j o r n a l da c o m pa n h i a e s p í r i to s a n t e n s e d e s a n e a m e n to M-GMA realiza coleta de recicláveis

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "j o r n a l da c o m pa n h i a e s p í r i to s a n t e n s e d e s a n e a m e n to M-GMA realiza coleta de recicláveis"

Transcrição

1 j o r n a l da c o m pa n h i a e s p í r i to s a n t e n s e d e s a n e a m e n to Nº 74 MAIO 2015 Atenção máxima à crise hídrica Cesan e parceiros não medem esforços para superar a falta de chuva Medidas para combater a estiagem M-GMA realiza coleta de recicláveis 3 7 4e5 Dicas para não desperdiçar água 8 Empregado da Cesan encontra maneira criativa de economizar água 7

2 2 EDITORIAL EXPEDIENTE DIRETORIA Construindo o futuro A Cesan participou com toda a sua Diretoria do Planejamento Estratégico do Governo do Estado, realizado nos dias 27 e 28 de março. O evento teve como objetivo debater os grandes desafios e entregas que o Governo fará para a sociedade capixaba nos próximos anos. Nos dois dias houve três importantes palestras que serviram como um alinhamento geral. O economista Armando Castelar falou sobre Conjuntura Econômica ; o pesquisador Hilton Silveira a respeito de Mudanças Climáticas ; e o economista Ricardo Paes de Barros abordou Temas sociais contemporâneos. Os participantes tiveram a oportunidade de conhecer em dois blocos distintos da programação O Panorama Sócio Econômicos do Espírito Santo e O Contexto de Desenvolvimento Urbano e Regional. Um dado interessante extraído deste último tema é que o Estado apresentou a terceira melhor proporção de domicílios (82,9%) com saneamento básico entre os estados brasileiros em Essa melhora no ranking nacional foi conseguida graças aos investimentos realizados a partir de Por exemplo, em abastecimento de água, no ano de 2013 ocupávamos a quarta melhor posição brasileira, com 88,5% dos domicílios atendidos, e a mesma posição também é nossa quando o assunto é o acesso à rede coletora de esgoto ou fossa séptica. Na fase dos trabalhos em Grupo atuamos no de Desenvolvimento Urbano e Regional ao lado dos titulares da Ceturb, Detran, Secretarias de Desenvolvimento Urbano, Assistência Social, Instituto de Desenvolvimento Urbano e Habitação e Subsecretaria de Mobilidade Urbana da Secretaria de Transporte e Obras Públicas. FOTO: Antônio moreira Denise Cadete Presidente da Cesan Coube-nos a relatoria do grupo, oportunidade em que mostramos as entregas planejadas até Os desafios são grandes, mas com dedicação, o trabalho de todos e, principalmente, o engajamento da sociedade, sairemos vitoriosos. Boa leitura! Governo faz convênio e debate crise hídrica com empresários da Serra Diretora Presidente Denise de M. Cadete Gazzinelli Cruz Diretora de Operação Metropolitana Sandra Sily Diretor de Operação do Interior Carlos F. Martinelli Diretor de Relações com o Cliente José Eduardo Pereira Diretor Meio Ambiente Anselmo Tozi CONSELHOs Administração João Carlos Coser Robson Leite Nascimento Valdir Klug Denise de M. Cadete G. Cruz José Alves Paiva Nildo A. Leite de Mendonça Fiscal Paulo Ruy Valim Carnelli Sérgio da Cunha Rodrigues Edson Luiz Bermudes Ferreira CESAN NOTÍCIAS Coordenação Coordenadoria de Comunicação Empresarial da Cesan Edição e Diagramação Balaio Comunicação e Design Fotografia Arquivo Cesan Wallace Capucho Antônio Moreira Projeto Gráfico Bios Editoração Impressão Gráfica Sodré Tiragem exemplares D urante a realização do 127º Caneg (Café de Negócios), que aconteceu no dia 22 de maio, na cidade de Serra, foi assinado um Convênio de Cooperação Técnica entre o Governo do Estado/Suppin, a Prefeitura de Serra/Sedur e a Ases Associação dos Empresários da Serra que garante a gestão compartilhada dos polos industriais públicos do município. O governador Paulo Hartung, o secretário de Desenvolvimento José Eduardo Azeredo, o diretor-geral da Suppin Sérgio Gianordoli, o prefeito de Serra Audifax Barcelos, dentre outras autoridades, estiveram presentes na solenidade que contou ainda com a participação de mais de 250 pessoas, entre empresários e lideranças de entidades representativas do município. Na ocasião, a diretora-presidente da Cesan, Denise Cadete, ministrou palestra em que expôs um panorama sobre saneamento - crescimento dos serviços de esgoto - e de como a companhia enfrentou a recente crise hídrica. Nossa meta é levar o tratamento de esgoto para toda a Serra em oito anos. Em seguida, pontuou que as atitude no presente farão diferença no futuro. É preciso investir forte em recuperação florestal para facilitar a infiltração da água no solo, dar estabilidade às bacias e garantir a segurança hídrica nos próximos anos, ressaltou Denise. Para o diretor de Infraestrutura de Reservação e Distribuição Hídrica da Agerh, Robson Monteiro, este tipo de evento que estimula a parceria entre Governo e setores privados é fundamental para qualquer ação, principalmente quando envolve recursos hídricos. A crise hídrica é uma realidade e todos têm que se conscientizar disso. Temos que incentivar o desenvolvimento econômico de Serra e no restante do Estado, mas com sustentabilidade, sem desperdício de água, disse. Av. Governador Bley, 186, Edifício Bemge, 3º andar, Centro, Vitória ES Cep: Tel.: (27)

3 ENTREVISTA 3 FOTO: WALLACE CAPUCHO Ações para enfrentar a crise hídrica O forte bloqueio atmosférico que se instalou na região sudeste durante o último verão desencadeou a pior crise hídrica do Espírito Santo dos últimos 40 anos. Após 47 dias sem chuva no período que deveria ser o mais chuvoso do ano, os níveis dos mananciais que abastecem a população capixaba ficaram muito abaixo do aceitável, o que dificultou a captação de água para tratamento e distribuição. Por causa desta situação, o Governo do Estado declarou cenário de alerta e, por intermédio do Comitê Hídrico Governamental, divulgou uma série de ações a fim de minimizar os efeitos dessa estiagem atípica que já ocasionou grandes perdas para a indústria e a agricultura capixaba. Anselmo Tozi, diretor de Meio Ambiente e coordenador do Comitê de Gestão Hídrica da Cesan, pontua, nesta entrevista, as ações já em curso e as que estão por vir Anselmo Tozi, coordenador do Comitê de Gestão da Crise Hídrica da Cesan Qual a situação do Espírito Santo em meio a esta crise hídrica? O Espírito Santo, e também o Brasil, vive uma nova realidade com relação à gestão dos seus recursos hídricos. A escassez de chuvas neste último verão intensificou esta crise hídrica. Os registros históricos demonstram que poucas vezes isso aconteceu com tamanha intensidade. Ainda estamos avaliando a dimensão desse problema, pois sabemos que esta situação vai persistir, uma vez que entraremos no inverno período de pouca chuva. Por isso, a Cesan está trabalhando em conjunto com a Agência Nacional de Águas (ANA), a Agência Estadual de Recursos Hídricos (AGERH) e demais autarquias e secretarias do Governo que compõem o Comitê Hídrico Governamental a fim de encontrar saídas para este problema. O objetivo é garantir o abastecimento da população e da indústria até que a próxima estação chuvosa possa reforçar o volume dos nossos rios. E quais medidas já estão sendo tomadas? São medidas que vão desde a realização de obras de infraestrutura, passando por mudança de legislação a programas de conscientização da população. Faço questão de ressaltar duas que a princípio são as mais importantes e já estão em andamento. A primeira foi um acordo entre o Governo do Estado e a EDP Escelsa para o uso da água do reservatório do rio Bonito até então utilizada somente para geração de energia para reforçar o abastecimento do município de Serra, da parte continental de Vitória e de alguns bairros de Cariacica. Esta medida é de curto prazo e já entrou em prática, sob a coordenação conjunta da Cesan, EDP Escelsa, AGERH e do Comitê da Bacia do Rio Santa Maria, que definiu como serão feitos os procedimentos de liberação de vazão, dentro do ponto de vista ambiental e de economicidade do recurso hídrico. Outra medida importante, mas de médio prazo, é a construção de um sistema de captação de água do rio Reis Magos, em Fundão, para abastecer parte da cidade de Serra. A obra, composta por uma estação de tratamento e mais de 15 quilômetros de tubulações, custará aproximadamente R$ 80 milhões e deve durar um ano, a partir do seu início previsto para ainda em Além destas medidas, você pode citar outras? Sim. Há medidas como perfurações de poços próximos às estações de captação de água para reforçar os reservatórios da Cesan; liberação de água de reúso água de esgoto tratada, mas não potável, para irrigação de canteiros, jardins e parques municipais, combate a incêndios e desobstrução das redes de esgoto, entre outras coisas. Estudamos também a utilização da água de reúso em indústrias. Um exemplo é que a água utilizada na lavagem dos filtros da Cesan, antes desprezada, possa ser utilizada pela Companhia Siderúrgica ArcelorMittal Tubarão para molhar o estoque de minério. E como a população pode ajudar? Conscientizando-se de que é necessário mudar o comportamento. A forma como lidamos com os recursos hídricos é completamente equivocada. Precisamos reduzir o consumo por meio de um uso mais racional da água em nossa casa, no condomínio, no comércio, na indústria e na agricultura. A escassez de água, que antes era vista como um problema somente do Nordeste e de alguns países, agora é uma realidade em nosso Estado.

4 CAPA Pior seca em 40 anos Em meio à crise hídrica, Cesan e parceiros trabalham a fim de criar bons projetos e oportunidades para superarem o momento adverso Momentos críticos exigem muita habilidade e preparo das partes envolvidas. A falta de chuva durante o último verão evento climático extremo fez com que os níveis dos rios que abastecem o Estado ficassem muito abaixo do esperado para essa época do ano, o que resultou numa crise hídrica sem precedentes e bastante preocupante. Porém, a partir dela foram criados projetos e oportunidades que deixarão uma herança positiva aos capixabas. Desde o ano passado, a Cesan vem agindo para que a situação seja enfrentada da melhor maneira possível, sem que a população sofra com a falta de abastecimento. Campanhas a fim de promover o uso consciente da água vêm sendo feitas, e os capixabas aderiram em peso. Como resultado, mais de 2 bilhões de litros de água foram economizados entre janeiro e fevereiro deste ano. No mesmo período em 2014, o aumento do consumo havia sido de 111 milhões de litros. O cidadão que economiza água contribui para o bem social comum e, também, sente os benefícios no bolso. Segundo o sistema de tarifas da Agência Reguladora de Saneamento e Infraestrutura Viária do Espírito Santo (Arsi), aplicado nas cidades em que a Cesan trabalha, quanto menos água for consumida, menor será o preço de cada mil litros. Uma residência, por exemplo, que consome mais de 50 mil litros de água mensalmente, paga R$ 5,95 por cada mil litros. Se o consumo é de 15 mil litros por mês, o valor cai para R$ 2,84. Além das ações sugeridas pela Companhia, como evitar banhos demorados, os capixabas mostraram criatividade ao tomarem iniciativas próprias, como utilizar a água do ar condicionado e da máquina de lavar para limpar quintais, varandas, banheiros e calçadas, e fazer uso de aplicativos no celular ou tablet para controlarem o tempo do banho. Aliás, o reaproveitamento da água não é só uma iniciativa da população. A Cesan está fornecendo água de reúso, produzida nas estações de tratamento de esgoto (ETE) de Mulembá, Araçás e Bandeirantes, para as prefeituras e ao Corpo de Bombeiros, que utilizam essa água não potável para lavar ruas e calçadas, molhar parques, jardins e apagar incêndios, bem como pela própria Companhia na desobstrução de redes de esgoto. O próximo passo é fornecer a água de reúso às indústrias e, para isso, a Cesan está investindo em estudos para melhorar a qualidade deste recurso. O reúso é um caminho que não tem volta. Estamos investindo para que diante de uma crise hídrica como esta, nós possamos ter mais reservas de água potável para abastecer a população, diz Luiz Cláudio Rodrigues, gerente de Coleta e Tratamento de Esgoto da Cesan, que também aconselha a sociedade a armazenar e reusar a água pluvial - água da chuva - para fins secundários, como para lavar o quintal, irrigar jardins ou até utilizar no vaso sanitário. FOTO: WALLACE CAPUCHO Água de reúso O esgoto é 99% composto por água. No final do tratamento do esgoto resta um líquido, chamado de efluente, que nada mais é do que a água sem matéria orgânica e desinfectada. Em geral, o efluente vai para um corpo hídrico (rio, lagoa, manguezal ou mar). Água de reúso é esse efluente sendo utilizado para outros fins que não seja o consumo humano, pois ela não é potável. Luiz Cláudio Rodrigues ressalta a importância do reúso para o momento de crise

5 5 Estudantes da rede estadual de ensino na Unidade Móvel de Educação Ambiental da Cesan, que fará parte do Poupe na Rede FOTO: Arquivo Cesan Cesan + Sedu Dentre as boas consequências da crise hídrica, destaca-se a criação do Poupe na Rede, programa da Secretaria de Estado da Educação, em parceria com a Cesan, que tem como objetivo propagar, no ambiente escolar, o uso racional e consciente da água. O projeto estará presente em 52 escolas de educação básica da Região Metropolitana de Vitória ainda neste ano e está sendo coordenado, na Companhia, pela divisão de Educação Ambiental da Gerência de Meio Ambiente. A partir de visitas à Estação de Tratamento de Água (ETA) de Carapina, a Cesan capacitará professores e pedagogos das escolas ao mostrar como é feito o tratamento da água e do esgoto, abordar a questão da importância da preservação ambiental e fornecer instruções de como evitar o desperdício da água. Nas visitas, que ocorrerão neste ano e em 2016, os docentes terão acesso à Unidade Móvel de Educação Ambiental da Companhia, que utiliza instrumentos tecnológicos e interativos para informar, dentre outros assuntos, sobre a preservação da água. A Cesan entende que a conscientização por meio das visitas é essencial para o projeto. Quando o professor vai à ETA, conhece o trabalho da Cesan, vê de perto como funciona o tratamento da água e como esse recurso chega à estação. Dessa forma, ele fica mais inteirado no assunto e passa a ter maior dimensão da importância do uso racional da água. Depois de mais consciente, ele volta para a sala de aula e passa aos alunos todas as informações com mais propriedade e clareza, afirma a analista de educação ambiental Luzia Grazziotti, que destaca a possibilidade dos professores de também agendar visitas escolares monitoradas às estações da Cesan e solicitar que a Unidade Móvel vá às escolas. O Poupe na Rede pretende reduzir o impacto da crise hídrica e também garantir que, no futuro, momentos como esse sejam menos prejudiciais e, até mesmo, evitados. Programas que envolvem o ambiente escolar são de extrema importância para conscientizar as crianças de que elas também são agentes transformadores do presente e do futuro. Nós queremos sensibilizar os docentes e a nova geração sobre a necessidade do saneamento para uma vida de qualidade e disseminar a importância da água, um recurso natural, finito e essencial para a sobrevivência de todos., diz Luzia. Nós queremos sensibilizar os docentes e a nova geração sobre a necessidade do saneamento para uma vida de qualidade e disseminar a importância da água. Luzia Graziotti analista de educação ambiental FOTO: Arquivo Cesan

6 6 FOTO: Arquivo Cesan O Rio Santa Maria sofre os impactos da falta de chuva Inversão de Prioridades FOTO: Arquivo AGERH Temos a necessidade de agir para que esta crise seja superada e, também, para que as próximas sejam mais moderadas. Robson Monteiro diretor de infraestrutura hídrica da AGERH Representantes da Cesan, da Agência Estadual de Recursos Hídricos (AGERH), da EDP Escelsa e do Comitê de Bacia Hidrográfica (CBH) do Rio Santa Maria da Vitória assinaram, em março, um protocolo de entendimento, que determina que esse grupo, nomeado Grupo de Assessoramento à Operação do Sistema Hidrológico do Rio Santa Maria da Vitória (GAO-SMV), irá monitorar o uso da água da hidrelétrica de Rio Bonito, anteriormente usada para produção de energia elétrica, prioritariamente para o abastecimento da população. Essa inversão de prioridades, com o intuito de beneficiar a população, é mais uma das medidas do Governo para o enfrentamento da crise hídrica. Segundo Robson Monteiro, diretor de infraestrutura hídrica da AGERH, tais medidas, como os Planos de Bacia dos rios Santa Maria, Jucu e Benevente a serem aprovados pelos CBHs são essenciais para que o Estado possa lidar com o atual cenário adverso. O Governo tem trocado experiências com a Agência Nacional de Águas (ANA) a fim de planejar ações de curto, médio e longo prazo que vão desde a conscientização da população até obras de infraestrutura para o trato da crise, que não é a primeira e nem será a última a atingir o Espírito Santo. Passamos por um colapso hídrico de menores proporções em 2007, e certamente passaremos por outros. Isso é algo cíclico, portanto temos a necessidade de agir para que esta crise seja superada e, também, para que as próximas sejam mais moderadas, explica Robson. A estação chuvosa acabou e não choveu. As expectativas para 2015 quanto à questão da seca não são nada animadoras. Mas várias lições foram e ainda serão aprendidas com essa experiência. É também uma oportunidade de colocar em prática inúmeras atitudes que estavam apenas no discurso e mudar de verdade.

7 NOTAS 7 ETE Camburi testa novo processo de tratamento de efluente Desde o mês de abril, a Cesan implantou um processo piloto de pós- -tratamento do efluente da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) de Camburi. O pós-tratamento acontece por meio da técnica de flotação por ar dissolvido (FAD) e visa à produção de um efluente com qualidade superior para reúso em atividades que demandem água não potável. O Engenheiro Fernando Baptista, da Divisão de Operação de Esgoto (M-DOE), explica que o piloto é uma fase de teste. O objetivo principal deste piloto é a obtenção de um efluente com qualidade para reúso industrial. Caso o objetivo principal seja alcançado a Cesan poderá avaliar o potencial de reúso deste efluente, diz Fernando. A Cesan já concede o efluente das Estações de Tratamento de Esgoto para reúso. Desde janeiro deste ano, já foram disponibilizados mais de 500 mil litros de água de reuso para prefeituras, corpo de bombeiros, secretarias do estado, entidades públicas e privadas, destinadas para a irrigação de jardins, lavagem de ruas e desobstrução da drenagem pluvial. Empregado da O-GES encontra maneira simples de economizar água O empregado da Gerência de Engenharia de Serviços, João Ramos, identificou, por meio de pesquisas realizadas na internet, uma solução para economizar água nas descargas do tipo caixa acoplada. A ideia, logo colocada em ação, foi instalar uma garrafa PET de dois litros dentro da caixa da descarga, que ocupou uma boa parte do espaço e reduziu o volume de água. A caixa, que antes era preenchida com seis litros, passou a comportar quatro. O resultado foi uma economia de dois litros de água a cada acionamento. Para validar a simplicidade da ideia, foi feito um teste no Edifício Comercial Limoeiro instalando garrafas PET em 22 caixas acopladas. Levando em consideração o uso, em média, de cinco descargas por dia por cada pessoa, multiplicando por 117 usuários fixos do edifício, obteve-se uma estimativa de economia de 300 mil litros de água por ano. Coleta de produtos recicláveis para instituições de Vitória e Vila Velha No ano de 2014, a Gerência de Meio Ambiente (M-GMA) da Cesan recolheu quase nove toneladas de materiais recicláveis tetra pak, papel, vidro, papelão, plástico, jornal e tubo de PVC, pilhas e baterias, além de mais de 80 unidades de garrafas PET. O recolhimento é feito em unidades da Cesan de Vitória e de Serra, e os recipientes devem estar lavados, secos e com tampa. Essa ação de responsabilidade social, considerada de muita importância para os empregados da M-GMA, contribui para a preservação do meio ambiente e para a geração de renda de instituições de reciclagem. Uma delas é a Associação de Catadores de Materiais Recicláveis da Ilha de Vitória (Amariv), que recicla o tetra pak. Outra entidade que recebe os materiais, a União de Cegos Dom Pedro II (Unicep), utiliza as garrafas PET e as embalagens tetra pak para a produção de diversos objetos, como vassouras. Divisão Serrana e Divisão Sul promovem Encontros de Operadores de ETAs Em março, a Divisão Serrana realizou, em Santa Teresa, o tradicional Encontro de Operadores de Estações de Tratamento de Água (ETA) que acontece a cada seis meses. Foram discutidas a qualidade da água distribuída, propostas de melhorias nas ETAs e feitas atualizações sobre novas tecnologias. Ao final, um plano de atividades voltado para a manutenção e melhoria do tratamento de água foi elaborado. No mesmo mês, a Divisão Sul também promoveu, em Castelo, o Encontro de Operadores. Lá, o objetivo foi realizar um intercâmbio de informações e incentivar maior interação entre os operadores. Os participantes conheceram o fechamento do ano de 2014 e o planejamento para A ETA de Muqui foi premiada por apresentar o melhor Índice de Qualidade da Água (IQA) em 2014.

8 8 SERVIÇOS Dicas para economizar água Após a seca do último verão, o monitoramento indica que os níveis de vazão dos rios Doce, Jucu, Santa Maria da Vitória, Benevente, Jabuti e Conceição estão muito baixos, o que dificulta a captação da água para tratamento e distribuição. A Cesan está fazendo a sua parte para superar esse momento crítico e pretende usá-lo para criar uma cultura permanente de economia de água, uma nova consciência de que esse recurso é um bem finito cuja disponibilidade depende do uso adequado para consumo humano, industrial, na agricultura, entre outros. Veja ao lado algumas simples ações que, quando adotadas, fazem a diferença.

Serão distribuídos: Para os professores: Cinco módulos temáticos e um caderno de atividades. Para os alunos: um caderno de atividades.

Serão distribuídos: Para os professores: Cinco módulos temáticos e um caderno de atividades. Para os alunos: um caderno de atividades. professor Serão distribuídos: Para os professores: Cinco módulos temáticos e um caderno de atividades. Para os alunos: um caderno de atividades. Também serão produzidos, dentro de sala de aula, cartazes

Leia mais

Estiagem é tema de edição especial deste mês Instituições contam as medidas adotadas para atravessar o período de crise

Estiagem é tema de edição especial deste mês Instituições contam as medidas adotadas para atravessar o período de crise Estiagem é tema de edição especial deste mês Instituições contam as medidas adotadas para atravessar o período de crise O forte período de estiagem que assola a região é o tema desta edição especial do

Leia mais

Índice de 11,6% é maior do que 11,4% registrado no último dia de fevereiro. Outros 5 sistemas também subiram,mas São Paulo ainda vive crise hídrica.

Índice de 11,6% é maior do que 11,4% registrado no último dia de fevereiro. Outros 5 sistemas também subiram,mas São Paulo ainda vive crise hídrica. PROJETO ATUALIZAR 2015 TEMA SISTEMA CANTAREIRA DATA DE APLICAÇÃO 09 a 13/03/2015 PROFESSORES RESPONSÁVEIS Cristiane e Felipe 1. SUGESTÕES DE PONTOS QUE PODEM SER ABORDADOS 1.1. A importância da água 1.2.

Leia mais

Projeto de Conservação e Reuso de Água ELECTROLUX

Projeto de Conservação e Reuso de Água ELECTROLUX Projeto de Conservação e Reuso de Água ELECTROLUX São Carlos, 31 de Janeiro de 2011. PROJETO REUSO DE ÁGUA - ELECTROLUX 1. IDENTIFICAÇÃO DA EMPRESA Razão Social: Electrolux do Brasil S/A Unidade: São Carlos

Leia mais

UTILIZAÇÃO DA ÁGUA DE SISTEMAS DE AR CONDICIONADO VISANDO O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

UTILIZAÇÃO DA ÁGUA DE SISTEMAS DE AR CONDICIONADO VISANDO O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL 10º FÓRUM DE EXTENSÃO E CULTURA DA UEM UTILIZAÇÃO DA ÁGUA DE SISTEMAS DE AR CONDICIONADO VISANDO O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Thatiane Rodrigues Mota 1 Dyoni Matias de Oliveira 2 ; Paulo Inada 3 Desenvolvimento

Leia mais

REUTILIZAÇÃO DA ÁGUA DOS APARELHOS DE AR CONDICIONADO EM UMA ESCOLA DE ENSINO MÉDIO NO MUNICÍPIO DE UMUARAMA-PR

REUTILIZAÇÃO DA ÁGUA DOS APARELHOS DE AR CONDICIONADO EM UMA ESCOLA DE ENSINO MÉDIO NO MUNICÍPIO DE UMUARAMA-PR 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 REUTILIZAÇÃO DA ÁGUA DOS APARELHOS DE AR CONDICIONADO EM UMA ESCOLA DE ENSINO MÉDIO NO MUNICÍPIO DE UMUARAMA-PR Thatiane Rodrigues Mota 1 ; Dyoni Matias

Leia mais

Profa. Ana Luiza Veltri

Profa. Ana Luiza Veltri Profa. Ana Luiza Veltri EJA Educação de Jovens e Adultos Água de beber Como está distribuída a água no mundo? A Terra, assim como o corpo humano, é constituída por dois terços de água; Apenas 1% da quantidade

Leia mais

Coleta Seletiva : Desafios e Oportunidades

Coleta Seletiva : Desafios e Oportunidades Coleta Seletiva : Desafios e Oportunidades Experiências e estratégias para coleta e reciclagem de embalagens longa vida ABSTRACT O gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos é uma das questões ambientais

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE

INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE 12:43 Page 1 INSTRUÇÕES PARA A COLETA SELETIVA DO LIXO E DICAS DE CONSUMO CONSCIENTE Jardins é Page 2 LIXO UM PROBLEMA DE TODOS Reduzir a quantidade de lixo é um compromisso de todos. Uma pessoa é capaz

Leia mais

USO RACIONAL DA ÁGUA 2008

USO RACIONAL DA ÁGUA 2008 USO RACIONAL DA ÁGUA Tipos de Água: Água potável - é a que se pode beber. É fundamental para a vida humana, e é obtida através de tratamentos que eliminam qualquer impureza. Água poluída - É a água suja

Leia mais

GOVERNO MUNICIPAL DE SANTA MARIA DE JETIBÁ

GOVERNO MUNICIPAL DE SANTA MARIA DE JETIBÁ GOVERNO MUNICIPAL DE SANTA MARIA DE JETIBÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Santa Maria de Jetibá ES 2015 Somos responsáveis Por aquilo que fazemos e Por aquilo que impedimos de ser feito. Albert Camus

Leia mais

PESQUISA O USO E O CONSUMO DA ÁGUA NO ESTADO DE SÃO PAULO. www.cpdec.com.br

PESQUISA O USO E O CONSUMO DA ÁGUA NO ESTADO DE SÃO PAULO. www.cpdec.com.br PESQUISA O USO E O CONSUMO DA ÁGUA NO ESTADO DE SÃO PAULO Introdução A pesquisa O Uso e o Consumo da Água no Estado de São Paulo foi desenvolvida pelo, em parceria com o NEIT (Núcleo de Economia Industrial

Leia mais

Carta Regional dos Municípios de Itaguaí, Mangaratiba, Seropédica e Rio de Janeiro.

Carta Regional dos Municípios de Itaguaí, Mangaratiba, Seropédica e Rio de Janeiro. Carta Regional dos Municípios de Itaguaí, Mangaratiba, Seropédica e Rio de Janeiro. Nós, membros do poder público, usuários e sociedade civil organizada, estudantes e profissionais da educação, reunidos

Leia mais

REDUÇÃO DE DESPERDÍCIO DE RECURSOS NATURAIS

REDUÇÃO DE DESPERDÍCIO DE RECURSOS NATURAIS CONSUMO CONSCIENTE REDUÇÃO DE DESPERDÍCIO DE RECURSOS NATURAIS ÁGUA ENERGIA INSUMOS Desenvolvimento Sustentável A ÁGUA NOSSO BEM MAIS PRECIOSO Distribuição de toda água doce 1,8 % 0,96 % 0,02 % 0,001 %

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E GESTÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E GESTÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS EDUCAÇÃO AMBIENTAL E GESTÃO DOS RECURSOS HÍDRICOS EDUCANDO PARA UM AMBIENTE MELHOR Apresentação A Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos do Rio Grande do Norte SEMARH produziu esta

Leia mais

8- O que você poderia fazer para contribuir com a preservação desse recurso (água)?

8- O que você poderia fazer para contribuir com a preservação desse recurso (água)? Resultado da Enquete Resposta aberta 8- O que você poderia fazer para contribuir com a preservação desse recurso (água)? Reduzir o tempo do banho. Reaproveitar mais a água que utilizo em casa, evitar desperdícios,

Leia mais

COPASA COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS

COPASA COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS Apresentação A Companhia de Saneamento de Minas Gerais, COPASA, criada em 1963, é uma empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Regional e Política

Leia mais

Projeto do Vereador Paulo Salamuni. Idealização Professor Luiz Campestrini

Projeto do Vereador Paulo Salamuni. Idealização Professor Luiz Campestrini Programa de Reaproveitamento de Águas Projeto do Vereador Paulo Salamuni Idealização Professor Luiz Campestrini 1. Texto Base Programa de Reaproveitamento de Águas * Paulo Salamuni A previsão referente

Leia mais

Destacando a importância do uso adequado dos recursos hídricos.

Destacando a importância do uso adequado dos recursos hídricos. Destacando a importância do uso adequado dos recursos hídricos. Leomir Silvestre e Rui Junior Captação, uso e reuso da água Vocês sabem como é feito o processo de captação de água? Captação, uso e reuso

Leia mais

Práticas Verdes Para Condomínios

Práticas Verdes Para Condomínios Guia de Práticas Verdes Para Condomínios A economia que faz bem para o seu bolso e para o meio ambiente Com o objetivo de incentivar e disseminar práticas sustentáveis em condomínios, o Secovi Rio criou

Leia mais

EDUCAÇÃO EM SAÚDE NO SUS BINGO DA ÁGUA

EDUCAÇÃO EM SAÚDE NO SUS BINGO DA ÁGUA EDUCAÇÃO EM SAÚDE NO SUS Desenvolver ações educativas e de mobilização social é disseminar informações visando o controle de doenças e agravos à saúde e fomentar nas pessoas o senso de responsabilidade

Leia mais

Copasa obtém resultados eficientes no tratamento de esgoto em Serro

Copasa obtém resultados eficientes no tratamento de esgoto em Serro Copasa obtém resultados eficientes no tratamento de esgoto em Serro Inaugurada há pouco mais de 3 anos, Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) garante melhorias na qualidade da água do córrego Lucas, que

Leia mais

Programa de Uso e Reuso da Água VEREADOR AURÉLIO

Programa de Uso e Reuso da Água VEREADOR AURÉLIO VEREADOR AURÉLIO Programa de Uso e Reuso da Água Lei 14.018/2005 (Projeto de Lei do vereador Aurélio Nomura): Institui o Programa Municipal de Conservação e Uso Racional da Água Conheça a lei, as medidas

Leia mais

PURAE Programa de Conservação e Uso Racional da Água nas Edificações. Vereador Derosso

PURAE Programa de Conservação e Uso Racional da Água nas Edificações. Vereador Derosso PURAE Programa de Conservação e Uso Racional da Água nas Edificações Vereador Derosso Desperdício de água potável Desperdício de água potável Desperdício de água potável Desperdício de água potável velpurae

Leia mais

Declaração: Os autores se submetem às condições estabelecidas pelo Regulamento para Apresentação dos Trabalhos Técnicos.

Declaração: Os autores se submetem às condições estabelecidas pelo Regulamento para Apresentação dos Trabalhos Técnicos. Título do Trabalho: Separe o Lixo que não é Lixo Autores: Edio Elói Frizzo - Atual Diretor Geral do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto SAMAE - de Caxias do Sul; - Secretário do Municipal do Meio

Leia mais

CARTILHA. INSTITUTO FEDERAL SÃO PAULO Campus Caraguatatuba. Uso Racional da Água nas Edificações

CARTILHA. INSTITUTO FEDERAL SÃO PAULO Campus Caraguatatuba. Uso Racional da Água nas Edificações CARTILHA INSTITUTO FEDERAL SÃO PAULO Campus Caraguatatuba Uso Racional da Água nas Edificações 1 Sobre a Cartilha Esta cartilha é parte integrante do projeto de extensão USO RACIONAL DA ÁGUA NAS EDIFICAÇÕES

Leia mais

ATITUDES QUE DEVES DE TOMAR: Economizar Reciclar e Reutilizar

ATITUDES QUE DEVES DE TOMAR: Economizar Reciclar e Reutilizar A Crise da Água ATITUDES QUE DEVES DE TOMAR: Economizar Reciclar e Reutilizar ÁGUA A água é um recurso natural que depende da maneira como o Homem a utiliza para ser renovável ou não. Quando se pensa que

Leia mais

AR-CONDICIONADO 8 H / DIA = 35,3% / MÊS

AR-CONDICIONADO 8 H / DIA = 35,3% / MÊS O Brasil vive uma crise hídrica e energética que está afetando a distribuição de ambos os recursos no país todo, em maior ou menor intensidade. O Estado de São Paulo, em especial a capital, vem sofrendo

Leia mais

CRISE HÍDRICA PLANO DE CONTINGÊNCIA EM SERVIÇOS DE SAÚDE

CRISE HÍDRICA PLANO DE CONTINGÊNCIA EM SERVIÇOS DE SAÚDE CRISE HÍDRICA PLANO DE CONTINGÊNCIA EM SERVIÇOS DE SAÚDE 14/03/2014 Jonas Age Saide Schwartzman Eng. Ambiental Instituições Afiliadas SPDM SPDM Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina OSS

Leia mais

PRÊMIO. Identificação da Empresa: Viação Águia Branca S/A. Identificação da Experiência: Preservar é Reduzir, Reutilizar e Reciclar

PRÊMIO. Identificação da Empresa: Viação Águia Branca S/A. Identificação da Experiência: Preservar é Reduzir, Reutilizar e Reciclar PRÊMIO 2012 Identificação da Empresa: Viação Águia Branca S/A Identificação da Experiência: Preservar é Reduzir, Reutilizar e Reciclar Data ou Período de Aplicação da Experiência: 2011 e 2012 Categoria

Leia mais

é lei Agora Política Nacional de Resíduos Sólidos poder público, empresas, catadores e população Novos desafios para

é lei Agora Política Nacional de Resíduos Sólidos poder público, empresas, catadores e população Novos desafios para Política Nacional de Resíduos Sólidos Agora é lei Novos desafios para poder público, empresas, catadores e população Marco histórico da gestão ambiental no Brasil, a lei que estabelece a Política Nacional

Leia mais

São José dos Campos e a Política Nacional de Resíduos Sólidos

São José dos Campos e a Política Nacional de Resíduos Sólidos São José dos Campos e a Política Nacional de Resíduos Sólidos Gestão Integrada dos Resíduos Sólidos Este sistema garante tratamento e destino adequado aos resíduos gerados na cidade, de modo que eles não

Leia mais

Prof. Paulo Medeiros

Prof. Paulo Medeiros Prof. Paulo Medeiros Em 2010 entrou em vigor no Brasil a lei dos Resíduos Sólidos. Seu objetivo principal é diminuir a destinação incorreta de resíduos ao meio ambiente. Ela define que todas as indústrias,

Leia mais

Nota técnica Março/2014

Nota técnica Março/2014 Nota técnica Março/2014 Sistemas de Saneamento no Brasil - Desafios do Século XXI João Sergio Cordeiro O Brasil, no final do ano de 2013, possuía população de mais de 200 milhões de habitantes distribuídos

Leia mais

A Importância da reciclagem

A Importância da reciclagem Texto 1 A Importância da reciclagem Vanessa Minuzzi Bidinoto Reciclar é economizar energia, poupar recursos naturais e trazer de volta ao ciclo produtivo o que jogamos fora. Para compreendermos a reciclagem

Leia mais

O que é saneamento básico?

O que é saneamento básico? O que é saneamento básico? Primeiramente, começaremos entendendo o real significado de saneamento. A palavra saneamento deriva do verbo sanear, que significa higienizar, limpar e tornar habitável. Portanto,

Leia mais

Oi amigos. A maioria de vocês já me conhece, eu sou o Kiko, o amigo do futuro, e vou apresentar a vocês o Tibum, que é o amigo da água.

Oi amigos. A maioria de vocês já me conhece, eu sou o Kiko, o amigo do futuro, e vou apresentar a vocês o Tibum, que é o amigo da água. Oi amigos. A maioria de vocês já me conhece, eu sou o Kiko, o amigo do futuro, e vou apresentar a vocês o Tibum, que é o amigo da água. 01 Água no corpo humano: cérebro 75% sangue 81% músculos 75% coração

Leia mais

PLANO DE SANEAMENTO AMBIENTAL

PLANO DE SANEAMENTO AMBIENTAL PLANO DE SANEAMENTO AMBIENTAL Município de Dois Irmãos Município de Dois Irmãos RS- RS Agosto, 2012 Agosto, 2012 Oficina Jogos Cooperativos: Bairro São João 02/06/2012 02/06/201 REFLEXÃO ABRANGÊNCIA RESÍDUOS

Leia mais

Neam Sul - Núcleo de Educação Ambiental Sul

Neam Sul - Núcleo de Educação Ambiental Sul Seminário Socioambiental Água Fonte de Vida PURA Programa de Uso Racional da Água Unidade de Negócio Sul Sabesp Neam Sul - Núcleo de Educação Ambiental Sul Panorama Mundial - Escassez A SOBREVIVÊNCIA DA

Leia mais

Programa de Eficiência Energética AUDIÊNCIA PÚBLICA

Programa de Eficiência Energética AUDIÊNCIA PÚBLICA Programa de Eficiência Energética AUDIÊNCIA PÚBLICA A Espírito Santo Centrais Elétricas SA, em conformidade com seu Contrato de Concessão de Distribuição, n 001/05 ANEEL e o que dispõe a Lei nº 9.991 de

Leia mais

Segurança, Meio Ambiente e Saúde QHSE

Segurança, Meio Ambiente e Saúde QHSE Segurança, Meio Ambiente e Saúde QHSE Preservação e Conservação A preservação é o esforço para proteger um ecossistema e evitar que ele seja modificado. Depende também da presença e ação do homem sobre

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 (Do Sr. Geraldo Resende) Estabelece a Política Nacional de Captação, Armazenamento e Aproveitamento de Águas Pluviais e define normas gerais para sua promoção. O Congresso Nacional

Leia mais

REÚSO DE ÁGUA CINZA EM BACIAS SANITÁRIAS. Palavras-chave: Reúso, Água cinza, Bacias sanitárias, Recursos hídricos.

REÚSO DE ÁGUA CINZA EM BACIAS SANITÁRIAS. Palavras-chave: Reúso, Água cinza, Bacias sanitárias, Recursos hídricos. REÚSO DE ÁGUA CINZA EM BACIAS SANITÁRIAS Gilsâmara Alves Conceição 1 João José Cerqueira Porto 2 1 Universidade Federal da Bahia, Escola Politécnica. Av. Cardeal da Silva, 132, Federação, 40210-630. Salvador-BA,

Leia mais

Esplanada sem desperdício: preservando o meio ambiente.

Esplanada sem desperdício: preservando o meio ambiente. Implementar ações voltadas ao uso racional de recursos sustentabilidade naturais para promover a ambiental e socioeconômica na Administração Pública Federal. A Esplanada terá metas de racionalização do

Leia mais

PLANO DE PATROCÍNIO EVENTO REGIONAL VICE-PRESIDÊNCIA COMERCIAL

PLANO DE PATROCÍNIO EVENTO REGIONAL VICE-PRESIDÊNCIA COMERCIAL PLANO DE PATROCÍNIO EVENTO REGIONAL VICE-PRESIDÊNCIA COMERCIAL Dir. Nac. de Marketing Jun/13 APRESENTAÇÃO Sustentabilidade é um projeto que visa conscientizar a população a preservar o meio ambiente, buscando

Leia mais

FACCAMP - FACULDADE DE CAMPO LIMPO PAULISTA CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA Campo Limpo Paulista - Maio 2013

FACCAMP - FACULDADE DE CAMPO LIMPO PAULISTA CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA Campo Limpo Paulista - Maio 2013 FACCAMP - FACULDADE DE CAMPO LIMPO PAULISTA CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA Campo Limpo Paulista - Maio 2013 DISCIPLINA - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL Integrantes: Adriano de Oliveira RA: 14759 Karina

Leia mais

Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí

Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí O que é? O Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí é uma associação de direito privado, sem

Leia mais

Deivid Oliveira Analista Ambiental

Deivid Oliveira Analista Ambiental Deivid Oliveira Analista Ambiental Gestão da água e efluentes e alternativas de reuso Escassez Hídrica - Impacto na indústria O impacto sobre o setor possui uma abrangência ampla considerando o porte,

Leia mais

Água. Material de Apoio - Água

Água. Material de Apoio - Água Água Material de Apoio Programa Escola Amiga da Terra Mapa Verde Realização: Instituto Brookfield Assessoria: Práxis Consultoria Socioambiental Este material foi utilizado pelos educadores participantes

Leia mais

Estado de Minas online 01/03/2014 Chuvas ficam abaixo da média em fevereiro e cresce risco de racionamento

Estado de Minas online 01/03/2014 Chuvas ficam abaixo da média em fevereiro e cresce risco de racionamento Estado de Minas online 01/03/2014 Chuvas ficam abaixo da média em fevereiro e cresce risco de racionamento http://www.em.com.br/app/noticia/economia/2014/03/01/internas_economia,503426/cresce-o-riscode-racionamento.shtml

Leia mais

CARTA DAS ÁGUAS DO ACRE 2015

CARTA DAS ÁGUAS DO ACRE 2015 CARTA DAS ÁGUAS DO ACRE 2015 A Carta das Águas do Acre 2015 é o documento resultado do Seminário Água e Desenvolvimento Sustentável realizado pelo Governo do Estado do Acre, através da Secretaria de Estado

Leia mais

Proposta de Água de Reúso ETE Insular

Proposta de Água de Reúso ETE Insular Proposta de Água de Reúso ETE Insular Setor Operacional de Esgoto SEOPE / AFLS Gerência de Políticas Operacionais GPO Gerência de Meio Ambiente - GMA Setor de Qualidade de Água e Esgoto /Gerência Operacional

Leia mais

META DE CURTO PRAZO: chegar em abril de 2015 em situação segura para enfrentar mais um período de estiagem.

META DE CURTO PRAZO: chegar em abril de 2015 em situação segura para enfrentar mais um período de estiagem. Aliança pela Água de São Paulo São Paulo vive a maior crise hídrica da sua história. Mais de 60 municípios enfrentam a falta de água e o racionamento já atinge milhões de pessoas. Reservatórios e rios

Leia mais

LEGISLAÇÃO SOBRE USO RACIONAL DA ÁGUA

LEGISLAÇÃO SOBRE USO RACIONAL DA ÁGUA LEGISLAÇÃO SOBRE USO RACIONAL DA ÁGUA LEGISLAÇÃO SOBRE USO RACIONAL DA ÁGUA MARÇO 2004 SUMÁRIO 1. L EI COMPLEMENTAR Nº 110/2003 - MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO/RS...3 2. L EI Nº 5935/2002 - MUNICÍPIO DE BLUMENAL/SC...4

Leia mais

LOGÍSTICA REVERSA ACITSIGOL ASREVER

LOGÍSTICA REVERSA ACITSIGOL ASREVER Conceito LOGÍSTICA REVERSA ACITSIGOL ASREVER É uma área da logística que atua de forma a gerenciar e operacionalizar o retorno de bens e materiais, após sua venda e consumo, às suas origens, agregando

Leia mais

Moda em SP, reúso de água é praxe na indústria

Moda em SP, reúso de água é praxe na indústria Moda em SP, reúso de água é praxe na indústria - Dotadas de poderosas estações de tratamento, montadoras chegam a recuperar 99% da água usada no processo produtivo Incomodada com a recente crise de abastecimento

Leia mais

8ª Edição do Prêmio Prefeito Empreendedor

8ª Edição do Prêmio Prefeito Empreendedor 8ª Edição do Prêmio Prefeito Empreendedor Projeto nº: 1. 293050/2013 Município: UF: Prefeito: Serrinha BA Orçamento total da Prefeitura: R$ 58.680,00 Qtd. Emp. Form.ME, EPP. EI: Estimativa de Emp. Informais:

Leia mais

S O C I O A M B I E N TA L

S O C I O A M B I E N TA L Apresentação Todas as ações desenvolvidas pelo Banrisul estão comprometidas em preservar o meio ambiente, seja no momento de realizar um contrato de financiamento agrícola, investimento em projeto, seja

Leia mais

Município: São Pedro do Ivaí e-mail: nilsonmarquedeoliveira@seed.pr.gov.br Fone: (43) 3451 1241

Município: São Pedro do Ivaí e-mail: nilsonmarquedeoliveira@seed.pr.gov.br Fone: (43) 3451 1241 NRE: Ivaiporã Nome do Professor: Nilson Marques de Oliveira Município: São Pedro do Ivaí e-mail: nilsonmarquedeoliveira@seed.pr.gov.br Fone: (43) 3451 1241 Escola: Escola Estadual Vicente Machado Ensino

Leia mais

Informativo Eletrônico do Comitê das Bacias Hidrográficas dos Rios Guandu, da Guarda e Guandu-Mirim

Informativo Eletrônico do Comitê das Bacias Hidrográficas dos Rios Guandu, da Guarda e Guandu-Mirim BOLETIM DIGITAL Edição 5 - Julho 2014 Informativo Eletrônico do Comitê das Bacias Hidrográficas dos Rios Guandu, da Guarda e Guandu-Mirim Estresse hídrico na Bacia do Paraíba do Sul preocupa Comitê Foto:

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA. Águas no Brasil: A Visão dos Brasileiros

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA. Águas no Brasil: A Visão dos Brasileiros PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA Águas no Brasil: A Visão dos Brasileiros O que o brasileiro pensa sobre a conservação e o uso da água no Brasil METODOLOGIA OBJETIVO Levantar informações para subsidiar o planejamento

Leia mais

Projeto SeparAção INTRODUÇÃO OBJETIVO GERAL Objetivos específicos

Projeto SeparAção INTRODUÇÃO OBJETIVO GERAL Objetivos específicos Projeto SeparAção INTRODUÇÃO Há muito tempo o homem vem utilizando os recursos naturais que ele encontra em seu habitat e a cada ano que passa, novas formas de uso são descobertas. O maior problema dessa

Leia mais

Núcleo União Pró-Tietê. Água : O ouro azul do planeta

Núcleo União Pró-Tietê. Água : O ouro azul do planeta Núcleo União Pró-Tietê Água : O ouro azul do planeta Água A água é um mineral, elemento químico simples (H 2 O) fundamental para o planeta. Forma oceanos, geleiras, lagos e rios. Cobre ¾ da superfície

Leia mais

Curso: Panorama dos Recursos Hídricos no Mundo e no Brasil

Curso: Panorama dos Recursos Hídricos no Mundo e no Brasil Curso: Panorama dos Recursos Hídricos no Mundo e no Brasil Aula: A água em números Alexandre Resende Tofeti Brasília - DF 23 de Agosto de 2013 CFI Dados sobre a Água no Mundo e na América do Sul Reservas

Leia mais

As Lições da Crise Hídrica na Região Metropolitana de São Paulo João Alberto Viol

As Lições da Crise Hídrica na Região Metropolitana de São Paulo João Alberto Viol As Lições da Crise Hídrica na Região Metropolitana de São Paulo João Alberto Viol Vice Presidente de Gestão e Assuntos Institucionais Resumo Planejamento das atividades de Infraestrutura de Saneamento

Leia mais

Uso Sustentável e Conservação de Água na Indústria de Bebidas AmBev Filial Jaguariúna

Uso Sustentável e Conservação de Água na Indústria de Bebidas AmBev Filial Jaguariúna Uso Sustentável e Conservação de Água na Indústria de Bebidas AmBev Filial Jaguariúna Miguel Borduque (1) Geólogo - cgmbo@ambev.com.br (12) 3954-3343 Fax + 55 (019) 3954 3286 Marcio Roberto Maran (2) Gerente

Leia mais

AJUDE a salvar O PLANETA. Feche a TORNEIRA do desperdício.

AJUDE a salvar O PLANETA. Feche a TORNEIRA do desperdício. AJUDE a salvar O PLANETA. Feche a TORNEIRA do desperdício. O que é a água? A água é um elemento essencial para a existência de vida no planeta, com papel fundamental nas funções biológicas de animais e

Leia mais

Banco de Boas Práticas Ambientais: Cases de. Antônio Malard FEAM 09/06/2015

Banco de Boas Práticas Ambientais: Cases de. Antônio Malard FEAM 09/06/2015 Banco de Boas Práticas Ambientais: Cases de Reuso de Água Antônio Malard FEAM 09/06/2015 Sumário Legislações de Reuso; Consumo de Água na Indústria; Experiências de Sucesso: Banco de Boas Práticas Ambientais;

Leia mais

Programa de Educação Ambiental

Programa de Educação Ambiental Programa de Educação Ambiental Programa Saber Faz Bem Sensibilizar professores e alunos de escolas municipais, estaduais e particulares, e moradores bairros periféricos sobre a necessidade da preservação

Leia mais

Water resources management and metering regulation A gestão de recursos hídricos e a regulação da medição de água Gisela Forattini

Water resources management and metering regulation A gestão de recursos hídricos e a regulação da medição de água Gisela Forattini Water resources management and metering regulation A gestão de recursos hídricos e a regulação da medição de água Gisela Forattini A Gestão de Recursos Hídricos H e a Regulação da Medição de Água Situação

Leia mais

FRANQUIA O BOTICÁRIO TRÊS RIOS (RJ) RESPEITO AO MEIO AMBIENTE

FRANQUIA O BOTICÁRIO TRÊS RIOS (RJ) RESPEITO AO MEIO AMBIENTE FRANQUIA O BOTICÁRIO TRÊS RIOS (RJ) RESPEITO AO MEIO AMBIENTE RESUMO Numa sociedade cada vez mais consciente, a proteção ao meio ambiente passa a ser objetivo de atenção de franquias com um posicionamento

Leia mais

PALESTRA Tecnologias e processos inovadores no abastecimento de água em comunidades isoladas SEMINÁRIO

PALESTRA Tecnologias e processos inovadores no abastecimento de água em comunidades isoladas SEMINÁRIO PALESTRA Tecnologias e processos inovadores no abastecimento de água em comunidades isoladas Daniel Kuchida SEMINÁRIO Segurança da Água para Consumo Humano. Como moldar o futuro da água para as partes

Leia mais

Gestão da Demanda de Água Através de Convênios e Parcerias com o Governo do Estado de São Paulo e Prefeitura da Cidade de São Paulo SABESP

Gestão da Demanda de Água Através de Convênios e Parcerias com o Governo do Estado de São Paulo e Prefeitura da Cidade de São Paulo SABESP Gestão da Demanda de Água Através de Convênios e Parcerias com o Governo do Estado de São Paulo e Prefeitura da Cidade de São Paulo SABESP R. R. Chahin a a. Companhia de Saneamento Básico do Estado de

Leia mais

Anexo 5.1.9 4 Layouts e textos das peças de comunicação das obras de saneamento em Altamira

Anexo 5.1.9 4 Layouts e textos das peças de comunicação das obras de saneamento em Altamira 4 RELATÓRIO CONSOLIDADO DE ANDAMENTO DO PBA E DO ATENDIMENTO DE CONDICIONANTES CAPÍTULO 2 ANDAMENTO DO PROJETO BÁSICO AMBIENTAL Anexo 5.1.9 4 Layouts e textos das peças de comunicação das obras de saneamento

Leia mais

EcoFiltro. Plano de Negócios

EcoFiltro. Plano de Negócios EcoFiltro Plano de Negócios EcoFiltro Perfil dos Executivos O Problema: Água contaminada e Lixo O Contexto no Brasil: Água e Lixo A Solução Custo e Viabilização Estratégia de Distribuição Escopo do Projeto

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL. Secretaria de Planejamento e Habitação Departamento de Meio Ambiente Secretaria de Educação, Cultura e Desporto.

PREFEITURA MUNICIPAL. Secretaria de Planejamento e Habitação Departamento de Meio Ambiente Secretaria de Educação, Cultura e Desporto. PREFEITURA MUNICIPAL Secretaria de Planejamento e Habitação Departamento de Meio Ambiente Secretaria de Educação, Cultura e Desporto Julho - 2012 ABRANGÊNCIA RESÍDUOS SÓLIDOS ESGOTAMENTO SANITÁRIO ABASTECIMENTO

Leia mais

AÇÕES IMPLEMENTADAS PARA O REUSO DE ÁGUA NA FÁBRICA PALESTRANTE: JOÃO HENRIQUE TEIXEIRA CAMACHO

AÇÕES IMPLEMENTADAS PARA O REUSO DE ÁGUA NA FÁBRICA PALESTRANTE: JOÃO HENRIQUE TEIXEIRA CAMACHO AÇÕES IMPLEMENTADAS PARA O REUSO DE ÁGUA NA FÁBRICA PALESTRANTE: JOÃO HENRIQUE TEIXEIRA CAMACHO . . A SITUAÇÃO DA ÁGUA NO BRASIL. O Brasil detém 11,6% da água doce superficial do mundo. Os 70 % da água

Leia mais

TÍTULO: REUSO DA ÁGUA: UM MANEIRA VIÁVEL

TÍTULO: REUSO DA ÁGUA: UM MANEIRA VIÁVEL TÍTULO: REUSO DA ÁGUA: UM MANEIRA VIÁVEL ANANIAS DE PAULA LIMA NETO (UNIFOR) ananiasneto1@hotmail.com Ulisses Moreira de Lima (FA7) ulisses-ml@hotmail.com A água sendo um elemento natural limitado e essencial

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2012 (Do Sr. Laércio Oliveira)

PROJETO DE LEI Nº, DE 2012 (Do Sr. Laércio Oliveira) PROJETO DE LEI Nº, DE 2012 (Do Sr. Laércio Oliveira) Institui o Programa Nacional de Conservação, Uso Racional e Reaproveitamento das Águas. O Congresso Nacional decreta: Art. 1º A presente lei tem por

Leia mais

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL UNITAU - Universidade de Taubaté CBH-PS Comitê de Bacias Hidrográficas do Rio Paraíba do Sul Trabalho realizado

Leia mais

Escola de Ensino Fundamental João Paulo II Serra, ES Diretora : Ana Maria Quinelato Professora responsável: Luciane Rosário Sampaio Frizzera

Escola de Ensino Fundamental João Paulo II Serra, ES Diretora : Ana Maria Quinelato Professora responsável: Luciane Rosário Sampaio Frizzera Escola de Ensino Fundamental João Paulo II Serra, ES Diretora : Ana Maria Quinelato Professora responsável: Luciane Rosário Sampaio Frizzera A Comunidade de Jardim Carapina O bairro Jardim Carapina localiza-se

Leia mais

ÁGUA QUE BRILHA E ILUMINA A VIDA Aos Educadores:

ÁGUA QUE BRILHA E ILUMINA A VIDA Aos Educadores: ÁGUA QUE BRILHA E ILUMINA A VIDA Aos Educadores: A consciência ecológica levanta-nos um problema de profundidade e vastidão extraordinárias. Temos que defrontar ao mesmo tempo o problema da Vida na Terra,

Leia mais

Desperdício energético gera prejuízo de R$ 12,64 bilhões

Desperdício energético gera prejuízo de R$ 12,64 bilhões Cliente: Trade Energy Veículo: Jornal do Comércio (RS) Assunto: Desperdício energético gera prejuízo Data: 23/02/2015 Desperdício energético gera prejuízo de R$ 12,64 bilhões Mudanças no padrão de consumo

Leia mais

MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE

MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE Sustentabilidade significa permanecer vivo. Somos mais de 7 bilhões de habitantes e chegaremos a 9 bilhões em 2050, segundo a ONU. O ambiente tem limites e é preciso fazer

Leia mais

Desafios e perspectivas do reuso de esgotos sanitários em áreas urbanas: O projeto da ETE Penha - CEDAE. Edição 26/03/08

Desafios e perspectivas do reuso de esgotos sanitários em áreas urbanas: O projeto da ETE Penha - CEDAE. Edição 26/03/08 Desafios e perspectivas do reuso de esgotos sanitários em áreas urbanas: O projeto da ETE Penha - CEDAE Edição 26/03/08 1 Desafios e perspectivas do reuso de esgotos sanitários em áreas urbanas: O projeto

Leia mais

Conteúdo: A água. O ciclo da água. Estados físicos da água. Tecnologia de tratamento. Combate ao desperdício. CIÊNCIAS DA NATUREZA

Conteúdo: A água. O ciclo da água. Estados físicos da água. Tecnologia de tratamento. Combate ao desperdício. CIÊNCIAS DA NATUREZA 2 Conteúdo: A água. O ciclo da água. Estados físicos da água. Tecnologia de tratamento. Combate ao desperdício. 3 Habilidades: Refletir sobre a importância da água para o Planeta Terra, para a vida e o

Leia mais

Projeto de Incentivo à Reciclagem

Projeto de Incentivo à Reciclagem Projeto de Incentivo à Reciclagem Boas Práticas em Meio Ambiente Apresentação: O objetivo do seguinte projeto tem a finalidade de auxiliar a implementação da Coleta Seletiva e posteriormente envio para

Leia mais

A Água na Indústria de Alimentos: uso, reuso e suas implicações ambientais

A Água na Indústria de Alimentos: uso, reuso e suas implicações ambientais A Água na Indústria de Alimentos: uso, reuso e suas implicações ambientais i 20/07/2007 José Luiz Silvério da Silva CCNE Djalma Dias da Silveira - CT Introdução Água é essencial: Sua ausência impossibilita

Leia mais

Consumo Consciente Energia Elétrica

Consumo Consciente Energia Elétrica Consumo Consciente Energia Elétrica Agosto 2010 Planeta SUSTENTABILIDADE NO CONSUMO Incentivo ao consumo responsável e consciente IMPORTÂNCIA DA ENERGIA PARA O GRUPO Compra energia elétrica de 23 concessionárias

Leia mais

USO RACIONAL DA ÁGUA NA AGRICULTURA

USO RACIONAL DA ÁGUA NA AGRICULTURA ASGAM Assessoria de Gestão Ambiental Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos COGERH USO RACIONAL DA ÁGUA NA AGRICULTURA Marcos Dantas Gestão Ambiental Pós-graduando em Biodiversidade e Sustentabilidade

Leia mais

Uma visão sistêmica para conservação de água no ambiente construído

Uma visão sistêmica para conservação de água no ambiente construído Uma visão sistêmica para conservação de água no ambiente construído Profa. Dra. Marina S. de Oliveira Ilha FEC/UNICAMP Marina Ilha SBCS08 1 Distribuição da água doce superficial MUNDO CONT. AMERICANO Nordeste

Leia mais

Luigi - 1º ano A. A família Pimentel é consciente da necessidade da preservação do meio ambiente, contribuímos com pequenos atos como:

Luigi - 1º ano A. A família Pimentel é consciente da necessidade da preservação do meio ambiente, contribuímos com pequenos atos como: Luigi - 1º ano A A família Pimentel é consciente da necessidade da preservação do meio ambiente, contribuímos com pequenos atos como: Coleta seletiva, economia de água (banhos mais curtos, fechar a torneira

Leia mais

A Sabesp STATUS: Fundada em 1973 como sociedade de (Governo do Estado de São Paulo, acionistas privados e municípios) ATRIBUIÇÕES:

A Sabesp STATUS: Fundada em 1973 como sociedade de (Governo do Estado de São Paulo, acionistas privados e municípios) ATRIBUIÇÕES: Novembro/2007 A Sabesp STATUS: Fundada em 1973 como sociedade de participação acionária (Governo do Estado de São Paulo, acionistas privados e municípios) ATRIBUIÇÕES: PATRIMÔNIO LÍQUIDO: L EMPREGADOS:

Leia mais

SANEAMENTO BÁSICO Água Esgoto

SANEAMENTO BÁSICO Água Esgoto SANEAMENTO BÁSICO Água Esgoto Direitos e Deveres do Usuário Publicado e distribuído pela: Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio de Janeiro Rio de Janeiro - RJ 2014 MENSAGEM

Leia mais

MELHORIAS SANITÁRIAS E SEUS USOS EM COMUNIDADES NO ESTADO DA BAHIA

MELHORIAS SANITÁRIAS E SEUS USOS EM COMUNIDADES NO ESTADO DA BAHIA MELHORIAS SANITÁRIAS E SEUS USOS EM COMUNIDADES NO ESTADO DA BAHIA Silvio Roberto Magalhães Orrico Jennifer Conceição Carvalho Teixeira de Matos Ricardo Silveira Bernardes Patrícia Campos Borja Cristiane

Leia mais

Gestão Integrada de Águas Urbanas

Gestão Integrada de Águas Urbanas Gestão Integrada de Águas Urbanas Prof. Carlos E. M. Tucci Consultor do Banco Mundial São Paulo 4 a 6 de dezembro de 2012 1 Impactos Aumento da magnitude das vazões e da frequência de inundações; Aumento

Leia mais

Consumo Consciente. Faz bem para você, para a sociedade e para o planeta

Consumo Consciente. Faz bem para você, para a sociedade e para o planeta Consumo Consciente Faz bem para você, para a sociedade e para o planeta Uma mudança do bem Para nós da Rossi, o consumo consciente é algo vital para a sustentabilidade da sociedade e para o futuro do nosso

Leia mais

Reciclando o saber nos 20 anos da Semana da Água - VINHEDO

Reciclando o saber nos 20 anos da Semana da Água - VINHEDO Reciclando o saber nos 20 anos da Semana da Água - VINHEDO II Seminário Regional Semana da Água Média Bacia - Consórcio PCJ Indaiatuba, 23 de abril de 2014. E.M. Professor Claudio Gomes. 1 20 anos de Semana

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA TECNÓLOGO EM MECATRÔNICA INDUSTRIAL CRISE HÍDRICA NO ESTADO DE SÃO PAULO

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA TECNÓLOGO EM MECATRÔNICA INDUSTRIAL CRISE HÍDRICA NO ESTADO DE SÃO PAULO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA TECNÓLOGO EM MECATRÔNICA INDUSTRIAL CRISE HÍDRICA NO ESTADO DE SÃO PAULO Por: Bruno Soares da Silva Professor: José Carlos Martins

Leia mais

1. Introdução. 3 gutembergue.13@gmail.com; 4 gabriel12345681@hotmail.com; 5 carolinachiamulera10@gmail.com.

1. Introdução. 3 gutembergue.13@gmail.com; 4 gabriel12345681@hotmail.com; 5 carolinachiamulera10@gmail.com. Reaproveitamento da água efluente dos bebedouros pré-tratada em filtro alternativo: uma prática de educação ambiental na E.E.E.M. Severino Cabral na cidade de Campina Grande/PB Autor (s): Cibele Medeiros

Leia mais