Robustez e agilidade de montagem comprovada por situações reais de emergência.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Robustez e agilidade de montagem comprovada por situações reais de emergência."

Transcrição

1 Precisão, segurança, facilidade de montagem e manutenção, fazem da TET a ferramenta perfeita para suas equipes de emergência e manutenção de linhas de transmissão de até 500 kv. Estrutura projetada pela equipe que na década de 80 desenvolveu a torre DELTA, amplamente utilizada com sucesso em várias ocorrências de emergência de linhas de transmissão. A TET passou pelo crivo destes especialistas e tal como a Delta caracteriza-se por ser uma estrutura robusta, confiável e econômica para atendimento de situações de emergência, operações de manutenção, apoiado por um Plano de Contingência totalmente adequado às condições Brasileiras.

2 Robustez e agilidade de montagem comprovada por situações reais de emergência.

3 Container opcional para armazenagem de acessórios. Módulos flexíveis permitem otimização da logística. Dispositivo basculante agiliza e facilita montagem manual.

4 Montagem mecanizada é realizada em poucos minutos. Altura padrão 36m expansível a 70m.

5 Mísulas metálicas propiciam maior capacidade de carga, facilitam grampeamento dos cabos e operações de manutenção. Montagem tipo Chainette permite utilizar os próprios cabos condutores da linha avariada. Esta configuração permite grandes vãos devido à alta capacidade de carga suportada pela TET, reduzindo o tempo para energizar do sistema.

6 A TET foi projetada por especialistas através de software proprietário SECCIONAL para atendimento de linhas de transmissão de até 500 kv para as seguintes configurações extremas de emergência: Suspensão adotando 2 cabos CAA 636 MCM Grosbeak, para vãos de peso de até 450m. Chainette adotando 4 cabos CAA 636 MCM Grosbeak, para vãos de peso de até 450m. Ancoragem com 2 cabos CAA 636 MCM Grosbeak, com vão adjacente de 300m. A segurança deste dimensionamento foi comprovada por análises em laboratórios e instituições oficiais: Análise estrutural pelo método dos elementos finitos realizado pelo Núcleo de Pesquisa em Engenharia Simultânea da Universidade Federal Tecnológica do Paraná - NuPES e pelo Núcleo de Tecnologia - NuTEC da Universidade Positivo através do software ANSYS para diferentes condições operacionais e de sobrevivência, além de análise modal para identificação da menor freqüência natural de vibração. Ensaio destrutivo das ligações tipo flange e da matéria prima utilizada na confecção da estrutura pelo Instituto de Tecnologia do Paraná TECPAR. Ensaio do comportamento aerodinâmico do conjunto em túnel de vento coordenado pelo Laboratório de Aerodinâmicas das Construções - LAC da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Ensaios em estação de testes utilizando protótipos em escala real, simulando as hipóteses de carga mais significativas utilizadas no dimensionando dos elementos estruturais da torre. A segurança dos elementos estruturais é garantida com uso de aço patinável de alta tensão de escoamento e alta resistência à corrosão, que permite combinar robustez e leveza no mesmo design. O aço patinável apresenta como principal característica a resistência à corrosão atmosférica, muito superior à do aço carbono convencional, obtida pela adição de elementos de liga como: níquel, cobre, cromo, fósforo, silício, titânio, nióbio, entre outros. Quando exposto no meio ambiente desenvolve em sua superfície uma camada de óxido compacta e aderente denominada pátina, que funciona como barreira de proteção contra o prosseguimento do processo corrosivo, possibilitando, utilização desses aços mesmo sem qualquer revestimento. Entretanto, por questões estéticas e para manter o mesmo potencial galvânico em todas as peças metálicas, a TET é 100% galvanizada a fogo, atendendo os requisitos da NBR Quando a galvanização é utilizada sobre o aço patinável, este sistema é conhecido como Duplex. O efeito sinergético da deposição da camada de zinco sobre o aço patinável oferece uma expectativa de vida útil ainda maior que a soma das expectativas dos dois sistemas, propiciando a maior garantia do mercado contra corrosão! Facilidade de Montagem Mais leve, com conexão dos módulos através de flanges otimizadas, com menor número de peças que soluções tradicionais, adotando dispositivos e ferramentas habituais das equipes de campo, fazem da TET uma solução amigável, proporcionando montagem rápida e econômica. Perda de Espessura por corrosão (mm) Gráfico da resistência à corrosão atmosférica. Comparativo de aços tipo patinável e convencional, ambos sem galvanização. Ensaio realizado em atmosfera tipo industrial. 0,7 Aço Convencional 0,6 0,5 0,4 0,3 0,2 Aço Patinável 0, Tempo de Exposição (Anos) Treinamento e Assessoria Opcionalmente é oferecido diagnóstico de linha para elaboração do plano de contingência abrangendo procedimentos a serem adotados para composição dos lotes de emergência, armazenagem, logística e procedimentos de utilização das TET s e seus acessórios complementares, além de cursos para montagem de torres. Outras soluções Seccional: ILUMINAÇÃO TELECOMUNICAÇÕES TRANSMISSÃO DE ENERGIA Av. JK de Oliveira, 915 Curitiba PR Brasil T el +55 (41) F ax + 55 (41)

19 Informativo Técnico

19 Informativo Técnico 19 Informativo Técnico 2º sem 2011 A ferramenta perfeita para reconectar redes danificadas com até 500 kv Precisão e segurança testada e aprovada em situações reais Fácil transporte, montagem e manutenção

Leia mais

Torres Monotubulares para Transmissão

Torres Monotubulares para Transmissão Informativo Técnico 2º sem 2011 Projetada e ensaiada para cargas extremas Ideais para pequenos espaços e áreas urbanizadas Baixo impacto visual Seções com até 6m: facilidade para logística e montagem Cases

Leia mais

SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA. TORRE DE EMERGÊNCIA TRIANGULAR PARA LINHAS DE TRANSMISSÃO DE 500kV

SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA. TORRE DE EMERGÊNCIA TRIANGULAR PARA LINHAS DE TRANSMISSÃO DE 500kV SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA GLT 07 14 a 17 Outubro de 2007 Rio de Janeiro - RJ GRUPO III GRUPO DE ESTUDO DE LINHAS DE TRANSMISSÃO - GLT TORRE DE EMERGÊNCIA TRIANGULAR

Leia mais

Informativo Técnico. 2 o sem 2013 THL. Tower for high loads. Torre Triangular de Transmissão Autoportante

Informativo Técnico.  2 o sem 2013 THL. Tower for high loads. Torre Triangular de Transmissão Autoportante Informativo Técnico 21 www.seccional.com.br 2 o sem 2013 TA Torre Triangular de Transmissão Autoportante Tower for high loads THL 1 THL Tower for high loads TOWER FOR HIGH LOADS Com o apoio da tecnologia,

Leia mais

XX Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica SENDI a 26 de outubro Rio de Janeiro - RJ - Brasil

XX Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica SENDI a 26 de outubro Rio de Janeiro - RJ - Brasil XX Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica SENDI 2012-22 a 26 de outubro Rio de Janeiro - RJ - Brasil ISMAR ESAÚ DOS SANTOS Seccional Brasil S.A ismar@seccional.com.br Utilização de Estruturas

Leia mais

ASTM A-36. NBR ASTM APLICAÇÕES

ASTM A-36. NBR ASTM APLICAÇÕES Perfis Cantoneiras de Abas Iguais Principais aplicações: Estruturas metálicas; Torres de linhas de transmissão de energia elétrica; Torres de telecomunicações; Máquinas e implementos agrícolas; Indústria

Leia mais

Seção 5 Cadeias e Ferragens para Condutores

Seção 5 Cadeias e Ferragens para Condutores Transmissão: Seção PLP BRASIL Seção Cadeias e Ferragens para Condutores Índice Página Cadeia de Suspensão para Condutor - Cadeia de Ancoragem para Condutor - Cadeia de Suspensão para Condutores - Cadeia

Leia mais

CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DE LTs. Prof. Dr. Alexandre Rasi Aoki

CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DE LTs. Prof. Dr. Alexandre Rasi Aoki CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DE LTs Prof. Dr. Alexandre Rasi Aoki AGENDA Cabos condutores Isoladores e ferragens Estruturas das LTs Cabos para-raios Prof. Dr. Alexandre Rasi Aoki TE-140 2 CABOS CONDUTORES Prof.

Leia mais

Transdutores para Alta Tensão / Shunt

Transdutores para Alta Tensão / Shunt ProLine Tecnologia de Interface Transdutores para Alta Tensão / Shunt Medição confiável de correntes CC até na faixa de ka com alto nível de precisão A Tarefa As correntes a serem medidas são associadas

Leia mais

Realizando Grandes Projetos

Realizando Grandes Projetos Produtos e Soluções Linha Eletrônica Linha Elétrica Mobiliário Técnico Soluções Customizadas Acessórios Realizando Grandes Projetos www.gkc.com.br Linha Eletrônica Realizando Grandes Projetos RP2 K11 Segurança

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 24/09/2013 1 de 5 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para Braço Tipo L, utilizados nas Redes de Distribuição da Companhia Energética do Maranhão-CEMAR

Leia mais

Curso de Engenharia de Manutenção de Linhas de Transmissão - ENGEMAN LT (Recife Novembro de 2007) Ementas das Palestras. Dia 19/11/2007(segunda-feira)

Curso de Engenharia de Manutenção de Linhas de Transmissão - ENGEMAN LT (Recife Novembro de 2007) Ementas das Palestras. Dia 19/11/2007(segunda-feira) Curso de Engenharia de Manutenção de Linhas de Transmissão - ENGEMAN LT (Recife Novembro de 2007) Ementas das Palestras Dia 19/11/2007(segunda-feira) Fundamentos de Projeto de Linhas de Transmissão O Setor

Leia mais

PRODUTOS SIDERÚRGICOS MCC1001 AULA 11

PRODUTOS SIDERÚRGICOS MCC1001 AULA 11 PRODUTOS SIDERÚRGICOS MCC1001 AULA 11 Disciplina: Materiais de Construção I Professora: Dr. a Carmeane Effting 1 o semestre 2014 Centro de Ciências Tecnológicas Departamento de Engenharia Civil 1. PRODUTOS

Leia mais

O Sistema de Cobertura Metálica Roll-on

O Sistema de Cobertura Metálica Roll-on O Sistema de Cobertura Metálica Roll-on Histórico -Roll-on é o exclusivo sistema de cobertura metálica criado e desenvolvido pela Marko e utilizado desde 1979 para variados tipos de edificações e vãos.

Leia mais

Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis do engate garfo-garfo para utilização nas Subestações da CEMAR.

Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis do engate garfo-garfo para utilização nas Subestações da CEMAR. 09 / 05 / 2011 1 de 5 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis do engate garfo-garfo para utilização nas Subestações da CEMAR. 2 CAMPO DE APLICAÇÃO

Leia mais

AULA 01: ASPECTOS GERAIS DAS ESTRUTURAS DE AÇO

AULA 01: ASPECTOS GERAIS DAS ESTRUTURAS DE AÇO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI INSTITUTO DE CIÊNCIA, ENGENHARIA E TECNOLOGIA ENGENHARIA CIVIL ECV 113 ESTRUTURAS DE CONCRETO, METÁLICAS E DE MADEIRA AULA 01: ASPECTOS GERAIS DAS

Leia mais

I. Fatores a serem considerados durante o Projeto

I. Fatores a serem considerados durante o Projeto I. Fatores a serem considerados durante o Projeto 1. Adaptação do projeto ao meio ambiente; 2. Escolha do nível de tensão; 3. Seleção dos condutores fase (tipo e tamanho); 4. Seleção dos cabos pára-raios;

Leia mais

LINHA PARA EFLUENTES INDUSTRIAIS

LINHA PARA EFLUENTES INDUSTRIAIS 1. Introdução A Saint-Gobain Canalização possui uma gama completa de produtos para transporte de fluidos, como: Tubos, Conexões, Válvulas Tampões e Acessórios, fabricados em ferro fundido dúctil conforme

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 28/06/2005 1 de 5 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para manilhasapatilha utilizada nas Redes de Distribuição da Companhia Energética do

Leia mais

ADUÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA - INDÚSTRIA

ADUÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA - INDÚSTRIA 1. Introdução A Saint-Gobain Canalização possui uma gama completa de produtos para transporte de fluidos, como: Tubos, Conexões, Válvulas Tampões e Acessórios, fabricados em ferro fundido dúctil conforme

Leia mais

Um novo conceito em postes metálicos

Um novo conceito em postes metálicos Desde 1988, a IDEAL Antenas oferece produtos para a transmissão e recepção de sinais de rádio frequência. Fabricamos também Torres autoportantes e estaiadas. E agora postes metálicos engastados ou flangeados

Leia mais

Dispositivo metálico que exerce função mecânica e/ou elétrica em uma linha aérea.

Dispositivo metálico que exerce função mecânica e/ou elétrica em uma linha aérea. 10 / 05 / 2011 1 de 5 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis do engate concha olhal 90º para utilização nas Subestações da CEMAR. 2 CAMPO DE

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 24/09/2013 1 de 6 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para porcaolhal utilizada nas Redes de Distribuição da Companhia Energética do Maranhão

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 24/09/2013 1 de 1 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para Estribo para Braço Tipo L, utilizados nas Redes de Distribuição da Companhia Energética

Leia mais

Rede de Distribuição Aérea de Média Tensão em condutores nus para áreas com Poluição Salina PARTE 3 SEÇÃO 3-B

Rede de Distribuição Aérea de Média Tensão em condutores nus para áreas com Poluição Salina PARTE 3 SEÇÃO 3-B Rede de Distribuição Aérea de Média Tensão em condutores nus para áreas com Poluição Salina PARTE 3 SEÇÃO 3-B Rede de Distribuição Aérea de Média Tensão em condutores nus para áreas com Poluição Salina

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 24/09/2013 1 de 1 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para Cantoneira para Braço C, utilizados nas Redes de Distribuição da Companhia Energética

Leia mais

PVD SPUTTERING. Cr 3+ Cr 6+ GREEN TECHNOLOGY NEW ERA OF CHROME COATING

PVD SPUTTERING. Cr 3+ Cr 6+ GREEN TECHNOLOGY NEW ERA OF CHROME COATING PVD SPUTTERING NEW ERA OF CHROME COATING GREEN TECHNOLOGY Cr 3+ Cr 6+ PROCESSO PVD - DEPOSIÇÃO FÍSICA DE VAPOR A Cromagem é o revestimento ideal para conferir a um produto desempenho mecânico adequado

Leia mais

Dispositivo metálico que exerce função mecânica e/ou elétrica em uma linha aérea.

Dispositivo metálico que exerce função mecânica e/ou elétrica em uma linha aérea. 11 / 05 / 2011 1 de 5 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis de engate concha garfo para utilização nas subestações de energia da CEMAR. 2 CAMPO

Leia mais

Formas e Escoramentos ECONOMIA, QUALIDADE E SEGURANÇA NOSSO OBJETIVO: ATENDER BEM PARA ATENDER SEMPRE

Formas e Escoramentos ECONOMIA, QUALIDADE E SEGURANÇA NOSSO OBJETIVO: ATENDER BEM PARA ATENDER SEMPRE ECONOMIA, QUALIDADE E SEGURANÇA NOSSO OBJETIVO: ATENDER BEM PARA ATENDER SEMPRE VIGAS H20 Utilizada como viga principal no nosso sistema de escoramento, a Viga H20 é um material de ponta na construção

Leia mais

TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE

TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE BARRAS E PERFIS AÇO PARA INDÚSTRIA TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE Quando você usa a ampla linha de barras e perfis Gerdau, você coloca mais qualidade no seu trabalho. Cada produto foi desenvolvido

Leia mais

Escritório Comercia l : Estrada Fernando Nobre, nº 293 Fábric a: Estrada Fernando Nobre, nº 487 Cotia SP Brasil

Escritório Comercia l : Estrada Fernando Nobre, nº 293 Fábric a: Estrada Fernando Nobre, nº 487 Cotia SP Brasil AER - Revisão I - Dezembro 2015 ADUTORA DE ENGATE RÁPIDO SISTEMA K10 / K20 Escritório Comercia l : Estrada Fernando Nobre, nº 293 Fábric a: Estrada Fernando Nobre, nº 487 Cotia SP Brasil 06705-490 Telefone:

Leia mais

Sistemas Tubulares: criando conexões, estabelecendo alianças

Sistemas Tubulares: criando conexões, estabelecendo alianças ADUTORA DE ENGATE RÁPIDO SISTEMA K10 / K20 2 0 1 6 02 02 www.alvenius.ind.br Adutora de engate rápido K10 / K20 Sistemas Tubulares: criando conexões, estabelecendo alianças A Alvenius atua no mercado brasileiro

Leia mais

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp sabesp Área Resp.: Prioridade.: Natureza...: Data da RC.: Inspeção...: Valor da RC...: Data (IO)...: Unid. Req...: Duração...: Objeto: AQUISIÇÃO DE MATERIAIS ELÉTRICOS PARA ADEQUAÇÃO EM PAINEIS PARA CONTROLE

Leia mais

Caixa concentradora de disjuntores

Caixa concentradora de disjuntores FIGURA 1 - CAIXA COM TAMPA 532 15 4 2,5 162 120 42 DETALHE 1 VISTA SUPERIOR DETALHE 2 49 ALINHAMENTO ENTRE A JANELA PARA DISJUNTOR E O TRILHO PARA DISJUNTOR TAMPA DA JANELA PARA DISJUNTOR JANELA VENEZIANA

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 01 / 04 / 2013 1 de 6 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padronizam as dimensões e as características mínimas exigíveis para a haste de aterramento e acessórios utilizados nas Redes de Distribuição,

Leia mais

PARA RAIOS SURGE ARRESTERS

PARA RAIOS SURGE ARRESTERS PARA RAIOS SURGE ARRESTERS Nexans, líder mundial na indústria de cabos Total de venda de 6,2 bilhões de euros em 201 A mais completa variedade de cabos e sistema de cabeamento Plantas em mais de 40 países

Leia mais

Transmissão: Seção PLP BRASIL. Seção 3 Controle de Vibração. Amortecedor de Vibração VORTX VSD 3-2 Amortecedor de Vibração Preformado SVD 3-5

Transmissão: Seção PLP BRASIL. Seção 3 Controle de Vibração. Amortecedor de Vibração VORTX VSD 3-2 Amortecedor de Vibração Preformado SVD 3-5 Transmissão: Seção 3 PLP BRASIL Seção 3 Controle de Vibração Índice Página Amortecedor de Vibração VORTX VSD 3-2 Amortecedor de Vibração Preformado SVD 3-5 PLP BRASIL Amortecedor de Vibração VORTX VSD

Leia mais

TECNOLOGIA SOB MEDIDA PARA SUA EMPRESA

TECNOLOGIA SOB MEDIDA PARA SUA EMPRESA TECNOLOGIA SOB MEDIDA PARA SUA EMPRESA DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS E PROCESSOS E EQUIPAMENTOS Projetos Turn Key Assessoria na otimização de produtos e processos Assessoria na certificação de produtos CÁLCULO

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 01 / 04 / 2013 1 de 6 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis de arruela quadrada para utilização nas redes e linhas de distribuição e subestações

Leia mais

Isoladores. Poliméricos para Alta Tensão. Níveis de Poluição. tipo IPB

Isoladores. Poliméricos para Alta Tensão. Níveis de Poluição. tipo IPB Isoladores tipo IPB Para quem busca o melhor serviço e a grande garantia de um fornecimento de energia de forma mais eficaz, o isolador de silicone Balestro, série IPB para Alta Tensão, atenderá às suas

Leia mais

NORMA TÉCNICA DE DISTRIBUIÇÃO

NORMA TÉCNICA DE DISTRIBUIÇÃO 44/81 3. Deverão ser afixadas, com parafusos, placas identificando as chaves-facas com os dizeres FONTE, CARGA e BY PASS ; 4. Todos os reguladores de tensão deverão ser solidamente conectados ao neutro

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 24/09/ 2013 1 de 6 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para o gancho olhal utilizadas nas Redes de Distribuição Aéreas da Companhia Energética

Leia mais

o melhor REINVENTADO

o melhor REINVENTADO o melhor REINVENTADO A Hércules investiu mais uma vez em seus produtos para trazer mais, conforto e performance LANÇAMENTOS ALTURA >> ACTION BRAVE COMFORT ELECTRON Pensada para atender a todas as necessidades,

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 11 / 04 / 2013 1 de 1 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para Arruela Presilha, utilizados nas Redes de Distribuição da Companhia Energética

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 18 / 02 / 2014 1 de 8 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padronizam as dimensões e as características mínimas exigíveis para a haste de aterramento e acessórios utilizados nas Redes de Distribuição,

Leia mais

Projetado para o mundo de hoje

Projetado para o mundo de hoje www.fgwilson.com LINHA DE 50 A 218 KVA Desempenho I Durabilidade I Facilidade de manutenção Projetado para o mundo de hoje A nova linha de 50 218 kva...projetada para produzir mais. Entendemos as necessidades

Leia mais

SOLUÇÕES EM GALPÕES MODULARES

SOLUÇÕES EM GALPÕES MODULARES SOLUÇÕES EM GALPÕES MODULARES ARMAZENAR É ESSENCIAL PA R A O C R E S C I M E N TO DE TODAS AS EMPRESAS OS GALPÕES MODULARES TÓ P I CO S Ã O A S M E L H O R E S O P Ç Õ E S D E C U S TO - B E N E F Í C

Leia mais

[1] NBR 5426:1989 Planos de amostragem e procedimentos na inspeção por atributos;

[1] NBR 5426:1989 Planos de amostragem e procedimentos na inspeção por atributos; 11 / 09 / 2012 1 de 6 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis de elos de ligação para utilização nas Linhas de Transmissão da CEMAR. 2 CAMPO DE

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 26 / 07 / 2013 1 de 5 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis de Suporte de Topo Para Isolador Pilar para utilização nas Redes de Distribuição

Leia mais

Apresentação 03 O Produto 04 Glossário Malhas Padronizadas Tamanhos Padronizados 09 Degraus para Escadas 10 Instalação da Grade 11 Tabela

Apresentação 03 O Produto 04 Glossário Malhas Padronizadas Tamanhos Padronizados 09 Degraus para Escadas 10 Instalação da Grade 11 Tabela Edição 2012 Apresentação 03 O Produto 04 Glossário 05-06 Malhas Padronizadas 07-08 Tamanhos Padronizados 09 Degraus para Escadas 10 Instalação da Grade 11 Tabela de Cargas E-25 12 Tabela de Cargas E-30

Leia mais

Conector Bimetálico para Condutor Concêntrico de Alumínio

Conector Bimetálico para Condutor Concêntrico de Alumínio TIPO 1 Tabela 1 Item Seção do condutor (mm²) Diâmetro Condutor (mm) Dimensões (mm) A (máx.) B C Código 1 6 3,1 6790664 2 10 4,1 7,93 0,05 20 1,0 18 1,0 6797691 3 16 5,1 6797692 Nº Data Revisões Aprov.:

Leia mais

O NOVO PROCESSO DE GALVANIZAÇÃO PARA SISTEMAS DE CAMINHO DE CABOS DA OBO BETTERMANN

O NOVO PROCESSO DE GALVANIZAÇÃO PARA SISTEMAS DE CAMINHO DE CABOS DA OBO BETTERMANN DOUBLE DIP O NOVO PROCESSO DE GALVANIZAÇÃO PARA SISTEMAS DE CAMINHO DE CABOS DA OBO BETTERMANN A OBO Bettermann inclui na sua ampla gama de produtos uma grande variedade de soluções em calha caminho de

Leia mais

Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para cabo de aço utilizado nas Redes de Distribuição da CEMAR.

Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para cabo de aço utilizado nas Redes de Distribuição da CEMAR. 12 / 11 / 2012 1 de 6 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para cabo de aço utilizado nas Redes de Distribuição da CEMAR. 2 CAMPO DE APLICAÇÃO

Leia mais

FERRAMENTAS HIDRÁULICAS E MECÂNICAS

FERRAMENTAS HIDRÁULICAS E MECÂNICAS FERRAMENTAS HIDRÁULICAS E MECÂNICAS 1 - ALICATE DE PRENSAR TERMINAL DE COMPRESSÃO - HHY-A 1.1 - Introdução Desenvolvidos para prensar terminais de compressão mecânica de até 300mm². Fabricados em material

Leia mais

Ferragem de rede aérea que se fixa numa superfície, em geral a face superior de uma cruzeta, na qual, por sua vez, é fixado um isolador de pino.

Ferragem de rede aérea que se fixa numa superfície, em geral a face superior de uma cruzeta, na qual, por sua vez, é fixado um isolador de pino. 26 / 07 / 2011 1 de 10 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis do pino de isolador para utilização nas Redes de Distribuição da CEMAR. 2 CAMPO

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 26 / 07 / 2013 1 de 5 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis de suporte L para fixação de Chave Fusível e para-raios em cruzeta para utilização

Leia mais

AULA 5. Materiais de Construção II. 1 Características de armaduras para Betão Armado e Pré-esforçado

AULA 5. Materiais de Construção II. 1 Características de armaduras para Betão Armado e Pré-esforçado AULA 5 Materiais de Construção II II Aços para Construção Características de armaduras para Betão Armado e Pré-esforçado; Estruturas de Aço;. 1 Características de armaduras para Betão Armado e Pré-esforçado

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 01 / 04 / 2013 1 de 8 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para parafuso de cabeça quadrada utilizado nas Redes e Linhas de Distribuição da

Leia mais

ESTRUTURAS METÁLICAS. Prof. Alexandre Augusto Pescador Sardá

ESTRUTURAS METÁLICAS. Prof. Alexandre Augusto Pescador Sardá ESTRUTURAS METÁLICAS Prof. Alexandre Augusto Pescador Sardá Metais Ferrosos Formas usuais de Metais Ferrosos Ferro fundido; Ferro forjado; Aço. Metais Ferrosos Aço e o ferro fundido são ligas de ferro

Leia mais

1. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO SUL DA BAHIA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO E ADMINISTRAÇÃO Diretoria de Infraestrutura

1. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO SUL DA BAHIA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO E ADMINISTRAÇÃO Diretoria de Infraestrutura 1. FINALIDADE MEMORIAL DESCRITIVO Fornecimento de energia elétrica a três edifícios da Universidade Federal do Sul da Bahia, com a sede sendo a Reitoria localizada na Rua Itabuna, s/n, Rod. Ilhéus Vitória

Leia mais

Escopo. O sistema de monitoramento contínuo e. vibração (acelerômetros) e uma estação meteorológica compacta na Estação/Ponte

Escopo. O sistema de monitoramento contínuo e. vibração (acelerômetros) e uma estação meteorológica compacta na Estação/Ponte MONITORAMENTO DAS ESTRUTURAS DA PONTE ESTAIADA ESTAÇÃO SANTO AMARO Escopo O sistema de monitoramento contínuo e automatizado é composto por sensores de vibração (acelerômetros) e uma estação meteorológica

Leia mais

Aços Longos. Telas Soldadas Nervuradas

Aços Longos. Telas Soldadas Nervuradas Aços Longos Telas Soldadas Nervuradas Registro Compulsório 272/2011 Telas Soldadas Nervuradas Qualidade As Telas Soldadas de Aço Nervurado ArcelorMittal são armaduras pré-fabricadas constituídas por fios

Leia mais

Cabos Condutores,Isoladores e Estruturas de LT s

Cabos Condutores,Isoladores e Estruturas de LT s LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA LTE Cabos Condutores,Isoladores e Estruturas de LT s 2.1 - CABOS E CONDUTORES PROPRIEDADES DE MATERIAIS CONDUTORES (Fonte: Nexans) 2 2.1.1 - Cabos Nus de Alumínio - CA

Leia mais

Telas Soldadas Nervuradas Belgo

Telas Soldadas Nervuradas Belgo Telas Soldadas Nervuradas Belgo As Telas Soldadas de Aço Nervurado são uma armadura pré-fabricada, constituída por fios de aço Belgo 60 nervurado longitudinais e transversais, de alta resistência mecânica,

Leia mais

ESTUDO DE PROTEÇÃO ANTICORROSIVA EM ESTRUTURAS DE AÇO GALVANIZADO DE CARROCERIAS DE ÔNIBUS PARA USO EM AMBIENTES AGRESSIVOS

ESTUDO DE PROTEÇÃO ANTICORROSIVA EM ESTRUTURAS DE AÇO GALVANIZADO DE CARROCERIAS DE ÔNIBUS PARA USO EM AMBIENTES AGRESSIVOS REVISTA DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA ESTUDO DE PROTEÇÃO ANTICORROSIVA EM ESTRUTURAS DE AÇO GALVANIZADO DE CARROCERIAS DE ÔNIBUS PARA USO EM AMBIENTES AGRESSIVOS Alessandro José Büsemayer Faculdade Anhanguera

Leia mais

Introdução ao estudo das Estruturas Metálicas

Introdução ao estudo das Estruturas Metálicas Introdução ao estudo das Estruturas Metálicas Processos de produção Propriedades físicas e mecânicas do aço estrutural FTC-116 Estruturas Metálicas Eng. Wagner Queiroz Silva UFAM Composição do aço O elemento

Leia mais

CONJUNTO DIDÁTICO PARA ESTUDO EM CLP (IEC )

CONJUNTO DIDÁTICO PARA ESTUDO EM CLP (IEC ) CONJUNTO DIDÁTICO PARA ESTUDO EM CLP (IEC 61131-3) FINAME: 3117197 MODELO: EE0005/EE00357 APRESENTAÇÃO A linha de Bancadas Didáticas, foi desenvolvida com alta tecnologia, visando às necessidades das Escolas

Leia mais

15. Trabalho Experimental - Proteção Catódica

15. Trabalho Experimental - Proteção Catódica 15. Trabalho Experimental - Proteção Catódica 15.1 - Introdução A proteção catódica é um método de controle de corrosão que consiste em transformar a estrutura à proteger no cátodo de um célula eletroquímica

Leia mais

TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE

TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE BARRAS E PERFIS AÇO PARA INDÚSTRIA TUDO PARA VOCÊ FAZER UM TRABALHO DE QUALIDADE Quando você usa a ampla linha de barras e perfis Gerdau, você coloca mais qualidade no seu trabalho. Cada produto foi desenvolvido

Leia mais

PROTEÇÃO CONTRA QUEDAS

PROTEÇÃO CONTRA QUEDAS ACTION Hércules TAMANHO PONTOS DE CONEXÃO NÚMERO DE AJUSTES FIBRA COR QUANTIDADE POR CAIXA HL012ACT Único Quatro Seis Poliéster Azul escuro e verde turquesa 5 unidades Cinturões CA 39.991 NBR 15835/ 15836

Leia mais

Sem data Sheet online FLOWSIC100 MEDIDORES DE FLUXO DE VOLUME

Sem data Sheet online FLOWSIC100 MEDIDORES DE FLUXO DE VOLUME Sem data Sheet online FLOWSIC100 B C D E F H I J K L M N O P Q R S T 15267 14181 certified certified Informações do pedido Tipo FLOWSIC100 Nº de artigo pedido s especificações de dispositivo e os dados

Leia mais

Estruturas de Rede de Distribuição em Áreas com Riscos de Desmoronamento e de Queda de Árvores e Galhos

Estruturas de Rede de Distribuição em Áreas com Riscos de Desmoronamento e de Queda de Árvores e Galhos Estruturas de Rede de Distribuição em Áreas com Riscos de Desmoronamento e de Queda de Árvores e Galhos Estruturas de Rede de Distribuição em Áreas com Riscos de Desmoronamento e de Queda de Galhos e Árvores

Leia mais

Telhas ArcelorMittal

Telhas ArcelorMittal Telhas ArcelorMittal Apresentação As telhas de aço ArcelorMittal são produzidas a partir de bobinas de aço revestido que passam por perfiladeiras, assumindo formato trapezoidal ou ondulado. Os tipos de

Leia mais

Sorocaba - São Paulo m 2

Sorocaba - São Paulo m 2 Sorocaba - São Paulo 10.800m 2 PRODUTOS E SERVIÇOS A CARMAR SOLUTIONS participa em +32 anos no desenvolvimento industrial do Brasil, oferecendo soluções integradas para os principais segmentos de mercado:

Leia mais

VitaWatt. Você ganha: tempo. A evolução da instalação elétrica. pronto para instalar recursos. solução integrada segurança

VitaWatt. Você ganha: tempo. A evolução da instalação elétrica. pronto para instalar recursos. solução integrada segurança A evolução da instalação elétrica. Você ganha: tempo pronto para instalar recursos solução integrada segurança sistema pré-testado confiança 5 anos de garantia Mais que um quadro de distribuição. Uma verdadeira

Leia mais

GE Industrial Solutions. Fix-o-Rail. Quadros de embutir e sobrepor. GE imagination at work

GE Industrial Solutions. Fix-o-Rail. Quadros de embutir e sobrepor. GE imagination at work GE Industrial Solutions Fix-o-Rail Quadros de embutir e sobrepor GE imagination at work Fix-o-Rail Quadros de distribuição de baixa tensão em conformidade com a Norma NBR IEC 60439-3. Fix-o-Rail são quadros

Leia mais

Feito para seu negócio

Feito para seu negócio Feito para seu negócio PORT ROLL é uma embalagem patenteada especialmente desenvolvida em plástico retornável para acondicionamento e transporte de produtos apresentados em bobinas ou rolos. Tecnologia

Leia mais

Nas exigências de um determinado material deve prevalecer, respectivamente, o exigido:

Nas exigências de um determinado material deve prevalecer, respectivamente, o exigido: MANUAL ESPECIAL SISTEMA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS DE DISTRIBUIÇÃO SUBSISTEMA NORMAS E ESTUDOS DE MATERIAIS E EQUIPAMENTOS DE DISTRIBUIÇÃO CÓDIGO TÍTULO FOLHA E-313.0048 EQUIPAMENTOS 1/16 1. FINALIDADE

Leia mais

Especificações do Equipamento

Especificações do Equipamento Equipamento de Aspersão Térmica Especificações do Equipamento 1. EuTronic Arc Spray 4 - Montagem dos acessórios 1.1. Configuração padrão (Push-Pull) Gerador, acionador push-pull e alimentador de arame;

Leia mais

CAIXA PADRÃO DAE PARA HIDRÔMETROS

CAIXA PADRÃO DAE PARA HIDRÔMETROS CAIXA PADRÃO DAE PARA HIDRÔMETROS ETM 007 VERSÃO 2 Jundiaí 2014 ETM-007 Sumário 1 Objetivo...2 2 Referências normativas...2 3 Definições...2 4 Requisitos gerais...2 Requisitos da caixa padrão DAE S/A para

Leia mais

ESTRUTURA METÁLICA FLEXÃO. Prof. Cleverson Gomes Cardoso

ESTRUTURA METÁLICA FLEXÃO. Prof. Cleverson Gomes Cardoso ESTRUTURA METÁLICA FLEXÃO Prof. Cleverson Gomes Cardoso VIGAS (FLEXÃO) NBR 8800/08 Estados Limites Últimos Flambagem local da Mesa FLM Flambagem local da Mesa FLA Flambagem lateral (FLT) Resistência ao

Leia mais

Weidmüller Conexel do Brasil Ltda

Weidmüller Conexel do Brasil Ltda Weidmüller Klippon Connect - a eficiência extra no planejamento, instalação e operação de painéis. - Portfólio inovador de conectores para maior produtividade na construção de painéis. - A solução perfeita

Leia mais

Proteção. das Estruturas de Aço. Fabio Domingos Pannoni, Ph.D. Consultor Técnico GLB

Proteção. das Estruturas de Aço. Fabio Domingos Pannoni, Ph.D. Consultor Técnico GLB Proteção das Estruturas de Aço Fabio Domingos Pannoni, Ph.D. Consultor Técnico GLB Aço? Abundante Propriedades Produção simples Experiência prévia de uso Reciclável Corrosão é um processo espontâneo

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 09 / 04 / 2013 1 de 1 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para parafuso olhal utilizado nas Redes e Linhas de Distribuição da Companhia Energética

Leia mais

agrupados Nº DET 1

agrupados Nº DET 1 CAIXA COM TAMPA VISTA SUPERIOR 22 100 27 53 FURO PARA LACRE Ø2 20 VISTA LATERAL DIREITA ROSCA W 1/4" PARA PARAFUSO DE SEGURANÇA 11 DET 1 VISTA INFERIOR DET 1 Código 6790320 Nº Data Revisões Aprov.: Vanderlei

Leia mais

A KitFrame oferece um produto diferenciado, com elevado padrão de qualidade e a preços muito competitivos. Isso por investir continuamente em

A KitFrame oferece um produto diferenciado, com elevado padrão de qualidade e a preços muito competitivos. Isso por investir continuamente em A KitFrame oferece um produto diferenciado, com elevado padrão de qualidade e a preços muito competitivos. Isso por investir continuamente em tecnologia de processo e de produto e ter a melhor estrutura

Leia mais

Sistemas Estruturais. Prof. Rodrigo mero

Sistemas Estruturais. Prof. Rodrigo mero Sistemas Estruturais Prof. Rodrigo mero Aula 4 O Material aço Índice Características de Aço da Construção Civil Propriedades Modificadas Ligas Metálicas Ligas Ferrosas Ligas Não-Ferrosas Teor de Carbono

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO 2. CARACTERÍSTICAS ELÉTRICAS 1. APRESENTAÇÃO

1. APRESENTAÇÃO 2. CARACTERÍSTICAS ELÉTRICAS 1. APRESENTAÇÃO smart CCM 1. APRESENTAÇÃO 1. APRESENTAÇÃO Os Centros de Controle de Motores de Baixa Tensão, modelo smart CCM são unidades modulares padronizadas, desenvolvidas em conformidade com a norma IEC 61439, garantindo

Leia mais

Caixa para Medidor Monofásico

Caixa para Medidor Monofásico N O Data Revisões Visto Vanderlei Robadey Aprov. Antônio C.Alves Página 1 de 6 75± 75±5 N O Data Revisões Visto Vanderlei Robadey Aprov. Antônio C.Alves Página 2 de 6 N O Data Revisões Visto Vanderlei

Leia mais

Aços Longos. Telas Soldadas Nervuradas

Aços Longos. Telas Soldadas Nervuradas Aços Longos Telas Soldadas Nervuradas Registro Compulsório 272/2011 Telas Soldadas Nervuradas Qualidade As Telas Soldadas Nervuradas da ArcelorMittal são armaduras pré-fabricadas constituídas por fios

Leia mais

Documento sujeito a alterações. Moving together

Documento sujeito a alterações. Moving together INEMOTOR MT Documento sujeito a alterações. Moving together 2 1. APRESENTAÇÃO 1. APRESENTAÇÃO Os centros de controle de motores em média tensão, modelo Inemotor MT, são invólucros metálicos, isolados a

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 03 / 04 / 2013 1 de 1 1 FINALIDADE Esta Norma especifica e padroniza as dimensões e as características mínimas exigíveis para parafuso tipo J utilizado na fixação de células capacitivas na montagem de

Leia mais

ELEVADORES MECAN PARA MATERIAIS OU PASSAGEIROS

ELEVADORES MECAN PARA MATERIAIS OU PASSAGEIROS ELEVADOR UM SISTEMA MECAN DE ELEVADOR E CABINA FECHADA OU SEMIFECHADA PARA O TRANSPORTE DE PASSAGEIROS OU MATERIAIS EM CANTEIRO DE OBRAS EQUIPADO COM FREIO DE SEGURANÇA AUTOMÁTICO E MANUAL TIPO CUNHA ELEVADORES

Leia mais

Engenharia de VALOR. Otimização de Cimbramentos Metálicos. Proposta de Parceria

Engenharia de VALOR. Otimização de Cimbramentos Metálicos. Proposta de Parceria Engenharia de VALOR Otimização de Cimbramentos Metálicos Proposta de Parceria FAPG / Impacto Protensão Fortaleza, Maio de 2013 Direção Técnica: Joaquim Caracas Engenheiro Civil Coordenação: Rodrigo Castelo

Leia mais

Harmonia e robustez em qualquer ambiente. com quadros modulares. Pragma

Harmonia e robustez em qualquer ambiente. com quadros modulares. Pragma Harmonia e robustez em qualquer ambiente com quadros modulares Pragma Personalizável? Muito, muito personalizável Pragma, o quadro que se integra a qualquer ambiente Pragma, a nova oferta de quadros modulares

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS. 1. DESCRIÇÃO. As Calhas Vibratórias projetadas e fabricadas pela ZL Equipamento foram desenvolvidas basicamente para serem instaladas embaixo de pilhas ou silos, promovendo a retomada

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. W60 Motor de Indução Trifásico

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. W60 Motor de Indução Trifásico Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas W60 Motor de Indução Trifásico Os motores WEG da linha W60 foram projetados para atender as aplicações industriais em compressores, bombas, ventiladores,

Leia mais

HM 4 - HM 50. Máquinas de balancear horizontais

HM 4 - HM 50. Máquinas de balancear horizontais Aplicação universal Alta precisão de balanceamento Fácil de modernizar, graças a seu projeto modular e a imensa gama de acessórios Rápida mudança de tipo de rotor, graças ao seu projeto sub-crítico Unidade

Leia mais

PATCH PANEL LCS² - CAT.6 24 CONECTORES

PATCH PANEL LCS² - CAT.6 24 CONECTORES INDICE Pagina 335 61 335 64 1. CARACTERÍSTICAS GERAIS 1 2. APRESENTAÇÃO 1 3. INSTALAÇÃO 2 4. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 2 5. CONEXÃO 2 6. DIMENSÕES GERAIS 2 7. CONEXÃO DO RJ45 2 7. CONEXÃO DO RJ45 3 8. NORMAS

Leia mais

GRUPO XI GRUPO DE ESTUDO DE SOBRETENSÕES, COORDENAÇÃO DE ISOLAMENTO E INTERFERÊNCIAS (GSI)

GRUPO XI GRUPO DE ESTUDO DE SOBRETENSÕES, COORDENAÇÃO DE ISOLAMENTO E INTERFERÊNCIAS (GSI) FL / GSI / 23 BELÉM PA / BRASIL / 1997 GRUPO XI GRUPO DE ESTUDO DE SOBRETENSÕES, COORDENAÇÃO DE ISOLAMENTO E INTERFERÊNCIAS (GSI) REISOLAMENTO PARA 138 kv EM UMA LINHA DE TRANSMISSÃO DE 69 kv COM ESTRUTURAS

Leia mais