E-commerce. Principais Elementos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "E-commerce. Principais Elementos"

Transcrição

1 E-commerce Conceitos Básicos (atrair, converter, monitorar) Televendas x ecommerce (mcommerce, fcommerce, Social Commerce...) Commodities x Nicho Reputação Oportunidade, relevância e frequência Principais Elementos Produto/Serviço Fornecedores Mix (Especialidade/Variedade) Vitrine Ficha Técnica Informações Comparativos Promoções Estrutura Design Facilidade de Navegação Facilidade de Compra Segurança Meios de Pagamentos Logística Pós Venda Central de Atendimento Servidores Seguros Bancos de Dados Certificados Digitais Público Classe Social Hábitos de Consumo Acesso Bancarizado ecommerce x mcommerce Divulgação Redes Sociais Sites de Acesso Massificado Comunicação Dirigida Catálogos Impressos Anúncios Offline Proximidade (WiFi + Bluetooth) Fidelização via FourSquare Cases Relevantes Amazon: dos livros a lojas de departamentos Submarino e Americanas: B2W e as entregas itunes: mudando a forma de vender música Pão de Açúcar: maçãs via internet

2 Questões 1. Qual o mecanismo básico de ecommerce? 2. É possível vender qualquer coisa pela internet? O que não seria possível? 3. A existência de sites de comparação de preços sugere que tipos de estratégia? 4. Como dimensionar a logística de entrega e atendimento nos picos? 5. Que tipo de competição deve ser esperada, considerando as grandes associações de portais de vendas (B2W etc)? Que estratégia adotar? 6. O poder do consumidor: Procon e Reclame Aqui. 7. A construção da reputação das empresas. 8. Como as redes sociais podem influenciar a decisão de compra? 9. Internet é só para oferecer melhor preço? 10. Alcance, promoções e ofertas. Linha do Tempo Benjamin Franklin: catálogos de livros científicos e acadêmicos Telégrafo Catálogo Sears, Roebuck and Co. (USA) População rural e lojas com altos preços. Compras pelo correio permitiam valores melhores Universal Stores (UK) Rádio EDI (Electronic Data Interchange) ARPAnet Teleshopping (ligue agora para o número que aparece em seu vídeo). Facas Ginsu: Minitel na França Internet aberta para uso comercial (USA) Mosaic (browser com interface gráfica) JCPenney online e Dell Internet aberta no Brasil Amazon e ebay (na época AuctionWeb) Netflix (filmes via internet) PayPal e Google Desenvolvimento dos protocolos de segurança Zappos (depois adquirida pela Amazon) e Napster Bolha ponto coms Amazon mobile itunes Facebook e padrão PCI YouTube iphone Groupon e App Store ipad Fonte:

3 Estatísticas Básicas Produtos Mais Vendidos no Varejo online do Brasil Eletrodomésticos 1 Livros, Revistas, Jornais 2 Saúde e Beleza 3 Informática 4 Fonte: Levantamento mensal realizado pela empresa ebit / Compilação: Acesso a Internet no Brasil - Indicadores Gerais Setembro Pessoas >16 anos c/ acesso a Internet - (milhões) Usuários Ativos (milhões) Tempo de navegação no mês (hs) Tempo médio gasto em cada página visualizada (seg) Brasil 78 mi 46,3 mi 48h26 47 seg Fonte NielsenNetratings / Compilação Internautas refere-se a quantidade de pessoas, com mais de 16 anos, que tem acesso à Internet nas residências, trabalho ou lan-house. Usuários ativos: que tiveram pelo menos um acesso à Internet no mês anterior. Comércio Eletrônico no Brasil ANO FATURAMENTO Variação 2011 (previsão) R$ 20,00 bilhões 35% 2010 R$ 14,80 bilhões 40% 2009 R$ 10,60 bilhões 33% 2008 R$ 8.20 bilhões 30% 2007 R$ 6.30 bilhões 43% 2006 R$ 4,40 bilhões 76% 2005 R$ 2.50 bilhões 43% 2004 R$ 1.75 bilhão 48% 2003 R$ 1.18 bilhão 39% 2002 R$ 0,85 bilhão 55% 2001 R$ 0,54 bilhão - Fonte ebit - Não considera vendas de automóveis, passagens aéreas e leilões on-line.

4 Evolução das Vendas do Natal e Ticket Médio Data da Pesquisa Natal 2010 (15/11-23/12) Natal 2009 (15/11-23/12) Natal 2008 (15/11-23/12) Natal 2007 (15/11-23/12) Natal 2006 (15/11-23/12) Natal 2005 (15/11-23/12) Natal 2004 (15/11-23/12) Natal 2003 (15/11-23/12) Faturamento (R$ milhões) Variação (mesmo Período do Ano Anterior) Faturamento Acumulado no Ano (bilhões) Ticket Médio (R$) % 14, % 10, % 8, % 8, % 4, % 2, % 1, % 1,1 315 Fonte: Levantamento realizado pela empresa e-bit / Compilação: Nota: não estão incluídos neste indicador o faturamento de sites de leilão, as vendas de passagens aéreas e vendas de automóveis. econsumidores no Brasil Ano * Consumidores Milhões ,6 23,0 30,0 Crescimento% - 81% 30% 31% 41% 46% 36% 39% 33% 30% 30% Utilização da Internet no Mundo # País População 2011 Est Usuários Internet 2000 Usuários Internet últimos dados Penetração Sobre o total 1 China 1,336,718,015 22,500, ,000, % 23.0 % 2 Estados Unidos 313,232,044 95,354, ,000, % 11.6 % 3 India 1,189,172,906 5,000, ,000, % 4.7 % 4 Japão 126,475,664 47,080,000 99,182, % 4.7 % 5 Brasil 203,429,773 5,000,000 75,982, % 3.6 % 6 Alemanha 81,471,834 24,000,000 65,125, % 3.1 % 7 Russia 138,739,892 3,100,000 59,700, % 2.8 % 8 Reino Unido 62,698,362 15,400,000 51,442, % 2.4 % 9 França 65,102,719 8,500,000 45,262, % 2.1 % 10 Nigeria 155,215, ,000 43,982, % 2.1 % Fonte:

5 Fluxo de Compras Necessidade/Desejo Pesquisa dos Fornecedores Comparação (características, preço, condições, atendimento etc) Decisão (critérios variados) Conclusão Entrega Pagamento Barreiras Acesso a internet Não bancarizados Não confia para passar o cartão Não manuseia o produto Não conhece a loja Reputação da loja

6 Por que as pessoas compram online? Why Do People Purchase Items Online? by Joel on January 7, 2012 Existem várias razões para fazer compras online, mas as principais parecem ser as listadas abaixo: Preço Competitivo A internet é uma grande feira. Para que o consumidor tome sua decisão baseado em preço, este deve ser competitivo o suficiente para que o risco valha a pena (especialmente no caso de novos entrantes). Em alguns casos são oferecidas amostras dos produtos ou serviços, como por exemplo versões limitadas de softwares para teste com possibilidade de upgrade via aquisição de uma versão completa. Uma tendência denominada Freemium, já utilizada pelo pipoqueiro na porta da escola e pelos vendedores de amendoim. Tranquilidade (Peace of Mind) Oferta do melhor serviço do segmento, atendimento telefônico, garantia, troca, devolução do dinheiro e outras vantagens que geram valor percebido suficiente para fazer com que o consumidor não se importe de pagar mais. Um endereço ou lojas físicas podem ajudar a estabelecer confiança. Aqui existe um bom nicho de mercado para empresas de reparos domésticos, aproveitando a divulgação indireta em novelas e revistas especializadas, como a Dr Resolve. Conveniência Entrega no mesmo dia ou no dia seguinte, retirada e entrega de equipamentos em garantia, vários artigos no mesmo local, suporte telefônico, FAQs oferecem conveniência ao consumidor que decide baseado na economia de esforço proporcionada. Muito utilizada para entregas em escritórios de comida e medicamentos e para ingressos para espetáculos, mediante uma taxa de conveniência que pode chegar a dobrar o custo. Escassez/Exclusividade Se o produto vendido é único e não está disponível em outros lugares o consumidor se submete a pagar mais e aguardar pela entrega do produto. Este era o modelo adotado pelas promotoras Avon e Natura. Relacionamento Baseado em confiança. Se a liderança é demonstrada por meio de competência e conhecimento, se as promessas feitas são mantidas e se é feito esforço para dar algo em troca para a comunidade, a tribo de consumidores pode pagar mais pela confiança no vendedor. Apple. As empresas de sucesso entregam ao menos duas das características acima. As melhores oferecem mais de duas características e são as melhores de seu nicho. As marcas com classe mundial entregam todas as características e agragam valor de outras formas, sem necessidade de preocupação primária com preço.

7 O comércio nas redes sociais Social Commerce Sandra Turchi fev 08 Por definição, Social Commerce é o e-commerce envolvendo o relacionamento entre pessoas. Isso sempre ocorreu em se tratando de comércio, porém, quando isso se expande para os relacionamentos no universo digital, então, pode ser considerado novo e muito estimulante, principalmente se lembrarmos que hoje há, no mundo, aproximadamente um bilhão de pessoas nas redes sociais. Como exemplo, temos o Facebook, criado em 2006, que ultrapassou o Google em tráfego semanal nos EUA. Se ele fosse um país seria o terceiro mais populoso do mundo. Além disso, a maioria do público nas redes sociais são mulheres, que coincidentemente são também a maioria do público consumidor. Até mesmo um novo termo já está sendo criado: o F- commerce, ou comércio via Facebook, que, por exemplo, já é explorado por companhias como Victoria s Secret e Delta Airlines. (Via Portal PEGN Ed. Globo) Como se sabe, as redes sociais (Twitter, Facebook, Orkut etc.) ampliaram as possibilidades de troca de informações e influências, pois nelas as pessoas falam sobre seus interesses e dentre eles estão empresas, marcas e produtos. Elas interagem, por exemplo, buscando esclarecer suas dúvidas, bem como aquelas que outros usuários possam ter usando, para isso, a opinião de pessoas conhecidas ou não. Para se ter uma ideia, 78% das pessoas confia nas opiniões postadas na web, enquanto apenas 14% confia em anúncios. Esse processo, cada vez mais, antecede as compras que possam ou não ser realizadas pela web, mas que, com certeza, nela se iniciam. Há diversos benefícios que os internautas descobriram nessa interação propiciada pelo Social Commerce como: economia de tempo, troca de experiências, redução do risco de uma compra inadequada, soluções baseadas em interesses comuns, aumento do poder de barganha, além, obviamente, de um relacionamento mais próximo com as marcas dos fabricantes. Apenas para ilustrar como isso ocorre na prática, vou recorrer a um exemplo pessoal. Eu me vi recentemente numa situação nova e interessante. Tinha que comprar um carrinho para bebê, afinal, em breve teremos mais um morador em casa. Porém, ao chegar à loja me deparei com um número imenso de modelos e nenhum vendedor para esclarecer minhas dúvidas. Resultado: fui para casa e pesquisei na web a opinião de outras pessoas que passaram pela mesma dificuldade. Pude observar os comentários, analisar as funcionalidades e a pontuação (número de estrelas) para cada modelo e ainda comparar preços entre lojas, enfim, uma infinidade de informações foram obtidas em apenas um click. Feito isso, em uma viagem recente, pude adquirir com maior segurança um modelo mais adequado às minhas futuras necessidades e por um valor muito mais justo. Por outro lado, as empresas estão ainda descobrindo que esse é também um caminho para elas próprias interagirem com seus consumidores, pois podem aumentar o seu conhecimento sobre eles, criar um vínculo, posicionar-se,

8 através de uma comunicação direta, e monitorar os resultados dos impactos de suas ações. O que elas estão entendendo é que as redes sociais tornaram-se uma plataforma de interação para acompanhar e até mesmo antecipar tendências sobre interesses de compras. Porém, isso ainda é utilizado de forma incipiente, pois é um trabalho desgastante e muito diferente da mídia tradicional. Porque é uma outra coisa: não é propaganda, não é divulgação, é relacionamento e como sabemos, qualquer relacionamento dá trabalho. Exige conhecimento do outro e dedicação. Portanto, fica o meu alerta. Se vocês e a sua empresa ainda estão se questionando se devem ou não fazer algo relacionado às mídias sociais, lamento, pois já estão atrasados. Você deveriam já estar se questionando sobre como fazer, pois isso não é uma moda passageira. É uma tendência e que realmente veio para ficar.

9 Compras Coletivas O Grupon foi lançado em 2008 no Estados Unidos. No Brasil as operações iniciaram em 2010, abrindo espaço para outros concorrentes como o Peixe Urbano, Clube do Desconto, Vale Junto, Save Me, Groupalia e outros. Escolher os produtos mais promissores para promoção Para maximizar o retorno da oferta procure anunciar produtos que possam ser vendidos com um desconto expressivo, mas sem prejuízo para a empresa. Isso é mais fácil de fazer com serviços do que bens físicos. Além disso produtos de consumo geral tendem a ser melhor sucedidos que produtos de nicho, tendo em vista o grande volume de audiência. A disponibilidade de produtos complementares àquele que está em promoção também é um fator que aumenta o retorno da campanha. Contratar site de compra coletiva Acesse alguns dos sites e peça um orçamento. Procure contatar e orçar com pelo menos três empresas de diferentes portes e avalie as propostas. O valor cobrado pelas empresas geralmente varia de 30% a 50% do valor do bem e ainda não se estabilizou em um patamar de mercado. Definir os parâmetros da campanha de compra coletiva Isso deve ser feito com a ajuda da empresa que tem experiência na realização das ofertas bem sucedidas. Preparar-se para atender a demanda mantendo o padrão Não é porque o produto foi vendido a um preço menor que a qualidade do produto ou atendimento possam ser alteradas. O consumidor online não deixará de ser exigente só porque comprou com desconto. Além disso, os compradores decorrentes da promoção, são potenciais clientes para serem fidelizados, portanto devem receber o que a empresa oferece de melhor.

10 Case: Amazon 34 bilhões em vendas (1º sem 2011) representando crescimento de 40% Lucro líquido de 2,5 bilhões Amazon.com, uma empresa Fortune 500 baseada em Seattle, começou na internet com 1 milhão de títulos de livros em julho de 1995 e hoje oferece uma das maiores seleções de produtos da Terra. A Amazon foca seus esforços nos clientes, que podem descobrir o que querem comprar online com os melhores preços. Oferece milhões de artigos novos, reformados ou usados em categorias como saúde e cuidados pessoais, jóias e relógios, itens gourmet, artigos esportivos, confecção e acessórios, livros, música, DVDs, eletrônicos, brinquedos e casa e jardim. [Source: Amazon.com, Inc., December 2007] Primeiro site da Amazon em Fonte: digitalenterprise.org/images/amazon.gif

11 Algumas Ações Os 10 anos de empresa coincidiram com o lançamento do 6º livro da série Harry Potter. A Amazon comemorou a data utilizando conteúdos exclusivos para criar uma experiência única no lançamento dos novos produtos. Foram desenvolvidas 3 ações especiais com videos online: 1. O primeiro painel de avaliação infantil, onde os fãs de Harry Potter com menos de 18 anos poderiam enviar videos explicando porque deveriam ser escolhidos como especialistas. 2. Um programa especial de entregas feitas por celebridades como Anna Kournikova e Harrison Ford, gravando a reação dos clientes surpresos em videos disponibilizados no site da Amazon. 3. Um concerto para celebrar o 10º aniversário da marca com a presença de Bob Dylan e Norah Jones transmitido online pela homepage do site e disponível nas 24h seguintes ao evento. Tecnicamente a empresa optou por terceirizar os servidores para que as visualizações dos vídeos não sobrecarregassem os servidores, garantindo experiências de marca impecáveis. Outras mudanças vieram depois com a criação de uma modalidade premium para oferecer mais vantagens a alguns clientes dispostos a pagar uma taxa adicional por isso, rapidamente recuperável na forma de descontos ou preços de entrega diferenciados com prazos mais curtos. Além disso, a Amazon foi a primeira empresa a disponibilizar conteúdo digital de títulos de livros em 2007 para em conjunto com o Kindle (seu leitor no estilo tablet) e outras plataformas digitais (computadores e smartphones) para permitir a compra destes conteúdos com entrega imediata via download. Esta ação permite eliminar estoques físicos, impressão e transporte reduzindo o valor do livro digital em relação ao livro impresso. Apesar de não valer a pena para todos os títulos (livros de arte, por exemplo, ainda são melhores no modelo tradicional) em alguns casos representa uma extrema conveniência aliada a uma extrema facilidade de compra. Hoje a livraria digital conta com títulos para venda e alguns milhões de títulos gratuitos de livros editados antes de 1923, com direitos autorais expirados. São comprados mais livros digitais do que físicos, segundo a Amazon. Nesse aspecto, a Amazon também inovou, além das ofertas personalizadas, permitindo a confiuração de compra com 1 click, simplificando a experiência do mcommerce. Questões a considerar: Quais os benefícios e limitações do modelo de negócios online da Amazon? Como a Amazon mudou o mercado editorial? Como o desenho do site ajuda os clientes a encontrar o produto desejado em meio a milhões de ofertas disponíveis? Que tipo de recomendações a Amazon utiliza para personalizar a experiência dos usuários? A Amazon permite que sejam comercializados livros usados junto aos livros novos, apresentando os preços diferenciados para cada consulta. Comente sobre esta prática.

12 F-Commerce: 10 dicas para uma loja de sucesso no Facebook Marcelo Goberto, Março 2011 Tanto se tem falado sobre S-commerce, com inúmeras possibilidades dentro das redes sociais que podem ofertar novos meios de negócios a um público acostumado ao conceito eletrônico. Uma nova sigla se está cunhando, que é o F-commerce, ou seja, comércio eletrônico através do Facebook. São 800 milhões de usuários Média de 130 amigos cada um para compartilhar suas experiências mais recentes de compras 14 minutos por dia dentro da rede social 40% das pessoas usam sites de redes sociais ao fazer compras online 68% dos fãs visitam as páginas dos lojistas para manter-se atualizado sobre vendas e promoções Fãs estão 41% mais propensos a recomendar um produto Para algumas empresas 20% das vendas são através de sua loja no Facebook Tickets são 7-10% superiores através do Facebook O número de transações em lojas do Facebook cresce 10% ao mês Esses números são todos baseados num mercado globalizado mas são tentadores para qualquer lojista tentar conseguir alcançar rapidamente um grande número de consumidores. Dicas para quem deseja ingressar neste novo conceito de negócios virtuais: 1. Escolha um aplicativo para a loja fácil de configurar e personalizável 2. Divulgue a loja e como funciona 3. Cadastrar s para aplicativo de promoções 4. Divulgar ativamente os produtos, promoções e descontos através de , Twitter e Facebook 5. Use imagens profissionais de alta definição 6. Use o mural como se fosse a página da loja virtual 7. Recompense os fãs com descontos exclusivos e promoções 8. Mantenha-se dentro do Facebook durante a finalização de compra 9. Analisar dados via Google Analytics ou Facebook 10. Aproveite a facilidade de alteração que a plataforma permite e atualize sempre a sua loja

13 8 formas criativas para personalizar sua página no Facebook 8 Creative Ways to Customize your Facebook Page by Pamela Vaughan at Hubspot Facebook-Business-Page.aspx#ixzz1j4X2855O 1. Personalize sua URL 2. Crie uma página personalizada 3. Utilize imagens criativas 4. Vitamine o fotostrip 5. Crie Tabs personalizados 6. Mostre conteúdo de outros canais 7. Defina sua audiência 8. Crie um concurso ou promoção exclusiva para o Facebook Apenas o site não é suficiente para garantir uma boa presença web para um negócio. Uma presença no Facebook e em outras redes sociais ajuda a construir um relacionamento de duas vias com os clientes atuais e potenciais, além de permitir a divulgação de conteúdos que possam gerar vendas. O Facebook apresenta algumas limitações e restrições para personalização, mas ainda assim é possível se destacar dos competidores. A consultoria americana HubSpot dá 8 sugestões para fazer isso. 1. Personalize sua URL Facilita para encontrar e divulgar sua página, usando o nome de sua empresa. Por exemplo: ao invés de https://www.facebook.com/pages/faculdade-campos- El%C3%ADseos/ ?sk=wall 2. Crie uma página personalizada É possível criar uma página de boas vindas (Welcome Page), que basicamente é um pequeno site inserido na página do Facebook através de um elemento chamado iframe. Pode ser bloqueado o mural para direcionar os usuários a dar um LIKE na página ou divulgar promoções para captar mailing.

14 3. Utilize imagens criativas Não precisa usar apenas o logo da empresa, mas podem ser adicionadas imagens que ajudem a mostrar um pouco mais do negócio ou das promoções em andamento, para chamar a atenção dos visitantes. Conforme sejam geradas ações frequentes que criem o hábito de sempre ter novidades na página. É possível fazer a foto dar a impressão de estar passando por todos os elementos de layout. 4. Vitamine o fotostrip Utilize palavras-chave ou imagens represetativas para cada negócio, de forma divertida quando possível. Pode ser alterada para uma promoção específica, por exemplo. Mais exemplos em

15 5. Crie Tabs personalizados Com os iframes é possível criar tabs personalizados na página do Facebook, para utilizar como se fosses pequenos hotsites dentro da mesma página. Alguns exemplos do que pode ser feito: Estudos de Caso Testemunho de Consumidpores Informação sobre produtos Divulgue sua presença em outras redes sociais 6. Mostre conteúdo de outros canais Além dos tabs personalizados, é possível acrescentar aplicativos de outras redes sociais na sua página, como por exemplo apresentações do SlideShare, videos do YouTube ou Vimeo, integrar com o Twitter e Flickr.

16 7. Defina sua audiência A resposta do Facebook aos círculos do Google+ foi a possibilidade de customizar seus posts para fãs em um certo local ou de uma certa língua, para segmentar a audiência e montar mensagens mais adequadas para obter melhores resultados. 8. Crie um concurso ou promoção exclusiva para o Facebook Concursos e promoções podem ser uma forma interessante de atrair novos fãs e divulgar sua presença. Existem várias restrições do Facebook sobre o que pode ser feito mas alguns aplicativos permitem criar algumas campanhas de marketing utilizando concursos, distribuição de cupons e promoções com conteúdo gerado pelo usuário. Uma plataforma utilizada para isso é a Wildfire

17 5 Cases de lojas no Facebook 5 Best Practices of Facebook ecommerce Stores Posted by Mike Ewing Wed, Sep 28, 07:00 PM 1. Interatividade A Starbucks é conhecida por testar novas ideias. Considerando a impossibilidade de vender café pela internet, desenvolveram Gift Cards com valores e datas especificadas para envio via Facebook e resgate nas lojas. Gera tráfego nas lojas físicas e na página virtual.

18 2. Incentive Destaque ofertas especiais e exclusivas para o Facebook com banners renovados frequantemente para manter os clientes interessados e interagindo.

19 3. Entendendo tendências Example: Old Spice Após a camapnha de revitalização de marca conduzida em 2010 e 2011 a Old Spice disponibilizou no Facebook uma pequena loja virtual para venda de camisetas com frases dos comerciais. Foi realizada uma campanha intensiva utilizando o YouTube com videos que se tornaram virais.

20 4. Otimize seu Layout Example: Liverpool Football Club Apesar do Liverpool não ser o time inglês mais popular, a sua loja movimenta mais que as lojas de times mais famosos, como o Manchester United. Seu layout clean facilita encontrar os produtos desejados, aumentando a chance de conversão em venda.

21 5. Become Lady Gaga. Or Keep Things Enticing. Example: Lady Gaga Lançamentos de poucos produtos por ano, mas com teasers para preparar a disposição de compra. Logicamente estas estratégias funcionam bem para estas empresas e personalidades conhecidas mas dão algumas dicas do que fazer.

ecommerce 14/28.jan.2012 http://www.kso.com.br/kso/fce/

ecommerce 14/28.jan.2012 http://www.kso.com.br/kso/fce/ ecommerce 14/28.jan.2012 http://www.kso.com.br/kso/fce/ ecommerce Conceitos Básicos Principais Elementos Razões de Adoção Alguns Números Redes Sociais e ecommerce Estudo de Caso 1 Desenvolvimento de Produto/Serviço

Leia mais

Social-Commerce IT CARLOS MASSA SIMPONE 70609178

Social-Commerce IT CARLOS MASSA SIMPONE 70609178 Social-Commerce IT CARLOS MASSA SIMPONE 70609178 INDICE INTRODUÇÃO DIFINIÇÃO COMO FUNCIONA AS ETAPAS HISTORIA RELACIONAMENTO PRATICAS REDES SOCIAS EXEMPLOS VANTAGEM INTRODUÇÃO Comumente pode se entender

Leia mais

ecommerce 25.fev.2012 http://www.kso.com.br/kso/fce/

ecommerce 25.fev.2012 http://www.kso.com.br/kso/fce/ ecommerce 4 25.fev.2012 http://www.kso.com.br/kso/fce/ ecommerce Recapitulando Elementos Básicos Análise de Segmentação Análise SWOT/TOW Considerações Finais ecommerce Conceitos Básicos Principais Elementos

Leia mais

Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD!

Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD! Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD! SocialSuite Rua Claudio Soares, 72-16 andar +55 11 3032 1982 São Paulo - SP Brasil Introdução Esse material foi desenvolvido pela equipe

Leia mais

MOBILE APPS. Principais características. Permitir que o cliente compre produtos e serviços diretamente via app

MOBILE APPS. Principais características. Permitir que o cliente compre produtos e serviços diretamente via app MOBILE APPS Aplicativo para relacionamento e marketing digital, pronto para todos os dispositivos móveis, nas plataformas ios, Android (aplicativos nativos) e mobile web, para plataformas como BlackBerry

Leia mais

Felipe Morais @plannerfelipe O CENÁRIO DO E-COMMERCE BRASILEIRO

Felipe Morais @plannerfelipe O CENÁRIO DO E-COMMERCE BRASILEIRO Felipe Morais @plannerfelipe O CENÁRIO DO E-COMMERCE BRASILEIRO ESPECIALISTA EM PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DIGITAL Autor do livro PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DIGITAL (Ed. Brasport) Autor do Blog do Planejamento

Leia mais

Panorama do e-commerce tendências e expectativas.

Panorama do e-commerce tendências e expectativas. Panorama do e-commerce tendências e expectativas. As marcas BuscaPé atuam em toda a cadeia de valores do e-commerce na América Latina Ciclo de Compras PERCEPÇÃO INTERESSE DECISÃO AÇÃO PÓS-VENDA REVENDA

Leia mais

Comércio na internet: muito mais que e-commerce

Comércio na internet: muito mais que e-commerce Comércio na internet: muito mais que e-commerce Sophia Mind A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e inteligência

Leia mais

MARKETING NA INTERNET

MARKETING NA INTERNET MARKETING NA INTERNET HUGO HOCH CONSULTOR DE MARKETING ER. BAURU SEBRAE-SP hugoh@sebraesp.com.br Marketing na Internet O que é? o Marketing na Internet, também referido como: i-marketing, web marketing,

Leia mais

O que é comércio eletrônico?

O que é comércio eletrônico? COMÉRCIO ELETRÔNICO O que é comércio eletrônico? O comércio eletrônico ou e-commerce é a compra e venda de mercadorias ou serviços por meio da Internet, onde as chamadas Lojas Virtuais oferecem seus produtos

Leia mais

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce...

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce... Sumário Bleez Agência Digital... 3 Quem sou eu... 4 Introdução... 5 Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7 Quem está comprando no ecommerce... 10 Por que os brasileiros estão comprando mais... 12 O

Leia mais

Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões

Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões MÍDIA KIT INTERNET Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões Segundo pesquisa da Nielsen IBOPE, até o 1º trimestre/2014 número 18% maior que o mesmo período de 2013. É a demonstração

Leia mais

Estratégias de Marketing Digital

Estratégias de Marketing Digital Estratégias de Marketing Digital @SandraTurchi www.sandraturchi.com.br E-commerce no Mundo Movimentou US$ 1 trilhão em 2012 Tíquete médio US$ 73 Brasil será o 4º país até 2015 (atrás de China, EUA e Japão).

Leia mais

Uma nova fase de sucesso em seu negócio pode começar agora

Uma nova fase de sucesso em seu negócio pode começar agora Uma nova fase de sucesso em seu negócio pode começar agora Afinal, tudo começa em sua maneira de pensar. E marketing é isto, uma questão de posicionamento. PROPOSTA DE SERVIÇOS Logotipos Web Sites Lojas

Leia mais

E-COMMERCE / LOJA VIRTUAL

E-COMMERCE / LOJA VIRTUAL 1 ÍNDICE 1. WIX SISTEMAS E O /LOJA VIRTUAL 03 1.1.1 GRANDE VARIEDADE DE LAYOUTS E PERSONALIZAÇÃO 03 1.1.2 SERVIDOR E SSL (CADEADO DE SEGURANÇA) COMPARTILHADOS 04 2. RECURSOS 05 3. NOSSOS PLANOS DE /LOJA

Leia mais

Criação de Sites - Lojas Virtuais - Anúncios - Divulgação no Google - Redes Sociais

Criação de Sites - Lojas Virtuais - Anúncios - Divulgação no Google - Redes Sociais Criação de Sites - Lojas Virtuais - Anúncios - Divulgação no Google - Redes Sociais 1 Veja porque você precisa de um site mobile SITE PARA CELULAR 50% das buscas pela internet são feitas por celulares

Leia mais

COMO CONQUISTAR CLIENTES COM APLICATIVOS PARA CELULAR

COMO CONQUISTAR CLIENTES COM APLICATIVOS PARA CELULAR COMO CONQUISTAR CLIENTES COM APLICATIVOS PARA CELULAR CONTEÚDO 1 2 3 4 5 6 Por que as empresas precisam estar conectadas ao mundo mobile Como os aplicativos mobile podem atrair mais clientes. Como os aplicativos

Leia mais

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL DICAS PARA DIVULGAR SUA EMPRESA E AUMENTAR AS VENDAS NO FIM DE ANO 7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL Sumário Apresentação Capítulo 1 - Crie conteúdo de alta

Leia mais

Apresentação. E-commerce de Sucesso. da plataforma para o seu. www.brasilnaweb.com.br 4003-3312 atendimento@brasilnaweb.com.br

Apresentação. E-commerce de Sucesso. da plataforma para o seu. www.brasilnaweb.com.br 4003-3312 atendimento@brasilnaweb.com.br Apresentação da plataforma para o seu E-commerce de Sucesso www.brasilnaweb.com.br 4003-3312 atendimento@brasilnaweb.com.br Assuntos nessa apresentação: - A loja virtual (acesso dos seus clientes para

Leia mais

E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS

E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS Central de Cases E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS www.espm.br/centraldecases Central de Cases E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS Preparado pelo Prof. Vicente Martin Mastrocola, da ESPM SP. Disciplinas

Leia mais

COMÉRCIO ELETRÔNICO UM BREVE HISTÓRICO

COMÉRCIO ELETRÔNICO UM BREVE HISTÓRICO UM BREVE HISTÓRICO COMÉRCIO ELETRÔNICO O comércio sempre existiu desde que surgiram as sociedades. Ele é dito como o processo de comprar, vender e trocar produtos e serviços. Inicialmente praticado pelos

Leia mais

O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital. Julia Lopes - gerente de parcerias de canais

O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital. Julia Lopes - gerente de parcerias de canais O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital Julia Lopes - gerente de parcerias de canais Dados de e-commerce no Brasil dimensionando o mercado Faturamento do e-commerce

Leia mais

Metodologia. Entrevistas com amostra de usuárias brasileiras de internet via questionário online.

Metodologia. Entrevistas com amostra de usuárias brasileiras de internet via questionário online. Assunto E-commerce Metodologia Entrevistas com amostra de usuárias brasileiras de internet via questionário online. Quantidade de entrevistas realizadas: 1.652 mulheres Perfil: 18 a 50 anos Mercado: Brasil

Leia mais

7 dicas para. melhorar. a performance do seu e-commerce

7 dicas para. melhorar. a performance do seu e-commerce 7 dicas para melhorar a performance do seu e-commerce Índice 03 Introdução 04 A invasão mobile 07 Mídias Sociais 10 OmniChannel: Sua empresa está preparada? 12 Marketing de conteúdo para e-commerce 14

Leia mais

Influência da internet nas decisões de compra femininas

Influência da internet nas decisões de compra femininas Influência da internet nas decisões de compra femininas Sophia Mind A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e

Leia mais

COMO USAR OS VÍDEOS ONLINE PARA ALAVANCAR O MEU E-COMMERCE

COMO USAR OS VÍDEOS ONLINE PARA ALAVANCAR O MEU E-COMMERCE COMO USAR OS VÍDEOS ONLINE PARA ALAVANCAR O MEU E-COMMERCE White Paper com dicas essenciais para quem já trabalha ou pretende trabalhar com vídeos em lojas virtuais. 1 PORQUE USAR VÍDEOS ONLINE NO E-COMMERCE?

Leia mais

www.artesanatoja.com

www.artesanatoja.com GANHE DINHEIRO COM UMA LOJA VIRTUAL Conheça os principais veículos de vendas online utilizados por artesãos na internet e saiba como é fácil ter uma loja online para ganhar dinheiro já! Sempre que produzimos

Leia mais

Plano de Parcerias BuenitStore

Plano de Parcerias BuenitStore Plano de Parcerias Agências, Desenvolvedores e Designers 18.03.2015 v.2 Objetivo Apresentar ao mercado de criação digital a nossa proposta de parceria e colaboração técnica para criação de projetos de

Leia mais

F-COMMERCE A REVOLUÇÃO DAS LOJAS VIRTUAIS NO FACEBOOK

F-COMMERCE A REVOLUÇÃO DAS LOJAS VIRTUAIS NO FACEBOOK F-COMMERCE A REVOLUÇÃO DAS LOJAS VIRTUAIS NO FACEBOOK Com o crescimento das mídias sociais, uma modalidade de vendas online que vem ganhando força é o F-commerce, termo usado para definir o comércio eletrônico

Leia mais

10 Ideias de Promoções infalíveis para o Natal

10 Ideias de Promoções infalíveis para o Natal 10 Ideias de Promoções infalíveis para o Natal Ou para qualquer outra data que você desejar uma boa promoção! Este é um BÔNUS Grátis oferecido pelo Blog: Introdução Várias datas comemorativas representam

Leia mais

Muito ALÉM de uma simples LOJA VIRTUAL. Vanessa Kupczik

Muito ALÉM de uma simples LOJA VIRTUAL. Vanessa Kupczik Muito ALÉM de uma simples LOJA VIRTUAL. Vanessa Kupczik Mestre em Design (UFPR). MBA e pós-graduação em Marketing (UFPR). Pós-graduada em Web Design (PUCPR). Graduação em Desenho Industrial (UFPR). Técnico

Leia mais

Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook

Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook Marketing Digital de resultado para Médias e Pequenas Empresas Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados

Leia mais

INICIANDO UMA OPERAÇÃO DE E-COMMERCE PROFISSIONAL COM MAGENTO

INICIANDO UMA OPERAÇÃO DE E-COMMERCE PROFISSIONAL COM MAGENTO INICIANDO UMA OPERAÇÃO DE E-COMMERCE PROFISSIONAL COM MAGENTO MARCELO LAGROTTA SANCHES Administrador especializado em marketing; 20 anos de experiência como Executivo de Marketing; Professor do Centro

Leia mais

Mais informações sobre e-commerce em: www.portalgerenciais.com.br

Mais informações sobre e-commerce em: www.portalgerenciais.com.br Mais informações sobre e-commerce em: www.portalgerenciais.com.br Extra, Extra notícias fresquinhas Você pode ter uma loja que funciona 24hs, inclusive aos domingos e feriados, não paga aluguel e nem condomínio

Leia mais

PREPARE-SE PARA LUCRAR COM O DIA DOS PAIS EM 4 SEMANAS. 2014 Universo Online S/A. Todos os direitos reservados. www.uolhost.com.br

PREPARE-SE PARA LUCRAR COM O DIA DOS PAIS EM 4 SEMANAS. 2014 Universo Online S/A. Todos os direitos reservados. www.uolhost.com.br PREPARE-SE PARA LUCRAR COM O DIA DOS PAIS EM 4 S Super-heróis, ídolos, amigos, protetores. O segundo domingo de agosto é a data dedicada a eles: os pais. Quem tem uma loja virtual também comemora a ocasião,

Leia mais

28/08/2015. e-business. Reflita...

28/08/2015. e-business. Reflita... e-business Reflita... 1 Você topa um desafio? Desafio A Universidade dos Negócios é uma empresa jovem na área de Cursos e Treinamentos, consultoria empresarial e palestras. Ela agrega, através de agenciamento,

Leia mais

Tendências estratégicas para o e- commerce no Brasil

Tendências estratégicas para o e- commerce no Brasil Apresentação O estudo a seguir tem como objetivo apresentar o panorama do e-commerce no Brasil, sua evolução e as novas tendências. Tendências estratégicas para o e- commerce no Brasil Estudar e entender

Leia mais

webba PLATAFORMA DE ECOMMERCE

webba PLATAFORMA DE ECOMMERCE A EMPRESA A Webba foi fundada em 2008 com foco em soluções para que nossos clientes possam vender mais e melhor, amamos trabalhar com e-commerce, mais que desenvolver softwares nós desenvolvemos soluções

Leia mais

Comércio Eletrônico em Números

Comércio Eletrônico em Números Comércio Eletrônico em Números Evolução do E-commerce no Brasil 23 milhões é um grande número. 78 milhões 23 milhões Enorme potencial de crescimento no Brasil Mas fica pequeno se comprarmos com o número

Leia mais

Tecnologia da Informação. Aula 3 e-business. Prof. Adrian Kemmer Cernev. Prof. Adrian Cernev. Tec. da Informação

Tecnologia da Informação. Aula 3 e-business. Prof. Adrian Kemmer Cernev. Prof. Adrian Cernev. Tec. da Informação Tecnologia da Informação Aula 3 e-business Prof. Adrian Kemmer Cernev Questão-chave Como eu faço, então, esse negócio online deslanchar? Nascimento e evolução da Internet 1969 ARPAnet - rede baseada em

Leia mais

BLACK FRIDAY 2015 PREPARE-SE PARA A MELHOR SEXTA DO ANO! Desenvolvido pela Equipe da:

BLACK FRIDAY 2015 PREPARE-SE PARA A MELHOR SEXTA DO ANO! Desenvolvido pela Equipe da: BLACK FRIDAY 2015 PREPARE-SE PARA A MELHOR SEXTA DO ANO! Desenvolvido pela Equipe da: INTRODUÇÃO: #BLACKFRIDAY Origem: Nos Estados Unidos, na década de 60, como a sexta após o Feriado de Ação de Graças,

Leia mais

Sumário. O que fazemos 3. Conversão para ebooks 5. Criação de ebooks 8. Transforme em ebook ou revista 11. Serviços de editoração 14

Sumário. O que fazemos 3. Conversão para ebooks 5. Criação de ebooks 8. Transforme em ebook ou revista 11. Serviços de editoração 14 Produção de ebooks Produção de ebooks Sumário O que fazemos 3 Conversão para ebooks 5 Criação de ebooks 8 Transforme em ebook ou revista 11 Serviços de editoração 14 Serviços de marketing e distribuição

Leia mais

Apostila. Comércio Eletrônico. e-commerce. Professor: Edson Almeida Junior. Comércio Eletrônico

Apostila. Comércio Eletrônico. e-commerce. Professor: Edson Almeida Junior. Comércio Eletrônico Apostila Comércio Eletrônico e-commerce Professor: Edson Almeida Junior Material compilado por Edson Almeida Junior Disponível em http://www.edsonalmeidajunior.com.br MSN: eajr@hotmail.com E-Mail: eajr@hotmail.com

Leia mais

7 Passos Para a Criação de Uma Boa Loja Virtual. Índice

7 Passos Para a Criação de Uma Boa Loja Virtual. Índice 2 Índice Introdução... 3 Passo 1 Entender o que é Venda Online e E-commerce... 4 Passo 2 Entender o Mercado de Comércio Eletrônico... 5 Passo 3 Canais de Venda... 6 Passo 4 Como identificar uma Boa Plataforma

Leia mais

com seu consumidores e seu fornecedores. Trazemos para aqui 40 dicas que vão ajudar no amadurecimento, crescimento e no sucesso da sua loja.

com seu consumidores e seu fornecedores. Trazemos para aqui 40 dicas que vão ajudar no amadurecimento, crescimento e no sucesso da sua loja. Com a consolidação do comércio eletrônico no Brasil e mundo, fica cada vez mais claro e a necessidade de estar participando, e mais a oportunidade de poder aumentar suas vendas. Mas é claro que para entrar

Leia mais

O que é a BuenitStore

O que é a BuenitStore O que é a A é a plataforma desenvolvida pela Buenit para projetos de comércio eletrônico, baseada no modelo SaaS, onde é possível criar lojas virtuais de forma rápida, prática e funcional, com foco total

Leia mais

efagundes com Curso Online sobre Comércio Eletrônico Eduardo Mayer Fagundes

efagundes com Curso Online sobre Comércio Eletrônico Eduardo Mayer Fagundes Curso Online sobre Comércio Eletrônico Eduardo Mayer Fagundes 1 Programa do Curso 1. Os consumidores 2. A Tecnologia 3. Marketing Digital 4. Logística 5. Meios de Pagamento 2 O Consumidor O objetivo do

Leia mais

O QUE PRECISAMOS SABER PARA IMPLANTAR UM COMÉRCIO ELETRÔNICO BEM SUCEDIDO

O QUE PRECISAMOS SABER PARA IMPLANTAR UM COMÉRCIO ELETRÔNICO BEM SUCEDIDO O QUE PRECISAMOS SABER PARA IMPLANTAR UM COMÉRCIO ELETRÔNICO BEM SUCEDIDO CONCEITUAÇÃO Comércio Eletrônico (E-Commerce provém de Electronic Commerce ) - termo usado para identificar um sistema comercial

Leia mais

Como aumentar as vendas do seu e-commerce. Marcos Bueno Fundador e CEO Akatus Meios de Pagamento

Como aumentar as vendas do seu e-commerce. Marcos Bueno Fundador e CEO Akatus Meios de Pagamento Como aumentar as vendas do seu e-commerce Marcos Bueno Fundador e CEO Akatus Meios de Pagamento 2013 O e-commerce se prepara para um crescimento histórico 2000 Banda larga chega ao Brasil. É lançado no

Leia mais

apresentação iagente shop

apresentação iagente shop apresentação iagente shop Rua Sport Clube São José, 54 506. Porto Alegre Rio Grande do Sul CEP: 91030-510 Fone: (51) 3398.7638 e-mail: www.iagenteshop.com.br www.iagente.com.br Data: 01 de Abril de 2009

Leia mais

Saldão na Internet 2010/ 2011

Saldão na Internet 2010/ 2011 Saldão na Internet 2010/ 2011 Manual de Participação V 1.0 Conteúdo Sobre o Saldão na Internet... 3 Saldão Relâmpago... 3 Números médios do Saldão na Internet por edição... 3 Quem é o usuário do Saldão

Leia mais

Vamos, juntos. Equipe de Atendimento.

Vamos, juntos. Equipe de Atendimento. Vamos, juntos Somos agência de publicidade e consultoria em marketing digital com a missão de atender as necessidades de comunicação da sua empresa, com serviços que abrangem desde campanhas integradas

Leia mais

PROFISSIONAL. Por que o Comércio Eletrônico em Multicanais é Fundamental para o Sucesso do seu Negócio On-line

PROFISSIONAL. Por que o Comércio Eletrônico em Multicanais é Fundamental para o Sucesso do seu Negócio On-line EDIÇÃO Nº 05 GRÁTIS FOTOGRAFIA PROFISSIONAL SOLUÇÕES PARA IMAGENS DE PRODUTO QUE CONQUISTARAM OS LÍDERES DO COMÉRCIO ELETRÔNICO Por que o Comércio Eletrônico em Multicanais é Fundamental para o Sucesso

Leia mais

O novo desafio das marcas: uma visão global dos hábitos dos clientes em dispositivos móveis e redes sociais

O novo desafio das marcas: uma visão global dos hábitos dos clientes em dispositivos móveis e redes sociais O novo desafio das marcas: uma visão global dos hábitos dos clientes em dispositivos móveis e redes sociais SDL Campaign Management & Analytics Introdução Prezado profissional de marketing, A ideia de

Leia mais

MONITORAMENTO E GOOGLE PLUS. Leonardo Alvez Letícia Chibior Patrick Miguel Ruth Derevecki Samara Bark / / 4MA

MONITORAMENTO E GOOGLE PLUS. Leonardo Alvez Letícia Chibior Patrick Miguel Ruth Derevecki Samara Bark / / 4MA MONITORAMENTO E GOOGLE PLUS Leonardo Alvez Letícia Chibior Patrick Miguel Ruth Derevecki Samara Bark / / 4MA MONITORAMENTO As empresas sabem que o planejamento digital, gestão de conteúdo, anúncios, campanhas

Leia mais

Negócios inovadores, experiências e Insights no e-commerce. Inovações e Insights e-commerce

Negócios inovadores, experiências e Insights no e-commerce. Inovações e Insights e-commerce Negócios inovadores, experiências e Insights no e-commerce. Apresentação @JoaoKepler O Vendedor Na Era Digital Todos nós vendemos alguma coisa. Principalmente Imagem. Processo de Vendas O processo de vendas,

Leia mais

Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce).

Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce). Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce). A natureza global da tecnologia, a oportunidade de atingir

Leia mais

Fundamentos da Computação Móvel

Fundamentos da Computação Móvel Fundamentos da Computação Móvel (O Mercado Mobile no Brasil) Programação de Dispositivos Móveis Mauro Lopes Carvalho Silva Professor EBTT DAI Departamento de Informática Campus Monte Castelo Instituto

Leia mais

AQUI VOCÊ ENCONTRA! (67) 9674-5519 Salas comerciais, veículos, imóveis, serviços, produtos, ofertas, eventos e muito mais...

AQUI VOCÊ ENCONTRA! (67) 9674-5519 Salas comerciais, veículos, imóveis, serviços, produtos, ofertas, eventos e muito mais... Quem somos: O site msfacil.com.br, foi criado posteriormente do site ivifacil.com.br, que atendia somente a cidade de Ivinhema. Desde a criação do Ivifácil, já ocorria à expectativa para expansão do site,

Leia mais

Brasil, potência no e-commerce

Brasil, potência no e-commerce Brasil, potência no e-commerce CONTEXTO GLOBAL E REGIONAL 10º mercado em termos mundiais Maior e mais maduro mercado da AL Potencial de crescimento elevado Um país que compra cada vez mais online CONTEXTO

Leia mais

Introdução. Introdução

Introdução. Introdução Introdução 1. Conheça a sua taxa de conversão 2. Usabilidade e navegabilidade 3. Pense mobile 4. Seja relevante 5. Tenha CTAs atraentes 6. O teste AB é fundamental Conclusão Introdução Conhecer os números

Leia mais

RELEASE F-STORE v. 3.0.0.0

RELEASE F-STORE v. 3.0.0.0 Curitiba (2015) ÍNDICE Aumento de performance no carregamento de imagens Assinatura de produtos Barra de busca flutuante Boleto como imagem Cadastro de cliente com Double opt-in Cadastro de SEO Carrinho

Leia mais

Mídias Sociais. Fatos e Dicas para 2013. Esteja preparado para um ano digital, social e interativo

Mídias Sociais. Fatos e Dicas para 2013. Esteja preparado para um ano digital, social e interativo Mídias Sociais Fatos e Dicas para 2013 Esteja preparado para um ano digital, social e interativo NESTE E-BOOK VOCÊ VAI ENCONTRAR: 1 - Porque as mídias sociais crescem em tamanho e em importância para o

Leia mais

Você já comprou roupa pela internet? 1,5% INTERNET VAREJO PELA UMA ANÁLISE SOBRE AS VENDAS DE O VAREJO ON-LINE NO BRASIL

Você já comprou roupa pela internet? 1,5% INTERNET VAREJO PELA UMA ANÁLISE SOBRE AS VENDAS DE O VAREJO ON-LINE NO BRASIL UMA ANÁLISE SOBRE AS VENDAS DE VAREJO PELA INTERNET O VAREJO ON-LINE NO BRASIL Você já comprou roupa pela internet? Estatisticamente, é bastante improvável, pois apesar de as roupas liderarem as compras

Leia mais

Mobile Commerce. e-mail: wilson.cunha@viewit.com.br

Mobile Commerce. e-mail: wilson.cunha@viewit.com.br Mobile Commerce Wilson Cunha 30 anos de experiência em negócios. Formado em Tecnologia da Informação; E-commerce, Marketing Digital,. Há 06 anos em mobile commerce. Premiado no e-show 2013, melhor aplicativo

Leia mais

SUA MAIS NOVA AGÊNCIA ON-LINE. PUBLICIDADE DESIGN WEB.

SUA MAIS NOVA AGÊNCIA ON-LINE. PUBLICIDADE DESIGN WEB. SUA MAIS NOVA AGÊNCIA ON-LINE. PUBLICIDADE DESIGN WEB. #estratégia #marketingdigital #websites Somos uma agência especializada em MARKETING DIGITAL 2007 +7 anos de experiência A Ramosdesign foi criada

Leia mais

Comércio Eletrônico e-commerce Aula 5. Prof. Msc. Ubirajara Junior biraifba@gmail.com

Comércio Eletrônico e-commerce Aula 5. Prof. Msc. Ubirajara Junior biraifba@gmail.com Comércio Eletrônico e-commerce Aula 5 Prof. Msc. Ubirajara Junior biraifba@gmail.com Introdução Mudança no ambiente empresarial; Ligação com o desenvolvimento de tecnologia da informação. Características

Leia mais

Marcel Ayres Diretor de Planejamento. Twitter @MarcelAyres Linkedin Meadiciona Renata Cerqueira Diretora de Monitoramento Online. Twitter @renatacbc

Marcel Ayres Diretor de Planejamento. Twitter @MarcelAyres Linkedin Meadiciona Renata Cerqueira Diretora de Monitoramento Online. Twitter @renatacbc Marcel Ayres Diretor de Planejamento. Também faz parte, como pesquisador, do Grupo de Pesquisa em Interações, Tecnologias Digitais e Sociedade. Desenvolve pesquisas sobre Realidade Aumentada, Mídias Digitais

Leia mais

Comércio e Marketing Eletrônico UMC E-Commerce, M-Commerce e Marketing DigitaI - Uni Sant Anna. Elaborado por: Prof. Daniel Chu

Comércio e Marketing Eletrônico UMC E-Commerce, M-Commerce e Marketing DigitaI - Uni Sant Anna. Elaborado por: Prof. Daniel Chu Comércio e Marketing Eletrônico UMC E-Commerce, M-Commerce e Marketing DigitaI - Uni Sant Anna Elaborado por: Prof. Daniel Chu Bibliografia Recomendada para a Aula 2 Torres, Claudio - A Bíblia do Marketing

Leia mais

Mídias Sociais e o Comércio Eletrônico

Mídias Sociais e o Comércio Eletrônico Mídias Sociais e o Comércio Eletrônico 2 Índice: Introdução Fim do email? Porque as mídias sociais são importantes No Brasil Como usar O lado prá=co 3 4 5 6 7 9 3 Introdução O uso das mídias sociais como

Leia mais

Marketing digital NARCISO SANTAELLA

Marketing digital NARCISO SANTAELLA Marketing digital 1 Introdução As agências de publicidade recorrem ao marketing digital para conquistar o público que hoje tem na web uma das principais fontes de informação. Utilizar todos os recursos

Leia mais

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DA PLATAFORMA MAGENTO PARA COMÉRCIO ELETRÔNICO

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DA PLATAFORMA MAGENTO PARA COMÉRCIO ELETRÔNICO PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DA PLATAFORMA MAGENTO PARA COMÉRCIO ELETRÔNICO Marketing Promocional e Ferramentas de Ofertas Cupons de desconto com capacidade para restrição a lojas, grupos de clientes, período

Leia mais

E-commerce 2013. @JoaoKepler. l e-commerce 2013 l

E-commerce 2013. @JoaoKepler. l e-commerce 2013 l E-commerce 2013 @JoaoKepler Showrooming OminiChannel Delivery (WebPickup e entrega) Behavior Social Media (SAC, Mkt, Metrica, monitoramento, engajamento, leeds e vendas) E-commerce o e-commerce não é mais

Leia mais

COMO FICAR NAS PRIMEIRAS POSIÇÕES DO GOOGLE E PAGAR MENOS QUE O CONCORRENTE.

COMO FICAR NAS PRIMEIRAS POSIÇÕES DO GOOGLE E PAGAR MENOS QUE O CONCORRENTE. COMO FICAR NAS PRIMEIRAS POSIÇÕES DO GOOGLE E PAGAR MENOS QUE O CONCORRENTE. e ainda aumentar o numero de cliques em seu anúncio Por Maurício Oliveira www.empreendernaweb.com.br M a u r í c i o O l i v

Leia mais

Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook

Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook Marketing Digital de resultado para Médias e Pequenas Empresas Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados

Leia mais

Os aplicativos da Godiva Apps, podem ser customizados para qualquer tipo de negócio.

Os aplicativos da Godiva Apps, podem ser customizados para qualquer tipo de negócio. Os aplicativos da Godiva Apps, podem ser customizados para qualquer tipo de negócio. Restaurante Academia Farmácia Shopping Padaria Palestrante Concessionária Bar Balada Pizzaria Imobiliária Hotel Petshop

Leia mais

E-books. Introdução às Mídias Sociais. Sebrae

E-books. Introdução às Mídias Sociais. Sebrae E-books Sebrae Marketing e Vendas Introdução às Mídias Sociais O que fazer com as mídias sociais Tipos de ações As principais mídias sociais Dicas e considerações finais Autor Felipe Orsoli 1 SUMÁRIO 1

Leia mais

A confluência dos vídeos e a Internet

A confluência dos vídeos e a Internet WHITEPAPER A confluência dos vídeos e a Internet Por que sua empresa deveria investir em vídeos em 2013 e como a Construção Civil pode utilizar os vídeos como diferencial competitivo. 1 Saiba como os vídeos

Leia mais

Ebook dos ebooks. Como usar conteúdo para gerar leads e oportunidades de negócio

Ebook dos ebooks. Como usar conteúdo para gerar leads e oportunidades de negócio Ebook dos ebooks Como usar conteúdo para gerar leads e oportunidades de negócio O que está no ebook? Muitas empresas estão começando a reconhecer o valor de criar ebooks como parte de suas estratégias

Leia mais

Nas áreas urbanas, 44% da população está conectada à internet. 97% das empresas e 23,8% dos domicílios brasileiros estão conectados à internet.

Nas áreas urbanas, 44% da população está conectada à internet. 97% das empresas e 23,8% dos domicílios brasileiros estão conectados à internet. Algumas pesquisa realizada recentemente, revelaram resultados surpreendentes sobre o uso da Internet nas empresas no Brasil. Neste artigo interpreta alguns dados e lhe revela as soluções que podem ajudar

Leia mais

O sucesso do comércio eletrônico depende tanto da infra-estrutura de negócio, quanto da infra-estrutura de tecnologia (Pickering, 2000).

O sucesso do comércio eletrônico depende tanto da infra-estrutura de negócio, quanto da infra-estrutura de tecnologia (Pickering, 2000). Comércio Eletrônico É a compra e a venda de informações, produtos e serviços por meio de redes de computadores. (Kalakota, 1997) É a realização de toda a cadeia de valor dos processos de negócios em um

Leia mais

O comércio eletrônico (e-commerce) é um setor em crescimento CONSUMIDORES (EM MILHÕES) 23,4 18,7 R$ 328 R$ 335 R$ 373 R$ 350 R$ 342 R$ 350

O comércio eletrônico (e-commerce) é um setor em crescimento CONSUMIDORES (EM MILHÕES) 23,4 18,7 R$ 328 R$ 335 R$ 373 R$ 350 R$ 342 R$ 350 ARTESANATO BOLETIM COMÉRCIO ELETRÔNICO O comércio eletrônico (e-commerce) é um setor em crescimento Em 2012, o faturamento foi de R$ 22,5 bilhões no Brasil, e de aproximadamente R$ 28 bilhões em 2013.

Leia mais

Comercio Eletrônico E-COMMECER

Comercio Eletrônico E-COMMECER Comercio Eletrônico Prof. Diogo Maia E-COMMECER O que é um E-commecer? O e-commerce ou comércio eletrônico é a compra e venda de mercadorias ou serviços por meio da Internet, onde as chamadas Lojas Virtuais

Leia mais

COMÉRCIO ELETRÔNICO. Prof. Flávio Dias

COMÉRCIO ELETRÔNICO. Prof. Flávio Dias COMÉRCIO ELETRÔNICO Prof. Flávio Dias - Conforme estipulado no Termo de Uso, todo o conteúdo ora disponibilizado é de titularidade exclusiva do IAB ou de terceiros parceiros e é protegido pela legislação

Leia mais

G3 COMMERCE G3 COMMERCE G3 COMMERCE G3 COMMERCE www.lojavirtualg3.com.br. G3 COMMERCE

G3 COMMERCE G3 COMMERCE  G3 COMMERCE G3 COMMERCE www.lojavirtualg3.com.br. G3 COMMERCE O aumento da concorrência e necessidade de otimizar o tempo por grande parte dos consumidores acelerou e dinamizou consideravelmente as formas e mecanismos de divulgação e comercialização dos mais diversos

Leia mais

MARKETING ONLINE PARA EMPRESAS LOCAIS

MARKETING ONLINE PARA EMPRESAS LOCAIS MARKETING ONLINE PARA EMPRESAS LOCAIS SUMÁRIO 1 2 3 4 5 6 7 8 Otimize seu site para busca local Faça o requerimento da listagem de sua empresa no Google e Bing. Insira ou configure sua listagem nos principais

Leia mais

QUEM SOMOS SERVIÇOS. Desenvolvemos aplicativos para celular, sites e sistemas que facilitam o contato do cliente com a sua empresa e vice-versa.

QUEM SOMOS SERVIÇOS. Desenvolvemos aplicativos para celular, sites e sistemas que facilitam o contato do cliente com a sua empresa e vice-versa. QUEM SOMOS A MeoApp foi fundada em 2013, na cidade de Cuiabá. Atualmente revendemos aplicativos em São Paulo, Brasília e Foz do Iguaçu. Nossa missão é fazer com que a sua empresa esteja conectada o mais

Leia mais

INTERNET. Como vender mais. Capítulo 1. pela. Aprenda a atingir o potencial máximo de sua loja online

INTERNET. Como vender mais. Capítulo 1. pela. Aprenda a atingir o potencial máximo de sua loja online Como vender mais pela INTERNET Capítulo 1 Aprenda a atingir o potencial máximo de sua loja online Índice Introdução 1/ Encontre um Nicho 2/ Crie e Otimize Seu E-Commerce 3/ Seja Encontrado 4/ Atendimento

Leia mais

Comércio Eletrônico NEGÓCIOS NA INTERNET. Oséias Gomes Komunike EmpresaClick / LojistaOnline

Comércio Eletrônico NEGÓCIOS NA INTERNET. Oséias Gomes Komunike EmpresaClick / LojistaOnline Comércio Eletrônico NEGÓCIOS NA INTERNET Oséias Gomes Komunike EmpresaClick / LojistaOnline OPORTUNIDADES Divulgar, vender e lucrar na internet O QUE SIGNIFICA TER UM COMÉRCIO ELETRÔNICO? VANTAGENS DO

Leia mais

Plano Aula 11 31/10/2011

Plano Aula 11 31/10/2011 Plano Aula 11 31/10/2011 - Vantagem Competitiva Estratégias Competitivas - Caso Verizon & ATT, Caso Dell e Land s End, Artigo TI e Vantagem Competitiva, Rede Vende Tudo 1 Estratégias Competitivas Básicas

Leia mais

*Todos os direitos reservados.

*Todos os direitos reservados. *Todos os direitos reservados. A cada ano, as grandes empresas de tecnologia criam novas ferramentas Para o novo mundo digital. Sempre temos que nos renovar para novas tecnologias, a Karmake está preparada.

Leia mais

MARKETING DIGITAL E E-BUSINESS AULA III ESTRATÉGIAS DO MARKETING DIGITAL PROF. M. SC. JOSUÉ VITOR MBA EM MARKETING ESTRATÉGICO

MARKETING DIGITAL E E-BUSINESS AULA III ESTRATÉGIAS DO MARKETING DIGITAL PROF. M. SC. JOSUÉ VITOR MBA EM MARKETING ESTRATÉGICO MBA EM MARKETING ESTRATÉGICO MARKETING DIGITAL E E-BUSINESS AULA III ESTRATÉGIAS DO MARKETING DIGITAL PROF. M. SC. JOSUÉ VITOR josuevitor16@gmail.com @josuevitor Marketing Digital Como usar a internet

Leia mais

SUMÁRIO. SUMÁRIO... 2 INTRODUÇÃO...4 1. CONCEITOS BÁSICOS... 8 O que são Pins?... 9. O que são painéis?... 11. Como funciona o feed?...

SUMÁRIO. SUMÁRIO... 2 INTRODUÇÃO...4 1. CONCEITOS BÁSICOS... 8 O que são Pins?... 9. O que são painéis?... 11. Como funciona o feed?... 1 SUMÁRIO SUMÁRIO... 2 INTRODUÇÃO...4 1. CONCEITOS BÁSICOS... 8 O que são Pins?... 9 O que são painéis?... 11 Como funciona o feed?... 12 2. CONFIGURANDO SUA CONTA... 13 Criando seu perfil... 14 Personalizando

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr Tecnologia da Informação Prof Odilon Zappe Jr Comércio Eletrônico Um breve histórico Comércio compra, venda, troca de produtos e serviços; Incrementado pelos Fenícios, Árabes, Assírios e Babilônios uso

Leia mais

NOVAS RELAÇÕES DE CONSUMO

NOVAS RELAÇÕES DE CONSUMO Capa NOVAS RELAÇÕES DE CONSUMO A realidade do Fotos: shutterstock Montagem: paulo garcia A evolução das redes sociais está transformando o comércio eletrônico e as relações de consumo. A informação nunca

Leia mais

COMUNICAÇÃO DIGITAL EMBRATUR

COMUNICAÇÃO DIGITAL EMBRATUR COMUNICAÇÃO DIGITAL EMBRATUR Nova forma de se COMUNICAR INTERAÇÃO E EXPERIÊNCIA Estratégia Macro de Mídia Apoio à operação com aumento dos esforços em web e trade Mídia de bordo em cias aéreas Publicações

Leia mais

Apps de Produtividade

Apps de Produtividade Apps de Produtividade Os App s de Produtividade oferecem controle, organização e recursos para profissionalização das áreas internas e externas da empresa, proporcionando: Produtividade Controle Integração

Leia mais

MANUAL PARA REDUZIR O ABANDONO DO CARRINHO DE COMPRAS

MANUAL PARA REDUZIR O ABANDONO DO CARRINHO DE COMPRAS MANUAL PARA REDUZIR O ABANDONO DO CARRINHO DE COMPRAS ÍNDICE Introdução 1 A jornada do cliente no site 2 Desvendando o problema 5 Técnicas para redução 6 Fidelizando o cliente após a compra 8 Conclusão

Leia mais

LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005

LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005 LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005 São Paulo, 07 de Novembro de 2005 - O Submarino S.A. (Bovespa: SUBA3), empresa líder dentre aquelas que operam exclusivamente no varejo eletrônico

Leia mais