TERMO DE RECEBIMENTO DO CONVITE Nº 01/2011 EMPRESA: ENDEREÇO: CNPJ DA EMPRESA: TELEFONE: FAX: Brasília, de de 2011.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TERMO DE RECEBIMENTO DO CONVITE Nº 01/2011 EMPRESA: ENDEREÇO: CNPJ DA EMPRESA: TELEFONE: FAX: E-M@IL: Brasília, de de 2011."

Transcrição

1 MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE RECURSOS LOGÍSTICOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO TERMO DE RECEBIMENTO DO CONVITE Nº 01/2011 EMPRESA: ENDEREÇO: CNPJ DA EMPRESA: TELEFONE: FAX: Brasília, de de Assinatura e Carimbo da Empresa Nome Legível: OBS: SERÁ OBRIGATÓRIO O ENVIO DESTE RECIBO PELO FAX Nº (61)

2 MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE RECURSOS LOGÍSTICOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 01/2011 Em, 17 de junho de PROCESSO Nº / Ao: Sr. Gerente da Empresa. A União, através do Ministério do Trabalho e Emprego, leva ao conhecimento de V.Sª., que a Comissão Permanente de Licitação, instituída pela Portaria nº 127, de 27 de maio de 2011, publicada no D.O.U. de 30 de maio de 2011, da Secretaria Executiva/MTE, fará realizar licitação na modalidade de Convite do tipo Menor Preço, na forma de execução indireta, cuja documentação e as propostas deverão ser entregues no dia 28/06/2011, às 10h00min, na Esplanada dos Ministérios, Bloco F, Edifício Anexo Ala B, Sala 444, Brasília/DF, com abertura prevista para a mesma data e horário, a qual será regida pela Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993, com as alterações introduzidas pela Lei nº 8.883, de 08 de junho de 1994, Lei Nº 9.648, de 27 de maio de 1998, Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006 e demais normas que regem a espécie, inclusive aquelas previstas no presente Convite. 1 - DO OBJETO 1.1. Contratação de empresa especializada na prestação de serviços de arquitetura e engenharia com vistas à prestação de serviços técnicos especializados de arquitetura e engenharia para elaboração de projetos básicos e executivos de arquitetura e complementares, visando à reforma dos seguintes prédios: Edifício Sede da SRTE/DF de 04 pavimentos, com área total de 2177,50 m², Edifício Central da GRTE/Taguatinga de pavimento térreo e sobreloja, com área de 270,00 m², ARTE/GAMA, com área de 143,00 m² e ARTE/SOBRADINHO, com área de 143,00 m², conforme Programa de Necessidades dos Serviços constante do Projeto Básico (Anexo I), parte inseparável deste Convite. As empresas que desejarem participar desta licitação deverão comparecer no dia, hora e local indicados no preâmbulo deste Convite, para entregar à Comissão Permanente de Licitação-CPL a DOCUMENTAÇÃO e a PROPOSTA, em envelopes distintos e lacrados, respectivamente, constando em sua parte extrema e frontal, os seguintes dizeres: a) CONVITE Nº 01/2011 ENVELOPE Nº 01 - DOCUMENTAÇÃO (identificação do proponente) b) CONVITE Nº 01/2011 ENVELOPE Nº 02 - PROPOSTA DE PREÇOS (identificação do proponente) 2

3 2- DA PARTICIPAÇÃO E HABILITAÇÃO DE MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE: 2.1 Por força no que dispõe o Capítulo V, artigos 42 a 45 da Lei Complementar nº.123 de 14 de Dezembro de 2006, as Microempresas e Empresas de Pequeno Porte terão tratamento diferenciado e favorecido a ser dispensado no âmbito dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, especialmente no que se refere à preferência nas aquisições de bens e serviços pelos Poderes Público, observadas as seguintes regras: 2.2 Nas Licitações Públicas, a comprovação de regularidade fiscal das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte somente será exigida para efeito de assinatura do Contrato. 2.3 As Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, por ocasião da participação em certames licitatórios, deverão apresentar toda a documentação exigida para efeito de comprovação de regularidade fiscal, mesmo que esta apresente alguma restrição. 2.4 Havendo alguma restrição na comprovação da regularidade fiscal, será assegurado o prazo de 02 (dois) dias úteis, cujo termo inicial corresponderá ao momento em que o proponente for declarado vencedor do certame, prorrogáveis por igual período, a critério da Administração Pública, para a regularização da documentação, pagamento ou parcelamento do débito, e emissão de eventuais certidões negativas ou positivas, com efeito, de certidão negativa. 2.5 A documentação elencada no subitem deverá ser encaminhada a esta Comissão Permanente de Licitação, através de correspondência expressa ou portador. O endereço para envio do documento referente à habilitação é: Esplanada dos Ministérios, Bloco F, 4º andar Anexo, Ala B sala 444, Brasília/DF. CEP A não regularização da documentação, no prazo previsto no 1º do artigo 43 da Lei Complementar 123/06, implicará decadência do direito à contratação, sem prejuízo das sanções previstas no art. 81 da Lei Nº8.666, de 21 de Junho de 1993, sendo facultado á Administração convocar os Licitantes remanescentes, na ordem de classificação, ou revogar a Licitação. 2.7 Nas Licitações será assegurado, como critério de desempate, preferência de contratação para as microempresas e empresas de pequeno porte. 2.8 Entende-se por empate aquelas situações em que as propostas apresentadas pelas microempresas e empresas de pequeno porte sejam iguais ou até 10% (dez por cento) superiores à proposta mais bem classificada. 2.9 Para efeito do disposto no art.44 da Lei Complementar nº. 123/06, ocorrendo o empate, proceder-se-à da seguinte forma: A microempresa ou empresa de pequeno porte mais bem classificada poderá apresentar proposta de preço inferior aquela considerada vencedora do certame, situação em que será adjudicado em seu favor o objeto licitado; Não ocorrendo a contratação da microempresa ou empresa de pequeno porte, na forma do inciso I do caput do artigo 45 da Lei Complementar nº.123/06, serão convocadas as remanescentes que porventura se enquadrem na hipótese dos 1º e 2º do art.44 da Lei Complementar nº.123/06, na ordem classificatória, para exercício do mesmo direito; 3

4 2.9.3 No caso de equivalência dos valores apresentados pelas microempresas e empresas de pequeno porte que se encontrem nos intervalos estabelecidos nos 1º e 2º do art. 44 da lei complementar 123/06, será realizado sorteio entre elas para que se identifique aquela que primeiro poderá apresentar melhor oferta Na hipótese da não contratação nos termos previstos no caput do artigo 45 da lei complementar 123/06, o objeto licitado será adjudicado em favor da proposta originalmente vencedora do certame O disposto no artigo 45 da Lei Complementar nº.123/06, somente se aplicará quando a melhor oferta inicial não tiver sido apresentada por microempresa ou empresa de pequeno porte Sempre que ocorrer empate de propostas entre microempresas e empresas de pequeno porte, inclusive cooperativas, não havendo lance entre os fornecedores, permanecendo o resultado de propostas empatadas em primeiro lugar (ME/EPPS/COOPERATIVAS), o sistema procederá, de forma automática, o sorteio encaminhado de imediato mensagem via chat, identificando por meio de C.N.P.J e denominação o fornecedor sorteado DA DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA Os documentos de Habilitação consistem em: declaração, sob as penalidades cabíveis, da inexistência de fatos impeditivos para a sua habilitação neste certame, na forma do 2º do art. 32 da Lei nº 8.666/93, Instrução Normativa /MARE nº 5/95 e Decreto nº 3.722/ declaração de que a empresa não utiliza mão-de-obra direta ou indireta de menores, conforme contidas na Lei nº 9.854, de 27 de outubro de 1999, regulamentada pelo Decreto nº 4.358, de 05 de setembro de um ou mais atestado de Capacidade Técnica, emitido por pessoa jurídica de direito público ou privado comprovando que a empresa, executou ou esteja executando serviços compatíveis em características com o objeto desta licitação declaração de que a proposta foi elaborada de maneira independente, conforme modelo apresentado no anexo III deste edital a comprovação da habilitação jurídica e da regularidade fiscal, na forma e condições estabelecidas nos incisos I, II e III do subitem 3.1.6, poderá ser feita por meio de consulta on line ao Sistema de Cadastro Unificado de Fornecedores SICAF, nos termos do Decreto nº 3.722/01 e da IN MARE nº 05/1995, assegurada à licitante cadastrada o direito de apresentar a documentação atualizada e regularizada via fax, com posterior encaminhamento do original ou cópia autenticada a licitante que optar por não utilizar o SICAF, para fins de verificação de seu cadastramento e habilitação parcial, deverá apresentar os documentos relacionados a seguir: I habilitação jurídica a) Registro comercial, no caso de empresa individual; 4

5 b) Ato constitutivo, estatuto ou contrato social em vigor, devidamente registrado, em se tratando de sociedades comerciais, e, no caso de sociedade por ações, acompanhado de documentos de eleições de seus administradores e de todas as alterações ou da consolidação respectiva; c) Decreto de autorização, em se tratando de empresa ou sociedade estrangeira em funcionamento no País, e ato de registro ou autorização para funcionamento expedido pelo órgão competente, quando a atividade assim o exigir. II regularidade fiscal a) Prova de inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas CNPJ; b) Prova de regularidade fiscal perante a Fazenda Nacional, apresentando-se a certidão específica, emitida pela Secretaria da Receita Federal do Brasil, bem como a certidão conjunta, emitida pela Secretaria da Receita Federal do Brasil e Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, em conformidade com o art. 1º do Decreto nº 6.106, de 30 de abril de 2007; c) Prova de inscrição no cadastro de contribuintes Estadual ou Municipal, se houver, relativo ao domicílio ou sede do licitante, pertinente ao seu ramo de atividade e compatível com o objeto contratual, conforme inciso II, art. 29 da Lei nº 8.666/93; d) Prova de regularidade para com a Fazenda Federal, Estadual e Municipal do domicílio ou sede do licitante, ou outra equivalente, na forma da lei; d.1) A prova de regularidade fiscal perante a Fazenda Nacional, deverá ser feita pela apresentação de certidão específica, emitida pela Secretaria da Receita Federal do Brasil, bem como de certidão conjunta, emitida pela Secretaria da Receita Federal do Brasil e Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, em conformidade com o art. 1º do Decreto nº 6.106, de 30 de abril de 2007; e) Prova de regularidade para com a Seguridade Social (INSS) e para com o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) demonstrando situação regular no cumprimento dos encargos sociais instituídos por lei. f) Caso a licitante detentora do menor preço global seja Microempresa ou Empresa de Pequeno Porte, deverá apresentar toda a documentação exigida para efeito de comprovação de regularidade fiscal, mesmo que esta apresente alguma restrição, sob pena de ser inabilitada. f.1) Havendo alguma restrição na comprovação da regularidade fiscal, será assegurado o prazo de 02 (dois) dias úteis, cujo termo inicial corresponderá ao momento em que o proponente for declarado vencedor do certame, prorrogável por igual período, para a regularização da documentação, pagamento ou parcelamento do débito, e emissão de certidões. Eventual prorrogação desse prazo se dará na forma da lei. f.2) A prorrogação do prazo, a que se refere o subitem anterior deverá sempre ser concedida pela Administração quando requerida pela licitante, a não ser que exista urgência na contratação ou prazo insuficiente para o empenho devidamente justificados. 5

6 f.3) A declaração do vencedor de que trata este subitem acontecerá no momento imediatamente posterior à fase de habilitação, conforme estabelece o art. 4º, inciso XV, da Lei nº , de 17 de julho de 2002, aguardando-se os prazos de regularização fiscal para a abertura da fase recursal. f.4) A não-regularização da documentação, no prazo previsto na alínea f.1, implicará decadência do direito à contratação, sem prejuízo das sanções previstas no art. 81 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993, sendo facultado à Administração convocar as licitantes remanescentes, na ordem de classificação, ou revogar a licitação III qualificação econômico-financeira a) Balanço patrimonial e demonstrações contábeis do último exercício social já exigíveis e apresentados na forma da lei, que comprovem a boa situação financeira da empresa, vedada à substituição por balancetes ou balanços provisórios, podendo ser atualizados por índices oficiais quando encerrados há mais de 3 (três) meses da data de apresentação da proposta. b) Certidão negativa de falência, concordata e de execução patrimonial expedida pelo distribuidor da sede da licitante. c) A boa situação financeira de todas as licitantes será avaliada pelos Índices de Liquidez Geral (LG), Solvência Geral (SG) e Liquidez Corrente (LC), iguais ou maiores que 1 (um), resultantes da aplicação das fórmulas abaixo, com os valores extraídos de seu balanço patrimonial ou apurados mediante consulta on line no caso de empresas inscritas no SICAF: LG = ATIVO CIRCULANTE + REALIZÁVEL A LONGO PRAZO PASSIVO CIRCULANTE + EXIGÍVEL A LONGO PRAZO SG = ATIVO TOTAL PASSIVO CIRCULANTE + EXIGÍVEL A LONGO PRAZO LC = ATIVO CIRCULANTE PASSIVO CIRCULANTE d) A licitante, cadastrada ou não no SICAF, que apresentar índices econômicos igual ou inferior a 1 (um) em qualquer dos índices de Liquidez Geral, Solvência Geral e Liquidez Corrente, deverá comprovar que possui capital social mínimo ou patrimônio líquido mínimo de 10% (dez por cento) do valor estimado a ausência do envio de Documentos de Habilitação, jurídica, regularidade fiscal e qualificação econômico-financeira, indicarão que a licitante optou por utilizar o SICAF a licitante cadastrada e habilitada parcialmente no SICAF deverá apresentar, para a habilitação, apenas os documentos exigidos nos subitens 3.1.1; 3.1.2, e 3.1.4, que esteja contemplado no SICAF a regularidade do cadastramento e habilitação parcial da licitante no SICAF será confirmada por meio de consulta on line, quando for este o caso, ou por meio da apresentação da documentação exigida neste Convite. 6

7 as licitantes que deixarem de apresentar quaisquer dos documentos exigidos para a habilitação na presente licitação, ou os apresentarem em desacordo com o estabelecido neste convite, serão inabilitadas constatado o atendimento das exigências fixadas no Convite, a licitante será declarada vencedora DA PROPOSTA A proposta deverá ser datilografada ou impressa e apresentada no ENVELOPE Nº 2, em papel timbrado da Empresa, sem alternativas, emendas, rasuras ou entrelinhas, devidamente assinada e rubricada todas as folhas pelo representante legal da licitante proponente e deverá conter: constar uma via impressa em papel timbrado da empresa licitante, em língua portuguesa, salvo quanto às expressões técnicas de uso corrente, redigida com clareza, sem emendas, rasuras, acréscimos ou entrelinhas, datada, assinada e rubricadas todas as folhas pelo representante legal da licitante; indicar o nome ou a razão social do proponente, endereço completo, telefone, fax e endereço eletrônico ( ), este último se houver, para contato, bem como: nome, carteira de identidade e cargo na empresa; prazo de validade da proposta, não inferior a sessenta dias, a contar da abertura deste Pregão; fazer constar as especificações clara e objetiva dos serviços, conforme modelo de planilha de preço Anexo II, citando marca, modelo e qualquer outra característica que possa identificar sobre os materiais, devendo ainda conter todos os elementos que influenciam no valor final da proposta preço unitário e global, expresso em moeda corrente nacional, em algarismos e por extenso, prevalecendo este último em caso de divergência, incluindo todas as despesas tais como: impostos, taxas, fretes, seguro e quaisquer outras que forem devidas relativas ao fornecimento; planilha orçamentária conforme Anexo II, que servirá apenas como modelo, sendo de inteira responsabilidade da licitante, devendo constar todos os elementos que influenciem no valor do serviço; planilha de custo e formação de preços conforme modelo apresentado no Anexo II, que deverá ser entregue e analisada no momento da aceitação do lance vencedor declaração expressa de que nos preços cotados estão incluídos todas as despesas, tributos e encargos de qualquer natureza incidentes sobre o objeto deste Pregão, nada mais sendo lícito pleitear a esse título O Preço máximo da aquisição para é de R$ ,33 (cento e trinta e cinco mil, setecentos e setenta e nove reais e trinta e três centavos) A licitante microempresa ME ou empresa de pequeno porte EPP deverá informar tal condição no ato do envio da proposta, por intermédio de funcionalidade disponível no Sistema, sob pena de não usufruir do tratamento diferenciado previsto na Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de

8 4.4 - A declaração falsa relativa ao cumprimento dos requisitos de habilitação e à conformidade da proposta ou ao enquadramento do licitante na condição de ME ou de EPP sujeitará o licitante às sanções previstas neste Edital Em nenhuma hipótese poderá ser modificado o conteúdo da proposta apresentada, em relação a preço, pagamento, prazo, ou a qualquer outra condição ofertada. 4.6 Na hipótese de participação de licitante microempresa ou empresa de pequeno porte, será observado o disposto nos artigos 44 e 45, da Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006, publicada no DOU de 15 de dezembro de Após a abertura das proposta será identificado as ME/EPP participantes, fazendo comparação entre os valores da primeira colocada e das demais ME/EPP na ordem de classificação, desde que a primeira não seja uma ME/EPP Nessas condições, a proposta que se encontrar na faixa de até 10% (cinco por cento) acima da proposta de menor preço será considerada empatada com a primeira colocada e o licitante ME/EPP melhor classificado terá o direito de encaminhar uma última oferta para desempate, obrigatoriamente abaixo da primeira colocada, no prazo de cinco minutos controlados pelo Sistema, contados após a comunicação automática para tanto; Caso a ME/EPP classificada em segundo lugar desista ou não se manifeste no prazo estabelecido, o Sistema convocará as demais ME/EPPs participantes na mesma condição, na ordem de classificação, segundo o estabelecido no item anterior Caso sejam identificadas propostas de ME/EPPs empatadas em segundo lugar, na faixa dos 5% (cinco por cento) de diferença para a primeira colocada, o Sistema fará um sorteio eletrônico entre os licitantes, definindo e convocando automaticamente a vencedora para o encaminhamento da oferta final de desempate, conforme subitens supra Havendo êxito neste procedimento, o Sistema disponibilizará a nova classificação de fornecedores para fins de aceitação. Não havendo êxito, ou sendo a melhor oferta inicial apresentada por ME/EPP ou ainda não existindo ME/EPP participante, prevalecerá a classificação inicial Somente após o procedimento de desempate, quando houver, e classificação final dos licitantes, será cabível a negociação de preço junto ao fornecedor classificado em primeiro lugar Caso não incida o disposto nos artigos 44 e 45 da Lei Complementar nº 123, de 2006, após o encerramento da etapa de lances, havendo empate entre as propostas de menor preço do lote, de duas ou mais microempresa ou empresas de pequeno porte, ou entre duas ou mais empresas que não se enquadre nessa condição, a classificação se fará, obrigatoriamente, por sorteio, em ato público, para o qual os licitantes serão convocados DO PROCEDIMENTO No dia, hora e local citados no preâmbulo deste Convite serão abertos, inicialmente, os envelopes contendo a DOCUMENTAÇÃO, sendo estes rubricados pela Servidora designada para realização deste Convite. 8

9 5.2 - Caso a Servidora considere necessário, poderá suspender a reunião para analisar os documentos e julgar a habilitação, marcando data e horário para nova sessão Ocorrendo a hipótese prevista no item anterior, os envelopes contendo as PROPOSTAS, devidamente lacrados, serão rubricados pela Servidora, ficando em seu poder até que seja decidida a habilitação Não havendo Licitante inabilitada ou se todas manifestarem desistência de interpor recurso, será procedida a imediata abertura das propostas, que serão rubricadas pela Servidora e licitantes presentes Das reuniões para recebimento e abertura dos documentos de habilitação e propostas, serão lavradas atas circunstanciadas, que mencionarão todas as ocorrências que interessarem ao julgamento desta licitação, devendo estas serem assinadas pela Servidora e por todas os Licitantes presentes ou por comissão eleita por eles Depois da hora marcada para recebimento dos envelopes DOCUMENTAÇÃO e PROPOSTA, nenhum documento será recebido pela Servidora DO JULGAMENTO O julgamento da licitação será realizado em 02 (duas) fases: a) fase de habilitação, que compreenderá análise dos documentos apresentados no envelope DOCUMENTAÇÃO de todos os licitantes. Só as empresas habilitadas passarão à próxima fase, ou seja, a de julgamento das propostas; b) fase de julgamento das propostas, que compreenderá a análise dos elementos contidos no envelope PROPOSTA dos Licitantes habilitados O presente Convite é do tipo menor preço, conforme art. 45, 1º, inciso I, da Lei nº 8.666/93, e será considerada vencedora a proposta que atender suas especificações e apresentar o menor preço total No caso de empate entre duas ou mais propostas, e após obedecido o disposto na Lei Complementar nº 123/06 e na Lei nº 8.666/93, art. 3º, 2º, inciso II, a classificação se fará, obrigatoriamente, por sorteio, em ato público, para o qual todos os Licitantes serão convocadas O Servidor poderá relevar erros materiais evidentes, desde que não comprometam a compreensão e a lisura da proposta Não será levada em consideração para efeito de julgamento, a proposta que contenha vantagem não prevista neste Convite, com preços simbólicos ou irrisórios, incompatíveis com os preços dos insumos e salários de mercado, acrescidos dos respectivos encargos, ou ainda preços excessivos quando comparados aos praticados no mercado Quando todas as propostas forem desclassificadas, o Servidor poderá fixar o prazo de 3 (três) dias, para que os Licitantes apresentem novas propostas escoimadas das causas da desclassificação. 7 - DA ADJUDICAÇÃO Após verificação da regularidade do certame e compatibilidade dos preços ofertados com os de mercado, a adjudicação e homologação serão feitas pelo Ordenador de Despesa do Ministério do Trabalho e Emprego. 9

10 8 - DAS OBRIGAÇÕES DAS PARTES As obrigações das partes contratantes estão definidas no Projeto Básico (Anexo I) deste Edital. 9 - DO CONTRATO O contrato a ser celebrado obedecerá à Minuta constante do Anexo V, na qual serão considerados todos os elementos apresentados pela licitante vencedora que tenham servido de base para o julgamento desta licitação, bem como as condições estabelecidas neste Edital e seus anexos. 9.2 O prazo para a assinatura do respectivo Contrato será de 08 (oito) dias úteis, contados da data de convocação pelo Ministério do Trabalho e Emprego, podendo ser prorrogado, uma vez, por igual período, quando solicitado pela parte, e desde que ocorra motivo justificado e aceito pela Administração O contrato terá vigência de 90(noventa) dias, contados a partir da data de sua assinatura, sendo de 45(quarenta e cinco) dias para a execução dos serviços, 15(quinze) dias para o recebimento provisório e 30(trinta) dias para o recebimento definitivo, podendo este prazo ser prorrogado por igual período e com vantagens para a Administração na sua continuidade, nos termos do art. 57, da Lei nº 8666/ Na minuta do Contrato constante do Anexo V, estão fixadas as responsabilidades das partes as condições de pagamento e demais obrigações contratuais Antes da assinatura do contrato o Ministério do Trabalho e Emprego efetuará consulta ao Cadastro Informativo (CADIN), conforme estabelecido no inciso III, art. 6º, da Lei nº /2002, ou na Legislação que vier a substituí-la; caso exista registro de débito no CADIN, observado o prazo estipulado na legislação em vigor, a Proponente adjudicatária estará impossibilitada de contratar com a Administração, salvo se estiver suspenso o impedimento ou em caso de relevância e urgência, conforme dispositivo legal vigente, ou se a Proponente comprovar ter ajuizado ação com garantia oferecida, na forma da lei, ou ainda, comprovar estar suspensa a exigibilidade do crédito 10 - DO ACOMPANHAMENTO E FISCALIZAÇÃO Atividade exercida de modo sistemático pela Contratante e seus prepostos, objetivando a verificação do cumprimento das disposições contratuais, técnicas e administrativas, em todos os seus aspectos Deverão ser observadas as seguintes condições gerais: A Contratante manterá desde o início dos serviços até o seu recebimento definitivo, ao seu critério exclusivo, um Fiscal ou uma equipe de Fiscalização constituída por profissionais habilitados que considerar necessários ao acompanhamento e controle dos trabalhos. A Contratada deverá facilitar, por todos os meios ao seu alcance, a ampla ação da Fiscalização, permitindo o acompanhamento dos serviços em execução, bem como atendendo prontamente às solicitações que lhe forem efetuadas. 10

11 Todos os atos e instruções emanados ou emitidos pela Fiscalização serão considerados como se fossem praticados pela Contratante A Fiscalização deverá realizar, dentre outras, as seguintes atividades: Manter um arquivo completo e atualizados de toda a documentação pertinente aos trabalhos, incluindo o contrato, este Projeto Básico, cronogramas, correspondências, etc.; Aprovar a indicação pela Contratada do seu responsável pela condução dos trabalhos; Solicitar a substituição de qualquer funcionário da Contratada que embarace a ação da Fiscalização; Verificar se estão sendo colocadas à disposição dos trabalhos a equipe técnica prevista no contrato de execução dos serviços; Esclarecer ou solucionar incoerências, falhas e omissões eventualmente constatadas, bem como nas demais informações e instruções complementares deste Projeto Básico, necessárias ao desenvolvimento dos trabalhos; Exercer rigoroso controle sobre o cronograma de execução dos serviços, aprovando os eventuais ajustes que ocorrerem durante o desenvolvimento dos trabalhos; Analisar e aprovar as etapas dos serviços executados, em obediência ao previsto neste Projeto Básico; Verificar e aprovar as soluções propostas nos projetos quanto a sua adequação técnica e econômica de modo a atender às necessidades da Contratante; Verificar e atestar os serviços, bem como conferir, vistar e encaminhar para pagamento as faturas emitidas pela Contratada; Encaminhar à Contratada os comentários efetuados para que sejam providenciados os respectivos atendimentos; Receber a documentação final do Projeto, verificando o atendimento aos comentários efetuados e a apresentação de todos os documentos previstos A atuação ou a eventual omissão da Fiscalização durante a realização dos trabalhos não poderá ser invocada para eximir a Contratada da responsabilidade pela execução dos serviços As reuniões realizadas serão documentadas por Atas de Reunião, elaboradas pela Fiscalização e que conterão, no mínimo, os seguintes elementos: data, nome e assinatura dos participantes, assuntos tratados, decisões e responsáveis pelas providências a serem tomadas DO PAGAMENTO 11.1.O pagamento será realizado mediante a apresentação de Notas Fiscais/Faturas, acompanhadas dos comprovantes de recolhimento dos encargos sociais, após a completa execução dos serviços especificados em cada etapa de trabalho entregue. 11

12 11.2. Se houver aplicação de multa, esta será descontada de qualquer fatura ou crédito existente em favor da Contratada; caso a mesma seja superior ao crédito eventualmente existente, a diferença será cobrada administrativamente ou judicialmente, se necessário Nenhum pagamento será realizado pela CONTRATANTE sem que antes seja procedida prévia e necessária consulta ao Sistema de Cadastramento de Fornecedores SICAF, para comprovação da regularidade fiscal da CONTRATADA, bem como da comprovação do recolhimento das contribuições Sociais(FGTS, Previdência Social) correspondentes ao mês da última competência vencida A Administração deverá atestar a regularidade da prestação dos serviços, nos termos dos Artigo 31 a 35 da IN/MPOG n 02/ DA DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA As despesas decorrentes da presente contratação correrão à conta da dotação orçamentária , Plano Interno , Natureza da Despesa DAS INFRAÇÕES E SANÇÕES ADMINISTRATIVAS 13.1 Comete infração administrativa, nos termos da Lei n 10520, de 2002, a licitante/adjudicatária, que: não retirar a nota de empenho, ou não assinar o contrato, quando convocada dentro do prazo de validade da proposta; apresentar documentação falsa; deixar de entregar os documentos exigidos no certame; não mantiver a sua proposta dentro de prazo de validade; comportar-se de modo inidôneo; cometer fraude fiscal; fizer declaração falsa; ensejar o retardamento da execução do certame A licitante/adjudicatária que cometer quaisquer das infrações discriminadas no subitem anterior ficará sujeita, sem prejuízo da responsabilidade civil e criminal, às seguintes sanções: no caso da infração ao subitem supra aplicar-se-á, independentemente do impedimento de licitar/contratar, multa de até 0,3%(zero vírgula três por cento) por dia de atraso sobre o valor homologado, até o limitse de 10 dias; impedimento de licitar e de contratar com a União e descredenciamento no SICAF, pelo prazo de até dois anos; As sanções previstas nos subitens anteriores poderão ser aplicadas cumulativamente A interposição de eventuais Recursos Administrativos se dará no prazo de 2(dois) dias úteis, obedecendo-se as demais disposições constantes do item 11 deste Edital A inexecução parcial ou total das condições pactuadas, o erro de execução e a mora na execução, sujeitarão a CONTRATADA às seguintes penalidades, sem prejuízo das demais cominações legais: 12

13 I. Advertência; II. Multa de mora no percentual de 0,3%(três décimo por cento) por dia de atraso no cumprimento das obrigações assumidas incidente sobre o valor da parcela do objeto em atraso, que será aplicada a partir do 2 (segundo) dia útil da inadimplência, contado da data definida para o regular cumprimento da obrigação até a data do efetivo adimplemento, observando o limite de 30(trinta) dias; III. Multa de 10%(dez por cento) sobre o valor da parcela objeto em atraso, no caso de inexecução total ou parcial do objeto contratado, depois de decorridos 30(trinta) dias sem que a Contratada tenha iniciado a prestação da obrigação assumida, ensejando a sua rescisão; IV. Suspensão temporária de licitar e contratar com a União pelo prazo de até 2(dois) anos, em consonância com o Acórdão n 999/2007; V. Declaração de inidoneidade para licitar ou contratar com a Administração Pública, enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição ou até que seja promovida a reabilitação, perante a própria autoridade que aplicou a penalidade, que será concedida sempre que a CONTRATADA ressarcir o CONTRATANTE pelos prejuízos resultantes e após decorrido o prazo da sanção aplicada A critério do CONTRATANTE, as sanções previstas nos incisos I, IV e V desta cláusula, poderão ser aplicadas juntamente com as previstas nos incisos II ou III, facultada a defesa prévia da CONTRATADA, no respectivo processo, no prazo de 02(dois) dias úteis Se a multa aplicada for superior ao valor da eventual garantia prestada, além da perda desta, responderá a CONTRATADA pela sua diferença, que será descontada dos pagamentos eventualmente devidos pelo CONTRATANTE ou cobrada judicialmente As penalidades serão obrigatoriamente registradas no SICAF, e, no caso de suspensão de licitar, a Contratada deverá ser descredenciada por igual período, sem prejuízo da multas previstas no Edital e das demais cominações legais Aplicar-se-á advertência por faltas leves, assim entendidas como aquelas que não acarretem prejuízos significativos ao objeto da contratação A aplicação de qualquer das penalidades previstas realizar-se-á, em processo administrativo que assegurará o contraditório e a ampla defesa, observando-se o procedimento previsto na Lei n 8666, de 1993, e subsidiariamente na Lei n 9784, de A autoridade competente, na aplicação de sanções, levará em consideração a gravidade da conduta do infrator, o caráter educativo da pena, bem como o dano causado à Administração, observado o princípio da proporcionalidade As multas devidas e/ou prejuízos causados à Contratante serão deduzidos da garantia, ou recolhidos em favor da União, ou deduzidos dos valores a serem pagos, ou ainda, quando for o caso, serão inscritos na Dívida Ativa da União e cobrados judicialmente A multa deverá ser recolhida no prazo máximo de 5(cinco) dias úteis, a contar da data do recebimento da comunicação pelo Contratado. 13

14 14 - DA VISTORIA A empresa deverá apresentar Declaração de Vistoria, em papel timbrado da mesma, e visado na SRTE/DF, de que compareceu e vistoriou os locais onde serão executados os serviços, e que tomou conhecimento de todos os detalhes que se farão necessários à apresentação de sua proposta. Para tanto, a empresa deverá visitar as dependências da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego SRTE/DF,GRTE/Taguatinga/DF, ARTE/Gama/DF e ARTE/Sobradinho/DF, acompanhada por servidor designado pela Administração, anteriormente á realização do certame licitatório A vistoria deverá ser realizada obrigatoriamente por representante devidamente credenciado pela empresa, devendo o mesmo ser aquele que se responsabilizará tecnicamente pelos serviços propostos A data e o horário da vistoria deverão ser marcados no Núcleo de Serviços Gerais NUSG, da SRTE/DF, pelo telefone (61) , com antecedência de até 24 horas da abertura da licitação Local de vistoria: Prédio Sede da SRTE/DF Endereço: SEPN 509 Bloco E Brasília/DF Prédio da GRTE/Taguatinga/DF Endereço: C-12 Bloco D, lotes A e B Edifício Central 02 Taguatinga/DF ARTE/GAMA/DF Endereço: Lote 18 Praça n 2 Setor Central Gama/DF ARTE/Sobradinho/DF Endereço: Quadra 08, área reservada 1 Sobradinho/DF 14 - DA ANULAÇÃO E REVOGAÇÃO A presente licitação poderá ser revogada por razões de interesse público decorrentes de fato superveniente devidamente comprovado, pertinente e suficiente para justificar sua revogação, ser anulada por ilegalidade de ofício ou por provocação de terceiros, mediante parecer escrito devidamente fundamentado A anulação da presente licitação por motivo de ilegalidade não gera obrigação de indenizar, ressalvado o disposto na Lei n.º 8.666/93, art. 59, parágrafo único No caso de revogação ou anulação da presente licitação, fica assegurado o contraditório e a ampla defesa DOS RECURSOS Dos atos da Administração caberá recurso por escrito, na forma do disposto na Lei nº 8.666/93, art Os recursos das decisões da Servidora serão dirigidos ao Ministério do Trabalho e Emprego, por intermédio da Servidora, o qual poderá reconsiderar sua decisão no prazo de 05 (cinco) dias úteis, ou nesse mesmo prazo, fazê-lo subir devidamente informado. Neste caso, a decisão deverá ser proferida dentro do prazo de 05 (cinco) dias úteis contados do recebimento do recurso. 14

15 Os recursos deverão ser entregues na Comissão Permanente de Licitação, situado na Esplanada dos Ministérios, Edifício Anexo, Ala B Sala 444, 4º Andar, Brasília/DF, nos dias úteis no horário de 08h00min. às 18h00min. 16 MEDIDAS ACAUTELADORAS Consoante o artigo 45 da Lei n 9784, de 1999, a Administração Pública poderá, sem a prévia manifestação do interessado, motivamente, adotar providências acauteladoras DAS DISPOSIÇÕES FINAIS Ao Ministério do Trabalho e Emprego fica reservado o direito de revogar a licitação por razões de interesse público decorrente de fato superveniente devidamente comprovado, pertinente e suficiente para justificar tal conduta, devendo anulá-la por ilegalidade, de ofício ou por provocação de terceiros, mediante parecer escrito e devidamente fundamentado A participação do Licitante implica aceitação plena de todos os termos do Convite, independentemente de menção diversa contida em sua proposta É facultada à Comissão ou autoridade superior, em qualquer fase da licitação, a promoção de diligência destinada a esclarecer ou a complementar a instrução no processo, vedada a inclusão posterior de informação que deveria constar obrigatoriamente da proposta (Lei nº 8.666/93, art. 43, 3º) É facultado ao Ministério do Trabalho e Emprego, quando a convocada não retirar a Nota de Empenho no prazo e condições estabelecidos, convocar os Licitantes remanescentes, na ordem de classificação, para fazê-lo em igual prazo e nas mesmas condições propostas pela primeira classificada, inclusive quanto aos preços atualizados, ou revogar a licitação independentemente da comunicação prevista na Lei nº 8.666/93 (art. 81) Quaisquer tributos ou encargos legais criados, alterados ou extintos, bem como a superveniência de disposições legais, quando ocorridas após a data da apresentação da proposta, de comprovada repercussão nos preços contratados, implicarão revisão destes para mais ou menos, conforme a Lei nº 8.666/93, art. 65, 5º À critério da administração, os quantitativos desta licitação, poderão ser reduzidos ou aumentados, de acordo com o artigo 65, 1º, da Lei nº 8.666/ Os casos omissos e as demais dúvidas suscitadas serão dirimidas pela Pregoeira devendo ser observado prazo de 02 (dois) dias úteis anteriores ao estipulado para abertura dos envelopes de habilitação, na Esplanada dos Ministérios Edifício Anexo, Ala B Sala 444, 4º Andar, Brasília/DF, Fone: (61) , Fax: (61) Cópia deste Convite estão disponibilizados no endereço eletrônico: e poderá ser retirado na sala 444, 4º andar, ala B do Edifício Anexo do Ministério do Trabalho e Emprego, localizado na Esplanada dos Ministérios, bloco F, no horário das 08h30min., às 12h00min., e de 14h00min., às 17h30min A empresa vencedora do certame, não poderá participar, direta ou indiretamente, da licitação ou da execução de obra ou serviço e do fornecimento de bens a eles necessários, conforme o disposto no art. 9, da Lei nº 8.666/93. 15

16 Fazem parte integrante deste Convite: - Anexo I - Projeto Básico; - Anexo II - Modelo de Planilha Orçamentária; - Anexo III Termo de Vistoria - Anexo IV Declaração de Elaboração Independente de Proposta; - Anexo V Minuta do Contrato. NORMA JEANE GARCIA Presidente da CPL/MTE 16

17 ANEXO I PROJETO BÁSICO 1. JUSTIFICATIVA 1.1. As condições físicas atuais do Edificio Sede da SRTE/DF, do Edifício Central da GRTE/Taguatinga/DF, das ARTE/Gama/DF e ARTE/Sobradinho/DF não se encontram adequadas para o perfeito funcionamento das atividades de trabalho e atendimento ao público do órgãos representativos do Ministério do Trabalho e Emprego, em Brasília/DF Os imóveis citados possuem área útil satisfatória para o atendimento de suas necessidades, com potencial de acomodação de ambientes com flexibilidade, sendo a reforma a melhor alternativa de compatibilizar o edifício às demandas atuais e futuras do órgão O escopo pretendido para a reforma do imóvel contempla a execução de projetos básicos e executivos de arquitetura e complementares, que contenham as necessidades reais dos referidos prédios, levantadas a partir de vistoria técnica. 2. OBJETIVO 2.1. O objetivo específico deste é subsidiar e orientar a contratação de empresa, especializada na prestação de serviços de arquitetura e engenharia para elaboração de projeto básico e executivo de arquitetura e complementares O objetivo geral deste é a elaboração de projetos básicos e executivos para reforma e adequação dos prédios Sede da SRTE/DF, GRTE/Taguatinga/DF, ARTEs do Gama e Sobradinho-DF, que se encontram em péssimo estado, provendo estes edifícios de instalações adequadas ao desenvolvimento de suas atividades, de qualidade do ambiente interno, de atendimento à sociedade e ainda de recuperação de ativo imobiliário da União, a fim de garantir de modo uniforme uma sobrevida de utilidade desses patrimônios públicos. 3. OBJETO 3.1. Contratação de empresa especializada na prestação de serviços de arquitetura e engenharia com vistas à prestação de serviços técnicos especializados de arquitetura e engenharia para elaboração de projetos básicos e executivos de arquitetura e complementares, visando à reforma dos seguintes prédios: Edifício Sede da SRTE/DF de 04 pavimentos, com área total de 2177,50 m², Edifício Central da GRTE/Taguatinga de pavimento térreo e sobreloja, com área de 270,00 m², ARTE/GAMA, com área de 143,00 m² e ARTE/SOBRADINHO, com área de 143,00 m², conforme Programa de Necessidades dos Serviços abaixo: PROGRAMA DE NECESSIDADES DOS SERVIÇOS: UNIDADE: PRÉDIO SEDE DA SRTE/DF Endereço: SEPN 509 Bloco E Brasília/DF Estudo de layout das áreas de trabalho, inclusive da área de segurança e copa existente. Corrimão nas laterais da rampa de acesso principal, barra de proteção até o início da calçada interna. Revisão/troca de forro de gesso onde houver necessidade. 17

18 Revisão geral em todos os banheiros, com substituição dos vasos e assentos sanitários, cubas que estiverem com defeito, todos os engates, torneiras, sifões, válvulas e trocas dos ralos atuais por ralos com dispositivos de fechamento. Substituir as portas dos boxes de todos os banheiros por portas laváveis e nos banheiros masculino criar boxes para os mictórios. Troca de todos os mictórios. Trocar as janelas do térreo por janelas de correr. Abrir vãos nas paredes e colocar janelas de correr nas salas do subsolo que dão acesso ao corredor. Substituir os basculantes de circulação de ar das paredes externas do subsolo, por janelas de correr(todas as janelas do térreo e subsolo deverão ser no estilo das do segundo andar. Substituir as janelas de iluminação natural da escada de acesso ao gabinete por janelas em alumínio. Colocar grades em todas as janelas do térreo e subsolo, inclusive nas que substituírem os basculantes, verificando a possibilidade de aproveitamento das grades existentes. Revisão e conserto em todas as janelas do 1º e 2º andar que estiverem com defeito. Revisar e trocar luminárias quando necessário, inclusive os reatores. Disponibilizar pontos elétricos adequados para os postos de trabalho e pontos de ventiladores de teto, 1(um) em cada sala em todos os andares e 4(quatro), no salão de atendimento ao cidadão. Verificar os quadros de disjuntores de todos os andares se estão adequados para a demanda. Adequar os fios do pára-raio de acordo com normas de segurança(esticar, isolar, etc) Fornecimento e instalação de iluminação de emergência. Pintura interna e externa, inclusive as grades das janelas, alambrado e guarita. Recuperar piso cerâmico do segundo andar, onde for necessário. Trocar carpete do primeiro andar por cerâmica de boa qualidade. Impermeabilizar a calçada lateral do prédio que dá para a W2, inclusive as valas de escoamento que ficam sob estas calçadas. A laje da guarita do Prédio Sede deverá ser revisada. Colocar piso adequado na rampa de acesso principal e na escada de acesso ao subsolo. Trocar as grades de proteção das valas de escoamentos em volta do prédio. Trocar todas as fechaduras das portas (banheiros, copas, salas e entradas principal e lateral), trocar portas e portais que estejam danificados. Substituir a porta do NUSG por porta de madeira com vidro (no mesmo estilo da atual) Adequar os pontos de rede à quantidade de micros existentes. Na sala de rede identificar os pontos lógico no rack. Incluir rede lógica para central telefônica. Posicionamento da sala do rack. Incluir ponto de telefone para cada estação de trabalho. Verificar os vazamentos existentes na cobertura. Localização e projeto para as câmeras nas entradas de acesso ao prédio. Adequar às escadas de acordo com as normas de segurança. Na escada que dá acesso ao primeiro e ao segundo andar, aumentar o guarda corpo e diminuir o espaço vazado de acordo com as normas, colocar corrimão onde for necessário, grade de proteção em cima do guarda corpo de alvenaria e fitas antiderrapantes em todas as escadas. Retirada dos suportes de ar condicionados não utilizados. Canalização das mangueiras de todos os aparelhos de ar condicionado para longe das paredes a fim de evitar infiltrações. Adequar os tubos de escoamento de água de todo prédio de forma que fiquem afastados das paredes, inclusive os tubos que ficam nas valas de escoamento. Prever correção em todas e quaisquer rachaduras e fissuras existentes nas edificações. Prever pontos para detecção de incêndio com detector de fumaça em todos os andares e subsolo, manutenção preventiva e corretiva nas mangueiras de incêndio, verificar a vazão da água se está 18

19 adequada às normas de segurança e identificação dos pontos, inclusive dos extintores.( Se os extintores estão em números adequados e identificados corretamente). Estudo de vagas e acesso do estacionamento. UNIDADE: PRÉDIO DA GRTE/TAGUATINGA/DF Endereço: C-12 Bloco D Taguatinga/DF Novo estudo de layout das salas e atendimento ao público (divisórias e alvenarias). Adequação dos sanitários públicos e dos funcionários com novos revestimentos, louças e metais. Estudo da calçada com rampas de acesso para cadeirantes e das escadas externas e internas. Substituição do piso cerâmico e do forro de gesso acartonado. Substituição das portas existentes. Balcão de atendimento em granito, com armário sob balcão. Revisão das janelas de vidro temperado, com perfis de alumínio, natural tipo de correr, para substituição das mesmas, onde for necessário. Grade de proteção metálica fixas nas janelas e porta principal. Projetar porta de vidro temperado na fachada. Pontos de tomadas de energia normal. Pontos de tomadas de energia ininterrupta. Pontos de iluminação. Pontos de tomada para instalação de ventiladores de teto quatro(4) no salão de atendimento e um (1) em cada sala Quadros de distribuição para iluminação, tomada e ar condicionado. Quadros de distribuição de tomadas de energia ininterrupta. Quadro geral de energia normal. Quadro de medição para atender o aumento de carga. Alimentador do quadro de medição ao quadro geral. Alimentador partindo do quadro geral ao quadro de distribuição de iluminação, tomadas e ar condicionado. Alimentador partindo do quadro geral ao quadro de energia ininterrupta. Alimentadores dos condensadores de ar condicionados. Luminárias de embutir fluorescente. Luminárias de emergência. Pontos para CFTV. Pontos de lógica/telefone. Novo posicionamento do rack de informática, com estudo de ampliação Pontos de água. Pontos de esgoto. Pontos de dreno para ar condicionado. Substituição e/ou recuperação de portas de madeira. Pintura em teto com tinta PVA sobre massa corrida. Pintura em parede com tinta acrílica sobre massa corrida. Pintura em grade metálica em tinta a óleo ou esmalte sintético. Piso cerâmico das salas e hall. Piso cerâmico nos sanitários. Revestimentos cerâmicos nos sanitários e copa. Guarda corpo e corrimão da escada externa. UNIDADE: ARTE/ GAMA/DF Endereço: Lote 18 Praça n 2, Setor Central Gama/DF 19

20 Estudo do layout das áreas internas(copa, banheiros, atendimento e salas) Troca do forro existentes por forro de gesso. Revisão de todas as janelas com troca das danificadas e colocação de vidros quando necessário. Troca de todas as luminárias. Pintura interna e externa de paredes, grades e alambrados, com correção de infiltrações Reconstruir e aumentar a largura da calçada ao redor da edificação. Substituir todas as portas existentes. Revisão geral da rede elétrica. Disponibilizar os pontos para rede de computadores, para ar condicionado e para ventiladores de teto (sendo um em cada sala e dois no salão de atendimento). Pontos de rede de computadores para todas as salas( média de 3 pontos por sala) e atendimento(5 pontos). Disponibilizar pontos telefônicos para todas as salas e salão de atendimento( no mínimo dois). Revisão de todo o telhado e aplicar tratamento anti-ferrugem nas ferragens, substituir a estrutura e telhas que estiverem danificadas. Calhas onde forem necessárias (frente e atrás do prédio). Revisão da estrutura da marquise da entrada principal. WC público: trocar pisos, vasos sanitários e colocar pias. Substituir todas as torneiras, tampas de vasos sanitários, sifões e rabichos, substituir as tampas dos ralos por outros com dispositivo de fechamento. Trocar caixa d água de amianto por outra de acordo com a legislação vigente e no mesmo tamanho da existente e troca de toda tubulação. UNIDADE: ARTE/SOBRADINHO/DF Endereço: Quadra 08 Área reservada 1 Sobradinho/DF Estudo de layout das áreas internas(copa, bwc, atendimento e salas). Troca do forro existente por forro de gesso. Troca de todas as luminárias. Revisão de todas as janelas com troca da danificadas e colocação de vidros quando necessário. Pintura interna e externa de paredes, grades e alambrados, com correção das infiltrações. Substituição das cerâmicas danificadas e rodapé. Reconstruir e aumentar a largura da calçada ao redor da edificação, construir acesso do estacionamento para a edificação facilitando a locomoção de cadeirantes. Trocar as portas danificadas e colocar alizares em todos os portais. Disponibilizar pontos para rede de computadores, para ar condicionados e para ventiladores de teto (sendo um em cada sala e dois no salão de atendimento). Pontos de rede de computadores para todas as salas( 3 pontos por sala) e atendimento (5 pontos). Disponibilizar pontos telefônicos para todas as salas e salão de atendimento (no mínimo dois). Revisão de todo o telhado e aplicar tratamento anti-ferrugem nas ferragens, substituir a estrutura e telhas que estiverem danificadas. Colocar calhas onde forem necessárias (frente e atrás do prédio). Revisão da estrutura da marquise da entrada principal. Substituir todas as torneiras, tampas dos vasos sanitários, sifões e engates, substituir as tampas dos ralos por outros com dispositivo de fechamento. Trocar a caixa d água de amianto por outra de acordo com a legislação vigente e no mesmo tamanho da existente e troca de toda a tubulação. Adequar a estrutura da placa de identificação para receber o novo logotipo. 4. TERMINOLOGIA Para os estritos efeitos deste Projeto Básico, são adotadas as seguintes definições: 20

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS EDITAL DE CARTA CONVITE 027/2015 A PREFEITA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA, torna público, para conhecimento dos interessados, que no dia 20 DE NOVEMBRO DE 2015, às 10 horas, reunirse-á a Comissão Permanente

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2.

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2. IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM 03 (TRÊS) DIAS DE ANTECEDENCIA NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ PREENCHER O RECIBO DE RETIRADA DE EDITAL, CONSTANTE DO ANEXO I E DEVOLVER COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2010

CARTA CONVITE Nº 002/2010 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

Prefeitura Municipal de Antonina do Norte GOVERNO MUNICIPAL CNPJ n 07.594.500/0001-48 EDITAL CONVOCATÓRIO

Prefeitura Municipal de Antonina do Norte GOVERNO MUNICIPAL CNPJ n 07.594.500/0001-48 EDITAL CONVOCATÓRIO EDITAL CONVOCATÓRIO CONVITE Nº 2013.02.18.2 1.0 EDITAL 1.1 Órgão: SECRETARIA MUNICIPAL DE AÇÃO SOCIAL 1.2 Modalidade: CONVITE 1.3 Tipo de Licitação: Menor preço Global 1.4 Torna público para conhecimento

Leia mais

EDITAL OBJETO: CABO GIGALAN CATEGORIA 6 U/UTP 23AWGX4PARES - VERMELHO EM CAIXA DE 305 METROS, CONFORME ESPECIFICAÇÃO TECNICA Nº 036/2009.

EDITAL OBJETO: CABO GIGALAN CATEGORIA 6 U/UTP 23AWGX4PARES - VERMELHO EM CAIXA DE 305 METROS, CONFORME ESPECIFICAÇÃO TECNICA Nº 036/2009. EDITAL A SÃO PAULO TRANSPORTE S.A. SPTrans, inscrita no CNPJ-MF sob o n.º 60.498.417/0001-58, comunica que se encontra aberta a licitação, EXCLUSIVAMENTE para participação de microempresas e empresas de

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 023/2009

CARTA CONVITE Nº 023/2009 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 007/2008

CARTA CONVITE Nº 007/2008 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO E COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 - JD. PAULISTA -

Leia mais

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 DATA DA ABERTURA: 13/11/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014. Do Objeto

PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014. Do Objeto PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014 O Município de Mariano Moro, RS, torna público, em conformidade com a Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, que no dia 30 de setembro as 14

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JARDIM PAULISTA

Leia mais

DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007

DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007 DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007 Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado para as microempresas e empresas de pequeno porte nas contratações públicas de

Leia mais

Tomada de Preços n.º 015/2010

Tomada de Preços n.º 015/2010 Tomada de Preços n.º 015/2010 Procedimento Administrativo n.º 0848/2010 Modalidade: Tomada de Preços Tipo: Menor Preço Julgamento: global Regime de execução: empreitada por preço unitário Objeto: Contratação

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2014 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 22/08/2014 HORÁRIO: 10h00min LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro Edifício

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 O CONSELHO REGIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA 7ª REGIÃO CREF7/DF, Autarquia Federal, criada pela Lei nº 9.696/98, torna público

Leia mais

CONVITE Nº. 001/2014

CONVITE Nº. 001/2014 CONVITE Nº. 001/2014 O CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 4ª REGIÃO RIO GRANDE DO SUL, autarquia federal criada pela Lei 1.411/51, através de sua Comissão de Licitações, designada pela Ata nº 1412/2014, da

Leia mais

PROJETO BÁSICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 46_/2013. Aquisição de Guarda Chuvas para a Unidade do INPE/CRN em Natal/RN.

PROJETO BÁSICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 46_/2013. Aquisição de Guarda Chuvas para a Unidade do INPE/CRN em Natal/RN. PROJETO BÁSICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 46_/2013 1. OBJETO Aquisição de Guarda Chuvas para a Unidade do INPE/CRN em Natal/RN. 2. ESPECIFICAÇÕES Guarda Chuva, medindo 0,80 m x 8 x 1,60 m de diâmetro, tipo

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO RS/SC

CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO RS/SC CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO CONVITE Nº 05/2013 SERVIÇOS DE ASSESSORIA CONTÁBIL O Conselho Regional de Biologia 3ª Região, através da Comissão Permanente de Licitações, convida V.S.a. a apresentar

Leia mais

SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 06 de Outubro de 2.009 M I N U T A

SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 06 de Outubro de 2.009 M I N U T A PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO E COM ATÉ 3(TRES) DIAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JARDIM PAULISTA CEP 01405-001

Leia mais

QUANT UND PREÇO/LT 01 ÓLEO DIESEL 3.726,50 LT

QUANT UND PREÇO/LT 01 ÓLEO DIESEL 3.726,50 LT MODALIDADE: CARTA CONVITE Nº 003/2009 EXPEDIDA EM: 27/01/2009 TIPO DE LICITAÇÃO: MENOR PREÇO POR ITEM REPARTIÇÃO INTERESSADA: SECRETARIA MUNICIPAL DE INFRA- ESTRUTURA E LOGÍSTICA FUNDAMENTO LEGAL: REGIDA

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PREGÃO N 125/2008

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PREGÃO N 125/2008 PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PREGÃO N 125/2008 DATA DE ABERTURA: 04 de dezembro de 2008 HORÁRIO: 13:00 horas LOCAL DA SESSÃO PÚBLICA: Auditório da CPL/PGR, localizada no

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2011

CARTA CONVITE Nº 003/2011 CARTA CONVITE Nº 003/2011 O Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 10ª Região CREFITO-10, com jurisdição no Estado de Santa Catarina, através de sua Comissão Permanente de Licitações,

Leia mais

ITEM CATMAT DISCRIMINAÇÃO DOS MATERIAIS QUANT.

ITEM CATMAT DISCRIMINAÇÃO DOS MATERIAIS QUANT. CONDIÇÕES GERAIS DA CONTRATAÇÃO PEDIDO DE COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº _016/2013 O presente documento complementa as informações publicadas no sítio Comprasnet para o Pedido de Cotação Eletrônica de Preços acima

Leia mais

Decreto nº 8.538, de 6 de outubro de 2015 Decreto nº 6.204, de 5 de setembro de 2007

Decreto nº 8.538, de 6 de outubro de 2015 Decreto nº 6.204, de 5 de setembro de 2007 DECRETO 8.538/2015 COMPARATIVO COM DECRETO 6.204/2007 Outubro/2015 Importante: Pontos acrescidos estão destacados em verde. Pontos suprimidos estão destacados em vermelho. Decreto nº 8.538, de 6 de outubro

Leia mais

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Processo...: 8/2015 Modalidade.: Convite Número...: 6/2015

Leia mais

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL 1. DA ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO 1.1. Os interessados em se inscrever e/ou renovar o Registro Cadastral junto ao GRB deverão encaminhar a documentação a seguir estabelecida,

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DAS MISSÕES

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DAS MISSÕES PROCESSO LICITATÓRIO Nº 003/2016 TOMADA DE PREÇO Nº 003/2016 Aldoir Godois Vezaro, Prefeito Municipal de São Pedro das Missões RS, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a Lei nº 8.666,

Leia mais

CONVITE Nº 050A/2015

CONVITE Nº 050A/2015 Processo nº 0308.1511/15-3 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 050A/2015 DATA DA ABERTURA: 19/08/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

CONTAGEM DO PRAZO LEGAL

CONTAGEM DO PRAZO LEGAL Curso de Licitação. Pregão Presencial e Pregão Eletrônico Professor: Antônio Noronha Os 3 Caminhos Possíveis para Aquisição/ Serviços, etc... Licitação; Dispensa de Licitação; Inexigibilidade de Licitação.

Leia mais

CONVITE Nº 060E/2015

CONVITE Nº 060E/2015 Processo nº 0405.1511/15-3 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 060E/2015 DATA DA ABERTURA: 16/10/2015 HORA DA ABERTURA: 10:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO

CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO 1 CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO 1 - PREÂMBULO 1.1 - A Fundação Universidade do Contestado, através do seu Departamento de Compras, situado à Rua Victor Sopelsa, 3000, Bairro Salete, Concórdia,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA ROMA DO SUL DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES E D I T A L

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA ROMA DO SUL DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES E D I T A L CONVITE Nº 06/2013 MANUTENÇÃO DE POÇOS ARTESIANOS E D I T A L O Prefeito Municipal de Nova Roma do Sul, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a Lei Federal n 8.666, de 21 de junho de

Leia mais

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 001/2014

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 001/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 001/2014 Encerramento: às 17:00 horas do dia 30 de setembro de 2014 Abertura dos Envelopes: às 8:00 horas do dia 01 de outubro de 2014 A SANTA CASA DE

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência CONVITE N.º 5030005-01/2011

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência CONVITE N.º 5030005-01/2011 1 CONVITE N.º 5030005-01/2011 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA -, CNPJ n.º 89.252.431/0001-59, realizará licitação por CONVITE, do tipo menor preço global, para a AQUISIÇÃO DE CERCA/MANGUEIRA

Leia mais

EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014

EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014 EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014 O PRESIDENTE DA COMPANHIA ÁGUAS TERMAIS MARCELINO RAMOS no uso de suas atribuições legais e estatutárias e de conformidade com a Lei 8666/93 de 21 de junho de 1993

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO 1 CARTA CONVITE n.º 001/2011 São Paulo, 20 de outubro de 2011. O CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA - 1ª REGIÃO, nos termos da autorização constante no Processo Administrativo em epígrafe, vem, por intermédio

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 008/2009 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 02/2009 1.1 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL 1.1.1.1 TIPO DE LICITAÇÃO: MAIOR DESCONTO OFERTADO

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº.../20... PROCESSO Nº 1.00.000.003689/2013-00 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº.../20...

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº.../20... PROCESSO Nº 1.00.000.003689/2013-00 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº.../20... ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº.../20... PROCESSO Nº 1.00.000.003689/2013-00 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº.../20... Ao...do dia do mês de... do ano de 20..., na PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA PGR,

Leia mais

Tomada de Preços n.º 006/2009

Tomada de Preços n.º 006/2009 Tomada de Preços n.º 006/2009 Procedimento Administrativo n.º 0802/2008 Modalidade: Tomada de Preços Tipo: Menor Preço Julgamento: por item Regime de execução: empreitada por preço global Objeto: Aquisição

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARAÇU ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL DE LICITAÇÃO PÚBLICA

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARAÇU ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL DE LICITAÇÃO PÚBLICA EDITAL DE LICITAÇÃO PÚBLICA PROCESSO LICITATÓRIO Nº014/2014 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº001/2014 TIPO: MAIOR OFERTA GABINETE DO PREFEITO DATA, HORÁRIO, E LOCAL DE RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS: 11 de

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF Ref: Aviso de Edital ADG nº 003/2014 publicado em 28/10/2014. 1 1. OBJETO A

Leia mais

EDITAL PROCESSO 4674/2009

EDITAL PROCESSO 4674/2009 EDITAL PROCESSO 4674/2009 A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10/58-DIREF de 24/06/2009 realizará o pregão presencial em epígrafe, regido

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Modalidade...: Tomada de Preços Número...: 008/2014 Número da Modalidade: 003/2014 Data de Abertura da Licitação...: 20/02/2014 Data de Abertura das Propostas..: 14/03/2014 Horário...:

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 007/2015 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 124/2014

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 007/2015 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 124/2014 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 007/2015 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 124/2014 Pelo presente instrumento, a SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, órgão gerenciador do Registro de Preços, localizada na

Leia mais

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com. 1/7 INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.br) INFORMAÇÕES I. O interessado na inscrição no Cadastro de Fornecedores

Leia mais

CARTA CONVITE 006/2013

CARTA CONVITE 006/2013 CARTA CONVITE 006/2013 O CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 6ª REGIÃO, autarquia federal criada pela Lei 1.411/51, representada pelo Presidente da Comissão de Licitação, designada pela Portaria nº 002/2013,

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO - MODALIDADE CONVITE

EDITAL DE LICITAÇÃO - MODALIDADE CONVITE EDITAL DE LICITAÇÃO - MODALIDADE CONVITE PROCESSO nº 001/2014 CARTA CONVITE nº 001/2014 TIPO MENOR PREÇO POR ITEM A Presidenta da ASSOCIAÇÃO CASA DA MULHER CATARINA - CMC, mantenedora do Projeto: JORNALISTAS

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E TECNOLOGIA NÚCLEO DE LOGÍSTICA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E TECNOLOGIA NÚCLEO DE LOGÍSTICA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E TECNOLOGIA NÚCLEO DE LOGÍSTICA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº 09/2007 PROCESSO Nº 0.01.000.000879/2007-37 VALIDADE: 1 (um)

Leia mais

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014.

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. Emissão: 09/12/2014. Abertura: 29/12/2014. Horário: 10:00 H. O Fundo de Previdência dos Servidores Municipais

Leia mais

PREFEITURA DE ARROIO DO PADRE

PREFEITURA DE ARROIO DO PADRE PREFEITURA DE ARROIO DO PADRE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, PLANEJAMENTO, FINANÇAS, GESTÃO E TRIBUTOS SETOR DE COMPRAS E LICITAÇÕES FONE FAX: (53) 3224 9000 32249141. EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE

Leia mais

EDITALCARTA CONVITE Nº. 001/2015

EDITALCARTA CONVITE Nº. 001/2015 1 EDITALCARTA CONVITE Nº. 001/2015 Processo Administrativo 004/2015 OBJETO: Contratação de Empresa especializada para prestação de serviços de digitalização de documentos; gerenciamento eletrônico de documentos;

Leia mais

CÂMARA DE VEREADORES DOM PEDRITO - RS CAPITAL DA PAZ EDITAL DE-CONVITE N.º 04/2015 TIPO MENOR PREÇO UNITARIO

CÂMARA DE VEREADORES DOM PEDRITO - RS CAPITAL DA PAZ EDITAL DE-CONVITE N.º 04/2015 TIPO MENOR PREÇO UNITARIO EDITAL DE-CONVITE N.º 04/2015 TIPO MENOR PREÇO UNITARIO Edital de Convite para a aquisição de Cartuchos, Pen Drive e Lâmina de limpeza e Esteira de Transferência Belt, para as impressoras da Câmara de

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE LICITAÇÃO PARA AQUISIÇÃO DE PNEUS DESTINADOS AOS VEÍCULOS DA SECRETARIA MUNICIPAL SAÚDE PARA O EXERCÍCIO DE DE 2014 2014 O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE/MUNICIPIO DE DOMINGOS MARTINS, com sede na Rua Bernardino

Leia mais

REGULAMENTO OPERACIONAL DO CERTAME

REGULAMENTO OPERACIONAL DO CERTAME Banco do Brasil - edital nº 2007/21407 (7420) - Registro de Preços - edital 8. REGULAMENTO OPERACIONAL DO CERTAME 8.2 CREDENCIAMENTO NO APLICATIVO LICITAÇÕES 8.2.7 Em se tratando de Microempresa ou Empresa

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO. DATA DE ABERTURA E CLASSIFICAÇÃO DAS PROPOSTAS DE PREÇOS E HABILITAÇÃO. a)- DIA 25/03/2013 às 14h15min

EDITAL DE LICITAÇÃO. DATA DE ABERTURA E CLASSIFICAÇÃO DAS PROPOSTAS DE PREÇOS E HABILITAÇÃO. a)- DIA 25/03/2013 às 14h15min EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO Nº. 046/2013 MODALIDADE: CONVITE N.º.08/2013 TIPO DE LICITAÇÃO: MENOR PREÇO PREAMBULO A Prefeitura Municipal de Suzanápolis (SP), com sede na Avenida Primeiro de Maio, nº.

Leia mais

CONVITE Nº 008/2013 CPL/FMS/SMS/PMVR

CONVITE Nº 008/2013 CPL/FMS/SMS/PMVR CONVITE Nº 008/2013 CPL/FMS/SMS/PMVR O MUNICÍPIO DE VOLTA REDONDA/RJ, por intermédio da COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO do FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE da SECRETARIA MUNCIPAL DE SAÚDE/PMVR, atendendo requisitos

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos 1 de 7 07/10/2015 10:08 Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 8.538, DE 6 DE OUTUBRO DE 2015 Vigência Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado

Leia mais

COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO (Portaria nº 002/2013) Edital de Licitação Pública Lei nº 8.666/93

COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO (Portaria nº 002/2013) Edital de Licitação Pública Lei nº 8.666/93 COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO (Portaria nº 002/2013) Edital de Licitação Pública Lei nº 8.666/93 Processo: N.º 001/2013 Carta Convite: N.º001/2013 A Câmara Municipal e Uruaçu, Estado e Goiás, em Cumprimento

Leia mais

CONVITE N.º 001/2007

CONVITE N.º 001/2007 CONVITE N.º 001/2007 A Companhia das Docas do Estado da Bahia - CODEBA, com observância da Lei n.º 8.666/93, de 21/6/1993, e demais disposições legais, convida essa empresa a participar de Licitação acima

Leia mais

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br EDITAL Nº 62/2012 PREGÃO ELETRÔNICO 34/2012 PROCESSO DE DESPESA: 2318/2012 (SEC. DE EDUCAÇÃO) PROCESSO DE LICITAÇÃO 2318/2012 PROCESSO DE COMPRA 45-12 ABERTURA: 29/03/2012 HORÁRIO: 15 horas O Prefeito

Leia mais

CONVITE N.º 004/2015

CONVITE N.º 004/2015 CONVITE N.º 004/2015 1. Preâmbulo 1.1 A Câmara Municipal de Rio Verde, Estado de Goiás, com endereço na Avenida José Walter, Quadra 24, Residencial Interlagos, Rio Verde Goiás, vem convidar essa empresa

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DOS RATOS Departamento de Compras e Licitações

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DOS RATOS Departamento de Compras e Licitações EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE Nº. 006/2014 O MUNICÍPIO DE ARROIO DOS RATOS, através da Secretaria Municipal de Administração, sito o Largo do Mineiro, Nº. 195, torna público que estará realizando licitação

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO Endereço: Rua Avenida T-1, esq.com Rua Orestes Ribeiro (antiga T-52),Lotes 1, 2, 3, 23 e 24, Qd. T-22, Setor Bueno, Goiânia-GO. CNPJ

Leia mais

www.fundacaoaraucaria.org.br 2

www.fundacaoaraucaria.org.br 2 EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE 02/2013 Serviços de Auditoria 1. DO PREÂMBULO 1.1. A Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico, estabelecida em Curitiba, Av. Comendador Franco,

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria de Infraestrutura MINUTA EDITAL DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N.

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria de Infraestrutura MINUTA EDITAL DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N. MINUTA INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N.º 0900130000453 A SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA DO ESTADO DA BAHIA - SEINFRA, com sede na Avenida Luiz Viana Filho, 4ª Avenida, nº 440, Centro Administrativo da

Leia mais

2.01.1 Atenderem as condições e exigências estabelecidas neste CONVITE;

2.01.1 Atenderem as condições e exigências estabelecidas neste CONVITE; CONVITE Nº 009/2007 LICITAÇÃO PARA AQUISIÇÃO DE 63 (SESSENTA E TRÊS) LICENÇAS DO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS XP PROFESSIONAL-FULL VERSÃO EM PORTUGUÊS PARA ESTAÇÕES DE TRABALHO E 01(UMA) LICENÇA DE WINDOWS

Leia mais

CONVITE n.º 6010004-01/2012

CONVITE n.º 6010004-01/2012 1 FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC Cep: 97105-900 Prédio 66 - Campus/UFSM Santa Maria RS CONVITE n.º 6010004-01/2012 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC, CNPJ n.º 89.252.431/0001-59,

Leia mais

CNPJ: 25.466.087/0001-18 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011

CNPJ: 25.466.087/0001-18 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011 1 PREÂMBULO. O INSTITUTO DE COOPERAÇÃO E EDUCAÇÃO AO DESENVOLVIMENTO (INCED) é instituição qualificada como Organização da Sociedade

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls. Convite nº 081/2007 Fls. 1 CARTA CONVITE Processo nº 11784/05 Convite nº 081/2007 Entrega Envelopes até o dia: 15 de junho de 2007, às 14h00. Abertura Envelopes dia: 15 de junho de 2007, às 14h30. A COMISSÃO

Leia mais

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado.

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado. EDITAL DE CARTA CONVITE N 02/2010 CRM-PR OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA PARA O DESENVOLVIMENTO E SUPERVISÃO DE PROJETO DE TELEMEDICINA, VIDEOCONFERÊNCIA E EDUCAÇÃO CONTINUADA PARA

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CARTA CONVITE N.º 006/2006

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CARTA CONVITE N.º 006/2006 2 EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CARTA CONVITE N.º 006/2006 TIPO: DATA DE ABERTURA HORÁRIO LOCAL MENOR PREÇO 04/12/2006 10 HORAS SALA DE REUNIÃO 1 - DO OBJETO DA LICITAÇÃO 1.1 A COMISSÃO PERMANNTE DE LICITAÇÃO

Leia mais

EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012

EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012 EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012 1. INTRODUÇÃO: 1.1 O CONSELHO REGIONAL DE ODONTOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da Pregoeira Angela Ferraz Jaeger, torna público,

Leia mais

I - LOCAL DE ENTREGA DOS ENVELOPES:

I - LOCAL DE ENTREGA DOS ENVELOPES: EDITAL de LICITAÇÃO MODALIDADE: CARTA CONVITE N.º 17/2013 Data da abertura dos envelopes: Dia: 25/10/2013 Horário: 13:00 horas Data limite para entrega dos envelopes: Dia: 25/10/2013 Horário: 13:00 horas

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG)

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) NORMAS DE CREDENCIAMENTO PARA INSTITUIÇÕES BANCÁRIAS 1. DA FINALIDADE

Leia mais

ESTADO DO ACRE DECRETO Nº 5.966 DE 30 DE DEZEMBRO DE 2010

ESTADO DO ACRE DECRETO Nº 5.966 DE 30 DE DEZEMBRO DE 2010 Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado para as microempresas, empresas de pequeno porte e equiparadas nas contratações de bens, prestação de serviços e execução de obras, no âmbito

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CABEDELO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CABEDELO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Chamada Pública n.º 002/2014 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar com dispensa de licitação, Lei n.º 11.947, de 16/07/2009, Resolução n.º 38 do FNDE,

Leia mais

CONVITE Nº 033/2009. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 09/12/2009 às 14 horas

CONVITE Nº 033/2009. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 09/12/2009 às 14 horas CONVITE Nº 033/2009 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 09/12/2009 às 14 horas 01. DISPOSIÇÕES INICIAIS 1.1 O Senac Departamento Nacional torna público que, na Seção de Material,

Leia mais

EEEP FRANCISCA MAURA MARTINS

EEEP FRANCISCA MAURA MARTINS EXECUÇÃO DE SERVIÇO DE FORNECIMENTO DE SINAL DE INTERNET COM VELOCIDADE MÍNIMA DE 05 MB DESTINADO ÀS ATIVIDADES DA EEEP FRANCISCA MAURA MARTINS POR UM PERÍODO DE 12 (DOZE) MESES CONVITE Nº 20150001 OBJETO:

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001 - DEPTO DE COMPRAS - 8º ANDAR. Regime

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC.

CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC. 1 CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC. 1 - PREÂMBULO 1.1 - A Fundação Universidade do Contestado, através do seu Departamento de Compras,

Leia mais

CONVITE Nº 14/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas

CONVITE Nº 14/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas CONVITE Nº 14/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas 01. DISPOSIÇÕES INICIAIS 1.1 O Senac Departamento Nacional torna público que, na Seção de Material,

Leia mais

EDITAL. TOMADA DE PREÇO Nº 16/2015 PROCESSO n 33.000.000301.2015. DATA DA REALIZAÇÃO: 23 de novembro de 2015. HORÁRIO: 09:00 horas

EDITAL. TOMADA DE PREÇO Nº 16/2015 PROCESSO n 33.000.000301.2015. DATA DA REALIZAÇÃO: 23 de novembro de 2015. HORÁRIO: 09:00 horas EDITAL EDITAL DE TOMADA DE PREÇO PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO TÉCNICO PROFISSIONAL DE ASSESSORIA E CONSULTORIA DE GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS, CONFORME DESCRITO NO TERMO DE REFERÊNCIA E PROJETO

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2013 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 19/03/2013 HORÁRIO: 10:00 Horas LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ Convite N. 004/2015 Natureza da Despesa/ OBJETIVO: Fonte do Recurso Contratação de Serviço de INSTALAÇÃO DE SERVIÇO DE LINK DE INTERNET - 5MB Dotação Orçamentária Data da Emissão 22/06/2015 Data da Licitação

Leia mais

Parágrafo Segundo: A proposta poderá ser preenchida nos anexos I e II.

Parágrafo Segundo: A proposta poderá ser preenchida nos anexos I e II. CONVITE Nº 023/2012 LICITAÇÃO, MODALIDADE CONVITE, VISANDO A CONTRATAÇÃO DE PESSOA JURÍDICA PARA EFETUAR SEGURO DOS PRÉDIOS E VEÍCULOS PERTENCENTES AO MUNICÍPIO. DIOGO SEGABINAZZI SIQUEIRA, PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

CONVITE Nº 0002/2011 OBJETO: AQUISIÇÃO DE TINTAS DATA DA REALIZAÇÃO: 31/01/11 HORA: 11:00 HORAS

CONVITE Nº 0002/2011 OBJETO: AQUISIÇÃO DE TINTAS DATA DA REALIZAÇÃO: 31/01/11 HORA: 11:00 HORAS AVISO CONVITE Nº 0002/2011 OBJETO: AQUISIÇÃO DE TINTAS DATA DA REALIZAÇÃO: 31/01/11 HORA: 11:00 HORAS LOCAL: RUA VISC. DE SEPETIBA, 987 11ºANDAR NITERÓI- RJ. 1/6 A FIRMA: ENDEREÇO: Prezados Senhores, CONVITE

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE RONDÔNIA SENAR-AR/RO CNPJ Nº. 04.293.236/0001-14

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE RONDÔNIA SENAR-AR/RO CNPJ Nº. 04.293.236/0001-14 AVISO DE LICITAÇÃO O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural Administração Regional de Rondônia SENAR-AR/RO, comunica aos interessados que no dia 11/11/2010, ás 09:30 hs, ocorrerá a ABERTURA DOS ENVELOPES

Leia mais

PRESTAÇÃO DE SERVIÇO CONTÍNUO SEM DEDICAÇÃO EXCLUSIVA DE MÃO DE OBRA

PRESTAÇÃO DE SERVIÇO CONTÍNUO SEM DEDICAÇÃO EXCLUSIVA DE MÃO DE OBRA Página nº 1 de 6 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Pregão PRESENCIAL PRESTAÇÃO DE SERVIÇO CONTÍNUO SEM DEDICAÇÃO EXCLUSIVA DE MÃO DE OBRA PROCESSO Nº 34.206.019993.2014 PREGÃO PRESENCIAL Nº 057/2014 ÓRGÃO REQUISITANTE:SEIE/Companhia

Leia mais

22100022.12.362.014.21747.0700000.33903000.51.0.30-4955

22100022.12.362.014.21747.0700000.33903000.51.0.30-4955 Convite N.º 003/2015 Natureza da Despesa Funcional Programática Data da Emissão 15 de Junho de 2015 Data da Licitação 22 de Junho de 2015 Horário da Licitação 08:00h Tipo de Licitação Aquisição de Material

Leia mais

AVISO DE LICITAÇÃO CONVITE N 034/02

AVISO DE LICITAÇÃO CONVITE N 034/02 AVISO DE LICITAÇÃO CONVITE N 034/02 O CNPq, fundação pública federal, vinculada ao Ministério da Ciência e Tecnologia, sediada na SEPN Q. 507, Bloco B, Ed. CNPq Brasília-DF, CEP: 70740-901, informa que

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO PRESENCIAL Nº. 017/2015 - SRP

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO PRESENCIAL Nº. 017/2015 - SRP ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO PRESENCIAL Nº. 017/2015 - SRP Aos 27 (vinte e sete) dias de mês de maio do ano de 2015, o Município de Parazinho/RN, CNPJ nº. 08.113.631/0001-29, com sede na Praça Senador

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DOS RATOS Departamento de Compras e Licitações

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE ARROIO DOS RATOS Departamento de Compras e Licitações EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE Nº. 066/2014 A PREFEITURA DE ARROIO DOS RATOS, através da Secretaria Municipal de Administração, sito no Largo do Mineiro, 195, torna público que estará realizando licitação

Leia mais

ABERTURA DE CARTA CONVITE Nº 001/2014

ABERTURA DE CARTA CONVITE Nº 001/2014 ABERTURA DE CARTA CONVITE Nº 001/2014 O CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS DO ESTADO DE SANTA CATARINA CRECI - 11ª REGIÃO/SC, através da Comissão de Julgamento de Licitação, comunica que, de acordo

Leia mais

DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015.

DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015. DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015. EMENTA: Regulamenta o Sistema de Registro de Preços SRP previsto no art. 15 da Lei nº 8.666/93, no âmbito do Município de Central Bahia. O PREFEITO DO MUNICÍPIO

Leia mais

Câmara Municipal De Natividade Da Serra

Câmara Municipal De Natividade Da Serra DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA A INCRIÇÃO NO REGISTRO CADASTRAL (Em conformidade com os artigos 28 a 31 da Lei Federal Nº 8.666/93 e demais alterações posteriores): PESSOA JURÍDICA 1 - Documentação Relativa

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO Nº 10/2015 CREA-PI. Carta Convite n 08/2015

EDITAL DE LICITAÇÃO Nº 10/2015 CREA-PI. Carta Convite n 08/2015 EDITAL DE LICITAÇÃO Nº 10/2015 CREA-PI Carta Convite n 08/2015 O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO PIAUÍ - Crea-PI, por intermédio da Comissão de Licitação, designada pela Portaria n 034/2015,

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº 051/2010

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº 051/2010 MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº 051/2010 PROCESSO Nº 1.00.000.014911/2009-13 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº

Leia mais