EPI S. 01 Corte & Furo. 02 Abrasivos. 03 Químicos. 04 Fixação. 05 Mecânica. 06 Funilaria & Pintura. 07 Ferragens para Madeira

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EPI S. 01 Corte & Furo. 02 Abrasivos. 03 Químicos. 04 Fixação. 05 Mecânica. 06 Funilaria & Pintura. 07 Ferragens para Madeira"

Transcrição

1 CATÁLOGO EPI S

2 EPI S 01 Corte & Furo 02 Abrasivos 03 Químicos 04 Fixação 05 Mecânica 06 Funilaria & Pintura 07 Ferragens para Madeira 08 Refrigeração & Linha Branca 09 Construção Civil 10 Solda 11 Elétrica / Eletrônica 12 Sanitário 13 Ferramentas Manuais 14 Máquinas 15 Equipamentos 16 Instrumentos de Medição EPI (Equipamentos de Proteção Individual) 18 Fitas 19 Organizadores & Displays 20 Orsy

3 EPI.01 QUÍMICOS.02 ÓCULOS DE SEGURANCA.03 MÁSCARAS.04 PROTETORES AURICULARES.05 CAPACETES.06 LUVAS.07 ROUPAS DE TRABALHO.08 CALÇADOS.09 SINALIZAÇÃO

4 LUVA QUÍMICA Creme protetor da pele que sai com água. Forma uma película protetora na pele. Protege a pele contra agentes nocivos à saúde. Substitui o uso das luvas tradicionais. Mantém a sensibilidade das mãos. Sai somente com água. Conteúdo Classificação: Grupo 2 Óleo-resistente hidrossolúvel. Aplicações É indicado para proteção da pele das mãos e braços do usuário contra a agressividade de agentes químicos, tais como: Óleo mineral, diesel, gasolina, querosene, nafta, thinner, clorofórmio, tolueno, xileno, n-hexano, cloreto de metileno, percloroetileno, tricloroetileno, acetona, MEK, água raz, tinta base solvente, vernizes, colas, gasolina, cimento, cal e demais substâncias que não contenham água na sua composição. Modo de usar Aplicar cerca de 1,5 grama sobre a pele limpa e seca, antes do início de cada atividade formando uma fina camada em toda a área a ser exposta. Para remoção, retirar o excesso com o pano seco e lavar com água, removendo totalmente o produto. Contra Indicações: O produto não deverá ser utilizado em situações em que o usuário tiver contato com água ou substâncias aquosas. Precauções 200 g Não usar no rosto, nem sob luvas. Conservar em local fresco, afastado de crianças e animais domésticos. Classificado como EPI no ministério do trabalho. Oferece segurança ao usuário. Contém agentes cicatrizantes e hidratantes. Livre de resinas, ácidos, silicone e AOX 1. AOX 1 = Compostos organoclorados solúveis em água. Dados técnicos Aspecto Cremoso acinzentado Odor Floral ph (a 25º C, 100%) 7,00-8,00 Estas informações e instruções de uso são baseadas em nossa experiência e em testes realizados. Recomendamos que sejam feitos novos testes de uso antes de cada novo tipo de aplicação ou superfície a tratar

5 PMW LUVA QUÍMICA Creme protetor da pele que não sai com água. Forma uma película protetora na pele. Protege a pele contra agentes nocivos à saúde. Substitui o uso das luvas tradicionais. Mantém a sensibilidade das mãos. Não sai com água. Classificado como EPI no ministério do trabalho. Oferece segurança ao usuário. Conteúdo 200 g Classificação: Grupo 3 Especial Pintura água e óleo resistente hidrorresistente. Aplicações É indicado para proteção da pele das mãos e braços do usuário contra a agressividade de agentes químicos, tais como: Óleo mineral, diesel, gasolina, querosene, nafta, thinner, clorofórmio, tolueno, xileno, n-hexano, cloreto de metileno, percloroetileno, tricloroetileno, acetona, MEK, água raz, tinta base d água, tinta base solvente, vernizes, colas, gasolina, cimento, cal, água e demais substâncias que contenham água na sua composição. Sob luvas para proteção das mãos do usuário. Modo de usar Aplicar cerca de 1 grama sobre a pele limpa e seca, antes do início de cada atividade formando uma fina camada em toda a área a ser exposta. Para remoção, retirar o excesso com o pano seco e lavar com água e sabonete, removendo totalmente o produto. Contém agentes cicatrizantes e hidratantes. Livre de resinas, ácidos, silicone e AOX 1. AOX 1 = Compostos organoclorados solúveis em água. Dados técnicos Aspecto Cremoso branco Odor Floral ph (a 25º C, 100%) 6,00-7,00 Estas informações e instruções de uso são baseadas em nossa experiência e em testes realizados. Recomendamos que sejam feitos novos testes de uso antes de cada novo tipo de aplicação ou superfície a tratar. Precauções Não usar no rosto. Conservar em local fresco, afastado de crianças e animais domésticos

6 ÓCULOS DE SEGURANÇA PRO Lentes em policarbonato em peça única com proteção frontal e lateral. Tamanho único. Haste retrátil. Armação com encaixe para a lente. Foto Ilustrativa Cor da lente Haste Tamanho Incolor Cinza (Fumê) Preta Único Amarela (Âmbar) Verde Para proteger os olhos contra impactos de partículas volantes multidirecionais, com proteção frontal e lateral. Observação Para a limpeza, lave-os com água e sabão, enxugue com tecido ou papel macio. Importante Não deixar os óculos sobre qualquer superfície com as lentes viradas para baixo e proteja-os de solventes, óleos, ácidos, fontes de calor e impactos. ÓCULOS DE SEGURANÇA SUMMER Lentes em policarbonato em peça única com proteção frontal e lateral. Tamanho único. Foto Ilustrativa Cor da lente Tamanho Incolor Cinza (fumê) Único Amarela (âmbar) Verde Para proteger os olhos contra impactos de partículas volantes multidirecionais, com proteção frontal e lateral. Observação Para a limpeza, lave-os com água e sabão, enxugue com tecido ou papel macio Importante Não deixar os óculos sobre qualquer superfície com as lentes viradas para baixo e proteja-os de solventes, óleos, ácidos, fontes de calor e impactos.

7 MÁSCARA DE SOLDA Carcaça em polipropileno, leve, anatômica, resistente e visor fi xo. Usada com fi ltro de luz retangular 51 mm x 108 mm ESCUDO DE SOLDA Carcaça em polipropileno. Usada com fi ltro de luz retangular 51 mm x 108 mm

8 PROTETOR FACIAL 8 Viseira em policarbonato incolor resistente a impactos e líquidos volantes. Permite uso com outros EPI s simultaneamente necessários FILTRO DE LUZ PARA MÁSCARA DE SOLDA Tonalidade Transparente Lentes para fi ltragem de infravermelho e ultra-violeta, para processo de soldagem. As tonalidades diferentes possibilitam um ajuste ideal para o uso pretendido. A medida que o número da tonalidade aumenta a lente fi ca mais escura. Dimensões: 51 mm x 108 mm

9 WURTh MASK Respirador com camadas sintéticas e mantas de microfibras tratadas eletrostaticamente. PFF2 PFF1 PFF2 Carvão Respirador tipo semifacial fi ltrante de partículas para proteção das vias respiratórias. Para uso durante operações desde que a concentração das substâncias presentes no meio ambiente não excedam 10 vezes o limite de tolerância estabelecida em normas. Possui Certifi cado de Aprovação do Ministério do Trabalho (CA). Modelo Indicação Material PFF1(s) PFF2(s) PFF2 (carvão) PFF3 Poeiras e névoas Poeiras, névoas e fumos metálicos Poeiras. névoas, fumo e odores de vapores orgânicos abaixo do nível de ação (metade do limite de exposição) Poeiras, névoas, fumos e radionuclídeos PFF Importante Não use este respirador em atividades cujo ambiente não tenha ventilação ou tenha menos de 18% de oxigênio e durante o manuseio ou corte de materiais que contenham sílica ou amianto. Na proteção contra agentes biológicos e vírus diversos. Armazene o respirador em sua embalagem original lacrada, e em local protegido contra agentes físicos e químicos

10 WURTh MASK VALVULADA Respirador com válvula de exalação, camadas sintéticas e mantas de microfibras tratadas eletrostaticamente. PFF2 V PFF1 V PFF2 V Carvão Respirador com uma válvula de exalação tipo semifacial fi ltrante de partículas para proteção das vias respiratórias. Indicado para uso durante operações desde que a concentração das substâncias presentes no meio ambiente não excedam 10 vezes o limite de tolerância estabelecida em normas. Possui Certifi cado de Aprovação do Ministério do Trabalho (CA). Importante PFF3 V Modelo Indicação Material PFF1(s) Valvulada Poeiras e névoas Não use este respirador em atividades cujo ambiente não tenha ventilação ou tenha menos de 18% de oxigênio e durante o manuseio ou corte de materiais que contenham sílica ou amianto. Na proteção contra agentes biológicos e vírus diversos. Armazene o respirador em sua embalagem original lacrada e em local protegido contra agentes físicos e químicos. PFF2(s) Valvulada PFF2 (carvão) Valvulada Poeiras, névoas e fumos metálicos Poeiras, névoas, fumo e odores de vapores orgânicos abaixo do nível de ação (metade do limite de exposição) PFF3 Valvulada Poeiras, névoas, fumos e radionuclídeos Foto Ilustrativa

11 PROTETOR AUDITIVO LAVÁVEL Atenuação Norma NRRsf 13 Decibéis 1 2 Referência Descrição do produto 1 Protetor de copolímero Protetor de silicone Protetor auditivo produzido em copolímero com cordão em P.V.C, adapta-se a curvatura do canal auditivo com conforto ao usuário. 2 - Protetor auditivo produzido em silicone de grau farmacêutico, com cordão em polipropileno, que apresenta a vantagem de ser elasticamente modável para facilitar o ajuste no canal auditivo. Totalmente atóxico e anti-alérgico. Silicone de grau farmacêutico. Resistente a altas e baixas temperaturas e a vapores orgânicos. PROTETOR AUDITIVO TIPO CONChA Design que proporciona excelente atenuação de ruído. Conchas que apresentam ótimo espaço interno para as orelhas. Atenuação Norma NRRsf 16 decibéis

12 CAPACETE DE SEGURANÇA Capacete de segurança tipo II (aba frontal) classe B de uso geral. Indicado para trabalhos com energia elétrica. Protege o usuário contra impactos e perfurações provenientes da queda de objetos sobre o crânio. 06 pontos de encaixe da carneira. Jugular tipo fi ta para melhor ajuste. Atende ABNT NBR 8221/2003 e INMETRO 118 (05/05/2009). Possui CA. Dados técnicos Casco: Carneira (suspensão interna): Aparador de suor: Injetado em 100% polietileno de alta densidade Injetada em 100% polietileno de baixa densidade Tecido dublado em poliuretano (espuma) + TNT (tecido não tecido) Cor Branco Amarelo Vermelho Azul Verde

13 LEGENDA DE PICTOGRAMAS DE APLICAÇÃO Alimentício/Bebidas Processamento de Matéria Prima Eletroeletrônica/Eletromecânica Manutenção Construção/Pintura/Drywall Industrial Hotelaria/Limpeza Agrícola Carpintaria

14 CATEGORIAS DE LUVAS Existem luvas específicas para diversos tipos de proteção. Todas elas são submetidas a ensaios de responsabilidade internacional e devem ser fabricadas de acordo com Normas exigentes em cada um destes modelos. No Brasil, todo e qualquer EPI Equipamento de Proteção Individual obrigatoriamente, deverá exibir grafados nos produtos ou em etiquetas não facilmente removíveis, o número do seu respectivo CA Certificado de Aprovação do MTE - Ministério do Trabalho e Emprego, cujo documento é obtido pelo fornecedor após submeter o EPI para aprovação em ensaios técnicos que são elaborados por laboratórios competentes e necessariamente credenciados pelo Ministério do Trabalho. PROTEÇÃO MECÂNICA São luvas especiais para a proteção das mãos e de parte dos membros superiores contra os riscos de abrasão, cortes, rasgos, perfuração e vibrações. Estas luvas são submetidas a ensaios da Norma EN388:2003 mais a BS EN 420:2003. A Norma EN 388:2003 ensaia o EPI nas seguintes modalidades: a.resistência à abrasão São medidos por ciclos, representados por níveis de 1 a 4. b.resistência ao corte por lâmina Medido por ciclos, representados por níveis de 1 a 5. c.resistência ao rasgamento Medido em Newtons representados por níveis de 1 a 4. d.resistência à perfuração Medido em Newtons representados por níveis de 1 a 4. Os resultados obtidos em testes são manifestados por níveis de desempenho representados conforme acima citados, entendendo-se que: Nível [0] ou 1 é o menor resultado obtido. Nível 2 ou 3 é o resultado intermediário. Nível 4 ou 5 os melhores resultados todos obtidos em ensaios. No EPI esta numeração deverá estar grafada logo abaixo do pictograma. Exemplo: EN 388 PICTOGRAMA Resistência a Abrasão Resistência ao Corte por Lâmina Resistência ao Rasgamento Resistência à Perfuração

15 WBR Luva de nylon com banho de látex Tamanho Extremamente confortável com flexibilidade adequada para operações onde a elevada resistência à abrasão é requerida com seguro agarre e tato, tanto em condições úmidas quanto secas. Dorso sem revestimento proporciona ótima ventilação e mantém a mão arejada. Despacho e recebimento de caixas. Instalação de pisos e revestimentos. Gesso acartonado. Encanadores, movimentação de alvenaria e telhados. Coleta de refugo. Serviços de manutenção e limpeza. Manuseio de materiais diversos. Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão Corte Rasgamento Perfuração 1 EN WBR Luva de nylon com PU preto Tamanho Adequada para operações onde é necessário elevada sensibilidade dos dedos. Reduz o risco de ferimentos, evita danos a componentes eletrônicos de alta sensibilidade, proporciona manuseio suave e delicado de pequenas peças com alto controle e precisão em aplicações de montagens. Utilizado em trabalhos onde se requer maior resistência a sujeira. Palma com banho de PU preto. Embalagem de pequenas peças. Inspeção de terminais e micro processadores eletrônicos. Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão Corte Rasgamento Perfuração 1 EN

16 wbr Luva de nylon com PU branco Adequada para operações onde é necessário elevada sensibilidade dos dedos. Reduz o risco de ferimentos, evita danos a componentes eletrônicos de alta sensibilidade, proporciona manuseio suave e delicado de pequenas peças com alto controle e precisão em aplicações de montagens. Palma com banho de PU branco. Embalagem de pequenas peças. Inspeção de terminais e micro processadores eletrônicos. Tamanho Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão Corte Rasgamento Perfuração 1 EN WBR Luva de nylon com banho nitrílico Elevada resistência mecânica para trabalhos de montagem e manutenção. Embalagem de pequenas peças. Instalação de vidros e espelhos. Inspeção de terminais e micro processadores eletrônicos. Estampagem e manutenção de peças pequenas. Tamanho Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão Corte Rasgamento Perfuração 1 EN

17 WBR LUVA DE ALGODÃO COM BANHO NITRÍLICO Excelente proteção para trabalhos que ocorram contatos com produtos químicos, tais como solventes, álcoois, petróleo e seus derivados. O revestimento oferece excelente pega à seco e bom desempenho ao manusear materiais ásperos. Despacho e recebimento de caixas. Instalação de pisos e revestimentos. Transporte de gesso acartonado. Manuseio de alvenaria e instalação de telhados. Coleta de refugo. Manuseio de objetos recobertos com graxas ou óleos. Tamanho Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão Corte Rasgamento Perfuração 1 EN Luva de algodão com PVC Boa resistência mecânica, ideal para trabalhos que necessitem de resistência à abrasão e química. Manuseio de blocos de concreto e revestimentos. Transporte de sacarias. Movimentação de cargas. Coleta de refugo. Marcenaria Tamanho Classificação EN 388 Teste Resultado EN Abrasão Corte Rasgamento Perfuração

18 LUVA NITRÍLICA Tamanho Boa resistência mecânica contra rasgos, altamente resistente a água, produtos químicos e solventes. Indicada para aplicações de limpeza pesada, com alta fl exibilidade, conforto e destreza. Manuseio de produtos químicos. Processamento de alimentos nos mais diversos setores. Manuseio de lubrifi cantes, solventes orgânicos, cimento ou água parada. Limpeza e desengraxe com sabões e detergentes formulados. Processamento químico. LUVA DE LÁTEx Boa resistência mecânica com alta repelência a água Oferece grande fl exibilidade e durabilidade. Excelente agarre em aplicações úmidas. Processamento químico. Manuseio de produtos de limpeza em geral. Tamanho Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão 1 EN Corte Rasgamento Perfuração

19 LUVA DE PVC LISA COM FORRO Fabricada em suporte têxtil, com fi os 100% algodão. Garante maior absorção ao suor, proporcionando mais conforto ao usuário. Revestimento de PVC de alta qualidade, que garante impermeabilidade química e resistência mecânica. Altamente resistente a produtos químicos, principalmente produtos ácidos, alcalinos, solventes e derivados de petróleo como querosene. Possui excelente resistência mecânica a rasgo, perfuração, corte e abrasão. Tamanho Comprimento 9 260mm mm Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão Corte Rasgamento Perfuração 1 LUVA DE PVC FORRADA COM PALMA ÁSPERA Utilizada para proteção das mãos em lavagem de peças com corrosivos, serviços gerais de galvanoplastia, lavagem de peças em decapantes, lubrifi cação de peças, inspeção em tanques de lavagem de peças, tratamento térmico (cementação), pinturas em geral, transporte de lã de vidro. EN Boa resistência mecânica e química para trabalhos de montagem, manutenção, galvanoplastia com alta repelência a água e impermeabilidade química. Tamanho Comprimento 260mm mm Manuseio de produtos químicos. Manuseio de alvenaria, materiais abrasivos, concreto e cimento. Manuseio de lubrifi cantes e solventes orgânicos. Limpeza e desengraxe com sabões e detergentes formulados. Processamento químico. Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão Corte Rasgamento Perfuração 1 EN

20 LUVA DE ALGODÃO TRICOTADA Boa resistência mecânica para trabalhos diversos. Manuseio de caixas de papelão. Transporte de sacarias. Aplicações Diversas. Tamanho Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão Corte Rasgamento Perfuração 1 EN LUVA DE ALGODÃO TRICOTADA PIGMENTADA EM PVC Boa resistência mecânica com agarre seguro. Palma pigmentada. Manuseio de caixas de papelão. Transporte de sacarias. Movimentação de cargas. Manutenção e transporte de peças. Tamanho Classificação EN 388 Teste Resultado EN Abrasão Corte Rasgamento Perfuração

21 LUVA DE ALGODÃO TRICOTADA PIGMENTADA TOTAL Boa resistência mecânica com agarre seguro. Utilização reversível, podendo ser utilizada de ambos os lados. Palma e dorso pigmentados. Manuseio de caixas de papelão. Transporte de sacarias. Movimentação de cargas. Manutenção e transporte de peças. Tamanho Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão Corte Rasgamento Perfuração 1 EN LUVA DE POLIÉSTER E POLIAMIDA COM BORRAChA NATURAL Ótima proteção a riscos mecânicos ideal para trabalhos que necessitem de resistência à abrasão e boa aderência. Tamanho Manuseio de blocos de concreto e revestimentos Transporte de gesso acartonado. Manuseio de alvenaria e instalação de telhados. Movimentação de cargas. Coleta de refugo. Silvicultura, exploração e operações de madeira. Material de Fabricação Confeccionada em suporte têxtil de tecido sintético tipo cadarço misto de poliéster e poliamida, sem costura e face palmar em borracha vulcanizada. Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão 3 EN Corte Rasgamento Perfuração

22 LUVA VAQUETA PETROLEIRA Alta resistência mecânica, sendo ideal para trabalhos onde se requer resistência à abrasão com boa maleabilidade. Carga e descarga. Soldagem leve. Manutenção e reforma de peças e construção civil. Transporte de chapas, serralherias e calderaria. Tamanho Classificação EN 388 Teste Resultado EN Abrasão Corte Rasgamento Perfuração LUVA DE ALGODÃO REVESTIDA COM GRÂNULOS DE COURO Resistência mecânica, sendo ideal para trabalhos onde se requer resistência à abrasão, escoriação e com ótima maleabilidade. Manuseio de blocos de concreto, revestimentos e madeira. Manuseio de alvenaria e instalação de telhados. Movimentação de estruturas metálicas Movimentação de cargas. Coleta de refugo. Tamanho Classificação EN 388 Teste Resultado Abrasão 4 EN Corte Rasgamento Perfuração

23 TABELA QUÍMICA COMO UTILZAR A TABELA QUÍMICA COMO 1. Localize UTILZAR o produto A TABELA químico QUÍMICA do qual você precisa de proteção. 1. Localize o produto químico do qual você precisa de proteção. 2. Siga linha horizontal e selecione a coluna com o melhor desempenho nos testes. 2. Siga a linha horizontal e selecione a coluna com o melhor desempenho nos testes. UTILIZE A LEGENDA VERDE: a luva adapta-se adapta-se perfeitamente perfeitamente à utilização à utilização AMARELO: a luva adapta-se à utilização à utilização com com controle controle cuidadoso cuidadoso VERMELHO: a luva não não é é recomendada para para utilização utilização ND: Informação não não disponível # QUÍMICO BORRACHA NITRÍLICA PVC BORRACHA NATURAL / LÁTEX 1 1,1,1 Tricloro etano 2 1,2 Ácido etileno dicarboxílico 3 1,2 Dicloro benzeno ND ND ND 4 1,2 Dicloro etano 5 1,2 Dicloro etileno ND ND ND 6 1,2 Óxido de propileno 7 1,3 Di-isocianato metil benzeno 8 1,5 Ciclo octadieno ND ND 9 1:1 Acetona/Gas ND ND ND 10 1:1 THF (tetra hidro fluorenona) ND ND ND 11 1 Acetato de Butila 12 1 Cloro 2 - Propeno ND ND ND 13 1 Cloro naftaleno 14 1 Metoxi 2 Acetoxi propano 15 1 Vinil 2 pirrolidinona ND ND ND 16 2 Ácido hidroxi propanóico 2 Butanol ND ND ND 18 2 Butanona 19 2 Butil álcool ND ND ND 20 2 Cloro 1 metil benzeno ND ND 21 2 Cloro tolueno ND ND 22 2 Furaldeído 23 2 Hidroxi metil furano ND ND ND 24 2 Metoxi etil éter ND ND ND 25 2 Pentanona ND ND ND 26 2 Propanol 27 2 Propenol 28 3 Ácido bromo propiônico 29 4,4 Difenil metano di-isocianato ND ND ND 30 4,4 Metileno difenil di-isocianato ND ND ND 31 4 Cloro tolueno ND ND ND 32 50/50 MEK (Metil Etil Cetona / Tolueno) ND ND 33 Acetaldeído 34 Acetato de amila 35 Acetato de butila 36 Acetato de Cellosolve 37 Acetato de éter glicólico PM 38 Acetato de etila 39 Acetato de propila 40 Aceto nitrila

24 # QUÍMICO BORRACHA NITRÍLICA PVC BORRACHA NATURAL / LÁTEX 41 Acetona 42 Ácido acético 43 Ácido acético glacial 44 Ácido acético, dimetilamida 45 Ácido acrílico 46 Ácido amínico 47 Ácido bromídrico, 48% 48 Ácido bromopropiônico 49 Ácido butanóico ND ND ND 50 Ácido butírico ND ND ND 51 Ácido carbólico 52 Ácido cianídrico ND 53 Ácido cítrico,10% 54 Ácido clorídrico, 10% 55 Ácido clorídrico, 37% 56 Ácido clorídrico, concentrado 57 Ácido crômico, 50% (em ác. Sulfúrico) 58 Ácido de bateria 59 Ácido etanóico 60 Ácido fluorídrico, 48% 61 Ácido fluorídrico, 60% ND 62 Ácido fluorídrico 63 Ácido fórmico, 90% 64 Ácido fórmico, concentrado 65 Ácido fosfórico,85% 66 Ácido fosfórico, conc. 67 Ác.isociânico, metil-meta-ester de fenileno 68 Ácido lático, 85% 69 Ácido lático, concentrado 70 Ácido láurico, 36% (em etanol) 71 Ácido maleico, solução saturada 72 Ácido metacrílico, metil ester 73 Ácido muriático 74 Ácido nítrico, 10% 75 Ácido nítrico, 70% 76 Ácido nítrico, concentrado 77 Ácido nítrico, fumegante 78 Ácido oleico 79 Ácido oxálico, solução saturada 80 Ácido palmítico, solução saturada 81 Ácido perclórico, 60% 82 Ácido pícrico, solução saturada em etanol ND 83 Ácido sulfúrico fumegante, 20% oleum ND ND 84 Ácido sulfúrico, 37% ND ND 85 Ácido sulfúrico, 47% 86 Ácido sulfúrico, 95% 87 Ácido tanico, 65% 88 Acrilonitrila ND ND ND 89 Água régia 90 Álcool 91 Álcool alílico

25 # QUÍMICO BORRACHA NITRÍLICA PVC BORRACHA NATURAL / LÁTEX 92 Álcool amílico 93 Álcool butílico 94 Álcool de cereais 95 Álcool de parafina 96 Álcool etílico 97 Álcool furfurílico ND ND ND 98 Álcool isobutílico 99 Álcool isopropílico 100 Álcool metílico 101 Álcool mineral, Regra Álcool octílico 103 Álcool propílico 104 Aldeído acético 105 Aldeído benzóico 106 Alil amina ND ND ND 107 Amino benzeno 108 Amino metano ND ND ND 109 Amônia anidra ND 110 Amônia gás ND 111 Amônia, 99,9% ND 112 Amônia, aquosa 113 Anilina 114 Anilina, 99% 115 Benzaldeído 116 Benzeno, Benzol 1 Benzina de petróleo 118 Bisulfito de carbono 119 Brometo de hidrogênio, Solução aquosa 120 Brometo de metileno 121 Butil Carbitol 122 Butil Cellosolve 123 Carbon Tet 124 Cianeto de hidrogênio, 98% ND 125 Cianeto de vinila ND ND ND 126 Ciano etileno ND ND ND 127 Ciano metano 128 Ciclo hexanol 129 Ciclo hexanona 130 Cloreto de alila ND ND ND 131 Cloreto de carbono 132 Cloreto de metileno 133 Cloro benzeno 134 Cloro etano ND ND ND 135 Cloro etileno ND ND ND 136 Cloro naftaleno 137 Cloro, metil óxido de etileno 138 Clorofórmio 139 Cloroteno VG 140 Cobre eletrolítico 141 Colamina 142 Destilado de petróleo

26 # QUÍMICO BORRACHA NITRÍLICA PVC BORRACHA NATURAL / LÁTEX 143 di-(2-etil hexil) ftalato 144 Di butil ftalato 145 Diacetona álcool 146 Diamina 147 Dicloreto de acetileno ND ND ND 148 Dicloreto de enxôfre ND ND 149 Dicloreto de etileno 150 Dicloro benzeno ND ND ND 151 Dicloro etano 152 Dicloro metano 153 Dietil amina 154 Dietil éter 155 Difenil clorado ND ND 156 Di-isobutil cetona 157 Di-isocianato de isoforona ND ND ND 158 Di-isocianato tolueno 159 Dimetil acetamina 160 Dimetil formaldeído 161 Dimetil sulfóxido 162 Dioctil ftalato 163 Dioxano 164 Dissulfeto de carbono 165 d-limoneno 166 Epicloridrina 167 Epoxi etano ND ND ND 168 Epoxi ropano 169 Estireno 0 Etanol 1 Etch (líquido de corrosão) Ashland Pad I 2 Éter anestésico 3 Éter butil glicólico 4 Éter de petróleo 5 Éter etil licólico 6 Éter etílico 7 Etil benzeno 8 Etileno glicol 9 Fenol, 90% 180 Fluído hidráulico, tipo aeronáutico 181 Fluoreto de amônio, 40% 182 Formaldeído, 37% 183 Freo n 184 Freo n 185 Freo n 186 Freon 187 Freon 188 Freo n 189 Furfural 190 Gama-butirolactona 191 Gás cloreto de vinila ND ND ND 192 Gás cloro ND ND ND 193 Gás de Fluoreto de hidrogênio ND

27 # QUÍMICO BORRACHA NITRÍLICA PVC BORRACHA NATURAL / LÁTEX 194 Gás de óxido de etileno ND ND ND 195 Gás metilamina ND ND ND 196 Gás propano ND 197 Gasolina 198 Gasolina natural 199 Gasolina sem chumbo tetra etila 200 Glutaraldeído, 25% 201 Halo n 202 Halo n 203 Heptano ND ND ND 204 Hexa metil disilazano 205 Hexano 206 Hidrato de potássio 207 Hidrato de sódio 208 Hidrazina, 65% 209 Hidróxido de amônio, 28% 210 Hidróxido de amônio, concentrado 211 Hidróxido de butila 212 Hidróxido de potássio, 50% 213 Hidróxido de sódio, 50% 214 Iodeto de metila 215 Isobutanol 216 Isobutil cetona 2 Iso-Octano 218 Laca de tinner ND ND ND 219 MDI ND ND ND 220 MEA 221 Mercúrio 222 Metil acetona 223 Metil benzeno 224 Metil cellosolve 225 Metil etil cetona 226 Metil glicol éter 227 Metil isobutil cetona 228 Metil metacrilato 229 Metil propil cetona ND ND ND 230 Metil tolueno 231 Metilamina, 40% 232 Mono etanol amina 233 Monocloreto de enxôfre ND ND 234 Morfolina 235 MPK ND ND ND 236 MTBE 237 Nafta VM&P 238 n-heptano ND ND ND 239 n-hexano 240 Níquel eletrolítico 241 Nitrobenzeno 242 Nitrometano 243 Nitropropano 244 N-metil-2 pirrolidona

28 # QUÍMICO BORRACHA NITRÍLICA PVC BORRACHA NATURAL / LÁTEX 245 Óleo combustível 246 Óleo de banana 247 Óleo de carvão 248 Óleo essencial artificial de amêndoas 249 Óxido de propileno 250 Pentaclorofenol,5% (em solução alcóolica) 251 Pentano 252 Percloro etileno 253 Peróxido de hidrogênio 254 Peróxido de hidrogênio, 30% 255 Piridina 256 Propanol 257 Propileno glicol ND ND ND 258 Querosene 259 Skydrol 500b Solução de corrosão de silicone 261 Solução saturada de hidroquinona 262 Solvente de Borracha 263 Solvente de Cellosolve 264 Solvente de Stoddard 265 t-butil metil éter 266 TCE 267 TCP (tritolil fosfato) 268 TDI (tolueno di isocianato) 269 TEA ( Tetra etil amonio) 270 Terebentina 271 Tetra cloro eteno 272 Tetra cloro etileno 273 Tetra hidro -2- furanona 274 Tetra hidro furano 275 Tetracloreto de carbono 276 Tetracloro metano 277 Tolueno,Toluol 278 Tri cloro etano 279 Tri cloro eteno 280 Tri cloro etileno 281 Tri cloro metano 282 Tri cresil fosfato 283 Tri etanol amina, 85% 284 Tricloreto de acetileno 285 Varsol 286 Vertrel MCA 287 Vertrel SMT 288 Vertrel XE 289 Xileno, Xilol Obs: Luvas com Banho de PU ( banho químico de poliurtano), proporciona elevado nível de mobilidade, tato aguçado e excelente grip (pega/atrito). Essa luva propicia alto grau de respirabilidade por sua porosidade e portanto não oferece barreira contra líquidos

29 AVENTAL BRANCO EM PVC Forrado com poliéster. Protege o usuário em operações onde o risco de ser atingido por partículas secas ou úmidas é constante, em locais como açougues, matadouros, laboratório químico, tratamento de efl uentes, tratamento térmico (oxidação), serralheria, marmoraria, vidraçaria e marcenarias. Alças para ajustes no pescoço e cintura CAPA DE ChUVA IMPERMEÁVEL Capa com capuz fi xo, fabricada com tecido externo em PVC e forro interno em poliéster, costurada com solda eletrônica de elevada resistência e excelente durabilidade. Produto 100% impermeável

30 MACACÃO DE PROTEÇÃO Confeccionado em polipropileno. Tratamento anti-estático. Impermeável, retém as partículas sólidas, secas, úmidas, líquidas e aerossóis. Resistente e reutilizável. Leve e confortável. Não solta fi apos. Tamanho Altura (m) G 1,76 a 1, GG 1,82 a 1, Cozinhas industriais, frigorífi cos, matadouros, laboratórios, tratamento de efl uentes, pintura em geral, pulverização de agroquímicos, defensivos agrícolas, etc. Importante Não é a prova de fogo. Não usar próximo a fontes de calor, fogo, faíscas, ou em ambientes potencialmente infl amáveis ou explosivos. Não expor a certas partículas fi nas, jatos diretos, sprays líquidos intensos e respingos de substâncias perigosas; nestes casos exigem o uso de outros tipos de protetores. De acordo com o produto a ser manuseado, se necessário, utilizar em conjunto luvas, botas, aventais, respiradores, etc. A utilização de calça e camisa 100% algodão por baixo da vestimenta melhora a performance do produto, com maior absorção de suor, melhorando o conforto do trabalhador

BORRACHA NATURAL BORRACHA NITRÍLICA # QUÍMICO NEOPRENE PVA PVC. 1 1,1,1 Tricloro etano 2 1,2 Ácido etileno dicarboxílico

BORRACHA NATURAL BORRACHA NITRÍLICA # QUÍMICO NEOPRENE PVA PVC. 1 1,1,1 Tricloro etano 2 1,2 Ácido etileno dicarboxílico COMO UTILIZAR A TABELA QUÍMICA Localize o produto químico do qual você precisa de proteção. Siga a linha horizontal e selecione a coluna com o melhor desempenho nos testes. UTILIZE A LEGENDA VERDE: a luva

Leia mais

EPIS Segurança do Jatista

EPIS Segurança do Jatista EPIS Segurança do Jatista Capacete de Proteção do Jatista - Fibra Azul 200.370.00992 PC 28642 Branco 200.370.00107 PC Capacete de proteção do Jatista fabricado em fibra com visor de vidro temperado e saída

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO 1 Aquisição de Equipamentos de Proteção Individual - PLANTEQ/2012

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO 1 Aquisição de Equipamentos de Proteção Individual - PLANTEQ/2012 TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO 1 Aquisição de Equipamentos de Proteção Individual - PLANTEQ/2012 1. JUSTIFICATIVA A presente aquisição justifica-se pela necessidade de atender a demanda do Projeto PLANTEQ /2012,

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL (SRP) Nº 56/2013

PREGÃO PRESENCIAL (SRP) Nº 56/2013 1 2 AVENTAL EM RASPA INTEIRO Avental de proteção confeccionado em raspa de couro, com emendas, com altura de 1,00m e largura de 0,60m. AVENTAL IMPERMEÁVEL Avental de segurança tipo frontal, em Trevira,

Leia mais

Venda Proibida - Gratuito

Venda Proibida - Gratuito NR 6 - Equipamento de Proteção Individual - EPI 6.1. Para os fins de aplicação desta Norma Regulamentadora - NR, considerase Equipamento de Proteção Individual - EPI todo dispositivo de uso individual,

Leia mais

ANEXO IV. II- um armário para armazenagem de solventes, com construção resistente ao fogo.

ANEXO IV. II- um armário para armazenagem de solventes, com construção resistente ao fogo. ANEXO IV ARMAZENAMENTO DE PRODUTOS QUÍMICOS. No laboratório, almoxarifado e em locais em que se tenha que armazenar ou manipular substâncias químicas, deve-se ter em conta sua composição, pois muitas delas

Leia mais

ANEXO II EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL - EPIS U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O OS EPIS SÃO DE USO INDIVIDUAL E INTRANSFERÍVEL.

ANEXO II EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL - EPIS U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O OS EPIS SÃO DE USO INDIVIDUAL E INTRANSFERÍVEL. ANEXO II PROCEDIMENTO PARA UTILIZAÇÃO DE: EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL - EPIS De acordo com estabelecido na NR-06 da Portaria 3.214/78 MTB, considera-se equipamento de proteção individual (EPI),

Leia mais

IVPU-Z IBIRÁ é fabricada em poliuretano com reforço de espiral em aço zincado. Possui alta flexibilidade, ótima resistância à abrasão.

IVPU-Z IBIRÁ é fabricada em poliuretano com reforço de espiral em aço zincado. Possui alta flexibilidade, ótima resistância à abrasão. VU-Z vácuo-ar 100% U Ficha Técnica Edição 00-08/05/015 VU-Z BRÁ VU-Z BRÁ Mangueira 100% U Descrição dos produtos Campos de Aplicação Dados do produto Metodologias Utilizadas: VU-Z BRÁ é fabricada em poliuretano

Leia mais

DIVISÃO DE SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO DVSMT PROTEÇÃO DA CABEÇA, FACE E OLHOS

DIVISÃO DE SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO DVSMT PROTEÇÃO DA CABEÇA, FACE E OLHOS PROTEÇÃO DA CABEÇA, FACE E OLHOS CAPACETE DE SEGURANÇA CAP1 Proteção da cabeça do usuário contra impactos provenientes de queda ou projeção de objetos. a) Casco: deve ser confeccionado em polietileno de

Leia mais

NR 06. Luvas e/ou mangas de proteção e/ou cremes protetores devem ser usados em trabalhos em que haja perigo de lesão provocada por:

NR 06. Luvas e/ou mangas de proteção e/ou cremes protetores devem ser usados em trabalhos em que haja perigo de lesão provocada por: Página1 II - Proteção para os membros superiores: NR 06 Luvas e/ou mangas de proteção e/ou cremes protetores devem ser usados em trabalhos em que haja perigo de lesão provocada por: 1. Materiais ou objetos

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00033/2015 (SRP)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana. Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00033/2015 (SRP) Pregão Eletrônico MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal da Integração Latino Americana Termo de Adjudicação do Pregão Eletrônico Nº 00033/2015 (SRP) Às 16:06 horas do dia 20 de novembro de 2015,

Leia mais

SURG Cia. de Serviços de Urbanização de Guarapuava Rua Afonso Botelho, 63 Bairro Trianon CNPJ 75.646.273/0001-07 COMUNICADO

SURG Cia. de Serviços de Urbanização de Guarapuava Rua Afonso Botelho, 63 Bairro Trianon CNPJ 75.646.273/0001-07 COMUNICADO SURG Cia. de Serviços de Urbanização de Guarapuava Rua Afonso Botelho, 63 Bairro Trianon CNPJ 75.646.273/0001-07 REF., PREGÃO PRESENCIAL Nº 059/2014 COMUNICADO ABERTURA / DATA: 11/08/2014 Objeto: Contratação

Leia mais

Proposta de Preços ANEXO I

Proposta de Preços ANEXO I PREGÃO PRESENCIAL Nº 088 / 2011 Proposta de Preços ANEXO I Processo 14.793 / 2011 Razão Social do Licitante: CNPJ: Insc. Estadual: Endereço: Cidade: Estado: Telefone : Fax : e-mail : INFORMACÕES PARA PAGAMENTOS

Leia mais

Cuidando da segurança individual dos trabalhadores

Cuidando da segurança individual dos trabalhadores A Destra Brasil EPI Indústria e Comércio Meritocracia Acreditamos nas pessoas. Reconhecemos e recompensamos sua contribuição com isenção e imparcialidade, para que possam crescer e fazer nossa organização

Leia mais

NR 15 - ATIVIDADES E OPERAÇÕES INSALUBRES ANEXO N.º 11

NR 15 - ATIVIDADES E OPERAÇÕES INSALUBRES ANEXO N.º 11 NR 15 - ATIVIDADES E OPERAÇÕES INSALUBRES ANEXO N.º 11 AGENTES QUÍMICOS CUJA INSALUBRIDADE É CARACTERIZADA POR LIMITE DE TOLERÂNCIA E INSPEÇÃO NO LOCAL DE TRABALHO 1. Nas atividades ou operações nas quais

Leia mais

Papelões Hidráulicos NA1060 NA1092. NA1085 Tabela de Compatibilidade Química - Papelões Hidráulicos

Papelões Hidráulicos NA1060 NA1092. NA1085 Tabela de Compatibilidade Química - Papelões Hidráulicos Papelões Hidráulicos NA11 NA192 NA12 NA14 NA1M NA16 NA185 Tabela de Compatibilidade Química - Papelões Hidráulicos Os papelões hidráulicos são indicados para fabricação de juntas de vedação nos mais variados

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL (SRP) Nº 56/2013

PREGÃO PRESENCIAL (SRP) Nº 56/2013 39 40 LUVA NITRÍLICA 30 Luva de segurança confeccionada em borracha nitrílica, na cor verde, palma antiderrapante em alto relevo, interior em algodão flocado, espessura mínima de 0,35mm, comprimento não

Leia mais

catálogo de produtos

catálogo de produtos catálogo de produtos O Mercado de EPIs ganhou uma nova marca de luvas profissionais: a MUCAMBO PROFISSIONAL. Criada a partir da expansão do portfólio de produtos da Mucambo, esta nova marca soma a tradição

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA TR 20150835

TERMO DE REFERÊNCIA TR 20150835 TERMO DE REFERÊNCIA TR 20150835 1. DA JUSTIFICATIVA: Dispensa de licitação, via cotação eletrônica, nos termos do decreto estadual Nº 28.397, de 21 de setembro de 2006 para atender SC 014256 P/ GESUP 2.

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DE ÓCULOS DE SEGURANÇA

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DE ÓCULOS DE SEGURANÇA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DE ÓCULOS DE SEGURANÇA DAST nº 01/2001 R3 3ª Revisão: 06/06/2007 1. OBJETIVO Determinar a sistemática para aquisição de óculos de segurança e definir as características técnicas dos

Leia mais

Pisos em PU-KRETE. Espatulado. Descrição geral. Vantagens. Aplicações. Padarias Armazéns Centros de distribuição

Pisos em PU-KRETE. Espatulado. Descrição geral. Vantagens. Aplicações. Padarias Armazéns Centros de distribuição Pisos em PU-KRETE Espatulado Descrição geral Padarias Armazéns Centros de distribuição Vantagens Uma linha de soluções desenvolvida em poliuretano cimentício, que alia extrema resistência mecânica e térmica.

Leia mais

Consulte Certificações, mais informações técnicas, medidas e embalagens no site industriasimples.com.br

Consulte Certificações, mais informações técnicas, medidas e embalagens no site industriasimples.com.br Vestimentas de Proteção Vestimentas de Proteção Cinto Ergonômico Confeccionado em TNT e elástico de compressão. As alças são trançadas em X nas costas para maior conforto do usuário e ajustáveis por passadores.

Leia mais

NORMAS TÉCNICAS APLICÁVEIS AOS EPI

NORMAS TÉCNICAS APLICÁVEIS AOS EPI ANEXO II NORMAS TÉCNICAS APLICÁVEIS AOS EPI Equipamento de Proteção Individual EPI Enquadramento NR 06 Anexo I A PROTEÇÃO DA CABEÇA Proteção da cabeça contra: A.1.1. Impactos de objetos sobre o crânio;

Leia mais

Proporcionar segurança e conforto a partir do desenvolvimento de produtos adequados às mais diversas necessidades é a principal missão da Promat.

Proporcionar segurança e conforto a partir do desenvolvimento de produtos adequados às mais diversas necessidades é a principal missão da Promat. 39 Apresentação Proporcionar segurança e conforto a partir do desenvolvimento de produtos adequados às mais diversas necessidades é a principal missão da Promat. Nosso compromisso é oferecer a máxima

Leia mais

Equipamentos de Proteção Individual EPI.

Equipamentos de Proteção Individual EPI. Equipamentos de Proteção Individual EPI. Considera-se EPI todo dispositivo ou produto, de uso individual utilizado pelo trabalhador, destinado à proteção de riscos suscetíveis de ameaçar a segurança e

Leia mais

RESPIRADOR 3M SÉRIE 6500QL Peça Semi Facial C.A. 33863

RESPIRADOR 3M SÉRIE 6500QL Peça Semi Facial C.A. 33863 RESPIRADOR 3M SÉRIE 6500QL Peça Semi Facial C.A. 33863 COMPOSIÇÃO: Os respiradores da série 6500QL são respiradores do tipo peça semifacial filtradora que operam com filtros duplos. O corpo do respirador

Leia mais

EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL- EPI

EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL- EPI EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL- EPI Conforme Norma Regulamentadora nº.6, Equipamento de Proteção Individual EPI é todo dispositivo de uso individual utilizado pelo empregado, destinado à proteção de

Leia mais

INOVAÇÃO EM MANGUEIRAS INDUSTRIAIS

INOVAÇÃO EM MANGUEIRAS INDUSTRIAIS INOVAÇÃO EM MANGUEIRAS INDUSTRIAIS MANGUEIRAS INDUSTRIAIS SÃO NOSSO NEGÓCIO O DESENVOLVIMENTO, A PRODUÇÃO E AS VENDAS Reconhecida por seus clientes como uma fornecedora de soluções, a CSM conquistou a

Leia mais

Higiene e Segurança no Trabalho

Higiene e Segurança no Trabalho Curso Técnico em Mecânica Integrado ao Ensino Médio. Higiene e Segurança no Trabalho EPI & EPC Joinville, outubro de 2014 Medidas de Proteção no Trabalho Quando se fala em Segurança e Saúde no Trabalho

Leia mais

RESPIRADOR 3M SÉRIE 7500 Peça Semi Facial C.A. 12011

RESPIRADOR 3M SÉRIE 7500 Peça Semi Facial C.A. 12011 RESPIRADOR 3M SÉRIE 7500 Peça Semi Facial C.A. 12011 COMPOSIÇÃO: Os respiradores da série 7500, são respiradores do tipo peça semifacial filtradora que operam com filtros duplos. O corpo do respirador

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUíMICOS (FISPQ)

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUíMICOS (FISPQ) 1- IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Aplicação: Redutor de ph Empresa: Micheloto Ind. e Com. de Prod. Químicos Ltda EPP Endereço: Est. Vic. Dr. Eduardo Dias de Castro Km 03 B Zona Rural Fernão/SP

Leia mais

BT 0013 BOLETIM TÉCNICO RESINA FLOOR REPAIR PLUS_ ENDURECEDOR FLOOR REPAIR PLUS_ SÍLICA F-036

BT 0013 BOLETIM TÉCNICO RESINA FLOOR REPAIR PLUS_ ENDURECEDOR FLOOR REPAIR PLUS_ SÍLICA F-036 BT 0013 BOLETIM TÉCNICO RESINA FLOOR REPAIR PLUS_ ENDURECEDOR FLOOR REPAIR PLUS_ SÍLICA F-036 Elaborador: Verificadores: Aprovador: Resina Floor Repair Plus_Endurecedor

Leia mais

Índice. Institucional. 03Institucional. Características das Luvas das Luvas. Respiradores BLS BLS. Cleanline. 20Cleanline. Látex. 24Látex.

Índice. Institucional. 03Institucional. Características das Luvas das Luvas. Respiradores BLS BLS. Cleanline. 20Cleanline. Látex. 24Látex. Índice 03 04 12 20 24 28 30 32 34 36 38 40 42 45 49 51 53 55 57 59 61 03Institucional Institucional 04 Características das Luvas das Luvas 12 Respiradores BLS BLS 20Cleanline Cleanline 24Látex Látex 28Látex

Leia mais

Respirador de Adução de Ar tipo Linha de Ar Comprimido de Fluxo Contínuo Série-S Peça Semi Facial C.A. 27480

Respirador de Adução de Ar tipo Linha de Ar Comprimido de Fluxo Contínuo Série-S Peça Semi Facial C.A. 27480 Respirador de Adução de Ar tipo Linha de Ar Comprimido de Fluxo Contínuo Série-S Peça Semi Facial C.A. 27480 DESCRIÇÃO Respirador de adução de ar tipo linha de ar comprimido de fluxo contínuo, composto

Leia mais

LABORATÓRIO DE SEGURANÇA DO TRABALHO

LABORATÓRIO DE SEGURANÇA DO TRABALHO LABORATÓRIO DE SEGURANÇA DO TRABALHO 1. Descrição Física Neste laboratório serão realizadas aulas práticas de primeiros socorros, avaliação ambiental, equipamento de proteção individual e técnicas de combate

Leia mais

Descrição geral. Vantagens. Aplicações BOLETIM TÉCNICO. Autonivelante Saturado Flexível. www.miaki.com.br Página 1

Descrição geral. Vantagens. Aplicações BOLETIM TÉCNICO. Autonivelante Saturado Flexível. www.miaki.com.br Página 1 BOLETIM TÉCNICO Pisos em MMA Áreas internas e externas Autonivelante Saturado Flexível Revisão: fevereiro/2011. Descrição geral Resina metacrílica de cura rápida usada para formular revestimentos de pisos,

Leia mais

LIMPA- PEDRAS. FISPQ-004 Pag. 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DOPRODUTO E DA EMPRESA. Nome Comercial do Produto :

LIMPA- PEDRAS. FISPQ-004 Pag. 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DOPRODUTO E DA EMPRESA. Nome Comercial do Produto : Pag. 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DOPRODUTO E DA EMPRESA Nome Comercial do Produto : LIMPA- PEDRAS Identificação da Empresa: VALÊNCIA IND. E COMÉRCIO DE MATERIAIS DE LIMPEZA LTDA. Telefone FAX: (11) 2632-7070

Leia mais

U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O

U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O PROTEÇÃO DA CABEÇA Capacetes de segurança utilizados para proteção da cabeça contra agentes meteorológicos (trabalho a céu aberto) e trabalhos em locais confinados, impactos provenientes de queda ou projeção

Leia mais

Manual de Segurança do Laboratório de Química

Manual de Segurança do Laboratório de Química Manual de Segurança do Laboratório de Química Universidade Federal do Pampa Campus Caçapava do Sul 1 INTRODUÇÃO O Manual de Segurança do Laboratório de Química foi elaborado com o objetivo de fornecer

Leia mais

Definir critérios de Segurança e Medicina do Trabalho. a serem exigidas das prestadoras de serviços.

Definir critérios de Segurança e Medicina do Trabalho. a serem exigidas das prestadoras de serviços. 1/7 I FINALIDADE Definir critérios de Segurança e Medicina do Trabalho. a serem exigidas das prestadoras de serviços. II ABRANGÊNCIA Todas Prestadoras de Serviços contratadas pela CERON. III PROCEDIMENTOS

Leia mais

Índice. Instruções Gerais. EPI s (Equipamentos de Proteção Individual) Luvas Isolantes de Borracha. Mangas Isolantes de Borracha

Índice. Instruções Gerais. EPI s (Equipamentos de Proteção Individual) Luvas Isolantes de Borracha. Mangas Isolantes de Borracha Isolantes de Índice Instruções Gerais EPI s (Equipamentos de Proteção Individual) 5 8 Luvas Isolantes de Borracha 10 Mangas Isolantes de Borracha 12 EPC s (Equipamentos de Proteção Coletiva) 14 Manta Isolante

Leia mais

Pisos em Epóxi. Autonivelante ST multiuso. Descrição geral. Vantagens. Aplicações

Pisos em Epóxi. Autonivelante ST multiuso. Descrição geral. Vantagens. Aplicações Pisos em Epóxi Autonivelante ST multiuso Descrição geral Nossas soluções em epóxi 100% sólidos são excelentes alternativas para uso em áreas secas de processamento, onde a estética diferenciada é necessária.

Leia mais

Classificação e Rotulagem de Perigo dos Ingredientes que Contribuem para o Perigo: N. A

Classificação e Rotulagem de Perigo dos Ingredientes que Contribuem para o Perigo: N. A Nome do Produto: VERCLEAN 900 FISQP N.º: 02 Página: 1/7 Última Revisão: 08/04/13 1. Identificação do Produto e da Empresa Nome do Produto: DETERGENTE VERCLEAN 900 Código Interno de Identificação: 101 Nome

Leia mais

Curso Técnico em Química Disciplina: Higiene e Segurança do Trabalho Prof. Naila Borba NORMAS REGULAMENTADORAS

Curso Técnico em Química Disciplina: Higiene e Segurança do Trabalho Prof. Naila Borba NORMAS REGULAMENTADORAS Curso Técnico em Química Disciplina: Higiene e Segurança do Trabalho Prof. Naila Borba NORMAS REGULAMENTADORAS EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL (EP I) - NR 6 Em muitos servicos, o trabalhador precisa

Leia mais

3M Segurança Pessoal. Catálogo de Vestimentas de Proteção. Proteção ao. corpo. Protegendo o seu mundo.

3M Segurança Pessoal. Catálogo de Vestimentas de Proteção. Proteção ao. corpo. Protegendo o seu mundo. 3M Segurança Pessoal Catálogo de Vestimentas de Proteção Proteção ao corpo Protegendo o seu mundo. PROTEGENDO O SEU MUNDO. Bem-estar é ir além dos sorrisos. Trabalho é ir além de produtividade. E proteção

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Tintas Soluções para a Indústria de Cimento

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Tintas Soluções para a Indústria de Cimento Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Tintas A WEG Tintas fornece tecnologia em tintas para diversos tipos de ambientes agressivos. São produtos com maior retenção de cor e brilho,

Leia mais

TINTAS E VERNIZES MCC1001 AULA 7

TINTAS E VERNIZES MCC1001 AULA 7 TINTAS E VERNIZES MCC1001 AULA 7 Disciplina: Materiais de Construção I Professora: Dr. a Carmeane Effting 1 o semestre 2014 Centro de Ciências Tecnológicas Departamento de Engenharia Civil DEFINIÇÃO: TINTAS

Leia mais

Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico Página 1 de 4

Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico Página 1 de 4 Página 1 de 4 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA LATEX ACRILICO PLUS Empresa INDUSTRIA E COMERCIO DE TINTAS FERRAZ LTDA RODOVIA INDIO TIBIRIÇA 2520 RAFFO SUZANO SP CEP 008776-960 SAC- (11) 4749-1566

Leia mais

Este Termo de Referência foi elaborado em cumprimento ao disposto na legislação federal e municipal correspondente.

Este Termo de Referência foi elaborado em cumprimento ao disposto na legislação federal e municipal correspondente. INTRODUÇÃO ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Este Termo de Referência foi elaborado em cumprimento ao disposto na legislação federal e municipal correspondente. DO OBJETO REGISTRO DE PREÇOS PARA AQUISIÇÃO DE

Leia mais

PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO PARA OS LABORATÓRIOS DE PESQUISA DO CBPF

PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO PARA OS LABORATÓRIOS DE PESQUISA DO CBPF PROCEDIMENTOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO PARA OS LABORATÓRIOS DE PESQUISA DO CBPF - MÓDULO 2 Equipamentos Elétricos -Fumos metálicos -Equipamentos de Proteção individual Serviço Especializado em Engenharia

Leia mais

PLASTEEL CERÂMICO PINTÁVEL BRANCO

PLASTEEL CERÂMICO PINTÁVEL BRANCO PLASTEEL CERÂMICO PINTÁVEL BRANCO PLASTEEL CERÂMICO PINTÁVEL BRANCO é um revestimento cerâmico bicomponente, na cor branca, ideal para promover proteção pintável às superfícies contra corrosão, abrasão

Leia mais

Equipamentos de Proteção Individual (EPI)

Equipamentos de Proteção Individual (EPI) Equipamentos de Proteção Individual (EPI) SEGURANÇA NA SOLDAGEM Segurança na Soldagem 1.1 - Principais riscos para um soldador 1.1.1 - Poluição por fumos de soldagem 1.1.2 - Radiações visíveis e invisíveis

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Código do produto: PSL97 Página 1 de 5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Código do produto: Aplicação: Fornecedor: PSL97 Telefone de emergência: (19) 2103-6000 REMOVEDOR DE TINTA CURADA PPG INDUSTRIAL

Leia mais

CONDIÇÕES MINÍMAS DE SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO.PARA. PRESTADORAS DE SERVIÇOS. MANUTENÇÃO E OPERAÇÃO DE USINA

CONDIÇÕES MINÍMAS DE SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO.PARA. PRESTADORAS DE SERVIÇOS. MANUTENÇÃO E OPERAÇÃO DE USINA 1/7 I FINALIDADE Definir critérios de Segurança e Medicina do Trabalho. a serem exigidas das prestadoras de serviços. II ABRANGÊNCIA Todas Prestadoras de Serviços contratadas pela CERON. III PROCEDIMENTOS

Leia mais

Para que possam oferecer a protecção adequada os produtos deverão ser:

Para que possam oferecer a protecção adequada os produtos deverão ser: proteção facial Proteção Facial Porquê o uso de viseiras? As viseiras são concebidas para proteger os olhos e o rosto. A protecção pode ser conferida através de uma rede metálica de malha fina ou em material

Leia mais

POLIETILENO ANTI-CHAMA

POLIETILENO ANTI-CHAMA POLIETILENO ANTI-CHAMA TUBO DE POLIETILENO ANTI-CHAMA MATERIAL Polietileno de baixa densidade auto-extinguível APLICAÇÕES Linhas para condução de gases e líquidos. Linhas que necessitam de materiais que

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico CHEMKLEEN 611L Código do produto: CK611L Página 1 de 5

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico CHEMKLEEN 611L Código do produto: CK611L Página 1 de 5 Código do produto: CK611L Página 1 de 5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Código do produto: Aplicação: Fornecedor: CK611L Telefone de emergência: (19) 2103-6000 DESENGRAXANTE ALCALINO

Leia mais

Fibra de Carbono e NBR. Condições de Fornecimento: Norma atendida: ASTM F104 713130E43-M5. Temperatura Limite ( 0 C) Máxima: 400 / Normal: 240

Fibra de Carbono e NBR. Condições de Fornecimento: Norma atendida: ASTM F104 713130E43-M5. Temperatura Limite ( 0 C) Máxima: 400 / Normal: 240 D E IS E N T O S A M N I A O T NA1100 Fibra de Carbono e NBR descrição / Aplicações: NA1100 é um papelão hidráulico contendo fibra de carbono e grafite, cargas reforçantes e outros materiais ligados com

Leia mais

Tópicos. Introdução Avaliação/gestão de riscos Normas de segurança Boas práticas laboratoriais (case study) Conclusões

Tópicos. Introdução Avaliação/gestão de riscos Normas de segurança Boas práticas laboratoriais (case study) Conclusões Boas Práticasde Trabalhoem Laboratório Olga Conde Moreira Seminário no âmbito do Projeto AGROPECUÁRIA, TECNOLOGIA ALIMENTAR E AMBIENTE APRENDER CIÊNCIA HANDS-ON Programa Ciência Viva 12 de Março de 2014

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS FIS 00001 1/6 1) IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do Produto: Empresa: Endereço: Água sanitária Super Cândida Indústrias Anhembi S/A Matriz: Rua André Rovai, 481 Centro Osasco SP Telefone: Matriz:

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico CHEMFOS 700 A Código do produto: CF700A Página 1 de 5

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico CHEMFOS 700 A Código do produto: CF700A Página 1 de 5 Código do produto: CF700A Página 1 de 5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Código do produto: Aplicação: Fornecedor: CF700A Telefone de emergência: (19) 3864-6000 FOSFATO ÁCIDO DE

Leia mais

Seja bem Vindo! NR 8 Edificações. Carga horária: 30hs

Seja bem Vindo! NR 8 Edificações. Carga horária: 30hs Seja bem Vindo! Curso NR 8 Edificações CursosOnlineSP.com.br Carga horária: 30hs Conteúdo programático: Introdução Circulação Atividades em Edificações com Risco de Queda Cuidados Extras na Circulação

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUIÍMICO ( FISPQ )

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUIÍMICO ( FISPQ ) 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Anti Ruído Tradicional Aplicação: Reparação e emborrachamento de veículos. Fornecedor: Nome: Mastiflex Indústria e Comércio Ltda Endereço : Rua

Leia mais

Revisão 15 Abril/13 FISPQ N o 0002-13 Página 1 de 5

Revisão 15 Abril/13 FISPQ N o 0002-13 Página 1 de 5 FISPQ N o 0002-13 Página 1 de 5 1 IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA NOME COMERCIAL Thinner 2750 NOME DO FABRICANTE ANJO QUIMICA DO BRASIL LTDA Rodovia SC, 447 Km 02 Criciúma Santa Catarina CEP: 88.817-440

Leia mais

Comissão Institucional de Resíduos Químicos e Biológicos TABELAS DE INCOMPATIBILIDADES ENTRE ESPÉCIES QUÍMICAS

Comissão Institucional de Resíduos Químicos e Biológicos TABELAS DE INCOMPATIBILIDADES ENTRE ESPÉCIES QUÍMICAS TABELAS DE INCOMPATIBILIDADES ENTRE ESPÉCIES QUÍMICAS Ácidos inorgânicos 1 1 Ácidos inorgânicos Ácidos orgânicos 2 X 2 Ácidos orgânicos Bases 3 X X 3 Bases Aminas 4 X X 4 Aminas Compostos halogenados 5

Leia mais

Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico

Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico Ficha de Informação de Segurança de Produto Químico Nome do Produto: Reticulina Código: EP-12-20021 RETICULINA Seção 1: Identificação do Produto e da Empresa Erviegas Ltda R. Lacedemônia, 268 - São Paulo

Leia mais

NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL - EPI. Portaria GM n.º 3.214, de 08 de junho de 1978 06/07/78

NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL - EPI. Portaria GM n.º 3.214, de 08 de junho de 1978 06/07/78 NR 6 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL - EPI Publicação D.O.U. Portaria GM n.º 3.214, de 08 de junho de 1978 06/07/78 Alterações/Atualizações D.O.U. Portaria SSMT n.º 05, de 07 de maio de 1982 17/05/82

Leia mais

Equipamento de Proteção Individual

Equipamento de Proteção Individual Equipamento de Proteção Individual NR 6 Equipamento de Proteção Individual De acordo com a NR-6 da Portaria nº 3214 de 8 de junho de 1978, do Ministério do Trabalho e Emprego, considera-se Equipamento

Leia mais

de Segurança de Produtos Químicos

de Segurança de Produtos Químicos 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome do Produto: CONCRECOR. Fornecedor:. Av Eng Juarez de Siqueira Britto Wanderley, 380 Jd Vale do Sol CEP: 12.238-565 São José dos Campos - SP e-mail: concrecor@concrecor.com.br

Leia mais

TINTAS E DROGARIA. Produtos de Limpeza e Conservação ARTIGOS DIVERSOS DE DROGARIA CATÁLOGO ARMAZENS REIS WWW.ARMAZENSREIS.PT

TINTAS E DROGARIA. Produtos de Limpeza e Conservação ARTIGOS DIVERSOS DE DROGARIA CATÁLOGO ARMAZENS REIS WWW.ARMAZENSREIS.PT CATÁLOGO ARMAZENS REIS WWW.ARMAZENSREIS.PT ARTIGOS DIVERSOS DE DROGARIA Morada: E.N. 2 km 10 Mamodeiro, 3810728 Aveiro Telefone: (+1) 234 941 194 55 Email: geral@armazensreis.pt = 55 ÁLCOOL Classe de compostos

Leia mais

CAPACETE DE SEGURANÇA 2000/2010

CAPACETE DE SEGURANÇA 2000/2010 CAPACETE DE SEGURANÇA 2000/2010 DESCRIÇÃO GERAL: O capacete de segurança 2000/2010 é composto de: Casco (com ou sem tira refletiva), Suspensão (com ajuste simples ou com catraca), Tira de absorção de suor,

Leia mais

abertas para assegurar completa irrigação dos olhos, poucos segundos após a exposição é essencial para atingir máxima eficiência.

abertas para assegurar completa irrigação dos olhos, poucos segundos após a exposição é essencial para atingir máxima eficiência. FISPQ- AMACIANTE MAIS Autorização ANVISA 3.03.374-7 1- IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Amaciante Mais Tradicional Marca: Mais Código Interno do Produto: 06.01 Técnico Químico Responsável:

Leia mais

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Aditivo Solvente Código do produto: SO-228 Página 1 de 5

Ficha de Informações de Segurança de Produto Químico Aditivo Solvente Código do produto: SO-228 Página 1 de 5 Código do produto: SO-228 Página 1 de 5 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Código do produto: Aplicação: Fornecedor: SO-228 Telefone de emergência: (19) 3864-6000 Utilizado diluído

Leia mais

Suprimark Brasil Com de tintas e Papeis ltda

Suprimark Brasil Com de tintas e Papeis ltda Produto: Sistema Escrita Prima Amarelo FISPQ: 0005 1 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Sistema Escrita PDVmais Prima amarela Suprimark Brasil de Com. De tintas e Papeis Ltda Rua : Augusto Tolle,

Leia mais

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO NBR 14725 NOME DO PRODUTO: SOLUÇÃO 2 - ORTOTOLIDINA

FISPQ FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUÍMICO NBR 14725 NOME DO PRODUTO: SOLUÇÃO 2 - ORTOTOLIDINA NOME DO PRODUTO: SOLUÇÃO 2 - ORTOTOLIDINA DATA DA ÚLTIMA REVISÃO: 09/08/2013 1/7 FISPQ NRº. 022 1- IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA. - Nome do Produto: Ortotolidina - Solução - Nome Comercial: Solução

Leia mais

CATÁLOGO DE EPI S. www.mssegmed.com.br Tel: (11) 2851-9391. Rua Potengi, 1225 Jd. Rio das Pedras Cotia/SP

CATÁLOGO DE EPI S. www.mssegmed.com.br Tel: (11) 2851-9391. Rua Potengi, 1225 Jd. Rio das Pedras Cotia/SP CATÁLOGO DE EPI S www.mssegmed.com.br Tel: (11) 2851-9391 Rua Potengi, 1225 Jd. Rio das Pedras Cotia/SP Proteção para Solda Autoescurecimento Óculos Celeron / Polipropileno 109 s de Solda Speedglass Série

Leia mais

Segurança. Sinalização &

Segurança. Sinalização & Placas Indicativas e Orientativas Produtos Refletivos Proteção e Isolamento de Áreas EPIs - Equipamentos para Proteção Individual Fitas Adesivas e Adesivos Sinalização & Segurança PERFIL EMPRESARIAL (11)

Leia mais

NOME DO PRODUTO: THINNER F-15

NOME DO PRODUTO: THINNER F-15 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA NOME DO PRODUTO: Thinner F-15 NOME COMERCIAL: Thinner F-15 Código Interno: PA.000001 NOME DO FABRICANTE EMPRESA: VELOZ QUÍMICA DERIVADOS DE PETRÓLEO E SOLVENTES

Leia mais

ALUMELT Indústria de Metais Ltda.

ALUMELT Indústria de Metais Ltda. Página 1 de 6 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: Pó de alumínio atomizado. Código interno de identificação do produto: ALU-100 / ALU-102 / ALU- 203 / ALU-300 Nome da empresa: Alumelt

Leia mais

de Segurança de Produtos Químicos

de Segurança de Produtos Químicos 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome do Produto: Impermeabilizante acrílico a base d água. Fornecedor:. Av Eng Juarez de Siqueira Britto Wanderley, 380 Jd Vale do Sol CEP: 12.238-565 São José

Leia mais

webcomm.com.br CATÁLOGO DE PRODUTOS Rua Redenção, 176 Belém São Paulo SP Brasil +55 11 2692 4735 allprot@allprot.com.br www.allprot.com.

webcomm.com.br CATÁLOGO DE PRODUTOS Rua Redenção, 176 Belém São Paulo SP Brasil +55 11 2692 4735 allprot@allprot.com.br www.allprot.com. webcomm.com.br CATÁLOGO DE PRODUTOS Rua Redenção, 176 Belém São Paulo SP Brasil +55 11 2692 4735 allprot@allprot.com.br www.allprot.com.br Linha PARA LENTES PLANAS E GRADUADAS Desde 1996 a Allprot se preocupa

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO TELHAS DE POLICARBONATO

MANUAL DE INSTALAÇÃO TELHAS DE POLICARBONATO MANUAL DE INSTALAÇÃO TELHAS DE POLICARBONATO TELHAS DE POLICARBONATO As Telhas de Policarbonato proporcionam ótima transmissão de luz (praticamente idêntica ao vidro) favorecendo maior aproveitamento da

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS - FISPQ. Produto: SERICRYL SUPER MACIO Código do produto: SM Data: 20/1/2011 Página: 1 de 5

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS - FISPQ. Produto: SERICRYL SUPER MACIO Código do produto: SM Data: 20/1/2011 Página: 1 de 5 Data: 20/1/2011 Página: 1 de 5 1. Identificação do produto e da empresa Nome do produto - Código interno: SERICRYL SUPER MACIO SM Código das Cores: 001, 002, 003, 010, 014, 015, 016, 017, 020, 025, 030,

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO. ph (Solução 0,2%) Aproximadamente 2,00. Ponto de Ebulição 110ºC Densidade 1,150 ( 20ºC ) Completamente solúvel em água.

RELATÓRIO TÉCNICO. ph (Solução 0,2%) Aproximadamente 2,00. Ponto de Ebulição 110ºC Densidade 1,150 ( 20ºC ) Completamente solúvel em água. RELATÓRIO TÉCNICO I - DADOS GERAIS: Nome do Produto: ÁCIDO MURIÁTICO Composição: Água e Ácido Clorídrico Estado Físico: Líquido Cuidados para conservação: Conservar o produto na embalagem original. Proteger

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Tintas Soluções para Celulose & Papel

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Tintas Soluções para Celulose & Papel Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Tintas Soluções para Celulose & Papel Soluções para Celulose e Papel A WEG Tintas fornece tecnologia em tintas para diversos tipos de ambientes

Leia mais

Anexo II. Programa de Prevenção de Riscos Ambientais. Laudo Técnico Ambiental Sala de Reagentes

Anexo II. Programa de Prevenção de Riscos Ambientais. Laudo Técnico Ambiental Sala de Reagentes Programa de Prevenção de Riscos Ambientais Anexo II Laudo Técnico Ambiental Sala de Reagentes CAMPUS AVANÇADO DE POÇOS DE CALDAS Instituto de Ciência e Tecnologia Diretor do Instituto Prof. Cláudio Antônio

Leia mais

Segurança no trabalho

Segurança no trabalho Acessórios Bosch 11/12 Segurança no trabalho Vista geral 789 Segurança no trabalho Não esquecer o profissional também se preocupa com a sua segurança! A qualidade Bosch também se expressa num programa

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DE CAPACETES DE SEGURANÇA, SUSPENSÃO E JUGULAR

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DE CAPACETES DE SEGURANÇA, SUSPENSÃO E JUGULAR ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DE CAPACETES DE SEGURANÇA, SUSPENSÃO E JUGULAR DAST nº 04/2001 R3 3ª Revisão: 08/02/2010 1. OBJETIVO Determinar a sistemática para aquisição de capacete de segurança e suspensão

Leia mais

CONDIÇÕES MINÍMAS DE SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO.PARA. PRESTADORAS DE SERVIÇOS.

CONDIÇÕES MINÍMAS DE SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO.PARA. PRESTADORAS DE SERVIÇOS. 1/7 I FINALIDADE Definir critérios de Segurança e Medicina do Trabalho. a serem exigidas das prestadoras de serviços. II ABRANGÊNCIA Todas Prestadoras de Serviços contratadas pela CERON. III PROCEDIMENTOS

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO CHAPAS DE POLICARBONATO ALVEOLARES

MANUAL DE INSTALAÇÃO CHAPAS DE POLICARBONATO ALVEOLARES MANUAL DE INSTALAÇÃO CHAPAS DE POLICARBONATO ALVEOLARES CHAPAS DE POLICARBONATO ALVEOLARES As chapas de policarbonato alveolares, possuem em um dos lados, tratamento contra o ataque dos raios ultravioletas,

Leia mais

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SECRETARIA DE INSPEÇÃO DO TRABALHO PORTARIA N.º 121, DE 30 DE SETEMBRO DE 2009 (D.O.U. de 02/10/09 Seção 1 Págs. 80 a 82) Estabelece as normas técnicas de ensaios e os

Leia mais

CATÁLOGO DE EPI S. www.mssegmed.com.br Tel: (11) 2851-9391. Rua Potengi, 1225 Jd. Rio das Pedras Cotia/SP

CATÁLOGO DE EPI S. www.mssegmed.com.br Tel: (11) 2851-9391. Rua Potengi, 1225 Jd. Rio das Pedras Cotia/SP CATÁLOGO DE EPI S www.mssegmed.com.br Tel: (11) 2851-9391 Rua Potengi, 1225 Jd. Rio das Pedras Cotia/SP Limpeza Hidratação 63 Grupo 1 - Água e Óleo-Resistente Creme WaterProof Creme protetor para pele,

Leia mais

Determinação de Fumos de Asfalto por Gravimetria NIOSH 5042:1998

Determinação de Fumos de Asfalto por Gravimetria NIOSH 5042:1998 ESCOPO DA ACREDITAÇÃO ABNT NBR ISO/IEC 17025 ENSAIO Norma de Origem: NIT-DICLA-016 Folha: 1 Total de Folhas: 18 RAZÃO SOCIAL/DESIGNAÇÃO DO LABORATÓRIO SOLUTECH COMÉRCIO E SERVIÇOS DE ANÁLISES QUÍMICAS

Leia mais

2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS IGREDIENTES: CONCENTRAÇÃO %

2. COMPOSIÇÃO E INFORMAÇÕES SOBRE OS IGREDIENTES: CONCENTRAÇÃO % 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA: Nome do Produto: CONCRELATÉX Tinta acrílica base d agua. Fornecedor:. Av Eng Juarez de Siqueira Britto Wanderley, 380 Jd Vale do Sol CEP: 12.238-565 São José dos

Leia mais

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUIMICO

FICHA DE INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA DE PRODUTO QUIMICO Megaplasma Comercial Ltda. Rua Dom Joaquim de Melo, 274 - Moóca CEP 03122-050 - São Paulo - SP - Brasil Fone: (11) 2601-5502 - Fax: (11) 2601-0512 megaplasma@megaplasma.com.br www.megaplasma.com.br SPATTER

Leia mais

LUVAS E VESTIMENTAS PARA ALTA TEMPERATURA ALUMINIZADOS

LUVAS E VESTIMENTAS PARA ALTA TEMPERATURA ALUMINIZADOS LUVAS E VESTIMENTAS PARA ALTA TEMPERATURA EMPRESA Há mais de 10 anos no mercado a Suprema Luvas se destacou na fabricação de luvas para diversos segmentos, como construção civil, metalúrgicas, siderúrgicas.

Leia mais

Gama de luvas profissionais. Desenvolvidas pelos profissionais da limpeza

Gama de luvas profissionais. Desenvolvidas pelos profissionais da limpeza Gama de luvas profissionais Desenvolvidas pelos profissionais da limpeza Proteja a sua saúde com luvas cómodas e profissionais Os profissionais da limpeza, não utilizam somente os utensílios profissionais

Leia mais