DIREITO AMBIENTAL PROFA. VANESSA CAROLINA FERNANDES FERRARI

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DIREITO AMBIENTAL PROFA. VANESSA CAROLINA FERNANDES FERRARI"

Transcrição

1 DIREITO AMBIENTAL PROFA. VANESSA CAROLINA FERNANDES FERRARI Direito Ambiental; Direito Ambiental histórico; Conceito de Meio Ambiente; Meio Ambiente Natural; Meio Ambiente Artificial; Meio Ambiente Cultural; Meio Ambiente do Trabalho; Constituição de 1988; SISNAMA; Princípios Constitucionais Ambientais; Competência em Matéria Ambiental; Considerações Iniciais; Competência Legislativa; Competência Material; Instrumento do Licenciamento Ambiental; Natureza Jurídica do Licenciamento Ambiental; Espaços Territoriais; Espaços Territoriais Especialmente Protegidos; Sistema Nacional de unidade de Conservação; Recursos Hídricos; Recursos Minerais; DIREITO DO CONSUMIDOR PROF. CLILTON GUIMARÃES / PROF. FLÁVIO MONTEIRO DE BARROS Direito do Consumidor; Introdução; Competência Legislativa; Microssistema Jurídico. Diálogo das Fontes; Conceito de Consumidor; Consumidor; Conceito de Fornecedor; Objeto (Elemento Material ou Objetivo); Serviços Públicos; Da política nacional de relações de consumo; Introdução; Princípio da Vulnerabilidade do Consumidor; Princípio do Dever ou Ação Governamental; Princípio da harmonização dos Interesses dos Particulares na Relação de consumo; Princípio da Garantia de Adequação; Princípio do Equilíbrio nas Relações de Consumo; Princípio da Boa-fé Objetiva; Princípio da Educação e Informação dos Consumidores e Fornecedores;

2 Princípio do Incentivo ao Autocontrole ou Princípio do Controle de Qualidade e Mecanismo de Atendimento pelas P roprias Empresas; Princípio da Coibição e Repressão de Abusos no Mercado; Princípio da Racionalização e Melhoria dos Serviçoes Públicos; Princípio do Estudo das Modificações do Mercado; Execução da Política Nacional de Consumo; Direitos Básicos do Consumidor; Introdução; Direito à Vida, Saúde e Segurança; Direito à Educação, Divulgação e Informação sobre o consumo adequado; Direito à Proteção contra Publicidade Enganosa ou Abusiva; Direito à Revisão Contratual; Direito à Prevenção e Reparação dos Danos; Direito a Facilitação da Defesa; Direito à Adequada e Eficaz Prestação de Serviços Públicos em Geral; Responsabilidade Solidária; Responsabilidade Civil do Fornecedor; Introdução; Sistematização; Requisitos da Responsabilidade Civil; Responsabilidade pelo Fato do Produto; Responsabilidade Civil pelo Fato do Serviço; Prazo para a ação; Responsabilidade Civil Pelo Vício do Produto ou Serviço; Teoria da Desconsideração da Pessoa Jurídica; Introdução; Conceito; Espécies; A Desconsideração da Personalidade Jurídica do CDC; Distinção entre a Teoria Menor da Desconsideração da Pessoa Jurídica e a Responsabilidade Subsidiária dos Sócios; Responsabilidade das Sociedades; Das Práticas Comerciais; Introdução; Oferta; Apresentação dos Produtos ou Serviços; Reposição de Peças; Venda por Telefone ou Reembolso Postal; Responsabilidade pelos Atos dos Prepostos; Ações Judiciais; Publicidade; Princípio da Vinculação; Princípio da Identificação; Princípio da Transparência da Fundamentação; Princípio da Veracidade; Princípio da Não Abusividade; Contrapropaganda;

3 Princípio da Inversão do Ônus da Prova; Princípio da Lealdade Publicitária; Práticas Abusivas; Teoria dos Atos Próprios; Análise das Práticas Abusivas Constantes no artigo 39; Venda Casada ou Operação Casada e Venda Condicionada a Limites quantitativos; Recusar-se a Contratar; Envio de Produto Não Solicitado e Execução de Serviço sem Prévio Orçamento; Dolo de Aproveitamento; Lesão Enorme; Preço e Reajuste Abusivo; Obrigação sem Prazo; Cobrança de Dívidas; Cobrança Vexatória ou Coativa; Cobrança Indevida; Bancos de Dados e Cadastro de Consumidor; Limites; Direito de Acesso; Direito à Retificação; Direito à Comunicação; Dano Moral; Cadastro de Reclamações Contra Fornecedores; Cadastro Positivo; Proteção Contratual; Introdução; Princípio da Transparência; Importância da fase Pré-contratual; Limitação ao Contrato de Adesão; Interpretação em Favor do Consumidor; Desistência do Contrato; Cláusula Abusiva; Cláusula de Não Indenizar; Impedimento de Reembolso; Transferência de Responsabilidade a Terceiro; Obrigações Iníquas e Desvantagem Exagerada; Inversão do Ônus da Prova; Arbitragem Compulsória; Imposição de Representante; Opção Exclusiva de o Fornecedor Concluir o Negócio; Alteração Unilateral do Preço; Cancelamento Unilateral do Contrato; Ressarcimento dos Custos da Cobrança; Alteração Unilateral do Contrato; Violação de Normas Ambientais; Violação do Sistema de Proteção ao Consumidor; Renúncia à Indenização por Benfeitorias necessárias;

4 Cláusulas Abusivas Administrativas; Crédito e Financiamento ao Consumidor; Cláusula de Decaimento; Sanções Administrativas; Introdução; Competência; Sanções Administrativas; DIREITO ELEITORAL PROF. ALEXANDRE KIMURA Conceito de Direito Eleitoral; Fontes; Histórico; Reforma política; Norma eleitoral; Eficácia Temporal; Direito Eleitoral na Constituição Federal; Institutos de Democracia Direita ou Participativa Lei 9.709/98; Sufrágio; Voto; Condições de elegibilidade e hipóteses de inelegibilidade; Sanções para quem não vota e não se alista; Concretização do alistamento; Documentos para se alistar; Transferência do Título; Cancelamento do Alistamento Eleitoral; Revisão do Eleitorado; Idade Mínima; Inelegibilidade; Classificação; Hipóteses legais de inelegibilidade lei complementar 64/90; Lei Complementar n.º 135/2010; Inelegibilidade específica do militares; Inabilitação por exercício de cargo público (impeachment); A proibição de candidaturas múltiplas; A proibição de candidaturas em mais de uma circunscrição eleitoral; Condenados por abuso de poder; Inelegibilidade por exclusão profissional regulamentada; Para os servidores, juízes e promotores que perderem o cargo; Inelegibilidade por fraude matrimonial; Inelegibilidade em face de corrupção eleitoral; Inelegibilidade por doação ilegal; Renúncia; Desnecessidade de potencialidade para caracterização do abuso; Desincompatibilização; Quitação eleitoral; Partidos políticos; Conceito; Conceito jurídico;

5 Sistemas partidários; Histórico dos partidos políticos no Brasil; Criação de um partido; Princípios dos partidos políticos; Requisitos para a criação de um partido político; Receitas partidárias; Fundo partidário; Sanções; Propaganda partidária; Coligações; Cláusula de barreira; Filiação partidária; Remessa das listas; Fidelidade e infidelidade partidária; Justiça eleitoral; Histórico; Competência da justiça eleitoral; Resoluções do TSE; Estrutura da justiça eleitoral; TSE; Justiça Eleitoral; TER; Das Eleições; Propaganda política; Propaganda em mídia impressa; Restrições à propaganda em mídia impressa; Debates; Propaganda em rádio e televisão; Propaganda gratuita em rádio e televisão; Propaganda no dia das eleições; Processo civil eleitoral; Regras gerais e princípios; Ações eleitoras em espécie; Impugnação ao registro da candidatura; Investigação judicial eleitoral; Ação de perda de cargo eletivo por desfiliação partidária; Mandado de segurança; Recurso especial eleitoral; Recurso ordinário eleitoral; Recurso inominado; Recurso extraordinário;ação rescisória; Embargos de declaração; Embargos infringentes; Agravo de instrumento; Penas; Competência. Prerrogativa de foro; Rito; Execução de pena; Tipos penais eleitorais;

6 Recurso contra a diplomação; Legitimados; Competência; Prazo; Rito; Ação de impugnação de mandato eletivo; Legitimados; Competência;prazo; Rito; Representação em face de irregularidades apresentadas ou previstas na Lei n.º 9.504/97; Legitimados; Prazo; Competência; Rito; Representação em face de corrupção eleitoral; Objeto; Sanção; Prazo; Legitimados; Competência; Rito; Direito de resposta; Legitimados; Prazo; Competência; Crimes contra a honra eleitoral; Difamação eleitoral; Injúria eleitoral; Crime de desobediência; Divulgação de pesquisa fraudulenta; Boca de urna; Abuso de poder; Espécies de abuso; Princípios que regem a matéria; Abuso do poder cultural; Abuso do poder econômico; Financiamento de campanha; Constituição de comitê financeiro; Recursos para as campanhas; Competência para julgamento; Regra de transparência; Prazo para prestação de contas; Abuso do poder político condutas vedadas aos agentes públicos; Vedações;

7 DIREITO PREVIDENCIÁRIO PROF. ANTONIO LOPES MONTEIRO Seguridade Social; Conceito de Seguridade Social; Princípios da Seguridade Social; Organização da Seguridade Social; Saúde; Lei 8.080/90; Lei 8.142/90; Assistência Social; Conselho Nacional da Assistência Social; Previdência Social; Características Fundamentais do Regime Geral; Conselho Nacional da Previdência Social (CNPS); Beneficiários da Previdência Social; Segurados Obrigatórios; Equiparados; Segurados Facultativos; Filiação; Dependentes ou Beneficiários Indiretos; Prestações Previdenciárias; Conceito; Espécies; Serviços; Benefícios; Benefícios de Natureza Acidentária; Natureza dos benefícios; Carência dos Benefícios; Benefícios sem Carência; Início da Carência; Benefícios em espécie; Auxílio Doença; Requisitos do Auxílio Doença; Início; Valor; Duração; Término; Aposentadoria por Invalidez; Início da Aposentadoria por Invalidez; Pensão por Morte; Carência; Requisitos para a Pensão por Morte; Início da Pensão; Duração; Valor da Pensão; Auxílio-reclusão; Requisitos;

8 Início do benefício; Duração do benefício; Término; Valor do benefício; Aposentadoria não patológica; Aposentadoria por idade; Conceito; Carência; Aposentadoria compulsória por idade; Aposentadoria rural; Valor da aposentadoria por idade; Início da aposentadoria por idade; Aposentadoria por tempo de contribuição; Conceito; Tempo de contribuição; Início do benefício; Valor desse benefício; Aposentadoria voluntária; Conceito Valor da aposentadoria especial; Início da aposentadoria especial; Salário maternidade; Início do salário maternidade; Duração do salário maternidade; Valor do salário maternidade; Salário família; Carência; Valor do Salário família; Infortunística; Acidente de trabalho; Auxílio acidente; DIREITO DO TRABALHO PROFA. VERA LÚCIA CARLOS. Direito do Trabalho aplicado na Administração Pública; Concurso público como elemento essencial para a validade do ajuste jurídico celebrado; Relação de trabalho propriamente dita; Direitos trabalhistas; Alteração d contrato de trabalho; Obrigatoriedade de concurso para trabalhar no serviço público; Salário e remuneração; Extinção da relação jurídica de emprego que se formou com o Poder Público;

9 DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS PROF. ALEXANDRE KIMURA Análise teórica dos direitos e garantias fundamentais; Quanto à existência de Direitos Fundamentais ao Logo da História; Aspectos mais importantes a serem frisados na evolução histórica; Alguns documentos mais recentes, importantes na evolução histórica dos direitos fundamentais; Conceito de direitos fundamentais; Garantias internas ou nacionais; Garantias externas ou internacionais; Fontes dos direitos fundamentais; Classificação dos direitos fundamentais; Classificação tradicional; Classificação quanto ao fundamento normativo; Classificação quanto às gerações de Direitos Fundamentais; Quanto ao conteúdo dos direitos fundamentais; Quanto ao sistema de fontes; Limites dos direitos fundamentais; Interpretação e à aplicação ou aplicabilidade das disposições relativas aos direitos e garantias fundamentais; Direitos fundamentais na CF/88; Direito à Vida; Constância da Vida; Mínimo Existencial; Mínimo vital; Impossibilidade de comercialização de partes do corpo; Doação em vida; Doação port mortem; Morte; Eutanásia; Ortotanásia; Distanásia; Igualdade; Conceito; Igualdade entre Homens e Mulheres; Racismo cor origem; Deficiência física ou mental; Defesa do consumidor; Gratuidade da prestação jurisdicional; Outras previsões; Mecanismos; Ação afirmativa; Liberdade; Sistemas de concepção das liberdades; Grupos de liberdades; Liberdade de lecomoção;

10 Movimentos alcançados pela liberdade de locomoção; Sujeitos; Remédio constitucional;direito à manifestação do pensamento; Direito de resposta; Liberdade de consciência e de crença, liberdade de convicção filosófica, liberdade de convicção política, escusa de consciência; Liberdade de Consciência; Liberdade de Convicção Filosófica; Liberdade de Convicção Política; Liberdade Religiosa; Símbolos Religiosos em Repartições Públicas; Escusa de consciência; Liberdade de Criação Intelectual, artística, científica e de comunição; Manifestação da atividade intelectual; Criação artística; Liberdade de comunicação; Direito de arena e direito de antena; Limites; Liberdade de exercício de profissão; Liberdade de informação e sigilo de fonte; A liberdade de reunião; Liberdade de associação; Segurança; Segurança em Geral; Princípio da Estrita Legalidade ou da Reserva Legal; Irretroatividade; Direito Adquirido, Ato Jurídico Perfeito e a Coisa Julgada; Direito Adquirido; Expectativa de Direito; Teoria do Fato Consumado; Ato Jurídico Perfeito; Coisa Julgada; Segurança à Vida Íntima; Intimidade; A Vida Provada; A honra; A imagem; Sigilo Bancário; Quebra do Sigilo Bancário; Ministério Público; Polícia; Fisco; Sigilo Fiscal; Inviolabilidade de Domicílio; Sigilo de Correspondência e de Comunicação; Segurança em Matéria Judiciária; Inafastabilidade da Apreciação e da Prestação Jurisdicional;

11 DIREITO ECONÔMICO PROF. PAULO CESAR NEVES Direito econômico; Conceito; Sistema comunista ou sistema estatal; Ordem econômica no Brasil; Artigo 170; Inciso I Princípio da Soberania Nacional; Inciso II e III; Inciso IV Princípio da Livre Concorrência; Direito Econômico; Busca do pleno emprego; Tratamento favorecido para as empresaas de pequeno porte; Princípio do livre exercício da atividade econômica; Código de Defesa do Consumidor (Lei 8.078/90) e Lei da Concorrência (Lei /11); Lei Antitruste lei /11; Órgãos do Sistema Brasileiro de Defesa da Concorrência; DIREITO INTERNACIONAL PROF. MANUEL FURRIELA Considerações Gerais sobre o Direito Internacional; Negativas da existência do Direito Internacional Público; Confirmações da existência do Direito Internacional; Sujeitos de Direito Internacional Público; Estado; Organização ou organismos internacionais de Direito Internacional Público; Principais órgãos das organizações internacionais; Estrutura das organizações internacionais; Classificação das organizações internacionais; Políticas; Técnicas; Exceções de sujeitos de direito internacional público; Outros sujeitos admitidos por parte da doutrina; Fontes do direito internacional público; Definição; Fontes; Tratados; Conceitos de tratados; Formato dos tratados; Considerações sobre o formato dos tratados; Terminologia dos tratados; Firmamento dos tratados; Chefe de estado;

12 Mandatário; Classificação dos tratados; Ratificação; Procedimento interno do Brasil; Ingresso no Direito Interno; Extinção dos tratados; Considerações terminológicas expressões; Considerações finais. Conceito de reserva; ONU Organização das Nações Unidas; Principais Conselhos da ONU; Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social; Conselho de Tutela; Conselho de Segurança; Direito a Veto; Corte Internacional de Justiça; Considerações Finais Sobre a ONU; TPI Tribunal Penal Internacional; FMI Fundo Monetário Internacional; BIRD Banco Internacional para Reconstrução e desenvolvimento; OMC Organização Mundial do Comércio; OIT Organização Internacional do Trabalho; Direito da Integração; Direito Comunitário; NAFTA; ALCA; MERCOSUL; Órgãos do MERCOSUL; Conselho do Mercado Comum; Grupo Mercado Comum; Comissão de Comércio do MERCOSUL; Parlamento do MERCOSUL; Secretaria; Fórum Econômico e Social do MERCOSUL; Solução de Controvérsias do MERCOSUL; Tratados Importantes sobre Solução de Controvérsias; União Europeia; História da formação da União Europeia; Considerações sobre membros da União Europeia; Ideia sobre o que é a União Europeia; Domínio internacional público ou domínio público internacional; Interesses internacionais; Mares internacionais; Espaço de domínio internacional público; Espaço aéreo; Espaço extra-atmosférico; Conflitos internacionais; Formas de solução dos conflitos internacionais;

13 Bons ofícios; Conciliação; Mediação; Solução política; Soluções jurisdicionais; Solução judicial; Solução não pacífica; Direito de jurisdição; Extraterritorialidade; Direito de jurisdição, direito de julgar os diplomatas; Diferença entre embaixada e consulado; Privilégio diplomático; Imunidades; Inviolabilidade; Áreas de Domínio Internacional Público; Conceitos; Conflitos Internacionais; Formas de Solução desses conflitos; PROCESSO TRIBUTÁRIO PROF. JOSÉ CARLOS FRANCISCO Processo tributário; Conceito de processo tributário e principais classes processuais tributárias; Categorias processuais tributárias; Principais classes processuais tributárias; Categorias processuais em espécies; Classes processuais tributárias; Ação declaratória de inexistência de relação jurídica tributária; Ações preventivas; Ações repressivas; Mandado de segurança; Petição inicial; Ação de repetição de débito; Pagamento; Execução contra a Fazenda Pública; DIREITO AGRÁRIO PROF. CLILTON GUIMARÃES Conceito de Direito Agrário; Características do Direito Agrário; Histórico do Direito Agrário no Brasil; Princípios Fundamentais do Direito Agrário; Institutos Fundamentais do Direito Agrário;

14 Institutos e elementos fundamentais do direito agrário; Imóvel rural; Propriedade familiar ou módulo rural; Função social da propriedade; Política agrícola; Instrumentos jurídicos de concretização da função social da propriedade; Usucapião; Colonização (prevista no estatuto da terra); Desapropriação para fins de reforma agrária por interesse social (artigo 184 da Constituição Federal); Contrato agrário;

RELAÇÃO DE CONSUMO DIREITO DO CONSUMIDOR

RELAÇÃO DE CONSUMO DIREITO DO CONSUMIDOR DIREITO DO CONSUMIDOR RELAÇÃO DE CONSUMO APLICABILIDADE O presente código estabelece normas de proteção e defesa do consumidor, de ordem pública e interesse social, nos termos dos arts. 5, inciso XXXII,

Leia mais

Sumário APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO... 13 APRESENTAÇÃO... 15 NOTA À TERCEIRA EDIÇÃO... 17 NOTA À SEGUNDA EDIÇÃO... 19 DIREITO ELEITORAL...

Sumário APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO... 13 APRESENTAÇÃO... 15 NOTA À TERCEIRA EDIÇÃO... 17 NOTA À SEGUNDA EDIÇÃO... 19 DIREITO ELEITORAL... Sumário APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO... 13 APRESENTAÇÃO... 15 NOTA À TERCEIRA EDIÇÃO... 17 NOTA À SEGUNDA EDIÇÃO... 19 CAPÍTULO 1 DIREITO ELEITORAL... 21 1.1. Conceito...21 1.1.1. Competência legislativa em

Leia mais

SUMÁRIO NOTA DOS COORDENADORES DA COLEÇÃO...15

SUMÁRIO NOTA DOS COORDENADORES DA COLEÇÃO...15 SUMÁRIO NOTA DOS COORDENADORES DA COLEÇÃO...15 DIREITO ADMINISTRATIVO...17 Fernando Ferreira Baltar Neto e Ronny Charles Lopes de Torres 1. Direito Administrativo e o Regime Jurídico-Administrativo...17

Leia mais

Prestação de Contas Eleitoral. Flávio Ribeiro de Araújo Cid Consultor Eleitoral

Prestação de Contas Eleitoral. Flávio Ribeiro de Araújo Cid Consultor Eleitoral Prestação de Contas Eleitoral Flávio Ribeiro de Araújo Cid Consultor Eleitoral Janeiro de 2006 ALGUMAS CONSIDERAÇÕES ACERCA DA PRESTAÇÃO DE CONTAS PARA AS ELEIÇÕES DE 2006 Trata-se de um tema revestido

Leia mais

INCIDÊNCIA DE QUESTÕES - Ministério Público Estadual. Penal. Tema %

INCIDÊNCIA DE QUESTÕES - Ministério Público Estadual. Penal. Tema % INCIDÊNCIA DE QUESTÕES - Ministério Público Estadual Penal Crimes contra o patrimonio 10,29 Causas de extinção da punibilidade 5,88 Tipicidade 5,88 Estatuto do desarmamento 4,41 Maria da Penha 4,41 Concurso

Leia mais

LIVRO VIII DA ÁREA ELEITORAL

LIVRO VIII DA ÁREA ELEITORAL LIVRO VIII DA ÁREA ELEITORAL Art. 512. O Ministério Público Eleitoral atua perante todas as instâncias e fases do processo eleitoral, na condição de parte ou de custos legis, com a mesma legitimidade assegurada

Leia mais

Sumário DIREITO INTERNACIONAL PÚBLICO. Capítulo 2 Fontes do Direito Internacional Público... 23

Sumário DIREITO INTERNACIONAL PÚBLICO. Capítulo 2 Fontes do Direito Internacional Público... 23 Sumário DIREITO INTERNACIONAL PÚBLICO Capítulo 1 Fundamentos do Direito Internacional Público... 13 1. Introdução... 13 2. A sociedade internacional... 14 3. Conceito... 16 4. Objeto... 16 5. Fundamentos

Leia mais

SUMÁRIO. Questões comentadas dos exames da OAB - 2ª edição

SUMÁRIO. Questões comentadas dos exames da OAB - 2ª edição SUMÁRIO Questões comentadas dos exames da OAB - 2ª edição Apresentação - Marco Antonio Araujo Junior Sobre os autores 1.1 Introdução princípios e poderes 1.2 Ato administrativo 1.3 Organização da Administração

Leia mais

ÍNDICE. Alguns estudos do autor... Prefácio...

ÍNDICE. Alguns estudos do autor... Prefácio... ÍNDICE Alguns estudos do autor................... Prefácio..................................... 5 11 Capítulo I - CONCEITO DE DIREITO TRIBUTÁRIO 1. Direito financeiro e direito tributário........ 23 2.

Leia mais

META 4. LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos.

META 4. LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos. META 4 LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos. EXERCÍCIO 1. (FGV - 2008 - Senado Federal - Policial Legislativo

Leia mais

LEI DOS PARTIDOS POLÍTICOS (Lei n. 9.096/95)

LEI DOS PARTIDOS POLÍTICOS (Lei n. 9.096/95) - Partido Político: pessoa jurídica de direito privado, destinada a assegurar, no interesse democrático, a autenticidade do sistema representativo e a defender os direitos fundamentais definidos na CF.

Leia mais

SUMÁRIO. Informativos de Jurisprudência... 46

SUMÁRIO. Informativos de Jurisprudência... 46 SUMÁRIO CAPÍTULO 1 PRINCÍPIOS... 19 1. Princípios básicos... 19 1.1. Princípio da Supremacia do Interesse Público sobre o privado... 19 1.2. Princípio da Indisponibilidade do Interesse Público... 19 2.

Leia mais

CAP 01 - Princípios...15

CAP 01 - Princípios...15 Sumário CAP 01 - Princípios...15 1.1. PRINCÍPIOS BÁSICOS:...16 1.1.1. Princípio da Supremacia do Interesse Público Sobre o Privado...16 1.1.2. Princípio da Indisponibilidade do Interesse Público...16 1.2.

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2014

FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2014 FACULDADE DE DIREITO DE SOROCABA FADI 2014 Disciplina: Direito Internacional Departamento IV Direito do Estado Docente Responsável: Fernando Fernandes da Silva Carga Horária Anual: 100 h/a Tipo: Anual

Leia mais

Curso. Engenharia. Código GH2

Curso. Engenharia. Código GH2 Departamento Curso Formação Geral Engenharia Disciplina Código Engenharia Legal GH2 Docentes Alexandre Belmonte Siphone (Prof. Responsável) Leonardo Henriques da Silva Matéria Ciências Humanas Carga Horária

Leia mais

VOLUME I CAPÍTULO I. Administrativo

VOLUME I CAPÍTULO I. Administrativo Sumário -~ VOLUME I CAPÍTULO I Administrativo Contestação à reclamação administrativa... Defesa administrativa em notificação por falta de alvará de licença de localização... Defesa administrativa à Secretaria

Leia mais

A >> Abuso de Direito

A >> Abuso de Direito CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR "O consumidor deve ser tratado com respeito, independente do estado de espírito momentâneo de quem o atende. A >> Abuso de Direito - atuação do juiz - Art. 28 Lei no 8.078,

Leia mais

PRÁTICAS COMERCIAS. Oferta Princípios da publicidade Publicidade abusiva e enganosa

PRÁTICAS COMERCIAS. Oferta Princípios da publicidade Publicidade abusiva e enganosa PRÁTICAS COMERCIAS Oferta Princípios da publicidade Publicidade abusiva e enganosa CONCEITO Práticas comerciais são os procedimentos, mecanismos, métodos e técnicas utilizados pelos fornecedores para,

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Ponto 1 - Das pessoas naturais. Das pessoas jurídicas. Direitos da personalidade. Desconsideração da Personalidade Jurídica. Do domicílio. - Princípios e conceitos gerais do Código de Defesa do Consumidor

Leia mais

CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR. Prof. Alexandre LIPP João PONTO 1: BASE CONSTITUCIONAL DO CDC. b) TEORIAS, INÍCIO DOS PRINCÍPIOS NO CDC

CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR. Prof. Alexandre LIPP João PONTO 1: BASE CONSTITUCIONAL DO CDC. b) TEORIAS, INÍCIO DOS PRINCÍPIOS NO CDC 1 CDC PONTO 1: BASE CONSTITUCIONAL DO CDC PONTO 2: a) DISTINÇÃO CONSUMIDOR E FORNECEDOR b) TEORIAS, INÍCIO DOS PRINCÍPIOS NO CDC 1) A BASE CONSTITUCIONAL DA DEFESA DO CONSUMIDOR: ART. 5º, XXXII 1, CF (Dir.

Leia mais

Prestação de Contas Eleitorais 2010

Prestação de Contas Eleitorais 2010 Prestação de Contas Eleitorais 2010 Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria de Controle Interno e Auditoria Contas Eleitorais e Partidárias pcontas@tre-rs.gov.br Legislação

Leia mais

Você pode contribuir para eleições mais justas

Você pode contribuir para eleições mais justas Procuradoria Regional Eleitoral no Estado de SP Defesa da democracia, combate à impunidade. Você pode contribuir para eleições mais justas Os cidadãos e as cidadãs podem auxiliar muito na fiscalização

Leia mais

Prestação de Contas Eleitorais 2010

Prestação de Contas Eleitorais 2010 Prestação de Contas Eleitorais 2010 Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria de Controle Interno e Auditoria Contas Eleitorais e Partidárias pcontas@tre-rs.gov.br Legislação

Leia mais

MANUAL DE CANDIDATURA A PRESIDENTE DA REPÚBLICA

MANUAL DE CANDIDATURA A PRESIDENTE DA REPÚBLICA MANUAL DE CANDIDATURA A PRESIDENTE DA REPÚBLICA PR 2016 LEI ELEITORAL para o PRESIDENTE DA REPÚBLICA (LEPR) Decreto-Lei nº 319-A/76, de 3 de maio Com as alterações introduzidas pelas pelos seguintes diplomas

Leia mais

SUMÁRIO. Nota do autor... 9 Apresentação e estrutura do livro... 11 Lista de Abreviaturas de Termos Processuais e Legais... 13

SUMÁRIO. Nota do autor... 9 Apresentação e estrutura do livro... 11 Lista de Abreviaturas de Termos Processuais e Legais... 13 SUMÁRIO Nota do autor... 9 Apresentação e estrutura do livro... 11 Lista de Abreviaturas de Termos Processuais e Legais... 13 Parte I DIREITO MATERIAL... 17 Abuso do poder econômico... 17 Captação ilícita

Leia mais

MEDIDA: RESPONSABILIZAÇÃO DOS PARTIDOS POLÍTICOS E CRIMINALIZAÇÃO DO CAIXA 2

MEDIDA: RESPONSABILIZAÇÃO DOS PARTIDOS POLÍTICOS E CRIMINALIZAÇÃO DO CAIXA 2 MEDIDA: RESPONSABILIZAÇÃO DOS PARTIDOS POLÍTICOS E CRIMINALIZAÇÃO DO CAIXA 2 16ª P R O P O S T A L E G I S L A T I V A ANTEPROJETO DE LEI Altera a Lei 9.096/95 para prevê a responsabilização dos partidos

Leia mais

Curso de Direito Eleitoral Preparatório para as Eleições de 2014

Curso de Direito Eleitoral Preparatório para as Eleições de 2014 Curso de Direito Eleitoral Preparatório para as Eleições de 2014 As Escolas Judiciárias Eleitorais do Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal e do Tribunal Superior Eleitoral promoverão, nos meses

Leia mais

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: DIREITO CIVIL E DIREITO PROCESSUAL CIVIL PONTOS DA PROVA ESCRITA

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: DIREITO CIVIL E DIREITO PROCESSUAL CIVIL PONTOS DA PROVA ESCRITA Estágio Supervisionado I (Prática Processual Civil) Processual Civil II Processual Civil I Civil VI Civil V Civil IV Civil III Civil I ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: DIREITO CIVIL E DIREITO PROCESSUAL CIVIL Pessoa

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO PREVIDENCIÁRIO

ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO PREVIDENCIÁRIO ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO PREVIDENCIÁRIO INÍCIO EM 07/07/2012 COORDENADORES DO CURSO: MARCELO DA FONSECA GUERREIRO - Juiz Federal e Mestre em Direito. Foi Juiz Titular do 7º. Juizado Previdenciário/RJ.

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2011

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2011 Minuta PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2011 Altera a Lei nº 8.078, de 11 de setembro de 1990 (Código de Defesa do Consumidor), para dispor sobre o comércio eletrônico. O CONGRESSO NACIONAL decreta: Art.

Leia mais

Como pensa a Cesgranrio?

Como pensa a Cesgranrio? AÇÃO CIVIL PÚBLICA antecipação de tutela coisa julgada competência direitos indisponíveis inquérito civil legitimidade ativa legitimidade ativa da Defensoria Pública legitimidade ativa da União e dos Estados,

Leia mais

Faculdade de Direito da Alta Paulista

Faculdade de Direito da Alta Paulista Disciplina: DIREITO INTERNACIONAL PÚBLICO Código: Série: 4º Obrigatória (X) Optativa ( ) CH Teórica:68 CH Prática: CH Total: 68 Obs: Objetivos GERAL - Enfocar o conjunto de normas jurídicas que regulam

Leia mais

Tópicos de Direito do Consumidor Carga Horária: 20 h/a

Tópicos de Direito do Consumidor Carga Horária: 20 h/a Faculdade de Direito Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Direito Civil Tópicos de Direito do Consumidor Carga Horária: 20 h/a 1- Ementa Princípios

Leia mais

CURSO DE DIREITO DA INFORMÁTICA LUIZ MÁRIO MOUTINHO

CURSO DE DIREITO DA INFORMÁTICA LUIZ MÁRIO MOUTINHO 1 CURSO DE DIREITO DA INFORMÁTICA LUIZ MÁRIO MOUTINHO 03/09/2013 2 PROTEÇÃO DO CONSUMIDOR NO COMÉRCIO ELETRÔNICO E AS LIMITAÇÕES DO DECRETO 7.962/2013 3 Conclusões O CDC é mais do que suficiente para a

Leia mais

1 A SEGURIDADE SOCIAL NO BRASIL

1 A SEGURIDADE SOCIAL NO BRASIL Sumário Coleção Sinopses para Concursos... 13 Nota do autor 4ª edição... 15 Nota do autor 3ª edição... 17 Nota do autor 2ª edição... 19 Nota do autor 1ª edição... 21 Guia de leitura da Coleção... 23 Capítulo

Leia mais

Proteção Contratual. Contratos no CDC Princípios dos contratos Cláusulas Abusivas Garantia contratual

Proteção Contratual. Contratos no CDC Princípios dos contratos Cláusulas Abusivas Garantia contratual Proteção Contratual Contratos no CDC Princípios dos contratos Cláusulas Abusivas Garantia contratual Contratos de adesão Nas últimas décadas, a produção em massa e a comercialização em grande escala geraram

Leia mais

a) conjunto de atos administrativos tendentes ao reconhecimento de uma situação jurídica pertinente à relação entre o Fisco e o contribuinte

a) conjunto de atos administrativos tendentes ao reconhecimento de uma situação jurídica pertinente à relação entre o Fisco e o contribuinte Unidade VIII I. PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO 1. Acepções e espécies a) conjunto de atos administrativos tendentes ao reconhecimento de uma situação jurídica pertinente à relação entre o Fisco e o

Leia mais

DIREITO PÚBLICO E DIREITO PRIVADO

DIREITO PÚBLICO E DIREITO PRIVADO DIREITO PÚBLICO E DIREITO PRIVADO DIREITO É UNO E INDIVISÍVEL, contudo sua divisão em direito público e privado é aceita por ser útil e necessária, não só sob o prisma da ciência do direito, mas também

Leia mais

CAPÍTULO I - FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO...

CAPÍTULO I - FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO... APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO...19 DEDICATÓRIA...21 CAPÍTULO I - FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO... 23 1. Antecedentes históricos da função de advogado...23 2. O advogado na Constituição Federal...24 3. Lei de

Leia mais

I sob o enfoque contábil: Modelo de Projeto de Lei de Controle Interno Controladoria e Auditoria

I sob o enfoque contábil: Modelo de Projeto de Lei de Controle Interno Controladoria e Auditoria Modelo de Projeto de Lei de Controle Interno Controladoria e Auditoria Dispõe sobre a organização e a atuação do Sistema de Controle Interno no Município e dá outras providências. CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES

Leia mais

FINANCIAMENTO DE CAMPANHA ELEITORAL. 1. Da arrecadação e aplicação de recursos

FINANCIAMENTO DE CAMPANHA ELEITORAL. 1. Da arrecadação e aplicação de recursos Módulo - 4 FINANCIAMENTO DE CAMPANHA ELEITORAL 1. Da arrecadação e aplicação de recursos Sob pena de rejeição das contas a arrecadação de recursos e os gastos por candidatos, inclusive dos seus vices e

Leia mais

LEGISLAÇÃO DE INTERESSE DA DEFESA CIVIL / CBMERJ CONSTITUIÇÃO FEDERAL

LEGISLAÇÃO DE INTERESSE DA DEFESA CIVIL / CBMERJ CONSTITUIÇÃO FEDERAL LEGISLAÇÃO DE INTERESSE DA DEFESA CIVIL / CBMERJ CONSTITUIÇÃO FEDERAL Art.5º Todos são iguais perante a lei.. XI a casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo penetrar sem consentimento

Leia mais

Remédio constitucional ou remédio jurídico, são meios postos à disposição dos indivíduos e cidadão para provocar a intervenção das autoridades

Remédio constitucional ou remédio jurídico, são meios postos à disposição dos indivíduos e cidadão para provocar a intervenção das autoridades Remédio constitucional ou remédio jurídico, são meios postos à disposição dos indivíduos e cidadão para provocar a intervenção das autoridades competentes, visando sanar ilegalidades ou abuso de poder

Leia mais

A Propaganda Institucional e as Eleições de 2008. Randolpho Martino JúniorJ www.vicosa.com.br/randolpho

A Propaganda Institucional e as Eleições de 2008. Randolpho Martino JúniorJ www.vicosa.com.br/randolpho A Propaganda Institucional e as Eleições de 2008 Randolpho Martino JúniorJ www.vicosa.com.br/randolpho Propaganda Institucional Definição: é a publicidade destinada a divulgar os atos, programas, obras,

Leia mais

Lei dos Partidos Políticos

Lei dos Partidos Políticos Lei dos Partidos Políticos Lei Orgânica n.º 2/2003, de 22 de Agosto, com as alterações introduzidas pela Lei Orgânica n.º 2/2008, de 14 de Maio 1 A Assembleia da República decreta, nos termos da alínea

Leia mais

www. Lifeworld.com.br

www. Lifeworld.com.br 1 Artigos da Constituição Mundial A Constituição Mundial é composta de 61º Artigos, sendo do 1º ao 30º Artigo dos Direitos Humanos de 1948, e do 31º ao 61º Artigos estabelecidos em 2015. Dos 30 Artigos

Leia mais

Objetivo das definições: conferir contornos à RFB, definindo o papel do órgão e a sua inserção na Administração Pública Federal.

Objetivo das definições: conferir contornos à RFB, definindo o papel do órgão e a sua inserção na Administração Pública Federal. LEI ORGÂNICA DA RFB Definição: Trata-se de projeto de lei com a finalidade de regulamentar o disposto no art. 50 da Lei nº 11.457, que criou a Receita Federal do Brasil, englobando as atividades da extinta

Leia mais

INFORME APROSOJA Nº 87/2015 30 de Julho de 2015. Venda casada de produtos bancários atrelados ao crédito rural. Sem Reciprocidade

INFORME APROSOJA Nº 87/2015 30 de Julho de 2015. Venda casada de produtos bancários atrelados ao crédito rural. Sem Reciprocidade INFORME APROSOJA Nº 87/2015 30 de Julho de 2015 Venda casada de produtos bancários atrelados ao crédito rural Produtor, a, atenta a diversos relatos de produtores quanto a insistência de agentes bancários

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS, PARA INGRESSO NA CARREIRA DA MAGISTRATURA DO ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL Nº 03/2013

CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS, PARA INGRESSO NA CARREIRA DA MAGISTRATURA DO ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL Nº 03/2013 PONTO 1 Direito Penal Conceito de Direito Penal. História do Direito Penal. História do Direito Penal Brasileiro, Doutrinas e Escolas Penais. Sistemas Penitenciários. Direito Processual Penal Princípios

Leia mais

AULA 01 Direitos e Deveres Fundamentais

AULA 01 Direitos e Deveres Fundamentais AULA 01 Direitos e Deveres Fundamentais Um projeto de vida começa com um sonho, grande ou pequeno, não importa! Na vida temos que ter a capacidade de sonhar, sonhar sempre, sonhar para viver! Meu nome

Leia mais

Turma TCMRJ Técnico de Controle Externo 123 Módulo 1 4

Turma TCMRJ Técnico de Controle Externo 123 Módulo 1 4 Turma TCMRJ Técnico de Controle Externo 123 Módulo 1 4 Banca: SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO/RJ Edital SMA Nº 84/2010 (data da publicação: 27/09/2010) Carga horária (aulas presenciais): 126 horas

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO AMAPÁ PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO AMAPÁ PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA 1 V CONCURSO PARA INGRESSO NA CARREIRA DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO AMAPÁ DIREITO CIVIL Anexo I PROGRAMA DO CONCURSO 1 DAS PESSOAS. DA PERSONALIDADE. CAPACIDADE JURÍDICA E DE FATO. DA PESSOA NATURAL

Leia mais

Propaganda Eleitoral. Eduardo Buzzinari Ribeiro de Sá 1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS ESPÉCIES DE PROPAGANDA POLÍTICA

Propaganda Eleitoral. Eduardo Buzzinari Ribeiro de Sá 1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS ESPÉCIES DE PROPAGANDA POLÍTICA Série Aperfeiçoamento de Magistrados 7 Curso: 1º Seminário de Direito Eleitoral: Temas Relevantes para as Eleições de 2012 Propaganda Eleitoral 85 Eduardo Buzzinari Ribeiro de Sá 1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS

Leia mais

As causas em que se considera dispensável a intervenção do Ministério Público

As causas em que se considera dispensável a intervenção do Ministério Público Racionalização da Intervenção do no Cível Abril de 2010 1. Separação judicial consensual onde não houver interesse de 2. Ação declaratória de união estável e respectiva partilha de bens. 3. Ação ordinária

Leia mais

INSTITUTO FÓRUM NACIONAL DOS SECRETÁRIOS E DIRIGENTES ESTADUAIS DE TURISMO - INFORUM ESTATUTO SOCIAL SUMÁRIO

INSTITUTO FÓRUM NACIONAL DOS SECRETÁRIOS E DIRIGENTES ESTADUAIS DE TURISMO - INFORUM ESTATUTO SOCIAL SUMÁRIO 1 INSTITUTO FÓRUM NACIONAL DOS SECRETÁRIOS E DIRIGENTES ESTADUAIS DE TURISMO - INFORUM ESTATUTO SOCIAL SUMÁRIO CAPITULO I - DA DENOMINAÇÃO, DOS FINS, DA SEDE E DO PRAZO Art. 2º Para a consecução dos seus

Leia mais

PADRÃO DE RESPOSTAS DAS PROVAS SUBJETIVAS

PADRÃO DE RESPOSTAS DAS PROVAS SUBJETIVAS Pontuação conforme Edital: a) Juiz Leigo PADRÃO DE RESPOSTAS DAS PROVAS SUBJETIVAS PROVA ÁREA DE CONHECIMENTO NÚMERO DE QUESTÕES Direito Constitucional PONTUAÇÃO PARA CADA QUESTÃO Direito Administrativo

Leia mais

Capítulo I - Dos Direitos e deveres individuais e coletivos (art. 5º) Diferenciação entre Direitos, Garantias e Remédios Constitucionais.

Capítulo I - Dos Direitos e deveres individuais e coletivos (art. 5º) Diferenciação entre Direitos, Garantias e Remédios Constitucionais. Diferenciação entre Direitos, Garantias e Remédios Constitucionais. Direitos: Declarações que limitam a atuação do Estado ou dos cidadãos. Garantias: Blindagem que envolve o Direito, evitando sua violação.

Leia mais

Maratona Fiscal ISS Direito administrativo

Maratona Fiscal ISS Direito administrativo Maratona Fiscal ISS Direito administrativo 1. É adequada a invocação do poder de polícia para justificar que um agente administrativo (A) prenda em flagrante um criminoso. (B) aplique uma sanção disciplinar

Leia mais

São Paulo - SP Av. Nove de Julho, 5.109 3º Andar (55 11) 3254 0050 www.porto.adv.br

São Paulo - SP Av. Nove de Julho, 5.109 3º Andar (55 11) 3254 0050 www.porto.adv.br São Paulo - SP Av. Nove de Julho, 5.109 3º Andar (55 11) 3254 0050 www.porto.adv.br 86º ENIC: 2014 Comissão de Obras Públicas - COP Lei Anticorrupção Lei nº 12.846, de 01/08/2013 PORTO ADVOGADOS www.porto.adv.br

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO ELEITORAL

Leia mais

REGISTRO DE CANDIDATO

REGISTRO DE CANDIDATO LEGISLAÇÃO APLICÁVEL - Constituição Federal - Código Eleitoral (Lei n. 4737/65) - Lei n. 9.504/97 (Lei das Eleições) - Lei Complementar n. 64/90 (Lei das Inelegibilidades) DISPOSIÇÕES GERAIS REGISTRO DE

Leia mais

Doing Business in Brazil

Doing Business in Brazil INVESTIR NO BRASIL Doing Business in Brazil Alfeu Pinto Sócio Boccuzzi e Associados 12 de Abril de 2012 Visão Geral sobre o Brasil Área territorial População PIB Regime cambial brasileiro/reservas Forma

Leia mais

- lei ordinária: regra - lei complementar: empréstimos compulsórios e contribuição para a seguridade social. - bitributação X bis in idem

- lei ordinária: regra - lei complementar: empréstimos compulsórios e contribuição para a seguridade social. - bitributação X bis in idem I. SISTEMA TRIBUTÁRIO NACIONAL 1. COMPETÊNCIA TRIBUTÁRIA - lei ordinária: regra - lei complementar: empréstimos compulsórios e contribuição para a seguridade social vide arts. 146 e 148 da CF vide arts.

Leia mais

Resumo Aula-tema 07: Direito do Consumidor.

Resumo Aula-tema 07: Direito do Consumidor. Resumo Aula-tema 07: Direito do Consumidor. O Direito do Consumidor estabelece as regras que regulam as relações de consumo entre consumidores e fornecedores de produtos ou serviços. Como vivemos em um

Leia mais

2 Evolução Legislativa da Previdência Social no Brasil, 4 Quadro esquemático, 8 Questões, 12

2 Evolução Legislativa da Previdência Social no Brasil, 4 Quadro esquemático, 8 Questões, 12 Nota, xi 1 Origens da Seguridade Social, 1 1.1 Poor Law, 1 1.2 Seguros privados, 2 1.3 Seguros sociais, 2 Quadro esquemático, 3 2 Evolução Legislativa da Previdência Social no Brasil, 4 Quadro esquemático,

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PROCESSO CIVIL E GESTÃO DO PROCESSO. ANEXO EMENTAS (Turma III) CARGA HORÁRIA TOTAL DO CURSO: 390 h/a

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PROCESSO CIVIL E GESTÃO DO PROCESSO. ANEXO EMENTAS (Turma III) CARGA HORÁRIA TOTAL DO CURSO: 390 h/a CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PROCESSO CIVIL E GESTÃO DO PROCESSO CARGA HORÁRIA TOTAL DO CURSO: 390 h/a Seminário de Integração e Motivação SIM () Seminário de imersão. Capacita o aluno a quebrar barreiras

Leia mais

Charleston Reis Coutinho é bacharel em direito pelo UNICEUB e especialista em direito administrativo pela Universidade Católica de Brasília.

Charleston Reis Coutinho é bacharel em direito pelo UNICEUB e especialista em direito administrativo pela Universidade Católica de Brasília. 2007 Curso sobre Gestão de Pessoal (Novembro) Instrutores: Dr. Inácio Magalhães Filho, Procurador do Ministério Público junto ao TCDF Dr.Charleston Reis Coutinho, Assessor da Vice-Presidência do TJDFT.

Leia mais

TEMAS DA REFORMA POLÍTICA

TEMAS DA REFORMA POLÍTICA TEMAS DA REFORMA POLÍTICA 1 Sistemas Eleitorais 1.1 Sistema majoritário. 1.2 Sistema proporcional 1.2 Sistema misto 2 - Financiamento eleitoral e partidário 3- Suplência de senador 4- Filiação partidária

Leia mais

Francisco José Soller de Mattos

Francisco José Soller de Mattos Princípios gerais da publicidade no Código de Proteção e Defesa do Consumidor Francisco José Soller de Mattos Introdução Nosso ordenamento jurídico não obriga a Nosso ordenamento jurídico não obriga a

Leia mais

Sumário NOTA À TERCEIRA EDIÇÃO... 15 NOTA PRÉVIA... 19 PREFÁCIO... 21 APRESENTAÇÃO... 23

Sumário NOTA À TERCEIRA EDIÇÃO... 15 NOTA PRÉVIA... 19 PREFÁCIO... 21 APRESENTAÇÃO... 23 Sumário NOTA À TERCEIRA EDIÇÃO... 15 NOTA PRÉVIA... 19 PREFÁCIO... 21 APRESENTAÇÃO... 23 CAPÍTULO I... 25 1. Novos riscos, novos danos... 25 2. O Estado como responsável por danos indenizáveis... 26 3.

Leia mais

LEGISLAÇÃO ELEITORAL

LEGISLAÇÃO ELEITORAL LEGISLAÇÃO ELEITORAL - Lei n. 4.737/65(Código Eleitoral) - Lei Complementar n. 64/90(Lei das Inelegibilidades) - Lei n. 9.096/95(Lei dos Partidos Políticos) - Lein.9504/97(LeidasEleições) Normas antigas

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE DIREITO CURRÍCULO Nº 6 DISCIPLINAS ELETIVAS, SEMINÁRIOS E SELETIVAS. DISCIPLINAS ELETIVAS Código Disciplina C/H Créditos

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE DIREITO CURRÍCULO Nº 6 DISCIPLINAS ELETIVAS, SEMINÁRIOS E SELETIVAS. DISCIPLINAS ELETIVAS Código Disciplina C/H Créditos MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE DIREITO CURRÍCULO Nº 6 DISCIPLINAS ELETIVAS, SEMINÁRIOS E SELETIVAS DISCIPLINAS ELETIVAS Código Disciplina C/H Créditos 1700 MEDICINA LEGAL Introdução, conceito e alcance

Leia mais

Direito do Consumidor: Responsabilidade Civil e o Dever de Indenizar

Direito do Consumidor: Responsabilidade Civil e o Dever de Indenizar Direito do Consumidor: Responsabilidade Civil e o Dever de Indenizar Formação de Servidores do PROCON RJ - 2012 RESUMO Finalidade da Responsabilidade Civil Segurança Jurídica Sistema de Garantias Tutela

Leia mais

Repercussões do novo CPC para o Direito Contratual

Repercussões do novo CPC para o Direito Contratual Repercussões do novo CPC para o Direito Contratual O NOVO CPC E O DIREITO CONTRATUAL. PRINCIPIOLOGIA CONSTITUCIONAL. REPERCUSSÕES PARA OS CONTRATOS. Art. 1 o O processo civil será ordenado, disciplinado

Leia mais

O PAPEL DO CONTROLE EXTERNO

O PAPEL DO CONTROLE EXTERNO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO FINANCEIRA I CICLO DE APERFEIÇOAMENTO EM GESTÃO FINANCEIRA O PAPEL DO CONTROLE EXTERNO Prof. Ariel Lopes Torres E-mail: ariel@unemat.br CÁCERES

Leia mais

PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série

PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série 1 - DEFINIÇÃO Direitos e deveres civis, sociais e políticos usufruir dos direitos e o cumprimento das obrigações constituem-se no exercício da

Leia mais

A D V O G A D O S. Apresentação

A D V O G A D O S. Apresentação Apresentação O Escritório de Advocacia Gomes e Mello Frota Advogados destaca-se no meio jurídico como uma forte referência em função da equipe que o compõe, e da respeitabilidade que a mesma possui. Este

Leia mais

Medidas de Combate à Corrupção e à Impunidade

Medidas de Combate à Corrupção e à Impunidade Medidas de Combate à Corrupção e à Impunidade Âmbito de Discussão Medidas discutidas com: Casa Civil Ministério da Justiça Controladoria-Geral da União Advocacia-Geral da União Ministério do Planejamento,

Leia mais

O que fazer para reformar o Senado?

O que fazer para reformar o Senado? O que fazer para reformar o Senado? Cristovam Buarque As m e d i d a s para enfrentar a crise do momento não serão suficientes sem mudanças na estrutura do Senado. Pelo menos 26 medidas seriam necessárias

Leia mais

GUIA DE ESTUDOS INSS NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO FÁBIO RAMOS BARBOSA

GUIA DE ESTUDOS INSS NOÇÕES DE DIREITO ADMINISTRATIVO FÁBIO RAMOS BARBOSA DIREITO ADMINISTRATIVO Estado, governo e administração pública: conceitos, elementos, poderes e organização; natureza, fins e princípios. Direito Administrativo: conceito, fontes e princípios. Organização

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA PROFISSIONAL DOS CORRETORES DE SEGUROS, DE RESSEGUROS, DE CAPITALIZAÇÃO, DE PREVIDÊNCIA PRIVADA, DE SEGUROS DE PESSOAS, DE PLANOS E

CÓDIGO DE ÉTICA PROFISSIONAL DOS CORRETORES DE SEGUROS, DE RESSEGUROS, DE CAPITALIZAÇÃO, DE PREVIDÊNCIA PRIVADA, DE SEGUROS DE PESSOAS, DE PLANOS E CÓDIGO DE ÉTICA PROFISSIONAL DOS CORRETORES DE SEGUROS, DE RESSEGUROS, DE CAPITALIZAÇÃO, DE PREVIDÊNCIA PRIVADA, DE SEGUROS DE PESSOAS, DE PLANOS E DE SEGUROS DE SAÚDE, E SEUS PREPOSTOS FEVEREIRO/2008

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA PROFISSIONAL DOS CORRETORES DE SEGUROS, DE RESSEGUROS, DE CAPITALIZAÇÃO, DE PREVIDÊNCIA PRIVADA, DE SEGUROS DE PESSOAS, DE PLANOS E DE

CÓDIGO DE ÉTICA PROFISSIONAL DOS CORRETORES DE SEGUROS, DE RESSEGUROS, DE CAPITALIZAÇÃO, DE PREVIDÊNCIA PRIVADA, DE SEGUROS DE PESSOAS, DE PLANOS E DE CÓDIGO DE ÉTICA PROFISSIONAL DOS CORRETORES DE SEGUROS, DE RESSEGUROS, DE CAPITALIZAÇÃO, DE PREVIDÊNCIA PRIVADA, DE SEGUROS DE PESSOAS, DE PLANOS E DE SEGUROS DE SAÚDE, E SEUS PREPOSTOS FEVEREIRO/2008

Leia mais

expert PDF Trial Prestação de Contas Eleitorais Res. 23.406/14 TSE Setembro 2014 Elaborado por: Grupo de Trabalho CRC SP

expert PDF Trial Prestação de Contas Eleitorais Res. 23.406/14 TSE Setembro 2014 Elaborado por: Grupo de Trabalho CRC SP Palestra Prestação de Contas Eleitorais Res. 23.406/14 TSE Elaborado por: Grupo de Trabalho CRC SP Prestação de Contas Eleitorais A reprodução total ou parcial, bem como a reprodução de apostilas a partir

Leia mais

MATRIZ DE COMPETÊNCIAS DE ASSESSOR JUDICIAL DA PRESIDÊNCIA. Responsável por assessorar a Presidência nas questões que envolvam matéria judicial.

MATRIZ DE COMPETÊNCIAS DE ASSESSOR JUDICIAL DA PRESIDÊNCIA. Responsável por assessorar a Presidência nas questões que envolvam matéria judicial. MATRIZ DE COMPETÊNCIAS DE ASSESSOR JUDICIAL DA PRESIDÊNCIA ASSESSOR JUDICIAL DA PRESIDÊNCIA (CJ-3) Área: Judiciária Unidade: Secretaria Geral da Presidência ATIVIDADE PRINCIPAL Responsável por assessorar

Leia mais

VI pedido de reexame de admissibilidade de recurso especial.

VI pedido de reexame de admissibilidade de recurso especial. PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, 2013 - COMPLEMENTAR Estabelece normas gerais sobre o processo administrativo fiscal, no âmbito das administrações tributárias da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos

Leia mais

Instruções para classificação de processos quanto ao nível de acesso no SEI-MP

Instruções para classificação de processos quanto ao nível de acesso no SEI-MP Instruções para classificação de processos quanto ao nível de acesso no SEI-MP O SEI-MP é uma ferramenta que traz inúmeras vantagens para a Administração Pública, e em diversos campos. Talvez as melhorias

Leia mais

DIREITOS FUNDAMENTAIS: NACIONALIDADE E DIREITOS POLÍTICOS

DIREITOS FUNDAMENTAIS: NACIONALIDADE E DIREITOS POLÍTICOS DIREITOS FUNDAMENTAIS: NACIONALIDADE E DIREITOS POLÍTICOS Título II: Dos Direitos e Garantias Fundamentais Capítulo I: Dos Direitos e Deveres Individuais e Coletivos (art. 5º) Capítulo II: Dos Direitos

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO EM DIREITO GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO EM DIREITO GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO EM DIREITO GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS Introdução ao Estudo do Direito 1º PERÍODO Direito e perfil da Introdução ao Estudo do Direito. Direito, Estado

Leia mais

O SEBRAE E O QUE ELE PODE FAZER PELO SEU NEGÓCIO

O SEBRAE E O QUE ELE PODE FAZER PELO SEU NEGÓCIO O SEBRAE E O QUE ELE PODE FAZER PELO SEU NEGÓCIO Competitividade Perenidade Sobrevivência Evolução Orienta na implantação e no desenvolvimento de seu negócio de forma estratégica e inovadora. O que são

Leia mais

O fornecimento de senhas e caracteres de acesso à terceiros, causa negativa em indenização

O fornecimento de senhas e caracteres de acesso à terceiros, causa negativa em indenização O fornecimento de senhas e caracteres de acesso à terceiros, causa negativa em indenização Contribuição de Dr. Rodrigo Vieira 17 de dezembro de 2008 Advocacia Bueno e Costanze O fornecimento de senhas

Leia mais

3. Segundo a legislação partidária, no que se refere à filiação partidária, DIREITO ELEITORAL

3. Segundo a legislação partidária, no que se refere à filiação partidária, DIREITO ELEITORAL DIREITO ELEITORAL 1. Com base na Lei n.º 9.504/1997, que estabelece normas para as eleições, assinale a opção correta. a) Tanto durante a propaganda para eleição proporcional como durante a propaganda

Leia mais

3. PROCESSO: CONCEITO E FINALIDADE... 27 3.1. Processo eleitoral e seu caráter público... 27 3.2. Processo coletivo... 28

3. PROCESSO: CONCEITO E FINALIDADE... 27 3.1. Processo eleitoral e seu caráter público... 27 3.2. Processo coletivo... 28 STF00094716 Sumório 1. DIREITO ELEITORAL................. 19 2. PROCESSO ELEITORAL................ 25 3. PROCESSO: CONCEITO E FINALIDADE............... 27 3.1. Processo eleitoral e seu caráter público......

Leia mais

Universidade do Estado do Rio de Janeiro Centro de Ciências Sociais. Concurso para Professor Substituto de Direito Financeiro

Universidade do Estado do Rio de Janeiro Centro de Ciências Sociais. Concurso para Professor Substituto de Direito Financeiro Universidade do Estado do Rio de Janeiro Centro de Ciências Sociais Faculdade de Direito Departamento de Direito do Estado Concurso para Professor Substituto de Direito Financeiro Banca: Prof. Dr. Luís

Leia mais

Ementário do curso de

Ementário do curso de Introdução ao Estudo de I Fase: I Carga Horária: 60 h/a Créditos: 04 A sociedade. e ordem jurídica. Conceito de justiça. e moral. Fontes do. Positivo. objetivo e subjetivo. Público e Privado. Capacidade

Leia mais

Área Juizado da Fazenda Pública Estadual

Área Juizado da Fazenda Pública Estadual Área Juizado da Fazenda Pública Estadual ÁREA JUIZADO DA FAZENDA PÚBLICA ESTADUAL Descrição da Carta de ordem 258 Atos executórios 11786 #N/D #N/D Carta de ordem 258 Citação 11783 #N/D #N/D Carta de ordem

Leia mais

Capacitação Livre em Direito Tributário

Capacitação Livre em Direito Tributário Capacitação Livre em Direito Tributário Rede LFG - Comércio S.E SERVICOS EDUCACIONAIS LTDA - ME CNPJ: 10.220.574/0001-29 Rua dos Algibebes, 26 COMÉRCIO, CEP: 40015-060/SALVADOR - BA Contato: Lauana Fontenele

Leia mais