1BTEL INTEGRADO - SALA D 304. Segunda Terça Quarta Quinta Sexta

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1BTEL INTEGRADO - SALA D 304. Segunda Terça Quarta Quinta Sexta"

Transcrição

1 1BTEL INTEGRADO - SALA D : : : : Fundamentos de Telecomunicações - Afranio Fundamentos de Telecomunicações - Afranio Eletrônica (Eduardo e JJ ) - Turma A e B Eletrônica (Eduardo e JJ ) - Turma A e B istória istória Filosofia Filosofia FisicaQuimica FisicaQuimica Sociologia Sociologia 2BTEL INTEGRADO - SALA : : : : ICC - JJ ICC - JJ SociologiaFilosofia SociologiaFilosofia Digital - Digital - Digital - FisicaQuimica FisicaQuimica istória istória 3BTEL INTEGRADO - SALA 1

2 13:40 14:30 15: : SociologiaFilosofia SociologiaFilosofia 26 Eduardo Eduardo LEST LEST istória istória 3BTEL CONVENIO - SALA : : :25 16: Eduardo Eduardo Excel - JJ 204 Excel - JJ 204 2

3 CTEL TURMA A PROGRAMA NOVO SALA 205 BOCETTI BOCETTI BOCETTI BOCETTI CASTANEIRA CASTANEIRA CASTANEIRA CASTANEIRA TELE - TELE - ST ( NR 10 ) - ST ( NR 10 ) - ELETRICIDADE ELETRICIDADE ELETRICIDADE ELETRICIDADE 1CTEL TURMA B PROGRAMA NOVO SALA ST ( NR 10 ) - ST ( NR 10 ) - CASTANEIRA CASTANEIRA CASTANEIRA CASTANEIRA BOCETTI BOCETTI BOCETTI BOCETTI 3

4 2CTEL PROGRAMA NOVO SALA 33 FUNDAMENTOS DE ELETRÔNICA LINEAR - - BET ELÉTRICA - ARTEIRO FUNDAMENTOS DE ELETRÔNICA LINEAR - - BET ELÉTRICA - ARTEIRO E SIMULADOR DE ELETRÔNICA - - BET LINAS DE TRANSMISSÃO E GUIAS DE ONDA - ARTEIRO E SIMULADOR DE ELETRÔNICA - - BET LINAS DE TRANSMISSÃO E GUIAS DE ONDA - ARTEIRO 3CTEL PROGRAMA NOVO REGULAMENTAÇÃO EM CASTANEIRA REGULAMENTAÇÃO EM CASTANEIRA RÁDIO 1 - PROPAGAÇÃO E ANTENAS - RÁDIO 1 - PROPAGAÇÃO E ANTENAS - TELEFONIA IP TELEFONIA IP TELEFONIA IP TELEFONIA IP JJ JJ JJ JJ 204 4

5 4CTEL- 200 ( NOVO ) RÁDIO 2 DIGITAL MONERAT RÁDIO 2 DIGITAL MONERAT COM.VIA SATÉLITE RODRIGO COM.VIA SATÉLITE RODRIGO TV TV TV TV DE ÓPTICAS DE ÓPTICAS DE ÓPTICAS DE ÓPTICAS 5

1ª ETAPA - TURMA E e F

1ª ETAPA - TURMA E e F Atualizado em: 20/05/2013 1/7 CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL I PF 3 CIÊNCIAS DO AMBIENTE PF 3 ÉTICA E CIDADANIA I PF 3 FÍSICA GERAL I PF 3 GEOMETRIA ANALITICA E VETORES PF 3 COMPUTAÇÃO, ALGORITMOS E PROGRAMAÇÃO

Leia mais

3ª ETAPA - TURMAS Y DIAS 24/09/12 25/09/12 26/09/12 27/09/12 28/09/12 01/10/12 02/10/12 03/10/12 04/10/12 05/10/12

3ª ETAPA - TURMAS Y DIAS 24/09/12 25/09/12 26/09/12 27/09/12 28/09/12 01/10/12 02/10/12 03/10/12 04/10/12 05/10/12 1ª ETAPA - TURMA E CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL I PAIE 3 CIÊNCIAS DO AMBIENTE PAIE 3 ÉTICA E CIDADANIA I PAIE 3 FÍSICA GERAL I PAIE 3 GEOMETR ANALITICA E VETORES PAIE 3 COMPUTAÇÃO, ALGORITMOS E PROGRAMAÇÃO

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DO TURNO NOTURNO PARA TURMAS A PARTIR DE JULHO DE 2013

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DO TURNO NOTURNO PARA TURMAS A PARTIR DE JULHO DE 2013 ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DO TURNO NOTURNO PARA TURMAS A PARTIR DE JULHO DE 2013 Curso de Bacharelado em Engenharia Elétrica Vagas no Vestibular: 40 (quarenta) regime semestral

Leia mais

Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico

Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico 4248 Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico 4249 Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico 4250 Documento

Leia mais

Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico

Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico 5305 Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico 4897 Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico 4898 Documento

Leia mais

Introdução aos Sistemas de Comunicação

Introdução aos Sistemas de Comunicação Introdução aos Sistemas de Comunicação Edmar José do Nascimento (Princípios de Comunicação) http://www.univasf.edu.br/ edmar.nascimento Universidade Federal do Vale do São Francisco Colegiado de Engenharia

Leia mais

Telecomunicações e Teleprocessamento

Telecomunicações e Teleprocessamento Telecomunicações e Teleprocessamento Telecomunicações Telecomunicações podem ser definidas como comunicações por meios eletrônicos, normalmente a grandes distâncias. Como veículos de transmissão podem

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.640, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.640, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.640, DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Bacharelado

Leia mais

Desenho Técnico (P2 - L) 32 h / 34 h . EAD - PUC MINAS VIRTUAL. Física Geral I. Física I (P1 - T) 64 h / 68 h (P2 - T) 60 h.

Desenho Técnico (P2 - L) 32 h / 34 h . EAD - PUC MINAS VIRTUAL. Física Geral I. Física I (P1 - T) 64 h / 68 h (P2 - T) 60 h. CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA - PUC CAMPUS POÇOS DE CALDAS INTEGRAÇÃO CURRICULAR TABELA DE EQUIVALÊNCIAS DE DISCIPLINAS 7301/7304 7302/7305/7308 7303 7306/7309 7307/7310 Desenho / 32 h Física I (P1 ) (T):

Leia mais

RDT Radiotransmissão

RDT Radiotransmissão MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CAMPUS SÃO JOSÉ SANTA CATARINA RDT Radiotransmissão Prof. Ramon Mayor Martins,

Leia mais

ESCOLA DE ENGENHARIA

ESCOLA DE ENGENHARIA COMPONENTES NA MODALIDADE SEMIPRESENCIAL DEPENDÊNCIA ON LINE Critérios: 1. A alunos a partir da 2ª etapa; 2. Até 2 Componentes por semestre; 3. tenham tido, no Componente, frequência mínima de 75%; 4.

Leia mais

competente e registro no Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA).

competente e registro no Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA). EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO (EBC) CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO EDITAL Nº 5 EBC, 26 DE JULHO DE 2011 A DIRETORA-PRESIDENTA

Leia mais

Considerações do Canal Saúde/Fiocruz sobre o Serviço de TV Digital da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa. - Maio 2005 -

Considerações do Canal Saúde/Fiocruz sobre o Serviço de TV Digital da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa. - Maio 2005 - Considerações do Canal Saúde/Fiocruz sobre o Serviço de TV Digital da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa - Maio 2005 - Breve histórico Implantação do servidor e do sistema de distribuição de vídeo na página

Leia mais

1º BIMESTRE PROJETO REDAÇÃO (PARA O ENSINO MÉDIO) 1 BIM: DISPONIBILIZAÇÃO DO 1 TEMA 23/02 / DISPONIBILIZAÇÃO DO 2 TEMA 27/03 VERIFICAÇÃO ESPECIAL (VE)

1º BIMESTRE PROJETO REDAÇÃO (PARA O ENSINO MÉDIO) 1 BIM: DISPONIBILIZAÇÃO DO 1 TEMA 23/02 / DISPONIBILIZAÇÃO DO 2 TEMA 27/03 VERIFICAÇÃO ESPECIAL (VE) 1º BIMESTRE PROJETO REDAÇÃO (PARA O ) 1 BIM: DISPONIBILIZAÇÃO DO 1 TEMA 23/02 / DISPONIBILIZAÇÃO DO 2 TEMA 27/03 VERIFICAÇÃO ESPECIAL (VE) CALENDÁRIO DE AVALIAÇÕES - 2015 E MÉDIO VE1 11/03 4ª Feira VE2

Leia mais

Curso de Formação de. Actualização de Projectista ITED 2 (175h) Curso de Formação de. Actualização de Projectista ITED 2 (175h)

Curso de Formação de. Actualização de Projectista ITED 2 (175h) Curso de Formação de. Actualização de Projectista ITED 2 (175h) Curso de Formação de O curso tem como objectivos específicos, dotar os participantes de conhecimentos que lhes permitam: Obter a RENOVAÇÃO da CERTIFICAÇÃO reconhecida pela ANACOM como técnico de projecto

Leia mais

Capítulo 3: A CAMADA FÍSICA

Capítulo 3: A CAMADA FÍSICA Capítulo 3: A CAMADA FÍSICA PCS 2476 Introdução - 1 Meios Físicos e Suas Características PCS 2476 Introdução - 2 Linhas Físicas Linhas Bifilares Par de fios Cabo de Pares Linha Aberta Linha de Alta Tensão

Leia mais

DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS EDITAL Nº 08/DGP-IFCE/2012 PROCESSO SELETIVO PARA REMOÇÃO DE SERVIDORES DOCENTES ENTRE OS CAMPI DO IFCE

DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS EDITAL Nº 08/DGP-IFCE/2012 PROCESSO SELETIVO PARA REMOÇÃO DE SERVIDORES DOCENTES ENTRE OS CAMPI DO IFCE DIRETORIA GESTÃO PESSOAS EDITAL Nº 08/DGP-IFCE/0 PROCESSO SELETIVO PARA REMOÇÃO SERVIDORES DOCENTES ENTRE OS CAMPI DO IFCE RETIFICAÇÃO Onde se lê: 4. A Comissão Organizadora examinará as informações do

Leia mais

Redes e Telecomunicações

Redes e Telecomunicações Redes e Telecomunicações Comunicação Processo pelo qual uma informação gerada num ponto (origem) é transferida para outro ponto (destino) Telecomunicações Telecomunicação do grego: tele = distância do

Leia mais

Composição. Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes

Composição. Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes Composição Estrutura Fisica Redes Sistemas Operacionais Topologias de redes Aterramento Fio de boa qualidade A fiação deve ser com aterramento neutro (fio Terra) trabalhando em tomadas tripolares Fio negativo,

Leia mais

2014.2 Horário Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Horário Sábado

2014.2 Horário Segunda-feira Terça-feira Quarta-feira Quinta-feira Sexta-feira Horário Sábado CURSO: REDES DE COMPUTADORES Turma 1º (-ALUNOS) 18:00 as 07:00 as 08:01 as 09:02 ICC Matematica as ICC Matematica 10:02 11:02 ICC Matematica Metolodolgia Introduça a Ciencia da Computaçao Filosifia e Etica

Leia mais

Avaliações do Terceiro Trimestre Turma: 6º Ano A

Avaliações do Terceiro Trimestre Turma: 6º Ano A Avaliações do Terceiro Trimestre Turma: 6º Ano A SETEMBRO 10 11 15 16 17 18 PARADA 23 24 DE GEOGRAFIA 25 26 28 29 OUTUBRO 01 02 APRESENTAÇÃO TEATRAL 03 06 CAMINHOS DA ÁGUA DE DE MATEMÁTICA 10 RECESSO ESCOLAR

Leia mais

PARECER CEE/PE Nº 81/2011-CES APROVADO PELO PLENÁRIO EM 20/06/2011 I RELATÓRIO:

PARECER CEE/PE Nº 81/2011-CES APROVADO PELO PLENÁRIO EM 20/06/2011 I RELATÓRIO: INTERESSADA: ESCOLA POLITÉCNICA DE PERNAMBUCO - POLI ASSUNTO: RENOVAÇÃO DE RECONHECIMENTO DO CURSO DE BACHARELADO EM ENGENHARIA DE TELECOMUNICAÇÕES RELATOR: CONSELHEIRO ARNALDO CARLOS DE MENDONÇA PROCESSO

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Introdução Redes de Computadores Marco Antonio Montebello Júnior marco.antonio@aes.edu.br Rede É um conjunto de computadores chamados de estações de trabalho que compartilham recursos de hardware (HD,

Leia mais

Licenciatura em Engenharia de Telecomunicações e Informática. 1ª Parte Frequência

Licenciatura em Engenharia de Telecomunicações e Informática. 1ª Parte Frequência ISCTE Ano Lectivo 2005/2006 Licenciatura em Engenharia de Telecomunicações e Informática Física Frequência / 2º Teste Duração: Frequência 3h, Teste 1h 30min. Não é permitido o uso de telemóveis durante

Leia mais

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO TELECOMUNICAÇÕES As telecomunicações referem -se à transmissão eletrônica de sinais para as comunicações, incluindo meios como telefone, rádio e televisão. As telecomunicações

Leia mais

CALENDÁRIO DE PROVAS 2º TRIMESTRE 2015. Quarta 19/08. Sexta 24/08. Quarta 26/08. 28/08 Matemática História Ensino Religioso Geografia Artes

CALENDÁRIO DE PROVAS 2º TRIMESTRE 2015. Quarta 19/08. Sexta 24/08. Quarta 26/08. 28/08 Matemática História Ensino Religioso Geografia Artes Turma 61 - Prova L. Portuguesa Ciências L. Inglesa Educ. Física Matemática História Ensino Religioso Geografia Artes FERIADO L. Portuguesa Ciências L. Inglesa Artes História Ensino Religioso Geografia

Leia mais

ESCOLA DE ENGENHARIA

ESCOLA DE ENGENHARIA COMPONENTES NA MODALIDADE SEMIPRESENCIAL DEPENDÊNCIA ON LINE Critérios: 1. A alunos a partir da 2ª etapa; 2. Até 2 Componentes por semestre; 3. tenham tido, no Componente, frequência mínima de 75%; 4.

Leia mais

Seminário A Universalização do Acesso à Informação pelo Uso das Telecomunicações Auditório Nereu Ramos Brasília - DF

Seminário A Universalização do Acesso à Informação pelo Uso das Telecomunicações Auditório Nereu Ramos Brasília - DF Seminário A Universalização do Acesso à Informação pelo Uso das Telecomunicações Auditório Nereu Ramos Brasília - DF Sindicato Nacional das Empresas de Telecomunicações por Satélite SINDISAT Associação

Leia mais

Salomão Nogueira da Silva

Salomão Nogueira da Silva Salomão Nogueira da Silva Endereço: Rua Joaquim Martins N 247 Fundos Bairro: Encantado Estado: Rio de Janeiro Data de Nascimento: 20/05/1991 Idade: 24 Naturalidade: Rio de Janeiro Estado Civil: Casado

Leia mais

Instituto de Estudos Superiores da Amazônia IESAM Curso de Bacharelado em Engenharia de Computação Turma: X1MA PROVA DE 2ª CHAMADA 1º BIMESTRE

Instituto de Estudos Superiores da Amazônia IESAM Curso de Bacharelado em Engenharia de Computação Turma: X1MA PROVA DE 2ª CHAMADA 1º BIMESTRE Curso de Bacharelado em Engenharia de Computação Turma: X1MA PROVA DE 2ª CHAMADA 1º BIMESTRE 8h às 11h40min Álgebra Linear Introdução a Eng. de Computação Cálculo 1 Probabilidade e Estatística Física 1

Leia mais

2º Encontro Nacional da Inovação Tecnológica da Indústria Elétrica e Eletrônica ENITEE 2009. Marco Antonio Ongarelli Gestão da Inovação - CPqD

2º Encontro Nacional da Inovação Tecnológica da Indústria Elétrica e Eletrônica ENITEE 2009. Marco Antonio Ongarelli Gestão da Inovação - CPqD 2º Encontro Nacional da Inovação Tecnológica da Indústria Elétrica e Eletrônica ENITEE 2009 Marco Antonio Ongarelli Gestão da Inovação - CPqD O CPqD Instituição, focada na inovação com base nas tecnologias

Leia mais

CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE ELECTRÓNICA, ÁUDIO, VÍDEO E TV PLANO DE ESTUDOS

CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE ELECTRÓNICA, ÁUDIO, VÍDEO E TV PLANO DE ESTUDOS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE ELECTRÓNICA, ÁUDIO, VÍDEO E TV PLANO DE ESTUDOS Componentes de Formação Componente de Formação Sociocultural Português (b) Língua Estrangeira I ou II (c) Área de Integração

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CAMPUS DE SOBRAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CAMPUS DE SOBRAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CAMPUS DE SOBRAL INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR (Currículo 2006.2) Agosto de 2010 Hodiernamente não mais se concebe que a formação do futuro profissional

Leia mais

Para visualizar ementas, programas e outros documentos relacionados ao curso, clique aqui.

Para visualizar ementas, programas e outros documentos relacionados ao curso, clique aqui. Para visualizar ementas, programas e outros documentos relacionados ao curso, clique aqui. Modalidade Eletrotécnica : O eletromagnetismo e o fascínio dos campos girantes, os circuitos elétricos de potência

Leia mais

Canal 2. Justificativa

Canal 2. Justificativa Índice Canal 1 - Justificativa do Livro...2 Canal 2 - Como Tudo Começou?...4 Canal 3 - De Onde Vem a Imagem?...6 Canal 4 - Como Aparece a Imagem?...8 Canal 5 - Como ocorre a transmissão?...10 Canal 6 -

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais

Valor Comercial das Telecomunicações. Telecomunicações nas Empresas. Superar barreiras geográficas. Superar barreiras do tempo

Valor Comercial das Telecomunicações. Telecomunicações nas Empresas. Superar barreiras geográficas. Superar barreiras do tempo Valor Comercial das Telecomunicações Superar barreiras geográficas Atendimento ao cliente/preenchimento de pedidos Superar barreiras do tempo Consultas de crédito (POS) Superar barreiras de custo Videoconferência

Leia mais

Caderno de Requisitos de Titulações Automação Industrial Integrado ao Ensino Médio

Caderno de Requisitos de Titulações Automação Industrial Integrado ao Ensino Médio Caderno de Requisitos de Titulações Automação Industrial Integrado ao Ensino Médio 1. Aplicativos Informatizados (Automação Industrial Integrado ao Ensino Médio) Engenharia de Telecomunicações Engenharia

Leia mais

GRADE HORÁRIA DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO (NOTURNO)

GRADE HORÁRIA DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO (NOTURNO) 1 O. PERÍODO GRADE HORÁRIA DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO (NOTURNO) 1o SEMESTRE DE 2015/Noturno 19:00 19:50 ENG076 Introdução à Engenharia de Controle e Automação ** 19:50

Leia mais

Comunicação de Dados. Aula 9 Meios de Transmissão

Comunicação de Dados. Aula 9 Meios de Transmissão Comunicação de Dados Aula 9 Meios de Transmissão Sumário Meios de Transmissão Transmissão guiada Cabo par trançado Coaxial Fibra ótica Transmissão sem fio Ondas de rádio Micro ondas Infravermelho Exercícios

Leia mais

Convivência Banda C Satélite e WiMAX

Convivência Banda C Satélite e WiMAX Convivência Banda C Satélite e WiMAX 16 de agosto de 2011 Interferência na Banda C Sinal satélite ( transmitido a 36.000 km de distância) recebido com potência muito menor que sinal WiMAX (transmitido

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. Farinha Aula 03 Telecomunicações Sistemas de Telecomunicações 1 Sistemas de Telecomunicações Consiste de Hardware e Software transmitindo informação (texto,

Leia mais

NOVA ESTRUTURA CURRICULAR DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO DEPES TABELA DE EQUIVALÊNCIA ANO BASE 2007/ REF. 2006

NOVA ESTRUTURA CURRICULAR DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO DEPES TABELA DE EQUIVALÊNCIA ANO BASE 2007/ REF. 2006 NOVA ESTRUTURA CURRICULAR DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DO DEPES TABELA DE EQUIVALÊNCIA ANO BASE 2007/ REF. 2006 TABELA CORRIGIDA EM 19 DE NOVEMBRO DE 2010 DEPARTAMENTO DE ELETRICIDADE DISCIPLINAS OFERECIDAS

Leia mais

1 Introduc ao 1.1 Hist orico

1 Introduc ao 1.1 Hist orico 1 Introdução 1.1 Histórico Nos últimos 100 anos, o setor de telecomunicações vem passando por diversas transformações. Até os anos 80, cada novo serviço demandava a instalação de uma nova rede. Foi assim

Leia mais

HORÁRIO DE AULAS E AVALIAÇÕES DE RECUPERAÇÃO FINAL 2015 DIA 14/12/2015-2ª FEIRA

HORÁRIO DE AULAS E AVALIAÇÕES DE RECUPERAÇÃO FINAL 2015 DIA 14/12/2015-2ª FEIRA DIA //0 - ª FEIRA HOR. º ANO 7º ANO 8º ANO 9º ANO º ANO º ANO º ANO - Thuha Thuha - Thuha Thuha Thuha Data: //0 ª feira - Horário: h Prova de História - Thuha Turmas: º / º / º Ensino Médio Thuha DIA //0

Leia mais

HORÁRIO DO CURSO DE DIREITO MATUTINO - 2º SEMESTRE - 2013

HORÁRIO DO CURSO DE DIREITO MATUTINO - 2º SEMESTRE - 2013 HORÁRIO DO CURSO DE DIREITO MATUTINO - 2º SEMESTRE - 2013 TURMA: DIR2SAM INTRODUÇÃO A FILOSOFIA INTRODUÇÃO A FILOSOFIA TURMA: DIR4SAM TURMA: DIR5SAM I I I I I I I I DIREITO CAMBIÁRIO DIREITO CAMBIÁRIO

Leia mais

Camada Física: Meios de transmissão não guiados

Camada Física: Meios de transmissão não guiados Alan Menk Santos alanmenk@hotmail.com www.sistemasul.com.br/menk Camada Física: Meios de transmissão não guiados Transmissão sem Fio Pessoas cada vez mais dependente das redes; Alguns especialistas afirmam

Leia mais

ATIVIDADES PARCIAIS I 16 A 27 DE MARÇO/2015. Manhã Atividade Parcial I Literatura 8,0 4,8. Manhã Atividade Parcial I Química 8,0 4,8

ATIVIDADES PARCIAIS I 16 A 27 DE MARÇO/2015. Manhã Atividade Parcial I Literatura 8,0 4,8. Manhã Atividade Parcial I Química 8,0 4,8 Prezado(a) aluno(a), Você está recebendo o Calendário de Provas da 1ª Etapa. Este instrumento será um guia para VOCÊ e sua família acompanharem seu desempenho escolar. ESTUDO, DISCIPLINA E ORGANIZAÇÃO

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES. Caderno de Atividades e Interatividades

REDES DE COMPUTADORES. Caderno de Atividades e Interatividades REDES DE COMPUTADORES Caderno de s e s Ação Educacional Claretiana, 2010 Batatais (SP) Trabalho realizado pelo Centro Universitário Claretiano de Batatais (SP) Curso: Graduação Disciplina: Redes de Computadores

Leia mais

ENS. FUNDAMENTAL II - I UNIDADE 6º s ANOS - MANHÃ

ENS. FUNDAMENTAL II - I UNIDADE 6º s ANOS - MANHÃ 6º s ANOS - MANHÃ 03/03 06/03 12/03 17/03 20/03 24/03 26/03 Laboratório Empreendedorismo 5 5 5 5 5 As avaliações parciais das seguintes disciplinas: Empreendedorismo, e serão trabalhos realizados em sala

Leia mais

Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação

Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação 1. Público Alvo Este curso de Pós-Graduação Lato Sensu é destinado principalmente a alunos graduados em cursos da área de Educação (Pedagogia

Leia mais

ANEXO I CURSOS DE GRADUAÇÃO PRESENCIAL GRADUAÇÃO PRESENCIAL- FTC SALVADOR

ANEXO I CURSOS DE GRADUAÇÃO PRESENCIAL GRADUAÇÃO PRESENCIAL- FTC SALVADOR ANEXO I DE GRADUAÇÃO PRESENCIAL GRADUAÇÃO PRESENCIAL- FTC SALVADOR VALORES DOS Biomedicina 8 semestres R$ 630,00 20% R$ 504,00 Ciências Aeronáuticas 6 semestres R$ 700,00 20% R$ 560,00 Ciências Biológicas

Leia mais

MATERIAL ESCOLAR - ENSINO MÉDIO 1º ANO CONVENCIONAL

MATERIAL ESCOLAR - ENSINO MÉDIO 1º ANO CONVENCIONAL 1º ANO CONVENCIONAL Português Matemática I Filosofia Produção de Texto Matemática II Sociologia Redação Química II Literatura Geografia Biologia I Inglês História Biologia II Química I Física 1º ANO FEDERAL

Leia mais

O Geekie+ colabora com o professor potencializando o aprendizado e melhorando o desempenho de cada aluno. Parceria SEE- SP e Geekie

O Geekie+ colabora com o professor potencializando o aprendizado e melhorando o desempenho de cada aluno. Parceria SEE- SP e Geekie O Geekie+ colabora com o professor potencializando o aprendizado e melhorando o desempenho de cada aluno. Parceria SEE- SP e Geekie Geekie+ no SP TV! Geekie+ Como funciona o fluxo de aprendizagem? Ciclo

Leia mais

INFRAESTRUTURA DE COMUNICAÇÃO PARA A GOVERNANÇA E O DESENVOLVIMENTO: O CINTURÃO DIGITAL DO CEARÁ

INFRAESTRUTURA DE COMUNICAÇÃO PARA A GOVERNANÇA E O DESENVOLVIMENTO: O CINTURÃO DIGITAL DO CEARÁ INFRAESTRUTURA DE COMUNICAÇÃO PARA A GOVERNANÇA E O DESENVOLVIMENTO: O CINTURÃO DIGITAL DO CEARÁ Fernando de Carvalho Gomes II Congresso Consad de Gestão Pública Painel 47: Governo eletrônico INFRAESTRUTURA

Leia mais

FACULDADE RATIO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL TURMA: 301-7 (SALA 11)

FACULDADE RATIO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL TURMA: 301-7 (SALA 11) TURMA: 301-7 (SALA 11) A SOCIOLOGIA PRODUÇÃO TEXTUAL TCC - B SOCIOLOGIA PRODUÇÃO TEXTUAL TCC - C GÊNERO SEMINÁRIO - D GÊNERO SEMINÁRIO - secacademica@ratio.edu.br Página 1 de 16 16:51 19/03/2014 TURMA:

Leia mais

INFORMÁTICA IINTERNET / INTRANET

INFORMÁTICA IINTERNET / INTRANET INFORMÁTICA IINTERNET / INTRANET Objectivos História da Internet Definição de Internet Definição dos protocolos de comunicação Entender o que é o ISP (Internet Service Providers) Enumerar os equipamentos

Leia mais

Questões para o Gráfico do Trabalho

Questões para o Gráfico do Trabalho Questões para o Gráfico do Trabalho Cada aluno deverá construir o gráfico cujo número da Questão abaixo corresponda aos 2 últimos algarismos do seu número de matrícula: Exemplo: se sua matrícula for 21156007

Leia mais

Telecomunicações CONCEITOS DE COMUNICAÇÃO

Telecomunicações CONCEITOS DE COMUNICAÇÃO Telecomunicações CONCEITOS DE COMUNICAÇÃO 1 COMUNICAÇÃO A COMUNICAÇÃO pode ser definida como a transmissão de um sinal através de um meio, de um emissor para um receptor. O sinal contém uma mensagem composta

Leia mais

TÍTULO: SISTEMA DE ACESSIBILIDADE E AUTOMATIZAÇÃO PARA PESSOAS PORTADORAS DE NECESSIDADE ESPECIAIS

TÍTULO: SISTEMA DE ACESSIBILIDADE E AUTOMATIZAÇÃO PARA PESSOAS PORTADORAS DE NECESSIDADE ESPECIAIS TÍTULO: SISTEMA DE ACESSIBILIDADE E AUTOMATIZAÇÃO PARA PESSOAS PORTADORAS DE NECESSIDADE ESPECIAIS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: ENGENHARIAS E ARQUITETURA SUBÁREA: ENGENHARIAS INSTITUIÇÃO: FACULDADE DE TECNOLOGIA

Leia mais

1 - O que é o PRONATEC?

1 - O que é o PRONATEC? Realização Cartilha Pronatec Telecom Cartilha Pronatec Telecom 1 - O que é o PRONATEC? Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, vinculado ao MEC, criado em 2011, através da Lei 12.513 de

Leia mais

Infra-Estrutura de Redes

Infra-Estrutura de Redes Faculdade Anhanguera de São Caetano do Sul Infra-Estrutura de Redes Curso: Tecnologia em Redes de Computadores Prof:Eduardo M. de Araujo Site-http://www.professoreduardoaraujo.com Objetivos: Camada física

Leia mais

Luiz Bertini. Antenas Parabólicas

Luiz Bertini. Antenas Parabólicas Antenas Parabólicas Possuem uma alta diretividade o que nos leva a perceber que possui um alto ganho. Uma antena receptora de satélites de 3 metros de diâmetro, por exemplo, tem um ganho de 33dB, ou seja,

Leia mais

Divisão de Telecomunicações. Composição da Divisão 7 Engenheiros 14 Técnicos 9 Assistentes Técnicos 2 Assistentes Administrativos 4 Estagiários

Divisão de Telecomunicações. Composição da Divisão 7 Engenheiros 14 Técnicos 9 Assistentes Técnicos 2 Assistentes Administrativos 4 Estagiários 6,67(0$'(7(/(&2081,&$d (6'$&((( $7',9,6 2'(7(/(&2081,&$d (6 Divisão de Telecomunicações Composição da Divisão 7 Engenheiros 14 Técnicos 9 Assistentes Técnicos 2 Assistentes Administrativos 4 Estagiários

Leia mais

Possíveis soluções para o gargalo da última milha são: instalação de fibra óptica diretamente para todos os clientes; uso de tecnologia de rádio

Possíveis soluções para o gargalo da última milha são: instalação de fibra óptica diretamente para todos os clientes; uso de tecnologia de rádio 1 Introdução O estudo da propagação óptica no espaço livre recebeu considerável impulso após a Segunda Guerra Mundial com a descoberta do laser. Os cientistas iniciaram diversas pesquisas nessa área com

Leia mais

1.3. Na figura 2 estão representados três excertos, de três situações distintas, de linhas de campo magnético. Seleccione a opção correcta.

1.3. Na figura 2 estão representados três excertos, de três situações distintas, de linhas de campo magnético. Seleccione a opção correcta. Escola Secundária Vitorino Nemésio Terceiro teste de avaliação de conhecimentos de Física e Química A Componente de Física 11º Ano de Escolaridade Turma C 13 de Fevereiro de 2008 Nome: Nº Classificação:

Leia mais

Antenas Parabólicas. - Tela de alumínio; - Fibra de vidro; - Alumínio.

Antenas Parabólicas. - Tela de alumínio; - Fibra de vidro; - Alumínio. Antenas Parabólicas Possuem uma alta diretividade o que nos leva a perceber que possui um alto ganho. Uma antena receptora de satélites de 3 metros de diâmetro, por exemplo, tem um ganho de 33dB, ou seja,

Leia mais

Soluções para Segurança, Gerenciamento e Automação de Bibliotecas. Segurança, Gerenciamento e Automação de Bibliotecas

Soluções para Segurança, Gerenciamento e Automação de Bibliotecas. Segurança, Gerenciamento e Automação de Bibliotecas Soluções para Segurança, Gerenciamento e Automação de Bibliotecas Bem Vindos Antonio Klodzinski antonio@rtsbrasil.com.br Desde 1999 em Segurança e Automação de Bibliotecas A partir de 2009 com 3M Brasil

Leia mais

STC 5. Redes de Informação e Comunicação. Data: 18 de Agosto de 2010 Morada: Rua de São Marcos, 7 C Tel: 266519410 Fax: 266519410 Tlm: 927051540

STC 5. Redes de Informação e Comunicação. Data: 18 de Agosto de 2010 Morada: Rua de São Marcos, 7 C Tel: 266519410 Fax: 266519410 Tlm: 927051540 STC 5 Redes de Informação e Comunicação Data: 18 de Agosto de 2010 Morada: Rua de São Marcos, 7 C Tel: 266519410 Fax: 266519410 Tlm: 927051540 STC 5 Redes de Informação e comunicação STC 5 Redes de informação

Leia mais

HORÁRIO DE ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO 2º semestre de 2015

HORÁRIO DE ENGENHARIA DE CONTROLE E AUTOMAÇÃO 2º semestre de 2015 2 º PERÍODO CÁLCULO II MARIA JOSÉ P DE MAGALHÃES I I FÍSICA I ALISSON R DOS SANTOS CÁLCULO II MARIA JOSÉ P DE MAGALHÃES SISTEMAS DIGITAIS JOSÉ ANDRÉ G SISTEMAS DIGITAIS JOSÉ ANDRÉ G LEITURA E INTERPRETAÇÃO

Leia mais

Redes de Computadores sem Fio

Redes de Computadores sem Fio Redes de Computadores sem Fio Prof. Marcelo Gonçalves Rubinstein Programa de Pós-Graduação em Engenharia Eletrônica Faculdade de Engenharia Universidade do Estado do Rio de Janeiro Programa Introdução

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA. Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática do Senado (CCT)

AUDIÊNCIA PÚBLICA. Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática do Senado (CCT) AUDIÊNCIA PÚBLICA Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática do Senado (CCT) Assunto INFORMAÇÕES ACERCA DA APROVAÇÃO PELA AGÊNCIA REGULADORA DE LICENÇA PARA A TELEFÔNICA PRESTAR

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA FACULDADE MAURICIO DE NASSAU PARA O EVENTO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA FACULDADE MAURICIO DE NASSAU PARA O EVENTO CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL PARA COPA DO MUNDO DE 2014: PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA FACULDADE MAURICIO DE NASSAU PARA O EVENTO A realização da Copa do Mundo de Futebol em 2014 no Brasil está exigindo e vai

Leia mais

TURMA CC1MA Sala: Computação e Informática Segunda Terça Quarta Quinta Sexta

TURMA CC1MA Sala: Computação e Informática Segunda Terça Quarta Quinta Sexta TURMA CC1MA Sala: e Informática 07:10 08:00 08:00 08:50 de Informação Odlaniger Lourenço de Informação Odlaniger Lourenço I 08:50 09:40 Leda Monteiro de Informação Odlaniger Lourenço I 09:40 10:00 10:00

Leia mais

2- Conceitos Básicos de Telecomunicações

2- Conceitos Básicos de Telecomunicações Introdução às Telecomunicações 2- Conceitos Básicos de Telecomunicações Elementos de um Sistemas de Telecomunicações Capítulo 2 - Conceitos Básicos de Telecomunicações 2 1 A Fonte Equipamento que origina

Leia mais

Secretaria para Assuntos Estratégicos

Secretaria para Assuntos Estratégicos Secretaria para Assuntos Estratégicos DO DESAFIO A REALIDADE Nosso desafio: 399 municípios conectados por uma internet rápida, que oportuniza a aproximação da gestão pública com o cidadão. O projeto Rede399

Leia mais

FACULDADE ASSIS GURGACZ FAG CURSO DE DIREITO Reconhecimento: Portaria Nº 154, de 4 de Abril de 2013. DOU 05 DE ABRIL DE 2013.

FACULDADE ASSIS GURGACZ FAG CURSO DE DIREITO Reconhecimento: Portaria Nº 154, de 4 de Abril de 2013. DOU 05 DE ABRIL DE 2013. Período: 1º Turma: T01 SALA:1305 Turno: MATUTINO Curso: Semestre: DT16103 - FILOSOFIA GUSTAVO PRADO DT16101 - INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO ROBERTO DT16105 - CIÊNCIA POLÍTICA RODRIGO DT16103 - FILOSOFIA GUSTAVO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO - PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS ACADÊMICOS CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO PERFIL

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO - PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS ACADÊMICOS CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO PERFIL PERFIL 3001 - Válido para os alunos ingressos a partir de 2002.1 Disciplinas Obrigatórias Ciclo Geral Prát IF668 Introdução à Computação 1 2 2 45 MA530 Cálculo para Computação 5 0 5 75 MA531 Álgebra Vetorial

Leia mais

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2013. Lançamento da Coleta. Rio de Janeiro, 29/10/2013 1

Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2013. Lançamento da Coleta. Rio de Janeiro, 29/10/2013 1 Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD 2013 Lançamento da Coleta Rio de Janeiro, 29/10/2013 1 A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios - PNAD investiga anualmente, de forma permanente: características

Leia mais

802.11n + NV2 TDMA. Desempenho e Acesso Múltiplo em Redes Wireless com RouterOS

802.11n + NV2 TDMA. Desempenho e Acesso Múltiplo em Redes Wireless com RouterOS 802.11n + NV2 TDMA Desempenho e Acesso Múltiplo em Redes Wireless com RouterOS Nicola Sanchez Engenheiro de Telecomunicações Mikrotik Certified Trainer CENTRO DE TREINAMENTO OFICIAL MIKROTIK CENTRO DE

Leia mais

LISTA DE ESCOPO DE PRODUTOS PARA TELECOMUNICAÇÕES POR FAMÍLIA

LISTA DE ESCOPO DE PRODUTOS PARA TELECOMUNICAÇÕES POR FAMÍLIA LISTA DE ESCOPO DE PRODUTOS PARA TELECOMUNICAÇÕES POR FAMÍLIA ANTENAS FAMÍLIAS DE PRODUTOS ACUMULADORES DE ENERGIA (BATERIA) CABOS COAXIAIS CABOS ÓPTICOS E FIBRAS ÓPTICAS CABOS PARA TRANSMISSÃO DE DADOS

Leia mais

Novas Tecnologias para aplicações RF. Alexsander Loula Gerente de Eng. de Aplicações

Novas Tecnologias para aplicações RF. Alexsander Loula Gerente de Eng. de Aplicações Novas Tecnologias para aplicações RF Alexsander Loula Gerente de Eng. de Aplicações Agenda Espectro de frequência As últimas tecnologias de rádio Algumas coisas para ficar de olho 2 ESPECTRO DE FREQUÊNCIA

Leia mais

EXTERNATO MATER DOMUS

EXTERNATO MATER DOMUS EXTERNATO MATER DOMUS RUA PASCAL, 1403 CAMPO BELO SP CEP 04616/004 - Fone: 5092-5825 MATÉRIA: FÍSICA PROFESSORA: RENATA LEITE QUARTIERI ALUNO: Nº Série: 3º TURMA: Única DATA: 02 /03/2015 ASSINATURA DO

Leia mais

1. AULA 1 - INTRODUÇÃO À REDES DE COMPUTADORES

1. AULA 1 - INTRODUÇÃO À REDES DE COMPUTADORES 1. AULA 1 - INTRODUÇÃO À REDES DE COMPUTADORES Objetivos da Aula Aprender os conceitos básicos para compreensão das próximas aulas. Na maioria dos casos, os conceitos apresentados serão revistos com maior

Leia mais

SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO ÓPTICA : INICIAR A PROPOSTA DA DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM DISCIPLINA OPTATIVA, DURANTE PERÍODO DE AQUISIÇÃO DE CRÉDITOS.

SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO ÓPTICA : INICIAR A PROPOSTA DA DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM DISCIPLINA OPTATIVA, DURANTE PERÍODO DE AQUISIÇÃO DE CRÉDITOS. SISTEMAS DE COMUNICAÇÃO ÓPTICA : INICIAR A PROPOSTA DA DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM DISCIPLINA OPTATIVA, DURANTE PERÍODO DE AQUISIÇÃO DE CRÉDITOS. Sandra Maria Dotto Stump sstump@mackenzie.com.br Maria Aparecida

Leia mais

Camada Física. Bruno Silvério Costa

Camada Física. Bruno Silvério Costa Camada Física Bruno Silvério Costa Sinais Limitados por Largura de Banda (a) Um sinal digital e suas principais frequências de harmônicas. (b) (c) Sucessivas aproximações do sinal original. Sinais Limitados

Leia mais

Secretaria da Fazenda do Estado do Piauí - SEFAZ-PI AUDITOR ELETRÔNICO - AEBR

Secretaria da Fazenda do Estado do Piauí - SEFAZ-PI AUDITOR ELETRÔNICO - AEBR AUDITOR ELETRÔNICO - AEBR AEBR - Instalação A instalação será executada pela UNITEC. AEBR - Ícone na área de trabalho Ícone do AEBR na área de trabalho: AEBR - Atualização O AEBR tem atualização automática

Leia mais

Ondas Eletromagnéticas Física - Algo Sobre INTRODUÇÃO

Ondas Eletromagnéticas Física - Algo Sobre INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO É importante tomarmos consciência de como estamos imersos em ondas eletromagnéticas. Iniciando pelos Sol, a maior e mais importante fonte para os seres terrestres, cuja vida depende do calor

Leia mais

PERSPECTIVAS DA SEGURANÇA EM ELETRICIDADE NAS INDÚSTRIAS: UMA VISÃO DO SETOR DE ENSINO ESTON, S. M. ; BARRICO, J.J.

PERSPECTIVAS DA SEGURANÇA EM ELETRICIDADE NAS INDÚSTRIAS: UMA VISÃO DO SETOR DE ENSINO ESTON, S. M. ; BARRICO, J.J. PERSPECTIVAS DA SEGURANÇA EM ELETRICIDADE NAS INDÚSTRIAS: UMA VISÃO DO SETOR DE ENSINO ESTON, S. M. ; BARRICO, J.J. 1. Introdução 2. Grade curricular de graduação e pós graduação 3. Disciplinas de atualização

Leia mais

Educação Física Educação Física (LP) História Estudos Sociais com Habilitação em História (LP) Filosofia (LP) História (LP)

Educação Física Educação Física (LP) História Estudos Sociais com Habilitação em História (LP) Filosofia (LP) História (LP) Educação Física Educação Física (LP) História Estudos Sociais com Habilitação em História (LP) Filosofia (LP) História (LP) Língua Portuguesa e Literatura Letras com Habilitação em Lingua Portuguesa (LP)

Leia mais

FACULDADE RATIO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL TURMA: 301-7

FACULDADE RATIO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL TURMA: 301-7 HORÁRIO 2ª CHAMADA DA P1 - SERVIÇO SOCIAL - SEMESTRE LETIVO 2014.1 SECRETARIA ACADÊMICA TURMA: 301-7 GÊNERO SOCIOLOGIA PRODUÇÃO TEXTUAL SEMINÁRIO TCC secacademica@ratio.edu.br Página 1 de 16 11:48 20/03/2014

Leia mais

1) HORÁRIO DAS DISCIPLINAS - TURNO DA MANHÃ - 1º BLOCO DE DISCIPLINAS NOVO PPC - CALOUROS DE 2016/ ENTRADA 1º SEMESTRE

1) HORÁRIO DAS DISCIPLINAS - TURNO DA MANHÃ - 1º BLOCO DE DISCIPLINAS NOVO PPC - CALOUROS DE 2016/ ENTRADA 1º SEMESTRE 1) HORÁRIO DAS DISCIPLINAS - TURNO DA MANHÃ - 1º BLOCO DE DISCIPLINAS NOVO PPC - CALOUROS DE 2016/ ENTRADA 1º SEMESTRE 07:30 09:10 Física I Programação Física I Programação Lab. de Programação C Lab. de

Leia mais

CGR - Centro de Gestão de Remotas ] Carmeci Alves dos Santos Franco

CGR - Centro de Gestão de Remotas ] Carmeci Alves dos Santos Franco XVIII Seminário Nacional de Distribuição de Energia Elétrica SENDI 2008-06 a 10 de outubro Olinda - Pernambuco - Brasil CGR - Centro de Gestão de Remotas ] Carmeci Alves dos Santos Franco COELBA csantos@coelba.com.br

Leia mais

Bibliografia. Termos comuns em VoIp. Termos comuns em VoIp. Programa de Telecomunicações

Bibliografia. Termos comuns em VoIp. Termos comuns em VoIp. Programa de Telecomunicações Introdução a conceitos de hardware e software de computador. Introdução a sistemas operacionais: Microsoft Windows e Linux. Conceitos básicos e utilização de aplicativos para edição de textos, planilhas

Leia mais

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E OS AMBIENTES VIRTUAIS DE APREDIZAGEM

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E OS AMBIENTES VIRTUAIS DE APREDIZAGEM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E OS AMBIENTES VIRTUAIS DE APREDIZAGEM Edivan Claudino Soares da Silva RESUMO O presente trabalho é fruto de uma adaptação do seminário de uma disciplina do Mestrado em Educação Brasileira

Leia mais

HORÁRIO DE AVALIAÇÃO PARCIAL 2º Bimestre/ 2015 ENSINO MÉDIO DATA/DIA DA SEMANA TURMA AVAL. PARCIAL HORÁRIO. 2º ANO História/Física 3º 3º

HORÁRIO DE AVALIAÇÃO PARCIAL 2º Bimestre/ 2015 ENSINO MÉDIO DATA/DIA DA SEMANA TURMA AVAL. PARCIAL HORÁRIO. 2º ANO História/Física 3º 3º HORÁRIO DE AVALIAÇÃO PARCIAL 2º Bimestre/ 2015 ENSINO MÉDIO DATA/DIA DA SEMANA TURMA AVAL. PARCIAL HORÁRIO 01/06/2015 (Segunda - Feira) Entrega a Coor.14/05 1º ANO Geografia/Inglês 3º, e 4º 2º ANO Geografia/Inglês

Leia mais

1) HORÁRIO DAS DISCIPLINAS - TURNO DA TARDE - 1º BLOCO DE DISCIPLINAS NOVO PPC - CALOUROS DE 2016/ ENTRADA 2º SEMESTRE

1) HORÁRIO DAS DISCIPLINAS - TURNO DA TARDE - 1º BLOCO DE DISCIPLINAS NOVO PPC - CALOUROS DE 2016/ ENTRADA 2º SEMESTRE 1) HORÁRIO DAS DISCIPLINAS - TURNO DA TARDE - 1º BLOCO DE DISCIPLINAS NOVO PPC - CALOUROS DE 2016/ ENTRADA 2º SEMESTRE 14:50 16:30 Física I Programação Física I Programação Lab. de Programação C Lab. de

Leia mais