Uma ferramenta de organização, aprendizado e produtividade

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Uma ferramenta de organização, aprendizado e produtividade"

Transcrição

1 VIRGÍLIO VASCONCELOS VILELA Tirar! Contas Lavar Revisão A FAZER Quarto Cozinha Consertar Uma ferramenta de organização, aprendizado e produtividade Versão Novembro/2002

2 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS VIRGÍLIO VASCONCELOS VILELA Editor e Webmaster dos sites Mapas Mentais ferramentas da sua inteligência Possibilidades percepções e estratégias para suas inteligências -

3 SUMÁRIO 1. O primeiro mapa mental a gente nunca esquece Por que aprender e usar mapas mentais...5 Memorização não é o problema Benefícios e vantagens de mapas mentais...6 Benefícios pessoais... 7 Materiais... 7 Pensamento... 7 Emocionais... 7 Efeitos nas decisões... 8 Times, grupos e turmas... 8 Sociedade Como usar mapas mentais...8 Para planejamento... 8 Para memorização e lembrança... 9 Para aprendizagem Mapas mentais para você usar...9 Piadinhas Churrasco Lista de compras Como dar nós em gravatas Preposições de inglês Aplicações por área de atuação...14 Qualquer pessoa Donas e donos de casa Empresários Estudantes e aprendizes Grupos e times Líderes Professores Publicitários Redatores e escritores Webmasters e webdesigners Mapas mentais em ação...16 Economia de 11 milhões de dólares Controlando o quase incontrolável Seus próximos passos...18 Este arquivo foi gerado com o programa PDF Livre, disponível em

4 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 3 1. O primeiro mapa mental a gente nunca esquece José Maria é um sujeito ocupado: é analista, professor, aluno, pai e tem um site. Ele costuma ter várias coisas para fazer, e gosta de registrá-las para não esquecer nada. Inicialmente, ele fazia uma lista simples, anotada em um papel qualquer: - Lavar o carro - Levar o carro para revisão - Consertar vazamento da pia da cozinha - Pagar a conta telefônica - Tirar dinheiro - Trocar a lâmpada do quarto Depois, José Maria descobriu que ficava melhor agrupando os itens: Carro - Lavar - Levar para revisão Casa - Consertar vazamento da pia da cozinha - Trocar lâmpada do quarto Finanças - Pagar conta telefônica - Tirar dinheiro Mas José Maria gostou mesmo quando achou um programa muito legal para fazer mapas mentais, e, depois de uma versão inicial e algumas mexidas, ele fez o seguinte para aquelas mesmas coisas a fazer: Quarto Cozinha A FAZER Tirar! Consertar Contas Lavar Revisão Agora, José Maria, que tem dúzias de coisas para fazer, agora só usa esse tipo de mapas mentais para lembrar-se delas. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

5 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 4 E ele, que é analista, professor, aluno, pai e tem um site, usou os mapas de várias maneiras: para planejar aulas e apostilas, apresentar resumos para os alunos, elaborar relatórios e até para organizar melhor sua autocrítica, registrando os vários aspectos e enfoques possíveis. Convicto das vantagens, resolveu organizar as aplicações de mapas mentais também em um mapa, onde considerou cada uma de suas atividades e inseriu mais um tópico para a parte pessoal (veja próximo mapa mental). Planos de aula Apostilas Resumos Palestras Professor Analista Relatórios Planejamento Leituras rápidas Palestras Mapa Elaborar matérias Planejamento Site Aplicações de mapas mentais Coisas para fazer Resumos de aula Revisão Trabalhos Aluno Pessoal Organização Priorização Objetivos Auto-crítica aspectos enfoques Ao mostrar esse e outros mapas para as pessoas e alunos, José Maria logo descobriu que muitas tentavam olhar o mapa todo de uma vez, e "arrepiavam". Mas ele ensinou-as a olhar no início apenas o título e um tópico de cada vez, e logo elas estavam gostando da coisa. Uma delas até comentou a vantagem de "quase não ter artigos e preposições nem blá-blá-blá, só idéias essenciais". Não satisfeito, José Maria queria ter para si uma visão bem clara e organizada dos benefícios de usar os mapas mentais, e fez o mapa a seguir. N primeiro nível, o dos tópicos principais, ele colocou os vários aspectos da vida beneficiados: trabalho, aprendizado, memorização e outros, e nos tópicos filhos os benefícios que já percebera. Ele destacou no mapa o que para ele é o mais importante na cadeia de benefícios: os efeitos pessoais que decorrem destes. E pregou o mapa mental em um local bem visível. foco no relevante visual estimulante organizado mais organizada mais confiável maior produtividade maior qualidade Pensamento Memorização Trabalho Benefícios de mapas mentais Aprendizado Comunicação mais organizado mais aplicável mais rápido mais objetiva mais organizada mais auto-confiança mais prazer mais satisfação mais auto-estima Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

6 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 5 José Maria também ensinou ao seu filho de 9 anos como fazer os mapas e deu-lhe uma versão júnior" do software de mapas mentais. O esperto garoto também gostou da coisa e logo estava fazendo mapas das matérias da escola, estudando neles e ainda faturando vendendo-os para os colegas! Nosso herói chegou a ver um livro com vários mapas, feitos à mão. Alguns ele achou muito poluídos visualmente, mas quase todos eram muito interessantes, e ele até elegeu dois que ele achou mais bonitos e limpos, embora não entendesse para que serviam: (Fonte: The Mind Map Book - Tony Buzan) Muito legais, sim, mas ele realmente não tinha tempo para toda essa arte, e achou que estava muito bem atendido pelo programa que usava. Era fácil para alterar o conteúdo e reorganizar os tópicos, o que ele fazia muito, fácil de aplicar destaques nas fontes e nas cores, fácil e barato gerar cópias coloridas, bom para apresentações e até para distribuir para o mundo inteiro, se fosse o caso. José Maria estava realmente satisfeito. E começou a perceber algo muito interessante: à medida que praticava, aplicava e convivia com os mapas mentais, notou que ficava cada vez mais fácil construir os mapas em sua mente, e para alguns nem precisava mais de papel. Uma possibilidade muito interessante o espreitava do futuro Por que aprender e usar mapas mentais Você viu com o José Maria uma introdução panorâmica sobre os mapas mentais (chamados também de memogramas). Daqui em diante vamos detalhar melhor essa ferramenta e as vantagens de se utilizá-la, além de outras coisas para enriquecer o seu modelo mental sobre mapas mentais e fundamentar sua possível decisão de investir neles. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

7 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 6 Memorização não é o problema Nós vivemos nossas experiências e os acontecimentos de uma maneira seqüencial: minuto a minuto, hora após hora, dia após dia e assim por diante. De forma análoga, quando lemos algo, seguimos palavras, frases, parágrafos, um após o outro, como você está fazendo agora. Essa é a forma normal de percebermos e darmos entrada na informação. Ocorre que, na hora de usar as informações que memorizamos, a seqüência original nem sempre é a melhor forma. Por exemplo, se você for guardando arquivos no disco rígido do seu computador dessa forma, na hora em que você precisar encontrar algo, pode ter dificuldades. Você sabe que o que precisa está lá, mas a menos que tenha memória fotográfica, pode levar muito tempo pesquisando. Se você sabe usar o serviço de pesquisa e se tiver algum ponto de partida, como o nome do arquivo ou uma amostra do conteúdo, ainda tem uma boa alternativa; caso contrário, acaba tendo que abrir arquivo por arquivo para ver se o que tem dentro é o que você quer. Já se seus arquivos estiverem organizados em pastas com vários níveis, você consegue achar muito mais facilmente o que quer, percorrendo os vários níveis da árvore ou hierarquia de pastas de acordo com a classificação do que está procurando. Outro exemplo dessa situação é a caixa de enviados do correio eletrônico. Sem ações de organização, a tendência é ter centenas de mensagens em seqüência. O resultado da desorganização é a maior dificuldade de recuperar e usar as informações e os conhecimentos disponíveis. No caso pessoal, isso se manifesta no fenômeno "sei que está lá, mas não consigo me lembrar". Quer ver exemplos? De quantas piadas que já ouviu, só as boas, você consegue se lembrar? Você sabe que já ouviu muitas e riu muito delas, mas onde estão? Às vezes alguém conta uma que lhe serve de estímulo, de "link" para a lembrança. Isso é um padrão: quando nossos conhecimentos estão desorganizados, precisamos de estímulos ou ganchos para ativar sua lembrança. Quando não há nenhum estímulo ou pista, aí é que dá aquele "branco". Para verificar e validar essa afirmação, experimente ler o estímulo seguinte e perceber o que ele ativa em você: Uma pessoa que fez diferença para melhor em minha vida e da qual eu tinha me esquecido. Note que não é o caso de você ter esquecido, é mais apropriado afirmar que você não está se lembrando. O que precisamos então é de um recurso que nos permita organizar melhor nossas memórias e ativá-las, quando for o caso, de uma forma útil. Os mapas mentais servem para isso. Assim como uma ferramenta comum estende sua capacidade física, os mapas mentais estendem a sua inteligência, permitindo que você enriqueça e organize melhor tudo que há nesse seu imenso e rico universo interior e assim aprenda, memorize, avalie e decida melhor. O que você vai organizar depende do que quer: piadas, conteúdo escolar, compras, listas de verificação (checklists), experiências prazerosas, experiências de superação de obstáculos, roteiro de apresentações, você escolhe (veja adiante uma lista mais abrangente de usos de mapas mentais). 3. Benefícios e vantagens de mapas mentais Em geral fazemos coisas pelos benefícios que elas proporcionam a nós mesmos ou a outras pessoas. Você já viu o mapa mental dos benefícios e efeitos que José Maria percebeu; veja aqui uma lista mais completa e dividida em benefícios pessoais, para grupos e times e para toda uma coletividade. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

8 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 7 Benefícios pessoais Materiais 1) Redução significativa do volume físico de papel relativo a notas e material de estudo. 2) Redução significativa do tempo de planejamento, elaboração e revisão de tarefas escritas. 3) Redução significativa do tempo requerido para planejamento, elaboração e preparação de apresentações. 4) Facilidade excepcional para reestruturar qualquer coisa que tenha uma estrutura. 5) Melhoria da qualidade de produtos com conteúdo lingúístico em geral, por conduzirem a boa organização, encadeamento e integração. Para produtos existentes, evidenciam problemas de estrutura, como na seqüência e interseções de conteúdo entre partes. 6) Em geral, possibilitam um aumento da produtividade e da competência. Pensamento 7) Facilitam a memorização e a lembrança por serem organizados, conter imagens e somente idéias essenciais. 8) Desenvolvem a busca e a percepção de múltiplos aspectos do um assunto ou situação. 9) Estimulam a visão de uma idéia em um contexto mais amplo, ao invés de isolada, proporcionando uma compreensão mais abrangente e equilibrada. 10) Desenvolvem a objetividade, filtrando idéias que não se encaixam no todo ou que não são essenciais. 11) Desenvolvem a habilidade de organizar conhecimentos, que é crítica face à quantidade deles com que muitas vezes temos que lidar. 12) Facilitam a aplicação do conhecimento, por serem uma representação mais próxima da que é utilizada mentalmente. 13) Fornecem uma estrutura organizada para integração de novos conhecimentos. 14) Desenvolvem as habilidades tanto de síntese quanto de análise, incluindo a estruturação de tópicos em categorias. 15) Desenvolvem a habilidade de pensar por relações, uma das bases do pensamento sistêmico. 16) Estimulam a liberdade de pensamento e consequentemente a criatividade, porque o brainstorm, ou livre fluxo de idéias, é parte da cultura dos mapas mentais e previsto pelos programas de mapas mentais. 17) Fornecem uma estrutura para o não-saber, ou seja, as partes estruturais do mapa (variáveis) que ainda não tem conteúdo, definindo para a pessoa com precisão o que ela sabe e o que não sabe. Emocionais 18) Reduzem ou eliminam o estresse causado por excesso de informação e de atividades, e pela sua desorganização. 19) Por serem visuais e coloridos, são mais atraentes e despertam maior interesse, em particular dos mais jovens, tornando-os mais receptivos e cooperativos. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

9 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 8 20) Mantém a pessoa no controle dos seus processos criativos e analíticos e de grandes quantidades de informação, com conseqüente maior previsibilidade dos resultados. 21) Como decorrência, expandem em geral na pessoa o grau de segurança e tranquilidade, a auto-estima, auto-confiança e senso de capacidade, com conseqüente e natural aceitação de desafios maiores. Efeitos nas decisões 22) Maior flexibilidade, devido à visão mais ampla e completa de um assunto ou situação e à percepção de mais alternativas. 23) As decisões se tornam mais precisas e estáveis, pela consideração de mais aspectos e possibilidades. Times, grupos e turmas 24) Facilitam a comunicação em grupos, dando um foco de concordância ou divergência e colocando todas as contribuições em um contexto. 25) Treinamentos se tornam mais efetivos, seja pela boa estruturação do conteúdo, pela facilidade de estudo e revisão, seja pela melhor comunicação do instrutor. 26) Facilitam a coordenação dos integrantes por meio de melhor e mais fácil divisão de tarefas, dentro de uma visão global, aumentando a probabilidade de que as metas do grupo sejam atingidas. Sociedade 27) Facilitam o compartilhamento de conhecimento, pela distribuição de mapas mentais. 28) A mudança de atitudes individuais proporcionada pelos mapas mentais, a longo prazo e por efeitos sistêmicos acelerados pela internet, pode impactar significativamente todo um país, na medida que uma massa crítica de pessoas em casa, nas escolas e nas empresas incorporar às suas capacidades novas formas de perceber, pensar e decidir, conduzidas e apoiadas por essa poderosa ferramenta. 4. Como usar mapas mentais Uma vez que você disponha de uma mapa mental, a maneira de usá-lo varia conforme a finalidade. Uma primeira diretriz para quando você for olhar um mapa mental pela primeira vez é: Não olhe para todo o mapa de uma só vez! Olhe para o tópico central, certifique-se de que entende o contexto do mapa. Depois olhe os tópicos de primeiro nível, dando-se um tempo para criar uma visão geral desse nível. Só depois passe aos níveis mais detalhados. Alguns mapas mentais com conteúdo novo para você podem requerer, para que sejam bem compreendidos, que você obtenha informações da fonte original, como um livro ou artigo. Veja a seguir alguns usos e respectivas sugestões de estratégias. Para planejamento No caso de eventos, como festas, quando for escolher o que vai ter ou acontecer, simplesmente olhe o mapa mental e faça suas escolhas. Outra maneira é fazer o seu planejamento normalmente e usar o mapa mental depois, como uma lista de verificação, para completar ou enriquecer o que já fez. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

10 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 9 Para memorização e lembrança Se seu propósito é memorizar, para que você se lembre o mapa mental deve estar acessível e estável em sua mente, como por exemplo no caso em que você vai ministrar uma aula ou palestra ou ainda fazer uma prova. Pela praticidade de um mapa mental, você pode aproveitar até momentos potencialmente improdutivos para fazer isto, como ônibus, filas e outras esperas. Se você não quer exatamente memorizar um mapa mental, mas sim se lembrar de algo quando achar apropriado, pode imprimir o mapa e carregá-lo na bolsa, pasta ou carteira. Isto se aplica, por exemplo, para piadas: na ocasião, "saque" o mapa e disfarçadamente consulte a próxima. Para aprendizagem Talvez você se lembre de algum assunto que conhece bem porque leu sobre ele, respondeu perguntas, discutiu com alguém, questionou, enriqueceu, validou... Creio que essa é a melhor maneira de aprender algo: aplicar esse algo para algum propósito e conviver, ter experiências com o conteúdo. Quando sabemos algo bem, tipicamente temos modelos mentais ricos sobre esse algo, resultado de experiências variadas. Assim, elaborar um mapa mental de um conteúdo já é um passo na direção de aprender esse conteúdo. Revisá-lo, criticamente ou não, mais um. Usar o mapa para algum propósito prático é outro grande passo. Apresentar o mapa para alguém, mais outro. Cada experiência consolida um pouco mais seu aprendizado, que tem um começo mas nunca terá um fim, porque sempre se pode descobrir e aprender algo a mais sobre qualquer coisa. 5. Mapas mentais para você usar Você não precisa saber elaborar mapas mentais para se beneficiar deles. O site Mapas Mentais tem dezenas de modelos prontos para você usar, e novos modelos estão sendo continuamente publicados. Vamos ver alguns deles. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

11 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 10 Piadinhas Quem nunca esqueceu uma boa piada? Podemos usar um mapa mental para nos lembrar das nossas melhores. Mesmo se o mapa não estiver memorizado, podemos andar com ele na carteira e colar. Veja este exemplo de piadinhas horríveis (fornecidas pela Profa. Ana Luisa Miranda Célula O que disse ao barbeiro? Porque foi ao analista? Mi-tose! estava com Complexo de Golgi Cupinzinho Manhê, me traz um cupim d água? Pedidos à mãe Microbinho Mãe, microbi! Piadinhas Enzimas Como se reproduzem? Uma enzima da outra Elétron Como atende ao telefone? Próton! Cromossomos O que um disse ao outro? Cromossomos felizes! Poderíamos ter feito um mapa com as piadas inteiras, mas isso não é necessário, bastam os pontos essenciais, o resto a gente bola na hora. Por exemplo (interprete e faça mímicas para causar mais efeito): - O que a célula disse ao barbeiro? - Mi-tose! - Como o elétron atende ao telefone? - Próton! - O que o cupinzinho pediu à sua mãe? - Manhê, me traz um cupim d água? Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

12 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 11 Churrasco Na minha experiência, quem organiza um churrasco quase sempre esquece alguma coisa: ora é o guardanapo, ora a taboa de fatiar, tem gente que esquece até espetos. E ficam telefonando para quem ainda não foi para levar ou, pior, alguém tem que sair para ir buscar. Um mapa mental resolve o problema, desde que o organizador tenha a humildade de pelo menos dar uma olhada! CDs ratear limpar devolver lavar Fazer depois Fazer antes local reservar quem traz o quê comprar convidar temperar gelar caderno de músicas! espetos grelhas sal grosso completo para aves limão churrasqueira acendedor guardanapos palitos carvão táboa de carne condimentos papel alumínio Diversões Para servir Para preparar Churrasco Alimentos picanha boi maminha cupim lombinho porco costela bisteca linguiça Carnes frango asa coxinha coração linguiça outros variados carneiro peixe bacon cerveja refrigerantes água Bebidas outras arroz feijão tropeiro Guarnições farofa vinagrete queijo Complementos pães frutas cebola Note como o mapa mental pode funcionar como um organizador e inspirador de possibilidades. A partir dele, você vai fazer suas escolhas, ou seja, o que quer que tenha e aconteça no churrasco. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

13 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 12 Lista de compras Que tal ter uma lista com os itens a comprar em uma só página, organizados em categorias? Veja uma versão parcial; a completa está disponível no site. Enlatados Frios Condimentos Pratos prontos Sorvete Doces Tira-gostos Pipoca Creme dental Escova de dentes Desodorante Papel higiênico Sabonete Cotonete Xampu Para barbear Absorvente Condicionador Alimentos Prazer Higiene Lista de compras (parcial) Casa Limpeza Manutenção Cozinha Lavanderia Cera Álcool Limpa-vidros Lustra-móveis Desinfetante Vassoura etc Saco de lixo Panos Lâmpadas Velas Esponja Detergente Sabão em pedra Limpador Toalha de papel Fósforos Papel alumínio Sabão Amaciante Removedor Água sanitária Este mapa poderia ter sido estruturado de outra maneira, como por exemplo seguindo a organização do supermercado. Em geral essa possibilidade de se ter várias estruturações está disponível para todos os mapas, o que será melhor depende de como será usado e das preferências da pessoa. Lembra-se do mapa de coisas a fazer do José Maria? Ao invés de segmentá-lo no primeiro nível por carro, casa e dinheiro, esse nível poderia ser por prioridades: 0, 1, 2, etc. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

14 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 13 Como dar nós em gravatas Experimente dar um nó em uma gravata seguindo as instruções abaixo: - Passe a ponta grossa pela frente e dê a volta por trás. - Pegue a ponta grossa e passe (pela frente) por cima do nó. - Cruze toda a frente e... - Passe (por trás) por cima do nó e... - Passe por entre o nó e dê um ligeiro aperto. Agora observe o mapa mental a seguir e perceba a diferença. Sem contar que você pode imprimir a página e pendurá-la à sua frente, com toda a praticidade. aperte um pouco Esportivo (Four-in-hand) o mais fácil visual mais descontraído colarinhos mais estreitos Uso golas pontudas Nós em gravatas Clássico (Windsor) o mais gordo camisas com colarinhos largos Uso gravatas de tecidos mais leves Semi-clássico (semi-windsor) Uso ponta larga bem comprida camisas de colarinho padrão nem largo nem estreito gravatas de seda ou de outro tecido leve Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

15 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 14 Preposições de inglês Se você conhece inglês, sabe que as preposições podem ser um tópico dos mais difíceis de aprender. Veja um exemplo de mapa mental para apoiar o aprendizado desse tema (parcial). Place My car is AT the house Point - AT Destination We arrived AT the house Direction The dog jumped AT my face Prepositions: Location (parcial) There's a new roof ON the house The frost made patterns ON the window Surface - ON Three players are playing ON the field Our house is ON Third Street 6. Aplicações por área de atuação Existem muitas (mesmo) possibilidades para se usar mapas mentais. Veja aqui uma lista parcial, organizada por área de atuação. Qualquer pessoa - Organização pessoal e autoconhecimento - Nossas experiências muitas vezes ficam desorganizadas e portanto nem tão produtivas. Com relação à experiência, imagine ter mapas mentais com todas as suas vitórias e conquistas? Ou com os obstáculos que já superou? Que tal ter um mapa mental organizando todos os tipos de prazeres saudáveis de que você já usufruiu? Você pode ter mapas mentais pessoais de experiências, objetivos de longo, médio e curto prazos, história pessoal, forças e oportunidades de melhoria - não há limites para as possibilidades. - Solução de problemas - Um mapa mental pode registrar aspectos variados do problema: objetivos, soluções possíveis, critérios a serem aplicados para decisão, possíveis impactos, custos e benefícios e outros. Um mapa mental permite que se tenha uma visão abrangente dos fatores relevantes de um problema a um só olhar. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

16 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 15 - Planejamento pessoal Já mostramos um exemplo de lista de coisas para fazer. O planejamento pessoal pode ser feito e controlado em formatos variados, como semanal, por tipo de ação, por prioridade. Donas e donos de casa - Orçamento doméstico (exemplo mostrado). - Lista de compras (idem). - Controle informal de despensa. - Lista de verificação de faxina: quarto, cozinha, sala, etc., e respectivos detalhamentos. Empresários - Ter sempre à mão mapas mentais com os vários aspectos do seu negócio. Nada pior do que tomar uma decisão e esquecer algum fator importante. - Lista de atividades e pendências. Estudantes e aprendizes - Transformar a matéria a estudar em mapas mentais e estudar por eles, voltando ao material somente se for preciso. - Preparar o andamento de um seminário ou apresentação usando um mapa mental. Memorizálo para garantir que não vai se perder. - Em projetos, como feira cultural, mapas mentais podem apoiar na definição e organização do conteúdo, no planejamento e divisão das tarefas, na preparação para a apresentação e na apresentação propriamente dita. Grupos e times - Definir um mapa mental como um dos produtos a serem gerados pelo grupo. O mapa concentra o foco do grupo, definindo mais claramente consensos e discordâncias. - Planejamento, divisão e controle de tarefas. Líderes - Elaborar um mapa mental dos aspectos da liderança com que tem que se ocupar: subordinados, diretrizes da empresa, recursos materiais, atividades de rotina e eventuais, pendências, urgências, etc. Para cada um, registrar as ações previstas e pendências. - Em reuniões, preparar a pauta segundo um mapa mental. Distribuir o mapa previamente aos participantes. Durante a reunião, situar os participantes fazendo referência ao mapa. - Em preleções, usar uma mapa mental, ilustrado ou não. Se você já viu algum líder falar por vários minutos e pouco reteve do que ele disse, vai perceber logo o valor disso. - Manter mapas mentais sobre subordinados, contendo acontecimentos, características observadas, competências e outras coisas relevantes. Professores - Elaborar mapas do conteúdo para uso próprio e para passar para os alunos. Alternativamente, solicitar que eles elaborem os mapas. Pode ser melhor não apresentar novas matérias tendo como base apenas um mapa mental, porque pode ficar muito monótono. Uma opção de estratégia é Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

17 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 16 apresentar primeiro um mapa de primeiro nível, para dar uma visão geral, e depois ir mostrando detalhamentos. O mapa mental atua como o elo, o fio que integra o conteúdo. - Fazer o planejamento de aula usando um mapa mental. Se você está ministrando o curso pela primeira vez e não tem um plano, pode elaborar um mapa para o conteúdo; os primeiros níveis vão constituir-se no conteúdo do plano de curso, e os níveis mais detalhados farão parte do plano de unidade ou aula, dependendo da estrutura de planejamento que você esteja adotando. - Elaborar um mapa dos aspectos envolvidos na docência: conteúdo, estratégias, oratória, posicionamento, ética, etc.). Com um desses, um professor você pode ter uma visão geral do que está envolvido em sua profissão (que não é pouco) e distinguir pontos fortes e oportunidades de melhoria. Publicitários - Fazer brainstorm usando um programa para mapas mentais. - Representar e apresentar a estrutura de uma campanha com um mapa mental. - Usar mapas mentais como um recurso visual em campanhas. Redatores e escritores - Elaborar um mapa mental do texto ou publicação antes de redigi-lo. Todos sabemos quanto pode custar a reestruturação de um texto já bem andado. - Para textos já elaborados, fazer um mapa mental pode indicar melhorias na estrutura. - Registrar idéias de forma organizada e facilmente acessível. Webmasters e webdesigners - Ter um mapa mental com a estrutura de navegação do site. - Armazenar idéias e possibilidades para o site em um mapa mental, por aspecto. - Fazer o planejamento de atividades do site. 7. Mapas mentais em ação Veja nesta seção alguns casos concretos de aplicação dos mapas mentais. Economia de 11 milhões de dólares No livro The Mind Map Book, Tony Buzan conta que um manual de engenharia da Boeing Aircraft foi condensado em um mapa mental de 25 pés (cerca de 8 m) de comprimento, para permitir que um time de 100 engenheiros aeronáuticos aprendesse em poucas semanas o que normalmente levava anos. O resultado foi uma economia estimada em 11 milhões de dólares. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

18 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 17 Controlando o quase incontrolável Como editor, webmaster e faz-tudo do site Mapas Mentais, tenho um bocado de coisas feitas, a fazer e idéias, e o que há para fazer é muito mais do que o já feito. Para você ter uma idéia, neste momento em que escrevo, contei: - Modelos de mapas mentais prontos para publicação: 7 - Modelos de mapas mentais em fases variadas de elaboração: 20 - Novas seções de modelos previstas: 14 - Idéias para temas de modelos: 44 - Idéias para artigos, tutoriais, dicas e outros: 22 - Softwares avaliados aguardando redação: 2 - Apostilas: esta sendo finalizada e 2 em fase de mapa mental - Treinamentos planejados: 1 palestra, 3 básicos e 2 de aplicação - Newsletter a redigir: 1 a cada 15 dias Isso é muito dinâmico, e muda várias vezes ao dia. Para manter tudo sobre controle, tenho uma pasta para o site, dentro desta uma subpasta e nesta os mapas mentais de planejamento. Tenho um mapa central ou master, a partir do qual navego pelos demais. Veja um esboço dele; na verdade, é bem maior, a intenção aqui é mostrar os elementos estruturais. Sugira um tema Envie um mapa Comercial Newsletter Visibilidade Interação Plan MM Modelos Matérias Treinamento Site Recursos O ícone redondo indica que há um hyperlink para outro mapa mental, um site web ou um documento qualquer (no caso, só outros mapas mentais). Como filho do tópico Treinamento, tenho um link para um documento do Word. Em alguns casos, tenho links para sites da Web que contém material para algum modelo. Eu abro cada link com um simples clique. Quando clico no tópico principal Modelos, vejo algo assim: Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

19 INTRODUÇÃO AOS MAPAS MENTAIS 18 Como exportar Roteiro de importação Pressuposições Datas e horas Vírgula Se Negócios PNL Português Mapas mentais: Temas Aparência Criatividade Nó em gravata Resolução de problemas Os seis chapéus Objetivos bem formulados Kids Bichos simpáticos Liderança Matemática O Gerente-minuto Liderança situacional Fórmulas de áreas Para cada seção de modelos do site, nova ou planejada, tenho um tópico para cada modelo em elaboração ou idéia para algum. O ícone redondo indica que há um arquivo já criado para aquele tema. Sua ausência indica uma idéia para um modelo. Cada subtópico pode ter legendas, pequenos ícones que indicam se o respectivo mapa mental está pronto e se já está preparado para publicação. Este mapa terá que ser segmentado, porque já não consigo imprimi-lo em uma folha. E assim vai: tenho um mapa mental para a área comercial e outro para matérias. Eles são muito práticos, pela visão geral que tenho e pela facilidade de navegação. Por exemplo, um dos modelos em elaboração tem dois mapas mentais, um documento do Word e uma figura em outro programa, e todos os links ficam juntos. Dessa forma, e como gosto de, antes de publicar qualquer coisa, deixá-la de lado algum tempo, amadurecendo (a etapa de incubação, usada em criatividade), fica muito conveniente passear pelos mapas, alterando, revisando ou jogando fora uma parte ou até mesmo o todo. 8. Seus próximos passos Espero que você já esteja convencido do valor dos mapas mentais, e queira desfrutar mais das vantagens de usá-los. Se você decidir investir mais nessa incrível ferramenta, uma boa opção prática e didática é usar nossos modelos prontos. O site Mapas Mentais tem dezenas de modelos como os que foram apresentados aqui, organizados em categorias, como Aparência, Eventos, Inglês, Lazer, Português, Programação, Software e várias outras. Você pode preferir elaborar seus próprios mapas mentais, à mão ou usando um programa. Para isso há uma grande gama de possibilidades, como mostrado na seção anterior. No site Mapas Mentais você vai encontrar indicações de software, incluindo um gratuito (embora limitado), um roteiro para elaboração, dicas e recursos de apoio e enriquecimento. Você também fica sabendo de notícias, cursos e eventos ligados a mapas mentais através da agenda, e pode interagir com outros adeptos através do nosso fórum. Uma terceira opção que você tem é usar nossos serviços de elaboração, revisão crítica ou consultoria. Podemos elaborar um mapa mental de que você esteja precisando, podemos ajudá-lo a acertar ou aperfeiçoar um mapa mental ou algo que esteja estruturado hierarquicamente, como um organograma, ou você pode ainda usar nossa experiência como consultoria para acelerar seu aprendizado e a obtenção de resultados. Os mapas mentais estão no futuro das escolas, das empresas e de qualquer um que estiver aprendendo. Você está convidado a participar da concretização desse futuro desde já. Original do site Mapas Mentais Virgílio Vasconcelos Vilela

20

21

22

23 Versão 1 - Setembro/ Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela Confeccionado com o InteliMap (www.intelimap.com.br) Fonte principal: (com adaptações). Veja ótima matéria sobre metonímia em

24 Acabados Em elaboração Salários indiretos Manutenção Energia Estoques de produtos Estimativa de mão-de-obra Estimativa de matérias -primas Gastos gerais de produção Produção Vendas Estimativas de quantidades mensais trimestrais quadrimensais anuais Compras Estoques de matérias-primas Depreciação Fluxo de caixa Demonstração de resultado Balanço Patrimonial Provisões Projeções Orçamento Empresarial Integrado Custos comerciais Marketing Estimativa de vendas Salários dos vendedores Comissão sobre as vendas Transportes Seguros Assistência a clientes Juros Perdas eventuais Outras despesas gerais Outras despesas Publicidade Institucional Comercial Conteúdo por Dante Casanova Júnior. Mapa mental por Virgílio Vasconcelos Vilela - Versão 1, Fev/03

25 Médicos Dentista Remédios Academia Saúde Alimentação Supermercado Feira Açougue Padaria Comida por quilo Lanches Combustível Manutenção Prestações Seguro Multas Carro Cuidados pessoais Pés e mãos Cabelos Pele Relax Ônibus Metrô Táxi Público Transporte Escola regular Línguas Homem Mulher Criança Homem Mulher Criança Roupas Calçados Vestir Orçamento familiar Educação Outros cursos Publicações Clube Cinema e vídeo Restaurantes Publicações Provedor Telefone Cartuchos Internet Computador Lazer Viagens e passeios Festas Teatro Juros Anuidade Imposto de renda Cartão de crédito Dinheiro Caridade Presentes Animais Outros Moradia Conteúdo baseado em (enriquecido) Versão 1, 2/10/ Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela Aluguel/prestação Condomínio Contas Manutenção Empregada Água Energia Gás Telefones Consertos Melhorias

26 álbum / álbuns item / itens jovem / jovens -m +ns M Vogal ou ditongo +s vitória / vitórias saci / sacis chapéu / chapéus freguês / fregueses cais / cais repórter / repórteres deus / deuses amor / amores junior / juniores sênior / seniores caráter / caracteres ás / ases Exceção pires atlas tênis lápis hífen / hífens pólen / pólens + es Exceção oxítonas: +es outras: invariável +s R, Z S N Gramática: Plural dos substantivos simples ÃO +s -ão +ões -ão +ães mais de um cidadão / cidadãos cristão / cristãos irmão / irmãos ilusão / ilusões questão / questões bonitão / bonitões sensação / sensações pão / pães escrivão / escrivães capelão / capelães ancião / anciãos, anciões, anciães vilão / vilãos, vilões, vilães pião / piões, piães, piãos cirurgião / cirurgiões, cirurgiães anão / anões, anãos verão / verões, verãos vulcão / vulcões, vulcãos pãozinho / pãezinhos mulherzinha / mulherezinhas alemãozinho / alemãezinhos tórax fênix Invariáveis base é o plural normal sem o s X ZINHO al, el, ol, ul -l + is animal / animais canal / canais túnel / túneis anel / anéis anzol / anzóis álcool / álcoois paul / pauis arredores calças costas férias hemorróidas núpcias óculos olheiras parabéns trevas Só usados no plural Fontes: Mauro Ferreira, Aprender e Praticar Gramática (FTD) - Versão 1, 13/12/ Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela L il Exceções oxítona: -l +s mal / males paroxítona: -il + eis cônsul / cônsules mel / méis, meles barril / barris cantil / cantis projetil / projetis projétil / projéteis réptil / répteis

27 Porque Conjunção explicativa ou causal pois uma vez que Substituível por Exemplos já que porquanto pelo fato de que como "Porque a onça caça à noite é difícil registrar seus hábitos." "Não foi ao treino porque não se sentia bem." Português: Porque, por que... Por que Preposição + pronome interrogativo ou relativo Equivale a por qual razão por qual motivo perguntas diretas e indiretas "Sabes por que ela não veio?" Uso em frases afirmativas/negativas e exclamativas "Vamos verificar por que as vendas estão caindo." "Sinceramente, não sei por que ela não veio." "Se pago, quero saber por que (motivo) pago." em títulos de obras/artigos "Por que parar de fumar" Por quê "que" passa a ser tônico em final de frase Ponto final Acentue o "que" antes de Interrogação Exclamação "Obrigado. - Não há de quê." "Ela é especial, sabes por quê?" Porquê Substantivo masculino "Não entendo o porquê da rejeição" Pluralizável "É difícil achar respostas para todos os nossos porquês" Motivo Causa Sentido Razão Indagação Conteúdo baseado em (coluna 37) Versão 1, 22/09/ Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela

28 under above, below beneath, among nearby inside beside, behind ahead of / in front of from across through against off along within around Relative position Relative movement Limits Spatial relationship Este símbolo indica um mapa mental correspondente: Time/ verbs IN INTO IN / INTO Movement toward the interior of something Prepositions: Summary TO TOWARD TO Physical destination Purpose Permission Communication Orientation toward a goal Direction Location ON / ONTO ON Movement toward a surface Conteúdo de Versão 1, 15/10/ Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela Time One point Extended To introduce objects of verbs precise time days parts of the day months years seasons AT OF FOR ON since for by from-to IN from-until during with(in) OF or ABOUT Place Destination Direction Point - AT Surface - ON Area/volume - IN (enclosed) AT IN

29 He's hiding UNDER the table writing BELOW the line writing ABOVE the line He is AMONG the trees He sat BENEATH the tree a tree NEARBY the house He is INSIDE the house The boy is BEHIND the girl The girl is AHEAD OF/IN FRONT OF the boy The girl is standing BESIDE the boy His hat is OFF He came FROM the house He came OUT OF the house Relative movement Draw a line ACROSS the page She went THROUGH the door Relative position Prepositions: Spatial relationship She leans AGAINST the tree a lace ALONG the edge of the cloth Limits Mark only WITHIN the circle Conteúdo de Versão 2, 5/10/ Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela a circle AROUND the answer

30 Prepositions: Time/verbs Time To introduce objects of verbs One point Extended Conteúdo de Versão 1, 5/10/ Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela AT OF OF or ABOUT FOR precise time days parts of the day months, years, seasons SINCE FOR AT My plane leaves AT noon. The movie starts AT 6 p.m. ON I will see you ON Monday. IN I will see you IN the afternoon. She took a quick GLANCE AT her reflection. You didn't LAUGH AT his joke. LOOK AT the computer monitor. We REJOICED AT his safe rescue. That pretty girl SMILED AT you. Stop STARING AT me. I don't APPROVE OF his speech. My contribution to the article CONSISTS OF many pages. He came home SMELLING OF alcohol. Did someone CALL FOR a taxi? He HOPES FOR a raise in salary. I'm LOOKING FOR my keys. We'll WAIT FOR her here. Buy the tickets while I WATCH FOR for the train. I WISH FOR an "A" in this class. IN The days are long IN August. The book will be published IN The flowers will bloom IN spring. BY New president to be named BY Monday. 11 new cars will be introduced BY FROM-TO FROM-UNTIL The movie showed FROM August TO October. The decorations were up FROM spring UNTIL fall. DURING WITH(IN) She has been gone SINCE yesterday. I'm going to Paris FOR two weeks. I watch tv DURING the evening. We must finish the project WITHIN a year. Exception: a glance IN the mirror I DREAM OF / ABOUT finishing college in four years. I amthinking OF / ABOUT this problem.

31 The patient went IN Now what sort of trouble is she IN? Our new neighbours moved IN yesterday IN We'll move your brother's old bed INTO your room. What kind of trouble has she gotten herself INTO? Our new neighbors moved INTO the house next door yesterday. INTO Movement toward the interior of something Physical destination Movement toward a specific destination TO "Take me TO the airport, please" Said returned TO his apartment Bob jumped IN / INTO the pool The patient went IN / INTO the doctor's office Jean fell ON / ONTO the floor Athena climbed ON / ONTO the back of the truck usually verbs of motion IN / INTO ON / ONTO The plane landed ON the runway Sam hung the decoration ON the Christmas tree He placed the package ON the table Joanna spilled her Coke ON the rug Verbs with the idea of something being situated in a certain place ON Movement toward a surface Prepositions: Direction Orientation toward a goal Purpose Permission Communication General direction, without arriving TOWARD Conteúdo de - Versão 1, 15/10/ Autor Virgílio Vasconcelos Vilela TO TO Li Ling washed her dog (in order) TO rid it of fleas Said returned to school TO get his books "to" marks a verb and may be preceded by "in order" consent TO refuse TO TO listen TO speak TO relate TO appeal TO The plane was headed TOWARD the mountain Drive TOWARD the city limits and turn north (not tell) in the sense of 'plead'

32 There's a new roof ON the house The frost made patterns ON the window Three players are playing ON the field Surface - ON Our house is ON Third Street The children are playing IN the street (enclosed by sidewalks) Prepositions: Location Point - AT The house is IN Tippecanoe county The cows are grazing IN the field Area/volume - IN (enclosed) A face appeared IN the window Exceptions Conteúdo de Versão 2-15/10/ Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela Tom is waiting for his sister AT the bank Place Sue spent the whole afternoon AT the fair My car is AT the house We arrived AT the house Destination The waiter was AT our table immediately The policeman leaped AT the assailant Direction The dog jumped AT my face ON Possible the bus the ship the train the plane ON when in motion ON the plane (flying) IN for stationary IN the plane (awaiting takeoff)

33

34 Limites Máximo(a) permitido(a) Peso por eixo Carga Velocidade Largura Comprimento Altura Mão dupla Proibido ultrapassar Circulação exclusiva de Pedestre ande Bicicletas Ônibus pela esquerda pela direita Ordem Restrições a veículos e pessoas Proibido trânsito de Bicicletas Máquinas agrícolas Pedestres Veículos automotores Caminhões Veículos de tração animal Conserve-se à direita Veículos lentos. Use faixa da direita Parada obrigatória Dê a preferência Sinais de trânsito: Regulamentação Proibido parar ou estacionar Proibido estacionar Estacionamento Regulamentado Siga Proibido acionar buzina ou sinal sonoro em frente em frente ou à esquerda em frente ou à direita Alfândega Outras Direção Vire à direita à esquerda Proibido retornar mudar de faixa de trânsito virar à direita virar à esquerda Sentido proibido Uso obrigatório de corrente Fonte: Versão 1, 8/10/02. Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela Sentido dircular obrigatório Sentido obrigatório Passagem obrigatória

35 Eixo de referência Interno Externo proativo reativo Facilidade Afastamento Aproximação Combinação Desafio genérico específico Argumentação Visão Lógica Direção Ação Emoção Independência Cooperação Proximidade Tamanho de segmento Motivação Estilo de pensamento Estilo de trabalho PNL: Metaprogramas Tempo Direção Prazo Posição Padrão de convencimento Passado Presente Futuro Atemporal Curto Médio Longo Dissociado percebe Associado não percebe Canal Modo Visual Auditivo Cinestésico Linguístico Automático Período de tempo Todas as vezes Número de vezes o que quem onde quando como Pessoa Informação Lugar Tempo Atividade Poder Afiliação Metas Organização de informações Relacionamento Modo de comparação Abordagem de problemas e objetivos Diferença/assimetria Semelhança/simetria Realização Relacionamento Equilíbrio Metas/escolhas Procedimentos/ operações Si mesmo Fontes: Enciclopédia de PNL (www.nlpu.com); Anthony Robbins, Poder sem Limites; O'Connor e Seymour, Introdução à PNL; Gilberto Cury, Apostila do Master da SBPNL Versão 1.2, Jan/2003. Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela Outros Simples Com exceções Simples Contexto Com exceções

36 Ancorar Identificar situações em que o estado é desejado Levar o círculo a cada situação 10) Ponte ao futuro Finalidade Estados de ótima performance Enriquecer Reacessar Descobrir padrões físicos e cognitivos próprios e de outros Se necessário Até ficar fácil e puro 9) Repetir 1) Definir estado desejado Definir recurso "Criatividade" 2) Buscar experiência de referência Identifique situação onde experimentou o recurso Tempo específico Entrar no círculo 8) Testar Círculo imaginário no chão Velocidade? Intensidade? Sair do círculo Sair do estado Notar ativação do estado desejado 7) Quebrar estado PNL: Círculo de excelência 3) Definir pista Possível Símbolo Cor Som Cor Movimento Brilho Outras Visuais Sonoras Movimento Cinestésicas Em cada modalidade Olfato Paladar Modalidades Submodalidades 6) Amplificar estado Fonte: (verbete Circle of Excellence) Versão 1, 30/09/ Autor: Virgílio Vasconcelos Vilela 4) Ativar estado Entrar no círculo Reviver a experiência associado 5) Identificar padrões cognitivos e comportamentais Próprios olhos Próprios ouvidos Sensações Outros Submodalidades Metaprogramas Padrões de respiração Tensões musculares Os óbvios e os sutis Ver MMs no site

Uma ferramenta de organização, aprendizado e produtividade

Uma ferramenta de organização, aprendizado e produtividade VIRGÍLIO VASCONCELOS VILELA Tirar! Contas Lavar Revisão A FAZER Quarto Cozinha Consertar Uma ferramenta de organização, aprendizado e produtividade Versão 2.1 - Novembro/2002 www.mapasmentais.com.br INTRODUÇÃO

Leia mais

www.mapasmentais.com.br Aplicando as pressuposições da PNL com mapas mentais

www.mapasmentais.com.br Aplicando as pressuposições da PNL com mapas mentais www.mapasmentais.com.br Aplicando as pressuposições da PNL com mapas mentais Por Virgílio Vasconcelos Vilela Master Practitioner/Trainer em PNL As pressuposições são as verdades ou princípios dos quais

Leia mais

Mapa Mental Mapa Mental feito com o software Minjet MindManager Pro

Mapa Mental Mapa Mental feito com o software Minjet MindManager Pro Mapa Mental Mapa Mental feito com o software Minjet MindManager Pro O melhor método de anotações é o denominado Mapa Mental, criado e divulgado pelo psicólogo inglês Tony Buzan. Ele mostrou que, utilizando

Leia mais

Preposições em Inglês: www.napontadalingua.hd1.com.br

Preposições em Inglês: www.napontadalingua.hd1.com.br Preposições na língua inglesa geralmente vem antes de substantivos (algumas vezes também na frente de verbos no gerúndio). Algumas vezes é algo difícil de se entender para os alunos de Inglês pois a tradução

Leia mais

Iniciação à PNL. www.cursosbrasil.com.br. Produção. Parte 2. Jimmy L. Mello. www.brasilpnl.com.br. www.brasilpnl.com.br

Iniciação à PNL. www.cursosbrasil.com.br. Produção. Parte 2. Jimmy L. Mello. www.brasilpnl.com.br. www.brasilpnl.com.br Serie: Cursos Profissionalizantes Brasil PNL Formação em "Programação neurolingüística" (PNL) Curso Gratuito Produção www.cursosbrasil.com.br Iniciação à PNL Parte 2 Jimmy L. Mello Distribuição gratuita

Leia mais

Como dizer quanto tempo leva para em inglês?

Como dizer quanto tempo leva para em inglês? Como dizer quanto tempo leva para em inglês? Você já se pegou tentando dizer quanto tempo leva para em inglês? Caso ainda não tenha entendido do que estou falando, as sentenças abaixo ajudarão você a entender

Leia mais

Inglesar.com.br Aprender Inglês Sem Estudar Gramática

Inglesar.com.br Aprender Inglês Sem Estudar Gramática 1 Sumário Introdução...04 O segredo Revelado...04 Outra maneira de estudar Inglês...05 Parte 1...06 Parte 2...07 Parte 3...08 Por que NÃO estudar Gramática...09 Aprender Gramática Aprender Inglês...09

Leia mais

Britannica Escola Online. Manual de Treinamento

Britannica Escola Online. Manual de Treinamento Britannica Escola Online Manual de Treinamento 1 ÍNDICE Conhecendo a Britannica Escola Online...3 Como Acessar a Britannica Escola Online...3 Página Inicial da Britannica Escola Online...4 Área de Pesquisa...4

Leia mais

Inglês com Inglesar Jota Filho

Inglês com Inglesar Jota Filho Inglês com Inglesar Jota Filho Aula Prática Parte 5 Texto em Inglês: Reddy Fox He was afraid that he would fall through into the water or onto the cruel rocks below. Granny Fox ran back to where Reddy

Leia mais

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Escola de Tempo Integral Experiências Matemáticas 7º ANO (6ª série) SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Este é um material em construção que contém os capítulos de apoio das atividades

Leia mais

Como criar. um artigo. em 1h ou menos. Por Natanael Oliveira

Como criar. um artigo. em 1h ou menos. Por Natanael Oliveira Como criar um artigo em 1h ou menos Por Natanael Oliveira 1 Como escrever um artigo em 1h ou menos Primeira parte do Texto: Gancho Inicie o texto com perguntas ou promessas, algo que prenda atenção do

Leia mais

Jovens do mundo todo Conheça outras culturas

Jovens do mundo todo Conheça outras culturas 5 a a 8 a séries Ensino Fundamental Jovens do mundo todo Conheça outras culturas Softwares Necessários: Microsoft Encarta 2000 Internet Explorer 5,0 Microsoft Publisher 2000 Microsoft Word 2000 Áreas:

Leia mais

Comece o quanto antes! Logo que receber seu kit Mary Kay, experimente todos os produtos, pratique em você mesma. Inclua tudo na sua rotina diária.

Comece o quanto antes! Logo que receber seu kit Mary Kay, experimente todos os produtos, pratique em você mesma. Inclua tudo na sua rotina diária. POR ONDE COMEÇAR??? 1. Comece o quanto antes! Logo que receber seu kit Mary Kay, experimente todos os produtos, pratique em você mesma. Inclua tudo na sua rotina diária. Vai ganhar confiança, aprender

Leia mais

POSTER ACTIVITIES 1 - FAMILY 3 SCHOOL OBJECTS 2 COLORS

POSTER ACTIVITIES 1 - FAMILY 3 SCHOOL OBJECTS 2 COLORS POSTER ACTIVITIES As atividades apresentadas a seguir podem ser aplicadas ao conjunto de pôsteres referentes à coleção Dream Kids. Cabe ao professor adequar as atividades às unidades de cada livro ou utilizá-las

Leia mais

Alexandre Bortoletto ÂNCORAS MUSICAIS. São Paulo

Alexandre Bortoletto ÂNCORAS MUSICAIS. São Paulo Alexandre Bortoletto ÂNCORAS MUSICAIS São Paulo 2001 2 Alexandre Bortoletto ÂNCORAS MUSICAIS Artigo publicado nas mídias brasileiras entre jornais, revistas e internet sobre o tópico âncoras com abordagem

Leia mais

O Paradigma da nova liderança

O Paradigma da nova liderança O Paradigma da nova liderança Robert B. Dilts Um dos mais importantes conjuntos de habilidades Um dos mais importantes conjuntos de habilidades necessárias num mundo em transformação são as habilidades

Leia mais

O GUIA PARA SEU PLANO DE ESTUDO FLEXÍVEL NÍVEIS INTERMEDIÁRIOS

O GUIA PARA SEU PLANO DE ESTUDO FLEXÍVEL NÍVEIS INTERMEDIÁRIOS O GUIA PARA SEU PLANO DE ESTUDO FLEXÍVEL NÍVEIS INTERMEDIÁRIOS BEM-VINDO Aprender inglês é um desafio, mas descobrir como aprimorá-lo não deve ser a parte mais difícil nesse processo! Anos de pesquisa

Leia mais

Gerenciamento de informações eletrônicas

Gerenciamento de informações eletrônicas Fernando Andrade Aprenda rápido Gerenciamento de informações eletrônicas Metodologia para inserir nomes de arquivos e estruturar pastas, gerenciamento de contatos, e-mails e idéias, programas de busca

Leia mais

Lição 27: Preposições de direção. Como usar preposições de direção.

Lição 27: Preposições de direção. Como usar preposições de direção. Lesson 27: Prepositions of Direction (from, to, into, onto, away from) Lição 27: Preposições de direção Como usar preposições de direção.. Reading (Leituras) I come from Austria. ( Eu venho da Áustria.)

Leia mais

EQUIPES DE SUCESSO E MOTIVADAS COM PNL (PROGRAMAÇÃO NEURO LINGUISTICA)

EQUIPES DE SUCESSO E MOTIVADAS COM PNL (PROGRAMAÇÃO NEURO LINGUISTICA) EQUIPES DE SUCESSO E MOTIVADAS COM PNL (PROGRAMAÇÃO NEURO LINGUISTICA) Alan Martins REDE DE COLABORAÇÃO VISÃO OPERACIONAL AREA A AGRADAR Proporcionar aos Clientes e parceiros as melhores experiências.

Leia mais

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Índice Como acessar o Moodle Editando seu PERFIL Editando o curso / disciplina no Moodle Incluindo Recursos

Leia mais

Conquistando Clientes Técnicas de Abordagem

Conquistando Clientes Técnicas de Abordagem Conquistando Clientes Técnicas de Abordagem 03 Conquistando Clientes Conheça seu Cliente Conheça o Cartão Tricard Simulação de Abordagem 08 11 15 21 Documentação necessária 02 Conquistando Clientes Neste

Leia mais

Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Leonardo da Vinci

Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Leonardo da Vinci MATEMÁTICA - ENEM 1 2 Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Leonardo da Vinci CARO ALUNO Não existem limites para a educação a distância. Seus desafios são os mesmos da educação

Leia mais

CONHECENDO O AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Moodle - Learning Management System Versão 1.3

CONHECENDO O AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Moodle - Learning Management System Versão 1.3 CONHECENDO O AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Moodle - Learning Management System Versão 1.3 Este tutorial não tem como finalidade esgotar todas as funcionalidades do Ambiente, ele aborda de forma prática

Leia mais

Daniela Albano 1 ; Larissa Leite 1 ; Antônio José Pereira 2

Daniela Albano 1 ; Larissa Leite 1 ; Antônio José Pereira 2 A CONTRIBUIÇÃO DO USO CONSCIENTE DOS MOVIMENTOS OCULARES LATERAIS PARA A MELHORIA DO RENDIMENTO ESCOLAR DE ALUNOS DO ENSINO MÉDIO INTEGRADO AO ENSINO PROFISSIONALIZANTE Daniela Albano 1 ; Larissa Leite

Leia mais

Diagnosticando os problemas da sua empresa

Diagnosticando os problemas da sua empresa Diagnosticando os problemas da sua empresa O artigo que você vai começar a ler agora é a continuação da matéria de capa da edição de agosto de 2014 da revista VendaMais. O acesso é restrito a assinantes

Leia mais

10 TÉCNICAS PARA GESTÃO COMERCIAL

10 TÉCNICAS PARA GESTÃO COMERCIAL 10 TÉCNICAS PARA GESTÃO COMERCIAL Os meses de dezembro e janeiro na maioria das empresas são marcados invariavelmente por atividades de planejamentos, orçamentos e metas para o ano novo. Para o próximo

Leia mais

Os 4 passos para ser aprovado no Exame de Certificação PMP

Os 4 passos para ser aprovado no Exame de Certificação PMP Os 4 passos para ser aprovado no Exame de Certificação PMP Andriele Ribeiro 1 Um passo de cada vez. Não consigo imaginar nenhuma outra maneira de realizar algo. Michael Jordan O alcance da certificação

Leia mais

ATENDIMENTO A CLIENTES

ATENDIMENTO A CLIENTES Introdução ATENDIMENTO A CLIENTES Nos dias de hoje o mercado é bastante competitivo, e as empresas precisam ser muito criativas para ter a preferência dos clientes. Um dos aspectos mais importantes, principalmente

Leia mais

Leitura dinâmica no SilentIdea 4.0 Apresentação

Leitura dinâmica no SilentIdea 4.0 Apresentação Leitura dinâmica no SilentIdea 4.0 Apresentação Leitura dinâmica Como ler mais rapidamente Usando o leitor do SilentIdea 4.0 Apresentação Leitura dinâmica Enquanto lê, você muitas vezes: "Ouve" cada palavra

Leia mais

Grupo Tholl. Edição especial integrante da Dissertação do Mestrado em Memória Social e Bens Culturais Nov/2014 APOIO:

Grupo Tholl. Edição especial integrante da Dissertação do Mestrado em Memória Social e Bens Culturais Nov/2014 APOIO: Grupo Tholl Edição especial integrante da Dissertação do Mestrado em Memória Social e Bens Culturais Nov/2014 APOIO: Quem sou eu? Eu inspiro as pessoas e as empresas a realizarem mudanças, de maneira que

Leia mais

Inglês Instrumental. / NT Editora. -- Brasília: 2013. 75p. : il. ; 21,0 X 29,7 cm.

Inglês Instrumental. / NT Editora. -- Brasília: 2013. 75p. : il. ; 21,0 X 29,7 cm. Autor José Ricardo Moreira Pós graduado em Literatura e autor de literatura para jovens de todas as idades, como prefere classificar as narrativas alinhadas com os grandes temas da atualidade. Em meados

Leia mais

Canais ou Sistemas Representacionais (VAC)

Canais ou Sistemas Representacionais (VAC) Canais ou Sistemas Representacionais (VAC) Exercícios de Aplicação: Exercício 1 Calibração Visual Parte 1 Vá a um local próximo de sua casa ou local de trabalho em que você possa sentar-se e ficar tranqüilo

Leia mais

Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos

Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos Dicas para você trabalhar o livro Menino brinca de boneca? com seus alunos Caro professor, Este link do site foi elaborado especialmente para você, com o objetivo de lhe dar dicas importantes para o seu

Leia mais

Afinal, O que São Gatilhos Mentais?

Afinal, O que São Gatilhos Mentais? 13 Gatilhos Mentais pra Explodir suas Vendas! Pra quem não sabe, gatilhos mentais são conceitos que aplicamos desde o primeiro contato com a lead (potencial cliente) para aumentar as chances de transformar

Leia mais

3 Truques Para Obter Fluência no Inglês

3 Truques Para Obter Fluência no Inglês 3 Truques Para Obter Fluência no Inglês by: Fabiana Lara Atenção! O ministério da saúde adverte: Os hábitos aqui expostos correm o sério risco de te colocar a frente de todos seus colegas, atingindo a

Leia mais

Pra que serve tudo isso?

Pra que serve tudo isso? Capítulo 1 Pra que serve tudo isso? Parabéns! Você tem em mãos a base para o início de um bom planejamento financeiro. O conhecimento para começar a ver o dinheiro de outro ponto de vista, que nunca foi

Leia mais

Produzindo e divulgando fotos e vídeos. Aula 1 Criando um vídeo

Produzindo e divulgando fotos e vídeos. Aula 1 Criando um vídeo Produzindo e divulgando fotos e vídeos Aula 1 Criando um vídeo Objetivos 1 Conhecer um pouco da história dos filmes. 2 Identificar a importância de um planejamento. 3 Entender como criar um roteiro. 4

Leia mais

Contando os Pontos Números Binários

Contando os Pontos Números Binários Atividade 1 Contando os Pontos Números Binários Sumário Os dados são armazenados em computadores e transmitidos como uma série de zeros e uns. Como podemos representar palavras e números usando apenas

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDOS. 3º ano 1º trimestre / 2015. Nome: Data: / /.

ROTEIRO DE ESTUDOS. 3º ano 1º trimestre / 2015. Nome: Data: / /. ROTEIRO DE ESTUDOS 3º ano 1º trimestre / 2015 Nome: Data: / /. Querido (a) Aluno (a), Elaboramos este roteiro com dicas sobre os conteúdos trabalhados no 1º trimestre e que serão abordados nas avaliações

Leia mais

Manual de Apoio ao Treinamento. Expresso

Manual de Apoio ao Treinamento. Expresso Manual de Apoio ao Treinamento Expresso 1 EXPRESSO MAIL É dividido em algumas partes principais como: Caixa de Entrada: local onde ficam as mensagens recebidas. O número em vermelho entre parênteses refere-se

Leia mais

Dicas. do professor. Eliseu Gabriel. Como estudar? Incentivar a leitura e o estudo é um ato de amor e respeito ao ser humano

Dicas. do professor. Eliseu Gabriel. Como estudar? Incentivar a leitura e o estudo é um ato de amor e respeito ao ser humano Incentivar a leitura e o estudo é um ato de amor e respeito ao ser humano Eliseu Gabriel O vereador e professor Eliseu Gabriel conseguiu aprovar uma Lei para ajudar a despertar o gosto pelo estudo e a

Leia mais

MÓDULO 2 // ORÇAMENTO FAZ O EQUILÍBRIO A PARTIR DE 18 ANOS

MÓDULO 2 // ORÇAMENTO FAZ O EQUILÍBRIO A PARTIR DE 18 ANOS MÓDULO 2 // ORÇAMENTO FAZ O EQUILÍBRIO A PARTIR DE 18 ANOS MÓDULO 2 // BATE-BOLA FINANCEIRO O Bate-Bola Financeiro é um videogame educacional desenvolvido para ajudar estudantes a entenderem melhor os

Leia mais

Sumário O Computador... 3 Desligando o computador... 5 Cuidados com o computador... 5 O Windows e as janelas... 6 O que é o Windows?...

Sumário O Computador... 3 Desligando o computador... 5 Cuidados com o computador... 5 O Windows e as janelas... 6 O que é o Windows?... 1 Sumário O Computador... 3 Desligando o computador... 5 Cuidados com o computador... 5 O Windows e as janelas... 6 O que é o Windows?... 6 Usando os programas... 7 Partes da janela:... 7 Fechando as janelas...

Leia mais

Sumário Aspectos Básicos... 3 Como Empresas usam o Facebook... 3 Introdução ao Facebook... 4 Criando um Cadastro... 5 Confirmando E-mail...

Sumário Aspectos Básicos... 3 Como Empresas usam o Facebook... 3 Introdução ao Facebook... 4 Criando um Cadastro... 5 Confirmando E-mail... FACEBOOK Sumário Aspectos Básicos... 3 Como Empresas usam o Facebook... 3 Introdução ao Facebook... 4 Criando um Cadastro... 5 Confirmando E-mail... 8 Características do Facebook... 10 Postagens... 11

Leia mais

APRENDA A COMO DUPLICAR SUAS VENDAS EM APENAS

APRENDA A COMO DUPLICAR SUAS VENDAS EM APENAS AGORA VOCÊ VAI BATER TODOS OS SEUS RECORDES DE VENDAS! APRENDA A COMO DUPLICAR SUAS VENDAS EM APENAS EXCLUSIVO PARA CONSULTORAS DE VENDAS WILLIAM MACHADO 2015 E-BOOK Versão GRATUITA Beta 1.3 ATENÇÃO! Falei

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDO - ENSINO FUNDAMENTAL AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM - I TRIMESTRE

ROTEIRO DE ESTUDO - ENSINO FUNDAMENTAL AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM - I TRIMESTRE ESCOLA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO Departamento de Coordenação Pedagógica Olinda, 06 de abril de 2015. ROTEIRO DE ESTUDO - ENSINO FUNDAMENTAL AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM - I TRIMESTRE INFORMAÇÕES: 13/04 a

Leia mais

CONTEÚDO ANUAL 2016 OBJETIVOS GERAIS:

CONTEÚDO ANUAL 2016 OBJETIVOS GERAIS: CONTEÚDO ANUAL 2016 SEGMENTO: Ensino Fundamental I SÉRIE: 1º ano OBJETIVOS GERAIS: Criar condições para o desenvolvimento integral das crianças, considerando as possibilidades de aprendizagem que apresentam,

Leia mais

Superando Seus Limites

Superando Seus Limites Superando Seus Limites Como Explorar seu Potencial para ter mais Resultados Minicurso Parte VI A fonte do sucesso ou fracasso: Valores e Crenças (continuação) Página 2 de 16 PARTE 5.2 Crenças e regras!

Leia mais

15. OLHA QUEM ESTÁ NA WEB!

15. OLHA QUEM ESTÁ NA WEB! 7 a e 8 a SÉRIES / ENSINO MÉDIO 15. OLHA QUEM ESTÁ NA WEB! Sua home page para publicar na Internet SOFTWARES NECESSÁRIOS: MICROSOFT WORD 2000 MICROSOFT PUBLISHER 2000 SOFTWARE OPCIONAL: INTERNET EXPLORER

Leia mais

SESSÃO 7: Transformando os sonhos em ação

SESSÃO 7: Transformando os sonhos em ação CURRÍCULO DO PROGRAMA SESSÃO 7: Transformando os sonhos em ação Para muita gente, os sonhos são apenas sonhos. Não levam necessariamente a ações diretas para transformar tais sonhos em realidade. Esta

Leia mais

PASSOS PARA INVESTIR ATRAVÉS DE ROBÔS COM APENAS R$ 1.000 ALEXANDRE WANDERER

PASSOS PARA INVESTIR ATRAVÉS DE ROBÔS COM APENAS R$ 1.000 ALEXANDRE WANDERER PASSOS PARA INVESTIR ATRAVÉS DE ROBÔS COM APENAS R$ 1.000 ALEXANDRE WANDERER A máquina pode substituir 100 pessoas comuns. Mas, nenhuma máquina pode substituir uma pessoa criativa. Elbert Hubbard Sobre

Leia mais

Google Drive: Acesse e organize seus arquivos

Google Drive: Acesse e organize seus arquivos Google Drive: Acesse e organize seus arquivos Use o Google Drive para armazenar e acessar arquivos, pastas e documentos do Google Docs onde quer que você esteja. Quando você altera um arquivo na web, no

Leia mais

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas?????

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas????? Há 16 anos quando entrou na MK, a consagrada Diretora Nacional, Gloria Mayfield, não sabia como chegar ao topo, hoje ela dá o seguinte conselho. As lições que eu aprendi na Mary Kay para me tornar uma

Leia mais

MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007

MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007 MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007 MÓDULO - I APRESENTAÇÃO... 1 AMBIENTE DE TRABALHO... 2 A folha de cálculo... 2 O ambiente de trabalho do Excel... 3 Faixas de Opções do Excel... 4 - Guia

Leia mais

Fórmulas e Funções - Parte I

Fórmulas e Funções - Parte I Atividade 6 Fórmulas e Funções - Parte I Referências relativas e absolutas Muito comum é a necessidade de depois de criado uma fórmula é copiá-la para outras células ao invés de fazer tudo novamente, muitas

Leia mais

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes)

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) 1. Sobre o Microsoft Dynamics CRM - O Microsoft Dynamics CRM permite criar e manter facilmente uma visão clara dos clientes,

Leia mais

3.ª e 4.ª SÉRIES/4.º e 5.º ANOS

3.ª e 4.ª SÉRIES/4.º e 5.º ANOS 3.ª e 4.ª SÉRIES/4.º e 5.º ANOS 1) Qual das planificações abaixo não é a planificação de um cubo? Resposta: I Existem 11 planificações diferentes para o cubo, indicadas pelas letras A, B, C, D, E, F, G,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS ESPECIALIZAÇÃO EM ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS. Prof. M.Sc.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS ESPECIALIZAÇÃO EM ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS. Prof. M.Sc. UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS ESPECIALIZAÇÃO EM ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS Microsoft Office PowerPoint 2007 Prof. M.Sc. Fábio Hipólito Julho / 2009 Visite o site:

Leia mais

Introdução ao GetResponse

Introdução ao GetResponse Guia rápido sobre... Introdução ao GetResponse Neste guia... Aprenda a construir sua lista, a criar envolventes e-mails e a converter contatos em clientes em GetResponse, com acesso aos melhores recursos

Leia mais

Aprender a fotografar não é difícil quando temos um material de apoio e muita vontade de pesquisar e treinar. Este é somente um ponto de partida!

Aprender a fotografar não é difícil quando temos um material de apoio e muita vontade de pesquisar e treinar. Este é somente um ponto de partida! Introdução e índice Eu sou a Claudia Regina (www.claudiaregina.com) e resolvi criar este pequeno Manual Básico de Fotografia para ajudar quem procura por bom conteúdo para iniciantes, em português. Aprender

Leia mais

10 simples passos que irão mudar a forma como você tira fotos

10 simples passos que irão mudar a forma como você tira fotos VERSÃO FOTOGRAFIA 10 simples passos que irão mudar a forma como você tira fotos Existem várias formas de alterar o resultado final de uma foto, seja através do ISO, da velocidade do obturador, da abertura

Leia mais

Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas?

Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas? 2 Você já teve a experiência de enviar um email e, em pouco tempo, ver pedidos de orçamento e vendas sendo concretizadas? É SOBRE ISSO QUE VOU FALAR NESTE TEXTO. A maioria das empresas e profissionais

Leia mais

Manual PowerPoint 2000

Manual PowerPoint 2000 Manual PowerPoint 2000 Índice 1. INTRODUÇÃO 1 2. DIRECTRIZES PARA APRESENTAÇÕES DE DIAPOSITIVOS 1 3. ECRÃ INICIAL 2 4. TIPOS DE ESQUEMA 2 5. ÁREA DE TRABALHO 3 5.1. ALTERAR O ESQUEMA AUTOMÁTICO 4 6. MODOS

Leia mais

10 segredos para falar inglês

10 segredos para falar inglês 10 segredos para falar inglês ÍNDICE PREFÁCIO 1. APENAS COMECE 2. ESQUEÇA O TEMPO 3. UM POUCO TODO DIA 4. NÃO PRECISA AMAR 5. NÃO EXISTE MÁGICA 6. TODO MUNDO COMEÇA DO ZERO 7. VIVA A LÍNGUA 8. NÃO TRADUZA

Leia mais

Câmbio MONEY CHANGER. I d like to exchange some money. Gostaria de cambiar um pouco de dinheiro. Where can I find a money changer?

Câmbio MONEY CHANGER. I d like to exchange some money. Gostaria de cambiar um pouco de dinheiro. Where can I find a money changer? MONEY CHANGER Câmbio I d like to exchange some money. Where can I find a money changer? Gostaria de cambiar um pouco de dinheiro. Onde posso encontrar um câmbio? I d like to exchange (I would) Where can

Leia mais

GRAVANDO SUA APRESENTAÇÃO PARA O LUPA DE OURO 2013

GRAVANDO SUA APRESENTAÇÃO PARA O LUPA DE OURO 2013 GRAVANDO SUA APRESENTAÇÃO PARA O LUPA DE OURO 2013 Prezado(a) colega(a), Este ano, as campanhas relacionadas a produtos e campanhas institucionais inscritas para o Lupa de Ouro 2013 serão avaliadas em

Leia mais

Turma 1222 Unidade Curricular INTERFACE HOMEM-COMPUTADOR Professor CLÁUDIA SANTOS FERNANDES Aula 4 Abordagens Teóricas em IHC

Turma 1222 Unidade Curricular INTERFACE HOMEM-COMPUTADOR Professor CLÁUDIA SANTOS FERNANDES Aula 4 Abordagens Teóricas em IHC Turma 1222 Unidade Curricular INTERFACE HOMEM-COMPUTADOR Professor CLÁUDIA SANTOS FERNANDES Aula 4 Abordagens Teóricas em IHC Introdução -Apesar de IHC ser uma área bastante prática, muitos métodos, modelos

Leia mais

Seis mulheres e o único desejo: um futuro diferente Entrevistadas denunciam desigualdade velada

Seis mulheres e o único desejo: um futuro diferente Entrevistadas denunciam desigualdade velada Terça-feira, 11 de março de 2014 Seis mulheres e o único desejo: um futuro diferente Entrevistadas denunciam desigualdade velada Nádia Junqueira Goiânia - Dalila tem 15 anos, estuda o 2º ano no Colégio

Leia mais

Por Carol Alvarenga, em 17 de junho de 2014, 15h Esquemaria.com.br

Por Carol Alvarenga, em 17 de junho de 2014, 15h Esquemaria.com.br Esquemaria.com.br / Dicas de estudos / 4 mitos sobre estudos: saiba mais como evitar estes erros Talvez você conheça estes mitos sobre estudos, mas você sabe a verdade por trás deles? Hoje eu trago um

Leia mais

Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português

Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português 1 Equivalência da estrutura de uma frase em inglês e português A partir do momento que você souber de cor a função de cada peça do nosso jogo de dominó, você não terá mais problemas para formular frases,

Leia mais

Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Leonardo da Vinci

Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Leonardo da Vinci INGLÊS 1 2 Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Leonardo da Vinci CARO ALUNO Não existem limites para a educação a distância. Seus desafios são os mesmos da educação convencional:

Leia mais

Sistema irá modular até 32 câmeras: Você pode conectar de 1 até 32 câmeras.

Sistema irá modular até 32 câmeras: Você pode conectar de 1 até 32 câmeras. MANUAL DO SISTEMA Introdução Apresentação Requisitos mínimos Instalação do programa Acessando o Secullum DVR Tela Principal Indicador de espaço em disco Disposição de telas Status de Gravação Usuário atual

Leia mais

10 Grandes Dicas. Faça algumas anotações. para Organizar, Compartilhar e Imprimir suas Fotos

10 Grandes Dicas. Faça algumas anotações. para Organizar, Compartilhar e Imprimir suas Fotos 10 Faça algumas anotações 10 Grandes Dicas para Organizar, Compartilhar e Imprimir suas Fotos Agora que você já imprimiu algumas fotos, faça algumas anotações você vai ficar feliz de ter feito. Quando

Leia mais

ÍNDICE... 3 INTRODUÇÃO... 4. A série... 4

ÍNDICE... 3 INTRODUÇÃO... 4. A série... 4 EXCEL 2007 e 2010 2 ÍNDICE ÍNDICE... 3 INTRODUÇÃO... 4 A série... 4 01 LISTA COM VALIDAÇÃO... 5 02 FUNÇÕES FINANCEIRAS... 7 03 FUNÇÃO DE BANCO DE DADOS... 12 04 RÓTULOS... 15 05 TABELA DINÂMICA... 18 06

Leia mais

aprenda a fotografar em 7 lições CLAUDIA REGINA dicasdefotografia.com.br

aprenda a fotografar em 7 lições CLAUDIA REGINA dicasdefotografia.com.br aprenda a fotografar em 7 lições CLAUDIA REGINA dicasdefotografia.com.br Prefácio à publicação de 2013 Publiquei este manual pela primeira vez em março de 2009, quando o blog Dicas de Fotografia estava

Leia mais

ebook Introdutor Exclusivo

ebook Introdutor Exclusivo ebook Introdutor Exclusivo ebook Digital criado por HM ADVICES - Todos os direitos reservados. Opa, tudo bem? Se você está visualizando este ebook, indica que você foi um dos 100 primeiros a se inscrever

Leia mais

Você Dona do Seu Tempo Editora Gente

Você Dona do Seu Tempo Editora Gente INTRODUÇÃO Basta ficar atento ao noticiário para ver que o assunto mais citado nos últimos tempos varia entre os temas de estresse, equilíbrio e falta de tempo. A Qualidade de Vida está em moda no mundo

Leia mais

Este documento provê informação atualizada, e simples de entender, para o empreendedor que precisa iniciar ou avaliar suas operações online.

Este documento provê informação atualizada, e simples de entender, para o empreendedor que precisa iniciar ou avaliar suas operações online. Os segredos dos negócios online A Internet comercial está no Brasil há menos de 14 anos. É muito pouco tempo. Nesses poucos anos ela já mudou nossas vidas de muitas maneiras. Do programa de televisão que

Leia mais

2- Nas frases a seguir estão destacadas quatro formas verbais de um mesmo verbo. Compare-as.

2- Nas frases a seguir estão destacadas quatro formas verbais de um mesmo verbo. Compare-as. FICHA DA SEMANA 5º ANO A / B Instruções: 1- Cada atividade terá uma data de realização e deverá ser entregue a professora no dia seguinte; 2- As atividades deverão ser copiadas e respondidas no caderno,

Leia mais

NOVAS PERSPECTIVAS DE DIDÁTICA NO ENSINO SUPERIOR

NOVAS PERSPECTIVAS DE DIDÁTICA NO ENSINO SUPERIOR NOVAS PERSPECTIVAS DE DIDÁTICA NO ENSINO SUPERIOR 1 2 Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Leonardo da Vinci CARO ALUNO Não existem limites para a educação a distância.

Leia mais

Portal Contador Parceiro

Portal Contador Parceiro Portal Contador Parceiro Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa 1. Portal Contador Parceiro... 03 2. Acesso ao Portal... 04 3. Profissionais...11 4. Restrito...16 4.1 Perfil... 18 4.2 Artigos...

Leia mais

ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE

ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE www.blogpensandoemingles.com www.facebook.com/pensandoeminglesblog O que é? ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE Active Voice ( Voz Ativa): Ocorre quando o sujeito pratica a ação, e é chamado de agente. Ex: Robert

Leia mais

Guia para os novos Gerentes

Guia para os novos Gerentes Guia para os novos Gerentes Registar 1 Aqui está possível escolher o nome de Gerente, a senha, o idioma preferido e o servidor onde será criada a sua equipa. Os servidores funcionam em fusos horários diferentes.

Leia mais

COACHING PARA PERFORMANCE. John Whitmore

COACHING PARA PERFORMANCE. John Whitmore COACHING PARA PERFORMANCE John Whitmore Coaching não é meramente uma técnica a ser rigidamente aplicada em determinadas circunstâncias, é uma forma de gerenciar, uma maneira de tratar as pessoas, uma forma

Leia mais

EMPREGABILIDADE E MARKETING PESSOAL

EMPREGABILIDADE E MARKETING PESSOAL EMPREGABILIDADE E MARKETING PESSOAL 1 2 Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro. Leonardo da Vinci CARO ALUNO Não existem limites para a educação a distância. Seus desafios

Leia mais

ETAPA DA MUDANÇA DE HÁBITOS

ETAPA DA MUDANÇA DE HÁBITOS 1 Faculdade Salesiana Dom Bosco de Piracicaba Curso de Administração DISCIPLINA: INTRODUÇÃO À EDUCAÇÃO FINANCEIRA PROF. ELISSON DE ANDRADE TEXTO 4 ETAPA DA MUDANÇA DE HÁBITOS (PARTE 1) Estrutura do texto

Leia mais

Personalidades e Relacionamentos

Personalidades e Relacionamentos 4 Personalidades e Relacionamentos O ser humano nunca tem tempo de ser, ele só tem o tempo de tornar-se. Georges Poulet Há muitos séculos grandes pensadores discutem como as pessoas têm suas experiências

Leia mais

Manual de Aplicação do Jogo da Escolha. Um jogo terapêutico para jovens usuários de drogas

Manual de Aplicação do Jogo da Escolha. Um jogo terapêutico para jovens usuários de drogas Manual de Aplicação do Jogo da Escolha Um jogo terapêutico para jovens usuários de drogas 1 1. Como o jogo foi elaborado O Jogo da Escolha foi elaborado em 1999 pelo Centro de Pesquisa em Álcool e Drogas

Leia mais

IMPORTÂNCIA DE TER UM CONTROLE FINANCEIRO PESSOAL

IMPORTÂNCIA DE TER UM CONTROLE FINANCEIRO PESSOAL A IMPO RTÂNC IA DE TE R UM CONT ROLE FINAN CEIRO PESSO AL F U N D O Introdução É normal encontrar pessoas que imaginam não precisarem ter um controle financeiro pessoal, pois não ganham o suficiente para

Leia mais

GUIA RÁPIDO: FLUXO DE CAIXA. Conheça os 5 passos fundamentais para você controlar e planejar as suas finanças de forma rápida e confiável

GUIA RÁPIDO: FLUXO DE CAIXA. Conheça os 5 passos fundamentais para você controlar e planejar as suas finanças de forma rápida e confiável GUIA RÁPIDO: FLUXO DE CAIXA Conheça os 5 passos fundamentais para você controlar e planejar as suas finanças de forma rápida e confiável SUMÁRIO 1. Sobre o Guia Rápido 03 2. Passo 1 - Plano de Contas 04

Leia mais

Follow up. de vendas automatizado. Alerta Score Funil

Follow up. de vendas automatizado. Alerta Score Funil Follow up de vendas automatizado Mude a história da sua Equipe de Vendas [Passo a passo do método automatizado de 8% para 20% de conversão] Alerta Score Funil Índice 1- O desafio do Follow up 1 2 - Causas

Leia mais

Empresário. Você curte moda? Gosta de cozinhar? Não existe sorte nos negócios. Há apenas esforço, determinação, e mais esforço.

Empresário. Você curte moda? Gosta de cozinhar? Não existe sorte nos negócios. Há apenas esforço, determinação, e mais esforço. Empresário Não existe sorte nos negócios. Há apenas esforço, determinação, e mais esforço. Sophie Kinsella, Jornalista Econômica e autora Você curte moda? Gosta de cozinhar? Ou talvez apenas goste de animais?

Leia mais

Como ganhar dinheiro online no Youtube: Um guia sem frescuras. Duas formas básicas de ganhar dinheiro com Youtube

Como ganhar dinheiro online no Youtube: Um guia sem frescuras. Duas formas básicas de ganhar dinheiro com Youtube Como ganhar dinheiro online no Youtube: Um guia sem frescuras Se você está procurando por maneiras de ganhar dinheiro online, o Youtube por ser uma verdadeira mina de ouro. Apesar de muitos acharem que

Leia mais

Manual de Utilização do Easy Reader versão 6

Manual de Utilização do Easy Reader versão 6 Manual de Utilização do Easy Reader versão 6 Página 1 Índice Manual de Utilização do Easy Reader versão 6 1 O que é o EasyReader? 4 Abrir um livro 5 Abrir um novo livro de um CD/DVD 5 Abrir um novo livro

Leia mais

Ganhar Dinheiro Sempre Manassés Moraes Seja Sempre um Sucesso!

Ganhar Dinheiro Sempre Manassés Moraes Seja Sempre um Sucesso! 1 2 Termos e Condições É expressamente proibido plagiar, copiar, colar, divulgar ou distribuir de alguma forma esse material, todo ou parte do seu conteúdo sem o consentimento do seu autor. Plágio é crime,

Leia mais

By Dr. Silvia Hartmann

By Dr. Silvia Hartmann The Emo trance Primer Portuguese By Dr. Silvia Hartmann Dra. Silvia Hartmann escreve: À medida em que nós estamos realizando novas e excitantes pesquisas; estudando aplicações especializadas e partindo

Leia mais

Como conversar com possíveis iniciadas

Como conversar com possíveis iniciadas Como conversar com possíveis iniciadas Convidar outras mulheres a tornarem-se consultoras é uma atividade chave para quem quer tornar-se diretora. Aprenda como fazer a entrevista de iniciação, ou seja:

Leia mais

SEO PARA INICIANTES Como otimizar um blog Guia passo a passo para fazer o seu blog otimizado e indexado corretamente!

SEO PARA INICIANTES Como otimizar um blog Guia passo a passo para fazer o seu blog otimizado e indexado corretamente! 1 SEO PARA INICIANTES Como otimizar um blog Guia passo a passo para fazer o seu blog otimizado e indexado corretamente! Fórmula Hotmart - www.formulahotmart.com 2 Este ebook pertence: Claudio J. Bueno

Leia mais