11. Estampas Desenho de materiais

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "11. Estampas Desenho de materiais"

Transcrição

1 11. Estampas Desenho de materiais Naquele Império, a Arte da Cartografia logrou tal Perfeição que o mapa de uma só Província ocupava toda uma Cidade, e o mapa do império toda uma Província. Com o tempo, esses Mapas Desmesurados não satisfizeram e os Colégios de Cartógrafos levantaram um Mapa do Império que tinha o tamanho do Império e coincidia pontualmente com ele. Menos Dadas a Estudos de Cartografia, as Gerações Seguintes entenderam que esse dilatado Mapa era Inútil e não sem Impiedade o entregaram à Inclemência do Sol e dos Invernos. Borges, 1984, p. 121

2 FFE 1. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

3 FFE 2. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 138

4 FFE 3. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

5 FFE 4. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 140

6 FFE 5. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

7 FFE 6. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 142

8 FFE 7. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

9 FFE 8. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 144

10 FFE 9. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

11 FFE 10. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 146

12 FFE 11. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

13 FFE 12. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 148

14 FFE 13. Materiais de superfície da Fonte Ferrenha ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

15 MRIB 14. Materiais de superfície do Monte da Ribeira. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 150

16 MRIB 15. Materiais de superfície do Monte da Ribeira ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

17 MRIB 16. Materiais de superfície do Monte da Ribeira. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 152

18 MRIB 17. Materiais de superfície do Monte da Ribeira ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

19 MRIB 18. Materiais de superfície do Monte da Ribeira. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 154

20 MRIB 19. Materiais de superfície do Monte da Ribeira ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

21 MRIB 20. Materiais de superfície do Monte da Ribeira. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 156

22 MRIB 21. Materiais de superfície do Monte da Ribeira ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

23 MRIB 22. Materiais de superfície do Monte da Ribeira. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 158

24 MRIB 23. Materiais de superfície do Monte da Ribeira ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

25 MRIB 24. Materiais de superfície do Monte da Ribeira. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 160

26 MRIB 25. Materiais de superfície do Monte da Ribeira ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

27 MRIB 26. Materiais de superfície do Monte da Ribeira. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 162

28 MRIB 27. Materiais de superfície do Monte da Ribeira ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

29 MRIB 28. Materiais de superfície do Monte da Ribeira. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 164

30 MRIB 29. Ídolo de cornos do Monte da Ribeira (seg. Gonçalves, 1989, p. 452) ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

31 MRIB 30. Materiais de superfície do Monte da Ribeira. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 166

32 MRIB 31. Materiais de superfície do Monte da Ribeira ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

33 MRIB CAN AAZ TER SIL 32. Materiais de superfície. 1 a 7: Monte da Ribeira; 8: Candeeira; 9: Anta da Azaruja; 10: Terrugem; 11: Silveira. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 168

34 SPD 33. Materiais de superfície do S. Pedro ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

35 SPD 34. Materiais de superfície do S. Pedro. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 170

36 SPD 35. Materiais de superfície do S. Pedro ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

37 SPD 36. Materiais de superfície do S. Pedro. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 172

38 SPD 37. Materiais de superfície do S. Pedro ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

39 SPD 38. Materiais de superfície do S. Pedro. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 174

40 SPD 39. Materiais de superfície do S. Pedro ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

41 SPD 40. Materiais de superfície. 1 a 12: S. Pedro; 13 a 16: Vinha. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 176

42 VIN VIN 41. Materiais de superfície. 1: Vinha; 2 a 12: Caladinho ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

43 CAL AG 42. Materiais de superfície. 1 a 7: Caladinho; 8: Águia. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 178

44 CAB 43. Materiais de superfície do Cabido ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

45 COV 1 AAZ ALM AAZ CN 44. Materiais de superfície. 1: Covas; 2: Anta da Azaruja; 3: Almo; 4: Anta da Azaruja; 5: Casas Novas. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 180

46 COL 2 COL Materiais de superfície. 1 a 6: Colmeeiro 2; 7 e 8: Colmeeiro ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

47 COL 2 PER 46. Materiais de superfície. 1 a 6: Colmeeiro 2; 7 a 12: Pereiras. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 182

48 PER 47. Materiais de superfície das Pereiras ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

49 SSIN PNA CV 48. Materiais de superfície. 1 a 6: Serra da Sina; 7: Pena de Alfanje; 8 a 10: Castelo Velho. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 184

50 SSIN 49. Materiais de superfície da Serra da Sina ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

51 SGE 50. Materiais de superfície do S. Gens. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 186

52 SGE 51. Materiais de superfície do S. Gens ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

53 ATA 52. Materiais de superfície da Atalaia. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 188

54 ATA 53. Materiais de superfície. 1 a 4: Atalaia; 5 a 9: Encostinha ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

55 FAM 54. Materiais de superfície do Famão. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 190

56 FAM 55. Materiais de superfície do Famão ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

57 FAM 56. Materiais de superfície do Famão. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 192

58 FAM 57. Materiais de superfície do Famão ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

59 BRI 58. Materiais de superfície da Brioa. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 194

60 PLOB MIL 59. Materiais de superfície. 1 a 4: Pero Lobo; 5 Milreu ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

61 MCHA 60. Materiais de superfície do Monte do Charqueirão. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 196

62 MCHA 61. Materiais de superfície do Monte do Charqueirão ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

63 MCHA 62. Materiais de superfície do Monte do Charqueirão. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 198

64 MCHA 63. Materiais de superfície do Monte do Charqueirão ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

65 MCHA 64. Materiais de superfície do Monte do Charqueirão. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 200

66 MCHA 65. Materiais de superfície do Monte do Charqueirão ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

67 PERD 66. Materiais de superfície da Perdigoa. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 202

68 PERD 67. Materiais de superfície da Perdigoa ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

69 PERD 68. Materiais de superfície da Perdigoa. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 204

70 PERD 69. Materiais de superfície da Perdigoa ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

71 PERD 70. Materiais de superfície da Perdigoa. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 206

72 PERD 71. Materiais de superfície da Perdigoa ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

73 CHA 72. Materiais de superfície do Chapim. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 208

74 CUB 73. Materiais de superfície do Cubo ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

75 CUB 74. Materiais de superfície do Cubo. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 210

76 BCT 75. Materiais de superfície de Bencatel ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

77 HNG 76. Materiais de superfície da Horta das Nogueiras. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 212

78 SAL 77. Materiais de superfície da Salgada ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

79 SAL 78. Materiais de superfície da Salgada. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 214

80 SAL 79. Materiais de superfície da Salgada ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

81 SAL 80. Materiais de superfície da Salgada. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 216

82 SAL 81. Materiais de superfície da Salgada ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

83 SAL 82. Materiais de superfície da Salgada. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 218

84 SAL 83. Materiais de superfície da Salgada ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

85 SAL 84. Materiais de superfície da Salgada. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 220

86 SAL 85. Materiais de superfície da Salgada ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

87 SAL 86. Materiais de superfície da Salgada. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 222

88 SAL 87. Materiais de superfície da Salgada ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

89 SAL 88. Materiais de superfície da Salgada. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 224

90 SAL 89. Materiais de superfície da Salgada ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

91 QIT SAL SOB 2 OCA 90. Materiais de superfície. 1 a 4: Quintas; 5: Salgada; 6: Sobreira 2; 7: Outeiro da Cardiga. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 226

92 VIG 91. Materiais de superfície da Vigária ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

93 VIG 92. Materiais de superfície da Vigária. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 228

94 ENC SLOU 93. Materiais de superfície. 1 a 5: Encostinha; 6 a 8: S. Lourenço ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

95 CLMT 94. Materiais de superfície. 1 a 13: Claros Montes; 14: Olival. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 230

96 COMM 95. Materiais de superfície da Comenda do Meio ESTAMPAS DESENHO DE MATERIAIS

97 IFR 2 CQ Materiais de superfície. 1 e 2: Ilha Fria 2; 3 a 5: Carrasqueira 1. DA SERRA D OSSA AO GUADIANA UM ESTUDO DE PRÉ-HISTÓRIA REGIONAL 232

PERCURSO DETALHADO. AVENIDA DO MAR (2,21 Km) 1ª Prova Especial

PERCURSO DETALHADO. AVENIDA DO MAR (2,21 Km) 1ª Prova Especial Quinta-feira, 30 de Julho 1ª ETAPA 1ª Secção FUNCHAL/FUNCHAL FUNCHAL - C.I.F.E.C. Parque Fechado (Saída) C.H. 0 17:31 horas Rua Nova do Pico de São João Avenida Calouste Gulbenkian Avenida Arriaga Podium

Leia mais

PERCURSO DETALHADO REABASTECIMENTO (RZ 1) CAMPO DE GOLFE 1 (16,07 Km) 1ª Prova Especial. CHÃO DA LAGOA 1 (22,07 Km) 2ª Prova Especial

PERCURSO DETALHADO REABASTECIMENTO (RZ 1) CAMPO DE GOLFE 1 (16,07 Km) 1ª Prova Especial. CHÃO DA LAGOA 1 (22,07 Km) 2ª Prova Especial Sexta-feira, 1 de Agosto 1ª Secção FUNCHAL/FUNCHAL 1ª ETAPA Partida - Praça do Mar Parque Fechado (Saída) C.H. 0 17:29 horas Rotunda do Infante Avenida Arriaga Podium - Cerimónia de Partida (C. S. Madeira)

Leia mais

Códigos STAPE Códigos INE Código Distrito Concelho Freguesia Código Distrito Concelho Freguesia

Códigos STAPE Códigos INE Código Distrito Concelho Freguesia Código Distrito Concelho Freguesia 021116 Beja Odemira Longueira/Almograve 021117 Beja Odemira Longueira/Almograve 021117 Beja Odemira Boavista dos Pinheiros 021116 Beja Odemira Boavista dos Pinheiros 070517 Évora Évora Malagueira 070519

Leia mais

A Problemática das Continuidades e Descontinuidades na Idade do Bronze no Médio Tejo Português

A Problemática das Continuidades e Descontinuidades na Idade do Bronze no Médio Tejo Português A Problemática das Continuidades e Descontinuidades na Idade do Bronze no Médio Tejo Português A. Cruz, D. Delfino, A. Graça, F. Gaspar, A. Batista, C. Batata TERRITÓRIO Médio Tejo Português TERRITÓRIO

Leia mais

CAMPO DE GOLFE 1 (16,07 Km) 1 st Special Stage. CHÃO DA LAGOA 1 (22,07 Km) 2 nd Special Stage

CAMPO DE GOLFE 1 (16,07 Km) 1 st Special Stage. CHÃO DA LAGOA 1 (22,07 Km) 2 nd Special Stage Friday, 1 st of August 1 st Section FUNCHAL/FUNCHAL Start - 1st LEG - Praça do Mar Parc Fermé (OUT) T.C. 0 17:29 hours Infante Roundabout Arriaga Avenue Podium - Ceremonial Start (C. S. Madeira) T.C. 0A

Leia mais

Património cultural Museus. http://www.cmpedrogaogrande.pt/index.php?option=com_content&view=a. rticle&id=132&itemid=123. rticle&id=132&itemid=123

Património cultural Museus. http://www.cmpedrogaogrande.pt/index.php?option=com_content&view=a. rticle&id=132&itemid=123. rticle&id=132&itemid=123 Atelier Túllio Victorino Sertã / Cernache do Bonjardim CASA MUSEU COMENDADOR MANUEL NUNES CORRÊA MUSEU PEDRO CRUZ MUSEU DE ARTE SACRA (Misericórdia) Museu Arqueologia Mação Centro Geodésico de Portugal

Leia mais

EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR

EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR MAPA V EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR Código Estabelecimento de Educação/Concelho/Zonas Pedagógicas 3101 Concelho da Calheta 3101101 EB1/PE de Ladeira e Lamaceiros 3101102 EB1/PE do Lombo da Guiné 3101103 EB1/PE

Leia mais

Divisão Municipal de Sistemas de Informação Geográfica, Cartográfica e Cadastro Classificação e Cadastro dos Caminhos Públicos do Município de Oliveira de Azeméis Freguesia de Travanca Outubro 2011 Câmara

Leia mais

Património. Projecto em.cantos

Património. Projecto em.cantos Património Património gastronómico As especialidades gastronómicas do concelho fazem parte dos encantos de Serpa, revestindo-se de saberes seculares, usos, costumes e modos de fazer antiquíssimos, o que

Leia mais

INTERNATIONAL WINE CHALLENGE 2011

INTERNATIONAL WINE CHALLENGE 2011 INTERNATIONAL WINE CHALLENGE 2011 3 MEDALHA DE OURO Encostas de Estremoz Reserva 2008 T / Encostas de Estremoz Sociedade Agrícola Lda Casa Santa Vitória Reserva 2007 T / Casa Santa Vitória SA Sexy 2009

Leia mais

EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS TOURISTIC ACCOMMODATION

EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS TOURISTIC ACCOMMODATION EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS TOURISTIC ACCOMMODATION Estabelecimentos Hoteleiros / Hotels Pousada Histórica / Historical Hostels - Pousada do Convento da Graça (Pousada Histórica) Rua D. Paio Peres Correia,

Leia mais

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: De Segunda a Sexta-feira das 8:00 às 12:30 h e das 14:00 às 20:00 h Sábado das 9:00 às 13:00 h

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO: De Segunda a Sexta-feira das 8:00 às 12:30 h e das 14:00 às 20:00 h Sábado das 9:00 às 13:00 h Direcção, Telefone e Informação: 707 236 333 Águas de Moura Brejo de Canes Aldeia dos Pinheiros Brejos Algeruz Cachofarra Alpertucho Figueirinha Alto da Guerra Galápos Amieira Gambia Arrábida Lau Marateca

Leia mais

EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS TOURISTIC ACCOMMODATION

EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS TOURISTIC ACCOMMODATION EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS TOURISTIC ACCOMMODATION Estabelecimentos Hoteleiros / Hotels Pousada Histórica / Historical Hostels Pousada do Convento da Graça (Pousada Histórica) Rua D. Paio Peres Correia,

Leia mais

Servidões e restrições de utilidade pública

Servidões e restrições de utilidade pública Servidões e restrições de utilidade pública RECURSOS HÍDRICOS Linhas de água do Domínio Hídrico Regime geral: Lei nº 58/2005 Limite de cheia com período de retorno de 100 anos Regime geral: Lei nº 58/2005

Leia mais

Nome Nº Turma Nome Nº Turma Nome Nº Turma Nome Nº Turma Nome Nº Turma

Nome Nº Turma Nome Nº Turma Nome Nº Turma Nome Nº Turma Nome Nº Turma DISCIPLINA DE GEOGRAFIA 7º ANO TRABALHO DE GRUPO HYPERPAISAGENS PROFESSORA: CRISTINA CÂMARA ANO LECTIVO 2002/03 FOTOGRAFIA AÉREA (1 E 2) A Fotografia Aérea é: a) Uma fotografia digital, tirada na vertical

Leia mais

ÉPOCA BALNEAR 2012 ACESSIBILIDADE NAS ZONAS BALNEARES PORTUGUESAS REGIÃO HIDROGRÁFICA DO NORTE

ÉPOCA BALNEAR 2012 ACESSIBILIDADE NAS ZONAS BALNEARES PORTUGUESAS REGIÃO HIDROGRÁFICA DO NORTE ÉPOCA BALNEAR 2012 ACESSIBILIDADE NAS ZONAS BALNEARES PORTUGUESAS NO ÂMBITO DO PROJECTO PRAIA ACESSÍVEL, PRAIA PARA TODOS REGIÃO HIDROGRÁFICA DO NORTE Caminha V. Praia de Âncora costeira C/ cadeira anfíbia

Leia mais

276510160 Centro de Saúde. 254320050 Centro de Saúde. 259493115 Centro de Saúde. 259939209 Centro de Saúde. 254820030 Centro de Saúde

276510160 Centro de Saúde. 254320050 Centro de Saúde. 259493115 Centro de Saúde. 259939209 Centro de Saúde. 254820030 Centro de Saúde Agrupamento De Centros De Saúde Alto Trás-Os- Montes II- Alto Tâmega e Barroso Agrupamento De Centros De Saúde Douro I - Marão e Douro Norte Antonio F. Lobo, Serviços Clínicos, Sociedade Unipessoal, Lda.

Leia mais

MINISTÉRIO DO AMBIENTE, DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO E DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL. 1288 Diário da República, 1.ª série N.º 40 26 de Fevereiro de 2008

MINISTÉRIO DO AMBIENTE, DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO E DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL. 1288 Diário da República, 1.ª série N.º 40 26 de Fevereiro de 2008 1288 Diário da República, 1.ª série N.º 40 26 de Fevereiro de 2008 Incidente/procedimento/execução Taxa de justiça (UC) Oposição à execução ou à penhora/embargos de terceiro: Até 300 000...............................

Leia mais

Celorico da Beira / Cortiçô da Serra Mourela - 6360-050 CORTIÇÔ DA SERRA

Celorico da Beira / Cortiçô da Serra Mourela - 6360-050 CORTIÇÔ DA SERRA Celorico Beira / Açores Açores - 6360-010 AÇORES Celorico Beira / Açores Aldeia Rica - 6360-011 AÇORES Celorico Beira / Açores Quinta do Pomar - 6360-012 AÇORES Celorico Beira / Açores Estra de Açores

Leia mais

Decanter World Wine Awards 2016

Decanter World Wine Awards 2016 Decanter World Wine Awards 2016 MEDALHA DE PLATINA Pêra-Grave Reserva Tinto 2013 Pêra-Grave Soc. Agr. Unipessoal, Lda MEDALHA DE OURO Monte Mayor Reserva Tinto 2013 Adega Mayor, S.A Malhadinha Tinto 2013

Leia mais

Algarve. Rede de Acolhimento ao Autocaravanismo da Região do Algarve ARTICULAR PARA INTERVIR. Ações para o desenvolvimento regional

Algarve. Rede de Acolhimento ao Autocaravanismo da Região do Algarve ARTICULAR PARA INTERVIR. Ações para o desenvolvimento regional ART L A R V I R ARTICU TER Ações para o desenvolvimento regional Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional Comunidade Intermunicipal Região de Turismo Associação Turismo Algarve 1 ARTICU TER Ações

Leia mais

ÉPOCA BALNEAR 2011 ACESSIBILIDADE NAS ZONAS BALNEARES PORTUGUESAS NO ÂMBITO DO PROJECTO PRAIA ACESSÍVEL, PRAIA PARA TODOS REGIÃO HIDROGRÁFICA DO NORTE

ÉPOCA BALNEAR 2011 ACESSIBILIDADE NAS ZONAS BALNEARES PORTUGUESAS NO ÂMBITO DO PROJECTO PRAIA ACESSÍVEL, PRAIA PARA TODOS REGIÃO HIDROGRÁFICA DO NORTE ÉPOCA BALNEAR 2011 ACESSIBILIDADE NAS ZONAS BALNEARES PORTUGUESAS NO ÂMBITO DO PROJECTO PRAIA ACESSÍVEL, PRAIA PARA TODOS REGIÃO HIDROGRÁFICA DO NORTE Caminha V. Praia de Âncora costeira C/ cadeira anfíbia

Leia mais

Património Arqueológico do Médio Tejo: Aplicação em Sistemas de Informação Geográfica

Património Arqueológico do Médio Tejo: Aplicação em Sistemas de Informação Geográfica X JORNADAS DE ARQUEOLOGIA IBEROAMERICANA II JORNADAS DE ARQUEOLOGIA TRANSATLÂNTICA Património Arqueológico do Médio Tejo: Aplicação em Sistemas de Informação Geográfica ANASTÁCIO & ZUNNI & CRUZ & GRAÇA

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO DOS RECURSOS DA OFERTA DE LAZER E CULTURA

CARACTERIZAÇÃO DOS RECURSOS DA OFERTA DE LAZER E CULTURA CARACTERIZAÇÃO DOS RECURSOS DA OFERTA DE LAZER E CULTURA LOCALIZAÇÃO Aeroportos / Aeródromos / Pistas Aeródromo da Tojeira Bibliotecas / Arquivos Históricos Biblioteca Casa Mantero Biblioteca Municipal

Leia mais

DESIGNAÇÃO FREGUESIA X Y CNS TIPO DE SÍTIO CRONOLOGIA GRAU. Mancha de Ocupação;

DESIGNAÇÃO FREGUESIA X Y CNS TIPO DE SÍTIO CRONOLOGIA GRAU. Mancha de Ocupação; 1 VALE DE ÁGUA 1 Albernoa 17647,5469-199978,4062 Casal Rústico; Romano; 3 PDM 01.05 CMBEJA,2007 2 VALE DE ÁGUA 2 Albernoa 17879,3691-199758,4531 Casal Rústico; Romano; 3 PDM 01.05 CMBEJA,2007 3 MONTE DO

Leia mais

Rede Escolar do Concelho de Sintra

Rede Escolar do Concelho de Sintra Secundária Matias Aires Agualva 402199 X X Básica 2, 3 D. Domingos Jardo Mira Sintra 340728 X X Básica Dr. António Torrado Agualva 290178 X X Básica Lopas Agualva 293714 X X Básica Meleças Belas 244661

Leia mais

SISTEMAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA NA ILHA DA MADEIRA

SISTEMAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA NA ILHA DA MADEIRA Porto Moniz SISTEMAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA NA ILHA DA MADEIRA São Vicente Santana Calheta Machico Galeria de Captação Furo de Captação Estação de Tratamento de Água (Municipal / desactivada) Central

Leia mais

Como chega a água às nossas casas?

Como chega a água às nossas casas? AgdA Águas Públicas do Alentejo, S.A. Como chega a água às nossas casas? Água de Todos para Todos Quem é? Em 13 de Agosto de 2009, foi celebrado um Contrato de Parceria Pública entre o Estado Português

Leia mais

CONSTRUÇÃO DO ECO-CÓDIGO C O N S T R U Ç Ã O D O N O S S O E C O - C Ó D I G O

CONSTRUÇÃO DO ECO-CÓDIGO C O N S T R U Ç Ã O D O N O S S O E C O - C Ó D I G O CONSTRUÇÃO DO ECO-CÓDIGO C O N S T R U Ç Ã O D O N O S S O E C O - C Ó D I G O ECO-CÓDIGO PELO COLÉGIO ECO-CÓDIGO PELO COLÉGIO ECO-CÓDIGO PELO COLÉGIO ECO-CÓDIGO PELO COLÉGIO HASTEAR DA BANDEIRA ECO-ESCOLAS

Leia mais

Festas Religiosas 2015

Festas Religiosas 2015 Festas Religiosas 205 Religious Festivities 205 Mês/Month Dia/Day Local/Location Festa/Festivity P. Delgada Bom Jesus Santa Cruz São Salvador Câmara de Lobos, Sta Cecília Capela S.João Sagrada Família

Leia mais

ENCONTRE AQUI O TERRENO PARA A SUA MORADIA

ENCONTRE AQUI O TERRENO PARA A SUA MORADIA ENCONTRE AQUI O PARA A SUA MORADIA S PARA CONSTRUÇÃO 5% DE DESCONTO SOBRE O PREÇO DO EM CATÁLOGO PARA ESCRITURAS REALIZADAS ATÉ 30/09/2014 Em parceria com: EM MAIS DE 300 S, UM SERÁ CERTAMENTE O QUE PROCURA.

Leia mais

LEVANTAMENTO DE ÁREAS PUBLICAS - Unidades de AÇÃO COMUNITÁRIA

LEVANTAMENTO DE ÁREAS PUBLICAS - Unidades de AÇÃO COMUNITÁRIA LEVANTAMENTO DE ÁREAS PUBLICAS - Unidades de DOCUMENTO CAC: Centro DE ALTER/REGULARIZ: de Ação Comunitária; RM: Restaurante Dc: Decreto; Municipal; Rs: Resolução; CQP: Centro Dl: de Deliberação; Qualificação

Leia mais

ESTAÇÕES ELEVATÓRIAS OMS- LISTA DE REFERÊNCIAS EM PORTUGAL

ESTAÇÕES ELEVATÓRIAS OMS- LISTA DE REFERÊNCIAS EM PORTUGAL ESTAÇÕES ELEVATÓRIAS OMS- LISTA DE REFERÊNCIAS EM PORTUGAL OMS TRATAMENTO DE ÁGUAS, LDA. Rua 25 de Abril, Ed. Viana B, Lote 7, 4º Dto., Ap. 158 3854-909 ALBERGARIA-A-VELHA T:234 524 273 ; f: 234 522 016

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE LISBOA Instituição de Utilidade Pública

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE LISBOA Instituição de Utilidade Pública ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE LISBOA Instituição de Utilidade Pública FUTSAL COMUNICADO OFICIAL Nº 8 MAPA DE CASTIGOS Nº 63 ÉPOCA / 5 Em reunião do Conselho de Disciplina de 6/3/5, foram tomadas as deliberações

Leia mais

Concelho / Freguesia Localidade Tipo de Rua / Rua Números Local/Zona Código Postal. Horta Areinha Velha - 9900-011 HORTA

Concelho / Freguesia Localidade Tipo de Rua / Rua Números Local/Zona Código Postal. Horta Areinha Velha - 9900-011 HORTA Concelho / Freguesia Localidade Tipo de Rua / Rua Números Local/Zona Código Postal Horta Areinha Velha - 9900-011 HORTA Horta Loteamento de Santa Bárbara - 9900-013 HORTA 9900-014 HORTA Horta Rua Luís

Leia mais

DETAILED ROUTE. AVENIDA DO MAR (2,21Km) 1 st Special Stage

DETAILED ROUTE. AVENIDA DO MAR (2,21Km) 1 st Special Stage Thursday, 30th of July 1 st LEG 1 st Section FUNCHAL/FUNCHAL Start - 1st LEG - C.I.F.E.C. Parc Fermé (OUT) T.C. 0 17:31 hours Nova do Pico de São João Street Calouste Gulbenkian Avenue Arriaga Avenue Podium

Leia mais

Painel II As Portas e a evolução do seus modelos de organização

Painel II As Portas e a evolução do seus modelos de organização Painel II As Portas e a evolução do seus modelos de organização João Carlos Farinha Chefe de Divisão de Valorização de Áreas Classificadas do ICNF, I.P 25 áreas protegidas de âmbito nacional 7,6% de Portugal

Leia mais

Catálogo Produtos. ANTÓNIO ENES MORAIS, Lda. - Molduras para Painéis de Parede e Tectos. - Molduras de Tabela. - Moldura Viga - Candeeiros Gesso

Catálogo Produtos. ANTÓNIO ENES MORAIS, Lda. - Molduras para Painéis de Parede e Tectos. - Molduras de Tabela. - Moldura Viga - Candeeiros Gesso ANTÓNIO ENES MORAIS, Lda. Estucadores Profissionais Executam todos os trabalhos em estuque decorativo e projectado Catálogo Produtos - Molduras para Painéis de Parede e Tectos - Molduras de Tabela - Moldura

Leia mais

Concelho / Freguesia Localidade Tipo de Rua / Rua Números Local/Zona Código Postal. São Pedro do Sul / Baiões Costeiras - 3660-011 BAIÕES

Concelho / Freguesia Localidade Tipo de Rua / Rua Números Local/Zona Código Postal. São Pedro do Sul / Baiões Costeiras - 3660-011 BAIÕES Concelho / Freguesia Localidade Tipo de Rua / Rua Números Local/Zona Código Postal São Pedro do Sul / Baiões Costeiras 3660 011 BAIÕES São Pedro do Sul / Baiões Igreja 3660 012 BAIÕES São Pedro do Sul

Leia mais

EDP - Gestão da Produção de Energia, S.A. Central Termoelétrica de Sines. Produção de Energia Elétrica e Deposição de resíduos não perigosos em aterro

EDP - Gestão da Produção de Energia, S.A. Central Termoelétrica de Sines. Produção de Energia Elétrica e Deposição de resíduos não perigosos em aterro 2.º ADITAMENTO À LICENÇA AMBIENTAL nº 300/2009 Nos termos da legislação relativa à Prevenção e Controlo Integrados da Poluição (PCIP), é emitido o 2.º Aditamento à Licença Ambiental do operador EDP - Gestão

Leia mais

Relatório Mensal dos Trabalhos Executados

Relatório Mensal dos Trabalhos Executados - Limpeza de Viária: - Av. 9 de Julho: Foi limpo desde o Noval até à Igreja. - Rua do Lusitano: Em toda a sua extensão. - Rua do Alto da Ola: do Largo do calvário à Escola EB 2,3/S do Monte da Ola. - Travessa

Leia mais

JORNAL OFICIAL. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Sexta-feira, 29 de agosto de 2014. Série. Número 132

JORNAL OFICIAL. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Sexta-feira, 29 de agosto de 2014. Série. Número 132 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Sexta-feira, 29 de agosto de 2014 Série Sumário PRESIDÊNCIA DO GOVERNO REGIONAL Resolução n.º 832/2014 Autoriza a celebração de um contrato-programa com a Casa

Leia mais

Sistemas de abastecimento de água na ilha da Madeira

Sistemas de abastecimento de água na ilha da Madeira Porto Moniz Sistemas de abastecimento de água na ilha da Madeira São Vicente Santana Calheta Machico Galeria de Captação Furo de Captação Estação de Tratamento de Água (Municipal / desactivada) Central

Leia mais

GUIA DE FUNDOS. 1. Arquivos Públicos. GA: Administração Central

GUIA DE FUNDOS. 1. Arquivos Públicos. GA: Administração Central GUIA DE FUNDOS 1. Arquivos Públicos GA: Administração Central Fundos Datas Dimensão Observ. Junta Central das Casas do Povo: Distrito de Santarém 1934-1985 13 m.l. (2 mç., 141 cx.) GA: Administração Central

Leia mais

a) espécie, gênero, tipo, suporte e forma. b) técnica de registro, formato, forma, tipo e espécie.

a) espécie, gênero, tipo, suporte e forma. b) técnica de registro, formato, forma, tipo e espécie. Diapositivo, datilografia, contrato, textual e ata de reunião são exemplos, respectivamente, de a) espécie, gênero, tipo, suporte e forma. b) técnica de registro, formato, forma, tipo e espécie. c) invólucro,

Leia mais

SEGUNDA-FEIRA 23 de Julho. 10.30 horas Parque das Nações Concentração e partida de Lisboa para Beja. 13h:00m Almoço Refeitório do IPBeja

SEGUNDA-FEIRA 23 de Julho. 10.30 horas Parque das Nações Concentração e partida de Lisboa para Beja. 13h:00m Almoço Refeitório do IPBeja SEGUNDA-FEIRA 23 de Julho 10.30 horas Parque das Nações Concentração e partida de Lisboa para Beja 13h:00m Almoço 14h:30m Boas-vindas nos Paços do Concelho Câmara Municipal 16:00h 19:00h Circuito de orientação

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO - CAMPUS SÃO LUIS - MONTE CASTELO PRÓ-REITORIA DE ENSINO Horários de Aula por Turmas

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO - CAMPUS SÃO LUIS - MONTE CASTELO PRÓ-REITORIA DE ENSINO Horários de Aula por Turmas Filtros Utilizados para Gerar este Relatório: Instituição: Monte Castelo Estrutura de Curso: Graduação Curso: Engenharia Mecânica Industrial Ano Letivo: 2013 Per. Letivo: 1 Vigência do horário: 18/ 03/

Leia mais

Lojas CTT com Espaços Cidadão. agosto 2015

Lojas CTT com Espaços Cidadão. agosto 2015 Lojas CTT com Espaços Cidadão agosto 2015 Lojas CTT com Espaços do Cidadão até final de agosto Distrito Concelho Freguesia- designação atual Loja Lisboa Lisboa Alvalade ALVALADE (LISBOA) Lisboa Amadora

Leia mais

Objetivas 2012. Qual dos números abaixo é o mais próximo de 0,7? A) 1/2 B) 2/3 C) 3/4 D) 4/5 E) 5/7 *

Objetivas 2012. Qual dos números abaixo é o mais próximo de 0,7? A) 1/2 B) 2/3 C) 3/4 D) 4/5 E) 5/7 * Objetivas 01 1 Qual dos números abaixo é o mais próximo de 0,7? A) 1/ B) /3 C) 3/4 D) 4/5 E) 5/7 * Considere três números, a, b e c. A média aritmética entre a e b é 17 e a média aritmética entre a, b

Leia mais

LISTA DE MATERIAIS do 2º ANO 2015. MATERIAL DE USO PESSOAL 2º Caderno cartografia grande sem margem, sem pauta (p/ música) 1

LISTA DE MATERIAIS do 2º ANO 2015. MATERIAL DE USO PESSOAL 2º Caderno cartografia grande sem margem, sem pauta (p/ música) 1 LISTA DE MATERIAIS do 2º ANO 2015 MATERIAL DE USO PESSOAL 2º Caderno cartografia grande c/ margem (p/ desenho) 1 Caderno brochurão (48 folhas) 3 Caderno brochura quadriculado (1 cm) capa dura (96 folhas)

Leia mais

Vinharia - Vinhos e Artigos de Hotelaria Lda Tabela de Preços

Vinharia - Vinhos e Artigos de Hotelaria Lda Tabela de Preços Vinharia - Vinhos e Artigos de Hotelaria Lda Tabela de Preços REGIÃO PRODUTOR MARCA TIPO CAPACIDADE CAIXA PREÇO UNITARIO Douro Carlos Alonso Piano Grande Reserva 2007 Tinto 75 cl 3 ou 6 14,05 Douro Carlos

Leia mais

EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS TOURISTIC ACCOMMODATION

EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS TOURISTIC ACCOMMODATION EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS TOURISTIC ACCOMMODATION Estabelecimentos Hoteleiros / Hotels Pousada Histórica / Historical Hostels Pousada do Convento da Graça (Pousada Histórica) Rua D. Paio Peres Correia,

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Gabinete do Ministro dos Assuntos Parlamentares

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Gabinete do Ministro dos Assuntos Parlamentares PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Gabinete do Ministro dos Assuntos Parlamentares Ofº nº 5514/MAP 23 Julho 09 Exma. Senhora Secretária-Geral da Assembleia da República Conselheira Adelina Sá Carvalho

Leia mais

CARTA EUROPEIA DE TURISMO SUSTENTÁVEL DO ALTO MINHO

CARTA EUROPEIA DE TURISMO SUSTENTÁVEL DO ALTO MINHO CARTA EUROPEIA DE TURISMO SUSTENTÁVEL DO ALTO MINHO 3ª Reunião do Fórum Ponte de Lima, 07 de julho de 2015 5 Reuniões da ETP ( 35 pax/ 87 part) 7 Reuniões municipais (70 pessoas) 2 Reuniões do Fórum (97

Leia mais

ahr@inegi.up.pt ENERGIA EÓLICA

ahr@inegi.up.pt ENERGIA EÓLICA PARQUES EÓLICOS EM PORTUGAL Junho de 24 ahr@inegi.up.pt Potência instalada anualmente 6 5 4 Potência [MW] 3 2 1 Ligada Em construção 1995 1996 1997 1998 1999 2 21 22 23 24 Capacidade acumulada 9 8 7 Capacidade

Leia mais

CURSOS PROFISSIONAIS DE NÍVEL SECUNDÁRIO DE EDUCAÇÃO OFERTA FORMATIVA - CICLO DE FORMAÇÃO 2006-2009 ENSINO PÚBLICO

CURSOS PROFISSIONAIS DE NÍVEL SECUNDÁRIO DE EDUCAÇÃO OFERTA FORMATIVA - CICLO DE FORMAÇÃO 2006-2009 ENSINO PÚBLICO CURSOS PROFISSIONAIS DE NÍVEL SECUNDÁRIO DE EDUCAÇÃO OFERTA FORMATIVA - CICLO DE FORMAÇÃO 2006-2009 ENSINO PÚBLICO Área de Coordenação Concelho Escola Código Curso Lisboa Cidade Lisboa ES/3 Afonso Domingues

Leia mais

Visitas às Eco-Escolas 2013- resultados

Visitas às Eco-Escolas 2013- resultados Entrega de Diplomas Visitas às Eco-Escolas 2013- resultados Pontuação global das escolas visitadas em 2013 10,1% 3,6% 16,6% 43,8% 50-60% 60-70% 70-80% 80-90% 90-100% 26,0% Mais de 50% apresentam elevada

Leia mais

Exposição patente na Casa da Cultura de Santannna, ao Sitio do Barreiro, até ao dia 14 de Janeiro de 2011.

Exposição patente na Casa da Cultura de Santannna, ao Sitio do Barreiro, até ao dia 14 de Janeiro de 2011. Exposição patente na Casa da Cultura de Santannna, ao Sitio do Barreiro, até ao dia 14 de Janeiro de 2011. ALICE SOUSA DALILA CUNHA GRAÇA ALMADA MARCO SOUSA A exposição colectiva COMPOSIÇÕES é a concretização

Leia mais

Beja Camacho Escola Básica - Almodôvar dos 2.º e 3.º Ciclos com Ensino Secundário Dr. João Brito Concelho: Almodôvar Tel.: 286660120 EFA Escolar - B3

Beja Camacho Escola Básica - Almodôvar dos 2.º e 3.º Ciclos com Ensino Secundário Dr. João Brito Concelho: Almodôvar Tel.: 286660120 EFA Escolar - B3 Distrito Entidade ConcelhoEntidade Telefone Curso Beja Centro de Formação Profissional de Aljustrel Concelho: Aljustrel Tel.: 284602367 Acção Educativa Beja Centro de Formação Profissional de Aljustrel

Leia mais

Notícias da Quinta do Outeiro

Notícias da Quinta do Outeiro 9ª Edição 03 de dezembro de 2014 Notícias da Quinta do Outeiro Editorial Apresentamos a nona edição das Notícias da Quinta do Outeiro - Lar para Idosos, Lda, que estará disponível em formato digital e

Leia mais

GOVERNO MUNICIPAL DE SANTA MARIA DE JETIBÁ

GOVERNO MUNICIPAL DE SANTA MARIA DE JETIBÁ GOVERNO MUNICIPAL DE SANTA MARIA DE JETIBÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Santa Maria de Jetibá ES 2015 Somos responsáveis Por aquilo que fazemos e Por aquilo que impedimos de ser feito. Albert Camus

Leia mais

Prova de Avaliação Sumativa Externa de Matemática

Prova de Avaliação Sumativa Externa de Matemática PROVA DE AVALIAÇÃO SUMATIVA EXTERNA A PREENCHER PELO ALUNO Nome Data de nascimento / / (DIA/MÊS/ANO) Escola A PREENCHER PELA UNIDADE ORGÂNICA Número convencional do Aluno Número convencional da Turma Prova

Leia mais

TABLEWARE SET JUEGO DE CUBIERTOS INFORMAÇÕES DICAS E CUIDADOS

TABLEWARE SET JUEGO DE CUBIERTOS INFORMAÇÕES DICAS E CUIDADOS TABLEWARE SET JUEGO DE CUBIERTOS INFORMAÇÕES DICAS E CUIDADOS QUALIDADE ACABAMENTO ERGONOMIA OS TALHERES Quem conhece já sabe: os talheres Tramontina são sempre a melhor escolha. As peças são fabricadas

Leia mais

A Indústria da Cortiça: Perspectivas de crescimento no mercado global

A Indústria da Cortiça: Perspectivas de crescimento no mercado global A Indústria da Cortiça: Perspectivas de crescimento no mercado global PEDRO BORGES FERREIRA (Vice Presidente da APCOR) UNIÃO EUROPEIA Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional Sumário 1.1 BREVE CARACTERIZAÇÃO

Leia mais

CRONOGRAMA DE ATIVIDADES. USF: JOALDO BARBOSA Mês: NOVEMBRO / 2015

CRONOGRAMA DE ATIVIDADES. USF: JOALDO BARBOSA Mês: NOVEMBRO / 2015 ESTADO DE SERGIPE SECRETARIA MUNICIPAL DE SAUDE PROFISSIONAL NOME TURNO SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA MÉDICO MÉDICO MÉDICO IVI GONÇALVES S.SANTOS SERRA MARTHA AUGUSTA CURT VIEIRA NETO ATEND. RETORNO

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE LISBOA Instituição de Utilidade Pública

ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE LISBOA Instituição de Utilidade Pública ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE LISBOA Instituição de Utilidade Pública COMUNICADO OFICIAL Nº MAPA DE CASTIGOS Nº ÉPOCA / 6 Em reunião do Conselho de Disciplina de //, foram tomadas as deliberações abaixo descriminadas,

Leia mais

葡 萄 牙 乳 品 ( 婴 幼 儿 配 方 乳 品 除 外 ) 生 产 企 业 在 华 注 册 名 单

葡 萄 牙 乳 品 ( 婴 幼 儿 配 方 乳 品 除 外 ) 生 产 企 业 在 华 注 册 名 单 1 DAF 229 2 ILT 91 3 RLT 60 4 RLT 54 5 ILT 1257 6 RLT 65 Santiago & Santiago S.A. QUEIJOS TAVARES, S.A. QUEIJO SALOIO- INDUSTRIA DE LACTICINÍOS, S. A. QUEIJO SALOIO- INDUSTRIA DE LACTICINÍOS, S. A. Queijaria

Leia mais

REDE NACIONAL DE ÁREAS PROTEGIDAS - RNAP

REDE NACIONAL DE ÁREAS PROTEGIDAS - RNAP » ÂMBITO NACIONAL» ÂMBITO REGIONAL/LOCAL» ÂMBITO PRIVADO ÂMBITO NACIONAL 1. PARQUE NACIONAL DA PENEDA- GERÊS 2. PARQUE NATURAL DE MONTESINHO 3. PARQUE NATURAL DO LITORAL NORTE 4. PARQUE NATURAL DO ALVÃO

Leia mais

Coimbra. Mira. Cantanhede. Montemoro-Velho. Figueira da Foz. Soure

Coimbra. Mira. Cantanhede. Montemoro-Velho. Figueira da Foz. Soure Coimbra Mira Cantanhede Montemoro-Velho 32 Figueira da Foz Soure Mortágua Mealhada Tábua Oliveira do Hospital Penacova Coimbra Vila ova de Poiares Arganil 33 Condeixa -a-ova Miranda do Corvo Lousã Góis

Leia mais

MUNICÍPIO DE FERREIRA DO ALENTEJO TABELA DE CONVERSÃO DOS CÓDIGOS POSTAIS

MUNICÍPIO DE FERREIRA DO ALENTEJO TABELA DE CONVERSÃO DOS CÓDIGOS POSTAIS MUNICÍPIO DE FERREIRA DO ALENTEJO TABELA DE CONVERSÃO DOS CÓDIGOS POSTAIS Concelho Freguesia Localidade Rua/Local Código Postal Ferreira do Alentejo Alfundão Alfundão Rua do Cotovelo 7900-041 ALFUNDÃO

Leia mais

AS ÁREAS RURAIS EM MUDANÇA Produtos agrícolas de qualidade DOP / IGP / ETG. Fonte: Porto Editora

AS ÁREAS RURAIS EM MUDANÇA Produtos agrícolas de qualidade DOP / IGP / ETG. Fonte: Porto Editora AS ÁREAS RURAIS EM MUDANÇA Produtos agrícolas de qualidade DOP / IGP / ETG Fonte: Porto Editora Existe em toda a Europa uma imensa riqueza e variedade de produtos alimentares. Mas quando um produto adquire

Leia mais

Síntese ilha do Faial

Síntese ilha do Faial Síntese ilha do Faial Na ilha do Faial, foi identificada uma situação urgente, na Ribeira das Águas Claras, freguesia do Capelo. Na generalidade dos casos, são identificadas situações de instabilidade

Leia mais

IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Física Questão 01 Um pequeno refrigerador para estocar vacinas está inicialmente desconectado da rede elétrica e o ar em seu interior encontra-se

Leia mais

Bens em regime de proteção estadual CONDEPHAAT

Bens em regime de proteção estadual CONDEPHAAT Bens em regime de proteção estadual CONDEPHAAT Teatro Coliseu Número do Processo: 22273/82. Resolução de Tombamento: Resolução 29 de 19/12/1989. Livro do Tombo Histórico: inscrição nº 290, p. 74, 06/07/1990.

Leia mais

Prova do Nível 1 (resolvida)

Prova do Nível 1 (resolvida) Prova do Nível (resolvida) ª fase 0 de novembro de 0 Instruções para realização da prova. Verifique se este caderno contém 0 questões e/ou qualquer tipo de defeito. Se houver algum problema, avise imediatamente

Leia mais

COMANDO DA AERONÁUTICA ESCOLA DE ESPECIALISTAS DE AERONÁUTICA SUBDIVISÃO DE ADMISSÃO E DE SELEÇÃO

COMANDO DA AERONÁUTICA ESCOLA DE ESPECIALISTAS DE AERONÁUTICA SUBDIVISÃO DE ADMISSÃO E DE SELEÇÃO Questão : 51 69 51 Questão : 51 69 51 A questão 51 do código 10 (51 do código 20-BCT) que corresponde à questão 69 do código 30 (69 do código 40-BCT) e a questão 51 do código 50 (51 do código 60-BCT) teve

Leia mais

Quinta das Lavandas, espaço único 100% biológico em pleno Parque Natural da Ser...

Quinta das Lavandas, espaço único 100% biológico em pleno Parque Natural da Ser... Página 1 de 5 Quinta das Lavandas, espaço único 100% biológico em pleno Parque Natural da Serra de São Mamede Sábado, 11 de Abril de 2015 Categorias: Featured, Jardins & Parques, Os Artigos Tags: Castelo

Leia mais

PORTUGAL EMOTIONS CASA DA CALDEIRA

PORTUGAL EMOTIONS CASA DA CALDEIRA TURISMO REGIÃO CENTRO 2014 PORTUGAL EMOTIONS CASA DA CALDEIRA Enoturismo Sabores da Rolha ROTEIRO TURÍSTICO Z. CENTRO Sabores da Rolha propõe uma visita a uma região rica em diversidade cultural e paisagística

Leia mais

1. Descrição da Cidade

1. Descrição da Cidade 1. Descrição da Cidade 2. Top Atrações da Cidade 2.1 - Atração Trenzinho 2.2 - Atração Balneário Municipal 2.3 - Atração Parque e Represa Dr. Jovino Silveira 2.4 - Atração Centro de Convenções Circuito

Leia mais

1712 Diário da República, 1.ª série N.º 54 18 de Março de 2009

1712 Diário da República, 1.ª série N.º 54 18 de Março de 2009 1712 Diário da República, 1.ª série N.º 54 18 de Março de 2009 Portaria n.º 273/2009 de 18 de Março O Programa do XVII Governo Constitucional define que «o sistema [de saúde] deve ser reorganizado a todos

Leia mais

Pedro Castro Henriques - DID. As áreas protegidas a seguir apresentados dividem-se entre:

Pedro Castro Henriques - DID. As áreas protegidas a seguir apresentados dividem-se entre: áreas protegidas de portugal continental estatutos de conservação (áreas protegidas citadas de norte para sul; legislação essencial por ordem cronológica; dados referentes a março 2006) Pedro Castro Henriques

Leia mais

2.30h - (10:00h até 12:30h ou 10:30h até 13:00h) o preço é de 150 ( Promoção )

2.30h - (10:00h até 12:30h ou 10:30h até 13:00h) o preço é de 150 ( Promoção ) O CANTINHO DOS PÓNEIS é um espaço de arrendamento para diversos eventos ( Festas de aniversário para crianças e adultos, empresas, convívios, festas familiares e programas escolares) que funciona com os

Leia mais

Notholopus (Notholopoides) niger, Sp.D. Figs 1-5

Notholopus (Notholopoides) niger, Sp.D. Figs 1-5 MIRrDEOS NEOTROPICAIS CCCXC: ESPÉCIES NOVAS DE GOlAS (HEMIPTERA, MIRIDAE) José C. M. Carvalho 1,2 Luiz A. A. Costa 1 ABSfRACf. NEOTROPICAL MIRIDAE CCCXC: NEW SPECIES FROM GOIÁs (HEMIPTERA, MIRIDAE). Six

Leia mais

2º Ano EF LÍNGUA PORTUGUESA MATEMÁTICA Avaliação Diagnóstica. Caderno do aluno 2º ANO.

2º Ano EF LÍNGUA PORTUGUESA MATEMÁTICA <AADDAAADDAAADDAABCCBBACCBADAADAADDAADDAA> Avaliação Diagnóstica. Caderno do aluno 2º ANO. 2º Ano EF LÍNGUA PORTUGUESA MATEMÁTICA Avaliação Diagnóstica 2º ANO ensino fundamental Escola: Aluno: Caderno do aluno Turma: 201220066 NAME NAME NAME NAME NAME

Leia mais

Plano Desenvolvimento Rural de Linhares 2010/2013

Plano Desenvolvimento Rural de Linhares 2010/2013 Plano Desenvolvimento Rural de Linhares 2010/2013 Esta freguesia localizada em região planaltica está situada a cerca de oito quilómetros da sede do concelho, e a cerca de 5 Km da Auto Estrada Porto- Valença.

Leia mais

CONHECENDO AS FRUTAS MINI-MATERNAL A PROFESSORA: JAQUELINE

CONHECENDO AS FRUTAS MINI-MATERNAL A PROFESSORA: JAQUELINE CONHECENDO AS FRUTAS MINI-MATERNAL A PROFESSORA: JAQUELINE PROJETO: CONHECENDO AS FRUTAS JUSTIFICATIVA: PROJETO APLICADO AO MINI-MATERNAL A, NO PERÍODO DE 16 A 23 DE JULHO DE 2012. OBJETIVOS: NOMEAR CORRETAMENTE

Leia mais

PROGRAMAÇÃO IX FESTIVAL GASTRONÔMICO PIRENÓPOLIS

PROGRAMAÇÃO IX FESTIVAL GASTRONÔMICO PIRENÓPOLIS 22/05 - ABERTURA 20h - Solenidade O cial: Local: Teatro Sebastião Pompeu de Pina 20 às 00h - Feira Gastronômica / Espaço do vinho e Cerveja 21h - Tachadas da Terra: UEG, Wanda (Predeiras) / Sabores do

Leia mais

2012 BRAMOLDE, LDA - todos os direitos reservados

2012 BRAMOLDE, LDA - todos os direitos reservados 2012 BRAMOLDE, LDA - todos os direitos reservados REF. CB REF. CB REF. CB REF. CB REF. CN REF. CB REF. CB REF. CB REF. CF REF. CB REF. CP REF. CB RÉGUA

Leia mais

Jeep IX EDIÇÃO MAIO DE 2008

Jeep IX EDIÇÃO MAIO DE 2008 R ta Jeep IX EDIÇÃO MAIO DE 2008 1 Organização 1.1 O Clube Maresia Porto Moniz, contribuinte Nº 511144610, leva a efeito a 9ª edição da Rota Jeep, Passeio de Todo o Terreno Turístico, a 10 de Maio de 2008.

Leia mais

Rede Transportes Escolares para o concelho de Serpa

Rede Transportes Escolares para o concelho de Serpa 202 PLANO DE TRANSPORTES ESCOLARES 202/203 Rede Transportes Escolares para o concelho de Serpa ÍNDICE Introdução 3 Rede Transportes Escolares 4 Circuitos Circuitos de transportes públicos Circuitos especiais

Leia mais

ARTE E GEOGRAFIA: TRABALHANDO A ORIENTAÇÃO CARTOGRAFICA UMA EXPERIENCIA DOS PIBIDIANOS DE GEOGRAFIA DO COLÉGIO PROFESSOR IVAN FERREIRA O (CEPIF).

ARTE E GEOGRAFIA: TRABALHANDO A ORIENTAÇÃO CARTOGRAFICA UMA EXPERIENCIA DOS PIBIDIANOS DE GEOGRAFIA DO COLÉGIO PROFESSOR IVAN FERREIRA O (CEPIF). ARTE E GEOGRAFIA: TRABALHANDO A ORIENTAÇÃO CARTOGRAFICA UMA EXPERIENCIA DOS PIBIDIANOS DE GEOGRAFIA DO COLÉGIO PROFESSOR IVAN FERREIRA O (CEPIF). Wilson Lázaro Pereira da Silva 1 wilsonlazarosilva2010@hotmail.com

Leia mais

Mapa detalhado para Chácara São João. União Estrela Guia Unidade 2 Embu Guaçu SP

Mapa detalhado para Chácara São João. União Estrela Guia Unidade 2 Embu Guaçu SP Mapa detalhado para Chácara São João União Estrela Guia Unidade 2 Embu Guaçu SP Conteúdo 1 Mapa Detalhado... 3 2 Orientação detalhada em texto, sem mapas... 6 3 Dicas Gerais... 7 2 1 Mapa Detalhado Pegar

Leia mais

AnAs Tinto 2012 Vinho Tinto

AnAs Tinto 2012 Vinho Tinto AnAs 2012 Vinho A, situada na Vidigueira, em pleno coração do, foi AnAs As vinhas da foram plantadas na margem do Rio Guadiana, que corre magestoso à nossa porta, em solos franco-argilosos e pedregoso

Leia mais

REFERÊNCIAS DA BMFC. Ciclo de Exposições Documentais Temáticas Leituras sobre Poesia: poetas e poetizas do mundo 1 5

REFERÊNCIAS DA BMFC. Ciclo de Exposições Documentais Temáticas Leituras sobre Poesia: poetas e poetizas do mundo 1 5 1 5 REFERÊNCIAS DA BMFC 21 poetas suecos. Lisboa: Vega, [19--?]. 163 p. Cota: FG LE(P) vin 366 poemas que falam de amor. 2ª ed. Lisboa: Quetzal, 2004. 522 p. ISBN 972-564-583-9. Cota: FG LP(P) tre A alma

Leia mais

Pontuações atribuídas por Robert Parker aos vinhos portugueses 23 Dezembro, 2010 em The Wine Advocate

Pontuações atribuídas por Robert Parker aos vinhos portugueses 23 Dezembro, 2010 em The Wine Advocate Pontuações atribuídas por Robert Parker aos vinhos portugueses 23 Dezembro, 2010 em The Wine Advocate P 2 Portuguese wines ratings reviewed by Robert Parker 23rd December, 2010 in The Wine Advocate António

Leia mais

Unidade 5 O Universo e seus astros

Unidade 5 O Universo e seus astros Sugestões de atividades Unidade 5 O Universo e seus astros 6 CIÊNCIAS 1 Céu e constelações A Constelação do Cruzeiro de Sul é representada na bandeira do Brasil e na bandeira de outros países, como Austrália,

Leia mais

Campanha Escapadas em Portugal

Campanha Escapadas em Portugal Campanha Escapadas em Portugal Amarante Casa da Calçada Relais & Chateaux Casa da Calçada Relais& Chateaux***** Luxo (ou superior) Pequeno Almoço para duas pessoas no Restaurante Largo do Paço Amenityna

Leia mais

I N V E N T Á R I O D O P A T R I M Ó N I O I M Ó V E L D O S A Ç O R E S

I N V E N T Á R I O D O P A T R I M Ó N I O I M Ó V E L D O S A Ç O R E S I N V E N T Á R I O D O P A T R I M Ó N I O I M Ó V E L D O S A Ç O R E S 5 APRESENTAÇÃO - DIRECÇÃO REGIONAL DA CULTURA 7 APRESENTAÇÃO - INSTITUTO AÇORIANO DE CULTURA 9 APRESENTAÇÃO CÂMARA MUNICIPAL DA

Leia mais

Concelho Nome Morada Telefone Fax E-mail geral Site

Concelho Nome Morada Telefone Fax E-mail geral Site Ribatejo Concelho Nome Morada Telefone Fax E-mail geral Site *** Hotel de Turismo de Abrantes Largo de Santo António (00351) 241361261 (00351) 241365218 hotelabrantes@iol.pt www.hotelabrantes.pt *** Hotel

Leia mais