ÁFRICA DO SUL 2010: ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE A EQUIPE BRASILEIRA PARA A COPA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ÁFRICA DO SUL 2010: ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE A EQUIPE BRASILEIRA PARA A COPA"

Transcrição

1 ÁFRICA DO SUL 2010: VOLUME 6 NÚMERO 1 Janeiro/ Junho 2010 ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE A EQUIPE BRASILEIRA PARA A COPA Prof. Dr. Alexandre Palma 1 AQUECIMENTO O brasileiro nasce técnico de futebol. Desde cedo é acostumado a dar palpites nos modos de jogar ou nas contratações/seleções de jogadores de seu time de coração ou das equipes representativas do Brasil nas competições internacionais. Em ano de Copa do Mundo de Futebol a síndrome se agudiza e, talvez mais do que nunca, o brasileiro procura, com toda paixão, opinar sobre o trabalho dos treinadores de futebol. Neste sentido, o presente texto tem o propósito fundamental de discutir tecnicamente algumas questões relativas à seleção e preparação dos atletas para a Copa do Mundo a ser realizada na África do Sul. Dois aspectos, contudo, precisam ser esclarecidos desde já. O primeiro é que não tenho a pretensão de dar um parecer científico, embora tente escapar das armadilhas da paixão. O que pretendo é procurar algumas explicações técnicas, que estão fundamentadas no conhecimento científico e no saber fazer, isto é, em um conhecimento vivido na experiência prática. O segundo, já em conseqüência do primeiro, diz respeito à dificuldade de se avaliar longe do que está acontecendo. Por vezes, se faz uma análise técnica ou se opina apaixonadamente sobre as ações dos treinadores, mas sem vivê-la precisamente, sem saber o que de fato está ocorrendo dentro da equipe. Assim, uma conduta inadequada de um atleta que não é exposta na mídia pode ser a razão de uma decisão que desagrada muito. 1 Professor Adjunto da Universidade Federal do Rio de Janeiro / Docente das disciplinas Fundamento do Futebol e Aplicação Pedagógica do Futebol

2 162 Outro ponto também precisa ser lembrado. Penso que, em uma revista científica, o ponto de vista é um texto com o propósito de polemizar, de criar controvérsias, de suscitar algum debate com o dito fora da norma. Como um jogo, é desta forma, portanto, que pretendo me arriscar. PRIMEIRO TEMPO Possivelmente, a primeira pergunta que todos fazem às vésperas da Copa é: quem são os favoritos? Longe de querer matematizar um jogo de futebol e salpicar probabilidades, procurei realizar um levantamento das classificações das equipes nos últimos 40 anos de Copas, isto é, desde O Quadro 1 fornece uma síntese dos resultados e apresenta um importante dado referente à tradição. Brasil, Alemanha e Itália apresentam-se sempre favoritas e desde 1982, na Copa da Espanha, um destes países sempre esteve na final da competição. Quadro 1. Colocações dos quatro primeiros colocados em cada Copa do Mundo e número de vezes em que foi campeão, finalista e semi-finalista Países Ano Brasil Alemanha Itália Argentina França Inglaterra Holanda Uruguai Polônia Bélgica Suécia Bulgária Croácia Turquia Coréia do Sul Portugal º. 3º. 2º. 4º º. 1º. 2º. 3º º. 4º. 1º. 2º º. 1º. 4º. 3º º. 1º. 3º. 4º º. 3º. 2º. 4º º. 2º. 3º. 4º º. 1º. 4º. 3º º. 2º. 3º. 4º º. 1º. 2º. 4º. 1º. lugar Finalista Semifinalista Além destes países tradicionais, é possível acrescentar à lista de favoritos, em razão dos jogadores que possuem e dos jogos mais recentes que disputaram, a Argentina, a Espanha, a Inglaterra e a Holanda.

3 163 Cabe destacar que a França não teve uma boa participação nas eliminatórias e sua classificação somente se deu com um gol convertido após a polêmica dominada com a mão do jogador Henry no jogo contra a Irlanda na repescagem. No grupo B, a Coréia do Sul pode se apresentar como uma surpresa e penso, pelos jogos que vi, que a maior decepção da Copa pode vir das equipes africanas. INTERVALO O grupo do Brasil é constituído por Coréia do Norte, Costa do Marfim e Portugal. Os jogos seguem esta ordem e, neste sentido, tem um lado positivo e outro negativo. O positivo é que, teoricamente, os jogos mais fracos são os dois primeiros e confirmando as vitórias, a equipe brasileira enfrentaria Portugal para decidir o grupo. O aspecto negativo é que algum tropeço no início pode representar um grande problema. Sobre os adversários, Portugal, sem dúvida, figura como a equipe mais forte que enfrentaremos. Há uma expectativa em relação ao craque português Cristiano Ronaldo, mas é preciso considerar que a equipe portuguesa se classificou na repescagem e após dois magros 1 a 0 sobre a Bósnia. A Costa do Marfim tem apresentado um bom futebol em jogos recentes. Por outro lado, pouco se sabe sobre a Coréia do Norte. SEGUNDO TEMPO Após o anúncio da lista de jogadores que irão à Copa, a imprensa em geral e os torcedores manifestaram a insatisfação com os selecionáveis. O clamor popular não adiantou para mexer com a posição dogmática do treinador Dunga. Contudo, penso que existia aí muita paixão e pouca razão. Desta forma, apresentarei algumas razões para justificar minha análise e assim tentarei fugir das armadilhas da emoção. De imediato, é preciso destacar que Dunga nunca dirigiu uma equipe anteriormente. Nenhuma equipe! Ele começou técnico como técnico da seleção brasileira, o que me parece um disparate. Falta a ele a experiência de dirigir e treinar os jogadores, analisar os adversários e sua equipe, lidar com as adversidades. O sucesso nas eliminatórias e na Copa das Confederações (e mesmo um título na Copa do Mundo) ainda assim não justifica a escolha de seu nome. A fama de disciplinador também não. Acredito que a postura de atletas em busca de uma vitória importante se dá quando os membros da comissão técnica e o alto escalão das equipes criam esta própria situação. Se em competições passadas faltou disciplina é porque todo sistema permitiu.

4 164 Dos nomes que não foram convocados, a polêmica ficou em torno de quatro jogadores. Adriano, Neimar, Paulo Henrique Ganso e Ronaldinho Gaúcho. Vou tentar, então, comentar tecnicamente a seleção dos atletas. Penso que uma convocação de jogadores para disputar uma Copa do Mundo de Futebol, o treinador deveria atentar para três aspectos. Primeiro: nem todos os convocáveis participam dos jogos. O jogador Ronaldo Nazário (fenômeno), embora tido como campeão do mundo em 1994, não jogou um minuto sequer; segundo: é preciso convocar jogadores que possam ampliar o leque de opções. A convocação de muitos jogadores com o mesmo estilo de jogo, assim, seria contraproducente; e, terceiro: em uma competição esportiva, enfrentar jogadores experientes e de elevada qualidade é sempre um fator de preocupação. Analisando a lista dos convocados destaco que há vários jogadores que já atuaram como volantes; há ainda, afora os oito convocados para atuarem no meio-decampo, o Daniel Alves, o Gilberto e o Michel Bastos que vêm atuando pelo meio em seus times; além de não haver muita diferença técnica entre jogadores como Gilberto Silva, Felipe Melo, Josué, Kleberson, Daniel Alves, Gilberto, Michel Bastos, Elano e Júlio Baptista. Todos bons jogadores, mas previsíveis. Talvez diferenças em uma bola parada, mas nada tão significativo que se altere a ordem do jogo. Assim, possivelmente fosse interessante a convocação do Paulo Ganso e do Ronaldinho Gaúcho. O primeiro tem demonstrado grande habilidade; ampla visão de jogo; inteligência para conduzir as jogadas ofensivas e defensivas; qualidade do passe; participação efetiva na marcação dos adversários, a despeito da cultura brasileira em que o armador, inadequadamente, não realiza esta função; enfim atua para a equipe, para o jogo coletivo. Ronaldinho Gaúcho, por sua vez, após um longo período apagado, voltou a jogar bem pelo Milan. E se é verdade que alternou, em seu clube, bons jogos com outros ruins, é preciso destacar que na grande maioria destes jogos em que ele não atuou bem havia uma grande marcação individual sobre ele (terceiro item do que foi comentado no parágrafo anterior: preocupação dos adversários). Ademais, jogadores como Júlio Baptista e Kleberson vinham apresentando dificuldades e chegaram a amargurar a reserva em alguns jogos dos seus clubes. Considerando, ainda, que há jogadores (estes tantos volantes) que não entrarão jogo algum, convocar o Ronaldinho e deixá-lo na reserva para não quebrar o esquema poderia ser uma boa opção e não colocaria em risco a forma de jogar do treinador em caso de contusão de um destes volantes 2. Em uma 2 Uma das acepções do vocábulo volante, no dicionário eletrônico Houaiss, é: que se desloca continuamente; errante; nômade; vagabundo.

5 165 situação de emergência, colocar o Ronaldinho poderia significar uma mudança na forma de jogar (se a equipe estiver precisando virar o placar de um jogo e/ou necessitar de um armador de jogadas) e, possivelmente, não haveria um sistema especial de marcação para ele, o que poderia surpreender o adversário. Enfim, que diferença faz atuar com Gilberto Silva, Felipe Melo, Elano e Kaká ou com Gilberto Silva, Josué, Elano e Kaká ou ainda Gilberto Silva, Kleberson, Elano e Kaká? Contudo, quando se precisar de jogadores com características de armação das jogadas a seleção ficará kakadependente. Acredito, por outro lado, que o Ramires é que possa acabar se destacando no meio, se entrar nos jogos. Entre os homens de frente havia a perspectiva de convocação do Adriano e o clamor pelo menino Neimar. Já estavam certos os nomes de Robinho, Luís Fabiano e Nilmar. Três jogadores com características mais ou menos semelhantes. São habilidosos, dribladores e leves, embora o Luís Fabiano tenha um pouco mais de força entre eles. Assim, era razoável que a opção fosse o Adriano e não o Neimar, uma vez que seria importante um jogador com outra característica, de força, trombador. Além disto, o Neimar teve uma atuação muito apagada no Mundial Sub-17 realizado em 2009 e, mais importante, pareceu não se importar com isso. O problema do jogador Adriano, e neste caso concordo com o Dunga, diz respeito à instabilidade emocional do jogador. Seria possível contar com o jogador na Copa? Como não se tem a resposta antecipada, o treinador optou pelo Grafite, que é talvez quem mais se aproxime desta outra característica. FIM DE JOGO Em que pese tudo o que foi destacado, o que mais me preocupa é a idéia de que há um grande esquema tático na equipe brasileira. Embora haja uma dedicação dos jogadores e uma participação maior (em relação a outras seleções brasileiras) na defesa, não há, de fato, nenhuma grande novidade tática na equipe. O que me preocupa, então, é que a equipe brasileira sempre se valeu dos valores individuais. O que, por outro lado, era (ou foi) temeroso porque equipes mais bem armadas taticamente conseguiam neutralizar os jogadores brasileiros em algumas situações. Muitas vezes, um sistema de dobra, a marcação bem realizada, a preparação de jogadas ofensivas, de bolas paradas, enfim, a melhor preparação tática às vezes vencia a habilidade do jogador brasileiro. Obviamente, referindo-me de um modo genérico, havia, então, um certo equilíbrio nas disputas. O Brasil com inúmeros valores

6 166 individuais e outras equipes com grande aplicação tática. Porém, para a Copa da África do Sul, a seleção brasileira não se apresenta com jogadores muito habilidosos e não se vale de um grande esquema tático, embora querem fazer parecer que há. De todo modo, fico na torcida para que tudo dê certo e sejamos mais uma vez campeões.

COPA DO MUNDO Dihego Pansini de Souza

COPA DO MUNDO Dihego Pansini de Souza COPA DO MUNDO 2010 Dihego Pansini de Souza O povo brasileiro é conhecido mundialmente pela sua paixão pelo futebol. Os jogadores brasileiros são cobiçados por grandes clubes e considerados os melhores

Leia mais

Ensino Fundamental II. Atividade especial. 6º ao 9º ano. ao 9º ano. Atividade especial Copa do Mundo na África. Atendimento ao professor

Ensino Fundamental II. Atividade especial. 6º ao 9º ano. ao 9º ano. Atividade especial Copa do Mundo na África. Atendimento ao professor Copa domundo Mundo na África Copa do na África Ensino Fundamental II 6ºEnsino ao 9º ano Fundamental II 6º ao 9º ano Copa do Mundo na África Editora Moderna, ao seu lado em busca de grandes conquistas!

Leia mais

Hora de Decidir

Hora de Decidir Brasil encara Croácia, México e Camarões; finalistas de 2010 à vista Seleção estreia contra os croatas no dia 12 de junho, em São Paulo. Na próxima fase, pode pegar Espanha ou Holanda. Grupo da Morte tem

Leia mais

Jornalista: E o Lula torcedor, vai estar no estádio em 2014? Presidente: Se Deus quiser. Se Deus quiser estarei lá com uma vuvuzela.

Jornalista: E o Lula torcedor, vai estar no estádio em 2014? Presidente: Se Deus quiser. Se Deus quiser estarei lá com uma vuvuzela. Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, após cerimônia de início da jornada para a Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014 Johannesburgo-África do Sul, 08 de julho

Leia mais

FORTALECENDO SABERES EDUCAÇÃO FÍSICA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. AULA: 11.1 Conteúdo: A copa do Mundo de futebol

FORTALECENDO SABERES EDUCAÇÃO FÍSICA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. AULA: 11.1 Conteúdo: A copa do Mundo de futebol 2 EDUCAÇÃO CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA AULA: 11.1 Conteúdo: A copa do Mundo de futebol 2 EDUCAÇÃO CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA AULA: 11.1 Habilidades:

Leia mais

1 o ano Ensino Fundamental Data: / / Nome:

1 o ano Ensino Fundamental Data: / / Nome: 1 o ano Ensino Fundamental Data: / / Nome: De quatro em quatro anos, seleções de futebol de diversos países do mundo se reúnem para disputar a Copa do Mundo de Futebol. A competição foi criada pelo francês

Leia mais

FUTEBOL BRASILEIRO. Flávia Cristiane M. de Oliveira RA

FUTEBOL BRASILEIRO. Flávia Cristiane M. de Oliveira RA FUTEBOL BRASILEIRO Flávia Cristiane M. de Oliveira RA 11020366 INTRODUÇÃO O futebol é um dos esportes mais populares no mundo. Praticado em centenas de países, este esporte desperta tanto interesse em

Leia mais

PLURI Sportmetric O Valor de mercado das Seleções da Copa 2014, por Grupo

PLURI Sportmetric O Valor de mercado das Seleções da Copa 2014, por Grupo PLURI Sportmetric O Valor de mercado das Seleções da Copa 2014, por Grupo PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria Fernando

Leia mais

Viva Laduma! 2 Continuando... September 16, 2009

Viva Laduma! 2 Continuando... September 16, 2009 Viva Laduma! September 16, 2009 1 Introdução Laduma? O que é isso? Ah... se você não sabe o que Laduma significa, você não está preparado para o próximo ano. Mas, antes disso, vamos por partes [afinal,

Leia mais

A novela chegou ao fim. O atacante Robinho foi apresentado pelo Santos no início da

A novela chegou ao fim. O atacante Robinho foi apresentado pelo Santos no início da Volta para a casa: Robinho é apresentado e já quer jogar clássico Presidente entrega a camisa 7 ao ídolo do Santos, que já se coloca à disposição de Oswaldo de Oliveira para o duelo com o Corinthians,

Leia mais

i a do Rev stinh apresenta: 2006

i a do Rev stinh apresenta: 2006 apresenta: Revistinh a do 2006 Teste seus conhecimentos sobre a história da Copa do Mundo! 1 - Quando foi realizada a primeira Copa do Mundo? vermelho e amarelo? A) em 1928 A) Na Copa do Uruguai, em 1930

Leia mais

PROJETO FUTURO EM JOGO COPA MIRIM REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO I DA PARTICIPAÇÃO

PROJETO FUTURO EM JOGO COPA MIRIM REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO I DA PARTICIPAÇÃO Fone: (61) PROJETO FUTURO EM JOGO COPA MIRIM REGULAMENTO TÉCNICO CAPÍTULO I DA PARTICIPAÇÃO Art. 1º - As participações dos estudantes na competição obedecerão às seguintes faixas etárias e gêneros: a)

Leia mais

BOA TARDE!! Obrigado pelo convite e pela presença.

BOA TARDE!! Obrigado pelo convite e pela presença. BOA TARDE!! Obrigado pelo convite e pela presença. www.gustavolpsouza.com.br LEI GERAL DA COPA Aspectos Gerais e Pontos Polêmicos COPA DO MUNDO Evolução do Evento Uruguai 1930 Campeão: Uruguai Vice: Argentina

Leia mais

TÍTULO I - DAS FINALIDADES TÍTULO II - DA ORGANIZAÇÃO TÍTULO III - DA PARTICIPAÇÃO E INSCRIÇÃO

TÍTULO I - DAS FINALIDADES TÍTULO II - DA ORGANIZAÇÃO TÍTULO III - DA PARTICIPAÇÃO E INSCRIÇÃO TÍTULO I - DAS FINALIDADES Art. 1º - O Cumbucão, tem por finalidades: a) - Proporcionar mais uma opção a nível competitivo e motivar o Futebol de Pelada na Associação Viking. b) - Confraternização entre

Leia mais

Copas do Mundo: Leitura e Interpretação de Texto com Atividades

Copas do Mundo: Leitura e Interpretação de Texto com Atividades Copas do Mundo: Leitura e Interpretação de Texto com Atividades Copas do Mundo De quatro em quatro anos, seleções de futebol de diversos países do mundo se reúnem para disputar a Copa do Mundo de Futebol.

Leia mais

Potencial de valorização dos jogadores mais valiosos do Mundo durante a Copa 2014

Potencial de valorização dos jogadores mais valiosos do Mundo durante a Copa 2014 PLURI Consultoria São Paulo - Brasil Potencial de valorização dos jogadores mais valiosos do Mundo durante a Copa 2014 Fernando Ferreira Economista, Especialista em Gestão e Marketing do Esporte e Pesquisa

Leia mais

APOSTILA JOGADORES CARACTERÍSTICAS E FUNÇÕES

APOSTILA JOGADORES CARACTERÍSTICAS E FUNÇÕES APOSTILA JOGADORES CARACTERÍSTICAS E FUNÇÕES O JOGADOR PADRÃO APOSTILA PÁGINA 6 As onze PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DE UM BOM JOGADOR 1 - Sendo um jogo de conjunto, procurar sempre, e o mais rápido possível

Leia mais

CRITERIOS DE CONVOCAÇÃO JOGOS PARALÍMPICOS RIO 2016

CRITERIOS DE CONVOCAÇÃO JOGOS PARALÍMPICOS RIO 2016 CRITERIOS DE CONVOCAÇÃO JOGOS PARALÍMPICOS RIO 2016 1. A Confederação Brasileira de Tiro com Arco CBTARCO, por meio de seu Departamento Técnico e da Coordenação Técnica da modalidade, divulga os critérios

Leia mais

A mesma equipe que mostrou frieza para ganhar o Sul-Americano Sub-20 em pleno

A mesma equipe que mostrou frieza para ganhar o Sul-Americano Sub-20 em pleno Brasil 100%, Argentina eliminada... A primeira fase do Mundial Sub-20 Seleção brasileira se une a Alemanha e Portugal como equipes que venceram os três jogos, enquanto Albiceleste dá vexame. Confira resumo

Leia mais

PASSOU NO TESTE-Com 'ajuda' do árbitro, Brasil vence a Croácia na estreia. Com ajuda do árbitro, Brasil vence a Croácia na estreia

PASSOU NO TESTE-Com 'ajuda' do árbitro, Brasil vence a Croácia na estreia. Com ajuda do árbitro, Brasil vence a Croácia na estreia PASSOU NO TESTE-Com 'ajuda' do árbitro, Brasil vence a Croácia na estreia Com ajuda do árbitro, Brasil vence a Croácia na estreia Japonês marcou pênalti polêmico que resultou no segundo gol da vitória

Leia mais

Evolução Tática do Futebol. Prof. Esp. Sandro de Souza

Evolução Tática do Futebol. Prof. Esp. Sandro de Souza Evolução Tática do Futebol Prof. Esp. Sandro de Souza O Campo Comprimento: 90 min e 120 máx Largura: 45 min 90 máx Os Jogadores Posicionados de acordo com a região do campo DEFESA MEIO-CAMPO ATAQUE ZAGUEIROS

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO Matemática

CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO  Matemática Desafio de Matemática 2 ano EF 2D 2014 1/ 5 1. Leia o texto: CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO www.cenm.com.br 2 o DESAFIO CENM - 2014 Matemática Pelé foi um grande jogador do Brasil. Era um moleque que brilhava

Leia mais

Os Campeonatos Nacionais mais valiosos do Mundo

Os Campeonatos Nacionais mais valiosos do Mundo PLURI Valuation Os Campeonatos Nacionais mais valiosos do Mundo PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria Fernando Ferreira

Leia mais

SISTEMA DE DISPUTA LIGA PAULISTA FUTSAL 2012 DO SISTEMA DE DISPUTA 1ª FASE DE CLASSIFICAÇÃO

SISTEMA DE DISPUTA LIGA PAULISTA FUTSAL 2012 DO SISTEMA DE DISPUTA 1ª FASE DE CLASSIFICAÇÃO SISTEMA DE DISPUTA LIGA PAULISTA FUTSAL 2012 Prevalecem neste campeonato os dispositivos do Código Desportivo da Federação em vigor, bem como as Disposições Iniciais e Especiais de 2012 substanciadas pelas

Leia mais

REGULAMENTO 7ª COPA TELEPERFORMANCE FUTEBOL SOCIETY

REGULAMENTO 7ª COPA TELEPERFORMANCE FUTEBOL SOCIETY REGULAMENTO 7ª COPA TELEPERFORMANCE FUTEBOL SOCIETY Pelo presente regulamento, fica instituído a 7ª COPA TELEPERFORMANCE FUTEBOL SOCIETY. A 7ª COPA TELEPERFORMANCE DE FUTEBOL SOCIETY, visa desenvolver

Leia mais

Portugal: Turquia: Espanha

Portugal: Turquia: Espanha Portugal: A selecção nacional estreou-se oficialmente a 18 de novembro de 1921 contra Inglaterra, jogo que acabou 2-1 a favor da Inglaterra. A estreia de Portugal num Mundial da FIFA, em 1966, levou a

Leia mais

Confirmado pela CBF, Tite diz que quer ver a Seleção com a cara do Brasil

Confirmado pela CBF, Tite diz que quer ver a Seleção com a cara do Brasil Admirador da Seleção Brasileira que brilhou no México, em 1970, e na Espanha, em 1982, Tite abriu o jogo na sua primeira entrevista como técnico que tentará levar o Brasil à Copa de 2018, na Rússia. Quero

Leia mais

CLIPAGEM IMPRESSO. Cliente: Colégio Santa Emília HAIM FERREIRA/FOLHA PE

CLIPAGEM IMPRESSO. Cliente: Colégio Santa Emília HAIM FERREIRA/FOLHA PE HAIM FERREIRA/FOLHA PE Visando fortalecer ainda mais o desporto olímpico em Pernambuco, o Colégio Santa Emília firmou uma importante parceria com a Federação Pernambucana de Basquete e a Confederação Brasileira

Leia mais

ISP Gaya, 28 de Setembro

ISP Gaya, 28 de Setembro ISP Gaya, 28 de Setembro Seleções Regionais - Estrutura Diretor Dirigente Feminina & Masculina Treinadores Fisioterapeuta Seleções Regionais - Estrutura João Moreira Altino Moreira Feminina João Paulo

Leia mais

Copas do Mundo. Das Eliminatórias ao Título. novera. José Renato Sátiro Santiago Jr. Gustavo Longhi de Carvalho

Copas do Mundo. Das Eliminatórias ao Título. novera. José Renato Sátiro Santiago Jr. Gustavo Longhi de Carvalho Copas do Mundo Das Eliminatórias ao Título José Renato Sátiro Santiago Jr. Gustavo Longhi de Carvalho novera Apresentação 13...Mas a cultura é, sobretudo, um sistema de símbolos que as pessoas criam para

Leia mais

Sistemas: Distribuição ordenada dos componentes de uma equipe em quadra, visando facilitar a aplicação das diferentes manobras.

Sistemas: Distribuição ordenada dos componentes de uma equipe em quadra, visando facilitar a aplicação das diferentes manobras. CONCEITOS TÁTICOS E SISTEMAS Conceitos Sistemas: Distribuição ordenada dos componentes de uma equipe em quadra, visando facilitar a aplicação das diferentes manobras. Tipos de sistemas: Sistemas defensivos:

Leia mais

ASSEMBLÉIA PARAENSE DIRETORIA DE FUTEBOL COPA DE FUTSAL 2016 REGULAMENTO. 2 Só poderão participar associados da AP de faixa etária acima de 18 anos;

ASSEMBLÉIA PARAENSE DIRETORIA DE FUTEBOL COPA DE FUTSAL 2016 REGULAMENTO. 2 Só poderão participar associados da AP de faixa etária acima de 18 anos; ASSEMBLÉIA PARAENSE DIRETORIA DE FUTEBOL COPA DE FUTSAL 2016 REGULAMENTO 1 A I Copa de Futsal 2016 é uma realização da Diretoria de Futebol da Assembleia Paraense, e os seus jogos serão realizados no ginásio

Leia mais

O primeiro jogo de futebol no Brasil, aconteceu dia 14 de Abril de 1895, com duas equipes formadas por ingleses radicados em São Paulo.

O primeiro jogo de futebol no Brasil, aconteceu dia 14 de Abril de 1895, com duas equipes formadas por ingleses radicados em São Paulo. Podemos encontrar registros históricos de jogos que lembram o futebol a mais de 2000 anos atrás, na Grécia e China. Mas os primeiros indícios do jogo de futebol moderno se deram na Inglaterra, no continente

Leia mais

Copa do Mundo de Futebol: desempenho dos países sedes, 1930 a 2010

Copa do Mundo de Futebol: desempenho dos países sedes, 1930 a 2010 Copa do Mundo de Futebol: desempenho dos países sedes, 1930 a 2010 La Copa del Mundo de Fútbol: rendimiento de los países sedes, 1930 a 2010 Soccer World Cup: performance of the home countries, 1930 to

Leia mais

LIGA PATENSE DE DESPORTOS

LIGA PATENSE DE DESPORTOS TAÇA PATOS 2017 LIGA PATENSE DE DEPORTOS PATOS DE MINAS - TEMPORADA/2017 APOIO PREFEITURA MUNICIPAL DE PATOS DE MINAS TABELA DE JOGOS CRAQUE FUTURO PATOS DE MINAS CRP E.C. CARAMURU CHAVE UNICA PONTAPE

Leia mais

Confronto final: Bonsucesso x Peirópolis

Confronto final: Bonsucesso x Peirópolis Confronto final: x Maior campeão ou primeiro título? O é o papa-títulos das temporadas recentes. Nas últimas dez finais, esteve em oito, e foi campeão em cinco delas. Busca o nono título para a galeria.

Leia mais

CALENDÁRIO DE PROVAS FUTEBOL FEMININO ÉPOCA 2015/2016

CALENDÁRIO DE PROVAS FUTEBOL FEMININO ÉPOCA 2015/2016 JULHO 1 4ª FEIRA 2 5ª FEIRA 3 6ª FEIRA 4 SÁBADO 5 DOMINGO 6 2ª FEIRA 7 3ª FEIRA 8 4ª FEIRA 9 5ª FEIRA 10 6ª FEIRA 11 SÁBADO 12 DOMINGO 13 2ª FEIRA 14 3ª FEIRA 15 4ª FEIRA 16 5ª FEIRA 17 6ª FEIRA 18 SÁBADO

Leia mais

A CONQUISTA DA AMÉRICA O ano de 2015 foi de reestruturação para a Ferroviária/Fundesport.

A CONQUISTA DA AMÉRICA O ano de 2015 foi de reestruturação para a Ferroviária/Fundesport. 1 TÍTULOS Tetê Viviani A CONQUISTA DA AMÉRICA O ano de 2015 foi de reestruturação para a Ferroviária/Fundesport. Logo no início da temporada, o time perdeu parte do vitorioso elenco de 2014: 10 atletas

Leia mais

LIGA DE FITEBOL DE 7 SOCIETY DO RIO DE JANEIRO

LIGA DE FITEBOL DE 7 SOCIETY DO RIO DE JANEIRO LIGA DE FITEBOL DE 7 SOCIETY DO RIO DE JANEIRO Inter Ligas 1ª Divisão I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES DO PERÍODO DE REALIZAÇÃO Art. 1º - O Campeonato de futebol de 7, competição de organização da Liga de

Leia mais

2 COPA DA LIGA NORTE FUTEBOL DE BASE.

2 COPA DA LIGA NORTE FUTEBOL DE BASE. 2 COPA DA LIGA NORTE FUTEBOL DE BASE. Artigo 1 - A 2 Copa da Liga Norte Futebol de Base é organizado e dirigida pela Comissão da Liga Norte, tem com finalidade promover o intercambio e a integração entre

Leia mais

Bolão Copa do Mundo Brasil 2014

Bolão Copa do Mundo Brasil 2014 Bolão Copa do Mundo Brasil 2014 O Bolão da Copa já está virando tradição: depois do enorme sucesso na Copa da Alemanha em 2006, na Copa da África do Sul em 2010, certamente um bolão na Copa do Mundo no

Leia mais

CURRÍCULO DO ATLETA DADOS PESSOAIS: Nome: Felipe Borges da Silva. Nome Esportivo: Felipe. Nasc.: 16/11/1994. Embarcação: Canoa Masculino C-1 - C-2

CURRÍCULO DO ATLETA DADOS PESSOAIS: Nome: Felipe Borges da Silva. Nome Esportivo: Felipe. Nasc.: 16/11/1994. Embarcação: Canoa Masculino C-1 - C-2 CURRÍCULO DO ATLETA DADOS PESSOAIS: Nome: Felipe Borges da Silva Nome Esportivo: Felipe Nasc.: 16/11/1994 Embarcação: Canoa Masculino C-1 - C-2 Naturalidade: Foz do Iguaçu-PR Estado Civil: Solteiro E-mail/msn:

Leia mais

Gustavo Longhi de Carvalho Rodolfo Rodrigues. das

Gustavo Longhi de Carvalho Rodolfo Rodrigues. das Gustavo Longhi de Carvalho Rodolfo Rodrigues nføgr4 f c das C s pas Gustavo Longhi de Carvalho e Rodolfo Rodrigues Diretor editorial Marcelo Duarte Diretora comercial Patty Pachas Diretora de projetos

Leia mais

Informe Icesp Semanal Ano X nº /09/2017

Informe Icesp Semanal Ano X nº /09/2017 Informe Icesp Semanal Ano X nº 136 06/09/2017 CAPA COMPETIÇÃO SERÁ ENTRE OS QUATRO FINALISTAS DAS CONFERÊNCIAS REALIZADAS EM JUNHO Por Wallinson Leandro Na terça-feira (12), nossas atletas do Minas/Icesp

Leia mais

Inter joga melhor e assusta, mas é o Atlético-MG que vai para a final Torcida do Galo lotou o Estádio

Inter joga melhor e assusta, mas é o Atlético-MG que vai para a final Torcida do Galo lotou o Estádio Inter joga melhor e assusta, mas é o Atlético-MG que vai para a final Torcida do Galo lotou o Estádio Matéria publicada em 03 de Novembro de 2016 Após vencer o primeiro jogo por 2 a 1, em Porto Alegre,

Leia mais

Seleções Nacionais Masculinas

Seleções Nacionais Masculinas Seleções Nacionais Masculinas Federação Portuguesa de Hóquei Out 2013 Out 2014 PRINCÍPIOS GERAIS Notoriedade A exemplo de outras modalidades ou outros países, excelentes resultados ao nível das seleções

Leia mais

CALENDÁRIO DO FUTEBOL BRASILEIRO PARA MUDAR O JOGO É PRECISO CONHECÊ-LO

CALENDÁRIO DO FUTEBOL BRASILEIRO PARA MUDAR O JOGO É PRECISO CONHECÊ-LO CALENDÁRIO DO FUTEBOL BRASILEIRO PARA MUDAR O JOGO É PRECISO CONHECÊ-LO CALENDÁRIO ATUAL A REALIDADE 684 CLUBES DISPUTAM os Campeonatos Estaduais EM TORNO DE 12 MIL ATLETAS DESEMPREGADOS a partir do final

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO ACADEMIA DA RUA 3 X 3

REGULAMENTO DESAFIO ACADEMIA DA RUA 3 X 3 REGULAMENTO DESAFIO ACADEMIA DA RUA 3 X 3 As Regras do Jogo de Basquete Oficiais da FIBA são válidas para todas as situações de jogo não especificamente mencionadas nestas Regras do Jogo 3x3. Art. 1 Quadra

Leia mais

APOSTILA METODOLOGIA

APOSTILA METODOLOGIA APOSTILA METODOLOGIA APOSTILA PÁGINA 1 NOSSO OBJETIVO Ensinar jovens a aprimorar seus talentos, a entender a parte tática do jogo e aprimorar tanto o lado físico quanto mental. Semear os valores nobres

Leia mais

Portal Society no Campeonato Brasileiro de Base 2013 CATEGORIA SUB 13

Portal Society no Campeonato Brasileiro de Base 2013 CATEGORIA SUB 13 Portal Society no Campeonato Brasileiro de Base 2013 CATEGORIA SUB 13 O campeonato Brasileiro de Futebol de Society, chegou este ano a sua 5 edição e trouxe pela 1 vez um representante do Nordeste A desconhecida,

Leia mais

FUTEBOL DE AREIA HISTÓRIA, REGRAS E PRINCIPAIS FUNDAMENTOS

FUTEBOL DE AREIA HISTÓRIA, REGRAS E PRINCIPAIS FUNDAMENTOS FUTEBOL DE AREIA HISTÓRIA, REGRAS E PRINCIPAIS FUNDAMENTOS História O Futebol de Areia começou a ser disputado em 1992, quando as regras do jogo foram criadas e um campeonato piloto foi organizado em Los

Leia mais

Campeonato de Futebol Society para Universitários

Campeonato de Futebol Society para Universitários Campeonato de Futebol Society para Universitários APRESENTAÇÃO Já faz parte da história da Rádio Itatiaia a realização da Copa Itatiaia de Futebol Amador. O campeonato, que entrará para a 55ª edição, tem

Leia mais

1.1 Uso da crase. A crase indica a fusão da preposição a com o artigo a: Nós vamos à (a + a) Baixada. O Melhor do Atlético na Internet

1.1 Uso da crase. A crase indica a fusão da preposição a com o artigo a: Nós vamos à (a + a) Baixada. O Melhor do Atlético na Internet 1. Acentuação Todos os textos, até mesmo aqueles escritos em sites e fóruns da internet, precisam ser acentuados corretamente para que o leitor possa compreender facilmente o que o autor quer expressar.

Leia mais

MACAU ESPORTE CLUBE PROPOSTA DE PATROCÍNIO TEMPORADA 2016

MACAU ESPORTE CLUBE PROPOSTA DE PATROCÍNIO TEMPORADA 2016 MACAU ESPORTE CLUBE PROPOSTA DE PATROCÍNIO TEMPORADA 2016 SUMÁRIO I. INTRODUÇÃO...03 II. O CLUBE...04 III. HÓQUEI SOBRE GRAMA NO MUNDO...05 V. EQUIPES E CONQUISTAS...06 V. APOIO...08 VI. COMPROMISSO...08

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO DA PARTE ESPORTIVA

REGULAMENTO TÉCNICO DA PARTE ESPORTIVA REGULAMENTO TÉCNICO DA PARTE ESPORTIVA Das Modalidades Esportivas Art. 1º - A Parte esportiva da gincana conterá as seguintes modalidades: I Futsal II Voleibol Misto III Basquetebol IV Handebol V Tênis

Leia mais

LIGA DE FITEBOL DE 7 SOCIETY DO RIO DE JANEIRO

LIGA DE FITEBOL DE 7 SOCIETY DO RIO DE JANEIRO LIGA DE FITEBOL DE 7 SOCIETY DO RIO DE JANEIRO Inter Ligas 3ª Divisão I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES DO PERÍODO DE REALIZAÇÃO Art. 1º - O Campeonato de futebol de 7, competição de organização da Liga de

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO, DA EDUCAÇÃO E CULTURA. COORDENADORIA DE DESPORTO ESCOLAR

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO, DA EDUCAÇÃO E CULTURA. COORDENADORIA DE DESPORTO ESCOLAR GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO, DA EDUCAÇÃO E CULTURA. COORDENADORIA DE DESPORTO ESCOLAR REGULAMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL/2015 CATEGORIA INFANTIL 1. A Competição de Basquetebol

Leia mais

HISTÓRIA Das copas do mundo - FIFA

HISTÓRIA Das copas do mundo - FIFA Museu de Topografia Prof. Laureano Ibrahim Chaffe Departamento de Geodésia IG/UFRGS HISTÓRIA Das copas do mundo - FIFA Texto original: Wikipédia, a enciclopédia livre junho/2010 Ampliação e ilustração:

Leia mais

BOOK DE PROGRAMAÇÃO. Dezembro/2016 a Fevereiro/2017

BOOK DE PROGRAMAÇÃO. Dezembro/2016 a Fevereiro/2017 BOOK DE PROGRAMAÇÃO Dezembro/2016 a Fevereiro/2017 Uma rádio apaixonada por futebol. Com uma programação ao vivo, 24 horas por dia, inteiramente dedicada ao futebol, a Rádio Grenal é uma revolução na comunicação,

Leia mais

X COPA MACABI RIO 2017

X COPA MACABI RIO 2017 X COPA MACABI RIO 2017 CAPÍTULO I Do objetivo Art 1º - Desenvolver a prática desportiva dos jovens da comunidade judaica, bem como promover a integração social entre os participantes. A organização e a

Leia mais

CURSO PREPARATÓRIO - INTENSIVO 1º SIMULADO/2014-1ª ETAPA MATEMÁTICA

CURSO PREPARATÓRIO - INTENSIVO 1º SIMULADO/2014-1ª ETAPA MATEMÁTICA .1. CURSO PREPARATÓRIO - INTENSIVO 1º SIMULADO/2014-1ª ETAPA MATEMÁTICA Nome do(a) Aluno(a): Turma: RECOMENDAÇÕES IMPORTANTES 01) Verifique o total de folhas (09) deste Simulado. Ele contém 04 (quatro)

Leia mais

Questões dos 8 anos

Questões dos 8 anos Questões dos 8 anos - 2012 1- A respeito da História do futebol, analise e responda. As figuras acima mostram a evolução do futebol. Embora não exista muita certeza sobre sua origem, historiadores descobriram

Leia mais

Dossiê de Imprensa. PORTUGAL x PAÍS DE GALES h15 Estádio Municipal de Chaves

Dossiê de Imprensa. PORTUGAL x PAÍS DE GALES h15 Estádio Municipal de Chaves Dossiê de Imprensa PORTUGAL x PAÍS DE GALES 05.09.2017 19h15 COMITIVA PROGRAMA DA SELEÇÃO NACIONAL SUB-21 28.08.2017 segunda-feira 13h00 17h00 29.08.2017 terça feira 17h10 30.08.2017 quarta-feira 31.08.

Leia mais

Questões dos 6º anos

Questões dos 6º anos 2012 - AVALIAÇÃO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DO 4ª BIMESTRE Questões dos 6º anos 1- Lembrando que tanto o futebol como o handebol são esportes coletivos, quais comportamentos podemos observar com relação a forma

Leia mais

JUROS E RISCO BRASIL

JUROS E RISCO BRASIL JUROS E RISCO BRASIL META DA TAXA SELIC FONTE: BANCO CENTRAL 13.75% 12.75% 11.25% 10.25% 8.75% 9.50% 10.25% 10.75% 11.25% 12.50% 11.00% 10.50% 9.75% 9.00% 8.50% 8.00% 7.25% 8.50% 9.00% 10.00% 10.50% 11.00%

Leia mais

BOOK DE PROGRAMAÇÃO. Abril a Junho de 2017

BOOK DE PROGRAMAÇÃO. Abril a Junho de 2017 BOOK DE PROGRAMAÇÃO Abril a Junho de 2017 Uma rádio apaixonada por futebol. Com uma programação ao vivo, 24 horas por dia, inteiramente dedicada ao futebol, a Rádio Grenal é uma revolução na comunicação,

Leia mais

JUROS E RISCO BRASIL

JUROS E RISCO BRASIL JUROS E RISCO BRASIL META DA TAXA SELIC FONTE: BANCO CENTRAL 11.75% 13.00% 13.75% 12.75% 11.25% 10.25% 8.75% 9.50% 10.25% 10.75% 11.25% 12.50% 11.00% 10.50% 9.75% 9.00% 8.50% 8.00% 7.25% 8.00% 8.50% 9.00%

Leia mais

Autêntica joia tricolor, Kaká foi lapidado desde criança pelas categorias de base do clube para ser uma verdadeira potência entre os atletas.

Autêntica joia tricolor, Kaká foi lapidado desde criança pelas categorias de base do clube para ser uma verdadeira potência entre os atletas. Autêntica joia tricolor, Kaká foi lapidado desde criança pelas categorias de base do clube para ser uma verdadeira potência entre os atletas. Bom caráter, inteligente, forte, ágil, veloz. Poucas são as

Leia mais

FEDERAÇÃO PARANAENSE DE JUDÔ

FEDERAÇÃO PARANAENSE DE JUDÔ NORMAS DO DEPARTAMENTO DE RENDIMENTO Prezados Professores, A proposta da Federação Paranaense de Judô está baseada na busca de um ser melhor e para tanto será necessário um maior comprometimento de todos

Leia mais

HANDEBOL. Profesores: Daniel / Sheila. Colégio Adventista de Rio Preto

HANDEBOL. Profesores: Daniel / Sheila. Colégio Adventista de Rio Preto HANDEBOL Profesores: Daniel / Sheila Colégio Adventista de Rio Preto Técnicas Defensivas Handebol 1. Posição básica defensiva: É a postura que deve adotar os jogadores, posicionando-se para intervir na

Leia mais

ANÁLISE DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE EM TORNEIOS DE XADREZ por Wendel Rodrigo de Assis

ANÁLISE DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE EM TORNEIOS DE XADREZ por Wendel Rodrigo de Assis ANÁLISE DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE EM TORNEIOS DE XADREZ por Wendel Rodrigo de Assis Pessoal, nas etapas do Circuito Solidário de Xadrez é comum, ao término de todas as rodadas, que alguns jogadores terminem

Leia mais

VEJA AQUI A TABELA COMPLETA. Goiás x Vasco

VEJA AQUI A TABELA COMPLETA. Goiás x Vasco O Brasileirão tem neste sábado, 22 de agosto, e domingo, 23 de agosto, sua rodada 20, a primeira do segundo turno. O Corinthians conquistou o simbólico título de campeão do primeiro turno. Nas últimas

Leia mais

folha 01 FEDERAÇÃO GAÚCHA DE FUTEBOL " SÚMULA DO JOGO " Código: 23/07/1952 NOMES 1º TEMPO 2º TEMPO

folha 01 FEDERAÇÃO GAÚCHA DE FUTEBOL  SÚMULA DO JOGO  Código: 23/07/1952 NOMES 1º TEMPO 2º TEMPO 01. COMPETIÇÃO folha 01 " SÚMULA DO JOGO " CATEGORIAS DE PROFISSIONAIS 1ª DIVISÃO Código: 23/07/1952 Nº DO JOGO: CATEGORIAS AMADORAS (Campo acima exclusivo da FGF) 2ª DIVISÃO 3ª DIVISÃO X COPA FGF JÚNIOR

Leia mais

REGULAMENTO DO CAMPEONATO ALAGOANO DE FUTEBOL FEMININO 2014

REGULAMENTO DO CAMPEONATO ALAGOANO DE FUTEBOL FEMININO 2014 REGULAMENTO DO CAMPEONATO ALAGOANO DE FUTEBOL FEMININO 2014 CAPÍTULO I DOS PARTICIPANTES Art. 1º - O CAMPEONATO ALAGOANO DE FUTEBOL FEMININO DE 2014, que será realizado de acordo com calendário definido

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO SUPERCOPA 2013

REGULAMENTO ESPECÍFICO SUPERCOPA 2013 REGULAMENTO ESPECÍFICO SUPERCOPA 2013 I - DAS FINALIDADES Art. 1 - SUPERCOPA, é uma competição promovida pela Liga de Futebol 7 Society de Niterói (LF7) sob chancela da Federação de Futebol 7 do Estado

Leia mais

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica

Revista Brasileira de Futsal e Futebol ISSN versão eletrônica 117 A POSSE DE BOLA COMO FATOR DETERMINANTE PARA A VITÓRIA NA COPA DO MUNDO DE 2010 NA ÁFRICA DO SUL Mário Alexandre Pires Machado 1 RESUMO O objetivo deste presente estudo foi analisar os 64 jogos da

Leia mais

Regulamento Geral. - 1º Torneio de Basquetebol Interclasses ITE Bauru

Regulamento Geral. - 1º Torneio de Basquetebol Interclasses ITE Bauru 1. DA ORGANIZAÇÃO E DIREÇÃO Art. 1. O campeonato interclasses de basquete obedecerá às disposições deste regulamento, da Declaração do Termo de Responsabilidade constante na Ficha de Inscrição e das demais

Leia mais

TORNEIOS ESPORTIVOS MARÇO REGULAMENTO DISPOSIÇÕES GERAIS

TORNEIOS ESPORTIVOS MARÇO REGULAMENTO DISPOSIÇÕES GERAIS DISPOSIÇÕES GERAIS REALIZAÇÃO 19 de março de 2016 no Centro de Práticas Esportivas da Universidade de São Paulo, para crianças nascidas entre 2007 e 2004. CERIMÔNIA DE ABERTURA Em cada grupo, às 08h30

Leia mais

Exercícios de Treino dos Melhores Treinadores de

Exercícios de Treino dos Melhores Treinadores de Exercícios de Treino dos Melhores Treinadores de Futebol do Mundo em 2013 Carlo ANCELOTTI; Rafael BENITEZ; Antonio CONTE; Vicente DEL BOSQUE; Alex FERGUSON; Jupp HEYNCKES; Jürgen KLOPP; José MOURINHO;

Leia mais

ZIDANE CHEGA AO BRASIL EM OUTUBRO (Cláudia Ioschpe) N9VE, por Cláu... Page 1 of 5

ZIDANE CHEGA AO BRASIL EM OUTUBRO (Cláudia Ioschpe) N9VE, por Cláu... Page 1 of 5 ZIDANE CHEGA AO BRASIL EM OUTUBRO (Cláudia Ioschpe) N9VE, por Cláu... Page 1 of 5 Crack, Nem Pensar Vestibular Busca: Em: Todo o clicrbs OK Quinta-feira, 20 de agosto de 2009 ZIDANE CHEGA AO BRASIL EM

Leia mais

Princípios Táticos. Aprofundamento em Futebol

Princípios Táticos. Aprofundamento em Futebol Princípios Táticos Aprofundamento em Futebol DEFENSIVO Linha Bola Gol Equilíbrio homem-bola e Numérico Acompanhamento Cobertura Desarme Linhas de Marcação Tipos de Marcação Princípios Táticos OFENSIVO

Leia mais

CAPÍTULO I DA EQUIPE DE ARBITRAGEM

CAPÍTULO I DA EQUIPE DE ARBITRAGEM V COPA Sinttelrs de Futsal 2013 REGULAMENTO CAPÍTULO I DA EQUIPE DE ARBITRAGEM Art. 01 - Os jogos do torneio serão regulamentados pelas Regras Oficiais de Futsal da Confederação Brasileira de Futebol de

Leia mais

META DA TAXA SELIC 14,5% 14,25% 13,75% 13,75% 13,5% 13,00% 13,25% 12,75% 12,25% 11,75% 12,75% 12,25% 12,75% 12,50% 12,5% 12,00%

META DA TAXA SELIC 14,5% 14,25% 13,75% 13,75% 13,5% 13,00% 13,25% 12,75% 12,25% 11,75% 12,75% 12,25% 12,75% 12,50% 12,5% 12,00% abr-08 ago-08 dez-08 abr-09 ago-09 dez-09 abr-10 ago-10 dez-10 abr-11 ago-11 dez-11 abr-12 ago-12 dez-12 abr-13 ago-13 dez-13 abr-14 ago-14 dez-14 abr-15 ago-15 dez-15 abr-16 ago-16 dez-16 META DA TAXA

Leia mais

PANELINHAS XXIV Campeonato Interno de Futebol de Base.

PANELINHAS XXIV Campeonato Interno de Futebol de Base. PANELINHAS 2016 XXIV Campeonato Interno de Futebol de Base. I Objetivos: - Desenvolver o interesse do associado pela prática do futebol. - Promover o entretenimento e a sociabilização através do futebol.

Leia mais

DOSSIÊ DE IMPRENSA. PORTUGAL vs SUÍÇA Estádio, xxhxx Estádio, xxhxx DOSSIÊ DE IMPRENSA. JOGOS DE PREPARAÇÃO PORTUGAL x UCRÂNIA

DOSSIÊ DE IMPRENSA. PORTUGAL vs SUÍÇA Estádio, xxhxx Estádio, xxhxx DOSSIÊ DE IMPRENSA. JOGOS DE PREPARAÇÃO PORTUGAL x UCRÂNIA DOSSIÊ DE IMPRENSA PORTUGAL vs SUÍÇA 10.02.2015 Estádio, xxhxx 12.02.2015 Estádio, xxhxx DOSSIÊ DE IMPRENSA JOGOS DE PREPARAÇÃO PORTUGAL x UCRÂNIA 19 e 21 de setembro 2015 Taveiro e Tocha Coimbra COMITIVA

Leia mais

LIGA PATENSE DE DESPORTOS

LIGA PATENSE DE DESPORTOS 1TAÇA PATOS 2016 LIGA PATENSE DE DEPORTOS PATOS DE MINAS - TEMPORADA/2016 APOIO PREFEITURA MUNICIPAL DE PATOS DE MINAS TABELA DE JOGOS A.A.A.E.B ABC ABSOLUTA VEICULOS CELEBRIDADES FOOT BALL CLUB CHAVE

Leia mais

REGULAMENTO GERAL I- ORGANIZAÇÃO

REGULAMENTO GERAL I- ORGANIZAÇÃO REGULAMENTO GERAL I- ORGANIZAÇÃO Artigo 1 - Os jogos do CAMPEONATO ABERTO serão promovidos, dirigidos e organizados pelo Departamento de Esportes, do Centro Esportivo Multi Esporte. A inscrição do campeonato

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DO RUGBY BRASILEIRO: panorama de 2009 a 2012

DESENVOLVIMENTO DO RUGBY BRASILEIRO: panorama de 2009 a 2012 DESENVOLVIMENTO DO RUGBY BRASILEIRO: panorama de 2009 a 2012 Eraldo dos Santos Pinheiro Mauricio Migliano Gabriel Gustavo Bergmann Adroaldo Gaya INTRODUÇÃO Praticantes e fãs de Rugby em algum momento já

Leia mais

Federação Mineira de Handebol Filiada a CBHb Confederação Brasileira de Handebol Fundada em 20 de julho de 1971

Federação Mineira de Handebol Filiada a CBHb Confederação Brasileira de Handebol Fundada em 20 de julho de 1971 REGULAMENTO CAMPEONATO MINEIRO INFANTIL DE CLUBES 2013 1. A Competição será realizada de acordo com o Regulamento Geral de Competições da FMH, pelas regras oficiais da IHF e por este Regulamento Especifico.

Leia mais

APOIO Acesse o site REALIZAÇÃO: ACOCESP: Promoções de Eventos e Coordenação de Esporte

APOIO Acesse o site  REALIZAÇÃO: ACOCESP: Promoções de Eventos e Coordenação de Esporte 3ª COPA CINQUENTÃO BOTAFOGO DE FUTEBOL AMADOR APOIO Acesse o site WWW.BOTAFOGODEGUAIANASES.COM.BR REALIZAÇÃO: ACOCESP: Promoções de Eventos e Coordenação de Esporte 1 REGULAMENTO DA 3ª COPA MASTER BOTAFOGO

Leia mais

Troféu Guarulhos de Futsal Municipal º Divisão. Regulamento Geral. Título I Da Forma de Disputa

Troféu Guarulhos de Futsal Municipal º Divisão. Regulamento Geral. Título I Da Forma de Disputa Troféu Guarulhos de Futsal Municipal 2016 2º Divisão Regulamento Geral Título I Da Forma de Disputa A) As equipes participantes serão distribuídas em 2 Módulos de 7 Equipes cada, jogando um Módulo contra

Leia mais

FUTSAL NAS CATEGORIAS DE BASE. CONSTRUÇÃO DO JOGO DEFENSIVO: Conceitos e atividade práticas

FUTSAL NAS CATEGORIAS DE BASE. CONSTRUÇÃO DO JOGO DEFENSIVO: Conceitos e atividade práticas FUTSAL NAS CATEGORIAS DE BASE CONSTRUÇÃO DO JOGO DEFENSIVO: Conceitos e atividade práticas INTRODUÇÃO O futsal é uma modalidade em que ações apresentam grande imprevisibilidade e variabilidade, exigindo

Leia mais

Análise de uma Horária: Quem vai vencer o jogo: Brasil ou Portugal? 21z q 32' 06z q 51'

Análise de uma Horária: Quem vai vencer o jogo: Brasil ou Portugal? 21z q 32' 06z q 51' Análise de uma Horária: Quem vai vencer o jogo: Brasil ou Portugal? 22z v 56' 29' u 25z 24z r 57' > 11zu59' 12 1 11 21z q 32' 10 # 06z q 51' Brasil vai ganhar de Portugal? 21 Jun 2010 21:22:35 BZ2T +03:00:00

Leia mais

MEGABOL. Introdução. Sejam Bem Vindos ao Megabol. O Megabol. será um Mega Futebol. Será uma ampliação. Deverá ter mais emoção. Terá mais variações.

MEGABOL. Introdução. Sejam Bem Vindos ao Megabol. O Megabol. será um Mega Futebol. Será uma ampliação. Deverá ter mais emoção. Terá mais variações. O MEGABOL 1 2 Agradecimentos Ofereço o livro aos meus pais, meus irmãos e a família deles, aos meus amigos e a quem incentivou e colaborou na realização deste trabalho. 3 MEGABOL Introdução Sejam Bem Vindos

Leia mais

META DA TAXA SELIC 14,5% 13,75% 14,25% 13,75% 13,5% 13,25% 12,75% 13,00% 12,75% 12,50% 12,00% 12,25% 11,75% 12,5% 11,25% 11,00% 10,50% 11,25% 11,25%

META DA TAXA SELIC 14,5% 13,75% 14,25% 13,75% 13,5% 13,25% 12,75% 13,00% 12,75% 12,50% 12,00% 12,25% 11,75% 12,5% 11,25% 11,00% 10,50% 11,25% 11,25% mar-08 jul-08 nov-08 mar-09 jul-09 nov-09 mar-10 jul-10 nov-10 mar-11 jul-11 nov-11 mar-12 jul-12 nov-12 mar-13 jul-13 nov-13 mar-14 jul-14 nov-14 mar-15 jul-15 nov-15 META DA TAXA SELIC Cenário básico

Leia mais

SUGESTÕES PARA REALIZAR AS TROCAS DE JOGADORAS DURANTE O JOGO

SUGESTÕES PARA REALIZAR AS TROCAS DE JOGADORAS DURANTE O JOGO SUGESTÕES PARA REALIZAR AS TROCAS DE JOGADORAS DURANTE O JOGO ORNIDES CINTRA KINDELÁN Resumo: o constante aperfeiçoamento das formas, das vias e dos métodos para o desenvolvimento do jogo de basquetebol

Leia mais

LIBERTADORES EM CAMPO

LIBERTADORES EM CAMPO Catálogo Educativo LIBERTADORES EM CAMPO Ôooooo!!! Puxa, estou tão nervosa! É a primeira vez que apitarei a final da Copa Libertadores da América! É muita responsabilidade! Psiu, ei você! Oi, aqui na taça...

Leia mais

PLURI Especial Porque estádios tão vazios? Parte 5

PLURI Especial Porque estádios tão vazios? Parte 5 PLURI Especial Porque estádios tão vazios? Parte 5 Brasil, País do ingresso mais caro do Mundo PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. Curitiba-PR Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria

Leia mais