Introduçã. ção o ao STATA. ção o ao STATA. Tania Guillén de Torres Rejane Sobrino Pinheiro

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Introduçã. ção o ao STATA. ção o ao STATA. Tania Guillén de Torres (tguillen@iesc.ufrj.br) Rejane Sobrino Pinheiro (rejane @iesc.ufrj."

Transcrição

1 Universidade Federal do Rio de Janeiro Faculdade de Medicina Departamento de Medicina Preventiva Instituto de Estudos de Saúde Coletiva Introduçã ção o ao STATA Introduçã ção o ao STATA O STATA é um Software que permite analisar grandes bases de dados, usando métodos estatísticos. técnicas descritivas simples ou ajuste de modelos complexos Tania Guillén de Torres Rejane Sobrino Pinheiro Introduçã ção o ao STATA Vantagens: 1. Requer pouco espaço no disco rígido 2. Requer pouca memória RAM - se necessário é possível aumenta-la, através do comando set mem 300m por exemplo. 3. Métodos gráficos poderosos na parte de diagnóstico de modelos 4. Boa interface com processadores de texto e impressoras 5. É atualizado con freqüência - e publica o Stata Technical Bulletin. 6. Na página encontram-se disponíveis diversas rotinas que podem ser copiadas para o diretório c:\ado e executadas dentro do Stata. Desvantagens Não importa arquivos de bancos de dados (Dbase, Epi Info, Acces, etc.) diretamente requer de um programa de interface (Stat-Transfer) Introduçã ção o ao STATA Operadores usados pelo STATA : Operadores Aritméticos + Adição - Subtração * Multiplicação / Divisão ^ exponenciação Operadores Lógicos & e ou ~ não Operadores Relacionais = igual ( Obs. Após o comando if devemos usar == ) ~= diferente > maior >= maior igual < menor <= menor igual Obs. As expressões lógicas assumem o valor 1 para verdadeiro e 0 para falso.

2 Iniciando o STATA Janelas do STATA Clicar 2 vezes no ícone do STATA do Windows Caso não exista o ícone clique a seguinte seqüência iniciar Programas Stata Command : Dos comandos a serem executados Results : Saídas dos comandos executados Variables : Lista de variáveis do banco em uso Review : Comandos já executados Stata Graph : Gráficos Barra de Ferramentas O menu do STATA permite a execução de diversas tarefas de forma análoga a maioria dos programas para o sistema Windows. Os comandos também podem ser digitados a partir da janela dos comandos. e se necessário podem ser repetidos clicando duas vezes no comando desejado a partir da janela [Review] File Permite realizar tarefas do tipo: Abrir e salvar bases de dados no formato STATA (*.dta) Abrir e salvar gráficos criados pelo STATA Executar programas de comandos criados pelo usuário (*.do) Abrir e salvar arquivo que guarde as saídas da janela de resultados, Importar e salvar arquivos em formato ASCII

3 Edit Preferences É possível: Copiar e colar bases de dados Saídas da janela de Resultados em formato texto ou tabela Permite personalizar As cores das janelas do Stata Dos Gráficos Voltar as configurações Padrão. Descrever o banco de dados Editar a base de dados Sortear o banco Combinar bases de Dados do tipo: Append ou Merge Criar rótulos para a base de dados, variáveis ou categorias de variáveis Mudar o nome das variáveis, eliminar observações / variáveis Procurar observações duplicadas Operações com matrizes Calculadora Graphics Elaborar gráficos tipo: Histograma Boxplot Barra Setores Dispersão, Diagnósticos para os modelos de regressão Series Temporais Controle de qualidade Etc.

4 Statistics Estatística descritiva (Médias, proporções, intervalos de confiança, testes de hipóteses, etc. Janela do HELP: Modelos de Regressão : Linear Logística Sobrevida Lineares Generalizados Séries Temporais (Arima, Arch/Garch) Dados Longitudinais Amostragem Complexa Analise Multivariada (Componente principais, Analise Fatorial, etc.) Bootstrap/Jackknife Permite lembrar a sintaxe dos comandos, Pesquisar tópicos no site do STATA. Obter versões atualizadas do STATA.exe e dos programas com extensão *.ado Importar e instalar rotinas desenvolvidas por outros pesquisadores, Barra de Ferramentas...cont Barra de Ferramentas Abrir arquivos do tipo *.dta Salvar arquivo *.dta em uso Janela do Log Editar base de dados Browse nao permite modificar a base de dados Editor de arquivos de comandos (*.do) Janela do Help Interrompe execução de comandos Janela [Log ] ]: As saídas da janela de Resultados podem ser salvas em formato: *.log ou *.smcl O formato *.log pode ser editado no bloco de notas, Word, etc. mostrar conteúdo do arquivo que guarda as saídas fechar o arquivo *.log suspender temporariamente a gravação das saídas no arq.log Resume redireciona as saídas novamente ao arq.log

5 Bases de Dados no STATA 1. É possível criar a base diretamente no editor 2. Importar ou exportar arquivos do tipo ASCII e planilhas 3. E copiar e colar no editor do STATA dados de outras planilhas Entrada de Dados Clicar no botão [Editor] Digitar os dados na planilha Stata - uma coluna por variável e uma linha por paciente. O Stata automaticamente escolhera o tipo da variável de acordo com os valores digitados. Obs. Não esquecer de apertar o botão Preserve para manter as alterações feitas no banco de dados no editor de dados Nome de variáveis Para dar nome à variável clique 2 vezes numa célula da coluna correspondente e digite o nome da variável, que deverá ter no máximo 8 caracteres no campo Name e o rótulo da variável no campo Label. Adicionando novas observaçõ ções Na janela do [ Editor ], bastará digitar as novas observações nas linhas vazias que se encontram após a última preenchida. Adicionando novas variáveis veis Na janela do editor basta digitar os valores da nova variavel numa coluna vazia e depois atribuir-lhe um nome Stata usa o ponto. para indicar que a observação é missing Não esqueça de apertar o botão [Preserve] para que o Stata guarde as mudanças feitas no banco de dados Aperte o [X] editor. no canto superior direito para sair da janela do Salve o banco na opção File [Save as] indique o diretório e escreva o nome do arquivo.

6 Importaçã ção o / Exportaçã ção o de dados Lembre que o Stata tem os recursos do windows copiar e colar que permitem importar qualquer planilha tipo windows ou salvar bancos do tipo Stata (*.dta) em outros tipos de planilhas. Exemplo: 1. Abrir a planilha leucemia0.xls no programa Excell 2. Marque e copie as linhas e colunas com o nome e o conteúdo das variáveis que serão coladas no Stata (use o ícone de copiar ou Ctrl+c") 3. No Stata posicione o cursor na célula da primeira linha e primeira coluna e cole a área selecionada, apertando o botão direito do mouse selecione a opção colar ou use a opção Ctrl+v Importaçã ção o / Exportaçã ção o de dados Lembre que o Stata tem os recursos do windows copiar e colar que permitem importar qualquer planilha tipo windows ou salvar bancos do tipo Stata (*.dta) em outros tipos de planilhas. Os comandos Import ou infile na janela de comandos do STATA permitem ler um banco de dados em formato ASCII e Export ou outfile- na janela de comandos permitem salvar o banco de dados em uso, no formato ASCII, para que possa ser importado por qualquer outro pacote que leia este formato. Existem ainda 2 aplicativos o Stat/Transfer do propio STATA e o DBMSCOPY que permitem transformar bancos tipo Stata para outros formatos. Stat/Transfer É possível transformar bancos de dados em formatos DBASE, Lotus, Excel, Paradox, SPSS, Splus, SAS, etc. para o formato STATA ou para qualquer um dos formatos anteriores input file type o tipo do banco de dados de entrada file especification a unidade, a pasta, e o nome do banco origem ouput file type o tipo do banco de dados de saida file especification a unidade, a pasta, e o nome do banco destino Obs: Também é possível escolher as variáveis e as observações a serem incluídas no banco destino. Sintaxe de um comando STATA [by varlist:] comando [varlist] [=exp] [if exp] [in range] [weight] [, options] os elementos nos colchetes são opcionais by : o comando é repetido para cada valor da variável ou variáveis contidas na varlist varlist : lista de variáveis para as quais será executado o comando, se varlist for omitida, o comando será executado para todas as variáveis =exp : opção usada nos comandos generate, replace, egen para definir ou transformar variáveis ( generate imc=peso/(altura*altura) if : restringe a ação do comando a aquelas observações para as quais a expressão é verdadeira (edit if sexo== masculino editor de dados mostrara as observações de indivíduos do sexo masculino ) in : restringe a ação do comando a aquelas observações contidas no intervalo definido no range (ex.: edit in1/10 editor de dados mostrara as primeiras 10 observações) weight : variável contendo os pesos que serão usados para ponderar as observações options : indica as opções específicas a cada comando que serão usadas, devem ser precedidas sempre por uma vírgula.

7 Conhecendo o conteúdo do Banco describe ou desc: permite conhecer o conteúdo de um banco de dados tipo STATA, fornecendo uma série de detalhes como por exemplo: número de observações, número de variáveis, data da última atualização, lista de variáveis com seus respectivos tipos e formatos e os rótulos criados. Describe Describe in memory Conhecendo o conteúdo do Banco. desc Contains data from F:\Regressao\Introd_Stata9\leucemia_wbc0.dta obs: 42 Leukemia Remission Study vars: 8 6 Aug :26 size: 1,008 (99.9% of memory free) storage display value variable name type format label variable label weeks byte %8.0g Weeks in remission relapse byte %8.0g yesno Relapse trtment byte %8.0g trtment Treatment logwbcc float %9.0g White blood cell count (ln) sex byte %8.0g sexlbl Sex trtwbcc float %9.0g trtment x logwbcc lgwbccat float %9.0g wbc trlwbcat float %9.0g Sorted by: Label: colocando Rótulos Podemos associar descrições (rótulos ou labels) a uma base de dados, a uma variável ou aos códigos de uma variável. No Banco de Dados Para associar uma descrição, de até 31 caracteres, a uma base de dados Labels Label dataset label dataset Para associar uma descrição, de até 31 caracteres, a um banco de dados. Inserir comentário sobre o banco de dados Labels Label dataset

8 Labels Label variable Label Variable Para associar uma descrição, de até 31 caracteres, a uma variável do banco de dados. Labels a definir nas observações. label list wbc: 0: Baixo 1: Medio 2: Alto yesno: 0:Nao 1:Sim sexlbl: 0: Feminino 1: Masculino trtment: 0:tratamento 1:placebo Inserir comentário sobre a variável Nas Observações Para criar e associar uma descrição, as categorias ou valores de uma variável do banco de dados Nas Observações b. Nome do conjunto de rótulos c. Clique em OK Labels Label values Define or modify value labels 1. Defina os rótulos para cada uma das categorias Código Rótulo a. Clique 2 vezes no botão Define... d. Digite os códigos e seus respectivos rótulos para cada uma das categorias e. Após digitar o último código e rótulo, clique no [Cancel] e na janela seguinte no [Close]

9 Associar o conjunto de rótulos à variável original 1 Labels Label values Assign value labels to Gerando novas variáveis: logwbcc = log(wbcc wbcc) Cria uma variável newvar adicional no banco de dados, que irá receber o valor da expressão exp, para as observações selecionadas na condição if e/ou no intervalo in. nome da nova variável: logwbcc Create new Variable 2 escolha a variável 3 escolha o conjunto de rótulos Expressão que define a nova variável: log(wbcc) Gerando novas variáveis: wbcc2 = ( 4 wbcc2 = (wbcc)^2. generate float logwbcc = log(wbcc) Gerando novas variáveis Create new Variable Create new Variable Obs: Quando há muitas categorias, é interessante buscar uma fórmula matemática que automatize a atribuição de valores às categorias.. generate float wbcc2 = (wbcc)^2. generate float logwbcat = int(logwbcc/2)

10 Corrigindo os valores de uma variável vel Replace - muda o conteúdo de variáveis e/ou de observações já definidas de acordo com as regras especificadas na expressão =exp Corrigindo valores Recode - muda o conteúdo de alguns valores ou de toda a variável já definida de acordo as regras especificadas Change contents of Variable Change contents of Variable Muda conteúdo da variável: wbcc2 Expressão que corrige a variável: sqrt(wbcc) Observação: sqrt(wbcc)= raíz quadrada da variável wbcc. replace wbcc2 = sqrt(wbcc) (42 real changes made). replace wbccat2 = 2 if logwbcc>=4 (7 real changes made) Gerando novas variáveis: variável Indicadora Gerando novas variáveis: Pontos de corte (2.3, 3) Create new Variable Create new Variable extended Condição Opção: pontos de corte Indicar: mínimo, valores anteriores aos pontos de corte e máximo. generate float wbccat2 = (wbcc>10) & wbcc~=.. egen float logwbccat3 = cut(logwbcc), at(0, , ,5.1) icodes

11 Gerando novas variáveis: Pontos de corte (com largura de intervalo fixa) Create new Variable extended Escolha de variáveis veis e/ou observaçõ ções Drop elimina as variáveis ou observações selecionadas do banco em uso. keep é um comando similar ao drop, porem neste comando especifica-se as variáveis e/ ou observações que ficaram no banco Variables utilities Keep or drop Nome da nova variável Opção: Cut - pontos de corte Nome da variável original Indicar: mínimo, (largura do intervalo) e máximo. Usar os códigos: 0,1,2,.. Obs: 0(1)6 vai gerar os códigos: 0,1,2,3,4 que representam as faixas: 1-2, 2-3, 3-4, 4-5 e 5-6. egen float logwbccat5 = cut(logwbcc), at(0(1)6) icodes Escolha de observaçõ ções Escolha de observaçõ ções Variables utilities Keep or drop observations Variables utilities Keep or drop observations Keep Manter as observações 1 até 35 Exemplos drop wbcc2 elimina a variável wbcc2 keep weeks relapse trtment sex wbcc logwbcc variáveis que ficam no banco drop if relapse==1 elimina todas as observações para as quais relapse==1. keep in 1/35 (7 observations deleted)

12 Olhando somente algumas observações Existem diferentes maneiras de visualizar o conteúdo dos arquivos de dados: Edit, List e Browse. Olhando somente algumas observações Edit: O icone do Edit permite, acessar a planilha de dados do [Editor] do Stata. Apresentando o conteúdo de todas as variáveis e todos os registros, sendo possível também criar novas variáveis, fazer entrada de novas observações, edição dos já existentes, etc. O comando edit (digitado na janela de comandos) pode ser usado para visualizar subconjuntos de variáveis ou de observações. Edit: Olhando somente algumas observações Edit: editor Exemplos para digitar na janela de comandos: edit weeks relapse edit weeks relapse if trtment==0 edit weeks relapse if trtment==0 in 15/35

13 List É um comando permite que os valores das variáveis e/ou observações selecionadas na expressão do list sejam apresentados na janela de resultados. Para tal siga a seqüência: List Na Janela Main do List List values of selecione as variáveis que serão listadas na janela de resultados. Describe data List data Na Janela Main do List List values of selecione as variáveis que serão listadas na janela de resultados. se deseja selecionar somente algumas observações digite a condição no retângulo do if por exemplo: sexo==0 ou se deseja pode usar a opção [Use a range of observations] na janela by/if/in List List values of Se deseja selecionar somente algumas observações digite a condição no retângulo do if (por exemplo: sex==0 & trtment==1 ) na opção [Restrict to observations] na janela by/if/in. list weeks relapse if sex==0 & trtment== weeks relapse Browse: É um comando que também permite visualizar a planilha de dados ou uma parte dela, com a diferença que este comando não permite realizar mudanças nas celulas da planilha. É uma alternativa ao comando list browser (read-only editor). browse weeks relapse if trtment==0 in 15/35, nolabel

Introdução ao STATA vs. 9 (Banco de Dados)

Introdução ao STATA vs. 9 (Banco de Dados) Universidade Federal do Rio de Janeiro Faculdade de Medicina Departamento de Medicina Preventiva Núcleo de Estudos de Saúde Coletiva Disciplina: Estatística em Epidemiologia II Introdução ao STATA vs.

Leia mais

Análise Exploratória de Dados

Análise Exploratória de Dados Universidade Federal do Rio de Janeiro Faculdade de Medicina Departamento de Medicina Preventiva Instituto de Estudos em Saúde Coletiva Disciplina: Construção e Análise de Bases de Dados em Saúde Análise

Leia mais

Introdução ao STATA vs. 9

Introdução ao STATA vs. 9 Universidade Federal do Rio de Janeiro Faculdade de Medicina Departamento de Medicina Preventiva Núcleo de Estudos de Saúde Coletiva Disciplina: Modelos de Regressão em Saúde Introdução ao STATA vs. 9

Leia mais

SPSS Statistical Package for the Social Sciences Composto por dois ambientes:

SPSS Statistical Package for the Social Sciences Composto por dois ambientes: Introdução ao SPSS Essa serie de aulas sobre SPSS foi projetada para introduzir usuários iniciantes ao ambiente de trabalho do SPSS 15, e também para reavivar a memória de usuários intermediários e avançados

Leia mais

Apostila Stata. O que é o Stata

Apostila Stata. O que é o Stata Apostila Stata Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva Universidade Federal do Maranhão Disciplina: Métodos Estatísticos em Epidemiologia Prof. Antônio Augusto Moura da Silva O que é o Stata O Stata

Leia mais

Stata versão10 Noções básicas

Stata versão10 Noções básicas Stata versão10 Noções básicas Tópicos que serão vistos neste material 1. Informações sobre o Stata 2. Iniciando o Stata 3. Leitura e salvamento de banco de dados 4. Criando banco de dados com entrada de

Leia mais

Probabilidade e Estatística I Antonio Roque Aula 8. Introdução ao Excel

Probabilidade e Estatística I Antonio Roque Aula 8. Introdução ao Excel Introdução ao Excel Esta introdução visa apresentar apenas os elementos básicos do Microsoft Excel para que você possa refazer os exemplos dados em aula e fazer os projetos computacionais solicitados ao

Leia mais

Microsoft Excel 2003

Microsoft Excel 2003 Associação Educacional Dom Bosco Faculdades de Engenharia de Resende Microsoft Excel 2003 Professores: Eduardo Arbex Mônica Mara Tathiana da Silva Resende 2010 INICIANDO O EXCEL Para abrir o programa Excel,

Leia mais

Estatística Usando EXCEL

Estatística Usando EXCEL Universidade Federal de Minas Gerais Instituto de Ciências Exatas Departamento de Estatística Estatística Usando EXCEL Distribuição de alunos segundo idade e sexo > =23 60% 40% 21 ---23 67% 33% 19 ---21

Leia mais

Profª Drª Alcione Miranda dos Santos Departamento de Saúde Pública UFMA Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva-UFMA

Profª Drª Alcione Miranda dos Santos Departamento de Saúde Pública UFMA Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva-UFMA INTRODUÇÃO AO Profª Drª Alcione Miranda dos Santos Departamento de Saúde Pública UFMA Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva-UFMA Por que STATA? Muitos dos pacotes estatísticos são bastante extensos

Leia mais

Dicas para usar melhor o Word 2007

Dicas para usar melhor o Word 2007 Dicas para usar melhor o Word 2007 Quem está acostumado (ou não) a trabalhar com o Word, não costuma ter todo o tempo do mundo disponível para descobrir as funcionalidades de versões recentemente lançadas.

Leia mais

Planilhas Eletrônicas EXCEL

Planilhas Eletrônicas EXCEL Planilhas Eletrônicas EXCEL Pasta de Trabalho Quando você inicia o excel ele automaticamente cria uma pasta de trabalho. Esta pasta de trabalho é um arquivo que pode ter até 255 planilhas. Cada planilha

Leia mais

Stata O que é o Stata

Stata O que é o Stata Stata O que é o Stata O Stata é um programa estatístico potente, capaz de resolver tarefas simples como calcular média, desvio padrão, testes de hipótese para médias e proporções, intervalos de confiança,

Leia mais

Instruções de uso do TABNET. Linha, Coluna e Conteúdo

Instruções de uso do TABNET. Linha, Coluna e Conteúdo O Tabnet, aplicativo desenvolvido pelo Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (DATASUS), permite ao usuário fazer tabulações de bases de dados on-line e foi gentilmente cedido para disponibilização

Leia mais

2. ENTRADA DE DADOS 2.1. TEXTOS

2. ENTRADA DE DADOS 2.1. TEXTOS 2. ENTRADA DE DADOS Os dados digitados em uma célula são divididos em duas categorias principais: constantes ou fórmulas. Um valor constante é um dado digitado diretamente na célula e que não é alterado.

Leia mais

Basicão de Estatística no EXCEL

Basicão de Estatística no EXCEL Basicão de Estatística no EXCEL Bertolo, Luiz A. Agosto 2008 2 I. Introdução II. Ferramentas III. Planilha de dados 3.1 Introdução 3.2 Formatação de células 3.3 Inserir ou excluir linhas e colunas 3.4

Leia mais

CICLO DE APERFEIÇOAMENTO PROFISSIONAL DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE MARICÁ- RJ EDITOR DE TEXTO - WORD

CICLO DE APERFEIÇOAMENTO PROFISSIONAL DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE MARICÁ- RJ EDITOR DE TEXTO - WORD Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Turismo Pós-Graduação em Gestão de Negócios CICLO DE APERFEIÇOAMENTO PROFISSIONAL DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE MARICÁ- RJ EDITOR DE TEXTO - WORD EMENTA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS GUIA DO MODELO DE MONOGRAFIA - EFLCH/UNIFESP: PARA MS OFFICE VERSÃO 2 GUARULHOS 2014 2 1 INTRODUÇÃO 1.1 REQUISITOS 1.2 CONVENÇÕES

Leia mais

Microsoft Office Excel 2007

Microsoft Office Excel 2007 1 Microsoft Office Excel 2007 O Excel é um programa dedicado a criação de planilhas de cálculos, além de fornecer gráficos, função de banco de dados e outros. 1. Layout do Excel 2007 O Microsoft Excel

Leia mais

Microsoft Excel 2000. Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br. http://www.pcs.usp.br/~alan

Microsoft Excel 2000. Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br. http://www.pcs.usp.br/~alan Microsoft Excel 2000 Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br http://www.pcs.usp.br/~alan Microsoft Índice 1.0 Microsoft Excel 2000 3 1.1 Acessando o Excel 3 1.2 Como sair do Excel 3 1.3 Elementos da

Leia mais

LIÇÃO 1 - GRAVANDO MACROS

LIÇÃO 1 - GRAVANDO MACROS 1_15 - ADS - PRO MICRO (ILM 001) - Estudo dirigido Macros Gravadas Word 1/36 LIÇÃO 1 - GRAVANDO MACROS Macro Imprimir Neste exemplo será criada a macro Imprimir que, ao ser executada, deverá preparar a

Leia mais

www.leitejunior.com.br 28/08/2012 19:30 Leite Júnior

www.leitejunior.com.br 28/08/2012 19:30 Leite Júnior CALCULANDO COM O EXCEL / CALC Todo cálculo deve iniciar com o sinal de IGUAL(=), mas também pode iniciar pela SOMA(+), SUBTRAÇÃO(-) e ARROBA(@) usado só em funções (SOMENTE EXCEL). OPERADORES MATEMÁTICOS

Leia mais

Continuação. 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART

Continuação. 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART Continuação 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART a) Vá para o primeiro slide da apresentação salva no item 31. b) Na guia PÁGINA INICIAL, clique no botão LAYOUT e selecione (clique) na opção TÍTULO

Leia mais

Aula 02 Excel 2010. Operações Básicas

Aula 02 Excel 2010. Operações Básicas Aula 02 Excel 2010 Professor: Bruno Gomes Disciplina: Informática Básica Curso: Gestão de Turismo Sumário da aula: 1. Operações básicas; 2. Utilizando Funções; 3. Funções Lógicas; 4. Gráficos no Excel;

Leia mais

O EXCEL NÃO É UM SOFTWARE NATIVO DO WINDOWS. É UM SOFTWARE QUE INTEGRA O PACOTE MICROSOFT OFFICE.

O EXCEL NÃO É UM SOFTWARE NATIVO DO WINDOWS. É UM SOFTWARE QUE INTEGRA O PACOTE MICROSOFT OFFICE. O EXCEL NÃO É UM SOFTWARE NATIVO DO WINDOWS. É UM SOFTWARE QUE INTEGRA O PACOTE MICROSOFT OFFICE. MICROSOFT OFFICE É UM PACOTE DE APLICATIVOS DE ESCRITÓRIO. CONTÉM OS SEGUINTES SOFTWARES: - WORD EDITOR

Leia mais

Tutorial do Iniciante. Excel Básico 2010

Tutorial do Iniciante. Excel Básico 2010 Tutorial do Iniciante Excel Básico 2010 O QUE HÁ DE NOVO O Microsoft Excel 2010 é um programa de edição de planilhas eletrônicas muito usado no mercado de trabalho para realizar diversas funções como;

Leia mais

Para resolver as questões abaixo considere o Sistema Operacional Microsoft Windows Vista

Para resolver as questões abaixo considere o Sistema Operacional Microsoft Windows Vista Nome: Gabarito Para resolver as questões abaixo considere o Sistema Operacional Microsoft Windows Vista 1) O Centro das configurações do Windows, onde pode ser acessado cada um dos dispositivos componentes

Leia mais

Escola Info Jardins. Microsoft Excel Aula 1

Escola Info Jardins. Microsoft Excel Aula 1 Microsoft Excel Aula 1 O que é o Microsoft Excel? Excel é um programa de planilhas do sistema Microsoft Office. Você pode usar o Excel para criar e formatar pastas de trabalho (um conjunto de planilhas).

Leia mais

MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007

MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007 MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007 MÓDULO - I APRESENTAÇÃO... 1 AMBIENTE DE TRABALHO... 2 A folha de cálculo... 2 O ambiente de trabalho do Excel... 3 Faixas de Opções do Excel... 4 - Guia

Leia mais

PESQUISAS NA WEB. 1. Para pesquisas na Internet www.google.com.br www.yahoo.com.br www.altavista.com.br

PESQUISAS NA WEB. 1. Para pesquisas na Internet www.google.com.br www.yahoo.com.br www.altavista.com.br PESQUISAS NA WEB 1. Para pesquisas na Internet www.google.com.br www.yahoo.com.br www.altavista.com.br No Laboratório do Paraná Digital o Google está configurado no sistema como buscador padrão. Para acessá-lo,

Leia mais

Gerente de Tecnologia: Ricardo Alexandre F. de Oliveira Marta Cristiane Pires M. Medeiros Mônica Bossa dos Santos Schmid WORD 2007

Gerente de Tecnologia: Ricardo Alexandre F. de Oliveira Marta Cristiane Pires M. Medeiros Mônica Bossa dos Santos Schmid WORD 2007 WORD 2007 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE LONDRINA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO GERÊNCIA DE TECNOLOGIA Gerente de Tecnologia: Ricardo Alexandre F. de Oliveira Marta Cristiane Pires M. Medeiros Mônica Bossa

Leia mais

Histórico. Software estatístico utilizado em mais de 80 países por pesquisadores, engenheiros, analistas empresariais, professores, estudantes.

Histórico. Software estatístico utilizado em mais de 80 países por pesquisadores, engenheiros, analistas empresariais, professores, estudantes. MINITAB 14 Histórico Software estatístico utilizado em mais de 80 países por pesquisadores, engenheiros, analistas empresariais, professores, estudantes. Possui ferramentas para diversos tipos de análise

Leia mais

Microsoft Excel Profª. Leticia Lopes Leite. Excel. Profª Leticia Lopes Leite

Microsoft Excel Profª. Leticia Lopes Leite. Excel. Profª Leticia Lopes Leite Microsoft Excel Profª. Leticia Lopes Leite Excel Profª Leticia Lopes Leite 1 Indice 1 Indice 2 2 Introdução 4 2.1 Área de Trabalho 4 2.2 Barra de Ferramentas 5 2.2.1 Ferramenta Pincel 5 2.2.2 Classificar

Leia mais

Universidade de São Paulo/Faculdade de Saúde Pública Curso de Saúde Pública Disciplina: HEP 147 Informática I. Aula Excel

Universidade de São Paulo/Faculdade de Saúde Pública Curso de Saúde Pública Disciplina: HEP 147 Informática I. Aula Excel Universidade de São Paulo/Faculdade de Saúde Pública Curso de Saúde Pública Disciplina: HEP 147 Informática I Aula Excel O que é o Excel? O Excel é um aplicativo Windows - uma planilha eletrônica - que

Leia mais

Manual de Configuração de Exportação/Importação de arquivos (MultiSET/SISCEL)

Manual de Configuração de Exportação/Importação de arquivos (MultiSET/SISCEL) Manual de Configuração de Exportação/Importação de arquivos (MultiSET/SISCEL) ÍNDICE Configuração do MultiSET para exportação de arquivo para o SISCEL... 3 Transporte do arquivo do MACINTOSH para o PC...

Leia mais

Mozart de Melo Alves Júnior

Mozart de Melo Alves Júnior Mozart de Melo Alves Júnior WORD 2000 INTRODUÇÃO: O Word é um processador de texto com recursos de acentuação, formatação de parágrafo, estilo de letras diferentes, criação de tabelas, corretor ortográfico,

Leia mais

Treinamento em BrOffice.org Calc

Treinamento em BrOffice.org Calc Treinamento em BrOffice.org Calc 1 Índice I. INTRODUÇÃO...3 II. NÚMEROS, TEXTOS, FÓRMULAS E DATAS...4 III. MENUS BÁSICOS...5 1. Arquivo...5 2. Editar...5 3. Formatar...5 IV. FÓRMULAS...8 V. REFERÊNCIAS

Leia mais

Tutorial Administrativo (Backoffice)

Tutorial Administrativo (Backoffice) Manual - Software ENTRANDO NO SISTEMA BACKOFFICE Para entrar no sitema Backoffice, digite no seu navegador de internet o seguinte endereço: http://pesquisa.webbyapp.com/ Entre com o login e senha. Caso

Leia mais

Questão - 01. Essência do Excel 2003...

Questão - 01. Essência do Excel 2003... Valdir Questão - 01 Como deve proceder o usuário do Microsoft para que sejam atualizados os cálculos das funções ou fórmulas utilizadas nas planilhas? a) Pressionar a tecla F9 no teclado b) Pressionar

Leia mais

Mozart de Melo Alves Júnior

Mozart de Melo Alves Júnior 2000 Mozart de Melo Alves Júnior INTRODUÇÃO O Excel 7.0 é um aplicativo de planilha desenvolvido para ser usado dentro do ambiente Windows. As planilhas criadas a partir desta ferramenta poderão ser impressas,

Leia mais

Folha de cálculo. Excel. Agrupamento de Escolas de Amares

Folha de cálculo. Excel. Agrupamento de Escolas de Amares Folha de cálculo Excel Agrupamento de Escolas de Amares Índice 1. Funcionalidades básicas... 3 1.1. Iniciar o Excel... 3 1.2. Criar um livro novo... 3 1.3. Abrir um livro existente... 3 1.4. Inserir uma

Leia mais

EDITORES DE PLANILHAS

EDITORES DE PLANILHAS CAPÍTULO 6 EDITORES DE PLANILHAS Definição É um programa destinado a editar tabelas alfanuméricas usando o computador. Sua função básica é armazenar números e conjuntos de caracteres em células organizadas

Leia mais

COMO COLABORAR NO WIKI DO MOODLE 1. Orientações para produção escolar colaborativa no wiki do Moodle:

COMO COLABORAR NO WIKI DO MOODLE 1. Orientações para produção escolar colaborativa no wiki do Moodle: COMO COLABORAR NO WIKI DO MOODLE 1 Ilse Abegg e Fábio da Purificação de Bastos e-mail: iabegg@mail.ufsm.br O wiki no Moodle é uma ferramenta de atividade que visa produção escolar colaborativa. Isso significa

Leia mais

Usando o simulador MIPS

Usando o simulador MIPS Usando o simulador MIPS O objetivo desta aula prática será a utilização do simulador MipsIt para executar programas escritos em linguagem de máquina do MIPS. 1 Criando um projeto Cada programa a ser executado

Leia mais

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova.

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova. 3.5 Páginas: Ao clicar em Páginas, são exibidas todas as páginas criadas para o Blog. No nosso exemplo já existirá uma página com o Título Página de Exemplo, criada quando o WorPress foi instalado. Ao

Leia mais

Unidade III 1. APRESENTANDO PLANILHAS ELETRÔNICAS. 1.1) Conceito de Planilha Eletrônica. 1.2) Inicializando o Excel e o Calc

Unidade III 1. APRESENTANDO PLANILHAS ELETRÔNICAS. 1.1) Conceito de Planilha Eletrônica. 1.2) Inicializando o Excel e o Calc Unidade III 1. APRESENTANDO PLANILHAS ELETRÔNICAS 1.1) Conceito de Planilha Eletrônica Em certa época, a planilha era um pedaço de papel que os contadores e planejadores de empresas utilizavam para colocar

Leia mais

Linguagem R R-Gui e R-Commander

Linguagem R R-Gui e R-Commander Linguagem R R-Gui e R-Commander 1 INSTALAÇÃO DO PROGRAMA BÁSICO E PACOTES O sistema é formado por um programa básico (R-Gui) e muitos pacotes com procedimentos adicionais. Tudo é gratuito e com código

Leia mais

Microsoft Office Excel

Microsoft Office Excel 1 Microsoft Office Excel Introdução ao Excel Um dos programas mais úteis em um escritório é, sem dúvida, o Microsoft Excel. Ele é uma planilha eletrônica que permite tabelar dados, organizar formulários,

Leia mais

APOSTILA DO MINICURSO MICRODADOS COM O USO DO STATA

APOSTILA DO MINICURSO MICRODADOS COM O USO DO STATA APOSTILA DO MINICURSO MICRODADOS COM O USO DO STATA Autores: Igor Vieira Procópio Ricardo da Silva Freguglia Setembro de 2013 Sumário 1 Introdução... 2 2 Iniciação ao Stata... 3 2.1 Interface do Stata...

Leia mais

CURSO DE ANÁLISE DE MICRODADOS USANDO O STATA MATERIAL DE APOIO

CURSO DE ANÁLISE DE MICRODADOS USANDO O STATA MATERIAL DE APOIO FACE Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas Curso de Ciências Econômicas Direção FACE Prof. Moisés Ferreira da Cunha Vice-Direção FACE Prof. Mauro Caetano de Souza Coordenação

Leia mais

EXCEL 2003. Excel 2003 SUMÁRIO

EXCEL 2003. Excel 2003 SUMÁRIO EXCEL 2003 SUMÁRIO INICIANDO O EXCEL... 2 CONHECENDO AS BARRAS DO EXCEL... 4 OS COMPONETES DO EXCEL 2003... 7 ENTENDENDO FUNÇÕES... 8 BOLETIM ESCOLAR... 16 QUADRO DE RENDIMENTO DO ALUNO... 17 CHAMADA ESCOLAR...

Leia mais

Centro de Computação - Unicamp Gerência de Atendimento ao Cliente (e-mail:apoio@turing.unicamp.br) Sumário

Centro de Computação - Unicamp Gerência de Atendimento ao Cliente (e-mail:apoio@turing.unicamp.br) Sumário Sumário Conceitos Microsoft Access 97... 01 Inicialização do Access... 02 Convertendo um Banco de Dados... 03 Criando uma Tabela... 06 Estrutura da Tabela... 07 Propriedades do Campo... 08 Chave Primária...

Leia mais

Manual do Usuário. Tag List. Tag List Generator. smar FIRST IN FIELDBUS JUL / 02. Tag-List VERSÃO 1.0 TAGLSTC3MP

Manual do Usuário. Tag List. Tag List Generator. smar FIRST IN FIELDBUS JUL / 02. Tag-List VERSÃO 1.0 TAGLSTC3MP Tag List Tag List Generator Manual do Usuário smar FIRST IN FIELDBUS JUL / 02 Tag-List VERSÃO 1.0 TAGLSTC3MP www.smar.com.br Especificações e informações estão sujeitas a modificações sem prévia consulta.

Leia mais

COMO GERAR UM ARQUIVO NÃO IDENTIFICADO NO TABWIN

COMO GERAR UM ARQUIVO NÃO IDENTIFICADO NO TABWIN O programa TabWin pode ser utilizado para calcular indicadores epidemiológicos e operacionais da tuberculose bem como para análise da qualidade da base de dados do Sinan. O usuário deve ter a versão atualizada

Leia mais

Linguagem R R-Gui e R-Commander

Linguagem R R-Gui e R-Commander Linguagem R R-Gui e R-Commander 1 INSTALAÇÃO DO PROGRAMA BÁSICO E PACOTES O sistema é formado por um programa básico (R-Gui) e muitos pacotes com procedimentos adicionais. Tudo é gratuito e com código

Leia mais

Excel 2010 Modulo II

Excel 2010 Modulo II Excel 2010 Modulo II Sumário Nomeando intervalos de células... 1 Classificação e filtro de dados... 3 Subtotais... 6 Validação e auditoria de dados... 8 Validação e auditoria de dados... 9 Cenários...

Leia mais

MANUAL DE NAVEGAÇÃO DO MILLENNIUM BUSINESS

MANUAL DE NAVEGAÇÃO DO MILLENNIUM BUSINESS MANUAL DE NAVEGAÇÃO DO MILLENNIUM BUSINESS 1 Conteúdo Apresentação... 3 1 Página Principal do Sistema... 4 2 Telas de busca... 8 3 Teclas de Navegação... 11 4 Tela de Menu de Relatório... 12 5 Telas de

Leia mais

Manual Instalação Pedido Eletrônico

Manual Instalação Pedido Eletrônico Manual Instalação Pedido Eletrônico 1 Cliente que não utiliza o Boomerang, mas possui um sistema compatível. 1.1 Instalação do Boomerang Inserir o CD no drive do computador, clicar no botão INICIAR e em

Leia mais

ROBERTO OLIVEIRA CUNHA

ROBERTO OLIVEIRA CUNHA LEIAME APRESENTAÇÃO Nenhuma informação do TUTORIAL DO MICRO- SOFT OFFICE WORD 2003 poderá ser copiada, movida ou modificada sem autorização prévia e escrita do Programador Roberto Oliveira Cunha. Programador:

Leia mais

Publicação web. Será ativado um assistente de publicação que lhe guiará em todas as etapas a seguir apresentadas.

Publicação web. Será ativado um assistente de publicação que lhe guiará em todas as etapas a seguir apresentadas. Publicação web Pré requisitos: Lista de questões Formulário multimídia Este tutorial tem como objetivo, demonstrar de maneira ilustrativa, todos os passos e opções que devem ser seguidos para publicar

Leia mais

SIMULADO Windows 7 Parte V

SIMULADO Windows 7 Parte V SIMULADO Windows 7 Parte V 1. O espaço reservado para a Lixeira do Windows pode ser aumentado ou diminuído clicando: a) Duplamente no ícone lixeira e selecionando Editar propriedades b) Duplamente no ícone

Leia mais

indicadas por letras e 65.536 linhas, indicadas por números. Para selecionar uma planilha para uso, devemos utilizar a guia de planilhas:

indicadas por letras e 65.536 linhas, indicadas por números. Para selecionar uma planilha para uso, devemos utilizar a guia de planilhas: Pasta de trabalho: Planilha: É um arquivo do Calc. Pode conter várias planilhas. Ao criar uma nova Pasta de trabalho, automaticamente 3 planilhas em branco são inseridas na Pasta. Uma planilha contém 256

Leia mais

MICROSOFT EXCEL - AULA NÚMERO 02

MICROSOFT EXCEL - AULA NÚMERO 02 MICROSOFT EXCEL - AULA NÚMERO 02 Escrevendo Fórmulas Você pode executar cálculos com seus dados usando fórmulas, que são formatadas por operadores de dados e quase sempre por funções. Você vai aprender

Leia mais

&XUVRGH,QWURGXomRDR (GLWRUGH3ODQLOKDV([FHO

&XUVRGH,QWURGXomRDR (GLWRUGH3ODQLOKDV([FHO Universidade Federal de Viçosa Departamento de Informática &XUVRGH,QWURGXomRDR (GLWRUGH3ODQLOKDV([FHO Flaviano Aguiar Liziane Santos Soares Jugurta Lisboa Filho (Orientador) PROJETO UNESC@LA Setembro de

Leia mais

BARRA DE PROGRESSO EM VBA

BARRA DE PROGRESSO EM VBA BARRA DE PROGRESSO EM VBA Quando elaboramos uma programação em VBA e não sabemos o tempo de execução podemos utilizar uma alternativa para a visualização do progresso da tarefa, uma barra de progressão

Leia mais

ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 4

ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 4 Mic crosoft Excel 201 0 ÍNDICE ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 4 Interface... 4 Guias de Planilha... 5 Movimentação na planilha... 6 Entrada de textos e números... 7 Congelando painéis... 8 Comentários nas Células...

Leia mais

ANÁLISE DE DADOS. Familiarização com o SPSS

ANÁLISE DE DADOS. Familiarização com o SPSS 1 ANÁLISE DE DADOS Familiarização com o SPSS 2 Statistical Package for the Social Sciences Programa de eleição dos cientistas das Ciências Sociais; O SPSS facilita a realização de numerosos métodos estatísticos;

Leia mais

GABARITO - B. manuel@carioca.br

GABARITO - B. manuel@carioca.br NOÇÕES DE INFORMÁTICA EDITORA FERREIRA PROVA MPRJ -TÉCNICO ADMINISTRATIVO - TADM NCE-UFRJ CORREÇÃO - GABARITO COMENTADO Considere que as questões a seguir referem-se a computadores com uma instalação padrão

Leia mais

Unidade 1: O Painel de Controle do Excel *

Unidade 1: O Painel de Controle do Excel * Unidade 1: O Painel de Controle do Excel * material do 2010* 1.0 Introdução O Excel nos ajuda a compreender melhor os dados graças à sua organização em células (organizadas em linhas e colunas) e ao uso

Leia mais

nutricional Passo a passo no Stata: Introdução: Conhecimentos iniciais: Parte I: Conhecendo o Stata Arquivo log

nutricional Passo a passo no Stata: Introdução: Conhecimentos iniciais: Parte I: Conhecendo o Stata Arquivo log LLAPPII Laboratório de apoio à pesquisa e informática Guia de utilização do software Stata para análise do estado nutricional Parte I: Conhecendo o Stata comandos oferecidos pelo usuário. Se os comandos

Leia mais

ATENÇÃO. Leitura Indispensável

ATENÇÃO. Leitura Indispensável ATENÇÃO Leitura Indispensável O Guia Rápido do Asure ID 2009 foi criado com base na versão Exchange, ou seja, a versão mais completa da linha Asure ID 2009, portanto, os usuários de outras versões ao utilizarem

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS COTAS DE DISCO. Professor Carlos Muniz

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS COTAS DE DISCO. Professor Carlos Muniz ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS Trabalhando com cotas Usando o Gerenciador de Recursos de Servidor de Arquivos para criar uma cota em um volume ou uma pasta, você pode limitar o espaço em disco

Leia mais

16 - SCARTA. 1. Abrir o SCARTA clicando no ícone que se encontra na área de trabalho (Fig.1). Fig.1- Ícone do SCARTA

16 - SCARTA. 1. Abrir o SCARTA clicando no ícone que se encontra na área de trabalho (Fig.1). Fig.1- Ícone do SCARTA 16 - SCARTA Módulo do SPRING que permite editar uma carta e gerar arquivo para impressão, permitindo a apresentação na forma de um documento cartográfico. 1. Abrir o SCARTA clicando no ícone que se encontra

Leia mais

MS-Excel 2010 Essencial (I)

MS-Excel 2010 Essencial (I) MS-Excel 2010 Essencial (I) Carga Horária: 20 horas Objetivos: Este curso destina-se a todos os profissionais que atuam nas áreas financeiras e administrativas, e que necessitem agilizar os seus cálculos,

Leia mais

Manual do Usuário Solução para Integração B2B Siagri x Conecta BASF Thiago Borges de Oliveira thiago.oliveira@siagri.com.br

Manual do Usuário Solução para Integração B2B Siagri x Conecta BASF Thiago Borges de Oliveira thiago.oliveira@siagri.com.br Manual do Usuário Solução para Integração B2B Siagri x Conecta BASF Thiago Borges de Oliveira thiago.oliveira@siagri.com.br AGOSTO/2009 Sumário 1 Introdução 2 2 Configurando o exportador 2 3 Informando

Leia mais

Informática Aplicada. Aula 2 Windows Vista. Professora: Cintia Caetano

Informática Aplicada. Aula 2 Windows Vista. Professora: Cintia Caetano Informática Aplicada Aula 2 Windows Vista Professora: Cintia Caetano AMBIENTE WINDOWS O Microsoft Windows é um sistema operacional que possui aparência e apresentação aperfeiçoadas para que o trabalho

Leia mais

Aula Número 01. Sumário

Aula Número 01. Sumário Aula Número 01 Sumário Conceitos Básicos:... 3 Movendo-se numa Planilha... 4 Selecionando Múltiplas Células... 4 Abrindo e Salvando um Arquivo... 6 Salvando um arquivo... 8 Introduzindo e Editando Dados...

Leia mais

A Estação da Evolução

A Estação da Evolução Microsoft Excel 2010, o que é isto? Micorsoft Excel é um programa do tipo planilha eletrônica. As planilhas eletrônicas são utilizadas pelas empresas pra a construção e controle onde a função principal

Leia mais

Práticas Empresariais em Excel. Professor: Pádua

Práticas Empresariais em Excel. Professor: Pádua Práticas Empresariais em Excel Professor: Pádua SUMÁRIO 1 FÓRMULAS... 4 2 FUNÇÕES... 5 2.1 Data e hora... 5 2.1.1 Hoje... 5 2.1.2 Dia, Mês e... 5 2.1.3 Agora... 5 2.1.4 Hora, Minuto e Segundo... 5 2.2

Leia mais

INSTALAÇÃO DO CLIENTE LOTUS NOTES 9

INSTALAÇÃO DO CLIENTE LOTUS NOTES 9 INSTALAÇÃO DO CLIENTE LOTUS NOTES 9 ROTEIRO DE INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO Novembro de 2014 Benício Alves de Souza benicio@ufmg.br 2 Sumário Obtendo o Software Cliente Notes... 3 Requisitos para instalação...

Leia mais

O Excel é um software de Planilha Eletrônica integrante dos produtos do Microsoft Office.

O Excel é um software de Planilha Eletrônica integrante dos produtos do Microsoft Office. EXCEL O Excel é um software de Planilha Eletrônica integrante dos produtos do Microsoft Office. É composto das seguintes partes: Pasta de Trabalho um arquivo que reúne várias planilhas, gráficos, tabelas,

Leia mais

Você acessa seu DISCO Virtual do mesmo modo como faz para seu HD, através de:

Você acessa seu DISCO Virtual do mesmo modo como faz para seu HD, através de: Manual DISCO VIRTUAL Gemelo Backup Online DESKTOP É um Disco que se encontra em seu PC junto às unidades de discos locais. A informação aqui existente é a mesma que você efetuou backup com sua Agenda ou

Leia mais

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Neste capítulo nós iremos examinar as características da interface do gerenciador de arquivos Konqueror. Através dele realizaremos as principais operações com arquivos

Leia mais

SENAI São Lourenço do Oeste. Introdução à Informática. Adinan Southier Soares

SENAI São Lourenço do Oeste. Introdução à Informática. Adinan Southier Soares SENAI São Lourenço do Oeste Introdução à Informática Adinan Southier Soares Informações Gerais Objetivos: Introduzir os conceitos básicos da Informática e instruir os alunos com ferramentas computacionais

Leia mais

V 1.0 LINAEDUCA - GUIA DE USO

V 1.0 LINAEDUCA - GUIA DE USO V 1.0 LINAEDUCA - GUIA DE USO ARGO Internet ARGO.com.br 2013 Sumário 1. Instalação... 2 1.1 Windows... 2 2 Guia de Uso... 5 2.1 Inicialização... 5 2.1.1 Modo Casa... 5 2.1.2 Modo escola... 6 2.2 Cadastro

Leia mais

Instruções de Instalação do IBM SPSS Modeler (Licença de Usuário Autorizado)

Instruções de Instalação do IBM SPSS Modeler (Licença de Usuário Autorizado) Instruções de Instalação do IBM SPSS Modeler (Licença de Usuário Autorizado) Índice Instruções de Instalação....... 1 Requisitos do sistema........... 1 Código de autorização.......... 1 Instalando...............

Leia mais

Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT. Power Point. Básico

Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT. Power Point. Básico Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT Power Point Básico Santa Maria, julho de 2006 O Power Point é um aplicativo do Microsoft Office direcionado à criação de apresentações.

Leia mais

Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia Curso Excel Avançado Índice

Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia Curso Excel Avançado Índice Índice Apresentação...2 Barra de Título...2 Barra de Menus...2 Barra de Ferramentas Padrão...2 Barra de Ferramentas de Formatação...3 Barra de Fórmulas e Caixa de Nomes...3 Criando um atalho de teclado

Leia mais

Microsoft Excel 2007

Microsoft Excel 2007 Microsoft Excel 2007 O Microsoft Excel é um aplicativo para a construção e edição de planilhas eletrônicas, que permite o trabalho com: formulários, tabelas, gráficos e outros. 2.1 CONCEITOS INICIAIS:

Leia mais

Gestores e Provedores

Gestores e Provedores PORTAL 2010 Manual do Portal 15 Gestores e Provedores Publicação descentralizada As informações, produtos e serviços disponibilizados no Portal são publicados e atualizados pelas próprias unidades do

Leia mais

Inserindo Dados no Banco de Dados Paradox.

Inserindo Dados no Banco de Dados Paradox. Inserindo Dados no Banco de Dados Paradox. - Construção do Banco de Dados: Para podermos inserir algo em um banco precisaremos de um Banco de Dados, para isto iremos montar um utilizando o Programa Database

Leia mais

PMAT. Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações. Manual. Desenvolvido pelo BNDES AS/DEGEP

PMAT. Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações. Manual. Desenvolvido pelo BNDES AS/DEGEP PMAT Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações Manual 1 Índice 1. O que é o Sistema de Análise e Acompanhamento de Operações PMAT... 3 2. Acessando o sistema pela primeira vez Download... 3 3. Fluxogramas

Leia mais

Importação de Dados no Sphinx

Importação de Dados no Sphinx Importação de Dados no Sphinx A importação de dados refere-se à transferência de dados coletados em outro ambiente para dentro do software Sphinx. No software, encontre a opção Importar dados no estágio

Leia mais

Novell. Novell Teaming 1.0. novdocx (pt-br) 6 April 2007 EXPLORAR O PORTLET BEM-VINDO DESCUBRA SEU CAMINHO USANDO O NOVELL TEAMING NAVIGATOR

Novell. Novell Teaming 1.0. novdocx (pt-br) 6 April 2007 EXPLORAR O PORTLET BEM-VINDO DESCUBRA SEU CAMINHO USANDO O NOVELL TEAMING NAVIGATOR Novell Teaming - Guia de início rápido Novell Teaming 1.0 Julho de 2007 INTRODUÇÃO RÁPIDA www.novell.com Novell Teaming O termo Novell Teaming neste documento se aplica a todas as versões do Novell Teaming,

Leia mais

O sistema está pedindo que eu faça meu login novamente e diz que minha sessão expirou. O que isso significa?

O sistema está pedindo que eu faça meu login novamente e diz que minha sessão expirou. O que isso significa? Que tipo de navegadores são suportados? Preciso permitir 'cookies' O que são 'cookies' da sessão? O sistema está pedindo que eu faça meu login novamente e diz que minha sessão expirou. O que isso significa?

Leia mais

Plataforma SMS Manual do Usuário

Plataforma SMS Manual do Usuário 1 - Logando no Sistema Acesse o site: http://paineldeenvioscom/painel/ Conforme tela abaixo Informe seu usuário e senha Caso você não se lembre da senha, informe seu usuário e em seguida clique no botão

Leia mais

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx 1 Introdução O Conecta S_Line permite que o laboratório envie à Central S_Line os resultados de exames gerados pelo Sistema de Informação Laboratorial (LIS) em forma de arquivos digitais. Todo o processo

Leia mais

Table of Contents. PowerPoint XP

Table of Contents. PowerPoint XP Table of Contents Finalizando a apresentação...1 Usando anotações...1 Desfazer e repetir...1 Localizar e substituir...2 Substituir...2 Efeitos de transição...3 Esquema de animação...6 Controlando os tempos

Leia mais

Versão 2.2.0 PIMACO AUTOADESIVOS LTDA. Assistente Pimaco + 2.2.0. Ajuda ao Usuário

Versão 2.2.0 PIMACO AUTOADESIVOS LTDA. Assistente Pimaco + 2.2.0. Ajuda ao Usuário Versão 2.2.0 PIMACO AUTOADESIVOS LTDA. Assistente Pimaco + 2.2.0 Ajuda ao Usuário A S S I S T E N T E P I M A C O + 2.2.0 Ajuda ao usuário Índice 1. BÁSICO 1 1. INICIANDO O APLICATIVO 2 2. O AMBIENTE DE

Leia mais

DIGPROP - PREGÃO. Digitação de dados para entrega de propostas por meio magnético

DIGPROP - PREGÃO. Digitação de dados para entrega de propostas por meio magnético DIGPROP - PREGÃO Digitação de dados para entrega de propostas por meio magnético Marcio Tomazelli Programador Sênior Versão 1.0 Índice Índice...2 Índice de Figuras...2 Introdução...3 Fluxograma do processo

Leia mais