Quadro Geral dos Pronomes Pessoais

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Quadro Geral dos Pronomes Pessoais"

Transcrição

1 Os pronomes Pessoais indicam quem fala, com quem se fala e de quem se fala. Desempenham na frase funções de sujeito (eu, tu, você, ele, ela, nós, vós, vocês, eles e elas), de complemento direto (me, te, o, a, nos,, os, as) e de complemento indireto (me, te, lhe, nos,, lhes). Alguns mudam de forma quando são precedidos de proposição (mim, ti, si, ele, ela, nós, vocês, vós, eles, elas) ou quando integram a preposição com (comigo, contigo, consigo, conosco, conco). Na conjugação pronominal são utilizadas as formas me, te, se, nos,. Quadro Geral dos s Pessoais Sujeito Complemento Direto Complemento Indireto com Preposições de, por, a com a Preposição com eu me me mim comigo me Reflexo tu te te ti contigo, te você o / a lhe si / você consigo / com você se ele / ela o / a lhe ele /ela / si com ele / com ela / consigo se nós nos nos nós conosco nos vós vós conco vocês vocês conco / com vocês se eles / elas os / as lhes eles / elas com eles / com elas / consigo se

2 s Pessoais com Função de Sujeito Luís Aguilar Eu, tu, você, ele, ela, nós, vós, vocês, eles e elas são pronomes pessoais de sujeito e indicam quem fala, com quem se fala e de quem se fala. eu tu ele, ela, você nós vós eles, elas, vocês O pronome pessoal vós quase não se usa na língua padrão. Exercícios sobre: s pessoais com função de sujeito A1 Frases com pronomes pessoais 1 A1 Frases com pronomes pessoais 2 B1.1

3 s Pessoais com Preposições Sujeito com Preposições de, por, a com a Preposição com eu mim comigo tu ti contigo, você si / você consigo / com você ele / ela ele /ela / si com ele / com ela / consigo nós nós conosco vós vós conco vocês vocês conco / com vocês eles / elas eles / elas com eles / com elas / consigo Exercício sobre s pessoais com preposições A2

4 Luís Aguilar s Pessoais Complemento Direto O Complemento Direto designa a entidade sobre a qual, do ponto de vista semântico, recai a ação enunciada pelo verbo; tradicionalmente diz-se que é quem sofre a ação Sujeito eu tu você ele / ela nós vós vocês eles / elas Complemento Direto me te o / a o / a nos os / as Regras a Ter em Conta na Combinação de Verbos com os s Pessoais de Complemento Direto (o, a, os, as) Os pronomes pessoais de complemento direto o, a, os, as são usados em verbos terminados em vogal ou ditongo oral: Eu vi o espetáculo / Eu vi-o; Manoel de Oliveira celebrou os 104 anos de vida, com alegria. / Manoel de Oliveira celebrou-os, com alegria. Quando o verbo termina em m, ão ou õe, os pronomes pessoais de complemento direto o, a, os, as transformam-se em, no, na, nos, nas: As boas produções artísticas trazemnos muita alegria. Quando o verbo termina em r, s ou z, estas terminações são retiradas e os pronomes de complemento direto o, a, os, as mudam para lo, la, los, las: Um artista tenta convencer os críticos / Um artista tenta convencê-los; É um prazer especial que sente o ator em seduzir o público / É um prazer especial que sente o ator em seduzi-lo. Têm acento agudo ou circunflexo as formas verbais em - ar (convidá-la), - er (trá-la), - az (fá- -la), - ez (fê-lo), - air (subtraí-lo), - uir (construí-lo), - por (compô-lo).

5 s Pessoais Complemento Indireto Complemento indirecto - designa a entidade sobre a qual recai, indirectamente, a ação do sujeito; tradicionalmente diz-se que é quem beneficia com a ação Sujeito eu tu você ele / ela nós vós vocês eles / elas Complemento Indireto me te lhe lhe nos lhes No quadro seguinte apresentam-se as formas resultantes da contração dos pronomes pessoais de complemento direto com os pronomes pessoais de complemento indireto: s Pessoais de Complemento Indireto s Pessoais de Complemento Direto o a os as me mo ma mos mas te to ta tos tas lhe lho lha lhos lhas lhes lho lha lhos lhas Colocação dos s Pessoais de Complemento Direto, de Complemento Indireto e Reflexi Os pronomes pessoais de complemento direto, de complemento indireto e reflexi colocam-se depois do verbo e ligam-se por hífen (Eu visto-me a rigor quando vou à Ópera). Colocam-se antes do verbo: em frases negativas, determinadas geralmente por não, nunca, nada, jamais (Eu nunca encontro os estudantes nos espetáculos / Eu nunca os encontro nos espetáculos), em frases interrogativas (Quem te disse que a coreografia era boa?), em orações com pronomes indefinidos (Todos a viram na ópera.) e em frases com advérbios (Talvez me deixe dormir durante o espetáculo, já o vi!). No condicional simples e no futuro simples, o pronome coloca-se no meio do verbo (Eles fá-lo-iam, se para isso, estivessem motivados, mas o Luís fá-lo-á, pois motivação não lhe falta).

6 Luís Aguilar Há formas pronominais equivalentes mas diferentemente utilizadas em Portugal e no Brasil: Em Portugal diz-se Gostava de ir consigo à ópera, enquanto no Brasil o mesmo propósito expressa-se assim: - Gostava de ir com você à ópera. Tenho uma surpresa para si dizem os portugueses. Os brasileiros preferem dizer: - Tenho uma surpresa para você. Exercício sobre s Pessoais de Complemento Direto e Indireto. A2 Exercício Interativo sobre s pessoais de complemento (direto e ou indireto) A2 Conjugação Pronominal A conjugação pronominal, como o próprio nome indica, é um tipo de conjugação em que as formas verbais se fazem acompanhar de pronomes. Quando a ação expressa pelo verbo recai sobre o mesmo sujeito que a pratica e este e o pronome se encontram na mesma pessoa, pode considerar-se que se trata de uma conjugação pronominal reflexa, a qual se obtém juntando os pronomes me, te, se, nos,, se). São exemplos de verbos reflexos: chamar-se, lavar-se, vestir-se, lembrar-se, suicidar-se, queixar-se, arrepender-se, sentar-se, deitar-se, levantar-se (Eu sento-me sempre na primeira fila; O milionário alemão suicidou-se quando perdeu a sua fortuna na bolsa). A conjugação pronominal recíproca acontece quando a ação de cada um dos sujeitos recai sobre ambos, utilizando-se os verbos apenas no plural com os pronomes nos, e se (Eles magoaram-se uns aos outros / O João e a Maria enganaram-se um ao outro). Quando o verbo termina em mos, seguido de nos, retira-se, sempre a terminação s: Nós encontramo-nos à porta do teatro; Nós vimo-nos todos os dias. Às vezes empregam-se as formas reflexas da 3.ª pessoa do singular, em construções em tudo semelhantes ao uso do on francês: Ici on parle français! Aqui fala-se francês. Algumas imagens que ilustram esse tipo de construção:

7 A norma culta brasileira opõe-se à simplificação dos processos de colocação dos pronomes pessoais de complemento direto e indireto e reflexi, tantas vezes alvo de má utilização nos dois lados do oceano. Eis o que saiu da pena de Machado de Assis, o grande autor clássico brasileiro, ícone da língua portuguesa no Brasil: Que me conste, ainda ninguém relatou o seu próprio delírio; faço-o eu, e a ciência mo agradecerá A vida estrebuchava-me no peito, com uns ímpetos de vaga marinha, esvaía-se-me a consciência, eu descia à imobilidade física e moral, e o corpo fazia-se-me planta, e pedra, e lodo, e coisa nenhuma. Machado de Assis In Memórias Póstumas de Brás Cubas Luís Aguilar Manual de Português ComunicAtivo / Todos os Direitos Reservados

Núcleo de Educação a Distância 1 UVAONLINE. Comunicação Oral e Escrita. Unidade 11. Emprego de Pronomes Relativos e Pessoais

Núcleo de Educação a Distância 1 UVAONLINE. Comunicação Oral e Escrita. Unidade 11. Emprego de Pronomes Relativos e Pessoais Núcleo de Educação a Distância 1 UVAONLINE Comunicação Oral e Escrita Unidade 11 Emprego de Pronomes Relativos e Pessoais Núcleo de Educação a Distância 2 Aviso importante! Este material foi produzido

Leia mais

Pessoais Do caso reto Oblíquo. Possessivos. Demonstrativos. Relativos. Indefinidos. Interrogativos

Pessoais Do caso reto Oblíquo. Possessivos. Demonstrativos. Relativos. Indefinidos. Interrogativos Pessoais Do caso reto Oblíquo Possessivos Demonstrativos Relativos Indefinidos Interrogativos Os pronomes is indicam diretamente as s do discurso. Quem fala ou escreve, assume os pronomes eu ou nós, emprega

Leia mais

Aula 05. Locução Adjetiva = expressão que tem a mesma função: qualificar o substantivo.

Aula 05. Locução Adjetiva = expressão que tem a mesma função: qualificar o substantivo. RESUMÃO 2º SIMULADO DE PORTUGUÊS Aula 05 Adjetivo e suas flexões Adjetivo = palavra que qualifica o substantivo. Locução Adjetiva = expressão que tem a mesma função: qualificar o substantivo. Os adjetivos

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ÍNDICE Pronomes...2 Pronomes Pessoais...2 Pronomes de Tratamento...3 Pronomes Possessivos...3 Pronomes Demonstrativos...3 Pronomes Indefinidos...4 Pronomes Relativos...4 Pronomes

Leia mais

VAMOS ESTUDAR OS VERBOS

VAMOS ESTUDAR OS VERBOS VAMOS ESTUDAR OS VERBOS Autores: Ana Catarina; Andreia; Bibiana; Pedro Cardoso. Ano/Turma: 6º A Ano Lectivo: 2007/2008 Índice. 1 Introdução... 2 Pág. Primeira Parte 1-OS VERBOS 1.1 Conceito.. 3 1.2 Tempo.

Leia mais

O objeto direto preposicionado pode ocorrer quando: Estiver representando nomes próprios. Ex.: Sempre quis viajar a Fernando de Noronha.

O objeto direto preposicionado pode ocorrer quando: Estiver representando nomes próprios. Ex.: Sempre quis viajar a Fernando de Noronha. Em alguns casos, o objeto direto pode ser introduzido por preposição: é o chamado objeto direto preposicionado. Nesses casos, o verbo é sempre transitivo direto, e seu complemento é, obviamente, um objeto

Leia mais

3º Bimestre Preciosidades da vida AULA: 108 Conteúdos:

3º Bimestre Preciosidades da vida AULA: 108 Conteúdos: CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I 3º Bimestre Preciosidades da vida AULA: 108 Conteúdos: Pronomes pessoais do caso Oblíquo O metro O ser humano e os

Leia mais

Colocação pronominal. Colocação pronominal. Ênclise Próclise Mesóclise

Colocação pronominal. Colocação pronominal. Ênclise Próclise Mesóclise Colocação pronominal Colocação pronominal Ênclise Próclise Mesóclise 1 Ênclise colocação depois do verbo - tendência natural do português europeu: Fez-se um silêncio profundo na sala. Vai-te embora! Foi-se

Leia mais

COLOCAÇÃO PRONOMINAL

COLOCAÇÃO PRONOMINAL COLOCAÇÃO PRONOMINAL COLOCAÇÃO PRONOMINAL Na utilização prática da língua, a colocação dos pronomes oblíquos é determinada pela eufonia, isto é pela boa sonoridade da frase. Por isso, em certos casos,

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Modo: indicativo O modo indicativo expressa um fato de maneira definida, real, no presente, passado ou futuro, na frase afirmativa, negativa ou interrogativa. Presente Presente Passado (=Pretérito) Pretérito

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 11 por

Leia mais

PRONOME. Pronome- palavra que substitui ou acompanha um nome. Pronome adjetivo Quando acompanha um substantivo Minha mãe foi ao supermercado.

PRONOME. Pronome- palavra que substitui ou acompanha um nome. Pronome adjetivo Quando acompanha um substantivo Minha mãe foi ao supermercado. Pronome- palavra que substitui ou acompanha um nome Pronome substantivo Substitui um substantivo Ana nasceu. Alguém nasceu. Pronome adjetivo Quando acompanha um substantivo Minha mãe foi ao supermercado.

Leia mais

CONCURSO BB 2014 REVISÃO - PORTUGUÊS

CONCURSO BB 2014 REVISÃO - PORTUGUÊS CONCURSO BB 2014 REVISÃO - PORTUGUÊS Professora Renata Tosetto COMPREENSÃO TEXTUAL Atente-se sempre ao enunciado segundo o texto, conforme o texto, segundo o autor, de acordo com o autor (texto) nestes

Leia mais

教 育 暨 青 年 局 以 中 文 為 教 學 語 言 的 初 中 回 歸 教 育 自 薦 學 生 ( 初 中 三 年 級 ) 特 別 總 考 試 複 習 提 綱. 葡 文 Português 科 (2007 年 7 月 ) Gramática 文 法.

教 育 暨 青 年 局 以 中 文 為 教 學 語 言 的 初 中 回 歸 教 育 自 薦 學 生 ( 初 中 三 年 級 ) 特 別 總 考 試 複 習 提 綱. 葡 文 Português 科 (2007 年 7 月 ) Gramática 文 法. 教 育 暨 青 年 局 以 中 文 為 教 學 語 言 的 初 中 回 歸 教 育 自 薦 學 生 ( 初 中 三 年 級 ) 特 別 總 考 試 複 習 提 綱 葡 文 Português 科 (2007 年 7 月 ) Formas da Prova 考 試 形 式 ` : Escrita e oral 筆 試 及 口 試 Duração das Provas 考 試 時 間 : Escrita

Leia mais

CRASE. Entregue o documento à advogada.

CRASE. Entregue o documento à advogada. CRASE A crase é a fusão de duas vogais da mesma natureza. Sua representação se dá por meio do chamado acento grave sobre a letra a, tornando acentual esta vogal. Assim, o acento grave é o sinal que indica

Leia mais

Sem o acento, uma frase como essa teria seu sentido alterado, pois, em "Saiu a francesa", "a francesa" é o sujeito da oração.

Sem o acento, uma frase como essa teria seu sentido alterado, pois, em Saiu a francesa, a francesa é o sujeito da oração. OBS.: A locução prepositiva "à moda de" tem uma peculiaridade: nela se costuma observar a elisão do substantivo feminino "moda", mas, mesmo nos casos em que isso ocorre, mantém-se o acento de crase. Ex.:

Leia mais

Acentuação. É importante saber as regras da acentuação gráfica? Compare: o jornal publicara o artigo o jornal publicará o artigo

Acentuação. É importante saber as regras da acentuação gráfica? Compare: o jornal publicara o artigo o jornal publicará o artigo Acentuação É importante saber as regras da acentuação gráfica? Compare: ela e a minha amiga ela é a minha amiga o jornal publicara o artigo o jornal publicará o artigo sai à rua saí à rua 1 Sílaba / vogal

Leia mais

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 3 por completo do livrotexto Muito Prazer Unidade 3 I Pronomes possessivos Ele Eles Ela Elas Dele Deles Dela Delas Observação: Dele(s)

Leia mais

PRONOMES. PRONOME - a palavra variável que substitui o substantivo (pronome substantivo) ou o acompanha (pronome adjetivo).

PRONOMES. PRONOME - a palavra variável que substitui o substantivo (pronome substantivo) ou o acompanha (pronome adjetivo). PRONOMES PRONOME - a palavra variável que substitui o substantivo (pronome substantivo) ou o acompanha (pronome adjetivo). Ex.: Paulo foi ao jogo. Ele (PRON. PESSOAL RETO SUBSTANTIVO) foi ao jogo. O acidente

Leia mais

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 1 por completo do livrotexto Muito Prazer Unidade 1 - I Pronomes pessoais Eu Tu 1 Você 2 / ele/ela A gente 3 Nós Vós 4 Eles/ elas

Leia mais

1. Faça as perguntas sobre as partes sublinhadas.

1. Faça as perguntas sobre as partes sublinhadas. C O N H E C E R P E S S O A S U n i d a d e 1 5 U N I D A D E 1 1. Faça as perguntas sobre as partes sublinhadas. 1. Os meus colegas estão insatisfeitos com o trabalho. 2. Fui com um amigo à agência de

Leia mais

Português Língua Estrangeira

Português Língua Estrangeira UNIVERSIDADE DOS AÇORES Português Língua Estrangeira (Níveis A1 e A2) EXERCÍCIOS GRAMATICAIS Helena Mateus Montenegro Coordenação Carla Silva Cook PONTA DELGADA 2009 ÍNDICE Exercícios gramaticais 1. Presente

Leia mais

Odilei França. Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações www.iesde.com.br

Odilei França. Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações www.iesde.com.br Odilei França Graduado em Letras pela Fafipar. Graduado em Teologia pela Faculdade Batista. Professor de Língua Portuguesa para concursos públicos há 22 anos. Flexões verbais e colocação pronominal Morfologia

Leia mais

PORTUGUÊS PARA CONCURSO LÍNGUA PORTUGUESA João Nivaldo Melchiori Bolognesi Data: 03/09/2012 Aula 05 RESUMO SUMÁRIO

PORTUGUÊS PARA CONCURSO LÍNGUA PORTUGUESA João Nivaldo Melchiori Bolognesi Data: 03/09/2012 Aula 05 RESUMO SUMÁRIO PORTUGUÊS PARA CONCURSO LÍNGUA PORTUGUESA João Nivaldo Melchiori Bolognesi Data: 03/09/2012 Aula 05 RESUMO SUMÁRIO 1. Pronomes pessoais e de tratamento 2. Tipo 3. Adaptação 4. Adaptação + tipo 5. Palavra

Leia mais

Colocando os pronomes em seus lugares

Colocando os pronomes em seus lugares W N S E Colocando os pronomes em seus lugares Nós na Sala de Aula - Língua Portuguesa 6º ao 9º ano - unidade 10 Há pressupostos que ajudam, sobremaneira, a aprendizagem das regras de colocação pronominal

Leia mais

PARTE 1 FONÉTICA CAPÍTULO 1 FONÉTICA...

PARTE 1 FONÉTICA CAPÍTULO 1 FONÉTICA... Sumário PARTE 1 FONÉTICA CAPÍTULO 1 FONÉTICA... 3 1.1. Fonema...3 1.2. Classificação dos fonemas...4 1.3. Encontros vocálicos...5 1.4. Encontros consonantais...5 1.5. Dígrafos...6 1.6. Dífono...7 1.7.

Leia mais

A Virada: contenido. Lecciones 1-100 de A Virada. A Gente. acabou de acontecer, acabei de comprar, acabei de chegar. Adverbios & Adjetivos

A Virada: contenido. Lecciones 1-100 de A Virada. A Gente. acabou de acontecer, acabei de comprar, acabei de chegar. Adverbios & Adjetivos A Virada: contenido Lecciones 1-100 de A Virada A Gente ACABAR de Adverbios & Adjetivos A gente vai acabou de acontecer, acabei de comprar, acabei de chegar fácil (adjective) facilmente (adverb) Adverbios

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul NÚMERO DA VAGA: 22 MOTIVO ALEGADO PELO CANDIDATO: alternativa

Leia mais

Termos integrantes da oração Objeto direto e indireto

Termos integrantes da oração Objeto direto e indireto Termos integrantes da oração Objeto direto e indireto Termos integrantes da oração Certos verbos ou nomes presentes numa oração não possuem sentido completo em si mesmos. Sua significação só se completa

Leia mais

Biblioteca Escolar. O Dicionário

Biblioteca Escolar. O Dicionário O Dicionário O que é um dicionário? Livro de referência onde se encontram palavras e expressões de uma língua, por ordem alfabética, com a respetiva significação ou tradução para outra língua e ainda,

Leia mais

Observação directa: ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL SECUNDÁRIO DISCIPLINA: PLNM (A1) ANO: 11º ANO LECTIVO 2010/2011

Observação directa: ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL SECUNDÁRIO DISCIPLINA: PLNM (A1) ANO: 11º ANO LECTIVO 2010/2011 ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL SECUNDÁRIO DISCIPLINA: PLNM (A1) ANO: 11º ANO LECTIVO 2010/2011 COMPETÊNCIAS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ACTIVIDADES ESTRATÉGIAS AULAS PREVISTAS

Leia mais

OUTROS CASOS. rsn 2007/08

OUTROS CASOS. rsn 2007/08 A Pronominalização A O João deu um livro à mãe. / O João deu-o à mãe. B O João deu um livro à mãe. / O João deu-lhe o livro. C O João deu um livro à mãe. / O João deu-lho. D A Catarina disse à mãe que

Leia mais

Gramática Eletrônica

Gramática Eletrônica Lição 7 Verbos Outra classe de palavras que merece atenção especial é o verbo, já que apresenta muitas dificuldades. Verbo significa palavra, portanto é essencial à nossa comunicação. Verbo é a palavra

Leia mais

As questões a seguir foram extraídas de provas de concurso.

As questões a seguir foram extraídas de provas de concurso. COMENTÁRIO QUESTÕES DE PORTUGUÊS PROFESSORA: FABYANA MUNIZ As questões a seguir foram extraídas de provas de concurso. 1. (FCC)...estima-se que sejam 20 línguas. (2º parágrafo) O verbo flexionado nos mesmos

Leia mais

O novo acordo ortográfico da língua portuguesa e questões notacionais da língua

O novo acordo ortográfico da língua portuguesa e questões notacionais da língua O novo acordo ortográfico da língua portuguesa e questões notacionais da língua FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC PELOTAS CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA EM MARKETING E PROCESSOS GERENCIAIS UC: COMUNICAÇÃO

Leia mais

Regência nominal. Regência Verbal. Verbos Transitivos Diretos

Regência nominal. Regência Verbal. Verbos Transitivos Diretos Regência nominal A regência nominal estuda os casos em que um nome (substantivo, adjetivo ou advérbio) exige um outro termo que lhe complete o sentido. Normalmente, o complemento de um nome vem iniciando

Leia mais

c) O verbo ficará no singular ou no plural se o sujeito coletivo for especificado com substantivo no plural.

c) O verbo ficará no singular ou no plural se o sujeito coletivo for especificado com substantivo no plural. Concordância Verbal a) O verbo vai para a 3ª pessoa do plural caso o sujeito seja composto e anteposto ao verbo. Se o sujeito composto é posposto ao verbo, este irá para o plural ou concordará com o substantivo

Leia mais

Uso de pronomes pessoais dos casos reto e oblíquo Uma articulação em usos orais e escritos

Uso de pronomes pessoais dos casos reto e oblíquo Uma articulação em usos orais e escritos 139 Uso de pronomes pessoais dos casos reto e oblíquo Uma articulação em usos orais e escritos Bárbara Cristina Damaceno Refosco * Resumo: este estudo tem por objetivo expor uma análise relativa ao uso

Leia mais

Formas de tratamento

Formas de tratamento Formas de tratamento Tu + verbo na 2. a pessoa do singular tratamento informal (muito pouco usado no Brasil onde é considerado um regionalismo) CD, CI: te ti contigo plural: vocês + verbo na 3. a pessoa

Leia mais

PROGRAMAÇÃO CURRICULAR DE LÍNGUA PORTUGUESA UNIDADE

PROGRAMAÇÃO CURRICULAR DE LÍNGUA PORTUGUESA UNIDADE PROGRAMAÇÃO CURRICULAR DE LÍNGUA PORTUGUESA 1. ano - 1. volume UNIDADE 1 Símbolos Letras do alfabeto UNIDADE 2 Alfabeto (vogais e consoantes) Crachá Letras do próprio nome, do nome do professor e dos colegas

Leia mais

CURSO: TRIBUNAL REGULAR ASSUNTO: CRASE SUMÁRIO DE AULA DÉCIO SENA. 1. O que é crase? 2. Casos de crase obrigatória. 3. Casos de crase facultativa

CURSO: TRIBUNAL REGULAR ASSUNTO: CRASE SUMÁRIO DE AULA DÉCIO SENA. 1. O que é crase? 2. Casos de crase obrigatória. 3. Casos de crase facultativa CURSO: TRIBUNAL REGULAR ASSUNTO: CRASE SUMÁRIO DE AULA DÉCIO SENA 1. O que é crase? 2. Casos de crase obrigatória 3. Casos de crase facultativa 4. Casos de crase proibida 5. Exercícios 1. O que é crase?

Leia mais

ACENTO GRÁFICO E ACENTO TÔNICO

ACENTO GRÁFICO E ACENTO TÔNICO ACENTO GRÁFICO E ACENTO TÔNICO O acento gráfico é um mero sinal de escrita, que não deve ser confundido com o acento tônico, que é a maior intensidade de voz apresentada por uma sílaba quando pronunciamos

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 19 por

Leia mais

Conhecer o conteúdo programático do componente Língua Portuguesa e desenvolver habilidades de compreensão, interpretação e produção de textos orais e

Conhecer o conteúdo programático do componente Língua Portuguesa e desenvolver habilidades de compreensão, interpretação e produção de textos orais e Conhecer o conteúdo programático do componente Língua Portuguesa e desenvolver habilidades de compreensão, interpretação e produção de textos orais e escritos à maneira adequada do padrão da língua materna;

Leia mais

Eu te falei para você: redobro de pronomes?

Eu te falei para você: redobro de pronomes? Eu te falei para você: redobro de pronomes? Fábio Bonfim Duarte/Poslin-UFMG Carolina Ribeiro Diniz/Poslin-UFMG Introdução Neste ensaio apresentaremos uma das particularidades do dialeto mineiro, conhecida,

Leia mais

VISÃO GERAL DOS CONTEÚDOS 3ª CLASSE 4ª CLASSE 5ª CLASSE

VISÃO GERAL DOS CONTEÚDOS 3ª CLASSE 4ª CLASSE 5ª CLASSE VISÃO GERAL DOS CONTEÚDOS 19 Família : - a minha história A família: - tipos de família - membros da família e suas funções - regras de convivência na família - a minha infância A família do meu amigo,

Leia mais

Por ser um tópico gramatical abordado de modo estritamente normativo, a

Por ser um tópico gramatical abordado de modo estritamente normativo, a 72 Os pronomes pessoais átonos e sua sintaxe de colocação nos livros didáticos Francisco Eduardo Vieira da Silva* Resumo: Neste artigo é verificada a forma como os livros didáticos abordam os pronomes

Leia mais

Códigos e linguagens. Remissão textual e pronomes

Códigos e linguagens. Remissão textual e pronomes Códigos e linguagens Remissão textual e pronomes Remissão textual Outro dia, decidi entrar no Orkut mesmo sabendo que há tempos ele não passa de um grande deserto virtual. Ao visitar comunidades e ler

Leia mais

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos)

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos) I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. Hoje. domingo e o tempo. bom. Por isso nós. todos fora de casa.. a passear à beira-mar.. agradável passar um pouco de tempo

Leia mais

208. Assinale a única frase correta quanto ao uso dos pronomes pessoais: 209. Assinale o exemplo que contém mau emprego de pronome pessoal:

208. Assinale a única frase correta quanto ao uso dos pronomes pessoais: 209. Assinale o exemplo que contém mau emprego de pronome pessoal: 207. Complete com eu ou mim : CLASSES DE PALAVRAS PRONOME: - eles chegaram antes de. - há algum trabalho para fazer? - há algum trabalho para? - ele pediu para elaborar alguns exercícios; - para, viajar

Leia mais

COLÉGIO AFAM SÃO MIGUEL Conteúdo Processo Seletivo 2014

COLÉGIO AFAM SÃO MIGUEL Conteúdo Processo Seletivo 2014 ENSINO FUNDAMENTAL I 2º ANO PORTUGUÊS: Famílias silábicas simples e formação de palavras; Auto-ditado; Reconhecer e aplicar vogais e consoantes; Completar palavras com vogais e consoantes; letra cursiva

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul NÚMERO DA VAGA: 22 venho por meio deste pedir a anulação

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros s de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 14 por completo

Leia mais

C Sistema destinado à preparação para Concursos Públicos e Aprimoramento Profissional via INTERNET www.concursosecursos.com.br PORTUGUÊS ON-LINE

C Sistema destinado à preparação para Concursos Públicos e Aprimoramento Profissional via INTERNET www.concursosecursos.com.br PORTUGUÊS ON-LINE 1 PORTUGUÊS ON-LINE AULA 7 PRONOME O pronome é a palavra que representa o substantivo ou que o acompanha, determinando-lhe a extensão do significado. Há seis espécies de pronomes: pessoais, possessivos,

Leia mais

Leia o poema de Carlos Drummond de Andrade e a seguir responda à questão proposta.

Leia o poema de Carlos Drummond de Andrade e a seguir responda à questão proposta. Leia o poema de Carlos Drummond de Andrade e a seguir responda à questão proposta. Família Três meninos e duas meninas, sendo uma ainda de colo. a cozinheira preta, a copeira mulata, o papagaio, o gato,

Leia mais

Olá! Como está? ser / ser de ter / em chamar-se; morar (em); falar

Olá! Como está? ser / ser de ter / em chamar-se; morar (em); falar Olá! Como está? 1 Apresentar-se Cumprimentar Despedir-se Dar informações de carácter pessoal Nome Morada Estado civil Nacionalidades Países / Cidades Profissões Números (até 20) Adjetivos Pronomes pessoais

Leia mais

ESCOLA SÃO DOMINGOS BATERIA DE EXERCÍCIOS 3º TRIMESTRE GRAMÁTICA 2º ANO

ESCOLA SÃO DOMINGOS BATERIA DE EXERCÍCIOS 3º TRIMESTRE GRAMÁTICA 2º ANO ESCOLA SÃO DOMINGOS BATERIA DE EXERCÍCIOS 3º TRIMESTRE GRAMÁTICA 2º ANO 1. No lugar das lacunas, empregue adequadamente as palavras entre parênteses. a) Já é -dia e. (meio) b) Pareciam preocupadas com

Leia mais

Deve-se analisar a frase e sublinhar todas as formas verbais nelas existentes. Assim sendo, a frase fica:

Deve-se analisar a frase e sublinhar todas as formas verbais nelas existentes. Assim sendo, a frase fica: Revisão sobre: - Orações complexas: coordenação e subordinação. - Análise morfológica e análise sintáctica. - Conjugação verbal: pronominal, reflexa, recíproca, perifrástica. - Relação entre palavras.

Leia mais

DICAS DE PORTUGUÊS. Sidney Patrézio Reinaldo Campos Graduando em Ciência da Computação

DICAS DE PORTUGUÊS. Sidney Patrézio Reinaldo Campos Graduando em Ciência da Computação DICAS DE PORTUGUÊS Sidney Patrézio Reinaldo Campos Graduando em Ciência da Computação CONCORDÂNCIA NOMINAL Concordância nominal é o princípio de acordo com o qual toda palavra variável referente ao substantivo

Leia mais

PONTUAÇÃO: é preciso saber usar a vírgula!

PONTUAÇÃO: é preciso saber usar a vírgula! PONTUAÇÃO: é preciso saber usar a vírgula! Bete Masini A pontuação é, sem dúvida, um dos principais elementos coesivos do nosso texto. Certamente, não podemos crer no que muitos já falaram (e ainda falam):

Leia mais

COLÉGIO MILITAR DO RIO DE JANEIRO 7º ANO LINGUA PORTUGUESA 2014. PROFESSORES: Cel Arthur, Maj Luiz Fernando e Ten Mônica Hipólito NOTA DE AULA

COLÉGIO MILITAR DO RIO DE JANEIRO 7º ANO LINGUA PORTUGUESA 2014. PROFESSORES: Cel Arthur, Maj Luiz Fernando e Ten Mônica Hipólito NOTA DE AULA COLÉGIO MILITAR DO RIO DE JANEIRO 7º ANO LINGUA PORTUGUESA 2014 PROFESSORES: Cel Arthur, Maj Luiz Fernando e Ten Mônica Hipólito NOTA DE AULA Relembrando o que foi aprendido no 6º ano: o SUBSTANTIVO e

Leia mais

b) tônicos: possuem acentuação própria, isto é, são pronunciados com muita intensidade: lá, pá, mim, pôs, tu, lã.

b) tônicos: possuem acentuação própria, isto é, são pronunciados com muita intensidade: lá, pá, mim, pôs, tu, lã. Acentuação gráfica O português, assim como outras línguas neolatinas, apresenta acento gráfico. Toda palavra da língua portuguesa de duas ou mais sílabas possui uma sílaba tônica. Observe as sílabas tônicas

Leia mais

Letras. Objetivo. Aspectos das Conexões Sintáticas. Prof a. Dr a. Leda Szabo

Letras. Objetivo. Aspectos das Conexões Sintáticas. Prof a. Dr a. Leda Szabo Letras Prof a. Dr a. Leda Szabo Aspectos das Conexões Sintáticas Objetivo Diferenciar o objeto de estudo da análise de base sintática do objeto de estudo da análise do discurso. Compreender a diferença

Leia mais

CRASE TEORIA. REGRA GERAL A crase ocorrerá sempre que o termo anterior exigir a preposição a e o termo posterior admitir o artigo a ou as.

CRASE TEORIA. REGRA GERAL A crase ocorrerá sempre que o termo anterior exigir a preposição a e o termo posterior admitir o artigo a ou as. CRASE TEORIA (Aluna do Curso de Secretariado Executivo Trilíngüe da Universidade Estácio de Sá) Crase é a fusão da preposição a com o artigo a ou com o a inicial dos pronomes demonstrativos aquele, aquela,

Leia mais

ACENTUAÇÃO GRÁFICA (NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO) Profa. Me. Luana Lemos

ACENTUAÇÃO GRÁFICA (NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO) Profa. Me. Luana Lemos ACENTUAÇÃO GRÁFICA (NOVO ACORDO ORTOGRÁFICO) Profa. Me. Luana Lemos PROSÓDIA Estuda a correta posição da sílaba tônica das palavras. SILABADA erro de acentuação tônica de uma palavra. RUIM RUBRICA AVARO

Leia mais

CRASE. CONCEITO - É a fusão de duas vogais idênticas. Representa-se graficamente a crase pelo acento grave (`).

CRASE. CONCEITO - É a fusão de duas vogais idênticas. Representa-se graficamente a crase pelo acento grave (`). CRASE CONCEITO - É a fusão de duas vogais idênticas. Representa-se graficamente a crase pelo acento grave (`). A crase pode ocorrer entre: 1) Preposição A e os artigos A, AS Há limites a+a tolerância humana

Leia mais

O passado com o auxiliar sein: quais recursos podemos utilizar para sistematizar o seu uso e de que recursos podemos dispor na situação de ensino.

O passado com o auxiliar sein: quais recursos podemos utilizar para sistematizar o seu uso e de que recursos podemos dispor na situação de ensino. O passado com o auxiliar sein: quais recursos podemos utilizar para sistematizar o seu uso e de que recursos podemos dispor na situação de ensino. Edson Domingos Fagundes O elemento motivador deste trabalho

Leia mais

A VARIAÇÃO ENTRE OS PRONOMES MIM/EU NA POSIÇÃO DE COMPLEMENTO VERBAL NA FALA EM ALAGOAS: UMA ANÁLISE SOCIOLINGÜÍSTICA VARIACIONISTA

A VARIAÇÃO ENTRE OS PRONOMES MIM/EU NA POSIÇÃO DE COMPLEMENTO VERBAL NA FALA EM ALAGOAS: UMA ANÁLISE SOCIOLINGÜÍSTICA VARIACIONISTA A VARIAÇÃO ENTRE OS PRONOMES MIM/EU NA POSIÇÃO DE COMPLEMENTO VERBAL NA FALA EM ALAGOAS: UMA ANÁLISE SOCIOLINGÜÍSTICA VARIACIONISTA Emanuelle Camila Moraes de Melo Albuquerque (autora bolsista), Renata

Leia mais

PLANO DE AULA SEMANAL

PLANO DE AULA SEMANAL DISCIPLINA: Língua Inglesa SÉRIE: 1ª Série do Ensino Fundamental Turmas: L, M e K TEMPO: 4 aulas de 45 minutos. Para cada turma DATAS: 04/05/2009 / 05/05/2009-11/05/2009 / 12/05/2009-18/05/2009 / 19/05/2009-25/05/2009

Leia mais

www.diafonso.com - http://diafonsoparanapuka.blogspot.com - diafonsoport@yahoo.com.br

www.diafonso.com - http://diafonsoparanapuka.blogspot.com - diafonsoport@yahoo.com.br COLOCAÇÃO PRONOMINAL CONSIDERAÇÕES INICIAIS (1) Denomina-se colocação pronominal o conjunto de regras referentes à colocação dos pronomes pessoais oblíquos átonos que funcionam como complementos: Pessoais

Leia mais

H) Final: funciona como adjunto adverbial de finalidade. Conjunções: a fim de que, para que, porque.

H) Final: funciona como adjunto adverbial de finalidade. Conjunções: a fim de que, para que, porque. H) Final: funciona como adjunto adverbial de finalidade. Conjunções: a fim de que, para que, porque. Ex. Ele não precisa do microfone, para que todos o ouçam. I) Proporcional: funciona como adjunto adverbial

Leia mais

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 7 por completo do livrotexto Muito Prazer Unidade 7 I Ser + adjetivo Estar + adjetivo Eu sou Eu estou Você/ ele/ ela é Você/ ele/

Leia mais

Classes Gramaticais: Pronome

Classes Gramaticais: Pronome Classes Gramaticais: Pronome Conceito É a palavra que representa uma pessoa do discurso. Pode se referir a um substantivo ou simplesmente substituí-lo. Ex.: Maria, vi os teus lábios, mas não os beijei.

Leia mais

PROF. MARLOS PIRES CAPÍTULO 1 EMPREGO DE PRONOMES EMPREGO DOS PRONOMES PESSOAIS PRONOMES PESSOAIS RETOS E OBLÍQUOS PESSOAS DO DISCURSO RETOS OBLÍQUOS

PROF. MARLOS PIRES CAPÍTULO 1 EMPREGO DE PRONOMES EMPREGO DOS PRONOMES PESSOAIS PRONOMES PESSOAIS RETOS E OBLÍQUOS PESSOAS DO DISCURSO RETOS OBLÍQUOS CAPÍTULO 1 EMPREGO DE PRONOMES PRONOME» é a palavra que substitui ou acompanha um substantivo, indicando a pessoa do discurso. Ricardo ainda não chegou. Ele está na casa de Rita. Na frase acima o pronome

Leia mais

Unidade 1. Como é que se chama? Áreas gramaticais / estruturas. Pronomes pessoais sujeito: eu, você, ele, ela

Unidade 1. Como é que se chama? Áreas gramaticais / estruturas. Pronomes pessoais sujeito: eu, você, ele, ela Unidade 1 Como é que se chama? Áreas gramaticais / estruturas Pronomes pessoais sujeito: eu, você, ele, ela As formas verbais: me chamo, se chama, chamo-me, chama-se / sou, é Artigos definidos (singular):

Leia mais

Metas Curriculares de Português

Metas Curriculares de Português Helena C. Buescu, Maria Regina Rocha, Violante F. Magalhães Metas Curriculares de Português Ensino Básico 3.º Ciclo O domínio da GRAMÁTICA Objetivos e Descritores de Desempenho Gramática 7.º Ano Objetivos

Leia mais

FORTALECENDO SABERES LÍNGUA PORTUGUESA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Aula 38.1 Conteúdos: Regência verbal

FORTALECENDO SABERES LÍNGUA PORTUGUESA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Aula 38.1 Conteúdos: Regência verbal 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 38.1 Conteúdos: Regência verbal 3 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Habilidades: Distinguir a relação que se estabelece

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA 6º ano 3º Trimestre / 2015 BATERIA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES

LÍNGUA PORTUGUESA 6º ano 3º Trimestre / 2015 BATERIA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES LÍNGUA PORTUGUESA 6º ano 3º Trimestre / 2015 BATERIA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES Leia a tira a seguir: 1. Na tira, a personagem Meg e seu amigo participam de uma brincadeira. Que brincadeira é essa? 2.

Leia mais

O início de ano é boa altura para virar a página e fazer o que sempre desejou

O início de ano é boa altura para virar a página e fazer o que sempre desejou Abraçar novo ano com determinação Jornal Metro, 10 de Janeiro de 2006 O início de ano é boa altura para virar a página e fazer o que sempre desejou A mudança de ano pode dar um empurrão na mudança de atitude.

Leia mais

Where do you work? Nei se transformou em repórter e saiu perguntando para todo mundo Where do you work?. Vamos ver o diálogo?

Where do you work? Nei se transformou em repórter e saiu perguntando para todo mundo Where do you work?. Vamos ver o diálogo? A UU L AL A Where do you work? Na aula de hoje, vamos aprender a responder à pergunta Where do you work?, que quer dizer Onde você trabalha?. Assim, você pode dizer às pessoas qual é seu local de trabalho.

Leia mais

COMANDO DA AERONÁUTICA ESCOLA DE ESPECIALISTAS DE AERONÁUTICA SUBDIVISÃO DE ADMISSÃO E DE SELEÇÃO

COMANDO DA AERONÁUTICA ESCOLA DE ESPECIALISTAS DE AERONÁUTICA SUBDIVISÃO DE ADMISSÃO E DE SELEÇÃO Questão : 08 19 25 A questão 08 do código 07, que corresponde à questão 19 do código 08 e à questão 25 do código 09 Assinale a alternativa incorreta em relação à regência nominal. a) São poucos os cargos

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA. para o Exame de Suficiência do CFC. Bacharel em Ciências Contábeis

LÍNGUA PORTUGUESA. para o Exame de Suficiência do CFC. Bacharel em Ciências Contábeis LÍNGUA PORTUGUESA para o Exame de Suficiência do CFC Bacharel em Ciências Contábeis O livro é a porta que se abre para a realização do homem. Jair Lot Vieira con cursos con cursos LÍNGUA PORTUGUESA para

Leia mais

Português- Prof. Verônica Ferreira

Português- Prof. Verônica Ferreira Português- Prof. Verônica Ferreira 1 Com relação a aspectos linguísticos e aos sentidos do texto acima, julgue os itens a seguir. No trecho que podemos chamar de silenciosa (l.15-16), o termo de silenciosa

Leia mais

primeira Bom Dia. Vamos Escutar e Falar unidade V Repita F Corrija

primeira Bom Dia. Vamos Escutar e Falar unidade V Repita F Corrija Bom Dia. primeira 1 unidade Vamos Escutar e Falar 1 Verdadeiro ou falso? U V Repita F Corrija 1 A 11. A estação do Rossio é no Rio de Janeiro. 12. A Mónica é professora. 13. A Mónica trabalha para o jornal

Leia mais

PORTUGUÊS PARA CONCURSOS

PORTUGUÊS PARA CONCURSOS PORTUGUÊS PARA CONCURSOS Sumário Capítulo 1 - Noções de fonética Fonema Letra Sílaba Número de sílabas Tonicidade Posição da sílaba tônica Dígrafos Encontros consonantais Encontros vocálicos Capítulo 2

Leia mais

Sumário. Apresentação - 1. a edição /13 Apresentação - 2 edição /14

Sumário. Apresentação - 1. a edição /13 Apresentação - 2 edição /14 Sumário Apresentação - 1. a edição /13 Apresentação - 2 edição /14 1 Variação lingüística / 15 1.1 Os níveis de linguagem / 17 1.1.1 O nível informal /17 1.1.2 O nível semiformal /1 7 1.1.3 O nível formal/18

Leia mais

5 Sintaxe dos verbos haver e existir

5 Sintaxe dos verbos haver e existir 5 Sintaxe dos verbos haver e existir Há aspectos envolvidos em construções com haver e existir que são muito importantes, para encontrar as raízes das dificuldades que se apresentam no uso desses dois

Leia mais

Em toda palavra de duas ou mais sílabas, sempre há uma sílaba, pronunciada com maior intensidade: sílaba tônica. As outras são as sílabas átonas.

Em toda palavra de duas ou mais sílabas, sempre há uma sílaba, pronunciada com maior intensidade: sílaba tônica. As outras são as sílabas átonas. Acentuação Em toda palavra de duas ou mais sílabas, sempre há uma sílaba, pronunciada com maior intensidade: sílaba tônica. As outras são as sílabas átonas. sílaba tônica - pronunciada com maior intensidade.

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 10 por

Leia mais

As palavras: QUE, SE e COMO.

As palavras: QUE, SE e COMO. As palavras: QUE, SE e COMO. Enfocaremos, nesse capítulo, algumas particularidades das referidas palavras. Professor Robson Moraes I A palavra QUE 1. Substantivo aparece precedida por artigo e exerce funções

Leia mais

Atividade Pedagógica de Português Segunda-feira 23/09/2013

Atividade Pedagógica de Português Segunda-feira 23/09/2013 4º Ano O amor é paciente. (I Coríntios 13:4a) Roteiro Semanal de Atividades de Casa (23 a 27 de Setembro 2013) Dia 25 de Setembro Dia Nacional do Trânsito Dia 23/09/2013-2ª Feira Atividade Pedagógica de

Leia mais

Atividade Extraclasse

Atividade Extraclasse INSTITUTO PRESBITERIANO DE EDUCAÇÃO Goiânia, de de 2013. Nome: Professor(a): Elaine Costa 7º Ano O amor é paciente. (I Coríntios 13:4) Atividade Extraclasse A GANSA QUE PUNHA OVOS DE OURO Um homem possuía

Leia mais

BOLSA QUINZE 2015 6ª ANO (5ª SÉRIE) DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA

BOLSA QUINZE 2015 6ª ANO (5ª SÉRIE) DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA BOLSA QUINZE 2015 6ª ANO (5ª SÉRIE) DO ENSINO FUNDAMENTAL LÍNGUA PORTUGUESA Leia atentamente o conto abaixo e depois faça o que se pede: O CABOCLO, O PADRE E O ESTUDANTE (Luís da Câmara Cascudo) Um estudante

Leia mais

A Morfologia é o estudo da palavra e sua função na nossa língua. Na língua portuguesa, as palavras dividem-se nas seguintes categorias:

A Morfologia é o estudo da palavra e sua função na nossa língua. Na língua portuguesa, as palavras dividem-se nas seguintes categorias: MORFOLOGIA A Morfologia é o estudo da palavra e sua função na nossa língua. Na língua portuguesa, as palavras dividem-se nas seguintes categorias: 1. SUBSTANTIVO Tudo o que existe é ser e cada ser tem

Leia mais

Uma chaminé esfumaçante em forma de arma apontada contra a cabeça só pode colocar a poluição como uma arma letal.

Uma chaminé esfumaçante em forma de arma apontada contra a cabeça só pode colocar a poluição como uma arma letal. 1. A legenda mais apropriada para a charge é: A poluição é uma arma que pode matar. Uma chaminé esfumaçante em forma de arma apontada contra a cabeça só pode colocar a poluição como uma arma letal. 02.

Leia mais

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS (Planificação anual) 3º ano de escolaridade 1º Período

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS (Planificação anual) 3º ano de escolaridade 1º Período PROGRAMÁTICOS (Planificação anual) 3º ano de escolaridade 1º Período DISCIPLINA: Língua Portuguesa Compreensão do oral; Ouvinte (DT); Vocabulário; Notas, esquemas; Oralidade (DT); Texto oral e texto escrito

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DE INGLÊS ENSINO FUNDAMENTAL

MATRIZ CURRICULAR DE INGLÊS ENSINO FUNDAMENTAL MATRIZ CURRICULAR DE INGLÊS ENSINO FUNDAMENTAL 2014 1 3º ANO Cumprimentos e apresentação pessoal Objetos escolares Cores Aniversário Números até 10 Iniciar conversação em língua estrangeira cumprimentando

Leia mais

CALENDÁRIO DAS PROVAS MENSAIS-2014. 2º ANO A Prof. Ana Cristina 3º BIMESTRE DIA/MÊS DISCIPLINA CONTEÚDOS

CALENDÁRIO DAS PROVAS MENSAIS-2014. 2º ANO A Prof. Ana Cristina 3º BIMESTRE DIA/MÊS DISCIPLINA CONTEÚDOS 2º ANO A Prof. Ana Cristina 3º BIMESTRE 11/8 Português Ortografia, letra H, interpretação Gênero do substantivo: masculino e feminino. Número do substantivo: singular e plural. Pronomes possessivos e pessoais.

Leia mais

Planificação periódica 7ºano

Planificação periódica 7ºano EB 2/3 João Afonso de Aveiro Planificação periódica 7ºano Língua Portuguesa Ano lectivo 2010/2011 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE AVEIRO Escola EB 2/3 João Afonso de Aveiro Planificação 1ºPeríodo 7ºAno 2010/2011

Leia mais

Manoel Neves. exercícios de teoria gramatical Período composto

Manoel Neves. exercícios de teoria gramatical Período composto Manoel Neves exercícios de teoria gramatical Período composto QUESTÃO 01 (CTSP) Assinale a alterna1va onde há oração subordinada comple1va nominal reduzida: a) O caráter universal da lei oferece proteção

Leia mais