Medos e Apegos: Um modelo teórico de transformação da energia segundo Pierre Weil

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Medos e Apegos: Um modelo teórico de transformação da energia segundo Pierre Weil"

Transcrição

1 Medos e Apegos: Um modelo teórico de transformação da energia segundo Pierre Weil A cada nível de atividade dos chakras corresponde um nível de consciência, que produz um apego. Este apego é responsável ao mesmo tempo, pelo prazer de conseguir os objetivos ligados a ele, quanto também pelo medo da perda dos objetos do apego. Assim, três são os tipos de medo: o medo de não conseguir, o medo de perder e o medo de não reencontrar, caso já se perdeu.

2 Medo e Apego no 1º chakra (Muladhara) Neste nível o Apego está relacionado à busca de segurança, de conservação, de sobrevivência física e material. O medo que se manifesta nesse nível é o de ser atacado, ferido, morto, por isso ele também desenvolve a agressividade e a capacidade de auto-defesa. O nível de consciência nesta fase é paranóide, o que significa que é sempre o outro que é o mau. Esta é a dualidade característica desta fase, e estrutura uma personalidade primitiva, defensiva, agressiva e imatura.

3 Medo e Apego no 2º chakra (Svadhistana) No segundo chakra se aprende a reconhecer o outro, surgem os relacionamentos, o encontro sexual. Aqui começa a busca pelo prazer sexual, e sua energia é tão fortemente gratificante que pode manter o processo evolutivo fechado por muito tempo, sendo sustentado apenas pela busca de relacionamentos prazerosos. O medo de perder, neste nível, gera o ciúme, a agressividade, a violência.

4 Medo e Apego no 3º chakra (Manipura) Neste nível surge o prazer de acumular coisas materiais (alimento, dinheiro, objetos) ou não-materiais ( prestígio, status, fama). Aqui a pessoa descobre o prazer do poder pessoal e esse é um nível tão complexo que pode gerar doenças gástricas, hepáticas e biliares, por causa do estresse criado pelos desvios dessa energia, que é de dominação ou submissão.

5 Medo e apego no 4º chakra (Anahata) Aqui o grande desafio é despertar para o amor incondicional e a compaixão. Enquanto presa ao amor possessivo, a consciência se mantém limitada e fechada no egoísmo. O grande medo é de perder o ser amado. A libertação ocorre quando se dá a evolução da consciência para o amor incondicional e a compaixão.

6 Medo e Apego no 5º chakra (Vishudda) No quinto chakra o estado de consciência já se representa como bastante evoluído. A criatividade é intensa. Mas o instinto de posse ainda existe, e nesse nível o Apego se manifesta em relação aos objetos criados, e o medo se localiza na perda daquilo que se criou. Daí as assinaturas em obras de arte, as garantias dos direitos autorais, etc.

7 Medo e Apego no 6º chakra ( Ajna) O sexto chakra conduz a pessoa à evolução de um estado de consciência aberto às manifestações de fenômenos PSI, ou percepção extra-sensorial. Ainda existe o medo e o apego nesse nível. A pessoa pode se encantar com os próprios poderes e permanecer estagnada nesse estado de consciência.. O perigo que ronda a estagnação nesse nível é o fascínio pelo poder que advém à pessoa pelo espanto dos outros diante dos fenômenos que provoca.

8 A consciência no 7º chakra (Sahashara) Este chakra representa o estado de consciência capaz de perceber a Unidade. Nesse momento ocorre a superação da mente, da percepção dual da realidade, e a pessoa realiza a integração entre razão e emoção, masculino e feminino, e todas as dualidades são resolvidas numa síntese. Não há mais medos nem apegos.

9 A energia só se torna livre e fluida a partir do desapego

10 Uma experiência transpessoal é um estado modificado de consciência, mas nem todo estado alterado da consciência significa uma experiência transpessoal. Num estado alterado de consciência estão incluídos os estados patológicos, alucinógenos ou químicos que promovem a alteração da consciência, mas são estados mórbidos, e não experiências transpessoais..

11 COMO RECONHECER UM ESTADO TRANSPESSOAL? Pela qualidade dos sentimentos, pela estabilidade das sensações, pelas transformações que produz na vida de uma pessoa: percepção do inefável experiência de unidade e totalidade sensação de paz, amor e compaixão ampliação da capacidade de compreensão e síntese alteração da percepção de tempo e espaço sentimentos de profunda bem-aventurança

12 O homem é um jarro de água dentro do oceano. Basta partir o jarro e ele volta a fazer parte do oceano.

OS CICLOS DOS 7 ANOS

OS CICLOS DOS 7 ANOS OS CICLOS DOS 7 ANOS Os mistérios que envolvem a nossa vida, desde o nascimento, como as experiências, os fatos, os acontecimentos, bons e ruins, as pessoas que surgem ou desaparecem, de nossas vidas,

Leia mais

Anatomia bioenergética

Anatomia bioenergética Anatomia bioenergética MANIPURA / PLEXO SOLAR o pão nosso de cada dia, nos daí hoje 3º chacra / Umbilical / Manipura / Plexo Solar Manipura Significado: a plenitude das jóias Associado: Poder, Vontade,

Leia mais

Auto-Estima. Elaboração:

Auto-Estima. Elaboração: Auto-Estima Elaboração: www.searadomestre.com.br Estima 1. Apreciação favorável de uma pessoa ou coisa; amizade, apreço, afeição. 2. Consideração. 3. Estimativa, avaliação. O que é Qualidade de Vida? Requisitos

Leia mais

9 Pílulas de Criatividade!

9 Pílulas de Criatividade! 9 Pílulas de Criatividade! 9 Pílulas de Criatividade? O número 9 representa a finalização de um ciclo e início de outro. Está associado ao altruísmo, à fraternidade e à máxima espiritualidade alcançada

Leia mais

SEMINÁRIO SEGURANÇA MEDIÚNICA E ENERGIA DOS CHAKRAS

SEMINÁRIO SEGURANÇA MEDIÚNICA E ENERGIA DOS CHAKRAS SEMINÁRIO SEGURANÇA MEDIÚNICA E ENERGIA DOS CHAKRAS MÓDULO 9 O CHAKRA DA TRANSCENDÊNCIA O sétimo chakra, da coroa, responsável pela transcendência Localização: Topo da cabeça Assim como o chakra raiz

Leia mais

ENEGRIA DOS CHAKRAS E O PODER TERAPÊUTICO DA. GRATIDÃO

ENEGRIA DOS CHAKRAS E O PODER TERAPÊUTICO DA.  GRATIDÃO ENEGRIA DOS CHAKRAS E O PODER TERAPÊUTICO DA GRATIDÃO ENERGIA DOS CHAKRAS E O PODER TERAPÊUTICO DA GRATIDÃO CAPÍTULOS 1. EXISTEM CHAKRAS? 2. OS CHAKRAS E AS SUAS FUNÇÕES PSÍQUICAS E ESPIRITUAIS 3. A GRATIDÃO

Leia mais

Confiança Estereótipos de Género e Papéis Sociais

Confiança Estereótipos de Género e Papéis Sociais Amor Ciúme Confiança Estereótipos de Género e Papéis Sociais Amor é fogo que arde sem se ver; É ferida que dói e não se sente; É um contentamento descontente; É dor que desatina sem doer.. Luís Vaz de

Leia mais

É verso único. Sem segundo. Não tem frente nem verso; nem face nem dorso. Nem manifesta nem imanifesta, está por trás de todo o manifesto.

É verso único. Sem segundo. Não tem frente nem verso; nem face nem dorso. Nem manifesta nem imanifesta, está por trás de todo o manifesto. O universo não tem começo. Nunca terá fim. É verso único. Sem segundo. Não tem frente nem verso; nem face nem dorso. É um sem dois. O universo é a Vida manifesta. A Vida é. Nem manifesta nem imanifesta,

Leia mais

MENSUTE 2014 PSICOPEDAGOGIA. Prof.ª Suzane Maranduba AULA 4. Freire e mandella

MENSUTE 2014 PSICOPEDAGOGIA. Prof.ª Suzane Maranduba AULA 4. Freire e mandella MENSUTE 2014 PSICOPEDAGOGIA AULA 4 Prof.ª Suzane Maranduba Freire e mandella 1 A MINHA PRÁTICA PESSOAL REFLETE A MINHA PRÁTICA PROFISSIONAL Suzane Maranduba sumário SUMÁRIO 1. Anamnese 2. Desenvolvimento

Leia mais

INTERVENÇÕES NO DESENVOLVIMENTO DE UMA SESSÃO DE REGRESSÃO DE MEMÓRIA

INTERVENÇÕES NO DESENVOLVIMENTO DE UMA SESSÃO DE REGRESSÃO DE MEMÓRIA INTERVENÇÕES NO DESENVOLVIMENTO DE UMA SESSÃO DE REGRESSÃO DE MEMÓRIA IDENTIFICAÇÃO DO PERSONAGEM 1- Inicial: Cliente pode começar pelo personagem, pelo local, pela situação, pelo sentimento, pela sensação

Leia mais

O amor é cego? Antonio Nascimento GESM Apresentação disponível em

O amor é cego? Antonio Nascimento GESM Apresentação disponível em O amor é cego? Antonio Nascimento GESM 12.09.2011 Apresentação disponível em www.searadomestre.com.br Parábola: A cegueira do amor Numa brincadeira de esconde-esconde entre os diversos sentimentos e qualidades

Leia mais

Planificação anual de Educação Sexual - 5ºano

Planificação anual de Educação Sexual - 5ºano AGRUPAMENTO DE ESCOLAS ANSELMO DE ANDRADE ANO LETIVO 2011-2012 Planificação anual de Educação Sexual - 5ºano Conteúdos Metodologias Objetivos Activides Calenrização Disciplinas envolvis Avaliação Diverside,

Leia mais

MOTIVAÇÕES DE CONSERVAÇÃO DA VIDA INDIVIDUAL MOTIVAÇÃO DE MANUTENÇÃO DA INTEGRIDADE FÍSICA MOTIVAÇÕES DE PRESERVAÇÃO ECOLÓGICA DA VIDA

MOTIVAÇÕES DE CONSERVAÇÃO DA VIDA INDIVIDUAL MOTIVAÇÃO DE MANUTENÇÃO DA INTEGRIDADE FÍSICA MOTIVAÇÕES DE PRESERVAÇÃO ECOLÓGICA DA VIDA MOTIVAÇÕES DE CONSERVAÇÃO DA VIDA INDIVIDUAL MOTIVAÇÃO DE MANUTENÇÃO DA INTEGRIDADE FÍSICA Necessidade Defesa activa da integridade física Impulso Agressivo MOTIVAÇÕES DE PRESERVAÇÃO ECOLÓGICA DA VIDA

Leia mais

Retiro de Transformação na Biovilla Arrábida

Retiro de Transformação na Biovilla Arrábida Retiro de Transformação na Biovilla Arrábida 19 a 21 de Fevereiro de 2016 Vem mergulhar nas tuas dificuldades e dar mais um salto na vida Vamos começar o ano conscientes da importância de olhar para dentro,

Leia mais

O CICLO DE VIDA DAS ORGANIZAÇÕES

O CICLO DE VIDA DAS ORGANIZAÇÕES O CICLO DE VIDA DAS ORGANIZAÇÕES A natureza do Crescimento e do Envelhecimento das Organizações Flexibilidade Alta Controle Baixa CRESCIMENTO Plenitude ENVELHECIMENTO A natureza do Crescimento e do Envelhecimento

Leia mais

All rights reserved by Self-Realization Fellowship. Índice

All rights reserved by Self-Realization Fellowship. Índice Índice Parte I: Introdução................. 9 Parte II: Escolhas difíceis, decisões diárias: como receber a orientação intuitiva da alma.......................... 14 Parte III: Como usar a orientação interior

Leia mais

AULA 7 BENZODIAZEPÍNICOS E HIPNÓTICOS FARMACOTERAPIA DOS DISTÚRBIOS NEUROLÓGICOS. Prof. Márcio Batista

AULA 7 BENZODIAZEPÍNICOS E HIPNÓTICOS FARMACOTERAPIA DOS DISTÚRBIOS NEUROLÓGICOS. Prof. Márcio Batista AULA 7 FARMACOTERAPIA DOS DISTÚRBIOS NEUROLÓGICOS BENZODIAZEPÍNICOS E HIPNÓTICOS Prof. Márcio Batista INTRODUÇÃO USO RACIONAL: Brasil é o 9º país do mundo em consumo per capita de medicamentos. Brasil

Leia mais

Serão as emoções importantes? Sim

Serão as emoções importantes? Sim As emoções Emoções Uma reação complexa a estímulos externos (mais frequentemente) e também a estímulos internos, que se traduz em reações fisiológicas, comportamentais, cognitivas, afetivas, sentimentais

Leia mais

DANÇA PARA ADOLESCENTES COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL

DANÇA PARA ADOLESCENTES COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL DANÇA PARA ADOLESCENTES COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL Kamila Pimentel dos Santos Leila Márcia Azevedo Nunes Lionela da Silva Corrêa Universidade Federal do Amazonas - UFAM Práticas Pedagógicas inclusivas

Leia mais

Capítulo 16 Intimidade Sexual

Capítulo 16 Intimidade Sexual Capítulo 16 Intimidade Sexual Você sabia? Muitas pessoas que sofreram algum evento cardíaco têm medo de voltar a fazer sexo ou preocupações a esse respeito. Sentir medo ou preocupação é uma forma de o

Leia mais

Curso de Teologia de Leigos

Curso de Teologia de Leigos Curso de Teologia de Leigos O MISTÉRIO DA CRIAÇÃO; DEUS MANTÉM E SUSTENTA A CRIAÇÃO; DEUS REALIZA O SEU PROJETO: A DIVINA PROVIDÊNCIA; A DIVINA PROVIDÊNCIA E AS CAUSAS SEGUNDAS; A DIVINA PROVIDÊNCIA E

Leia mais

Mande as melhores vibrações para quem você quer bem.

Mande as melhores vibrações para quem você quer bem. A palavra Pomander, derivada do francê Pomme d ambre - maçã de âmbar - sendo o nome atribuído a um dos processos mais antigos de aromaterapia: uma maça que era espetada com botões de cravo e outras ervas

Leia mais

Medo, Fobia, Vergonha e Estresse no Esporte

Medo, Fobia, Vergonha e Estresse no Esporte Medo, Fobia, Vergonha e Estresse no Esporte Curso de Ed. Física Prof. Ana Catarina Correia Mesquita Medo Estado emocional desencadeado no sistema nervoso central ante a um perigo iminente, que gera uma

Leia mais

Vitrine. Janeiro, Fevereiro e Março de 2017

Vitrine. Janeiro, Fevereiro e Março de 2017 Vitrine Janeiro, Fevereiro e Março de 2017 Cód: PE377 Pulseira: 18cm até 22cm R$ 76,90 Cód: BRJ05 Brinco: 1,5x1,9cm R$ 56,00 Cód: BR071 Brinco: 3,2x7cm R$ 59,90 Cód: PE627 Pulseira: 18,5cm até 21,5cm Coração:

Leia mais

SEXUALIDADE - definição

SEXUALIDADE - definição A sexualidade SEXUALIDADE - definição É uma energia que nos motiva a procurar o amor, contacto, ternura, intimidade; que se integra no modo como nos sentimos, movemos, tocamos, e somos tocados; é ser-se

Leia mais

O que é instrumentação INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE. Tubo de venturi. Ultrassônico carretel 22/2/2011. Introdução

O que é instrumentação INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE. Tubo de venturi. Ultrassônico carretel 22/2/2011. Introdução O que é instrumentação INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE Éaciênciaquedesenvolveeaplicatécnicasde medição, indicação, registro e controle de processos, visando a otimização e eficiência destes processos. Introdução

Leia mais

Curso de Atualização em Psicopatologia 2ª aula Decio Tenenbaum

Curso de Atualização em Psicopatologia 2ª aula Decio Tenenbaum Curso de Atualização em Psicopatologia 2ª aula Decio Tenenbaum Centro de Medicina Psicossomática e Psicologia Médica do Hospital Geral da Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro 2ª aula Diferenciação

Leia mais

Palestra Online A Ponte de Equilíbrio para o Novo Mundo. Facilitador: Marcos Brenelli Centro de Tecnologia Quântica 2015

Palestra Online A Ponte de Equilíbrio para o Novo Mundo. Facilitador: Marcos Brenelli Centro de Tecnologia Quântica 2015 Palestra Online A Ponte de Equilíbrio para o Facilitador: Marcos Brenelli 2015 Sejam Bem-Vindos Obrigado por estarem aqui neste momento. Peço permissão para entrar em seu ambiente, para estarmos juntos

Leia mais

Capacitação em Ética, Cultura de Paz e Dinâmicas da Convivência Módulo 5

Capacitação em Ética, Cultura de Paz e Dinâmicas da Convivência Módulo 5 Capacitação em Ética, Cultura de Paz e Dinâmicas da Convivência Módulo 5 Prof. Lia Diskin CULTURA DE PAZ Democracia Direitos Humanos Desenvolvimento Sustentável Desarmamento DESENVOLVIMENTO É um processo

Leia mais

QUEBRANDO BARREIRAS. Alexandre Luiz Demarchi

QUEBRANDO BARREIRAS. Alexandre Luiz Demarchi QUEBRANDO BARREIRAS Alexandre Luiz Demarchi Prefácio A vida apresenta-se como uma sequência de escolhas e cada um decide seu caminho. Nosso desenvolvimento vem de juntar as peças no grande quebra-cabeça

Leia mais

O indivíduo na organização

O indivíduo na organização Aula 2 O indivíduo na organização 1 Agenda Valores Atitudes Percepção Personalidade 2 1 Valores Valores Representam convicções básicas de que um modo específico de conduta ou de condição de existência

Leia mais

Meditação Shinsokan para realizar as quatro virtudes infinitas

Meditação Shinsokan para realizar as quatro virtudes infinitas Meditação Shinsokan para realizar as quatro virtudes infinitas Reverências (realizar apenas se tiver Quadro do Jisso) Duas reverências, duas palmas, uma leve curvatura. (Sentar-se voltado para o público)

Leia mais

A Cultura empresarial como diferencial competitivo. Odino Marcondes

A Cultura empresarial como diferencial competitivo. Odino Marcondes A Cultura empresarial como diferencial competitivo Odino Marcondes Definição: Cultura é como nós fazemos as coisas por aqui As coisas como Cerveja Antarctica Brahma Ambev Normas, crenças idiossincráticas

Leia mais

MÁRCIA PEREIRA BERNARDES

MÁRCIA PEREIRA BERNARDES PSICOPATOLOGIA PSICODRAMÁTICA MÁRCIA PEREIRA BERNARDES ABRIL/2011 Baseado na Teoria do Núcleo do EU J.L. Moreno Rojas Bermudez Victor Dias Base fisiológica BIBLIOGRAFIA: DIAS, VITOR ROBERTO C. SILVA. Psicodrama:

Leia mais

Estresse. Saiba identifi car o excesso de preocupação e nervosismo.

Estresse. Saiba identifi car o excesso de preocupação e nervosismo. Estresse Saiba identifi car o excesso de preocupação e nervosismo. EsTREssE O estresse é uma reação física e mental diante de estímulos que podem ser positivos ou negativos. As pessoas não reagem da mesma

Leia mais

Gestão Ambiental e Responsabilidade Social. Organização da Aula. Aula 2. Contextualização. Instrumentalização. Gestão Socioambiental.

Gestão Ambiental e Responsabilidade Social. Organização da Aula. Aula 2. Contextualização. Instrumentalização. Gestão Socioambiental. Gestão Ambiental e Responsabilidade Social Organização da Aula Gestão Socioambiental Aula 2 Estratégica Variável Ambiental e Processo Profa. Dra. Viviane M. P. Garbelini de Gestão Contextualização Torna-se

Leia mais

9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II PROFESSOR DANILO BORGES

9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II PROFESSOR DANILO BORGES 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II PROFESSOR DANILO BORGES DAVID HUME - COMPAIXÃO Nascimento: 7 de maio de 1711 Edimburgo, Reino Unido. Morte: 25 de agosto de 1776 (65 anos) Edimburgo, Reino Unido. Hume nega

Leia mais

O Complexo de Édipo e de Electra

O Complexo de Édipo e de Electra O Complexo de Édipo e de Electra 12ºC BÁRBARA Nº4 MARTA Nº16 RAQUEL Nº20 O complexo de Édipo e de Electra, foi o tema escolhido por nós, porque foi aquele com o qual mais nos identificámos, uma vez que

Leia mais

CANTIGAS DE RODA. Cláudio Antônio Dias E. M. Sebastiana Silveira Pinto - UDI /

CANTIGAS DE RODA. Cláudio Antônio Dias E. M. Sebastiana Silveira Pinto - UDI / CANTIGAS DE RODA Cláudio Antônio Dias E. M. Sebastiana Silveira Pinto - UDI / 3216-4786 - 3216-0646 Resumo O objetivo desse trabalho denominado de Cantigas de roda é desenvolver estratégias dentro do eixo

Leia mais

O Pr. Sammy Tippit define herança como sendo o que recebemos e legado como aquilo que deixaremos. Deixando uma Herança 2 Timóteo 1.

O Pr. Sammy Tippit define herança como sendo o que recebemos e legado como aquilo que deixaremos. Deixando uma Herança 2 Timóteo 1. Deixando uma Herança 2 Timóteo 1.5-6 Pr. Fernando Fernandes PIB em Penápolis, 29/05/2011 (Campanha de Jejum e Oração pelas Família) O Pr. Sammy Tippit define herança como sendo o que recebemos e legado

Leia mais

Fase dos Movimentos Reflexos

Fase dos Movimentos Reflexos 07/10/2014 Fase dos Movimentos Reflexos Os movimentos do Bebê Movimentos Reflexos O estudo dos reflexos e dos padrões de comportamento estereotipados dos bebês revela informações úteis para a compreensão

Leia mais

Psicologia da Educação

Psicologia da Educação Psicologia da Educação Motivação na Sala de Aula MOTIVAÇÃO E LEI DO EFEITO O MOTIVO E AS SUAS COMPONENTES TIPOS DE MOTIVOS MOTIVAÇÃO E CONFLITO MOTIVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO O PAPEL DO PROFESSOR Copyright,

Leia mais

Copyright 2013, Igor José Leão dos Santos. Capa: autor. 1ª edição (2013)

Copyright 2013, Igor José Leão dos Santos. Capa: autor. 1ª edição (2013) 1 2 Copyright 2013, Igor José Leão dos Santos. Capa: autor 1ª edição (2013) Todas as imagens e fotos contidas nesse livro são do arquivo pessoal do autor, não podendo ser utilizadas ou reproduzidas sem

Leia mais

Jesus Cristo revela três passos para a felicidade

Jesus Cristo revela três passos para a felicidade Jesus Cristo revela três passos para a felicidade Introdução O desejo de felicidade está enraizado profundamente em cada pessoa, infelizmente muitos não alcançam este objetivo. São diversos os motivos

Leia mais

Filosofia Iluminista. Profª Karina Oliveira Bezerra Unidade 01. Capítulo 04: p Unidade 08. Capítulo 05: pg

Filosofia Iluminista. Profª Karina Oliveira Bezerra Unidade 01. Capítulo 04: p Unidade 08. Capítulo 05: pg Filosofia Iluminista Profª Karina Oliveira Bezerra Unidade 01. Capítulo 04: p.57-58 Unidade 08. Capítulo 05: pg. 442-446 Filosofia da Ilustração ou Iluminismo (meados do século XVIII ao começo do século

Leia mais

A fé. Deus. acredita em. Porque é que. Se algumas pessoas não acreditam. nem toda a gente

A fé. Deus. acredita em. Porque é que. Se algumas pessoas não acreditam. nem toda a gente A fé Porque é que nem toda a gente acredita em Deus? A fé Se algumas pessoas não acreditam em Deus, é talvez porque ainda não encontraram crentes felizes que tivessem vontade de dar testemunho da sua fé.

Leia mais

NTRODUÇÃO À ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL=

NTRODUÇÃO À ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL= ESCOLA POLITÉCNICA DA USP DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE ESTRUTURAS E FUNDAÇÕES DEFESA DE TESE PROGRAMA DE DOUTORADO ENGENHARIA DE ESTRUTURAS 0313101 APRIMORAMENTO DE UM CURSO DE ENGENHARIA NTRODUÇÃO À

Leia mais

Unidade I COMPORTAMENTO DO. Profa. Daniela Menezes

Unidade I COMPORTAMENTO DO. Profa. Daniela Menezes Unidade I COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR Profa. Daniela Menezes Aspectos da personalidade e do comportamento dos consumidores O ato de comprar é permeado por uma série de impulsos ou motivações. O que é motivação?

Leia mais

DA LINEARIDADE À TRANSDISCIPLINARIDADE

DA LINEARIDADE À TRANSDISCIPLINARIDADE DA LINEARIDADE À TRANSDISCIPLINARIDADE SEGURANÇA LINEARIDADE SAÚDE MULTIDISCIPLINARIDADE EQUIPE MÉDICA ESTUDO JURÍDICO EXAME PSIQUIÁTRICO EXAME PSICOLÓGICO ESTUDO SOCIAL SÍNTESE MÉDICA MULTIDISCIPLINARIDADE

Leia mais

Ψ AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE OLIVEIRA

Ψ AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE OLIVEIRA Ψ AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE OLIVEIRA DE FRADES PSICOLOGIA B 12º ANO 4º Teste Ano lectivo 2010/2011 A prova é constituída por três grupos de itens: - O Grupo I testa objectivos de conhecimento, de compreensão

Leia mais

PROJETO DE LEITURA INTENÇÃO: LEVANTAR HIPÓTESES SOBRE A HISTÓRIA, INSTIGAR A CURIOSIDADE E AMPLIAR O REPERTÓRIO DO ALUNO.

PROJETO DE LEITURA INTENÇÃO: LEVANTAR HIPÓTESES SOBRE A HISTÓRIA, INSTIGAR A CURIOSIDADE E AMPLIAR O REPERTÓRIO DO ALUNO. PROJETO DE LEITURA PARTE 1 PRÉ-LEITURA ATIVIDADES ANTERIORES À LEITURA INTENÇÃO: LEVANTAR HIPÓTESES SOBRE A HISTÓRIA, INSTIGAR A CURIOSIDADE E AMPLIAR O REPERTÓRIO DO ALUNO. Atividade 1 Antes de você iniciar

Leia mais

Percepção, Sintonia e Concentração Mental

Percepção, Sintonia e Concentração Mental FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Mediunidade: Estudo e Prática Programa 2 Módulo II Mecanismos da mediunidade Percepção, Sintonia e Concentração Mental Tema 3 Qual o seu entendimento sobre percepção, sintonia

Leia mais

2 - Criem Vidas Maravilhosas

2 - Criem Vidas Maravilhosas 2 - Criem Vidas Maravilhosas Crie uma vida bela, uma sexualidade maravilhosa. Eu vim novamente para falar, de maneira informal, a respeito de sua vida e de como vive o seu dia-a-dia. você se levanta pela

Leia mais

PROGRAMA DE MÉTODOS E HÁBITOS DE ESTUDO

PROGRAMA DE MÉTODOS E HÁBITOS DE ESTUDO PROGRAMA DE MÉTODOS E HÁBITOS DE ESTUDO MOTIVAR PARA O SUCESSO PRESSUPÕE INTERESSE, INVESTIMENTO, DISPONIBILIDADE, VONTADE, COMPETÊNCIA E ENVOLVIMENTO DE TODOS OS INTERVENIENTES NO PROCESSO EDUCATIVO!

Leia mais

Neurose Obsessiva. Neurose Obsessiva Psicopatologia Geral e Especial Carlos Mota Cardoso

Neurose Obsessiva. Neurose Obsessiva Psicopatologia Geral e Especial Carlos Mota Cardoso Neurose Obsessiva 1 Definição Ideias parasitas, as quais, permanecendo intacta a inteligência, e sem que exista um estado emotivo ou passional que o justifique, surgem conscientemente; impõem-se contra

Leia mais

OFICINA DE LIBRAS. Profa Me Luciana Andrade Rodrigues

OFICINA DE LIBRAS. Profa Me Luciana Andrade Rodrigues OFICINA DE LIBRAS Profa Me Luciana Andrade Rodrigues CONTEÚDO - Revisão de todas as aulas anteriores; -Inclusão; - Vídeo e Interatividade OBJETIVOS - Ampliação do vocabulário em LIBRAS; -Música. SEGREGAÇÃO

Leia mais

Conhecimento. Senso comum Religioso Filosófico Cientifico. Química. A matéria. propriedades. gerais funcionais específicas

Conhecimento. Senso comum Religioso Filosófico Cientifico. Química. A matéria. propriedades. gerais funcionais específicas Conhecimento Senso comum Religioso Filosófico Cientifico Química A matéria propriedades gerais funcionais específicas físicas químicas organolépticas Estados de agregação da matéria Estado sólido Forma

Leia mais

UNIVERSIDADE INTERNACIONAL IBEROAMERICA. Nome e sobrenome: Samuel Winesse

UNIVERSIDADE INTERNACIONAL IBEROAMERICA. Nome e sobrenome: Samuel Winesse UNIVERSIDADE INTERNACIONAL IBEROAMERICA Nome e sobrenome: Samuel Winesse Usuário: BeiFPMME1710729 Grupo: fp_mme_2015-06_pt_2 Data: 11/07/2016 Concurso de Olimpiadas-FUNIBER Título dotrabalho: O ESPORTE

Leia mais

PRESENTE DE DEUS "UM VERDADEIRO AMOR"

PRESENTE DE DEUS UM VERDADEIRO AMOR PRESENTE DE DEUS "UM VERDADEIRO AMOR" RAILDA DOS SANTOS CHAGAS CARVALHO Imagens Imagem capa Livro retirada site: ultradownloads.com.br Digitação Railda dos Santos Chagas Carvalho Respeite o Direito Autoral

Leia mais

ÁREA DE FORMAÇÃO: PLANEAR O ORÇAMENTO FAMILIAR IDENTIFICAR RENDIMENTOS E DESPESAS

ÁREA DE FORMAÇÃO: PLANEAR O ORÇAMENTO FAMILIAR IDENTIFICAR RENDIMENTOS E DESPESAS ÁREA DE FORMAÇÃO: PLANEAR O ORÇAMENTO FAMILIAR IDENTIFICAR RENDIMENTOS E DESPESAS Índice Planear o orçamento familiar Tipos de rendimentos Tipos de despesas Estrutura de despesas Saldo do orçamento familiar

Leia mais

Olá queridos leitores!

Olá queridos leitores! Poesias de amor Olá queridos leitores! Meu nome é Nagila da Silva ferreira tenho 15 anos e escrevi este livro para vocês que não sabem expressar seus sentimentos facilmente então sempre que puder leia

Leia mais

PIERRE BOURDIEU PODER SIMBÓLICO

PIERRE BOURDIEU PODER SIMBÓLICO PIERRE BOURDIEU 1930-2002 PODER SIMBÓLICO Construtivismo Estruturalista Superação do pensar por dicotomias mundo social construido no pasado (historicidade) formas sociais (passado) são reproduzidas, apropriadas,

Leia mais

CONCURSO DE FOTOGRAFIA COMO A ESCOLA ME TRANSFORMA

CONCURSO DE FOTOGRAFIA COMO A ESCOLA ME TRANSFORMA CONCURSO DE FOTOGRAFIA COMO A ESCOLA ME TRANSFORMA REGULAMENTO 1. DO CONCURSO O Concurso Fotográfico Como a escola me transforma desenvolvido pela Escola de Aplicação Dr. Alfredo José Balbi, tem como objetivo

Leia mais

MANUAL DO PAI na gravidez!

MANUAL DO PAI na gravidez! MANUAL DO PAI na gravidez! Autora: Lorena Oliveira Endereço: www.blogdalo.com.br Instagram: @lorenasmgestacao Papai, Para uma gravidez feliz é necessário decorar a fórmula: Tranquilidade + amor + companheirismo

Leia mais

AMOR, CIÚME E PAIXÃO - ALGUMAS CONSIDERAÇÕES CRISTÃS.

AMOR, CIÚME E PAIXÃO - ALGUMAS CONSIDERAÇÕES CRISTÃS. 23 DE SETEMBRO DE 2009 AMOR, CIÚME E PAIXÃO - ALGUMAS CONSIDERAÇÕES CRISTÃS. Por que homens e mulheres são capazes de transformar o Amor, o mais sublime dos sentimentos, em combustível de um crime? Será

Leia mais

Os Sete Centros de Energia Guia de Debate 3

Os Sete Centros de Energia Guia de Debate 3 SEGUNDO CENTRO DE ENERGIA: CHAKRA DA ALMA Páginas 44-59 Compartilhar: Alguém passou por uma experiência diferente nesta semana? Alguém quer contar algum insight que teve a respeito dos chakras ou deste

Leia mais

CAPITALISMO E SINCERIDADE

CAPITALISMO E SINCERIDADE CAPITALISMO E SINCERIDADE Felipe Mateus de Almeida Cientista Social e Mestrando em Sociologia pela Universidade Federal de Goiás UFG. Neste breve texto pretendemos abordar a questão da sinceridade e da

Leia mais

EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO

EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO 12.º Ano de Escolaridade (Decreto-Lei n.º 286/89, de 29 de Agosto) PROVA 140/C/5 Págs. Duração da prova: 120 minutos 2007 1.ª FASE PROVA ESCRITA DE PSICOLOGIA 1. CRITÉRIOS

Leia mais

Proporcionar aos participantes a aquisição de aptidões específicas nos domínios da expressão/comunicação e das capacidades relacionais

Proporcionar aos participantes a aquisição de aptidões específicas nos domínios da expressão/comunicação e das capacidades relacionais Assertividade Formato do curso: Presencial Localidade: Lisboa Data: 07 Nov. 2016 a 08 Nov. 2016 Preço: 625 Horário: Laboral - 09h00-17h00 Nível: Intermédio Duração: 14 horas No final desta ação, os participantes

Leia mais

Uso de artefatos experimentais como auxílio didático pedagógico no ensino de física de nível médio. Professor Erveton Pinheiro Pinto

Uso de artefatos experimentais como auxílio didático pedagógico no ensino de física de nível médio. Professor Erveton Pinheiro Pinto Uso de artefatos experimentais como auxílio didático pedagógico no ensino de física de nível médio Professor Erveton Pinheiro Pinto Sumário Introdução; Elaboração do roteiro; Preparação do experimento

Leia mais

A EXPECTATIVA DOS PAIS

A EXPECTATIVA DOS PAIS 3 MÓDULO A EXPECTATIVA DOS PAIS RELEMBRANDO... Nossa criação diz muito sobre nós. É dali que surgiram as nossas primeiras crenças. Ali que aprendemos o significado das coisas, o que é permitido e o que

Leia mais

(Carlos Ferreira. Adaptado. Direto da Alemanha. O Liberal. ESPORTE. COPA, 14/06/2006.)

(Carlos Ferreira. Adaptado. Direto da Alemanha. O Liberal. ESPORTE. COPA, 14/06/2006.) CONHECIMENTOS GERAIS 2 NAS QUESTÕES NUMERADAS DE 01 A 20, ASSINALE A ÚNICA ALTERNATIVA QUE RESPONDE CORRETAMENTE AO ENUNCIADO. LÍNGUA PORTUGUESA LEIA O TEXTO PARA RESPONDER ÀS QUESTÕES DE 01 A 08. A pior

Leia mais

Escola Secundária de Carregal do Sal

Escola Secundária de Carregal do Sal Escola Secundária de Carregal do Sal Área de Projecto 2006\2007 Sigmund Freud 1 2 Sigmund Freud 1856-----------------Nasceu em Freiberg 1881-----------------Licenciatura em Medicina 1885-----------------Estuda

Leia mais

CURA ESPIRITUAL DA DEPRESSÃO

CURA ESPIRITUAL DA DEPRESSÃO CURA ESPIRITUAL DA DEPRESSÃO DEPRESSÃO - CONCEITOS DEPRESSÃO - conceitos O termo "depressão" origina-se do latim de (baixar) e premere (pressionar) depremere e significa, literalmente, pressionar para

Leia mais

Jornalzinho da Juventude (junho/ 2016) (Órgão de divulgação da Juventude Espírita Libertação da Associação Espírita Nosso Lar )

Jornalzinho da Juventude (junho/ 2016) (Órgão de divulgação da Juventude Espírita Libertação da Associação Espírita Nosso Lar ) Jornalzinho da Juventude (junho/ 2016) (Órgão de divulgação da Juventude Espírita Libertação da Associação Espírita Nosso Lar ) NAMORAR OU FICAR? Muito embora as vezes, seja motivo de piada, em função

Leia mais

MENU SINTOMAS DA DEPENDÊNCIA QUÍMICA. Conheça tudo sobre os Sintomas da Dependência Química. Atendimento:

MENU SINTOMAS DA DEPENDÊNCIA QUÍMICA. Conheça tudo sobre os Sintomas da Dependência Química. Atendimento: Atendimento: +55 15 3326-6784 MENU E-mail atendimentoctes@gmail.com SINTOMAS DA DEPENDÊNCIA QUÍMICA Conheça tudo sobre os Sintomas da Dependência Química. / Informações Úteis / Sintomas da Dependência

Leia mais

II TRI. LIÇÃO evange ho 13 LUCAS CRUCIFICADO E RESSURRETO

II TRI. LIÇÃO evange ho 13 LUCAS CRUCIFICADO E RESSURRETO II TRI 2015 DE LUCAS LIÇÃO evange ho 13 CRUCIFICADO E RESSURRETO VERSO PARA MEMORIZAR: quando disse: Importa que o Filho do Homem seja entregue nas mãos de pecadores, e seja crucificado, e ressuscite no

Leia mais

2º Ano 1º Período Conteúdos Competências Essenciais Atividades Atividades baseadas no livro Crescer a Brincar.

2º Ano 1º Período Conteúdos Competências Essenciais Atividades Atividades baseadas no livro Crescer a Brincar. . Diferenciação emocional e cognitiva Emoções positivas(alegria, interesse, carinho, felicidade, esperança ) Emoções negativas(tristeza, medo, fobia, inveja, ciúme..) símbolos emocionais(sinais corporais,

Leia mais

Planejamento para os Três Quadrimestres de 2015

Planejamento para os Três Quadrimestres de 2015 Planejamento para os Três s de 2015 Antes de analisar os horários, saiba como o planejamento é elaborado: 1) A coordenação de curso recebe os horários das disciplinas do BC&T da Direção de Centro. Os horários

Leia mais

SAUDE MENTAL E TRANSTORNO MENTAL. Profa. Keila Ribeiro

SAUDE MENTAL E TRANSTORNO MENTAL. Profa. Keila Ribeiro SAUDE MENTAL E TRANSTORNO MENTAL Profa. Keila Ribeiro Conceitos Saúde Mental Transtorno Mental Descrições de Transtornos Mentais mais frequentes O que é o exame mental? Saúde Mental o sujeito deve... Compreender

Leia mais

Compreender a importância do conhecimento da Lua para reconstituir a história dos primeiros 700 M.a. da história da Terra.

Compreender a importância do conhecimento da Lua para reconstituir a história dos primeiros 700 M.a. da história da Terra. Compreender a importância do conhecimento da Lua para reconstituir a história dos primeiros 700 M.a. da história da Terra. Conhecer as características que fazem da Terra um planeta único. Conhecer as condições

Leia mais

Adolescência. Matéria: D.B.D.H. II Profa.: Janine Lopes 2º e 3º Períodos de Ed. Física

Adolescência. Matéria: D.B.D.H. II Profa.: Janine Lopes 2º e 3º Períodos de Ed. Física Adolescência Matéria: D.B.D.H. II Profa.: Janine Lopes 2º e 3º Períodos de Ed. Física Adolescência, do latim adolescere (crescer). É uma fase da vida que pode ser definida em sua dimensão histórica, política,

Leia mais

Super simpatias caipiras para o amor e sedução

Super simpatias caipiras para o amor e sedução Super simpatias caipiras para o amor e sedução Só as mais tradicionais simpatias para o amor e Sedução! Aqui reuni o melhor das Simpatias Caipiras, ciganas e tradicionais que envolvam a Sedução e atração.

Leia mais

Estrutura familiar e dinâmica social

Estrutura familiar e dinâmica social Estrutura familiar e dinâmica social Introdução Neste trabalho pretendendo tratar minuciosamente sobre o conceito e relevância social do parentesco; a família enquanto grupo específico e diferenciado de

Leia mais

E-BOOK CO M L O U R O

E-BOOK CO M L O U R O BENZIMENTO E-BOOK CO M L O U R O Quem somos? Nós somos Bruno Gimenes e Patrícia Cândido e neste material especial nós vamos lhe ensinar algumas técnicas especiais de aplicação e resultados rápidos, para

Leia mais

Descubra o que realmente produz resultado na hora de fechar novos clientes. Aplique 20% dos seus esforços para atingir 80% dos seus resultados.

Descubra o que realmente produz resultado na hora de fechar novos clientes. Aplique 20% dos seus esforços para atingir 80% dos seus resultados. Descubra o que realmente produz resultado na hora de fechar novos clientes. Aplique 20% dos seus esforços para atingir 80% dos seus resultados. Aumente a sua Taxa de Conversão de Novos Contratos. O QUE

Leia mais

Sete passos para Eliminar a Ansiedade

Sete passos para Eliminar a Ansiedade Sete passos para Eliminar a Ansiedade Rosane Santos É possível ser feliz... É possível viver em paz... É possível ser livre! Eu sou a Rosane Santos, psicoterapeuta, graduada em Psicologia. O que irei compartilhar

Leia mais

Calendário de oração do 2º CONJIEL

Calendário de oração do 2º CONJIEL Calendário de oração do 2º CONJIEL É com alegria que comunicamos o inicio dos trabalhos para mobilização de intercessores e igrejas que estarão envolvidos durante 40 dias de muita oração e comunhão em

Leia mais

Atena Cursos - Curso de Capacitação - AEE PROJETO DEFICIÊNCIA DA LEITURA NA APRENDIZAGEM INFANTIL

Atena Cursos - Curso de Capacitação - AEE PROJETO DEFICIÊNCIA DA LEITURA NA APRENDIZAGEM INFANTIL Atena Cursos - Curso de Capacitação - AEE PROJETO DEFICIÊNCIA DA LEITURA NA APRENDIZAGEM INFANTIL Aluna: Iara Escandiel Colussi Data: 12/06/2015 Introdução Este projeto apresenta algumas situações de dificuldade

Leia mais

IBEMAC INSTITUTO BRASILEIRO DE ENSINO MAÇÔNICO CURSO DE MAGIA DA EVOCAÇÃO NÍVEL II

IBEMAC INSTITUTO BRASILEIRO DE ENSINO MAÇÔNICO CURSO DE MAGIA DA EVOCAÇÃO NÍVEL II Conteúdo do Curso de Magia Nível II (Dez Graus) Este Curso é a continuação do estudo para aqueles que terminaram o NIVEL I. Ele se divide em 10 Graus, cada grau em uma apostila, portanto são 10 (dez) apostilas

Leia mais

A. Independência e dependência da consciência de si: dominação e escravidão

A. Independência e dependência da consciência de si: dominação e escravidão A. Independência e dependência da consciência de si: dominação e escravidão [Primeira secção do capítulo IV A verdade da certeza de si mesmo] As etapas do itinerário fenomenológico: 1. CONSCIÊNCIA (em

Leia mais

Comportamento e adestramento de cães

Comportamento e adestramento de cães Pets Comportamento e adestramento de cães Andréa de Paula C A P Í T U L O 3 Natureza canina Muitos comportamentos indesejáveis refletem as reais necessidades da espécie e devem ser respeitados, como por

Leia mais

Bem vindo à Comunidade Presbiteriana Villa-Lobos

Bem vindo à Comunidade Presbiteriana Villa-Lobos Bem vindo à Comunidade Presbiteriana Villa-Lobos Te darei todo louvor Te darei adoração Só a Ti minh alma anseia Meu louvor somente à Ti darei Te darei todo louvor Te darei adoração Só a Ti minh alma anseia

Leia mais

TIPIFICAÇÃO DAS AGRESSÕES SOFRIDAS PELAS MULHERES DA CIDADE DE JUAZEIRO DO NORTE CEARÁ

TIPIFICAÇÃO DAS AGRESSÕES SOFRIDAS PELAS MULHERES DA CIDADE DE JUAZEIRO DO NORTE CEARÁ TIPIFICAÇÃO DAS AGRESSÕES SOFRIDAS PELAS MULHERES DA CIDADE DE JUAZEIRO DO NORTE CEARÁ ¹Tayenne Maranhão de Oliveira, graduanda no Bacharelado em Enfermagem pela Universidade Regional do Cariri, Bolsista

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA NA PROMOÇÃO DO SANEAMENTO AMBIENTAL

A IMPORTÂNCIA DA SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA NA PROMOÇÃO DO SANEAMENTO AMBIENTAL XXI ENCONTRO TÉCNICO AESABESP A IMPORTÂNCIA DA SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA NA PROMOÇÃO DO SANEAMENTO AMBIENTAL São Paulo/SP, 11 de Agosto de 2010 GERMANO HERNANDES FILHO PARADIGMA DA MODERNIDADE PARADIGMA

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br BuscaLegis.ccj.ufsc.Br Preservação do patrimônio ambiental: consciência no presente, com olhos no futuro por Clovis Brasil Pereira* O presente trabalho, elaborado no mês em que se comemora o Meio Ambiente,

Leia mais

Escrita. Por Ricardo Fonseca

Escrita. Por Ricardo Fonseca Escrita Por Ricardo Fonseca FUGA MEDOS GRATIDÃO MISSÃO Sonhos VIVER DOENÇA FAMÍLIA Amor DÚVIDAS PAIXÃO Escrever SAÚDE RECUPERAÇÃO TRISTEZA ABUNDÂNCIA PERDA Luto REALIZAÇÃO VITÓRIA FELICIDADE ABANDONO CRISE

Leia mais

Segredo dos Anjos Revelados

Segredo dos Anjos Revelados Segredo dos Anjos Revelados Todo o poder dos anjos em Magias Fáceis e poderosas! O Livro das Magias Angelicais contém segredos revelados de contatos com o seu anjo da guarda e formas amorosas de fazer

Leia mais