Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997"

Transcrição

1 RESOLUÇÃO Nº 63-COU/UNICENTRO, DE 29 DE MAIO DE Altera o art. 2º e anexo da Resolução nº 037- COU/UNICENTRO, de 28 de dezembro de 2006, e dá outras providências. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO: Faço saber que o Conselho Universitário, COU, aprovou pelo Parecer nº 010-COU, de 15 de maio de 2009, contido no Protocolo nº , de 30 de setembro de 2008, e eu sanciono, nos termos do art. 9º, inciso X, do Regimento da UNICENTRO, a seguinte Resolução: Art. 1º Fica alterado o art. 2º, da Resolução nº 037-COU/UNICENTRO, de 28 de dezembro de 2006, que criou o Curso Sequencial Superior de Formação Específica em Gestão Pública, a ser ofertado no Campus de Irati, UNICENTRO, que passa a vigorar com a seguinte redação: Art. 2 A carga horária desse Curso é de horas, distribuídas em cinco semestres. Art. 3º Fica alterado o anexo da Resolução de que trata o art. 1, que passa a vigorar conforme os anexos desta Resolução. Art. 4º A departamentalização, o ementário e a estrutura curricular constam dos Anexos I, II e III, desta Resolução. Art. 5º Esta Resolução entra em vigor nesta data. Gabinete do Reitor da Universidade Estadual do Centro-Oeste, UNICENTRO. Prof. Vitor Hugo Zanette Reitor. 1 Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

2 ANEXO I, DA RESOLUÇÃO Nº 63-COU/UNICENTRO, DE 29 DE MAIO DE DEPARTAMENTALIZAÇÃO DAS DISCIPLINAS Fundamentos de Direito Público e Privado Introdução à Economia Introdução à Administração Pública Matemática Financeira Teoria Política e Ética no Setor Público Administração Financeira Municipal Cultura nas Organizações Públicas Direito Constitucional e Administrativo Gestão de Serviços na Administração Pública Organização, Sistemas e Métodos na Gestão Pública Redação Técnica e Comunicação Sistema de Planejamento da Administração Pública Administração de Recursos Materiais, Patrimoniais e Licitações Contabilidade Pública Custos na Administração Pública Aspectos de Direito do Trabalho Macroeconomia Prática Profissional I Relações Intergovernamentais Gestão de Pessoas na Administração Pública I Gestão de Projetos Públicos Gestão Fiscal e Tributária Políticas Públicas Prática Profissional II Sistema Previdenciário Controle Interno e Auditoria Gestão de Pessoas na Administração Pública - II Parcerias e Terceirização na Administração Pública Planejamento Urbano Prática Profissional III Responsabilidade Fiscal na Administração Pública Departamento DEMAT/I DELET/I Gabinete do Reitor da Universidade Estadual do Centro-Oeste, UNICENTRO. Prof. Vitor Hugo Zanette, Reitor. 2 Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

3 ANEXO II, DA RESOLUÇÃO Nº 63-COU/UNICENTRO, DE 29 DE MAIO DE EMENTÁRIO Fundamentos de Direito Público e Privado A ciência do Direito. Conceito e princípios. Fontes do Direito. Classificação. Processo de elaboração da norma legal. Noções dos principais ramos do Direito. Introdução à Economia Noções básicas de Economia. Funcionamento de um Sistema Econômico. Fundamentos de Microeconomia e Macroeconomia. Noções de Comércio Internacional, Moeda, Desenvolvimento e Crescimento Econômico. Introdução a Administração Pública Teoria das Organizações. Visão sobre a natureza da Administração. Papel do administrador, da organização e o processo administrativo. Principais Teorias da administração. Apresentação de novas abordagens da administração. Conceitos de sistema e ambiente. A evolução das teorias administrativas. Teorias administrativas aplicadas ao setor público. Organização político-administrativa do governo. Estrutura organizacional da Administração Direta. Reforma administrativa. Processo de formulação de políticas públicas. Matemática Financeira Juro e desconto simples. Juro e desconto composto. Taxa nominal, taxa efetiva e taxa real. Séries uniformes. Valor atual líquido. Taxa interna de retorno. Sistemas e planos de amortização. Índices de correção. Previsões Financeiras. Teoria Política e Ética no Setor Público Teoria do Estado. Bens Públicos. Poder e Legitimidade. Responsabilidade Social. Teoria Democrática. Noções de Ética. Ética e Moral. Ética no Contexto Sócio-Cultural e Político Brasileiro. A Ética do Agente Público. A Importância dos Códigos de Ética ( Decreto nº 1.171, de 22 de junho de 1994). Normas Éticas de Condut. Improbidade de Administração. Legislação Pertinente. Penalidades Administrativas, Civis, Penais e Eleitorais. Administração Financeira Municipal Administração financeira. O Administrador Financeiro responsabilidades. Introdução às Finanças. Tesouraria e sistemas de controle. Fluxo de Caixa. Administração das disponibilidades de curto prazo. Controle dos mecanismos legais. Cultura nas Organizações Públicas Sociedade. Socialização Grupos sociais. Ação Coletiva. Ambiente de Trabalho. Motivação. Stress. Diversidade Cultural. Cultura Organizacional. 3 Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

4 Direito Constitucional e Administrativo Direito Constitucional. Conceito. Direitos e garantias fundamentais. Organização do Estado. Organização dos Poderes. Direito Administrativo. Conceito, elementos e poderes de Estado. Entidades Políticas e Administrativas. Órgãos Públicos e sua classificação. Poderes administrativos. Atos e Atributos Administrativos. Classificação e espécies. Os Poderes e Deveres do Administrador Público. Atos Administrativos. Serviços Públicos, conceito e classificação. Gestão de Serviços na Administração Pública Administração de serviços. Qualidade de serviços. Qualidade de atendimento. Qualidade Total. Cinco S s. Marketing de Serviços. Organização, Sistemas e Métodos na Gestão Pública Organização fundamentos, objetivos e características. Organograma municipal (secretarias e departamentos). Sistemas: conceito, características e aplicações. Métodos de trabalho aplicáveis à gestão pública. Redação Técnica e Comunicação Texto escrito. Revisão gramatical. Redação oficial: leitura e produção de textos oficiais. Sistema de Planejamento da Administração Pública Sistema de Planejamento Integrado (PPA, LDO e LOA). Plano Plurianual, PPA conceitos, composição, finalidades, objetivos, tramitação, alteração e duração. Lei de Diretrizes Orçamentária, LDO - conceitos, composição, finalidades, objetivos, tramitação, alteração, duração e Anexos da LRF. Lei Orçamentária Anual, LOA conceito, princípios orçamentários, composição, finalidades, objetivos, tramitação, emendas ao orçamento, alteração, duração, Anexos da LRF. Administração de Recursos Materiais, Patrimoniais e Licitações. Compras: procedimentos, organização e operacionalização. O comprador no serviço público: funções, responsabilidades e limitações. Fornecedores: seleção e cadastro. Licitações e suas peculiaridades. Almoxarifado: organização e operacionalização, sistemas de controle interno. Patrimônio: organização, controle, manutenção e desincorporação. Contabilidade Pública Conceito. Sistemas Contábeis. Regimes Contábeis. Receita Pública. Despesa Pública. Plano de Contas. Execução Orçamentária. Créditos Adicionais. Patrimônio Público. Balanços Públicos. Prestação de Contas. Custos na Administração Pública Nomenclaturas e Terminologias. Classificações. Importância e controle. Métodos de custeio aplicados a Administração Pública. Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

5 Aspectos de Direito do Trabalho Contrato de Trabalho. Regime Jurídico Único. Contratação Temporária. Macroeconomia Balança de pagamento. Moeda e sistema financeiro. Sistema monetário. Inflação. Modelo IS/LM. Política monetária. Agregados macroeconômicos. Emprego e renda. Política econômica. Câmbio. Prática Profissional I Bases teórico-metodológicas para o enfoque dos problemas e perspectivas de pesquisa na elaboração do projeto de estágio supervisionado voltado à administração pública municipal. Relações Intergovernamentais O Município: autonomia e interdependência. Município, Estado e União Federal. Poder Executivo. Poder Legislativo. Administração Indireta. Convênios e Consórcios. Gestão de Pessoas na Administração Pública - I Evolução de Recursos Humanos. Planejamento de R.H. Concurso Público. Recrutamento e Seleção Pessoal. Rotatividade e Absenteísmo. Treinamento e Desenvolvimento de Pessoal. Gestão de Projetos Públicos Tipos de Projetos. Gerenciamento de Projetos. Escopo e Tempo. Desenvolvimento de Projetos. Fontes de Financiamentos. Avaliação das Necessidades Reais e dos Resultados de Projetos. Gestão Fiscal e Tributária Necessidades econômicas. As atividades financeiras do estado. O direito tributário. Da tributação e do orçamento. Políticas Públicas Tipos de políticas públicas: políticas de educação, saúde, tributação, esporte e lazer, desenvolvimento econômicos e outros. Prática Profissional II Orientação do processo de desenvolvimento e execução do projeto e elaboração do trabalho de conclusão da prática profissional. Sistema Previdenciário Regime Geral e Regime Próprio de Previdência. 5 Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

6 Controle Interno e Auditoria Semestre 5º Carga horária 68 Conceitos básicos. O papel do Controle Interno. Estruturação e organização do sistema de controle interno. Planos de Auditoria: noções básicas, levantamentos preliminares, seleção de áreas, classificação e análise de riscos. Programa de Auditoria: elaboração. Técnicas e procedimentos de auditoria. Gestão de Pessoas na Administração Pública II Plano de cargos e salários. Benefícios sociais. Avaliação de desempenho e estágio probatório. Higiene e segurança no trabalho. Parcerias e Terceirização na Administração Pública Privatização (conceitos, objetivos, finalidades, aplicabilidade). Terceirização (conceitos, objetivos, finalidades, aplicabilidade). Flexibilização dos serviços públicos. Parcerias Público Privadas - PPPs (conceitos, objetivos, finalidades, aplicabilidade). Planejamento Urbano Princípios de planejamento Urbano. Relação entre Rural e Urbano. Políticas públicas de planejamento. Políticas territoriais: regional e urbana. Aplicações e instrumentos de políticas urbanas. Exercício prático. Prática Profissional III Orientação do processo de desenvolvimento e execução do projeto e elaboração do trabalho de conclusão da prática profissional. Responsabilidade Fiscal na Administração Pública Conceito. Finalidade. Objetivos. Planejamento e a LRF. Receita e Despesas Públicas sob o foco da LRF. Transferências Voluntárias. Transferências de recursos para iniciativa privada. Dívidas e Endividamento. Limites impostos pela LRF. Gestão patrimonial. Controle e Fiscalização segundo a LRF. RREO e RGF. Gabinete do Reitor da Universidade Estadual do Centro-Oeste, UNICENTRO. Prof. Vitor Hugo Zanette, Reitor. 6 Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

7 ANEXO III, DA RESOLUÇÃO Nº 63-COU/UNICENTRO, DE 29 DE MAIO DE CAMPUS DE IRATI CURSO SEQÜENCIAL SUPERIOR DE FORMAÇÃO ESPECÍFICA: Gestão Pública ESTRUTURA CURRICULAR 1º SEMESTRE - MÓDULO I s Créditos Carga horária Fundamentos de Direito Público e Privado Introdução à Economia Introdução à Administração Pública Matemática Financeira Teoria Política e Ética no Setor Público TOTAL º SEMESTRE - MÓDULO II s Créditos Carga horária Administração Financeira Municipal Cultura nas Organizações Públicas Direito Constitucional e Administrativo Gestão de Serviços na Administração Pública Organização, Sistemas e Métodos na Gestão Pública Redação Técnica e Comunicação Sistema de Planejamento da Administração Pública TOTAL º SEMESTRE - MÓDULO III s Créditos Carga horária Adm. de Recursos Materiais, Patrimoniais e Licitações Contabilidade Pública Custos na Administração Pública Aspectos de Direito do Trabalho Macroeconomia Prática Profissional I Relações Intergovernamentais TOTAL º SEMESTRE - MÓDULO IV s Créditos Carga horária Gestão de Pessoas na Administração Pública I Gestão de Projetos Públicos Gestão Fiscal e Tributária Políticas Públicas Prática Profissional II Sistema Previdenciário TOTAL Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

8 5º SEMESTRE - MÓDULO V s Créditos Carga horária Controle Interno e Auditoria Gestão de Pessoas na Administração Pública - II Parcerias e Terceirização na Administração Pública Planejamento Urbano Prática Profissional III Responsabilidade Fiscal na Administração Pública TOTAL CARGA HORÁRIA TOTAL (5 Semestres) h/a Subtotal h/r Atividades de Prática Profissional h/r 150 Atividades Complementares h/r 120 CARGA HORÁRIA TOTAL DO CURSO h/r Gabinete do Reitor da Universidade Estadual do Centro-Oeste, UNICENTRO. Prof. Vitor Hugo Zanette, Reitor. 8 Campus CEDETEG: Rua Simeão Camargo Varela de Sá, 03 Fone/FAX: (42) CEP

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 90-CEPE/UNICENTRO, DE 24 DE NOVEMBRO DE 2009. ESTA RESOLUÇÃO ESTÁ REVOGADA PELA RESOLUÇÃO Nº 71/2011- CEPE/UNICENTRO. Aprova o Curso de Especialização em Controladoria e Finanças, modalidade

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 79-CEPE/UNICENTRO, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2011. Aprova o Curso de Especialização em Planejamento e Organização de Eventos, modalidades modular e regular, a ser ministrado no Campus Santa Cruz,

Leia mais

Sumário. LRF_Book.indb 15 19/03/ :29:01

Sumário. LRF_Book.indb 15 19/03/ :29:01 Sumário Capítulo 1 Disposições Gerais... 1 1.1. Introdução... 1 1.2. Objetivo da obra... 6 1.3. Apresentando a LRF... 6 1.4. Origem da LRF... 7 1.5. Previsão constitucional para implementação da LRF...

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 2-CEPE/UNICENTRO, DE 30 DE JANEIRO DE 2014. Aprova o Curso de Especialização em MBA em Gestão de Negócios, modalidade regular, a ser ministrado no Campus Avançado da UNICENTRO, no Município

Leia mais

Ementário do Curso Técnico em Administração

Ementário do Curso Técnico em Administração Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal do Rio de Janeiro - IFRJ Pró-Reitoria de Ensino Médio e Técnico Direção de Ensino Campus Nilo Peçanha, Pinheiral

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 54-CEPE/UNICENTRO, DE 1º DE SETEMBRO DE 2011. Aprova o Regulamento de Trabalho de Campo da UNICENTRO e dá outras providências. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO:

Leia mais

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*.

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*. EMENTÁRIO As disciplinas ministradas pela Universidade Federal de Viçosa são identificadas por um código composto por três letras maiúsculas, referentes a cada Departamento, seguidas de um número de três

Leia mais

CAPÍTULO IV CRÉDITOS ADICIONAIS 1. Introdução 2. Créditos suplementares 3. Créditos especiais

CAPÍTULO IV CRÉDITOS ADICIONAIS 1. Introdução 2. Créditos suplementares 3. Créditos especiais SUMÁRIO CAPÍTULO I INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA 1.1 O Direito Financeiro e a Administração Financeira e Orçamentária 1.2 Normas gerais de Direito Financeiro 2. A atividade financeira

Leia mais

CAPÍTULO VI VEDAÇÕES CONSTITUCIONAIS EM MATÉRIA ORÇAMENTÁRIA Questões de concursos anteriores Gabarito

CAPÍTULO VI VEDAÇÕES CONSTITUCIONAIS EM MATÉRIA ORÇAMENTÁRIA Questões de concursos anteriores Gabarito SUMÁRIO CAPÍTULO I INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA 1.1 O Direito Financeiro e a Administração Financeira e Orçamentária 1.2 Normas gerais de Direito Financeiro 2. A atividade financeira

Leia mais

CAPACITAÇÃO EM CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO CEARÁ

CAPACITAÇÃO EM CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO CEARÁ Pacote I Área Nº Disciplinas Horas / Aula 03 Procedimentos Contábeis Orçamentários I PCO I Procedimentos Contábeis Orçamentários II PCO II 05 Procedimentos Contábeis Patrimoniais I PCP I Fundamentos 06

Leia mais

Sumário. Serviço Público e Administração Pública

Sumário. Serviço Público e Administração Pública Sumário Capítulo 1 Contabilidade Pública 1.1 Conceito 1.2 Objeto 1.3 Objetivo 1.4 Campo de Aplicação 1.5 Exercício Financeiro 1.6 Regime Orçamentário e Regime Contábil 1.6.1 Regime de Caixa 1.6.2 Regime

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO MATRIZ CURRICULAR Curso: Graduação: Regime: Duração: CIÊNCIAS CONTÁBEIS BACHARELADO SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL - MÍNIMO = 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS - MÁXIMO

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO DNIT ANALISTA DE INFRAESTRUTURA ENGENHARIA CIVIL

CONTROLE DE CONTEÚDO DNIT ANALISTA DE INFRAESTRUTURA ENGENHARIA CIVIL 1 Ordenação de frases (compreensão textual). 2 Sintaxe: termos da oração. Pontuação. 3 Sintaxe: período composto por coordenação. Pontuação. 4 Sintaxe: período composto por subordinação. Pontuação. 5 Sintaxe:

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO - TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE SÃO PAULO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: CONTABILIDADE (TRE-SP AJAC)

CONTROLE DE CONTEÚDO - TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE SÃO PAULO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: CONTABILIDADE (TRE-SP AJAC) CONTROLE DE CONTEÚDO - TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE SÃO PAULO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: CONTABILIDADE (TRE-SP AJAC) 1 Ortografia oficial. GRAMÁTICA E INTERPRETAÇÃO DE TEXTO DA LÍNGUA PORTUGUESA CONTEÚDO

Leia mais

ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN Ciências Contábeis - Campus Mossoró) 3ª SÉRIE

ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN Ciências Contábeis - Campus Mossoró) 3ª SÉRIE DISCIPLINAS DA SÉRIE ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN 2016.2 Ciências Contábeis - Campus Mossoró) 3ª SÉRIE CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA II DIREITO TRIBUTARIO LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA ORÇAMENTO PUBLICO TEORIA

Leia mais

Conteúdo Programático

Conteúdo Programático Conteúdo Programático 1. Introdução 1.1 Objetivos do capítulo 1.2 Conceitos fundamentais de economia 1.2.1 Conceito de economia 1.2.2 A escassez da teoria econômica 1.2.3 Os bens econômicos 1.2.4 A curva

Leia mais

ESCOLA DE NEGÓCIOS EXAME INTERNO DE DESEMPENHO DO ALUNO (EIDA) 2016/1

ESCOLA DE NEGÓCIOS EXAME INTERNO DE DESEMPENHO DO ALUNO (EIDA) 2016/1 ANEXO I CURSO: ADMINISTRAÇÃO 2ª/3ª AN (Noturno) UNIDADE: CEILÂNDIA Sala: 35/C INSTITUIÇÕES DE DIREITO PÚBLICO E PRIVADO ESTATÍSTICA PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL FILOSOFIA 1. CONHECIMENTOS GERAIS: globalização,

Leia mais

CURSO: CIÊNCIAS CONTÁBEIS EMENTAS º PERÍODO

CURSO: CIÊNCIAS CONTÁBEIS EMENTAS º PERÍODO CURSO: CIÊNCIAS CONTÁBEIS EMENTAS - 2017.2 2º PERÍODO DISCIPLINA: CONTABILIDADE INTRODUTORIA II Escrituração dos principais atos e fatos decorrentes das operações praticados pelas organizações, bem como

Leia mais

Treinamento para o Setor Público é na casp online!

Treinamento para o Setor Público é na casp online! S DE ATUAÇÃO: - Contabilidade Aplicada ao Setor Público - Administração Financeira e Orçamentária (Patrimônio, Almoxarifado e Custos) Legislativo Saúde Tributário Fiscal Comunicação O objetivo da Online

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO 61 ANEXO II - A CURRÍCULO PLENO DO, BACHARELADO Introdução à Administração Economia das Empresas Matemática para Administração Português Instrumental Tecnologia da Informação Instituições de Direito Público

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ-REITORIA DE ENSINO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ-REITORIA DE ENSINO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ-REITORIA DE ENSINO PORTARIA PRE/G/Nº 01/2017 Adapta a transição da estrutura curricular do Curso de Ciências Contábeis, Campus Sousa,

Leia mais

Portaria UCI nº 01, de 04 de Janeiro de 2017

Portaria UCI nº 01, de 04 de Janeiro de 2017 Portaria UCI nº 01, de 04 de Janeiro de 2017 ESTABELECE O PROGRAMA ANUAL DE AUDITORIA INTERNA PAAI/2017 DA PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO CASCALHEIRA-MT, DEFININDO OS PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS E CRONOLÓGICOS

Leia mais

Resumo Aula-tema 01: Introdução: Serviço Público. Administração Pública. Contabilidade Pública. Regimes Contábeis.

Resumo Aula-tema 01: Introdução: Serviço Público. Administração Pública. Contabilidade Pública. Regimes Contábeis. Resumo Aula-tema 01: Introdução: Serviço Público. Administração Pública. Contabilidade Pública. Regimes Contábeis. Ainda hoje no Brasil, são raras as pesquisas e publicações na área da Contabilidade Pública

Leia mais

Orçamento público: conceito e histórico

Orçamento público: conceito e histórico Orçamento público: conceito e histórico Orçamento público: conceito Orçamento público é o instrumento por excelência de planejamento e execução das finanças públicas. É composto de uma estimativa das receitas

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO CONCURSOS LEGISLATIVOS ÁREA ADMINISTRATIVA

CONTROLE DE CONTEÚDO CONCURSOS LEGISLATIVOS ÁREA ADMINISTRATIVA 1 Domínio da Ortografia Oficial. Emprego das Letras. Emprego da Acentuação Gráfica. 2 Estrutura, Formação e Representação das Palavras. 3 Emprego das Classes de Palavras. 4 Relações de coordenação e de

Leia mais

Sumário. Manual_Completo_Contab_Pub_00.indd 23 21/08/ :54:07

Sumário. Manual_Completo_Contab_Pub_00.indd 23 21/08/ :54:07 Sumário Capítulo 1 Contabilidade Pública... 1 1.1. Introdução...1 1.2. Conceito...2 1.3. Princípios de Contabilidade...3 1.4. Natureza do Registro dos Atos e Fatos na Contabilidade Pública...7 1.5. Objetivo...9

Leia mais

Comparativo das aulas dos demais cursos com os itens o edital do TRF 1ª Região

Comparativo das aulas dos demais cursos com os itens o edital do TRF 1ª Região Comparativo das aulas dos demais cursos com os itens o edital do TRF 1ª Região ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: ADMINISTRATIVA ORÇAMENTO PÚBLICO: 1 Conceitos. 2 Princípios orçamentários. 3 Orçamento Programa:

Leia mais

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS-UNITINS PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL. Matriz Curricular

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS-UNITINS PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL. Matriz Curricular O Curso de Bacharelado em Administração Pública terá a seguinte distribuição curricular: As disciplinas que integram a matriz curricular estão distribuídas em oito Módulos e são de natureza: I. que garantem

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

ANEXO. Currículo Pleno do Curso de Graduação em Administração

ANEXO. Currículo Pleno do Curso de Graduação em Administração ANEXO Currículo Pleno do Curso de Graduação em Administração Versão revista e atualizada até 18.09.2006 CURRÍCULO PLENO (1) LINHA DE FORMAÇÃO ESPECÍFICA: : ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS (4) Currículo Pleno

Leia mais

Ementário das Disciplinas do Currículo do Curso de Bacharelado em Ciências Contábeis do USJ

Ementário das Disciplinas do Currículo do Curso de Bacharelado em Ciências Contábeis do USJ CONTEÚDOS CURRICULARES: Conteúdos curriculares: ementas das disciplinas/componentes curriculares considerando a adequação dos conteúdos à carga horária (em horas/ créditos), a adequação da bibliografia

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA LEI DE DIRETRIZES EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2016

AUDIÊNCIA PÚBLICA LEI DE DIRETRIZES EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2016 AUDIÊNCIA PÚBLICA LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS LDO EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2016 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE LONDRINA SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E TECNOLOGIA DIRETORIA DE ORÇAMENTO

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 38/2017, DE 31 DE MAIO DE 2017.

PROJETO DE LEI Nº 38/2017, DE 31 DE MAIO DE 2017. PROJETO DE LEI Nº 38/2017, DE 31 DE MAIO DE 2017. DISPÕE SOBRE O PLANO PLURIANUAL PARA O QUADRIÊNIO 2018-2021 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPAL DE GUAPORÉ-RS faz saber, em cumprimento ao disposto

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL 1ª REGIÃO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: ADMINISTRATIVA

CONTROLE DE CONTEÚDO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL 1ª REGIÃO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: ADMINISTRATIVA CONTROLE DE CONTEÚDO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL 1ª REGIÃO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: ADMINISTRATIVA REGIMENTO INTERNO 1 Organização e composição do TRF 1ª Região: órgãos jurisdicionais, Corregedoria-Regional,

Leia mais

Curso de Disseminadores de Educação Fiscal

Curso de Disseminadores de Educação Fiscal Curso de Disseminadores de Educação Fiscal Caderno 1 Educação Fiscal no Contexto Social 1. O BRASIL E O MUNDO UMA SÍNTESE DO CENÁRIO SOCIOPOLÍTICO E ECONÔMICO 1.1 Liberalismo econômico x Estado de Bem-Estar

Leia mais

MUNICÍPIO DE CAMBARÁ ESTADO DO PARANÁ

MUNICÍPIO DE CAMBARÁ ESTADO DO PARANÁ EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº007/2016 - CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2016 O Prefeito Municipal de Cambará/PR, no uso de suas atribuições legais, TORNA PÚBLICO a presente retificação do Edital de Abertura nº 001/2016,

Leia mais

Consórcios Públicos em Saúde. Ceará, 2008

Consórcios Públicos em Saúde. Ceará, 2008 Consórcios Públicos em Saúde Ceará, 2008 Principais Inovações Lei dos Consórcios (Lei n.º 11.107 de 06 de abril de 2005) Protocolo de Intenções Pessoa jurídica para representar o Consórcio Contratos de

Leia mais

Sumário. Capítulo 1 Contabilidade Pública Capítulo 2 Receita Pública... 41

Sumário. Capítulo 1 Contabilidade Pública Capítulo 2 Receita Pública... 41 Sumário Capítulo 1 Contabilidade Pública... 1 1.1. Introdução...1 1.2. Conceito...2 1.3. Princípios de Contabilidade x Estrutura Conceitual...3 1.4. Natureza do Registro dos Atos e Fatos na Contabilidade

Leia mais

SUMÁRIO. Língua Portuguesa

SUMÁRIO. Língua Portuguesa Língua Portuguesa Compreensão de texto contemporâneo... 3 Reconhecimento de modos de organização de diferentes gêneros de texto...9 Reconhecimento do uso significativo dos diferentes recursos gramaticais

Leia mais

RESOLUÇÃO. Bragança Paulista, 23 de junho de José Antonio Cruz Duarte, OFM Vice-Reitor no exercício da Presidência

RESOLUÇÃO. Bragança Paulista, 23 de junho de José Antonio Cruz Duarte, OFM Vice-Reitor no exercício da Presidência RESOLUÇÃO CONSEPE 29/2009 APROVA O QUADRO DE EQUIVALÊNCIAS DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS, CURRÍCULOS 0002-B E 0003-B, DO CAMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Vice-Reitor da Universidade

Leia mais

Sistema de Controle Acadêmico. Grade Curricular. Curso : CIÊNCIAS CONTÁBEIS. CRÉDITOS Obrigatórios: 136 Optativos: 16. 1º Semestre

Sistema de Controle Acadêmico. Grade Curricular. Curso : CIÊNCIAS CONTÁBEIS. CRÉDITOS Obrigatórios: 136 Optativos: 16. 1º Semestre Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Pró-reitoria de Graduação - DAARG DRA - Divisão de Registros Acadêmicos Sistema de Controle Acadêmico Grade Curricular 30/01/2014-13:28:06 Curso : CIÊNCIAS

Leia mais

FACULDADE DA AMAZÔNIA ROD. BR 316, KM 07 N 590 FONE: ::

FACULDADE DA AMAZÔNIA ROD. BR 316, KM 07 N 590 FONE: :: MATRIZ CURRICULAR DE ADMINISTRAÇÃO APROVADA PELA PORTARIA DE RECONHECIMENTO DO CURSO PORTARIA NO. 408, DE 11 DE OUTUBRO DE 2011. 1º Economia I 40 Filosofia e Ética 40 Teoria da Administração I 80 Matemática

Leia mais

Manual de Navegação. Nos itens localizados no Menu na barra cinza, logo na cabeça do Portal, o usuário poderá acessar o seguinte:

Manual de Navegação. Nos itens localizados no Menu na barra cinza, logo na cabeça do Portal, o usuário poderá acessar o seguinte: 1 Menu na barra cinza 1.1 Itens localizados no Menu na barra cinza Nos itens localizados no Menu na barra cinza, logo na cabeça do Portal, o usuário poderá acessar o seguinte: - Site da Prefeitura: link

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS Matriz Curricular do Curso Superior de Tecnologia em

Leia mais

Plano de Estudos. Turma Elite Câmara dos Deputados Instituto Cognos Fernando Mesquita. versão 1.2

Plano de Estudos. Turma Elite Câmara dos Deputados Instituto Cognos Fernando Mesquita. versão 1.2 Plano de Estudos Turma Elite Câmara dos Deputados 2015 versão 1.2 Fernando Mesquita 1 1 Português Ortografia oficial, letras e acentuação 1 1 Adm. Planejamento estratégico (1/5)* 1 1 DC Título I 1 1 Arquiv.

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS Prefeitura Municipal de Inhapi

ESTADO DE ALAGOAS Prefeitura Municipal de Inhapi LEI Nº01 DE 02 DE JANEIRO 2013. Dispõe sobre as diretrizes orçamentarias para elaboração e execução do orçamento para o exercício financeiro de 2013, e da outras providências. O PREFEITO DO MUNICIPIO DE

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA PREFEITURA MUNICIPAL DE SIMÕES FILHO. Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2018 LDO 2018 ESTADO DA BAHIA

AUDIÊNCIA PÚBLICA PREFEITURA MUNICIPAL DE SIMÕES FILHO. Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2018 LDO 2018 ESTADO DA BAHIA ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SIMÕES FILHO AUDIÊNCIA PÚBLICA Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2018 Diógenes Tolentino de Oliveira Prefeito Municipal LDO 2018 Simões

Leia mais

Comparativo das aulas dos demais cursos com os itens o edital do TCE-PE

Comparativo das aulas dos demais cursos com os itens o edital do TCE-PE Comparativo das aulas dos demais cursos com os itens o edital do TCE-PE NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO ORÇAMENTÁRIA E FINANCEIRA E ORÇAMENTO PÚBLICO: 1 Orçamento público. 1.1 Conceito 1.2 Técnicas orçamentárias.

Leia mais

PODER EXECUTIVO DO MUNICÍPIO DE SILVA JARDIM ESTADO DO RIO DE JANEIRO CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2017. RETIFICAÇÃO Nº 01 Ao Edital 01/2017

PODER EXECUTIVO DO MUNICÍPIO DE SILVA JARDIM ESTADO DO RIO DE JANEIRO CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2017. RETIFICAÇÃO Nº 01 Ao Edital 01/2017 CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2017 RETIFICAÇÃO Nº 01 Ao Edital 01/2017 A Comissão Organizadora do Concurso Público e o INSTITUTO IBDO, tornam pública a RETIFICAÇÃO Nº 01 ao Edital 01/2017, que passa a ter a inclusão

Leia mais

CAPITULO I DO QUADRO DE CARGOS EM COMISSÃO E FUNÇÕES GRATIFICADAS

CAPITULO I DO QUADRO DE CARGOS EM COMISSÃO E FUNÇÕES GRATIFICADAS LEI Nº 2.185/2013. Reestrutura o quadro de Cargos em Comissão e funções gratificadas do Município de São Miguel das Missões e dá outras providências. FRANCISCO FANG, Prefeito Municipal Em Exercício de

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 16-COU/UNICENTRO, DE 12 DE JANEIRO DE 2012. REVOGADA PELA RESOLUÇÃO Nº 125/2014-COU/UNICENTRO. Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Bacharelado em Ciências Contábeis da UNICENTRO, Campus

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO TCM/RJ TÉCNICO DE CONTROLE EXTERNO

CONTROLE DE CONTEÚDO TCM/RJ TÉCNICO DE CONTROLE EXTERNO CONTROLE DE CONTEÚDO TCM/RJ TÉCNICO DE CONTROLE EXTERNO 1 Compreensão de texto contemporâneo. LÍNGUA PORTUGUESA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO AULA LEITURA LEITURA QUESTÕES REVISÃO 2 Reconhecimento de modos de

Leia mais

RESOLUÇÃO N 001/2013-CMS

RESOLUÇÃO N 001/2013-CMS RESOLUÇÃO N 001/2013-CMS QUE DISPÕE SOBRE A ESTRUTURA ADMINISTRATIVA, QUADRO DE PESSOAL E DE CARGOS EM COMISSÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE SANTANA, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL

Leia mais

LEI N o 1043/2014 SÚMULA: Estima a Receita e fixa a Despesa para o Exercício Financeiro de 2015.

LEI N o 1043/2014 SÚMULA: Estima a Receita e fixa a Despesa para o Exercício Financeiro de 2015. LEI N o 1043/2014 SÚMULA: Estima a Receita e fixa a Despesa para o Exercício Financeiro de 2015. A CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE CRUZEIRO DO IGUAÇU - ESTADO DO PARANÁ, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

Administração Financeira e Orçamentária p/ AFCE do TCU. Prof. Msc. Giovanni Pacelli

Administração Financeira e Orçamentária p/ AFCE do TCU. Prof. Msc. Giovanni Pacelli Administração Financeira e Orçamentária p/ AFCE do TCU Prof. Msc. Giovanni Pacelli Prof. Msc. Giovanni Pacelli Doutorando (em andamento) e Mestre em Contabilidade - 2011 (UnB). Especialista em Operações

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ESQUEMATIZADO: ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA ADMINISTRATIVA

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ESQUEMATIZADO: ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA ADMINISTRATIVA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ESQUEMATIZADO: ANALISTA JUDICIÁRIO - ÁREA ADMINISTRATIVA DE ACORDO COM O EDITAL N 1, DE 24 DE NOVEMBRO DE 201, DO TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE SÃO PAULO, TRE-SP CONHECIMENTOS BÁSICOS

Leia mais

Graduação: Administração e Ciências Econômicas. Quadro de disciplinas e carga horária

Graduação: Administração e Ciências Econômicas. Quadro de disciplinas e carga horária Graduação: Administração e Ciências Econômicas Quadro de disciplinas e carga horária 2016 ÍNDICE 1. QUADRO DE DISCIPLINAS E CARGA HORÁRIA DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO... 3 2. QUADRO DE DISCIPLINAS E CARGA

Leia mais

CARREIRAS POLICIAIS RODOVIÁRIA FEDERAL CIVIL POLÍCIA VOLUME.

CARREIRAS POLICIAIS RODOVIÁRIA FEDERAL CIVIL POLÍCIA VOLUME. CARREIRAS POLICIAIS POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL CIVIL VOLUME 1 www.alfaconcursos.com.br Língua Portuguesa...13 1. Interpretação e Compreensão de Texto... 17 2. Reescritura de Frases e Parágrafos do Texto...

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA Subsecretaria de Planejamento, Orçamento e Administração Coordenação-Geral de Recursos Humanos

MINISTÉRIO DA FAZENDA Subsecretaria de Planejamento, Orçamento e Administração Coordenação-Geral de Recursos Humanos ÓRGÃO: GRA-PR QUADRO GERAL DO PLANO SETORIAL DE APRENDIZAGEM PERMANENTE - 2007 Campos de Conhecimento Número de Carga Custo Total Participante Horária FINANÇAS PÚBLICAS 23 180 15.980,00 TÉCNICO-COMPLEMENTAR

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 88-COU/UNICENTRO, DE 5 DE NOVEMBRO DE 2009. O ART. 3º E O ANEXO III, DESTA RESOLUÇÃO, ESTÃO ALTERADOS PELA RESOLUÇÃO Nº 80/2011- COU/UNICENTRO. O ANEXO IV, DESTA RESOLUÇÃO, ESTÁ ALTERADO PELA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. COMPONENTES CURRICULARES OBRIGATÓRIA 1º PERÍODO Créditos Carga Horária Prérequisito Teórico Prático E Total Horas Aula Horas Relógio 1 Contabilidade Básica I DECCA 4 - - 4 60 50-2 Sociologia das Organizações

Leia mais

Análise das Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público. Luiz Carlos Wisintainer

Análise das Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público. Luiz Carlos Wisintainer Análise das Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público Luiz Carlos Wisintainer Sistemas da Contabilidade Pública SUBSISTEMAS DE CONTAS ORÇAMENTÁRIO PATRIMONIAL CUSTOS COMPENSAÇÃO Fonte: MCASP Subsistema

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 7-CEPE-CAD/UNICENTRO, DE 27 DE DEZEMBRO DE 2013. O 2º, DO ART. 5º, DESTA PORTARIA, ESTÁ ALTERADO PELA RESOLUÇÃO Nº 1/2014-CEPE-CAD/UNICENTRO. Aprova o Regulamento do Centro de Línguas do Campus

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Fase Cód. Disciplinas I II III IV V Matriz Curricular do Curso de Graduação em Ciências

Leia mais

TOTAL DA CARGA HORÁRIA 435

TOTAL DA CARGA HORÁRIA 435 Ciclo Unidade de Aprendizagem C/H Pré- Req Estrut Curr Base Notas 1 05292 - Direito Administrativo Aplicado I 15 CET 7,0 1 05293 - Direito Administrativo Aplicado II 30 CET 7,0 Subtotal 45 2 05294 - Direito

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO PIAUÍ GABINETE DO PREFEITO

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO PIAUÍ GABINETE DO PREFEITO LEI Nº. 503/2015, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2015. Estima a receita e fixa a despesa do município de São Francisco do Piauí para o exercício financeiro de 2016. O PREFEITO MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO PIAUÍ,

Leia mais

DEMONSTRAÇÃO DO FLUXO DE CAIXA

DEMONSTRAÇÃO DO FLUXO DE CAIXA DEMONSTRAÇÃO DO FLUXO DE CAIXA FLUXOS DE CAIXA DAS ATIVIDADES OPERACIONAIS Ingressos 10.259.869,68 Receitas derivadas e originárias 9.582.366,64 Transferências correntes recebidas Outros ingressos operacionais

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 16-GR/UNICENTRO, DE 16 DE FEVEREIRO DE 2017. ESTA RESOLUÇÃO ESTÁ RATIFICADA PELO PARECER Nº 21/2017-CEPE/UNICENTRO. Aprova, ad referendum do CEPE, o Curso de Especialização em MBA em Gestão

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DE CONTAS ESTADO DO PARÁ

MINISTÉRIO PÚBLICO DE CONTAS ESTADO DO PARÁ MINISTÉRIO PÚBLICO DE CONTAS ESTADO DO PARÁ A N E X O I I D O E D I T A L N º 0 1 / 2 0 1 2 D O S C O N T E Ú D O S P R O G R A M Á T I C O S CARGO 401: SUBPROCURADOR DE CONTAS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS:

Leia mais

Quadro 8: Equivalência da matriz curricular vigente em relação à matriz curricular proposta para o Curso de Bacharelado em Ciências Econômicas

Quadro 8: Equivalência da matriz curricular vigente em relação à matriz curricular proposta para o Curso de Bacharelado em Ciências Econômicas .. Quadro de equivalências No Quadro é verificada a equivalência da matriz curricular veigente em relação à matriz curricular proposta para o Curso de Bacharelado em Ciências Econômicas. Quadro : Equivalência

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 696, DE 4 DE JUNHO DE 2012.

LEI COMPLEMENTAR Nº 696, DE 4 DE JUNHO DE 2012. LEI COMPLEMENTAR Nº 696, DE 4 DE JUNHO DE 2012. Cria o Fundo Municipal dos Direitos A- nimais (FMDA) e institui seu Conselho Gestor. O PREFEITO MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE Faço saber que a Câmara Municipal

Leia mais

Sumário. 1. Vocabulary Reading interpretation skills Porcentagem e Regra de Três Raciocínio Lógico...

Sumário. 1. Vocabulary Reading interpretation skills Porcentagem e Regra de Três Raciocínio Lógico... Sumário Português... 1 1. Concordância... 3 2. Regência... 14 3. Colocação pronominal... 23 4. Morfologia e morfossintaxe... 24 5. Pontuação... 53 6. Ortografia... 62 7. Sintaxe... 68 8. Interpretação

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINA GRANDE DO SUL - PR

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINA GRANDE DO SUL - PR EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº. 001/2008 de 18 de Abril de 2008. ANEXO II DOS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS PARA OS CARGOS/FUNÇÕES O conteúdo programático das provas para os Cargos/funções de que trata o Edital

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO - ASSEMBLEIA LEGISLATIVA SÃO PAULO - TÉCNICO LEGISLATIVO DIREITO

CONTROLE DE CONTEÚDO - ASSEMBLEIA LEGISLATIVA SÃO PAULO - TÉCNICO LEGISLATIVO DIREITO CONTROLE DE CONTEÚDO - ASSEMBLEIA LEGISLATIVA SÃO PAULO - TÉCNICO LEGISLATIVO DIREITO LÍNGUA PORTUGUESA 1 Leitura e análise de textos. Estruturação do texto e dos parágrafos. Significação contextual de

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DE DOCENTE PARA O CURSO SUPERIOR EM TERAPIA OCUPACIONAL

EDITAL PARA SELEÇÃO DE DOCENTE PARA O CURSO SUPERIOR EM TERAPIA OCUPACIONAL COORDENAÇÃO DO CURSO DE: E CIÊNCIAS CONTÁBEIS UNIDADE: UNAMA- ANANINDEUA A Universidade da Amazônia UNAMA Campus Ananindeua, sediada na BR 316 Km 03, Bairro do Coqueiro, faz saber a todos os interessados,

Leia mais

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 1.415, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2003. Publicado no Diário Oficial nº 1568 *Revogada pela Lei nº 2.735, de 4/07/2013. Dispõe sobre o Sistema de Controle Interno do Poder Executivo Estadual, e adota outras

Leia mais

DIREITO FINANCEIRO ORÇAMENTO PÚBLICO (continuação)

DIREITO FINANCEIRO ORÇAMENTO PÚBLICO (continuação) DIREITO FINANCEIRO ORÇAMENTO PÚBLICO (continuação) III. VEDAÇÕES ORÇAMENTÁRIAS A vedação, tratada pelo art. 167, da CF, é dividida em 2 tópicos: a) Execução Orçamentária (limitações a serem aplicadas no

Leia mais

PROGRAMAÇÃO FISCAL E FINANCEIRA

PROGRAMAÇÃO FISCAL E FINANCEIRA Universidade de Brasília (UnB) Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação (FACE) Departamento de Ciências Contábeis e Atuariais (CCA) PROGRAMAÇÃO FISCAL

Leia mais

RELATÓRIO DE CONTROLE INTERNO

RELATÓRIO DE CONTROLE INTERNO RELATÓRIO DE CONTROLE INTERNO O Controle Interno Municipal, embora desprovido das tecnologias específicas voltadas para o planejamento das políticas públicas, mas também por reconhecer a importância da

Leia mais

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu

Prefeitura do Município de Foz do Iguaçu LEI N o 3.941, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2011. Estima a receita e fixa a despesa do Município de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná, para o exercício financeiro de 2012. A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu, Estado

Leia mais

Sumário. Parte I Administração Financeira e Mercados Financeiros, 1

Sumário. Parte I Administração Financeira e Mercados Financeiros, 1 Sumário Prefácio à 12 a Edição, xvii Parte I Administração Financeira e Mercados Financeiros, 1 1 Introdução à Administração Financeira, 3 1.1 Administração financeira nas empresas, 3 1.1.1 Objetivos das

Leia mais

UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU

UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU CURSO DE DIREITO CURRÍCULO PLENO BACHARELADO 1 CICLO/MÓDULO A Fundamental: (Direito, Política e Economia) Ciência Política 02 0 02 40 Economia e Negócios 04 0 04 80 Fundamentos do Direito Civil 04 0 04

Leia mais

Finanças Públicas Brasileiras Experiências Recentes entre 1970/

Finanças Públicas Brasileiras Experiências Recentes entre 1970/ Capítulo 2 Bens Públicos, Externalidades, Falhas de Mercado 39 2.1. Bens públicos... 39 2.2 Monopólios naturais... 41 2.3 Externalidades... 42 2.4. Mercados incompletos e assimetria de informações... 43

Leia mais

O PAPEL DO LEGISLATIVO NO PROCESSO ORÇAMENTÁRIO. Ari Vainer Outubro de 2012

O PAPEL DO LEGISLATIVO NO PROCESSO ORÇAMENTÁRIO. Ari Vainer Outubro de 2012 O PAPEL DO LEGISLATIVO NO PROCESSO ORÇAMENTÁRIO Ari Vainer Outubro de 2012 I - INTRODUÇÃO AS FASES DO PROCESSO ORÇAMENTÁRIO 1 Elaboração da Proposta Orçamentária; 2 Análise, Votação e Aprovação da Lei

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 22-CEPE/UNICENTRO, DE 15 DE JUNHO DE 2012. Aprova o Regulamento de Normas e Utilização dos Laboratórios do Campus CEDETEG da UNICENTRO. O VICE-REITOR, NO EXERCÍCIO DO CARGO DE REITOR DA UNIVERSIDADE

Leia mais

LEI Nº 074/2014 A CÂMARA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO OESTE, ESTADO DO PARANÁ, APROVOU E EU, PREFEITO MUNICIPAL, SANCIONO A SEGUINTE LEI:

LEI Nº 074/2014 A CÂMARA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO OESTE, ESTADO DO PARANÁ, APROVOU E EU, PREFEITO MUNICIPAL, SANCIONO A SEGUINTE LEI: LEI Nº 074/2014 SÚMULA: Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Cruzeiro do Oeste para o exercício Financeiro de 2015. A CÂMARA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO OESTE, ESTADO DO PARANÁ, APROVOU E EU,

Leia mais

CURSO: ADMINISTRAÇÃO

CURSO: ADMINISTRAÇÃO CURSO: ADMINISTRAÇÃO EMENTAS - 2016.1 1º PERÍODO DISCIPLINA: MATEMÁTICA APLICADA A ADMINISTRAÇÃO Equações do primeiro e segundo graus com problemas. Problemas aplicando sistemas; sistemas com três incógnitas

Leia mais

Os compromissos do Gestor Municipal de Saúde à luz da Lei Orçamentária Anual; o Plano Municipal de Saúde e Relatório Anual de Saúde

Os compromissos do Gestor Municipal de Saúde à luz da Lei Orçamentária Anual; o Plano Municipal de Saúde e Relatório Anual de Saúde Os compromissos do Gestor Municipal de Saúde à luz da Lei Orçamentária Anual; o Plano Municipal de Saúde e Relatório Anual de Saúde São Paulo, 13 de abril de 2016 No momento em que se aproxima o fim da

Leia mais

Sumário. Prefácio à Décima Quinta Edição, xv. Prefácio à Décima Quarta Edição, xvi. Prefácio à Décima Terceira Edição, xvii

Sumário. Prefácio à Décima Quinta Edição, xv. Prefácio à Décima Quarta Edição, xvi. Prefácio à Décima Terceira Edição, xvii Sumário Prefácio à Décima Quinta Edição, xv Prefácio à Décima Quarta Edição, xvi Prefácio à Décima Terceira Edição, xvii Prefácio à Décima Segunda Edição, xviii Prefácio à Décima Primeira Edição, xix Prefácio

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAMBÉ DO MATO DENTRO MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAMBÉ DO MATO DENTRO MINAS GERAIS LEI Nº 520/2011 Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Itambé do Mato Dentro para o Exercício de 2012. Eu, WAVEL DIAS LAGE, Prefeito do Município de Itambé do Mato Dentro, Estado de Minas Gerais,

Leia mais

Faço saber que a CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM estatui e eu sanciono a seguinte Lei:

Faço saber que a CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM estatui e eu sanciono a seguinte Lei: Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Belém, para o exercício de 2016. O PREFEITO MUNICIPAL DE BELÉM, Faço saber que a CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM estatui e eu sanciono a seguinte Lei: Art. 1º

Leia mais

O sistema orçamentário como parte do sistema de planejamento

O sistema orçamentário como parte do sistema de planejamento O sistema orçamentário como parte do sistema de planejamento Eleições Programas partidários Coalisão Plataforma eleitoral Plano de Desenvolvimento e outros em andamento na Administração Pública Médio prazo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATEUS LEME

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATEUS LEME Página 00001 Lei nº 2.420, de 01 de Dezembro de 2008 Estima a receita e fixa a despesa do Município de Mateus Leme, MG, para o exercício financeiro de 2009. O povo do Município de Mateus Leme, por seus

Leia mais

Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas Setor de Formação Permanente PLANO DE CURSO

Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas Setor de Formação Permanente PLANO DE CURSO Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas Setor de Formação Permanente NOME DO CURSO: ORÇAMENTO PÚBLICO PROFESSOR: ROMILDO DE ALMEIDA MUNIZ LOCAL DE REALIZAÇÃO:

Leia mais

Universidade Estadual de Londrina

Universidade Estadual de Londrina DELIBERAÇÃO Câmara de Pós-Graduação Nº 033/2010 Reestrutura o Curso de Pós-Graduação Lato sensu em Economia Empresarial. CONSIDERANDO a solicitação da Coordenação do Curso, conforme processo nº 17069/2010;

Leia mais

Contabilidade Pública. Aula 2. Apresentação. Aula 2. Orçamento Público. O orçamento nacional deve ser equilibrado

Contabilidade Pública. Aula 2. Apresentação. Aula 2. Orçamento Público. O orçamento nacional deve ser equilibrado Contabilidade Pública Aula 2 Apresentação Prof. Me. Adilson Lombardo Aula 2 Orçamento Público: conceito e finalidades. O orçamento nacional deve ser equilibrado As dívidas públicas devem ser reduzidas...

Leia mais

SUMÁRIO. Língua Portuguesa

SUMÁRIO. Língua Portuguesa Língua Portuguesa Compreensão e interpretação de textos... 3 Tipologia textual... 6 Ortografia oficial... 21 Acentuação gráfica... 30 Emprego das classes de palavras... 33 Emprego/correlação de tempos

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul MUNICÍPIO DE ARATIBA CNPJ / Rua Luis Loeser, 287 Centro Fone: (54) CEP ARATIBA RS

Estado do Rio Grande do Sul MUNICÍPIO DE ARATIBA CNPJ / Rua Luis Loeser, 287 Centro Fone: (54) CEP ARATIBA RS LEI MUNICIPAL N 3.783 DE 08 DE DEZEMBRO DE 2015. ESTIMA A RECEITA E FIXA A DESPESA DO PARA O EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2016. O Prefeito Municipal em Exercício de Aratiba, Estado do Rio Grande do Sul, no

Leia mais

LEI DE ORÇAMENTÁRIAS

LEI DE ORÇAMENTÁRIAS LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS 1. Introdução A Lei de Diretrizes Orçamentárias foi instituída pela Constituição de 1988 e funciona como um elo entre o PPA e a LOA, estabelecendo ano a ano o que deve constar

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 008/2007-CEPE/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 008/2007-CEPE/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 008/2007-CEPE/UNICENTRO Aprova o Regulamento do Laboratório de Avaliação em Psicologia do Departamento de Psicologia da UNICENTRO. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO:

Leia mais