1. O Brasil vive um momento de transformação no padrão do consumo. 3. Produtos de Limpeza e Higiene & Beleza têm enorme potencial

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1. O Brasil vive um momento de transformação no padrão do consumo. 3. Produtos de Limpeza e Higiene & Beleza têm enorme potencial"

Transcrição

1

2 PRINCIPAIS MESSAGENS 1. O Brasil vive um momento de transformação no padrão do consumo 2. Temos indicadores demográficos e socio econômicos para ser otimistas nesta década 3. Produtos de Limpeza e Higiene & Beleza têm enorme potencial 4. Segmento Premium no Varejo, Indulgência e 5. E Commerce são novas tendências que irão explodir no futuro próximo. 6. Colaboração Industria e Varejo é fundamental para enfrentar juntos os desafios futuros

3 O BOM MOMENTO DO VAREJO CONTINUA VENDAS VAREJISTAS (2011=100) Fonte IBGE

4 PUXADO Prioridades POR da UMA Unilever ENORME Brasil em 2012 TRANSFORMAÇÃO SOCIO ECONÔMICA AB 26M 42M C 63M 102M DE 93M 48M Fonte Pesquisa IPSOS 2010

5 SUSTENTADA Prioridades da EM Unilever CRESCIMENTO Brasil em 2012 DOS NÍVEIS DE EMPREGO E SALÁRIO REAL TAXA DE OCUPAÇÃO CRESCENTE SALÁRIO DE ADMISSÃO % Fonte IBGE

6 20-24 MAIS Prioridades MUDANÇAS da Unilever EM CAMINHO Brasil em QUE IMPACTARÃO CONSUMO EM FORMA 0-4 POSITIVA Maior expectativa de vida Preocupação com bem estar 15% 5% 5% 15% Women Men % 5% 5% 15% Women Men % 5% 5% 15% Women Men Fonte IBGE

7 MAIS MUDANÇAS EM CAMINHO QUE IMPACTARÃO CONSUMO EM FORMA POSITIVA 75 Bônus demográfico % da população entre anos Brazil (2020) China (2010) Germany (1985) Japan (1990) USA (2010) India (2045) Fonte: ONU Fonte IBGE

8 MAIS MUDANÇAS EM CAMINHO Prioridades da Unilever Brasil em 2012 QUE IMPACTARÃO CONSUMO EM FORMA POSITIVA Massiva presença da mulher no mercado de trabalho 26M TAXA DE OCUPAÇÃO DA MULHER (%) 42M 93M 48M Fonte Pesquisa IPSOS 2010

9 Prioridades da Unilever Brasil em 2012 O BRASIL ATINGIU UM LIMIAR EM QUE SE PRODUZ UM SALTO NO CONSUMO PIB per capita do Brasil: USD 11mil (PPP) Crescimento da CLASSE C e MULHERES no MERCADO de trabalho Urbanização do INTERIOR Crescimento de CIDADES PEQUENAS

10 OS PADRÕES DE COMPRA MUDAM Performance e Premium 23% % 2009 Maior Qualidade / Indulgência

11 CLASES SOCIAIS MAIS BAIXAS MAIS EXIGENTES Lares SEL C2+D/E: 59% Contribuição de 59 a 65% Mais de 65% Sabonetes Shampoo Loções Det. Líquidos. Fraldas Água de Coco Coloração Protetor Solar Leite Fermentado Bebida à Base de Soja Biscoitos SEL C2+D/E Contribution to Penetration Growth 2010 vs Source: Nielsen Homescan

12 OS PADRÕES DE COMPRA MUDAM Performance e Premium 23% % 2009 Maior Qualidade / Indulgência Alta Freqüência % compras de reposição 18% % 2008 Alta Frequencia Mix Canais 3 ou mais canais 60% % 2010 Mais tipos de Compra Fonte Kantar Worldpanel

13 CLASSES SOCIAIS MAIS BAIXAS MOVIMENTAM O MERCADO Contribuição das Classes C2 + DE no crescimento em volume dos canais Door to Door Tradicional 77% 66% Cash & Carry 64% Supermercado 49% Base: 51 Categories Volume Growth: 9,5% Valor: 13,4% Source: Nielsen Homescan

14 FORMATOS DE PROXIMIDADE CRESCEM MAIS TT BRASIL 3,8% TRADICIONAL 2,5% AS 1 A 4 CK 7,0% AS 5 A 9 CK 6,5% AS 10 A 19 CK 5,4% AS 20 + CK 1,5% FARMA 3,5% BARES 0,2% Variação de Valor MOV11 x MOV10 Total Brasil Base: 134 Categorias de Produto Fonte: Nielsen Retail Index

15 CESTAS CRESCEM PERECÍVEIS, BELEZA E LIMPEZA SE DESTACAM Total Nielsen Basket Volume Variation indexed in 1994 Base: 136 Categories Total Brazil Source: Nielsen Retail Index

16 Prioridades da Unilever Brasil em 2012 DRIVERS DE CRESCIMENTO DE LIMPEZA TAMANHOS GRANDES NOVOS FORMATOS PRATICIDADE NOVOS BENEFÍCIOS

17 MARCAS LIDERES DESENVOLVEM MERCADOS Segmento de líquidos para lavar roupas 8,1 TOTAL PÓS Entra no segmento Participação Líquidos,6,2 UNILEVER LÍQUIDOS OUTROS LÍQUIDOS 2010: 2% 2012: 12% (YTD) Jan 11 Jun 12 Fonte: Nielsen Vendas em Volume ( 000tons) Líquidos Concentrados - Sustentável - Maior rentabilidade por m2; - Máxima eficácia alta tecnologia

18 CRESCIMENTO CESTA DE LIMPEZA CASEIRA TT CESTA 2,3% LÃ DE AÇO -4,4% SABAO EM BARRA -10,0% DETERGENTE LÍQUIDO 2,2% DESINFETANTE 1,0% AGUA SANITARIA + ALVEJANTE 2,9% AMACIANTES 7,7% DETERGENTE ROUPA 4,3% Variação de Valor MOV11 x MOV10 Total Brasil Fonte: Nielsen Retail Index

19 HIGIENE E BELEZA NO BRASIL O Brasil é o 3º País do Mundo em gastos em Beleza, atrás apenas de EUA e Japão. Produtos para Cabelos representam 38% dos gastos com beleza R$4.8 bi foram gastos com produtos para Cabelos em 2011

20 Prioridades da Unilever Brasil em 2012 DRIVERS DE CRESCIMENTO DE BELEZA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO PREMIUNIZAÇÃO Gastam 2X mais com produtos de beleza Dove é a marca mais conhecida de beleza. INOVAÇÕES Atendem necessidades específicas MERCADO MASCULINO Cresce 34% nos últimos de 2 anos

21 CRESCIMENTO CESTA DE HIGIENE E BELEZA TT CESTA 1,3% LAMINA DE BARBEAR ABSORVENTES -1,0% -0,9% CREME DENTAL 0,7% TINTURAS 6,8% PÓS SHAMPOO 3,0% SHAMPOO DESODORANTE 4,6% 5,3% SABONETE -2,1% FRALDA 0,0% PAPEL HIGIENICO -2,5% Variação de Valor MOV12 x MOV11 Total Brasil Fonte: Nielsen Retail Index

22 OLHANDO PARA O FUTURO Segmento Premium no Varejo Indulgência Revolução Digital E Commerce

23 SALÃO NO VAREJO MERCADO DE SALÃO + INOVAÇÃO + PREMIUM Tornou-se a 1ª Marca nas Grandes Cadeias 4,7% 10,4% 15,5% 19,7% 0,0% NOV 11 DEZ 11 JAN/12 FEV/12 MAR/12 TRESEMMÉ TRESemmé contribui com 63% do crescimento da categoria em 2012 Crescimento do mercado 8% para 14%

24 INDULGÊNCIA 17,9 Consumo anual - Litros Sorvete / habitante 7,6 IMPULSO TAKE HOME 6,2 6,1 5,1 5,0 4,3 3,3 3,1 USA Italia UK França Portugal Chile Argentina Colombia Brazil

25 REVOLUÇÃO DIGITAL / E COMMERCE O mundo em 2020 Volume de Informação na Web: 30 X hoje Usuários da internet: 66 % Vendas on line nos EUA (% total varejo): 17% Fonte Kantar Worldpanel

26 ECOMMERCE NO BRASIL JÁ É UMA REALIDADE Mercado de USD11bi, que deve atrair players internacionais Crescimento (05/10 ): 19% anual, em aceleração nos últimos 2 anos 36% dos Brasileiros buscam por informação sobre produtos e marcas online ( Online movimenta o consumo Offline ) Brasileiros adotam tecnologia rapidamente: já existem 27MM de Smartphones no país e o Brasil é o 2º país em numero de usuários de Facebook e Twitter

27

O Mercado e o Shopper Masculino Men's Beauty Show. Abril de 2011

O Mercado e o Shopper Masculino Men's Beauty Show. Abril de 2011 O Mercado e o Shopper Masculino Men's Beauty Show Abril de 2011 Agenda Revisão da Indústria e Cestas Tendências Macro econômicas e Cestas de Consumo Cesta Foco e mercado Masculino Mercado Masculino Nível

Leia mais

Tendências do Consumidor

Tendências do Consumidor Tendências do Consumidor Responsabilidade Técnica Coordenação CRESCIMENTO DE 8,4% EM 2014 +8,4% Crescimento nominal +1,8% Crescimento real 5,3% Participação PIB 350,0 300,0 250,0 200,0 150,0 100,0 50,0

Leia mais

Leitores: supermercadistas de todos os portes, fornecedores, órgãos governamentais, universidades

Leitores: supermercadistas de todos os portes, fornecedores, órgãos governamentais, universidades SuperHiper é a publicação oficial do setor, pertence à Abras e este ano completa 35 anos Leitores: supermercadistas de todos os portes, fornecedores, órgãos governamentais, universidades Representa o setor

Leia mais

Tendências do Consumidor

Tendências do Consumidor Tendências do Consumidor Responsabilidade Técnica Coordenação O ambiente econômico do setor supermercadista São cinco as forças que determinam a evolução do varejo Economia Demografia Consumidor/Shopper

Leia mais

Edição 2011 Fabio da Silva Gomes Gerente de Atendimento The Nielsen Company - Brasil

Edição 2011 Fabio da Silva Gomes Gerente de Atendimento The Nielsen Company - Brasil Edição 2011 Fabio da Silva Gomes Gerente de Atendimento The Nielsen Company - Brasil Agenda Objetivo Considerações gerais do estudo Panorama geral da demanda no país Contextualizando a atuação das marcas

Leia mais

PESQUISA NACIONAL DE TABLÓIDES

PESQUISA NACIONAL DE TABLÓIDES Associada ao: PESQUISA NACIONAL DE TABLÓIDES Entendendo o tablóide promocional do varejo alimentar como ferramenta de merchandising para fabricantes e varejistas São Paulo 2009 Agenda Introdução Delimitação

Leia mais

COMPETITIVIDADE: DESENVOLVIMENTO PRÓXIMOS ANOS? COMO SERÁ O DO SEU NEGÓCIO NOS. Sussumu Honda

COMPETITIVIDADE: DESENVOLVIMENTO PRÓXIMOS ANOS? COMO SERÁ O DO SEU NEGÓCIO NOS. Sussumu Honda REFLEXÕES SOBRE A COMPETITIVIDADE: COMO SERÁ O DESENVOLVIMENTO DO SEU NEGÓCIO NOS PRÓXIMOS ANOS? Sussumu Honda 2013: O MUNDO Perspectivas Globais RECUPERAÇÃO GRADATIVA COM GRANDES MUDANÇAS Perspectivas

Leia mais

A ERA DIGITAL E AS EMPRESA

A ERA DIGITAL E AS EMPRESA A ERA DIGITAL E AS EMPRESA Em 1997 o Brasil já possuia 1,8 MILHÕES de usuários Brasil O 5 Maior país em extensão territorial Brasil 5 Vezes campeão do Mundo Brasil O 5 Maior país em número de pessoas conectadas

Leia mais

Tendências do Consumidor

Tendências do Consumidor Tendências do Consumidor Responsabilidade Técnica Coordenação Abril de 2014 Panorama Macroeconômico do Setor Supermercadista Abril de 2014 CRESCIMENTO DO AUTOSSERVIÇO: BRASIL TEVE DESEMPENHO SUPERIOR AO

Leia mais

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos HIGIENE PESSOAL ABRIL DE 2014

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos HIGIENE PESSOAL ABRIL DE 2014 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos HIGIENE PESSOAL ABRIL DE 2014 PRODUTOS HIGIENE PESSOAL 61% Sabonetes Higiene Oral Desodorantes Talcos Higiene Capilar Produtos para Barbear Fraldas

Leia mais

As diretrizes de consumo no Brasil

As diretrizes de consumo no Brasil As diretrizes de consumo no Brasil A visão do consumidor Luiz Goes A GS&MD Gouvêa de Souza Consultoria Empresarial Canais de distribuição / Centrais e redes de negócios/ Controladoria e finanças / Crédito

Leia mais

O QUE ESPERAR PARA 2013? Kantar Worldpanel

O QUE ESPERAR PARA 2013? Kantar Worldpanel O QUE ESPERAR PARA 2013? OTIMISMO DO BRASILEIRO COM EVENTOS ESPORTIVOS E MUSICAIS INVESTIMENTO EM INFRAESTRUTURA PARA A COPA DO MUNDO E OLIMPÍADAS PREVISÕES DO GOVERNO PARA CRESCIMENTO DO PIB EM 2013 DESONERAÇÃO

Leia mais

RANKING ABAD NIELSEN 2015 BASE 2014

RANKING ABAD NIELSEN 2015 BASE 2014 RANKING ABAD NIELSEN 2015 BASE 2014 Abril, 2015 AGENDA Um resumo das Mudanças no Mercado Brasileiro em 2014 O Setor Atacadista-distribuidor neste contexto O processo de interiorização do consumo e o reflexo

Leia mais

17º Estudo Anual Marcas Próprias 2011. 17º Estudo Anual de Marcas Próprias

17º Estudo Anual Marcas Próprias 2011. 17º Estudo Anual de Marcas Próprias 17º Estudo Anual Marcas Próprias 2011 Agenda Qual o desempenho da marca própria no mundo? Marca Própria, produto de qualidade e preço? Qual o desempenho da marca própria no Brasil? Quem é o shopper de

Leia mais

CENÁRIO ABRAS: 2011-2021

CENÁRIO ABRAS: 2011-2021 CENÁRIO ABRAS: 2011-2021 O Mundo está em crise? O Mundo está em crise? Estados Unidos: 8 milhões de empregos a menos desde o início da crise... Menos consumo! Europa: cresce recessão em diferentes países...

Leia mais

Cenário Cesta de Limpeza. Nielsen

Cenário Cesta de Limpeza. Nielsen Cenário Cesta de Limpeza Nielsen INCERTEZAS DA ECONOMIA ABALAM A CONFIANÇA Aumento na taxa de desemprego, redução da renda e inflação impactam o consumo PIB 2015-3,8% PIB 2016E IPCA 2016E -3,3% IPCA 2015

Leia mais

Pesquisa APAS/LatinPanel mostra as principais marcas na preferência dos consumidores brasileiros

Pesquisa APAS/LatinPanel mostra as principais marcas na preferência dos consumidores brasileiros Pesquisa APAS/LatinPanel mostra as principais marcas na preferência dos consumidores brasileiros Estudo Mais Mais A Escolha do Consumidor aponta que em 79% das 94 categorias de produtos pesquisadas houve

Leia mais

Trade Marketing Estratégico ou Tático. Tania Zahar Miné

Trade Marketing Estratégico ou Tático. Tania Zahar Miné Trade Marketing Estratégico ou Tático Tania Zahar Miné Agenda Mercado - Farmácias Trade Marketing Consumidor e shopper Desafios e oportunidades Farma Mercado Farmácias Números do setor Canal em crescimento

Leia mais

BAIXA RENDA. Como a indústria e o varejo acessam este mercado? Ana Fioratti

BAIXA RENDA. Como a indústria e o varejo acessam este mercado? Ana Fioratti BAIXA RENDA Como a indústria e o varejo acessam este mercado? Ana Fioratti Experiência Global 50 anos de experiência em painéis de consumidores; Em 54 países de todo o mundo; A KantarWorldpanelempresa

Leia mais

DATA:07/05/2015 AUDITÓRIO: COMERCIAL TEMA:PLANEJAMENTO COMERCIAL MAIS QUE UMA FERRAMENTA, UM DIFERENCIAL COMPETITIVO. PALESTRANTE:FLAVIA AMADO

DATA:07/05/2015 AUDITÓRIO: COMERCIAL TEMA:PLANEJAMENTO COMERCIAL MAIS QUE UMA FERRAMENTA, UM DIFERENCIAL COMPETITIVO. PALESTRANTE:FLAVIA AMADO DATA:07/05/2015 AUDITÓRIO: COMERCIAL TEMA:PLANEJAMENTO COMERCIAL MAIS QUE UMA FERRAMENTA, UM DIFERENCIAL COMPETITIVO. PALESTRANTE:FLAVIA AMADO O NOVO SHOPPER E TENDÊNCIAS PARA 2015 KANTAR WORLDPANEL NO

Leia mais

Tendências do Consumidor

Tendências do Consumidor Tendências do Consumidor Responsabilidade Técnica Coordenação Em menor patamar que o faturamento, o crescimento do número de lojas também é contínuo + 2% 81,1 82,0 83,6 78,3 71,4 72,0 72,9 73,7 74,6 75,7

Leia mais

MUDANÇAS E NOVAS TENDÊNCIAS DOS HÁBITOS DO CONSUMIDOR CARLOS COTOS

MUDANÇAS E NOVAS TENDÊNCIAS DOS HÁBITOS DO CONSUMIDOR CARLOS COTOS MUDANÇAS E NOVAS TENDÊNCIAS DOS HÁBITOS DO CONSUMIDOR CARLOS COTOS LÍDER MUNDIAL EM CONHECIMENTO DO CONSUMIDOR PAINÉIS DE CONSUMIDORES SINDICALIZADOS & SOLUÇÕES EM COMPORTAMENTO DE COMPRA E DOS CONSUMIDORES

Leia mais

Panorama do Setor de Beleza no Brasil

Panorama do Setor de Beleza no Brasil SEMINÁRIO GVCEV: Trade e Shopper Marketing no Setor de Beleza: estratégias da indústria e do varejo na conquista do consumidor em um mercado cada vez mais competitivo Panorama do Setor de Beleza no Brasil

Leia mais

ECONOMIA É A PRINCIPAL PREOCUPAÇÃO

ECONOMIA É A PRINCIPAL PREOCUPAÇÃO ECONOMIA É A PRINCIPAL PREOCUPAÇÃO Var% PIB Brasil -3,8% 2015 vs 2014 AGROPECUÁRIA: +1,8% INDÚSTRIA: -6,2% SERVIÇOS: -2,7% CONSUMO DAS FAMÍLIAS: -4,0% 93% dos brasileiros acredita que o país se encontra

Leia mais

GfK. Crescimento a partir do conhecimento Transformamos informações em decisões de negócios inteligentes

GfK. Crescimento a partir do conhecimento Transformamos informações em decisões de negócios inteligentes GfK. Crescimento a partir do conhecimento Transformamos informações em decisões de negócios inteligentes 4 ª maior empresa de pesquisa de mercado. Vendas em 2014: 1,5 bi 13.000 especialistas em 100 países

Leia mais

Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos

Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos fundada em 1995 representa 94% do segmento de HPPC Missão: Apoiar, desenvolver, estimular e criar ações e instrumentos que contribuam para o progresso do segmento

Leia mais

Produtos de Higiene Pessoal Masculina - Brasil - Setembro 2014. COMPRE ESTE Relatório agora

Produtos de Higiene Pessoal Masculina - Brasil - Setembro 2014. COMPRE ESTE Relatório agora O homem brasileiro aprendeu a conciliar um estilo de vida agitado com a rotina de compra de produtos de cuidado pessoal. A pressão da vida moderna não o impede de comprar estes produtos, muito pelo contrário.

Leia mais

O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital. Julia Lopes - gerente de parcerias de canais

O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital. Julia Lopes - gerente de parcerias de canais O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital Julia Lopes - gerente de parcerias de canais Dados de e-commerce no Brasil dimensionando o mercado Faturamento do e-commerce

Leia mais

A ECONOMIA DIGITAL NUM MUNDO GLOBAL

A ECONOMIA DIGITAL NUM MUNDO GLOBAL 7ª FÓRUM LUSÓFONO DAS COMUNICAÇÕES DESAFIOS DA ECONOMIA DIGITAL 18 E 19 DE FEVEREIRO DE 2016 SÃO TOMÉ E PRINCIPE A ECONOMIA DIGITAL NUM MUNDO GLOBAL Alexandre Nilo Fonseca PRESIDENTE ACEPI 15 ANOS A PROMOVER

Leia mais

O consumo mundial de papel e papelcartão (P&PC) deve atingir em 2007 cerca de 380 milhões de toneladas. Consumo Global de P&PC CONSUMO GLOBAL DE P&PC

O consumo mundial de papel e papelcartão (P&PC) deve atingir em 2007 cerca de 380 milhões de toneladas. Consumo Global de P&PC CONSUMO GLOBAL DE P&PC 32 o Fórum Anave Tendências do Mercado de Papel Suzano - Apresentação Institucional Antonio Maciel Neto Outubro de 2007 Reunião com Magistral mar/07 0 O mercado de papel hoje O consumo mundial de papel

Leia mais

Centro de Conhecimento em Agronegócios. Universidade de São Paulo

Centro de Conhecimento em Agronegócios. Universidade de São Paulo Realização: SECRETARIA DE AGRICULTURA E ABASTECIMENTO CÂMARA SETORIAL DE LEITE E DERIVADOS Centro de Conhecimento em Agronegócios Centro de Conhecimento em Agronegócios Faculdade de Economia, Administração

Leia mais

Sortimento da. Capa Gestão de mix

Sortimento da. Capa Gestão de mix Sortimento da pro$per Sinônimo de muitas oportunidades para o supermercadista, a economia aquecida e as perspectivas de crescimento para este ano trazem também grandes desafios para o varejo. Se por um

Leia mais

O ataque dos consumidores emergentes

O ataque dos consumidores emergentes O ataque dos consumidores emergentes As marcas dos produtos de consumo das empresas multinacionais mantiveram-se na liderança de seus mercados e na mente dos consumidores brasileiros durante décadas. Algumas

Leia mais

Cenário Econômico para 2014

Cenário Econômico para 2014 Cenário Econômico para 2014 Silvia Matos 18 de Novembro de 2013 Novembro de 2013 Cenário Externo As incertezas com relação ao cenário externo em 2014 são muito elevadas Do ponto de vista de crescimento,

Leia mais

terceiro trimestre de 2005

terceiro trimestre de 2005 apresentação institucional terceiro trimestre de 2005 1 1panorama da empresa 2 panorama da empresa Empresa de cosméticos, fragrâncias e higiene pessoal com receita bruta de R$2,5 bilhões no 2004 (9M05:

Leia mais

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos 1 Departamento de Comércio Exterior 19 de outubro de 2015 Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos BECE ABIHPEC 008/2015 2 ÍNDICE Notas explicativas...03

Leia mais

DIFERENTES FORMATOS E POSICIONAMENTOS PARA ATENDER MELHOR O SEU CONSUMIDOR

DIFERENTES FORMATOS E POSICIONAMENTOS PARA ATENDER MELHOR O SEU CONSUMIDOR DIFERENTES FORMATOS E POSICIONAMENTOS PARA ATENDER MELHOR O SEU CONSUMIDOR ECONOMIA É A PRINCIPAL PREOCUPAÇÃO DOS BRASILEIROS Var% PIB Brasil -3,8% 2015 vs 2014 AGROPECUÁRIA: +1,8% INDÚSTRIA: -6,2% SERVIÇOS:

Leia mais

ICC 115-8. O café na Federação Russa. Conselho Internacional do Café 115. a sessão 28 setembro 2 outubro 2015 Milão, Itália.

ICC 115-8. O café na Federação Russa. Conselho Internacional do Café 115. a sessão 28 setembro 2 outubro 2015 Milão, Itália. ICC 115-8 18 agosto 215 Original: inglês P Conselho Internacional do Café 115. a sessão 28 setembro 2 outubro 215 Milão, Itália O café na Federação Russa Antecedentes Cumprindo o disposto no Artigo 34

Leia mais

Revolução Multicanal no Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos

Revolução Multicanal no Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos Revolução Multicanal no Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos Prof. Dr. Leandro Guissoni EAESP/FGV "N a fábrica fazem os cosm éticos, na loja vendem os esperança." ( Revlon) Agenda Multicanalidade

Leia mais

ESTUDO DE ÓTICAS 2014 MERCADO, VAREJISTAS E CLIENTES

ESTUDO DE ÓTICAS 2014 MERCADO, VAREJISTAS E CLIENTES ESTUDO DE ÓTICAS 2014 MERCADO, VAREJISTAS E CLIENTES VAREJISTAS E CLIENTES PESQUISA DE MERCADO - MÉTODO E AMOSTRA 2012 350 entrevistas com gerentes e proprietários de óticas 2014 541 entrevistas com gerentes

Leia mais

A INDÚSTRIA DE CARTÕES NO BRASIL

A INDÚSTRIA DE CARTÕES NO BRASIL A INDÚSTRIA DE CARTÕES NO BRASIL Ivo Vieitas ABECS 1 Agenda Mercado de Cartões no Brasil 1. Uma Indústria Forte 2. Uma indústria Complexa 3. Nova Realidade 2 Agenda 1. Mercado de Cartões no Brasil 1. Uma

Leia mais

A nova classe média vai às compras

A nova classe média vai às compras A nova classe média vai às compras 18 KPMG Business Magazine Cenário é positivo para o varejo, mas empresas precisam entender o perfil do novo consumidor Nos últimos anos o mercado consumidor brasileiro

Leia mais

Sorriso aberto - Edição 11 - DEC News. Escrito por Adriana Bruno Sex, 09 de Setembro de 2011 14:50

Sorriso aberto - Edição 11 - DEC News. Escrito por Adriana Bruno Sex, 09 de Setembro de 2011 14:50 Categorias de oral care confirmam tendência de crescimento em 2010. Segmentação de produtos é positiva e abre o leque de opções para todas as classes sociais O brasileiro está experimentando mais e também

Leia mais

O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Serviço Móvel Pessoal Pré-Pago (Celular Pré-pago)

O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Serviço Móvel Pessoal Pré-Pago (Celular Pré-pago) O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Serviço Móvel Pessoal Pré-Pago (Celular Pré-pago) São Paulo, Julho de 2014 2014 Teleco. Todos os direitos reservados.

Leia mais

COLOCANDO O ASSUNTO EM PRATOS LIMPOS: O mercado de Home Care no Brasil fechou 2013 valendo R$ 17 bilhões! (Euromonitor 2014)

COLOCANDO O ASSUNTO EM PRATOS LIMPOS: O mercado de Home Care no Brasil fechou 2013 valendo R$ 17 bilhões! (Euromonitor 2014) COLOCANDO O ASSUNTO EM PRATOS LIMPOS: O mercado de Home Care no Brasil fechou 2013 valendo R$ 17 bilhões! (Euromonitor 2014) Cresceu 33,5% entre 2009 e 2013. DISHWASHING cresceu 60% no mesmo período, chegando

Leia mais

Marco Antonio Rossi. FenaPrevi e o Mercado de Seguros e Previdência

Marco Antonio Rossi. FenaPrevi e o Mercado de Seguros e Previdência Marco Antonio Rossi FenaPrevi e o Mercado de Seguros e Previdência 1 Agenda 1. Linha do Tempo 2. Mercado Brasileiro 3. Indicadores de Desenvolvimento 4. Cenários 5. O Agregado de Oportunidades 6. Seguros

Leia mais

Global leader in hospitality consulting. Global Hotel Market Sentiment Survey 1 Semestre 2014 BRASIL

Global leader in hospitality consulting. Global Hotel Market Sentiment Survey 1 Semestre 2014 BRASIL Global leader in hospitality consulting Global Hotel Market Sentiment Survey 1 Semestre 2014 BRASIL % DE RESPOSTAS POR REGIÃO INTRODUÇÃO Américas 19% Ásia 31% A pesquisa global de opinião sobre o mercado

Leia mais

1. THE GROUP TODAY INDEX 1. O GRUPO HOJE 2. VISÃO ESTRATÉGICA

1. THE GROUP TODAY INDEX 1. O GRUPO HOJE 2. VISÃO ESTRATÉGICA 1 INDEX 1. O GRUPO HOJE 2. VISÃO ESTRATÉGICA 3. PRIORIDADES ESTRATÉGICAS 3.1 Concretizar o Potencial da Biedronka 3.2 Assegurar o Crescimento de Longo Prazo 1. THE GROUP TODAY 4. EXPLORAR TODO O POTENCIAL

Leia mais

Indicadores Anefac dos países do G-20

Indicadores Anefac dos países do G-20 Indicadores Anefac dos países do G-20 O Indicador Anefac dos países do G-20 é um conjunto de resultantes de indicadores da ONU publicados pelos países: África do Sul, Alemanha, Arábia Saudita, Argentina,

Leia mais

Os Desafios de Gestão do Canal Indireto Como garantir a execução"

Os Desafios de Gestão do Canal Indireto Como garantir a execução Os Desafios de Gestão do Canal Indireto Como garantir a execução" 07.07.2014 Today s Agenda 9:30am - 9:45am Introdução & Objetivos 3 Today s Agenda 9:45am 10:00am Os desafios do GTM e do Canal Indireto

Leia mais

A emergência de um novo mundo no século XXI?

A emergência de um novo mundo no século XXI? A emergência de um novo mundo no século XXI? José Eustáquio Diniz Alves 1 A economia mundial deve crescer cerca de 4 vezes nos próximos 40 anos. Isto quer dizer que o Produto Interno Bruto (PIB) terá o

Leia mais

B R A S I L EMERGENTE E X P E C T A T I V A D E V I D A E C O N S U M O E M 2 0 1 5

B R A S I L EMERGENTE E X P E C T A T I V A D E V I D A E C O N S U M O E M 2 0 1 5 B R A S I L EMERGENTE E X P E C T A T I V A D E V I D A E C O N S U M O E M 2 0 1 5 O I N V E S T I M E N T O P E L A L Ó G I C A D A D E M A N D A R E N A T O M E I R E L L E S r e n a t o @ d a t a p

Leia mais

Agenda. Cenário. Tendências e o impacto da Tecnologia. Demandas do Novo Consumidor. Desafios no novo cenário

Agenda. Cenário. Tendências e o impacto da Tecnologia. Demandas do Novo Consumidor. Desafios no novo cenário Agenda Cenário Tendências e o impacto da Tecnologia Demandas do Novo Consumidor Desafios no novo cenário Agenda Cenário Tendências e o impacto da Tecnologia Demandas do Novo Consumidor Desafios no novo

Leia mais

Estratégias de Marketing Digital

Estratégias de Marketing Digital Estratégias de Marketing Digital @SandraTurchi www.sandraturchi.com.br E-commerce no Mundo Movimentou US$ 1 trilhão em 2012 Tíquete médio US$ 73 Brasil será o 4º país até 2015 (atrás de China, EUA e Japão).

Leia mais

DADOS ESTATÍSTICOS DO SETOR 2014

DADOS ESTATÍSTICOS DO SETOR 2014 DADOS ESTATÍSTICOS DO SETOR 2014 1. Setor de Sucos Exportações em US$ 1.000 Produtos 2010 Part% 2013 2014 Part% 2014 2014/ 13 Var % anual 14/10 Alimentos Industrializados 37.853.764 100,00 43.005.652 41.136.370

Leia mais

TENDÊNCIAS DA MAIORIA

TENDÊNCIAS DA MAIORIA TENDÊNCIAS DA MAIORIA O desafio de conquistar um mercado consumidor de R$ 834 bilhões em 2010 O Brasil emergente São 37 milhões de famílias com renda mensal entre 3 e 10 salários-mínimos A classe média

Leia mais

Beira Mar. lixão. Palmeiras

Beira Mar. lixão. Palmeiras Beira Mar lixão Palmeiras DÉCADA DE 70 DÉCADA DE 80 As famílias começam a se organizar... DÉCADA DE 90 1991 1991 Ponte sobre o riacho 1991-94 Canal de drenagem Esgoto 1995-96 Praçinha 1995 FINAL DA DÉCADA

Leia mais

Aliança do Pacífico: integração e crescimento

Aliança do Pacífico: integração e crescimento Aliança do Pacífico: integração e crescimento Juan Ruiz BBVA Research Economista chefe para América do Sul Ciclo de Conferências DE / BBVA - Alianza del Pacífico Lisboa, 1 de Outubro de 213 Índice 1 Um

Leia mais

The Director s Report: The State of ecommerce in Brazil. Por Lariza Carrera, Executive Director, etail Brazil

The Director s Report: The State of ecommerce in Brazil. Por Lariza Carrera, Executive Director, etail Brazil The Director s Report: The State of ecommerce in Brazil Por Lariza Carrera, Executive Director, etail Brazil etailbrazil.com 2014 O mercado está se ajustando a uma realidade multi-canal não excludente,

Leia mais

Momento atual e futuro do varejo. Alberto Serrentino

Momento atual e futuro do varejo. Alberto Serrentino Momento atual e futuro do varejo Alberto Serrentino Agenda O momento do varejo brasileiro Modelo estratégico para o varejo O varejo no futuro omnichannel O momento do varejo brasileiro Evolução recente

Leia mais

PwC HealthCast 2020: creating a Substainable Future

PwC HealthCast 2020: creating a Substainable Future Há evidência crescente de que o atual sistema de saúde de todas as nações vai se tornar insustentável se algo não mudar nos próximos 15 anos. Globalmente, a assistência tem sido ameaçada por uma confluência

Leia mais

TENDÊNCIAS DO MERCADO E OPORTUNIDADES PARA CONGELADOS

TENDÊNCIAS DO MERCADO E OPORTUNIDADES PARA CONGELADOS TENDÊNCIAS DO MERCADO E OPORTUNIDADES PARA CONGELADOS Alexandre Pereira Miquelino 26/11/2014 AGENDA Oportunidades para a Categoria Cenário Macroeconômico e Tendências de Consumo Oportunidades para Congelados

Leia mais

Associação Nacional dos Exportadores de Sucos Cítricos Consumo Mundial de Suco de Laranja

Associação Nacional dos Exportadores de Sucos Cítricos Consumo Mundial de Suco de Laranja Associação Nacional dos Exportadores de Sucos Cítricos Consumo Mundial de Suco de Laranja Câmara Setorial da Citricultura Brasília, 6 de setembro de 2011. TRANSPARÊNCIA E INFORMAÇÃO AGO/2010 OUT/2010 NOV-DEZ/2010

Leia mais

Cesta básica volta a subir em Novembro

Cesta básica volta a subir em Novembro Piracicaba, 03 de dezembro de 2014. Cesta básica volta a subir em Novembro Os preços médios mensais da Cesta Básica de Piracicaba ICB - ESALQ/FEALQ, calculado pela EJEA, têm oscilado nos últimos meses

Leia mais

B2W DIGITAL Divulgação de Resultados 4T12/2012

B2W DIGITAL Divulgação de Resultados 4T12/2012 Estar Mais Próximo do Cliente B2W DIGITAL Divulgação de Resultados 4T12/2012 Considerações Gerais Considerações referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados operacionais e financeiros,

Leia mais

A INDÚSTRIA QUÍMICA É RELEVANTE PARA O BRASIL 6 ª 10 % MAIOR. do PIB. Indústria Química DO MUNDO INDUSTRIAL. Fonte: ABIQUIM, IBGE PIA/2012

A INDÚSTRIA QUÍMICA É RELEVANTE PARA O BRASIL 6 ª 10 % MAIOR. do PIB. Indústria Química DO MUNDO INDUSTRIAL. Fonte: ABIQUIM, IBGE PIA/2012 Carlos Fadigas A INDÚSTRIA QUÍMICA É RELEVANTE PARA O BRASIL Fonte: ABIQUIM, IBGE PIA/2012 10 % do PIB INDUSTRIAL 6 ª MAIOR Indústria Química DO MUNDO A INDÚSTRIA QUÍMICA DEVE FATURAR US$ 157 BILHÕES

Leia mais

PANORAMA DO SETOR. Evolução do setor 2. Crescimento do setor x crescimento da economia 3. Comparativo de índices de preços 4. Comércio Exterior 5

PANORAMA DO SETOR. Evolução do setor 2. Crescimento do setor x crescimento da economia 3. Comparativo de índices de preços 4. Comércio Exterior 5 PANORAMA DO SETOR Evolução do setor 2 Crescimento do setor x crescimento da economia 3 Comparativo de índices de preços 4 Comércio Exterior 5 Perfil Empresarial 8 Mercado Brasileiro 11 Canais de distribuição

Leia mais

Brazil and Latin America Economic Outlook

Brazil and Latin America Economic Outlook Brazil and Latin America Economic Outlook Minister Paulo Bernardo Washington, 13 de maio de 2009 Apresentação Impactos da Crise Econômica Situação Econômica Brasileira Ações Contra-Cíclicas Previsões para

Leia mais

O varejo e a era da disrupção

O varejo e a era da disrupção 10Minutos Varejo Total Retail 2015 - Pesquisa anual da PwC com os consumidores O varejo e a era da disrupção Destaques Os consumidores estão definindo sua própria abordagem de relacionamento com o varejo,

Leia mais

O Mercado dos Seguros de Automóveis Pensando a Distribuição. Marco Antonio Gonçalves Bradesco Seguros

O Mercado dos Seguros de Automóveis Pensando a Distribuição. Marco Antonio Gonçalves Bradesco Seguros O Mercado dos Seguros de Automóveis Pensando a Distribuição Marco Antonio Gonçalves Bradesco Seguros Agenda Indústria Prioridades Automobilística Financeiras Mercado de Seguros Auto O Novo Consumidor Concentração

Leia mais

As Tendências da Alimentação -- Varejo de autosserviço --

As Tendências da Alimentação -- Varejo de autosserviço -- São Paulo, 11 de agosto de 2010 As Tendências da Alimentação -- Varejo de autosserviço -- Informações sobre o setor de supermercados SETOR SUPERMERCADISTA EM 2009 Faturamento R$ 177 bilhões Participação

Leia mais

Seminário GVcev Franquias: Modelo de Negócio para o Varejo. Sérgio Barbi - ABF

Seminário GVcev Franquias: Modelo de Negócio para o Varejo. Sérgio Barbi - ABF Seminário GVcev Franquias: Modelo de Negócio para o Varejo Sérgio Barbi - ABF Histórico do Franchising no Brasil 1960 Yázigi abre a primeira franquia no Brasil; Na década seguinte, o McDonald s abre o

Leia mais

2ª Conferência de Investimentos Alternativos: FIDC, FII E FIP

2ª Conferência de Investimentos Alternativos: FIDC, FII E FIP 2ª Conferência de Investimentos Alternativos: FIDC, FII E FIP São Paulo, 21 de Agosto de 2013 Hotel Caesar Park Patrocínio SPX Capital Agosto 2013 Perspectivas Macroeconômicas Inflação acumulada em 12

Leia mais

O POTENCIAL DE MERCADO PARA O CHOCOLATE. Abril/ 2014

O POTENCIAL DE MERCADO PARA O CHOCOLATE. Abril/ 2014 O POTENCIAL DE MERCADO PARA O CHOCOLATE Abril/ 2014 Brasil Dados do Mercado de Chocolates -3º maior mercado de chocolates do mundo (Fonte: Caobisco) Geração de empregos - 33 mil empregos diretos anuais

Leia mais

PANORAMA DO SETOR EVOLUÇÃO

PANORAMA DO SETOR EVOLUÇÃO EVOLUÇÃO A Indústria Brasileira de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos apresentou um crescimento médio deflacionado composto de 10% nos últimos 16 anos, tendo passado de um faturamento "ExFactory",

Leia mais

Panorama do setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos

Panorama do setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos Panorama do setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos Página 1 Evolução A Indústria Brasileira de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos apresentou um crescimento médio deflacionado composto

Leia mais

QUAL O POTENCIAL DE PHARMAFOODS EM PORTUGAL? PORTUGAL FOODS

QUAL O POTENCIAL DE PHARMAFOODS EM PORTUGAL? PORTUGAL FOODS QUAL O POTENCIAL DE PHARMAFOODS EM PORTUGAL? PORTUGAL FOODS 11 de Novembro de 2011 1 O bjectiv O IDENTIFICAR QUAL O POTENCIAL DE PHARMAFOODS EM PORTUGAL 2 A gend A O SHOPPER E AS SUAS MOTIVAÇÕES Como e

Leia mais

DESENVOLVER A ECONOMIA DIGITAL EM PORTUGAL Alexandre Nilo Fonseca ACEPI Associação do Comércio Electrónico e Publicidade InteraGva

DESENVOLVER A ECONOMIA DIGITAL EM PORTUGAL Alexandre Nilo Fonseca ACEPI Associação do Comércio Electrónico e Publicidade InteraGva DESENVOLVER A ECONOMIA DIGITAL EM PORTUGAL Alexandre Nilo Fonseca ACEPI Associação do Comércio Electrónico e Publicidade InteraGva Workshop PME Digital Ordem dos Economistas 14 de Janeiro de 2014 ACEPI:

Leia mais

Roteiro de Desenvolvimento de Produtos Cosméticos

Roteiro de Desenvolvimento de Produtos Cosméticos Roteiro de Desenvolvimento de Produtos Cosméticos Etapas de Desenvolvimento de Produtos Cosméticos SEGMENTO COSMÉTICO SEGMENTO COSMÉTICO Características Dinâmico Crescimento constante Necessidade de lançamentos

Leia mais

Curso Intensivo. Merchandising - Formação Avançada e Gerenciamento de Produtos por Categoria em Farmácias

Curso Intensivo. Merchandising - Formação Avançada e Gerenciamento de Produtos por Categoria em Farmácias Curso Intensivo Merchandising - Formação Avançada e Gerenciamento de Produtos por Categoria em Farmácias O EaDPLUS é um dos melhores portais de cursos à distância do Brasil e conta com um ambiente virtual

Leia mais

Educação para o Desenvolvimento

Educação para o Desenvolvimento Educação para o Desenvolvimento FIESC Jornada pela Inovação e Competitividade Florianópolis, 19 de julho de 2012 gustavo.ioschpe@g7investimentos.com.br gioschpe A Educação no Brasil 74% da população brasileira

Leia mais

Euromonitor International

Euromonitor International 1 O FUTURO DO SHOPPER BRASILEIRO. SERÁ TÃO ONLINE COMO O CONSUMIDOR AMERICANO? BRAZILIAN RETAIL WEEK 31 DE JULHO 2012 1. DEFINIÇÕES 2. PERFORMANCE: INTERNET RETAILING 3. PRINCIPAIS DRIVERS 4. TENDÊNCIA

Leia mais

Ponto de venda. Os segredos das categorias e subcategorias - Edição 23 - DEC News

Ponto de venda. Os segredos das categorias e subcategorias - Edição 23 - DEC News Entender e organizar todos os produtos de HPC nas gôndolas, com suas diferenças de marcas e funcionalidades, não são tarefas fáceis. Veja as dicas dos especialistas Os itens de higiene pessoal, perfumaria

Leia mais

FUNDAÇÃO PROCON-SP CONSTATA VARIAÇÃO DA CESTA BÁSICA DE -0,69% EM JULHO/2011

FUNDAÇÃO PROCON-SP CONSTATA VARIAÇÃO DA CESTA BÁSICA DE -0,69% EM JULHO/2011 FUNDAÇÃO PROCON-SP CONSTATA VARIAÇÃO DA CESTA BÁSICA DE -0,69% EM JULHO/2011 No mês de ho de 2011, o valor da cesta básica do paulistano teve queda de 0,69%, revela pesquisa diária da Fundação Procon-SP,

Leia mais

A emergência da classe média no Brasil

A emergência da classe média no Brasil División América Departamento Econômico André Loes A emergência da classe média no Santander, 06 de julho de 2007 : um Campeão da Desigualdade de renda Coeficiente de Gini no mundo (0 = igualdade absoluta,

Leia mais

RELATÓRIO ÍNDICE DO CUSTO DE VIDA - ICV SÃO JOSÉ/SC

RELATÓRIO ÍNDICE DO CUSTO DE VIDA - ICV SÃO JOSÉ/SC RELATÓRIO ÍNDICE DO CUSTO DE VIDA - ICV SÃO JOSÉ/SC MAIO/2007 1 INTRODUÇÃO O Índice do Custo de Vida (ICV) de São José, calculado pela Faculdade Estácio de Sá de Santa Catarina, em convênio com a Associação

Leia mais

Tabela 1 Evolução da taxa real de crescimento anual do PIB em países selecionados: 1991-2014

Tabela 1 Evolução da taxa real de crescimento anual do PIB em países selecionados: 1991-2014 Ano III /2015 Uma das grandes questões no debate econômico atual está relacionada ao fraco desempenho da economia brasileira desde 2012. De fato, ocorreu uma desaceleração econômica em vários países a

Leia mais

OS NOVOS CONSUMIDORES LUIS SIMOES, MANAGING DIRECTOR IBERIA

OS NOVOS CONSUMIDORES LUIS SIMOES, MANAGING DIRECTOR IBERIA OS NOVOS CONSUMIDORES LUIS SIMOES, MANAGING DIRECTOR IBERIA Projectar o passado Soluções futuras 3 FACTORES DE CONTEXTO DESFAVORAVEIS 1. Muito lenta recuperação da economia 2. 3. 80 2008 2009 2010 2011*

Leia mais

SEIS TENDÊNCIAS DE VAREJO NA AMÉRICA LATINA

SEIS TENDÊNCIAS DE VAREJO NA AMÉRICA LATINA SEIS TENDÊNCIAS DE VAREJO NA AMÉRICA LATINA O QUE ESTÁ ACONTECENDO NO VAREJO E QUAIS TENDÊNCIAS ESTÃO FORTALECENDO O FENÔMENO NO FUTURO DEZEMBRO DE 2015 ONDE O VAREJO ESTÁ HOJE E A DIREÇÃO QUE O SHOPPER

Leia mais

ÍNDICE APRAS NIELSEN MAIO DE 2013

ÍNDICE APRAS NIELSEN MAIO DE 2013 ÍNDICE APRAS NIELSEN MAIO DE 2013 ÍndAPRAS-Nielsen 07 de Maio de 2013 ÍNDICE APRAS/NIELSEN ASPECTOS METODOLÓGICOS Metodologia: Scantrack (autosserviços de 5+ cks colaboradores com a Nielsen) O que é Scantrack?

Leia mais

O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Utilização de Banda Larga Fixa

O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Utilização de Banda Larga Fixa O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Utilização de Banda Larga Fixa São Paulo, Agosto de 2014 2014 Teleco. Todos os direitos reservados. ÍNDICE

Leia mais

Brasil. Outubro de 2014. GfK 2014 V:\GfK FutureBuy 2014 BRASIL 1

Brasil. Outubro de 2014. GfK 2014 V:\GfK FutureBuy 2014 BRASIL 1 Brasil Outubro de 2014 GfK 2014 V:\GfK FutureBuy 2014 BRASIL 1 GfK FutureBuy 2014 - introdução 17 países 15 categorias Canadá EUA México Colombia Brasil Polônia Alemanha Franca Espanha Romênia Bulgária

Leia mais

Raul Marques. Poupança: Onde colocar o meu dinheiro

Raul Marques. Poupança: Onde colocar o meu dinheiro Raul Marques 27 de Novembro de 2010 Sociedade de consumo Evolução do consumo privado (%PIB) Portugal vs Alemanha Fonte: Banco de Portugal, Eurostat 27 de Novembro de 2010 2. Aumento do endividamento das

Leia mais

A aceleração da inflação de alimentos é resultado da combinação de fatores:

A aceleração da inflação de alimentos é resultado da combinação de fatores: SEGURIDADE ALIMENTARIA: apuesta por la agricultura familiar Seminario: Crisis alimentaria y energética: oportunidades y desafios para América Latina e el Caribe O cenário mundial coloca os preços agrícolas

Leia mais

Marco Antonio Rossi. Diretor Presidente do Grupo Bradesco Seguros e Previdência

Marco Antonio Rossi. Diretor Presidente do Grupo Bradesco Seguros e Previdência Marco Antonio Rossi Diretor Presidente do Grupo Bradesco Seguros e Previdência 1 Brasil Entre as Maiores Economias do Mundo Mercado Brasileiro de Seguros e Previdência O Mundo do Seguro e Previdência Desafios

Leia mais

PANORAMA DO SETOR EVOLUÇÃO

PANORAMA DO SETOR EVOLUÇÃO EVOLUÇÃO A Indústria Brasileira de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos apresentou um crescimento médio deflacionado composto de 10% nos últimos 16 anos, tendo passado de um faturamento "ExFactory",

Leia mais

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos

Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos 1 Departamento de Comércio Exterior 20 de julho de 2015 Boletim de Estatísticas de Comércio Exterior do Setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos BECE ABIHPEC 005/2015 2 ÍNDICE Notas explicativas...03

Leia mais

Classificação da Informação: Uso Irrestrito

Classificação da Informação: Uso Irrestrito Cenário Econômico Qual caminho escolheremos? Cenário Econômico 2015 Estamos no caminho correto? Estamos no caminho correto? Qual é nossa visão sobre a economia? Estrutura da economia sinaliza baixa capacidade

Leia mais

Marco Antonio Rossi. A Economia Brasileira Atual com Foco na Área de Benefícios

Marco Antonio Rossi. A Economia Brasileira Atual com Foco na Área de Benefícios Marco Antonio Rossi A Economia Brasileira Atual com Foco na Área de Benefícios 1 Agenda 1. Linha do Tempo 2. Mercado Brasileiro 3. Cenários Indicadores de Desenvolvimento 4. Desafios e Oportunidades 5.

Leia mais

Magazine Luiza. Junho 2015

Magazine Luiza. Junho 2015 Magazine Luiza Junho 2015 2 Movimento #AbraceoNovo Ações de Partida do Movimento Ações para sustentação do movimento no curto prazo Ações para sustentação do movimento no longo prazo DE: Empresa Tradicional

Leia mais