Curso de Liderança, Empowerment e Coaching

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Curso de Liderança, Empowerment e Coaching"

Transcrição

1 Curso de Liderança, Empowerment e Coaching Referencial Pedagógico 1. Competências Globais e Específicas Desenvolver competências no âmbito da relação com as equipas de trabalho, identificando os vários tipos de liderança e a sua adequação aos variados contextos. Explorar as características e capacidades do líder assim como melhorar a comunicação (verbal e não-verbal). Compreender o conceito de Coaching e Empowerment e as suas diversas aplicações. 2. Objectivos Globais Definir o aspeto organizacional da comunicação; Comunicação eficaz; Comunicação verbal, não-verbal e as suas barreiras; Compreender a liderança introdução e conceitos; Teorias e Estilos de Liderança; A liderança como fator de coesão; Empowerment; Gestão de conflitos; Tomada de decisão; Coaching.

2 3. Objectivos Específicos Unidade 1 Objectivos No final desta Unidade deverá ser capaz de: Definir o aspeto organizacional da comunicação; Distinguir os elementos intervenientes no processo de comunicação; Reconhecer a importância decisiva do feedback; Identificar as principais barreias à comunicação; Distinguir os vários significados da linguagem gestual nas relações profissionais; Descrever as características e os efeitos comportamentais das várias atitudes comunicacionais; Saber distinguir a comunicação verbal da não-verbal; Reconhecer a importância dos elementos da comunicação verbal e a força da mensagem; Identificar os aspetos essenciais ligados à linguagem gestual; Identificar as atitudes comunicacionais na relação líder-liderado. Resumo da Unidade 1 Nesta primeira unidade, que será repartida em duas sessões, serão focados os aspectos relativos à comunicação nos seus vários aspetos. Iremos iniciar o estudo da comunicação onde abordaremos o aspeto organizacional da comunicação assim como os seus intervenientes. Será importante focar também as barreias à comunicação e a linguagem gestual aliada aos comportamentos e atitudes.

3 Unidade 2 Objectivos No final desta Unidade deverá ser capaz de: Reconhecer o conceito de Liderança; Demonstrar as implicações da liderança para a gestão; Caracterizar o conceito de líder, as suas funções e características; Identificar as teorias de liderança; Distinguir os vários tipos de liderança; Reconhecer as características de liderança; Identificar os Estilos de liderança; Reconhecer os contributos da liderança na realidade moderna de gestão; Caracterizar a liderança Situacional; Identificar os estilos de liderança para cada situação; Reconhecer as características de um Líder Situacional. Resumo da Unidade 2 A segunda unidade, dividida em três sessões, focará a temática da liderança com ma primeira abordagem teórica onde se definirão conceitos, funções e características dos intervenientes na relação líder-liderado. Existem também vários tipos de líder sendo que estes apresentam vantagens e desvantagens mediante cada contexto.

4 Unidade 3 Objectivos No final desta Unidade deverá ser capaz de: Caracterizar o Empowerment; Reconhecer os benefícios do Empowerment; Avaliar os pressupostos de uma Cultura de Empowerment; Analisar a Natureza dos Conflitos Organizacionais; Identificar Estratégias e as Fases para a Resolução de Conflitos; Caracterizar o Coaching e os seus pressupostos; Definir o Papel de Coach; Identificar o Conceito e o processo de Delegação; Reconhecer Tarefas Delegáveis e Não Delegáveis; Analisar a natureza dos conflitos organizacionais; Identificar estratégias para a resolução de conflitos; Reconhecer e distinguir as várias fases da evolução dos conflitos; Reconhecer a natureza da tomada de decisão; Descrever o modelo Racional da Tomada de Decisão; Identificar como estabelecer prioridades; Saber definir o conceito de Coaching; Enunciar os pressupostos do Coaching; Identificar as tarefas que fazem do Coach um mentor; Reconhecer as principais tarefas do Coach; Definir as etapas de um processo de Coaching.

5 Resumo da Unidade 3 A terceira unidade, e talvez a mais extensa, estará dividida em 4 sessões onde serão abordados os temas referentes a importância da liderança na resolução/gestão de conflitos, na melhoria do desempenho quer individual quer grupal (das equipas de trabalho) e formas do líder ajudar os seus parceiros a potenciar as suas qualidades e colmatar os seus pontos fracos. Neste sentido, será abordado o papel do líder enquanto Coach. Esta unidade terá como principal foco o Empowerment, a gestão e estratégias de resolução de conflitos e o papel crucial do Coach.

6 Ficha Técnica Área Técnica Comportamental Destinatários Colaboradores com funções de gestão. Sistema de Formação Ensino a Distância Síncrono e Assíncrono Modalidade Pedagógica elearning Modelo Pedagógico e Andragógico SAFEM-D Suporte Tecnológico (LMS - Learning Management System) Plataforma NetForma Da Vinci Web Duração 50 Horas Autoria e Consultoria Pedagógica Prof. Doutora Ana Maria Fernandes

7 Programa Disciplina 1 - Liderança, Empowerment e Coaching Unidade 1 - Comunicação Eficaz Sessão 1 - A Importância da Comunicação na Ação do Líder Tópico 1- Conceito e Processo de Comunicação Tópico 2- Aspectos Relacionados com a Comunicação Tópico 3- Barreiras à Comunicação Sessão 2 - Comunicação Interpessoal Tópico 1- Comunicação Verbal Tópico 2- Comunicação Não-verbal Tópico 3- As Atitudes de Comunicação Unidade 2 - Compreender a Liderança Sessão 1 - A liderança, o Líder e a Equipa Liderada Tópico 1- A Liderança introdução e conceitos Tópico 2- O líder-conceito Tópico 3- Funções de um líder Tópico 4- Características de um líder Tópico 5- O Papel do liderado Sessão 2 - Líder, as suas funções e a suas características Tópico 1- Teorias de Liderança Tópico 2- Estilos de Liderança Tópico 3- Liderança e Gestão Sessão 3 - Liderança Situacional/ Liderança Atual Tópico 1- Características da Liderança Situacional Tópico 2- Perfil de um Líder Situacional Unidade 3 - Liderança como fator de desenvolvimento e coesão Sessão 1 - Empowerment Tópico 1- Definição de Empowerment Tópico 2- Mudança para uma cultura de Empowerment Sessão 2 - Gestão de Conflitos Tópico 1- O Conflito e a sua natureza Tópico 2- Estratégias e Fases para a resolução de conflitos Sessão 3 - Tomada de Decisão Tópico 1- Tomada de decisão Tópico 2- O Modelo Racional da Tomada de Decisão e como estabelecer Prioridades Sessão 4 - Coaching Tópico 1- Conceito de Coaching e os seus pressupostos Tópico 2- O Coach, o seu papel e as suas funções

Curso de Técnicas de Vendas

Curso de Técnicas de Vendas Curso de Técnicas de Vendas Referencial Pedagógico 1. Competências Globais e Específicas Vender em qualidade total é vender tendo como objectivo prioritário a fidelização do cliente para com ele poder

Leia mais

Curso de Exames Laboratoriais: Exploração Funcional Vestibular. Referencial Pedagógico

Curso de Exames Laboratoriais: Exploração Funcional Vestibular. Referencial Pedagógico Curso de Exames Laboratoriais: Exploração Funcional Vestibular Referencial Pedagógico 1. Competências Globais e Específicas O formando irá desenvolver competências gerais e específicas no âmbito da caracterização

Leia mais

Curso de Atendimento Personalizado e Call Center. Referencial Pedagógico

Curso de Atendimento Personalizado e Call Center. Referencial Pedagógico Curso de Atendimento Personalizado e Call Center Referencial Pedagógico 1. Competências Globais e Específicas Desenvolver competências gerais e específicas no âmbito do Atendimento ao Público, ao nível

Leia mais

Curso de Atendimento em MNSRM: sistema digestivo no adulto (Parte I Pirose e Dispepsia) Referencial Pedagógico

Curso de Atendimento em MNSRM: sistema digestivo no adulto (Parte I Pirose e Dispepsia) Referencial Pedagógico Curso de Atendimento em MNSRM: sistema digestivo no adulto (Parte I Pirose e Dispepsia) Referencial Pedagógico 1. Objectivos/Competências Globais e Específicas Esta acção de formação visa desenvolver competências

Leia mais

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais. PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais.  PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL PLANO DE CURSO PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL Formação para Profissionais + 2.000 Cursos Disponíveis A Melhor e Maior Oferta de Formação em Portugal + 1.300 Cursos na

Leia mais

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES (90 horas)

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES (90 horas) FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES (90 horas) DESTINATÁRIOS: O curso de Formação Pedagógica Inicial de Formadores da SALSUS destina-se a 14 formandos por grupo, sendo que deverá cumprir as seguintes

Leia mais

Tutor de Formação a Distância

Tutor de Formação a Distância P ERFIL, D ELTAC ONSULTORES EM CONSÓRCIO Tutor de Formação a Distância Ficha Técnica Autores: Alcino Ferreira da Silva e Gabriela Paleta Título: Programa do Curso de Tutor de Formação a Distância Coordenação

Leia mais

Formação Pedagógica Inicial de Formadores Objetivos Gerais Este Curso, homologado pelo IEFP, visa dotar os participantes das técnicas, conhecimentos e competências necessárias á apresentação com sucesso

Leia mais

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES ACÇÃO TIPO: Formação Pedagógica Inicial de Formadores PÚBLICO ALVO: Futuros formadores, formadores sem formação pedagógica. DURAÇÃO: 96 Horas N.º de ACÇÕES: 1

Leia mais

Training Course. MBA LEADERSHIP Liderança

Training Course. MBA LEADERSHIP Liderança MBA LEADERSHIP Liderança DESCRIÇÃO Cada vez mais, a liderança assume um papel preponderante no dia-a-dia das nossas empresas. O sucesso de uma equipa está dependente da capacidade de liderança do seu líder.

Leia mais

OBJECTIVOS ESPECÍFICOS / COMPETÊNCIAS A ADQUIRIR PELOS FORMANDOS

OBJECTIVOS ESPECÍFICOS / COMPETÊNCIAS A ADQUIRIR PELOS FORMANDOS ESTRUTURA PROGRAMÁTICA DO CURSO MÓDULOS OBJECTIVOS ESPECÍFICOS / COMPETÊNCIAS A ADQUIRIR PELOS FORMANDOS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS Acolhimento dos formandos e Apresentação do Curso A entidade formadora;

Leia mais

Organização da Aula. Gestão de Recursos Humanos. Aula 3. Comunicação. Contextualização. Motivação dos Talentos Humanos. Instrumentalização

Organização da Aula. Gestão de Recursos Humanos. Aula 3. Comunicação. Contextualização. Motivação dos Talentos Humanos. Instrumentalização Gestão de Recursos Humanos Aula 3 Profa. Me. Ana Carolina Bustamante Organização da Aula Comunicação nas empresas Motivação dos talentos humanos Comunicação Processo de comunicação Contextualização Barreiras

Leia mais

Museu da Chapelaria São João da Madeira. 20 a 23 de setembro. Organização:

Museu da Chapelaria São João da Madeira. 20 a 23 de setembro. Organização: Museu da Chapelaria São João da Madeira 20 a 23 de setembro Organização: Coordenadoras formadoras: Ana Rita Canavarro e Sara Barriga Formadoras: Sara Franqueira, Susana Gomes da Silva Objetivos: Relacionar

Leia mais

Formação Inicial de Formadores em Gerontologia

Formação Inicial de Formadores em Gerontologia Formação Inicial de Formadores em Gerontologia A FITI Federação das Instituições de Terceira Idade, entidade formadora certificada pela DGERT (Proc. 0456/2013 aprovado em 15/04/2013) promove o curso de

Leia mais

Avaliação da Qualidade e Eficácia da Formação

Avaliação da Qualidade e Eficácia da Formação P ERFIL E D ELTAC ONSULTORES EM CONSÓRCIO Avaliação da Qualidade e Eficácia da Formação Ficha Técnica Autores: Jorge Fatal Nogueira e Luísa Alves Oliveira Título: Programa do Curso de Avaliação da Qualidade

Leia mais

GUIA DO FORMANDO. 1. Objetivos Gerais. 2. Objectivos Específicos e Conteúdos Programáticos

GUIA DO FORMANDO. 1. Objetivos Gerais. 2. Objectivos Específicos e Conteúdos Programáticos GUIA DO FORMANDO Curso: FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES Duração: 90h. Coordenação da Formação: Conceição Nobre Rodrigues. Equipa de Formadores: Cláudia A. Senra, Margarida M. Guimarães, Paulo

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec: PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de TÉCNICO EM

Leia mais

Human Opus ng eti mark

Human Opus ng eti mark Assessment Assessment Ferramenta Conhecer com maior eficiência e critério as pessoas, avaliar competências, buscar o autoconhecimento e o desenvolvimento. As melhores ferramentas de análise de perfil comportamental

Leia mais

Practitioner em PNL. Fev. Jun. Practitioner vitalício em PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA. Patos no Lago. E onde for preciso

Practitioner em PNL. Fev. Jun. Practitioner vitalício em PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA. Patos no Lago. E onde for preciso Fev. Jun. 2015 Practitioner em PNL Patos no Lago Porto E onde for preciso Practitioner vitalício em PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA O que é a PNL? A PNL é uma metodologia sofisticada, simples e intuitiva

Leia mais

Formação Pedagógica Inicial em Lisboa. Seminário Lean Manufacturing

Formação Pedagógica Inicial em Lisboa. Seminário Lean Manufacturing Se não conseguir visualizar esta Newsletter por favor clique aqui tel. 269 000 300 info@sinestecnopolo.org Formação Pedagógica Inicial em Lisboa DATA: De 2 de Julho a 31 de Julho (Pós-laboral). DURAÇÃO:

Leia mais

empowering talents WWW.CASLEADER.COM.BR UM PRODUTO:

empowering talents WWW.CASLEADER.COM.BR UM PRODUTO: empowering talents WWW.CASLEADER.COM.BR UM PRODUTO: "VIMOS A TECNOLOGIA, INOVAÇÃO, E A NECESSIDADE DE MELHOR ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE APRENDIZAGEM, E ENTÃO SABÍAMOS QUE ERA PRECISO CRIAR O CASLEADER".

Leia mais

Gestão de Pessoas. Curso de Pós-Graduação em Gestão Escolar Prof. Joelma Kremer, Dra.

Gestão de Pessoas. Curso de Pós-Graduação em Gestão Escolar Prof. Joelma Kremer, Dra. Gestão de Pessoas Curso de Pós-Graduação em Gestão Escolar Prof. Joelma Kremer, Dra. Aula 7 Comunicação Organizacional Os objetivos desta aula são: Identificar as principais funções da comunicação. Descrever

Leia mais

FICHA DE CURSO. Gestão de Conflitos em Contexto Escolar

FICHA DE CURSO. Gestão de Conflitos em Contexto Escolar DESCRIÇÃO DO CURSO Os conflitos fazem parte do nosso dia a dia. Saber lidar com eles é essencial não só à nossa sobrevivência, mas também ao nosso bem-estar. Por essa razão, este Curso constitui-se como

Leia mais

Exposição do professor; Diálogo orientado professor/aluno e aluno/aluno; Comunicação dos trabalhos realizados, individualmente e/ou em grupo;

Exposição do professor; Diálogo orientado professor/aluno e aluno/aluno; Comunicação dos trabalhos realizados, individualmente e/ou em grupo; ENSINO SECUNDÁRIO PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE ÁRES DE INTEGRAÇÃO 10º ANO DE ESCOLARIDADE CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS METAS/OBJETIVOS OPERACIONALIZAÇÃO (DESCRITORES) ATIVIDADES E ESTRATÉGIAS MATERIAIS CURRICULARES

Leia mais

Exposição do professor; Diálogo orientado professor/aluno e aluno/aluno; Comunicação dos trabalhos realizados, individualmente e/ou em grupo;

Exposição do professor; Diálogo orientado professor/aluno e aluno/aluno; Comunicação dos trabalhos realizados, individualmente e/ou em grupo; ENSINO SECUNDÁRIO PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE ÁRES DE INTEGRAÇÃO 10º ANO DE ESCOLARIDADE CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS METAS/OBJETIVOS OPERACIONALIZAÇÃO (DESCRITORES) ATIVIDADES E ESTRATÉGIAS MATERIAIS CURRICULARES

Leia mais

Formação Interempresas 2017

Formação Interempresas 2017 Formação Interempresas 2017 1 1 Calendário das acções 1º Semestre Lisboa 1 Lean Management 1d Ferramentas Básicas da Qualidade 2 1d 21 5S & Gestão Visual 3 1d 22 Gestão de Equipas 4 1d 5 6 TPM Total Productive

Leia mais

Formação. Curso 014_146 Formação Pedagógica Inicial de Formadores

Formação. Curso 014_146 Formação Pedagógica Inicial de Formadores Curso 014_146 Formação Pedagógica Inicial de Formadores Objectivos No final do curso de formação pedagógica de formadores, os formandos que concluam com aproveitamento devem ser capazes de: Situar o papel

Leia mais

Serra do Saber. Formação Pedagógica Inicial de Formadores

Serra do Saber. Formação Pedagógica Inicial de Formadores Formação Pedagógica Inicial de Formadores Fundamentação Este curso apresenta de uma forma clara e recorrendo a uma metodologia teórico-prática, os conhecimentos necessários para a formação de formadores

Leia mais

PLANIFICAÇÃO SEMESTRAL

PLANIFICAÇÃO SEMESTRAL Disciplina: Tecnologias de Informação e Comunicação PLANIFICAÇÃO SEMESTRAL 7.º Ano Unidade Temática e Conteúdos Domínios/Subdominios Descritores (objetivos Especificos) Estratégias de Aprendizagem N.º

Leia mais

CURSO DE INTEGRAÇÃO EMPRESARIAL DE QUADROS (CIEQ)

CURSO DE INTEGRAÇÃO EMPRESARIAL DE QUADROS (CIEQ) INTEGRAÇÃO PROFISSIONAL DE TÉCNICOS SUPERIORES BACHARÉIS, LICENCIADOS E MESTRES CURSO DE INTEGRAÇÃO EMPRESARIAL DE QUADROS (CIEQ) GUIA DE CURSO ÍNDICE 1 - Objectivo do curso 2 - Destinatários 3 - Pré-requisitos

Leia mais

Soft-skills / Comportamental

Soft-skills / Comportamental Soft-skills / Comportamental Liderança e trabalho em equipa Comunicação, gestão de conflitos e negociação Técnicas de apresentação Gestão do tempo e Reuniões eficazes 1 Hire on attitude, Train the skills

Leia mais

LEADERS O que é? Programa LEADERS Desenvolvimento de Competências de Liderança novos Líderes e reforço de competências em Líderes experientes

LEADERS O que é? Programa LEADERS Desenvolvimento de Competências de Liderança novos Líderes e reforço de competências em Líderes experientes Programa LEADERS 1 O que é? O Programa LEADERS consiste numa abordagem inovadora ao Desenvolvimento de Competências de Liderança alinhada com a Estratégia das organizações. Este Programa assume uma óptica

Leia mais

Métodos de Estudo & Investigação Científica. Elaborando um projeto de pesquisa

Métodos de Estudo & Investigação Científica. Elaborando um projeto de pesquisa Elaborando um projeto de pesquisa A pesquisa é a realização concreta de uma investigação planeada, desenvolvido e redigida de acordo com as normas das metodologias consagradas pela ciência; Requerida quando

Leia mais

Avaliação 360 Graus. Relatório Individual John Smith Example

Avaliação 360 Graus. Relatório Individual John Smith Example Queremos que nossos relatórios tenham impacto em você, mas não no meio ambiente. Por favor, imprima somente as páginas que precisar. Avaliação 360 Graus Relatório Individual John Smith Example Quantidade

Leia mais

E S C O L A S E C U N D Á R I A D E C A L D A S D A S T A I P A S

E S C O L A S E C U N D Á R I A D E C A L D A S D A S T A I P A S MÓDULO 1 Área I A Pessoa Unidade Temática 1 O SUJEITO LÓGICO-PSICOLÓGICO Tema-problema: 1.2 PESSOA E CULTURA DURAÇÃO DE REFERÊNCIA (AULAS): 15 APRESENTAÇÃO: Com este Tema-problema reconhecer-se-á que partilhamos

Leia mais

RETENÇÃO DE TALENTO Através da gestão das competências. Ingresso Janeiro Informações: (51)

RETENÇÃO DE TALENTO Através da gestão das competências. Ingresso Janeiro Informações: (51) RETENÇÃO DE TALENTO Através da gestão das competências Ingresso Janeiro 2016 Informações: (51) 3218-1400 - www.espm.br/cursosdeferias RETENÇÃO DE TALENTO através da gestão das competências A retenção de

Leia mais

Formação Pedagógica Inicial de Formadores blearning 90 Horas. Programa do Curso.

Formação Pedagógica Inicial de Formadores blearning 90 Horas. Programa do Curso. Formação Pedagógica Inicial de Formadores blearning 90 Horas Programa do Curso www.areapedagogica.com 2 Programa do Curso de Formação Pedagógica de Formadores blearning 90 Horas Objetivos Gerais No final

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR 1.OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM 1. CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS. GFUC previsto

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR 1.OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM 1. CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS. GFUC previsto Curso Comunicação e relações Públicas Ano letivo 2015-16 Unidade Curricular Psicossociologia das Organizações ECTS 5 Regime Obrigatório Ano 2º Semestre 2º sem. Horas de trabalho globais Docente (s) Isabel

Leia mais

Curso de COACHING DESPORTIVO e TREINO MENTAL (Nível I)

Curso de COACHING DESPORTIVO e TREINO MENTAL (Nível I) Curso de COACHING DESPORTIVO e TREINO MENTAL (Nível I) www.coachingdesportivo.pt PORTO 23-25 Set.16 LISBOA 30 Set.-2 Out.16 Apresentação O Coaching Desportivo perfila-se, cada vez mais, como uma atividade

Leia mais

O Futuro da Auditoria Interna: Tendências e requisitos fundamentais do Chief Audit Executive

O Futuro da Auditoria Interna: Tendências e requisitos fundamentais do Chief Audit Executive 1 O Futuro da Auditoria Interna: Tendências e requisitos fundamentais do Chief Audit Executive DEFINIÇÃO DE AUDITORIA INTERNA "A auditoria interna é uma atividade independente, de garantia objetiva e consultiva,

Leia mais

ÁREA COMPORTAMENTAL E DESENVOLVIMENTO PESSOAL

ÁREA COMPORTAMENTAL E DESENVOLVIMENTO PESSOAL ÁREA COMPORTAMENTAL E DESENVOLVIMENTO PESSOAL COMUNICAÇÃO E IMAGEM COMO FACTORES COMPETITIVOS A sua empresa tem problemas ao nível da comunicação interna? Promover a Comunicação assertiva no relacionamento

Leia mais

Ementas. Certificate in Business Administration CBA

Ementas. Certificate in Business Administration CBA Ementas Certificate in Business Administration CBA Agosto 2012 Módulo Fundamental Administração Financeira EMENTA: Disciplina desenvolve a capacidade de contribuição para as decisões gerenciais aplicando

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico Etec Professor Massuyuki Kawano Código: 136 Município: Tupã Eixo Tecnológico: Ambiente e Saúde Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de TÉCNICO

Leia mais

PROGRAMAÇÃO METODOLÓGICA DO DO CURSO

PROGRAMAÇÃO METODOLÓGICA DO DO CURSO PROGRAMAÇÃO METODOLÓGICA DO DO CURSO DESIGNAÇÃO DO CURSO FORMAÇÃO PEDAGÓGICA INICIAL DE FORMADORES À DISTÂNCIA DURAÇÃO DO CURSO 90 HORAS LOCAL E DATAS DE REALIZAÇÃO DA AÇÃO DE FORMAÇÃO 1. TRAINING CENTER,

Leia mais

BUSINESS PARTNER RH. Estratégias, funções e práticas

BUSINESS PARTNER RH. Estratégias, funções e práticas 1 BUSINESS PARTNER RH Estratégias, funções e práticas 2016 BUSINESS PARTNER - RH Estratégias, funções e práticas Dia 18 de agosto 12:30/13:15 Transamerica Expo Center Auditório Principal Espaço Corners

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico Etec CENTRO PAULA SOUZA Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão e Negócio Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de Técnico em

Leia mais

Curso Aberto. Coaching para Líderes Líder do Outro

Curso Aberto. Coaching para Líderes Líder do Outro Curso Aberto Coaching para Líderes Líder do Outro Coaching para Líderes E se você pudesse ensinar a si mesmo ou sua equipe a terem melhores resultados, a trabalharem com mais coerência e confiança? Será

Leia mais

FORM-COMMERCE: FORMAÇÃO ESPECIALIZADA EM VITRINISMO E ATENDIMENTO AO PÚBLICO ÁREA DE COMPETÊNCIA: 2. ATENDIMENTO AO PÚBLICO

FORM-COMMERCE: FORMAÇÃO ESPECIALIZADA EM VITRINISMO E ATENDIMENTO AO PÚBLICO ÁREA DE COMPETÊNCIA: 2. ATENDIMENTO AO PÚBLICO OBJECTIVOS Contribuir para um melhor conhecimento do Clientes e para a satisfação das suas necessidades e expectativas; Contribuir para a atracção e fidelização de novos Clientes; Contribuir para a melhoria

Leia mais

Gestão da Qualidade. Aula 13. Prof. Pablo

Gestão da Qualidade. Aula 13. Prof. Pablo Gestão da Qualidade Aula 13 Prof. Pablo Proposito da Aula 1. Conhecer as normas da família ISO 9000. Família da norma ISO 9000 Família ISO 9000 As normas ISO da família 9000 formam um conjunto genérico

Leia mais

Planificação da disciplina de Geografia 9º Ano Ano letivo 2014/2015

Planificação da disciplina de Geografia 9º Ano Ano letivo 2014/2015 Planificação da disciplina de Geografia 9º Ano Ano letivo 2014/2015 Nº de aulas (45 minutos) 1º Período 2º Período 3º Período Total Previstas 41 31 27 99 /Correção 6 6 6 18 Tema 4: As atividades económicas*

Leia mais

COMINN COMpetences for INNovation in the metal sector

COMINN COMpetences for INNovation in the metal sector COMINN COMpetences for INNovation in the metal sector País: Instituição: Qualificação: HUNGRIA TREBAG ltd Promotores e Dinamizadores de inovação no âmbito de grupos de trabalho em PMEs Metalúrgicas : :

Leia mais

QUADRO DE DISCIPLINAS

QUADRO DE DISCIPLINAS QUADRO DE DISCIPLINAS Disciplinas 1 Horas- Aula 2 1. Fundamentos do Gerenciamento de Projetos 24 2. Gerenciamento do Escopo em Projetos 24 3. Gerenciamento da Qualidade em Projetos 12 4. Gerenciamento

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS RELACIONAIS

PÓS-GRADUAÇÃO DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS RELACIONAIS PÓS-GRADUAÇÃO DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS RELACIONAIS DIRECÇÃO DO CURSO Ernesto SPINELLI Londres, Reino Unido Daniel SOUSA DURAÇÃO E ESTRUTURA DO CURSO O curso tem a duração de um ano lectivo dividido

Leia mais

ROTEIRO ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAS

ROTEIRO ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAS FILIPE S. MARTINS ROTEIRO ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAS LIDERANÇA LIDERANÇA E MOTIVAÇÃO LIDERANÇA É UM DOS PAPÉIS DOS ADMINISTRADORES. O LÍDER INFLUENCIA O COMPORTAMENTO DE UM OU MAIS LIDERADOS OU SEGUIDORES.

Leia mais

MÓDULOS # 1: Clientes, Produtos e Serviços Bancários. Conhecer os Objectos de um Banco; Analisar os comportamentos dos Clientes

MÓDULOS # 1: Clientes, Produtos e Serviços Bancários. Conhecer os Objectos de um Banco; Analisar os comportamentos dos Clientes MÓDULOS # 1: Clientes, Produtos e Serviços Bancários Conhecer os Objectos de um Banco; Compreender a necessidades dos clientes a recorrem aos Bancos; Analisar os comportamentos dos Clientes Identificar

Leia mais

342 Marketing e Publicidade

342 Marketing e Publicidade 342 Marketing e Publicidade Análise de mercados e consumidores Destinatários Diretores e Gestores de Marketing, Marca e Vendas. Não existentes. Formação Continua. Requisitos de acesso Modalidade de Formação

Leia mais

Gestão da Formação por Meios Informáticos

Gestão da Formação por Meios Informáticos P ERFIL E D ELTAC ONSULTORES EM CONSÓRCIO Gestão da Formação por Meios Informáticos Ficha Técnica Autores: Ana Cristina Almeida, Luís Pousada e João Carvalhinho Título: Programa do Curso de Gestão da Formação

Leia mais

Proposta de actividade pedagógica com recurso à plataforma WIZIQ

Proposta de actividade pedagógica com recurso à plataforma WIZIQ UNIVERSIDADE DE LISBOA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO Proposta de actividade pedagógica com recurso à plataforma WIZIQ Autor João Raimundo de Freitas Ferreira MESTRADO EM TIC E EDUCAÇÃO 2010/2011 Notas prévias

Leia mais

Plano de prevenção rodoviária LeasePlan. Com o SafePlan, todos contam!

Plano de prevenção rodoviária LeasePlan. Com o SafePlan, todos contam! Plano de prevenção rodoviária LeasePlan Com o SafePlan, todos contam! Quando se trata de segurança não a deixe entregue à sorte! sabia que... comportamentos de risco ao volante envio de mensagens e utilização

Leia mais

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE FORMADORES (nova edição)

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE FORMADORES (nova edição) FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE FORMADORES (nova edição) OBJECTIVOS Conferir certificado para a obtenção da Certificação da Aptidão Pedagógica de Formador, de acordo com a Portaria nº 1119/97 de 5 de Novembro.

Leia mais

1. Introdução. Gestão Orçamental. Júlia Fonseca 2010/2011. Gestão Orçamental

1. Introdução. Gestão Orçamental. Júlia Fonseca 2010/2011. Gestão Orçamental 1. Introdução Júlia Fonseca 2010/2011 CICLO DE GESTÃO Planeamento Implementação Controlo de gestão Ciclo de gestão Planeamento Feedback Implementação Controlo Planear Dirigir e Motivar Controlar PLANEAMENTO

Leia mais

Planificação a médio e longo prazo. Matemática B. 11º Ano de escolaridade. Total de aulas previstas: 193. Ano letivo 2015/2016

Planificação a médio e longo prazo. Matemática B. 11º Ano de escolaridade. Total de aulas previstas: 193. Ano letivo 2015/2016 Planificação a médio e longo prazo Matemática B 11º Ano de escolaridade. Total de aulas previstas: 193 Ano letivo 2015/2016 Professor responsável: Paulo Sousa I O programa Matemática B do 11º Ano - Página

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VIZELA VIZELA Escola sede: ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS DE VIZELA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE SOCIOLOGIA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VIZELA VIZELA Escola sede: ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS DE VIZELA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE SOCIOLOGIA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VIZELA VIZELA Escola sede: ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS DE VIZELA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE SOCIOLOGIA Prova: 344 / 2015 12.º Ano de Escolaridade Formação

Leia mais

CURSO GESTÃO DO TEMPO E COMUNICAÇÃO

CURSO GESTÃO DO TEMPO E COMUNICAÇÃO CURSO GESTÃO DO TEMPO E COMUNICAÇÃO ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 03 2. DESENVOLVIMENTO A. Proposta pedagógica B. Investimento C. Condições de participação 03 03 04 04 3. FICHA DE INSCRIÇÃO 05 02 Moneris Academy

Leia mais

P-63. Como Trabalhar sob Pressão e Conquistar Resultados Resiliência e Inteligência Emocional. Ricardo Piovan.

P-63. Como Trabalhar sob Pressão e Conquistar Resultados Resiliência e Inteligência Emocional. Ricardo Piovan. P-63 Como Trabalhar sob Pressão e Conquistar Resultados Resiliência e Inteligência Emocional Ricardo Piovan contato@portalfox.com.br - 11 4319-6001 Ricardo Piovan é Administrador de Empresas com especialização

Leia mais

CURSO: PEDAGOGIA EMENTAS º PERÍODO

CURSO: PEDAGOGIA EMENTAS º PERÍODO CURSO: PEDAGOGIA EMENTAS - 2016.1 1º PERÍODO DISCIPLINA: HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO Estudo da história geral da Educação e da Pedagogia, enfatizando a educação brasileira. Políticas ao longo da história engendradas

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso n.º 206 aprovado pela portaria Cetec nº 733 de 10/09/2015 Etec PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão de

Leia mais

Comportamento Organizacional

Comportamento Organizacional Comportamento Organizacional Profª. Taís Brenner Oesterreich 2011-1 O que é comportamento organizacional? Campo de estudo que investiga o impacto que indivíduos, grupos e a estrutura têm sobre o comportamento

Leia mais

(AVALIAÇÃO DO REGIME NÃO PRESENCIAL E AVALIAÇÃO DE RECURSO)

(AVALIAÇÃO DO REGIME NÃO PRESENCIAL E AVALIAÇÃO DE RECURSO) Escola Secundária Cacilhas-Tejo MATRIZ DE EXAME (AVALIAÇÃO DO REGIME NÃO PRESENCIAL E AVALIAÇÃO DE RECURSO) Disciplina: Economia A Módulo 1,2,3 (Um, Dois, Três) ENSINO RECORRENTE MÓDULOS CAPITALIZÁVEIS

Leia mais

DEFINIÇÕES DE RELACIONAMENTOS INTERPESSOAIS Interpersonal Relationship Definition

DEFINIÇÕES DE RELACIONAMENTOS INTERPESSOAIS Interpersonal Relationship Definition DEFINIÇÕES DE RELACIONAMENTOS INTERPESSOAIS Interpersonal Relationship Definition CARLOS, Joaquim Faculdade de Jaguariúna Resumo: Considerando o momento histórico atual, no qual o cenário se mostra cada

Leia mais

Curso de Formação. Metas Curriculares de Português 1.º Ciclo (Turma Telões) (Data de início: 06/11/ Data de fim: 20/11/2014)

Curso de Formação. Metas Curriculares de Português 1.º Ciclo (Turma Telões) (Data de início: 06/11/ Data de fim: 20/11/2014) Curso de Formação Metas Curriculares de Português 1.º Ciclo (Turma Telões) (Data de início: 06/11/2014 - Data de fim: 20/11/2014) I - Autoavaliação (formandos) A- Motivação para a Frequência da Ação 1-

Leia mais

Pesquisa de Clima Organizacional

Pesquisa de Clima Organizacional Pesquisa de Clima Organizacional As pessoas representam alto investimento para as organizações. É evidente que o sucesso de um empreendimento não depende somente da competência dos gestores em reconhecer

Leia mais

Ciências Físico-Químicas 7.º Ano Terra em Transformação / Terra no Espaço Carlos Alberto da Silva Ribeiro de Melo

Ciências Físico-Químicas 7.º Ano Terra em Transformação / Terra no Espaço Carlos Alberto da Silva Ribeiro de Melo Ciências Físico-Químicas 7.º Ano Terra em Transformação / Terra no Espaço Carlos Alberto da Silva Ribeiro de Melo QUÍMICA TEMAS OBJECTIVOS DE APRENDIZAGEM SITUAÇÕES E EXPERIÊNCIAS EDUCATIVAS AULAS TERRA

Leia mais

1º Seminário Topologias. Oradora: Margarida Gonçalves

1º Seminário Topologias. Oradora: Margarida Gonçalves 1º Seminário Topologias Oradora: Margarida Gonçalves 1 Curso Profissional de Técnico de Gestão de Equipamentos Informáticos Modalidade de Ensino Profissional Secundário Ano: Área: 10º Ano Informática Disciplina:

Leia mais

Objectivo: estimular um diálogo em grupo sobre a qualidade do docente, utilizando uma ficha com questões e conceitos

Objectivo: estimular um diálogo em grupo sobre a qualidade do docente, utilizando uma ficha com questões e conceitos FICHA DE DIÁLOGO Objectivo: estimular um diálogo em grupo sobre a qualidade do docente, utilizando uma ficha com questões e conceitos Dimensão do grupo: 6 ou mais participantes Objectivos da Toolbox: Reflectir

Leia mais

Seminário GVcev Recursos Humanos no Varejo. Cultura e Clima Organizacional Patrícia Tavares

Seminário GVcev Recursos Humanos no Varejo. Cultura e Clima Organizacional Patrícia Tavares Seminário GVcev Recursos Humanos no Varejo Cultura e Clima Organizacional Patrícia Tavares Agenda Cultura e Identidade Cultura e Clima Organizacional Construção e Mudança O que é Cultura? Uma definição

Leia mais

A contextualização curricular e os exames nacionais de Matemática

A contextualização curricular e os exames nacionais de Matemática Seminário Internacional Projeto Contextualizar o Saber para a Melhoria dos Resultados dos Alunos (PTDC/CPE-CED/113768/2009 ) A contextualização curricular e os exames nacionais de Matemática L U R D E

Leia mais

Torne-se um Analista Comportamental com Certificação Internacional pela Sempre Avante Coaching Life & Executive

Torne-se um Analista Comportamental com Certificação Internacional pela Sempre Avante Coaching Life & Executive Torne-se um Analista Comportamental com Certificação Internacional pela Sempre Avante Coaching Life & Executive Você sabe qual é o seu Perfil Comportamental? Segundo a Teoria DISC existem 4 Perfis Comportamentais

Leia mais

Nome do Curso Gestão de equipes. Carga horária: 72h Quantidade de aulas: 20 Docentes responsáveis pelo curso: Osvaldo Gastaldon

Nome do Curso Gestão de equipes. Carga horária: 72h Quantidade de aulas: 20 Docentes responsáveis pelo curso: Osvaldo Gastaldon Nome do Curso Gestão de equipes Carga horária: 72h Quantidade de aulas: 20 Docentes responsáveis pelo curso: Osvaldo Gastaldon Objetivo: Fornecer ao aluno o conhecimento holístico de Gestão de Equipes,

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente 2013

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL. Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO PROFISSIONAL Plano de Trabalho Docente 2013 Etec Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos EE: Arlindo Bittencourt Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação

Leia mais

Catálogo de Formação

Catálogo de Formação Cérebro Centro de Formação, Lda. Sede: Av. José Afonso, nº. 92, cv Cavaquinhas, Arrentela, 2840-735 Seixal Tel./Fax: 212 225 028 Telem.: 912 583 546 info@cerebro-online.com Direcção: Engª. Manuela Partidário

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 213 aprovado pela portaria Cetec nº de / / Etec Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação

Leia mais

Atendimento Inteligente

Atendimento Inteligente Atendimento Inteligente Com a quantidade de canais de comunicação disponíveis hoje em dia, a tendência é para que o consumidor comece a comunicar com marcas e empresas através de meios menos tradicionais.

Leia mais

Informática Básica. Coordenação do Curso: Equipe de Formação: Andreia Prado Diva Mendonça Garcia Waléria Batista da Silva Vaz Mendes

Informática Básica. Coordenação do Curso: Equipe de Formação: Andreia Prado Diva Mendonça Garcia Waléria Batista da Silva Vaz Mendes GUIA DA DISCIPLINA Informática Básica Coordenação do Curso: Andreia Prado Diva Mendonça Garcia Waléria Batista da Silva Vaz Mendes Equipe de Formação: Fernanda Quaresma da Silva Hailton David Lemos Maurílio

Leia mais

Benefício do Coaching para Escritórios de Advocacia

Benefício do Coaching para Escritórios de Advocacia Benefício do Coaching para Escritórios de Advocacia Por que Coaching para Escritórios de Advocacia? Os escritórios são, nos dias de hoje, uma empresa e isso não tem mais volta. Assim, não dá para o advogado

Leia mais

PLANO DE ORGANIZAÇÃO DA ACTIVIDADE LECTIVA. Alda Amaro Dr. João Paulo Trigueiros Expressões Artes Visuais (600)

PLANO DE ORGANIZAÇÃO DA ACTIVIDADE LECTIVA. Alda Amaro Dr. João Paulo Trigueiros Expressões Artes Visuais (600) Direcção Regional de Educação do Centro AULA ASSISTIDA Nº 16 PRÁTICA DE ENSINO SUPERVISIONADA EM ARTES VISUAIS ANO LECTIVO 2011/2012 PLANO DE ORGANIZAÇÃO DA ACTIVIDADE LECTIVA IDENTIFICAÇÃO PROFESSOR ESTAGIÁRIO

Leia mais

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA História e Geografia de Portugal

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA História e Geografia de Portugal Direção de Serviços da Região Norte AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE AMARES ANO LETIVO 2015 / 2016 INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA História e Geografia de Portugal Prova (05) 2016 2º Ciclo do Ensino

Leia mais

Compreender os conceitos fundamentais e a terminologia no âmbito da contabilidade analítica;

Compreender os conceitos fundamentais e a terminologia no âmbito da contabilidade analítica; CONTABILIDADE ANALÍTICA [12011] GERAL Regime: Semestre: OBJETIVOS Pretende-se fornecer um enquadramento teórico e prático da Contabilidade de Custos ou Analítica, em particular, dos objectivos prosseguidos

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico ETEC PAULINO BOTELHO / E.E. ESTERINA PLACCO (EXTENSAO) Código: 091.01 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Nível

Leia mais

O LIDER-TREINADOR O QUE É QUE EU FAÇO COMO LÍDER?

O LIDER-TREINADOR O QUE É QUE EU FAÇO COMO LÍDER? O LIDER-TREINADOR O QUE É QUE EU FAÇO COMO LÍDER? Em muitos quadros que chefiam equipas surgem com frequência várias dúvidas sobre a forma como exercem a sua liderança: Será que estou a ser um bom líder?

Leia mais

Responsabilidade da Direção

Responsabilidade da Direção 5 Responsabilidade da Direção A gestão da qualidade na realização do produto depende da liderança da alta direção para o estabelecimento de uma cultura da qualidade, provisão de recursos e análise crítica

Leia mais

FICHA DE CURSO FINANÇAS PARA NÃO FINANCEIROS. Curso 03 Gestão Previsional e Contabilidade Analítica

FICHA DE CURSO FINANÇAS PARA NÃO FINANCEIROS. Curso 03 Gestão Previsional e Contabilidade Analítica FICHA DE CURSO FINANÇAS PARA NÃO FINANCEIROS Curso 03 Gestão Previsional e Contabilidade Analítica DESCRIÇÃO DO CURSO Num ambiente económico cada vez mais incerto, não há espaço para decisões erradas ou

Leia mais

Informação Prova de equivalência à frequência

Informação Prova de equivalência à frequência 1. INTRODUÇÃO O presente documento publicita a informação relativa à prova de equivalência à frequência do Ensino Secundário da disciplina de Psicologia B, a realizar em 2016, a nível de escola, de acordo

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE CIÊNCIAS NATURAIS - 7.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE CIÊNCIAS NATURAIS - 7.º ANO DE CIÊNCIAS NATURAIS - 7.º ANO Ano Letivo 2014 2015 PERFIL DO ALUNO No domínio da Terra em transformação o aluno deve ser capaz de: Compreender a diversidade das paisagens geológicas (meta 1); Compreender

Leia mais

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais. PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais.  PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL PLANO DE CURSO PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL Formação para Profissionais + 2.000 Cursos Disponíveis A Melhor e Maior Oferta de Formação em Portugal + 1.300 Cursos na

Leia mais

Disciplinas Fundamentais Curso de Especialização em Administração Industrial (CEAI)

Disciplinas Fundamentais Curso de Especialização em Administração Industrial (CEAI) Disciplinas Fundamentais - 2007 Curso de Especialização em Administração Industrial (CEAI) Administração da Produtividade Produção X Produtividade Indicadores de produtividade: globais e parciais Balanced

Leia mais

PROVA TEMÁTICA/2013 GERAÇÃO CONTEMPORÂNEA: desafios e novas possibilidades

PROVA TEMÁTICA/2013 GERAÇÃO CONTEMPORÂNEA: desafios e novas possibilidades PROVA TEMÁTICA/2013 GERAÇÃO CONTEMPORÂNEA: desafios e novas possibilidades 7 ANO / ENSINO FUNDAMENTAL MATRIZ DE REFERÊNCIA DE LINGUAGENS, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS (LÍNGUA PORTUGUESA, REDAÇÃO, ARTES E

Leia mais

Desenvolvimento de competências em leitura funcional

Desenvolvimento de competências em leitura funcional Balula 2010 Desenvolvimento de competências em leitura funcional João Paulo Balula jpbalula@esev.ipv.pt Paulo Martins Plano Introdução Objectivos Percurso didáctico Materiais/Instrumentos Tratamento dos

Leia mais

Estratégias para as Compras Públicas Sustentáveis. Paula Trindade LNEG

Estratégias para as Compras Públicas Sustentáveis. Paula Trindade LNEG Estratégias para as Compras Públicas Sustentáveis Paula Trindade LNEG Conferência Compras Públicas Sustentáveis LNEG, 25 Março 2010 Muitas organizações têm experiências em compras sustentáveis! Mas sem

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensino Técnico Código: 0262 ETEC ANHANGUERA Município: Santana de Parnaíba Componente Curricular: CONTABILIDADE DE CUSTOS Eixo tecnológico: GESTÃO E NEGOCIOS

Leia mais