Am G Am C Am Que se alegre nossa mãe, a igreja, resplandecente da glória do seu Senhor,

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Am G Am C Am Que se alegre nossa mãe, a igreja, resplandecente da glória do seu Senhor,"

Transcrição

1 Após comentário inicial Bm A D Em F# Bm A D Em F# Mesmo as trevas não são trevas para ti, a noite é luminosa como o dia (2x) Preparação do Círio e benção do fogo A luz de Cristo D (E F#) G (A C#7) D (E F#) Pe: A luz de Cristo. Ass: Demos graças a Deus (3x) Canto de entrada E (F F#) F#m (Gm G#m) Meus olhos hão de ver o que agora é impossível: um novo céu e uma nova terra; B7 (C7 C#7) E (F F#) F#m (Gm G#m) Cordeiro e lobo ali nas mesmas águas. Sul e norte a celebrar o fim de toda a opressão, B7 (C7 C#7) Os inimigos dando as mãos. Meus olhos hão de ver o impossível: E (F F#) F#m (Gm G#m) B7 (C7 C#7) A (Bb B) E (F F#) C7 (C#7 ) F (F#) Um novo céu e uma nova terra, um novo céu e uma nova terra. Pregão Pascal (Padre) G C Exultem os coros dos anjos, exulte a assembléia celestial, G e um hino de glória aclame o triunfo do Senhor ressuscitado. F E F E Alegre-se a terra inundada da nova luz. G F E O esplendor do Rei destruiu as trevas, destruiu as trevas, as trevas do mundo. (ritmo) O esplendor... G C Que se alegre nossa mãe, a igreja, resplandecente da glória do seu Senhor, G e que neste lugar ressoe unânime, a aclamação dum povo em festa G G O Senhor esteja convosco. Ele está no meio de nós. F E F E Corações ao alto. O nosso coração está em Deus. G G G Demos graças ao Senhor nosso Deus. É nosso dever e salvação. (2x) G C Realmente é justo e necessário exaltar com o canto a alegria do espírito G e elevar um hino ao Pai todo poderoso e ao seu único filho, Jesus Cristo. G G Ele pagou por todos ao eterno Pai a dívida de Adão. C G E com seu sangue derramado, derramado por amor, cancelou a condenação do pecado. F E F E (ritmo) Esta é a Páscoa em que é imolado o cordeiro; Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 1

2 F E F E Esta é a noite em que foram libertados nossos pais do Egito. F E F E Esta é a noite que nos salva da escuridão do mal. G F E Esta é a noite em que Cristo venceu a morte e dos infernos retorna vitorioso. Esta é a noite... G C OH admirável condescendência do teu amor. Oh incomparável ternura e caridade que para G resgatar o escravo sacrificaste o Filho. (ritmo) F E F E Sem o pecado de Adão Cristo não nos teria resgatado. G Ó feliz culpa, que mereceu tão grande redentor. Ó feliz culpa. Ó feliz culpa... G Oh noite maravilhosa, que despojaste o Faraó e enriqueceste Israel. Oh noite que destróis o G G F E pecado e lavas as nossas culpas. Oh noite realmente gloriosa que concilia o homem com Deus G F E Esta é a noite em que Cristo venceu a morte, e dos infernos retorna vitorioso. G C Nesta noite aceita, Pai Santo, este sacrifício de louvor que a igreja te oferece por meio dos G seus ministros, na liturgia solene deste círio, que é sinal da nova luz. (ritmo) F E G Nós te rogamos, Senhor, que neste círio oferecido em honra do teu nome brilhe radiante, G chegue a ti como perfume suave e se confunda com as estrelas do céu. G F E O encontre aceso a estrela da manhã, essa estrela que não conhece ocaso. G F E Que é Cristo teu filho ressuscitado, ressuscitado da morte. G F E Que é Cristo teu filho ressuscitado, ressuscitado da morte. G ém, amém, amém. Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 2

3 Salmo (103) F C Gm F Enviai Senhor o vosso espírito e renovai a face da terra. F C F Bendize, ó minha alma, ao Senhor! Ó meu Deus e meu Senhor, como sois grande! Bb C De majestade e esplendor vos revestis e de luz vos envolveis como num manto A terra vós firmastes em suas bases, ficará firme pelos séculos sem fim; os mares a cobriam como um manto, e as águas envolviam as montanhas. Fazeis brotar em meio aos vales as nascentes que passam serpeando entre as montanhas; Dão de beber aos animais todos do campo, e os da selva nelas matam sua sede. De vossa casa as montanhas irrigais, com vossos frutos saciais a terra inteira; fazeis crescer os verdes pastos para o gado e as plantas que são úteis para o homem. Quão numerosas, ó Senhor, são as vossas obras, e que sabedoria em todas elas! Encheu-se a terra coma as vossas criaturas! Bendize, ó minha alma, ao Senhor! Salmo (Ex 15) G7 C E E7 A A7 Cantemos ao Senhor, cantemos ao Senhor que se cobriu de glória, de glória, de glória. D7 G D7 G Precipitou no mar, cavalo e cavaleiro, cavalo e cavaleiro. D7 G D7 G D7 G G7 Precipitou no mar, cavalo e cavaleiro, cavalo e cavaleiro. C E E7 A A7 D7 Minha força e meu canto é o Senhor, Ele é meu salvador, é meu Deus, eu o celebrarei. D7 G D7 G D7 G G7 Precipitou no mar, cavalo e cavaleiro, cavalo e cavaleiro. G7 C E E7 A A7 O Senhor é um herói, Javé é o seu nome, os carros do faraó e o exército, D7 preciptou no mar. Precipitou... G7 C E E7 A A7 A tua direita ó Senhor, é gloriosa e potente, a tua direita ó Senhor, destrói o inimigo, D7 destrói o inimigo. Precipitou... G7 C E E7 A A7 Guiaste este povo, que resgataste, com força o conduziste, com força e com amor, D7 até tua morada. Precipitou.. Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 3

4 Salmo (Is 12) Dm Bb Dm Com júbilo bebei da fonte salvadora. Dm Bb Dm F Dm 7 Dm Deus é meu Salvador, nada temo e confio; Minha força e meu canto, é ele quem me salva. Dm Bb Dm Dm Com júbilo bebei da fonte salvadora, Celebrando o Senhor, bendizendo o seu nome. Aos povos proclamai seus imensos prodígios, A todos recordai quanto o seu nome é santo. Exaltai o Senhor, que ele fez maravilhas. Aos extremos da terra é preciso dizê-lo Vós, que habitais Sião, exultai e cantai, Porque é grande entre vós o Santo de Israel. Salmo 18 Dm Bm Os céus proclamam a glória do Senhor. Dm C Dm Dm Os céus proclamam a glória do Senhor. E o firmamento, a obra de suas mãos Dm C O dia ao dia transmite esta mensagem, A noite à noite publica esta notícia. Não são discursos nem frases ou palavras, Nem são vozes que possam ser ouvidas; Seu som ressoa e se espalha em toda a terra, Chega aos confins do universo a sua voz. Armou no alto uma tenda para o sol Ele desponta no céu e se levanta Como um esposo do quarto nupcial, Como um herói exultante em seu caminho De um extremo do céu põe-se a correr E vai traçando o seu rastro luminoso, Até que possa chegar ao outro extremo, E nada pode fugir ao seu calor. Glória A E D E Glória a Deus no alto dos céus e paz na terra aos homens por ele amados. A E D E Nós te louvamos, te glorificamos, nós te adoramos, te damos graças por tua imensa glória. D C#m Bm E Senhor Deus, Deus Pai todo poderoso, Senhor, filho unigênito, Jesus Cristo. D C#m Senhor Deus, cordeiro de Deus, Filho do Pai. Bm E Tu que tiras o pecado do mundo, tem piedade de nós. D C#m Tu que tiras o pecado do mundo, acolhe a nossa súplica. Bm E Tu que está sentado a direita do Pai, tem piedade de nós. D C#m Porque só tu é o Santo; só tu o Senhor, só tu o altíssimo +, Bm E com o Espírito Santo, na glória de Deus Pai. Glória a Deus no alto... A E A ém, amém, amém. Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 4

5 Samo 117 Dm Gm Dm Dm Esse é o dia que o Senhor fez para nós dia de louvor e de alegria. Dm Gm Dm Gm Dai graças ao Senhor, porque ele é bom! Eterna é a sua misericórdia. Dm A casa de Israel agora o diga: Eterna é a sua misericórdia! A mão direita do Senhor fez maravilhas, a mão direita do Senhor me levantou. Não morrerei, mas ao contrário, viverei para cantar as grandes obras do Senhor! A pedra que os pedreiros rejeitaram, tornou-se agora a pedra angular. Pelo Senhor é que foi feito tudo isso: Que maravilhas ele fez a nossos olhos! Vós sois meu Deus, eu vos bendigo e agradeço. Vós sois meu Deus, eu vos exalto com louvores.dai graças ao Senhor, porque ele é bom! Eterna é a sua misericórdia. Aclamação G Em C D G Em C D G Aleluia, aleluia! Aleluia, aleluia G D7 G G D7 G D Cristo Jesus Ressuscitou Aleluia, aleluia, aleluia. (3X) G D7 G G D7 G D Cristo Jesus é o Senhor Aleluia, aleluia, aleluia. (3X) G D7 G G D7 G D Cristo Jesus é nossa Páscoa. Aleluia, aleluia, aleluia. (3X) Após o evangelho Em D C B Ressuscitou, ressuscitou, ressuscitou, aleluia Em D C B Aleluia, aleluia, aleluia, ressuscitou. Em D C B A morte, onde está a morte? Onde a minha morte? Onde a sua vitória Em D C B Graças sejam dadas ao Pai, que nos passou ao seu reino, onde se vive o amor. Alegria, alegria irmãos! Que se hoje nos amamos, é porque ressuscitou. Se com ele morremos, com ele vivemos, com ele cantamos: aleluia. Aleluia, aleluia, aleluia, ressuscitou. Ressuscitou, ressuscitou, ressuscitou, aleluia. Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 5

6 Ladainha G Bm C D G Bm C D Deus Pai do céu tende piedade, Deus filho Redentor piedade de nós. G Bm C D G C B7 Espírito Santo tende piedade, Santíssima Trindade piedade de nós Em Em Santa Maria, mãe de Deus. São Miguel. Santos anjos de Deus. Em C B7 Em São João Batista São José. São Pedro e São Paulo. Santo André. São João. Santa Maria Madalena. Santo Estevão. Santo Inácio de Antioquia. São Lourenço. São Sebastião. Santas Perpétua e Felicidade. Santa Inês. São Gregório. Santo Agostinho. Santo Atanásio. São Basílio. São Martinho. São Bento. São Francisco Xavier. São Domingos. São Francisco de Assis. São João Maria Vianey. Santa Catarina de Sena. Santa Tereza D Avila. Todos os Santos e Santas de Deus. D Em Vinde ó Deus em nosso auxílio, Para que nos livreis de todo o mal, Para que nos livreis de todo o pecado, Para que nos livreis da morte eterna, Pela vossa encarnação, Pela vossa morte e ressurreição, Pela efusão do Espírito Santo, Apesar de nossos pecados, Para que vos digneis dar a vida aos que chamastes ao batismo, Jesus, filho do Deus vivo, G D G D Em D Em Cristo, ouvi-nos. Cristo, ouvi-nos. Cristo atendei-nos. Cristo, atendei-nos. (batizado) Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 6

7 Benção da água batismal Em B7 Ó Deus, que por meio dos sinais sacramentais. Em Tu atuas com invisível potência as maravilhas da salvação. D C De muitos modos e através dos tempos preparaste a água, tua criatura, B7 Em B7 para que fosse sinal do batismo. Desde a origem, o teu espírito pairava sobre as águas para que concebessem a força de santificar. Em B7 Em D E também no dilúvio, prefiguraste o batismo para que hoje, como ontem, a água fosse C B7 (ritmo) Em sinal do fim do pecado e o início da vida nova. Tu libertaste da escravidão os filhos de D Em Abraão fazendo-os atravessar ilesos o mar vermelho para que fossem imagem do futuro D Em D Em povo dos batizados. E no fim, na plenitude dos tempos, teu filho batizado por João na água D Em do Jordão foi ungido pelo Espírito Santo. D C B7 Levantado sobre a cruz ele derramou do seu lado sangue e água. Em D C B7 Levantado sobre a cruz ele derramou do seu lado sangue e água. Em D Em D E após a sua ressurreição ordenou aos seus discípulos: Ide e anunciai o evangelho à todos Em D C B7 os povos. Batizai-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Em D C B7 Batizai-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Em D C B7 Agora, agora Pai, olha com amor a tua Igreja e faz brotar para ela a fonte do batismo. Em D C B7 Em Infunde nesta água pela força do Espírito Santo a graça do teu único filho para que pelo D Em D sacramento do batismo, o homem feito à tua imagem seja lavado de todos os seu pecados, C B7 e da água do Espírito Santo renasça como nova criatura. Em B7 B7 (ritmo) Desça, ó Pai, sobre esta água pela obra do teu filho a potencia do Espírito Santo para que, Em D Em todos aqueles que hoje receberão o batismo sejam sepultados com Cristo. Em D C B7 Na morte com Ele ressurjam, ressurjam à vida imortal. Em D C B7 Na morte com Ele ressurjam, ressurjam à vida imortal. Em Em D Em Por Cristo nosso Senhor. ém, amém, amém. Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 7

8 Aspersão E F#m B7 E B7 Água cristalina que jorra do peito aberto de Jesus, lá na cruz. E F#m B7 F#m B7 E B7 É uma água viva, que cura e que liberta, cuja fonte é o pró prio Jesus. E B7 F#m B7 E B7 Chuê, chuê, chuá, chuá, nesta água eu vou me banhar. E B7 F#m B7 E Chuê, chuê, chuá, chuá, nesta água eu vou me banhar. Ofertório Dm C Dm Recebe, Deus amigo, estes dons que aqui trazemos, C Dm E felizes, entre todos, a partilha nós faremos. F C Bb F Ó Deus Pai, a ti trazemos pão e vinho uma vez mais. D7 Gm Bb A7 Dm Um só corpo nós seremos com Jesus e pela paz. Recebe, Deus amigo, nossos pés e nossos braços Que encontram na unidade o alento pro cansaço. Recebe, Deus amigo, os projetos que alimentam O convívio e o respeito entre os povos que se enfrentam Recebe, Deus amigo, os esforços do teu povo, Que trabalha com carinho pra criar um mundo novo. Prefácio Pascal G G O Senhor esteja convosco. Ele está no meio de nós. F E F E Corações ao alto. O nosso coração está em Deus. (ritmo) G Demos graças ao Senhor nosso Deus. É nosso dever e salvação. (2x) Dm E Dm Na verdade, ó Pai, Deus eterno e todo poderoso é nosso dever dar-vos graças, é nossa E F F salvação dar-vos glória, em todo tempo e mais solenemente nesta noite em que Cristo, E G nossa Páscoa, foi imolado. É ele o verdadeiro cordeiro, que tirou o pecado do mundo, G Morrendo, destruiu nossa morte, ressuscitando, restaurou nossa vida. (ritmo) G F E Morrendo, destruiu nossa morte, ressuscitando, restaurou nossa vida. Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 8

9 Morrendo,... G Por isso, transbordando de alegria Pascal, exultam os homens por toda terra, e todos os G F E anjos e santos proclamam a vossa glória cantando, cantando a uma só voz. Santo Dm E Santo, Santo, Santo. Santo, Santo, Santo. Santo, Santo, Santo. Dm E Dm E Dm E Santo é o Senhor. Javé Sabaoth, Javé Sabaoth. Dm E Dm F E Os céus e a terra proclamam, proclamam a tua glória! E7 Hosana, hosana, hosana, hosana. (2x) Dm E Dm E Hosana no alto do céu. Hosana, hosana. Dm E Dm F E Bendito o que vem em nome, em nome do Senhor. Oração Eucarística I Padre: Pai de misericórdia, a quem sobem os nossos louvores, nós vos pedimos por Jesus Cristo, vosso filho e Senhor nosso, que abençoeis estas oferendas que apresentamos ao vosso altar. E F#m B7 E A B7 E Solo: Abençoai nossa oferenda, ó Senhor. Todos: (Nossa oferenda ó Senhor) Padre: Nós as oferecemos pela vossa Igreja Santa e Católica: concedei-lhe paz e proteção, unindoa num corpo e governando-a por toda a terra. Nós as oferecemos também pelo vosso servo o Papa João Paulo, por nosso Bispo Arnaldo e por todos os que guardam a fé que receberam dos apóstolos. Solo: Conservai a vossa Igreja sempre unida. Todos (Vossa Igreja sempre unida). Padre: Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos e filhas (N.N.) e de todos os que circundam este altar, dos quais conheceis a fidelidade e a dedicação em vos servir. Eles oferecem conosco este sacrifício por si e por todos os seus e elevam a vós as suas preces para alcançar o perdão de suas faltas, a segurança em suas vidas e a salvação que esperam. Solo: Lembrai-vos ó Pai, dos vossos filhos. Todos: (Ó pai, dos vossos filhos). Padre: Em comunhão com toda a Igreja celebramos o dia santo em que a Virgem Maria deu ao mundo o Salvador. Veneramos também a Virgem Maria e seu esposo São José, os Santos Apóstolos e Mártires: Pedro e Paulo, André, Tiago e João, Tomé Tiago e Filipe, Bartolomeu e Mateus, Simão e Tadeu, Lino, Cleto e Clemente, Sisto, Cornélio e Cipriano, Lourenço e Crisólogo, João e Paulo, Cosme e Damião e todos os vossos santos. Por seus méritos e preces concedei-nos sem cessar a vossa proteção. Solo: Em comunhão com toda a Igreja aqui estamos. Todos: (Com toda igreja aqui estamos). Padre: Recebei, ó Pai, com bondade, a oferenda de vossos servos e de toda a vossa família. Dainos sempre a vossa paz, livrai-nos da condenação e acolhei-nos entre os vossos eleitos. Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 9

10 Dignai-vos, ó Pai, aceitar e santificar estas oferendas, a fim de que se tornem para nós o Corpo e Sangue de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso. Solo: Santificai nossa oferenda, ó Senhor. (Nossa oferenda ó Senhor). Dm A7 Dm Na noite em que ia ser entregue, ele tomou o pão e elevando os olhos a vós, Pai, Pai, F Gm Dm A7 Deu-nos graças, o partiu e deu a seus discípulos dizendo: Tomai todos e comei. Dm A7 Dm Isto é meu corpo que será entregue por vós. Dm A7 Dm Do mesmo modo ao fim da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos e, elevando os olhos a F Gm Dm A7 vós, Pai, Pai, deu-vos graças, e o deu a seus discípulos dizendo: Tomai todos e bebei. Dm A7 Dm Este é o cálice do meu Sangue, o Sangue da nova e eterna aliança,que será derramado por A7 Dm A7 Dm vós e por todos, para a remissão dos pecados. Fazei isto em memória de mim. B7 Eis o sacramento da nossa fé. (ritmo) Em Anunciamos a tua morte, Senhor, proclamamos a tua ressurreição. B7 B7 Maranatá, maranatá, maranatá. Em Maranatá. Padre: Celebrando, pois, a memória da paixão de vosso Filho, da sua ressurreição dentre os mortos e gloriosa ascensão aos céus, nós, vossos servos e também vosso povo santo, vos oferecemos, ó Pai, dentre os bens que nos destes, o sacrifício perfeito e santo, pão da vida eterna e cálice da salvação. C Em Dm G7 C Solo: Recebei, ó Senhor, a nossa oferta. (Ò Senhor, a nossa oferta). Padre: Recebei, ó Pai, esta oferenda, como recebestes a oferta de Abel, o sacrifício de Abraão e os dons de Melquisedeque. Nós vos suplicamos que ela seja levada à vossa presença, para que, ao participarmos deste altar, recebendo o Corpo e o Sangue de vosso Filho, sejamos repletos de todas graças e bênçãos do céu. Solo: Recebei, ó Senhor, a nossa oferta. (Ó Senhor a nossa oferta). Padre: Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos e filhas (N.N.) que partiram desta vida, marcados com o sinal da fé. A eles e a todos os que adormeceram no Cristo, concedei a felicidade, a luz e a paz. Solo: Lembrai-vos ó Pai, dos vossos filhos. (Ó Pai dos vossos filhos). Padre: E a todos nós pecadores, que confiamos na vossa imensa misericórdia, concedei, não por nossos méritos, mas por vossa bondade, o convívio dos Apóstolos e Mártires: João Batista e Estevão, Matias e Barnabé, Inácio, Alexandre, Marcelino e Pedro, Felicidade e Perpétua, Águeda e Luzia, Inês, Cecília, Anastácia e todos os vossos santos. Por Cristo, Senhor nosso. Solo: Concedei-nos o convívio dos eleitos. (O convívio dos eleitos). Padre: Por ele não cessais de criar e santificar estes bens e distribuí-los entre nós. C F C Por Cristo, com Cristo e em Cristo a vós, ó Pai todo poderoso, E F E na unidade do Espírito Santo toda honra e toda glória agora e para sempre. Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 10

11 A F#m E D A ém, amém, amém. ém, amém, amém. ém, amém, amém. Abraço da paz Dm D7 Gm A7 Dm Evenu Shalom Alehem. Evenu Shalom Alehem. Evenu Shalom Alehem A7 Dm Evenu Shalom, Shalom. Shalom Alehem. A paz esteja convosco. A paz esteja convosco. A paz esteja convosco Evenu Shalom, Shalom. Shalom Alehem. Que sea la paz con vosotros. Que sea la paz con vosotros. Que sea la paz con vosotros. Evenu Shalom, Shalom. Shalom Alehem. E sia la pace con voi, E sia la pace con voi. E sia la pace con voi. Evenu Shalom, Shalom. Shalom Alehem. Et la paix soit avec vous. Et la paix soit avec vous. Et la paix soit avec vous. Evenu Shalom, Shalom. Shalom Alehem. Digamos paz ao mundo. Cantemos paz ao mundo. A vossa vida seja gloriosa. É meu desejo. A paz, a paz esteja contigo. Cordeiro F#m Bm C#m F#m SOLO: Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo. D Bm C#m TODOS: Tende piedade de nós! F#m Bm C#m F#m SOLO: Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo. D Bm C#m TODOS: Tende piedade de nós! F#m Bm C#m F#m SOLO: Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo. Bm7 C#m F#m TODOS: Dai-nos a paz! Comunhão D Bm Em A Vejam eu andei pelas vilas, apontei as saídas como o Pai me pediu. F# Bm Em A7 D D7 Portas, eu cheguei para abri-las eu cuidei das feridas como nunca se viu G A/G F#m7 Bm7 Por onde formos também nós que brilhe a Tua luz! Em A G D Fala Senhor na nossa voz em nossa vida D7 G A/G F#m7 Bm7 Nosso caminho então conduz, Queremos ser assim! Em A D A7 Que o pão da vida nos revigore no nosso sim Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 11

12 Vejam fiz de novo a leitura das raízes da vida, que meu Pai vê melhor. Luzes, ascendi com brandura. Para a ovelha perdida não medi meu suor. Vejam procurei bem aqueles que ninguém procurava e falei de meu Pai. Pobres, a esperança que é deles eu não quis ver escrava de um poder que retrai. Vejam, procurei ser bem claro, o meu reino é diverso, não precisa de Rei. Tronos, outro jeito mais raro de juntar os dispersos, o meu Pai tem por lei. Vejam, do meu Pai a vontade eu cumpri passo a passo. Foi para isso que vim. Dores, enfrentei a maldade, mesmo frente ao fracasso eu mantive o meu sim! Vejam, fui além das fronteiras, espalhei boa nova, todos filhos de Deus! Vida, não se deixe nas beiras quem quiser maior prova, venha ser um dos meus. Canto de Meditação Dm Dm E Maria, casa de benção, salvação do nosso século, morada terrestre do humilde (2x) Dm E Dm E F Tu como em cana da Galiléia viste que nos faltava vinho. Que a nossa festa não era festa, E que nossa vida não era vida porque a morte reinava sobre nós. Dm Dm E Maria, casa de benção, salvação do nosso século, morada terrestre do humilde. Dm E Dm E tu nos levaste a teu Filho, e nos ensinaste a obedecer-lhe e a fazer tudo o que ele nos E F E dissesse, para que possa transformar a nossa água em vinho novo. (ritmo) F G F E Vitória, vitória, vida eterna em Cristo ressuscitado! G Aleluia, alelú, aleluia. (2x) Canto final A D7M Eis que faço novas todas as coisas, D#dim D/E A D7M (Bm7/4 E7/9) que faço nova todas as coisas, que faço nova todas as coisas. (2x) A D7M É vida que brota da vida, é fruto que cresce do amor, A D7M É vida que vence a morte, é vida que vem do Senhor. (2x) Deixei o sepulcro vazio, a morte não me segurou. A pedra que então me prendia no terceiro dia rolou. (2x) Eu hoje lhe dou vida nova, renovo em ti o amor, lhe dou uma nova esperança, tudo o que era velho passou. (2x) Arquidiocese de Ribeirão Preto vigp - 12

Ano C n o 27 27 de março de 2016 Domingo da Páscoa na Ressurreição do Senhor A misericórdia vence a morte!

Ano C n o 27 27 de março de 2016 Domingo da Páscoa na Ressurreição do Senhor A misericórdia vence a morte! Ano C n o 27 27 de março de 2016 Domingo da Páscoa na Ressurreição do Senhor A misericórdia vence a morte! Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano C n o 27 27 de março de 2016 Domingo da Páscoa na

Leia mais

- 5 2015 - Nº 25 DOMINGO DA PÁSCOA DA RESSURREIÇÃO DO SENHOR

- 5 2015 - Nº 25 DOMINGO DA PÁSCOA DA RESSURREIÇÃO DO SENHOR O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 5 de abril de 2015 - Nº 25 DOMINGO DA PÁSCOA DA RESSURREIÇÃO DO SENHOR Cor: branco Animador: Queridos irmãos, hoje, uma vez mais,

Leia mais

LEITURA (At 10, 34a. 37-43) Leitura dos Atos dos Apóstolos.

LEITURA (At 10, 34a. 37-43) Leitura dos Atos dos Apóstolos. O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVI - Brasília, 08 de abril de 2012 - Nº 24 DOMINGO DA PÁSCOA DA RESSURREIÇÃO DO SENHOR Cor Litúrgica: Branco INTRODUÇÃO Com: Queridos irmãos,

Leia mais

1-SANTÍSSIMA TRINDADE

1-SANTÍSSIMA TRINDADE Ordinário 1-SANTÍSSIMA TRINDADE A E7 A A7 D BM A E7 A EM NOME DO PAI, EM NOME DO FILHO, EM NOME DO ESPÍRITO SANTO, ESTAMOS AQUI. (BIS) D E C#M F#M BM E7 A D E C#M F#M PARA LOUVAR E AGRADECER, BENDIZER

Leia mais

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO SOBRE NÓS FAZEI BRILHAR O ESPLENDOR DE VOSSA FACE! 3 º DOMINGO DA PÁSCOA- ANO B 22 DE ABRIL DE 2012 ANIM: (Saudações espontâneas)

Leia mais

LITURGIA DA PALAVRA. Com.: Irmãos, a ressurreição de Cristo é a razão da nossa fé e a certeza da nossa vitória. Ouçamos atentamente a Palavra de hoje.

LITURGIA DA PALAVRA. Com.: Irmãos, a ressurreição de Cristo é a razão da nossa fé e a certeza da nossa vitória. Ouçamos atentamente a Palavra de hoje. O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX - Brasília, 20 de abril de 2014 - Nº 28 DOMINGO DA PÁSCOA DA RESSURREIÇÃO DO SENHOR Cor: branco INTRODUÇÃO Queridos irmãos: hoje, Domingo

Leia mais

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos B. Scalabrinianas Centro de Estudos Migratórios Cristo Rei-CEMCREI Rua Castro Alves, 344 90430-130 Porto Alegre-RS cemcrei@cpovo.net www.cemcrei.org.br

Leia mais

- 1 2013 - Nº 7 SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: BRANCO

- 1 2013 - Nº 7 SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: BRANCO O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIII - Brasília, 1 de janeiro de 2013 - Nº 7 SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: BRANCO 1 INTRODUÇÃO Com.: Amados

Leia mais

Todo dia é preciso lembrar, sou a luz, o caminho, a verdade, Sou o trigo que morre e floresce, sou o pão, sou fermento, sou vida.

Todo dia é preciso lembrar, sou a luz, o caminho, a verdade, Sou o trigo que morre e floresce, sou o pão, sou fermento, sou vida. Canto de entrada C G C Dm G G7 Venham comigo, vamos comer minha Páscoa. C G C Dm G G7 Isto é meu corpo, isto também é meu sangue C F G C G Eis o meu testamento até que se cumpra no reino de Deus. C G C

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIV - Brasília, 5 de janeiro de 2014 - Nº 8 SOLENIDADE DA EPIFANIA DO SENHOR Cor Litúrgica: Branco INTRODUÇÃO Com.: Irmãos e irmãs, nesta

Leia mais

CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ

CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ SEIA 23 DE JUNHO 2013 ENTRADA NÓS SOMOS AS PEDRAS VIVAS DO TEMPLO DO SENHOR, NÓS SOMOS AS PEDRAS VIVAS DO TEMPLO DO SENHOR, POVO SACERDOTAL, IGREJA SANTA

Leia mais

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR CANTO 1 - LOUVOR DA CRIAÇÃO D Bm G Em A7 D Bm G Em A7 Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! D F#m G Em A7 1. Javé o nosso Deus é poderoso, seu nome é grande em todas as nações D F#m G Em A7 Na boca das crianças

Leia mais

- 9 2014 - Nº 57 TRIGÉSIMO SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM DEDICAÇÃO DA BASÍLICA DO LATRÃO, FESTA

- 9 2014 - Nº 57 TRIGÉSIMO SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM DEDICAÇÃO DA BASÍLICA DO LATRÃO, FESTA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX - Brasília, 9 de novembro 2014 - Nº 57 TRIGÉSIMO SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM DEDICAÇÃO DA BASÍLICA DO LATRÃO, FESTA Cor Litúrgica: Branco

Leia mais

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA ACOLHIDA Com.: Em comunidade estamos reunidos diante de Deus, na presença de nossos familiares, professores e amigos, para celebrar a missa de nossa formatura. Sentimentos de gratidão,

Leia mais

Missa - 10/5/2015. Entrada

Missa - 10/5/2015. Entrada Missa - 10/5/2015 ntrada m F#m 1. Todos unidos formamos um só corpo, um povo que na Páscoa nasceu. G Membros de Cristo, no sangue redimidos, Igreja peregrina de eus. m F#m Vive conosco a força do spírito,

Leia mais

Jubileu de Prata 25 ANOS

Jubileu de Prata 25 ANOS Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos B. Scalabrinianas Centro de Estudos Migratórios Cristo Rei-CEMCREI Rua Castro Alves, 344 90430-130 Porto Alegre-RS cemcrei@cpovo.net www.cemcrei.org.br

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 26 de abril de 2015 - Nº 28 QUARTO DOMINGO DA PÁSCOA Cor Litúrgica: Branco

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 26 de abril de 2015 - Nº 28 QUARTO DOMINGO DA PÁSCOA Cor Litúrgica: Branco O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 26 de abril de 2015 - Nº 28 QUARTO DOMINGO DA PÁSCOA Cor Litúrgica: Branco 1 Animador: Meus irmãos, Jesus é o Bom Pastor por excelência,

Leia mais

Cantos para o Tempo Pascal Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil

Cantos para o Tempo Pascal Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil C Em F C... O Senhor ressurgiu,... Aleluia, aleluia! F Dm Dm7 G...É o Cordeiro Pascal,... Aleluia, aleluia! C Em F C Imolado por nós,...

Leia mais

Sábado Santo - Vigília Pascal

Sábado Santo - Vigília Pascal Salmo 103 Sábado Santo - Vigília Pascal A F#m Bm E7 A E7 Enviai o vosso Espírito, Senhor, e da terra toda face renovai!... A F#m Bm E7 A Enviai o vosso Espírito, Senhor, e da terra toda face renovai! C#m

Leia mais

PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min

PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min Terço Como de costume RITOS INICIAIS Enquanto se entoa o refrão

Leia mais

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações?

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações? O Canto Litúrgico Como escolher os cantos para nossas celebrações? O que é Liturgia? Liturgia é antes de tudo "serviço do povo", essa experiência é fruto de uma vivencia fraterna, ou seja, é o culto, é

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS I. Nas celebrações do Tempo Advento Deus omnipotente e misericordioso, que vos dá a graça de comemorar na fé a primeira vinda do seu Filho Unigénito e de esperar

Leia mais

O que é Batismo? > É o sacramento pelo qual renascemos para a vida divina e nos tornamos filhos de Deus. Sacramento da iniciação a vida Cristã;

O que é Batismo? > É o sacramento pelo qual renascemos para a vida divina e nos tornamos filhos de Deus. Sacramento da iniciação a vida Cristã; Pastoral do Batismo Sacramentos Batismo O que é Batismo? > É o sacramento pelo qual renascemos para a vida divina e nos tornamos filhos de Deus. Sacramento da iniciação a vida Cristã; Consiste em derramar

Leia mais

Ano C n o 09 1 de janeiro de 2016. Santa Mãe de Deus, Maria A Misericórdia presente no carinho materno Solenidade Dia Santo de Guarda

Ano C n o 09 1 de janeiro de 2016. Santa Mãe de Deus, Maria A Misericórdia presente no carinho materno Solenidade Dia Santo de Guarda Ano C n o 09 1 de janeiro de 2016 Santa Mãe de Deus, Maria A Misericórdia presente no carinho materno Solenidade Dia Santo de Guarda Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano C n o 09 1 de janeiro de

Leia mais

Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo 34 o Domingo do Tempo Comum Solenidade

Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo 34 o Domingo do Tempo Comum Solenidade Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo 34 o Domingo do Tempo Comum Solenidade Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso

Leia mais

Serro 300 anos de História

Serro 300 anos de História MISSA DO 3º DOMINGO DO TEMPO COMUM E EM AÇÃO DE GRAÇA PELOS 300 ANOS DA VILA DO PRINCIPE. LOUVADO SEJA NOSSO SENHOR JESUS CRISTO TODOS: Para sempre seja louvado ACOLHIDA: COM: Um dia, Jesus passou pelo

Leia mais

TUDO POR AMOR. Tudo por amor, divinal, infinita graça, salvou a todos nós! Jesus cumpriu o plano de amor, seu sangue, seu sofrer Foi tudo por amor!

TUDO POR AMOR. Tudo por amor, divinal, infinita graça, salvou a todos nós! Jesus cumpriu o plano de amor, seu sangue, seu sofrer Foi tudo por amor! TUDO POR AMOR A dor, o espinho vil, as lágrimas, o seu sofrer, o meu Senhor na cruz está. Não posso suportar! O que o fez se entregar, pagar o preço lá na cruz? Como um cordeiro foi morrer pra vir me resgatar!

Leia mais

DOMINGO VII DA PÁSCOA. Vésperas I

DOMINGO VII DA PÁSCOA. Vésperas I DOMINGO VII DA PÁSCOA (Onde a solenidade da Ascensão não é transferida para este Domingo). Semana III do Saltério Hi n o. Vésperas I Sa l m o d i a Salmos e cântico do Domingo III. Ant. 1 Elevado ao mais

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 1 de janeiro de 2015 - Nº 7 SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA Cor Litúrgica: Branco Animador: Irmãos: no primeiro dia do

Leia mais

3. Nossa Pátria, vem iluminar! Nossas crianças, vem iluminar! Todo este povo, vem iluminar! Os nossos jovens, vem iluminar.

3. Nossa Pátria, vem iluminar! Nossas crianças, vem iluminar! Todo este povo, vem iluminar! Os nossos jovens, vem iluminar. ACOLHIDA COMENTARISTA: Irmãos e irmãos sejam todos bem vindos. Segundo nosso marco referencial, a PUC é um centro de reflexão e estudo. Sua identidade é fundamentada na pedagogia marista e na concepção

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX- Brasília, 23 de fevereiro de 2014 - Nº 15 SÉTIMO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde INTRODUÇÃO Com.: Irmãos amados, nesta Páscoa

Leia mais

XV DOMINGO DO TEMPO COMUM

XV DOMINGO DO TEMPO COMUM XV DOMINGO DO TEMPO COMUM Jesus chamou os doze Apóstolos e começou a enviá-los dois a dois 1. Admonição de entrada 2. Entrada: Em nome do Pai Refrão: Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito

Leia mais

CANTOS - Novena de Natal

CANTOS - Novena de Natal 1 1 - Refrão Meditativo (Ritmo: Toada) D A7 D % G Em A7 % Onde reina o amor, frater---no amor. D A7 D % G A7 D Onde reina o amor, Deus aí está! 2 - Deus Trino (Ritmo: Balada) G % % C Em nome do Pai / Em

Leia mais

SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO REI DO UNIVERSO

SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO REI DO UNIVERSO Ano A - XXIV - Nº 1482-34º Domingo do Tempo Comum - cor branca ou dourada - 23/11/2014 SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO REI DO UNIVERSO Dia Nacional dos Leigos(as) Preparar o espaço celebrativo

Leia mais

ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009. Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote

ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009. Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote ARQUIDIOCESE DE FLORIANÓPOLIS ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009 Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote 1 - MOTIVAÇÃO INICIAL: Dir.: Em comunhão

Leia mais

Solenidade da Assunção de Nª Senhora. Ano B

Solenidade da Assunção de Nª Senhora. Ano B Solenidade da Assunção de Nª Senhora Admonição Inicial Cântico Inicial (Tu és o Sol) Refrão: Tu és o sol de um novo amanhecer! Tu és farol, a vida a renascer Maria! Maria! És poema de amor! És minha Mãe

Leia mais

- 28 2015 - Nº 37 SÃO PEDRO E SÃO PAULO APÓSTOLOS, SOLENIDADE DIA DO PAPA

- 28 2015 - Nº 37 SÃO PEDRO E SÃO PAULO APÓSTOLOS, SOLENIDADE DIA DO PAPA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 28 de junho de 2015 - Nº 37 SÃO PEDRO E SÃO PAULO APÓSTOLOS, SOLENIDADE DIA DO PAPA Cor Litúrgica: Vermelho Animador - Meus irmãos,

Leia mais

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia.

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia. EUCARISTIA GESTO DO AMOR DE DEUS Fazer memória é recordar fatos passados que animam o tempo presente em rumo a um futuro melhor. O povo de Deus sempre procurou recordar os grandes fatos do passado para

Leia mais

NOSSA SENHORA DAS DORES Padroeira principal da Ordem

NOSSA SENHORA DAS DORES Padroeira principal da Ordem 15 de setembro NOSSA SENHORA DAS DORES Padroeira principal da Ordem Solenidade Para nós Servos de Maria, a devoção a Nossa Senhora das Dores está ligada ao simbolismo do hábito preto e evoca um episódio

Leia mais

NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER. Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos

NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER. Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos Servos de Maria e ficou conhecido como o protetor contra o câncer.

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 01 de fevereiro de 2015 - Nº 12 QUARTO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde Animador: Irmãos, quando somos alcançados pela

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 31 de maio de 2015 - Nº 33 SOLENIDADE DA SANTÍSSIMA TRINDADE Cor Litúrgica: Branco Animador Meus irmãos, nesta Solenidade da Santíssima

Leia mais

Aprovado pela Diocese Anglicana de Recife

Aprovado pela Diocese Anglicana de Recife RITO EUCARÍSTICO DE CAAPORÃ Em forma de literatura de Cordel Aprovado pela Diocese Anglicana de Recife CANTO DE ENTRADA Venham todos e louvemos / com muita sinceridade A eterna aliança / Sacramento de

Leia mais

V DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO B

V DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO B CUROU MUITAS PESSOAS ATORMENTADAS POR VÁRIAS DOENÇAS V DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO B EUCARISTIA 19H DINAMIZAÇÃO DO 8º ANO DE CATEQUESE IGREJA MATRIZ DE VILA DO CONDE Cântico Inicial Já se ouvem nossos passos

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 11 de janeiro de 2015 - Nº 9 FESTA DO BATISMO DO SENHOR Cor Litúrgica: branco 1 Animador: Meus irmãos, o Batismo de Jesus marca

Leia mais

- 13 2013 - Nº 09 BATISMO DO SENHOR, FESTA ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: BRANCA

- 13 2013 - Nº 09 BATISMO DO SENHOR, FESTA ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: BRANCA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIII - Brasília, 13 de janeiro de 2013 - Nº 09 BATISMO DO SENHOR, FESTA ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: BRANCA INTRODUÇÃO Com: Meus irmãos, celebrando

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS RITOS INICIAIS ANIM.: Celebramos hoje a Eucaristia, ação de graças a Deus, nosso Pai, por todos os pais do colégio.

Leia mais

I ARQUIDIOCESE DE SÃO PAULO ELES O RECONHECERAM AO PARTIR O PÃO SEMANA EUCARÍSTICA: 12 18/06/2014 (ORIENTAÇÕES LITÚRGICO-PASTORAIS)

I ARQUIDIOCESE DE SÃO PAULO ELES O RECONHECERAM AO PARTIR O PÃO SEMANA EUCARÍSTICA: 12 18/06/2014 (ORIENTAÇÕES LITÚRGICO-PASTORAIS) I ARQUIDIOCESE DE SÃO PAULO ELES O RECONHECERAM AO PARTIR O PÃO SEMANA EUCARÍSTICA: 12 18/06/2014 (ORIENTAÇÕES LITÚRGICO-PASTORAIS) A celebração da solenidade do Santíssimo Corpo e Sangue de Cristo, no

Leia mais

- 24 2013 - Nº 58 NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, REI DO UNIVERSO. ENCERRAMENTO DO ANO DA FÉ

- 24 2013 - Nº 58 NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, REI DO UNIVERSO. ENCERRAMENTO DO ANO DA FÉ O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIII - Brasília, 24 de novembro de 2013 - Nº 58 NOSSO SENHOR JESUS CRISTO, REI DO UNIVERSO. ENCERRAMENTO DO ANO DA FÉ Cor Litúrgica: Branco

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MÚSICAS PARA A MISSA DO DIA DOS PAIS 07 DE AGOSTO DE 2008

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MÚSICAS PARA A MISSA DO DIA DOS PAIS 07 DE AGOSTO DE 2008 COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MÚSICAS PARA A MISSA DO DIA DOS PAIS 07 DE AGOSTO DE 2008 1. ENTRADA (Deixa a luz do céu entrar) Tu anseias, eu bem sei, por salvação,

Leia mais

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT)

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) 11-02-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Em que sentido toda a vida de Cristo é Mistério? Toda a vida

Leia mais

ELABORAÇÃO UMA LITURGIA. Adoração e Louvor Aula 10

ELABORAÇÃO UMA LITURGIA. Adoração e Louvor Aula 10 ELABORAÇÃO UMA LITURGIA Adoração e Louvor Aula 10 Os cânticos e hinos devem ser previamente escolhidos conforme o tema do culto, a mensagem e o momento litúrgico. Exemplo Prático: Liturgia do dia 01-12-2013

Leia mais

Músicas para Páscoa. AO REDOR DA MESA F Gm C C7 F Refr.: Ao redor da mesa, repartindo o pão/ A maior riqueza dos que são irmãos.

Músicas para Páscoa. AO REDOR DA MESA F Gm C C7 F Refr.: Ao redor da mesa, repartindo o pão/ A maior riqueza dos que são irmãos. Músicas para Páscoa AO PARTIRMOS O PÃO E C#m #m B7 E7 A C#M Refr.: Ao partirmos o pão reconhecemos/ Jesus Cristo por nós ressuscitado./ Sua paz B7 E A B7 E recebemos e levamos,/ Ao nosso irmão que está

Leia mais

Cântico: Em nome do Pai. Celebrante: O Senhor esteja convosco Assembleia: Ele está no meio de nós.

Cântico: Em nome do Pai. Celebrante: O Senhor esteja convosco Assembleia: Ele está no meio de nós. Acende a 3 vela (Samuel Estaço) Cântico: Em nome do Pai Em nome do Pai Em nome do Filho Em nome do Espírito Santo Estamos aqui. (bis) Oração depois da comunhão - RITOS DE CONCLUSÃO - Celebrante: Ao professarmos

Leia mais

BAPTISMO DAS CRIANÇAS (Sem Missa)

BAPTISMO DAS CRIANÇAS (Sem Missa) BAPTISMO DAS CRIANÇAS (Sem Missa) Cântico de Entrada SAUDAÇÃO E MONIÇÃO INICIAL DIÁLOGO COM OS PAIS E PADRINHOS Que nome escolhestes para o vosso filho? Pais: (dizem o nome do filho). Que pedis à Igreja

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVII - Brasília, 03 de junho de 2012 - Nº 32 SOLENIDADE DA SANTÍSSIMA TRINDADE Cor Litúrgica: Branco 1 INTRODUÇÃO Meus irmãos, Jesus revelou-nos

Leia mais

O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 30 de maio de 2013 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO ANO DA FÉ Cor Litúrgica: Branco

O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 30 de maio de 2013 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO ANO DA FÉ Cor Litúrgica: Branco O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 30 de maio de 2013 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO ANO DA FÉ Cor Litúrgica: Branco INTRODUÇÃO Com: Meus irmãos, celebramos hoje a Solenidade

Leia mais

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO O Baptismo, porta da vida e do reino, é o primeiro sacramento da nova lei, que Cristo propôs a todos para terem a vida eterna, e, em seguida, confiou à

Leia mais

PARÓQUIA DA SANTÍSSIMA TRINDADE

PARÓQUIA DA SANTÍSSIMA TRINDADE PARÓQUIA DA SANTÍSSIMA TRINDADE IGREJA EPISCOPAL ANGLICANA DO BRASIL Rua Carolina Méier, 61 - Méier - Rio de Janeiro - CEP: 20780-000 Tel: (21) 2501-7222 Clero: Rev. Pe. Eduardo Costa, Rev. Pe. Luiz Coelho

Leia mais

SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!...

SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!... SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!...) A cada manhã 71 (A cada manhã as misericórdias se renovam...)

Leia mais

O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 19 de junho de 2014 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Cor Litúrgica: Branco

O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 19 de junho de 2014 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Cor Litúrgica: Branco O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 19 de junho de 2014 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Cor Litúrgica: Branco INTRODUÇÃO Com: Meus irmãos, hoje, celebramos a Solenidade

Leia mais

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014 Adoração ao Santíssimo Sacramento Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa 4 de Março de 2014 Leitor: Quando nós, cristãos, confessamos a Trindade de Deus, queremos afirmar que Deus não é um ser solitário,

Leia mais

MISSA DA NOITE RITOS INICIAIS

MISSA DA NOITE RITOS INICIAIS O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 25 de dezembro de 2014 - Nº 5 NATAL DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO Cor Litúrgica: branca MISSA DA NOITE Animador: Irmãos amados,

Leia mais

TEMPO DO NATAL I. ATÉ À SOLENIDADE DA EPIFANIA HINOS. Vésperas

TEMPO DO NATAL I. ATÉ À SOLENIDADE DA EPIFANIA HINOS. Vésperas I. ATÉ À SOLENIDADE DA EPIFANIA No Ofício dominical e ferial, desde as Vésperas I do Natal do Senhor até às Vésperas I da Epifania do Senhor, a não ser que haja hinos próprios: HINOS Vésperas Oh admirável

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIII - Brasília, 14 de abril de 2013 - Nº 26 TERCEIRO DOMINGO DA PÁSCOA ANO DA FÉ Cor Litúrgica: Branco INTRODUÇÃO Com: Irmãos caríssimos,

Leia mais

Ano XLVIII - Brasília, 2 de junho de 2013 - Nº 33

Ano XLVIII - Brasília, 2 de junho de 2013 - Nº 33 O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIII - Brasília, 2 de junho de 2013 - Nº 33 ANO DA FÉ NONO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde INTRODUÇÃO Com.: Irmãos, neste domingo,

Leia mais

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal 1 PARÓQUIA DE Nª SRª DA CONCEIÇÃO, MATRIZ DE PORTIMÃO ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal (O Ícone da Sagrada Família deve ser colocado na sala, num lugar de relevo e devidamente preparado com uma

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX- Brasília, 27 de abril de 2014 - Nº 29 SEGUNDO DOMINGO DA PÁSCOA Cor: Branco

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX- Brasília, 27 de abril de 2014 - Nº 29 SEGUNDO DOMINGO DA PÁSCOA Cor: Branco O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX- Brasília, 27 de abril de 2014 - Nº 29 SEGUNDO DOMINGO DA PÁSCOA Cor: Branco 1 INTRODUÇÃO Com: Queridos irmãos, neste segundo Domingo do

Leia mais

ÍNDICE DO SANTORAL santoral Dia Santo Pág

ÍNDICE DO SANTORAL santoral Dia Santo Pág ÍNDICES ÍNDICE ÍNDICE DO SANTORAL santoral Dia Santo Pág 3 de Janeiro... Santíssimo Nome de Jesus... 7 7 de Janeiro... S. Raimundo de Penaforte... 8 13 de Janeiro... S. Hilário... 10 25 de Janeiro...

Leia mais

Missa do Santo Crisma. 01 de Abril de 2015 Arquidiocese Sant Ana de Botucatu

Missa do Santo Crisma. 01 de Abril de 2015 Arquidiocese Sant Ana de Botucatu Missa do Santo Crisma 01 de Abril de 2015 Arquidiocese Sant Ana de Botucatu 0 Missa do Santo Crisma I RITOS INICIAIS Arcebispo: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo! Arcebispo: Irmãos eleitos

Leia mais

I. RITOS INICIAIS. Procissão de Entrada Largheto (Haendel)

I. RITOS INICIAIS. Procissão de Entrada Largheto (Haendel) I. RITOS INICIAIS Procissão de Entrada Largheto (Haendel).: Cântico de Entrada :. [Encenação: conforme se cantam as estrofes, vão aparecendo os seguintes símbolos correspondentes ao texto de cada estrofe,

Leia mais

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim!

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim! Page 1 of 6 GUIÃO DA CELEBRAÇÃO DA 1ª COMUNHÃO 2006 Ambientação Irmãos: Neste Domingo, vamos celebrar e viver a Eucaristia com mais Fé e Amor e também de uma maneira mais festiva, já que é o dia da Primeira

Leia mais

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DE FÁTIMA

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DE FÁTIMA 01. Refrão Orante A) Ressuscitou de verdade, aleluia, aleluia! Cristo Jesus ressuscitou, aleluia, aleluia! B) Nome dulcíssimo, nome cheio de Amor!/ Tu és refúgio do pecador! Dos coros angélicos és a Harmonia!

Leia mais

- 01 2012 - Nº 36 SOLENIDADE DE SÃO PEDRO E SÃO PAULO DIA DO PAPA

- 01 2012 - Nº 36 SOLENIDADE DE SÃO PEDRO E SÃO PAULO DIA DO PAPA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVII - Brasília, 01 de julho de 2012 - Nº 36 SOLENIDADE DE SÃO PEDRO E SÃO PAULO DIA DO PAPA Cor Litúrgica: Vermelho INTRODUÇÃO Com: Meus irmãos,

Leia mais

Eucaristia VII da Páscoa Dinamiza 5º ano Festa do CREDO

Eucaristia VII da Páscoa Dinamiza 5º ano Festa do CREDO Eucaristia VII da Páscoa Dinamiza 5º ano Festa do CREDO Entrada: Eu acredito Nós sabemos porquê, porquê seguir esta estrada Queremos olhar Jesus e crescer na Santidade Ver a nossa missão dia-a-dia em cada

Leia mais

Álbum: O caminho é o Céu

Álbum: O caminho é o Céu Álbum: O caminho é o Céu ETERNA ADORAÇÃO Não há outro Deus que seja digno como tu. Não há, nem haverá outro Deus como tu. Pra te adorar, te exaltar foi que eu nasci, Senhor! Pra te adorar, te exaltar foi

Leia mais

Vigília Jubilar. Vigília do dia 17 para 18. Abrir às 21 horas do dia 17/10 e encerrar às 6h da manhã do dia 18/10.

Vigília Jubilar. Vigília do dia 17 para 18. Abrir às 21 horas do dia 17/10 e encerrar às 6h da manhã do dia 18/10. Vigília Jubilar Vigília do dia 17 para 18. Abrir às 21 horas do dia 17/10 e encerrar às 6h da manhã do dia 18/10. Material: Uma Bíblia Vela da missão Velas para todas as pessoas ou pedir que cada pessoa

Leia mais

Oração da CF 2014. Amém!

Oração da CF 2014. Amém! Oração da CF 2014 Ó Deus, sempre ouvis o clamor do vosso povo e vos compadeceis dos oprimidos e escravizados. Fazei que experimentem a libertação da cruz e a ressurreição de Jesus. Nós vos pedimos pelos

Leia mais

01- Hino de São Benedito - Entrada

01- Hino de São Benedito - Entrada 01- Hino de São Benedito - Entrada D G D Bm G D Ó glorioso padroeiro, ouve o canto, ouve a prece F# Bm E E7 A7 que nossa alma jubilosa, em tom forte te oferece G A7 G A7 D Salve, pois, São Benedito, honra

Leia mais

MISSA DA NOITE RITOS INICIAIS

MISSA DA NOITE RITOS INICIAIS O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIV - Brasília, 25 de dezembro de 2013 - Nº 5 NATAL DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO Cor Litúrgica: branca MISSA DA NOITE INTRODUÇÃO Com: Irmãos

Leia mais

SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO

SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Quinta-feira depois da Santíssima Trindade ou no Domingo seguinte SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Solenidade LEITURA I Ex 24, 3-8 «Este é o sangue da aliança que Deus firmou convosco» Leitura do Livro

Leia mais

Tempo do Natal. Vésperas

Tempo do Natal. Vésperas Tempo do Natal. DESDE A SOLENDADE DA EPFANA Hinos Vésperas Rei Herodes, porque temes A vinda de Cristo Rei, Que veio trazer aos homens Dos Céus o reino e a lei? Foram os Magos seguindo A estrela do Oriente

Leia mais

SÁBADO, 30 DE MARÇO DE 2013 Vigília Pascal

SÁBADO, 30 DE MARÇO DE 2013 Vigília Pascal SÁBADO, 30 DE MARÇO DE 2013 Vigília Pascal Em comunhão com todas as comunidades cristãs e com o universo, reunimo-nos para celebrar a Páscoa de Jesus: sua passagem da morte para avida. A tristeza e o luto,

Leia mais

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA

RITOS INICIAIS LITURGIA DA PALAVRA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 08 de novembro de 2015 - Nº 56 TRIGÉSIMO SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde 1 Animação: Irmãos e irmãs, por meio

Leia mais

MEDITAÇÃO DE NATAL 2015

MEDITAÇÃO DE NATAL 2015 MEDITAÇÃO DE NATAL 2015 Imagine Maria procurando montar um álbum fotográfico sobre o nascimento de Jesus. Como colocar num mesmo álbum os sinais e experiências que marcaram aquele dia? 1 1. Senão vejamos:

Leia mais

Música para Missa de Domingo de Ramos

Música para Missa de Domingo de Ramos Música para Missa de Domingo de Ramos Antes da benção dos Ramos: Refrão (coro e congregação): Tradução: Hosana ao filho de Davi: bendito que vem em nome de Deus. Rei de Israel: Hosanah nas alturas. 1 Solo

Leia mais

Orações. para todas as horas. 170 orações para diversas circunstâncias

Orações. para todas as horas. 170 orações para diversas circunstâncias Orações para todas as horas 170 orações para diversas circunstâncias Apresentação A oração nos liga ao sagrado, coloca-nos em contato íntimo e profundo com o Pai. Existem vários formas de rezar, muitas

Leia mais

Curso de Discipulado

Curso de Discipulado cidadevoadora.com INTRODUÇÃO 2 Este curso é formado por duas partes sendo as quatro primeiras baseadas no evangelho de João e as quatro últimas em toda a bíblia, com assuntos específicos e muito relevantes

Leia mais

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós.

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós. Lausperene Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos

Leia mais

Hora Santa pela santificação do Clero

Hora Santa pela santificação do Clero Hora Santa pela santificação do Clero Solenidade do Sagrado Coração de Jesus - 12 de Junho de 2015 1. ABERTURA Animador: Caríssimos irmãos e irmãos, neste dia em que a Igreja celebra a Solenidade do Sagrado

Leia mais

SOLENIDADE DA ASSUNÇÃO DE NOSSA SENHORA COM MARIA ANUNCIAR AS MARAVILHAS DE DEUS Dia das Vocações Religiosas

SOLENIDADE DA ASSUNÇÃO DE NOSSA SENHORA COM MARIA ANUNCIAR AS MARAVILHAS DE DEUS Dia das Vocações Religiosas Ano A - XXIV - Nº 1467 - cor branca - 17/08/2014 SOLENIDADE DA ASSUNÇÃO DE NOSSA SENHORA COM MARIA ANUNCIAR AS MARAVILHAS DE DEUS Dia das Vocações Religiosas Ornamentar o espaço celebrativo com carinho

Leia mais

DIA DE ORAÇÃO PELA JMJ RIO2013

DIA DE ORAÇÃO PELA JMJ RIO2013 ROTEIRO PARA O DIA DE ORAÇÃO PELA JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE RIO2013 Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude - CNBB CANTO DE ENTRADA (Canto a escolha) (Este momento de oração pode ser associado

Leia mais

Cântico: Dá-nos um coração

Cântico: Dá-nos um coração Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos que vivem

Leia mais

- 20 2013 - Nº 10 SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: VERDE

- 20 2013 - Nº 10 SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: VERDE O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIII - Brasília, 20 de janeiro de 2013 - Nº 10 SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: VERDE INTRODUÇÃO Com.: Meus irmãos,

Leia mais

Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim

Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim 5º DOMINGO DA PÁSCOA 18 de maio de 2014 Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vai ao Pai senão por mim Leituras: Atos 6, 1-7; Salmo 32 (33), 1-2,4-5.18-19; Primeira Carta de Pedro 2, 4-9; João

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLIX - Brasília, 8 de junho de 2014 - Nº 35 SOLENIDADE DE PENTECOSTES MISSA DO DIA Cor Litúrgica: Vermelho 1 INTRODUÇÃO Com: Irmãos caríssimos,

Leia mais

- 31 2014 - Nº 47 VIGÉSIMO SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM

- 31 2014 - Nº 47 VIGÉSIMO SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XIX - Brasília, 31 de agosto de 2014 - Nº 47 VIGÉSIMO SEGUNDO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde 1 INTRODUÇÃO Meus irmãos, neste Dia

Leia mais

TRÍDUO PASCAL ORAÇÕES À MESA

TRÍDUO PASCAL ORAÇÕES À MESA TRÍDUO PASCAL ORAÇÕES À MESA 1. Quinta-Feira Santa Ao almoço D: Irmãos, Jesus Cristo fez de nós um reino de sacerdotes para Deus o nosso pai. T: A Ele, glória e poder / pelos séculos dos séculos. Amém.

Leia mais

- 30 2012 - Nº 6 FESTA DA SAGRADA FAMÍLIA, JESUS, MARIA E JOSÉ ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: BRANCO

- 30 2012 - Nº 6 FESTA DA SAGRADA FAMÍLIA, JESUS, MARIA E JOSÉ ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: BRANCO O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano XLVIII - Brasília, 30 de dezembro de 2012 - Nº 6 FESTA DA SAGRADA FAMÍLIA, JESUS, MARIA E JOSÉ ANO DA FÉ COR LITÚRGICA: BRANCO INTRODUÇÃO Com:

Leia mais