ANEXO 09. Horas Mensal

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ANEXO 09. Horas Mensal"

Transcrição

1 ANEXO 09 ============= ORÇAMENTO ESTIMADO DA LICITAÇÃO ============= (elaborado em 20/08/2010) ANEXO 09 - ORÇAMENTO ESTIMADO - CUSTO MENSAL I - MÃO DE OBRA a) MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA Profissionais Quant Anos exper. Horas Custo Encargos Sociais Subtotal Total Eletricista de Instalações , , , ,36 Mecânico de Ar Condicionado ,55 807, , ,50 Bombeiro Hidráulico ,55 807, , ,50 Auxiliar Técnico ,00 518, , ,50 Técnico de Telefonia ,38 942, , ,42 6 SUBTOTAL ,28 b) OPERAÇÃO Profissionais Quant Horas Custo Encargos Sociais Subtotal Total Operador de Subestação , , , ,36 Operador de Grupo Gerador , , , ,36 Operador de Central de Água Gelada ,55 807, , ,50 3 SUBTOTAL 6.766,22 c) ASSITÊNCIA TÉCNICA/ADMINISTRATIVA Profissionais Quant Horas Custo Encargos Sociais Subtotal Total Engenheiro Eletricista ou Mecâncio , , , ,42 1 SUBTOTAL 9.022,42 II) RECURSOS MATERIAIS A SEREM DISPONIBILIZADOS NO PRÉDIO Especificação Quant Custo unitário Custo Subtotal Total Inspeção Termográfica ,00 233,33 233,33 233,33 Manutenção Grupo Gerador 1 458,72 76,45 76,45 76,45 Tratamento Químico Água (mensal) 1 460,00 460,00 460,00 460,00 Computador (aluguel) 1 174,39 174,39 174,39 174,39 Software Gerenciamento (aluguel) , , , ,70 SUBTOTAL 2.304,88 III) DESPESAS DIRETAS Especificação Quant Custo Unitário Custo Subtotal Total Vale Refeição , , , ,00 Vale Transporte (custo mensal) vb 565,52 565,52 565,52 565,52 Descarte de Luminárias Fluorescentes 250 0,89 222,50 222,50 222,50 Uniformes 10 30,83 308,30 308,30 308,30 SUBTOTAL 3.736,32 CUSTO TOTAL (I, II, III) ,12 B.D.I. 25,00% 8.159,28 TOTAL MENSAL ,40 TOTAL 30 meses ,00 111

2 PRECIFICAÇÃO DE HORAS EXTRAS E ADICIONAL NOTURNO - OCORRÊNCIA EVENTUAL Profissionais Quant horas no ano % horas extras % adic. Not unitário horas extras Unitário horas noturnas total anual horas extras Total anual horas noturnas Eletricista de Instalações 30 60,00% 35,00% 17,61 14,86 528,29 445,75 Mecânico de Ar Condicionado 30 60,00% 35,00% 13,55 11,43 406,38 342,88 Bombeiro Hidráulico 30 60,00% 35,00% 13,55 11,43 406,38 342,88 Auxiliar Técnico 60 60,00% 35,00% 8,70 7,34 521,84 440,30 Técnico de Telefonia 30 60,00% 35,00% 15,79 13,33 473,82 399,79 Operador de Subestação 30 60,00% 35,00% 17,61 14,86 528,29 445,75 Operador de Grupo Gerador 30 60,00% 35,00% 17,61 14,86 528,29 445,75 Operador de Central de Água Gelada 30 60,00% 35,00% 13,55 11,43 406,38 342,88 Engenheiro Eletricista ou Mecânico 30 50,00% 25,00% 60,96 50, , ,06 ESTIMATIVA CUSTO ANUAL 5.628, ,03 Foram levados em conta para a elaboração do presente orçamento: - valor do salário mínimo: 510,00 - piso para Eletricista (função "PROFISSIONAL" da CCT 2009/2010 CONSTRUÇÃO CIVIL): 953,00 - piso para Técnico (função "TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES" da CCT 2009/2010 CONSTRUÇÃO CIVIL): 953,00 - piso para Mecânico (função "PROFISSIONAL" da CCT 2009/2010 CONSTRUÇÃO CIVIL): 953,00 - piso para Bombeiro hidráulico (função "PROFISSIONAL" da CCT 2009/2010 CONSTRUÇÃO CIVIL): 953,00 - piso para Auxiliares (função "AUXILIAR DE ESCRITÓRIO e AUXILIAR DE ALMOXARIFADO" da CCT 2009/2010 CONSTRUÇÃO CIVIL): 688,00 - piso para Operador (função "PROFISSIONAL" da CCT 2009/2010 CONSTRUÇÃO CIVIL): 953,00 - piso para Engenheiro de 8 horas (6 salários mínimos + 25% cfe. Lei A/66) 4.335,00 - encargos sociais para mão de obra mensalista conforme sistema de orçamentação do BB SISORCE e SINAPI.E81 75,40% - BDI 25,00% O valor da Inspeção Termográfica leva em conta o custo de 2 diárias, diluídas no ano (contrato prevê 1 inspeção anual). O valor da Manutenção do Grupo Gerador leva em conta o custo de 8 horas de Técnico Mecânico e Auxiliar, diluídas no ano (contrato prevê 1 manutenção anual), tendo em vista a inexistência do profissional da equipe residente. A verba para vale transporte foi calculada levando em conta 2 passagens por dia, R$ 2,80 por passagem, 22 dias por mês, totalizando R$ 123,20. Em seguida descontou-se a parte do trabalhador (6%). Foi efetuada a soma somente dos valores positivos. Foi considerado 6,22% de acréscimo sobre o piso salarial, por ano de qualificação/experiência, ditribuído entre as funções conforme exigido no edital (0, 2, ou 5 anos de experiência). O percentual foi estimado a partir de pesquisas de feitas em "sites" do Governo e de empresas especializadas em recursos humanos, levando em conta a variação salarial das contratações em função do tempo de experiência e capacitação dos profissionais. Os adicionais de hora extra e trabalho noturno aplicados estão definidos na CCT 2010/2011 CONSTRUÇÃO CIVIL para os Técnicos, Operadores e Auxiliares e na Lei a/66 para a função de Engenheiro. Os valores do material de consumo, EPIs, luvas etc., bem com o valor da depreciação do ferramental, intercomunicadores e outros de menor monta, encontramse incluídos no BDI em vista da complexidade do cálculo e seu reduzido valor face ao custo mensal. A quantidade de luminárias fluorescentes a serem descartadas, no total de 250 unidades mensais, foi obtido a partir de série histórica. Está incluído no "Custo " o adicional de periculosidade (30%) para o "Eletricista de Instalações", "Operador de Substações" e "Operador de Grupo Gerador" tendo em vista a jurisprudência trabalhista em Santa Catarina 112

3 ANEXO 10 ============ MINUTA DE DECLARAÇÃO DE MICROEMPRESA E EMPRESA DE PEQUENO PORTE ============ Para fins de participação na licitação P.E. 2010/22513, a(o) (NOME COMPLETO DO PROPONENTE)..., CNPJ, sediada (o)...(endereço COMPLETO), DECLARA, sob as penas da lei, que cumpre os requisitos legais para a qualificação como (Microempresa ou Empresa de Pequeno Porte, conforme o caso), na forma da Lei Complementar nº 123, de e do Decreto nº 6.204, de , estando apta a usufruir do tratamento favorecido estabelecido nos arts. 42 a 49 daquela Lei Complementar. DECLARA, ainda, que não existe qualquer impedimento entre os previstos nos incisos do 4º do artigo 3º da Lei Complementar nº 123, de Local e data Nome e identificação do declarante OBS.: a presente declaração deverá ser assinada por representante legal do PROPONENTE. 113

4 ANEXO 11 ============= RELAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS E INSTALAÇÕES E ENDEREÇO DA PRESTAÇÃO DO SERVIÇO ============= RELAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E INSTALAÇÕES PRÉDIO BANCO DO BRASIL FLORIANOPOLIS (PRAÇA XV ENDEREÇO: Praça XV de Novembro, 321 Centro Eventuais divergências na presente relação devem ser apontadas na vistoria prévia obrigatória e levadas em conta pelo proponente. Se significantes devem ser comunicadas ao Banco em tempo hábil para proceder as correções antes da apresentação das propostas (Posição em abril/2010) AR CONDICIONADO EQUIPAMENTO PAVIMENTO MARCA MODELO CAPACIDADE CHILLER 01 COBERTURA CARRIER CARRIER HXC TR BOM CHILLER 02 COBERTURA CARRIER CARRIER HXC TR BOM FAN COIL 1 SUBSOLO BRYANT BRYANT ITC 12 12,5 TR SUBSTITUIR FAN COIL 2 TERREO BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 3 1 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 4 1 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 5 1 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 6 2 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 7 2 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 8 3 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 9 3 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 10 4 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 11 4 BRYANT BRYANT ITC 8 8 TR SUBSTITUIR FAN COIL 12 5 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 13 5 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 14 6 (frente) BRYANT BRYANT ITC 8 8 TR SUBSTITUIR FAN COIL 15 6 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 16 6 (frente) BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 17 6 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 18 7 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 19 7 BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR FAN COIL 20 8 PEE BRYANT BRYANT ITC TR SUBSTITUIR 114

5 FAN COIL 21 8 PEE BRYANT BRYANT ITC 8 8 TR SUBSTITUIR FAN COIL 22 4 CARRIER CARRIER 42LN025 2,3 TR BOM FAN COIL 23 4 CARRIER CARRIER 42LN036 4,4 TR BOM FAN COIL 24 5 CARRIER CARRIER 42LN014 1,2 TR BOM FAN COIL 25 5 CARRIER CARRIER 42LN014 1,2 TR BOM FAN COIL 26 5 CARRIER CARRIER 42LN014 1,2 TR BOM FAN COIL 27 7 CARRIER CARRIER 42LN014 1,2 TR BOM FAN COIL 28 7 CARRIER CARRIER 42LN014 1,2 TR BOM FAN COIL 29 7 CARRIER CARRIER 42LN025 3,2 TR BOM FAN COIL 30 8 CARRIER CARRIER 42LN014 1,2 TR BOM FAN COIL 31 8 CARRIER CARRIER 42LN025 2,3 TR BOM FAN COIL 32 8 CARRIER CARRIER 42LN025 2,3 TR BOM TORRE COBERTURA ALPINA BOM ARREFECIMENTO 1 TORRE COBERTURA ALPINA BOM ARREFECIMENTO 2 SISTEMA DE COBERTURA CARRIER ATUALIZAR AUTOMAÇÃO BOMBAS COBERTURA SCHINEIDER DIVERSOS 7 unidades BOM SPLIT AUDITÓRIO 1 8 HITACHI RAA020F3Q Btu/h BOM SPLIT AUDITÓRIO 2 8 CARRIER 38CKB Btu/h BOM SPLIT AUDITORIO 3 8 CARRIER 38CKB Btu/h BOM SPLIT SALA ON LINE 3 YORK H2RA036506D Btu/h BOM SPLIT NÓ DE REDE 1 6 YORK MCCRSP Btu/h SUBSTITUIR SPLIT NÓ DE REDE 2 6 YORK MCC25P Btu/h SUBSTITUIR SPLIT NÓ DE REDE 3 6 YORK MCC18P Btu/h BOM SPLIT K7 SUBSOLO CARRIER 38CKC036C Btu/h BOM TESOURARIA NUVAL SPLIT K7 CONTAGEM SUBSOLO CARRIER NXA24226C Btu/h BOM NUVAL SPLIT K7 OPERAÇÃO SUBSOLO CARRIER 38CK036C Btu/h BOM NUVAL SPLIT SALA DE SUBSOLO YORK MOH18-N16B Btu/h BOM CONTROLE SPLIT K7 SUBSOLO CARRIER 38CK036C Btu/h BOM ADMINISTRATIVO NUVAL SPLIT TESOURARIA SUBSOLO YORK MCC45N Btu/h BOM SPLIT GUARITA SUBSOLO CARRIER 38RCA Btu/h BOM GARAGEM SPLIT K7 SALA SUBSOLO YORK Btu/h BOM VIGILANTES SPLIT K7 PAN 2 SUBSOLO CARRIER Btu/h BOM SPLIT PEE SALA ON 8 PEE YORK 7500 Btu/h BOM LINE SPLIT PEE SALA DE 8 PEE YORK 7500 Btu/h BOM CONTROLE 1 SPLIT PEE SALA DE 8 PEE YORK 7500 Btu/h BOM CONTROLE 2 SPLIT COFRE NUVAL SUBSOLO YORK 7500 Btu/h BOM SISTEMA DE VENTILAÇÃO E RENOVAÇÃO DE AR EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA CAPACIDADE INSUFLADOR/EXAUSTO SUBSOLO 3 ventokit 500 m3/h BOM R INSUFLADOR/EXAUSTO SUBSOLO 4 ventokit 200 m3/h BOM R INSUFLADOR/EXAUSTO SUBSOLO 1 x 1000 m3/h BOM R INSUFLADOR/EXAUSTO 8 PEE 4 ventokit 500 m3/h BOM R 115

6 (incluir linhas cfe necessidade) 8 PEE 1 ventokit 200 m3/h BOM GRUPO GERADOR EQUIPAMENTO PAVIMENTO MARCA MODELO CAPACIDADE MOTOR COBERTURA MWM D / BOM 1800 GERADOR COBERTURA WEG GPA - WEG 81 KVA BOM CHAVE TRANSFERÊNCIA COBERTURA GE SWPCH 250 BOM NO BREAKs EQUIPAMENTO PAVIMENTO MARCA MODELO CAPACIDADE NO BREAK 8 UPSONIC SYSTEM 200R 2 KVA BOM NO BREAK 8 PEE SMS MSR3100BI 1 KVA BOM NO BREAK 8 PEE SMS MSR3100BI 1 KVA BOM NO BREAK 8 PEE UPSONIC SYSTEM200R 2 KVA BOM NO BREAK 7 UPSONIC SYSTEM200R 2 KVA BOM NO BREAK 7 TECTRONIC POWERPLUS 2 KVA BOM NO BREAK 6 UPSONIC SYSTEM200R 2 KVA BOM NO BREAK 5 TECTRONIC POWERPLUS 2 KVA BOM NO BREAK 4 UPSONIC SYSTEM200R 2 KVA BOM NO BREAK 4 UPSONIC SYSTEM200R 2 KVA BOM NO BREAK 3 POWERPAK MS KVA BOM NO BREAK 3 TECTRONIC POWERPLUS 2 KVA BOM NO BREAK TERREO POWERPAK MS KVA BOM NO BREAK TERREO POWERPAK MS KVA BOM NO BREAK TERREO POWERPAK MS KVA BOM NO BREAK TERREO POWERPAK MS KVA BOM NO BREAK TERREO TECTRONIC POWERPLUS 2 KVA BOM NO BREAK SUBSOLO UPSONIC SYSTEM200R 2 KVA BOM NO BREAK SUBSOLO TECTRONIC TPU1000s 1 KVA BOM NO BREAK SUBSOLO TECTRONIC TPU2000L 2 KVA BOM NO BREAK SUBSOLO TECTRONIC TPU2000L 2 KVA BOM NO BREAK 6 MITSUBISHI UP2033C/A1535U2 2 KVA BOM NO BREAK 6 MITSUBISHI UP2033C/A1535U2 2 KVA BOM NO BREAK TERREO LACERDA MS 2KVAM-2 2 KVA BOM SUBESTAÇÃO EQUIPAMENTO PAVIMENTO MARCA/OUTRO S MODELO/OUTROS CAPACIDADE /OUTROS TRAFOS SUBSOLO WEG KVA BOM DISJUNTOR SUBSOLO BEGHIM SOPRARCK TIPO PL 15 BOM S ELÉTRICOS EQUIPAMENTO PAVIMENTO TAMANHO NÚMERO DISJUNTORES CAPACIDADE MAIOR DISJUNTOR QGBT SUBSOLO 200x400 cm BOM SUBSOLO 100x50 cm BOM DISTRIBUIÇÃO 1 SUBSOLO 80x50 cm BOM DISTRIBUIÇÃO 2 SUBSOLO 80x50 cm BOM DISTRIBUIÇÃO 3 TERREO 80x50 cm BOM DISTRIBUIÇÃO 4 TERREO 80x50 cm BOM DISTRIBUIÇÃO x50 cm BOM DISTRIBUIÇÃO 6 116

7 DISTRIBUIÇÃO 7 DISTRIBUIÇÃO 8 DISTRIBUIÇÃO 9 DISTRIBUIÇÃO 10 DISTRIBUIÇÃO 11 DISTRIBUIÇÃO 12 DISTRIBUIÇÃO 13 DISTRIBUIÇÃO 14 DISTRIBUIÇÃO 15 DISTRIBUIÇÃO 16 DISTRIBUIÇÃO 17 DISTRIBUIÇÃO 18 DISTRIBUIÇÃO 19 DISTRIBUIÇÃO 20 DISTRIBUIÇÃO 21 DISTRIBUIÇÃO 22 DISTRIBUIÇÃO 23 DISTRIBUIÇÃO x50 cm BOM 2 80x50 cm BOM 2 80x50 cm BOM 3 80x50 cm BOM 3 80x50 cm BOM 4 80x50 cm BOM 4 80x50 cm BOM 5 80x50 cm BOM 5 80x50 cm BOM 6 80x50 cm BOM 6 80x50 cm BOM 7 80x50 cm BOM 7 80x50 cm BOM 8 PEE 40x30 cm 8 25 BOM 8 PEE 40x30 cm BOM 8 PEE 80x50 cm BOM 8 PEE 80x50 cm BOM 8 PEE 60x48 cm BOM LUMINÁRIAS EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE TIPO LUMINÁRIAS SUBSOLO 38 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS SUBSOLO 10 FLUORESCENTE 2X16W BOM LUMINÁRIAS TERREO 34 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS TERREO 10 FLUORESCENTE 2X16W BOM LUMINÁRIAS 1 36 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS 1 11 FLUORESCENTE 2X16W BOM LUMINÁRIAS 2 30 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS 2 9 FLUORESCENTE 2X16W BOM LUMINÁRIAS 3 32 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS 3 9 FLUORESCENTE 2X16W BOM LUMINÁRIAS 4 33 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS 4 10 FLUORESCENTE 2X16W BOM LUMINÁRIAS 5 34 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS 5 5 FLUORESCENTE 2X16W BOM LUMINÁRIAS 6 30 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS 6 12 FLUORESCENTE 2X16W BOM LUMINÁRIAS 7 34 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS 7 10 FLUORESCENTE 2X16W BOM LUMINÁRIAS 8 33 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS 8 9 FLUORESCENTE 2X16W BOM LUMINÁRIAS COBERTURA 12 FLUORESCENTE 2X32W BOM LUMINÁRIAS COBERTURA 3 FLUORESCENTE 2X16W BOM 117

8 SISTEMA DE ALARME DE INCÊNDIO EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA OUTRAS INFORMAÇÕES 118 CENTRAL 1 TERREO 1 ILUMAC ENDEREÇÁVEL BOM CENTRAL 2 8 PEE 1 ENGENSUL ANALÓGICA BOM CENTRAL 3 SUBSOLO 1 ILUMAC ENDEREÇÁVEL BOM SENSORES/ACIONAD ORES TODOS 80 DIVERSAS quant. aproximada SISTEMA DE ILUMINAÇÃO DE EMERGÊNCIA E SINALIZAÇÃO DE SAÍDA EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA TIPO BLOCO DE DIVERSOS 100 ILUMAC CENTRALIZADOS BOM ILUMINAÇÃO BLOCO DE DIVERSOS 60 DIVERSOS AUTÔNOMOS BOM ILUMINAÇÃO BLOCO DE SINALIZAÇÃO TODOS 100 DIVERSOS quant. aproximada BOM SPDA EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE PONTEIRAS PARA COBERTURA 3 BOM RAIOS HASTES COBERTURA 3 BOM DESCIDAS TODOS 3 BOM SISTEMA DE COMBATE A INCÊNDIO EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE TIPO SUBSOLO 2 DE BOM TERREO 3 DE BOM 1 2 DE BOM 2 2 DE BOM 3 2 DE BOM 4 2 DE BOM 5 2 DE BOM 6 2 DE BOM 7 2 DE BOM 8 2 DE BOM COBERTURA 2 DE BOM EXTINTORES TODOS 116 DIVERSOS BOM SISTEMA DE CFTV EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA OUTRAS INFORMAÇÕES BOM SISTEMA DE CFTV SUBSOLO 4 DIVERSAS DVR de 16 CANAIS BOM SISTEMA DE CFTV 3 3 DIVERSAS DVR de 16 CANAIS BOM SISTEMA DE CFTV 5 1 DIVERSAS DVR de 16 CANAIS BOM SISTEMA DE CFTV 8 PEE 2 DIVERSAS DVR de 16 CANAIS BOM CÂMERA E LENTE DIVERSOS 150 DIVERSAS DVR de 16 CANAIS BOM CÂMERA DOMO SUBSOLO 2 PELCO BOM

9 CONTROLADORA VÍDEO SUBSOLO 2 PELCO KBD400 BOM INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA TIPO TORNEIRAS TODOS 69 DOCOL PRESSMATIC BOM CÁIXAS ACOPLADAS TODOS 49 MONTANA BOM REGISTROS TODOS 18 DECA GAVETA BOM BOMBA DE RECALQUE SUBSOLO 2 7,5 HP BOM SISTEMA DE TELEFONIA EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA TRONCOS/RAMAIS CENTRAL 3 1 ALCATEL 60/400 BOM CENTRAL SUBSOLO 1 LEUCOTRON usada só p/ ramais BOM SUBSOLO 10 DIVERSOS BOM TERREO 5 DIVERSOS BOM 1 15 DIVERSOS BOM 2 23 DIVERSOS BOM 3 14 DIVERSOS BOM 4 11 DIVERSOS BOM 5 15 DIVERSOS BOM 6 22 DIVERSOS BOM 7 22 DIVERSOS BOM 8 15 DIVERSOS BOM 8 PEE 8 DIVERSOS BOM COBERTURA 1 DIVERSOS BOM INTERFONES SUBSOLO 25 DIVERSOS BOM INTERFONES 5 1 HDL BOM INTERFONES 8 PEE 10 DIVERSOS BOM INTERTRAVAMENTO DE PORTAS EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA OUTRAS INFORMAÇÕES FECHOS SUBSOLO 18 AUTOMATIZA BOM MAGNÉTICOS FECHOS 8 PEE 8 AUTOMATIZA BOM MAGNÉTICOS MESA DE COMANDO SUBSOLO 1 AUTOMATIZA BOM MESA DE COMANDO 8 PEE 1 AUTOMATIZA BOM CABEAMENTO ESTRUTURADO EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE OUTRAS INFORMAÇÕES PONTOS LÓGICOS SUBSOLO 15 BOM PONTOS LÓGICOS TERREO 40 BOM PONTOS LÓGICOS 1 25 BOM PONTOS LÓGICOS 2 38 BOM PONTOS LÓGICOS 3 45 BOM 119

10 PONTOS LÓGICOS 4 45 BOM PONTOS LÓGICOS 5 15 BOM PONTOS LÓGICOS 6 65 BOM PONTOS LÓGICOS 7 58 BOM PONTOS LÓGICOS 8 26 BOM RACKS SUBSOLO 2 BOM RACKS 1 2 BOM RACKS 2 1 BOM RACKS 3 4 BOM RACKS 4 1 BOM RACKS 5 1 BOM RACKS 6 1 BOM RACKS 7 1 BOM RACKS 8 2 BOM RACKS 8 PEE 1 BOM FIBRA ÓTICA TODOS 24 links entre pvtos BOM OUTROS SISTEMAS E EQUIPAMENTOS EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA CAPACIDADE HAND KEY SUBSOLO 3 Recognition hand key II BOM Systems HAND KEY 8 PEE 1 Recognition hand key II BOM Systems PGMD TERREO 3 MINEORO BOM PORTAL DETECTOR SUBSOLO 1 MINEORO BOM METAIS PORTAL DETECTOR 8 PEE 1 MINEORO BOM METAIS PORTÃO SUBSOLO 1 BOM BASCULANTE PONTOS TV DIVERSOS 9 BOM CORPORATIVA CILINDROS DE OXIGÊNIO SUBSOLO 2 BOM RELAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E INSTALAÇÕES PRÉDIO BANCO DO BRASIL FLORIANOPOLIS (PRAÇA XV ENDEREÇO: Praça XV de Novembro, 329 Centro Eventuais divergências na presente relação devem ser apontadas na vistoria prévia obrigatória e levadas em conta pelo proponente. Se significantes devem ser comunicadas ao Banco em tempo hábil para proceder as correções antes da apresentação das propostas (Posição em abril/2010) AR CONDICIONADO EQUIPAMENTO PAVIMENTO MARCA MODELO CAPACIDADE CHILLER 01 COBERTURA TRANE CAG TR BOM FAN COIL 4 TRANE WDPA TR BOM FAN COIL 5 TRANE WDPA TR BOM FAN COIL 6 TRANE WDPA TR BOM FAN COIL 4 TRANE WDPA-06 8 TR BOM FAN COIL 4 TRANE WDPA-06 8 TR BOM FAN COIL 5 TRANE WDPA-06 8 TR BOM FAN COIL 5 TRANE WDPA-06 8 TR BOM FAN COIL 6 TRANE WDPA-06 8 TR BOM FAN COIL 6 TRANE WDPA-06 8 TR BOM FANCOLETE 3 TRANE CWCS 40 3 TR BOM FANCOLETE 3 TRANE CWCS 40 3 TR BOM FANCOLETE 3 TRANE CWCS 40 3 TR BOM FANCOLETE 3 TRANE CWCS 40 3 TR BOM 120

11 FANCOLETE 7 TRANE CWCS 40 3 TR BOM FANCOLETE 7 TRANE CWCS 40 3 TR BOM FANCOLETE 7 TRANE CWCS 40 3 TR BOM FANCOLETE 7 TRANE CWCS 40 3 TR BOM SISTEMA DE COBERTURA TRANE TRANE BOM AUTOMAÇÃO BOMBAS COBERTURA KMC DIVERSOS 4 unidades BOM SPLIT 3 HITACHI RAA015F3S Btu/h BOM SPLIT 3 HITACHI RAA015F3S Btu/h BOM SPLIT 3 HITACHI RAA015F3S Btu/h BOM SPLIT 3 HITACHI RAA015F3S Btu/h BOM SPLIT 2 HITACHI RAA015F3S Btu/h BOM SPLIT 2 HITACHI RAA015F3S Btu/h BOM SPLIT 2 HITACHI RAA015F3S Btu/h BOM SPLIT 2 HITACHI RAA015F3S Btu/h BOM SPLIT 3 HITACHI RCA 008B 9000 Btu/h BOM SPLIT 3 HITACHI RCA 008B 9000 Btu/h BOM SPLIT 3 HITACHI RCA 008B 9000 Btu/h BOM SPLIT 3 KOMECO KOS18KC Btu/h BOM SPLIT 3 KOMECO KOS18KC Btu/h BOM SPLIT 2 HITACHI RCA 008B 9000 Btu/h BOM SPLIT 2 HITACHI RCA 008B 9000 Btu/h BOM SPLIT 2 HITACHI RAP040A7B Btu/h BOM SPLIT SOBRELOJA MIGRARE TYBFKFR70W Btu/h BOM SPLIT SOBRELOJA MIGRARE TYBFKFR70W Btu/h BOM SPLIT TERREO MIGRARE TYBFKFR70W Btu/h BOM SPLIT TERREO MIGRARE TYBFKFR70W Btu/h BOM SPLIT SOBRELOJA MIGRARE Btu/h BOM SPLIT 2 YORK CHC55836L Btu/h BOM ACJ 2 CONSUL AIRMASTER Btu/h BOM ACJ 2 CONSUL AIRMASTER Btu/h BOM ACJ 2 CONSUL AIRMASTER Btu/h BOM ACJ TERREO CONSUL AIRMASTER Btu/h BOM ACJ TERREO CONSUL AIRMASTER Btu/h BOM ACJ 2 LG WMM181FGA Btu/h BOM CORTINA DE AR TERREO TOTALINE - 1,60 metros BOM NO BREAKs EQUIPAMENTO PAVIMENTO MARCA MODELO CAPACIDADE NO BREAK TERREO LACERDA MS KVA BOM NO BREAK SOBRELOJA LACERDA MS KVA BOM NO BREAK 2 LACERDA MS KVA BOM NO BREAK 3 LACERDA MS KVA BOM NO BREAK 3 LACERDA MS KVA BOM NO BREAK 4 LACERDA MS KVA BOM NO BREAK 5 LACERDA MS KVA BOM NO BREAK 6 LACERDA MS KVA BOM NO BREAK 7 LACERDA MS KVA BOM SUBESTAÇÃO EQUIPAMENTO PAVIMENTO MARCA/OUTR OS MODELO/OUTR OS CAPACIDADE /OUTROS TRAFOS SUBSOLO AEG TC113/15 112,5 KVA SUBSTITUIR TRAFOS SUBSOLO AEG TC113/15 112,5 KVA SUBSTITUIR TRAFOS SUBSOLO AEG TC113/15 112,5 KVA SUBSTITUIR DISJUNTOR SUBSOLO BEGHIN PL15B 630 A SUBSTITUIR DEMAIS COMPONENTES S ELÉTRICOS SUBSOLO SECCIONADO RAS X X SUBSTITUIR 121

12 EQUIPAMENTO PAVIMENTO TAMANHO NÚMERO DISJUNTORES CAPACIDADE MAIOR DISJUNTOR QGBT SUBSOLO 200x160 8 TRIFÁSICO 300A REGULAR TERREO 60X40 10 MONOFÁSICO REGULAR DISTRIBUIÇÃO 1 20A TERREO 60X40 4 TRIFÁSICO 30A REGULAR DISTRIBUIÇÃO 2 TERREO 60X40 4 TRIFÁSICO 30A REGULAR DISTRIBUIÇÃO 3 TERREO 80X40 19 TRIFÁSICO 30A REGULAR DISTRIBUIÇÃO X40 16 TRIFÁSICO 50A REGULAR DISTRIBUIÇÃO X40 7 MONOFÁSICO REGULAR DISTRIBUIÇÃO 6 50A 3 80X60 31 TRIFÁSICO 40A BOM DISTRIBUIÇÃO X60 11 TRIFÁSICO 32A REGULAR DISTRIBUIÇÃO X60 31 TRIFÁSICO 40A BOM DISTRIBUIÇÃO X60 25 TRIFÁSICO 40A BOM DISTRIBUIÇÃO X60 31 TRIFÁSICO 40A BOM DISTRIBUIÇÃO X60 25 TRIFÁSICO 32A BOM DISTRIBUIÇÃO X60 31 TRIFÁSICO 40A BOM DISTRIBUIÇÃO X60 25 TRIFÁSICO 40A BOM DISTRIBUIÇÃO X60 31 TRIFÁSICO 40A BOM DISTRIBUIÇÃO X60 25 TRIFÁSICO 32A BOM DISTRIBUIÇÃO 16 DISTRIBUIÇÃO 17 COBERTURA 120x80 10 TRIFÁSICO 400A BOM LUMINÁRIAS EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE TIPO LUMINÁRIAS SUBSOLO 4 2x20W SUBSTITUIR LUMINÁRIAS SUBSOLO 4 2x40W SUBSTITUIR LUMINÁRIAS TERREO 20 2x20W SUBSTITUIR LUMINÁRIAS TERREO 120 2x40W SUBSTITUIR LUMINÁRIAS SOBRELOJA 18 2x20W SUBSTITUIR LUMINÁRIAS SOBRELOJA 80 2x40W SUBSTITUIR LUMINÁRIAS x20W SUBSTITUIR LUMINÁRIAS x40W SUBSTITUIR LUMINÁRIAS x16W BOM LUMINÁRIAS x32W BOM LUMINÁRIAS x16W BOM LUMINÁRIAS x32W BOM LUMINÁRIAS x16W BOM LUMINÁRIAS x32W BOM LUMINÁRIAS x16W BOM LUMINÁRIAS x32W BOM LUMINÁRIAS x16W BOM LUMINÁRIAS x32W BOM SISTEMA DE ALARME DE INCÊNDIO 122

13 EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA OUTRAS INFORMAÇÕES CENTRAL 1 SUBSOLO 1 KHRONOS mod. CIK1200/24 REGULAR CENTRAL 2 TERREO 1 KHRONOS mod. ACIK1812 REGULAR SENSORES/ACIONAD ORES TODOS 25 DIVERSAS quant. aproximada REGULAR SISTEMA DE ILUMINAÇÃO DE EMERGÊNCIA E SINALIZAÇÃO DE SAÍDA EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA TIPO BLOCO DE TODOS 85 DIVERSOS AUTONOMOS REGULAR ILUMINAÇÃO BLOCO DE SINALIZAÇÃO TODOS 60 DIVERSOS quant. aproximada REGULAR SPDA EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE PONTEIRAS PARA COBERTURA 1 REGULAR RAIOS HASTES COBERTURA 1 REGULAR DESCIDAS TODOS 1 REGULAR SISTEMA DE COMBATE A INCÊNDIO EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE TIPO SUBSOLO 1 DE REGULAR TERREO 3 DE REGULAR SOBRELOJA 2 DE REGULAR 2 2 DE REGULAR 3 2 DE REGULAR 4 2 DE REGULAR 5 2 DE REGULAR 6 2 DE REGULAR 7 2 DE REGULAR EXTINTORES TODOS 6 ÁGUA capacidade 10 SUBSTITUIR litros EXTINTORES TODOS 20 CO2 capacidade 4 SUBSTITUIR quilos EXTINTORES TODOS 7 PÓ QUÍMICO capacidade 4 quilos SUBSTITUIR SISTEMA DE CFTV EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA OUTRAS INFORMAÇÕES SISTEMA DE CFTV 3 3 DIVERSAS DVRs de 16 BOM canais SISTEMA DE CFTV TÉRREO 1 GEOVISION MICRO de 16 BOM canais CÂMERA E LENTE DIVERSOS 55 DIVERSAS BOM INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA TIPO 123

14 TORNEIRAS TODOS 40 DIVERSAS DIVERSAS REGULAR CÁIXAS ACOPLADAS TODOS 20 DIVERSAS DIVERSAS REGULAR REGISTROS TODOS 9 DIVERSAS DIVERSAS REGULAR BOMBA DE RECALQUE SUBSOLO 3 REGULAR SISTEMA DE TELEFONIA EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA CENTRAL 3 1 LEUCOTRON BOM SUBSOLO 2 DIVERSAS REGULAR TERREO 15 DIVERSAS REGULAR SOBRELOJA 8 DIVERSAS REGULAR 2 25 DIVERSAS BOM 3 20 DIVERSAS BOM 4 64 DIVERSAS BOM 5 54 DIVERSAS BOM 6 40 DIVERSAS BOM 7 36 DIVERSAS BOM CABEAMENTO ESTRUTURADO EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE OUTRAS INFORMAÇÕES PONTOS LÓGICOS TERREO 35 REGULAR PONTOS LÓGICOS SOBRELOJA 12 REGULAR PONTOS LÓGICOS 2 35 REGULAR PONTOS LÓGICOS 3 23 BOM PONTOS LÓGICOS 4 80 BOM PONTOS LÓGICOS 5 68 BOM PONTOS LÓGICOS 6 55 BOM PONTOS LÓGICOS 7 45 BOM RACKS TERREO 1 PADRÃO BB BOM RACKS SOBRELOJA 1 PADRÃO BB BOM RACKS 2 1 PADRÃO BB BOM RACKS 3 5 PADRÃO BB BOM RACKS 4 1 PADRÃO BB BOM RACKS 5 1 PADRÃO BB BOM RACKS 6 1 PADRÃO BB BOM RACKS 7 1 PADRÃO BB BOM FIBRA ÓTICA TODOS 14 LINKS BOM OUTROS SISTEMAS E EQUIPAMENTOS EQUIPAMENTO PAVIMENTO QUANTIDADE MARCA MODELO FECHO MAGNÉTICO TERREO 1 AUTOMATIZA BOM CONTROLADORA TERREO 1 AUTOMATIZA BOM FECHO PGMD TERREO 1 MPCI BOM PGMD TERREO 1 MINEORO BOM VIDEOCONFERÊNCIA DIVERSOS 2 VEGA X5 BOM MONITORES 3 2 SINTAX LT37HVS BOM VIDEOCONF. LOUSA INTERATIVA 6 1 SMART BOARD 48 POLEGADAS BOM PONTOS TV DIVERSOS 4 BOM 124

15 CORPORATIVA 125

16 ANEXO 12 ========= PLANILHA DE DADOS DE CONSUMO DE ÁGUA ========== PLANILHA DE DADOS DE CONSUMO DE ÁGUA PURAGUA PROGRAMA DE USO RACIONAL DA ÁGUA Dependência : Prefixo : Número Universal do Prédio : Código do Consumidor : Nome Concessionária : CNPJ da concessionária : PRÉDIOS COM EQUIPE RESIDENTE data leitura hidrômetro (m3) consumo diário (m3) ocorrências 01/ / 02/ / 03/ / 04/ / 05/ / 06/ / 07/ / 08/ / 09/ / 10/ / 11/ / 12/ / 13/ / 14/ / 15/ / 16/ / 17/ / 18/ / 19/ / 20/ / 21/ / 22/ / 23/ / 24/ / 25/ / 26/ / 27/ / 28/ / 29/ / 30/ / 31/ / TOTAL Mês : Ano: tipo de tarifa R$ valor pago - água valor pago - esgoto outros valores valor pago total fatura OBS: Data e Assinaturas da Empresa Contratada: 126

TUDO QUE VOCÊ PRECISA PARA SEGURANÇA E COMUNICAÇÃO

TUDO QUE VOCÊ PRECISA PARA SEGURANÇA E COMUNICAÇÃO 5 CONHEÇA OS PRODUTOS QUE A KHRONOS DISTRIBUIDORA OFERECE PARA REVENDEDORES E INSTALADORES COM PREÇOS E CONDIÇÕES EXCLUSIVOS. SÃO EQUIPAMENTOS, ACESSÓRIOS E MUITO MAIS. TODOS COM TECNOLOGIAS DE MARCAS

Leia mais

EDITAL CONCORRÊNCIA 02/2015 ANEXO IX - ANÁLISE ECONÔMICO-FINANCEIRA DA CONCESSÃO.

EDITAL CONCORRÊNCIA 02/2015 ANEXO IX - ANÁLISE ECONÔMICO-FINANCEIRA DA CONCESSÃO. EDITAL CONCORRÊNCIA 02/2015 ANEXO IX - ANÁLISE ECONÔMICO-FINANCEIRA DA CONCESSÃO. Análise Econômico-financeira da Concessão A licitante deverá apresentar uma análise econômico-financeira da concessão,

Leia mais

ANEXO II ao Edital de PREGÃO AMPLO Nº 13/2009

ANEXO II ao Edital de PREGÃO AMPLO Nº 13/2009 ANEXO II ao Edital de PREGÃO AMPLO Nº 13/2009 CADERNO DE ENCARGOS MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA DO SISTEMA ELÉTRICO, HIDRÁULICO E COMBATE A INCÊNDIO. COMPLEXO SEDE DA ANATEL E UNIDADE DE SOBRADINHO

Leia mais

SISTEMAS PREDIAIS II. Automação Predial

SISTEMAS PREDIAIS II. Automação Predial PCC-2466 SISTEMAS PREDIAIS II Automação Predial Serviços dos Edifícios HIDRÁULICOS Água Fria; Água Gelada; Água Quente; Sistemas de Aquecimento (solar etc.); Esgotos Sanitários; Águas Pluviais; Drenagem

Leia mais

ANEXO C MEMORIAL DESCRITIVO DO PRÉDIO

ANEXO C MEMORIAL DESCRITIVO DO PRÉDIO ANEXO A Ao Ilmo Sr. Comandante do Corpo de Bombeiros Militar Cidade: SERTÃO - RS Data: 10/03/2014 Encaminhamos a V. S.ª, para ANÁLISE, o Plano de Prevenção e Proteção Contra Incêndio (PPCI). Nome: INSTITUTO

Leia mais

PREFEITURA DE ITABUNA ESTADO DE BAHIA

PREFEITURA DE ITABUNA ESTADO DE BAHIA TABELA REFERÊNCIA DE PREÇOS 1. DIMENSIONAMENTO DE CUSTOS DE OBRAS E INSTALAÇÕES DA GARAGEM Par0a o dimensionamento dos custos de Obras e Instalações de Garagem foram adotados os seguintes parâmetros baseados

Leia mais

CONTRATO DE MANUTENÇÃO DE SISTEMA DO AR CONDICIONADO DO PAÇO MUNICIPAL, PRAÇA MONTEVIDÉU Nº10. Anexo XII - PROJETO BÁSICO

CONTRATO DE MANUTENÇÃO DE SISTEMA DO AR CONDICIONADO DO PAÇO MUNICIPAL, PRAÇA MONTEVIDÉU Nº10. Anexo XII - PROJETO BÁSICO 1 CONTRATO DE MANUTENÇÃO DE SISTEMA DO AR CONDICIONADO DO PAÇO MUNICIPAL, PRAÇA MONTEVIDÉU Nº10 Anexo XII - PROJETO BÁSICO 1. OBJETO Serviços de manutenção preventiva e corretiva de sistema do ar condicionado

Leia mais

EDISON DOMINGUES JR. RAYMOND KHOE LUIZ ROBERTO SOARES

EDISON DOMINGUES JR. RAYMOND KHOE LUIZ ROBERTO SOARES PROJETOS DE HOSPITAIS SUSTENTÁVEIS EDISON DOMINGUES JR. RAYMOND KHOE LUIZ ROBERTO SOARES É importante destacar os benefícios de um edifício sustentável. Os green buildings podem ser definidos pelas seguintes

Leia mais

ANEXO I AO EDITAL DE PREGÃO AMPLO Nº 3/2009-ER01AF/ER01 TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ANEXO I AO EDITAL DE PREGÃO AMPLO Nº 3/2009-ER01AF/ER01 TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ANEXO I AO EDITAL DE PREGÃO AMPLO Nº 3/2009-ER01AF/ER01 TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA NAS INSTALAÇÕES ELÉTRICAS, HIDRÁULICAS, SANITÁRIA, COMBATE A INCÊNDIO

Leia mais

ANEXO XVII PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS E EDIFICAÇÕES

ANEXO XVII PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS E EDIFICAÇÕES ANEXO XVII PLANO DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS E EDIFICAÇÕES Complexo Esportivo de Deodoro Edital 1.10 1. Instalações Hidráulicas e Sanitárias Os serviços de manutenção de instalações hidráulicas e sanitárias,

Leia mais

Anexo IV.2 Instruções para Elaboração do Estudo de Viabilidade Econômico-financeira

Anexo IV.2 Instruções para Elaboração do Estudo de Viabilidade Econômico-financeira Anexo IV.2 Instruções para Elaboração do Estudo de Viabilidade Econômico-financeira PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA ÍNDICE 1 ANÁLISE ECONÔMICO-FINANCEIRA DA CONCESSÃO... 2 1.1Planilha 1 Demonstração

Leia mais

Resumo. Serviços Contratados. Data Limite. 04 de abril FORMULÁRIO VALOR A PAGAR RESUMO - SERVIÇOS CONTRATADOS

Resumo. Serviços Contratados. Data Limite. 04 de abril FORMULÁRIO VALOR A PAGAR RESUMO - SERVIÇOS CONTRATADOS 0 RESUMO - SERVIÇOS CONTRATADOS Resumo Serviços Contratados FORMULÁRIO Condições de Pagamento: 50% com o pedido 50% até ao início da montagem 1... 2... 3a... 3b... 4... 5... 6... 7... 8... 9... TOTAL VALOR

Leia mais

PREGÃO N. 2014/47 ESCLARECIMENTOS. Tendo em vista as perguntas realizadas por empresas participantes da licitação, informamos:

PREGÃO N. 2014/47 ESCLARECIMENTOS. Tendo em vista as perguntas realizadas por empresas participantes da licitação, informamos: PREGÃO N. 2014/47 ESCLARECIMENTOS Tendo em vista as perguntas realizadas por empresas participantes da licitação, informamos: 1) No item 10.3.2 Documentação De Qualificação Econômico-Financeira, não é

Leia mais

Ecologicamente correto. Economicamente viável. Socialmente justo. Culturalmente aceito.

Ecologicamente correto. Economicamente viável. Socialmente justo. Culturalmente aceito. Ecologicamente correto Economicamente viável Socialmente justo Culturalmente aceito. ENERGIA SEGURANÇA ETE FIBRA-ÓTICA DADOS TELEFONIA PAVIMENTAÇÃO VIAS PROJETADAS GÁS ETA SINALIZAÇÃO EQUIP. URBANOS ACESSIBILIDADE

Leia mais

CONDOMÍNIO DO EDIFÍCIO BRASÍLIA RÁDIO CENTER NOTAS EXPLICATIVAS DA PREVISÃO ORÇAMENTÁRIA

CONDOMÍNIO DO EDIFÍCIO BRASÍLIA RÁDIO CENTER NOTAS EXPLICATIVAS DA PREVISÃO ORÇAMENTÁRIA CONDOMÍNIO DO EDIFÍCIO BRASÍLIA RÁDIO CENTER NOTAS EXPLICATIVAS DA PREVISÃO ORÇAMENTÁRIA PERÍODO: JANEIRO A DEZEMBRO DE 2013 Srs(as). Condôminos(as), A proposta orçamentária foi elaborada levando-se em

Leia mais

ESPAÇO CORPORATIVO SILVA BUENO - CSB 261

ESPAÇO CORPORATIVO SILVA BUENO - CSB 261 ESPAÇO CORPORATIVO SILVA BUENO - CSB 261 RELATÓRIO DE ANDAMENTO DAS OBRAS PERÍODO MAIO DE 2015 Andamento das obras no período Obras no Ático: Início da instalação de luminárias iniciado; Conclusão das

Leia mais

Anexo VI VALOR INICIAL DO CONTRATO

Anexo VI VALOR INICIAL DO CONTRATO 1 CONCESSÃO DE SERVIÇOS PÚBLICOS DE TRANSPORTE COLETIVO DE PASSAGEIROS DO MUNICÍPIO DE RIO DO SUL SC PLANO DE OUTORGA Anexo VI VALOR INICIAL DO CONTRATO Janeiro/2013 2 ANEXO V Valor Inicial do Contrato

Leia mais

LICITAÇÃO SESC/ARRJ MODALIDADE: PREGÃO ELETRÔNICO PR 44/2014 GLC

LICITAÇÃO SESC/ARRJ MODALIDADE: PREGÃO ELETRÔNICO PR 44/2014 GLC LICITAÇÃO SESC/ARRJ MODALIDADE: PREGÃO ELETRÔNICO PR 44/2014 GLC OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE LIMPEZA E CONSERVAÇÃO ESCLARECIMENTO 09 O SESC/ARRJ vem através

Leia mais

ENGENHARIA E PROJETOS ELÉTRICOS LTDA MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO ELÉTRICO

ENGENHARIA E PROJETOS ELÉTRICOS LTDA MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO ELÉTRICO MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO ELÉTRICO OBRA: SUBESTAÇÃO 500KVA PROPRIETÁRIO: TRT TRIBUNAL REGIONALDO TRABALHO 12ºREGIÃO RESPONSÁVEL TÉCNICO: ENG. EMERSON CESAR PADOIN PADOIN ENGENHARIA E PROJETOS LTDA MEMORIAL

Leia mais

= CONSTANTE x CUB PR x M2

= CONSTANTE x CUB PR x M2 1 TABELA DE HONORÁRIOS MÍNIMOS PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS DE INSTALAÇÃO ELÉTRICAS E TELEFONIA, TUBULAÇÃO DE ALARME/CFTV/LÓGICA/SOM/TV E SPDA (SISTEMA PROTEÇÃO CONTRA DESCARGA ATMOSFÉRICA). PRESCRIÇÕES

Leia mais

SERVIÇO DE TERCEIROS OBRIGATÓRIOS M S A AT M S A AT

SERVIÇO DE TERCEIROS OBRIGATÓRIOS M S A AT M S A AT LEGENDA: INSPEÇÃO ZELADOR SERVIÇO DE TERCEIROS OBRIGATÓRIOS SERVIÇO DE TERCEIROS OPCIONAIS M ( MENSAL ) S ( SEMESTRAL) LEGENDA: TOPO DO EDIFÍCIO ANDARES PAVIMENTOS INFERIORES A ( ANUAL ) S ( APÓS TEMPORAL)

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 08/2015 ESCLARECIMENTO N. 2

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 08/2015 ESCLARECIMENTO N. 2 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento n. 2 Referência: Pregão Eletrônico n. 08/2015 Data: 27/5/2015 Objeto: Contratação de serviços de motoristas para atender a demanda da ANEEL na região do Distrito Federal

Leia mais

apresentação da fatura na Secretaria de Administração. Macapá-AP, 23 de julho de 2013. SALIM SANTIAGO LEITE

apresentação da fatura na Secretaria de Administração. Macapá-AP, 23 de julho de 2013. SALIM SANTIAGO LEITE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CONVIDADO: CARTA CONVITE REPETIÇÃO X Carta-Convite nº: 005/2013 Processo nº : 3003838/2013 TELEFONE/FAX ENDEREÇO CIDADE ESTADO AP O Ministério Público do Estado do Amapá

Leia mais

PREGÃO 05/2015 ESCLARECIMENTOS. A quem possa interessar, apresentamos abaixo esclarecimentos face aos questionamentos feitos pelas empresas abaixo:

PREGÃO 05/2015 ESCLARECIMENTOS. A quem possa interessar, apresentamos abaixo esclarecimentos face aos questionamentos feitos pelas empresas abaixo: PREGÃO 05/2015 ESCLARECIMENTOS A quem possa interessar, apresentamos abaixo esclarecimentos face aos questionamentos feitos pelas empresas abaixo: A) RN COMERCIAL: QUESTIONAMENTOS: 1- Atualmente muitos

Leia mais

ANEXO I MODELO DE DECLARAÇÃO DE ELABORAÇÃO INDEPENDENTE DE PROPOSTA

ANEXO I MODELO DE DECLARAÇÃO DE ELABORAÇÃO INDEPENDENTE DE PROPOSTA ANEXO I MODELO DE DECLARAÇÃO DE ELABORAÇÃO INDEPENDENTE DE PROPOSTA (Identificação completa do representante da EMPRESA), como representante devidamente constituído de (Identificação completa da EMPRESA)

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 018/2014. para o Museu da Imigração.

CARTA CONVITE Nº 018/2014. para o Museu da Imigração. São Paulo, 20 de março de 2014. CARTA CONVITE Nº 018/2014 Fornecimento de equipamentos em comodato e instalação de Circuito Fechado de TV (CFTV) para o Museu da Imigração. A, Organização Social gestora

Leia mais

ENCARGOS SOCIAIS. Grupo A. Subtotal. Grupo B. Subtotal. Grupo C. Subtotal Grupo D. Total de Encargos Sociais

ENCARGOS SOCIAIS. Grupo A. Subtotal. Grupo B. Subtotal. Grupo C. Subtotal Grupo D. Total de Encargos Sociais ENCARGOS SOCIAIS 1 INSS 20,00% 2 SESI ou SESC 1,50% 3 SENAI ou SENAC 1,00% 4 INCRA 0,20% 5 Salário Educação 2,50% 6 FGTS 8,00% 7 Seguro Acidente do Trabalho/SAT/INSS 3,00% 8 SEBRAE 0,60% 9 SECONCI 1,00%

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR COMANDO GERAL

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR COMANDO GERAL 1 OBJETIVO: Padronizar os diversos tipos de sistemas de bomba de incêndio das edificações, seus requisitos técnicos, componentes, esquemas elétricos-hidráulicos e memória de cálculo, de acordo com os parâmetros

Leia mais

CONTRATO DE MANUTENÇÃO DE SISTEMA DO AR CONDICIONADO DO PRÉDIO DA SMOV AV. BORGES DE MEDEIROS Nº 2244 ANEXO XII - PROJETO BÁSICO

CONTRATO DE MANUTENÇÃO DE SISTEMA DO AR CONDICIONADO DO PRÉDIO DA SMOV AV. BORGES DE MEDEIROS Nº 2244 ANEXO XII - PROJETO BÁSICO 1 CONTRATO DE MANUTENÇÃO DE SISTEMA DO AR CONDICIONADO DO PRÉDIO DA SMOV AV. BORGES DE MEDEIROS Nº 2244 ANEXO XII - PROJETO BÁSICO 1. OBJETO Serviços de manutenção preventiva e corretiva de sistema do

Leia mais

Portfólio 2014. Serviços e Produtos. Soluções em TI. As melhores marcas do mercado, juntando o melhor custo beneficial para nossos clientes

Portfólio 2014. Serviços e Produtos. Soluções em TI. As melhores marcas do mercado, juntando o melhor custo beneficial para nossos clientes Serviços e Produtos Área de Atuação A 8bytes atua na área de Tecnologia da Informação oferecendo soluções corporativas e eficazes para empresas de pequeno, médio e grande porte. Somos uma empresa atuante

Leia mais

ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO

ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO OBJETO: Contratação de empresa c/ Tradição no Ramo (trabalha de forma especializada) p/ Locação e Execução (Instalação, Montagem, Manutenção, Operacionalização e Desmontagem)

Leia mais

No item 2.10 é mencionada a ferramenta de controle de acesso. Qual o nível de integração requerido e quais os métodos disponíveis nesta ferramenta?

No item 2.10 é mencionada a ferramenta de controle de acesso. Qual o nível de integração requerido e quais os métodos disponíveis nesta ferramenta? Perguntas: 1. 2. 3. Entendemos que o processo de mudança será realizado através do CMDB atual e que esta mudança deverá ser refletida na solução de DCIM. Além deste processo haverá alguma outra forma de

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 13/2014 - BNDES ANEXO II MODELO DE PROPOSTA - RETIFICADO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 13/2014 BNDES LICITANTE: CNPJ:

PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 13/2014 - BNDES ANEXO II MODELO DE PROPOSTA - RETIFICADO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 13/2014 BNDES LICITANTE: CNPJ: PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 13/2014 - BNDES ANEXO II MODELO DE PROPOSTA - RETIFICADO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 13/2014 BNDES LICITANTE: CNPJ: ENDEREÇO: TELEFONE: ( ) FAX: ( ) E-MAIL: REPRESENTANTE LEGAL: NACIONALIDADE:

Leia mais

Roccato. Um guia para construir oque é necessário antes de começar a obra. Documentos obrigatórios Licenças, ART s, Projetos e Profissionais

Roccato. Um guia para construir oque é necessário antes de começar a obra. Documentos obrigatórios Licenças, ART s, Projetos e Profissionais Um guia para construir oque é necessário antes de começar a obra Documentos obrigatórios Licenças, ART s, Projetos e Profissionais Aprovações necessárias Copel, Sanepar, Prefeitura, Bombeiros Descubra

Leia mais

Proposta comercial 278\2013 C. E. LE GRIFFE. Sr. Werner Max Schiersner

Proposta comercial 278\2013 C. E. LE GRIFFE. Sr. Werner Max Schiersner Proposta comercial 278\2013 C. E. LE GRIFFE Sr. Werner Max Schiersner Alguns de nossos clientes em São Caetano do Sul C.E. Raffaello------Sra. Claudia Sindica 42218376 \ C.E.Doble------ Sr. Sergio Sindico

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA -2

TERMO DE REFERÊNCIA -2 TERMO DE REFERÊNCIA -2 1. O PROJETO Projeto executivo para construção do prédio das Promotorias da Infância e Juventude. 2. OBJETIVOS O presente Termo de Referência tem como objetivo nortear a contratação

Leia mais

PROJETO BÁSICO PARA CONTRTAÇÃO DE EMPRESA PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS PROJ.: BÁSICOS DA AITY (INCUBADORA DE EMPRESAS DO IFAM)

PROJETO BÁSICO PARA CONTRTAÇÃO DE EMPRESA PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS PROJ.: BÁSICOS DA AITY (INCUBADORA DE EMPRESAS DO IFAM) PROJETO BÁSICO PARA CONTRTAÇÃO DE EMPRESA PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS 1 Projetos arquitetônicos, com programa de necessidades, antiprojeto e todos os detalhamentos necessários para o pleno entendimento

Leia mais

ANEXO III PLANILHAS DE FORMAÇÃO DE CUSTO

ANEXO III PLANILHAS DE FORMAÇÃO DE CUSTO ANEXO III PLANILHAS DE FORMAÇÃO DE CUSTO Lote 1 - Custos de Aparelhos de Ar Condicionado de Linhares CUSTOS DE MANUTENÇÃO - APARELHOS DE AR CONDICIONADO - LINHARES A B C D E F G H Aparelho Descrição Marca

Leia mais

a) Relação explícita do pessoal técnico especializado, adequado e disponível para a realização do

a) Relação explícita do pessoal técnico especializado, adequado e disponível para a realização do 2. CONDIÇÕES PARA CREDENCIAMENTO 2.1. Poderão participar deste Credenciamento, as empresas que: 2.1.1 Atendam a todas as exigências deste Edital, inclusive quanto à documentação constante deste instrumento

Leia mais

RELATÓRIO AQUISIÇÕES / MELHORIAS E BENFEITORIAS PERÍODO : 24/09/2013 À 27/03/2014. GESTÃO : SRªGRACIETE B.FIGUEIRA

RELATÓRIO AQUISIÇÕES / MELHORIAS E BENFEITORIAS PERÍODO : 24/09/2013 À 27/03/2014. GESTÃO : SRªGRACIETE B.FIGUEIRA RELATÓRIO AQUISIÇÕES / MELHORIAS E BENFEITORIAS PERÍODO : 24/09/2013 À 27/03/2014. GESTÃO : SRªGRACIETE B.FIGUEIRA 1. AQUISIÇÃO/PLANTIO DE 180 MUDAS DE SPAPHILLUN NA ENTRADA DE VISITANTE(PORTARIA); 2.

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE ALAGOAS

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE ALAGOAS 1 EQUIPAMENTOS 0 1.1 Unidade resfriadora de água gelada (CHILLER) - capacidade nominal 182TR, acionamento 380V/3/60Hz.Condensação a água -TRANE/CARRIER OU pç 2 R$ 325.084,00 R$ 650.168,00 R$ 650.168,00

Leia mais

Câmara Municipal de Blumenau Estado de Santa Catarina

Câmara Municipal de Blumenau Estado de Santa Catarina Câmara Municipal de Blumenau Estado de Santa Catarina RETIFICAÇÃO DE EDITAL Nº 7/2013 O Presidente da Câmara Municipal de Blumenau faz saber que fica o Edital 7/2013 retificado na seguinte conformidade:

Leia mais

BANCO DO BRASIL S.A.

BANCO DO BRASIL S.A. BANCO DO BRASIL S.A. MANUAL DE PREENCHIMENTO: - ORÇAMENTO - ORÇAMENTO - CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO - PLANILHA DE LEVANTAMENTO DE SERVIÇOS (PLS) 2 ÍNDICE: I - INTRODUÇÃO:...4 II - FLUXO ENGENHARIA CENOP

Leia mais

CLIENTE: CYRELA COMMERCIAL PROPOERTIES

CLIENTE: CYRELA COMMERCIAL PROPOERTIES Automação Predial e Patrimonial - Memorial Descritivo para Lojas CLIENTE: CYRELA COMMERCIAL PROPOERTIES Pasta: cyrella_metropolitano-pro-ec-lojas-1-0-2012.doc DATA: 14/05/2012 0 Emissão de Memorial Descritivo

Leia mais

Instalações Elétricas Prediais A

Instalações Elétricas Prediais A Instalações Elétricas Prediais A ENG04482 Prof. Luiz Fernando Gonçalves AULA 8 Previsão de Cargas Porto Alegre - 2012 Tópicos Cargas dos pontos de utilização Previsão de cargas conforme a norma Exemplo

Leia mais

VALEC: Desenvolvimento Sustentável do Brasil 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS REF. AO PREGÃO Nº 007/2009

VALEC: Desenvolvimento Sustentável do Brasil 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS REF. AO PREGÃO Nº 007/2009 1º CADERNO DE PERGUNTAS E RESPOSTAS REF. AO PREGÃO Nº 007/2009 1) Qual é a função a ser cotada? Encarregado ou líder de turma? Tal pergunta se dá, uma vez que no termo de referência se fala em encarregado

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. ENDEREÇO Av. Beira-Mar Norte, Agronômica, Florianópolis, SC. ENTREGA DA OBRA Data: outubro de 2017

MEMORIAL DESCRITIVO. ENDEREÇO Av. Beira-Mar Norte, Agronômica, Florianópolis, SC. ENTREGA DA OBRA Data: outubro de 2017 MEMORIAL DESCRITIVO MEMORIAL DESCRITIVO ENDEREÇO Av. Beira-Mar Norte, Agronômica, Florianópolis, SC ENTREGA DA OBRA Data: outubro de 2017 DESCRIÇÃO Subsolo - 3 cisternas, sendo 1 de reaproveitamento de

Leia mais

1.3.2 Um ponto de água e esgoto e uma tomada 110V para instalação de purificador

1.3.2 Um ponto de água e esgoto e uma tomada 110V para instalação de purificador Anexo I Chamamento Público 01/2014 1 Espaço A. Destinação Almoxarifado: armazenamento útil mínimo de 1.000m², divididos da seguinte forma: 1.1 Área de armazenagem 87% (mínimo de 870m²) 1.1.1 Sala administrativa

Leia mais

ESCLARECIMENTOS AO PREGÃO Nº 653/2006

ESCLARECIMENTOS AO PREGÃO Nº 653/2006 MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES COORDENAÇÃO-GERAL DE ADMINISTRAÇÃO GERAL ESCLARECIMENTOS AO PREGÃO Nº 653/2006 Ref. Processo nº 50600.009513/2006-99 OBJETO:

Leia mais

AFFINITY HOME WORK - INOVADOR, INTELIGENTE, INCOMPARÁVEL

AFFINITY HOME WORK - INOVADOR, INTELIGENTE, INCOMPARÁVEL AFFINITY HOME WORK - INOVADOR, INTELIGENTE, INCOMPARÁVEL O AFFINITY HOME WORK visa revolucionar a Enseada do Suá, pois o empreendimento INOVA ao trazer um conceito misto à região. O fato de carregar toda

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico EIXO TECNOLÓGICO: CONTROLE E PROCESSOS INDUSTRIAIS

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico EIXO TECNOLÓGICO: CONTROLE E PROCESSOS INDUSTRIAIS Padronização do tipo e quantidade necessária de instalações e equipamentos dos laboratórios das habilitações profissionais EIXO TECNOLÓGICO: CONTROLE E PROCESSOS INDUSTRIAIS HABILITAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICO

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA -2

TERMO DE REFERÊNCIA -2 TERMO DE REFERÊNCIA -2 1. O PROJETO Título do Projeto: Reforma e Ampliação das Promotorias de Justiça de Direitos Constitucionais e Patrimônio Público e Promotorias de Justiça de Ações Constitucionais

Leia mais

RELATÓRIO AQUISIÇÕES / MELHORIAS E BENFEITORIAS PERÍODO : 29/03/2012 À 30/09/2012. GESTÃO : SRªGRACIETE B.FIGUEIRA

RELATÓRIO AQUISIÇÕES / MELHORIAS E BENFEITORIAS PERÍODO : 29/03/2012 À 30/09/2012. GESTÃO : SRªGRACIETE B.FIGUEIRA RELATÓRIO AQUISIÇÕES / MELHORIAS E BENFEITORIAS PERÍODO : 29/03/2012 À 30/09/2012. GESTÃO : SRªGRACIETE B.FIGUEIRA 1. AQUISIÇÃO DE UNIFORMES E CRACHÁS PARA OS FUNCIONÁRIOS; 2. AQUISIÇÃO DE 30 CADEIRAS

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS 01/2015 QUESTIONAMENTOS E RESPOSTAS

TOMADA DE PREÇOS 01/2015 QUESTIONAMENTOS E RESPOSTAS TOMADA DE PREÇOS 01/2015 Contratação de empresa especializada em engenharia ou arquitetura para elaboração de projetos básicos e executivos de arquitetura e complementares, destinados à construção do edifício-sede

Leia mais

23/06/2010. Eficiência Energética: Regulamentação, Classificação e Conformidade Técnica. Roberto Lamberts

23/06/2010. Eficiência Energética: Regulamentação, Classificação e Conformidade Técnica. Roberto Lamberts Eficiência Energética: Regulamentação, Classificação e Conformidade Técnica Roberto Lamberts Oficina 09 junho de 2010 1 ETIQUETAGEM DE EDIFICAÇÕES Publicação: junho de 2009. EDIFÍCIOS ETIQUETADOS CETRAGUA

Leia mais

QUADRO RESUMO - SERVIÇOS CONTÍNUOS VALOR DO KM RODADO POR VEÍCULO EXECUTIVO 5 1.300 7,33 47.645,00 571.740,00

QUADRO RESUMO - SERVIÇOS CONTÍNUOS VALOR DO KM RODADO POR VEÍCULO EXECUTIVO 5 1.300 7,33 47.645,00 571.740,00 Q AU SECRETARIA A DE AVIAÇÃO CIVIL PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA - ANAC Ref.: D PREGÃO ELETRÔNICO N.º 07/2013 Processo R Nº 00055.002521/2013-99 Abertura: O 09/10/2013 às 09:00 h R PROPOSTA COMERCIAL E Prezados

Leia mais

ANEXO 9 SISTEMA DE DESEMPENHO

ANEXO 9 SISTEMA DE DESEMPENHO ANEXO 9 SISTEMA DE DESEMPENHO 1 O presente Anexo tem como objetivo definir os critérios, indicadores, fórmulas e parâmetros definidores da qualidade dos serviços prestados pela CONCESSIONÁRIA, na forma

Leia mais

ESCLARECIMENTO I EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA SENAI-PR Nº. 718/2010

ESCLARECIMENTO I EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA SENAI-PR Nº. 718/2010 ESCLARECIMENTO I EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA SENAI-PR Nº. 718/2010 O SENAI-PR através de sua Comissão de Licitação torna público esclarecimento referente ao edital acima relacionado, conforme posicionamento

Leia mais

QUESTIONAMENTOS/ESCLARECIMENTOS 1 A 20 CONCORRÊNCIA Nº 12/2015

QUESTIONAMENTOS/ESCLARECIMENTOS 1 A 20 CONCORRÊNCIA Nº 12/2015 QUESTIONAMENTOS/ESCLARECIMENTOS 1 A 20 CONCORRÊNCIA Nº 12/2015 QUESTIONAMENTO 1) O bota- fora do material escavado das fundações está incluído nos 6.600 m³ do item 3.02 (setores A e C), ou deve ser cotado

Leia mais

ESCOPO TÉCNICO PARA ELABORAÇÃO DE LAUDO TÉCNICO DE VISTORIA

ESCOPO TÉCNICO PARA ELABORAÇÃO DE LAUDO TÉCNICO DE VISTORIA Condomínio do Conjunto Residencial Estoril Sagres e Setúbal Estrada do Galeão 2840, 2800 e 2760 Blocos 1 e 2 - CNPJ: 29.384.609/0001-93 TP 1310-003 ESCOPO TÉCNICO PARA ELABORAÇÃO DE LAUDO TÉCNICO DE VISTORIA

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DAS INSTALAÇÕES ELÉTRICAS DE BAIXA TENSÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO UNESP CAMPUS DE FRANCA/SP

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DAS INSTALAÇÕES ELÉTRICAS DE BAIXA TENSÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO UNESP CAMPUS DE FRANCA/SP LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DAS INSTALAÇÕES ELÉTRICAS DE BAIXA TENSÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO UNESP CAMPUS DE FRANCA/SP 1 INDÍCE 1 - OBJETIVO 2 - NORMAS APLICÁVEIS 3 - GENERALIDADES

Leia mais

REQUISITOS E CONSIDERAÇÕES GERAIS REF. NBR 10898 DA ABNT

REQUISITOS E CONSIDERAÇÕES GERAIS REF. NBR 10898 DA ABNT ELABORAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE ILUMINAÇÃO DE EMERGÊNCIA JUNTO A DGST REQUISITOS E CONSIDERAÇÕES GERAIS REF. NBR 10898 DA ABNT ANÁLISE E VISTORIA DOS SISTEMAS DE ILUMINAÇÃO DE EMERGÊNCIA Objetivo

Leia mais

O bom síndico deixa seu condominio sempre em ordem. Manual do Síndico

O bom síndico deixa seu condominio sempre em ordem. Manual do Síndico O bom síndico deixa seu condominio sempre em ordem Manual do Síndico O que é o CREA-RO? O C o n s e l h o R e g i o n a l d e E n g e n h a r i a e Agronomia do Estado de Rondônia - CREA- RO é uma autarquia

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 052/2013 MAR Museu de Arte do Rio

ATO CONVOCATÓRIO 052/2013 MAR Museu de Arte do Rio 1. INTRODUÇÃO Considerando que o Museu de Arte do Rio MAR será uma das âncoras do plano de revitalização da região portuária da cidade do Rio de Janeiro RJ e será instalado na Praça Mauá, em dois prédios

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO GR06 Nº 03/2015-ANATEL ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO GR06 Nº 03/2015-ANATEL ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETIVO 1.1. Iniciar procedimento licitatório, no âmbito da Agência Nacional de Telecomunicações Anatel, para contratar serviços continuados de manutenção preventiva e corretiva em equipamentos de

Leia mais

IRMANDADE DA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE SÃO PAULO

IRMANDADE DA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE SÃO PAULO Capítulo VI Anexo D MODELOS Fls. 1 de 7 Modelos Remissão às Condições Específicas D.1 Atestado de Vistoria Item 9.2 D.2 Declaração / Espelho técnico profissional Item 8.5.3 D.3 Declaração / Espelho técnico

Leia mais

ANEXO 8 SISTEMA DE DESEMPENHO

ANEXO 8 SISTEMA DE DESEMPENHO ANEXO 8 SISTEMA DE DESEMPENHO 1 O presente Anexo tem como objetivo definir os critérios, indicadores, fórmulas e parâmetros definidores da qualidade dos SERVIÇOS prestados pela CONCESSIONÁRIA, além de

Leia mais

Licitação do Sistema Ônibus de Porto Alegre

Licitação do Sistema Ônibus de Porto Alegre Licitação do Sistema Ônibus de Porto Alegre Anexo VI B Instruções para Elaboração do Estudo de Viabilidade Econômico-Financeira Anexo VI B Instruções para Elaboração do Estudo de Viabilidade Econômico-Financeira

Leia mais

ISSN 1981-4232. Aquecimento Ventilação Ar Condicionado Automação Refrigeração ea. engenharia arquitetura R$ 6,00 PÁTIO MALZONI BUSCA O LEED GOLD

ISSN 1981-4232. Aquecimento Ventilação Ar Condicionado Automação Refrigeração ea. engenharia arquitetura R$ 6,00 PÁTIO MALZONI BUSCA O LEED GOLD + ISSN 1981-4232 Aquecimento Ventilação Ar Condicionado Automação Refrigeração ea engenharia arquitetura R$ 6,00 C lim atização & Refrigeração Ano XI Nº 140 abril de 2012 PÁTIO MALZONI BUSCA O LEED GOLD

Leia mais

ENE065 Instalações Elétricas I

ENE065 Instalações Elétricas I 19/03/2012 ENE065 Instalações Elétricas I Prof.: Ivo Chaves da Silva Junior ivo.junior@ufjf.edu.br Previsão de Carga Especiais NBR-5410 Cargas Especiais? Em geral, são cargas de uso comum em um edifício.

Leia mais

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria Executiva Diretoria de Administração

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria Executiva Diretoria de Administração MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria Executiva Diretoria de Administração PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 11/2015 PROCESSO Nº 03110.014908/2014 55 OBJETO: Contratação

Leia mais

PROJETO BÁSICO OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO ENDEREÇO: AVENIDA PRESIDENTE VARGAS, LOTE 34, QUADRA Q, SETOR CENTRAL, CERES - GOIÁS

PROJETO BÁSICO OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO ENDEREÇO: AVENIDA PRESIDENTE VARGAS, LOTE 34, QUADRA Q, SETOR CENTRAL, CERES - GOIÁS PROJETO BÁSICO PROJETO BÁSICO PARA: OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO OBJETO DA LICITAÇÃO: O objeto da presente licitação é a OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO, na forma de

Leia mais

Apresentação Parceria Fiança Locatícia.

Apresentação Parceria Fiança Locatícia. Apresentação Parceria Fiança Locatícia. Fiança Locatícia. O seguro de fiança locatícia facilita a vida dos proprietários dos imóveis, das imobiliárias e inquilinos, substituindo com vantagens o fiador.

Leia mais

INSTRUÇÕES BÁSICAS. Locatário Pessoa Física:

INSTRUÇÕES BÁSICAS. Locatário Pessoa Física: INSTRUÇÕES BÁSICAS O que é necessário para alugar um imóvel na Bandeirantes Imóveis? Para alugar quaisquer dos imóveis disponíveis na carteira de locação da Bandeirantes Imóveis siga os seguintes passos:

Leia mais

Estudo Tarifário do Transporte Público Coletivo Urbano Municipal - INTERCAMP. 10.517.242 / mês

Estudo Tarifário do Transporte Público Coletivo Urbano Municipal - INTERCAMP. 10.517.242 / mês Diretoria de Planejamento e Projetos Gerência de Gestão do Transporte Público Departamento de e Indicadores do Transporte Público Estudo Tarifário do Transporte Público Coletivo Urbano Municipal - INTERCAMP

Leia mais

EDIFÍCIO AFONSO PENA 2300

EDIFÍCIO AFONSO PENA 2300 EDIFÍCIO AFONSO PENA 2300 BELO HORIZONTE MG Apresentação: Condomínio Edifício Afonso Pena, 2.300 Endereço: Afonso Pena, 2.300 Bairro: Centro Esquina com Rio Grande do Norte Belo Horizonte BH Localização:

Leia mais

FICHA MODELO DA SINOPSE DO LAUDO

FICHA MODELO DA SINOPSE DO LAUDO FICHA MODELO DA SINOPSE DO LAUDO A Ficha objetiva apresentação de SINOPSE do laudo, padronizada, a fim de auxiliar a análise e encaminhamento do mesmo para os interessados. Conforme modelo que segue, o

Leia mais

REFORMA SALA DO NÚCLEO DE SEGURANÇA PROJETO PREVENTIVO CONTRA INCÊNDIO

REFORMA SALA DO NÚCLEO DE SEGURANÇA PROJETO PREVENTIVO CONTRA INCÊNDIO REFORMA SALA DO NÚCLEO DE SEGURANÇA MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO PREVENTIVO CONTRA INCÊNDIO Responsabilidade e Compromisso com o Meio Ambiente 2 110766_MEMPCI_REFORMA_SALA_MOTORISTAS_R00 MEMORIAL DESCRITIVO

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA COORDENADORA DE PLANEJAMENTO, GESTÃO E FINANÇAS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA COORDENADORA DE PLANEJAMENTO, GESTÃO E FINANÇAS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO 1 Senhor Licitante, Solicito a V.Sª preencher o protocolo de entrega de edital abaixo, remetendo-o a Comissão Permanente de Licitação da PGF/AL, por meio do fax (0XX82) 3216 9874 ou e-mail licitacao@sefaz.al.gov.br.

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 4101/2004-4 Ano Orçamento: 2002 UF: RJ Nome do PT: Manutenção de Serviços Administrativos -

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO LABORATÓRIO - MACHADO - MG - ELÉTRICA -

MEMORIAL DESCRITIVO LABORATÓRIO - MACHADO - MG - ELÉTRICA - MEMORIAL DESCRITIVO LABORATÓRIO - MACHADO - MG - ELÉTRICA - AGOSTO 2015 Rua Nove Julho, 1793, Centro Cep: 14 801-295- Araraquara -SP 1 SUMÁRIO 1 Objetivo... 3 2 Normas e Especificações... 3 3 Entrada Serviço...

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2016

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2016 CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2016 1. OBJETO 1.1. O Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo (Coren-SP), Autarquia Federal de abrangência estadual, por meio de sua Presidência, de acordo com suas atribuições

Leia mais

Compartilhamento de Infraestrutura 2012 (Telemar R1)

Compartilhamento de Infraestrutura 2012 (Telemar R1) Compartilhamento de Infraestrutura 2012 (Telemar R1) Data Base: Julho 2012 Versão 1.0 Índice DESCRIÇÃO GERAL... 2 SEGMENTOS ALVO... 2 BENEFÍCIOS... 2 ABRANGÊNCIA... 2 SITES... 3 COLOCATION INDOOR... 4

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO MINISTÉRIO PÚBLICO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA ATAS DE REGISTROS DE PREÇO PUBLICADAS EM JANEIRO DE 2014

ESTADO DO MARANHÃO MINISTÉRIO PÚBLICO PROCURADORIA GERAL DE JUSTIÇA ATAS DE REGISTROS DE PREÇO PUBLICADAS EM JANEIRO DE 2014 ATAS DE REGISTROS DE PREÇO PUBLICADAS EM JANEIRO DE 2014 Total 01/2014 Constituição de registro de preços para aquisição futura de material permanente (aparelhos telefônicos e centrais telefônicas) 31/01/2014

Leia mais

(OBRIGATÓRIO TRANSCREVER TODO O CONTEÚDO DESTA MINUTA) ANEXO 04 CARTA-PROPOSTA. Ref.: CONCORRÊNCIA CONSÓRCIO DATACENTER Nº 2009/001 Carta- Proposta

(OBRIGATÓRIO TRANSCREVER TODO O CONTEÚDO DESTA MINUTA) ANEXO 04 CARTA-PROPOSTA. Ref.: CONCORRÊNCIA CONSÓRCIO DATACENTER Nº 2009/001 Carta- Proposta (OBRIGATÓRIO TRANSCREVER TODO O CONTEÚDO DESTA MINUTA) ANEXO 04 CARTA-PROPOSTA CONSÓRCIO DATACENTER Prezados Senhores, Ref.: CONCORRÊNCIA CONSÓRCIO DATACENTER Nº 2009/001 Carta- Proposta Apresentamos nossa

Leia mais

ANEXO 15 MODELO DE TERMOS DE COMPROMISSO PARA ELABORAÇÃO DA PROPOSTA

ANEXO 15 MODELO DE TERMOS DE COMPROMISSO PARA ELABORAÇÃO DA PROPOSTA ANEXO 15 MODELO DE TERMOS DE COMPROMISSO PARA ELABORAÇÃO DA PROPOSTA TERMO DE COMPROMISSO I - Geral da Licitante, CPF nº, representante legal da empresa ou consórcio, CNPJ nº e atuando em seu nome, venho

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO 1.1. Contratação de empresa especializada em manutenção preventiva e corretiva, com reposição de peças originais, sem ônus adicional para a CONTRATANTE, em aparelhos

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 030/2014

CARTA CONVITE Nº 030/2014 São Paulo, 09 de setembro de 2014. CARTA CONVITE Nº 030/2014 Manutenção preventiva, corretiva e periódica de aparelhos de ar condicionado e instalações elétricas para o Museu da Imigração. O, Organização

Leia mais

Retorno de Investimento utilizando o CADDPROJ

Retorno de Investimento utilizando o CADDPROJ 1 Retorno de Investimento utilizando o CADDPROJ 1. Estudo de Viabilidade Econômica para Solução CADDPROJ - Será que é preciso Otimizar o processo de Projeto? E agora, continuar no método Antigo ou Inovar?

Leia mais

c)praticar os atos que lhe atribuírem as leis, a convenção e o regimento interno;

c)praticar os atos que lhe atribuírem as leis, a convenção e o regimento interno; 3) CONTRATO: SÍNDICO PESSOA JURÍDICA Ser síndico de um condomínio requer compromisso, conhecimento das leis vigentes e disponibilidade de tempo, e é por isso, que nossa empresa é capacitada a assumir as

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S.A.- CERON PROGRAMA LUZ PARA TODOS. Anexo I - Planilha Orçamentária - Composição de Custos -DOC/DOCA

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S.A.- CERON PROGRAMA LUZ PARA TODOS. Anexo I - Planilha Orçamentária - Composição de Custos -DOC/DOCA CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S.A.- CERON PROGRAMA LUZ PARA TODOS Anexo I - Planilha Orçamentária - Composição de Custos -DOC/DOCA Objeto: Referência: PRESTAÇÃO DOS SERVIÇOS TÉCNICOS E ADMINISTRATIVOS

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA GESER Nº 06/07 SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO E PÂNICO

TERMO DE REFERÊNCIA GESER Nº 06/07 SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO E PÂNICO Ministério da Fazenda SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS TERMO DE REFERÊNCIA GESER Nº 06/07 SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO E PÂNICO 1- DO OBJETO Visa este Termo de Referência à contração de empresa especializada

Leia mais

MO DA SILVA ELÉTRICA CNPJ: 13.892.084/0001-67 Av. Doutor José Rufino Nº 548 Galpão 03 Estância Recife / PE CEP: 50771-600 Fone (81) 3048-3527

MO DA SILVA ELÉTRICA CNPJ: 13.892.084/0001-67 Av. Doutor José Rufino Nº 548 Galpão 03 Estância Recife / PE CEP: 50771-600 Fone (81) 3048-3527 www.mmrinstalacoes.com.br atendimento@mmrinstalacoes.com.br APRESENTAÇÃO A MMR Instalações é uma empresa que preza pelos seus clientes, tendo como principais responsabilidades e metas a qualidade nos serviços

Leia mais

CURSO ORÇAMENTO E CÁLCULO DO CUSTO DE OBRAS

CURSO ORÇAMENTO E CÁLCULO DO CUSTO DE OBRAS CURSO ORÇAMENTO E CÁLCULO DO CUSTO DE OBRAS 1. Curso de ORÇAMENTO E CALCULO DE CUSTOS de Obras Inclui Composição de Preços, BDI e Programa de Orçamento Edificações Terraplanagem Estruturas Pavimentação

Leia mais

Apresentação Comercial. KV SERVIÇOS DE ENGENHARIA LTDA CNPJ: 18.827.807/0001-68 Sede em Barueri Rua Pirituba, 243 +55 11 4168-2622 - +55 11 4168 2036

Apresentação Comercial. KV SERVIÇOS DE ENGENHARIA LTDA CNPJ: 18.827.807/0001-68 Sede em Barueri Rua Pirituba, 243 +55 11 4168-2622 - +55 11 4168 2036 Apresentação Comercial KV SERVIÇOS DE ENGENHARIA LTDA CNPJ: 18.827.807/0001-68 Sede em Barueri Rua Pirituba, 243 +55 11 4168-2622 - +55 11 4168 2036 A empresa e sua estratégia A KV Serviços de Engenharia

Leia mais

ANEXO V PROPOSTA COMERCIAL PADRONIZADA CONCORRÊNCIA Nº. 001/2012 CONCORRÊNCIA Nº. 001/2012

ANEXO V PROPOSTA COMERCIAL PADRONIZADA CONCORRÊNCIA Nº. 001/2012 CONCORRÊNCIA Nº. 001/2012 À DME Distribuição S/A - DMED A empresa..., inscrita no CNPJ/MF sob o n..., estabelecida à Av./Rua..., n..., bairro..., na cidade de..., CEP..., telefone..., fax..., e-mail..., vem pela presente apresentar

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: RS Nome do programa de trabalho: Construção do Edifício-Sede do TRF da 4ª Região em Porto Alegre

Leia mais

CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 007/2006 1 ANEXO 3 MODELOS DE RELATÓRIOS DE MANUTENÇÃO

CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 007/2006 1 ANEXO 3 MODELOS DE RELATÓRIOS DE MANUTENÇÃO CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 007/2006 1 ANEXO I ESPECIFICAÇÕES ANEXO 3 MODELOS DE RELATÓRIOS DE MANUTENÇÃO CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 007/2006 2 TAG Condição esperada / Atividade IL Quantidade de luminárias

Leia mais

METODOLOGIA DE CÁLCULO DA TARIFA TÉCNICA

METODOLOGIA DE CÁLCULO DA TARIFA TÉCNICA METODOLOGIA DE CÁLCULO DA TARIFA TÉCNICA ÍNDICE 1. QUILOMETRAGEM 2. PASSAGEIROS 3. IPK 4. CUSTOS DEPENDENTES OU VARIÁVEIS 4.1. Combustível 4.2. Lubrificantes 4.3. Rodagem 4.4. Peças e acessórios e serviços

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO

TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO Contratação de empresa para prestação de serviços de suporte técnico para os ativos de rede da SEEDUC (switches), listados no item 1.1, da marca CISCO, com suporte e manutenção

Leia mais