filosofia O é um fundo de ações alinhado com a filosofia de value investing. O fundo possui uma estratégia de gestão que busca capturar de forma contínua oportunidades

Leia mais

Performance da Renda Fixa em 2013

Performance da Renda Fixa em 2013 Performance da Renda Fixa em 2013 Material produzido em junho de 2013 Performance da Renda Fixa em 2013 O que tem acontecido com os investimentos em renda fixa? Nos últimos meses temos visto o mercado

Leia mais