ÍNDICE CURSOS NACIONAIS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ÍNDICE CURSOS NACIONAIS"

Transcrição

1 ÍNDICE APRESENTAÇÃO João Ricardo Costa, presidente da AMB e Cláudio dell Orto, diretor-presidente da ENM 03 INSCRIÇÕES 06 O GUIA 09 Resolução ENM nº 01 de 03 de setembro de CALENDÁRIO 14 CURSOS NACIONAIS MEDIA TRAINING MÓDULO AVANÇADO 18 GESTÃO ORÇAMENTÁRIA 19 MEDIA TRAINING MÓDULO BÁSICO 20 TÉCNICAS DE INVESTIGAÇÃO 21 DIREITO DO CONSUMIDOR 22 ENERGIA, CONSUMO E AMBIENTE 23 20º CONGRESSO BRASILEIRO DE DIREITO AMBIENTAL: 10º CONGRESSO DE DIREITO AMBIENTAL DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E ESPANHOLA: 24 PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO EM PODER JUDICIÁRIO 25 PROCESSO ELETRÔNICO 26

2 ÍNDICE AS NOVAS FAMÍLIAS: DIREITO, ÉTICA E PSICANÁLISE 27 DIREITOS HUMANOS 28 INTRODUÇÃO À JUSTIÇA RESTAURATIVA 29 MEDIAÇÃO E CONCILIAÇÃO PARA MAGISTRADOS APOSENTADOS 30 ÉTICA, FILOSOFIA E HUMANISMO 31 DIREITO DO CONSUMIDOR E AMBIENTAL 32 ATIVISMO JUDICIAL: LIMITES E POSSIBILIDADES 33 ENCONTRO NACIONAL DE MAGISTRADOS DA INFÂNCIA E DA JUVENTUDE 34 JURISDIÇÃO E PSICANÁLISE 35 CURSOS INTERNACIONAIS III SEMINÁRIO LUSO-BRASILEIRO DE DIREITO: ESTADO DE DIREITO, DIREITOS FUNDAMENTAIS E COMBATE À CORRUPÇÃO INTERFACES PORTUGAL/BRASIL 38 MESTRADO EM DIREITO COMPARADO NA CUMBERLAND SCHOOL OF LAW SAMFORD UNIVERSITY 39 MESTRADO NA UNIVERSIDADE CLÁSSICA DE LISBOA 40 DOUTORADO NA UNIVERSIDADE CLÁSSICA DE LISBOA 41 ATUALIZAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA MAGISTRADOS 42 VIII CONGRESSO IBEROAMERICANO SOBRE COOPERAÇÃO JUDICIAL 43 PROGRAMA INTERNACIONAL DE INTERCÂMBIO COM A UNIVERSIDADE DA GEÓRGIA 44

3 APRESENTAÇÃO A Escola Nacional da Magistratura da AMB oferece aos associados o Guia de Cursos para 2015 com uma programação diversificada que busca cumprir o desafio de ajudar a formar e aperfeiçoar a magistratura com um olhar refl exivo sobre os conflitos de interesse que diariamente são submetidos ao Judiciário brasileiro. A grade privilegia alguns temas não contemplados pela formação tradicional da magistratura e procura encontrar para os demais assuntos uma infl exão mais próxima dos imensos desafios lançados para a sociedade brasileira neste momento de grandes mudanças no cenário socioeconômico do país e do mundo. A preocupação da diretoria da ENM/AMB com esse cenário se revela na percepção de que, além da técnica jurídica, o magistrado do século XXI deve ter acesso a habilidades específicas em áreas distintas como comunicação social, gestão de pessoas, organização e métodos, finanças e orçamento público. 3

4 APRESENTAÇÃO Ao longo de sua vida profissional o magistrado assumirá incumbências que exigirão um conhecimento transdisciplinar que muito se distancia da formação que lhe foi exigida para aprovação no concurso público. Tais exigências proporcionam, em muitos casos, uma angústia nociva capaz de afetar-lhe a saúde. É necessário conhecer tais situações e desenvolver uma grade de cursos e eventos capaz de minimizar-lhes os efeitos. A pesquisa que a AMB realizará com seus associados e a avaliação dos cursos oferecidos, ajudarão na customização dos conteúdos programáticos e no ajuste do projeto didático pedagógico. A escassez de tempo deve ser suprida com atividades úteis ao aperfeiçoamento produtivo do magistrado. Os cursos e atividades devem ajustar-se ao relevante e indispensável papel exercido pelo magistrado por delegação do povo brasileiro. A diretoria da ENM/AMB também incrementará as atividades de intercâmbio internacional através das parcerias tradicionais para pós-graduação em renomadas instituições e com a realização de novos convênios. Uma inovação para 2015 será a oferta de vagas em nossos cursos para a participação de magistrados estrangeiros, permitindo uma renovadora troca de experiências com colegas de vários países. Constatamos um crescente interesse de magistrados de vários países em conhecer o sistema judicial brasileiro e, principalmente, nosso sistema de formação e aperfeiçoamento continuado, que é um dos melhores do mundo. 4

5 APRESENTAÇÃO Trabalharemos para aprimorar os métodos de capacitação em parceria com a Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam), que credencia cursos essenciais para o cumprimento da norma constitucional que exige, para aferição do merecimento do magistrado, a frequência e aprovação em cursos de aperfeiçoamento. Portanto, apesar dos enormes desafios do porvir, a magistratura brasileira está preparada e continuamente se aperfeiçoando para cumprir e fazer cumprir a Constituição e as leis, de forma célere e eficiente. Um grande abraço, João Ricardo dos Santos Costa Presidente da AMB Cláudio dell Orto Diretor-Presidente da ENM 5

6 INSCRIÇÕES A partir das informações contidas neste Guia, faça suas escolhas e inscreva-se por meio do site: Clique em NOSSOS CURSOS, digite seu CPF e preencha o formulário de inscrição. 6

7 INSCRIÇÕES Importante Nos termos da lei complementar nº 35/79, todo magistrado pode requerer afastamento temporário para frequentar qualquer um dos cursos, podendo solicitar auxílio da ENM/AMB para a obtenção de sua licença. Não tire a oportunidade de outro magistrado O magistrado selecionado para qualquer um dos cursos oferecidos pela ENM que não apresentar prévio e justo motivo referente à eventual desistência, ficará excluído dos processos seletivos durante um período de cinco anos. Os cursos nacionais somente serão realizados com o número mínimo de alunos confirmados 7

8 O GUIA

9 O GUIA O Guia de Cursos da Escola Nacional da Magistratura (ENM) 2015 traz para você as principais ações da ENM programadas para este ano. Por meio dele, você pode obter mais informações sobre os objetivos e formatos dos cursos e eventos oferecidos pela Escola. Com o propósito de oferecer aos associados e participantes diversas oportunidades de aperfeiçoamento, a ENM poderá incluir no cronograma de 2015 mais eventos e cursos que não puderam ser concluídos até a edição deste guia. Fique atento! Durante o ano, informaremos novos eventos e parcerias, bem como eventuais alterações de data, local e atualizações dos cursos por meio do boletim AMB Informa e site da ENM (www.enm.org.br), o portal da formação e aperfeiçoamento do magistrado. Colabore e encaminhe sua sugestão. Boa sorte! Conte com a ENM/AMB, que existe e se justifica para servir ao magistrado. 9

10 Resolução ENM nº 01 de 03 de setembro de 2012 Dispõe sobre Regulamento para a seleção de Magistrados para participação em cursos promovidos pela Escola Nacional da Magistratura (ENM), órgão social da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB). O DIRETOR-PRESIDENTE DA ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA, no uso de suas atribuições e amparado no art. 57 dos Estatutos da AMB, CONSIDERANDO a necessidade de regulamentar a forma de seleção de magistrados para a participação em cursos e eventos da ENM RESOLVE: SEÇÃO I DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º As seleções de Magistrados para cursos, promovidos pela Escola Nacional da Magistratura ENM, ocorrerão quando houver maior número de candidatos do que vagas oferecidas e serão realizadas em conformidade com o calendário anual da ENM (Guia de Cursos), com as deliberações da Comissão de Seleção e com este regulamento. Art. 2º A Comissão de Seleção, composta pelo Diretor da ENM, Secretário-Geral, dois Magistrados integrantes da Diretoria da Escola Nacional, à escolha do Diretor e o Coordenador do respectivo curso, avaliará os currículos encaminhados pelos candidatos interessados atendendo aos seguintes pré requisitos: I - vínculo associativo com a Associação dos Magistrados Brasileiros AMB; II - não ter participado de cursos promovidos pela ENM, nos últimos três anos, na classe (nacional ou internacional) a que esteja concorrendo; 10

11 Resolução ENM nº 01 de 03 de setembro de 2012 III - domínio do idioma do respectivo curso, quando for o caso; IV - afi nidade temática do curso com a atuação do candidato. Parágrafo único. Havendo sobra de vagas os critérios estabelecidos nos incisos I, II e IV poderão ser desconsiderados. Art. 3º No caso de cursos de Formação de Formadores, Especialização, Mestrado e Doutorado no exterior, depois de examinados os pré-requisitos de que trata o art. 2º e excluídos os candidatos que já possuam título equivalente àquele oferecido pelo curso demandado, será procedida avaliação curricular do candidato. 1º Será atribuída pontuação à formação comprovada do Magistrado da seguinte forma: I 1 (um) ponto para cursos de especialização, 2 (dois) pontos para cursos de Mestrado e 3 (três) pontos para cursos de doutorado, observando-se que cada título, da mesma natureza, só será considerado uma única vez; II 2 (dois) pontos para cada ano de docência comprovada em pós-graduação ou em Escola de Magistratura e 1 (um) ponto para cada ano de docência comprovada em graduação, até o máximo de dez pontos. Art. 4º Sempre que houver empate, o critério de seleção será o sorteio. Art. 5º Poderá ser exigido o certifi cado do curso de idiomas, nos termos e na forma em que as instituições conveniadas o exigir. Caso haja tradução, o requisito do inciso III do art. 2º deste Regulamento poderá ser dispensado a critério da Comissão de Seleção. Art. 6º Visando observar a abrangência nacional da ENM e considerando a proporcionalidade de vagas, caso mais de um Magistrado de um mesmo Estado ou Região preencha os requisitos para seleção, a escolha será feita, em relação a eles, por sorteio, exceto nos casos em que haja a exigência de avaliação curricular. Art. 7º O Magistrado selecionado terá o prazo de 5 dias a contar da comunicação da seleção, para confi rmar a participação ou comunicar desistência ou impedimento. Parágrafo único. Para cada curso ou evento serão selecionados até 5 (cinco) suplentes. 11

12 Resolução ENM nº 01 de 03 de setembro de 2012 Art. 8º Caso o Magistrado selecionado desista, previamente, do curso, convocar-se-á o magistrado suplente. Art. 9º O não atendimento ao disposto no art. 7º, acarretará o impedimento da participação do Magistrado em cursos promovidos na forma deste Regulamento pelo período de cinco anos, bem como o ressarcimento das despesas que a ENM porventura houver adiantado, exceto se a desistência ocorrer em tempo hábil à convocação do suplente. Art. 10. Além dos requisitos deste Regulamento, o Magistrado selecionado deverá preencher as demais exigências curriculares da Instituição conveniada e apresentar os documentos por ela exigidos. Art. 11. É critério exclusivo da Instituição conveniada, nos cursos de Mestrado e Doutorado, aceitar ou não a inscrição do Magistrado selecionado pela ENM, podendo a instituição conveniada exigir que o candidato se submeta a processo seletivo específi co. Art. 12. Mediante prévia divulgação, eventualmente, a juízo da Comissão de Seleção, dependendo de características especiais do curso ou evento que não exija pré-requisitos específi cos, poderão ser utilizados critérios diversos daqueles constantes neste Regulamento. Art. 13. As inscrições para os cursos somente serão realizadas por meio do sítio: www. enm.org.br respeitando os prazos estabelecidos. Art. 14. A ENM oferecerá, anualmente, vagas para os cursos realizados pelas entidades conveniadas, cujo número será divulgado oportunamente. Art. 15. Observados os requisitos constantes deste Regulamento, os Magistrados selecionados para os cursos deverão encaminhar a documentação exigida pela instituição conveniada que analisará o pedido e, no caso de Doutorado, juntamente com outros documentos, deverá ser encaminhada também a Dissertação de Mestrado. 12

13 Resolução ENM nº 01 de 03 de setembro de 2012 SEÇÃO II DAS DISPOSIÇÕES FINAIS Art. 16. A ENM prestará o apoio institucional aos Magistrados selecionados no que diz respeito ao afastamento de suas funções judicantes no Brasil, respeitadas as resoluções, provimentos locais e nacionais, respectivos. Art. 17. Eventuais despesas decorrentes de situações que ocorrerem durante o período do curso, não previstas, tais como prolongamento de estada para sua conclusão, serão de responsabilidade do Magistrado. Art. 18. As Regras previstas neste Regulamento aplicam-se também aos cursos promovidos pela ENM no Brasil, no que couber. Art. 19. A ENM não se responsabiliza por eventual recusa de inscrição do Magistrado selecionado, na forma deste Regulamento, por parte da Instituição conveniada. Art. 20. Este Regulamento aprovado nas reuniões da Diretoria da ENM será aplicado desde logo, ad referendum, na data de sua aprovação pelo Conselho Executivo da AMB e da publicação da Resolução da Presidência que o ratificar. Art. 21. Nos casos omissos e esgotados os critérios constantes deste Regulamento, a decisão caberá à Comissão de Seleção. Art. 22. Ficam revogadas disposições em contrário. Esta resolução da ENM foi referendada por decisão do Conselho Executivo da AMB no dia 30 de janeiro de

14 CALENDÁRIO 2015 MAPA DE CURSOS 1º SEMESTRE JANEIRO FEVEREIRO MARÇO D S T Q Q S S D S T Q Q S S D S T Q Q S S ABRIL D S T Q Q S S CURSO MEDIA TRAINING MÓDULO AVANÇADO (DF) MAIO D S T Q Q S S CURSO SOBRE GESTÃO ORÇAMENTÁRIA 1ª turma (DF) CURSO MEDIA TRAINING MÓDULO BÁSICO - 1ª turma (DF) JUNHO D S T Q Q S S III SEMINÁRIO LUSO-BRASILEIRO DE DIREITO: ESTADO DE DIREITO, DIREITOS FUNDAMENTAIS E COMBATE À CORRUPÇÃO INTERFACES PORTUGAL/BRASIL (PORTUGAL) CURSO TÉCNICAS DE INVESTIGAÇÃO (MT) CURSO DE DIREITO DO CONSUMIDOR 1ª turma (ES) Feriados 01/01 - CONFRATERNIZAÇÃO UNIVERSAL 17/02 - CARNAVAL 03/04 - PAIXÃO DE CRISTO 05/04 - PÁSCOA 01/05 - DIA DO TRABALHO 10/05 - DIA DAS MÃES 04/06 - CORPUS CHRISTI CURSO ENERGIA, CONSUMO E AMBIENTE (DF) CURSO MEDIA TRAINING MÓDULO BÁSICO - 2ª turma (DF) PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO EM PODER JUDICIÁRIO (RJ) Em maio CURSO MEDIA TRAINING MÓDULO BÁSICO - 3ª turma (DF) CURSO DE PROCESSO ELETRÔNICO (DF) CURSO AS NOVAS FAMÍLIAS: DIREITO, ÉTICA E PSICANÁLISE (RJ) 20º CONGRESSO BRASILEIRO DE DIREITO AMBIENTAL: 10º CONGRESSO DE DIREITO AMBIENTAL DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E ESPANHOLA: CONGRESSO EM HOMENAGEM AO EMINENTE PROFESSOR, MAGISTRADO E SECRETÁRIO-GERAL DA ENM/AMB ELADIO LECEY. (SP)

15 2º SEMESTRE CALENDÁRIO 2015 MAPA DE CURSOS JULHO AGOSTO SETEMBRO D S T Q Q S S D S T Q Q S S D S T Q Q S S CURSO DE DIREITOS HUMANOS (CE) CURSO: INTRODUÇÃO À JUSTIÇA RESTAURATIVA (DF) OUTUBRO D S T Q Q S S CURSO MEDIAÇÃO E CONCILIAÇÃO PARA MAGISTRADOS APOSENTADOS (DF) CURSO: ÉTICA, FILOSOFIA E HUMANISMO (MA) NOVEMBRO D S T Q Q S S CURSO DE DIREITO DO CONSUMIDOR E AMBIENTAL (BA) CURSO ATIVISMO JUDICIAL: LIMITES E POSSIBILIDADES (MS) CURSO DE DIREITO DO CONSUMIDOR 2ª turma (PI) DEZEMBRO D S T Q Q S S ENCONTRO NACIONAL DE MAGISTRADOS DA INFÂNCIA E DA JUVENTUDE (PB) XXII CONGRESSO BRASILEIRO DE MAGISTRADOS (GO) Feriados 09/08 - DIA DOS PAIS 07/09 - INDEPENDÊNCIA DO BRASIL 12/10 - N. SRA. APARECIDA / DIA DAS CRIANÇAS 09/11 - FINADOS 15/11 - PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA 25/12 - NATAL CURSO SOBRE GESTÃO ORÇAMENTÁRIA 2ª turma (DF) CURSO JURISDIÇÃO E PSICANÁLISE (RJ) DE 23 DE NOVEMBRO A 02 DE DEZEMBRO CURSO DE ATUALIZAÇÃO EM PROPRIEDADE INTELECTUAL PARA MAGISTRADOS (CHINA E HONG KONG) DE 24 A 26 DE NOVEMBRO VIII CONGRESSO IBEROAMERICANO SOBRE COOPERAÇÃO JUDICIAL SANTIAGO (CHILE) DE 28 DE NOVEMBRO A 13 DE DEZEMBRO PROGRAMA INTERNACIONAL DE INTERCÂMBIO COM A UNIVERSIDADE DA GEÓRGIA (EUA) MESTRADO EM DIREITO COMPARADO NA CUMBERLAND SCHOOL OF LAW SAMFORD UNIVERSITY, MESTRADO NA UNIVERSIDADE CLÁSSICA DE LISBOA e DOUTORADO NA UNIVERSIDADE CLÁSSICA DE LISBOA, possuem períodos maiores que podem ser conferidos nas respectivas páginas 15

16

17 CURSOS NACIONAIS

18 CURSOS NACIONAIS Curso MEDIA TRAINING MÓDULO AVANÇADO Carga horária: 16 horas/aula. 26 e 27 de fevereiro de Público-alvo: Dirigentes da AMB. Local: Auditório da ENM/AMB. Brasília (DF). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura da Associação dos Magistrados Brasileiros. Objetivo: Proporcionar aos porta-vozes das entidades associativas instrumentos avançados para relacionamento com a mídia e gerenciamento de situações de crise. Total de vagas: 15 vagas. Investimento: O curso será custeado pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Desembargador Cláudio dell Orto. 18 ENM - ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA / AMB - ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS

19 CURSOS APRESENTAÇÃO NACIONAIS Carga horária: 20 horas/aula. 1ª Turma: 4 e 5 de março de Público-alvo: Dirigentes ou representantes de entidades de classe filiadas à AMB. 2ª Turma: 9 e 10 de novembro de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. Curso sobre GESTÃO ORÇAMENTÁRIA Local: Brasília (DF). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura, Associação dos Magistrados Brasileiros e Instituto Serzedello Corrêa - ISC/TCU. Objetivo: Capacitar o associado a aplicar normas jurídicas e regras financeiras para uma adequada elaboração e execução dos orçamentos públicos e transmitir-lhes conhecimento necessário, conceitos e normas jurídicas essenciais ao adequado manejo das Resoluções 194 e 195 do CNJ. 1ª Turma: Até 23 de fevereiro de ª Turma: Até 30 de setembro de Total de vagas: 30 vagas em cada turma. Investimento: O curso será oferecido pelo ISC/TCU em parceria com ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Juíza de Direito Mônica de Lucca e juíza de Direito Maria Aparecida Gadelha. ENM.ORG.BR / AMB.COM.BR 19

20 CURSOS NACIONAIS Curso MEDIA TRAINING MÓDULO BÁSICO Carga horária: 16 horas/aula. 1ª Turma: 19 e 20 de março de ª Turma: 21 e 22 de maio de ª Turma: 11 e 12 de junho de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. Local: Auditório da ENM/AMB. Brasília (DF). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura da Associação dos Magistrados Brasileiros. Objetivo: Proporcionar ao associado treinamento para melhorar sua relação com os meios de comunicação e atuar positivamente em momentos de crise. O participante será treinado para entrevistas nos vários meios de comunicação e para atuar em situações em que sua atividade profissional o coloque em destaque como notícia. Até 06 de março de 2015 para a 1ª turma. Até 30 de abril de 2015 para a 2ª turma. Até 30 de maio de 2015 para a 3 ª turma. Total de vagas: 12 vagas em cada turma. Investimento: O curso será custeado pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Juiz de Direito Giordane Dourado. 20 ENM - ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA / AMB - ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS

21 CURSOS NACIONAIS Carga horária: 16 horas/aula. 16 e 17 de abril de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. Curso TÉCNICAS DE INVESTIGAÇÃO Local: Escola da Magistratura Mato-Grossense. Cuiabá (MT). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura, Associação dos Magistrados Brasileiros e Escola da Magistratura Mato-Grossense. Objetivo: Capacitação sobre o sistema legal e as modalidades operacionais que viabilizam as várias alternativas para enfrentamento e prevenção do crime organizado, crimes financeiros, crimes contra a administração pública e criminalidade transnacional. Até 31 de março de Total de vagas: 50 vagas. Investimento: O curso será oferecido pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Juiz de Direito Jamilson Haddad e juíza de Direito Maria Aparecida Gadelha. ENM.ORG.BR / AMB.COM.BR 21

22 CURSOS NACIONAIS Curso DIREITO DO CONSUMIDOR Carga horária: 16 horas/aula. 1ª Turma: 23 e 24 de abril de ª Turma: 24 e 25 de setembro de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. Local: 1ª Turma: Vitória (ES). Local: 2ª Turma: Teresina (PI). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura, Associação dos Magistrados Brasileiros, Escolas de Magistratura locais e BRASILCOM. Objetivo: Proporcionar aos magistrados associados plena capacitação para aplicação das normas derivadas do Código de Defesa do Consumidor e para adoção de medidas que reduzam o denominado uso predatório do Judiciário. 1ª Turma: Até 31 de março de ª Turma: Até 31 de agosto de Total de vagas: 30 vagas em cada turma. Investimento: O curso será oferecido pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Desembargador Eladio Lecey. 22 ENM - ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA / AMB - ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS

23 CURSOS NACIONAIS Carga horária: 20 horas/aula. 20 a 22 de maio de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. Curso ENERGIA, CONSUMO E AMBIENTE Local: Brasília (DF). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura, Associação dos Magistrados Brasileiros e Câmara de Comercialização de Energia Elétrica. Objetivo: Disseminar conhecimento sobre o setor elétrico entre os magistrados com foco principalmente no funcionamento do segmento de comercialização; ampliar a compreensão do Poder Judiciário sobre o setor elétrico. Até 30 de abril de Total de vagas: 20 vagas. Investimento: O curso e a hospedagem serão custeados pela ENM/AMB e CCEE. As despesas de deslocamento ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Juiz Marcelo Piragibe. ENM.ORG.BR / AMB.COM.BR 23

24 CURSOS NACIONAIS 20º CONGRESSO BRASILEIRO DE DIREITO AMBIENTAL: Ambiente, sociedade e consumo sustentável 10º CONGRESSO DE DIREITO AMBIENTAL DOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA E ESPANHOLA: Dano ambiental, prevenção, reparação e repressão **CONGRESSO EM HOMENAGEM AO EMINENTE PROFESSOR, MAGISTRADO E SECRETÁRIO-GERAL DA ENM/AMB ELADIO LECEY. Carga horária: 24 horas/aula. 24 a 27 de maio de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. Local: Fundação Mokiti Okada Rua Morgado de Mateus, 77, Vila Mariana. São Paulo (SP). Organizadores: Fundação Mokiti Okada e Instituto O Direito por um Planeta Verde. Objetivo: Propiciar formação continuada em Direito Ambiental e Direito do Consumidor, com abordagem de temas atuais. Até 19 de abril de Total de vagas: 40 vagas para magistrados associados da AMB, preferencialmente que atuem em jurisdição ambiental e consumerista. Investimento: A inscrição no Congresso será custeada pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Desembargador Cláudio dell Orto. 24 ENM - ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA / AMB - ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS

25 CURSOS NACIONAIS Carga horária: 40 horas/aula. 25 a 29 de maio de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO EM PODER JUDICIÁRIO Local: Sede da FGV-Direito Rio. Rio de Janeiro (RJ). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura, Associação dos Magistrados Brasileiros e FGV-Direito Rio. Objetivo: Oferecer aos magistrados associados formação multidisciplinar nas áreas jurídicas e de gestão com destaque para o aperfeiçoamento das atividades operacionais e de administração da Justiça. Até 08 de maio de Total de vagas: 45 vagas. Investimento: O curso será custeado pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Juiz do Trabalho Maurício Drummond. ENM.ORG.BR / AMB.COM.BR 25

26 CURSOS NACIONAIS Curso de PROCESSO ELETRÔNICO Carga horária: 16 horas/aula. 18 e 19 de junho de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. Local: Sede da AMB. Brasília (DF). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura e Associação dos Magistrados Brasileiros. Objetivo: Refl etir sobre a principiologia específica e a nova teoria geral do processo eletrônico, além de capacitar os magistrados no manejo dos autos virtuais e sua inserção na atividade jurisdicional em rede. Até 05 de junho de Total de vagas: 30 vagas. Investimento: O curso será custeado pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Desembargador Federal do Trabalho José Eduardo Chaves. 26 ENM - ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA / AMB - ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS

27 CURSOS NACIONAIS Carga horária: 16 horas/aula. 25 e 26 de junho de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. Curso AS NOVAS FAMÍLIAS: DIREITO, ÉTICA E PSICANÁLISE Local: Rio de Janeiro (RJ). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura, Associação dos Magistrados Brasileiros e Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (Emerj). Objetivo: Capacitar o associado a compreender o fenômeno das novas unidades familiares a partir de noções inter e multidisciplinares que contribuam para a solução dos litígios decorrentes da nova realidade. Até 31 de maio de Total de vagas: 50 vagas. Investimento: O curso será custeado pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Juíza de Direito Andréa Pachá. ENM.ORG.BR / AMB.COM.BR 27

28 CURSOS NACIONAIS Curso de DIREITOS HUMANOS Carga horária: 25 horas/aula. 15 a 17 de julho de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. Local: Fortaleza (CE). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura, Associação dos Magistrados Brasileiros, Escola Superior da Magistratura do Ceará (Esmec) e Associação Cearense dos Magistrados (ACM). Objetivo: Capacitar o associado a compreender o fenômeno da proteção integral da dignidade da pessoa humana e encontrar maneiras de solucionar os litígios decorrentes das violações dos direitos humanos, utilizando, inclusive, normas internacionais de direitos humanos inseridas no ordenamento jurídico nacional. Até 31 de maio de Total de vagas: 30 vagas, sendo 15 reservadas para magistrados do Ceará. Investimento: O curso será custeado pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Juiz Edinaldo César Santos Junior e juíza Maria da Graça Gurgel. 28 ENM - ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA / AMB - ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS

29 CURSOS NACIONAIS Carga horária: 20 horas/aula. 22 a 24 de julho de Público-alvo: Magistrados associados à AMB. Curso INTRODUÇÃO À JUSTIÇA RESTAURATIVA Local: Auditório da ENM/AMB. Brasília (DF). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura e Associação dos Magistrados Brasileiros. Objetivo: Apresentar aos magistrados associados os conceitos fundamentais e uma visão panorâmica das modalidades de práticas restaurativas. Proporcionar aproximação entre magistrados interessados no tema da Justiça Restaurativa e discutir iniciativas de difusão e implementação de práticas restaurativas. Até 30 de junho de Total de vagas: 40 vagas. Investimento: O curso será custeado pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Juiz de Direito Leoberto Brancher, juíza de Direito Vera Deboni, juiz de Direito Egberto Penido e juíza de Direito Isabel Sampaio. ENM.ORG.BR / AMB.COM.BR 29

30 CURSOS NACIONAIS Curso MEDIAÇÃO E CONCILIAÇÃO PARA MAGISTRADOS APOSENTADOS Carga horária: 40 horas/aula. 10 a 14 de agosto de Público-alvo: Magistrados aposentados associados à AMB. Local: Brasília (DF). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura, Associação dos Magistrados Brasileiros e CNJ. Objetivo: Capacitar magistrados aposentados em técnicas de mediação para atuar em mediações complexas. Até 31 de julho de Total de vagas: 30 vagas. Investimento: O curso será custeado pela ENM/AMB. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Desembargador Celso Limongi. 30 ENM - ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA / AMB - ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS

31 CURSOS NACIONAIS Carga horária: 20 horas/aula distribuídas em cinco módulos de 4 horas/aula. Módulo I - Humanismo I - 4 h/aula. Os demais módulos serão divulgados ao longo do período 27 de agosto de Público-alvo: Magistrados associados da AMB Curso ÉTICA, FILOSOFIA E HUMANISMO Local: São Luís (MA). Organizadores: Escola Nacional da Magistratura, Associação dos Magistrados Brasileiros e Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA). Objetivo: Estudar os conceitos elementares do Humanismo visando a introduzir na magistratura a cultura da formação humanística como instrumento de aprimoramento ético da instituição. Até 15 de junho de Total de vagas: 50 vagas. Investimento: O curso será oferecido pela ENM/AMB em parceria com a Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA) e escolas dos estados em que ocorrerão os módulos. As despesas de deslocamento e hospedagem ficarão a cargo do magistrado participante ou dos respectivos tribunais, escolas ou associações. Coordenação: Desembargador Lourival Jesus Serejo Souza e juiz de Direito Mantovanni Colares Cavalcanti. ENM.ORG.BR / AMB.COM.BR 31

Mozart Valadares Pires Presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros. Eladio Lecey Diretor-presidente da Escola Nacional da Magistratura

Mozart Valadares Pires Presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros. Eladio Lecey Diretor-presidente da Escola Nacional da Magistratura A Escola Nacional da Magistratura (ENM) comemora em 2009 a publicação da quinta edição do Guia de Cursos e Campanhas Institucionais. O livreto reúne em um só lugar informações completas para os magistrados

Leia mais

CURSOS NACIONAIS. Nome do Curso GUIA DE CURSOS

CURSOS NACIONAIS. Nome do Curso GUIA DE CURSOS Nome do Curso GUIA DE CURSOS 2016 1 Gestão Nome ENM do Curso 2014 a 2016 Presidente da AMB João Ricardo dos Santos Costa Diretor-presidente Cláudio Luis Braga dell Orto Vice-diretor presidente Marcelo

Leia mais

Aprimorar a formação profissional está entre as mais comuns das prioridades

Aprimorar a formação profissional está entre as mais comuns das prioridades Aprimorar a formação profissional está entre as mais comuns das prioridades estabelecidas a cada início de ano. Nada mais pertinente, já que a atualização constante é fundamental para o bom exercício de

Leia mais

Conheça a ENM. Colabore com o trabalho da ENM enviando sugestões que permitam oferecer uma Justiça melhor à população.

Conheça a ENM. Colabore com o trabalho da ENM enviando sugestões que permitam oferecer uma Justiça melhor à população. Conheça a ENM A Escola Nacional da Magistratura (ENM) é um órgão da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), com cerca de 50 anos de experiência trabalhando na especialização, na atualização e no

Leia mais

GALERIA DE EX-PRESIDENTES DA ENM

GALERIA DE EX-PRESIDENTES DA ENM GUIA DE CURSOS 2011 GALERIA DE EX-PRESIDENTES DA ENM Hamiltom Moraes de Barros 1984 / 1985 Ruy Rosado de Aguiar 1986 / 1987 José Joaquim da Fonseca Passos 1988 / 1989 Cristovam Daiello Moreira 1990 / 1991

Leia mais

ESCOLA NACIONAL DE FORMAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO DE MAGISTRADOS MINISTRO SÁLVIO DE FIGUEIREDO TEIXEIRA RESOLUÇÃO Nº 3, DE 4 DE DEZEMBRO DE 2013.

ESCOLA NACIONAL DE FORMAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO DE MAGISTRADOS MINISTRO SÁLVIO DE FIGUEIREDO TEIXEIRA RESOLUÇÃO Nº 3, DE 4 DE DEZEMBRO DE 2013. ESCOLA NACIONAL DE FORMAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO DE MAGISTRADOS MINISTRO SÁLVIO DE FIGUEIREDO TEIXEIRA RESOLUÇÃO Nº 3, DE 4 DE DEZEMBRO DE 2013. Dispõe sobre o curso oficial para ingresso, o curso de formação

Leia mais

PROJETO 4º PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO JUDICIAL DIREITOS HUMANOS SISTEMA PENITENCIÁRIO

PROJETO 4º PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO JUDICIAL DIREITOS HUMANOS SISTEMA PENITENCIÁRIO PROJETO 4º PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO JUDICIAL DIREITOS HUMANOS SISTEMA PENITENCIÁRIO 1) DADOS DO EVENTO 1.1) TÍTULO Des. Fernando Cerqueira Norberto dos Santos 4º PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO JUDICIAL

Leia mais

ESCOLA NACIONAL DE FORMAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO DE MAGISTRADOS ENFAM FUNDAMENTAÇÃO CONSTITUCIONAL

ESCOLA NACIONAL DE FORMAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO DE MAGISTRADOS ENFAM FUNDAMENTAÇÃO CONSTITUCIONAL 1 ESCOLA NACIONAL DE FORMAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO DE MAGISTRADOS ENFAM FUNDAMENTAÇÃO CONSTITUCIONAL No tocante à composição e gestão da Enfam (art. 105, parágrafo único, I): Funcionarão junto ao Superior

Leia mais

PROJETO 18º INTERCÂMBIO EM ADMINISTRAÇÃO JUDICIAL COMPARADO COM ENFOQUE NO DIREITO CONSTITUCIONAL, CIVIL E PENAL DOS ESTADOS UNIDOS

PROJETO 18º INTERCÂMBIO EM ADMINISTRAÇÃO JUDICIAL COMPARADO COM ENFOQUE NO DIREITO CONSTITUCIONAL, CIVIL E PENAL DOS ESTADOS UNIDOS PROJETO 18º INTERCÂMBIO EM ADMINISTRAÇÃO JUDICIAL COMPARADO COM ENFOQUE NO DIREITO CONSTITUCIONAL, CIVIL E PENAL DOS ESTADOS UNIDOS 1) DADOS DO EVENTO 1.1) TÍTULO 18º INTERCÂMBIO EM ADMINISTRAÇÃO JUDICIAL

Leia mais

O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS, usando das atribuições legais e regimentais,

O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE GOIÁS, usando das atribuições legais e regimentais, DECRETO JUDICIÁRIO Nº 1543/2013. Dispõe sobre a Regulamentação da concessão de Bolsa de Graduação e Pós-Graduação no âmbito do Poder Judiciário do Estado de Goiás. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO

Leia mais

Resolução nº 126 do Conselho Nacional de Justiça, de 22 de fevereiro de 2011

Resolução nº 126 do Conselho Nacional de Justiça, de 22 de fevereiro de 2011 Resolução nº 126 do Conselho Nacional de Justiça, de 22 de fevereiro de 2011 Dispõe sobre o Plano Nacional de Capacitação Judicial de magistrados e servidores do Poder Judiciário (Publicada no DJ-e nº

Leia mais

Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados. Enfam

Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados. Enfam Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados Enfam ROTEIRO DE CREDENCIAMENTO 1. Identificação do Requerente Escola: Escola do Poder Judiciário ESJUD Diretor: Desembargador Francisco Djalma

Leia mais

MBA EM GESTÃO DE EMPRESAS COM ACESSO AO MESTRADO EDITAL Nº 015/2012

MBA EM GESTÃO DE EMPRESAS COM ACESSO AO MESTRADO EDITAL Nº 015/2012 De acordo com o disposto no protocolo internacional de cooperação interinstitucional firmado entre a Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (ULHT) e o Instituto Superior de Educação Continuada

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DA ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA DA ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO BRASIL

REGIMENTO INTERNO DA ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA DA ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO BRASIL REGIMENTO INTERNO DA ESCOLA NACIONAL DA MAGISTRATURA DA ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO BRASIL Capítulo I Da Instituição Art. 1º - A Escola Nacional da Magistratura (ENM), órgão da Associação dos Magistrados

Leia mais

PROJETO 16º INTERCÂMBIO EM ADMINISTRAÇÃO JUDICIAL COMPARADO COM ENFOQUE NO DIREITO CONSTITUCIONAL, CIVIL E PENAL DOS ESTADOS UNIDOS

PROJETO 16º INTERCÂMBIO EM ADMINISTRAÇÃO JUDICIAL COMPARADO COM ENFOQUE NO DIREITO CONSTITUCIONAL, CIVIL E PENAL DOS ESTADOS UNIDOS PODER JUDICIÁRIO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE PERNAMBUCO ESCOLA JUDICIAL DE PERNAMBUCO PROJETO 16º INTERCÂMBIO EM ADMINISTRAÇÃO JUDICIAL COMPARADO COM ENFOQUE NO DIREITO CONSTITUCIONAL, CIVIL E

Leia mais

III conferir, de acordo com o regime didático-científico do Programa, os graus de Doutor e Mestre Acadêmico;

III conferir, de acordo com o regime didático-científico do Programa, os graus de Doutor e Mestre Acadêmico; 1 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS-GRADUADOS EM SERVIÇO SOCIAL 1. Objetivos do Programa Artigo 1º - São objetivos do Programa: I formar pessoal nível de Mestrado Acadêmico, Doutorado e Pós-Doutorado,

Leia mais

Escola Superior da Magistratura Tocantinense

Escola Superior da Magistratura Tocantinense ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TOCANTINENSE INTERCÂMBIO DE ATUALIZAÇÃO EM DIREITO Programa de Aperfeiçoamento Judicial Universidade de Roma Tor Vergata EDITAL Nº20/2012 O Diretor Geral da Escola Superior

Leia mais

Regulamento dos Cursos do Programa ESMP-VIRTUAL

Regulamento dos Cursos do Programa ESMP-VIRTUAL Regulamento dos Cursos do Programa ESMP-VIRTUAL A DIRETORA DA ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE GOIÁS no exercício de suas atribuições legais, com fundamento no art. 65, inciso II da Lei

Leia mais

EDITAL Nº 05 /2015 PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO DE MAGISTRADOS PÚBLICO ALVO: MAGISTRADOS DO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE ALAGOAS.

EDITAL Nº 05 /2015 PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO DE MAGISTRADOS PÚBLICO ALVO: MAGISTRADOS DO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE ALAGOAS. EDITAL Nº 05 /2015 PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO DE MAGISTRADOS Torna pública a abertura de inscrições para o Curso sobre Crime Organizado, em fase de credenciamento junto à Escola Nacional de Formação e

Leia mais

LLE9400 - Introdução à Educação a Distância 05 LLE9401 - Leitura e Produção Textual Acadêmica 05 LLE9411 - Língua Espanhola I 05 TOTAL 15

LLE9400 - Introdução à Educação a Distância 05 LLE9401 - Leitura e Produção Textual Acadêmica 05 LLE9411 - Língua Espanhola I 05 TOTAL 15 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Pró-Reitoria de Ensino de Graduação Coordenadoria de Educação a Distância Campus Prof. João David Ferreira Lima CEP 88040-900 Trindade - Florianópolis - Santa Catarina

Leia mais

1. REGULAMENTO DO PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS E INOVAÇÕES AMBIENTAIS MODALIDADE MESTRADO PROFISSIONAL

1. REGULAMENTO DO PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS E INOVAÇÕES AMBIENTAIS MODALIDADE MESTRADO PROFISSIONAL 1. REGULAMENTO DO PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS E INOVAÇÕES AMBIENTAIS MODALIDADE MESTRADO PROFISSIONAL O Programa de Pós-Graduação em Tecnologias e Inovações Ambientais modalidade mestrado profissional

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015 CURSO DE PREPARAÇÃO À MAGISTRATURA

EDITAL Nº 001/2015 CURSO DE PREPARAÇÃO À MAGISTRATURA PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA ESMA - ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA EDITAL Nº 001/2015 CURSO DE PREPARAÇÃO À MAGISTRATURA Torna pública a abertura das inscrições para o Processo

Leia mais

CONSIDERANDO a Portaria Nº 080 de 16/12/1998, da CAPES, que dispõe sobre o reconhecimento dos Mestrados Profissionais e dá outras providências;

CONSIDERANDO a Portaria Nº 080 de 16/12/1998, da CAPES, que dispõe sobre o reconhecimento dos Mestrados Profissionais e dá outras providências; RESOLUÇÃO CEPE Nº 012/2007 Aprova a criação e o Regulamento dos Cursos de Pós-Graduação Stricto sensu, Mestrado Profissional. 2192/2007; CONSIDERANDO o contido no processo nº CONSIDERANDO a Portaria Nº

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO II CONGRESSO INTERNACIONAL DA AMB

REGULAMENTO GERAL DO II CONGRESSO INTERNACIONAL DA AMB REGULAMENTO GERAL DO II CONGRESSO INTERNACIONAL DA AMB A Associação dos Magistrados Brasileiros AMB, torna público o REGULAMENTO DO II CONGRESSO INTERNACIONAL DA AMB, a ser realizado no Reino Unido, em

Leia mais

REGIMENTO DO PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO/UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

REGIMENTO DO PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO/UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA REGIMENTO DO PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO/UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA TÍTULO I - DOS OBJETIVOS E DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - O Programa Associado

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO NÚCLEO DE CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS - NUCSA DEPARTAMENTO ACADEMICO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 001/2014

PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO NÚCLEO DE CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS - NUCSA DEPARTAMENTO ACADEMICO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 001/2014 PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO NÚCLEO DE CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS - NUCSA DEPARTAMENTO ACADEMICO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 001/2014 PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA 1 A Fundação Universidade

Leia mais

COLÉGIO PERMANENTE DE DIRETORES DE ESCOLAS DA MAGISTRATURA ESTADUAIS COPEDEM ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA DO ESTADO DE PERNAMBUCO ESMAPE

COLÉGIO PERMANENTE DE DIRETORES DE ESCOLAS DA MAGISTRATURA ESTADUAIS COPEDEM ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA DO ESTADO DE PERNAMBUCO ESMAPE COLÉGIO PERMANENTE DE DIRETORES DE ESCOLAS DA MAGISTRATURA ESTADUAIS COPEDEM ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA DO ESTADO DE PERNAMBUCO ESMAPE Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa FDUL PROGRAMA

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DA MAGISTRATURA DO RIO GRANDE DO NORTE MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE Nº 01/2013

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DA MAGISTRATURA DO RIO GRANDE DO NORTE MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE Nº 01/2013 TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DA MAGISTRATURA DO RIO GRANDE DO NORTE MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE Nº 01/2013 SELEÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR APTO A MINISTRAR AULAS EM CURSO PREPARATÓRIO

Leia mais

CONSIDERANDO que este Conselho compete normatizar esse procedimento; R E S O L V E:

CONSIDERANDO que este Conselho compete normatizar esse procedimento; R E S O L V E: RESOLUÇÃO N o 03/90, CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Aprova as Normas para elaboração de Projetos de Cursos de Especialização (Pós-Graduação lato sensu ). O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

Leia mais

A Escola. Com uma média de 1.800 alunos por mês, a ENAP oferece cursos presenciais e a distância

A Escola. Com uma média de 1.800 alunos por mês, a ENAP oferece cursos presenciais e a distância A Escola A ENAP pode contribuir bastante para enfrentar a agenda de desafios brasileiros, em que se destacam a questão da inclusão e a da consolidação da democracia. Profissionalizando servidores públicos

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU PESQUISA CLÍNICA EM DOENÇAS INFECCIOSAS

REGIMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU PESQUISA CLÍNICA EM DOENÇAS INFECCIOSAS REGIMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU PESQUISA CLÍNICA EM DOENÇAS INFECCIOSAS (Regimento Interno aprovado pela Comissão de Pós-graduação do IPEC em 25/08/2010 e pelo Conselho Deliberativo

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO IMOBILIÁRIO

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO IMOBILIÁRIO REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO IMOBILIÁRIO Cabedelo - PB Página 1 de 9 FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR DA PARAÍBA - FESP, PESQUISA E EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÀRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÀRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÀRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO RESOLUÇÃO Nº 01/2014 Aprova o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em nível de Especialização,

Leia mais

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA Nº 339, DE 12 DE AGOSTO DE 2010

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA Nº 339, DE 12 DE AGOSTO DE 2010 INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA Nº 339, DE 12 DE AGOSTO DE 2010 Dispõe sobre a implantação e o funcionamento do Programa de Cooperação Internacional - PROCIN do Instituto de Pesquisa

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATU SENSU DIREITO PROCESSUAL GERAL COM ÊNFASE EM DIREITO EMPRESARIAL

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATU SENSU DIREITO PROCESSUAL GERAL COM ÊNFASE EM DIREITO EMPRESARIAL CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATU SENSU DIREITO PROCESSUAL GERAL COM ÊNFASE EM DIREITO EMPRESARIAL 2ª Turma 2012/2013 APRESENTAÇÃO A Faculdade de Direito de Varginha FADIVA, em busca do aprimoramento profissional,

Leia mais

Comunicado para SELEÇÃO DE CANDIDATOS ao Curso de Especialização Gestão Integrada em Saneamento

Comunicado para SELEÇÃO DE CANDIDATOS ao Curso de Especialização Gestão Integrada em Saneamento 1 DO OBJETO Comunicado para SELEÇÃO DE CANDIDATOS ao Curso de Especialização Gestão Integrada em Saneamento UnB Universidade de Brasília Este Comunicado tem o objetivo de convidar os profissionais interessados

Leia mais

CCS CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO Nº 24/ 2015. Processo Seletivo para BOLSISTA PARA APOIO A FORMAÇÃO EM SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL - MARANHÃO

CCS CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO Nº 24/ 2015. Processo Seletivo para BOLSISTA PARA APOIO A FORMAÇÃO EM SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL - MARANHÃO 1 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ - UECE CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE CCS CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO Nº 24/ 2015 Processo Seletivo para BOLSISTA PARA APOIO A FORMAÇÃO EM SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL

Leia mais

PROVIMENTO Nº 29/2007

PROVIMENTO Nº 29/2007 PROVIMENTO Nº 29/2007 Cria o Programa de Treinamento e Desenvolvimento Funcional dos servidores do Ministério Público do Estado do Ceará e estabelece normas para o seu funcionamento. O PROCURADOR-GERAL

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS REGIMENTO. Das Finalidades

PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS REGIMENTO. Das Finalidades PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS REGIMENTO Das Finalidades Art. 1º Os Cursos de Doutorado e Mestrado em Direito da Faculdade de Direito de Vitória (FDV) objetivam

Leia mais

EDITAL INTERCÂMBIO DE ATUALIZAÇÃO EM DIREITO

EDITAL INTERCÂMBIO DE ATUALIZAÇÃO EM DIREITO PODER JUDICIÁRIO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE PERNAMBUCO EDITAL INTERCÂMBIO DE ATUALIZAÇÃO EM DIREITO O Presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

CCS CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO Nº 19/ 2015. Processo Seletivo para BOLSISTA PARA ARTICULAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL E PODER PÚBLICO - PIAUÍ

CCS CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO Nº 19/ 2015. Processo Seletivo para BOLSISTA PARA ARTICULAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL E PODER PÚBLICO - PIAUÍ 1 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ - UECE CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE CCS CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO Nº 19/ 2015 Processo Seletivo para BOLSISTA PARA ARTICULAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL E PODER PÚBLICO - PIAUÍ

Leia mais

AVISO Nº 003/2014 RESOLUÇÃO Nº002/2013 CTP-ESMP/PE

AVISO Nº 003/2014 RESOLUÇÃO Nº002/2013 CTP-ESMP/PE AVISO Nº 003/2014 A Diretora da ESMP/PE, Dra. Deluse do Amaral Rolim Florentino, nos termos do Art.8º, VII, da Resolução RES-CSMP-001/00, de 31.03.2000, torna público o Regulamento da terceira turma do

Leia mais

PORTARIA ANAC 2.529/SCD, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2011

PORTARIA ANAC 2.529/SCD, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2011 PORTARIA ANAC 2.529/SCD, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2011 Estabelece o Programa de Capacitação Específica em Representação Institucional no âmbito da Agência Nacional de Aviação Civil ANAC. A SUPERINTENDENTE

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE VAGAS

EDITAL DE ABERTURA DE VAGAS EDITAL DE ABERTURA DE VAGAS - PÓS-GRADUAÇÃO EDEPE EM PARCERIA COM A FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS FGV Direito SP Especialização Lato Sensu DIREITOS HUMANOS E ACESSO À JUSTIÇA 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1.

Leia mais

O Presidente do Conselho Superior de Acadêmico (CONSEA) da Fundação Universidade

O Presidente do Conselho Superior de Acadêmico (CONSEA) da Fundação Universidade Resolução nº 200/CONSEA, de 19 de fevereiro de 2009. Altera normas para o oferecimento de cursos de pós-graduação Stricto Sensu e lato sensu, pelos Departamentos da Fundação Universidade Federal de Rondônia

Leia mais

(Aprovado em reunião do Colegiado de Diretores de Escola da Magistratura, em Florianópolis, Santa Catarina, no dia 29/07/2011)

(Aprovado em reunião do Colegiado de Diretores de Escola da Magistratura, em Florianópolis, Santa Catarina, no dia 29/07/2011) COLÉGIO PERMANENTE DE DIRETORES DE ESCOLAS DA MAGISTRATURA ESTADUAIS COPEDEM ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA DO ESTADO DE PERNAMBUCO ESMAPE Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa FDUL PROGRAMA

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO Programa de Intercâmbio 2015/1

EDITAL DE CONVOCAÇÃO Programa de Intercâmbio 2015/1 EDITAL DE CONVOCAÇÃO Programa de Intercâmbio 2015/1 O Núcleo de Relações Internacionais da Faculdade de Direito de Vitória torna público a todos os alunos da Graduação interessados no Programa de Intercâmbio

Leia mais

Programa Consórcios em Educação Superior Brasil e Estados Unidos

Programa Consórcios em Educação Superior Brasil e Estados Unidos Programa Consórcios em Educação Superior Brasil e Estados Unidos CAPES/FIPSE Edital Nº 8/2010 CAPES A Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), por meio de sua Diretoria

Leia mais

Regulamenta a validação e registro das Atividades Complementares dos cursos de Graduação das Faculdades Projeção.

Regulamenta a validação e registro das Atividades Complementares dos cursos de Graduação das Faculdades Projeção. RESOLUÇÃO Nº 01/2011 Regulamenta a validação e registro das Atividades Complementares dos cursos de Graduação das Faculdades Projeção. O Conselho Superior da Faculdade Projeção, com base nas suas competências

Leia mais

Ao Colendo Plenário. A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Canoas apresenta o seguinte projeto de resolução:

Ao Colendo Plenário. A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Canoas apresenta o seguinte projeto de resolução: Ao Colendo Plenário A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Canoas apresenta o seguinte projeto de resolução: Dispõe sobre a instituição e regulamentação de Programa de Capacitação aos servidores da Câmara

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE ENERGIAS ALTERNATIVAS E RENOVÁVEIS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA ELÉTRICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE ENERGIAS ALTERNATIVAS E RENOVÁVEIS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA ELÉTRICA EDITAL Nº 03/2011- PRORROGA O PROCESSO DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO (PPGEE) PARA INGRESSO NO ANO LETIVO DE 2012 1. Preâmbulo 1.1 A Comissão de Seleção do Programa de Pós-Graduação em Engenharia

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Resolução n 69/ 2011 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em, Bacharelado, do Centro

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO ELEITORAL

Leia mais

EDITAL N. 51/2012 1. DAS INFORMAÇÕES BÁSICAS SOBRE O CURSO

EDITAL N. 51/2012 1. DAS INFORMAÇÕES BÁSICAS SOBRE O CURSO EDITAL N. 51/2012 PROGRAMA DE APERFEIÇOAMENTO E PROMOÇÃO PARA MAGISTRADOS A Escola Superior da Magistratura do Estado de Alagoas ESMAL torna pública a abertura de inscrições para o Curso de Aperfeiçoamento

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA PROFESSOR DO QUADRO DOCENTE DA FACULDADE DE AMERICANA

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA PROFESSOR DO QUADRO DOCENTE DA FACULDADE DE AMERICANA EDITAL N.º 002/201 PROCESSO DE SELEÇÃO PARA PROFESSOR DO QUADRO DOCENTE DA FACULDADE DE AMERICANA A Direção Geral da Faculdade de Americana - FAM torna público que até 12 horas do dia 1 de julho de 201

Leia mais

EDITAL Nº 103/2011 2. DO CURSO, DO NÚMERO DE VAGAS E DOS ATOS DE AUTORIZAÇÃO E CREDENCIAMENTO

EDITAL Nº 103/2011 2. DO CURSO, DO NÚMERO DE VAGAS E DOS ATOS DE AUTORIZAÇÃO E CREDENCIAMENTO EDITAL Nº 103/2011 PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE DOUTORADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA TRATAMENTO DA INFORMAÇÃO ESPACIAL, DA PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS, CAMPUS DE

Leia mais

UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO CONSELHO UNIVERSITÁRIO

UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO CONSELHO UNIVERSITÁRIO UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO CONSUN Nº 07/2010 Define e regulamenta o funcionamento dos programas de pós-graduação stricto sensu O Conselho Universitário da Universidade

Leia mais

REGIMENTO INTERNO Ato: Resolução Nº 009/2010- CONSUP

REGIMENTO INTERNO Ato: Resolução Nº 009/2010- CONSUP Pág. 1 de 10 DO PROGRAMA DE PÓS- DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ CAPÍTULO I DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS DOS CURSOS Art. 1 o A Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação é o órgão

Leia mais

Formação de Formadores

Formação de Formadores REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO: Formação de Formadores São Paulo 2012 1 Sumário Título I Da Constituição do Programa... 03 Capítulo I Dos Fins e Objetivos... 03 Capítulo II

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DA UNESP FFC/MARÍLIA. Seção I. Dos Objetivos

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DA UNESP FFC/MARÍLIA. Seção I. Dos Objetivos REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DA UNESP FFC/MARÍLIA Seção I Dos Objetivos Artigo 1º O Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Filosofia e Ciências de Marília será estruturado

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA

REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA BARRETOS 2010 REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA Art. 1 - O Programa de Monitoria da Faculdade Barretos, destinado a alunos regularmente matriculados, obedecerá às normas

Leia mais

Regulamento Geral dos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu

Regulamento Geral dos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu VICE-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA Regulamento Geral dos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu CAPÍTULO I DA FINALIDADE E DA ORGANIZAÇÃO DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO Art. 1º Os Programas de

Leia mais

EDITAL Nº 006 SELEÇÃO PÚBLICA Inmetro - 2014 CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM METROLOGIA E QUALIDADE

EDITAL Nº 006 SELEÇÃO PÚBLICA Inmetro - 2014 CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM METROLOGIA E QUALIDADE Serviço Público Federal MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR. INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, QUALIDADE E TECNOLOGIA - INMETRO EDITAL Nº 006 SELEÇÃO PÚBLICA Inmetro - 2014 CURSO

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS SECRETARIA DOS CONSELHOS RESOLUÇÃO N 182 CEPEX/2006

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS SECRETARIA DOS CONSELHOS RESOLUÇÃO N 182 CEPEX/2006 SECRETARIA DOS CONSELHOS RESOLUÇÃO N 182 CEPEX/2006 APROVA A ALTERAÇÃO DA SIGLA DO NÚCLEO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL E INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E O SEU REGIMENTO O Reitor e Presidente do CONSELHO DE ENSINO,

Leia mais

REGULAMENTO CAPÍTULO I - DOS OBJETIVOS

REGULAMENTO CAPÍTULO I - DOS OBJETIVOS REGULAMENTO CAPÍTULO I - DOS OBJETIVOS Art. 1º O Programa de Pós-Graduação em Ciências e Tecnologias na Educação (PPGCITED) do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense (IFSul)

Leia mais

EDITAL Nº 007 SELEÇÃO PÚBLICA CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM METROLOGIA E QUALIDADE Inmetro - 2015

EDITAL Nº 007 SELEÇÃO PÚBLICA CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM METROLOGIA E QUALIDADE Inmetro - 2015 Serviço Público Federal MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, QUALIDADE E TECNOLOGIA - INMETRO EDITAL Nº 007 SELEÇÃO PÚBLICA CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL

Leia mais

ATO Nº 32/2009. O DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABA- LHO DA 7ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

ATO Nº 32/2009. O DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABA- LHO DA 7ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais, ATO Nº 32/2009 Dispõe sobre a concessão de Bolsa de Estudo de cursos de pós-graduação lato e strito sensu, na forma de reembolso parcial, para magistrados e servidores do Tribunal Regional do Trabalho

Leia mais

www.faculdadelaboro.com.br [98] 3216 9900 Av. Castelo Branco, 605, 4 º andar - São Francisco. São Luís-MA CNPJ: 02.517.198/0001-00

www.faculdadelaboro.com.br [98] 3216 9900 Av. Castelo Branco, 605, 4 º andar - São Francisco. São Luís-MA CNPJ: 02.517.198/0001-00 FACULDADE LABORO UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA CENTRO REGIONAL DE BRAGA Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO: Administração e Organização Escolar Convênio de cooperação

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA COMISSÃO SUPERIOR DE ENSINO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA COMISSÃO SUPERIOR DE ENSINO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA COMISSÃO SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO COSUEN N 015 DE 26 DE NOVEMBRO DE 2015 Revoga e substitui, ad referendum, a Resolução CONSUN

Leia mais

FACULDADE MORAES JÚNIOR MACKENZIE RIO REGULAMENTO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO TÍTULO I CAPÍTULO I DO OBJETIVO, DA NATUREZA E DA FINALIDADE

FACULDADE MORAES JÚNIOR MACKENZIE RIO REGULAMENTO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO TÍTULO I CAPÍTULO I DO OBJETIVO, DA NATUREZA E DA FINALIDADE FACULDADE MORAES JÚNIOR MACKENZIE RIO REGULAMENTO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO TÍTULO I CAPÍTULO I DO OBJETIVO, DA NATUREZA E DA FINALIDADE SEÇÃO I DO OBJETIVO Art. 1º O presente Regulamento tem por

Leia mais

SELEÇÃO DE MONITORES PARA O PROJETO DE EXTENSÃO CURSOS DE LINGUAS ESTRANGEIRAS/NCL

SELEÇÃO DE MONITORES PARA O PROJETO DE EXTENSÃO CURSOS DE LINGUAS ESTRANGEIRAS/NCL EDITAL 019/2014 SELEÇÃO DE MONITORES PARA O PROJETO DE EXTENSÃO CURSOS DE LINGUAS ESTRANGEIRAS/NCL A Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Federal do Maranhão UFMA, torna público, a todos os interessados,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO REITORIA COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO REITORIA COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS EDITAL 06/2015/CAINT/UFOP, DE 28 DE ABRIL DE 2015 PROGRAMA DE INTERCÂMBIO BRASIL-COLÔMBIA (BRACOL) A (CAINT) da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), considerando o Convênio de adesão ao Acordo Específico

Leia mais

Aprovado no CEP em 13/01/2010, Resolução 02/2010 REGULAMENTO PARA OS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU DA UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE

Aprovado no CEP em 13/01/2010, Resolução 02/2010 REGULAMENTO PARA OS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU DA UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE 1 Aprovado no CEP em 13/01/2010, Resolução 02/2010 REGULAMENTO PARA OS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU DA UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PARTE I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I DAS MODALIDADES

Leia mais

EDITAL Nº. 003/2015 UNEMAT/PRAE SELEÇÃO PARA PROGRAMA DE BOLSAS DE MOBILIDADE INTERNACIONAL IBERO-AMERICANAS EDIÇÃO 2015 (SANTANDER UNIVERSIDADES)

EDITAL Nº. 003/2015 UNEMAT/PRAE SELEÇÃO PARA PROGRAMA DE BOLSAS DE MOBILIDADE INTERNACIONAL IBERO-AMERICANAS EDIÇÃO 2015 (SANTANDER UNIVERSIDADES) EDITAL Nº. 003/2015 UNEMAT/PRAE SELEÇÃO PARA PROGRAMA DE BOLSAS DE MOBILIDADE INTERNACIONAL IBERO-AMERICANAS EDIÇÃO 2015 (SANTANDER UNIVERSIDADES) A Universidade do Estado de Mato Grosso UNEMAT, por meio

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 01/2011

RESOLUÇÃO Nº 01/2011 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO ACADÊMICO DE PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO Nº 01/2011 Aprova as Normas Complementares para Cursos de Pós-Graduação

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA PROFESSOR DO QUADRO DOCENTE DA FACULDADE DE AMERICANA

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA PROFESSOR DO QUADRO DOCENTE DA FACULDADE DE AMERICANA EDITAL N.º 004/2014 PROCESSO DE SELEÇÃO PARA PROFESSOR DO QUADRO DOCENTE DA FACULDADE DE AMERICANA A Direção Geral da Faculdade de Americana - FAM torna público que até 12 horas do dia 12 de janeiro de

Leia mais

RESOLUÇÃO N o 008, de 30 de junho de 2003

RESOLUÇÃO N o 008, de 30 de junho de 2003 RESOLUÇÃO N o 008, de 30 de junho de 2003 Aprova Regimento do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Letras Teoria Literária e Crítica da Cultura da UFSJ O PRESIDENTE DO CONSELHO DELIBERATIVO SUPERIOR

Leia mais

CURSO DE DIREITO REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES

CURSO DE DIREITO REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DIREITO REGULAMENTO PARA ATIVIDADES COMPLEMENTARES 2 DA FINALIDADE E DO OBJETIVO Art. 1º. As Atividades Complementares do Curso de Direito da Faculdade Unida de Suzano serão regidas por este Regulamento.

Leia mais

Resolução N 0 06/2010 Edital de Ingresso 1º Semestre de 2011

Resolução N 0 06/2010 Edital de Ingresso 1º Semestre de 2011 Universidade Federal de Campina grande CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA UNIDADE ACADÊMICA DE ENGENHARIA QUÍMICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO Resolução N 0 06/2010 Edital de Ingresso 1º Semestre de 2011 O Colegiado

Leia mais

RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 82/2007 Dispõe sobre o afastamento de magistrados para participar de cursos ou seminários de aperfeiçoamento e estudos.

RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 82/2007 Dispõe sobre o afastamento de magistrados para participar de cursos ou seminários de aperfeiçoamento e estudos. RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 82/2007 Dispõe sobre o afastamento de magistrados para participar de cursos ou seminários de aperfeiçoamento e estudos. CERTIFICO E DOU FÉ que o Pleno do Egrégio Tribunal Regional

Leia mais

EDITAL Nº 067/2015. 1.2 Os tutores serão selecionados com base nos critérios estabelecidos no presente Edital.

EDITAL Nº 067/2015. 1.2 Os tutores serão selecionados com base nos critérios estabelecidos no presente Edital. UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 Educação a Distância EAD / UESB Fone: (77) 3425-9308 uesbvirtual@uesb.edu EDITAL Nº 067/2015 SELEÇÃO

Leia mais

PORTARIA TRT 18ª GP/DG/SGPe Nº 066/2011 Dispõe sobre a estrutura da Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região e dá outras

PORTARIA TRT 18ª GP/DG/SGPe Nº 066/2011 Dispõe sobre a estrutura da Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região e dá outras PORTARIA TRT 18ª GP/DG/SGPe Nº 066/2011 Dispõe sobre a estrutura da Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região e dá outras providências. O DESEMBARGADOR-PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM ADMINISTRAÇÃO DA UNIGRANRIO

REGIMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM ADMINISTRAÇÃO DA UNIGRANRIO UNIVERSIDADE DO GRANDE RIO Prof. José de Souza Herdy Reconhecida pela Portaria MEC 940/94 D.O.U. de 16 de Junho de 1994 PRÓ - REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROPEP REGIMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE

Leia mais

EDITAL CONJUNTO N.º 1 SINTER-USAC

EDITAL CONJUNTO N.º 1 SINTER-USAC SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS CAMPUS UNIVERSITÁRIO REITOR JOÃO DAVID FERREIRA LIMA - TRINDADE CEP: 88040-900 - FLORIANÓPOLIS - SC

Leia mais

NORMAS PARA PROGRAMAS DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE FORMAÇÃO, DE PESQUISA E TECNOLÓGICA - FAPEG-I

NORMAS PARA PROGRAMAS DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE FORMAÇÃO, DE PESQUISA E TECNOLÓGICA - FAPEG-I RESOLUÇÃO N. 001/2007 ANEXO NORMAS PARA PROGRAMAS DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE FORMAÇÃO, DE PESQUISA E TECNOLÓGICA - FAPEG-I 1. Conceituação As normas relativas à concessão de Bolsas de Formação, de Pesquisa

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR DE MG Rua Tomaz Gonzaga 686 Bairro de Lourdes CEP 30180 140 Belo Horizonte MG RESOLUÇÃO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR DE MG Rua Tomaz Gonzaga 686 Bairro de Lourdes CEP 30180 140 Belo Horizonte MG RESOLUÇÃO TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR DE MG Rua Tomaz Gonzaga 686 Bairro de Lourdes CEP 30180 140 Belo Horizonte MG RESOLUÇÃO RESOLUÇÃO N. 162/2015 Institui o Regimento Interno da Escola Judicial Militar do Estado

Leia mais

EDITAL nº 09/2015 - CEAD/UFPI

EDITAL nº 09/2015 - CEAD/UFPI 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CENTRO DE EDUCAÇÃO ABERTA E A DISTÂNCIA CEAD Universidade Aberta do Brasil Rua Olavo Bilac, 1148 Centro Sul CEP 64001-280 Teresina PI Site: www.cead.ufpi.br

Leia mais

REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS EM SAÚDE (STRICTO SENSU)

REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS EM SAÚDE (STRICTO SENSU) REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS EM SAÚDE (STRICTO SENSU) MESTRADO TÍTULO I DOS FINS Art. 1 o O curso de Pós-Graduação Mestrado em Tecnologias em Saúde, da Fundação Bahiana para Desenvolvimento

Leia mais

Edital do Processo Seletivo para o Curso Micropolítica da Gestão e Trabalho em Saúde Ênfase na Gestão Estadual do Sistema Único de Saúde

Edital do Processo Seletivo para o Curso Micropolítica da Gestão e Trabalho em Saúde Ênfase na Gestão Estadual do Sistema Único de Saúde 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E INOVAÇÃO COORDENADORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Rio de Janeiro, em 06 de outubro

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 40, DE 20 DE MARÇO DE 2013.

RESOLUÇÃO Nº 40, DE 20 DE MARÇO DE 2013. RESOLUÇÃO Nº 40, DE 20 DE MARÇO DE 2013. O PRESIDENTE DO CONSELHO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO da, no uso de suas atribuições legais, resolve, ad referendum: Art. 1º Aprovar as Normas para Cursos de Pós-Graduação

Leia mais

CAPÍTULO I Das definições preliminares, das e dos objetivos.

CAPÍTULO I Das definições preliminares, das e dos objetivos. Resolução n.º 03/2010 Regulamenta os Cursos de Pós-Graduação da Faculdade Campo Real. O CONSU Conselho Superior, por meio do Diretor Geral da Faculdade Campo Real, mantida pela UB Campo Real Educacional

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO RESOLUÇÃO Nº. 10/2015 Criar e aprovar o Curso de Pós-Graduação MBA em Gestão Empreendedora

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL 01/014 PARA CREDENCIAMENTO DE DOCENTES PERMANENTES E COLABORADORES DO PROGRAMA DE PÓSGRADUAÇÃO MESTRADO PROFISSIONAL INTERDISCIPLINAR EM CIÊNCIAS HUMANS, DA JEQUITINHONHA E MUCURI - UFVJM O Colegiado

Leia mais

FUNDAÇÃO BENEDITO PEREIRA NUNES FACULDADE DE MEDICINA DE CAMPOS ÍNDICE CAPÍTULO I... 01 DAS FINALIDADES... 01 DOS OBJETIVOS... 01

FUNDAÇÃO BENEDITO PEREIRA NUNES FACULDADE DE MEDICINA DE CAMPOS ÍNDICE CAPÍTULO I... 01 DAS FINALIDADES... 01 DOS OBJETIVOS... 01 1 FUNDAÇÃO BENEDITO PEREIRA NUNES FACULDADE DE MEDICINA DE CAMPOS ÍNDICE CAPÍTULO I... 01 DAS FINALIDADES... 01 DOS OBJETIVOS... 01 CAPÍTULO II... 01 DO PROCESSO DE ABERTURA DE CURSOS... 01 DO ENCAMINHAMENTO...

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA NUTEAD Núcleo de Tecnologia e Educação Aberta e a Distância

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA NUTEAD Núcleo de Tecnologia e Educação Aberta e a Distância EDITAL N 006/14 - UEPG/NUTEAD/UAB PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS UAB/CAPES TUTOR PRESENCIAL BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA A Universidade Estadual de Ponta Grossa, através do Núcleo de Tecnologia

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O. Fica aprovado, conforme anexo, o Calendário Escolar e de Atividades da Universidade São Francisco USF para o ano letivo de 2012.

R E S O L U Ç Ã O. Fica aprovado, conforme anexo, o Calendário Escolar e de Atividades da Universidade São Francisco USF para o ano letivo de 2012. RESOLUÇÃO CONSEPE 36/2011 APROVA O CALENDÁRIO ESCOLAR E DE ATIVIDADES DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF PARA O ANO LETIVO DE 2012. O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão CONSEPE, no uso

Leia mais

CÂMPUS CAMPOS BELOS. Divulgação do edital 31 de março de 2015

CÂMPUS CAMPOS BELOS. Divulgação do edital 31 de março de 2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO EDITAL N 007, DE 31 DE MARÇO 2015 SELEÇÃO INTERNA

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS REGIMENTO INTERNO UNIVERSIDADE ABERTA DO TRABALHADOR

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS REGIMENTO INTERNO UNIVERSIDADE ABERTA DO TRABALHADOR FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS REGIMENTO INTERNO UNIVERSIDADE ABERTA DO TRABALHADOR SÃO CARLOS 2011 SUMÁRIO TÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Art. 1º a 3... 3 Capítulo I Da Natureza (art. 1º)... 3 Capítulo II

Leia mais

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO: FORMAÇÃO PARA EDUCADORES NO CONTEXTO PRISIONAL. Edital 01/2015 PROCESSO SELETIVO DE CURSISTAS

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO: FORMAÇÃO PARA EDUCADORES NO CONTEXTO PRISIONAL. Edital 01/2015 PROCESSO SELETIVO DE CURSISTAS CURSO DE APERFEIÇOAMENTO: FORMAÇÃO PARA EDUCADORES NO CONTEXTO PRISIONAL Edital 01/2015 PROCESSO SELETIVO DE CURSISTAS A Universidade Federal da Paraíba CNPJ 24.098.477/0001-10 localizada Castelo Branco,

Leia mais

REGIMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO CAPÍTULO I INTRODUÇÃO

REGIMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO CAPÍTULO I INTRODUÇÃO Texto Aprovado CONSU Resolução CONSU 2015-07 de 25/06/2015 REGIMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO CAPÍTULO I INTRODUÇÃO Art. 1º Este regimento estabelece as atribuições, responsabilidades e

Leia mais