PARECER N X L IS (a

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PARECER N X L IS (a"

Transcrição

1 PARECER N X L IS (a FDRH. REQUERIMENTO DE EMPREGADA DE REDUÇÃO DA CARGA HORÁRIA SEMANAL COM A PROPORCIONAL REDUÇÃO SALARIAL. POSSIBILIDADE. REITERAÇÃO DO PARECER 8.035/89. Trata-se de expediente inaugurado a partir de requerimento formulado por PATRÍCIA FERREIRA ROXO, ID , empregada da Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos-FDRH, em que postula a redução da carga horária para 20 horas semanais com redução salarial proporcional, com fundamento no art. 20 da Lei /2012, pelo período de 23/02/2016 a 24/02/2017 por motivos pessoais. A Assessoria Jurídica da Secretaria da Modernização Administrativa e dos Recursos Humanos entendeu que a Lei /2012, que estabelece o Plano de Empregos, Funções e Salários da FDRH, prevê a possibilidade de redução da jornada de trabalho, mas nos moldes da legislação vigente. Aduz que não pode ser deferido o pedido em razão de não haver previsão normativa para a redução. Em razão da falta de enfrentamento específico sobre a redução de carga horária de empregado público nos pareceres da PGE, sugere o encaminhamento do expediente a este Órgão Consultivo, tendo havido a concordância do Agente Setorial e do Titular da Pasta. &

2 praxe, o feito foi a mim distribuído. Nesta Procuradoria-Geral do Estado, após os trâmites de É o breve relatório. Primeiramente, cabe lembrar que este Órgão Consultivo de há muito admite a redução da jornada de trabalho de empregado público mediante a diminuição proporcional do salário, como se vê do Parecer 8035/89, em que a Procuradora do Estado Elaine de Albuquerque Petry assim se manifestou, verbis: " Convém lembrar que no regime do Direito do Trabalho a fixação da jornada normal deve ser expressamente estipulada na celebração do contrato e devidamente anotada na Carteira de Trabalho e Previdência Social. Pode, na vigência do contrato, ser alterada a duração normal do trabalho? Nos termos do artigo 468 da Consolidação das Leis do Trabalho, nos contratos individuais de trabalho, só é lícita a alteração das respectivas condições - entre as quais certamente está inserida a jornada horária - por mútuo consentimento, e, ainda assim, desde que não resultem, direta ou indiretamente, prejuízos ao empregado, sob pena de nulidade da cláusula infringente desta garantia. (...) Destarte, quando se cogita, como no processo, de modificação superveniente do pacto original relativo às condições horárias, deve haver prévio acordo de vontade das partes, notadamente com a manifestação por escrito ( a pedido) do empregado. J>

3 Cabe também ao empregador notificar o empregado, igualmente por escrito, de que a eventual redução de horário implica a redução proporcional de salário, em cujo termo deve necessária e previamente apor o seu ciente e respectivo de acordo. Deve ainda acautelar-se o empregador de fazer com que o acordo de vontades seja feito por escrito e juntado ao respectivo instrumento contratual, para, após, ser realizada a anotação na Carteira de Trabalho do agente." Plano de Empregos, Funções e Salários da FDRH, assim prevê : De outra banda, a Lei Estadual /2012, que institui o Art. 20. A jornada semanal de trabalho dos integrantes dos Quadros criados por esta Lei será de quarenta horas semanais, exceto nos casos em que for prevista por lei a jornada reduzida. 1 o Reduzida a jornada semanal de trabalho, nos termos da legislação vigente, a remuneração será proporcional à carga horária exercida. 2 o Mediante solicitação do empregado e interesse da FDRH, o empregado poderá retornar a sua jornada de trabalho original, não devendo ultrapassar a carga horária semanal inicial, nos termos da legislação vigente. A dúvida surgida no presente expediente se deve talvez à redação um pouco confusa do art. 20 da Lei /2012 que deixou de prever expressamente a solicitação formal de redução da jornada de trabalho com a proporcional diminuição salarial como o fizeram o art. 8 o da Lei /2014 (Plano de Empregos, Funções e Salários da d&>

4 CIENTEC), o art. 9 o ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL da Lei /2014 ( Plano de Empregos, Funções e Salários da METROPLAN), o art. T da Lei /2014 (Plano de Empregos, Funções e Salários da Fundação Teatro São Pedro), o art. 7 o da Lei /2014 (Plano de Empregos, Funções e Salários da FADERS), dentre outros planos de carreira das fundações de direito privado. Mas em que pese a redação do art. 20, pode-se dela extrair ser possível a redução da jornada de trabalho com a proporcional diminuição salarial mediante solicitação formal do empregado e da anuência da Fundação, o que está em consonância com a possibilidade de alteração das condições do contrato de trabalho por mútuo consentimento prevista no art. 468 da CLT. Com efeito, embora o inciso VI do art. 7 o da Constituição Federal assegure a irredutibilidade de salário, salvo o disposto em convenção ou acordo coletivo, dispondo o inciso XIII do art. T ser facultada a redução da jornada mediante acordo ou convenção coletiva de trabalho, deve-se ter presente que os empregados públicos da administração indireta se submetem aos princípios insculpidos no caput do art. 37 da CRFB, notadamente o princípio da legalidade. E os empregados públicos são regidos, a par da CLT e das normas coletivas, pelas leis instituidoras dos planos de empregos, funções e salários das entidades em que laboram. No caso em apreço, a Lei /2012 estabeleceu que a jornada semanal de trabalho será de 40 horas semanais, tendo fixado, no Anexo III, a matriz salarial para a carga horária de 40 horas semanais. Destarte, havendo previsão legal de redução da jornada de trabalho mediante solicitação do empregado, possível é a proporcional redução salarial, haja vista que o salário previsto em lei é para a carga horária de 40 horas semanais, sendo desnecessário ajuste coletivo para tal situação.

5 Por fim, como já analisado no parecer /15, "estando a carga horária dos empregados públicos, via de regra, fixada em lei, ocorrendo sua redução de maneira excepcional e a pedido do servidor, cabível é o retorno à jornada de trabalho contratada caso assim o queira o interessado." Nesse diapasão, possível é a excepcional redução da jornada de trabalho do empregado público, com a proporcional diminuição salarial, condicionada ao requerimento formal do interessado e à anotação nos assentamentos funcionais e na CTPS e ao interesse da Administração. É o parecer. Porto Alegre, 29 de junho de l i ManTia vieira Bueno Procuradora do Estado Equipe de Consultoria da Procuradoria de Pessoal Exp.Adm /16-5

6 Processo n /16-5 Acolho as conclusões do PARECER n \(o. ll /±b, da Procuradoria de Pessoal, de autoria da Procuradora do Estado Doutora MARÍLIA VIEIRA BUENO. Restitua-se o expediente à Secretaria da Modernização Administrativa e dos Recursos Humanos, com vista prévia ao Agente Setorial. Em 1\ àtsvavo <*e ZoX < Q 9 Euzébio Fernando Ri schel, Procurador-Çferal dq/estado.

Direito do Trabalho. Fontes e Princípios do Direito do Trabalho. Professor Pedro Kuhn.

Direito do Trabalho. Fontes e Princípios do Direito do Trabalho. Professor Pedro Kuhn. Direito do Trabalho Fontes e Princípios do Direito do Trabalho Professor Pedro Kuhn www.acasadoconcurseiro.com.br Direito do Trabalho CONCEITO, FONTES E PRINCÍPIOS DO DIREITO DO TRABALHO CONCEITO DO DIREITO

Leia mais

PARECER Nº EC Nº 41/03: REFORMA DA PREVIDÊNCIA. APOSENTADORIA POR INVALIDEZ COM PROVENTOS PROPORCIONAIS. PARCELA COMPLETIVA.

PARECER Nº EC Nº 41/03: REFORMA DA PREVIDÊNCIA. APOSENTADORIA POR INVALIDEZ COM PROVENTOS PROPORCIONAIS. PARCELA COMPLETIVA. PARECER Nº 14.269 EC Nº 41/03: REFORMA DA PREVIDÊNCIA. APOSENTADORIA POR INVALIDEZ COM PROVENTOS PROPORCIONAIS. PARCELA COMPLETIVA. Trata-se de servidora de escola aposentada no cargo de Agente Educacional

Leia mais

JORNADA DE TRABALHO. Tempo in itinere. - 2º 58 CLT; Súmulas 90;320;324;325 TST

JORNADA DE TRABALHO. Tempo in itinere. - 2º 58 CLT; Súmulas 90;320;324;325 TST JORNADA DE TRABALHO Tempo efetivamente Trabalhado; Tempo à disposição do empregador Tempo in itinere. - 2º 58 CLT; Súmulas 90;320;324;325 TST Conceito Jornada é o lapso de tempo durante o qual o empregado

Leia mais

PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO PROCURADORIA PREVIDENCIÁRIA PARECER Nº

PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO PROCURADORIA PREVIDENCIÁRIA PARECER Nº PARECER Nº 15.032 Regime previdenciário de servidor celetista. Em não tendo sido observadas as alterações trazidas pela Emenda Constitucional nº 20, de 15 de dezembro de 1998, acerca da filiação previdenciária

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO PARECER Nº 14.665 1. FÉRIAS. CONVERSÃO DE UM TERÇO DO PERÍODO EM ABONO PECUNIÁRIO. ARTIGO 143 DA CLT. 2. MEDIDAS DE CONTENÇÃO DE DESPESAS NO ÂMBITO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA DO ESTADO. DECRETO Nº 44.867/07,

Leia mais

REGIMES DE COMPENSAÇÃO DE HORÁRIO DE TRABALHO

REGIMES DE COMPENSAÇÃO DE HORÁRIO DE TRABALHO REGIMES DE COMPENSAÇÃO DE HORÁRIO DE TRABALHO 1 1. EMENTA - Parecer sintético sobre COMPENSAÇÃO DE HORÁRIO DE TRABALHO abrangendo aspectos gerais dos regimes de "BANCO DE HORAS", "SEMANA INGLESA" e "SEMANA

Leia mais

PARECER: 02/2015 ASSESSORIA JURIDICA Requerente: Mesa Diretora da Câmara Municipal de Rafael Godeiro.

PARECER: 02/2015 ASSESSORIA JURIDICA Requerente: Mesa Diretora da Câmara Municipal de Rafael Godeiro. PARECER: 02/2015 ASSESSORIA JURIDICA Requerente: Mesa Diretora da Câmara Municipal de Rafael Godeiro. ASSUNTO: Contratação de Servidores Temporários para Atender as Necessidades da Administração Municipal.

Leia mais

Curso Êxito e Prof. Bruno Creado

Curso Êxito e Prof. Bruno Creado Curso Êxito e Prof. Bruno Creado Questões Comentadas Segue às questões da Vunesp do concurso de procurador municipal, devidamente comentada. Cargo de confiança 1) A determinação do empregador para que

Leia mais

Parecer n É o relatório sucinto.

Parecer n É o relatório sucinto. Parecer n. 12590 Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha. Fundação instituída e mantida pelo Poder Público, sendo órgão integrante da Administração indireta do Estado do Rio Grande do

Leia mais

ENTENDA SEUS DIREITOS. O SINDEMED reservou este espaço para esclarecer seus direitos trabalhistas. O que é Banco de horas?

ENTENDA SEUS DIREITOS. O SINDEMED reservou este espaço para esclarecer seus direitos trabalhistas. O que é Banco de horas? ENTENDA SEUS DIREITOS O SINDEMED reservou este espaço para esclarecer seus direitos trabalhistas. O que é Banco de horas? O chamado banco de horas é uma possibilidade admissível de controle e compensação

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MT000249/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 11/05/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR022255/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46210.000856/2015-03

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO PARECER N

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO PARECER N PARECER N 15.221 SERVIDOR PÚBLICO. JORNADA DE TRABALHO. HORÁRIO NOTURNO. REMUNERAÇÃO. LC N. 10098/94. Por solicitação do Senhor Secretário da Agricultura, Pecuária, Pesca e Agronegócio, vem a esta Equipe

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI Nº A, DE 2009

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI Nº A, DE 2009 COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI Nº 5.019-A, DE 2009 Altera o art. 2º da Lei nº 4.923, de 23 de dezembro de 1965, para permitir a redução da jornada de trabalho nos

Leia mais

MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE

MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE Em 30/12/2014, por meio das Medidas Provisórias 664 e 665, publicadas no Diário Oficial da União, as normas

Leia mais

É o sucinto - Relatório.

É o sucinto - Relatório. PARECER Nº 15.228 SECRETARIA DA FAZENDA. SERVIDOR PÚBLICO. FUNÇÃO GRATIFICADA. HORAS EXTRAORDINÁRIAS. PAGAMENTO INDEVIDO. JURISPRUDÊNCIA ADMINISTRATIVA. O presente expediente administrativo EA 641-1400/09-5

Leia mais

INFORMAÇÃO Nº 111/07/PDPE

INFORMAÇÃO Nº 111/07/PDPE INFORMAÇÃO Nº 111/07/PDPE SECRETARIA DA SAÚDE. FDRH. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PLANEJAMENTO E EXECUÇÃO DE CONCURSOS PÚBLICOS: ALTERAÇÃO. Número de candidatos inscritos muito superior àquele

Leia mais

CONTRATO INDIVIDUAL DE TRABALHO

CONTRATO INDIVIDUAL DE TRABALHO CONTRATO INDIVIDUAL DE TRABALHO Contrato individual de trabalho é o acordo, tácito ou expresso, correspondente à relação de emprego. Relação de emprego entre EMPREGADOR e EMPREGADO. DEFINIÇÃO LEGAL: O

Leia mais

PARECER Nº SERVIDORES CELETISTAS E SERVIDORES ESTATUTÁRIOS. COMPENSAÇÃO DE JORNADA DE TRABALHO.

PARECER Nº SERVIDORES CELETISTAS E SERVIDORES ESTATUTÁRIOS. COMPENSAÇÃO DE JORNADA DE TRABALHO. PARECER Nº 12385 SERVIDORES CELETISTAS E SERVIDORES ESTATUTÁRIOS. COMPENSAÇÃO DE JORNADA DE TRABALHO. O Senhor Secretário de Estado do Trabalho, Cidadania e Assistência Social encaminha consulta do Departamento

Leia mais

DECRETO-LEI Nº 5.452, DE 01 DE MAIO DE 1943

DECRETO-LEI Nº 5.452, DE 01 DE MAIO DE 1943 DECRETO-LEI Nº 5.452, DE 01 DE MAIO DE 1943 Aprova a Consolidação das Leis do Trabalho. O Presidente da República, usando da atribuição que lhe confere o art. 180 da Constituição, DECRETA: TÍTULO II DAS

Leia mais

A remuneração do funcionário que executar trabalho noturno será acrescida de 25% a título de gratificação.

A remuneração do funcionário que executar trabalho noturno será acrescida de 25% a título de gratificação. Trabalho Noturno Conceito É o trabalho prestado pelo servidor público entre 22 (vinte e duas) horas e 6 (seis) horas do dia seguinte. Caracterização/Particularidades A hora noturna terá duração de 52 minutos.

Leia mais

Parecer A.J nº 331/2014

Parecer A.J nº 331/2014 Processo nº: 2081/2013 Interessado: Departamento de Recursos Humanos Assunto: Incorporação de Gratificação de Representação Servidores Públicos. Incorporação da Gratificação de representação. Quesito acerca

Leia mais

PARECER. Trata-se de consulta formulada acerca da obrigatoriedade ou não dos Regimes Próprios de Previdência de contribuírem com o PASEP.

PARECER. Trata-se de consulta formulada acerca da obrigatoriedade ou não dos Regimes Próprios de Previdência de contribuírem com o PASEP. PARECER EMENTA: Contribuição PASEP. Regimes Próprios de Previdência. Trata-se de consulta formulada acerca da obrigatoriedade ou não dos Regimes Próprios de Previdência de contribuírem com o PASEP. As

Leia mais

Simulado TRT Direito do Trabalho Simulado Konrad Mota

Simulado TRT Direito do Trabalho Simulado Konrad Mota Simulado TRT Direito do Trabalho Simulado Konrad Mota 2013 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. 01. (Analista/TRT-24/2011-FCC) Maria, estudante de direito, está discutindo

Leia mais

Parecer 003/2015 CREFITO-4

Parecer 003/2015 CREFITO-4 Parecer 003/2015 CREFITO-4 ASSUNTO: Parecer do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 4ª Região acerca da carga horária atribuída ao fisioterapeuta e ao terapeuta ocupacional no exercício

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI N o 3.734, DE 2008 Altera a Lei nº 3.999, de 15 de dezembro de 1961, que altera o salário-mínimo dos médicos e cirurgiões-dentistas.

Leia mais

TERMO ADITIVO A ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2009/2010

TERMO ADITIVO A ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2009/2010 TERMO ADITIVO A ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2009/2010 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MT000124/2009 DATA DE REGISTRO NO MTE: 07/05/2009 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR011080/2009 NÚMERO DO PROCESSO: 46210.001765/2009-39

Leia mais

Resumo Aula-tema 03: Admissão de Empregado. Alteração nas Condições de Trabalho. Suspensão e Interrupção do Contrato.

Resumo Aula-tema 03: Admissão de Empregado. Alteração nas Condições de Trabalho. Suspensão e Interrupção do Contrato. Resumo Aula-tema 03: Admissão de Empregado. Alteração nas Condições de Trabalho. Suspensão e Interrupção do Contrato. Os temas centrais desta aula são: o início de uma relação de emprego, as possíveis

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO PARECER N

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO PARECER N PARECER N 14.376 CEDIC. Vínculo empregatício. Estabilidade. Reconhecimento judicial. Ato de demissão nulo. Efetividade. Efeitos da sentença. Reiteração do Parecer 13417/02. Vem a esta Equipe de Consultoria

Leia mais

A hora noturna não atende aos padrões temporais convencionados. A hora noturna não corresponde a 60 minutos, mas sim a 52 minutos e 30 segundos.

A hora noturna não atende aos padrões temporais convencionados. A hora noturna não corresponde a 60 minutos, mas sim a 52 minutos e 30 segundos. 1 Aula 04 1 Duração do trabalho 1.1 Repouso O legislador ordinário, buscando, dentre outros objetivos, preservar a saúde do empregado, previu regras atinentes ao repouso durante a jornada, bem como entre

Leia mais

Programa de Proteção ao Emprego PPE

Programa de Proteção ao Emprego PPE Programa de Proteção ao Emprego PPE Ministério de Trabalho e Emprego MTE Grupo Técnico da Secretaria Executiva do Comitê do PPE Previsão Legal Medida Provisória n 680, de 6 de julho de 2015; Decreto n

Leia mais

PARECER PDPE Nº

PARECER PDPE Nº PARECER PDPE Nº 13.167 Prorrogação de contrato não prevista no edital e no contrato. Divergência doutrinária. Impossibilidade, salvo em caráter excepcional. Princípio da isonomia. Procede o presente expediente

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 (Do Sr. Alan Rick) Cria a Subseção XIII, da Seção V, do Capítulo II, do Título III, da Lei nº 8.213, de 24 de julho de 1991, altera os arts. 18, 25, 29, 39, 40 e 124 da Lei nº

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES

PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO 009/2011 Secretaria Municipal de Administração Processos: 100094/2011 ROMILDO BOLZAN

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 59, DE 2014

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 59, DE 2014 PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 59, DE 2014 Altera dispositivos do art. 473 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), para permitir que o empregado possa deixar de comparecer ao trabalho, por até 8 (oito)

Leia mais

Disciplina: Direito e Processo do Trabalho 3º Semestre Professor Donizete Aparecido Gaeta Resumo de Aula

Disciplina: Direito e Processo do Trabalho 3º Semestre Professor Donizete Aparecido Gaeta Resumo de Aula 1. Fontes materiais e formais. 2. Normas Jurídicas de Direito do Trabalho. Constituição, Leis, Atos do Poder Executivo, Sentença normativa, Convenções e Acordos Coletivos, Regulamentos de empresa, Disposições

Leia mais

PROCURADORIA-GERAL DO TRABALHO CÂMARA DE COORDENAÇÃO E REVISÃO

PROCURADORIA-GERAL DO TRABALHO CÂMARA DE COORDENAÇÃO E REVISÃO Origem: PRT 2ª Região Órgão oficiante: Dra. Milena Cristina Costa Interessado 1: Márcia Martins Gonçalves Interessado 2: Autarquia Hospitalar Municipal Assuntos: Trabalho na Administração Pública (04.08

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL ELETRÔNICO DO MUNICÍPIO DE ALVORADA DO SUL ESTADO PARANÁ Lei 1971/2013, de 17 de outubro de 2013 ATOS DO PODER EXECUTIVO MUNICIPAL

DIÁRIO OFICIAL ELETRÔNICO DO MUNICÍPIO DE ALVORADA DO SUL ESTADO PARANÁ Lei 1971/2013, de 17 de outubro de 2013 ATOS DO PODER EXECUTIVO MUNICIPAL DIÁRIO OFICIAL ELETRÔNICO DO MUNICÍPIO DE ALVORADA DO SUL ESTADO PARANÁ Lei 1971/2013, de 17 de outubro de 2013 ATOS DO PODER EXECUTIVO MUNICIPAL Sexta-feira, 14 de Agosto de 2015 Ano III Edição 431. 01

Leia mais

EDITAL DE CADASTRO MUNICIPAL DE MÚSICOS, ARTISTAS E/OU BANDAS MUSICAIS Nº. 005/2016

EDITAL DE CADASTRO MUNICIPAL DE MÚSICOS, ARTISTAS E/OU BANDAS MUSICAIS Nº. 005/2016 EDITAL DE CADASTRO MUNICIPAL DE MÚSICOS, ARTISTAS E/OU BANDAS MUSICAIS Nº. 005/2016 O PREFEITO MUNICIPAL DE GUARAPARI, Estado do Espírito Santo, no uso das atribuições legais que lhe são conferidas pelo

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA N o 7 DE 22 DE NOVEMBRO DE 2007 Dispõe sobre o registro de empresas de trabalho temporário. O Secretário de Relações do Trabalho

INSTRUÇÃO NORMATIVA N o 7 DE 22 DE NOVEMBRO DE 2007 Dispõe sobre o registro de empresas de trabalho temporário. O Secretário de Relações do Trabalho INSTRUÇÃO NORMATIVA N o 7 DE 22 DE NOVEMBRO DE 2007 Dispõe sobre o registro de empresas de trabalho temporário. O Secretário de Relações do Trabalho do Ministério do Trabalho e Emprego, no uso da atribuição

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete da Presidência INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 27, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010.

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete da Presidência INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 27, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010. PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete da Presidência INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 27, DE 28 DE OUTUBRO DE 2010. EMENTA: Regulamenta a concessão e o pagamento de auxílio funeral no

Leia mais

ATO ADMINISTRATIVO Nº 030 DE 25 DE NOVEMBRO DE 2009.

ATO ADMINISTRATIVO Nº 030 DE 25 DE NOVEMBRO DE 2009. ATO ADMINISTRATIVO Nº 030 DE 25 DE NOVEMBRO DE 2009. Dispõe sobre os procedimentos relativos à realização de horas extras pelos funcionários do CREA-PA. O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E

Leia mais

CONSUN Conselho Universitário DECISÃO Nº 432/2015

CONSUN Conselho Universitário DECISÃO Nº 432/2015 CONSUN Conselho Universitário DECISÃO Nº 432/2015 O CONSELHO UNIVERSITÁRIO, em sessão de 27/11/2015, tendo em vista o constante no processo nº 23078.034370/13-31, considerando a proposta apresentada pela

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 15ª REGIÃO 2ª Vara do Trabalho de Sorocaba

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 15ª REGIÃO 2ª Vara do Trabalho de Sorocaba PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 15ª REGIÃO 2ª Vara do Trabalho de Sorocaba PODER JUDICIÁRIO FEDERAL Justiça do Trabalho - 15ª Região 2ª Vara do Trabalho de Sorocaba

Leia mais

O Papel da Procuradoria Federal na Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis MARCELO MENDONÇA PROCURADOR-GERAL SUBSTITUTO

O Papel da Procuradoria Federal na Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis MARCELO MENDONÇA PROCURADOR-GERAL SUBSTITUTO O Papel da Procuradoria Federal na Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis MARCELO MENDONÇA PROCURADOR-GERAL SUBSTITUTO Lei nº 2.123, de 01/12/1953 Art. 2º - Os atuais cargos ou funções

Leia mais

PROCURADORIA GERAL DO MUNICÍPIO?%k DE BELO HORIZONTE. OFÍCIO N* SMAS/AJ/ ''ooolililò ORIGEM: Secretaria Mun.Coord. Adm.

PROCURADORIA GERAL DO MUNICÍPIO?%k DE BELO HORIZONTE. OFÍCIO N* SMAS/AJ/ ''ooolililò ORIGEM: Secretaria Mun.Coord. Adm. hsd PREFEITURA MUNICIPAL?%k mm. OFÍCIO N* SMAS/AJ/075-2001 ''ooolililò ORIGEM: Secretaria Mun.Coord. Adm. Recursos Humanos 5 ASSUNTO: Consulta PARECER CLASSIFICADO DE N9 9302/2002 V EMENTA: Contrato de

Leia mais

BANCO CENTRAL DO BRASIL

BANCO CENTRAL DO BRASIL LEI Nº 8.911 DE 11 DE JULHO DE 1994 Dispõe sobre a remuneração dos cargos em comissão, define critérios de incorporação de vantagens de que trata a Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990, no âmbito do

Leia mais

CONTRATO Nº 054/05/FMS/PSF CONTRATO ADMINISTRATIVO DE ADMISSÃO EM CARÁTER TEMPORÁRIO AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

CONTRATO Nº 054/05/FMS/PSF CONTRATO ADMINISTRATIVO DE ADMISSÃO EM CARÁTER TEMPORÁRIO AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE CONTRATO Nº 054/05/FMS/PSF CONTRATO ADMINISTRATIVO DE ADMISSÃO EM CARÁTER TEMPORÁRIO AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE Pelo presente instrumento de contrato, o FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE IBICARÉ, Município

Leia mais

RIO GRANDE DO NORTE LEI Nº 9.957, DE 15 DE JUNHO DE 2015.

RIO GRANDE DO NORTE LEI Nº 9.957, DE 15 DE JUNHO DE 2015. RIO GRANDE DO NORTE LEI Nº 9.957, DE 15 DE JUNHO DE 2015. Dispõe sobre a contratação de pessoal, por prazo determinado, para o atendimento de necessidade temporária de excepcional interesse público, no

Leia mais

4.1 - A admissão de colaborador condiciona-se a exames de seleção técnica e médica; mediante apresentação dos documentos exigidos, em prazo fixado.

4.1 - A admissão de colaborador condiciona-se a exames de seleção técnica e médica; mediante apresentação dos documentos exigidos, em prazo fixado. POLÍTICAS DE RH DA PEQUENA CASA DA CRIANÇA 1. FINALIDADE: Estabelecer políticas e procedimentos de trabalho concernentes a Pequena, como parte integrante ao contrato individual de trabalho. A obrigatoriedade

Leia mais

Ensaio sobre a nova Lei dos Empregados Domésticos

Ensaio sobre a nova Lei dos Empregados Domésticos www.fagnersandes.com.br Preparando você para o sucesso! Ensaio sobre a nova Lei dos Empregados Domésticos Regulamentado pela Lei Complementar n. 150/15, empregado doméstico é aquele que presta serviços

Leia mais

ASSUNTO: Acumulação de Cargos. Referência: Documento nº / SUMÁRIO EXECUTIVO

ASSUNTO: Acumulação de Cargos. Referência: Documento nº / SUMÁRIO EXECUTIVO MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Recursos Humanos Departamento de Normas e Procedimentos Judiciais Coordenação Geral de Elaboração, Sistematização e Aplicação das Normas NOTA

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA PORTARIA Nº 23, DE 28 DE AGOSTO DE 2014. Fixa e regulamenta as normas de conduta dos empregados e as regras para o funcionamento do COFECON. O PRESIDENTE DO CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA, no uso de suas

Leia mais

Quadro Comparativo das Alterações Propostas. Contém somente os dispositivos alterados em relação ao Regulamento vigente

Quadro Comparativo das Alterações Propostas. Contém somente os dispositivos alterados em relação ao Regulamento vigente OABPrev/RJ FUNDO DE PENSÃO MULTIPATROCINADO DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL, SECCIONAL RIO DE JANEIRO Regulamento do Plano de Benefícios Previdenciários do Advogado RJPrev Quadro Comparativo das Alterações

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2016/2017 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR004407/2016 DATA DE REGISTRO NO MTE: 25/10/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR067091/2016 NÚMERO DO PROCESSO: 46294.001639/2016-21 DATA DO

Leia mais

DECRETO N.º 3464, DE 30 DE NOVEMBRO DE (alterado pelo DECRETO Nº 3487, DE 20 DE JANEIRO DE 2016)

DECRETO N.º 3464, DE 30 DE NOVEMBRO DE (alterado pelo DECRETO Nº 3487, DE 20 DE JANEIRO DE 2016) DECRETO N.º 3464, DE 30 DE NOVEMBRO DE 2015. (alterado pelo DECRETO Nº 3487, DE 20 DE JANEIRO DE 2016) "DISPÕE SOBRE A CONCESSÃO DE ADICIONAL DE PERICULOSIDADE AO SERVIDOR PÚBLICO DETENTOR DE CARGO EFETIVO

Leia mais

Posicionamento Consultoria De Segmentos. Descanso Semanal Remunerado - Hora Noturna

Posicionamento Consultoria De Segmentos. Descanso Semanal Remunerado - Hora Noturna Descanso Semanal Remunerado - Hora Noturna 30/09/2015 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Legislação... 3 4. Conclusão... 4 5. Informações

Leia mais

PROJETO DE LEI N o 7.493, DE 2010 (Apenso Projeto de Lei nº 7.495, 2010)

PROJETO DE LEI N o 7.493, DE 2010 (Apenso Projeto de Lei nº 7.495, 2010) COMISSÃO DE SEGURIDADE SOCIAL E FAMÍLIA PROJETO DE LEI N o 7.493, DE 2010 (Apenso Projeto de Lei nº 7.495, 2010) Acrescenta parágrafos ao art. 12 da Lei nº 8.429, de 2 de junho de 1992. Autor: Deputado

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01, DE 27 DE FEVEREIRO DE 2014

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01, DE 27 DE FEVEREIRO DE 2014 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01, DE 27 DE FEVEREIRO DE 2014 Dispõe sobre os procedimentos de emissão e homologação da Certidão de Tempo de Contribuição CTC. O DIRETOR-PRESIDENTE DO INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS

Leia mais

I - DOS RECURSOS ORIUNDOS DOS ACORDOS DE EMPRÉSTIMOS OU CONTRIBUIÇÕES FINANCEIRAS NÃO REEMBOLSÁVEIS

I - DOS RECURSOS ORIUNDOS DOS ACORDOS DE EMPRÉSTIMOS OU CONTRIBUIÇÕES FINANCEIRAS NÃO REEMBOLSÁVEIS INSTRUÇÃO NORMATIVA N o 06, DE 27 DE OUTUBRO DE 2004. Dispõe sobre os procedimentos de movimentação de recursos externos e de contrapartida nacional, em moeda ou bens e/ou serviços, decorrentes dos acordos

Leia mais

Coordenação-Geral de Tributação

Coordenação-Geral de Tributação Fls. 2 1 Coordenação-Geral de Tributação Solução de Consulta nº 3 - Data 6 de janeiro de 2015 Processo Interessado CNPJ/CPF ASSUNTO: CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS PREVIDENCIÁRIAS SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO. PROGRAMA

Leia mais

Plano de Cargos, Carreiras e Salários CONTROLE DE REVISÕES

Plano de Cargos, Carreiras e Salários CONTROLE DE REVISÕES Plano de Cargos, Carreiras e Salários Abril de 2013 CONTROLE DE REVISÕES Versão Data Responsável Descrição 0 15/04/2013 Tríade RH Desenvolvimento e Implantação do Plano 1 26/06/2013 Tríade RH Revisão do

Leia mais

PORTARIA Nº 123/2014 DE 16 de JUNHO de 2014

PORTARIA Nº 123/2014 DE 16 de JUNHO de 2014 PORTARIA Nº 123/2014 DE 16 de JUNHO de 2014 Disposto nas legislações DEL5452/43 Consolidação das Leis do Trabalho, L8069/90 - Estatuto da Criança e do Adolescente ECA, L9394/96 Lei de Diretrizes e Bases

Leia mais

Estado de Goiás Tribunal de Contas dos Municípios PLENO ACÓRDÃO AC Nº 03063/ TCMGO PLENO. Delane Silva do Nascimento, Gestora do FUNPREVAL

Estado de Goiás Tribunal de Contas dos Municípios PLENO ACÓRDÃO AC Nº 03063/ TCMGO PLENO. Delane Silva do Nascimento, Gestora do FUNPREVAL PLENO Fase 2 ACÓRDÃO AC Nº 03063/2016 - TCMGO PLENO Processo 08329/2012 Fase 2 Município Assunto Recorrente Águas Lindas de Goiás Recurso de Revisão Delane Silva do Nascimento, Gestora do FUNPREVAL CPF

Leia mais

DISPENSA DE LICITAÇÃO

DISPENSA DE LICITAÇÃO DISPENSA DE LICITAÇÃO Processo: Secretaria: Empresa: CNPJ: Objeto: LISTA DE VERIFICAÇÕES Justificativa - deverá ser elaborada pela Secretaria Requisitante, a qual identificará a necessidade administrativa

Leia mais

A REDUÇÃO DA JORNADA DE TRABALHO E SEUS REFLEXOS

A REDUÇÃO DA JORNADA DE TRABALHO E SEUS REFLEXOS A REDUÇÃO DA JORNADA DE TRABALHO E SEUS REFLEXOS SANTOS JÚNIOR, Valdir Garcia dos RESUMO: freqüentemente ouvimos falar em propostas de mudanças na legislação obreira. Hodiernamente está em pauta uma alteração

Leia mais

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE BARRETOS, ESTADO DE SÃO PAULO: Professor II: (NR) V -...

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE BARRETOS, ESTADO DE SÃO PAULO: Professor II: (NR) V -... LEI COMPLEMENTAR N.º 176, DE 04 DE ABRIL DE 2012. ALTERA E REVOGA DISPOSITIVOS QUE ESPECIFICA DA LEI COMPLEMENTAR N.º 45, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2004, COM ALTERAÇÕES SUBSEQUENTES. O PREFEITO DO MUNICÍPIO

Leia mais

CAPITULO I OBJETIVOS. Art. 1º Implantar o crachá de identificação e sua utilização para registro do ponto;

CAPITULO I OBJETIVOS. Art. 1º Implantar o crachá de identificação e sua utilização para registro do ponto; CAPITULO I OBJETIVOS Art. 1º Implantar o crachá de identificação e sua utilização para registro do ponto; Art. 2º Estabelecer as normas de registro das horas trabalhadas do ponto eletrônico; Art. 3º Normatizar

Leia mais

Aula de Sexta-Feira(06/05/2011)

Aula de Sexta-Feira(06/05/2011) Aula de Sexta-Feira(06/05/2011) Salário: Art. 7º C.F. São direitos dos trabalhadores além de outros IV salário mínimo, fixado em lei, nacionalidade unificado, capaz de atender as suas necessidades vitais

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 1.217, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2013

LEI COMPLEMENTAR Nº 1.217, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2013 LEI COMPLEMENTAR Nº 1.217, DE 12 DE NOVEMBRO DE 2013 Altera a Lei Complementar nº 1.111, de 25 de maio de 2010, que institui o Plano de Cargos e Carreiras dos servidores do Tribunal de Justiça do Estado

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI Nº 2.750, DE 2011.

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI Nº 2.750, DE 2011. COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI Nº 2.750, DE 2011. Fixa piso salarial nacional dos médicos. Autor: Deputado ANDRE MOURA Relatora: Deputada FLÁVIA MORAIS I - RELATÓRIO

Leia mais

MPDFT, determina o cumprimento da legislação militar a esses servidores, e que, nem a

MPDFT, determina o cumprimento da legislação militar a esses servidores, e que, nem a MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO AUDITORIA INTERNA SECRETARIA DE ORIENTAÇÃO E AVALIAÇÃO PARECER SEORI/AUDIN-MPU N 2.356/2015 Referência : Oficio n 152/2015/DG/MPDFT, de 18 de setembro de 2015. Protocolo AUDIN-MPU

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL 1 de 5 19/02/2015 14:00 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000233/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 12/02/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR076924/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.030044/2014-53

Leia mais

Coordenação-Geral de Tributação

Coordenação-Geral de Tributação Fls. 1 Coordenação-Geral de Tributação Solução de Consulta nº 8 - Data 2 de fevereiro de 2016 Processo Interessado CNPJ/CPF ASSUNTO: CONTRIBUIÇÃO DE INTERVENÇÃO NO DOMÍNIO ECONÔMICO - CIDE CIDE-REMESSAS.

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE PRÓ-REITORIA ADMINISTRATIVA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/2002

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE PRÓ-REITORIA ADMINISTRATIVA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/2002 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE PRÓ-REITORIA ADMINISTRATIVA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/2002 O Pró-Reitor Administrativo da Fundação Universidade Federal do Rio Grande,

Leia mais

NOTA TÉCNICA Nº 173/2014/CGNOR/DENOP/SEGEP/MP

NOTA TÉCNICA Nº 173/2014/CGNOR/DENOP/SEGEP/MP MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Gestão Pública Departamento de Normas e Procedimentos Judiciais de Pessoal Coordenação-Geral de Aplicação das Normas NOTA TÉCNICA Nº 173/2014/CGNOR/DENOP/SEGEP/MP

Leia mais

NOTA TÉCNICA Nº 749/2009/COGES/DENOP/SRH/MP. Assunto: Aposentadoria por invalidez, integralização dos proventos de aposentadoria.

NOTA TÉCNICA Nº 749/2009/COGES/DENOP/SRH/MP. Assunto: Aposentadoria por invalidez, integralização dos proventos de aposentadoria. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Recursos Humanos Departamento de Normas e Procedimentos Judiciais Coordenação-Geral de Elaboração, Sistematização e Elaboração das Normas NOTA

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: CE001009/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 21/07/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR034284/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46205.010483/2015-40 DATA DO

Leia mais

ACUMULAÇÃO DE FUNÇÕES

ACUMULAÇÃO DE FUNÇÕES ACUMULAÇÃO DE FUNÇÕES Ex.mo(a) Senhor(a) Nome n.º, com relação jurídica de emprego público por tempo indeterminado/termo resolutivo desta Câmara Municipal, com a carreira/categoria de e afeto ao setor,

Leia mais

228/2009/COGES/DENOP/SRH/MP. Referência: Processos nºs / , / , / e

228/2009/COGES/DENOP/SRH/MP. Referência: Processos nºs / , / , / e MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Recursos Humanos Departamento de Normas e Procedimentos Judiciais Coordenação-Geral de Elaboração, Sistematização e Aplicação das Normas Nota

Leia mais

DIREITO DO TRABALHO II. Profa. Graciane Saliba

DIREITO DO TRABALHO II. Profa. Graciane Saliba DIREITO DO TRABALHO II Profa. Graciane Saliba - Apresentação do site - Apresentação do plano de ensino e temas que serão tratados - Horários de aula - Trabalhos em sala e em equipe - Ausência e chamadas

Leia mais

Requerente: ASSISTENTE FINANCEIRO DO CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DA 16ª REGIÃO CRP16/ES.

Requerente: ASSISTENTE FINANCEIRO DO CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DA 16ª REGIÃO CRP16/ES. Parecer nº 004/2016 Requerente: ASSISTENTE FINANCEIRO DO CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DA 16ª REGIÃO CRP16/ES. Assunto: Pregão Eletrônico Hotel para realização de Congresso Fase interna. 1. Consulta.

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 89, DE 2015

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 89, DE 2015 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 89, DE 2015 Altera o inciso XIII do art. 7º da Constituição Federal, para reduzir a jornada semanal de trabalho. As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal,

Leia mais

LEI Nº 4.249, DE 17 DE DEZEMBRO DE Art. 2º - Considera-se necessidade temporária de. I - assistência a situações de emergência e de

LEI Nº 4.249, DE 17 DE DEZEMBRO DE Art. 2º - Considera-se necessidade temporária de. I - assistência a situações de emergência e de LEI Nº 4.249, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2002. Dispõe sobre a contratação por tempo determinado para atender a necessidade temporária de excepcional interesse público, nos termos do inciso IX do artigo 37 da

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA C R A

AUDIÊNCIA PÚBLICA C R A AUDIÊNCIA PÚBLICA C R A Cristiano Barreto Zaranza Chefe da Assessoria Jurídica Fev. 2010 Alteração da Lei 5.889/73 Regulamentou o trabalho rural Principais objetivos: - Dar dinamismo ao setor primário

Leia mais

Equiparação a Bolseiro

Equiparação a Bolseiro Instituto Politécnico de Coimbra (IPC) Equiparação a Bolseiro Regulamento Preâmbulo Face ao disposto no artigo 29º- A do Decreto-Lei nº 207/2009, de 31 de Agosto - Estatuto da Carreira do Pessoal Docente

Leia mais

EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 013/2016 Tipo de julgamento: menor preço por item Processo Administrativo nº

EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 013/2016 Tipo de julgamento: menor preço por item Processo Administrativo nº EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 013/2016 Tipo de julgamento: menor preço por item Processo Administrativo nº045.2016 CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE PSICOLOGO(A) PARA ATUAR JUNTO AO PROGRAMA NAAB- Nucleo De Apoio

Leia mais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 41/2015

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 41/2015 PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 41/2015 ALTERA A LEI COMPLEMENTAR Nº 266 DE 5 DE ABRIL DE 2008, QUE DISPÕE SOBRE O REGIME JURÍDICO DOS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE JOINVILLE, DAS AUTARQUIAS E DAS FUNDAÇÕES

Leia mais

Curso Êxito e Prof. Bruno Creado

Curso Êxito e Prof. Bruno Creado Curso Êxito e Prof. Bruno Creado Questões Comentadas (Aula 3) Segue às questões da Vunesp do concurso de procurador municipal, devidamente comentada. Alteração do contrato 1. Complete a frase: A mudança

Leia mais

3 DISCUSSÃO E SUGESTÕES

3 DISCUSSÃO E SUGESTÕES Nota Técnica n.º 01/2015-CAOpEDUCAÇÃO-MPE/MA EMENTA: Lei n.º 11.738/2008, que instituiu o piso salarial profissional nacional para os profissionais do magistério público da educação básica. Redução da

Leia mais

1 I. i 'VA, Parecer Classificado 9406/02. Processo:

1 I. i 'VA, Parecer Classificado 9406/02. Processo: PREFEITURA MUNICIPAI Processo: 01.052.352.01.12 000135500 Interessado: Secretaria Municipal de Saúde Referência: Possibilidade de afastamento por Licença Maternidade de profissional contratada através

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI N o 3.898, DE 2008 Altera a redação do art. 12 da Lei nº 605, de 5 de janeiro de 1949, que dispõe sobre o repouso semanal remunerado

Leia mais

Parecer pelo conhecimento do conflito, para que seja declarada a competência da Justiça Federal.

Parecer pelo conhecimento do conflito, para que seja declarada a competência da Justiça Federal. Nº 5459/2014 ASJCIV/SAJ/PGR Relator: Ministro Marco Aurélio Suscitante: Juiz Federal da 3ª Vara Federal da Seção Judiciária do DF Suscitado: Tribunal Superior do Trabalho Interessados: Cristiano Gomes

Leia mais

GFIP - Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço e Informações à Previdência Social OUTUBRO/2016

GFIP - Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço e Informações à Previdência Social OUTUBRO/2016 Previdência Dia: 07 Trabalhista/Previdenciária Mês: 11/2016 GFIP - Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço e Informações à Previdência Social Envio da Guia de Recolhimento do Fundo

Leia mais

PROCESSO Nº TST-RR A C Ó R D Ã O 3ª Turma GMAAB/rca/ct/ems

PROCESSO Nº TST-RR A C Ó R D Ã O 3ª Turma GMAAB/rca/ct/ems A C Ó R D Ã O 3ª Turma GMAAB/rca/ct/ems RECURSO DE REVISTA. DIFERENÇAS SALARIAIS. REDUÇÃO DA JORNADA A PEDIDO DO EMPREGADO. ALTERAÇÃO SALARIAL. POSSIBILIDADE. O art. 7º, VI, da Constituição da República

Leia mais

QUADRO DE PESSOAL PARTE PERMANENTE ANEXO I CARGOS DE PROVIMENTO EFETIVO CRIADOS, MANTIDOS OU RENOMENCLADOS

QUADRO DE PESSOAL PARTE PERMANENTE ANEXO I CARGOS DE PROVIMENTO EFETIVO CRIADOS, MANTIDOS OU RENOMENCLADOS Lei N.º288, de 20 de Novembro de 2012. Altera o quadro de pessoal parte permanente e seus níveis do anexo I e II e a escala de vencimentos do anexo III, da Lei Complementar N.º075/98; Lei N.º162 de 14

Leia mais

O PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais,

O PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais, RESOLUÇÃO GPGJ n o 1.744 DE 22 DE MAIO DE 2012. Institui, no âmbito da Coordenação Setorial de Meio Ambiente do 6 o Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça de Tutela Coletiva do Ministério

Leia mais

70 anos da CLT: Uma história de lutas e conquistas

70 anos da CLT: Uma história de lutas e conquistas Boletim Econômico Edição nº 03 Setembro de 2013 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico 70 anos da CLT: Uma história de lutas e conquistas 1 A Carteira de Trabalho Em 21 de março de

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Faculdade Mineira de Direito - Núcleo Barreiro

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Faculdade Mineira de Direito - Núcleo Barreiro PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Faculdade Mineira de Direito - Núcleo Barreiro Henrique Gustavo Guimaraes Jose Isaias Fonseca Rafael Moreira Campos Gomes Ronaldo José Santana ANÁLISE CASO

Leia mais

2012 Cartilha do Comércio

2012 Cartilha do Comércio 2012 Cartilha do Comércio APRESENTAÇÃO O Sindicato do Comércio Varejista e Atacadista de Tubarão e Região SINDILOJAS, no atendimento das necessidades dos seus representados, reuniu as principais dúvidas

Leia mais