Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev)"

Transcrição

1 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev) Versão 3 Universidade de Brasília 21/05/2015

2

3 Sumário 1 Introdução 1 2 Arquitetura Servidores e serviços Gestão de configuração Implantação Preparação da estação de trabalho Obtendo o repositório de configuração Preparação dos servidores Configuração do ambiente alvo Configuração do DNS Verificando o ambiente Primeira instalação Manutenção Mantendo o sistema atualizado Modificando configurações Backup Procedimento de backup Procedimento de restauração Gestão do Firewall Firewall Interno Comunicação externa i

4 ii

5 CAPÍTULO 1 Introdução Bem-vindo a documentação do Portal do Software Público Brasileiro. O Portal do Software Público Brasileiro (SPB) é uma plataforma de compartilhamento e colaboração no desenvolvimento de softwares. O projeto de evolução deste portal está sendo desenvolvido pela Universidade de Brasília. O SPB é composto de um conjunto de ferramentas com funcionalidades complementares, que são desenvolvidas de forma independentes pelas suas respectivas comunidades. Estas ferramentas estão sendo integradas pela nossa equipe de forma a apresentar uma experiência de usuário consistente. O Colab é uma ferramenta especializada na integração de outras ferramentas. O Colab fornece um ponto central de autenticação de usuários para as demais ferramentas da plataforma, indexa informações das demais ferramentas para busca e gamificação, e fornece integração visual entre as diferentes ferramentas que compõem o SOB. O Colab é um software livre criado no Brasil, que teve sua origem no Programa Interlegis do Senado Federal. O Noosfero é uma plataforma para criação de redes sociais que conta com diversas funcionalidades de gestão de conteúdo como blogs, galeria de imagens e vídeos, entre outros. O Noosfero também é um software livre criado no Brasil, iniciado em 2007 pela COLIVRE e que hoje conta com uma comunidade de desenvolvimento que inclui o SERPRO, a Universidade de Brasília e o Fórum Brasileiro de Economia Solidária. O Gitlab é uma plataforma para desenvolvimento colaborativo. Projetos no gitlab são mantidos em repositorios git, com gestão de tarefas (issue tracker), merge requests, gestão de marcos (milestones), suporte a integração com plataformas de integração contínua e notificações. O GNU Mailman é uma gerenciador de listas de tradicionalmente usado por diversas organizações no Brasil e no mundo. O restando deste manual descreve a arquitetura do SPB bem como os procedimentos necessários para sua implantação, manutenção, backup e restauração e gestão de firewall. 1

6 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev), Versão 3 2 Capítulo 1. Introdução

7 CAPÍTULO 2 Arquitetura A arquitetura do SPB consiste em 5 servidores, representados na figura a seguir. 2.1 Servidores e serviços Esta seção é um trabalho em andamento. Ela cobrirá: descrever arquitetura descrever papel de cada máquina descrever conexões 3

8 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev), Versão Gestão de configuração Esta seção é um trabalho em andamento. Ela cobrirá: adicionar links com o repositório de gestão de configuração descrever repositório de gestão de configuração descrever como o chake funciona 4 Capítulo 2. Arquitetura

9 CAPÍTULO 3 Implantação 3.1 Preparação da estação de trabalho Para gerenciar o SPB, é necessária uma estação de trabalho GNU/Linux, que pode ser Debian 8 ou posterior, Ubuntu ou superior, ou CentOS 7 ou superior (e equivalentes como RHEL 7 ou superior, ou Fedora). O processo também pode ser feito em outros sistemas, desde que os pacotes equivalentes estejam instalados. As seguintes ferramentas serão necessárias: git: ferramenta de controle de versão. chake: ferramenta de gestão de configuração. Para instalar em Debian/Ubuntu: $ sudo apt-get install git ruby $ sudo gem install chake Para instalar em CentOS/RHEL/Fedora: $ sudo yum install git ruby $ sudo gem install chake Além dessas ferramentas, será necessário um emulador de terminal. O emulador de terminal padrão do seu ambiente de trabalho, ou qualquer outro, vai servir. 3.2 Obtendo o repositório de configuração Para iniciar, é necessário uma conta e usuário no SPB, com uma chave SSH configurada. Para obter o repositório de configuração, é necessário clonar o repositório com git: $ git clone A partir daqui, todos os passos serão executados de dentro do repositório, então se certifique que o seu shell está no diretório onde foi clonado o repositório: $ cd softwarepublico/ 5

10 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev), Versão Preparação dos servidores Os servidores precisam estar acessíveis por SSH. Caso necessário, podem ser feitas configurações do SSH em config/dev/ssh_config para isso. O usuário que vai conectar via SSH nos servidores precisa: * ter acesso SSH configurado via chave SSH para evitar digitar senha. * ter permissão de usar sudo sem a necessidade de digitar senha. 3.4 Configuração do ambiente alvo O SPB tem o conceito de ambientes, que são diferentes instalações da mesma plataforma. Todas as informações específicas sobre um determinado ambiente estão centralizadas em arquivos dentro do diretório config/${ambiente}/. Por exemplo, o ambiente local, que se destina ao uso para desenvolvimento local com máquinas virtuais, possui o seguinte conteúdo: $ find config/local/ sort config/local/config.yaml config/local/ips.yaml config/local/ssh_config Estes arquivos possuem a seguinte finalidade: config.yaml: Parâmetros gerais de configuração ips.yaml: Tabela de IP s (na rede local) das máquinas que compõem o ambiente. ssh_config: Configuração necessária para o SSH. Pode ser um arquivo caso não seja necessária nenhuma configuração especial para acessar as máquinas (e.g. se você está na mesma rede local que elas. Vamos agora verificar o conteúdo de cada arquivo no ambiente dev. Primeiro, config.yaml: admins: - ["Paulo Meirelles", external_hostname: dev.softwarepublico.gov.br external_ip: site_url: https://dev.softwarepublico.gov.br colab_from_address: '"Portal do Software Publico (dev)" server_ '"Portal do Software Publico (dev)" _subject_prefix: '[spb dev]' lists_hostname: listas.dev.softwarepublico.gov.br lists_admin: relay_hostname: relay.dev.softwarepublico.gov.br from_address: relay_hostname: relay.dev.softwarepublico.gov.br relay_ip: external_outgoing_mail_relay: Para nossa sorte, o significado de cada um dos campo acima deve ser autoexplicativo. O arquivo ips.yaml contém uma tabela com os endereços IP de cada servidor da plataforma na rede local. Exemplo: reverseproxy: database: social: integration: Já o arquivo ssh_config contém opções padrão de configuração do ssh para conexão às máquinas: 6 Capítulo 3. Implantação

11 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev), Versão 3 Host * ForwardAgent yes Host reverseproxy Hostname User spb Host database Hostname User spb # connect via reverseproxy host ProxyCommand ssh nc %h %p Host social Hostname User spb # connect via reverseproxy host ProxyCommand ssh nc %h %p Host Hostname User spb # connect via reverseproxy host ProxyCommand ssh nc %h %p Host integration Hostname User spb # connect via reverseproxy host ProxyCommand ssh nc %h %p 3.5 Configuração do DNS A tabela a seguir foi gerada dinamicamente a partir da configuração do ambiente dev. As seguintes entradas precisam ser configuradas no DNS: Tipo Entrada Aponta para A dev.softwarepublico.gov.br A listas.dev.softwarepublico.gov.br A relay.dev.softwarepublico.gov.br Tipo Entrada Aponta para MX dev.softwarepublico.gov.br relay.dev.softwarepublico.gov.br. MX listas.dev.softwarepublico.gov.br relay.dev.softwarepublico.gov.br. Tipo Entrada Aponta para PTR dev.softwarepublico.gov.br. PTR relay.dev.softwarepublico.gov.br. 3.6 Verificando o ambiente Para listar as máquinas do ambiente: 3.5. Configuração do DNS 7

12 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev), Versão 3 $ rake nodes SPB_ENV=dev O comando acima deve dar o seguinte resultado: integration social database reverseproxy ssh ssh ssh ssh ssh Note que todas as vezes que formos chamar rake, será preciso informar sobre qual ambiente desejamos operar (SPB_ENV=dev). Caso você for operar sobre apenas um ambiente, ou caso você queira evitar digitação, você pode criar um arquivo local.rake na raiz do repositório com o seguinte conteúdo: ENV['SPB_ENV'] = 'dev' Isto fará com que o valor e SPB_ENV seja sempre dev, a não ser que você informe na linha de comando. Daqui para frente, vamos sempre exibir o parâmetro SPB_ENV=dev, mas lembre-se que ele pode ser omitido se você tiver configurado o default em local.rake. Para testar a conectividade às máquinas, podemos executar um comando nelas: $ rake nodes SPB_ENV=dev $ <PROMPT PARA VOCÊ DIGITAR> No prompt, entre um comando simples como sudo date. O resultado deve ser parecido com o seguinte: $ rake run $ sudo date integration: $ sudo date integration: Qui Mai 14 18:59:19 BRT $ sudo date Qui Mai 14 18:59:22 BRT 2015 social: $ sudo date social: Qui Mai 14 18:59:24 BRT 2015 database: $ sudo date database: Qui Mai 14 18:59:27 BRT 2015 reverseproxy: $ sudo date reverseproxy: Qui Mai 14 18:59:28 BRT 2015 Se o resultado se parece com o exemplo acima, e você não precisou digitar a sua senha nehuma vez, significa que 1) você conseguiu conectar em todas as máquinas e 2) o sudo sem senha está configurado corretamente. Está tudo certo para começar! 3.7 Primeira instalação Uma vez configurados os parâmetros em config/dev/, podemos dar início à instalação. O primeiro passo é uma preconfiguração que precisamos fazer: $ rake preconfig SPB_ENV=dev Este comando vai fazer uma configuração inicial que é necessária para o resto do processo, e só é necessária fazer uma vez. Depois de completo o procedimento acima, para aplicar as configurações a todos os servidores basta executar: 8 Capítulo 3. Implantação

13 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev), Versão 3 $ rake converge SPB_ENV=dev O comando converge na verdade é o default, então o seguinte é equivalente: $ rake SPB_ENV=dev Se você tiver configurado o ambiente dev no local.rake (ver instruções acima), então o comando seguinte, também equivalente, é muito mais simples: $ rake Todas as possibilidades de comandos serão listados se você executar rake -T. Consulte também a documentação do chake Primeira instalação 9

14 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev), Versão 3 10 Capítulo 3. Implantação

15 CAPÍTULO 4 Manutenção 4.1 Mantendo o sistema atualizado Esta seção é um trabalho em andamento. 4.2 Modificando configurações Esta seção é um trabalho em andamento. 11

16 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev), Versão 3 12 Capítulo 4. Manutenção

17 CAPÍTULO 5 Backup O SPB possui rotinas automatizadas para backup e restore dos dados de todos os seus componentes. As seções a seguir descrevem estas rotinas. Ambos os procedimentos devem ser realizados num shell onde o diretório atual é o repositório de controle de versão do SPB. 5.1 Procedimento de backup Suponha que estamos realizando um backup do ambiente de produção, chamado de prod; o comando para realizar um backup é o seguinte (note SPB_ENV=prod): $ rake backup SPB_ENV=prod Esta operação vai copiar arquivos e dumps dos bancos de dados do Noosfero, GitLab, Colab e Mailman, e copiá-los para um subdiretório chamado backups na sua estação de trabalho. 5.2 Procedimento de restauração Importante: o procedimento de restauração é suportado apenas para uma versão idêntica da plataforma, ou seja, não é suportado fazer um backup de uma versão mais antiga da plataforma e restaurar esse backup numa versão mais recente da plataforma, e nem vice-versa. O comando para restaurar um backup no ambiente dev é o seguinte: $ rake restore SPB_ENV=dev Esta operação vai restaurar o último backup realizado no ambiente chamado dev. Importante: a restauração do backup irá apagar os dados existes no ambiente dev. Confira duas vezes antes de iniciar o procedimento. 13

18 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev), Versão 3 14 Capítulo 5. Backup

19 CAPÍTULO 6 Gestão do Firewall 6.1 Firewall Interno O Portal do Software Público atualmente é composto por diversos serviços funcionando em diferentes servidores. Para o seu correto funcionamento é esperado que estes serviços se comuniquem através de TCP/IP. Os scripts de instalação do Portal do Software Público também cuidam da manutenção das regras de firewall. Cada máquina possui um firewall (iptables) local que por padrão nega todos os tipos de conexão de entrada em todas as portas (INPUT rules) mas permite conexões de saída (OUTPUT rules). Todas as regras de firewall são definidas no cookbook firewall. Para definir regras de comunidacação entre hosts locais, válidas para todos os ambientes (local, produção, homologação, testes, etc) são utilizados templates que podem ser encontrados em cookbooks/firewall/templates/. Para regras de filtro utilize o arquivo iptables-filter.erb e para regras de NAT o arquivo iptables-nat.erb. Para adicionar regras específicas de cada ambiente (por exemplo, abrir uma porta diferente em homologação) utilize o arquivo config/dev/iptables-filter-rules. Este arquivo aceita apenas regras de filtro do tipo INPUT Comunicação Entre Serviços Os serviços que compõe o portal e suas portas de entrada são descritos na tabela a seguir: Destino Origem Serviço Porta database integration Redis 6379 database integration PostgreSQL 5432 database social PostgreSQL 5432 social reverseproxy Nginx 80 social reverseproxy Nginx 443 integration reverseproxy Nginx 80 integration reverseproxy Nginx 443 externa Postfix 25 reverseproxy externa Nginx 80 reverseproxy externa Nginx 443 reverseproxy externa OpenSSH (git) 22 15

20 Software Público Brasileiro: Manual de Operação (dev), Versão Comunicação externa Destino Serviço Porta Postfix 25 reverseproxy Nginx 80 reverseproxy Nginx 443 reverseproxy OpenSSH (git) 22 Outros firewalls da rede: Além do firewall local é importante que os serviços com origem externa tenham suas portas de INPUT abertas em todos os firewalls da rede. No caso do host a porta 25 também deve estar aberta para OUTPUT (alternativamente o Postfix pode ser configurado para enviar s utilizando um relay interno). 16 Capítulo 6. Gestão do Firewall

Software Público Brasileiro: Manual de Operação (prod)

Software Público Brasileiro: Manual de Operação (prod) Software Público Brasileiro: Manual de Operação (prod) Versão 3 Universidade de Brasília 11/06/2015 Sumário 1 Introdução 1 2 Arquitetura 3 2.1 Servidores e serviços...........................................

Leia mais

Documentação - Software Público Brasileiro (SPB)

Documentação - Software Público Brasileiro (SPB) Documentação - Software Público Brasileiro (SPB) Versão 2.0 Universidade de Brasília 09/11/2014 Sumário 1 Introdução 1 2 Conteúdos 3 2.1 Instalação................................................. 3 2.2

Leia mais

MANUAL DE ADMINISTRAÇÃO DO SOFTWARE E COMUNIDADES DO PORTAL DO SOFTWARE PÚBLICO BRASILEIRO. Em construção

MANUAL DE ADMINISTRAÇÃO DO SOFTWARE E COMUNIDADES DO PORTAL DO SOFTWARE PÚBLICO BRASILEIRO. Em construção MANUAL DE ADMINISTRAÇÃO DO SOFTWARE E COMUNIDADES DO PORTAL DO SOFTWARE PÚBLICO BRASILEIRO Em construção Índice 1. Introdução 2. Cadastrar e Logar no Portal 3. Plataforma de redes Sociais Noosfero 3.1.

Leia mais

Sistema Operacional Unidade 12 Comandos de Rede e Acesso Remoto

Sistema Operacional Unidade 12 Comandos de Rede e Acesso Remoto Sistema Operacional Unidade 12 Comandos de Rede e Acesso Remoto Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 Protocolo de rede... 3 Protocolo TCP/IP... 3 Máscara de sub-rede... 3 Hostname... 3

Leia mais

Introdução ao Sistema. Características

Introdução ao Sistema. Características Introdução ao Sistema O sistema Provinha Brasil foi desenvolvido com o intuito de cadastrar as resposta da avaliação que é sugerida pelo MEC e que possui o mesmo nome do sistema. Após a digitação, os dados

Leia mais

Manual de Instalação. Instalação via apt-get. SIGA-ADM versão 12.02

Manual de Instalação. Instalação via apt-get. SIGA-ADM versão 12.02 Manual de Instalação Instalação via apt-get SIGA-ADM versão 12.02 Índice de capítulos 1 - Pré-requisitos para instalação..................................................... 05 2 - Instalando o SIGA-ADM..............................................................

Leia mais

COMPARTILHAMENTO DO DISCO E PERMISSÕES DE REDE PÚBLICAS E DE GRUPOS DE TRABALHO.

COMPARTILHAMENTO DO DISCO E PERMISSÕES DE REDE PÚBLICAS E DE GRUPOS DE TRABALHO. COMPARTILHAMENTO DO DISCO E PERMISSÕES DE REDE PÚBLICAS E DE GRUPOS DE TRABALHO. 1. Compartilhar a máquina servidor clicando com o botão direito do mouse em disco local e no menu de contexto não pção Propriedades.

Leia mais

Manual de Instalação PIMSConnector em Windows

Manual de Instalação PIMSConnector em Windows Manual de Instalação PIMSConnector em Windows Julho/2015 Sumário 1. Contexto de negócio (Introdução)... 3 2. Pré-requisitos instalação/implantação/utilização... 4 3. JBOSS... 6 3.1. Instalação... 6 3.2.

Leia mais

Sistema de Atendimento v1.3 Manual de Instalação v1.0

Sistema de Atendimento v1.3 Manual de Instalação v1.0 Sistema de Atendimento v1.3 Manual de Instalação v1.0 Brasília, 29 de junho de 2010 Sumário Licença deste Documento...3 Introdução ao Sistema de Atendimento...4 Características e módulos...4 Arquitetura...5

Leia mais

Sistema Operacional Unidade 13 Servidor Samba. QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática

Sistema Operacional Unidade 13 Servidor Samba. QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática Sistema Operacional Unidade 13 Servidor Samba Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 INSTALANDO O SAMBA... 3 Verificando a versão... 3 Criando uma cópia do servidor samba original... 3 COMPARTILHAMENTOS

Leia mais

Manual de Instalação e Configuração do SQL Express

Manual de Instalação e Configuração do SQL Express Manual de Instalação e Configuração do SQL Express Data alteração: 19/07/11 Pré Requisitos: Acesse o seguinte endereço e faça o download gratuito do SQL SRVER EXPRESS, conforme a sua plataforma x32 ou

Leia mais

Como Instalar Programas no GNU/Linux. Elexsandro Rangel dos Santos elexsandro.rangel@yahoo.com.br

Como Instalar Programas no GNU/Linux. Elexsandro Rangel dos Santos elexsandro.rangel@yahoo.com.br Como Instalar Programas no GNU/Linux Elexsandro Rangel dos Santos elexsandro.rangel@yahoo.com.br Sumário O que é um pacote? Principais formatos de pacotes no GNU/Linux Sistema de Gerenciamento de Pacotes

Leia mais

Guia do laboratório de teste: Configure o SharePoint Server 2010 como um Servidor Único com o Microsoft SQL Server

Guia do laboratório de teste: Configure o SharePoint Server 2010 como um Servidor Único com o Microsoft SQL Server Guia do laboratório de teste: Configure o SharePoint Server 2010 como um Servidor Único com o Microsoft SQL Server Este documento é fornecido no estado em que se encontra. As informações e exibições expressas

Leia mais

Instalação e personalização do Debian Etch para servidores LDAP e Shibboleth.

Instalação e personalização do Debian Etch para servidores LDAP e Shibboleth. Instalação e personalização do Debian Etch para servidores LDAP e Shibboleth. Éverton Foscarini, Leandro Rey, Francisco Fialho, Carolina Nogueira 1 Universidade Federal do Rio Grande do Sul Centro de Processamento

Leia mais

V ENSOL. Construindo Firewalls Redundantes em Ambientes GNU/Linux Segurança e Alta Disponibilidade. Jansen Sena. Julho, 2011. João Pessoa, PB.

V ENSOL. Construindo Firewalls Redundantes em Ambientes GNU/Linux Segurança e Alta Disponibilidade. Jansen Sena. Julho, 2011. João Pessoa, PB. V ENSOL Construindo Firewalls Redundantes em Ambientes GNU/Linux Segurança e Alta Disponibilidade Jansen Sena Julho, 2011. João Pessoa, PB. Sobre o palestrante Formação acadêmica e técnica Segurança de

Leia mais

Manual de Instalação e Configuração do Sistema Cali LAB View

Manual de Instalação e Configuração do Sistema Cali LAB View Manual de Instalação e Configuração do Sistema Cali LAB View www.cali.com.br - Manual de Instalação e Configuração do Sistema Cali LAB View - Página 1 de 29 Índice INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO (FIREBIRD E

Leia mais

Controlando o tráfego de saída no firewall Netdeep

Controlando o tráfego de saída no firewall Netdeep Controlando o tráfego de saída no firewall Netdeep 1. Introdução Firewall é um quesito de segurança com cada vez mais importância no mundo da computação. À medida que o uso de informações e sistemas é

Leia mais

Manual de Utilização do TOTVS Restore

Manual de Utilização do TOTVS Restore Manual de Utilização do TOTVS Restore Atualização de Ambientes RM O TOTVS Restore é uma ferramenta desenvolvida pela equipe de Engenharia de Software do CD-BH com o intuito de permitir a criação e atualização

Leia mais

Manual de Instalação. Instalação via apt-get

Manual de Instalação. Instalação via apt-get Manual de Instalação Instalação via apt-get Índice de capítulos 1 - Pré-requisitos para instalação......................................... 01 2 - Instalando o SIGA-ADM.................................................

Leia mais

Manual de Instalação PIMSConnector em Linux

Manual de Instalação PIMSConnector em Linux Manual de Instalação PIMSConnector em Linux Julho/2015 Sumário 1. Contexto de negócio (Introdução)... 3 2. Pré-requisitos instalação/implantação/utilização... 4 3. JBOSS... 6 3.1. Instalação... 6 3.2.

Leia mais

WebZine Manager. Documento de Projeto Lógico de Rede

WebZine Manager. Documento de Projeto Lógico de Rede WebZine Manager Documento de Projeto Lógico de Rede Versão:1.0 Data: 10 de Setembro de 2012 Identificador do documento: WebZine Manager Versão do Template Utilizada na Confecção: 1.0 Localização: SoftSolut,

Leia mais

Sistema Operacional Unidade 8.2 Instalação de aplicativos. QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática

Sistema Operacional Unidade 8.2 Instalação de aplicativos. QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática Sistema Operacional Unidade 8.2 Instalação de aplicativos Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 GERENCIAMENTO DE PACOTES DEBIAN... 3 #apt-get... 3 #apt-get update... 3 #apt-get upgrade...

Leia mais

Seu manual do usuário XEROX 6279 http://pt.yourpdfguides.com/dref/5579951

Seu manual do usuário XEROX 6279 http://pt.yourpdfguides.com/dref/5579951 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para XEROX 6279. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a XEROX 6279 no manual

Leia mais

LABORATÓRIO XII. PORTSCAN & FOOTPRINTING Documento versão 0.1. Paulo Henrique Moreira Gurgel #5634135

LABORATÓRIO XII. PORTSCAN & FOOTPRINTING Documento versão 0.1. Paulo Henrique Moreira Gurgel #5634135 LABORATÓRIO XII PORTSCAN & FOOTPRINTING Documento versão 0.1 Paulo Henrique Moreira Gurgel #5634135 Orientado pela Professora Kalinka Regina Lucas Jaquie Castelo Branco Outubro / 2012 Laboratório XII Footprinting

Leia mais

Manual. Configuração do. Samba. Compartilhamento e Servidor Samba Linux. Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre

Manual. Configuração do. Samba. Compartilhamento e Servidor Samba Linux. Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração do Samba Compartilhamento e Servidor Samba Linux Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração do Samba Compartilhamento e Servidor Samba

Leia mais

Instalação do serviço de FTP com o Proftpd

Instalação do serviço de FTP com o Proftpd Tutorial - Proftpd Instalação do serviço de FTP com o Proftpd O Proftpd é um dos mais utilizados servidores de FTP da plataforma Linux. Sua instalação é rápida e fácil. Para instalar o pacote, digite o

Leia mais

Manual de Instalação. Instalação via apt-get

Manual de Instalação. Instalação via apt-get Manual de Instalação Instalação via apt-get Projeto SIGA-EPT Manual de Instalação Instalação via apt-get SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO ACADÊMICA Versão outubro/2010 Sumário 1 Introdução 2 2 Pré-requisitos

Leia mais

NAT com firewall - simples, rápido e funcional

NAT com firewall - simples, rápido e funcional NAT com firewall - simples, rápido e funcional Todo administrador de redes aprende logo que uma das coisas mais importantes para qualquer rede é um bom firewall. Embora existam muitos mitos em torno disto,

Leia mais

FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU - BRASIL REGULAMENTO DO PROCESSO SELETIVO Nº 42.15

FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU - BRASIL REGULAMENTO DO PROCESSO SELETIVO Nº 42.15 REGULAMENTO DO PROCESSO SELETIVO Nº 42.15 A FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU BRASIL (FPTI-BR) torna público que serão recebidas as inscrições para o Processo Seletivo nº 42.15 sob contratação em regime

Leia mais

Você pode testar se está tudo OK, abrindo um navegador no Debian Linux e acessando qualquer site.

Você pode testar se está tudo OK, abrindo um navegador no Debian Linux e acessando qualquer site. Você pode testar se está tudo OK, abrindo um navegador no Debian Linux e acessando qualquer site. Foi necessário configurar esse segundo adaptador, porque talvez seja necessário fazer o download de alguma

Leia mais

Orquestrando Docker Containers

Orquestrando Docker Containers Orquestrando Docker Containers Machine, Swarm e Compose Roberto G. Hashioka - @rhashioka 2015-06-10 São Paulo/SP! Informações Pessoais Roberto Gandolfo Hashioka @rogaha (Github) e @rhashioka (Twitter)!

Leia mais

PAINEL MANDIC CLOUD. Mandic. Somos Especialistas em Cloud. Manual do Usuário

PAINEL MANDIC CLOUD. Mandic. Somos Especialistas em Cloud. Manual do Usuário Mandic. Somos Especialistas em Cloud. PAINEL MANDIC CLOUD Manual do Usuário 1 BEM-VINDO AO SEU PAINEL DE CONTROLE ESTE MANUAL É DESTINADO AO USO DOS CLIENTES DA MANDIC CLOUD SOLUTIONS COM A CONTRATAÇÃO

Leia mais

Firewall. Qual a utilidade em instalar um firewall pessoal?

Firewall. Qual a utilidade em instalar um firewall pessoal? Firewall Significado: Firewall em português é o mesmo que parede cortafogo, um tipo de parede, utilizada principalmente em prédios, que contém o fogo em casos de incêndio. O firewall da informática faz

Leia mais

Instalando e Configurando o Oracle XE

Instalando e Configurando o Oracle XE Instalando e Configurando o Oracle XE Execute o instalador do Oracle XE (OracleXEUniv.exe) e aguarde enquanto os arquivos de instalação são descompactados; A seguir, clique em Next para iniciar o procedimento;

Leia mais

Guia de Prática. Windows 7 Ubuntu 12.04

Guia de Prática. Windows 7 Ubuntu 12.04 Guia de Prática Windows 7 Ubuntu 12.04 Virtual Box e suas interfaces de rede Temos 04 interfaces de rede Cada interface pode operar nos modos: NÃO CONECTADO, que representa o cabo de rede desconectado.

Leia mais

VMware vcenter Converter TM

VMware vcenter Converter TM VMware vcenter Converter TM Esta pode ser uma ótima ferramenta a ser utilizada durante validação de software de terceiros com a tecnologia NComputing. Vmware Converter é uma ferramenta gratuita que permite

Leia mais

Instalação/Configuração Zentyal 2.2-3 no UBUNTU 10.04 LTS

Instalação/Configuração Zentyal 2.2-3 no UBUNTU 10.04 LTS Instalação/Configuração Zentyal 2.2-3 no UBUNTU 10.04 LTS INSTALAÇÃO Primeiro adicione na sua lista de fontes (/etc/apt/sources.list) este link: deb http://ppa.launchpad.net/zentyal/2.2/ubuntu lucid main

Leia mais

Para funcionamento do Netz, alguns programas devem ser instalados e alguns procedimentos devem ser seguidos. São eles:

Para funcionamento do Netz, alguns programas devem ser instalados e alguns procedimentos devem ser seguidos. São eles: Instalação do Netz Para funcionamento do Netz, alguns programas devem ser instalados e alguns procedimentos devem ser seguidos. São eles: Instalação do Java SE 6, que pode ser instalado através da JDK.

Leia mais

Manual do Usuário. Instalação via Terminal. SIGA-ADM versão 12.06

Manual do Usuário. Instalação via Terminal. SIGA-ADM versão 12.06 Manual do Usuário Instalação via Terminal SIGA-ADM versão 12.06 Projeto SIGA-EPT Manual do Usuário Instalação via Terminal Introdução Este manual objetiva explicitar os procedimentos e ferramentas necessárias

Leia mais

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial 2 1. O Sistema PrinterTux O Printertux é um sistema para gerenciamento e controle de impressões. O Produto consiste em uma interface web onde o administrador efetua o cadastro

Leia mais

Cisco ASA Firewall Guia Prático

Cisco ASA Firewall Guia Prático Cisco ASA Firewall Guia Prático 2014 v1.0 Renato Pesca 1 Sumário 2 Topologia... 3 3 Preparação do Appliance... 3 3.1 Configurações de Rede... 7 3.2 Configurações de Rotas... 8 3.3 Root Básico... 9 3.4

Leia mais

Mandriva Pulse - Especificações e recursos

Mandriva Pulse - Especificações e recursos Mandriva Pulse - Especificações e recursos Mandriva Brasil 2 de abril de 2015 Lista de Tabelas 1 Tabela resumo dos diferenciais do Pulse....................... 9 Lista de Figuras 1 Interface web do Mandriva

Leia mais

CSAU 10.0. Guia: Manual do CSAU 10.0 como implementar e utilizar.

CSAU 10.0. Guia: Manual do CSAU 10.0 como implementar e utilizar. CSAU 10.0 Guia: Manual do CSAU 10.0 como implementar e utilizar. Data do Documento: Janeiro de 2012 Sumário 1. Sobre o manual do CSAU... 3 2. Interface do CSAU 10.0... 4 2.1. Início... 4 2.2. Update...

Leia mais

Projeto Integrador Projeto de Redes de Computadores

Projeto Integrador Projeto de Redes de Computadores Projeto Integrador Projeto de Redes de Computadores IMPLEMENTAÇÃO DO PROTOCOLO 802.1x UTILIZANDO SERVIDOR DE AUTENTICAÇÃO FREERADIUS Aluno: Diego Miranda Figueira Jose Rodrigues de Oliveira Neto Romário

Leia mais

Proxyarp O Shorewall não exige qualquer configuração

Proxyarp O Shorewall não exige qualquer configuração SEGURANÇA Firewall fácil com o Shorewall Domando o fogo, parte 2 Na segunda parte de nosso tutorial de uso do poderoso Shorewall, aprenda a criar um firewall mais complexo e a proteger sua rede com muita

Leia mais

Gerenciando Pacotes *.deb

Gerenciando Pacotes *.deb Gerenciando Pacotes *.deb Debian são programas colocados dentro de um arquivo identificados pela extensão.deb incluindo arquivos necessários para a instalação do programa, um sistemas de listagem/checagem

Leia mais

Trabalhando com banco de dados

Trabalhando com banco de dados Avançado Trabalhando com Aprenda a manipular dados no Excel com a ajuda de outros aplicativos da suíte Office Armazenar e organizar informações são tarefas executadas diariamente por todos nós. Desde o

Leia mais

Manual de Atualização Versão 3.6.4.

Manual de Atualização Versão 3.6.4. Manual de Atualização Versão 3.6.4. Sumário 1. AVISO... 1 2. INTRODUÇÃO... 2 3. PREPARAÇÃO PARA ATUALIZAÇÃO... 3 4. ATUALIZANDO GVCOLLEGE E BASE DE DADOS... 7 5. HABILITANDO NOVAS VERSÕES DO SISTEMA....

Leia mais

Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL...

Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL... Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL...4 Configurações iniciais...5 Arquivo sudoers no Sistema Operacional

Leia mais

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br Sumário 1. Boas vindas... 4 2. Dashboard... 4 3. Cloud... 5 3.1 Servidores... 5 o Contratar Novo Servidor... 5 o Detalhes do Servidor... 9 3.2 Cloud Backup... 13 o Alteração de quota... 13 o Senha do agente...

Leia mais

Instalando e usando o Document Distributor 1

Instalando e usando o Document Distributor 1 Instalando e usando o 1 O é composto por pacotes de software do servidor e do cliente. O pacote do servidor deve ser instalado em um computador Windows NT, Windows 2000 ou Windows XP. O pacote cliente

Leia mais

Requisitos do Sistema

Requisitos do Sistema PJ8D - 017 ProJuris 8 Desktop Requisitos do Sistema PJ8D - 017 P á g i n a 1 Sumario Sumario... 1 Capítulo I - Introdução... 2 1.1 - Objetivo... 2 1.2 - Quem deve ler esse documento... 2 Capítulo II -

Leia mais

Padrões de configuração GIT

Padrões de configuração GIT UNIVERSIDADE CEUMA Padrões de configuração GIT Versão 1.2 12/12/2013 Este é um modelo de configuração para uso da ferramenta GIT adotada no Grupo Ceuma de Educação. Aqui encontram-se os padrões de configuração

Leia mais

MAN001 Atualização Protocolo e Ação Social Versão 2 Cliente: Duralex Sistemas

MAN001 Atualização Protocolo e Ação Social Versão 2 Cliente: Duralex Sistemas MAN001 Atualização Protocolo e Ação Social Versão 2 Autor Data Versão Boby Mayky 18/06/2014 1.0 Diego Hordi 18/06/2014 1.1 1. Objetivo O objetivo deste manual é apresentar as rotinas necessárias para atualização

Leia mais

O que um Servidor Samba faz?

O que um Servidor Samba faz? O que é o Samba? O Samba é um "software servidor" para Linux (e outros sistemas baseados em Unix) que permite o gerenciamento e compartilhamento de recursos em redes formadas por computadores com o Windows

Leia mais

Roteiro 5: Responsabilidades do AD / Gerenciamento de usuários

Roteiro 5: Responsabilidades do AD / Gerenciamento de usuários Roteiro 5: Responsabilidades do AD / Gerenciamento de usuários Objetivos: Detalhar e Definir responsabilidades em controladores de domínio; Configurar propriedades de contas de usuários; Gerenciar perfis

Leia mais

Configuração Definitiva do Samba

Configuração Definitiva do Samba Configuração Definitiva do Samba 1 2 Sumário 1. Vantagens... 5 2. Desvantagem... 5 3. Conclusão Final... 5 4. Vamos botar a mão na massa!... 6 5. Instalação... 6 6. Configuração Parte 1 (Criando os diretórios)...

Leia mais

Procedimentos para utilização do Sistema de Apoio a Gerência Unificada de Informações - SAGUI

Procedimentos para utilização do Sistema de Apoio a Gerência Unificada de Informações - SAGUI Procedimentos para utilização do Sistema de Apoio a Gerência Unificada de Informações - SAGUI Índice 1. - Histórico do Documento...1 2. - Introdução...2 3. - Requisitos...3 4. - Operacionalização do SAGUI...3

Leia mais

Servidor, Proxy e Firewall. Professor Victor Sotero

Servidor, Proxy e Firewall. Professor Victor Sotero Servidor, Proxy e Firewall Professor Victor Sotero 1 Servidor: Conceito Um servidor é um sistema de computação centralizada que fornece serviços a uma rede de computadores; Os computadores que acessam

Leia mais

Procedimentos para Instalação do Sisloc

Procedimentos para Instalação do Sisloc Procedimentos para Instalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Instalação do Sisloc... 3 Passo a passo... 3 3. Instalação da base de dados Sisloc... 16 Passo a passo... 16 4. Instalação

Leia mais

Firewall. Tutorial Firewall em Linux Acadêmicos: Felipe Zottis e Cleber Pivetta

Firewall. Tutorial Firewall em Linux Acadêmicos: Felipe Zottis e Cleber Pivetta Tutorial Firewall em Linux Acadêmicos: Felipe Zottis e Cleber Pivetta Firewall Firewall é um quesito de segurança com cada vez mais importância no mundo da computação. À medida que o uso de informações

Leia mais

GUIA DE INÍCIO RÁPIDO NHS NOBREAK MANAGER 4.0 TOPOLOGIA MÍNIMA DE REDE PARA A INSTALAÇÃO E USO DO SOFTWARE COM GPRS

GUIA DE INÍCIO RÁPIDO NHS NOBREAK MANAGER 4.0 TOPOLOGIA MÍNIMA DE REDE PARA A INSTALAÇÃO E USO DO SOFTWARE COM GPRS GUIA DE INÍCIO RÁPIDO NHS NOBREAK MANAGER 4.0 TOPOLOGIA MÍNIMA DE REDE PARA A INSTALAÇÃO E USO DO SOFTWARE COM GPRS CONFIGURAÇÃO DO GPRS 1. Entre no site da NHS na página de homologação do NHS NOBREAK

Leia mais

Tutorial de instalação do ambiente Ruby, Ruby on Rails e MySQL no Ubuntu 10.04.

Tutorial de instalação do ambiente Ruby, Ruby on Rails e MySQL no Ubuntu 10.04. Tutorial de instalação do ambiente Ruby, Ruby on Rails e MySQL no Ubuntu 10.04. Neste tutorial vamos instalar um ambiente completo para desenvolvimento Ruby, Rails e MySQL no Ubuntu 10.04. É necessário

Leia mais

Instalação do Pentaho BI Server no Ubuntu Server 11.10 ou Superior com OpenJDK

Instalação do Pentaho BI Server no Ubuntu Server 11.10 ou Superior com OpenJDK Este Tutorial é para Ubuntu com versão 11 ou Superior. Para Instalação em Ubuntu 10 leia este outro artigo " Instalação do Pentaho BI Server no Ubuntu Server " - Pentaho BI Server A Pentaho Corporation

Leia mais

Instalação e configuração Linux CentOS 6.x

Instalação e configuração Linux CentOS 6.x Instalação e configuração Linux CentOS 6.x Objetivo: Instalar e configurar o sistema operacional Linux CentOS e efetuar suas configurações iniciais. 1- Abra o Virtuabox e clique em novo, e configure conforme

Leia mais

O projeto Metasploit é um framework que foi criado em 2003 por HD Moore e é uma plataforma que permite a verificação do estado da segurança dos

O projeto Metasploit é um framework que foi criado em 2003 por HD Moore e é uma plataforma que permite a verificação do estado da segurança dos O projeto Metasploit é um framework que foi criado em 2003 por HD Moore e é uma plataforma que permite a verificação do estado da segurança dos computadores existentes numa determinada rede, permitindo

Leia mais

UDPcast Clonagem de HDs via rede utilizando

UDPcast Clonagem de HDs via rede utilizando Manual Clonando Discos com o UDPcast Clonagem de HDs via rede utilizando o UDPCast. Produzido por: Sergio Graças Giany Abreu Desenvolvedores do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Clonando Discos com o UDPcast

Leia mais

SERVIDOR WEB + LOG DE ACESSO LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Responsável: Ana Luíza Cruvinel

SERVIDOR WEB + LOG DE ACESSO LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Responsável: Ana Luíza Cruvinel Versão 2.0 1. INTRODUÇÃO SERVIDOR WEB + LOG DE ACESSO LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Responsável: Ana Luíza Cruvinel Data: 02/12/2014 Logs são muito importantes para a administração segura de sistemas,

Leia mais

Universidade Tuiuti do Paraná Especialização em Redes de Computadores. Módulo LPI Aula 5. Meu Deus do Shell! Porque eu não optei pelo Linux antes?

Universidade Tuiuti do Paraná Especialização em Redes de Computadores. Módulo LPI Aula 5. Meu Deus do Shell! Porque eu não optei pelo Linux antes? Universidade Tuiuti do Paraná Especialização em Redes de Computadores Módulo LPI Aula 5 Meu Deus do Shell! Porque eu não optei pelo Linux antes? 1 [1] NEVES, Júlio César Gerenciamento de Pacotes Por que

Leia mais

Concurso Público. Prova Prática. Tecnólogo em Redes. Técnico Administrativo em Educação 2014. NÃO escreva seu nome ou assine em nenhuma folha da prova

Concurso Público. Prova Prática. Tecnólogo em Redes. Técnico Administrativo em Educação 2014. NÃO escreva seu nome ou assine em nenhuma folha da prova Concurso Público Técnico Administrativo em Educação 2014 Prova Prática Tecnólogo em Redes NÃO escreva seu nome ou assine em nenhuma folha da prova INSTRUÇÕES 1. A duração da prova é de 03 (três) horas.

Leia mais

Instalação rápida do Expresso

Instalação rápida do Expresso Instalação rápida do Expresso 1. Considerações 2. Requisitos básicos para instalação 3. Instalação 4. Configurando o Setup do Expresso 5. Cadastrando usuários 6. Primeiro Acesso no Expresso 7. Desinstalação

Leia mais

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Autor: Alexandre F. Ultrago E-mail: ultrago@hotmail.com 1 Infraestrutura da rede Instalação Ativando o usuário root Instalação do Webmin Acessando o Webmin

Leia mais

LABORATÓRIO V. NAT E FIREWALL Documento versão 0.1. Aluno: Paulo Henrique Moreira Gurgel #5634135

LABORATÓRIO V. NAT E FIREWALL Documento versão 0.1. Aluno: Paulo Henrique Moreira Gurgel #5634135 LABORATÓRIO V NAT E FIREWALL Documento versão 0.1 Aluno: Paulo Henrique Moreira Gurgel #5634135 Orientado pela Professora Kalinka Regina Lucas Jaquie Castelo Branco Julho / 2010 Laboratório V NAT e Firewall

Leia mais

IPTABLES. Helder Nunes Haanunes@gmail.com

IPTABLES. Helder Nunes Haanunes@gmail.com IPTABLES Helder Nunes Haanunes@gmail.com Firewall Hoje em dia uma máquina sem conexão com a internet praticamente tem o mesmo valor que uma máquina de escrever. É certo que os micros precisam se conectar

Leia mais

Manual do Usuário Cyber Square

Manual do Usuário Cyber Square Manual do Usuário Cyber Square Criado dia 27 de março de 2015 as 12:14 Página 1 de 48 Bem-vindo ao Cyber Square Parabéns! Você está utilizando o Cyber Square, o mais avançado sistema para gerenciamento

Leia mais

MAN002 Atualização Saúde e Protocolo Versão 1 Cliente: Duralex Sistemas

MAN002 Atualização Saúde e Protocolo Versão 1 Cliente: Duralex Sistemas MAN002 Atualização Saúde e Protocolo Versão 1 Autor Data Versão Boby Mayky 18/06/2014 1.0 Diego Hordi 18/06/2014 1.1 1. Objetivo O objetivo deste manual é apresentar as rotinas necessárias para atualização

Leia mais

FIREWALL, PROXY & VPN

FIREWALL, PROXY & VPN 1 de 5 Firewall-Proxy D O C U M E N T A Ç Ã O C O M E R C I A L FIREWALL, PROXY & VPN :: MANTENDO O FOCO NO SEU NEGÓCIO :: Se o foco do seu negócio não é tecnologia, instalar e manter por conta própria

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS. Professor Carlos Muniz

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS. Professor Carlos Muniz SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS Se todos os computadores da sua rede doméstica estiverem executando o Windows 7, crie um grupo doméstico Definitivamente, a forma mais

Leia mais

Manual ETHERNET - WIRELESS. Configuração de redes - wireless. Produzido por: Sergio Graças Giany Abreu Desenvolvedores do Projeto GNU/Linux VRlivre

Manual ETHERNET - WIRELESS. Configuração de redes - wireless. Produzido por: Sergio Graças Giany Abreu Desenvolvedores do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração de Rede ETHERNET - WIRELESS Configuração de redes - wireless Produzido por: Sergio Graças Giany Abreu Desenvolvedores do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração de Rede ETHERNET

Leia mais

Passo a Passo da instalação da VPN

Passo a Passo da instalação da VPN Passo a Passo da instalação da VPN Dividiremos este passo a passo em 4 partes: Requisitos básicos e Instalação Configuração do Servidor e obtendo Certificados Configuração do cliente Testes para saber

Leia mais

ATENÇÃO: Este manual foi feito para usuários que tenham conhecimentos de administrador Linux.

ATENÇÃO: Este manual foi feito para usuários que tenham conhecimentos de administrador Linux. INSTALL 2014-08-12 ================================================== Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux ATENÇÃO: Este manual foi feito para usuários que tenham conhecimentos de administrador

Leia mais

Manual de Acesso a Servidores SSH

Manual de Acesso a Servidores SSH UFF - Universidade Federal Fluminense Escola de Engenharia Curso de Engenharia de Telecomunicações Programa de Educação Tutorial Grupo PET-Tele Manual de Acesso a Servidores SSH Autor : Orientador: Vinicius

Leia mais

Projeto Amadeus. Guia de Instalação 00.95.00 Linux

Projeto Amadeus. Guia de Instalação 00.95.00 Linux Projeto Amadeus Guia de Instalação 00.95.00 Linux Agosto 2010 Sumário 1. Introdução...3 2. Pré-Requisitos...4 2.1 Máquina Virtual Java...4 2.1.1 Instalando JDK via apt-get...4 2.1.2 Instalando JDK a partir

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LABORATORIO DE REDE

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LABORATORIO DE REDE FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LABORATORIO DE REDE PROFESSOR: Dinailton Laboratorio De Rede DISCENTES: Helton Klinthon Douglas Silva Dyonathan Rodrigues Laboratório de

Leia mais

Manual. Configuração do. Samba. Compartilhamento e Servidor Samba Linux. Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre

Manual. Configuração do. Samba. Compartilhamento e Servidor Samba Linux. Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração do Samba Compartilhamento e Servidor Samba Linux Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração do Samba Compartilhamento e Servidor Samba

Leia mais

ENDEREÇOS DE REDE PRIVADOS. 10.0.0.0 até 10.255.255.255 172.16.0.0 até 172.31.255.255 192.168.0.0 até 192.168.255.255. Kernel

ENDEREÇOS DE REDE PRIVADOS. 10.0.0.0 até 10.255.255.255 172.16.0.0 até 172.31.255.255 192.168.0.0 até 192.168.255.255. Kernel ENDEREÇOS DE REDE PRIVADOS Foram reservados intervalos de endereços IP para serem utilizados exclusivamente em redes privadas, como é o caso das redes locais e Intranets. Esses endereços não devem ser

Leia mais

TUTORIAL PARA A INSTALAÇÃO EM AMBIENTE DE REDE WINDOWS DO SERVIDOR FIREBIRD

TUTORIAL PARA A INSTALAÇÃO EM AMBIENTE DE REDE WINDOWS DO SERVIDOR FIREBIRD TUTORIAL PARA A INSTALAÇÃO EM AMBIENTE DE REDE WINDOWS DO SERVIDOR FIREBIRD Este tutorial foi preparado com o objetivo de orientar os passos necessários para a instalação do SGBD relacional Firebird, em

Leia mais

Guia de Instalação e Configuração do Noosfero

Guia de Instalação e Configuração do Noosfero Guia de Instalação e Configuração do Noosfero Índice Instalação e Configuração do Noosfero...3 Instalação das dependências principais do Noosfero no Debian 7...3 Instalação do PostFix e SASL...3 Configuração

Leia mais

Manual de Instalação do Sistema Audatex Servidor/ Estação Nova Plataforma. 1 P á g i n a

Manual de Instalação do Sistema Audatex Servidor/ Estação Nova Plataforma. 1 P á g i n a Manual de Instalação do Sistema Audatex Servidor/ Estação Nova Plataforma 1 P á g i n a SUMÁRIO 1. Informações Gerais... 3 1.1. Pré-Requisitos... 3 1.2. Liberações Necessárias... 3 1.3. Perfil Administrador...

Leia mais

Guia de Atualização PROJURIS WEB 4.5. Manual do Técnico Atualização - ProJuris Web 4.5. Manual do Técnico Atualização - ProJuris Web 4.

Guia de Atualização PROJURIS WEB 4.5. Manual do Técnico Atualização - ProJuris Web 4.5. Manual do Técnico Atualização - ProJuris Web 4. Guia de Atualização PROJURIS WEB 4.5 Por: Fabio Pozzebon Soares Página 1 de 11 Sistema ProJuris é um conjunto de componentes 100% Web, nativamente integrados, e que possuem interface com vários idiomas,

Leia mais

Curso de Linux Básico

Curso de Linux Básico Curso de Linux Básico Oficina TecnoJovem Outubro/2013 Instalação de Programas Introdução Pacotes Gerenciamento de Pacotes Exemplos Material baseado na Documentação Ubuntu, disponível na Internet (WIKI)

Leia mais

Maker Planet www.makerplanet.com Manual do Usuário

Maker Planet www.makerplanet.com Manual do Usuário Maker Planet www.makerplanet.com Manual do Usuário Atenção: Este é o rascunho inicial deste documento, visite o Maker Planet.COM (HTTP://www.makerplanet.com/) para obter as atualizações deste documento.

Leia mais

GNU/Linux Debian Servidor DNS

GNU/Linux Debian Servidor DNS GNU/Linux Debian Servidor DNS Neste tutorial, será apresentado a configuração do serviço de rede DNS (Domain Name System) utilizando o sistema operacional GNU/Linux, distribuição Debian 7.5. Antes de começamos

Leia mais

Projeto Integrador Programação para Internet

Projeto Integrador Programação para Internet FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO Projeto Integrador Programação para Internet AYLSON SANTOS EDFRANCIS MARQUES HEVERTHON LUIZ THIAGO SHITINOE AYLSON SANTOS EDFRANCIS MARQUES HEVERTHON

Leia mais

Implementando e Gerenciando Diretivas de Grupo

Implementando e Gerenciando Diretivas de Grupo Implementando e Gerenciando Diretivas de João Medeiros (joao.fatern@gmail.com) 1 / 37 Introdução a diretivas de grupo - GPO Introdução a diretivas de grupo - GPO Introdução a diretivas de grupo Criando

Leia mais

Gerenciamento de Pacotes

Gerenciamento de Pacotes Conteúdo Programático! Sistema de Gerenciamento de Pacotes! Pacotes Debian! Dependências! dpkg! apt! Instalar/remover/Listar! Procurar! Configurar/reconfigurar pacote! Configuração da ferramenta! Instalar/Remover/atualizar!

Leia mais

Manual Técnico BRMA BALANCE

Manual Técnico BRMA BALANCE B R M A B a l a n c e Manual Técnico BRMA BALANCE EMPRESA Atuando no segmento de comunicação de dados desde 1998, a BRconnection vem se destacando por desenvolver e disponibilizar ao mercado a solução

Leia mais

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh.

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh. CIn/UFPE Sistemas de Informação Redes de Computadores Professor: Kelvin Lopes Dias Monitor: Edson Adriano Maravalho Avelar {kld,eama}@cin.ufpe.br Instalando o POSTFIX. Este tutorial irá mostrar como instalar

Leia mais