Book de inventário L4 Amarela do Metro SP

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Book de inventário L4 Amarela do Metro SP"

Transcrição

1 Fase /2016

2 estratégia linha 4 amarela metro sp caminho do usuário

3 Inventário linha 4 amarela metro sp Formato\ Estação Butantã Pinheiros Faria Lima Paulista República Luz Total Monitores de Trem Bilheteria LED Circular 1 1 Painel LED Videowall Big Screens Plataformas Total por estação

4 Estação Butantã BUTANTÃ Ambiente Formato Quantidade Entrada Principal LED 1 Acessos de Vão Central - Pre catraca Videowall 3 Vão Central - Pós catraca LED 1 Bilheterias Monitores 2 Escadas e Corredores Videowall 1 Platafromas Monitores 10 18

5 Estação Butantã BUT 02 Entrada Principal LED Tamanho: 4,00 x 2,25 (LxA)

6 Estação Butantã BUT 08 Entrada Terminal Videowall 2x2 Tamanho: 2,05 x 1,16 (LxA)

7 Estação Butantã BUT 04 Entrada Vital Brasil Videowall 3x3 Tamanho: 3,08 x 1,74 (LxA)

8 Estação Butantã BUT 03 Vão Central Videowall 4x2 Tamanho: 4,86 x 1,37 (LxA) Aspect Ratio: 32:9 1920x540

9 Estação Butantã BUT 01 Bilheterias Monitor LDF Tamanho: 40 Loop: 10 minutos 10 min

10 Estação Butantã BUT 05 Pós Catraca LED Tamanho: 5,00 x 2,75 (LxA)

11 Estação Butantã BUT 06 BUT 07 Nível Intermediário Videowall 3x3 Tamanho: 3,65 x 2,06 (LxA)

12 Estação Butantã Plataforma Monitor LDF Tamanho: 42 Aspect Ratio: 16:9 Loop: 10 minutos 10 min

13 Estação Pinheiros PINHEIROS Ambiente Formato Quantidade Bilheterias Monitores 2 Entrada - Acesso CPTM LED 1 Entrada - Estação Central LED 1 Niveis Intermediários 1 e 3 Videowall 4 Niveis Intermediários 2 e 4 e acesso a Plataforma Videowall 6 Plataformas Monitores 37 51

14 Estação Pinheiros PIN 01 Bilheterias Monitor LDF Tamanho: 40 Loop: 10 minutos 10 min

15 Estação Pinheiros PIN 02 Entrada Principal LED Tamanho: 5,00 x 2,75 (LxA)

16 Estação Pinheiros PIN 03 Entrada Principal LED Tamanho: 3,25 x 1,75 (LxA)

17 Estação Pinheiros PIN 04 PIN 05 PIN 06 PIN 09 PIN 10 PIN 11 Nível Intermediário 1/2/3 Videowall 3x3 Tamanho: 3,65 x 2,06 (LxA)

18 Estação Pinheiros PIN 04 PIN 05 PIN 06 PIN 09 PIN 10 PIN 11 Nível Intermediário 1/2/3 Videowall 3x3 Tamanho: 3,65 x 2,06 (LxA)

19 Estação Pinheiros 07 PIN 07 PIN 08 Nível Intermediário 3 Videowall 3x3 Tamanho: 3,65 x 2,06 (LxA) 08

20 Estação Pinheiros 13 PIN 13 PIN 14 Acesso Plataforma Videowall 2x2 Tamanho: 2,05 x 1,16 (LxA) 14

21 Estação Pinheiros Plataforma Monitor LDF Tamanho: 42 Aspect Ratio: 16:9 Loop: 10 minutos 10 min

22 Estação Faria Lima FARIA LIMA Ambiente Formato Quantidade Entrada - Teodoro Sampaio LED 1 Vão Central - Pré catraca VideoWall 3 Bilheterias Monitores 2 Vão Central - Pós catraca VideoWall 3 Acesso a plataformas Monitores 4 Plataformas Monitores 44 57

23 Estação Faria Lima FAL 02 Acesso T. Sampaio LED Tamanho: 4,00 x 2,25 (LxA)

24 Estação Faria Lima FAL 04 Escada T. Sampaio Videowall 3x3 Tamanho: 3,08 x 1,74 (LxA)

25 Estação Faria Lima FAL 03 Acesso Faria Lima Videowall 3x3 Tamanho: 3,08 x 1,74 (LxA)

26 Estação Faria Lima FAL 01 Bilheterias Monitor LDF Tamanho: 40 Loop: 10 minutos 10 min

27 Estação Faria Lima FAL 05 Testeira Pre Catraca Videowall 4x2 Tamanho: 4,86 x 1,37 (LxA) Aspect Ratio: 32:9 1920x540

28 Estação Faria Lima FAL 06 FAL 08 Testeira Pós Catraca Videowall 4x2 Tamanho: 4,86 x 1,37 (LxA) Aspect Ratio: 32:9 1920x540

29 Estação Faria Lima FAL 07 Testeira Pós Catraca Videowall 4x2 Tamanho: 4,86 x 1,37 (LxA) Aspect Ratio: 32:9 1920x540

30 Estação Faria Lima FAL 09 FAL 10 FAL 11 FAL 12 Testeira Plataforma Monitor Tamanho: 55

31 Estação Faria Lima Plataforma Monitor LDF Tamanho: 42 Aspect Ratio: 16:9 Loop: 10 minutos 10 min

32 Estação Paulista PAULISTA Ambiente Formato Quantidade Entrada Consolação LED 2 Acesso a Bilheteria e Entrada Consolação (ímpar) Videowall 2 Bilheterias Monitores 2 Escadas e Corredores Videowall 5 Túnel de integração Big Screens 15 Plataformas Monitores 33 59

33 Estação Paulista PTA 03 Acesso Consolação LED Tamanho: 5,00 x 2,75 (LxA)

34 Estação Paulista PTA 02 Acesso Consolação LED Tamanho: 5,00 x 2,75 (LxA)

35 Estação Paulista PTA 05 Escada Consolação Videowall 2x2 Tamanho: 2,05 x 1,16 (LxA)

36 Estação Paulista PTA 04 Acesso Angélica Videowall 3x3 Tamanho: 3,08 x 1,74 (LxA)

37 Estação Paulista PTA 01 Bilheterias Monitor LDF Tamanho: 40 Loop: 10 minutos 10 min

38 Estação Paulista PTA 06 PTA 07 PTA 08 PTA 09 PTA 10 Níveis Intermediários Videowall 4x2 Tamanho: 4,10 x 1,16 (LxA) Aspect Ratio: 32:9 1920x540

39 Estação Paulista PTA 11 PTA 12 PTA 13 Mezanino Plataforma Monitores Tamanho: 65

40 Estação Paulista Plataforma Monitor LDF Tamanho: 42 Aspect Ratio: 16:9 Loop: 10 minutos 10 min

41 Estação República REPÚBLICA Ambiente Formato Quantidade Vão de Integração Videowall 1 Escadas e Corredores de integração Videowall 6 Plataformas Monitores 42 49

42 Estação República REP 01 Parede Bloqueios Videowall 4x2 Tamanho: 4,10 x 1,16 (LxA) Aspect Ratio: 32:9 1920x540

43 Estação República REP 02 Testeira Entrada Videowall 2x2 Tamanho: 2,05 x 1,16 (LxA)

44 Estação República REP 03 Painel Plataforma Videowall 3x3 Tamanho: 3,08 x 1,74 (LxA)

45 Estação República REP 04 Painel Plataforma Videowall 3x3 Tamanho: 3,08 x 1,74 (LxA)

46 Estação República REP 06 Painel Plataforma Videowall 3x3 Tamanho: 3,08 x 1,74 (LxA)

47 Estação República REP 07 Painel Plataforma Videowall 3x3 Tamanho: 3,08 x 1,74 (LxA)

48 Estação República REP 08 Painel Plataforma Videowall 3x3 Tamanho: 3,08 x 1,74 (LxA)

49 Estação República Plataforma Monitor LDF Tamanho: 42 Aspect Ratio: 16:9 Loop: 10 minutos 10 min

50 Estação Luz LUZ Ambiente Formato Quantidade Entradas Videowall 2 Bilheterias Monitores 2 Vão Central - Pós Catraca LED CIRCULAR 1 Parede lateral direita - Pós Catraca LED 1 Escadas e Corredores - Acesso Plataforma Videowall 3 Plataformas Monitores 16 25

51 Estação Luz LUZ 02 Acesso Brig. Tobias Videowall 2x2 Tamanho: 2,05 x 1,16 (LxA) Aspect Ratio: 16: x 720

52 Estação Luz LUZ 04 Confluência Videowall 3x3 Tamanho: 3,08 x 1,74 (LxA)

53 Estação Luz LUZ 01 Bilheterias Monitor LDF Tamanho: 40 Loop: 10 minutos 10 min

54 Estação Luz LUZ 07 Painel Circular LED Tamanho: 28mts2 Aspect Ratio: 4096x366 por LED

55 Estação Luz LUZ 06 Parede Integração LED Tamanho: 4,00 x 2,25 (LxA)

56 Estação Luz LUZ 08 LUZ 09 Escada Plataforma Videowall 4x2 Tamanho: 4,86 x 1,37 (LxA) Aspect Ratio: 32:9 1920x540

57 Estação Luz Plataforma Monitor LDF Tamanho: 42 Aspect Ratio: 16:9 Loop: 10 minutos 10 min

58 Monitores dos Trens Monitores Trem Tamanho: 15 Aspect Ratio: 16:9 Loop: 10 minutos 10 min

59

onthespot é a empresa de digital out of home, do Grupo Telefonica, que está presente na rotina das pessoas, em todos os momentos do seu dia à dia,

onthespot é a empresa de digital out of home, do Grupo Telefonica, que está presente na rotina das pessoas, em todos os momentos do seu dia à dia, DIGITAL OUT OF HOME onthespot é a empresa de digital out of home, do Grupo Telefonica, que está presente na rotina das pessoas, em todos os momentos do seu dia à dia, com um conteúdo pertinente de acordo

Leia mais

MANUAL DE ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

MANUAL DE ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DIGITAL OUT OF HOME onthespot digital out of home MANUAL DE ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 2014 DIGITAL OOH O DOOH É O TIPO DE MÍDIA QUE MAIS CRESCE NO BRASIL E NO MUNDO, COMBINANDO MODERNIDADE COM UMA ÓTIMA RELAÇÃO

Leia mais

São Paulo Linha 4 - Amarela

São Paulo Linha 4 - Amarela São Paulo Linha 4 - Amarela ViaQuatro Composição Acionária 10% Mitsui 58% 30% Montgomery 1% BRT 1% RATP Assistência Técnica Assistência Técnica Linha 4 Projeto 30 anos de concessão operacional 1 Milhão

Leia mais

AVALIAÇÃO SISTEMÁTICA:ELEMENTO CHAVE PARA GESTÃO DOS FLUXOS

AVALIAÇÃO SISTEMÁTICA:ELEMENTO CHAVE PARA GESTÃO DOS FLUXOS AVALIAÇÃO SISTEMÁTICA:ELEMENTO CHAVE PARA GESTÃO DOS FLUXOS Barbosa, Maria Beatriz; Fortes, Melissa Belato; Fischer, Ligia C. Projeto de Estações e Gestão dos Serviços de Transporte A gestão das estações

Leia mais

ó é é 19-23 de Junio 2013 Rio de Janeiro AÇÕES PARA MITIGAR ACIDENTES COM OS USUÁRIOS Rodrigues, Vagner

ó é é 19-23 de Junio 2013 Rio de Janeiro AÇÕES PARA MITIGAR ACIDENTES COM OS USUÁRIOS Rodrigues, Vagner AÇÕES PARA MITIGAR ACIDENTES COM Rodrigues, Vagner OS USUÁRIOS Caracterização do sistema do Metrô de São Paulo 58 estações; 04 linhas: Linha 1 - AZUL, Linha 2- VERDE, Linha 3- VERMELHA, Linha 5 - LILÁS

Leia mais

Transporte sobre trilhos: uma solução para as metrópoles

Transporte sobre trilhos: uma solução para as metrópoles Transporte sobre trilhos: uma solução para as metrópoles 06/07/2011 Notícia Revista Construção Metálica - Edição 102-2011 Mais rápido e menos poluente, o trem retoma sua importância no transporte de passageiros

Leia mais

MANUAL DE MERCHANDISING O MAIOR EVENTO ÓPTICO DA AMÉRICA LATINA COM AINDA MAIORES OPORTUNIDADES PARA O SEU NEGÓCIO.

MANUAL DE MERCHANDISING O MAIOR EVENTO ÓPTICO DA AMÉRICA LATINA COM AINDA MAIORES OPORTUNIDADES PARA O SEU NEGÓCIO. MANUAL DE MERCHANDISING O MAIOR EVENTO ÓPTICO DA AMÉRICA LATINA COM AINDA MAIORES OPORTUNIDADES PARA O SEU NEGÓCIO. MANUAL DE MERCHANDISING 2011 apresentação Este Guia de Merchandising desenvolvido pela

Leia mais

PLANOS DE NEGÓCIO DAS OPERADORAS METROPOLITANAS. NEGÓCIOS NOS TRILHOS 2008 04 a 06 de Novembro Expo Center Norte Pavilhão Vermelho São Paulo - SP

PLANOS DE NEGÓCIO DAS OPERADORAS METROPOLITANAS. NEGÓCIOS NOS TRILHOS 2008 04 a 06 de Novembro Expo Center Norte Pavilhão Vermelho São Paulo - SP 1 PLANOS DE NEGÓCIO DAS OPERADORAS METROPOLITANAS NEGÓCIOS NOS TRILHOS 2008 04 a 06 de Novembro Expo Center Norte Pavilhão Vermelho São Paulo - SP Rede Atual de Metrô 2 Rede Atual 3 Atual Extensão 61,3

Leia mais

Solução Integrada de Bilhetagem

Solução Integrada de Bilhetagem Solução Integrada de Bilhetagem A Digicon desenvolveu uma solução completa que garante o total gerenciamento do transporte de passageiros. São equipamentos e sistemas que oferecem maior agilidade, segurança

Leia mais

ELIPSE E3 AGILIZA A DETECÇÃO DE OCORRÊNCIAS QUE VENHAM A ATINGIR A LINHA 4 DO METRÔ DE SÃO PAULO

ELIPSE E3 AGILIZA A DETECÇÃO DE OCORRÊNCIAS QUE VENHAM A ATINGIR A LINHA 4 DO METRÔ DE SÃO PAULO ELIPSE E3 AGILIZA A DETECÇÃO DE OCORRÊNCIAS QUE VENHAM A ATINGIR A LINHA 4 DO METRÔ DE SÃO PAULO Este case apresenta a aplicação do E3 para monitorar e executar comandos junto aos mais diferentes setores,

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO DOS SERVIÇOS DE PRÉ-EMBARQUE

RELATÓRIO TÉCNICO DOS SERVIÇOS DE PRÉ-EMBARQUE RELATÓRIO TÉCNICO DOS SERVIÇOS DE PRÉ-EMBARQUE agosto/2005 Cenário São Paulo tem uma das maiores frotas de ônibus do mundo. São quase 15 mil ônibus, para o transporte diário de mais de 6 milhões de passageiros.

Leia mais

DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO EM SP

DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO EM SP DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO EM SP JUNHO 2013 DIMENSÃO DO DESAFIO EM TRANSPORTE COLETIVO PMSP Coletivo 10,1 milhões viagens 56% Individual 7,9 milhões viagens 44% DIMENSÃO DO DESAFIO EM

Leia mais

O METRÔ DE SÃO PAULO. Seminário: Negócio nos Trilhos 2010

O METRÔ DE SÃO PAULO. Seminário: Negócio nos Trilhos 2010 O METRÔ DE SÃO PAULO Seminário: Negócio nos Trilhos 2010 Rede de Metrô - Fase final de implantação Rede de Metrô - Médio Prazo Linha 1 - Azul Linha 1 - Azul Atualização Tecnológica Objetivo: Melhorar o

Leia mais

Criada pela Lei Estadual nº 7.861 de 28 de Maio de 1.992. - CBTU STU/SP absorvida em 03 de Agosto de 1.993

Criada pela Lei Estadual nº 7.861 de 28 de Maio de 1.992. - CBTU STU/SP absorvida em 03 de Agosto de 1.993 HISTÓRICO Criada pela Lei Estadual nº 7.861 de 28 de Maio de 1.992. - CBTU STU/SP absorvida em 03 de Agosto de 1.993 linha 7 - Rubi - 60,4 Km 17 estações linha 10 - Turquesa - 37,2 Km 14 estações linha

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2003 UF: SP Nome do programa de trabalho: Implantação do Sistema de Trens Urbanos no Estado de São Paulo

Leia mais

APÊNDICE 6 Resultado da Pesquisa de Acessibilidade no Rio de Janeiro

APÊNDICE 6 Resultado da Pesquisa de Acessibilidade no Rio de Janeiro APÊNDICE 6 Resultado da de Acessibilidade no Rio de Janeiro Apêndice 6 Resultado da de Acessibilidade no Rio de Janeiro A pesquisa de acessibilidade foi realizada durante os meses de setembro e outubro

Leia mais

Bus Rapid Transit. Possui desempenho e conforto semelhante aos sistemas sobre trilhos, mas com custo entre 4 a 20 vezes. menor;

Bus Rapid Transit. Possui desempenho e conforto semelhante aos sistemas sobre trilhos, mas com custo entre 4 a 20 vezes. menor; 1 BRT MANAUS 2 Bus Rapid Transit O BRT é um sistema de transporte com alta capacidade e baixo custo que utiliza parte segregada da infraestrutura viária existente e opera por controle centralizado, permitindo

Leia mais

Extensão Norte Linha 1 - TRENSURB São Leopoldo - Novo Hamburgo

Extensão Norte Linha 1 - TRENSURB São Leopoldo - Novo Hamburgo Extensão Norte Linha 1 - TRENSURB São Leopoldo - Novo Hamburgo Metrô em elevado com extensão de 9,3 Km com rede elétrica aérea, sinalização, bilhetagem eletrônica, escadas rolantes Quatro Estações de Passageiros

Leia mais

RELATÓRIO DE VISITA ÀS ESTAÇÕES DE TREM DA SUPERVIA REALENGO BANGU CAMPO GRANDE SANTA CRUZ AVERIGUAÇÃO DO GRAU DE ACESSIBILIDADE

RELATÓRIO DE VISITA ÀS ESTAÇÕES DE TREM DA SUPERVIA REALENGO BANGU CAMPO GRANDE SANTA CRUZ AVERIGUAÇÃO DO GRAU DE ACESSIBILIDADE RELATÓRIO DE VISITA ÀS ESTAÇÕES DE TREM DA SUPERVIA REALENGO BANGU CAMPO GRANDE SANTA CRUZ AVERIGUAÇÃO DO GRAU DE ACESSIBILIDADE Rio de Janeiro 12 de Março de 2010 Este relatório foi produzido por Amarildo

Leia mais

GUIA PRÁTICO DO PARTICIPANTE

GUIA PRÁTICO DO PARTICIPANTE GUIA PRÁTICO DO PARTICIPANTE Santo André 2014 INFORMAÇÕES ÚTEIS: Saiba a melhor maneira de chegar ao Evento e as opções de trajeto utilizando o transporte público. Locais dos Eventos: Universidade Federal

Leia mais

DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO EM SP

DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO EM SP DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO EM SP JUNHO 2013 DIMENSÃO DO DESAFIO EM TRANSPORTE COLETIVO PMSP Coletivo 10,1 milhões viagens 56% Individual 7,9 milhões viagens 44% DIMENSÃO DO DESAFIO EM

Leia mais

Testeiras e Portas. Testeira Marisa Adesivo removível Formato de 4,02 x 0,95m (cada lado) Quantidade: 02 unidades

Testeiras e Portas. Testeira Marisa Adesivo removível Formato de 4,02 x 0,95m (cada lado) Quantidade: 02 unidades Testeiras e Portas Testeira Marisa Adesivo removível Formato de 4,02 x 0,95m (cada lado) Quantidade: 02 unidades Porta Marisa Adesivo perfurado em impressão Formato de 2,10 x 2,30 (2 folhas móveis em cada

Leia mais

TRANSPORTE FERROVIÁRIO

TRANSPORTE FERROVIÁRIO TRANSPORTE FERROVIÁRIO O transporte ferroviário no Brasil sofreu, durante um grande período, talvez devido à grande concorrência do transporte rodoviário, a falta de incentivo com relação à ampliação do

Leia mais

Utilizando o BIM com o Autodesk Revit Structure para o projeto de estações de metrô Marco A. B. Sampaio Frazillio & Ferroni

Utilizando o BIM com o Autodesk Revit Structure para o projeto de estações de metrô Marco A. B. Sampaio Frazillio & Ferroni Utilizando o BIM com o Autodesk Revit Structure para o projeto de estações de metrô Marco A. B. Sampaio Frazillio & Ferroni SE5341 Esta seção apresenta o projeto de uma estação de metrô utilizando o Autodesk

Leia mais

I Jornada Pierre Bourdieu e o Ensino de Ciências

I Jornada Pierre Bourdieu e o Ensino de Ciências 1 a CIRCULAR I Jornada Pierre Bourdieu e o Ensino de Ciências 28 de julho de 2015 Instituto de Física Universidade de São Paulo I JORNADA PIERRE BOURDIEU E O ENSINO DE CIÊNCIAS A I Jornada Pierre Bourdieu

Leia mais

Fluxograma das áreas de uso público do sistema de trem urbano ou metropolitano - Exemplo

Fluxograma das áreas de uso público do sistema de trem urbano ou metropolitano - Exemplo 5 Configuração das áreas de uso público do sistema de trem urbano ou metropolitano aprov modif alteração/modificação/inclusão/exclusão 5.1 5.1 Condições gerais As áreas de uso público da estação devem

Leia mais

Sugestão de mídia CPTM. Linha Rubi

Sugestão de mídia CPTM. Linha Rubi Sugestão de mídia CPTM Linha Rubi Painel : Standard Horizontal Medidas: 1,60 x 1,00 m Estação Campo Limpo Paulista Painel : Super Medidas: 2,18 x 1,09 m Estação Campo Limpo Paulista Painel : Clássico Medidas:

Leia mais

O METRÔ DE SÃO PAULO. Apresentação para a Cámara Colombiana de la Infraestructura Bogotá Colômbia 28/10/2010. Engº Epaminondas Duarte Junior

O METRÔ DE SÃO PAULO. Apresentação para a Cámara Colombiana de la Infraestructura Bogotá Colômbia 28/10/2010. Engº Epaminondas Duarte Junior O METRÔ DE SÃO PAULO Apresentação para a Cámara Colombiana de la Infraestructura Bogotá Colômbia 28/10/2010 Engº Epaminondas Duarte Junior REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO MERCADO CENTRAL - SÃO PAULO

Leia mais

LOCALIZAÇÃO DO TRAÇADO

LOCALIZAÇÃO DO TRAÇADO SIM da RMBS Sistema Integrado Metropolitano SISTEMA VLT AUDIÊNCIA PÚBLICA AQUISIÇÃO DE SISTEMAS Dezembro/2011 LOCALIZAÇÃO DO TRAÇADO 2 CARACTERIZAÇÃO DO EMPREENDIMENTO VLT Legenda: Traçado VLT: Trecho

Leia mais

BOOK CONSOLIDADO TABELA DE PREÇOS 2016 01/03/2016

BOOK CONSOLIDADO TABELA DE PREÇOS 2016 01/03/2016 BOOK CONSOLIDADO TABELA DE PREÇOS 2016 01/03/2016 ÁREA EXTERNA TABELA DE PREÇOS 2016 01/Março/2016 ÁREA PÚICA VA VIA DE ACESSO BUS STOP - 7 PONTOS (3 FACES) LA LUZ AMBIENTE Peças: 001BUS / 002BUS / 005BUS

Leia mais

Linha 17 Ouro. Ligação do Aeroporto de Congonhas à Rede Metroferroviária. Linha 17 Ouro

Linha 17 Ouro. Ligação do Aeroporto de Congonhas à Rede Metroferroviária. Linha 17 Ouro Ligação do Aeroporto de Congonhas à Rede Metroferroviária CARACTERÍSTICAS CARACTERÍSTICA PRINCIPAL Sistema de Monotrilho Trem com tração elétrica e sustentação por pneus, que se desloca sobre uma viga,

Leia mais

Transporte. Deslocamento: Campus São Bernardo do Campo

Transporte. Deslocamento: Campus São Bernardo do Campo Transporte Haverá transporte dos hotéis indicados e do Terminal Santo André ao local do evento. Mais detalhes em breve. De carro Deslocamento: Campus São Bernardo do Campo Via Anchieta Se optar pela via

Leia mais

ABNT NBR 14021 NORMA BRASILEIRA. Transporte Acessibilidade no sistema de trem urbano ou metropolitano

ABNT NBR 14021 NORMA BRASILEIRA. Transporte Acessibilidade no sistema de trem urbano ou metropolitano NORMA BRASILEIRA ABNT NBR 14021 Segunda edição 30.06.2005 Válida a partir de 31.07.2005 Versão corrigida 31.08.2005 Transporte Acessibilidade no sistema de trem urbano ou metropolitano Transport Accessibility

Leia mais

Sobre a REP. Acionistas e parceiros

Sobre a REP. Acionistas e parceiros Sobre a REP Acionistas e parceiros Acionista da REP, a PDG é líder no mercado brasileiro, presente em 17 estados e mais de 100 cidades. Maior grupo das Américas no setor imobiliário em valor de mercado.

Leia mais

Sobre a REP. Acionistas e parceiros

Sobre a REP. Acionistas e parceiros Sobre a REP Acionistas e parceiros Acionista da REP, a PDG é líder no mercado brasileiro, presente em 17 estados e mais de 100 cidades. Maior grupo das Américas no setor imobiliário em valor de mercado.

Leia mais

APRENDENDO A VERIFICAR A POSIÇÃO DA PORTA

APRENDENDO A VERIFICAR A POSIÇÃO DA PORTA APRENDENDO A VERIFICAR A POSIÇÃO DA PORTA POR DENTRO DO VÃO; POR TRÁS DO VÃO; LAJE DE LAJE DE PAINEL PARA FECHAMENTO DO ROLO LADO EXTERNO LADO INTERNO LADO EXTERNO LADO INTERNO ATENÇÃO: O local onde ira

Leia mais

7º Encontro de Logística e Transportes

7º Encontro de Logística e Transportes 7º Encontro de Logística e Transportes Transportes Metropolitanos na RMSP Roberto Arantes Filho Coordenador de Relações Institucionais da STM Fiesp-SP,21/05/2012 Módulo 1 Contexto de Atuação Regiões metropolitanas

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DO 4º ENCONTRO PRESENCIAL POLO SÃO PAULO

PROGRAMAÇÃO DO 4º ENCONTRO PRESENCIAL POLO SÃO PAULO Mensagem da Coordenação Regional PROGRAMAÇÃO DO 4º ENCONTRO PRESENCIAL POLO SÃO PAULO Prezados estudantes: Estamos na reta de chegada! e orgulhosos do caminho percorrido por vocês em meio à sobrecarga

Leia mais

Acionistas e parceiros REP

Acionistas e parceiros REP Acionistas e parceiros REP Joint venture* Acionista da REP, a PDG é líder no mercado brasileiro, presente em 17 estados e mais de 100 cidades. Maior grupo das Américas no setor imobiliário em valor de

Leia mais

Programa de Investimentos da EMTU e Atendimento à Copa do Mundo 2014

Programa de Investimentos da EMTU e Atendimento à Copa do Mundo 2014 Programa de Investimentos da EMTU e Atendimento à Copa do Mundo 214 Mapa do Transporte Metropolitano Rede 214 Fonte: STM EMTU PROGRAMA DE INVESTIMENTOS PROGRAMA DE INVESTIMENTOS 211-214 - EMTU Corredor

Leia mais

Urban View. Urban Reports. Higienópolis: como o metrô de gente diferenciada influencia no mercado imobiliário

Urban View. Urban Reports. Higienópolis: como o metrô de gente diferenciada influencia no mercado imobiliário Urban View Urban Reports Higienópolis: como o metrô de gente diferenciada influencia no mercado imobiliário Programa Falando em dinheiro, coluna Minha cidade, meu jeito de morar e investir Rádio Estadão

Leia mais

SEMINÁRIO COPA DO MUNDO 2014 PROJETOS, RUMOS E PERPECTIVAS

SEMINÁRIO COPA DO MUNDO 2014 PROJETOS, RUMOS E PERPECTIVAS SEMINÁRIO COPA DO MUNDO 2014 PROJETOS, RUMOS E PERPECTIVAS MOBILIDADE URBANA PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE TRANSPORTES REDE ESTRUTURAL DE TRANSPORTES DO RIO DE JANEIRO

Leia mais

CAPA. Transporte público,

CAPA. Transporte público, Transporte público, insatisfação c O Idec testou os ônibus e o metrô de Belo Horizonte e de São Paulo e constatou demora, superlotação e outros problemas que desrespeitam os direitos do usuário Shutterstock/Montagem

Leia mais

Nº JOB DATA. MATERIAIS DIFERENCIADOS REGIONAIS - PLANILHA MASTER ATENDIMENTO: Laura Reis

Nº JOB DATA. MATERIAIS DIFERENCIADOS REGIONAIS - PLANILHA MASTER ATENDIMENTO: Laura Reis REGIONAL: BHZ ATENDIMENTO: Laura Reis FATURAMENTO DE FORNECEDORES DIRETO PARA CLIENTE 1 Busdoor (13 unidades) R$12,740.00 R$12,740.00 100 1 Backlight Shopping Cidade R$1,250.00 R$1,250.00 100 1 Mídia Indoor

Leia mais

Os espectadores da Mídia Digital of Home em ônibus e metrô

Os espectadores da Mídia Digital of Home em ônibus e metrô Os espectadores da Mídia Digital of Home em ônibus e metrô Amostra Total: 360 entrevistas realizadas entre 10/07 e 10/08 / A Via TV Mídia prima pela excelência do Transporte Público Brasileiro, atuando

Leia mais

Nome Fantasia para divulgação: Lavoisier Medicina Diagnóstica

Nome Fantasia para divulgação: Lavoisier Medicina Diagnóstica RELAÇÃO DE ESPECIALIDADES POR UNIDADE DE ATENDIMENTO DIAGNÓSTICOS DA AMÉRICA S.A. DIVISÃO LAVOISIER Nome Fantasia para divulgação: Lavoisier Medicina Diagnóstica UNIDADE ANGÉLICA I Avenida Angélica, 1832

Leia mais

PERSPECTIVA DO CONDOMÍNIO -

PERSPECTIVA DO CONDOMÍNIO - PERSPECTIVA DO CONDOMÍNIO - Imagens meramente ilustrativas Página 2 DADOS DO PROJETO - NOME COMERCIAL: DESCRIÇÃO: ENDEREÇO: Recanto do Outeiro Condomínio Residencial de 16 casas sobradas com jardim privativo

Leia mais

VISITA À FÁBRICA DO VLT CARIOCA TAUBATÉ - SP

VISITA À FÁBRICA DO VLT CARIOCA TAUBATÉ - SP VISITA À FÁBRICA DO VLT CARIOCA TAUBATÉ - SP Modalidade PPP Patrocinada Duração do contrato 25 anos Consórcio VLT Carioca CCR Invepar OTP RioPar RATP Benito Roggio Transporte Sociedad Anónima - BRT 2 O

Leia mais

PROPOSTA DE EXPANSÃO DA PONTE ORCA: ENTRE O MUSEU DO IPIRANGA E A ESTAÇÃO ALTO DO IPIRANGA DO METRÔ RESUMO

PROPOSTA DE EXPANSÃO DA PONTE ORCA: ENTRE O MUSEU DO IPIRANGA E A ESTAÇÃO ALTO DO IPIRANGA DO METRÔ RESUMO PROPOSTA DE EXPANSÃO DA PONTE ORCA: ENTRE O MUSEU DO IPIRANGA E A ESTAÇÃO ALTO DO IPIRANGA DO METRÔ RESUMO Utilizando um modelo de transporte público existente, denominado Ponte Orca, gerenciado pela EMTU,

Leia mais

ANEXO C TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO C TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO C TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA PARA LICITAÇÃO DO TIPO TÉCNICA E PREÇO PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS PARA EXECUÇÃO DAS OBRAS CIVIS PARA IMPLANTAÇÃO DO RAMAL PARANGABA MUCURIPE METRÔ DE FORTALEZA

Leia mais

Relatório Técnico nº 99 642-205 - 1/384 1 INTRODUÇÃO

Relatório Técnico nº 99 642-205 - 1/384 1 INTRODUÇÃO Relatório Técnico nº 99 642-205 - 1/384 1 INTRODUÇÃO Em atenção ao Contrato nº 4006725202, firmado entre a Companhia do Metropolitano de São Paulo Metrô e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO PREFEITURA DA CIDADE DE SÃO PAULO. Infraestrutura necessária para realização da Copa do Mundo FIFA 2014

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO PREFEITURA DA CIDADE DE SÃO PAULO. Infraestrutura necessária para realização da Copa do Mundo FIFA 2014 TM GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO PREFEITURA DA CIDADE DE SÃO PAULO Infraestrutura necessária para realização da Copa do Mundo FIFA 2014 SOLUÇÕES ENCAMINHADAS Constituição do COMITÊ PAULISTA (Grupo Executivo

Leia mais

Obras de Mobilidade Urbana no Município da Cidade do Rio de Janeiro. Alexandre Pinto Secretario Municipal de Obras

Obras de Mobilidade Urbana no Município da Cidade do Rio de Janeiro. Alexandre Pinto Secretario Municipal de Obras Obras de Mobilidade Urbana no Município da Cidade do Rio de Janeiro Alexandre Pinto Secretario Municipal de Obras BRTs Criado no Brasil e exportado para diversas cidades, tais como Bogotá, Pequim e Johanesburgo,

Leia mais

ATA. ATA da 3ª REUNIÃO / 2012 DATA: 22 de agosto de 2013

ATA. ATA da 3ª REUNIÃO / 2012 DATA: 22 de agosto de 2013 ATA CE- 40:000.02 Comissão de Estudo Acessibilidade nos Transportes ATA da 3ª REUNIÃO / 2012 DATA: 22 de agosto de 2013 INÍCIO: 9h00 TÉRMINO: 16h30 LOCAL: Auditório do Centro de Controle Operacional da

Leia mais

MAIS SHOPPING. Fluxo mensal de 1.300.000 pessoas; Integrado ao Metrô Largo 13 e Estação de Ônibus Santo Amaro; Mais de 200 lojas, 8 salas de cinema;

MAIS SHOPPING. Fluxo mensal de 1.300.000 pessoas; Integrado ao Metrô Largo 13 e Estação de Ônibus Santo Amaro; Mais de 200 lojas, 8 salas de cinema; BOOK DE MÍDIAS REP Com mais de 20 anos de experiência no varejo, somos uma empresa Full Service: originamos, desenvolvemos, comercializamos e administramos Shopping Centers. MAIS SHOPPING Fluxo mensal

Leia mais

Concessionária da Linha 4 do Metrô de São Paulo S.A.

Concessionária da Linha 4 do Metrô de São Paulo S.A. Concessionária da Linha 4 do Metrô de São Paulo S.A. Operação da Linha 4 Amarela, do Metrô de São Paulo Relatório de Análise Ambiental Janeiro de 2008 Concessionária da Linha 4 do Metrô de São Paulo S.A.

Leia mais

Têm direito ao transporte coletivo gratuito as pessoas portadoras de deficiência física.

Têm direito ao transporte coletivo gratuito as pessoas portadoras de deficiência física. XV TRANSPORTE COLETIVO GRATUITO MUNICIPAL E INTERMUNICIPAL Decreto 34.753/92 Lei 11.250/92 Resolução Conjunta SS/STM 01/03 A legislação dispõe sobre a isenção de tarifas no sistema de transporte coletivo

Leia mais

RENOVAÇÃO URBANA E MOBILIDADE: O PROJETO DO LARGO DA BATATA.

RENOVAÇÃO URBANA E MOBILIDADE: O PROJETO DO LARGO DA BATATA. RENOVAÇÃO URBANA E MOBILIDADE: O PROJETO DO LARGO DA BATATA. Tito Lívio Frascino 1 ; Jaime Waisman 2 ; Gabriel Feriancic 3 TITO LÍVIO FRASCINO & Arquitetos Associados, Rua General Jardim, 770, cj. 12A,

Leia mais

Em plena expansão no País, a indústria de Shopping Centers do Brasil fechou o ano de 2012 com um faturamento de R$ 119,5 bilhões, antes os R$ 108,0

Em plena expansão no País, a indústria de Shopping Centers do Brasil fechou o ano de 2012 com um faturamento de R$ 119,5 bilhões, antes os R$ 108,0 Em plena expansão no País, a indústria de Shopping Centers do Brasil fechou o ano de 2012 com um faturamento de R$ 119,5 bilhões, antes os R$ 108,0 bilhões de 2011, um aumento de 10,6% no período, segundo

Leia mais

ESQUEMAS DE PARTICIPACÍON PÚBLICA Y PRIVADA EN EL DISEÑO, FINANCIACIÓN, CONSTRUCCIÓN, OPERACIÓN Y GESTIÓN

ESQUEMAS DE PARTICIPACÍON PÚBLICA Y PRIVADA EN EL DISEÑO, FINANCIACIÓN, CONSTRUCCIÓN, OPERACIÓN Y GESTIÓN ESQUEMAS DE PARTICIPACÍON PÚBLICA Y PRIVADA EN EL DISEÑO, FINANCIACIÓN, CONSTRUCCIÓN, OPERACIÓN Y GESTIÓN José Kalil Neto jkalil@metrosp.com.br Bogotá Colombia 08 y 09 de septiembre de 2008 MAPA DO TRANSPORTE

Leia mais

Urban View. Urban Reports. Butantã: a bola da vez na corrida imobiliária paulistana

Urban View. Urban Reports. Butantã: a bola da vez na corrida imobiliária paulistana Urban View Urban Reports Butantã: a bola da vez na corrida imobiliária paulistana coluna Minha cidade, meu jeito de morar e de investir programa Falando em Dinheiro Rádio Estadão ESPN Butantã: a bola da

Leia mais

gestão do sistema de transporte da cidade e abandonado o sistema de bondes alguns anos depois.

gestão do sistema de transporte da cidade e abandonado o sistema de bondes alguns anos depois. 16. METRÔ SÃO PAULO Local: São Paulo, Brasil. Tipo de Transporte: Metropolitano Slogan: Cada vez mais perto de você. Número de Linhas: 5 Número de Estações: 60 Inauguração: 14 de setembro de 1974 (36 anos)

Leia mais

A+B1 B2+C DE 58 Estações 04 Linhas 900 Carros Linha 1 - Azul 2,200.000 Linha 2 - Verde 1,200.000 Linha 3 - Vermelha 3,000.000 Linha 5 - Lilás 563.000 Estações Fluxo Estações Fluxo Estações Fluxo Estações

Leia mais

Software de Gestão da Agricultura Familiar

Software de Gestão da Agricultura Familiar Sistema Sistema Agrosaf - Sistema de Gestão da Agricultura Familiar Apoio Software de Gestão da Agricultura Familiar O Sistema Agrosaf é uma solução destinada à Prefeituras Municipais na implantação e

Leia mais

Professor: Fernando Krein Pinheiro

Professor: Fernando Krein Pinheiro Professor: Fernando Krein Pinheiro Quem sou eu: Fernando Krein Pinheiro, bacharel em Ciência da Computação e Especialista em Educação Técnica e Tecnológica. Possui conhecimento nas áreas de algoritmos

Leia mais

BOOK CAIXA D ÁGUA. Quantos são? 01 unidade Tipo de venda: unitária. Tamanho: 8 m L x 12 m A Material: lona com ilhós DE MÍDIAS

BOOK CAIXA D ÁGUA. Quantos são? 01 unidade Tipo de venda: unitária. Tamanho: 8 m L x 12 m A Material: lona com ilhós DE MÍDIAS CAIXA D ÁGUA Mídia de dimensões impactantes ao lado da fachada do shopping com iluminação noturna, de frente para a rodovia Anhanguera, com mais de um milhão de impactos por dia. Quantos são? 01 unidade

Leia mais

e do operador na instalação e na manutenção. Nesse tipo de montagem, o cabo de alimentação não sofre torções nem é tracionado.

e do operador na instalação e na manutenção. Nesse tipo de montagem, o cabo de alimentação não sofre torções nem é tracionado. O Giroposte tem por objetivo ser um modelo de poste de giro articulável. Indicado para uso em áreas que necessitam de um sistema seguro para instalação de iluminação, câmeras de segurança, sensores e outros

Leia mais

ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO OBSERVAÇÃO

ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO OBSERVAÇÃO A001 - CONJUNTO COMPLEMENTO DO CHASSI A GV_TRANSA001A CONJUNTO PREPARAÇÃO DO CHASSI 01 GV_TRANSA00101 CONJUNTO TRAVESSA CHASSI 02 GV_TRANSA00102 REFORÇO FIXAÇÃO TRAVESSA 03 GV_TRANSA00103 CONJUNTO RAMPA

Leia mais

A cidade vai parar na (i)mobilidade urbana?

A cidade vai parar na (i)mobilidade urbana? A cidade vai parar na (i)mobilidade urbana? IDELT Dr. Joaquim Lopes da Silva Junior Maio/2012 prioridade para o transporte coletivo Corredores de ônibus metropolitanos REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO

Leia mais

Evolução do congestionamento

Evolução do congestionamento Evolução do congestionamento Crescimento populacional estável Taxa de motorização crescente 2025 2005 Surgimento de novos pólos de atração de viagens Deslocamentos na cidade Rede de transporte para 2016

Leia mais

A-001 CATÁLOGO TÉCNICO DE PEÇAS PARADISO 1200 G6 A001 - CONJUNTO ESTRUTURA DA BASE SUPERIOR ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO OBSERVAÇÃO

A-001 CATÁLOGO TÉCNICO DE PEÇAS PARADISO 1200 G6 A001 - CONJUNTO ESTRUTURA DA BASE SUPERIOR ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO OBSERVAÇÃO A001 - CONJUNTO ESTRUTURA DA BASE SUPERIOR A PD1200G6A001A CONJUNTO BASE SUPERIOR 01 PD1200G6A00101 CONJUNTO BARROTE 02 PD1200G6A00102 TUBO ESTRUTURA BASE SUPERIOR 03 PD1200G6A00103 QUADRO APOIO TAMPA

Leia mais

População: 6,3 milhões Viagens por transporte público: 6 milhões/dia Ônibus: 4 milhões

População: 6,3 milhões Viagens por transporte público: 6 milhões/dia Ônibus: 4 milhões BRT E MOBILIDADE URBANA XEQUE MOBILIDADE EM População: 6,3 milhões Viagens por transporte público: 6 milhões/dia Ônibus: 4 milhões Trem: 450,000 Metrô: 650,000 Outros: 900,000 Frota de veículos particulares:

Leia mais

São as TVs que ficam acima das bilheterias que passam em ciclos todos os filmes em cartaz com seus respectivos horários e informações

São as TVs que ficam acima das bilheterias que passam em ciclos todos os filmes em cartaz com seus respectivos horários e informações TVs das Bilheterias São as TVs que ficam acima das bilheterias que passam em ciclos todos os filmes em cartaz com seus respectivos horários e informações sobre o cinema. O anúncio é exibido durante os

Leia mais

Painel Japonês Decorativo

Painel Japonês Decorativo Painel Japonês Decorativo Calha Medida 33 mm 513220 513225 2,00 mt. 2,50 mt. 5 un. 30,20 37,80 19 mm 513230 3,00 mt. 45,30 115 mm 142 mm Porta Telas c/ 3,00 mts Suporte Parede 3 Vias Suporte Parede 4 Vias

Leia mais

A IMPLEMENTAÇÃO DA ACESSIBILIDADE NO SISTEMA METROVIÁRIO DE SÃO PAULO. O CASO DA ESTAÇÃO PALMEIRAS-BARRA FUNDA.

A IMPLEMENTAÇÃO DA ACESSIBILIDADE NO SISTEMA METROVIÁRIO DE SÃO PAULO. O CASO DA ESTAÇÃO PALMEIRAS-BARRA FUNDA. A IMPLEMENTAÇÃO DA ACESSIBILIDADE NO SISTEMA METROVIÁRIO DE SÃO PAULO. O CASO DA ESTAÇÃO PALMEIRAS-BARRA FUNDA. Maria Beatriz Barbosa (1); Melissa Belato Fortes (2); Sheila Walbe Ornstein (3) (1) Arquiteta

Leia mais

Portfólio. Elaboração do projeto básico para implantação de esteiras rolantes para o túnel deligação entre as Estações Consolação e Paulista.

Portfólio. Elaboração do projeto básico para implantação de esteiras rolantes para o túnel deligação entre as Estações Consolação e Paulista. 44 Elaboração de projeto básico de sistemas auxiliares da Linha 5 Lilás. Descrição dos Serviços: Elaboração de projeto básico de sistemas auxiliares do trecho Campo Belo-Chácara Klabin da Linha 5 Lilás,

Leia mais

TECNOLOGIA DE BAIXO IMPACTO PARA ESCAVAÇÃO DE TÚNEIS EM CENTROS URBANOS. Márcio Pellegrini Ribeiro- Consórcio Via Amarela

TECNOLOGIA DE BAIXO IMPACTO PARA ESCAVAÇÃO DE TÚNEIS EM CENTROS URBANOS. Márcio Pellegrini Ribeiro- Consórcio Via Amarela TECNOLOGIA DE BAIXO IMPACTO PARA ESCAVAÇÃO DE TÚNEIS EM CENTROS URBANOS Márcio Pellegrini Ribeiro- Consórcio Via Amarela A CONSTRUÇÃO DA LINHA 4 DO METRÔ CENÁRIO EXISTENTE VIAS ARTERIAIS DE TRÁFEGO INTENSO.

Leia mais

DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO EM SP

DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO EM SP DIRETRIZES DA POLÍTICA DE TRANSPORTE COLETIVO EM SP MAIO 2014 Fonte: Pesquisa de mobilidade 2012 DIMENSÃO DO DESAFIO EM TRANSPORTE COLETIVO PMSP Coletivo 16 milhões viagens 54% Individual 13 milhões viagens

Leia mais

Santana dos Montes 27/02/2011. Elite Graduados DICAS DA PROVA. Legenda TRECHO 03. Siga a 140º. Siga a 10º. Siga a. Siga a 55º.

Santana dos Montes 27/02/2011. Elite Graduados DICAS DA PROVA. Legenda TRECHO 03. Siga a 140º. Siga a 10º. Siga a. Siga a 55º. Santana dos Montes 27/02/2011 Elite Graduados DICAS DA PROVA Para uma boa Prova, Sempre respeite as orientações da Planilha e do pessoal da Organização. Esteja de Acordo com o Regulamento. Tenha uma conduta

Leia mais

RETIFICAÇÃO N 01 ANEXO V DESCRIÇÃO DO LOCAL POR M ²

RETIFICAÇÃO N 01 ANEXO V DESCRIÇÃO DO LOCAL POR M ² PREGÃO PRESENCIAL Nº 011/15 PROCESSO CPL 2082/2014 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIMPEZA E CONSERVAÇÃO DOS TERMINAIS URBANOS DE INTEGRAÇÃO E ÁREAS DE TRANSFERÊNCIAS,

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 295, DE 2012 A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SÃO PAULO DECRETA:

PROJETO DE LEI Nº 295, DE 2012 A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SÃO PAULO DECRETA: PROJETO DE LEI Nº 295, DE 2012 Autoriza o executivo estadual criar um Sistema de Integração Metropolitana e entre Metrópoles de Transporte Coletivo Publico para as Regiões Metropolitanas de São Paulo,

Leia mais

Mobilidade Carioca. BRTs e a rede integrada de transportes de alta capacidade da cidade

Mobilidade Carioca. BRTs e a rede integrada de transportes de alta capacidade da cidade Mobilidade Carioca Mobilidade Carioca BRTs e a rede integrada de transportes de alta capacidade da cidade Rede de Transporte em 2010 trem metrô Rede de Transporte em 2012 trem metrô BRT Rede de Transporte

Leia mais

Masculino 75% Feminino 25% Fonte: Facebook Insight 300K Fans + Google Analy9cs

Masculino 75% Feminino 25% Fonte: Facebook Insight 300K Fans + Google Analy9cs O F U T U R O P A S S A P R I M E I R O A Q U I Perfil Comunidade Olhar Digital Masculino 75% Feminino 25% Fonte: Facebook Insight 300K Fans + Google Analy9cs O F U T U R O P A S S A P R I M E I R O A

Leia mais

Estações. Metrô São Paulo / Linha Amarela

Estações. Metrô São Paulo / Linha Amarela Estações Metrô São Paulo / Linha Amarela Butantã Cidade Universitária USP / Terminal de ônibus / Estádio do Morumbi / Escolas de Idiomas / Jockey Club / Faculdades / Lojas de Decoração / Lojas de Madeira

Leia mais

Sua estrutura envolve matriz no Rio de Janeiro (RJ) e filiais em São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG) e Miami (EUA).

Sua estrutura envolve matriz no Rio de Janeiro (RJ) e filiais em São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG) e Miami (EUA). A EMPRESA 100% nacional, a Skymidia opera há 16 anos com tecnologia associada à publicidade. Além dos inovadores carregadores de celulares, a empresa atua no segmento de mídia aeroportuária. Sua estrutura

Leia mais

DENOMINAÇÃO EXTENSÃO TARIFA PARCELA PEDÁGIO COMUM 014 - C FRANCO DA ROCHA (PARQUE VITORIA)- CAIEIRAS (CENTRO) 26,120 3,75 - - 3,75 - -

DENOMINAÇÃO EXTENSÃO TARIFA PARCELA PEDÁGIO COMUM 014 - C FRANCO DA ROCHA (PARQUE VITORIA)- CAIEIRAS (CENTRO) 26,120 3,75 - - 3,75 - - (1)O usuário c/ origem no, paga o complemento no Ônibus Interm. (2) DENOMINAÇÃO EXTENSÃO + COMUM 014 - C FRANCO DA ROCHA (PARQUE VITORIA)- CAIEIRAS (CENTRO) 26,120 3,75 - - 3,75 - - COMUM 014 201 C Integração

Leia mais

São as TVs que ficam acima das bilheterias que passam em ciclos todos os filmes em cartaz com seus respectivos horários e informações

São as TVs que ficam acima das bilheterias que passam em ciclos todos os filmes em cartaz com seus respectivos horários e informações TVs das Bilheterias São as TVs que ficam acima das bilheterias que passam em ciclos todos os filmes em cartaz com seus respectivos horários e informações sobre o cinema. O anúncio é exibido durante os

Leia mais

TRANSPORTE SOBRE TRILHOS TECNOLOGIA

TRANSPORTE SOBRE TRILHOS TECNOLOGIA TRANSPORTE SOBRE TRILHOS TECNOLOGIA OS METRÔS PEDEM PASSAGEM Algumas casas de madeira sobre rodas fizeram sua primeira aparição e se instalaram sobre a sarjeta, depois vieram alguns vagões carregados com

Leia mais

As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras. Diretoria de Engenharia - DE

As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras. Diretoria de Engenharia - DE As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras Diretoria de Engenharia - DE Cidades candidatas e seus aeroportos Aeroportos da INFRAERO primeira e última imagem que o turista estrangeiro

Leia mais

REFORMA DA ESTAÇÃO REPÚBLICA DO METRÔ DESAFIO NA CONSTRUÇÃO DA LINHA 4 AMARELA PROENGE ENGENHARIA DE PROJETOS LTDA

REFORMA DA ESTAÇÃO REPÚBLICA DO METRÔ DESAFIO NA CONSTRUÇÃO DA LINHA 4 AMARELA PROENGE ENGENHARIA DE PROJETOS LTDA REFORMA DA ESTAÇÃO REPÚBLICA DO METRÔ DESAFIO NA CONSTRUÇÃO DA LINHA 4 AMARELA PROENGE ENGENHARIA DE PROJETOS LTDA A LINHA 4 NO SISTEMA DE TRANSPORTE METROPOLITANO Sistema de transporte metropolitano incluindo

Leia mais

FORMAS DE ACESSO ÀS ESTAÇÕES E PLATAFORMAS PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA OU MOBILIDADE REDUZIDA

FORMAS DE ACESSO ÀS ESTAÇÕES E PLATAFORMAS PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA OU MOBILIDADE REDUZIDA FORMAS DE ACESSO ÀS ESTAÇÕES E PLATAFORMAS PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA OU MOBILIDADE REDUZIDA LINHA 1-AZUL TUCURUVI Av. Dr. Antônio Maria de Laet PARADA INGLESA Terminal Urbano Av. Luiz Dumont Villares,

Leia mais

Gôndola Lateral (parede) com dois ou mais módulos.

Gôndola Lateral (parede) com dois ou mais módulos. METALÚRGICA VISUAL KITS MANUAL DE MONTAGEM: Gôndola Lateral (parede) com dois ou mais módulos. (Alturas e larguras variadas) METALÚRGICA VISUAL KITS ANO 202 Aprenda a montar sua gôndola. É simples e rápido!

Leia mais

LEGENDA. TÉRREO - Acessos eixos W e L. 1º SUBSOLO - Passagem de pedestres. 2º SUBSOLO - Estação/Plataforma. Escada 01 Escada 02.

LEGENDA. TÉRREO - Acessos eixos W e L. 1º SUBSOLO - Passagem de pedestres. 2º SUBSOLO - Estação/Plataforma. Escada 01 Escada 02. LEGENDA TÉRREO - Acessos eixos W e L 1º SUBSOLO - Passagem de pedestres Escada 2 2º SUBSOLO - Estação/Plataforma Escada 1 Rampa Escada 1 Escada 2 Rebaixamento meio-fio 2 Rebaixamento meio-fio 2 Rebaixamento

Leia mais

ANEXO I RELAÇÃO DOS ITENS DA LICITAÇÃO

ANEXO I RELAÇÃO DOS ITENS DA LICITAÇÃO Nr.: - PR Folha: 1/7 1 1,000 UN LOCAÇÃO, MONTAGEM E DESMONTAGEM DE PALCO 12.000,0000 12.000,0000 16MX14M, PISO COM CHAPAS DE COMPENSADO NAVAL 25,00MM, ALTURA MÍNIMA DE 1,60M, COM ESCADA DE ACESSO, HOUSE

Leia mais

Esquema operacional de trânsito para a construção do BRT TransBrasil

Esquema operacional de trânsito para a construção do BRT TransBrasil Esquema operacional de trânsito para a construção do BRT TransBrasil Desde sábado, dia 10 de janeiro, a Avenida Brasil tem 2,5 faixas interditadas no trecho Caju e Manguinhos A Prefeitura do Rio, por meio

Leia mais

(Alimentação) DESLIGADO Sem energia. LIGADO Uma conexão válida foi estabelecida. Pacotes de Dados DESLIGADO Nenhuma conexão estabelecida

(Alimentação) DESLIGADO Sem energia. LIGADO Uma conexão válida foi estabelecida. Pacotes de Dados DESLIGADO Nenhuma conexão estabelecida Parabéns pela aquisição do SWITCH MYMAX 8 PORTAS. Este comutador integra as capacidades do Comutador Rápido de 100Mbps e da Rede Ethernet de 10Mbps em uma mini-embalagem altamente flexível. 1. Conteúdo

Leia mais

RELATÓRIO TARIFÁRIO - RMSP

RELATÓRIO TARIFÁRIO - RMSP EXTENSÃO ABC COMUM 195 - - SAO BERNARDO DO CAMPO (TERMINAL METROPOLITANO FERRAZOPOLIS)- DIADEMA (TERMINAL METROPOLITANO 13,096PIRAPORINHA) 3,55 via SAO -BERNARDO DO - CAMPO (BAIRRO 3,55 DOS CASA) - - ABC

Leia mais

Veja abaixo a lista das ruas e alterações de estacionamento.

Veja abaixo a lista das ruas e alterações de estacionamento. Veja abaixo a lista das ruas e alterações de estacionamento. TRECHO RUA TEODORO SAMPAIO FACE DA VIA REGULAMENTAÇÃO ATUAL NOVA REGULAMENTAÇÃO Estacionamento Proibido Toda extensão ÍM (corredor de ônibus)

Leia mais