ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO 1. ASSUNTOS PENDENTES DE SOLUÇÃO CONTIDOS NA REUNIÃO DE ANÁLISE DE DADOS ANTERIOR.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO 1. ASSUNTOS PENDENTES DE SOLUÇÃO CONTIDOS NA REUNIÃO DE ANÁLISE DE DADOS ANTERIOR."

Transcrição

1 61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO 2º TRIMESTRE DE MOGI GUAÇU, 23 de julho de HORÁRIO: 10 até às 11 horas. PARTICIPANTES: DR. NATALINO POLATO DRA. FERNANDA M. L. VENDRAMINI FÁBIO SANTOS COSTA CASSANDRA NAVARRO DIRETOR SECRETÁRIO GERAL DIRETORA VICE-PRESIDENTE (R.D.) AUXILIAR ADMINISTRATIVO AUXILIAR ADMINISTRATIVO (LÍDER) 1. ASSUNTOS PENDENTES DE SOLUÇÃO CONTIDOS NA REUNIÃO DE ANÁLISE DE DADOS ANTERIOR INSTALAÇÕES FÍSICAS: A Subseção elaborou três orçamentos para a identificação dos painéis elétricos, interruptores e tomadas conforme solicitado no laudo da empresa PREVIWORK, conforme orientações do técnico do trabalho. A Subseção apenas aguarda a liberação da Secional para a realização do serviço por parte da empresa responsável Foi realizada manutenção no jardim da Subseção em virtude do crescimento acelerado da grama em virtude das chuvas ocorridas no trimestre Foi realizada a manutenção da iluminação externa da Casa do Advogado, garantindo melhor iluminação na escada externa de acesso ao Salão de Festas da Casa do Advogado Foram instalados novos armários na Sala da Vara do Trabalho em virtude do desgaste dos que lá estavam Foi instalado no auditório, localizado no andar superior da Casa do Advogado, um roteador para acesso à internet wireless neste local, que não era atingido pelo sinal presente no andar da administração Foi realizada a troca do ventilador localizado na área de xerox da Sala do Fórum, visto que o anterior estava quebrado. 1

2 Foi realizado no trimestre em vigência a manutenção das lâmpadas internas e reatores das luminárias da Casa do Advogado Foi instalada impressora capaz de atender alta demanda de impressões na Sala do Fórum COMISSÕES: após reunião com os membros de todas as comissões da Subseção, foi elaborada agenda de palestras para o restante de RECURSOS HUMANOS: CONTRATAÇÃO: funcionária Laura Ferreira Silva foi contratada para auxiliar nos atendimentos da Casa do Advogado TREINAMENTOS: foi elaborado o Plano Anual de Treinamentos, constando apenas treinamentos internos que ocorrerão até o término de 2012, onde todos os funcionários participarão contribuindo assim, com a geração de conhecimento interno, conforme planilha abaixo: 2

3 1.4. BACKUP: a Diretoria renova o compromisso de realização de backup SEMANAL, a ser realizado nas SEXTAS FEIRAS, em pendrives fornecidos a todos os funcionários, sendo que nestes, deverão ser mantidos o backup da semana anterior. Deverão ser selecionados os arquivos referentes às áreas de responsabilidade destes. Deverão ser objetos de tal rotina os arquivos que não constam na Intranet da OABSP ou que contenham dados importantes, cuja recuperação seja imprescindível caso os originais não possam ser utilizados IMPRESSÕES NAS SALAS OABSP DA COMARCA DE MOGI GUAÇU: a Diretoria renova o compromisso de doar as impressões realizadas nas Salas da Subseção de Mogi Guaçu, sem limite específico. Apenas solicita-se que estas sejam utilizadas para fins exclusivos do exercício da advocacia FORNECEDORES DE ITENS CRÍTICOS: a Subseção não possui fornecedores de itens críticos, sendo implementada a verificação informal de seus fornecedores ELEVADOR PRÉDIO CASA DO ADVOGADO: foi solicitada à Secional da OABSP a instalação de elevador no prédio da Casa do Advogado, visto que este possui vários andares e não possui rampas de acesso para pessoas com necessidades especiais. Ocorre que, até o presente, a Secional não aprovou o referido projeto em virtude do alto investimento. 2. ANÁLISE DOS INDICADORES DE DESEMPENHO DA SUBSEÇÃO: 2.1. INSTALAÇÕES FÍSICAS: Meta: 88. Resultado: 100. Média das outras Subseções de mesmo porte: 92. A Subseção de Mogi Guaçu encontra-se acima da média das Subseções de mesmo porte. O resultado máximo foi atingido de acordo com os esforços da Diretoria em atender de forma eficaz a necessidade dos advogados em cada ponto de atendimento TEMPO DE ESPERA: Meta: 98 Resultado: 100 Média das outras Subseções de mesmo porte: 98 A Subseção manteve-se acima da média das outras Subseções de mesmo porte. 3

4 Conforme se comprova através das observações das pesquisas presentes neste trimestre, vários elogios são tecidos aos colaboradores da Subseção. A Diretoria se esforça em motivar os colaboradores com a intenção de que as melhorias sejam contínuas neste indicador ATENDIMENTO PESSOAL: Meta: 99 Resultado: 100 Média das outras Subseções de mesmo porte: 99 A Subseção está acima da média das Subseções de mesmo porte. Conforme se comprova através das observações das pesquisas presentes neste trimestre, vários elogios são tecidos aos colaboradores da Subseção. A Diretoria se esforça em motivar os colaboradores com a intenção de que as melhorias sejam contínuas neste indicador desta forma o resultado máximo foi atingido EQUIPAMENTOS DISPONÍVEIS: Meta: 87 Resultado: 96. Média das outras Subseções de mesmo porte: 87 A Subseção encontra-se com resultado maior do que a média das outras Subseções de mesmo porte. Quanto à Sala do Juizado Especial Civel, vários orçamentos foram realizados para que uma ligação elétrica a parte do prédio do Tribunal fosse realizada. O menor orçamento foi eleito pela Secional para realizar a instalação no 3º trimestre de 2012, de forma tornar a Sala do Jecivel capaz de possuir 3 computadores ATUAÇÃO DAS COMISSÕES: Meta: 90 Resultado: 92. Média das outras Subseções de mesmo porte: 91 A Subseção atingiu resultado superior à média das outras Subseções de mesmo porte. Foram programadas palestras de acordo com os interesses dos membros das Comissões para o ano de EVENTOS PROMOVIDOS: Meta: 87 Resultado: 85 Média das outras Subseções de mesmo porte: 88 4

5 Não houve palestras no período do 2º Trimestre, por isso, não foi realizada a pesquisa de satisfação de palestras. A Subseção obteve resultado abaixo da média em virtude de o último evento ter ocorrido em setembro de Ocorre que, após estudo, verificaram-se desencontros entre as solicitações realizadas pela Diretoria da Subseção e as datas e horários agendados pelo Departamento de Cultura e Eventos da OABSP, resultando muitas vezes em cancelamentos em virtude da inviabilidade da realização destas, comunicado pelo referido departamento. 3. ANÁLISE DOS INDICADORES DE DESEMPENHO DO PRESIDENTE E DO DIRETOR RESPONSÁVEL PELAS SUBSEÇÕES E O QUANTO O DESEMPENHO DA SUBSEÇÃO CONTRIBUIU OU INTERFERIU PARA O DESEMPENHO DA SECIONAL: Resultado da Satisfação de Clientes: 9,98. Padrão aplicado sobre o resultado: Resultado / 10 = 0,998 (Índice de contribuição). Visto que a Subseção não atingiu a meta do índice de desempenho Eventos Promovidos, a Subseção contribuiu negativamente para os indicadores de desempenho do Diretor da Secional. 4. MANIFESTAÇÕES (CRÍTICAS E SUGESTÕES) FORMULADAS NAS PESQUISAS DE SATISFAÇÃO: Observação 01: Observação 02: Sala Vara do Trabalho André F. Chagas Mogi Mirim Sala da Ordem Vara do Trabalho de Mogi Guaçu: deveria existir 2 banheiros ao invés de um. O prédio que abriga da Justiça do Trabalho de Mogi Guaçu foi construído pelo Tribunal Federal do Trabalho, através de projeto por eles elaborado, sem qualquer possibilidade de interferência por parte da OAB. Assim, a possibilidade de se construir um novo banheiro, apesar de já ter sido pleiteada por diversas vezes, não prosperou. Além disto, tal sala e banheiro são utilizados pelos advogados com exclusividade, não havendo qualquer ônus para a OAB, a não ser manter tais dependências em perfeita ordem, funcionamento e manutenção. Dulce de Paiva Mogi Guaçu Trocar equipamentos da Sala da OABSP Juizado Especial Civel emprestado para o Tribunal de Justiça. Trata-se de um prédio antigo, com rede elétrica antiga, e o execução. 5

6 Observação 03: Observação 04: Observação 05: Observação 06: Observação 07: Vânia Jozi MOGI GUAÇU A sala do Juizado Especial Civel necessita de computadores e impressora urgente. Aproveito a oportunidade para parabenizar a funcionária da Sala do Fórum pelo excelente atendimento. emprestado para o Tribunal de Justiça. Trata-se de um prédio antigo, com rede elétrica antiga, e o execução. Agradecemos o elogio com relação a colaboradora Nice, que procura sempre prestar o melhor atendimento aos advogados e demais usuários da sala da OAB no Fórum. Pedro Evangelista MOGI GUAÇU É excelente o atendimento da Senhoria Nice, muito prestativa. Agradecemos o elogio com relação a colaboradora Nice, que procura sempre prestar o melhor atendimento aos advogados e demais usuários da sala da OAB no Fórum. Carlos Roberto de Carli MOGI GUAÇU Entendo ser ótimo o atendimento, entretanto pode melhorar ainda mais. Sem mais a considerar. Agradecemos o elogio com relação a colaboradora Nice, que procura sempre prestar o melhor atendimento aos advogados e demais usuários da sala da OAB no Fórum. Com certeza a procura pela melhoria é contínua, e em breve novas mudanças acontecerão, visando sempre a melhor utilização da sala e dos serviços que a OAB presta aos advogados. João Silva Tatuapé Atendimento muito cordial. Agradecemos o elogio com relação a colaboradora Nice, que procura sempre prestar o melhor atendimento aos advogados e demais usuários da sala da OAB no Fórum. Ivone Ap. Cipriano MOGI GUAÇU Que a Defensoria dispusesse via internet os pagamentos que estão sendo efetuados via com o nº do processo controle e valor. Conforme orientação da Coordenadoria do SGQ da OABSP, a Solicitação foi encaminhada à Ouvidoria da Defensoria Pública do Estado de São Paulo em 06/07/2012, via , ocasionando a seguinte resposta em 23/07/2012: Informamos que a sugestão da advogada, Dra. Ivone Aparecida Cipriano - OAB/SP , foi regularmente encaminhada à Assessoria de Convênios para análise da viablidade de implementação. Atenciosamente, Ouvidoria Geral DPESP. Observação 08: Observação 09: Observação 10: Gostaria de salientar o excelente atendimento dispensado para nós, advogados, pelas funcionárias Eunice e Sara, sempre eficientes, prontas a ajudar e educadas. Agradecemos o elogio com relação às colaboradoras Nice e Sara, que procuram sempre prestar o melhor atendimento aos advogados e demais usuários da sala da OAB no Fórum. Janaina Naressi MOGI GUAÇU Parabéns às funcionárias Eunice e Sara do Fórum e Angela do Juizado pelo excelente atendimento. Agradecemos o elogio com relação às colaboradoras Nice e Angela, que procuram sempre prestar o melhor atendimento aos advogados e demais usuários da sala da OAB no Fórum e Jec, respectivamente. Stella B. Martini MOGI GUAÇU No JEC falta computador e impressora que deveriam ser providenciados com urgência. 6

7 emprestado para o Tribunal de Justiça. Trata-se de um prédio antigo, com rede elétrica antiga, e o execução. Observação 11: Nicola Delatesta MOGI GUAÇU No Juizado Especial Civel está necessitando com Urgência de computador e impressora. emprestado para o Tribunal de Justiça. Trata-se de um prédio antigo, com rede elétrica antiga, e o execução. Observação 12: Observação 13: Observação 14: José Carlos Brunelli MOGI GUAÇU A funcionária Sarah é muito prestativa, uma excelente funcionária. Com relação ao Juizado Especial faz-se necessário um computador e uma impressora. Parabéns pela administração a toda Diretoria. Agradecemos o elogio com relação a colaboradora Sarah, que procura sempre prestar o melhor atendimento aos advogados e demais usuários da sala da OAB no Fórum. Sala Jecivel Melhorar os computadores do JEC e também impressoras. emprestado para o Tribunal de Justiça. Trata-se de um prédio antigo, com rede elétrica antiga, e o execução. Sala Jecivel Dimitra Polisil CAMPINAS Gostaria de elogiar a funcionária da OAB JECIVEL, Angela, pela sua educação e cortesia, conheço OAB de várias cidade e aqui foi o melhor atendimento. Agradecemos o elogio com relação à colaboradora Angela, que procura sempre prestar o melhor atendimento aos advogados e demais usuários da sala da OAB no Jec Cível. 5. AVALIAÇÃO DO MACAP E MANC E RESPECTIVOS RACAP E RNC: 5.1. MACAP: RACAP 002/061/2011: Não há evidência da realização de pesquisa de satisfação na Palestra de 13/09/2011 Temas atuais de direito em ações de execução fiscal em desacordo com o PRO.Ceven001/08. 7

8 - Posição Atual: aguardando análise da não repetição após a próxima palestra que ocorrerá em 25/07/2012. RACAP 002/061/2012: Não há evidência de que a Subseção mantém uma rotina eficaz de Backup. - Posição Atual: aguardando análise da não repetição após o dia 01/08/2012. RACAP 003/061/2012: Não há evidência que a Subseção de Mogi Guaçu atingiu a meta do indicador EVENTOS PROMOVIDOS no 1º e 2º trimestre de Posição Atual: Aguardando análise de pertinência por parte da Coordenadoria do SGQ. Ação corretiva já foi tomada. A abertura do RACAP se deu apenas para registrar o compromisso de melhoria contínua MANC: NÃO HOUVE OCORRÊNCIAS Cláudio Henrique Bueno Martini Presidente Fernanda Marques Lima Vendramini Vice-Presidente Natalino Polato Secretário Geral Nailde Guimarães Leal Lealdini Secretária Adjunta Monica Buralli Rezende Pavanello Tesoureira Cassandra Marconcini Navarro Magali Aparecida Colla Silvia Ap. de Marchi 8

9 Maria Eunice B. Montini Sandra Maria de Lima Vital Angela Dilce Delfino da Silva Fábio Santos Costa Aldivina Aparecida Martins Auxiliar de Limpeza 9

61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU 1. ASSUNTOS PENDENTES DE SOLUÇÃO CONTIDOS NA REUNIÃO DE ANÁLISE DE DADOS ANTERIOR.

61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU 1. ASSUNTOS PENDENTES DE SOLUÇÃO CONTIDOS NA REUNIÃO DE ANÁLISE DE DADOS ANTERIOR. 61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO 2º TRIMESTRE DE 2013. Mogi Guaçu, 23 de agosto de 2013. HORÁRIO: 11 horas PARTICIPANTES: NOME ANTONIO MELLO MARTINI SULIVAN REBOUÇAS

Leia mais

61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO

61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO 61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO 2º TRIMESTRE DE 2015 Mogi Guaçu, 28 de julho de 2015. HORÁRIO: 11 horas PARTICIPANTES: NOME SULIVAN REBOUÇAS ANDRADE PAULO CÉSAR

Leia mais

ATA DE ANÁLISE DE DADOS DO 1º TRIMESTRE DE 2015.

ATA DE ANÁLISE DE DADOS DO 1º TRIMESTRE DE 2015. ATA DE ANÁLISE DE DADOS DO 1º TRIMESTRE DE 2015. Peruíbe, 30 de abril de 2015. Horário: 10:00 as 10:30h. Participantes: Dr. Sérgio Martins Guerreiro Denise Ribeiro de Oliveira Thiago Vieira Mascaro Diretor

Leia mais

61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO CASSANDRA MARCONCINI NAVARRO

61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO CASSANDRA MARCONCINI NAVARRO 61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO 1º TRIMESTRE DE 2013. Mogi Guaçu, 23 de abril de 2013. HORÁRIO: 16 horas PARTICIPANTES: NOME ANTONIO MELLO MARTINI SULIVAN REBOUÇAS

Leia mais

PROCESSO AUDITORIA INTERNA

PROCESSO AUDITORIA INTERNA Dono do Processo Marilusa L B Bittencourt Aprovado por Comitê da Qualidade Analisado criticamente por Representante da Direção Substituto: Lucila Borges de Sant'Anna 1 OBJETIVOS Avaliar periodicamente,

Leia mais

PROCESSO AUDITORIA INTERNA

PROCESSO AUDITORIA INTERNA Dono do Processo Marcelo Borges dos Santos Aprovado por Comitê da Qualidade Analisado criticamente por Representante da Direção Substituto: Luciana Vieira Magalhães 1 OBJETIVOS Avaliar periodicamente,

Leia mais

ATA DE SESSÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO PLENO DA SUBSEÇÃO DE JOINVILLE DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEÇÃO DE SANTA CATARINA REALIZADA EM 05/07/2011

ATA DE SESSÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO PLENO DA SUBSEÇÃO DE JOINVILLE DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEÇÃO DE SANTA CATARINA REALIZADA EM 05/07/2011 ATA DE SESSÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO PLENO DA SUBSEÇÃO DE JOINVILLE DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SEÇÃO DE SANTA CATARINA REALIZADA EM 05/07/2011 1. DATA E HORA 05/07/2011 às 19:00 horas. 2. LOCAL Auditório

Leia mais

Av. Cândido Xavier de Almeida e Souza, 175 Centro Cívico Mogi das Cruzes/SP CEP:

Av. Cândido Xavier de Almeida e Souza, 175 Centro Cívico Mogi das Cruzes/SP CEP: PARTICIPANTES: ATA DE REUNIÃO DE ANÁLISE DE DADOS - 1º TRIMESTRE DE 2016 Mogi das Cruzes, 29 de abril de 2016 das 16 às 17h. Dr. MARCELO EDUARDO INOCÊNCIO Dra. ISABEL CRISTINA MACEDO DELGADO Dr. FÁBIO

Leia mais

QUADRO DE RESPOSTAS PESQUISA DE OPINIÃO - UO. Aprovado por: Paulo Roberto de Souza

QUADRO DE RESPOSTAS PESQUISA DE OPINIÃO - UO. Aprovado por: Paulo Roberto de Souza Elaborado por: 1/6 /Sugestões e Reclamações Iete e Paulo bastante prestativos, educados e simpáticos. Atendimento qualificado, gentil e prestativo, em especial do serventuário Paulo de Oliveira. Excelente

Leia mais

QUADRO DE RESPOSTAS PESQUISA DE OPINIÃO - UO. Aprovado por: Paulo Roberto de Souza

QUADRO DE RESPOSTAS PESQUISA DE OPINIÃO - UO. Aprovado por: Paulo Roberto de Souza 1/6 A cortesia, educação e eficiência dispensada pelo servidor Paulo Oliveira, deveriam inspirar todos os servidores deste Tribunal. Dra. Ana Santos O atendimento foi excelente, atendendo as minhas dúvidas

Leia mais

Processo de Não Conformidade, Produto Não Conforme e Melhorias

Processo de Não Conformidade, Produto Não Conforme e Melhorias Dono do Processo Bruno Silva Mendonça Substituto: Marilusa L B Bittencourt Aprovado por Comitê da Qualidade Analisado criticamente por Representante da Direção 1 OBJETIVOS Estabelecer o mecanismo de identificação

Leia mais

ATA DA 2ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA COMISSÃO DE DIREITO DE FAMÍLIA SECIONAL DE SÃO PAULO REALIZADA NO DIA 16 DE JUNHO DE 2010.

ATA DA 2ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA COMISSÃO DE DIREITO DE FAMÍLIA SECIONAL DE SÃO PAULO REALIZADA NO DIA 16 DE JUNHO DE 2010. ATA DA 2ª REUNIÃO ORDINÁRIA DA COMISSÃO DE DIREITO DE FAMÍLIA SECIONAL DE SÃO PAULO REALIZADA NO DIA 16 DE JUNHO DE 2010. Data: 16/06/2010 Início: 15h30 Término: 17h54 Local: Rua Anchieta, 35 9º andar

Leia mais

Assistência Judiciária

Assistência Judiciária Assistência Judiciária Comissão Estadual Triênio 2013/2015 A Subseção deverá conhecer e divulgar amplamente o Convênio A Subseção deverá zelar pela autuação profissional do advogado conveniado, informando

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE VAPT VUPT E ATENDIMENTO AO PÚBLICO PROCEDIMENTO DE COMUNICAÇÃO COM O CLIENTE

SUPERINTENDÊNCIA DE VAPT VUPT E ATENDIMENTO AO PÚBLICO PROCEDIMENTO DE COMUNICAÇÃO COM O CLIENTE Sistema de Gestão da Qualidade SUPERINTENDÊNCIA DE VAPT VUPT E ATENDIMENTO AO PÚBLICO PROCEDIMENTO DE COMUNICAÇÃO COM O CLIENTE Responsável: Henrique Hideaki Matsutani Cópia Controlada - Revisão 20 de

Leia mais

Av. Cândido Xavier de Almeida e Souza, 175 Centro Cívico Mogi das Cruzes/SP CEP:

Av. Cândido Xavier de Almeida e Souza, 175 Centro Cívico Mogi das Cruzes/SP CEP: PARTICIPANTES: ATA DE REUNIÃO DE ANÁLISE DE DADOS - 3º TRIMESTRE DE 2016 Mogi das Cruzes, 28 de outubro de 2016 das 10h às 11h. Dr. MARCELO EDUARDO INOCÊNCIO Dra. ISABEL CRISTINA MACEDO DELGADO Dr. FÁBIO

Leia mais

MANUAL DA QUALIDADE MQ SGQ 01-10

MANUAL DA QUALIDADE MQ SGQ 01-10 SUMÁRIO: Apresentação da ACEP 2 Missão da Empresa 3 Escopo e Justificativas de Exclusão 4 Comprometimento da Direção 5 Política da Qualidade 7 Objetivos de Qualidade 7 Fluxo de Processos 8 Organograma

Leia mais

Relatório das atividades da Ouvidoria da UNISC. nos meses de março e abril /2013

Relatório das atividades da Ouvidoria da UNISC. nos meses de março e abril /2013 Relatório das atividades da Ouvidoria da UNISC nos meses de março e abril /2013 Considerações Em março e abril de 2013, a Ouvidoria da UNISC recebeu 184 solicitações. Das solicitações dos dois meses, 60,33%

Leia mais

ATA DE REUNIÃO ORDINÁRIA DA CIPA

ATA DE REUNIÃO ORDINÁRIA DA CIPA Aos vinte e sete dias do mês de dezembro do ano de dois mil e seis, às quatorze horas e treze minutos, na empresa Associação de Ensino Superior de Nova Iguaçu, sediada na Acidentes, registrada na delegacia

Leia mais

Relatório das atividades da Ouvidoria da UNISC. nos meses de maio e junho/2015

Relatório das atividades da Ouvidoria da UNISC. nos meses de maio e junho/2015 Relatório das atividades da Ouvidoria da UNISC nos meses de maio e junho/2015 Considerações Em maio e junho de 2015, a Ouvidoria da UNISC recebeu 102 solicitações. Das solicitações dos dois meses, 59%

Leia mais

QUADRO DE RESPOSTAS PESQUISA DE OPINIÃO - UO. Aprovado por: Paulo Roberto de Souza

QUADRO DE RESPOSTAS PESQUISA DE OPINIÃO - UO. Aprovado por: Paulo Roberto de Souza 1/6 Quero agradecer à equipe da 3ª VP pelo ótimo atendimento, em especial os funcionários Paulinho e Iete, que sempre me atendem com bom humor e sorriso no rosto. Deixo registrado, ainda, que o atendimento

Leia mais

Conforme solicitação dos Conselheiros, a reunião teve a seguinte estrutura:

Conforme solicitação dos Conselheiros, a reunião teve a seguinte estrutura: Ata da 1 Reunião Extraordinária do Conselho de Usuários STFC da Companhia de Telecomunicações do Brasil Central - CTBC da cidade de Franca estado de São Paulo no dia 03 de dezembro de 2008 às 09h02min.

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE VAPT VUPT E ATENDIMENTO AO PÚBLICO PROCEDIMENTO DE MONITORAMENTO DO ATENDIMENTO AO CLIENTE

SUPERINTENDÊNCIA DE VAPT VUPT E ATENDIMENTO AO PÚBLICO PROCEDIMENTO DE MONITORAMENTO DO ATENDIMENTO AO CLIENTE Sistema de Gestão da Qualidade SUPERINTENDÊNCIA DE VAPT VUPT E ATENDIMENTO AO PÚBLICO PROCEDIMENTO DE MONITORAMENTO DO ATENDIMENTO AO CLIENTE Responsável: Márcio Gláucio Maia da Silva Cópia Controlada

Leia mais

Relatório das atividades da Ouvidoria da UNISC. nos meses de julho e agosto/2011

Relatório das atividades da Ouvidoria da UNISC. nos meses de julho e agosto/2011 Relatório das atividades da Ouvidoria da UNISC nos meses de julho e agosto/2011 Considerações Em julho e agosto de 2011, a Ouvidoria da UNISC recebeu 96 solicitações. Das solicitações dos dois meses, 73%

Leia mais

PAINEL DE INDICADORES ESTRATÉGICOS DO TRE-RS

PAINEL DE INDICADORES ESTRATÉGICOS DO TRE-RS PAINEL DE ES ESTRATÉGICOS DO TRE-RS 2014 SOCIEDADE: Prestar serviços de excelência 1 Índice de respostas a contatos dirigidos à Ouvidoria Mede o percentual de contatos dirigidos à Ouvidoria que receberam

Leia mais

T R I B U N A L DE J U S T I Ç A

T R I B U N A L DE J U S T I Ç A Ata da Segunda Sessão do ano de 2014 da Comissão Executiva da Câmara Técnica do Pacto Nacional de Enfrentamento à Violência Contra as Mulheres e do Programa: Mulher Viver sem Violência, realizada aos trinta

Leia mais

POP Departamento de Manutenção

POP Departamento de Manutenção POP Departamento de Manutenção Manutenção ÍNDICE QUEM É QUEM DICAS IMPORTANTES CAPÍTULO 1: Manutenção CAPÍTULO 2: Almoxarifado CAPÍTULO 3: Malote CAPÍTULO 4: Compras QUEM É QUEM MANUTENÇÃO O departamento

Leia mais

61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO

61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO 61ª SUBSEÇÃO DE MOGI GUAÇU ATA DE REGISTRO DE ANÁLISE DE DADOS PELA DIREÇÃO 1º TRIMESTRE DE 2015 Mogi Guaçu, 29 de abril de 2015. HORÁRIO: 11 horas PARTICIPANTES: NOME ANTÔNIO MELLO MARTINI SULIVAN REBOUÇAS

Leia mais

2. Para os bens relacionados na conta contábil 142124200 Mobiliários em Geral:

2. Para os bens relacionados na conta contábil 142124200 Mobiliários em Geral: Reunião realizada no Edifício da Reitoria. Pauta: Rotinas para desfazimento de mobiliários diversos. Presentes: Paulo Hypolito - Coordenador Patrimonial, José Mailho - Presidente da Comissão de Avaliação

Leia mais

FACULDADE DE EDUCAÇÃO SÃO LUÍS CURSO DE DIREITO ESTÁGIO SUPERVISIONADO 2011/2015. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I 3º. Período

FACULDADE DE EDUCAÇÃO SÃO LUÍS CURSO DE DIREITO ESTÁGIO SUPERVISIONADO 2011/2015. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I 3º. Período Art.41 O programa de Estágio Supervisionado compreende as atividades de prática jurídica simulada e real: (Regulamento do Curso). 1- O discente deverá comparecer em todos os encontros agendados, sábados,

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado do Pará Secretaria de Informática MANUAL CENTRAL DE CERTIDÕES

Tribunal de Justiça do Estado do Pará Secretaria de Informática MANUAL CENTRAL DE CERTIDÕES Tribunal de Justiça do Estado do Pará Secretaria de Informática MANUAL CENTRAL DE CERTIDÕES Sistema desenvolvido pela Secretária de Informática- TJE/PA Belém/PA Agosto de 2012 SUMÁRIO 1 - Apresentação...3

Leia mais

DO ORGANOGRAMA DAS DIRETORIAS DA ABA DA SUBSEÇÃO NACIONAL As diretorias Executivas da ABA, Nacional, Estadual e Regional, dividem-se em dois grupos,

DO ORGANOGRAMA DAS DIRETORIAS DA ABA DA SUBSEÇÃO NACIONAL As diretorias Executivas da ABA, Nacional, Estadual e Regional, dividem-se em dois grupos, DO ORGANOGRAMA DAS DIRETORIAS DA ABA DA SUBSEÇÃO NACIONAL As diretorias Executivas da ABA, Nacional, Estadual e Regional, dividem-se em dois grupos, sendo um grupo de Diretores Administrativos e um grupo

Leia mais

PESQUISA DE SATISFAÇÃO SOBRE O SERVIÇO DE SUPORTE TÉCNICO DE TI

PESQUISA DE SATISFAÇÃO SOBRE O SERVIÇO DE SUPORTE TÉCNICO DE TI PESQUISA DE SATISFAÇÃO SOBRE O SERVIÇO DE SUPORTE TÉCNICO DE TI APRESENTAÇÃO Este documento fornece um resumo do relatório da pesquisa de satisfação que foi realizada no Tribunal de Justiça de Pernambuco

Leia mais

Processo Atendimento N1

Processo Atendimento N1 Dono do processo Regiane Mendes Barbosa Substituto: Gustavo de Castro Ventura Aprovado por Analisado criticamente por Comitê da qualidade Chefe do Departamento de Atendimento ao Usuário e Representante

Leia mais

Manual do sistema SMARsa WEB

Manual do sistema SMARsa WEB Manual do sistema SMARsa WEB Módulo Solicitação/Ouvidoria SMARsa WEB Solicitação/Ouvidoria Versão 2.7 1 Sumário INTRODUÇÃO...4 OBJETIVOS...4 Bem-vindo ao sistema SMARsa WEB: Módulo solicitação/ouvidoria...5

Leia mais

Manual Wincall Atualizado em 19/09/2007 Pág. 1

Manual Wincall Atualizado em 19/09/2007 Pág. 1 MANUAL CALL CENTER Pág. 1 INTRODUÇÃO AO MODULO CALL CENTER Esse módulo do Sistema gerencia todo relacionamento da empresa com seus clientes, registrando todos os contatos realizados, controlando todo o

Leia mais

PROCEDIMENTO SISTÊMICO DE GESTÃO INTEGRADO

PROCEDIMENTO SISTÊMICO DE GESTÃO INTEGRADO 1. OBJETIVO Estabelecer, documentar, implementar, aprimorar e manter um Sistema de Gestão da Qualidade e de Energia, que assegure a conformidade com os requisitos da norma de referência. Outrossim, a responsabilidade

Leia mais

5 ORGANIZAÇÃO E LIMPEZA.R: Que ira conversar com as merendeiras e irá providenciar o acondicionamento correto do lixo.

5 ORGANIZAÇÃO E LIMPEZA.R: Que ira conversar com as merendeiras e irá providenciar o acondicionamento correto do lixo. DATA: 02 de setembro 2011 HORA: 14:30 horas ATA DE REUNIÃO LOCAL: Promotoria de Justiça da Cidadania PARTICIPANTES: Dra. Maria Pilar Cerqueira Maquieira Menezes, Promotora de Justiça, o Diretor Van Mário

Leia mais

NEWSLETTER COMISSÃO DE COMBATE À PROCURADORIA ILÍCITA REUNIÕES DA INTERDELEGAÇÕES. Delegação de Vila Franca de Xira da Ordem dos Advogados

NEWSLETTER COMISSÃO DE COMBATE À PROCURADORIA ILÍCITA REUNIÕES DA INTERDELEGAÇÕES. Delegação de Vila Franca de Xira da Ordem dos Advogados Delegação de Vila Franca de Xira da Ordem dos Advogados 01-01-2014 Edição 3, Janeiro 2013/Janeiro 2014 NEWSLETTER COMISSÃO DE COMBATE À PROCURADORIA ILÍCITA A Comissão de Combate à Procuradoria Ilícita

Leia mais

Manual Gerência Administrativa (AD) Incubadora de Empresas de Base Tecnológica CENTEV/UFV

Manual Gerência Administrativa (AD) Incubadora de Empresas de Base Tecnológica CENTEV/UFV Manual (AD) Incubadora de Empresas de Base Tecnológica CENTEV/UFV Este Manual setorial faz parte do Programa de Gestão da Qualidade da Incubadora de Empresas de Base Tecnológica CENTEV/UFV. Sua reprodução

Leia mais

ATA DA 2ª REUNIÃO DA DIRETORIA DE ESPORTE DA ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB, realizada às 14h do dia 03 (três) de fevereiro do ano de

ATA DA 2ª REUNIÃO DA DIRETORIA DE ESPORTE DA ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB, realizada às 14h do dia 03 (três) de fevereiro do ano de ATA DA 2ª REUNIÃO DA DIRETORIA DE ESPORTE DA ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB, realizada às 14h do dia 03 (três) de fevereiro do ano de 2012, no Hotel Brasília Palace em Brasília, sob a presidência

Leia mais

3 ASSUNTOS CONTÁBEIS, DE CONTROLE INTERNO E DE GESTÃO

3 ASSUNTOS CONTÁBEIS, DE CONTROLE INTERNO E DE GESTÃO Vitória/ES, 12 de maio de 2016. Ofício do CRP16/ES Nº205/2016 A AUDILINK & CIA. AUDITORES Sra. Maria Elizabete Morais Assunto: Manifestação do CRP16/ES, referente ao Relatório de Auditoria do exercício

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO Competência Outubro a Dezembro /2014

RELATÓRIO TÉCNICO Competência Outubro a Dezembro /2014 RELATÓRIO TÉCNICO Competência Outubro a Dezembro /04 Sumário QUANTITATIVO GERAL... 5.RELATÓRIO DE DEMANDAS OUVIDORIA COMPETÊNCIA OUTUBRO A DEZEMBRO/04... 5.Classificação de demandas... 6..Tipificação das

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO CORREGEDORIA GERAL DA JUSTIÇA Processo CG nº 681/2006. Procedimentos

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO CORREGEDORIA GERAL DA JUSTIÇA Processo CG nº 681/2006. Procedimentos Projeto Paternidade Responsável. Procedimentos genitoras Primeira Etapa Convocação das 1) Seleção de escolas Verificar no material fornecido o nome do Dirigente Regional, com o qual será feito contato

Leia mais

AGENDA DA GERENTE E GESTÃO DA EQUIPE DE LOJA

AGENDA DA GERENTE E GESTÃO DA EQUIPE DE LOJA AGENDA DA GERENTE E GESTÃO DA EQUIPE DE LOJA Entregar a informação atrasada, cometer pequenos erros todos os dias, não conseguir atingir as metas, ter de resolver assuntos urgentes a todo o momento, entre

Leia mais

Obs.: Análise consolidada com as informações e deliberações da reunião realizada em 28/11/2014, 15h.

Obs.: Análise consolidada com as informações e deliberações da reunião realizada em 28/11/2014, 15h. Unidade: Diretoria Geral de Desenvolvimento PESQUISA Nº: 13 Institucional Código do formulário aplicado: FRM-DGDIN-005-20 e Qt de de formulários válidos: TEMP-DGDIN-003 172 Período da realização da pesquisa:

Leia mais

Programa Brasileiro de Autorregulamentação de Boas Práticas em Arbitragem, Conciliação e Mediação, PARCONIMA.

Programa Brasileiro de Autorregulamentação de Boas Práticas em Arbitragem, Conciliação e Mediação, PARCONIMA. Revisão maio 2015 Programa Brasileiro de Autorregulamentação de Boas Práticas em Arbitragem, Conciliação e Mediação, PARCONIMA. NÍVEIS DE CERTIFICAÇÃO 1 Nível Ingresso Documentos que deverão ser apresentados

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA E DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES INICIAIS

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA E DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES INICIAIS CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA Jundiaí/SP REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA E DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES INICIAIS Art. 1º. O estágio de prática jurídica supervisionado

Leia mais

REGULAMENTO DAS INSTALAÇÕES, RECURSOS HUMANOS E MATERIAIS DAEICBAS 2015-2016 ARTIGO 1º ARTIGO 2º. Introdução. Instalações

REGULAMENTO DAS INSTALAÇÕES, RECURSOS HUMANOS E MATERIAIS DAEICBAS 2015-2016 ARTIGO 1º ARTIGO 2º. Introdução. Instalações ARTIGO 1º Introdução 1. As Instalações, Recursos Humanos e Materiais da Associação de Estudantes do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto (doravante designada AEICBAS)

Leia mais

MANUAL PARA PREENCHIMENTO DE REQUERIMENTOS ON-LINE

MANUAL PARA PREENCHIMENTO DE REQUERIMENTOS ON-LINE SECRETARIA MUNICIPAL DE GESTÃO PÚBLICA DEPARTAMENTO DE RECURSOS EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO MANUAL PARA PREENCHIMENTO DE REQUERIMENTOS ON-LINE Mogi das Cruzes, 2010. Sumário 1. Requerimentos Disponíveis...

Leia mais

Tecnologia da Informação CAASP. DIS Departamento de Informática e Sistemas. Relatório Anuário 2009 Att. Gerência Geral e Diretoria CAASP

Tecnologia da Informação CAASP. DIS Departamento de Informática e Sistemas. Relatório Anuário 2009 Att. Gerência Geral e Diretoria CAASP Tecnologia da Informação CAASP DIS Relatório Anuário 2009 Att. Gerência Geral e Diretoria CAASP Introdução... 03 Projetos e Fatos Relevantes 2009... 03 Raio X de Investimentos e Custos... 09 Considerações

Leia mais

PORTAL DE RELACIONAMENTO GROUP

PORTAL DE RELACIONAMENTO GROUP PORTAL DE RELACIONAMENTO GROUP MANUAL DO USUÁRIO Portal de Relacionamento - Manual do usuário... 1 SUMÁRIO 1. Informações gerais... 3 2. Sobre este documento... 3 3. Suporte técnico... 3 4. Visão Geral

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE DS Documento de Suporte

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE DS Documento de Suporte DIAGRAMA DE PROCESSOS DS. 10 01 1 / 27 Solicitação das unidades para elaboração, revisão ou cancelamento de documentos ou registros; Mudança no modo de realização dos processos; Tratamento de nãoconformidades;

Leia mais

1.1 EXTRAÇÃO DE RELATÓRIOS 03 1.2 CONSULTA CADASTRAL 10 1.3 IMPRESSÃO DE BOLETOS 12 1.4 RENEGOCIAÇÕES 15 2 FUNCIONALIDADES DISPONÍVEIS NO SITE

1.1 EXTRAÇÃO DE RELATÓRIOS 03 1.2 CONSULTA CADASTRAL 10 1.3 IMPRESSÃO DE BOLETOS 12 1.4 RENEGOCIAÇÕES 15 2 FUNCIONALIDADES DISPONÍVEIS NO SITE 1 ACESSO EXCLUSIVO PARA SUBSEÇÕES 1.1 EXTRAÇÃO DE RELATÓRIOS 03 1.2 CONSULTA CADASTRAL 10 1.3 IMPRESSÃO DE BOLETOS 12 1.4 RENEGOCIAÇÕES 15 2 FUNCIONALIDADES DISPONÍVEIS NO SITE 2.1 IMPRESSÃO RÁPIDA DE

Leia mais

1.1 EXTRAÇÃO DE RELATÓRIOS 03 1.2 CONSULTA CADASTRAL E IMPRESSÃO DE BOLETOS 12 1.3 RENEGOCIAÇÕES 15 2 FUNCIONALIDADES DISPONÍVEIS NO SITE

1.1 EXTRAÇÃO DE RELATÓRIOS 03 1.2 CONSULTA CADASTRAL E IMPRESSÃO DE BOLETOS 12 1.3 RENEGOCIAÇÕES 15 2 FUNCIONALIDADES DISPONÍVEIS NO SITE 1 ACESSO EXCLUSIVO PARA SUBSEÇÕES 1.1 EXTRAÇÃO DE RELATÓRIOS 03 1.2 CONSULTA CADASTRAL E IMPRESSÃO DE BOLETOS 12 1.3 RENEGOCIAÇÕES 15 2 FUNCIONALIDADES DISPONÍVEIS NO SITE 2.1 IMPRESSÃO RÁPIDA DE ANUIDADE

Leia mais

DESCRITIVO TÉCNICO - VERSÃO DESKTOP

DESCRITIVO TÉCNICO - VERSÃO DESKTOP sistema para gerenciamento de instituições de ensino DESCRITIVO TÉCNICO - VERSÃO DESKTOP Nossa Empresa A Sponte Informática é uma empresa brasileira, localizada em Pato Branco, cidade considerada pólo

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO SETOR JURÍDICO DA ASSEMP

REGIMENTO INTERNO DO SETOR JURÍDICO DA ASSEMP REGIMENTO INTERNO DO DA ASSEMP O Setor Jurídico da ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DA PREFEITURA DE BELO HORIZONTE, doravante denominado Jurídico-ASSEMP, será regido de acordo com este regimento e

Leia mais

DOCUMENTOS NÃO OBRIGATÓRIOS

DOCUMENTOS NÃO OBRIGATÓRIOS PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU EM SÃO PAULO Diretoria do Foro Núcleo de Apoio Judiciário Comissão Permanente de Avaliação e Gestão Documental DOCUMENTOS ADMINISTRATIVOS E JUDICIAIS PRODUZIDOS

Leia mais

Falta de Energia Elétrica Ambiente SEFAZ (Ed. Vale do Rio Doce) PGI 001 Falta de Energia Elétrica

Falta de Energia Elétrica Ambiente SEFAZ (Ed. Vale do Rio Doce) PGI 001 Falta de Energia Elétrica PGI 00 Falta de Energia Elétrica Falta de Energia Elétrica Ambiente SEFAZ (Ed. Vale do Rio Doce) PGI 00 Falta de Energia Elétrica As informações existentes neste documento e em seus anexos são para uso

Leia mais

REGULAMENTO UNIDADE PAULISTA ATENÇÃO:

REGULAMENTO UNIDADE PAULISTA ATENÇÃO: REGULAMENTO UNIDADE PAULISTA ATENÇÃO: 1) Este regulamento SÓ se aplica aos contratos celebrados na unidade Paulista, por alunos matriculados nos cursos preparatórios para concursos públicos semestrais

Leia mais

Identificação do Órgão/Unidade:Tribunal Superior Eleitoral/STI/COINF/SEPD Service Desk

Identificação do Órgão/Unidade:Tribunal Superior Eleitoral/STI/COINF/SEPD Service Desk Identificação do Órgão/Unidade:Tribunal Superior Eleitoral/STI/COINF/SEPD Service Desk E-mail para contato: supervisao@tse.gov.br Nome trabalho/projeto: Suporte em TI baseado em sistema de gestão da qualidade

Leia mais

SGQ Sistema de Gestão da Qualidade TIVOLITUR.

SGQ Sistema de Gestão da Qualidade TIVOLITUR. PÁGINA: 1 de 6 1.0 OBJETIVO: Controlar a documentação aplicável ao SGQ TIVOLITUR, a fim de garantir a padronização dos requisitos internos relacionados aos processos estratégicos, táticos e operacionais

Leia mais

Curso ISO 9001:2008 Qualidade em Serviços

Curso ISO 9001:2008 Qualidade em Serviços Curso ISO 9001:2008 Qualidade em Serviços Guia Fundamental para Gestão de Qualidade em Serviços Objetivo Capacitar os participantes a interpretarem os requisitos da Norma ISO 9001:2008, relacionados aos

Leia mais

Serviço odontológico. normas e orientações

Serviço odontológico. normas e orientações 1 Serviço odontológico normas e orientações 2 3 Seja bem-vindo ao Serviço Odontológico do Sesc! 4 Normas e Orientações do Serviço Odontológico As normas e orientações a seguir garantem um tratamento mais

Leia mais

MANUAL DA QUALIDADE Viva Vida Produtos de Lazer Ltda. Manual da Qualidade - MQ V. 1 Sistema de Gestão da Qualidade Viva Vida - SGQVV

MANUAL DA QUALIDADE Viva Vida Produtos de Lazer Ltda. Manual da Qualidade - MQ V. 1 Sistema de Gestão da Qualidade Viva Vida - SGQVV MANUAL DA QUALIDADE Manual da Qualidade - MQ Página 1 de 15 ÍNDICE MANUAL DA QUALIDADE 1 INTRODUÇÃO...3 1.1 EMPRESA...3 1.2 HISTÓRICO...3 1.3 MISSÃO...4 1.4 VISÃO...4 1.5 FILOSOFIA...4 1.6 VALORES...5

Leia mais

Assembléia Geral - Reapresentação

Assembléia Geral - Reapresentação Dia: 03/02/2010 Horas: 20hs Local: Terminal Rita Maria Espaço Cultural Assembléia Geral - Reapresentação CONVIDADOS: Todos os integrantes do EA Assuntos: 1 RETROSPECTIVA DE 2009: a) - Pedido de desculpas

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS CONVÊNIO COM A SME

PRESTAÇÃO DE CONTAS CONVÊNIO COM A SME PRESTAÇÃO DE CONTAS CONVÊNIO COM A SME Entidades beneficiadas: As unidades educacionais das entidades conveniadas ao Sistema Municipal de Ensino de Campinas. Órgão responsável: Coordenadoria Setorial de

Leia mais

PROCEDIMENTO SISTÊMICO DA QUALIDADE

PROCEDIMENTO SISTÊMICO DA QUALIDADE 1. OBJETIVO Estabelecer, documentar, implementar, aprimorar e manter um, que assegure a conformidade com os requisitos da norma de referência. 2. CONTROLE DE DOCUMENTOS E REGISTRO 2. CONTROLE DE DOCUMENTOS

Leia mais

Processo de Desenvolvimento de Software

Processo de Desenvolvimento de Software Coordenadoria de Tecnologia da Informação Documentos Formais Processo de Desenvolvimento de Software Sumário 1 Introdução... 03 2 Políticas do Documento de Processo de Desenvolvimento de Software... 04

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO RIO GRANDE DO NORTE

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO RIO GRANDE DO NORTE ATO NORMATIVO Nº 01, DE 28 DE MARÇO DE 2012. Institui o Normativo de Pessoal EMPREGO DE LIVRE PROVIMENTO E DEMISSÃO DE NÍVEL SUPERIOR, EMPREGOS TEMPORÁRIOS DE NÍVEL SUPERIOR E EMPREGOS TEMPORÁRIOS DE NÍVEL

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CADASTRO DE CONCILIADOR VOLUNTÁRIO

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CADASTRO DE CONCILIADOR VOLUNTÁRIO EDT-JECECT - 22013 Código de validação: 2A0A656CDB EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA CADASTRO DE CONCILIADOR VOLUNTÁRIO O Doutor ROGÉRIO MONTELES DA COSTA, MM. Juiz de Direito Titular do Juizado Especial

Leia mais

PORTARIA 2/2015 REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA E DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS CAPITULO I DISPOSIÇÕES INICIAIS

PORTARIA 2/2015 REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA E DOS ESTÁGIOS SUPERVISIONADOS CAPITULO I DISPOSIÇÕES INICIAIS PORTARIA 2/2015 O Prof. Ms. Márcio Franklin Nogueira, Coordenador do Curso de Direito, tendo em conta mudança na sistemática de agendamento e cômputo de horas das atividades de prática jurídica, agora

Leia mais

INCÊNDIO Ambiente SEFAZ (Ed. Vale do Rio Doce) PGI 002 Incêndio

INCÊNDIO Ambiente SEFAZ (Ed. Vale do Rio Doce) PGI 002 Incêndio GESTÃO DA CONTINUADE DOS NEGÓCIOS E DE PGI 002 Incêndio INCÊNDIO Ambiente SEFAZ (Ed. Vale do Rio Doce) PGI 002 Incêndio As informações existentes neste documento e em seus anexos são para uso exclusivo

Leia mais

MANUAL DE RELACIONAMENTO COM OS CLIENTES

MANUAL DE RELACIONAMENTO COM OS CLIENTES MANUAL DE RELACIONAMENTO COM OS CLIENTES UMA INTRODUÇÃO. O Escritório tem investido muito na criação de parâmetros para a execução do trabalho jurídico consultivo e contencioso. O investimento redundou

Leia mais

PROVIMENTO CONJUNTO Nº 14 DE 15 DE DEZEMBRO DE 2003

PROVIMENTO CONJUNTO Nº 14 DE 15 DE DEZEMBRO DE 2003 PROVIMENTO CONJUNTO Nº 14 DE 15 DE DEZEMBRO DE 2003 Dispõe sobre a auto-intimação eletrônica de advogados no âmbito dos Juizados Especiais Federais na 2 a Região. O CORREGEDOR-GERAL DA JUSTIÇA FEDERAL

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO AMAZONAS COORDENADORIA DA INFÂNCIA E DA JUVENTUDE

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO AMAZONAS COORDENADORIA DA INFÂNCIA E DA JUVENTUDE PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO AMAZONAS COORDENADORIA DA INFÂNCIA E DA JUVENTUDE APRESENTAÇÃO IDENTIFICAÇÃO DO ÓRGÃO: Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas TJ/AM UNIDADE: Coordenadoria da Infância e

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO Nº 01/2014

BOLETIM INFORMATIVO Nº 01/2014 BOLETIM INFORMATIVO Nº 01/2014 CURSO PÓS-GRADUAÇÃO DAMASIO Direito Constitucional Aplicado Segundas-feiras Direito de Família e Sucessões Segundas-feiras Direito Processual Civil Terças-feiras Direito

Leia mais

PAINEL DE INDICADORES ESTRATÉGICOS DO TRE-RS

PAINEL DE INDICADORES ESTRATÉGICOS DO TRE-RS PAINEL DE ES ESTRATÉGICOS DO TRE-RS 2013 SOCIEDADE: Prestar serviços de excelência 1 Índice de respostas a contatos dirigidos à Ouvidoria Mede o percentual de contatos dirigidos à Ouvidoria que receberam

Leia mais

Assuntos relacionados ao departamento de TI que requer suporte para encontrar uma solução

Assuntos relacionados ao departamento de TI que requer suporte para encontrar uma solução Assuntos relacionados ao departamento de TI que requer suporte para encontrar uma solução Procedimentos a serem seguidos pela diretoria, gerentes e funcionários. As informações serão passadas para os gerentes

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS Segurança proíbe depósitos de terceiros em contas de presidiários

CÂMARA DOS DEPUTADOS Segurança proíbe depósitos de terceiros em contas de presidiários ASSESSORIA PARLAMENTAR INFORMATIVO 14 DE NOVEMBRO DE 2014 CÂMARA DOS DEPUTADOS Segurança proíbe depósitos de terceiros em contas de presidiários A intenção é evitar que condenados usem essas contas para

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO INFORMANDO PARA MELHOR ATENDER AO ADVOGADO SECRETARIA DA PRIMEIRA INSTÂNCIA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO INFORMANDO PARA MELHOR ATENDER AO ADVOGADO SECRETARIA DA PRIMEIRA INSTÂNCIA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO INFORMANDO PARA MELHOR ATENDER AO ADVOGADO SECRETARIA DA PRIMEIRA INSTÂNCIA COORDENADORIA DE GESTÃO DO ATENDIMENTO AO PÚBLICO www.tjsp.jus.br

Leia mais

PRECISO ENCAMINHAR ALGUM REGISTRO DE FREQUÊNCIA PARA A ÁREA DE RECURSOS HUMANOS DO MPGO?

PRECISO ENCAMINHAR ALGUM REGISTRO DE FREQUÊNCIA PARA A ÁREA DE RECURSOS HUMANOS DO MPGO? Orientações sobre o Para operacionalizar o Ato PGJ n. 59/2014, que dispõe sobre a jornada de trabalho, o MP-GO adquiriu um sistema informatizado chamado Forponto. A utilização do sistema eletrônico evitará

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Coordenadoria do Campus de Ribeirão Preto Seção Técnica de Informática. Política de Informática CCRP

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Coordenadoria do Campus de Ribeirão Preto Seção Técnica de Informática. Política de Informática CCRP Política de Informática CCRP Índice 1. DISPOSIÇÕES GERAIS... 2 2. ESPECIFICAÇÃO E AQUISIÇÃO DE NOVOS EQUIPAMENTOS... 2 3. INSTALAÇÃO DE SOFTWARES... 2 4. DESENVOLVIMENTO, MANUTENÇÃO E BACKUP DE SISTEMAS

Leia mais

FUNDAÇÃO ARMANDO ALVARES PENTEADO FACULDADE DE DIREITO

FUNDAÇÃO ARMANDO ALVARES PENTEADO FACULDADE DE DIREITO REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA DA DA FUNDAÇÃO ARMANDO ALVARES PENTEADO TÍTULO I DA FINALIDADE E DO OBJETO Art. 1º O Núcleo de Prática Jurídica da Faculdade de Direito da Fundação Armando Alvares

Leia mais

NORMAS PARA SOLICITAÇÃO, USO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS DO FUNDECITRUS

NORMAS PARA SOLICITAÇÃO, USO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS DO FUNDECITRUS 1 NORMAS PARA SOLICITAÇÃO, USO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS DO FUNDECITRUS Todas as normas devem ser lidas atentamente antes da submissão da proposta de pesquisa, bem como antes da realização

Leia mais

Consulta e Acompanhamento de Propostas

Consulta e Acompanhamento de Propostas Consulta e Acompanhamento de Propostas 03 Consulta e Acompanhamento de propostas Posição de Propostas Análise da Proposta 07 10 17 Proposta Rejeitada 02 Consulta e Acompanhamento de Propostas No momento

Leia mais

Câmara Municipal de Tijucas do Sul

Câmara Municipal de Tijucas do Sul ATA DA 16 a SESSÃO ORDINÁRIA DO PRIMEIRO PERÍODO ORDINÁRIO DA PRIMEIRA SESSÃO LEGISLATIVA DA 15 a LEGISLATURA EM 26/05/2014. Aos vinte e seis dias do mês de maio do ano de dois mil e quatorze, nesta cidade

Leia mais

INFORMATIVO DEZEMBRO/2012

INFORMATIVO DEZEMBRO/2012 INFORMATIVO DEZEMBRO/2012 Caro vizinho/condômino, Chegamos ao final do ano e gostaria de dizer a todos que, apesar das dificuldades e obstáculos que tivemos no início desta gestão, estamos caminhando.

Leia mais

HISTÓRICO DAS REVISÕES N.ºREVISÃO DATA IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 00 16/04/2007 Emissão inicial

HISTÓRICO DAS REVISÕES N.ºREVISÃO DATA IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 00 16/04/2007 Emissão inicial HISTÓRICO DAS REVISÕES N.ºREVISÃO DATA IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 00 16/04/2007 Emissão inicial Elaborado: 16/04/2007 Superintendente e ou Gerente da unidade Análise Crítica e aprovação : 16/04/2007 Representante

Leia mais

ATA DA 5ª REUNIÃO DA COMISSÃO ELEITORAL GERAL DA AMB ELEIÇÕES 2011/2013. Brasília/DF, 25 de outubro de 2010

ATA DA 5ª REUNIÃO DA COMISSÃO ELEITORAL GERAL DA AMB ELEIÇÕES 2011/2013. Brasília/DF, 25 de outubro de 2010 ATA DA 5ª REUNIÃO DA COMISSÃO ELEITORAL GERAL DA AMB ELEIÇÕES 2011/2013 Brasília/DF, 25 de outubro de 2010 Aos 25 (vinte e cinco) dias do mês de outubro de 2010, às 17h, teve início a quinta reunião da

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO DE PRÁTICA JURÍDICA

MANUAL DE ESTÁGIO DE PRÁTICA JURÍDICA MANUAL DE ESTÁGIO DE PRÁTICA JURÍDICA O Curso de Graduação em Direito da Faculdade do Sudeste Goiano (FASUG) é oferecido em conformidade com as Diretrizes do Ministério da Educação (MEC), com observância

Leia mais

Relatório de Avaliação TECNOLOGIA EM ANALISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

Relatório de Avaliação TECNOLOGIA EM ANALISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS Relatório de Avaliação TECNOLOGIA EM ANALISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS A temática tecnologia da informação esta em todas as áreas: áreas da saúde, empresarial, governamental. A humanidade está entrando

Leia mais

PROGRAMA PRELIMINAR PROPOSTO METAS GESTÃO FLÁVIA PUJADAS (2014-2015)

PROGRAMA PRELIMINAR PROPOSTO METAS GESTÃO FLÁVIA PUJADAS (2014-2015) Apresentam- se a seguir as metas entendidas como centrais de nossa gestão: VALORIZAÇÃO DO ASSOCIADO VALORIZAÇÃO INSTITUCIONAL DESENVOLVIMENTO ADMINISTRATIVO DO IBAPE/SP A cada uma dessas metas corresponderá

Leia mais

Vídeos Motivacionais

Vídeos Motivacionais Vídeos Motivacionais Inicio das atividades: Setembro / 1998. 12 anos. Administração centralizada. Único dono. Foco principal, atividade comercial. Sede própria (05 Prédios); Frota de veículos própria para

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Atuação estratégica dos departamentos jurídicos Marco Antonio P. Gonçalves A atuação estratégica de departamentos jurídicos é um dos principais temas de interesse dos advogados que

Leia mais

REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DIDÁTICO DE PRÁTICAS EM ADMINISTRAÇÃO E ESCRITÓRIO MULTIMÍDIA DO DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO - UNIR - CACOAL

REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DIDÁTICO DE PRÁTICAS EM ADMINISTRAÇÃO E ESCRITÓRIO MULTIMÍDIA DO DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO - UNIR - CACOAL REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DIDÁTICO DE PRÁTICAS EM ADMINISTRAÇÃO E ESCRITÓRIO MULTIMÍDIA DO DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO - UNIR - CACOAL TÍTULO I - DO LABORATÓRIO DIDÁTICO CAPÍTULO I - DA ORGANIZAÇÃO

Leia mais

Edital de Candidatura

Edital de Candidatura PROCESSO SELETIVO DE Membros EDITAL N.º 03/2014 Edital de Candidatura Processo Seletivo de Membros - 2º Semestre de 2014 Considerações iniciais A Estat Júnior - Estudos Aplicados à Estatística Consultoria

Leia mais

Manual do Usuário (Perfil TJ) Sistema de Solicitação de Indicação

Manual do Usuário (Perfil TJ) Sistema de Solicitação de Indicação Manual do Usuário (Perfil TJ) Sistema de Solicitação de Indicação A Defensoria Pública do Estado, por meio de sua Assessoria de Convênios, comunica que desenvolveu sistema denominado Sistema de Solicitação

Leia mais

PARTICIPANTES Nome Área Assinatura Nome Área Assinatura Mario Pereira da Silva Ger. Industrial

PARTICIPANTES Nome Área Assinatura Nome Área Assinatura Mario Pereira da Silva Ger. Industrial RELATÓRIO DE ANÁLISE CRÍTICA PELA DIREÇÃO Data da Reunião: 15/03/2011 Data da Próima Reunião: março/2012 Folha: Total de 4 PARTICIPANTES Nome Área Assinatura Nome Área Assinatura Mario Pereira da Silva

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES PCTI 2014

RELATÓRIO DE ATIVIDADES PCTI 2014 PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 7ª REGIÃO PROGRAMA DE COMBATE AO TRABALHO INFANTIL (PCTI) GESTÃO REGIONAL RELATÓRIO DE ATIVIDADES PCTI 2014 www.trt7.jus.br/trabalhoinfantil SEMANA CEARENSE

Leia mais