CODIFICAÇÃO PELO CID

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CODIFICAÇÃO PELO CID"

Transcrição

1 CODIFICAÇÃO PELO CID S S. S. S. S. S. S. S.7 TRAUMATISMOS DOS NERVOS E DA MEDULA ESPINHAL INCLUINDO: divisão traumática do nervo hematomileia traumática lesão completa ou incompleta da medula espinhal lesão em continuidade de nervos e da medula espinhal paralisia (transitória) traumática paraplegia traumática quadriplegia secção traumática do nervo TRAUMATISMO DOS VASOS SANGÜÍNEOS INCLUINDO: aneurisma ou fístula (artério-venoso) traumáticos avulsão hematoma arterial traumático laceração lesão ruptura traumática secção TRAUMATISMOS DOS TENDÕES E DOS MÚSCULOS INCLUINDO: avulsão laceração lesão ruptura traumática secção LESÕES POR ESMAGAMENTOS Amputação traumática Traumatismos dos órgãos internos, inlcuindo: contusão esmagamento ferimentos por explosão ferimentos perfurantes traumáticos hematoma traumático laceração (traumática) lesões por concussão rompimento traumático ruptura traumática TRAUMATISMOS DA CABEÇA (S - S9) Traumatismo superficial da cabeça Traumatismo superficial do couro cabeludo Contusão da pálpebra e da região periocular Outros traumatismos superficiais da pálpebra e da região periocular Traumatismo superficial do nariz Traumatismo superficial do ouvido Traumatismo superficial dos lábios e da cavidade oral Traumatismos superficiais múltiplos da cabeça

2 S.8 S.9 S S. S. S. S. S. S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S. S. S. S. S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S. S. S. S S S S7 S8 S9 S9. S9. S9.7 S9.8 S9.9 Traumatismo superficial de outras partes da cabeça Traumatismo superficial da cabeça, parte não especificada Ferimento da cabeça Ferimento do couro cabeludo Ferimento da pálpebra e da região periocular Ferimento do nariz Ferimento do ouvido Ferimento da bochecha e da região têmporo-mandibular Ferimento do lábio e da cavidade oral Ferimentos múltiplos da cabeça Ferimento na cabeça, de outras localizações Ferimento na cabeça, parte não especificada Fratura no crânio e dos ossos da face Fratura da abóbada do crânio Fratura da base do crânio Fratura dos ossos nasais Fratura do assoalho orbital Fratura dos ossos malares e maxilares Fratura de dentes Fratura de mandíbula Fraturas múltiplas envolvendo os ossos do crânio e da face Outras fraturas do crânio e dos ossos da face Fratura do crânio ou dos ossos da face, parte não especificada Luxação, entorses ou distensão das articulações e dos ligamentos da cabeça Luxação do maxilar Luxação da cartilagem do septo nasal Luxação dentária Luxação de outras partes da cabeça e das não especificadas Entorses e distensão do maxilar Traumatismo dos nervos cranianos Traumatismo do olho e da órbita ocular Traumatismo intracraniano Lesões por esmagamento da cabeça Amputação traumática de parte da cabeça Outros traumatismos da cabeça e os não especificados Traumatismo dos músculos e dos tendões da cabeça Ruptura traumática do tímpano Traumatismos múltiplos da cabeça Outros traumastismos especificados da cabeça Traumatismo não especificado da cabeça S S.7 S.8 S.9 S S.7 S.8 TRAUMATISMOS DO PESCOÇO (S - S9) Traumatismo superficial do pescoço Traumatismos superficiais múltiplos do pescoço Traumatismo superficial de outras localizações do pescoço Traumatismo superficial do pescoço, parte não especificada Ferimento do pescoço Ferimentos múltiplos do pescoço Ferimentos de outras partes do pescoço

3 S.9 S S. S. S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S. S. S. S. S S S S7 S8 S9 S9.7 S9.8 S9.9 S S. S. S. S. S. S.7 S.8 S S. S. S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S. S. S. S.8 Ferimentas do pescoço, parte não especificada Fratura do pescoço Fratura da primeira vértebra cervical (Atlas) Fratura da segunda vértebra cervical (Áxis)+B8 Fratura de ourtras vértebras cervicais especificadas Fraturas múltiplas da coluna cervical Fratura de outras partes do pescoço Fratura do pescoço, parte não especificada Luxação, entorse ou distensão das articulações e dos ligamentos do pescoço Ruptura traumática de disco intervertebral cervical Luxação de vértebra cervical Luxação de outras partes do pescoço e das não especificadas Luxações múltiplas do pescoço Distensão e entorse da coluna cervical Distensão e entorse de articulações e de ligamentos de outras localizações e das não especificadas do pescoço Traumatismo de nervos e da medula espinhal ao nível cervical Traumatismo dos vasos sangüíneos ao nível do pescoço Traumatismo de tendões e de músculos do pescoço Lesões por esmagamento do pescoço Amputação traumática ao nível do pescoço Outros traumatismos do pescoço e os não especificados Traumatismos múltiplos do pescoço Outros traumatismos especificados do pescoço Traumatismo não especificado do pescoço TRAUMATISMOS DE TÓRAX (S - S9) Traumatismo superficial do tórax Contusão da mama Outros traumatismos superficiais da mama e os não especificados Contusão do tórax Outros traumatismos superficiais da parede anterior do tórax Outros traumatismos superficiais da parede posterior do tórax Traumatismos superficiais múltiplos do tórax Traumatismo superficial de outras partes especificadas do tórax e das não especificadas Ferimento do tórax Ferimento da mama Ferimento da parede anterior do tórax Ferimento da parede posterior do tórax Ferimentos múltiplos da parede torácica Ferimento de outras partes do tórax Ferimento do tórax, parte não especificada Fratura de costela(s), esterno e coluna torácica Fratura de vértebra torácica Fraturas múltiplas da coluna torácica Fratura do esterno Fratura de costela Fraturas múltiplas de costelas Fraturas de outras partes dos ossos do tórax

4 S.9 S S. S. S. S. S. S. S S S S7 S8 S9 S9. S9.7 S9.8 S9.9 S S. S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S.7 S.8 S S. S. S. S. S. S. S.7 S.8 S S. S. S. S. S. S. S. S.7 Fratura dos ossos do tórax, parte não especificada Luxação, entorse e distensão de articulações e dos ligamentos do tórax Ruptura traumática de disco intervertebral torácico Luxação de vértebra torácica Luxação de outras partes do tórax e das não especificadas Entorse e distensão da coluna torácica Entorse e distensão das costelas e do esterno Entorse e distensão de outras partes do tórax e de partes não especificadas Traumatismos de nervos e da medula espinal ao nível do tórax Traumatismo de vasos sangüíneos do tórax Traumatismo do coração Traumatismo de outros órgãos intratorácicos e dos não especificados Lesão por esmagamento do tórax e amputação traimática de parte do tórax Outros traumatismos do tórax e os não especificados Traumatismo de músculo e de tendão ao nível torácico Traumatismos múltiplos do tórax Outros traumatismos especificados do tórax Traumatismo não especificado do tórax TRAUMATISMOS DO ABDOME, DO DORSO, DA COLUNA LOMBAR E DA PELVE (S - S9) Traumatismo superficial do addome, do dorso e da pelve Contusão do dorso e da pelve Contusão da parede abdominal Traumatismos superficiais múltiplos do abdome, do dorso e da pelve Outros traumatismos superficiais do abdome, do dorso e da pelve Traumatismo superficial de parte não especificada do abdome, do dorso e da pelve Ferimento do abdome, do dorso e da pelve Ferimento do dorso e da pelve Ferimento da parede abdominal Ferimentos múltiplos do abdome, do dorso e da pelve Ferimento de outras partes e de partes não especificadas do abdome Fratura da coluna lombar e da pelve Fratura de vértebra lombar Fratura do sacro Fratura do cóccix Fratura do ílio Fratura do acetábulo Fratura do púbis Fraturas múltiplas de coluna lombar e da pelve Fratura de outras partes da coluna lombossacra e da pelve e de partes não especificadas Luxação, entorse ou distensão das articulações e dos ligamentos da coluna lombar e da pelve Ruptura traumática do disco intervertebral lombar Luxação da vértebra lombar Luxação das articulações sacroilíaca e sacrococcígea Luxação de outras partes e das não especificadas da coluna lombar e da pelve Ruptura traumática da sínfise púbica Entorse e distensão da coluna lombar Entorse e distensão da articulação sacroilíaca Entorse e distensão de outras partes e das não especificadas da coluna lombar e da pelve

5 S S S S7 S8 S9 S9. S9.7 S9.8 S9.9 Traumatismo dos nervos e da medula lombar ao nível do abdome, do dorso e da pelve Traumatismo de vasos sangüíneos ao nível do abdome, do dorso e da pelve Traumatismo de órgãos intra-abdominais Traumatismos do aparelho urinário e de órgãos pélvicos Lesão por esmagamento e amputação traumática de parte do abdome, do dorso e da pelve Outros traumatismos e os não especificados do abdome, do dorso e da pelve Traumatismo de músculo e de tendão do abdome, do dorso e da pelve Outros traumatismos múltiplos do abdome, do dorso e da pelve Outros traumatismos especificados do abdome, do dorso e da pelve Traumatismo não especificado do abdome, do dorso e da pelve S S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S.7 S.8 S S. S. S. S. S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S. S. S. S. S. S.7 S S S S. S. S. S. S.7 S.8 TRAUMATISMOS DO OMBRO E DO BRAÇO (S - S9) Traumatismo superficial do ombro e do braço Contusão do ombro e do braço Traumatismos superficiais múltiplos do ombro e do braço Outros traumatismos supeficiais do ombro e do braço Traumatismo superficial não especificado do ombro e do braço Ferimento do ombro e do braço Ferimento do ombro Ferimento do braço Ferimentos múltiplos do ombro e do braço Ferimento de outras partes e de partes não especificadas da cintura escapular Fratura do ombro e do braço Fratura da cravícula Fratura da omoplata [escápula] Fratura da extremidade superior do úmero Fratura da diáfise do úmero Fratura da extremidade inferior doúmero Fraturas múltiplas da clavícula, da omoplata [escápula] e do úmero Fratura de outras partes do ombro e do braço Fratura da cintura escapular, parte não especificada Luxação, entorse e distensão das articulações e dos ligamentos da cintura escapular Luxação da articulação do ombro Luxação da articulação acromioclavicular Luxação da articulação esternoclavicular Luxação de outras partes e das não especificadas da cintura escapular Entorse e distensão da articulação do ombro Entorse e distensão da articulação acromioclavicular Entorse e distensão da articulação esternoclavicular Entorse e distensão de outras partes e de partes não especificadas da cintura escapular Traumatismo de nervos ao nível do ombro e do braço Traumatismo dos vasos sanguíneos ao nível do ombro e do braço Traumatismo de tendão e músculo ao nível do ombro e do braço Traumatismo do tendão do manguito rotador do ombro Traumatismo do músculo e tendão da cabeça longa do bíceps Traumatismo do músculo e tendão de outras partes do bíceps Traumatismo do músculo e tendão do tríceps Traumatismo de múltiplos músculos e tendões ao nível do ombro e do braço Traumatismo de outros músculos e tendões ao nível do ombro e do braço

6 S.9 S7 S8 S8. S8. S8.9 S9 S9.7 S9.8 S9.9 Traumatismo de músculo e tendão não especificado ao nível do ombro e do braço Lesão por esmagamento do ombro e do braço Amputação traumática do ombro e do braço Amputação traumática do ombro Amputação traumática de localização entre o ombro e o cotovelo Amputação traumática do ombro e do braço, de localização não especificada Outros traumatismos e os não especificados do ombro e do braço Traumatismos múltiplos do ombro e do braço Outros traumatismos especificados do ombro e do braço Traumatismo não especificado do ombro e do braço S S. S. S.7 S.8 S.9 S S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S. S. S. S. S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S. S. S. S S S S. S. S. S. S. S. TRAUMATISMOS DO COTOVELO E DO ANTEBRAÇO (S - S9) Traumatismo superficial do cotovelo e do antebraço Contusão do cotovelo Contusão de outras partes e de partes não especificadas do antebraço Traumatismos superficiais múltiplos do antebraço Outros traumatismos superficiais do antebraço Traumatismo superficial do antebraço, não especificado Ferimento do antebraço Ferimento do cotovelo Ferimentos múltiplos do antebraço Ferimento de outras partes do antebraço Ferimento do antebraço, parte não especificada Fratura do antebraço Fratura da extremidade superior do cúbito [ulna] Fratura da extremidade superior do rádio Fratura da diáfise do cúbito [ulna] Fratura da diáfise do rádio Fratura das diáfises do rádio e do cúbito [ulna] Fratura da extremidade distal do rádio Fratura da extremidade distal do rádio e do cúbito [ulna] Fraturas múltiplas do antebraço Fratura de outras partes do antebraço Fratura do antebraço, parte não especificada Luxação, entorse e distensão das articulações e dos ligamentos do cotovelo Luxação da cabeça do rádio Luxação do cotovelo, não especificada Ruptura traumática do ligamento colateral do rádio Ruptura traumática do ligamento colateral do cúbito [ulna] Entorse e distensão do cotovelo Traumatismo de nervos ao nível do antebraço Traumatismo de vasos sangüíneos ao nível do antebraço Traumatismo do músculo e do tendão ao nível do antebraço Traumatismo do músculo flexor e do tendão do polegar ao nível do antebraço Traumatismo do músculo flexor e do tendão de outro(s) dedo(s) ao nível do antebraço Traumatismo de outro músculo flexor e tendão ao nível do antebraço Traumatismo dos músculos extensor ou abdutor e dos tendões do polegar ao nível do antebraço Traumatismo do músculo extensor e do tendão de outro(s) dedo(s) ao nível do antebraço Traumatismo de outros músculos extensores e tendões ao nível do antebraço

7 S.7 S.8 S7 S7. S7. S7.9 S8 S8. S8. S8.9 S9 S9.7 S9.8 S9.9 S S. S. S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S.7 S.8 S.9 S S. S. S. S. S. S. S. S.7 S.8 S S. Traumatismo de músculos e tendões múltiplos ao nível do antebraço Traumatismo de outros músculos e tendões e dos não especificados ao nível do antebraço Lesão por esmagamento do antebraço Lesão por esmagamento do cotovelo Lesão por esmagamento de outras partes do antebraço Lesão por esmagamento de parte não especificada do antebraço Amputação traumática do cotovelo e do antebraço Amputação traumática ao nível do cotovelo Amputação traumática do antebraço entre o cotovelo e o punho Amputação traumática do antebraço, nível não especificado Outros traumatismos do antebraço e os não especificados Traumatismos múltiplos do cotovelo Outros traumatismos especificados do antebraço Traumatismo não especificado do antebraço TRAUMATISMOS DO PUNHO E DA MÃO (S - S9) Traumatismo superficial do punho e da mão Contusão de dedo(s) sem lesão da unha Contusão de dedo(s) com lesão da unha Contusão de outras partes do punho e da mão Traumatismos superficiais múltiplos do punho e da mão Outros traumatismos superficiais do punho e da mão Traumatismo superficial não especificado do punho e da mão Ferimento do punho e da mão Ferimento de dedo(s) sem lesão da unha Ferimento de dedo(s) com lesão da unha Ferimentos múltiplos do punho e da mão Ferimento de outras partes do punho e da mão Ferimento do punho e da mão, parte não especificada Fratura ao nível do punho e da mão Fratura do osso navicular [escafoíde] da mão Fratura de outro(s) osso(s) do carpo Piramidal [cuneiforme] Grande osso do carpo Pisciforme Semilunar Trapézio Trapezóide Unciforme Fratura do primeiro metacarpiano Fratura de Bennett Fratura de outros ossos do metacarpiano Fratura múltiplas de ossos metacarpianos Fratura do polegar Fratura de outros dedos Fraturas múltiplas de dedo(s) Fratura de outras partes e de partes não especificadas do punho e da mão Luxação, entorse e distensão das articulações e dos ligamentos ao nível do punho e da mão Luxação do punho 7

8 S. S. S. S. S. S. S.7 S S S S. S. S. S. S. S. S. S.7 S,8 S.9 S7 S7. S7.8 S8 S8. S8. S8. S8. S8. S8.8 S8.9 S9 S9.7 S9.8 S9.9 Luxação do dedo Luxações múltiplas dos dedos Ruptura traumática de ligamento(s) do punho e do carpo Ruptura traumática do ligamento do dedo nas articulações metacarpofalangianas e interfalangianas Entorse e distensão do punho Entorse e distensão do(s) dedo(s) Entorse e distensão de outras partes e das não especificadas da mão Traumatismo de nervos ao nível do punho e da mão Traumatismo de vasos sangüíneos ao nível do punho e da mão Traumatismo de músculo e tendão ao nível do punho e da mão Traumatismo do músculo flexor longo e tendão do polegar ao nível do punho e da mão Traumatismo do músculo flexor e tendão do polegar ao nível do punho e da mão Traumatismo do músculo extensor e tendão do polegar ao nível do punho e da mão Traumatismo do músculo extensor e tendão de outro dedo ao nível do puho e da mão Traumatismo do músculo intrínseco e tendão do polegar ao nível do punho e da mão Traumatismo do músculo intrínseco e tendão de outro dedo ao nível do punho e da mão Traumatismo de músculos flexores e tendões múltiplos ao nível do punho e da mão Traumatismo de músculos extensores e tendões múltiplos ao nível do punho e da mão Traumatismo de outros músculos e tendões ao nível do punho e da mão Traumatismo de músculo e tendão não especificado ao nível do punho e da mão Lesão por esmagamento do punho e da mão Lesão por esmagamento do polegar e de outro(s) dedo(s) Lesão por esmagamento de outras partes e das não especificadas do punho e da mão Amputação traumática ao nível do punho e da mão Amputação traumática do polegar (completa) (parcial) Amputação traumática de um outro dedo apenas (completa) (parcial) Amputação traumática de dois ou mais dedos somente (completa) (parcial) Amputação traumática combinada de (partes de) dedo(s) associada a outras partes do punho e da mão Amputação traumática da mão ao nível do punho Amputação traumática de outras partes do punho e da mão Amputação traumática do punho e da mão, nível não especificado Outros traumatismos e os não especificados do punho e da mão Traumatismos múltiplos do punho e da mão Outros traumatismos especificados do punho e da mão Traumatismo não especificado do punho e da mão 8 S7 S7. S7. S7.7 S7.8 S7.9 S7 S7. S7. S7.7 S7.8 S7 TRAUMATISMOS DO QUADRIL E DA COXA (S7 - S79) Traumatismo superficial do quadril e da coxa Contusão do quadril Contusão da coxa Traumatismos superficiais múltiplos do quadril e da coxa Outros traumatismos superficiais do quadril e da coxa Traumatismo superficial não especificado do quadril e da coxa Ferimento do quadril e da coxa Ferimento do quadril Ferimento da coxa Ferimentos múltiplos do quadril e da coxa Ferimentos de outras partes e das não especificadas da cintura pélvica Fratura do fêmur

9 S7. S7. S7. S7. S7. S7.7 S7.8 S7.9 S7 S7. S7. S7 S7 S7 S7. S7. S7. S7. S7. S7.7 S77 S77. S77. S77. S78 S78. S78. S78.9 S79 S79.7 S79.8 S79.9 Fratura do colo do fêmur Fratura pertrocantérica Fratura subtrocantérica Fratura da diáfise do fêmur Fratura da extremidade distal do fêmur Fraturas múltiplas do fêmur Fraturas de outras partes do fêmur Fratura do fêmur, parte não especificada Luxação, entorse e distensão da articulação e dos ligamentos do quadril Luxação da articulação do quadril Entorse e distensão do quadril Traumatismo de nervos ao nível do quadril e da coxa Traumatismo de vasos sangüíneos ao nível do quadril e da coxa Traumatismo de músculo e de tendão ao nível do quadril e da coxa Traumatismo do músculo e do tendão do quadril Traumatismo do músculo e do tendão do quadríceps Traumatismo do músculo e do tendão do adutor da coxa Traumatismo do músculo e do tendão dos músculos posteriores ao nível da coxa Traumatismo de outros músculos e tendões e os não especificados ao nível da coxa Traumatismo de múltiplos músculos e tendões ao nível do quadril e da coxa Lesão por esmagamento do quadril e da coxa Lesão por esmagamento do quadril Lesão por esmagamento da coxa Lesão por esmagamneto do quadril e da coxa Amputação traumática do quadril e da coxa Amputação traumática na articulação do quadril Amputação traumática localizada entre o joelho e o quadril Amputação traumática do quadril e coxa, nível não especificado Outros traumatismos e os não especificados do quadril e da coxa Traumatismos múltiplos do quadril e da coxa Outros traumatismos especificados do quadril e da coxa Traumatismo não especificado do quadril e da coxa S8 S8. S8. S8.7 S8.8 S8.9 S8 S8. S8.7 S8.8 S8.9 S8 S8. S8. S8. TRAUMATISMOS DO JOELHO E DA PERNA (S8 - S89) Traumatismo superficial da perna Contusão do joelho Contusão de outras partes e de partes não especificadas da perna Traumatismos superficiais múltiplos da perna Outros traumatismos superficiais da perna Traumatismo superficial não especificado da perna Ferimento da perna Ferimento do joelho Ferimentos múltiplos da perna Ferimento de outras parte da perna Ferimento da perna, parte não especificada Fratura da perna, incluindo tornozelo Fratura da rótula [patela] Fratura da extremidade proximal da tíbia Fratura da diáfise da tíbia 9

10 S8. S8. S8. S8. S8.7 S8.8 S8.9 S8 S8. S8. S8. S8. S8. S8. S8. S8.7 S8 S8 S8 S8. S8. S8. S8. S8.7 S8.8 S8.9 S87 S87. S87.8 S88 S88. S88. S88.9 S89 S89. S89.8 S89.9 Fratura da extremidade distal da tíbia Fratura do perônio [fíbula] Fratura do maléolo medial Fratura do maléolo lateral Fraturas múltiplas da perna Fratura de outras partes da perna Fratura da perna, parte não especificada Luxação, entorse e distensão das articulações e dos ligamentos do joelho Luxação da rótula [patela] Luxação do joelho Ruptura do menisco, atual Ruptura atual da cartilagem da articalução do joelho Entorse e distensão envolvendo ligamento colateral (peronial) (tibial) do joelho Entorse e distensão envolvendo ligamento cruzado (anterior) (posterior) do joelho Entorse e distensão de outras partes e das não especificadas do joelho Traumatismo de estruturas múltiplas do joelho Traumatismo de nervos periféricos da perna Traumatismo de vasos sangüíneos da perna Traumatismos de músculos e de tendão ao nível da perna Traumatismo do tendão de Aquiles Traumatismo de outro(s) músculo(s) e tendão(ões) do grupo muscular posterior ao nível da perna Traumatismo do(s) músculo(s) e tendão(ões) do grupo muscular anterior ao nível da perna Traumatismo do(s) músculo(s) e tendão(ões) do grupo muscular peronial ao nível da perna Traumatismo de múltiplos músculos e tendões ao nível da perna Traumatismos de outros músculos e tendões ao nível da perna Traumatismo de músculo e de tendão não especificado ao nível da perna Traumatismo por esmagamento da perna Traumatismo por esmagamento do joelho Traumatismo por esmagamento de outra parte e de partes não especificadas da perna Amputação traumática da perna Amputação traumática ao nível do joelho Amputação traumática entre o joelho e o tornozelo Amputação traumática da perna, nível não especificado Outros traumatismos e os não especificados da perna Traumatismos múltiplos da perna Outros traumatismos especificados da perna Traumatismo não especificado da perna S9 S9. S9. S9. S9. S9.7 S9.8 S9.9 S9 S9. TRAUMATISMOS DO TORNOZELO E DO PÉ (S9 - S99) Traumatismo superficial do tornozelo e do pé Contusão do tornozelo Contusão de artelho sem lesão da unha Contusão de artelho(s) com lesão da unha Contusão de outras partes e de partes não especificadas do pé Traumatismos superficiais múltiplos do tornozelo e do pé Outros traumatismos superficiais do tornozelo e do pé Traumatismo superficial do tornozelo e do pé, não especificado Ferimentos do tornozelo e do pé Ferimento do tornozelo

11 S9. S9. S9.7 S9 S9. S9. S9. S9. S9. S9. S9.7 S9.9 S9 S9. S9. S9. S9. S9. S9. S9. S9 S9 S9 S9. S9. S9. S9.7 S9.8 S9.9 S97 S97. S97. S97.8 S98 S98. S98. S98. S98. S98. S99 S99.7 S99.8 S99.9 Ferimento do(s) artelho(s) com lesão da unha Ferimento de outras partes do pé Ferimentos múltiplos do tornozelo e do pé Fratura do pé (exceto tornozelo) Fratura do calcâneo Fratuta do astrágalo Fratura de outros ossos do tarso Fratura de ossos do metatarso Fratura do hálux Fratura de outro artelho Fraturas múltiplas do pé Fratura do pé, não especificada Luxação, entorse e distensão das articulações e dos ligamentos do tornozelo e do pé Luxação da articulação do tornozelo Luxação do(s) artelho(s) Ruptura de ligamentos ao nível do tornozelo e do pé Luxação de outras partes e das não especificadas do pé Entorse e distensão do tornozelo Entorse e distensão do(s) artelho(s) Entorse e distensão de outras partes e de partes não especificadas do pé Traumatismo dos nervos ao nível do tornozelo e do pé Traumatismo de vasos sangüíneos ao nível do tornozelo e do pé Traumatismos do músculo e do tendão ao nível do tornozelo e do pé Traumatismo do músculo e do tendão do músculo flexor longo do(s) artelho(s) ao nível do tornozelo e do pé Traumatismo do músculo e do tendão do extensor longo do(s) artelho(s) ao nível do tornozelo e do pé Traumatismo de músculo intrínseco e tendão ao nível do tornozelo e do pé Traumatismo de múltiplos músculos e tendões ao nível do tornozelo e do pé Traumatismo de outros tendões e músculos ao nível do tornozelo e do pé Traumatismo de músculo e tendão não especificados do tornozelo e do pé Lesão por esmagamento do tornozelo e do pé Lesão por esmagamento do tornozelo Lesão por esmagamento do(s) artelho(s) Lesão por esmagamento de outras partes do tornozelo e do pé Amputação traumática do tornozelo e do pé Amputação traumática do pé ao nível do tornozelo Amputação traumática apenas de um artelho Amputação traumática de dois ou mais artlhos Amputação traumática de outras partes do pé Amputação traumática do pé, nível não especificado Outros traumatismos e os não especificados do tornozelo e do pé Traumatismos múltiplos do tornozelo e do pé Outros traumatismos especificados do tornozelo e do pé Traumatismos não especificados do tornozelo e do pé T T. T. TRAUMATISMOS ENVOLVENDO MÚLTIPLAS REGIÕES DO CORPO (T - T7) Traumatismos superficiais envolvendo múltiplas regiões do corpo Traumatismos superficiais envolvendo a cabeça com o pescoço Traumatismos superficiais envolvendo o tórax com o abdome, parte inferior do dorso e da pelve

12 T. T. T. T.8 T.9 T T. T. T. T. T. T.8 T.9 T T. T. T. T. T. T. T. T.7 T.8 T.9 T T. T. T. T. T. T.8 T.9 T T. T. T. T. T. T.7 T.8 T.9 T Traumatismos superficiais envolvendo regiões múltiplas do(s) membro(s) superior(es) Traumatismos superficiais envolvendo regiões múltiplas do(s) membro(s) inferior(es) Traumatismos superficiais envolvendo regiões múltiplas dos membros superiores com membro(s) inferior(es) Traumatismos superficiais envolvendo outras combinações de regiões do corpo Traumatismos superficiais múltiplos não especificados Abrasões Contusões Equimoses Hematomas Picadas de inseto (não-venenoso) Vesículas (não-térmicas) Ferimentos envolvendo múltiplas regiões do corpo Ferimento envolvendo a cabeça com o pescoço Ferimentos envolvendo o tórax com o abdome, parte inferior do dorso e da pelve Ferimentos envolvendo regiões múltiplas do(s) membro(s) superior(es) Ferimento envolvendo múltiplas regiões do(s) membro(s) inferior(es) Ferimentos envolvendo regiões múltiplas do(s) membro(s) superior(es) com membro(s) inferior(es) Ferimentos envolvendo outras combinações de regiões do corpo Ferimentos múltiplos, não especificados Fraturas envolvendo múltiplas regiões do corpo Fraturas envolvendo a cabeça com o pescoço Fraturas envolvendo tórax com parte inferior do dorso e da pelve Fraturas envolvendo regiões múltiplas de um membro superior Fraturas envolvendo regiões múltiplas de um membro inferior Fraturas envolvendo regiões múltiplas de ambos os membros superiores Fraturas envolvendo regiões múltiplas de ambos os membros inferiores Fraturas envolvendo regiões múltiplas do(s) membro(s) superior(es) com inferior(es) Fraturas envolvendo tórax com parte inferior do dorso e da pelve com membro(s) Fraturas envolvendo outras combinações de regiões do corpo Fraturas múltiplas, não especificadas Luxações, entorses e distensões envolvendo regiões múltiplas do corpo Luxações, entorses e distensões envolvendo a cabeça com o pescoço Luxações, entorses e distensões envolvendo tórax com parte inferior do dorso e da pelve Luxações, entorses e distensões envolvendo regiões múltiplas de membro(s) superior(es) Luxações, entorses e distensões envolvendo regiões múltiplas do(s) membro(s) inferior(es) Luxações, entorses e distensões envolvendo regiões múltiplas dos membros superiores com os inferiores Luxações, entorses e distensões envolvendo outras combinações de regiões do corpo Luxações, entorses e distensões múltiplas, não especificadas Traumatismos por esmagamento envolvendo múltiplas regiões do corpo Traumatismos por esmagamento envolvendo a cabeça com o pescoço Traumatismos por esmagamento envolvendo o tórax com o abdome, parte inferior do dorso e da pelve Traumatismos por esmagamento envolvendo regiões múltiplas do(s) membro(s) superior(es) Traumatismos por esmagamento envolvendo regiões múltiplas do(s) membro(s) inferior(es) Traumatismos por esmagamento envolvendo regiões múltiplas do(s) membro(s) superior(es) com inferior(es) Traumatismo por esmagamento do tórax com abdome, parte inferior do dorso, pelve e membro(s) Traumatismos por esmagamento envolvendo outras combinações de regiões do corpo Traumatismo múltiplos por esmagamento, não especificados Amputações traumáticas envolvendo múltiplas regiões do corpo

13 T. T. T. T. T. T. T. T.8 T.9 T T. T.8 T7 T8 T9 T9. T9. T9. T9. T9. T9.8 T9.9 T T T. T. T. T. T. T.8 T T T. T. T. T. T. T.8 T.9 T T. Amputação traumática de ambas as mãos Amputação traumática de uma mão e de outro braço [qualquer nível, exceto mão] Amputação traumática de ambos os braços [qualquer nível] Amputação traumática de ambos os pés Amputação traumática de um pé e outra perna [qualquer nível, exceto pé] Amputação traumática de ambas as pernas [qualquer nível] Amputação traumática de membros superiores e inferiores, qualquer combinação [qualquer nível] Amputações traumáticas envolvendo outras combinações de regiões do corpo Amputações traumáticas múltiplas, não especificadas Outros traumatismos envolvendo regiões múltiplas do corpo, não classificados em outra parte Traumatismos de músculos e tendões envolvendo regiões múltiplas do corpo Outros traumatismos especificados envolvendo regiões múltiplas do corpo Traumatismos múltiplos, não especificados TRAUMATISMOS DE LOCALIZAÇÃO NÃO ESPECIFICADA DO TRONCO, MEMBRO OU OUTRA REGIÃO DO CORPO (T8 - T) Fratura da coluna, nível não especificado Outros traumatismos de coluna e tronco, nível não especificado Traumatismo superficial do tronco, nível não especificado Ferimento do tronco, nível não especificado Luxação, entorse e distensão de articulações e ligamentos não especificados do tronco Traumatismo de músculo e tendão não especificados do tronco Amputação traumática do tronco, nível não especificado Outros traumatismos especificados do tronco, nível não especificado Traumatismo não especificado do tronco, nível não especificado * dorso SOE * tronco SOE Fratura do membro superior, nível não especificado Outros traumatismos de membro superior, nível não especificado Traumatismo superficial de membro superior, nível não especificado Ferimento de membro superior, nível não especificado Luxação, entorse e distensão de articulação e ligamento não especificado de membro superior, nível não especificado Traumatismo de músculo e tendão não especificado de membro superior, nível não especificado Amputação traumática de membro superior, nível não especificado Outros traumatismos especificados de membro superior, nível não especificado Fratura de membro inferior, nível não especificado Outros traumatismos de membro inferior, nível não especificado Traumatismo superficial de membro inferior, nível não especificado Ferimento de membro inferior, nível não especificado Luxação, entorse e distensão de articulação e ligamento não especificados de membro inferior, nível não especificado Traumatismo de músculo e tendão não especficados de membro inferior, nível não especificado Amputação traumática de membro inferior, nível não especificado Outros traumatismos especificados de membro inferior, nível não especificado Traumatismo não especificado de membro inferior, nível não especificado Traumatismo de região não especificada do corpo Traumatismo superficial de região não especificada do corpo Abrasão

14 T. T. T. T. T.7 T.8 T.9 T T T7 Contusão Equimose Flictena (não-térmica) Hematoma Picada de inseto (não-venenoso) Traumatismo (por): * corpo estranho superficial * (estilhaço) sem ferimento importante * superficial Ferimento de região não especificada do corpo Corte Ferimento: * aberto * puntiforme com corpo estranho (penetrante) Laceração Mordedura de animal Fratura de região não especificada do corpo fechada aberta Luxação, entorse e distensão de região não especificada do corpo Avulsão de articulação (cápsula) ligamento Distensão de articulação (cápsula) ligamento Entorse de articulação (cápsula) ligamento Hemartrose traumática de articulação (cápsula) ligamento Laceração de articulação (cápsula) ligamento Luxação de articulação (cápsula) ligamento Ruptura traumática de articulação (cápsula) ligamento Subluxação de articulação (cápsula) ligamento Traumatismo de músculos e tendões de região não especificada do corpo Avulsão de músculo(s) e tendão(ões) Corte de músculo(s) e tendão(ões) Laceração de músculo(s) e tendão(ões) Secção de músculo(s) e tendão(ões) Traumatismo de músculo(s) e tendão(ões) Traumatismo por esmagamento e amputação traumática de regiões não especificadas do corpo Amputação traumática Traumatismo por esmagamento Outros traumatismos de região não especificada do corpo Traumatismo, não especificado Corpo estranho na parte externa do olho Corpo estranho no ouvido Corpo estranho no trato respiratório EFEITO DA PENETRAÇÃO DE CORPO ESTRANHO ATRAVÉS DE ORIFÍCIO NATURAL (T - T7) T T T QUEIMADURAS E CORROSÕES (T - T ) Queimaduras e corrosões da cabeça e do pescoço Queimaduras e corrosões do tronco Queimaduras e corosão do ombro e de membro superior, exceto punho e mão

15 T T T T T7 T8 T9 T T T Queimadura e corrosão do punho e da mão Queimadura e corrosão do quadril e de membro inferior, exceto tornozelo e do pé Queimadura e corrosão do tornozelo e do pé Queimadura e corrosão limitadas ao olho e seus anexos Queimadura e corrosão do trato respiratório Queimadura e corrosão de outros órgãos internos Queimaduras e corrosões de múltiplas regiões do corpo Queimadura e corrosão, parte mão especificada do corpo Queimadura classificada segundo a extensão da superfície corporal atingida Corrosões classificadas segundo a extensão da superfície corporal atingida GELADURAS [FROSTBITE] (T - T ) T T T Geladura superficial Geladura com necrose de tecidos Geladura de múltiplas partes do corpo e das não especificadas

16 CODIFICAÇÃO PELA TABELA AMB 9 CH AUX. PORTE CIRURGIA DO APARELHO DIGESTIVO, ÓRGÃOS ANEXOS E PAREDE ABDOMINAL..- Esofagorrafia cervical 8..- Esofagorrafia torácica..- Gastrorrafia..- Hepatorrafia complexa c/lesão de estrutura vasculares biliares Esplenorrafia.7.- Esplenectomia total ou parcial.8.- Herniorrafia inguinal - unilateral Herniorrafia inguinal - bilateral.8.- Herniorrafia lombar Herniorrafia recidivante.8.- Herniorrafia umbilical.8.7- Laparatomia exploradora com ou sem biópsia Ressutura de parede abdominal (por deiscência total ou evisceração) Reparação de outras hérnias (inclui herniorrafia muscular) 8 MICROCIRURGIA RECONSTRUTIVA..- Enxerto interfascicular para reparo de um nervo..- Enxerto interfascicular para reparo de dois ou mais nervos..- Enxerto de nervo interfascicular, pediculado (º estágio)..-9 Enxerto de nervo interfascicular, pediculado (º estágio)..-7 Enxerto interfascicular de nervo vascularizado..9- Microcirurgia do plexo braquial com a exploração, neurólise e enxertos 7 interfasciculares para reparo das lesões..- Microneurorrafia única..- Microneurorrafia de dois ou mais nervos..- Microneurorrafia ao nível dos dedos das mãos Revascularização do polegar ou de outro dedo da mão.7.- Para cada dedo adicional revascularizado serão acrescentados.7.- Reimplante de dois dedos da mão.7.- Para cada dedo adicional reimplantado serão acrescentados.7.- Reimplante do membro superior, do nível transmetacarpiano, até o terco distal do antebraço Reimplante do membro superior, do nível médio distal do antebraço até o ombro Reimplante do membro inferior do pé até o terço médio da perna.7.9- Reimplante do membro inferior do nível médio proximal da perna até a coxa.8.- Transplante do hallux para o polegar.8.- Transplante do º pododáctilo para o polegar.8.- Transplante do º pododáctilo para outro dedo da mão.8.- Transplante de dois pododáctilo para a mão.8.-8 Transplante articular de metatarsofalângica para a mão Transplante articular de duas metatarsofalângicas para a mão 8 NEUROCIRURGIA 9..- Afundamento do seio frontal - tratamento cirúrgico 9..- Craniotomia exploradora com ou sem biópsia 9

17 CH AUX. PORTE NEUROCIRURGIA Craniotomia descompressiva Descompressão neuro vascular dos nervos cranianos Fratura de abóbada com lesão meningo-cortical-tratamento cirúrgico Fratura de abóbada sem lesão meningo-cortical-tratamento cirúrgico 9..- Hematoma extradural e subdural agudo - tratamento cirúrgico 9..- Hematoma intracerebral - tratamento cirúrgico Órbita - descompressão Punção do hematoma subgaleal Tratamento conservador de traumatismo cranioencefálico (ª semama) Escalpelamento - tratamento cirúrgico Tratamento cirúrgico de lesões de seio cavernoso 9..- Tratamento conservador do traumatismo cranio-encefálico (por dia 8 subseqüente a ª semana) 9..- Laminectomia descompressiva Lesão traumática raquimedular com laminectomia Microcirurgia vascular raquimedular Tratamento conservador do traumatismo raquimedular (ª semana) 9..- Tratamento conservador do traumatismo raquimedular (dias 8 subseqüentes à ª semana) Bloqueio anestésico de nervos sem finalidade cirúrgica 9..- Bloqueio anestésico de nervos (diária subseqüente) Descompressão neuro-vascular cérvico-braquial 9..- Enxerto de nervos Enxerto para reparo de dois ou mais nervos 9..- Microcirurgia de nervos periféricos 9..- Microcirurgia do plexo braquial com enxerto para reparadas lesões 7 (inclusive TU) Neurorrafia única Neurorrafia múltipla 9..- Nervos - exploração cirúrgica 9..- Neurólise de nervo isolado Transposição de nervos 9..- Neurólise de nervo múltiplo OFTALMOLOGIA Curativos Sutura Corpo estranho - retirada Retirada de corpo estranho Corpo estranho imantável Corpo estranho não imantável Sutura - Pálpebra OTORRINOLARINGOLOGIA Corpos estranhos, pólipos ou biópsia em consultório Corpos estranhos, pólipos ou biópsia em hospital/sob anestesia geral Corpo estranho de faringe - retirada em consultório 7

18 CH AUX. PORTE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA..- Artrodese da coluna vertebral via posterior..- Artrodese da coluna vertebral via anterior ou póstero lateral..-9 Descompressão medular..- Descompressão medular associada com artrodese..- Fratura da coluna - tratamento conservador com gesso..- Fraturas ou fratura-luxação da coluna - redução incruenta..7-9 Fraturas ou fratura-luxação da coluna - tratamento cirúrgico..9- Giba costal - tratamento cirúrgico Osteotomia da coluna - via anterior ou posterior..8- Retirada de corpo estranho da coluna Fratura do cóccix - redução incruenta CIRURGIA PLÁSTICA Debridamento de tecido desvitalizado Extensos ferimentos, cicatrizes ou tumores - excisão e enxertos cutâneos..-8 Extensos ferimentos, cicatrizes ou tumores - excisão e retalhos cutâneos..- Extensos ferimentos, cicatrizes ou tumores - excisão e rotação de 7 retalhos musculares..- Extensos ferimentos, cicatrizes ou tumores - excisão e rotação de 9 retalhos miocutâneos..- Extensos ferimentos, cicatrizes ou tumores - excisão e retalhos miocutâneos cruzadas (º estágio)..- Sutura de extensos ferimentos, interessando mais de uma região topográfica, com ou sem debridamento Sutura de pequenos ferimentos com ou sem debridamento Correção de tumores, cicatrizes ou ferimentos com o emprego de expansores de tecidos (por estágio)..- Correção de tumores, cicatrizes ou ferimentos com o emprego de 9 retalhos musculocutâneos musculares ou previamente expandidos (por estágio)..- Extensos ferimentos, cicatrizes ou tumores - excisão e rotação de 7 retalho fasciocutâneo Perda de substância em toda espessura: reparação Perda de substância rotação de retalho de mucosa Alopecia parcial - excisão e sutura Alopecia parcial - rotação cutânea Alopecia parcial - rotação de um ou mais de um retalho cutâneo 8 piloso..8- Correção de tumores, cicatrizes ou ferimentos com o auxílio de expansores de tecidos (por estágio) Perda cutânea peno-escrotal Exérese ungüeal Retração cicatricial dos dedos sem comprometimento tendinoso Sutura e reparação de perda de substância da mão Reparações cutâneas com retalho ilhado antebraquial invertido 9 9

19 CH AUX. PORTE CIRURGIA PLÁSTICA.8.- Reconstrução do polegar com retalho ilhado osteocutâneo compatibilizar antebraquial Rinosseptoplastia Reconstrução parcial de cavidade orbitária Reconstrução total de cavidade orbitária Reconstrução parcial de pálpebra Reconstrução total de pálpebra Reconstrução total de supercílios Reconstrução de cavidade orbitária com retalho muscular Reconstrução de cavidade orbitária com retalho muscular expandido Reconstrução da helix de orelha Reconstrução do pólo superior de orelha Reconstrução do lóbulo de orelha Reconstrução total de orelha (múltiplos estágios) por estágio Reconstrução total de orelha (um estágio) Reconstrução de orelha - retoques Reconstrução total de orelha com auxílio de expansores de tecidos º estágio, colocação expansor..-9 Reconstrução total de orelha com auxílio de expansores de tecidos - º estágio Exérese ungueal Ferimentos e tumores com enxertia cutânea Ferimentos e tumores - excisão e retalho cutâneo Retração cicatricial - correção em um estágio Retração cicatricial - varios estágios (por estágio) Correção de retração cervical com o auxílio de expansores de tecidos 7 7 (por estágio) Fraturas dos ossos nasais - redução incruenta e gesso Fratura dos ossos nasais - redução cirúrgica e gesso Fratura do malar - redução instrumental sem fixação Fratura do malar - redução cirúrgica com fixação Fratura do arco zigomático - redução instrumental sem fixação Fratura do arco zigomático - redução cirúrgica com fixação Fratura de órbita - redução cirúrgica Fratura de órbita - redução cirúrgica e enxerto ósseo Fratura naso-etmóido-orbitário (unilateral) Fratura do seio frontal - redução e fixação por acesso coronariano Fratura do seio frontal - redução e fixação por acesso frontal Fratura favorável simples de mandíbula de contenção e bloqueio intermaxilar..-9 Fratura simples de mandíbula - redução cirúrgica com fixação óssea e 7 bloqueio intermaxilar eventual..-7 Fratura cominutiva de mandíbula - redução cirúrgica com fixação 9 óssea e bloqueio eventual..7- Fraturas complexas de mandíbula - redução cirúrgica com fixação óssea e eventual bloqueio intermaxilar..8- Fraturas alveolares - fixação com aparelho de contenção 9

20 CH AUX. PORTE CIRURGIA PLÁSTICA..9- Fratura da maxila, tipo Lefort I e II - redução e aplicação de levantamento zigomático maxilar com bloqueio intermaxilar eventual...- Fratura da maxila, tipo Lefort III - redução e aplicação de levantamento crânio maxilar com bloqueio intermaxilar eventual...- Fratura de Lefort I - fixação cirúrgica com síntese óssea, levantamento 7 e bloqueio intermaxilar eventual...- Fratura Lefort II - fixação cirúrgica com síntese óssea, levantamento e 9 bloqueio intermaxilar eventual...- Fratura Lefort III - fixação cirúrgica com síntese óssea, levantamento 9 crânio o maxilar e intermaxilar eventuais...-8 Fraturas múltiplas de terço médio da face: fixação cirúrgica com síntese óssea, levantamento crânio maxilar e bloqueio intermaxilar...- Frat. complexas do terço médio da face fixação cirúrgica com síntese, levantamento cranio maxilar, enxerto ósseo e halo craniano eventuais Retirada dos meios de fixação Osteotomias palatinas Osteotomias segmentares da maxila ou malar Osteotomia tipo Lefort I Osteotomia tipo Lefort II Osteotomia tipo Lefort III - extra craniana Osteotomias crânio-maxilares complexas Reconstrução parcial da mandíbula com enxerto ósseo Reconstrução total de mandíbula com prótese e ou enxerto ósseo Osteoplastias de etmóido orbitárias Osteoplastias da mandíbula Osteoplastias do malar e arco zigomático Osteoplastias da órbita Queimaduras - Atendimento isolado - Uma Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento isolado - Duas Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento isolado - Três Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento isolado - Quatro Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento isolado - Cinco Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento isolado - Seis Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento isolado - Sete Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento isolado - Oito ou mais Unid. Topográfica Queimaduras - Atendimento integral - Uma Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento integral - Duas Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento integral - Três Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento integral - Quatro Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento integral - Cinco Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento integral - Seis Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento integral - Sete Unidade Topográfica Queimaduras - Atendimento integral - Oito Unidade Topográfica Queimaduras - Enxerpatia de pele - Uma Unidade Topográfica Queimaduras - Enxerpatia de pele - Duas Unidade Topográfica Queimaduras - Enxerpatia de pele - Três Unidade Topográfica Queimaduras - Enxerpatia de pele - Quatro Unidade Topográfica

Neoplasia Maligna Dos Dois Tercos Anteriores Da Lingua Parte Nao Especificada

Neoplasia Maligna Dos Dois Tercos Anteriores Da Lingua Parte Nao Especificada SÅo Paulo, 20 de setembro de 2011 Protocolo: 0115/2011 Informo que a partir de 20/09/2011 alguns protocolos de atendimento da especialidade Cirurgia PlÑstica do Hospital das ClÖnicas foram desativados,

Leia mais

4 TERMO ADITIVO AO EDITAL DE CREDENCIAMENTO N 0001/2012 FMS

4 TERMO ADITIVO AO EDITAL DE CREDENCIAMENTO N 0001/2012 FMS ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE FRAIBURGO 4 TERMO ADITIVO AO EDITAL DE CREDENCIAMENTO N 0001/2012 FMS OBJETO: Credenciamento de empresas do ramo interessadas na prestação de serviços de consultas

Leia mais

MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES Coordenação Geral de Operações Rodoviárias

MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES Coordenação Geral de Operações Rodoviárias MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES Coordenação Geral de Operações Rodoviárias Execução do processamento das fichas de acidentes de trânsito, manutenção e

Leia mais

ANATOMIA E FISIOLOGIA HUMANA Apostila de Exercícios de Fixação Sistema Esquelético ESQUELETO AXIAL ESQUELETO APENDICULAR

ANATOMIA E FISIOLOGIA HUMANA Apostila de Exercícios de Fixação Sistema Esquelético ESQUELETO AXIAL ESQUELETO APENDICULAR ASSOCIAÇÃO PESTALOZZI DE NITERÓI CURSO TÉCNICO ALMIR MADEIRA Estrada Caetano Monteiro, 857 Pendotiba. Niterói- RJ Tel: 21994400/21.26202173 (Centro) CURSO: DISCIPLINA: Anatomia e Fisiologia Humana DOCENTE:

Leia mais

EXAME PRIVADO Encargo benef. ADSE

EXAME PRIVADO Encargo benef. ADSE EXAME PRIVADO Encargo benef. ADSE RADIOLOGIA Radiologia - CABEÇA E PESCOÇO Crânio, 1 incidência 15,00 1,10 Crânio, 2 incidências 20,00 1,20 Sela turca 10,00 0,60 Mastóides, 1 incidência 30,00 1,00 Mastóides,

Leia mais

ANEXO ÚNICO Fica a Credenciada Camil - Centro de Assistência Médica Itabapoana - Ltda a prestar os seguintes serviços de saúde aos municípios consorciados ao CIM POLO SUL: 001 - Colonoscopia (coloscopia)

Leia mais

Lembramos, no entanto, que a Deficiência Física, não está contemplada na sua totalidade, existindo outros CIDs não listados e que sofrerão análise.

Lembramos, no entanto, que a Deficiência Física, não está contemplada na sua totalidade, existindo outros CIDs não listados e que sofrerão análise. Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade Física Adaptada e Saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira Em função de ocorrer dúvidas em relação ao encaminhamento do benefício do passe-livre intermunicipal,

Leia mais

ECO - ONLINE (EDUCAÇÃO CONTINUADA EM ORTOPEDIA ONLINE)

ECO - ONLINE (EDUCAÇÃO CONTINUADA EM ORTOPEDIA ONLINE) ECO - ONLINE (EDUCAÇÃO CONTINUADA EM ORTOPEDIA ONLINE) DESCRIÇÃO: Aulas interativas ao vivo pela internet. Participe ao vivo, respondendo as enquetes e enviando suas perguntas. Vale pontos para a Revalidação

Leia mais

PONTO-FINAL CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA

PONTO-FINAL CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA PONTO-FINAL CUO DE ATUALIZAÇÃO EM ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA DERIÇÃO: Cursos presenciais Vale 3,0 pontos para a Revalidação do TEOT PROGRAMAÇÃO: OSTEONECROSE DA CABEÇA BELÉM/ PA 18.05.2007 SEXTA-FEIRA 20:00-20:20

Leia mais

TABELA DA ÁREA M - TABELA DE RADIOLOGIA

TABELA DA ÁREA M - TABELA DE RADIOLOGIA TABELA DE RADIOLOGIA RADIOLOGIA CONVENCIONAL CABEÇA E PESCOÇO 10004 700.5 Crânio, uma incidência 5,13 1,80 10005 084.1 Crânio, duas incidências 5,46 1,80 10010 109.0 Sela turca 2,65 1,80 10024 094.9 Mastóides,

Leia mais

Sandro Reginaldo Presidente da SBOT-GO

Sandro Reginaldo Presidente da SBOT-GO ORTOPÉDICA PARA O JORNALISTA ESPORTIVO AGRADECIMENTOS Secretaria Municipal de Esporte e Lazer Agradecemos o apoio imprescindível do presidente da Associação Brasileira de Traumatologia Desportiva e médico

Leia mais

Adutores da Coxa. Provas de função muscular MMII. Adutor Longo. Adutor Curto. Graduação de força muscular

Adutores da Coxa. Provas de função muscular MMII. Adutor Longo. Adutor Curto. Graduação de força muscular Provas de função muscular MMII Graduação de força muscular Grau 0:Consiste me palpar o músculo avaliado e encontrar como resposta ausência de contração muscular. Grau 1:Ao palpar o músculo a ser avaliado

Leia mais

RADIOLOGIA PESSOALMENTE COM O PEDIDO MÉDICO. PEDIDO MÉDICO COM INDICAÇÃO CLINICA.

RADIOLOGIA PESSOALMENTE COM O PEDIDO MÉDICO. PEDIDO MÉDICO COM INDICAÇÃO CLINICA. Nome do setor/especialidade: Horário de funcionamento: Meios de agendamento oferecidos ao usuário para utilização/acesso aos serviços: Requisitos necessários para a obtenção dos serviços: Serviços oferecidos:

Leia mais

EXERCÍCIOS SISTEMA ESQUELÉTICO

EXERCÍCIOS SISTEMA ESQUELÉTICO EXERCÍCIOS SISTEMA ESQUELÉTICO 1. Quais as funções do esqueleto? 2. Explique que tipo de tecido forma os ossos e como eles são ao mesmo tempo rígidos e flexíveis. 3. Quais são as células ósseas e como

Leia mais

Índice CUIDADOS PRIMÁRIOS EM ORTOPEDIA CAPÍTULO 1

Índice CUIDADOS PRIMÁRIOS EM ORTOPEDIA CAPÍTULO 1 Índice CUIDADOS PRIMÁRIOS EM ORTOPEDIA CAPÍTULO 1 Coluna Cervical, 1 Anatomia, 1 Estrutura Óssea, 1 Nervos Cervicais e Função Neurológica, 3 Musculatura e Estrutura dos Tecidos Moles, 4 Exame da Coluna

Leia mais

O SECRETÁRIO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. no uso de suas atribuições, RESOLVE:

O SECRETÁRIO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. no uso de suas atribuições, RESOLVE: PORTARIA N 42/MS/SAS DE 17 DE MARÇO DE 1994 O SECRETÁRIO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. no uso de suas atribuições, RESOLVE: 1. Estabelecer os procedimentos de Alta Complexidade da área de Ortopedia. constantes

Leia mais

Dados Gerais sobre Acidentes no Brasil e Grandes Regiões e seus Estados 2007.

Dados Gerais sobre Acidentes no Brasil e Grandes Regiões e seus Estados 2007. Dados Gerais sobre Acidentes no Brasil e Grandes Regiões e seus Estados 2007. Estatísticas de Acidente de Trabalho no Brasil BLOG DIESAT: Leia notícias atualizadas sobre Acidente de Trabalho: http://diesat.blogspot.com/search/label/acidente%20de%20trabalho

Leia mais

7/4/2011 ABORDAGEM AO PACIENTE TRAUMATIZADO GRAVE: Reconhecer as lesões músculoesqueléticas. Reconhecer a biomecânica do trauma.

7/4/2011 ABORDAGEM AO PACIENTE TRAUMATIZADO GRAVE: Reconhecer as lesões músculoesqueléticas. Reconhecer a biomecânica do trauma. TRAUMATISMOS DOS MEMBROS Atendimento Inicial e Imobilizações ABORDAGEM AO PACIENTE TRAUMATIZADO GRAVE: Manter as prioridades da avalição ABC Não se distrair com lesões músculo-esqueléticas dramáticas que

Leia mais

RETALHOS LIVRES PARA O COTOVELO E ANTEBRAÇO

RETALHOS LIVRES PARA O COTOVELO E ANTEBRAÇO RETALHOS LIVRES PARA O COTOVELO E ANTEBRAÇO Mário Yoshihide Kuwae 1, Ricardo Pereira da Silva 2 INTRODUÇÃO O antebraço e cotovelo apresentam características distintas quanto a cobertura cutânea, nas lesões

Leia mais

SISTEMA LOCOMOTOR OSSOS E MÚSCULOS. Profa. Cristiane Rangel Ciências 8º ano

SISTEMA LOCOMOTOR OSSOS E MÚSCULOS. Profa. Cristiane Rangel Ciências 8º ano SISTEMA LOCOMOTOR OSSOS E MÚSCULOS Profa. Cristiane Rangel Ciências 8º ano O esqueleto FOTOS: ROGER HARRIS / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK Como saber se um esqueleto é de homem ou de mulher? Que funções

Leia mais

ANATOMIA HUMANA I. Acidentes Ósseos. Prof. Me. Fabio Milioni. Características Anatômicas de Superfície dos Ossos

ANATOMIA HUMANA I. Acidentes Ósseos. Prof. Me. Fabio Milioni. Características Anatômicas de Superfície dos Ossos ANATOMIA HUMANA I Acidentes Ósseos Prof. Me. Fabio Milioni Características Anatômicas de Superfície dos Ossos As superfícies dos ossos possuem várias características estruturais adaptadas a funções específicas.

Leia mais

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS MÉDICO ORTOPEDISTA. Referentemente à avaliação do paciente vítima de politrauma, é correto afirmar, EXCETO:

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS MÉDICO ORTOPEDISTA. Referentemente à avaliação do paciente vítima de politrauma, é correto afirmar, EXCETO: 12 PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS MÉDICO ORTOPEDISTA QUESTÃO 21 Referentemente à avaliação do paciente vítima de politrauma, é correto afirmar, EXCETO: a) O politrauma é a uma das principais causas

Leia mais

Tabela Fundamental de indenizações. Portaria nº 4-11/06/59. CABEÇA. a) Crânio e face.

Tabela Fundamental de indenizações. Portaria nº 4-11/06/59. CABEÇA. a) Crânio e face. Tabela Fundamental de indenizações. Portaria nº 4-11/06/59. CABEÇA a) Crânio e face. A classificação será feita aplicando-se os critérios relativos ao prejuízo estético alterações psíquicas e neurológicas

Leia mais

Esqueleto apendicular

Esqueleto apendicular 2010 Esqueleto apendicular http://www.imagingonline.com.br/ Esse capítulo enfoca os ossos que formam os esqueletos apendiculares superiores, inferiores e seus respectivos cíngulos.. No final do capítulo,

Leia mais

Apólice de Seguro Ciclo Macif

Apólice de Seguro Ciclo Macif Apólice de Seguro Ciclo Macif INDICE CONDIÇÕES GERAIS Cláusula Preliminar CAPÍTULO I Cláusula 1ª Cláusula 2ª Cláusula 3ª Cláusula 4ª CAPÍTULO II Cláusula 5ª Cláusula 6ª Cláusula ª Cláusula 8ª Cláusula

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ PROVA PRÁTICA DE RESIDÊNCIA MÉDICA 2009 CIRURGIA DE MÃO

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ PROVA PRÁTICA DE RESIDÊNCIA MÉDICA 2009 CIRURGIA DE MÃO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ PROVA PRÁTICA DE RESIDÊNCIA MÉDICA 2009 CIRURGIA DE MÃO ESPECIALIDADES COM PRÉ-REQUISITO DE 2 ANOS DE ORTOPEDIA OU CIRURGIA PLÁSTICA 1 QUESTÃO 1 - Na figura abaixo:

Leia mais

Teórica: Aula expositiva dialogada com projeção de imagens e manipulação do esqueleto de resina, articulado.

Teórica: Aula expositiva dialogada com projeção de imagens e manipulação do esqueleto de resina, articulado. Aulas 2 e 3 Tema: Sistema esquelético Objetivos Mediar os conhecimentos científicos dos conteúdos propostos para que o aluno seja capaz de: Identificar a estrutura geral do Esqueleto Humano; Identificar

Leia mais

PROCEDIMENTOS HOSPITAL-DIA

PROCEDIMENTOS HOSPITAL-DIA PROCEDIMENTOS HOSPITAL-DIA PROCEDIMENTO PERM. DESCRIÇÃO PORTE 39.03.010-5 HD VARIZES - TRAT. CIRUR. UNIL. 1 MEMBRO 3 39.03.011-3 HD VARIZES - TRAT. CIRUR. BILAR. 2 MEMBRO 5 41.13.001-4 HD EXERESE CISTO

Leia mais

UND 1 R$ 8.850,000 R$ 8.850,00 23402.002009/2010-16 MICROLLAGOS MICROSCOPIA CIENTIFICA LTDA 3B 3B

UND 1 R$ 8.850,000 R$ 8.850,00 23402.002009/2010-16 MICROLLAGOS MICROSCOPIA CIENTIFICA LTDA 3B 3B FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO SECRETÁRIA DE GESTÃO E ORÇAMENTO Visando a aquisição de equipamentos para laboratório - Pregão 56/2010 Processo nº 23402.001770/2010-22 Empenho Entrega

Leia mais

BANDAGEM FUNCIONAL. Prof. Thiago Y. Fukuda

BANDAGEM FUNCIONAL. Prof. Thiago Y. Fukuda BANDAGEM FUNCIONAL Prof. Thiago Y. Fukuda INTRODUÇÃO (BANDAGEM) Refere-se à aplicação de algum tipo de fita protetora que adere à pele de determinada articulação. A bandagem quando aplicada corretamente,

Leia mais

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA Nº 001/2016

RESOLUÇÃO DA DIRETORIA Nº 001/2016 RESOLUÇÃO DA DIRETORIA Nº 001/2016 A Diretoria Administrativa do Consórcio Público Intermunicipal de Saúde do Norte Pioneiro - CISNORPI, no uso de suas atribuições legais, resolve: Regulamentar o Credenciamento

Leia mais

NOME. Fichas de Estudo

NOME. Fichas de Estudo NOME Fichas de Estudo O ESQUELETO OS OSSOS Conhecer a constituição dos ossos, como se formam As partes duras que o homem tem no interior do seu corpo chama-se ossos. O conjunto de todos os ossos forma

Leia mais

Site: www.med-rad.med.br

Site: www.med-rad.med.br AMB TUSS PROCEDIMENTO TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA DESC PART 34010017 41001109 TOMOG. COMP. ABDOMEN SUPERIOR C/C 550,00 805,00 34010201 41001095 TOMOG. COMP. ABDOMEN TOTAL C/C 750,00 1.030,00 34010025 41001141

Leia mais

Exercícios Práticos de Anatomia Veterinária

Exercícios Práticos de Anatomia Veterinária Unic - Universidade de Cuiabá Faculdade de medicina veterinária - 1 - Disciplina de Ciências Morfofuncionais Aplicadas a Medicina Veterinária I Exercícios Práticos de Anatomia Veterinária SUMÁRIO - 2 -

Leia mais

Formação Interna Ortopedia Técnica

Formação Interna Ortopedia Técnica Formação Interna Ortopedia Técnica Maria Martins Costa 17 de Setembro de 2013 Tronco Dor lombar insuficiência muscular; Disturbios ligamentosos Dor lombar disturbios das articulações; Desequilibrio do

Leia mais

CAPÍTULO 02- ERGONOMIA Prof. Mauro Ferreira

CAPÍTULO 02- ERGONOMIA Prof. Mauro Ferreira CAPÍTULO 02- ERGONOMIA Prof. Mauro Ferreira NOÇÕES BÁSICAS DE ANATOMIA E FISIOLOGIA Identificação das Limitações do Organismo Humano Sabendo-se que a Ergonomia tem por objetivo adequar o trabalho às características

Leia mais

PROCEDIMENTOS QUE NECESSITAM DE AUTORIZAÇÃO PRÉVIA / PERÍCIA DO PAS / TRT8

PROCEDIMENTOS QUE NECESSITAM DE AUTORIZAÇÃO PRÉVIA / PERÍCIA DO PAS / TRT8 PROCEDIMENTOS QUE NECESSITAM DE AUTORIZAÇÃO PRÉVIA / PERÍCIA DO PAS / TRT8 s Fisioterápicos Acupuntura (sessão) RPG (Sessão) Fisioterapia (Sessão) Hidroterapia (sessão) Pilates (Sessão) - Para autorização

Leia mais

ANATOMIA HUMANA I. Sistema Esquelético. Prof. Me. Fabio Milioni

ANATOMIA HUMANA I. Sistema Esquelético. Prof. Me. Fabio Milioni ANATOMIA HUMANA I Sistema Esquelético Prof. Me. Fabio Milioni FUNÇÕES Sustentação Proteção Auxílio ao movimento Armazenamento de minerais Formação de células sanguíneas 1 CLASSIFICAÇÃO DOS OSSOS Longos

Leia mais

Prefeitura da Estãncia de Atibaia

Prefeitura da Estãncia de Atibaia Prefeitura da Estãncia de Atibaia 4 ANEXO I A5 a A9 Tuberculose Somente quando em tratamento 6 meses A30 Hanseníase Somente durante tratamento B24 Doença pelo Virus da Imunodeficiência Humana (HIV) Somente

Leia mais

EXAME CLÍNICO DE MEMBROS SUPERIORES E COLUNA ATIVO CONTRA-RESISTÊNCIA MOVIMENTAÇÃO ATIVA

EXAME CLÍNICO DE MEMBROS SUPERIORES E COLUNA ATIVO CONTRA-RESISTÊNCIA MOVIMENTAÇÃO ATIVA Logomarca da empresa Nome: N.º Registro ESQUERDA EXAME CLÍNICO DE MEMBROS SUPERIORES E COLUNA ATIVO CONTRA-RESISTÊNCIA MOVIMENTAÇÃO ATIVA PESCOÇO (COLUNA CERVICAL) Inclinação (flexão lateral) OMBROS Abdução

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 225/94 - Primeira Câmara - Ata 27/94 Processo nº TC 375.073/93-0 Responsável: Homero Gomes - CPF 001.983.076/91 Unidade: Hospital e Maternidade Santa

Leia mais

INSTITUTO DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA CID 10

INSTITUTO DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA CID 10 INSTITUTO DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA CID 10 Com base no compromisso assumido pelo Governo Brasileiro, quando da realização da 43ª Assembléia Mundial de Saúde, o Ministério da Saúde, por intermédio da

Leia mais

1) PANTURRILHAS. b) Músculos envolvidos Gastrocnêmios medial e lateral, sóleo, tibial posterior, fibular longo e curto, plantar (débil),

1) PANTURRILHAS. b) Músculos envolvidos Gastrocnêmios medial e lateral, sóleo, tibial posterior, fibular longo e curto, plantar (débil), 1 1) PANTURRILHAS 1.1 GERAL De pé, tronco ereto, abdômen contraído, de frente para o espaldar, a uma distância de um passo. Pés na largura dos quadris, levar uma das pernas à frente inclinando o tronco

Leia mais

SOCIEDADE BRASILEIRA DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA Procedimentos videoartroscópicos Procedimentos Porte

SOCIEDADE BRASILEIRA DE ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA Procedimentos videoartroscópicos Procedimentos Porte RESOLUÇÃO NORMATIVA CNHM Nº 003/2007 AOS MÉDICOS, HOSPITAIS E ENTIDADES CONTRATANTES A Comissão Nacional de Honorários Médicos e Sociedades Brasileiras de Especialidade comunicam as seguintes alterações,

Leia mais

Osteologia. Estudo da estrutura dos ossos oste = osso; logia = estudo de

Osteologia. Estudo da estrutura dos ossos oste = osso; logia = estudo de Osteologia Estudo da estrutura dos ossos oste = osso; logia = estudo de Ossos Ossos são orgãos esbranquiçados, muito duros, que unindo-se aos outros por meio de junturas ou articulações, constituem o esqueleto.

Leia mais

TRAUMATISMO RAQUIMEDULAR TRM. Prof. Fernando Ramos Gonçalves-Msc

TRAUMATISMO RAQUIMEDULAR TRM. Prof. Fernando Ramos Gonçalves-Msc TRAUMATISMO RAQUIMEDULAR TRM Prof. Fernando Ramos Gonçalves-Msc 1 TRM Traumatismo Raqui- Medular Lesão Traumática da raqui(coluna) e medula espinal resultando algum grau de comprometimento temporário ou

Leia mais

Cinesioterapia\UNIME Docente:Kalline Camboim

Cinesioterapia\UNIME Docente:Kalline Camboim Cinesioterapia\UNIME Docente:Kalline Camboim Cabeça do fêmur com o acetábulo Articulação sinovial, esferóide e triaxial. Semelhante a articulação do ombro, porém com menor ADM e mais estável. Cápsula articular

Leia mais

10101004 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - CONSULTA 10102000 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - VISITAS 10103007 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS -

10101004 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - CONSULTA 10102000 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - VISITAS 10103007 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - Código SUGRUPO 10101004 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - CONSULTA 10102000 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - VISITAS 10103007 PROCEDIMENTOS GERAIS - CONSULTAS - RECÉM-NASCIDO 10104003 PROCEDIMENTOS

Leia mais

Resolução CNRM Nº 02, de 20 de agosto de 2007

Resolução CNRM Nº 02, de 20 de agosto de 2007 Resolução CNRM Nº 02, de 20 de agosto de 2007 Dispõe sobre a duração e o conteúdo programático da Residência Médica de Cirurgia da Mão O PRESIDENTE DA COMISSÃO NACIONAL DE RESIDÊNCIA MÉDICA, no uso das

Leia mais

Obs- Pacientes do sexo feminino em idade fértil e com suspeita de gravidez ou atraso menstrual devem informar ao técnico de exame.

Obs- Pacientes do sexo feminino em idade fértil e com suspeita de gravidez ou atraso menstrual devem informar ao técnico de exame. PREPAROS PARA RESSONÂNCIA RESSONÂNCIA CRÂNIO - Trazer exames anteriores (tomografiae ressonância de crânio, rx de crânio, eletroencefalograma). RESSONÂNCIA SELA TÚRCICA - Trazer exames anteriores (tomografia

Leia mais

COMISSÃO DE ENSINO E TREINAMENTO DA SBOT Programa de Ensino e Treinamento em Ortopedia e Traumatologia

COMISSÃO DE ENSINO E TREINAMENTO DA SBOT Programa de Ensino e Treinamento em Ortopedia e Traumatologia 1 COMISSÃO DE ENSINO E TREINAMENTO DA SBOT Programa de Ensino e Treinamento em Ortopedia e Traumatologia INTRODUÇÃO Um serviço de especialização em Ortopedia e Traumatologia tem como MISSÂO Especializar

Leia mais

TABELA PARTICULAR DIMASUL

TABELA PARTICULAR DIMASUL TABELA PARTICULAR DIMASUL DOPPLER V.PART DESC. V. PARCERIA DOPPLER ABDOMINAL 23,170 4,634 18,536 DOPPLER ARTERIAL MEMB.INF. 23,170 4,634 18,536 DOPPLER ARTERIAL MEMB.SUP. 23,170 4,634 18,536 DOPPLER DOS

Leia mais

- Poderá tomar todos os outros medicamentos que usa, com pouco água ½ copo.

- Poderá tomar todos os outros medicamentos que usa, com pouco água ½ copo. PREPAROS PARA TOMOGRAFIA TOMOGRAFIA CRÂNIO - Jejum - 2 horas. - Trazer exames anteriores (tomografia, ressonância e rx de crânio, eletroencefalograma) - Clientes diabéticos e em uso de CLORIDRATO DE METFORMINA

Leia mais

TABELA DE HONORÁRIOS CIRÚRGICOS

TABELA DE HONORÁRIOS CIRÚRGICOS 1 TABELA DE HONORÁRIOS CIRÚRGICOS Relação adotada entre peso e porte dos pacientes (P, M, G, Gigante). COD. PROCEDIMENTO VALOR (R$) 1. CIRURGIA 1 Caudectomia terapêutica adulto pequeno 200,00 2 Caudectomia

Leia mais

Conteúdo do curso de massagem sueca na Bergqvist Massagem e Treinamento

Conteúdo do curso de massagem sueca na Bergqvist Massagem e Treinamento Conteúdo do curso de massagem sueca na Bergqvist Massagem e Treinamento Prática Massagem sueca Per Henrik Ling fundou a massagem sueca no século 19 depois de estudar as massagens antigas da Grécia e do

Leia mais

GRUPO 13 - ESPECIALIDADE COM PRÉ-REQUISITO EM ORTOPEDIA/TRAUMATOLOGIA (CIRURGIA DE COLUNA)

GRUPO 13 - ESPECIALIDADE COM PRÉ-REQUISITO EM ORTOPEDIA/TRAUMATOLOGIA (CIRURGIA DE COLUNA) DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO Não deixe de preencher as informações a seguir: SECRETARIA DE SAÚDE DE PERNAMBUCO PROCESSO SELETIVO À RESIDÊNCIA MÉDICA Prédio Sala Nome Nº de Identidade Órgão Expedidor

Leia mais

Sobre as propriedades da laserterapia de baixa potência, relacione as colunas abaixo: I. Monocromaticidade. II. Colimação. III. Coerência.

Sobre as propriedades da laserterapia de baixa potência, relacione as colunas abaixo: I. Monocromaticidade. II. Colimação. III. Coerência. LASER Sobre as propriedades da laserterapia de baixa potência, relacione as colunas abaixo: I. Monocromaticidade. II. Colimação. III. Coerência. ( ) A luz emitida pelos aparelhos laser apresenta a mesma

Leia mais

AMB Descrição - AMB TUSS Descrição - CBHPM Co-participação 32010141 Adenoides: lateral 40801128 Adenóides ou cavum R$ 4,60

AMB Descrição - AMB TUSS Descrição - CBHPM Co-participação 32010141 Adenoides: lateral 40801128 Adenóides ou cavum R$ 4,60 32010141 Adenoides: lateral 40801128 Adenóides ou cavum R$ 4,60 32010206 Arcada Dentaria (por arcada) 40801160 Arcada dentária (por arcada) R$ 4,33 Arcos zigomaticos - malar - estiloides: AP Arcos zigomáticos

Leia mais

Constituição do Esqueleto

Constituição do Esqueleto O ESQUELETO HUMANO Funções do Esqueleto O esqueleto humano constitui a estrutura que dá apoio ao corpo, protege os órgãos internos e assegura a realização dos movimentos, juntamente com o sistema muscular.

Leia mais

CERTIFICAÇÃO EM TREINAMENTO FUNCIONAL (CORE) Educador Silvio Pecoraro

CERTIFICAÇÃO EM TREINAMENTO FUNCIONAL (CORE) Educador Silvio Pecoraro CERTIFICAÇÃO EM TREINAMENTO FUNCIONAL (CORE) Educador Silvio Pecoraro Quais as características do Treinamento Funcional? Desenvolver e melhorar as capacidades físicas através de estímulos que proporcionam

Leia mais

Residência em Ortopedia e Traumatologia

Residência em Ortopedia e Traumatologia Residência em Ortopedia e Traumatologia FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG NOVO COLEGA DR. ARTUR CRUZ 05 MAIO - 2008 CURSO AO RIO GRANDE 27º NÚMERO UNIDADE DO TRAUMA TELEFONES DA URGENCIA

Leia mais

Possibilita excelente avaliação e análise morfológica, com diferenciação espontânea para :

Possibilita excelente avaliação e análise morfológica, com diferenciação espontânea para : JOELHO JOELHO RM do Joelho Possibilita excelente avaliação e análise morfológica, com diferenciação espontânea para : ligamentos, meniscos e tendões músculos, vasos e tecido adiposo osso cortical ( hipointenso

Leia mais

MARÇO.2013. 22-Sexta -Feira 19 Horas PEC-Ombro,Cotovelo e Artroscopia PEC-Ombro,Cotovelo e Artroscopia

MARÇO.2013. 22-Sexta -Feira 19 Horas PEC-Ombro,Cotovelo e Artroscopia PEC-Ombro,Cotovelo e Artroscopia MARÇO.2013 01- Sexta-Feira 17 Horas MD. Rodrigo A. Tisot Revisão de Rx - Coluna 04 - Segunda-Feira 17 Horas MD. CÉSAR MARTINS REVISÃO DE RX - JOELHO 05 - Terça- Feira 17 Horas MD. GASTON / JOÃO MARCUS

Leia mais

TABELA DE CÓDIGOS DE PROCEDIMENTOS

TABELA DE CÓDIGOS DE PROCEDIMENTOS TABELA DE CÓDIGOS DE PROCEDIMENTOS Central de Atendimento: 41 3362.3111 solicite através do site: /solicite- RESSONÂNCIA MAGNÉTICA TUSS DESCRIÇÃO (Funsep) DESCRIÇÃO AMB 41101014 Crânio (encéfalo) 36010014

Leia mais

[213] 96. LESÕES MÚSCULO-ESQUELÉTICAS

[213] 96. LESÕES MÚSCULO-ESQUELÉTICAS Parte IV P R O T O C O L O S D E T R A U M A [213] rotina consiste em infundir 20 ml/kg em bolus de solução de Ringer e reavaliar o paciente em seguida. Manter a pressão sistólica entre 90 e 100 mmhg.

Leia mais

MMII: Perna Tornozelo e Pé

MMII: Perna Tornozelo e Pé MMII: Perna Tornozelo e Pé Perna:Estruturas anatômicas Articulações visualizadas Incidências 1- AP Indicação Patologias envolvendo fraturas, corpos estranhos ou lesões ósseas. Perfil Indicação - Localização

Leia mais

MERIDIANO DO PULMÃO 11 PONTOS PONTO LOCALIZAÇÃO FUNÇÃO PAREDE TORÁCIA ANTERIOR, 1 CUN ABAIXO DE P2

MERIDIANO DO PULMÃO 11 PONTOS PONTO LOCALIZAÇÃO FUNÇÃO PAREDE TORÁCIA ANTERIOR, 1 CUN ABAIXO DE P2 MERIDIANO DO PULMÃO 11 PONTOS PONTO LOCALIZAÇÃO FUNÇÃO P1 NA PARTE SUPERIOR LATERAL DA PAREDE TORÁCIA ANTERIOR, 1 CUN ABAIXO DE P2 P2 P3 NA PARTE SUPERIOR LATERAL DA PAREDE TORÁCICA ANTERIOR, ACIMA DA

Leia mais

ARTICULAÇÕES por Dra. Kaori Nakano

ARTICULAÇÕES por Dra. Kaori Nakano ARTICULAÇÕES por Dra. Kaori Nakano A articulação é formada pela coaptação de dois ossos com o auxílio de músculos esqueléticos, ligamentos e cápsula articular. Para uma melhor compreensão é necessário

Leia mais

PROTOCOLOS INICIAIS DE RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NEURO PADI NORMA 1. convexidade e seio sagital superior

PROTOCOLOS INICIAIS DE RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NEURO PADI NORMA 1. convexidade e seio sagital superior 1 de 37 PROTOCOLOS INICIAIS DE RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NEURO PADI NORMA 1 1. RM Crânio Isquemia Aguda Sequências Mínimas Obrigatórias Contraste da imagem Cobertura anatômica Resolução espacial Sagital T1

Leia mais

EXAME DO JOELHO P R O F. C A M I L A A R A G Ã O A L M E I D A

EXAME DO JOELHO P R O F. C A M I L A A R A G Ã O A L M E I D A EXAME DO JOELHO P R O F. C A M I L A A R A G Ã O A L M E I D A INTRODUÇÃO Maior articulação do corpo Permite ampla extensão de movimentos Suscetível a lesões traumáticas Esforço Sem proteção por tecido

Leia mais

FERIMENTOS. Classificação dos ferimentos abertos

FERIMENTOS. Classificação dos ferimentos abertos FERIMENTOS Ferimentos são lesões resultantes de agressão sobre as partes moles, provocadas por um agente traumático, acarretando dano tecidual. Podem ser classificados em abertos ou fechados, superficiais

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO O Município de Quatro Irmãos/RS, comunica aos interessados que está procedendo ao CHAMAMENTO PÚBLICO, a partir de 26 de agosto de 2011 até dia 12 de setembro de 2011, no horário

Leia mais

METADE CAUDAL DA BASE DO CRÂNIO. Vista Ventral

METADE CAUDAL DA BASE DO CRÂNIO. Vista Ventral METADE CAUDAL DA BASE DO CRÂNIO Vista Ventral 7 0 9 8 7. Côndilo do occipital;. Forame Magno;. Processo Paracondilar;. Temporal;. Forame Supraorbital;. Bula Timpânica; 7. Vômer; 8. Zigomático; 9. Asa do

Leia mais

Apólice de Seguro de Acidentes Pessoais

Apólice de Seguro de Acidentes Pessoais Apólice de Seguro de Acidentes Pessoais INDIE ONDIÇÕES GERAIS láusula Preliminar APÍTULO I láusula 1.ª láusula.ª láusula 3.ª láusula 4.ª láusula.ª láusula.ª láusula 7.ª láusula 8.ª APÍTULO II láusula

Leia mais

PROTOCOLOS INICIAIS DE RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NEURO PADI NORMA 1

PROTOCOLOS INICIAIS DE RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NEURO PADI NORMA 1 Consulta Pública 1 de 37 PROTOCOLOS INICIAIS DE RESSONÂNCIA MAGNÉTICA NEURO PADI NORMA 1 1. RM Crânio Isquemia Aguda Sequências Mínimas Obrigatórias Contraste da imagem Cobertura anatômica Resolução espacial

Leia mais

Anatomia Geral. http://d-nb.info/1058614592. 1 Filogênese e Ontogênese Humanas. 5 Músculos. 6 Vasos. 2 Visão Geral do Corpo Humano

Anatomia Geral. http://d-nb.info/1058614592. 1 Filogênese e Ontogênese Humanas. 5 Músculos. 6 Vasos. 2 Visão Geral do Corpo Humano Anatomia Geral 1 Filogênese e Ontogênese Humanas 1.1 Filogênese Humana 2 1.2 Ontogênese Humana: Visão Geral, Fecundação e Estágios Iniciais do Desenvolvimento 4 1.3 Gastrulação, Neurulação e Formação dos

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS EFETIVOS DA PREFEITURA MUNICIPAL DE GENERAL CARNEIRO

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS EFETIVOS DA PREFEITURA MUNICIPAL DE GENERAL CARNEIRO CADERNO DE PROVAS Cargo Nº. DE INSCRIÇÃO DO CANDIDATO Domingo, 4 de dezembro de 2011. 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 ANTES

Leia mais

Ministério da Saúde - MS Secretaria de Atenção à Saúde Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS

Ministério da Saúde - MS Secretaria de Atenção à Saúde Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS Ministério da Saúde - MS Secretaria de Atenção à Saúde Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS 01.01.01.002-8 Procedimento x CBO ATIVIDADE EDUCATIVA / ORIENTACAO

Leia mais

INTRODUÇÃO À RADIOLOGIA MUSCULO-ESQUELÉTICA

INTRODUÇÃO À RADIOLOGIA MUSCULO-ESQUELÉTICA INTRODUÇÃO À RADIOLOGIA MUSCULO-ESQUELÉTICA Prof. Rodrigo Aguiar O sistema músculo-esquelético é formado por ossos, articulações, músculos, tendões, nervos periféricos e partes moles adjacentes. Em grande

Leia mais

Fraturas do Terço Médio da Face

Fraturas do Terço Médio da Face Fraturas do Terço Médio da Face Epidemiologia: Pico de incidência entre 15 e 30 anos Homens correspondem a 60-80% As principais causas são acidente automobilístico, agressão, esportes radicais e quedas

Leia mais

Sistema Esquelético Humano. Sistema Esquelético Humano. Sistema Esquelético Humano. Esqueleto axial. Sistema Esquelético Humano.

Sistema Esquelético Humano. Sistema Esquelético Humano. Sistema Esquelético Humano. Esqueleto axial. Sistema Esquelético Humano. Anatomia Humana Sistema Esquelético Ed. Física Prof. Cláudio Costa Osteologia: É o estudo dos ossos. Composição do Sistema Ósseo: 206 peças duras, resistentes e flexíveis chamadas ossos, pelas cartilagens

Leia mais

TABELA COMPATIBILIDADE ÓRTESE E PRÓTESE

TABELA COMPATIBILIDADE ÓRTESE E PRÓTESE TABELA COMPATIBILIDADE ÓRTESE E PRÓTESE Anexo da Tabela de Honorarios e Serviços para Área de Saúde - Ipsemg Julho de 203 Página Atualização - JULHO/203 PROCEDIMENTOS CLÍNICOS AMBULATORIAIS PROCEDIMENTOS

Leia mais

MS/DATASUS 26/09/2011 12:52:37 M330455001

MS/DATASUS 26/09/2011 12:52:37 M330455001 26/09/2011 12:52:37 Página: 1 COMPLEXIDADE: MEDIA COMPLEXIDADE FINANCIAMENTO: Fundo de Ações Estratégicas e TIPO FINANC: Central Nacional de Estabelecimento: 2273276 MS INTO INSTITUTO NACIONAL DE TRAUMATOLOGIA

Leia mais

PROCEDIMENTOS DE ULTRA SONOGRAFIA DESCRIÇÃO

PROCEDIMENTOS DE ULTRA SONOGRAFIA DESCRIÇÃO PROCEDIMENTOS DE ULTRA SONOGRAFIA VALOR A PAGAR UROGRAFIA ESCRETORA R$ 120,00 US ABDOMEM SUPERIOR R$ 65,00 US ABDOMEM TOTAL R$ 100,00 US ABDOMEN INFERIOR FEMININO R$ 60,00 US ABDOMEN INFERIOR MASCULINO

Leia mais

ERGONOMIA. Anatomia e Fisiologia - Limitações do Organismo Humano

ERGONOMIA. Anatomia e Fisiologia - Limitações do Organismo Humano Verificamos um exemplo, da operária, de como é importante para o profissional de Segurança e Higiene do Trabalho conhecer as limitações do corpo humano e como este pode se sobrecarregar, com o intuito

Leia mais

EDITAL Nº 12/2014 PROVA DE TÉCNICO EM IMOBILIZAÇÃO

EDITAL Nº 12/2014 PROVA DE TÉCNICO EM IMOBILIZAÇÃO SELEÇÃO PÚBLICA PARA A CONTRATAÇÃO POR TEMPO DETERMINADO DE PROFISSIONAIS DA ÁREA DE SAÚDE EDITAL Nº 12/2014 PROVA DE TÉCNICO EM IMOBILIZAÇÃO PROVA OBJETIVA DATA: 13 DE ABRIL DE 2014 DURAÇÃO: 03 horas

Leia mais

Lesoes Osteoarticulares e de Esforco

Lesoes Osteoarticulares e de Esforco Lesoes Osteoarticulares e de Esforco Dr.Roberto Amin Khouri Ortopedia e Traumatologia Ler/Dort Distúrbio osteoarticular relacionado com o trabalho. Conjunto heterogênio de quadros clínicos que acometem:

Leia mais

Tabela 22 - Terminologia de procedimentos e eventos em saúde

Tabela 22 - Terminologia de procedimentos e eventos em saúde de 40801012 RX - Crânio - 2 incidências 40801020 RX - Crânio - 3 incidências 40801039 RX - Crânio - 4 incidências 40801047 RX - Orelha, mastóides ou rochedos - bilateral 40801055 RX - Órbitas - bilateral

Leia mais

Seqüência completa de automassagem

Seqüência completa de automassagem Seqüência completa de automassagem Os exercícios descritos a seguir foram inspirados no livro Curso de Massagem Oriental, de Armando S. B. Austregésilo e podem ser feitos em casa, de manhã ou à tardinha.

Leia mais

Ministério da Saúde - MS Secretaria de Atenção à Saúde Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS

Ministério da Saúde - MS Secretaria de Atenção à Saúde Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS Ministério da Saúde - MS Secretaria de Atenção à Saúde Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS 01.01.01.001-0 Procedimento x CBO ATIVIDADE EDUCATIVA / ORIENTACAO

Leia mais

CIRURGIA DA MÃO. edudata. Universidade Federal de São Paulo COREME Residência MÉDICA 2014

CIRURGIA DA MÃO. edudata. Universidade Federal de São Paulo COREME Residência MÉDICA 2014 Universidade Federal de São Paulo COREME Residência MÉDICA 2014 CIRURGIA DA MÃO Nome do Candidato N.Inscrição INSTRUÇÕES Verifique se este caderno de prova contém um total de 40 questões, numeradas de

Leia mais

210 RX Periapical R$ 7,00 220 RX Bite-Wing (Interproximal) R$ 7,00 310 RX Oclusal R$ 14,00 300-490 - 3 URGÊNCIAS/EMERGÊNCIAS ODONTOLÓGICAS

210 RX Periapical R$ 7,00 220 RX Bite-Wing (Interproximal) R$ 7,00 310 RX Oclusal R$ 14,00 300-490 - 3 URGÊNCIAS/EMERGÊNCIAS ODONTOLÓGICAS 1 - DIAGNÓSTICO 100-490 110 Consulta Inicial (Exame Clínico e Orçamento) (VALID. 6 meses) R$ 45,00 120 Urgência odontológica R$ 45,00 130 Exame histopatológico*** (somente clínicas especializadas) ***

Leia mais

CINESIOLOGIA DA COLUNA VERTEBRAL. Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior

CINESIOLOGIA DA COLUNA VERTEBRAL. Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior CINESIOLOGIA DA COLUNA VERTEBRAL Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior COLUNA VERTEBRAL 7 vértebras cervicais 12 vértebras torácicas 5 vértebras lombares 5 vértebras sacrais 4 vértebras coccígeas anterior

Leia mais

MS/DATASUS 23/05/2012 10:23:44 E430000001

MS/DATASUS 23/05/2012 10:23:44 E430000001 23/05/2012 10:23:44 Gestor: - Secretaria Estadual da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul Página: 1 PASSO FUNDO COMPLEXIDADE: MEDIA COMPLEXIDADE FINANCIAMENTO: Fundo de Ações Estratégicas e TIPO FINANC:

Leia mais

Anatomia - Coluna Cervical

Anatomia - Coluna Cervical Anatomia - Coluna Cervical C1 e C2 diferem das demais vértebras da coluna por particularidades anatômicas. Massas laterais. Dente do áxis. Coluna Cervical Alta Ligamento do ápice do dente Ligamento alar

Leia mais

PRÉ-REQUISITO EM ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA OU CIRURGIA PLÁSTICA

PRÉ-REQUISITO EM ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA OU CIRURGIA PLÁSTICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE MEDICINA / HOSPITAL DAS CLÍNICAS COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA / COREME RESIDÊNCIA MÉDICA SUPLEMENTAR 2015 PRÉ-REQUISITO EM ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA OU CIRURGIA

Leia mais

2. Biomecânica do ombro

2. Biomecânica do ombro 2. Biomecânica do ombro Devido ao elevado número de elementos anatómicos intervenientes na biomecânica do ombro, a sua análise torna-se bastante complexa. Como se sabe, a função da cintura escapular requer

Leia mais

21/08/2013 *INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS *OSTEOLOGIA. Conceito. Tipos de Anatomia. Tipos de Anatomia

21/08/2013 *INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS *OSTEOLOGIA. Conceito. Tipos de Anatomia. Tipos de Anatomia *INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ANATOMIA DOS ANIMAIS DOMÉSTICOS *OSTEOLOGIA Valdirene Zabot valdirene@unochapeco.edu.br Conceito Anatomia é o ramo da ciência que trata da forma e estrutura dos organismos. Etmologicamente,

Leia mais