Uma mesma palavra pode figurar mais de uma classe.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Uma mesma palavra pode figurar mais de uma classe."

Transcrição

1 Substantivo

2 Uma mesma palavra pode figurar mais de uma classe. O céu é azul. O azul do céu. O jovem tinha muita ambição. Era uma mulher jovem. O jantar foi servido cedo. Começaram a jantar cedo.

3 Artigos - observações O justo é aquele que não comete injustiça. (palavra originalmente adjetiva, torna-se substantivo). O farejar do cão levou-o ao alimento. (palavra originalmente verbal, torna-se substantivo). O verde é minha cor preferida. (palavra originalmente adjetiva, torna-se substantivo).

4 Substantivos São os nomes das coisas.

5 Classificação dos Substantivos Comuns (seres de uma mesma espécie) Ex. homem, planeta, cidade, país, cadeira, perfeição, caminho, mesa, etc. OU Próprios (ser ou coisa entre outros da mesma espécie ou grupo) Ex. Fernando, Rio de Janeiro, Acesso

6 Classificação dos Substantivos Concretos (seres reais ou fictícios que podem ser vistos, imaginados, definidos ou desenhados)

7 Pessoas: João; Lugares: Brasil; Substantivos Concretos Seres Vivos: gato, estrela, fantasma, lobisomem; Objetos e elementos: faca, pedra, ar, oxigênio; Fenômenos da natureza: chuva, vento; Instituições: parlamento, dinheiro, tribunal;

8 Palavras que designam seres inexistentes (fictícios) mas que possuem um conceito conhecido por todos, também são consideradas substantivos concretos. Papai Noel Anjo do Dente Duende Bruxa Fada

9 Substantivos Abstratos Não são feitos de matéria. Só existem em nossa consciência. Designam ações (originam-se de verbos), qualidades (originam-se de adjetivos) ou estados.

10 Substantivos Abstratos 1. Qualidades: beleza, vício, inteligência, bondade, fé. 2. Ações: corrida, assassinato, encontro, colheita. 3. Estados: morte, vida, sonho, cegueira 4. Sentimentos: vergonha, amor, culpa, satisfação. 5. Sensações: fome, calor, aspereza, incômodo.

11 FLEXÕES DOS SUBSTANTIVOS GÊNERO BIFORME: Duas formas, uma para o masculino e outra para o feminino. Menino / menina homem / mulher

12 FLEXÕES DOS SUBSTANTIVOS GÊNERO UNIFORME: Uma forma para indicar os dois gêneros. Podem ser: Epicenos (acréscimo de macho e fêmea ) Comuns de dois gêneros (diferença pelo artigo) Ex. o/a colega o/a intérprete o/a cliente Sobrecomuns (mesma palavra para os dois gêneros) a criança - o indivíduo a pessoa, a criança, o cônjuge, a testemunha

13 FLEXÕES DOS SUBSTANTIVOS NÚMERO A maior parte dos substantivos forma o plural com o acréscimo da letra -s. camiseta camisetas Entretanto, o modo de formar o plural pode variar, dependendo da terminação das palavras.

14 FLEXÕES DOS SUBSTANTIVOS NÚMERO Substantivos terminados em r ou -z Acrescenta-se -es: colar colares raiz raízes revólver revólveres gravidez - gravidezes

15 FLEXÕES DOS SUBSTANTIVOS NÚMERO Substantivos terminados em -l, precedidos de a, e, o e u substitui-se o -l por -is: canal canais pastel pastéis paiol paióis paul pauis

16 FLEXÕES DOS SUBSTANTIVOS NÚMERO substantivos terminados em -ão substitui-se -ão por -ãos, -ães ou -ões: mão mãos alemão alemães, ação ações Cidadão cidadãos

17 Substantivo SUBSTANTIVOS TERMINADOS EM ÃO QUE ADMITEM MAIS DE UMA FORMA NO PLURAL: Alazão: alazões ou alazães Aldeão: aldeãos, aldeões e aldeães Ancião: anciãos, anciões e anciães Corrimão: corrimões e corrimãos Guardião: guardiães e guardiões Verão: verãos e verões Vilão: vilões, vilãos e vilães Vulcão: vulcões e vulcãos

18 FLEXÕES DOS SUBSTANTIVOS NÚMERO Substantivos paroxítonos terminados em -s e -x são invariáveis o pires os pires, o tórax os tórax o lápis os lápis o / a xerox os/as xerox

19 Substantivo flexão de número SUBSTANTIVOS UNICAMENTE NO PLURAL: Os arredores As férias As núpcias Os óculos Os pêsames As olheiras Os parabéns As trevas As reticências

20 Plural dos substantivos compostos Regra geral: pluralizam-se as palavras variáveis. amores-perfeitos abelhas-mestras ervas-doces cachorros-quentes couves-flores segundas-feiras primeiros-ministros obras-primas onças-pintadas

21 Plural dos substantivos compostos Não se pluralizam as palavras invariáveis (verbo, advérbio, pronomes indefinidos) guarda-chuvas; abaixo-assinados; os vale-tudo Joões-ninguém pica-paus beija-flores alto-falantes

22 Plural dos substantivos compostos Quando o segundo elemento caracteriza, limita o significado do primeiro. (modernamente admitem-se duas formas. O Volp corrobora isso) Bananas-maçãs - bananas-maçã palavras-chaves - palavras-chave bombas-relógios - bombas-relógio notícias-bombas - notícias-bomba homens-rãs - homens-rã peixes-espadas - peixes-espada

23 Plural dos substantivos compostos Flexiona-se somente o primeiro elemento, quando o segundo for uma preposição. Pés de moleque Pimentas-do-reino (esp. botânica por isso hífen) Mulas sem cabeça Canas-de-açucar

24 Adjetivos

25 Adjetivos Caracterizam um substantivo, ou seja, dão a ele uma qualidade ou uma característica.

26 ADJETIVO PLURAL DOS ADJETIVOS: Seguem a mesma regra dos substantivos.

27 Os substantivos empregados como adjetivos são invariáveis. Blusa vinho Blusas vinho Camisa rosa Camisas rosa Mulher monstro Mulheres monstro

28 Adjetivos Compostos: 1- Como regra geral, nos adjetivos compostos somente o último elemento varia, tanto em gênero quanto em número. Sapato marrom escuro Sapatos marrom escuros Causa sócio político econômica Causas sócio político econômicas Camisa verde clara Camisas verde claras 2- Se o último elemento dor substantivo, o adjetivo composto fica invariável. Camisa verde abacate Camisas verde abacate Sapato marrom café Blusa amarelo ouro Sapatos marrom café Blusas amarelo ouro

29 PARTICULARIDADES Os adjetivos compostos azul-marinho e azul-celeste ficam invariáveis: is: Carro azul ul-marinho carros azul ul-marinho Vestido azul ul-celeste e vestidos s azul ul-celeste O adjetivo composto surdo-mudo flexiona os dois elementos: Rapaz surdo-mudo rapazes surdos-mudos Nos adjetivos referentes a cores, o adjetivo composto fica invariável quando o segundo elemento emen for um substantivo: Saia verde de-oliva saias as verde-oliva Sofá marrom m-café sofás marrom m-café

30 PRONOMES

31 Eu e tu Exercem a função sintática de sujeito.

32 Exemplos eu e tu Era para eu conversar com o diretor, mas não houve condições. Faço tudo para tu seres feliz. Esse teste é para eu fazer.

33 Mim e ti Exercem a função sintática de complemento verbal ou nominal e sempre são precedidos de preposição.

34 Exemplos: mim e ti Trouxeram aquela encomenda para mim. Sem ti, nada farei. Entre mim e ti, tudo são sonhos. É bom pra mim fazer os testes. Sei que não será fácil para mim conseguir o empréstimo.

35 Para eu ou para mim? Entregou o bilhete para mim. Entregou o bilhete para eu ler depois. O abacaxi é para mim. O abacaxi é para eu descascar agora. Fez um pavê para mim. Fez um pavê para eu experimentar. O produtor mandou 100 páginas para mim. Mandou 100 páginas para eu decorar até amanhã.

36 Estão certas? Está sendo difícil para mim aceitar seu novo casamento. É importante para mim fazer alongamento numa academia. Foi mais interessante para mim ler sua redação do que para você escrevê-la. SIM. Os pronomes estão complementado a preposição.

37 Se, si, consigo São pronomes reflexivos ou recíprocos, portanto só poderão ser usados na voz reflexiva ou na voz reflexiva recíproca. Quem não se cuida, acaba ficando doente. Quem só pensa em si, acaba ficando sozinho. Gilberto trouxe consigo os três irmãos.

38 Com nós, com vós / Conosco, convosco Usa-se com nós ou com vós, quando, à frente, surgir qualquer palavra que indique quem "somos nós" ou quem "sois vós". Ele conversou com nós todos a respeito de seus problemas. Ele disse que sairia com nós dois.

39 ESTÃO CORRETAS?? É chegada a hora dele assumir a responsabilidade É chegada a hora de ele assumir a responsabilidade. No momento do orador discursar, faltou-lhe a palavra No momento de o orador discursar, faltou-lhe a palavra. Em vez deles virem de ônibus, vieram de táxi. Em vez de eles virem de ônibus, vieram de táxi.

40 Dele, do + subst. / De ele, de o + subst Quando os pronomes pessoais ele(s), ela(s), ou qualquer substantivo, funcionarem como sujeito, não devem ser aglutinados com a preposição de.

41 VERBOS R,S,Z Se o verbo terminar em R, S ou Z, essas terminações serão retiradas, e os pronomes o, a, os, as mudarão para lo, la, los, las.

42 VERBOS R,S,Z Quando encontrarem as apostilas, deverão trazê-las até mim. As apostilas, tu perde-las toda semana. (Pronuncia-se pérde-las) As garotas ingênuas, o conquistador sedu-las com facilidade. Beber água = bebê-la Bebes água = bebe-la Conduz água = condu-la

43 VERBOS M, ÃO ou ÕE Se o verbo for terminado em M, ÃO ou ÕE, os pronomes o, a, os, as se transformarão em no, na, nos, nas.

44 VERBOS M, ÃO ou ÕE Quando encontrarem o material, tragam-no até mim. Quando terminaram os trabalhos, entregaram-nos ao professor Os sapatos, põe-nos fora, para aliviar a dor. Dão água = dão-na Põe água = põe-na Bebem água = bebem-na

45 VERBOS MOS Independentemente da predicação verbal, se o verbo terminar em mos, seguido de nos ou de vos, retira-se a terminação -s. Encontramo-nos ontem à noite. Recolhemo-nos cedo todos os dias. Olhamo-nos seriamente.

46 lhe Se o verbo for transitivo indireto terminado em s, seguido de lhe, lhes, não se retira a terminação s. Obedecemos-lhe cegamente. Tu obedeces-lhe?

47 Pronome de tratamento Verbo sempre em 3ª pessoa; pronomes que o acompanham sempre em 3ª pessoa. O adjetivo tomará a forma de masculino, se se tratar de pessoa do sexo masculino (silepse de gênero) Vossa Excelência se engana em relação ao seu povo.

48 Pronome de tratamento Vossa Excelência se engana em relação ao seu povo. Vossa Majestade é bondoso. (rei) Vossa Excelência, Senhor Juiz, foi muito rigoroso na observância da lei.

49 POSSESSIVOS Podem, em certos contextos, ser substituídos por pronomes oblíquos equivalentes. O sono atrapalhava-me o raciocínio. (=atrapalhava o meu raciocínio) A partida dela destruiu-nos a alegria de viver. (= a nossa alegria de viver) Nunca permita que eles conheçam-te os segredos. (=conheçam os teus segredos)

50 DEMONSTRATIVOS ESTE, ESTA, ESTES, ESTAS, ISTO ESPAÇO: próximo de quem fala/escreve TEMPO: tempo atual (em relação ao momento da fala) CONTEXTO: algo que será dito/escrito

51 EXEMPLOS Esta tatuagem que tenho no peito é recordação da juventude. Este momento que estamos vivendo será inesquecível. A grande motivação de sua vida sempre foi esta: ajudar as pessoas.

52 DEMONSTRATIVOS ESSE, ESSA, ESSES, ESSAS, ISSO ESPAÇO: próximo de quem ouve/lê TEMPO: tempo próximo (anterior ou posterior) CONTEXTO: algo que já foi dito/escrito

53 EXEMPLOS Por favor eu poderia dar uma olhada nessa revista que está com você? É mentira! Foi só isso que ele disse antes de sair. A meteorologia prevê chuva nesse fim de semana.

54 EXEMPLOS A segunda parte do trabalho dispõe sobre a marginalidade social. É nesse capítulo / nessa parte / nesse ponto que se discutem os desvios nas instituições pesquisadas. E possível comer manga e tomar leite junto? Melancia com vinho faz mal? Disso tratam os autores no do artigo.

55 DEMONSTRATIVOS AQUELE, AQUELA, AQUELES, AQUELAS, AQUILO ESPAÇO: longe de quem fala ou ouve TEMPO: tempo distante (bem anterior ou bem posterior ao momento da fala) CONTEXTO: indicam um elemento referido anteriormente a outro.

56 Exemplos Aqui do avião, aquele rio lá embaixo parece uma cicatriz na selva. Marcos e Carla são irmãos. Esta é médica; aquele é músico. Fui à reunião e ao baile: este foi legal; aquela, um desastre. Meu avô mudou-se pra cá ainda menino. Naquela época, aqui só havia fazendas de café.

57 o (s) a (s) = pronome demonstrativos Falou tão baixo que ninguém entendeu o que ele disse. (=aquilo) O que você afirma é perigoso. (= isso) A que saiu voltará logo. (=aquela)

58 PRONOMES INDEFINIDOS Se referem de modo vago, indeterminado, à 3ª pessoa gramatical.

59 Pronomes Indefinidos Alguém esteve aqui. (quem?) Havia muitas canetas no estojo (quantas?) Algo nos cobria a visão. (o quê?)

60 INDEFINIDOS

61 ALGUM / ALGUMA Algum amigo telefonará. (sentido positivo) Amigo algum telefonará. (sentido negativo)

62 CERTO (S), CERTA(S) Certos amigos jamais serão os amigos certos. pron indef. adjetivo

63 TODO (S), TODA (S) PLURAL: totalidade de um conjunto. Todos os livros antigos serão restaurados. NO SINGULAR E SEM ARTIGO: qualquer e cada Em nosso grupo, toda decisão é tomada em conjunto. NO SINGULAR E COM ARTIGO: totalidade, inteiro. À tarde, toda a praia era tomada pelos barcos.

64 Pronomes relativos São aqueles que retomam um substantivo (ou um pronome) anterior a eles, substituindo-o no início da oração seguinte. O jogo será no domingo. O jogo decidirá o campeonato. Reunindo as duas orações em um só período composto, temos: O jogo que decidirá o campeonato será no domingo.

65 Pronomes relativos Variáveis o/a qual; os/as quais Cujo(s); cuja(s) Quanto(s); quanta(s) Invariáveis Que Quem Onde / aonde

66 Emprego dos pronomes relativos Os pronomes relativos virão precedidos de preposição se a regência assim determinar. EXEMPLOS: Este é o pintor a cuja obra me refiro. Este é o pintor de cuja obra gosto.

67 Relativo quem Só pode ser empregado quando o antecedente nomeia uma pessoa (ou um ser personificado) Estes são os atletas a quem entregaremos os prêmios. Desejo esclarecer que não foi ela quem nos prejudicou. O jaguar, a quem alguns povos andinos temiam, era considerado um deus.

68 Relativo cujo(s), cuja(s) Esse pronome sempre estabelece uma relação de posse e é empregado entre dois substantivos. Equivale a do qual, de que, de quem. Deve concordar com a coisa possuída. Exemplos: Serão atendidas as pessoas cujos nomes constem na lista. substantivo substantivo Apresentaram provas em cuja veracidade eu creio. substantivo substantivo

69 Relativo QUE O pronome relativo que é o de mais largo emprego, chamado de relativo universal, pode ser empregado com referência a pessoas ou coisas, no singular ou no plural. Não conheço o rapaz que saiu. Gostei muito do vestido que comprei. Eis os ingredientes de que necessitamos.

70 Relativo QUE Com preposições de mais de uma sílaba, usa-se o relativo o qual (e flexões) e não que. Aquele é o livro com que trabalho. Aquela é a senhora para a qual trabalho. A notícia segundo a qual ele havia viajado é falsa

71 Pronome onde / aonde Essas duas formas de pronomes relativos só podem ser empregadas para indicar lugar e têm usos diferentes. Veja: Onde indica lugar em que. Exemplos: Visitarei a cidade onde nasci. (lugar fixo = em que) Aonde indica lugar a que. Exemplo: Conheço a cidade aonde você irá. (lugar em movimento = a que)

72 Uso de onde Fez várias declarações de amor, onde fica evidente o desejo de reatar o namoro. Quais são as modalidades onde seu filho é campeão? Vamos assistir a um espetáculo bem brasileiro, onde Maitê faz um pequeno papel. Isso parece responder a uma construção teórica bastante curiosa, onde os sujeitos do presente encontram um lócus historiográfico que reconhece o seu papel. Vão focalizar os jovens e a família onde a doença foi detectada. A internet é uma grande chance de trabalhar um modelo pedagógico onde o poder constitutivo da ação do sujeito seja valorizado. Todas são frases que são consideradas erradas de acordo com a norma-padrão (culta) e portanto não aceitas em concursos, provas e redação oficial.

73 Uso de onde Fez várias declarações de amor, nas quais fica evidente o desejo de reatar o namoro. Quais são as modalidades em que seu filho é campeão? Vamos assistir a um espetáculo bem brasileiro, no qual Maitê faz um pequeno papel. Isso parece responder a uma construção teórica bastante curiosa, na qual os sujeitos do presente encontram um lócus historiográfico que reconhece o seu papel. Vão focalizar os jovens e a família em que a doença foi detectada. A internet é uma grande chance de trabalhar um modelo pedagógico em que o poder constitutivo da ação do sujeito seja valorizado.

74 Advérbio

75 Advérbios Palavras invariáveis que se relacionam a um verbo, um adjetivo ou outro advérbio, para indicar a circunstâncias (de tempo, de lugar, de modo, etc.)

76 Advérbios Eles jantaram muito tarde. (advérbio muito modifica o advérbio tarde) Eles não comeram a refeição. (advérbio não modifica o verbo comeram) Eles estavam pouco felizes. (advérbio pouco modifica o adjetivo felizes)

77 CIRCUNSTÂNCIA DE MODO ADVÉRBIOS bem, mal, assim, melhor, pior, depressa, debalde (inutilmente), devagar, etc. A maior parte dos que terminam em "-mente": calmamente, tristemente, propositadamente, pacientemente, amorosamente, docemente, escandalosamente, bondosamente, generosamente. LOCUÇÕES: às pressas, às claras, às cegas, à toa, à vontade, às escondidas, aos poucos, desse jeito, desse modo, dessa maneira, em geral, frente a frente, lado a lado, a pé, de cor, em vão, etc.

78 CIRCUNSTÂNCIA DE TEMPO ADVÉRBIOS hoje, logo, primeiro, ontem, tarde, outrora, amanhã, cedo, dantes, depois, ainda, antigamente, antes, doravante, nunca, então, ora, jamais, agora, sempre, já, enfim, afinal, amiúde (de vez em quando), breve, constantemente, entrementes (enquanto isso, naquela ocasião), imediatamente, primeiramente, provisoriamente, sucessivamente, etc. LOCUÇÕES: às vezes, à tarde, à noite, de manhã, de repente, de vez em quando, de quando em quando, a qualquer momento, de tempos em tempos, em breve, hoje em dia, etc.

79 CIRCUNSTÂNCIA DE NEGAÇÃO ADVÉRBIOS não, nem, nunca, jamais, tampouco, LOCUÇÕES: de modo algum, de forma nenhuma, de jeito nenhum.

80 CIRCUNSTÂNCIA DE LUGAR ADVÉRBIOS aqui, dentro, ali, adiante, fora, acolá, atrás, além, lá, detrás, aquém, cá, acima, onde, perto, aí, abaixo, aonde, longe, debaixo, defronte, algures (em algum lugar), nenhures (em nenhum lugar), alhures (em outro lugar), adentro, afora, embaixo, externamente, etc. LOCUÇÕES: a distância, à distância de, de longe, de perto, em cima, à direita, à esquerda, ao lado, em volta, por ali, por aqui, no Brasil, atrás da porta, etc.

81 CIRCUNSTÂNCIA DE DÚVIDA ADVÉRBIOS acaso, porventura, possivelmente, provavelmente, quiçá (quem sabe), talvez, casualmente, etc. LOCUÇÕES: quem sabe, ao acaso, por acaso, etc.

82 CIRCUNSTÂNCIA DE AFIRMAÇÃO ADVÉRBIOS sim, certamente, realmente, decerto, efetivamente, certo, decididamente, deveras, indubitavelmente. LOCUÇÕES: pra valer, sem dúvida,de fato, por certo, com certeza, etc.

83 CIRCUNSTÂNCIA DE INTENSIDADE ADVÉRBIOS muito, demais, pouco, tão, menos, bastante, mais, menos, demasiado, quanto, quão, tanto, assaz (bastante), extremamente, etc. LOCUÇÕES: em excesso, por completo, de todo

84 DISTINÇÃO ENTRE ADVÉRBIO E ADJETIVO O garotinho correu feliz ao encontro dos amigos. Feliz = Adjetivo ou Advérbio???? Passando para o plural: Os garotinhos correram felizes ao encontro dos amigos. Portanto, feliz é adjetivo.

85 DISTINÇÃO ENTRE ADVÉRBIO E ADJETIVO O avião voava baixo, para que admirássemos a paisagem. Baixo = Adjetivo ou Advérbio???? Passando para o plural: Os aviões voavam baixo, para que admirássemos a paisagem. Portanto, baixo é advérbio.

86 DESAFIO Classifique a classe gramatical do termo destacado: Da avenida, o guarda observava o trânsito. (locução adverbial de lugar) O guarda da avenida observava o trânsito. (locução adjetiva) O guarda, da avenida, observava o trânsito. (locução adverbial de lugar)

87 DESAFIO Classifique a classe gramatical do termo destacado: O guarda observava o trânsito da avenida. Frase ambígua: Se estiver relacionada a trânsito, será locução adjetiva. Se estiver relacionada a observava, será locução adverbial de lugar.

88 DESAFIO Complete com melhor, pior, mais bem, mais mal. 1 - Os campeões jogaram melhor/pior do que os adversários. 2 - Perdemos, porque os adversários estavam preparados que nós. mais bem 3 O cartaz do outro grupo ficou mais bem/mal elaborado do que o nosso. 4 No torneio, os meninos se saíram melhor/pior (do) que as meninas. 5 Minha linha está mais bem/mal traçada que a sua.

89 DESAFIO Complete com melhor, pior, mais bem, mais mal. 1 - Os campeões jogaram melhor / pior (do) que os adversários. 2 - Perdemos, porque os adversários estavam mais bem preparados que nós. 3 O cartaz do outro grupo ficou mais mal / mais bem elaborado do que o nosso. 4 No torneio, os meninos se saíram melhor / pior (do) que as meninas. 5 Minha linha está mais bem / mais mal traçada que a sua.

90 Preposição

91 A ante, até, após, com, contra, de, desde, em, entre PRINCIPAIS: para, per, perante, por, sem, sob, sobre, trás.

92 Preposições aglutinadas Vou à França. (à: crase preposição a + artigo a ); Vou ao mercado. ( ao preposição "a" + artigo "o"); Comprei o carro do padeiro. (preposição "de" +artigo"o") Gosto disto. (de + isto) Vou naquele lugar. (em + aquele)

Advérbios e Locuções Adverbiais

Advérbios e Locuções Adverbiais Advérbios e Locuções Adverbiais Advérbio é a classe gramatical das palavras (invariáveis) que modificam um verbo ou um adjetivo ou um outro advérbio (mas nunca um substantivo) acrescentando uma determinada

Leia mais

Núcleo de Educação a Distância 1 UVAONLINE. Comunicação Oral e Escrita. Unidade 11. Emprego de Pronomes Relativos e Pessoais

Núcleo de Educação a Distância 1 UVAONLINE. Comunicação Oral e Escrita. Unidade 11. Emprego de Pronomes Relativos e Pessoais Núcleo de Educação a Distância 1 UVAONLINE Comunicação Oral e Escrita Unidade 11 Emprego de Pronomes Relativos e Pessoais Núcleo de Educação a Distância 2 Aviso importante! Este material foi produzido

Leia mais

Pessoais Do caso reto Oblíquo. Possessivos. Demonstrativos. Relativos. Indefinidos. Interrogativos

Pessoais Do caso reto Oblíquo. Possessivos. Demonstrativos. Relativos. Indefinidos. Interrogativos Pessoais Do caso reto Oblíquo Possessivos Demonstrativos Relativos Indefinidos Interrogativos Os pronomes is indicam diretamente as s do discurso. Quem fala ou escreve, assume os pronomes eu ou nós, emprega

Leia mais

Atividade Extraclasse Língua Portuguesa

Atividade Extraclasse Língua Portuguesa ADVÉRBIO Instituto Presbiteriano de Educação Goiânia, de abril de 2013. Nome: Professor(a): Elaine Costa O amor é paciente. (I Coríntios 13:4) 7º Ano Atividade Extraclasse Língua Portuguesa É a classe

Leia mais

PORTUGUÊS CIDA BISPO

PORTUGUÊS CIDA BISPO TIPO 1 PORTUGUÊS CIDA BISPO 7º UNIDADE IV Orientações: Não será aceita a utilização de corretivo; não será permitido o empréstimo de material durante a avaliação; use somente caneta esferográfica azul

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ÍNDICE Pronomes...2 Pronomes Pessoais...2 Pronomes de Tratamento...3 Pronomes Possessivos...3 Pronomes Demonstrativos...3 Pronomes Indefinidos...4 Pronomes Relativos...4 Pronomes

Leia mais

O objeto direto preposicionado pode ocorrer quando: Estiver representando nomes próprios. Ex.: Sempre quis viajar a Fernando de Noronha.

O objeto direto preposicionado pode ocorrer quando: Estiver representando nomes próprios. Ex.: Sempre quis viajar a Fernando de Noronha. Em alguns casos, o objeto direto pode ser introduzido por preposição: é o chamado objeto direto preposicionado. Nesses casos, o verbo é sempre transitivo direto, e seu complemento é, obviamente, um objeto

Leia mais

c) O verbo ficará no singular ou no plural se o sujeito coletivo for especificado com substantivo no plural.

c) O verbo ficará no singular ou no plural se o sujeito coletivo for especificado com substantivo no plural. Concordância Verbal a) O verbo vai para a 3ª pessoa do plural caso o sujeito seja composto e anteposto ao verbo. Se o sujeito composto é posposto ao verbo, este irá para o plural ou concordará com o substantivo

Leia mais

Aula 05. Locução Adjetiva = expressão que tem a mesma função: qualificar o substantivo.

Aula 05. Locução Adjetiva = expressão que tem a mesma função: qualificar o substantivo. RESUMÃO 2º SIMULADO DE PORTUGUÊS Aula 05 Adjetivo e suas flexões Adjetivo = palavra que qualifica o substantivo. Locução Adjetiva = expressão que tem a mesma função: qualificar o substantivo. Os adjetivos

Leia mais

CRASE. CONCEITO - É a fusão de duas vogais idênticas. Representa-se graficamente a crase pelo acento grave (`).

CRASE. CONCEITO - É a fusão de duas vogais idênticas. Representa-se graficamente a crase pelo acento grave (`). CRASE CONCEITO - É a fusão de duas vogais idênticas. Representa-se graficamente a crase pelo acento grave (`). A crase pode ocorrer entre: 1) Preposição A e os artigos A, AS Há limites a+a tolerância humana

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

PERSONAGENS DESTE CAPÍTULO.

PERSONAGENS DESTE CAPÍTULO. Roteiro de Telenovela Brasileira Central de Produção CAPÍTULO 007 O BEM OU O MAL? Uma novela de MHS. PERSONAGENS DESTE CAPÍTULO. AGENOR ALBERTO FERNANDO GABRIELE JORGE MARIA CLARA MARIA CAMILLA MARÍLIA

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Modo: indicativo O modo indicativo expressa um fato de maneira definida, real, no presente, passado ou futuro, na frase afirmativa, negativa ou interrogativa. Presente Presente Passado (=Pretérito) Pretérito

Leia mais

208. Assinale a única frase correta quanto ao uso dos pronomes pessoais: 209. Assinale o exemplo que contém mau emprego de pronome pessoal:

208. Assinale a única frase correta quanto ao uso dos pronomes pessoais: 209. Assinale o exemplo que contém mau emprego de pronome pessoal: 207. Complete com eu ou mim : CLASSES DE PALAVRAS PRONOME: - eles chegaram antes de. - há algum trabalho para fazer? - há algum trabalho para? - ele pediu para elaborar alguns exercícios; - para, viajar

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

CASOS PARTICULARES S + S + A Obs:

CASOS PARTICULARES S + S + A Obs: 1) Regra geral Palavra que acompanha substantivo concorda com ele. Ex.: O aluno. Os alunos. A aluna. As alunas. Meu livro. Meus livros. Minha pasta. Minhas pastas. Garoto alto. Garotos altos. Garota alta.

Leia mais

Crase. Regra Geral. Maria vai a + a festa. Maria vai à festa

Crase. Regra Geral. Maria vai a + a festa. Maria vai à festa Crase Regra Geral prep artigo Maria vai a + a festa Maria vai à festa 1. Em locuções adverbiais de que participam palavras femininas: às vezes à toa à vontade às cegas à tarde / à noite / à beça / às moscas

Leia mais

Professor Jailton. www.professorjailton.com.br

Professor Jailton. www.professorjailton.com.br Professor Jailton www.professorjailton.com.br Regra Geral O artigo, a adjetivo, o pronome adjetivo e o numeral concordam em gênero e número com o nome a que se referem: Aqueles dois meninos estudiosos

Leia mais

Leia a letra da música "Fico Assim Sem Você", de Claudinho e Buchecha:

Leia a letra da música Fico Assim Sem Você, de Claudinho e Buchecha: Leia a letra da música "Fico Assim Sem Você", de Claudinho e Buchecha: Avião sem asa, Fogueira sem brasa, Sou eu assim, sem você Futebol sem bola, Piu-piu sem Frajola, Sou eu assim, sem você... Porque

Leia mais

CRASE. Entregue o documento à advogada.

CRASE. Entregue o documento à advogada. CRASE A crase é a fusão de duas vogais da mesma natureza. Sua representação se dá por meio do chamado acento grave sobre a letra a, tornando acentual esta vogal. Assim, o acento grave é o sinal que indica

Leia mais

A Virada: contenido. Lecciones 1-100 de A Virada. A Gente. acabou de acontecer, acabei de comprar, acabei de chegar. Adverbios & Adjetivos

A Virada: contenido. Lecciones 1-100 de A Virada. A Gente. acabou de acontecer, acabei de comprar, acabei de chegar. Adverbios & Adjetivos A Virada: contenido Lecciones 1-100 de A Virada A Gente ACABAR de Adverbios & Adjetivos A gente vai acabou de acontecer, acabei de comprar, acabei de chegar fácil (adjective) facilmente (adverb) Adverbios

Leia mais

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a João do Medo Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a mamãe dele. Um dia, esse menino teve um sonho ruim com um monstro bem feio e, quando ele acordou, não encontrou mais

Leia mais

Português Língua Estrangeira Teste (50 horas)

Português Língua Estrangeira Teste (50 horas) Português Língua Estrangeira Teste (50 horas) Nome: Data: A Importa-se de responder a umas perguntas? Está bem. Obrigado. 1 Como é que se chama? 2 O que é que faz? 3 Vive aqui agora? 4 Há quanto tempo

Leia mais

Quadro Geral dos Pronomes Pessoais

Quadro Geral dos Pronomes Pessoais Os pronomes Pessoais indicam quem fala, com quem se fala e de quem se fala. Desempenham na frase funções de sujeito (eu, tu, você, ele, ela, nós, vós, vocês, eles e elas), de complemento direto (me, te,

Leia mais

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES:

1. COMPLETE OS QUADROS COM OS VERBOS IRREGULARES NO PRETÉRITO PERFEITO DO INDICATIVO E DEPOIS COMPLETE AS FRASES: Atividades gerais: Verbos irregulares no - ver na página 33 as conjugações dos verbos e completar os quadros com os verbos - fazer o exercício 1 Entrega via e-mail: quarta-feira 8 de julho Verbos irregulares

Leia mais

Códigos e linguagens. Remissão textual e pronomes

Códigos e linguagens. Remissão textual e pronomes Códigos e linguagens Remissão textual e pronomes Remissão textual Outro dia, decidi entrar no Orkut mesmo sabendo que há tempos ele não passa de um grande deserto virtual. Ao visitar comunidades e ler

Leia mais

Equipe de Língua Portuguesa. Língua Portuguesa SÍNTESE DA GRAMÁTICA

Equipe de Língua Portuguesa. Língua Portuguesa SÍNTESE DA GRAMÁTICA Aluno (a): Série: 3ª TUTORIAL 3B Ensino Médio Data: Turma: Equipe de Língua Portuguesa Língua Portuguesa SÍNTESE DA GRAMÁTICA TERMOS INTEGRANTES = completam o sentido de determinados verbos e nomes. São

Leia mais

Estudo das classes de palavras Conjunções. A relação de sentido entre orações presentes em um mesmo período e o papel das

Estudo das classes de palavras Conjunções. A relação de sentido entre orações presentes em um mesmo período e o papel das Um pouco de teoria... Observe: Estudo das classes de palavras Conjunções A relação de sentido entre orações presentes em um mesmo período e o papel das I- João saiu, Maria chegou. II- João saiu, quando

Leia mais

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos)

I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. (5 pontos) I. Complete o texto seguinte com as formas correctas dos verbos ser ou estar. Hoje. domingo e o tempo. bom. Por isso nós. todos fora de casa.. a passear à beira-mar.. agradável passar um pouco de tempo

Leia mais

Fui, não: fui e sou. Não mudei a esse respeito. Sou anarquista.

Fui, não: fui e sou. Não mudei a esse respeito. Sou anarquista. Tínhamos acabado de jantar. Defronte de mim o meu amigo, o banqueiro, grande comerciante e açambarcador notável, fumava como quem não pensa. A conversa, que fora amortecendo, jazia morta entre nós. Procurei

Leia mais

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa Olhando as peças Histórias de Deus:Gênesis-Apocalipse 3 a 6 anos Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa História Bíblica: Gênesis 41-47:12 A história de José continua com ele saindo da prisão

Leia mais

As questões a seguir foram extraídas de provas de concurso.

As questões a seguir foram extraídas de provas de concurso. COMENTÁRIO QUESTÕES DE PORTUGUÊS PROFESSORA: FABYANA MUNIZ As questões a seguir foram extraídas de provas de concurso. 1. (FCC)...estima-se que sejam 20 línguas. (2º parágrafo) O verbo flexionado nos mesmos

Leia mais

Para gostar de pensar

Para gostar de pensar Rosângela Trajano Para gostar de pensar Volume III - 3º ano Para gostar de pensar (Filosofia para crianças) Volume III 3º ano Para gostar de pensar Filosofia para crianças Volume III 3º ano Projeto editorial

Leia mais

Luís Norberto Pascoal

Luís Norberto Pascoal Viver com felicidade é sucesso com harmonia e humildade. Luís Norberto Pascoal Agradecemos aos parceiros que investem em nosso projeto. ISBN 978-85-7694-131-6 9 788576 941316 Era uma vez um pássaro que

Leia mais

CURIOSIDADES GRÁFICAS

CURIOSIDADES GRÁFICAS CURIOSIDADES GRÁFICAS 1. USO DOS PORQUÊS POR QUE: usado em frases interrogativas diretas e indiretas; quando equivale a pelo qual e flexões e quando depois dessa expressão vier escrita ou subentendida

Leia mais

Termos integrantes da oração Objeto direto e indireto

Termos integrantes da oração Objeto direto e indireto Termos integrantes da oração Objeto direto e indireto Termos integrantes da oração Certos verbos ou nomes presentes numa oração não possuem sentido completo em si mesmos. Sua significação só se completa

Leia mais

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Meu nome é Alexandre da Silva França. Eu nasci em 17 do sete de 1958, no Rio de Janeiro. FORMAÇÃO Eu sou tecnólogo em processamento de dados. PRIMEIRO DIA

Leia mais

AULA 8 EMPREGO DAS CLASSES DE PALAVRAS IV MINISTÉRIO DA FAZENDA

AULA 8 EMPREGO DAS CLASSES DE PALAVRAS IV MINISTÉRIO DA FAZENDA AULA 8 EMPREGO DAS CLASSES DE PALAVRAS IV MINISTÉRIO DA FAZENDA Professor Marlus Geronasso VERBOS Classificação dos verbos Verbos Regulares: são aqueles que não sofrem alterações no radical. Ex: cantar,

Leia mais

Tyll, o mestre das artes

Tyll, o mestre das artes Nome: Ensino: F undamental 5 o ano urma: T ata: D 10/8/09 Língua Por ortuguesa Tyll, o mestre das artes Tyll era um herói malandro que viajava pela antiga Alemanha inventando golpes para ganhar dinheiro

Leia mais

Frequentemente você utiliza certos termos que não

Frequentemente você utiliza certos termos que não 10 Não se distraia demais Frequentemente você utiliza certos termos que não dão o mínimo problema na hora da fala, mas que, na escrita, podem fazê-lo oscilar entre uma forma ou outra. Ainda há muita gente

Leia mais

Letras. Objetivo. Aspectos das Conexões Sintáticas. Prof a. Dr a. Leda Szabo

Letras. Objetivo. Aspectos das Conexões Sintáticas. Prof a. Dr a. Leda Szabo Letras Prof a. Dr a. Leda Szabo Aspectos das Conexões Sintáticas Objetivo Diferenciar o objeto de estudo da análise de base sintática do objeto de estudo da análise do discurso. Compreender a diferença

Leia mais

Professor Jailton CONCORDÂNCIA VERBAL

Professor Jailton CONCORDÂNCIA VERBAL Professor Jailton CONCORDÂNCIA VERBAL CONCORDÂNCIA VERBAL Regra geral O verbo e seu sujeito deverão concordar em número e pessoa: Eu Tu Ele Os alunos sujeito cheguei. chegaste. chegou. chegaram. verbo

Leia mais

A regra geral de concordância verbal é bastante simples: o verbo concorda com o núcleo (ou os núcleos) do sujeito. Desse modo, temos:

A regra geral de concordância verbal é bastante simples: o verbo concorda com o núcleo (ou os núcleos) do sujeito. Desse modo, temos: Concordância Na aula de hoje, estudaremos os principais tipos e ocorrências de itens relacionados à concordância verbal cobrados nos vestibulares do país. Nesse sentido, é válido lembrar que serão observadas

Leia mais

Brasileiros esperam ganhar salário três vezes maior após fazer MBA

Brasileiros esperam ganhar salário três vezes maior após fazer MBA COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 6º Ano Profª: Margareth Rodrigues Dutra Disciplina: Língua Portuguesa Aluno(a): TRABALHO DE RECUPERAÇÃO Data de entrega: 18/12/14 Questão 1- Leia o texto a seguir. Brasileiros

Leia mais

CAPÍTULO 5: O EMPREGO DE: Este, Esse ou Aquele

CAPÍTULO 5: O EMPREGO DE: Este, Esse ou Aquele CAPÍTULO 5: O EMPREGO DE: Este, Esse ou Aquele Em português existem três pronomes demonstrativos com suas formas variáveis em gênero e número e invariáveis [isto, isso, aquilo]. Eles assinalam a posição

Leia mais

P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento.

P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento. museudapessoa.net P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento. R Eu nasci em Piúma, em primeiro lugar meu nome é Ivo, nasci

Leia mais

Vai ao encontro! de quem mais precisa!

Vai ao encontro! de quem mais precisa! Vai ao encontro! 2ª feira, 05 de outubro: Dos mais pobres Bom dia meus amigos Este mês vamos tentar perceber como podemos ajudar os outros. Vocês já ouviram falar das muitas pessoas que estão a fugir dos

Leia mais

Este, Esse ou Aquele Autora: Maria Tereza de Queiroz Piacentini

Este, Esse ou Aquele Autora: Maria Tereza de Queiroz Piacentini Este, Esse ou Aquele Autora: Maria Tereza de Queiroz Piacentini Em português existem três pronomes demonstrativos com suas formas variáveis em gênero e número: este, esse, aquele. Existem três invariáveis:

Leia mais

Sinopse II. Idosos não institucionalizados (INI)

Sinopse II. Idosos não institucionalizados (INI) Sinopse II. Idosos não institucionalizados (INI) II 1 Indicadores Desqualificação Não poder fazer nada do que preciso, quero fazer as coisas e não posso ; eu senti-me velho com 80 anos. Aí é que eu já

Leia mais

JÓ Lição 05. 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus.

JÓ Lição 05. 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus. JÓ Lição 05 1 1. Objetivos: Jô dependeu de Deus com fé; as dificuldades dele o deu força e o ajudou a ficar mais perto de Deus. 2. Lição Bíblica: Jô 1 a 42 (Base bíblica para a história e o professor)

Leia mais

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão Jorge Esteves Objectivos 1. Reconhecer que Jesus se identifica com os irmãos, sobretudo com os mais necessitados (interpretação e embora menos no

Leia mais

A LIBERDADE COMO POSSÍVEL CAMINHO PARA A FELICIDADE

A LIBERDADE COMO POSSÍVEL CAMINHO PARA A FELICIDADE Aline Trindade A LIBERDADE COMO POSSÍVEL CAMINHO PARA A FELICIDADE Introdução Existem várias maneiras e formas de se dizer sobre a felicidade. De quando você nasce até cerca dos dois anos de idade, essa

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA 7 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª SHEILA RODRIGUES PROF.ª SHIRLEY VASCONCELOS

LÍNGUA PORTUGUESA 7 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª SHEILA RODRIGUES PROF.ª SHIRLEY VASCONCELOS LÍNGUA PORTUGUESA 7 ANO ENSINO FUNDAMENTAL PROF.ª SHEILA RODRIGUES PROF.ª SHIRLEY VASCONCELOS CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade III Trabalho- A trajetória humana, suas produções e manifestações. 2 CONTEÚDOS

Leia mais

JESUS, MOISÉS E ELIAS Lição 30. 1. Objetivos: Mostrar que Jesus está sobre todas as pessoas porque é o filho de Deus..

JESUS, MOISÉS E ELIAS Lição 30. 1. Objetivos: Mostrar que Jesus está sobre todas as pessoas porque é o filho de Deus.. JESUS, MOISÉS E ELIAS Lição 30 1 1. Objetivos: Mostrar que Jesus está sobre todas as pessoas porque é o filho de Deus.. 2. Lição Bíblica: Mateus 17.1-13; Marcos 2.1-13; Lucas 9.28-36 (Leitura bíblica para

Leia mais

3º Bimestre Preciosidades da vida AULA: 108 Conteúdos:

3º Bimestre Preciosidades da vida AULA: 108 Conteúdos: CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I 3º Bimestre Preciosidades da vida AULA: 108 Conteúdos: Pronomes pessoais do caso Oblíquo O metro O ser humano e os

Leia mais

Período composto por subordinação

Período composto por subordinação Período composto por subordinação GRAMÁTICA MAIO 2015 Na aula anterior Período composto por coordenação: conjunto de orações independentes Período composto por subordinação: conjunto no qual um oração

Leia mais

Ap. Ozenir Correia TEMA: OPERAÇÃO JERICÓ X OPERAÇÃO LAVA JATO.

Ap. Ozenir Correia TEMA: OPERAÇÃO JERICÓ X OPERAÇÃO LAVA JATO. Ap. Ozenir Correia TEMA: OPERAÇÃO JERICÓ X OPERAÇÃO LAVA JATO. TEXTO: 1 Entrando em Jericó, atravessava Jesus a cidade. 2 Eis que um homem, chamado Zaqueu, maioral dos publicanos e rico, 3 procurava ver

Leia mais

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO HISTÓRIA BÍBLICA: Mateus 18:23-34 Nesta lição, as crianças vão ouvir a Parábola do Servo Que Não Perdoou. Certo rei reuniu todas as pessoas que lhe deviam dinheiro.

Leia mais

MOISÉS NO MONTE SINAI Lição 37

MOISÉS NO MONTE SINAI Lição 37 MOISÉS NO MONTE SINAI Lição 37 1 1. Objetivos: Ensinar que quando Moisés aproximou-se de Deus, os israelitas estavam com medo. Ensinar que hoje em dia, por causa de Jesus, podemos nos sentir perto de Deus

Leia mais

Classes de palavras. Substantivo Adjetivo Artigo Numeral

Classes de palavras. Substantivo Adjetivo Artigo Numeral Classes de palavras Substantivo Adjetivo Artigo Numeral Substantivo É a classe variável que nomeia objetos, pessoas, sentimentos, lugares... Classificação Primitivos: Criam outras palavras. Ex.: terra,

Leia mais

Material: Uma copia do fundo para escrever a cartinha pra mamãe (quebragelo) Uma copia do cartão para cada criança.

Material: Uma copia do fundo para escrever a cartinha pra mamãe (quebragelo) Uma copia do cartão para cada criança. Radicais Kids Ministério Boa Semente Igreja em células Célula Especial : Dia Das mães Honrando a Mamãe! Principio da lição: Ensinar as crianças a honrar as suas mães. Base bíblica: Ef. 6:1-2 Texto chave:

Leia mais

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele O Plantador e as Sementes Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele sabia plantar de tudo: plantava árvores frutíferas, plantava flores, plantava legumes... ele plantava

Leia mais

Titulo - VENENO. Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas).

Titulo - VENENO. Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas). Titulo - VENENO Ext Capital de São Paulo Noite (Avista-se a cidade de cima, forrada de prédios, algumas luzes ainda acesas). Corta para dentro de um apartamento (O apartamento é bem mobiliado. Estofados

Leia mais

Não é o outro que nos

Não é o outro que nos 16º Plano de aula 1-Citação as semana: Não é o outro que nos decepciona, nós que nos decepcionamos por esperar alguma coisa do outro. 2-Meditação da semana: Floresta 3-História da semana: O piquenique

Leia mais

Acostumando-se com os Milagres

Acostumando-se com os Milagres Acostumando-se com os Milagres Ap. Ozenir Correia 1. VOCÊ NÃO PERCEBE O TAMANHO DO MILAGRE. Enxame de moscas Naquele dia, separarei a terra de Gósen, em que habita o meu povo, para que nela não haja enxames

Leia mais

PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS

PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - PORTUGUÊS - 8º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================== BRINCADEIRA Começou

Leia mais

MEU TIO MATOU UM CARA

MEU TIO MATOU UM CARA MEU TIO MATOU UM CARA M eu tio matou um cara. Pelo menos foi isso que ele disse. Eu estava assistindo televisão, um programa idiota em que umas garotas muito gostosas ficavam dançando. O interfone tocou.

Leia mais

Lucas Zanella. Collin Carter. & A Civilização Sem Memórias

Lucas Zanella. Collin Carter. & A Civilização Sem Memórias Lucas Zanella Collin Carter & A Civilização Sem Memórias Sumário O primeiro aviso...5 Se você pensa que esse livro é uma obra de ficção como outra qualquer, você está enganado, isso não é uma ficção. Não

Leia mais

1ª Carta de João. A Palavra da Vida. Deus é luz. Nós somos pecadores. Cristo, nosso defensor junto a Deus

1ª Carta de João. A Palavra da Vida. Deus é luz. Nós somos pecadores. Cristo, nosso defensor junto a Deus 1ª Carta de João A Palavra da Vida 1 1 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e o que as nossas mãos apalparam da Palavra da Vida 2 vida esta que

Leia mais

O que procuramos está sempre à nossa espera, à porta do acreditar. Não compreendemos muitos aspectos fundamentais do amor.

O que procuramos está sempre à nossa espera, à porta do acreditar. Não compreendemos muitos aspectos fundamentais do amor. Capítulo 2 Ela representa um desafio. O simbolismo existe nas imagens coloridas. As pessoas apaixonam-se e desapaixonam-se. Vão onde os corações se abrem. É previsível. Mereces um lugar no meu baloiço.

Leia mais

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri. Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.com Página 1 1. HISTÓRIA SUNAMITA 2. TEXTO BÍBLICO II Reis 4 3.

Leia mais

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 5 por completo do livrotexto Muito Prazer Unidade 5 I Querer + verbo Achar + que Eu quero Eu acho Você/ ele/ ela quer Você/ ele/

Leia mais

Sem o acento, uma frase como essa teria seu sentido alterado, pois, em "Saiu a francesa", "a francesa" é o sujeito da oração.

Sem o acento, uma frase como essa teria seu sentido alterado, pois, em Saiu a francesa, a francesa é o sujeito da oração. OBS.: A locução prepositiva "à moda de" tem uma peculiaridade: nela se costuma observar a elisão do substantivo feminino "moda", mas, mesmo nos casos em que isso ocorre, mantém-se o acento de crase. Ex.:

Leia mais

1. (FUVEST-SP) Em Queria que me ajudasses, o trecho destacado pode ser substituído por:

1. (FUVEST-SP) Em Queria que me ajudasses, o trecho destacado pode ser substituído por: COLÉGIO DE APLICAÇÃO DOM HÉLDER CÂMARA AVALIAÇÃO: EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES I DISCIPLINA: LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR(A): ANA PAULA DA VEIGA CALDAS ALUNO(A) DATA: / / TURMA: M SÉRIE: 9º ANO DATA PARA ENTREGA:

Leia mais

Por Tiago Bastos Quer Dinheiro Online? 1

Por Tiago Bastos Quer Dinheiro Online? 1 Por Tiago Bastos Quer Dinheiro Online? 1 Se não pode subir a montanha, torne-se uma. Por Tiago Bastos Quer Dinheiro Online? 2 ISSO ESTÁ ME GERANDO R$7.278,05 - R$10.588,38 POR SEMANA E VOCÊ PODE FAZER

Leia mais

Músicos, Ministros de Cura e Libertação

Músicos, Ministros de Cura e Libertação Músicos, Ministros de Cura e Libertação João Paulo Rodrigues Ferreira Introdução Caros irmãos e irmãs; escrevo para vocês não somente para passar instruções, mas também partilhar um pouco da minha experiência

Leia mais

Advérbio. 1. Assinale a frase em que "meio" funciona como advérbio:

Advérbio. 1. Assinale a frase em que meio funciona como advérbio: Advérbio 1. Assinale a frase em que "meio" funciona como advérbio: a) Só quero meio quilo. b) Achei-o meio triste. c) Descobri o meio de acertar. d) Parou no meio da rua. e) Comprou um metro e meio. 2.

Leia mais

Professora: Tacyana Bomfim

Professora: Tacyana Bomfim Professora: Tacyana Bomfim QUESTÃO 01 Em Mãe, pra que a gente está no mundo?, a expressão negritada: I é uma locução adjetiva. II é um advérbio. III indica uma circunstância de lugar. Assinale a alternativa

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros s de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 14 por completo

Leia mais

Conhecer o conteúdo programático do componente Língua Portuguesa e desenvolver habilidades de compreensão, interpretação e produção de textos orais e

Conhecer o conteúdo programático do componente Língua Portuguesa e desenvolver habilidades de compreensão, interpretação e produção de textos orais e Conhecer o conteúdo programático do componente Língua Portuguesa e desenvolver habilidades de compreensão, interpretação e produção de textos orais e escritos à maneira adequada do padrão da língua materna;

Leia mais

Professora: Lícia Souza

Professora: Lícia Souza Professora: Lícia Souza Morfossintaxe: a seleção e a combinação de palavras Observe que, para combinar as palavras loucamente, louco e loucura com outras palavras nas frases de modo que fiquem de acordo

Leia mais

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados...

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... Apostila de Fundamentos Arrependimento Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... (Atos 3:19) A r r e p e n d i m e n t o P á g i n a 2 Arrependimento É muito importante

Leia mais

Adjunto adnominal. Os dois primeiros colocados disputarão a medalha de ouro. adj. adn. adj. adn. adj. adn. adj. adn. adj: adn.

Adjunto adnominal. Os dois primeiros colocados disputarão a medalha de ouro. adj. adn. adj. adn. adj. adn. adj. adn. adj: adn. Professor Jailton Adjunto adnominal é o termo da oração que sempre se refere a um substantivo que funciona como núcleo de um termo, a fim de determiná-lo, indeterminá-lo ou caracterizá-lo. adj. adn. adj.

Leia mais

OS 4 PASSOS ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM HIGHSTAKESLIFESTYLE.

OS 4 PASSOS ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM HIGHSTAKESLIFESTYLE. OS 4 PASSOS PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA HIGHSTAKESLIFESTYLE. Hey :) Gabriel Goffi aqui. Criei esse PDF para você que assistiu e gostou do vídeo ter sempre por perto

Leia mais

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA DESENGANO FADE IN: CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA Celular modelo jovial e colorido, escovas, batons e objetos para prender os cabelos sobre móvel de madeira. A GAROTA tem 19 anos, magra, não

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

GANHADO O MUNDO SEM PERDER A FAMILIA

GANHADO O MUNDO SEM PERDER A FAMILIA TEXTO: 1 SAMUEL CAPITULO 3 HOJE NÃO É SOBRE SAMUEL QUE VAMOS CONHECER, SABEMOS QUE SAMUEL foi o último dos juízes e o primeiro dos profetas. Ele foi comissionado para ungir asaul, o primeiro rei, e a David,

Leia mais

GMAIL - Criação de uma conta de correio electrónico

GMAIL - Criação de uma conta de correio electrónico COMO CRIAR UMA CONTA PESSOAL NO FACEBOOK Em primeiro lugar é necessário ter um endereço de correio electrónico (email) pessoal. Qualquer endereço de correio electrónico (email) serve perfeitamente. Pode

Leia mais

A DIVERSIDADE NA ESCOLA

A DIVERSIDADE NA ESCOLA Tema: A ESCOLA APRENDENDO COM AS DIFERENÇAS. A DIVERSIDADE NA ESCOLA Quando entrei numa escola, na 1ª série, aos 6 anos, tinha uma alegria verdadeira com a visão perfeita, não sabia ler nem escrever, mas

Leia mais

8 Passos para o Recrutamento Eficaz. Por Tiago Simões

8 Passos para o Recrutamento Eficaz. Por Tiago Simões 8 Passos para o Recrutamento Eficaz Por Tiago Simões Uma das coisas que aprendi na indústria de marketing de rede é que se você não tem um sistema de trabalho que comprovadamente funcione, muito provavelmente

Leia mais

CRASE TEORIA. REGRA GERAL A crase ocorrerá sempre que o termo anterior exigir a preposição a e o termo posterior admitir o artigo a ou as.

CRASE TEORIA. REGRA GERAL A crase ocorrerá sempre que o termo anterior exigir a preposição a e o termo posterior admitir o artigo a ou as. CRASE TEORIA (Aluna do Curso de Secretariado Executivo Trilíngüe da Universidade Estácio de Sá) Crase é a fusão da preposição a com o artigo a ou com o a inicial dos pronomes demonstrativos aquele, aquela,

Leia mais

CAPÍTULO 9: CONCORDÂNCIA DO VERBO SER

CAPÍTULO 9: CONCORDÂNCIA DO VERBO SER CAPÍTULO 9: CONCORDÂNCIA DO VERBO SER Vejamos os exemplos de concordância do verbo ser: 1. A cama eram (ou era) umas palhas. Isto são cavalos do ofício. A pátria não é ninguém: são todos. (Rui Barbosa).

Leia mais

SAMUEL, O PROFETA Lição 54. 1. Objetivos: Ensinar que Deus quer que nós falemos a verdade, mesmo quando não é fácil.

SAMUEL, O PROFETA Lição 54. 1. Objetivos: Ensinar que Deus quer que nós falemos a verdade, mesmo quando não é fácil. SAMUEL, O PROFETA Lição 54 1 1. Objetivos: Ensinar que Deus quer que nós falemos a verdade, mesmo quando não é fácil. 2. Lição Bíblica: 1 Samuel 1 a 3 (Base bíblica para a história o professor) Versículo

Leia mais

Anexo 2.1 - Entrevista G1.1

Anexo 2.1 - Entrevista G1.1 Entrevista G1.1 Entrevistado: E1.1 Idade: Sexo: País de origem: Tempo de permanência 51 anos Masculino Cabo-verde 40 anos em Portugal: Escolaridade: Imigrações prévias : São Tomé (aos 11 anos) Língua materna:

Leia mais

1ª Leitura - Ex 17,3-7

1ª Leitura - Ex 17,3-7 1ª Leitura - Ex 17,3-7 Dá-nos água para beber! Leitura do Livro do Êxodo 17,3-7 Naqueles dias: 3 O povo, sedento de água, murmurava contra Moisés e dizia: 'Por que nos fizeste sair do Egito? Foi para nos

Leia mais

Como utilizar este caderno

Como utilizar este caderno INTRODUÇÃO O objetivo deste livreto é de ajudar os grupos da Pastoral de Jovens do Meio Popular da cidade e do campo a definir a sua identidade. A consciência de classe, ou seja, a consciência de "quem

Leia mais

A Morfologia é o estudo da palavra e sua função na nossa língua. Na língua portuguesa, as palavras dividem-se nas seguintes categorias:

A Morfologia é o estudo da palavra e sua função na nossa língua. Na língua portuguesa, as palavras dividem-se nas seguintes categorias: MORFOLOGIA A Morfologia é o estudo da palavra e sua função na nossa língua. Na língua portuguesa, as palavras dividem-se nas seguintes categorias: 1. SUBSTANTIVO Tudo o que existe é ser e cada ser tem

Leia mais

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros

Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Muito prazer Curso de português do Brasil para estrangeiros Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 10 por

Leia mais

Sou Helena Maria Ferreira de Morais Gusmão, Cliente NOS C827261492, Contribuinte Nr.102 297 878 e venho reclamar o seguinte:

Sou Helena Maria Ferreira de Morais Gusmão, Cliente NOS C827261492, Contribuinte Nr.102 297 878 e venho reclamar o seguinte: Exmos. Senhores. Sou Helena Maria Ferreira de Morais Gusmão, Cliente NOS C827261492, Contribuinte Nr.102 297 878 e venho reclamar o seguinte: Sou cliente desde a época da TVTel nunca, até hoje, mudei de

Leia mais

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil

Exercícios de gramática do uso da língua portuguesa do Brasil Sugestão: estes exercícios devem ser feitos depois de estudar a Unidade 1 por completo do livrotexto Muito Prazer Unidade 1 - I Pronomes pessoais Eu Tu 1 Você 2 / ele/ela A gente 3 Nós Vós 4 Eles/ elas

Leia mais