Manual de Operação. SCP Sistema de Controle de Pesagem

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual de Operação. SCP Sistema de Controle de Pesagem"

Transcrição

1 SCP Sistema de Controle de Pesagem Fábrica, Administração, Vendas, Locação e Assistência Técnica. Fone/Fax: Rua O Brasil para Cristo, 364 Boqueirão CEP CURITIBA PR São Paulo: Vendas, Locação e Assistência Técnica Fone /Fax: Rua Martiniano de Carvalho, 864 Cj. 303 Paraíso CEP São Paulo SP comercial

2 MANUAL DO SCP 1) Visão Geral O SCP Sistema de Controle de Pesagem foi desenvolvido para facilitar o controle de pesagem de produtos pesados por balanças DI GI TRON. Este manual tem o objetivo de ensinar o uso das diversas operações na utilização deste sistema. Quando é feito o download do sistema deve se instalá lo, e iniciá lo. Este é um sistema de demonstração, podendo fazer 50 operações de pesagem para apreciação do mesmo, conforme a tela abaixo de apresentação do sistema: Para ativar o sistema, basta fornecer o código de instalação que está presente nesta tela e fornecê lo à DI GI TRON, que irá lhe retornar uma chave de ativação que deverá ser preenchida no campo especificado e clicar em continuar. Ao iniciar o sistema pela primeira vez o usuário deverá efetivar o registro de sua empresa (Emissor). Depois de efetivado este registro não poderá ser excluído. Para cadastrar sua empresa ele deverá cadastrar a cidade em que ela está situada. Para isso basta clicar na lupa ao lado do campo Cidade e seguir a instruções abaixo para o cadastro. 2

3 I nclusões 2) Operações Para efetivar um cadastro deve se clicar primeiro no botão Novo (Alt+N), depois preencher os campos. Os campos em Azul são obrigatórios (Exemplo: Razão, Cidade) os outros campos são opcionais. Ao se cadastrar novos registros, não haverá necessidade de preenchimento do campo código, pois o mesmo será preenchido automaticamente, assumindo sempre um novo número seqüencial. Para escolher a cidade o usuário deve clicar na lupa ao lado campo, ou então teclar F2 e clicar 1 vez na cidade desejada e então no botão OK. Exclusão (Botão Excluir) O usuário também terá a possibilidade de excluir registros. Para isso deverá estar na tela de cadastro e clicar 1 vez no nome a ser excluído dentro da grade e então no botão excluir. Se o botão excluir estiver apagado, significa que não foi cancelada a última ação, logo se deve clicar no botão cancelar e só então excluir o registro. Para se ter acesso à grade de clientes, localizada na parte inferior da tela, faz se o uso das teclas Alt + G ou apenas clicando com o mouse sobre algum cliente. A Navegação se faz pelas teclas Seta p/ Cima e Seta p/ Baixo. Obs: Se o registro já foi utilizado para alguma pesagem, o mesmo não poderá ser excluído. Alteração de Registros (Duplo clique) Para alterar um registro basta apenas dar dois cliques no registro, fazer a alteração necessária e depois clicar no botão salvar (Alt+S). O campo código não poderá ser editado. Atalhos Na maioria dos botões do sistema existe uma letra sublinhada na descrição do botão. Ex.: no módulo de cadastro existe um botão Salvar significa que se segurar a tecla ALT do lado esquerdo do teclado e pressionar a letra v (minúscula ou maiúscula) irá salvar o registro. Se preferir, é claro, é só clicar com o mouse sobre o botão e o resultado será o mesmo. P esquisas O usuário terá a opção de fazer pesquisas para editar, excluir ou ler registros já efetivados. Para Localizar (Alt+L) deve se escrever o nome a ser pesquisado no campo Localizar e então ele irá aparecer na grade. Logo, o usuário deverá clicar 2 vezes no nome escolhido para este subir para a tela em forma de edição e então poderá editar o registro. Depois de alterar o registro, o mesmo deve ser salvo. 3

4 3) Cadastros Após o cadastro do emissor, o sistema, propriamente dito irá ser aberto, conforme a tela abaixo: Para se ter acesso aos cadastros, basta clicar com o mouse (botão esquerdo) no menu Cadastros ou utilizar o teclado (Alt + C). Irá, neste momento, ser apresentada várias opções de cadastros. A apresentação destes cadastros será iniciada com um único clique do mouse ou fazendo a utilização das teclas de navegação do teclado até a posição desejada. O cadastro permite adicionar, remover e editar registros do sistema. Ao término do preenchimento, irá habilitar o botão Salvar, que efetivará o registro digitado depois de clicado. 4

5 4) Cadastro de Clientes Código: É o código de cadastro, fornecido em seqüência. Físico/ Jurídico: Se o cliente é pessoa física ou jurídica. Nome: Denominação do cliente (campo obrigatório) Fantasia: Nome Fantasia do cliente CEP : Número do CEP do cliente CP F/ CNP J: CPF da pessoa física ou CNPJ se for jurídica. RG/ I nscrição: RG da pessoa física ou Inscrição Estadual se for jurídica. Endereço: Endereço do cliente. Bairro: Bairro do cliente Fone: Telefone do cliente. Fax: Número do fax do cliente. Contato: Telefone ou endereço para contato. E mail do cliente. Site: Site (home page) do cliente. Data: Data do cadastro do cliente. Só aceita datas válidas. Cidade: Cidade. 5

6 5) Cadastro de Cidade Para se ter acesso ao cadastro de cidade, basta clicar com mouse (botão esquerdo) no menu Cadastros ou utilizar o teclado (Alt + C ) descer com a seta até Cidade. Para cadastrar uma cidade deve se clicar primeiro no botão Novo (Alt+N), depois preencher os campos: Descrição (nome da cidade) e UF (Estado). Ao término do preenchimento, irá habilitar o botão Salvar que efetivará o registro digitado depois de clicado. Para excluir uma cidade o usuário deverá proceder da mesma forma apresentada anteriormente. Ao se cadastrar novas cidades, não haverá necessidade de preenchimento do campo código, pois o mesmo será preenchido automaticamente, assumindo sempre um novo número seqüencial. 6) Configuração do sistema O sistema foi desenvolvido para atender diversos segmentos do mercado, dependendo de sua configuração. Para entrar no modo de configuração, o usuário deverá ser o Administrador do sistema, clicar no atalho CONFIGURAÇÕES ou Menu >> Utilitários >> Configurações: A configuração da porta serial deve estar de acordo com a figura ao lado ou de acordo com o que o administrador do sistema selecionou. Para imprimir em impressoras do tipo jato de tinta (HP) ou laser é necessário marcar o parâmetro Impressão Windows (Relatório/Ticket) ou desmarcá lo para impressoras matriciais. O usuário também terá a opção de escolher quantas casas decimais deverá aparecer na leitura do peso. Para isso deverá selecionar quantas casas decimais deseja na caixa Casas Decimais. Pode se também escolher a divisão em que a balança irá trabalhar, aumentando ou diminuindo a precisão na pesagem. Após salvar a configuração acima, o sistema deverá ser reinicializado. 6

7 7) Cadastro de Usuários Para cadastrar novos usuários, o Administrador do sistema deverá acessar o sistema e clicar em Cadastros >> Usuários ou clicar diretamente no atalho USUÁRIOS. Nesta tela será possível cadastrar diversos usuários do sistema com os seguintes perfis: Cadastros: Usuário que tem permissão para criar, apagar ou editar qualquer cadastro; Relatórios: Usuário que tem permissão para emissão de relatórios; Altera Peso: Usuário que pode alterar de forma manual o peso medido pelo sistema; P esagem: Usuário que possui permissão para executar pesagem através do sistema; ADMIN: Usuário já previamente cadastrado. CUIDADO: NÃO APAGAR O USUÁRIO ADMIN DO SISTEMA. 8) Cadastro de Embalagens Para cadastrar as embalagens a serem utilizadas durante todo o processo de pesagem, devese entrar na tela de Cadastro de Embalagens por meio do Menu >> Cadastros >> Embalagens: 7

8 9) Cadastro de Produtos O sistema possui duas opções de tela de Cadastro de Produtos, sedo uma delas por meio do atalho PRODUTOS. Vide abaixo: Entretanto a tela a ser utilizada será a tela acionada através do Menu >> Cadastros >> Produtos: Para cadastrar um novo produto o usuário deverá proceder da mesma forma do cadastro de cidades com uma única ressalva: ao se cadastrar novos produtos, ele terá a opção de preencher ou não o campo código. Se preencher, o sistema vai continuar seguindo a seqüência a partir do número mais alto e não poderá ser alterado futuramente. Logo, deverá ter certeza do código antes de cadastrar o produto. Após o preenchimento dos campos, clicar no botão Salvar ou teclar Alt+V. Código: Código do produto, fornecido seqüencialmente pelo sistema (campo obrigatório); Descrição: Descrição do produto. Após o cadastro de todos os produtos que passarão pelo processo de pesagem na empresa, deverão ser fornecidas ao sistema, quais as embalagens que cada produto poderá utilizar, clicando no botão EMBALAGENS desta tela. 8

9 Para a ligação entre o produto e suas possíveis embalagens, deve se escolher o produto na grade da tela acima, clicar sobre ele duas vezes e clicar no botão EMBALAGENS no canto inferior esquerdo a tela acima. Este botão acionará a seguinte tela: Para adicionar as embalagens possíveis a este produto, deve se clicar em Novo, clicar na lupa do campo Embalagem, onde abrirá a seguinte tela: Seleciona se a embalagem desejada, clica se em OK, onde irá retornar para a tela anterior de Seleção de Embalagens, preenche se o peso desta embalagem no campo Peso, e clica se em OK para que a embalagem selecionada seja adicionada à grade deste produto. Este processo deverá ser repetido até que todas as embalagens possíveis para este produto estejam dentro da grade do mesmo. Ao terminar de cadastrar todas as embalagens deste produto específico, clica se em Salvar, onde o sistema retornará para a tela de Cadastro de Produto, e deve se clicar em Salvar nesta tela igualmente. Depois é só repetir este processo para o próximo produto, até que todos os produtos tenham todas as embalagens possíveis para eles. 9

10 10) P esagem Para se ter acesso a tela de entrada no sistema, basta clicar com o mouse (botão esquerdo) no menu Pesagem ou utilizar o teclado (Alt + P ) descer com a seta até Entrada. O círculo deverá estar verde para que a pesagem seja efetuada. Se estiver vermelho significa que a balança está desconectada, se estiver amarelo significa que o sistema está aguardando que a balança esteja estabilizada. Ao clicar em Novo e preencher todos os campos e se a balança estiver estabilizada, o sistema irá habilitar o botão Salvar e o botão P esagem Contínua. Ao clicar em Salvar, o sistema irá imprimir uma etiqueta. Caso haja necessidade de fazer as impressões das etiquetas para um lote de um mesmo produto, com a mesma embalagem para um mesmo cliente, Clica se no botão Pesagem Contínua, a mensagem abaixo irá aparecer no sistema: A cada estabilização da balança o sistema entenderá que o produto já foi pesado e que emitirá uma etiqueta. Para efetuar outra pesagem, basta retirar a carga da balança e colocar a seguinte. E assim por diante. Para efetuar a pesagem de outro produto com outra embalagem, basta clicar em Cancelar, e em seguida Novo, e repetir o processo acima. Lote: Número do lote do produto que será arquivado; Data: Data da pesagem; Hora: Hora da pesagem; Tara: Peso da tara (embalagem); P esagem Manual: O peso deverá ser digitado; P esagem Automática: A balança efetuará a pesagem automaticamente; Cliente: Código do cliente. (Para pesquisar clientes tecle F2 ou clique com o mouse na lupa que está ao lado do campo); P roduto: Código do Produto. (Para pesquisar produto tecle F2 ou clique com o mouse na lupa que está ao lado do campo); Número de vias de etiqueta: Quantas etiquetas o usuário deseja imprimir; I mprimir Etiquetas: Para imprimir a etiqueta da pesagem automaticamente após salvar deve se marcar este campo; P esagem Contínua: Para efetuar pesagens seguidas, sem precisar clicar em salvar basta clicar nesse botão, ao colocar o produto na balança ela vai pesar e salvar, após estabilizar. Se a opção Imprimir Etiquetas estiver marcada vai imprimir a etiqueta. Para efetuar uma nova pesagem basta tirar e colocar novamente o produto na balança e o sistema repetirá o processo; 10

11 11) Relatórios Para se ter acesso aos relatórios, basta clicar com mouse (botão esquerdo) no menu Relatórios ou utilizar o teclado (Alt + R) e usar as setas para escolher o relatório desejado. Relatório de Cadastros: Relatório contendo registros de clientes já efetivados. Preenchendo o filtro corretamente o usuário terá apenas as informações desejadas. Exemplo: Se o usuário quiser um relatório de todos os clientes residentes em Curitiba, deverá digitar o código da cidade 2 vezes, (Cidade: 112 a 112). Neste caso a cidade de Curitiba estaria cadastrada com o código 112. Relatório de Movimentação Cliente/Fornecedor: Relatório contendo as movimentações agrupadas por cliente. O filtro também deve ser preenchido corretamente da mesma forma explicada anteriormente. O período entre as duas datas digitadas será a base que o relatório irá utilizar. Relatório de Movimentação Período: Este relatório contém informações sobre toda movimentação de determinado(s) dia(s), semana(s), mês(es) ou ano(s). Para isso deverá preencher corretamente o filtro; O tipo Fluxo diário mostrará todos os produtos e suas devidas quantidades, que foram movimentados em cada dia do período; o tipo Agrupado por período, mostrará os produtos movimentados e a quantidade total de todos produtos movimentados no período. Relatório de Movimentação Produto: Este relatório mostra qual foi o movimento de um determinado produto em uma determinada data, para tanto se deve preencher o filtro corretamente. Relatório de Produtos: Informa todos os produtos cadastrados no sistema. Impressão de Etiquetas: Para imprimir etiquetas basta digitar o número da pesagem, o número do lote e a quantidade. Para ver a impressão na tela antes de imprimir, basta marcar o parâmetro Tela. 12) Configuração Mínima para o Sistema funcionar: Processador de 500MHz ou superior; Espaço mínimo livre em HD de 5M para a instalação e banco de dados sem registros. (Espaço máximo livre em HD para a capacidade máxima do banco dependerá da movimentação feita pela empresa ao longo do tempo. Aconselhável prever 100MB/ano); Entrada Serial para a conexão da balança; Windows 98 atualizado (com ODBC atualizado); 11

Manual de Operação. SCPP Sistema de Controle de Pesagem e Portaria

Manual de Operação. SCPP Sistema de Controle de Pesagem e Portaria SCPP Sistema de Controle de Pesagem e Portaria Fábrica, Administração, Vendas, Locação e Assistência Técnica. Fone/Fax: 41 3377 1577 Rua O Brasil para Cristo, 364 Boqueirão CEP 81650 110 CURITIBA PR comercial@digitronbalancas.com.br

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

Manual para Envio de Petição Inicial

Manual para Envio de Petição Inicial Manual para Envio de Petição Inicial 1. Após abrir a página do PROJUDI, digite seu usuário e senha 1.1. Para advogados o usuário é o cpf.adv (ex: 12345678900.adv) 1.2. Após digitar os dados (login e senha),

Leia mais

9. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU UTILITÁRIOS...2

9. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU UTILITÁRIOS...2 1 9. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU UTILITÁRIOS...2 9.1 Cópia de Segurança (Backup)...2 9.1.a Adicionar ou Remover Empresas da Lista... 2 9.1.b Empresas Cadastradas no Sistema... 2 9.1.c Inserir uma Empresa...

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Eletron-DS Pedido Eletrônico 1

Eletron-DS Pedido Eletrônico 1 1 2 Eletron-DS Julho / 2010 3 Índice Sistema... 4 Menu Digitar Pedido... 6 Menu Consultar Pedidos... 9 Menu Conexão Fornecedor... 10 4 Sistema Pré-requesitos: - Windows Vista ou Superior; - Acesso a Internet.

Leia mais

SIE Manual da aplicação Gestão de Bolsas

SIE Manual da aplicação Gestão de Bolsas 1. CADASTRO DE BOLSAS Esta aplicação tem como objetivo realizar os cadastros das modalidades ou programas de bolsa. Será possível também, incluir e localizar uma bolsa, sendo que após localizar uma bolsa

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO

Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO Versão 1.0 Julho/2012 ÍNDICE 1 REQUISITOS MÍNIMOS PARA INSTALAÇÃO... 4 1.1 Equipamento e Sistemas Operacionais 4 1.1.1

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE EMISSÃO DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA Apresentação Este sistema faz parte do Portal NFS Digital e tem o intuito de ser utilizado por emissores de Nota Fiscal de Serviços

Leia mais

InfoEntregas MANUAL DO USUÁRIO

InfoEntregas MANUAL DO USUÁRIO InfoEntregas MANUAL DO USUÁRIO INFO SISTEMAS DE INFORMÁTICA LTDA. Fone: (31) 2122-0888 Site: www.infosistemas.com.br e-mail: suporte@infosistemas.com.br MSN: suporte@infosistemas.com.br Skype: suporte_infosistemas

Leia mais

Treinamento Módulo Contas a Pagar

Treinamento Módulo Contas a Pagar Contas a Pagar Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla F2 Gravar Tecla

Leia mais

Manual Prático de Acesso Novo Hamburgo/RS. ISS.Net Emissor de Nota Fiscal Eletrônica

Manual Prático de Acesso Novo Hamburgo/RS. ISS.Net Emissor de Nota Fiscal Eletrônica Novo Hamburgo/RS ISS.Net Emissor de Nota Fiscal Eletrônica SUMÁRIO Página LOGIN AO SISTEMA...3 EMITIR NOTA FISCAL ELETRÔNICA...7 CONSULTAR NOTA FISCAL ELETRÔNICA...12 CONSULTAR SOLICITAÇÕES DE CANCELAMENTO

Leia mais

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2015 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Versão 8.1A-13 Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS BRADESCO NO FINANCE 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pelo Bradesco... 3 Como gerar os arquivos de Remessa para o Banco pelo Finance... 14 Como enviar

Leia mais

Sistema de Protocolo. Manual do Usuário

Sistema de Protocolo. Manual do Usuário Sistema de Protocolo Manual do Usuário Atualizado em 05/06/2010 2 Apresentação Módulo Protocolo Está disponível de forma integrada com todos os órgãos para registrar e acompanhar, de modo atualizado e

Leia mais

SEI-SS Sistema Extrajudicial Integrado Módulo Site dos Serviços

SEI-SS Sistema Extrajudicial Integrado Módulo Site dos Serviços TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO MANUAL DO USUÁRIO SEI-SS Sistema Extrajudicial Integrado Módulo Site dos Serviços TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO 2/24 ÍNDICE Instruções

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

GERENCIADOR DE CONTEÚDO

GERENCIADOR DE CONTEÚDO 1/1313 MANUAL DO USUÁRIO GERENCIADOR DE CONTEÚDO CRISTAL 2/13 ÍNDICE 1. OBJETIVO......3 2. OPERAÇÃO DOS MÓDULOS......3 2.1 GERENCIADOR DE CONTEÚDO......3 2.2 ADMINISTRAÇÃO......4 Perfil de Acesso:... 4

Leia mais

Caso já seja usuário do SCAW siga as instruções a partir da página X.

Caso já seja usuário do SCAW siga as instruções a partir da página X. Caso já seja usuário do SCAW siga as instruções a partir da página X. Para iniciar o sistema dê um duplo clique no ícone, que se encontra na área de trabalho. 1 Login do sistema. Esta é a tela de login

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET I Sumário 1. Objetivo do Documento... 1 2. Início... 1 3. Cadastro de Pessoa Física... 3 3.1. Preenchimentos Obrigatórios.... 4 3.2. Acesso aos Campos

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA SECRETÁRIAS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA SECRETÁRIAS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA SECRETÁRIAS 1 - A TELA AGENDA 1.1 - TIPOS DE AGENDA 1.1.1 AGENDA NORMAL 1.1.2 AGENDA ENCAIXE 2 - AGENDANDO CONSULTAS 2.1 - AGENDANDO UMA CONSULTA NA AGENDA

Leia mais

Governo do Estado do Pará Secretaria de Estado da Fazenda

Governo do Estado do Pará Secretaria de Estado da Fazenda Manual do Usuário Sistema Notapará Programa Nota Fiscal Cidadã Objetivo: Estabelecer orientações aos usuários do sistema Notapará, tais como: usabilidade, funcionalidade e navegabilidade. Manual do Usuário

Leia mais

Manual de PRODUÇÃO ONLINE. Autorização e Faturamento

Manual de PRODUÇÃO ONLINE. Autorização e Faturamento Manual de PRODUÇÃO ONLINE 2 APRESENTAÇÃO A Unimed-Rio desenvolveu seu sistema de Produção Online, criado para facilitar a rotina de atendimento de seus médicos cooperados. Este sistema é composto por dois

Leia mais

SIGEP WEB - Gerenciador de Postagens dos Correios Manual do Usuário

SIGEP WEB - Gerenciador de Postagens dos Correios Manual do Usuário MANUAL DO USUÁRIO 2 ÍNDICE 1. PRÉ REQUISITOS PARA UTILIZAÇÃO DO SIGEP WEB 04 2. PROCEDIMENTOS PARA DOWNLOAD DO SISTEMA 04 3. INSTALANDO O SIGEP WEB 07 4. CONFIGURAÇÕES DO SISTEMA 09 COMPARTILHANDO O BANCO

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA SECRETÁRIAS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA SECRETÁRIAS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA SECRETÁRIAS 1 - A TELA AGENDA 1.1 - TIPOS DE AGENDA 1.1.1 AGENDA NORMAL 1.1.2 AGENDA ENCAIXE 2 - AGENDANDO CONSULTAS 2.1 - AGENDANDO UMA CONSULTA NA

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Mobile

MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Mobile MANUAL DE UTILIZAÇÃO Aplicativo Controle de Estoque Mobile 1 1 INICIANDO O APLICATIVO PELA PRIMEIRA VEZ... 3 2 PÁGINA PRINCIPAL DO APLICATIVO... 4 2.1 INTERFACE INICIAL... 4 2.2 DISPOSITIVO NÃO REGISTRADO...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SIGEP WEB

MANUAL DO USUÁRIO SIGEP WEB MANUAL DO USUÁRIO SIGEP WEB Sumário PRÉ- REQUISITOS PARA UTILIZAÇÃO DO SIGEP WEB... 4 PROCEDIMENTOS PARA DOWNLOAD DO SISTEMA... 4 INSTALANDO O SIGEP WEB... 6 INICIANDO O SISTEMA... 6 INICIANDO O SISTEMA...

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES 1.3

Leia mais

SIGA Saúde. Sistema Integrado de Gestão da Assistência à Saúde. Manual operacional. Módulo Agenda Agendamento Local

SIGA Saúde. Sistema Integrado de Gestão da Assistência à Saúde. Manual operacional. Módulo Agenda Agendamento Local SIGA Saúde Sistema Integrado de Gestão da Assistência à Saúde Manual operacional Módulo Agenda Agendamento Local Sumário Introdução... 3 Agendamento... 4 Pesquisa de vagas... 5 Perfil de Agenda... 6 Dados

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Índice 1 Introdução...2 2 Acesso ao Sistema...3 3 Funcionamento Básico do Sistema...3 4 Tela Principal...4 4.1 Menu Atendimento...4 4.2 Menu Cadastros...5 4.2.1 Cadastro de Médicos...5

Leia mais

Manual do Módulo SAC

Manual do Módulo SAC 1 Manual do Módulo SAC Índice ÍNDICE 1 OBJETIVO 4 INICIO 4 SAC 7 ASSOCIADO 9 COBRANÇA 10 CUSTO MÉDICO 10 ATENDIMENTOS 11 GUIAS 12 CREDENCIADO 13 LIVRETO 14 BUSCA POR RECURSO 15 CORPO CLÍNICO 16 MENU ARQUIVO

Leia mais

jfisc al Versão 3.0 - Fevereiro/2015

jfisc al Versão 3.0 - Fevereiro/2015 jfiscal Versão 3.0 - Fevereiro/2015 Índice 1 INTRODUÇÃO E VISÃO GERAL... 1 2 INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO INICIAL DO JFISCAL... 2 2.1 Download... 3 2.2 Instalação do jfiscal... 3 3 ADQUIRIR UMA LICENÇA DO

Leia mais

MANUAL PARA USO DO SISTEMA GCO Gerenciador Clínico Odontológico

MANUAL PARA USO DO SISTEMA GCO Gerenciador Clínico Odontológico MANUAL PARA USO DO SISTEMA GCO Gerenciador Clínico Odontológico O GCO é um sistema de controle de clínicas odontológicas, onde dentistas terão acesso a agendas, fichas de pacientes, controle de estoque,

Leia mais

1) Como acessar a aplicação

1) Como acessar a aplicação Guia de Uso V1.0.0 1) Como acessar a aplicação 2 1 2 3 3 4 Ao clicar em Banco de Necessidades, será aberta uma nova guia do navegador com o formulário mostrado abaixo, o qual possui dois botões : Consulta

Leia mais

INTEGRAÇÃO SISREG - CADSUS WEB DOCUMENTO ORIENTADOR

INTEGRAÇÃO SISREG - CADSUS WEB DOCUMENTO ORIENTADOR INTEGRAÇÃO SISREG - CADSUS WEB DOCUMENTO ORIENTADOR SUMÁRIO 1 - IDENTIFICANDO O PACIENTE... 3 2 - PESQUISANDO PACIENTE NO CADSUSWEB... 5 3 ALTERANDO DADOS OU CADASTRANDO UM NOVO USUÁRIO... 7 O objetivo

Leia mais

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus.

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. - Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. Ou digite www.simpo.com.br/protocolo/login.php, para ir diretamente

Leia mais

Gerenciador de Imóveis

Gerenciador de Imóveis Gerenciador de Imóveis O Corretor Top é o mais completo sistema de gestão de imóveis do mercado, onde corretores terão acesso à agenda, cadastro de imóveis, carteira de clientes, atendimento, dentre muitas

Leia mais

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas GerNFe 1.0 Manual do usuário Página 1/13 GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas O programa GerNFe 1.0 tem como objetivo armazenar em local seguro e de maneira prática para pesquisa,

Leia mais

MANUAL DO SINASC_LOCAL

MANUAL DO SINASC_LOCAL MANUAL DO SINASC_LOCAL Diretoria de Vigilância Epidemiológica/SES/SC - 2006 1 Módulo - Usuário Manual do Sinasc Módulo Usuário Capítulo 01 - Introdução O SINASC é um instrumento fundamental para informações

Leia mais

Manual de Apoio ao Treinamento. Expresso

Manual de Apoio ao Treinamento. Expresso Manual de Apoio ao Treinamento Expresso 1 EXPRESSO MAIL É dividido em algumas partes principais como: Caixa de Entrada: local onde ficam as mensagens recebidas. O número em vermelho entre parênteses refere-se

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS CAIXA ECONÔMICA FEDERAL NO FINANCE Finance V10 New 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pela Caixa Econômica... 3 Como efetuar a Conciliação por Extrato

Leia mais

PEDIDO Manual OPERACIONAL

PEDIDO Manual OPERACIONAL SISTEMA DE GESTÃO HDIAS HAMILTON DIAS (31) 8829.9195 8540.8872 www.hdias.com.br hamilton-dias@ig.com.br PEDIDO Manual OPERACIONAL Pagina 2 de 34 ÍNDICE Pedido... 4 Como Acessar... 4 Como Localizar Pedido...

Leia mais

e-nota MDF-e Manifesto de Documento Fiscal eletrônico

e-nota MDF-e Manifesto de Documento Fiscal eletrônico Página1 e-nota MDF-e Manifesto de Documento Fiscal eletrônico Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é MDF-e?... 03 2. Safeweb e-nota MDF-e... 04 3. Acesso e-nota

Leia mais

Domínio Registro. Teclas de atalho para ajudar na utilização do Sistema e cadastros em todos dos Módulos. Menu Controle

Domínio Registro. Teclas de atalho para ajudar na utilização do Sistema e cadastros em todos dos Módulos. Menu Controle Domínio Registro O Domínio Registro foi desenvolvido para gerenciar todos os processos referentes à abertura e fechamento de empresas, permite a confecção de contratos, alterações e distratos sociais,

Leia mais

Pública Serviços Ltda Rua São Vicente, 2331 78930-000 Ariquemes RO Fone: (69) 3535-2568 E-mail: publica@publica-ro.com.br http: www.publica-ro.com.

Pública Serviços Ltda Rua São Vicente, 2331 78930-000 Ariquemes RO Fone: (69) 3535-2568 E-mail: publica@publica-ro.com.br http: www.publica-ro.com. 2 Índice 1 - Apresentando o sistema...pag 3 1.1 - Tela de login...pag 3 1.2 Botões de navegação do sistema...pag 4 2 - Cadastros...pag 4 2.1 Cadastro de assuntos...pag 4 2.2 Cadastro de interessados...pag

Leia mais

Manual. Pedido Eletrônico

Manual. Pedido Eletrônico Manual Pedido Eletrônico ÍNDICE 1. Download... 3 2. Instalação... 4 3. Sistema de Digitação SantaCruz... 8 3.1. Configuração... 8 4. Utilização do Sistema Digitação SantaCruz... 11 4.1. Atualizar cadastros...11

Leia mais

MÓDULO DE VISITANTES SISTEMA SES-CLIENT DA SUALTECH

MÓDULO DE VISITANTES SISTEMA SES-CLIENT DA SUALTECH UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS Campinas 2010 MÓDULO DE VISITANTES SISTEMA SES-CLIENT DA SUALTECH Elaboração/Revisão do Manual Edmilson Bellini Chiavegatto (Centro de Computação) José Augusto Ruzene

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ÍNDICE INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ACESSO ÀS FERRAMENTAS 9 FUNÇÕES 12 MENSAGENS 14 CAMPOS OBRIGATÓRIOS

Leia mais

Smart Laudos 1.9. A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos. Manual do Usuário

Smart Laudos 1.9. A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos. Manual do Usuário Smart Laudos 1.9 A Forma Inteligente de Criar seus Laudos Médicos Manual do Usuário Conteúdo 1. O que é o Smart Laudos?... 3 2. Características... 3 3. Instalação... 3 4. Menu do Sistema... 4 5. Configurando

Leia mais

Resumo das funcionalidades

Resumo das funcionalidades Resumo das funcionalidades Menu MENU Dados Cadastrais Atualizar Cadastro Troca Senha Grupo Usuários Incluir Atualizar Funcionários Incluir Atualizar Atualizar Uso Diário Importar Instruções Processar Status

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA

Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA Manual do Usuário SisCommercePDV NFC-e Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA MANUAL DO USUÁRIO SisCommercePDV Emissor de Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e) *Manual em desenvolvimento

Leia mais

Sistema de Controle de Cheques GOLD

Sistema de Controle de Cheques GOLD Sistema de Controle de Cheques GOLD Cheques GOLD é um sistema para controlar cheques de clientes, terceiros ou emitidos. Não há limitações quanto as funcionalidades do programa, porém pode ser testado

Leia mais

Curso de Capacitação ao Sistema CDV. - GID Desmanches -

Curso de Capacitação ao Sistema CDV. - GID Desmanches - Curso de Capacitação ao Sistema CDV - GID Desmanches - Coordenadoria de Gestão de Desmanches Divisão de Desmanches Conteúdo Módulo 1 Como utilizar o Moodle... 4 Módulo 2 - Acessando o GID CDV... 4 Aula

Leia mais

CERTIDÕES UNIFICADAS

CERTIDÕES UNIFICADAS CERTIDÕES UNIFICADAS Manual de operação Perfil Cartório CERTUNI Versão 1.0.0 MINISTÉRIO DA JUSTIÇA Departamento de Inovação Tecnológica Divisão de Tecnologia da Informação Sumário LISTA DE FIGURAS... 2

Leia mais

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE ❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE a) Checagem de Estoque - Verifique o estoque dos produtos desejados. b) Listar produtos com a quantia de estoque mínimo atingido: ESTOQUE / RELATÓRIO / ALERTA DE COMPRA

Leia mais

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Sumário PRESTAÇÃO DE CONTAS DE ETIQUETAS DE REPARO...3 Figura 1.0...3 Figura 2.0...4 Figura 3.0...5 Figura 4.0...5 1. Proprietário

Leia mais

Manual Operacional do Plenoweb

Manual Operacional do Plenoweb Manual Operacional do Plenoweb 1 Sumário 1. Introdução...3 2. Primeiro Acesso...4 2.1. Requisitos Mínimos...4 2.2. Tela inicial...4 2.3. Menus...5 3. Cadastro de Pessoa...7 4. Cadastro de Cotas...9 5.

Leia mais

ÍNDICE 1. CADASTRO DE BOLSAS... 2

ÍNDICE 1. CADASTRO DE BOLSAS... 2 ÍNDICE 1. CADASTRO DE BOLSAS... 2 1.1. ACESSANDO A APLICAÇÃO... 2 1.2. GUIA : BOLSAS... 3 1.2.1. Instruções para preenchimento dos campos... 3 1.3. GUIA : OBSERVAÇÃO... 7 1.4. GUIA : UNIDADES... 8 1.4.1.

Leia mais

Este documento consiste em 25 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Março de 2010.

Este documento consiste em 25 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Março de 2010. Manual do Usuário Este documento consiste em 25 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Março de 2010. Impresso no Brasil. Sujeito a alterações técnicas. A reprodução deste documento,

Leia mais

Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar

Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar Pedido de Bar Sistema para controle de pedido de bar Desenvolvido por Hamilton Dias (31) 8829.9195 Belo Horizonte hamilton-dias@ig.com.br www.h-dias.cjb.net ÍNDICE Introdução...3 Implantação...3 Instalação...3

Leia mais

Manual do Sistema de Cadastro de Cultivares Locais, Tradicionais e Crioulas

Manual do Sistema de Cadastro de Cultivares Locais, Tradicionais e Crioulas Ministério do Desenvolvimento Agrário Secretaria da Agricultura Familiar Departamento de Financiamento e Proteção da Produção Seguro da Agricultura Familiar Manual do Sistema de Cadastro de Cultivares

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Administrador de Programas e Sistemas

Treinamento GVcollege Módulo Administrador de Programas e Sistemas Treinamento GVcollege Módulo Administrador de Programas e Sistemas AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO EDOutlet (Online e Offline):

MANUAL DE OPERAÇÃO EDOutlet (Online e Offline): MANUAL DE OPERAÇÃO EDOutlet (Online e Offline): Sumário 1 - EDOutletOffline (sem internet):... 1 2 EDOutlet (com internet)... 7 2.1 DIGITANDO AS REFERÊNCIAS:... 9 2.2 IMPORTAÇÃO DE PEDIDOS:... 11 3 ENVIANDO

Leia mais

PROFORMAÇÃO II Pré-Inscrição

PROFORMAÇÃO II Pré-Inscrição PROFORMAÇÃO II Pré-Inscrição A CNP desenvolveu o programa Pré-Inscrição que objetiva registrar as informações da Ficha de Inscrição dos professores cursistas que participarão do Proformação II. As instruções

Leia mais

1 Gerando um XML da Nota fiscal eletrônica

1 Gerando um XML da Nota fiscal eletrônica 1 Gerando um XML da Nota fiscal eletrônica O programa LimerSoft SisVendas gera o XML da nota fiscal eletrônica de produtos, porém o envio e validação deve ser realizado com o sistema oficial da receita

Leia mais

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário SERVIÇO PÚBLICO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ARQUIVO CENTRAL Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário Belém Pará Fevereiro 2000 Sumário Introdução... 3 Acesso ao Sistema...

Leia mais

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição SSE 3.0 Guia Rápido Módulo Secretaria Nesta Edição 1 Acessando o Módulo Secretaria 2 Cadastros Auxiliares 3 Criação de Modelos Definindo o Layout do Modelo Alterando o Layout do Cabeçalho 4 Parametrização

Leia mais

Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio.

Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio. Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio. 1) Logar no Kit Médias Empresas Clicar no ícone Tókio Marine Empresarial, que abrirá a tela de login, veja abaixo. Caso seja o primeiro acesso

Leia mais

ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012

ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012 ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012 1. INSTALAÇÃO DO GESTOR Confira abaixo as instruções de como instalar o sistema Gestor. Caso já tenha realizado esta instalação avance ao passo seguinte:

Leia mais

14 - Como para gerar o boleto para pagamento do período das notas lançadas? 16 - Se no mês, o meu cliente não tiver movimento, o que devo fazer?

14 - Como para gerar o boleto para pagamento do período das notas lançadas? 16 - Se no mês, o meu cliente não tiver movimento, o que devo fazer? Manual do Sistema SUMÁRIO 1 O que é o sistema GEFISCO? 2 - Como acessar o sistema GEFISCO? 3 - Como criar um login e uma senha? 4 - Esqueci minha senha, e agora? 5 - Como acessar o Livro Fiscal? 6 - Como

Leia mais

DRIVE CONTÁBIL NASAJON

DRIVE CONTÁBIL NASAJON DRIVE CONTÁBIL NASAJON Módulo Gestão de Documentos Versão 1.0 Manual do Usuário 1 Sumário Os Módulos do Gerenciador de NFe: Informações Básicas Primeiro Acesso: Requisitos Acesso ao Drive Contábil Nasajon

Leia mais

DIRETRIZES DE USO DA MATRIZ DE SISTEMATIZAÇÃO DE INFORMAÇÕES

DIRETRIZES DE USO DA MATRIZ DE SISTEMATIZAÇÃO DE INFORMAÇÕES Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico Coordenação Geral de Regionalização PROGRAMA DE REGIONALIZAÇÃO DO TURISMO Roteiros do Brasil

Leia mais

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Página1 e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é Nota Fiscal de Serviço eletrônica

Leia mais

Tutorial contas a pagar

Tutorial contas a pagar Tutorial contas a pagar Conteúdo 1. Cadastro de contas contábeis... 2 2. Cadastro de conta corrente... 4 3. Cadastro de fornecedores... 5 4. Efetuar lançamento de Contas à pagar... 6 5. Pesquisar Lançamento...

Leia mais

Manual do Visualizador NF e KEY BEST

Manual do Visualizador NF e KEY BEST Manual do Visualizador NF e KEY BEST Versão 1.0 Maio/2011 INDICE SOBRE O VISUALIZADOR...................................................... 02 RISCOS POSSÍVEIS PARA O EMITENTE DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA.................

Leia mais

Parte I CADASTRO DE SACADO

Parte I CADASTRO DE SACADO Sicoob Coopercred Módulo Cedente Manual do Usuário (versão 2) ÍNDICE Parte I Cadastro de Sacado... 1 Parte II Emissão de Títulos... 1 Emitindo título com registro... 2 Emitindo título sem registro... 3

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. - INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Volpe Enterprise Resource Planning

Volpe Enterprise Resource Planning Volpe Enterprise Resource Planning Este manual não pode, em parte ou no seu todo, ser copiado, fotocopiado, reproduzido, traduzido ou reduzido a qualquer mídia eletrônica ou máquina de leitura, sem a expressa

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA

SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA MANUAL BÁSICO PARA ACESSO EXTERNO I N D Í C E 1 - ACESSO AO SISTEMA 2 - NAVEGAÇÃO ENTRE MÓDULOS (Aplicações) 3 - MÓDULOS 4 - BARRA DE FERRAMENTAS / TECLAS DE FUNCÃO E NAVEGAÇÃO

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 1 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA Documento de Arrecadação Estadual DAE Manual do Usuário Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 66.053-000 Av. Visconde de Souza Franco, 110 Reduto Belém PA Tel.:(091)

Leia mais

Quinta Lista de Exercícios -

Quinta Lista de Exercícios - INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO COORDENADORIA DE INFORMÁTICA LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO Quinta Lista de Exercícios - INSTRUÇÕES: 1) Nesta lista de exercícios, vamos nos preocupar em implementar o comportamento

Leia mais

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO. 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO. 08 5 PROTOCOLO PENDENTE. 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO.

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO. 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO. 08 5 PROTOCOLO PENDENTE. 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO. ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 04 2 ACESSO... 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO... 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO... 08 5 PROTOCOLO PENDENTE... 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO... 11 7 ANDAMENTO DE PROTOCOLO... 12 8 RELATÓRIOS,

Leia mais

A seguir falaremos sobre os campos que deverão ser preenchidos no Shop Control 8.

A seguir falaremos sobre os campos que deverão ser preenchidos no Shop Control 8. Nota Fiscal Eletrônica Este módulo permite a integração do Shop Control 8 com o site da Secretaria da Fazenda dos Estados e Receita Federal para emitir a Nota Fiscal Eletrônica (NFe) : Este módulo é exclusivo

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura Ministério da Cultura MANUAL DO PROPONENTE: PROPOSTAS VERSÃO 1.1 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 10/11/2011 1.0 Criação do documento. Aline Oliveira - MINC 07/01/2013 1.1 Atualização do

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. 1. Descrição Geral Este manual descreve as operações disponíveis no módulo VTWEB Client, cuja finalidade é gerenciar cadastros de funcionários, realização de pedidos e controle financeiro dos pedidos.

Leia mais

Módulo Consulta de Contribuinte Internet

Módulo Consulta de Contribuinte Internet SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DA RECEITA Módulo Consulta de Contribuinte Internet ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO GERAL... 3 2 INTRODUÇÃO AO MÓDULO CONSULTA DE CONTRIBUINTE... 3 2.1 SEGURANÇA... 3 2.2 BOTÕES...

Leia mais

Para impressão dessas etiquetas, acesse o menu Movimentos opção Etiquetas de Produto. A tela que se abre está ilustrada abaixo:

Para impressão dessas etiquetas, acesse o menu Movimentos opção Etiquetas de Produto. A tela que se abre está ilustrada abaixo: Introdução Este documento oferece uma visão geral sobre emissão de etiquetas nos produtos: Bematech Loja light, Bematech Loja Practico e Bematech Combustível. Este documento compreende a emissão de etiquetas

Leia mais

SOS Sistema de Ordem de Serviço SOS SISTEMA DE ORDEM DE SERVIÇO MANUAL DO USUÁRIO. SC Software www.scsoftware.weebly.com

SOS Sistema de Ordem de Serviço SOS SISTEMA DE ORDEM DE SERVIÇO MANUAL DO USUÁRIO. SC Software www.scsoftware.weebly.com SOS SISTEMA DE ORDEM DE SERVIÇO MANUAL DO USUÁRIO INTRODUÇÃO SOS Sistema de Ordem de Serviço Este manual tem por objetivo demonstrar como utilizar o módulo de ordem de serviço no sistema SOS. Com ele você

Leia mais

MÓDULO CLIENTE 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4

MÓDULO CLIENTE 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4 MÓDULO CLIENTE Conteúdo 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4 2.2 HOME 4 2.3 A VALECARD 5 2.4 PRODUTOS 6 2.5 REDE CREDENCIADA 7 2.6 ROTA 9 2.7 CONTATO 9 3. EMPRESAS 11 3.1. ACESSO

Leia mais

Manual do Usuário SUMÁRIO

Manual do Usuário SUMÁRIO SUMÁRIO VISUAL LIVRO CAIXA 1. Noções Gerais 1.1. Objetivo... 03 1.2. Sistema com Fundamento Legal Atualizado...03 1.3. Assistência Técnica... 03 1.3.1. Suporte Técnico... 03 1.3.2. Office Service... 03

Leia mais

WEB COLABORADOR. Envio e Recebimento de arquivos de consignação

WEB COLABORADOR. Envio e Recebimento de arquivos de consignação TUTORIAL Envio e Recebimento de arquivos de consignação Para acessar o Web Colaborador e transferir arquivos de consignação, entre com os dados de CNPJ, usuário e senha, nos campos correspondentes. Regras

Leia mais

MANUAL ZEDIT 32 Índice:

MANUAL ZEDIT 32 Índice: MANUAL ZEDIT 32 Índice: Configuração Painel -------------------------------------------------------------------- 02 à 04 Criar Novo modelo Painel -------------------------------------------------------------

Leia mais

Principais Característic

Principais Característic Principais Característic Características as Software para agendamento e controle de consultas e cadastros de pacientes. Oferece ainda, geração de etiquetas, modelos de correspondência e de cartões. Quando

Leia mais

Passo a Passo do Cadastro Empresas no SIGLA Digital

Passo a Passo do Cadastro Empresas no SIGLA Digital Página 1 de 7 Passo a Passo do Cadastro Empresas no SIGLA Digital O cadastro de Empresas permite cadastrar quais empresas estarão configuradas para utilizar o SIGLA Digital. Caso necessário cadastrar uma

Leia mais

Manual Contas a Pagar

Manual Contas a Pagar Manual Contas a Pagar Prezado Cliente, Este é o material de apoio aos usuários e implantadores do SOFTLAND COMERCIAL, o seu sistema integrado de gestão empresarial. O bom uso deste manual o habilitará

Leia mais

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas 2014 V.1.0 SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Contas Médicas SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Módulos CONTAS MÉDICAS Capa

Leia mais

Manual de usuário da TDI 3 PANASONIC TDE/NCP e NS1000

Manual de usuário da TDI 3 PANASONIC TDE/NCP e NS1000 Manual de usuário da TDI 3 PANASONIC TDE/NCP e NS1000 2013 Innova Soluções Tecnológicas Este documento contém 17 páginas. Elaborado por: Innova Tecnologia de Soluções. Liberado em Dezembro de 2013. Impresso

Leia mais

FUTURA SISTEMAS. Futura Mobile. www.futurasistemas.com.br

FUTURA SISTEMAS. Futura Mobile. www.futurasistemas.com.br FUTURA SISTEMAS Futura Mobile APRESENTAÇÃO O Futura Mobile é o sistema denominado como Força de Vendas onde o usuário executará as vendas a partir de Tablets e Smartphones. Foi desenvolvido para a plataforma

Leia mais