Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos"

Transcrição

1 Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: / Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL DIADEMA Benefício: 42/ Espécie: APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO Recorrente: BRUNA SABRINA SANTOS MATOS - Procurador Recorrente: PAULO ROBERTO MAIA Recorrido: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS Assunto: INDEFERIMENTO Relator: JOSE NATAL CORREA DE QUEIROZ Relatório O presente processo refere-se ao pedido de aposentadoria por tempo de contribuição, formulado na Agência da Previdência Social de Diadema/SP, em 22/06/2015, pelo segurado Senhor PAULO ROBERTO MAIA, contando com 57 anos de idade na data do requerimento(dn 25/05/1958).por procuradora constituida. Inicialmente o recorrente concorda NÃO com a aposentadoria proporcional, e concorda com a reafirmação da DER. No ato do requerimento juntou cópia dos documentos pessoais, procuração, Carteira de Trabalho e Previdência Social/CTPS, e PPP,DIRBEN/DSS 8030, para os seguintes periodos: -Certifacado de reservista periodo de incorporação 13/07/1977 a 12/07/ Período de 05/09/1978 a 31/10/1979 Empresa Companhia Siderurgica Paulista função: ajudante de serviço/vigilante portava arma de fogo-dirben DSS Período de 01/05/1989 a 17/09/1991 Empresa Companhia Siderurgica Paulista função: Tecnico de segurança do trabalho Ruido acima de 90 db(a)-dirben DSS Laudo Tecnico pericial, correspondente a o local Altos fornos I e II, pateo de minerios, aciarias I e II, fundição, Sintetizadores I e II. - Período de 06/01/1992 a 20/07/2001 Solvay Indupa do Brasil S A função: Encarregado d esegurança/tecnico de segurança do trabalho agente físico ruído de 87,0dB(A)e 88,1 PPP; O INSS, não reconheceu nenhum dos periodos acima como especial. Após reanalise o benefício restou indeferido por falta de tempo de contribuição, uma vez que pela apuração do Instituto, fora apurado 32 anos 06 meses e 12 dias, fl 69/71 arquivo PDF. Consta ciência do recorrente acerca do indeferimento acostada aos autos, fl. 106 processo eletronico.

2 Inconformado com a denegatória, em 15/03/2016, interpôs recurso, requerendo o reconhecimento como especial dos periodos 05/09/1978 a 31/10/1979 como vigilante, 01/05/1989 a 17/09/1991 como Tecnico de Segurança do Trabalho e de 06/01/1992 a 20/07/2001, encarregado de segurança e tecnico de segurança do trabalho, concordando com a reafirmação da DER. O INSS apresenta suas contrarrazões, mantendo o indeferimento e encaminha os autos à Junta de Recurso para apreciação e julgamento. Inclusão em Pauta Incluído em Pauta no dia 10/08/2016 para sessão nº 0261/2016, de 18/08/2016. Voto FUNDAMENTAÇÃO: Em face do relatório apresentado e, que os pressupostos de admissibilidade estão presentes, sobretudo a tempestividade do recurso, nos termos do 1º, do artigo 305, do Regulamento da Previdência Social aprovado pelo Decreto nº 3.048/99, segue-se à análise do mérito. A aposentadoria é a prestação por excelência da Previdência Social, substituindo em caráter permanente, ou pelo menos duradouro, os rendimentos do segurado e assegurando sua subsistência e daqueles que dele dependem. Trata-se de garantia constitucional, minuciosamente tratada no art. 201, 7º, I, da Constituição Federal, de 1988, com nova redação dada pela Emenda Constitucional 20, de 1998, bem como na legislação infraconstitucional, no Regulamento Da Previdencia Social. O benefício pleiteado exige como pressuposto carência mínima de 35 anos, se do sexo masculino, ou, de 30 anos de tempo de contribuição, se do sexo feminino. In verbis: Art A previdência social será organizada sob a forma de regime geral, de caráter contributivo e de filiação obrigatória, observados critérios que preservem o equilíbrio financeiro e atua 7º É assegurada aposentadori I - trinta e cinco anos de contribuição, se homem, e trinta anos de contribuição, se mulher; Com o advento da Emenda Constitucional nº. 20, aos segurados do Regime Geral da Previdência Social/RGPS que tivessem cumprido todos os requisitos para a concessão de aposentadoria, na forma da legislação vigente até a data de sua publicação, ficaram resguardados seus direitos, à medida que, aos segurados do RGPS que não os tivessem cumprido integralmente, ficaram determinadas outras novas condições para a obtenção da prestação previdenciária em comento. No caso em tela trata-se de aposentadoria por tempo de contribuição, cuja explanação a seguir se expõe: na Subseção III Da Aposentadoria por Tempo de Serviço lei 8213/91: Art. 53. A aposentadoria por tempo de serviço, observado o disposto na Seção III deste Capítulo, especialmente no art. 33, consistirá numa renda mensal de: I - para a mulher: 70% (setenta por cento) do salário-de-benefício aos 25 (vinte e cinco) anos de serviço, mais 6% (seis por cento) deste, para cada novo ano completo de atividade, até o máximo de 100% (cem por cento) do saláriodebenefício aos 30 (trinta) anos de serviço; II - para o homem: 70% (setenta por cento) do salário-de-benefício aos 30 (trinta) anos de serviço, mais 6% (seis por cento) deste, para cada novo ano completo de atividade, até o máximo de 100% (cem por cento) do salário-debenefício

3 aos 35 (trinta e cinco) anos de serviço. Art. 54. A data do início da aposentadoria por tempo de serviço será fixada da mesma forma que a da aposentadoria por idade, conforme o disposto no art. 49. Dessa forma, aos segurados inscritos no RGPS antes do surgimento da sobredita Emenda, dois novos requisitos devem ser preenchidos, simultaneamente, para viabilizar o benefício de aposentadoria por tempo de contribuição, quais sejam, idade mínima de 53 anos para os homens e de 48 para as mulheres, e, um período adicional de contribuição equivalente a, no mínimo, 40% do tempo que, em 16/12/98, faltava para atingir o tempo necessário exigido nessa data. Não obstante, o interessado não perfaz, até a data de entrada do requerimento, 35 anos de contribuição consoante apuração outrora realizada, não satisfazendo os pressupostos autorizadores à concessão de aposentadoria por tempo de contribuição integral, como preceitua o art. 201, 7ª, I, da Constituição Federal, art. 52, da Lei nº. 8213/91 e art. 187, do Regulamento da Previdência Social. Além disso, de igual modo o interessado não atende os pressupostos à jubilação com proventos proporcionais, como preceitua o art. 188, do RPS, aprovado pelo Decreto nº /99, e Emenda à Constituição nº. 20/98. Assim temos que, a comprovação da exposição a agentes prejudiciais à saúde, tratando-se de período anterior à vigência da Lei nº 9.032/95, que deu nova redação ao art. 57 da Lei n 8.213/1991, é efetivada desde que esteja a atividade laboral enquadrada nas relações dos Decretos /64 ou /79, que foram validados pelos arts. 295 do Decreto nº 357/91 e 292 do Decreto 611/92. Verifica-se pela evolução legislativa referente ao tema que o período de trabalho até , quando vigente a Lei nº 3.807/60 (Lei Orgânica da Previdência Social) e suas alterações e, posteriormente, a Lei nº 8.213/91 (Lei de Benefícios), em sua redação original (arts. 57 e 58) é possível o reconhecimento da especialidade do trabalho quando houver a comprovação do exercício de atividade enquadrável como especial nos decretos regulamentadores e/ou na legislação especial ou quando demonstrada a sujeição do segurado a agentes nocivos por qualquer meio de prova, exceto para ruído, em que necessária sempre a aferição do nível de decibéis por meio de perícia técnica, carreada aos autos ou noticiada em formulário emitido pela empresa, a fim de se verificar a nocividade ou não desse agente, e a partir de , inclusive, foi definitivamente extinto o enquadramento por categoria profissional, vez que Após a Lei nº 9.032/95, o reconhecimento do tempo de serviço em condições especiais passou a ser condicionado com a comprovação da exposição efetiva aos agentes nocivos à saúde e à integridade física do segurado, para fins de aposentadoria especial. A partir de 05 de março de 1997, data da publicação do Decreto nº 2.172/1997 o segurado deverá comprovar a exposição de modo habitual, permanente, não ocasional e nem intermitente aos agentes nocivos constantes do anexo IV deste decreto, conforme inteligência do art. 66 do Decreto nº 2.172/97. E nos termos do 1º do art. 64 do RPS aprovado pelo Decreto nº 3.048/99, a concessão da aposentadoria especial dependerá de comprovação pelo segurado, perante o Instituto Nacional do Seguro Social, do tempo de trabalho permanente, não ocasional nem intermitente, exercido em condições especiais que prejudiquem a saúde ou a integridade física, durante o período mínimo fixado no caput. Sobre a questão na redação do Decreto nº de 18 de setembro de 2003, que alterou o art. 68 do RPS aprovado pelo Decreto n º 3.048/99, o legislador estabelece: Art 68. A relação dos agentes nocivos químicos, físicos, biológicos ou associação de agentes prejudiciais à saúde ou à integridade física, considerados para fins de concessão de aposentadoria especial, consta do Anexo IV. ( ) 2º A comprovação da efetiva exposição do segurado aos agentes nocivos será feita mediante formulário denominado perfil profissiográfico previdenciário, na forma estabelecida pelo Instituto Nacional do Seguro Social, emitido pela empresa ou seu preposto, com base em laudo técnico de condições ambientais do trabalho expedido por médico do trabalho ou engenheiro de segurança do trabalho. (Redação dada pelo Decreto nº 4.032, de 2001). 3 o Do laudo técnico referido no 2 o deverá constar informação sobre a existência de tecnologia de proteção coletiva, de medidas de caráter administrativo ou de organização do trabalho, ou de tecnologia de proteção individual, que elimine, minimize ou controle a exposição a agentes nocivos aos limites de tolerância, respeitados o estabelecido na legislação trabalhista. (redação dada pelo Decreto nº 4.882, de 2003).

4 Acerca da aposentadoria com tempo de atividade exercida em condições especiais, o conceito constante do Regulamento da Previdência Social é de que, uma vez cumprida a carência exigida, será devida ao segurado empregado, trabalhador avulso e contribuinte individual, este somente quando cooperado filiado à cooperativa de trabalho ou de produção, que tenha trabalhado durante quinze, vinte ou vinte e cinco anos, conforme o caso, sujeito a condições especiais que prejudiquem a saúde ou a integridade física (art. 64, do RPS, com redação conferida pelo Decreto nº 4.729/03). Ressalta-se que são considerados: - 80 decibéis, na vigência do Decreto nº /1964; - 90 decibéis, a partir de 05 de março de 1997, na vigência do Decreto nº 2.172/1997; - 85 decibéis, a partir da edição do Decreto 4.882, de 18 de novembro de Em razões de recurso, o Recorrente, pleiteia o reconhecimento como especial dos periodos periodos 05/09/1978 a 31/10/1979 como vigilante, 01/05/1989 a 17/09/1991,como Tecnico de Segurança do Trabalho e de 06/01/1992 a 20/07/2001. Inicialmente cumpre eslarecer que o Instituto procedeu a analise da documentação constante nos autos. O INSS não reconheceu e nem computou nenhum pweriodo como especial. Compulsando os autos constata-se: - Período de 05/09/1978 a 31/10/1979 Empresa Companhia Siderurgica Paulista função: ajudante de serviço/vigilante portava arma de fogo-dirben DSS Com observação de que apesar da nomenclatura diferenciada pela empresa, o empregado exerceu no periodo acima a função de vigilante. Entretanto analisando os autos a CTPs apresentada as fl.25, em alteração de salario consta aumentado em 04/02/79( a mesma0, ao lado colocado VIGILANTE, conforme fl.39 do arquivo PDF. - Período de 01/05/1989 a 17/09/1991 Empresa Companhia Siderurgica Paulista função: Tecnico de segurança do trabalho Ruido acima de 90 db(a)-dirben DSS Laudo Tecnico pericial, correspondente a o local Altos fornos I e II, pateo de minerios, aciarias I e II, fundição, Sintetizadores I e II.Conforme se observa o Laudo Tecnico, apresenta na conclusão o empregado trablhou em locais com exposição a ruido, acima de 90 decibeis. vários setores, especificando que apesar da nomeclatura diferenciada adotada pela empresa, o empregado exerceu no periodo acima a função de Tecnico de segurança do Trabalho. - Período de 06/01/1992 a 20/07/2001 Solvay Indupa do Brasil S A função: Encarregado de esegurança/tecnico de segurança do trabalho agente físico ruído de 87,0dB(A)e 88,1 PPP; Resta temerario qualquer pronunciamento por este conselheiro, quanto a declaração referente a nomenclatura da empresa Companhia Siderurgica Paulista. Desta feita, proponho ao colegiado a conversão do julgamento em diligencia com encaminhamento à Agência da Previdência Social/APS responsável com base no artigo 13 inciso I das Normas de Procedimento do CRPS aprovadas pela Portaria MPS nº 548 de 13/09/2011, a fim de que seja providenciado:

5 1) Declaração da empresa cosipa, confirmando a declaração,quanto a função exercida pelo recorrente no periodo entre 05/09/1978 a 31/10/1979, bem como apresentação da ficha de registro de empregado autenticada. 2- Declara da empresa cosipa referente ao Período de 01/05/1989 a 17/09/1991 esclarecendo a observação do Laudo Tecnico, de que o empregado trabalhou em locais com exposição a ruido, e que apesar da nomeclatura diferenciada adotada pela empresa, o empregado exerceu no periodo acima a função de Tecnico d esegurança do Trabalho.Bem como apresentar Ficha d eregistro ded empregado autenticada. 3-- Período de 06/01/1992 a 20/07/2001 Solvay Indupa do Brasil S A esclarecer a descrição de atividades assessora as empresas contratadas e fiscalizar, expondo claramente os locais, e onde se efetuava o tgerinament ministrado como tecnico de segurança do trabalho. Por oportuno, deverá o INSS restituir os autos ao órgão julgador com a diligência integralmente cumprida, observando se nos termos do artigo 53, 2º da Portaria do Ministério da Previdência Social nº 548 de 13 de Setembro de 2011, o prazo para cumprimento de diligência de 30 (trinta) dias, excepcionalmente prorrogável por mais trinta dias. CONCLUSÃO: Pelo exposto, VOTO no sentido de preliminarmente CONHECE DO RECURSO e, no mérito, CONVERTER O JULGAMENTO EM DILIGENCIA, conforme o fundamentado acima. JOSE NATAL CORREA DE QUEIROZ Relator(a) Declaração de Voto Conselheiro(a) concorda com voto do relator(a). MARISTELA BOSQUE FERREIRA Conselheiro(a) Suplente Representante do Governo Declaração de Voto Conselheiro(a) concorda com voto do relator(a). PRISCILA CONCEIÇÃO FELIX Conselheiro(a) Suplente Representante dos Trabalhadores Declaração de Voto Presidente concorda com voto do relator(a). GUILHERME DEMARCHI SILVA Presidente Decisório Nº Decisão: 473 / 2016 Vistos e relatados os presentes autos, em sessão realizada hoje, DECIDEM os membros da 2ª Composição

6 Adjunta da 13ª Junta de Recursos do CRPS, em CONVERTER O JULGAMENTO EM DILIGÊNCIA, POR UNANIMIDADE, de acordo com o voto do(a) Relator(a) e sua fundamentação. Participaram, ainda, do presente julgamento, os Conselheiros MARISTELA BOSQUE FERREIRA e PRISCILA CONCEIÇÃO FELIX. JOSE NATAL CORREA DE QUEIROZ Relator(a) GUILHERME DEMARCHI SILVA Presidente

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.371063/2015-84 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.421650/2015-21 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.500695/2015-61 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.590220/2016-30 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.724140/2016-94 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.501539/2015-18 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 5ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 5ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 5ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.270620/2014-60 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.059869/2014-16 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.112273/2014-51 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL GUARAMIRIM Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.013097/2014-76 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SÃO JOSÉ DOS

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 26ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 26ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 26ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.050047/2014-70 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 17ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 17ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 17ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.183389/2013-94 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL CURITIBA-XV DE

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.168691/2013-12 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.589068/2016-42 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SÃO PAULO-VILA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.311231/2015-82 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL VITÓRIA Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Câmara de Julgamento

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Câmara de Julgamento Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Câmara de Julgamento Número do Processo: 44232.001070/2013-50 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL RIBEIRÃO PIRES

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 27ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 27ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 27ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.163941/2013-28 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SÃO JOÃO DA BOA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.075826/2014-88 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 17ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 17ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 17ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.231679/2014-32 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL XAXIM : Recorrente:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.466901/2015-05 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SERRINHA Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.625843/2016-31 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL PIRACICABA Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.369449/2015-26 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL ARACRUZ Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.049570/2014-53 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SERRA Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª COMPOSIÇÃO ADJUNTA DA 26ª JUNTA DE RECURSOS

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª COMPOSIÇÃO ADJUNTA DA 26ª JUNTA DE RECURSOS Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª COMPOSIÇÃO ADJUNTA DA 26ª JUNTA DE RECURSOS Número do Processo: 44232.581066/2016-13 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Direito Previdenciário

Direito Previdenciário Direito Previdenciário Benefícios em espécie Aposentadoria Especial Parte 1 Prof. Bruno Valente Art. 57 a 58 da Lei 8.213/91 Art. 64 a 70 do Decreto 3.048/99 O benefício de aposentadoria especial é uma

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 27ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 27ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 27ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.272601/2014-78 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL NOVA PRATA Benefício:

Leia mais

1. Tempo de Serviço em atividade prejudicial a saúde ou a integridade física 2. Carência 3. Manutenção da qualidade de segurado

1. Tempo de Serviço em atividade prejudicial a saúde ou a integridade física 2. Carência 3. Manutenção da qualidade de segurado APOSENTADORIA ESPECIAL É um tipo de aposentadoria por tempo de serviço, concedida ao segurado que trabalha em atividade prejudicial a saúde ou a integridade física (insalubre, penosa ou perigosa), durante

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.082272/2014-75 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Número do Processo: 44232.313138/2015-11 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 26ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 26ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 26ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.086791/2013-21 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL BRAGANÇA PAULISTA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 5ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 5ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 5ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.193275/2014-33 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

APOSENTADORIA: MANUAL BÁSICO AOS CIDADÃOS

APOSENTADORIA: MANUAL BÁSICO AOS CIDADÃOS APOSENTADORIA: MANUAL BÁSICO AOS CIDADÃOS 1 NOTA DA AUTORA A presente cartilha se destina a população em geral, com a finalidade de informar/orientar de forma sucinta através de uma linguagem de fácil

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Número do Processo: 36202.009019/2014-04 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL VITÓRIA Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.100991/2014-85 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Número do Processo: 35405.009514/2013-85 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL JAÚ Benefício:

Leia mais

MICHEL OLIVEIRA GOUVEIA

MICHEL OLIVEIRA GOUVEIA MICHEL OLIVEIRA GOUVEIA www.michelgouveia.adv.br Michel Gouveia (não respondo no messenger) Prof. Michel Gouveia Professor Michel Gouveia / Previtube michelogouveia michel@michelgouveia.adv.br É uma espécie

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 06ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 06ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 06ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.356060/2015-11 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL BARUERI Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 15ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 15ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 15ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.302657/2014-64 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SÃO FRANCISCO

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.226442/2014-30 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL CAÇAPAVA DO SUL

Leia mais

a) PPP (Perfil Profissiográfico Previdenciário), com as informações sobre as atividades exercidas em condições especiais ou de risco,

a) PPP (Perfil Profissiográfico Previdenciário), com as informações sobre as atividades exercidas em condições especiais ou de risco, Dúvida: Recebemos hoje a decisão do TJ onde foi concedida a ordem de um Mandado de Injunção interposto pela Guarda Municipal, requerendo aposentadoria especial. Gostaríamos de uma orientação de como procedermos,

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Câmara de Julgamento

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Câmara de Julgamento Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Câmara de Julgamento Número do Processo: 44232.139239/2013-43 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SÃO PAULO-SÃO

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 14ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 14ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 14ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.178161/2014-63 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SÃO PAULO-VILA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.172798/2014-46 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL GUARULHOS Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 09ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 09ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 09ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.091527/2013-18 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SUMARÉ Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Número do Processo: 44232.167207/2013-38 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.473607/2015-41 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Tempos computáveis pelo INSS para fins de concessão da aposentadoria Especial

Tempos computáveis pelo INSS para fins de concessão da aposentadoria Especial Tempos computáveis pelo INSS para fins de concessão da aposentadoria Especial Serão computados como tempo de serviço : - A partir de 29 de abril de 1995, data da publicação da Lei nº 9.032, a caracterização

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.241846/2014-53 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.713007/2016-11 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL MAUÁ Benefício:

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 8.145, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013 Altera o Regulamento da Previdência Social - RPS, aprovado pelo Decreto n o 3.048, de 6

Leia mais

Bom dia, hoje farei breves considerações sobre a aposentadoria por idade urbana. Espero que seja útil.

Bom dia, hoje farei breves considerações sobre a aposentadoria por idade urbana. Espero que seja útil. Bom dia, hoje farei breves considerações sobre a aposentadoria por idade urbana. Espero que seja útil. Diz o art. 48, da Lei 8.213/91: Art. 48. A aposentadoria por idade será devida ao segurado que, cumprida

Leia mais

Aposentadoria Aposentadoria por idade Quem tem direito? Qual a carência exigida? Que benefícios podem ser transformados em aposentadoria por idade?

Aposentadoria Aposentadoria por idade Quem tem direito? Qual a carência exigida? Que benefícios podem ser transformados em aposentadoria por idade? Aposentadoria Aposentadoria por idade Quem tem direito? Têm direito ao benefício os trabalhadores urbanos do sexo masculino aos 65 anos e do sexo feminino aos 60 anos de idade. Os trabalhadores rurais

Leia mais

DECRETO Nº 8.145, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013

DECRETO Nº 8.145, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013 DECRETO Nº 8.145, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013 Altera o Regulamento da Previdência Social - RPS, aprovado pelo Decreto no 3.048, de 6 de maio de 1999, para dispor sobre a aposentadoria por tempo de contribuição

Leia mais

RECURSO HIERÁRQUICO PROCESSO N RECORRENTE: MÔNICA BLÓRIS NABUCO, T.A.J. RELATOR: DES. MARCUS BASÍLIO

RECURSO HIERÁRQUICO PROCESSO N RECORRENTE: MÔNICA BLÓRIS NABUCO, T.A.J. RELATOR: DES. MARCUS BASÍLIO RECURSO HIERÁRQUICO PROCESSO N. 0000211-41.2014.8.19.0810 RECORRENTE: MÔNICA BLÓRIS NABUCO, T.A.J. RELATOR: DES. MARCUS BASÍLIO RECURSO ADMINISTRATIVO HIERÁRQUICO. SERVIDORA APOSENTADA POR INVALIDEZ COM

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 24ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.025491/2014-57 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SERRA Benefício:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 08ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 08ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 08ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.229998/2014-88 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL LAGOA DA PRATA

Leia mais

A aposentadoria especial por sua vez poderá ser concedida aos 15, 20 ou 25 anos dependendo da penosidade da atividade de cada trabalhador

A aposentadoria especial por sua vez poderá ser concedida aos 15, 20 ou 25 anos dependendo da penosidade da atividade de cada trabalhador INTRODUÇÃO: Este laudo foi feito recentemente para um segurado cliente da Previcalc, trata-se de uma ação de revisão com objetivo de aplicar proporcionalmente o fato previdenciário, conforme explicativos

Leia mais

Vara Federal de São José dos Campos 3ª Subseção Judiciária do Estado de São Paulo. Vistos em sentença.

Vara Federal de São José dos Campos 3ª Subseção Judiciária do Estado de São Paulo. Vistos em sentença. Vistos em sentença. Trata-se de procedimento comum, em que se pretende a averbação do tempo de serviço prestado sob condições especiais, com posterior concessão de aposentadoria especial. Alega o autor,

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 611.686 - SE (2003/0207926-1) RELATOR : MINISTRO ARNALDO ESTEVES LIMA RECORRENTE : JOSÉ MARCELO LUVIZOTTO ADVOGADO : MARIA DO CARMO CORREIA DO SANTOS RECORRIDO : INSTITUTO NACIONAL

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.410.057 - RN (2013/0342505-2) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO RECORRENTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ADVOGADO : PROCURADORIA-GERAL FEDERAL - PGF - PR000000F

Leia mais

SENADO FEDERAL PARECER N 795, DE

SENADO FEDERAL PARECER N 795, DE SENADO FEDERAL PARECER N 795, DE 2016 Da COMISSÃO DE DIREITOS HUMANOS E LEGISLAÇÃO PARTICIPATIVA, sobre a Sugestão nº 8, de 2016, que dispõe sobre a aposentadoria especial para os profissionais Enfermeiros.

Leia mais

Previdencia e Perícia Medicina do Trabalho. Regime Previdenciário

Previdencia e Perícia Medicina do Trabalho. Regime Previdenciário Previdencia e Perícia Medicina do Trabalho Regime Previdenciário Auxilio-Doença Benefício concedido ao segurado temporariamente incapaz ao trabalho, Carteira assinada: os primeiros 15 dias são pagos pelo

Leia mais

Reconhece o direito solicitado

Reconhece o direito solicitado 1 Requerimento INSS Indeferido O INSS dá ciência ao interessado do motivo pelo qual não foi atendida a sua pretensão, que tem prazo de 30 dias para recorrer. Protocolo Recurso INSS revisa o processo Recurso

Leia mais

Insalubridade Os Riscos Biológicos em Estabelecimentos de Serviços de Saúde. Histórico e Legislação

Insalubridade Os Riscos Biológicos em Estabelecimentos de Serviços de Saúde. Histórico e Legislação Insalubridade Os Riscos Biológicos em Estabelecimentos de Serviços de Saúde Histórico e Legislação Interpretação de normas jurídicas para: - Advogados - Assistentes Técnicos (Médicos e Engenheiros do Trabalho)

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 1ª Câmara de Julgamento

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 1ª Câmara de Julgamento Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 1ª Câmara de Julgamento Número do Processo: 44232.393063/2015-35 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 21ª Junta de Recursos Número do Processo: 35569.003547/2014-20 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL REGISTRO Benefício:

Leia mais

Assessoria jurídica orienta sobre direito à aposentadoria especial MI 904

Assessoria jurídica orienta sobre direito à aposentadoria especial MI 904 Aparecida, calma procure orientação especializada, Advogado Trabalhista e priu. Leia e procure orientação especializada, seus direitos serão preservados. Att, Bartolomeu Dias TST/Recife Acesse a fonte

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE JARAGUÁ DO SUL

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE JARAGUÁ DO SUL D E C R E T O Nº 10.370/2015 Institui Normas e Procedimentos Administrativos para Aposentadoria Especial, Prevista no Artigo 40, 4º, III, da Constituição Federal de 1988, dos Servidores Públicos Municipais,

Leia mais

Palavras-chave: Aposentadoria especial; direito à saúde; requisitos; extinção; trabalhador.

Palavras-chave: Aposentadoria especial; direito à saúde; requisitos; extinção; trabalhador. APOSENTADORIA ESPECIAL COM REFLEXOS NO DIREITO FUNDAMENTAL À SAÚDE Bruna Alexandre Juvêncio 1 ; Andréia Alves Soares; 2 Lourdes Rosalvo Silva dos Santos 3 Resumo: A pesquisa tem como finalidade um breve

Leia mais

Atualizações no preenchimento do PPP, conforme IN 77 de , Memo-Circular n 02 de e IN 85 de Ciesp Jundiaí 12/05/16

Atualizações no preenchimento do PPP, conforme IN 77 de , Memo-Circular n 02 de e IN 85 de Ciesp Jundiaí 12/05/16 Atualizações no preenchimento do PPP, conforme IN 77 de 21.01.15, Memo-Circular n 02 de 23.07.15 e IN 85 de 18.01.16 Ciesp Jundiaí 12/05/16 1 Preenchimento de PPP conforme IN 85 de 18.01.16 e atualizações

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 15ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 15ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 15ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.169899/2014-30 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL TUPÃ Benefício:

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL

APOSENTADORIA ESPECIAL 51 3219 6586 ASC ebook APOSENTADORIA ESPECIAL a) O QUE É APOSENTADORIA ESPECIAL? A aposentadoria especial está prevista no art. 57 da Lei n. 8.213/91, sendo o benefício concedido pelo Instituto Nacional

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 29ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 29ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 29ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.555566/2015-19 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL ROLIM DE MOURA

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA PRIMEIRA REGIÃO

TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA PRIMEIRA REGIÃO (NåèÂ0R1R0) RELATOR(A) : JUIZ FEDERAL JOÃO CÉSAR OTONI DE MATOS RELATOR CONVOCADO : JUIZ FEDERAL JOÃO CÉSAR OTONI DE MATOS APELANTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS PROCURADOR : PROCURADORIA

Leia mais

REFORMA DA PREVIDÊNCIA análise da PEC 287/2016 no RGPS

REFORMA DA PREVIDÊNCIA análise da PEC 287/2016 no RGPS REFORMA DA PREVIDÊNCIA análise da PEC 287/2016 no RGPS Fábio Souza fabio@idsamericalatina.com.br abril/2017 4 PONTOS ESSENCIAIS DA REFORMA Igualdade formal Aplicabilidade imediata Idade mínima Redução

Leia mais

CONSTITUIÇÃO PEC Nº 287

CONSTITUIÇÃO PEC Nº 287 CONSTITUIÇÃO PEC Nº 287 Artigo 201 Art. 1º Art. 201. A previdência social será organizada sob a forma de regime geral, de caráter contributivo e de filiação obrigatória, observados critérios que preservem

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 29ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 29ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 29ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.094194/2014-51 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL JI-PARANÁ Benefício:

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete do Desembargador Federal Marcelo Navarro

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete do Desembargador Federal Marcelo Navarro APELAÇÃO / REEXAME NECESSÁRIO (APELREEX) Nº 17028/SE (0000855-62.2010.4.05.8500) APELANTE : INSS - INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL REPTE : PROCURADORIA REPRESENTANTE DA ENTIDADE APELADO : ALOIZIO DOS

Leia mais

Sabemos que existem 3 regimes: a) RGPS Social. Regime Geral de Previdência. b) Regimes Próprios. c) Regime de Previdência Complementar.

Sabemos que existem 3 regimes: a) RGPS Social. Regime Geral de Previdência. b) Regimes Próprios. c) Regime de Previdência Complementar. 1 Sabemos que existem 3 regimes: a) RGPS Social Regime Geral de Previdência b) Regimes Próprios c) Regime de Previdência Complementar. 2 Regimes Próprios Servidores Públicos Vamos informar só a regra geral

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Número do Processo: 44232.163367/2013-16 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 04ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.386064/2015-23 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SANTO ANTÔNIO

Leia mais

Excelentíssimo Senhor Doutor Juiz Federal da Vara Cível do Juizado Especial Federal da Subseção Judiciária de (nome da cidade).

Excelentíssimo Senhor Doutor Juiz Federal da Vara Cível do Juizado Especial Federal da Subseção Judiciária de (nome da cidade). Excelentíssimo Senhor Doutor Juiz Federal da Vara Cível do Juizado Especial Federal da Subseção Judiciária de (nome da cidade). (Nome do autor), brasileiro, casado, engenheiro de minas, carteira de identidade

Leia mais

TEMPO RURAL E SEUS REFLEXOS NA APOSENTADORIA

TEMPO RURAL E SEUS REFLEXOS NA APOSENTADORIA TEMPO RURAL E SEUS REFLEXOS NA APOSENTADORIA UTILIZAÇÃO DO TEMPO Art. 48. A aposentadoria por idade será devida ao segurado que, cumprida a carência exigida nesta Lei, completar 65 (sessenta e cinco) anos

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 14ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 14ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 14ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.521410/2015-26 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Número do Processo: 44232.100712/2014-83 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Dir. Previdenciário Marcos. Alterações: Salário Maternidade

Dir. Previdenciário Marcos. Alterações: Salário Maternidade Alterações: Salário Maternidade NOVIDADE - ALTERAÇÃO Lei 8213/91 Art. 71-A. Ao segurado ou segurada da Previdência Social que adotar ou obtiver guarda judicial para fins de adoção de criança é devido

Leia mais

Aposentadoria especial nos RPPS

Aposentadoria especial nos RPPS Aposentadoria especial nos RPPS Quem deve emitir o PPP e os Laudos Periciais? Conversão de períodos especiais em comum para servidores públicos; Regime Jurídico único????? Mandado de Injunção e Aposentadoria

Leia mais

Aposentaria Especial dos Profissionais da Área de Saúde

Aposentaria Especial dos Profissionais da Área de Saúde Aposentaria Especial dos Profissionais da Área de Saúde Gabriel Tinoco Palatnic Procurador Geral do Município de Teresópolis Ex- Conselheiro do Conselho de Recursos do Seguro Social Coordenador e Professor

Leia mais

CÁLCULOS DE REVISÕES DE BENEFÍCIO PREVIDENCIÁRIOS - RGPS

CÁLCULOS DE REVISÕES DE BENEFÍCIO PREVIDENCIÁRIOS - RGPS CÁLCULOS DE REVISÕES DE BENEFÍCIO PREVIDENCIÁRIOS - RGPS Sergio Geromes II Profsergiogeromes sergiogeromes@hotmail.com CÁLCULO DE RMI NOÇÕES PRELIMINARES RENDA MENSAL INICIAL RMI: Valor do primeiro pagamento

Leia mais

APOSENTADORIAS ESPECIAIS NO RGPS.

APOSENTADORIAS ESPECIAIS NO RGPS. APOSENTADORIAS ESPECIAIS NO RGPS BRUNO BAPTISTA bruno@baptistaevasconcelos.com.br 1) ESPÉCIES DE APOSENTADORIA ESPECIAIS: Art. 201, 1º da CR/88 (com redação da EC 47/2005): É vedada a adoção de requisitos

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 19ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 19ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 19ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.559087/2015-63 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL SÃO PAULO-PINHEIROS

Leia mais

Previdência social LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA. Os beneficiários

Previdência social LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA. Os beneficiários 1 Previdência social Conceito Previdência Social é um seguro que garante a renda do contribuinte e de sua família, em casos de doença, acidente, gravidez, prisão, morte e velhice. Oferece vários benefícios

Leia mais

RGPS CÁLCULO DA RENDA MENSAL INICIAL.

RGPS CÁLCULO DA RENDA MENSAL INICIAL. RGPS CÁLCULO DA RENDA MENSAL INICIAL e-mail: maurafeliciano@gmail.com RMI ALÍQUOTA/COEFICIENTE SB M. a. s. PBC (Período Básico de Cálculo) SC SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO Artigo 201 da CF/88: [...] 11. Os

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 1ª Composição Adjunta da 4ª Câmara de Julgamento Número do Processo: 44232.146076/2013-55 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 08ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 08ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 08ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.001186/2012-16 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL CONTAGEM Benefício:

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO GABINETE DO DESEMBARGADOR FEDERAL LUIZ ALBERTO GURGEL DE FARIA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO GABINETE DO DESEMBARGADOR FEDERAL LUIZ ALBERTO GURGEL DE FARIA REOAC Nº 394383 - SE (2005.85.01.002180-4) PARTE AUTORA: ATONIEL BATISTA DOS SANTOS ADVOGADO(S): TEREZINHA PACHEO FREDERICO e outros PARTE RÉ: INSS INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL REPRESENTANTE: PROCURADORIA

Leia mais

Direito Previdenciário

Direito Previdenciário Direito Previdenciário Benefícios em espécie Aposentadoria por Idade Parte 2 Prof. Bruno Valente Comprovação da atividade rural Prova material do exercício de atividade rurícola. Art. 106 da Lei nº 8.213/91

Leia mais

Cálculo da Renda Mensal Inicial - RGPS

Cálculo da Renda Mensal Inicial - RGPS Cálculo da Renda Mensal Inicial - RGPS Sergio Geromes II Profsergiogeromes sergiogeromes@hotmail.com CÁLCULO DE RMI NOÇÕES PRELIMINARES RENDA MENSAL INICIAL RMI: Valor do primeiro pagamento recebido pelo

Leia mais

ANO XXIV ª SEMANA DE JULHO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 31/2013

ANO XXIV ª SEMANA DE JULHO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 31/2013 ANO XXIV - 2013-5ª SEMANA DE JULHO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 31/2013 ASSUNTOS PREVIDENCIÁRIOS APOSENTADORIA ESPECIAL CONSIDERAÇÕES... Pág. 821 APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO CONSIDERAÇÕES...

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO C

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO C JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº2008.70.59.002797-0/PR RELATORA : Juíza Márcia Vogel Vidal de Oliveira RECORRENTE : LUIZ OSNI ALVES RECORRIDO : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL VOTO Pretendendo

Leia mais