Mestrado em Cuidados Paliativos (5ª edição) Factores que influenciam a vivência do processo terminal e de luto: Perspectiva do cuidador principal

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Mestrado em Cuidados Paliativos (5ª edição) Factores que influenciam a vivência do processo terminal e de luto: Perspectiva do cuidador principal"

Transcrição

1 Universidade de Lisboa Faculdade de Medicina de Lisboa Mestrado em Cuidados Paliativos (5ª edição) Factores que influenciam a vivência do processo terminal e de luto: Perspectiva do cuidador principal Maria Catarina Estevens Pazes Lisboa

2

3 Universidade de Lisboa Faculdade de Medicina de Lisboa Mestrado em Cuidados Paliativos (5ª edição) Factores que influenciam a vivência do processo terminal e de luto: Perspectiva do cuidador principal Maria Catarina Estevens Pazes Dissertação Orientada por: Prof. Doutora Lucília Nunes Co-Orientada por: Prof. Doutor António Barbosa A impressão desta dissertação foi aprovada pelo Conselho Cientifico da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, em reunião de dia 28 de Setembro de 2010.

4

5 À minha professorinha Manuela, minha mestre de vida!

6

7 Agradecimentos À Professora Doutora Lucília Nunes pela orientação deste trabalho, pelos ensinamentos e incentivo ao crescimento e alargamento do saber. Pela disponibilidade e partilha. Foi um verdadeiro privilégio. Ao Professor Doutor António Barbosa, pelo incentivo e disponibilidade sempre demonstrada. Aos cuidadores pela disponibilidade, autenticidade e generosidade com que participaram neste estudo. À Manuela, minha professorinha, meu farol de todas as horas, pela força de cada minuto, sentido para todos os momentos da minha vida, por estar sempre, por me ensinar tanto em cada dia. À Sandra, mana de coração, pela partilha e cumplicidade, pela paciência e contributos que muito me ajudaram na realização deste trabalho. Ao Jorge, meu amor, companheiro de todas as caminhadas, pela confiança e orgulho sempre demonstrados. Também pela serenidade e paciência nos momentos de incerteza. À minha mãe, Catarina, pelo amor incondicional, pela força e orgulho que me transmite, pela confiança e estimulo sempre evidenciados. Ao meu pai, Bento, pelo amor incondicional, pela serenidade e alento que nunca deixei de sentir. À minha irmã, Luzia, sempre presente, pelo estimulo tão importante para cada etapa da minha vida. Aos meus sobrinhos, pela alegria, pelo carinho, pela cumplicidade que cresce a cada dia.

8

9 Acompanhar ( ) é percorrer uma parte de um caminho ao lado de alguém até um destino cuja natureza desconhecemos. Ravez citado por SFAP (2000: 87) Os últimos instantes da vida de um ser amado podem constituir a ocasião de ir o mais longe possível com essa pessoa. Quantos de nós aproveitam essa ocasião?. Marie de Hennezel (2002:14)

10

11 Resumo Sendo indiscutível a necessidade e premência do alargamento das respostas de saúde ao nível de cuidados paliativos, deparamo-nos hoje com a criação de unidades, de equipas, formação de profissionais, troca de experiências, discussão nos serviços, entre outras acções, dentro da área destes cuidados. Julgamos ser indispensável um profundo conhecimento de necessidades/dificuldades sentidas pelos utilizadores dos cuidados de saúde a nível local/regional no sentido de melhor podermos pensar e contribuir para a organização/adequação de repostas a este nível. O presente estudo de investigação, de base qualitativa e de tipo descritivo e exploratório, foi desenvolvido com o propósito de compreender melhor a Vivência do processo terminal e de luto, considerando a perspectiva do cuidador principal, tendo dado resposta a dois objectivos: Descrever os factores que, na perspectiva do cuidador principal, influenciaram a vivência do processo terminal e de luto da morte da pessoa próxima. Conhecer a influência da conduta do enfermeiro, atribuída pelo cuidador principal, sobre a vivência do processo terminal e de luto da morte da pessoa próxima. Através da análise dos dados foram identificadas duas categorias. Uma das categorias é denominada por Factores que influenciam a vivência do processo terminal e luto da morte da pessoa próxima, onde são identificados os factores que influenciam de forma geral esta vivência, tendo em conta a decisão de assumir o papel de cuidador; o decorrer do processo de cuidar e a vivência do processo de luto; A outra categoria identificada é a Influência da conduta do enfermeiro sobre a vivência do processo terminal e de luto da morte da pessoa próxima, onde foi possível constatar a relevância da enfermagem na vivência de um processo desgastante e intenso, como é o processo de doença terminal e morte.

12

13 Abstract Today we are facing the rising of teams, training of professionals, discussion on services, among other actions, within the area palliative care, which need and urgency to extend health responses are undeniable. We think it is essential an increase of knowledge about the needs and difficulties experienced by users of health care to a local and regional level in order to adequate and contribute to the adequacy, accessibility and organization of responses in a health matter. This research study, with a qualitative basis and descriptive and exploratory type, was developed in order to better understand the process of the terminal and bereavement, taking into account the perspective of the main caregiver in order to answer to two objectives: To describe the factors that, in the view of the main caregiver, influenced the experience of the terminal process and mourning the death of someone close. To understand the influence of the nurses conduct assigned by the primary caregiver about the experience of the terminal process and mourning the death of someone close. Through data analysis, two categories were identified. The first one is the Factors influencing the experience of terminal process of mourning and death of someone close, where they identified the factors that influence this experience in general, taking into account the decision to assume the role of caregiver; - The course of caregiving and the experience of the grieving process. The other category identified is the Influence the conduct of nurses about the experience of the terminal process and mourning the death of someone close, where it was possible to establish the relevance of nursing experience in an exhausting process and intense as in the case of terminal illness and death.

14

15 Índice p. INTRODUÇÃO 15 Primeira Parte: Enquadramento Teórico FASE TERMINAL E LUTO: PERDA DE SI, PERDA DO OUTRO CUIDADOS PALIATIVOS/ ACÇÕES PALIATIVAS NA COMUNIDADE 47 Segunda Parte: Metodologia METODOLOGIA TIPO DE ESTUDO INSTRUMENTO DE COLHEITA DE DADOS Validação do instrumento SUJEITOS DO ESTUDO COLHEITA DE DADOS ASPECTOS ÉTICOS PLANEAMENTO DO TRATAMENTO E ANÁLISE DOS DADOS APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DOS DADOS FACTORES QUE INFLUENCIAM A VIVÊNCIA DO PROCESSO TERMINAL E LUTO DA MORTE DA PESSOA PRÓXIMA Assumir o Papel de Cuidador Processo de cuidar Processo de Luto INFLUÊNCIA DA CONDUTA DO ENFERMEIRO SOBRE A VIVÊNCIA DO PROCESSO TERMINAL E DE LUTO DA MORTE DA PESSOA PRÓXIMA Conduta do Enfermeiro CONCLUSÕES E IMPLICAÇÕES REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 117 ANEXOS 125 Anexo 1 Formulário de Consentimento Informado

Palavras chave: trabalho colaborativo, desenvolvimento profissional, articulação curricular, tarefas de investigação e exploração.

Palavras chave: trabalho colaborativo, desenvolvimento profissional, articulação curricular, tarefas de investigação e exploração. RESUMO Esta investigação, tem como objectivo perceber como é que o trabalho colaborativo pode ajudar a melhorar as práticas lectivas dos professores, favorecendo a articulação curricular entre ciclos na

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Escola das Artes

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Escola das Artes UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Escola das Artes A Técnica de Respiração nos Instrumentos Musicais de Sopro: Estudo de Caso na Escola Profissional Artística do Vale do Ave - Artave Dissertação apresentada

Leia mais

As provas da existência de Deus nas Meditações Metafísicas de René Descartes

As provas da existência de Deus nas Meditações Metafísicas de René Descartes João André Fernandes da Silva As provas da existência de Deus nas Meditações Metafísicas de René Descartes Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa de Pós-graduação em Filosofia da PUC-Rio

Leia mais

Jéssica Quaresma Pureza

Jéssica Quaresma Pureza Universidade do Estado do Pará Centro de Ciências Sociais e Educação Curso de Secretariado Executivo Trilingue Jéssica Quaresma Pureza Empreendedorismo: A dificuldade de formalização do trabalho de micro

Leia mais

A c o m u n i c a ç ã o m a t e m á t i c a e m c r i a n ç a s c o m N E E. Dedicatória

A c o m u n i c a ç ã o m a t e m á t i c a e m c r i a n ç a s c o m N E E. Dedicatória Dedicatória Às minhas filhas, meus anjos de luz, e ao meu marido, por todo o apoio e compreensão indispensáveis para a elaboração deste trabalho, mas também para a realização deste meu sonho: Concluir

Leia mais

1.1 A paternidade como uma etapa de desenvolvimento para o homem no contexto da família

1.1 A paternidade como uma etapa de desenvolvimento para o homem no contexto da família INDICE pp. INTRODUÇÃO 1 CAPÍTULO I - A TRANSIÇÃO PARA A PATERNIDADE 1. A parentalidade 1.1 A paternidade como uma etapa de desenvolvimento para o homem no contexto da família 10 10 14 1.2 O desejo de paternidade

Leia mais

RAFAELA PONTES ANDRADE O AROMA E O COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR: ESTRATÉGIAS NO PONTO DE VENDA SCENT AND CONSUMER BEHAVIOR: AN IN- STORE STRATEGY

RAFAELA PONTES ANDRADE O AROMA E O COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR: ESTRATÉGIAS NO PONTO DE VENDA SCENT AND CONSUMER BEHAVIOR: AN IN- STORE STRATEGY Universidade de Aveiro 2013 Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Aveiro RAFAELA PONTES ANDRADE O AROMA E O COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR: ESTRATÉGIAS NO PONTO DE VENDA SCENT AND CONSUMER

Leia mais

Se é possível cuidar, recuperar e integrar as pessoas internadas, dependentes com incapacidade funcional, sem a ENFERMAGEM DE REABILITAÇÃO?

Se é possível cuidar, recuperar e integrar as pessoas internadas, dependentes com incapacidade funcional, sem a ENFERMAGEM DE REABILITAÇÃO? Se é possível cuidar, recuperar e integrar as pessoas internadas, dependentes com incapacidade funcional, sem a ENFERMAGEM DE REABILITAÇÃO? É, mas não com a mesma qualidade.. (Mark Twain) AGRADECIMENTOS

Leia mais

SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA UTI: uma revisão bibliográfica.

SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA UTI: uma revisão bibliográfica. UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO ATUALIZA ASSOCIAÇÃO CULTURAL ENFERMAGEM EM UTI ADULTO CAMILA BOMFIM SANTANA SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA UTI: uma revisão bibliográfica. SALVADOR-BA 2012 CAMILA

Leia mais

Estratégias para a Promoção e Melhoria da Competência Escrita em Língua Portuguesa e Espanhol Língua Estrangeira, por Alunos Portugueses

Estratégias para a Promoção e Melhoria da Competência Escrita em Língua Portuguesa e Espanhol Língua Estrangeira, por Alunos Portugueses Estratégias para a Promoção e Melhoria da Competência Escrita em Língua Portuguesa e Espanhol Língua Estrangeira, por Alunos Portugueses Maria Luiza do Vale Jerónimo Relatório de Estágio de Mestrado em

Leia mais

INSTITUTO POLITÉCNICO DA GUARDA. Escola Superior de Tecnologia e Gestão

INSTITUTO POLITÉCNICO DA GUARDA. Escola Superior de Tecnologia e Gestão INSTITUTO POLITÉCNICO DA GUARDA Escola Superior de Tecnologia e Gestão SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NOS INSTITUTOS DE EMPREGO. ESTUDO DE CASO: IEFP DA GUARDA PROJETO APLICADO DO MESTRADO EM GESTÃO

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA

INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA ESCOLA SUPERIOR DE ALTOS ESTUDOS Sandra Filipa Alexandre Louro Fernandes O Grito Edward Munch As Perdas Na Toxicodependência Coimbra 2007 INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA

Leia mais

Contratação Pública Socialmente Responsável. Lisboa, 14 de Novembro de 2013 Jorge Manuel Duque

Contratação Pública Socialmente Responsável. Lisboa, 14 de Novembro de 2013 Jorge Manuel Duque Lisboa, 14 de Novembro de 2013 Jorge Manuel Duque http://www.landmark-project.eu/pt/inicio/ Parceria entre sete organizações europeias Projecto internacional co-financiado pela união europeia http://www.landmark-project.eu/pt/inicio/

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO ESAG CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO ESAG CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO ESAG CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO FABIANO LEHMKUHL GERBER O PÓS-VENDA COMO PREMISSA DO MARKETING DE

Leia mais

ADVOGADO-GERAL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA UNIÃO EUROPEIA: UM ESTUDO SOBRE A EFETIVAÇÃO DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS SOB A SUA PERSPECTIVA

ADVOGADO-GERAL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DA UNIÃO EUROPEIA: UM ESTUDO SOBRE A EFETIVAÇÃO DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS SOB A SUA PERSPECTIVA UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ UNIVALI PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO, EXTENSÃO E CULTURA CENTRO DE EDUCAÇÃO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E JURÍDICAS - CEJURPS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO

RELATÓRIO DE ESTÁGIO UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE PSICOLOGIA E DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO RELATÓRIO DE ESTÁGIO A Componente de Apoio à Família no Jardim-de-Infância de Alcabideche Linda France Alonso Duque CICLO DE ESTUDOS

Leia mais

Um Estudo sobre a Importância das Características dos Projetos de Patrocínio na Visão das Empresas Patrocinadoras de Eventos

Um Estudo sobre a Importância das Características dos Projetos de Patrocínio na Visão das Empresas Patrocinadoras de Eventos Sergio Furtado Campos Um Estudo sobre a Importância das Características dos Projetos de Patrocínio na Visão das Empresas Patrocinadoras de Eventos Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa

Leia mais

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico da Guarda R E L AT Ó R I O D E AT I V I D A D E P R O F I S S I O N A L N A J. V A R G A S - G A B I N E T E T É C N I C O D E G E S T Ã O E

Leia mais

Nutrição Artificial em utentes em fim de vida

Nutrição Artificial em utentes em fim de vida Projeto Partilha de Boas Práticas Nutrição Artificial em utentes em fim de vida Enfª Tânia Afonso Serviço de Medicina I / Infeciologia Modelo de Cuidados Paliativos Modelo Integrativo em Cuidados Paliativos

Leia mais

!" # "$ %!" &" ' ( & )!" & )# * # +, & & ), % ) % " -' )#, ( ". %(,,$ " / ) 0 ( %" % &". "/ " "( " 1, % ( " $" * 2(,3" & 4564

! # $ %! & ' ( & )! & )# * # +, & & ), % ) %  -' )#, ( . %(,,$  / ) 0 ( % % &. /  (  1, % (  $ * 2(,3 & 4564 !"#"$%!"&"'(&)!"&)#*#+,&&),%)%"-')#, (".%(,,$"/)0(%" %&"."/""("1,%(" $"*2(,3"&4564 A dissertação foi elaborada de acordo com o novo acordo ortográfico. 2 Agradecimentos Quero agradecer à professora Doutora

Leia mais

A INTERVENÇÃO HUMOR EM ENFERMAGEM NUM SERVIÇO DE ORTOPEDIA: ESTRATÉGIAS E BENEFÍCIOS

A INTERVENÇÃO HUMOR EM ENFERMAGEM NUM SERVIÇO DE ORTOPEDIA: ESTRATÉGIAS E BENEFÍCIOS REVISTA INVESTIGAÇÃO EM ENFERMAGEM - AGOSTO 2016: 36-44 A INTERVENÇÃO HUMOR EM ENFERMAGEM NUM SERVIÇO DE ORTOPEDIA: ESTRATÉGIAS E BENEFÍCIOS Resumo Objetivo Materiais e Métodos: Considerações Finais THE

Leia mais

Gláucia Curtinaz Centeno de Rezende. O Brasil na moda: Novas representações do consumo e promoção da brasilidade. Dissertação de Mestrado

Gláucia Curtinaz Centeno de Rezende. O Brasil na moda: Novas representações do consumo e promoção da brasilidade. Dissertação de Mestrado Gláucia Curtinaz Centeno de Rezende O Brasil na moda: Novas representações do consumo e promoção da brasilidade Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para obtenção do grau

Leia mais

A Influência do Risco-País no Custo de Captação Externo de Empresas com Grau de Investimento Um Estudo de Caso do Brasil

A Influência do Risco-País no Custo de Captação Externo de Empresas com Grau de Investimento Um Estudo de Caso do Brasil Camila Hersbach Nagem de Moraes A Influência do Risco-País no Custo de Captação Externo de Empresas com Grau de Investimento Um Estudo de Caso do Brasil Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada

Leia mais

A gestão dos dinheiros públicos e a política Teodora Cardoso 11 Julho 2013

A gestão dos dinheiros públicos e a política Teodora Cardoso 11 Julho 2013 A gestão dos dinheiros públicos e a política Teodora Cardoso 11 Julho 2013 O Enquadramento Institucional do sector público e o desenvolvimento económico Um texto recente do Banco Mundial sobre gestão financeira

Leia mais

Avila ACT 1, Sartori J 2, Bello VA 3

Avila ACT 1, Sartori J 2, Bello VA 3 A construção de um protocolo de prevenção de úlcera por pressão em um hospital estadual que atende portadores de deficiência mental: relato de experiência Avila ACT 1, Sartori J 2, Bello VA 3 Introdução:

Leia mais

Análise da Performance dos Fundos Mútuos de Investimento em Empresas Emergentes no Brasil entre 1994 e 2004

Análise da Performance dos Fundos Mútuos de Investimento em Empresas Emergentes no Brasil entre 1994 e 2004 Leonardo Alvim de C. Ayres Análise da Performance dos Fundos Mútuos de Investimento em Empresas Emergentes no Brasil entre 1994 e 2004 DISSERTAÇÃO DE MESTRADO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS

Leia mais

Rodrigo Cavalieri de Souza. Possibilidades de Fidelização no. Serviço de Telefonia Celular DISSERTAÇÃO DE MESTRADO

Rodrigo Cavalieri de Souza. Possibilidades de Fidelização no. Serviço de Telefonia Celular DISSERTAÇÃO DE MESTRADO Rodrigo Cavalieri de Souza Possibilidades de Fidelização no Serviço de Telefonia Celular DISSERTAÇÃO DE MESTRADO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO Programa de Pós Graduação em Administração de Empresas Rio

Leia mais

Márcia Maria Ferreira do Nascimento Feitosa

Márcia Maria Ferreira do Nascimento Feitosa Márcia Maria Ferreira do Nascimento Feitosa Palavra: uma arma eficiente de denúncia e luta pela construção da identidade. Uma leitura de Regresso Adiado de Manuel Rui. Dissertação apresentada como requisito

Leia mais

À minha Mãe e ao meu Pai, ao meu marido, Nuno e ao meu filho, Renato, com muito amor e carinho.

À minha Mãe e ao meu Pai, ao meu marido, Nuno e ao meu filho, Renato, com muito amor e carinho. À minha Mãe e ao meu Pai, ao meu marido, Nuno e ao meu filho, Renato, com muito amor e carinho. i Agradecimentos O trabalho de pesquisa e de escrita é um processo muito moroso e solitário. Obriga-nos a

Leia mais

Luís Miguel Pereira Freitas. Mudança Conceptual no Tema Terra no Espaço com base na Interdisciplinaridade em Ciências Físicas e Naturais no 3º Ciclo

Luís Miguel Pereira Freitas. Mudança Conceptual no Tema Terra no Espaço com base na Interdisciplinaridade em Ciências Físicas e Naturais no 3º Ciclo Universidade do Minho Instituto de Educação e Psicologia Luís Miguel Pereira Freitas Mudança Conceptual no Tema Terra no Espaço com base na Interdisciplinaridade em Ciências Físicas e Naturais no 3º Ciclo

Leia mais

Área de especialização. Políticas de Administração e Gestão de Serviços de Saúde

Área de especialização. Políticas de Administração e Gestão de Serviços de Saúde UNIVERSIDADE DE ÉVORA / INSTITUTO POLITÉCNICO DE LISBOA MESTRADO EM INTERVENÇÃO SÓCIO-ORGANIZACIONAL NA SAÚDE Curso ministrado em associação com a Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa - IPL

Leia mais

Mariana Figueiredo de Castro Pereira

Mariana Figueiredo de Castro Pereira Mariana Figueiredo de Castro Pereira POLÍTICA SOCIOAMBIENTAL: Construindo o conceito através do Projeto EcoBarreiras Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa de Pós- Graduação em Serviço

Leia mais

RESEARCH UNIT NECE. Covilhã 22/05/2009

RESEARCH UNIT NECE. Covilhã 22/05/2009 RESEARCH UNIT NECE Mário Raposo UBI Scientific Coordinator of NECE Covilhã 22/5/29 PRESENTATION NECE Research Unit in Science Business is a departmental unit that gathers the scientific research activities

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática São Paulo 2010 JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

Leia mais

Sistema de recomendação de segundo nível para suporte à produção de matérias jornalísticas

Sistema de recomendação de segundo nível para suporte à produção de matérias jornalísticas Demetrius Costa Rapello Sistema de recomendação de segundo nível para suporte à produção de matérias jornalísticas Dissertação de mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para a obtenção

Leia mais

O PAPEL DAS NOVAS TECNOLOGIAS NA COMUNICAÇÃO EXTERNA DA ORGANIZAÇÃO: O CASO TAP PORTUGAL

O PAPEL DAS NOVAS TECNOLOGIAS NA COMUNICAÇÃO EXTERNA DA ORGANIZAÇÃO: O CASO TAP PORTUGAL O PAPEL DAS NOVAS TECNOLOGIAS NA COMUNICAÇÃO EXTERNA DA ORGANIZAÇÃO: O CASO TAP PORTUGAL Júlio Viana Dissertação de Mestrado em Ciências da Comunicação Área de Especialização em Comunicação Estratégica

Leia mais

Panorama evolutivo dos trabalhos de conclusão do Curso de Graduação em Enfermagem de 2004 a 2009

Panorama evolutivo dos trabalhos de conclusão do Curso de Graduação em Enfermagem de 2004 a 2009 ARTIGO ORIGINAL Arq Med Hosp Fac Cienc Med Santa Casa São Paulo 2012;57(1):30-4. Panorama evolutivo dos trabalhos de conclusão do Curso de Graduação em de 2004 a 2009 Development view of research completion

Leia mais

GRUPO DE ESTUDO E PESQUISA EM MÍDIA/ MEMÓRIA, EDUCAÇÃO E LAZER - MEL

GRUPO DE ESTUDO E PESQUISA EM MÍDIA/ MEMÓRIA, EDUCAÇÃO E LAZER - MEL GRUPO DE ESTUDO Ano XVII, n 24, Junho/2005 151 Motrivivência Ano XVII, Nº 24, P. 151-155 Jun./2005 GRUPO DE ESTUDO E PESQUISA EM MÍDIA/ MEMÓRIA, EDUCAÇÃO E LAZER - MEL Augusto César Rios Leiro et al. GRUPO

Leia mais

PROGRAMA DE UNIDADE CURRICULAR

PROGRAMA DE UNIDADE CURRICULAR Unidade Curricular: Curso: OPÇÃO: Problemática da Doença Oncológica Licenciatura em Enfermagem Ano Lectivo 2012-2013 Ano Curricular 2º e 3º Semestre 1º Nº de Ects 3 Equipa Pedagógica: Regente/Coordenador

Leia mais

O IMPACTO DO MODELO INTEGRADO DE POLICIAMENTO DE PROXIMIDADE NA SEGURANÇA URBANA

O IMPACTO DO MODELO INTEGRADO DE POLICIAMENTO DE PROXIMIDADE NA SEGURANÇA URBANA O IMPACTO DO MODELO INTEGRADO DE POLICIAMENTO DE PROXIMIDADE NA SEGURANÇA URBANA Por Maria Manuela Cardoso Duarte da Rocha Dissertação de Mestrado em Economia e Gestão das Cidades Orientado por: Professor

Leia mais

Apoio Social, Expectativas e Satisfação com o Parto em Primíparas com e sem Preparação para o Parto

Apoio Social, Expectativas e Satisfação com o Parto em Primíparas com e sem Preparação para o Parto ÍNDICE INTRODUÇÃO 1 CAPÍTULO I ENQUADRAMENTO TEÓRICO 5 1 - O processo de transição à maternidade 5 1.1 - Factores que influenciam a transição para a maternidade 8 1.1.1 - Características Pessoais 8 1.1.2

Leia mais

MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA

MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA Universidade de Lisboa Faculdade de Medicina de Lisboa MAUS TRATOS NA POPULAÇÃO IDOSA INSTITUCIONALIZADA Catarina Isabel Fonseca Paulos Mestrado em Medicina Legal e Ciências Forenses 2005 Esta dissertação

Leia mais

ANDRÉ NOVAES DE REZENDE DA LAPA PARA A CAPA: ESTUDO INTERSEMIÓTICO DAS CAPAS DE DISCOS DE SAMBA VINCULADAS À IMAGEM DO MALANDRO.

ANDRÉ NOVAES DE REZENDE DA LAPA PARA A CAPA: ESTUDO INTERSEMIÓTICO DAS CAPAS DE DISCOS DE SAMBA VINCULADAS À IMAGEM DO MALANDRO. 3 ANDRÉ NOVAES DE REZENDE DA LAPA PARA A CAPA: ESTUDO INTERSEMIÓTICO DAS CAPAS DE DISCOS DE SAMBA VINCULADAS À IMAGEM DO MALANDRO. Dissertação apresentada à Universidade Presbiteriana Mackenzie, como requisito

Leia mais

Análise do Perfil do Investidor: Desenvolvimento e Validação de Questionário Padrão

Análise do Perfil do Investidor: Desenvolvimento e Validação de Questionário Padrão Luiza Nolasco Vieira de Castro Análise do Perfil do Investidor: Desenvolvimento e Validação de Questionário Padrão Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa de Pósgraduação em Administração

Leia mais

Identificação precoce dos transtornos do espectro autista: um estudo de vídeos familiares

Identificação precoce dos transtornos do espectro autista: um estudo de vídeos familiares Mariana Luísa Garcia Braido Identificação precoce dos transtornos do espectro autista: um estudo de vídeos familiares Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para obtenção

Leia mais

Insper Instituto de Ensino e Pesquisa Faculdade de Economia e Administração. Helder dos Santos Dantas

Insper Instituto de Ensino e Pesquisa Faculdade de Economia e Administração. Helder dos Santos Dantas Insper Instituto de Ensino e Pesquisa Faculdade de Economia e Administração Helder dos Santos Dantas DETERMINANTES PARA O FOMENTO DO EMPREENDEDORISMO, UM ESTUDO DE CASO COMPARATIVO ENTRE BRASIL E ISRAEL

Leia mais

Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios

Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE LETRAS DEPARTAMENTO DE GEOGRAFIA Capital Humano e Capital Social: Construir Capacidades para o Desenvolvimento dos Territórios Sandra Sofia Brito da Silva Dissertação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ Programa de Pós-Graduação em Educação Linha de Pesquisa: Educação Matemática Marcelo Wachiliski O Movimento de Formação Continuada em Matemática na Rede Municipal de Ensino

Leia mais

TESE DE MESTRADO EM ESTUDOS DA PAZ E DA GUERRA NAS NOVAS RELAÇÕES INTERNACIONAIS

TESE DE MESTRADO EM ESTUDOS DA PAZ E DA GUERRA NAS NOVAS RELAÇÕES INTERNACIONAIS TESE DE MESTRADO EM ESTUDOS DA PAZ E DA GUERRA NAS NOVAS RELAÇÕES INTERNACIONAIS O TERRORISMO ISLÂMICO TRANSNACIONAL E GLOBALIZAÇÃO Diogo Inácio da Rocha Guerreiro de Oliveira Lisboa, 08 de Fevereiro de

Leia mais

Os desafios da História da Enfermagem

Os desafios da História da Enfermagem Os desafios da História da Enfermagem Da guerra da Crimeia à Saúde Global Pedro Pereira Leite e Lorena Sancho Querol Roteiro Balizas da história da enfermagem O uso da História e da Memória Para uma memória

Leia mais

Operação e Manutenção de Vias. Road operation and Maintenance. Semestre do plano de estudos 3

Operação e Manutenção de Vias. Road operation and Maintenance. Semestre do plano de estudos 3 Nome UC Operação e Manutenção de Vias CU Name Código UC 747 Curso MEC Semestre do plano de estudos 3 Área científica Engenharia Civil Duração Semestral Horas de trabalho 136 ECTS 5 Horas de contacto T

Leia mais

Articulação com a Comunidade na Prestação de Cuidados Integrados

Articulação com a Comunidade na Prestação de Cuidados Integrados Articulação com a Comunidade na Prestação de Cuidados Integrados Filipa Rodrigues SERVIÇO DE PEDIATRIA IPOLFG, EPE Fevereiro 2016 Serviço de Pediatria - Objetivos dos Cuidados Cuidar das Crianças com doença

Leia mais

PROGRAMA de FORMAÇÃO CONTÍNUA em CUIDADOS CONTINUADOS e PALIATIVOS 2015

PROGRAMA de FORMAÇÃO CONTÍNUA em CUIDADOS CONTINUADOS e PALIATIVOS 2015 PROGRAMA de FORMAÇÃO CONTÍNUA em CUIDADOS CONTINUADOS e PALIATIVOS 2015 Unidade de Cuidados Continuados e Paliativos do Hospital da Luz Justificação, Finalidade e Objectivos: Os Cuidados Paliativos assumem-se

Leia mais

EFEITO DA ESTIMULAÇÃO VESTIBULAR NO PERFIL SENSORIAL DE CRIANÇAS COM PARALISIA CEREBRAL: ENSAIO CLÍNICO RANDOMIZADO ALEATORIZADO

EFEITO DA ESTIMULAÇÃO VESTIBULAR NO PERFIL SENSORIAL DE CRIANÇAS COM PARALISIA CEREBRAL: ENSAIO CLÍNICO RANDOMIZADO ALEATORIZADO 1 UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA-UnB FACULDADE DE CEILÂNDIA-FCE CURSO DE FISIOTERAPIA YASMIN SANTANA MAGALHÃES EFEITO DA ESTIMULAÇÃO VESTIBULAR NO PERFIL SENSORIAL DE CRIANÇAS COM PARALISIA CEREBRAL: ENSAIO

Leia mais

12. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA DEFESA DA FLORESTA CONTRA INCENDIOS

12. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA DEFESA DA FLORESTA CONTRA INCENDIOS CADERNO FICHA 12. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA DEFESA DA FLORESTA CONTRA INCENDIOS 12.4 OBJECTIVOS ESTRATÉGICOS O presente documento constitui uma Ficha que é parte integrante de um Caderno temático, de âmbito

Leia mais

Estudo sobre a Implementação dos Planos Individuais de Transição e a Inserção dos Jovens com NEE na Vida Ativa

Estudo sobre a Implementação dos Planos Individuais de Transição e a Inserção dos Jovens com NEE na Vida Ativa Estudo sobre a Implementação dos Planos Individuais de Transição e a Inserção dos Jovens com NEE na Vida Ativa Teresa Nobre Brito Palma Cesário da Silva Dissertação destinada à obtenção do grau de Mestre

Leia mais

PROJECTO DE INVESTIGAÇÃO DESTINADO À ELABORAÇÃO DE UMA DISSERTAÇÃO ORIGINAL NO ÂMBITO DO CURSO DE MESTRADO EM EPIDEMIOLOGIA (1ª EDIÇÃO)

PROJECTO DE INVESTIGAÇÃO DESTINADO À ELABORAÇÃO DE UMA DISSERTAÇÃO ORIGINAL NO ÂMBITO DO CURSO DE MESTRADO EM EPIDEMIOLOGIA (1ª EDIÇÃO) PROJECTO DE INVESTIGAÇÃO DESTINADO À ELABORAÇÃO DE UMA DISSERTAÇÃO ORIGINAL NO ÂMBITO DO CURSO DE MESTRADO EM EPIDEMIOLOGIA (1ª EDIÇÃO) Prevalência e Factores de Sucesso do Aleitamento Materno no Hospital

Leia mais

Michel Lacerda Baitelli. Posicionamento Competitivo dentro dos Grupos Estratégicos da Indústria de Higiene Pessoal e Cosméticos

Michel Lacerda Baitelli. Posicionamento Competitivo dentro dos Grupos Estratégicos da Indústria de Higiene Pessoal e Cosméticos Michel Lacerda Baitelli Posicionamento Competitivo dentro dos Grupos Estratégicos da Indústria de Higiene Pessoal e Cosméticos Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para

Leia mais

Jorge Manuel Ferreira Pacheco. Empreendedorismo e Financiamento: Papel da Administração Pública em Portugal e da União Europeia

Jorge Manuel Ferreira Pacheco. Empreendedorismo e Financiamento: Papel da Administração Pública em Portugal e da União Europeia Universidade de Aveiro Instituto Superior de Contabilidade e Administração 2009 Jorge Manuel Ferreira Pacheco Empreendedorismo e Financiamento: Papel da Administração Pública em Portugal e da União Europeia

Leia mais

Educação a Distância nas Universidades Corporativas:

Educação a Distância nas Universidades Corporativas: 1 Bruno Taranto Malheiros Educação a Distância nas Universidades Corporativas: Uma análise do desenvolvimento de Competências Individuais Comportamentais Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada

Leia mais

Andressa Rodrigues Corrêa

Andressa Rodrigues Corrêa UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS Centro de Artes Curso de Dança - Licenciatura Trabalho de Conclusão de Curso A CRIAÇÃO EM DANÇA: UM OLHAR SOBRE O GRUPO EVANGÉLICO DE DANÇA ESTÚDIO DO CORPO Andressa Rodrigues

Leia mais

93/CNECV/2017 CONSELHO NACIONAL DE ÉTICA PARA AS CIÊNCIAS DA VIDA

93/CNECV/2017 CONSELHO NACIONAL DE ÉTICA PARA AS CIÊNCIAS DA VIDA 93/CNECV/2017 CONSELHO NACIONAL DE ÉTICA PARA AS CIÊNCIAS DA VIDA RELATÓRIO E PARECER SOBRE A PROPOSTA DE LEI N.º 32/XII (2.ª) GOV, RELATIVA AO REGIME JURÍDICO DE QUALIDADE E SEGURANÇA DOS TECIDOS E CÉLULAS

Leia mais

Enfermagem de Família :

Enfermagem de Família : V ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DE COIMBRA ENCONTRO DO DIA INTERNACIONAL DA FAMILIA Unidade Científico-Pedagógica de Enfermagem de Saúde Pública, Familiar e Comunitária Enfermagem de Família : Percursos

Leia mais

Catequese Adolescência Paróquia S. Salvador de Carregosa 8º ano/ º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos Estratégias

Catequese Adolescência Paróquia S. Salvador de Carregosa 8º ano/ º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos Estratégias Finalidade: Descobrir-se Cristão Objectivos: Participar na eucaristia Concretizar projecto comunitário (partilha fraterna) Tema do Período Em Diálogo 1 1º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos

Leia mais

REGULAMENTO DAS COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS DO ENFERMEIRO ESPECIALISTA EM ENFERMAGEM EM PESSOA EM SITUAÇÃO CRÍTICA

REGULAMENTO DAS COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS DO ENFERMEIRO ESPECIALISTA EM ENFERMAGEM EM PESSOA EM SITUAÇÃO CRÍTICA REGULAMENTO DAS COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS DO ENFERMEIRO ESPECIALISTA EM ENFERMAGEM EM PESSOA EM SITUAÇÃO CRÍTICA APROVADO POR UNANIMIDADE EM ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DE 20 DE NOVEMBRO DE 2010 Proposta

Leia mais

Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Bioquímica,

Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Bioquímica, Dissertação apresentada à Universidade da Beira Interior para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Bioquímica, realizada sob a orientação científica da Doutora Graça Maria

Leia mais

DEDICATÓRIA. A todos que amo e que me amam, e aos que um dia me amarão e por mim serão amados.

DEDICATÓRIA. A todos que amo e que me amam, e aos que um dia me amarão e por mim serão amados. ii DEDICATÓRIA A todos que amo e que me amam, e aos que um dia me amarão e por mim serão amados. iii AGRADECIMENTOS Muitas são as pessoas a quem tenho que agradecer pela conclusão deste trabalho. Na verdade,

Leia mais

1 - Modelo de Relatório Final de Estágio Supervisionado CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL GUAXUPÉ UNIFEG CURSO DIREITO

1 - Modelo de Relatório Final de Estágio Supervisionado CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL GUAXUPÉ UNIFEG CURSO DIREITO IN 01/2013 INSTRUÇÕES PARA REALIZAÇÃO DE RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO MANUAL DE ORIENTAÇÃO DE RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO 1 - Modelo de Relatório Final de Estágio Supervisionado

Leia mais

Oposição do pretérito perfeito simples (PPS) e pretérito perfeito composto (PPC) nas Cartas de Vieira

Oposição do pretérito perfeito simples (PPS) e pretérito perfeito composto (PPC) nas Cartas de Vieira Marcela Cockell Mallmann Oposição do pretérito perfeito simples (PPS) e pretérito perfeito composto (PPC) nas Cartas de Vieira Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para

Leia mais

Vinicius Mothé Maia. Suavização do sorriso da volatilidade. através do Modelo de Corrado-Su. Dissertação de Mestrado

Vinicius Mothé Maia. Suavização do sorriso da volatilidade. através do Modelo de Corrado-Su. Dissertação de Mestrado Vinicius Mothé Maia Suavização do sorriso da volatilidade através do Modelo de Corrado-Su Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa de Pósgraduação em Administração de Empresas da PUC-

Leia mais

PERCEPÇÃO DAS EMOÇÕES DOS ENFERMEIROS FRENTE AOS PACIENTES TERMINAIS ONCOLÓGICOS

PERCEPÇÃO DAS EMOÇÕES DOS ENFERMEIROS FRENTE AOS PACIENTES TERMINAIS ONCOLÓGICOS PERCEPÇÃO DAS EMOÇÕES DOS ENFERMEIROS FRENTE AOS PACIENTES TERMINAIS ONCOLÓGICOS JUSTIFICATIVA Lucimara Batista da Silva* Marcia de Carvalho** Câncer é uma doença que provoca uma ruptura dos mecanismos

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular (FUC) de Direcção de Recursos Humanos

Ficha de Unidade Curricular (FUC) de Direcção de Recursos Humanos INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA INSTITUTO SUPERIOR DE CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÂO DE COIMBRA Aprovação do Conselho Pedagógico 28/10/2015 Aprovação do Conselho Técnico-Científico 16/12/2015 Ficha de

Leia mais

Quero agradecer à minha família e amigos, por todo o apoio, incentivo e compreensão ao longo desta etapa, marcada por muitos sacrifícios e angústias.

Quero agradecer à minha família e amigos, por todo o apoio, incentivo e compreensão ao longo desta etapa, marcada por muitos sacrifícios e angústias. Agradecimentos Quero agradecer à minha família e amigos, por todo o apoio, incentivo e compreensão ao longo desta etapa, marcada por muitos sacrifícios e angústias. Um agradecimento muito especial à minha

Leia mais

http://www.worldday.org 22-10-2008

http://www.worldday.org 22-10-2008 " Cuidados Paliativos como Direito Humano - Reflexão Ética " Maria Teresa Flor de Lima Unidade de Dor, Hospital do Divino Espírito Santo, EPE Av. D. Manuel I, 9500-370, Ponta Delgada, Açores mtflordelima@gmail.com

Leia mais

Uma Experiência na Consulta do Viajante e Sanidade Internacional. Autor: Enfermeiro Especialista em Saúde Comunitária Sérgio Sousa

Uma Experiência na Consulta do Viajante e Sanidade Internacional. Autor: Enfermeiro Especialista em Saúde Comunitária Sérgio Sousa Autor: Enfermeiro Especialista em Saúde Comunitária Sérgio Sousa Regulamento Sanitário Internacional Consulta do Viajante O Regulamento Sanitário Internacional entrou em vigor a 15 de Junho de 2007, foi

Leia mais

ÉTICA NA PRÁTICA CLÍNICA

ÉTICA NA PRÁTICA CLÍNICA BIOÉTICA E ÉTICA MÉDICA Da bioética à ética médica: princípios, fundamentos e normativas Ética e deontologia A RELAÇÃO TERAPÊUTICA O DOENTE O doente e a tomada de decisão Consentimento informado Privacidade

Leia mais

Uma Análise de Cenário Legislativo e Operacional dos Operadores de Transporte Multimodal (OTM) no Brasil

Uma Análise de Cenário Legislativo e Operacional dos Operadores de Transporte Multimodal (OTM) no Brasil Filipe de Oliveira Lima Uma Análise de Cenário Legislativo e Operacional dos Operadores de Transporte Multimodal (OTM) no Brasil Dissertação de Mestrado (Opção profissional) Dissertação apresentada como

Leia mais

ANGOLA. Como Melhorar o Acesso à Informação em Saúde nos PALOP S. PAULO, BIREME/OPAS/OMS, de Junho de 2007

ANGOLA. Como Melhorar o Acesso à Informação em Saúde nos PALOP S. PAULO, BIREME/OPAS/OMS, de Junho de 2007 SEMINÁRIO e-portuguese Como Melhorar o Acesso à Informação Científica e Técnica T em Saúde nos PALOP S. PAULO, BIREME/OPAS/OMS, 11-15 15 de Junho de 2007 ANGOLA Participantes: Edna Nascimento (Psicóloga)

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular METODOLOGIAS ESPECÍFICAS DE INTERVENÇÃO EM GERONTOLOGIA SOCIAL. Ano Lectivo 2013/2014

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular METODOLOGIAS ESPECÍFICAS DE INTERVENÇÃO EM GERONTOLOGIA SOCIAL. Ano Lectivo 2013/2014 1. Unidade Orgânica UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA Programa da Unidade Curricular METODOLOGIAS ESPECÍFICAS DE INTERVENÇÃO EM GERONTOLOGIA SOCIAL Serviço Social (2º Ciclo) Ano Lectivo 2013/2014 2. Curso

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE SAÚDE DE SANTARÉM. Guia Informativo das unidades curriculares de opção do 3º ano neste Ano Lectivo : UNIDADE CURRICULAR

ESCOLA SUPERIOR DE SAÚDE DE SANTARÉM. Guia Informativo das unidades curriculares de opção do 3º ano neste Ano Lectivo : UNIDADE CURRICULAR Guia Informativo das unidades curriculares de opção do 3º ano neste Ano Lectivo : ENFERMAGEM E DESPORTO I ANO 3º T TP PL TC S E OT O CRÉDITOS ECTS Total de horas de contacto 0 5 5 30h Responsável Adjunto

Leia mais

UFPB PRG X ENCONTRO DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA

UFPB PRG X ENCONTRO DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CCSDEMCAMT0 O ESTUDO DE CASO COMO ESTRATÉGIA DE ENSINO E APRENDIZAGEM NA DISCIPLINA ENFERMAGEM EM CLÍNICA I: OPINIÃO DOS DISCENTES Danielle Alves Figueiredo (1) Lecidâmia Cristina Leite Damascena () Jacira

Leia mais

CURSO DE INTEGRAÇÃO EMPRESARIAL DE QUADROS (CIEQ)

CURSO DE INTEGRAÇÃO EMPRESARIAL DE QUADROS (CIEQ) INTEGRAÇÃO PROFISSIONAL DE TÉCNICOS SUPERIORES BACHARÉIS, LICENCIADOS E MESTRES CURSO DE INTEGRAÇÃO EMPRESARIAL DE QUADROS (CIEQ) GUIA DE CURSO ÍNDICE 1 - Objectivo do curso 2 - Destinatários 3 - Pré-requisitos

Leia mais

Observar (lat observare) vtd 2 Estudar, examinar, olhar com atenção, pesquisar minuciosamente. Bento, Maio de 2009

Observar (lat observare) vtd 2 Estudar, examinar, olhar com atenção, pesquisar minuciosamente. Bento, Maio de 2009 OBSERVAÇÃO Observar (lat observare) vtd 2 Estudar, examinar, olhar com atenção, pesquisar minuciosamente Bento, Maio de 2009 OBSERVAÇÃO OBSERVAR é manifestar a habilidade de ver, de examinar e registar

Leia mais

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o futuro com esperança. Como o testemunho de vida da

Leia mais

Gustavo Simão Rodrigues

Gustavo Simão Rodrigues Gustavo Simão Rodrigues O Problema do Sequenciamento em Uma Única Máquina, com Tempos de Preparação Dependentes da Sequência e Penalidades por Antecipação e Atraso: Estudo de Caso de um Processo de Fabricação

Leia mais

Estudo da pré-disposição para doar sangue segundo uma perspetiva de Marketing social na Ilha da Madeira

Estudo da pré-disposição para doar sangue segundo uma perspetiva de Marketing social na Ilha da Madeira Maria Francisca G. Nóbrega Freitas Estudo da pré-disposição para doar sangue segundo uma perspetiva de Marketing social na Ilha da Madeira Orientadora: Denise Capela dos Santos Departamento de Ciências

Leia mais

Colégio Nossa Senhora da Piedade

Colégio Nossa Senhora da Piedade Colégio Nossa Senhora da Piedade Dados de identificação: Curso: Ensino Fundamental II Série: 9 Ano Professora: Denise dos Santos Silva Rocha Disciplina: Ensino Religioso Ano: 2016. Plano de curso 1-Objetivo

Leia mais

English version at the end of this document

English version at the end of this document English version at the end of this document Ano Letivo 2016-17 Unidade Curricular ÉTICA NO NEGÓCIO IMOBILIÁRIO Cursos AVALIAÇÃO E GESTÃO DA ATIVIDADE IMOBILIÁRIA (pós-graduação) Tronco comum Unidade Orgânica

Leia mais

JORGE LUIZ D AMBROSIO A IMPORTÂNCIA DA GESTÃO ADMINISTRATIVA NA ORGANIZAÇÃO HOSPITALAR

JORGE LUIZ D AMBROSIO A IMPORTÂNCIA DA GESTÃO ADMINISTRATIVA NA ORGANIZAÇÃO HOSPITALAR JORGE LUIZ D AMBROSIO A IMPORTÂNCIA DA GESTÃO ADMINISTRATIVA NA ORGANIZAÇÃO HOSPITALAR Fundação Getúlio Vargas Vitória, ES, 2001. JORGE LUIZ D AMBROSIO A IMPORTÂNCIA DA GESTÃO ADMINISTRATIVA NA ORGANIZAÇÃO

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA ESCOLA SUPERIOR DE ALTOS ESTUDOS

INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA ESCOLA SUPERIOR DE ALTOS ESTUDOS INSTITUTO SUPERIOR MIGUEL TORGA ESCOLA SUPERIOR DE ALTOS ESTUDOS Envolvimento parental e nível sociocultural das famílias: Estudo comparativo num agrupamento escolar Marco Sérgio Gorgulho Rodrigues Dissertação

Leia mais

RESUMO. Submissão em Revisão em Aceito em

RESUMO. Submissão em Revisão em Aceito em PROPOSTA DE UM MODELO DE IDENTIFICAÇÃO DA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA PARA A UTILIZAÇÃO DE INCENTIVOS FISCAIS: UM ESTUDO EM UMA INDÚSTRIA DE ELETROELETRÔNICOS SUL BRASILEIRA* A PROPOSAL OF A TECHNOLOGICAL INNOVATION

Leia mais

GLAURA NÍSYA DE OLIVEIRA CRUZ O NEFRON COMO UNIDADE PEDAGÓGICA

GLAURA NÍSYA DE OLIVEIRA CRUZ O NEFRON COMO UNIDADE PEDAGÓGICA GLAURA NÍSYA DE OLIVEIRA CRUZ O NEFRON COMO UNIDADE PEDAGÓGICA Trabalho apresentado como requisito parcial para obtenção do Certificado do Curso de Especialização em Formação Docente em Medicina e Ciências

Leia mais

FACULDADE DE HORTOLÂNDIA Ato de Recredenciamento: Port. 673, 25/05/2011, D.O.U, de 26/05/2011, Seção 1, págs. 18/19

FACULDADE DE HORTOLÂNDIA Ato de Recredenciamento: Port. 673, 25/05/2011, D.O.U, de 26/05/2011, Seção 1, págs. 18/19 INSTITUTO EDUCACIONAL DO ESTADO DE SÃO PAULO Faculdade de Hortolândia REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CURSO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Hortolândia 2015 1 TRABALHO DE CONCLUSÃO DO

Leia mais

AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO

AVALIAÇÃO DO DESEMPENHO MINISTÉRIO Organismo/Serviço NIF FICHA DE AVALIAÇÃO PARA O GRUPO PROFISSIONAL DO PESSOAL AUXILIAR Avaliador Cargo NIF A preencher pelo avaliador Avaliado Unidade orgânica Carreira Categoria NIF Período

Leia mais

MEIO AMBIENTE NATURAL E MEIO AMBIENTE ARTIFICIAL: INTER-RELAÇÕES JURÍDICAS ENTRE O ESPAÇO E AS CIDADES

MEIO AMBIENTE NATURAL E MEIO AMBIENTE ARTIFICIAL: INTER-RELAÇÕES JURÍDICAS ENTRE O ESPAÇO E AS CIDADES FACULDADE DE DIREITO DO SUL DE MINAS WAGNER SARAIVA FERREIRA LEMGRUBER BOECHAT MEIO AMBIENTE NATURAL E MEIO AMBIENTE ARTIFICIAL: INTER-RELAÇÕES JURÍDICAS ENTRE O ESPAÇO E AS CIDADES POUSO ALEGRE / MINAS

Leia mais

CAPITULO I Disposições Gerais

CAPITULO I Disposições Gerais REGULAMENTO da Unidade Curricular Dissertação/Projeto/Estágio dos Cursos de Mestrado em Contabilidade, Mestrado em Contabilidade e Administração Pública e Mestrado em Marketing, do Instituto Superior de

Leia mais

Tema do Painel: Um novo paradigma de desenvolvimento profissional: Valorização de percursos e competências. Tema da Comunicação:

Tema do Painel: Um novo paradigma de desenvolvimento profissional: Valorização de percursos e competências. Tema da Comunicação: Tema do Painel: Um novo paradigma de desenvolvimento profissional: Valorização de percursos e competências Tema da Comunicação: O envolvimento das organizações e dos enfermeiros no desenvolvimento e reconhecimento

Leia mais

Anexo A. Protocolo do Estudo de Caso

Anexo A. Protocolo do Estudo de Caso Anexo A Protocolo do Estudo de Caso 140 Protocolo do Estudo de Caso - Especificação do Processo de Recolha de Informação O processo de recolha de informação no decorrer do estudo de caso respeita a três

Leia mais

Ana Maria Marques Silva

Ana Maria Marques Silva Ana Maria Marques Silva A Pedagogia Waldorf: Um contributo para a Educação em Portugal. Universidade Portucalense Porto 2007 Ana Maria Marques Silva A Pedagogia Waldorf: Um contributo para a Educação

Leia mais