Anuário Estatístico do Município de Belém JUSTIÇA JUSTIÇA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Anuário Estatístico do Município de Belém 2011 2-11 JUSTIÇA 1 2-11 JUSTIÇA"

Transcrição

1 Anuário Estatístico do Município de Belém JUSTIÇA JUSTIÇA Nesta seção, encontram-se variáveis a respeito do movimento eleitoral do município como eleitores por sexo, faixa etária e zona eleitora. Bem como, aspectos dos processos e ações judiciais de 2ª instância e atendimentos realizados ao consumidor, conforme dados disponibilizados pelo Grupo Executivo de Proteção ao Consumidor.

2 JUSTIÇA Anuário Estatístico do Município de Belém 2011

3 Anuário Estatístico do Município de Belém JUSTIÇA 3 AÇÕES E PROCESSOS JUDICIAIS Tabela Processos Judiciais Iniciados e Julgados pelo Tribunal de Justiça do Estado do Pará, segundo a Câmara, no Município de Belém AÇÕES 2º Grau TIPO Processos iniciados Processos Julgados Tribunal Pleno Conselho da Magistratura Câmaras Cíveis Reunidas Câmaras Criminais Reunidas ª Câmara Criminal Isolada ª Câmara Criminal Isolada ª Câmara Criminal Isolada ª Câmara Cível Isolada ª Câmara Cível Isolada ª Câmara Cível Isolada ª Câmara Cível isolada ª Câmara Cível Isolada TOTAL FONTE Tribunal de Justiça do Estado - TJE Tabela Ações Cíveis iniciadas e sentenciadas pela Justiça Comum de 1º Grau do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, segundo o tipo, no Município de Belém AÇÕES 1º Grau TIPO Iniciadas Sentenciadas Cíveis e Comercio Infância e Juventude Família Fazenda Pública Distrital de Mosqueiro Distrital de Icoaraci TOTAL FONTE Tribunal de Justiça do Estado - TJE

4 JUSTIÇA Anuário Estatístico do Município de Belém 2011 Tabela Ações Penais iniciadas e sentenciadas pela Justiça Comum de 2º Grau do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, segundo o tipo, no Município de Belém AÇÕES PENAIS TIPO Iniciadas Sentenciadas Juízo singular Tribunal do Júri Violência Domestica/Familiar contra mulher Crimes contra crianças / adolescentes Crimes contra consumidor e imprensa Crimes contra a ordem tributária Execuções de penas e Medidas alternativas Execuções Penais Distrital de Mosqueiro Distrital de Icoaraci TOTAL FONTE Tribunal de Justiça do Estado - TJE Tabela Movimento do Tribunal Regional do Trabalho, segundo processos julgados, no Município de Belém MOVIMENTO DISCRIMINAÇÃO Pleno Seção Especializada I Seção Especializada II ª Turma ª Turma ª Turma ª Turma TOTAL FONTE Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região - TRT

5 Anuário Estatístico do Município de Belém JUSTIÇA 5 Tabela Demonstrativo do movimento do Tribunal Regional do Trabalho, segundo discriminação, no Município de Belém DISCRIMINAÇÃO MOVIMENTO DO TRIBUNAL Processos... Vindos do ano anterior Autuados em 2009 (incluídos AREG EED) Recebidos do TST para novo julgamento TOTAL Sessões Realizadas... Pleno Seção Especializada I Seção Especializada II ª Turma ª Turma ª Turma ª Turma Audiências da Presidência... Pleno Processos Administrativos... Saldo de Recebidos em Solucionados em Saldo para FONTE Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região - TRT Tabela Processos de competência originários do Tribunal Regional do Trabalho, segundo a espécie, no Município de Belém 2010 ESPÉCIE PROCESSOS A ANU - Ação anulatória 10 AC - Ação cautelar 56 AD - Ação declaratória 2 AR - Ação Rescisória 67 DC - Dissídio Coletivo 10 HC - Habeas corpus 7 IUJ - Incidente de uniformização da Jurisprudência 11 MS - Mandado de Segurança 207 SUSP - Exceção de suspeição 4 PJ - Protesto Judicial 58 Reclamação 1 TOTAL 433 FONTE Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região TRT

6 JUSTIÇA Anuário Estatístico do Município de Belém 2011 Tabela Processos entrados no Tribunal Regional do Trabalho, oriundos das Varas do Trabalho, segundo a espécie dos recursos, no Município de Belém 2010 VARA RO-RECURSO ORDINÁRIO AP-AGRAVO DE PETIÇÃO REX REXRO AI-AGRAVO DE INSTRUMENTO RECURSOS TRABALHISTAS POR ESPÉCIE 1ª ª ª ª ª ª ª ª ª ª ª ª ª ª ª ª FONTE Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região TRT RS TOTAL Tabela Processos encaminhados ao Tribunal Superior do Trabalho, segundo a espécie, no Município de Belém 2010 ESPÉCIE PROCESSOS ENCAMINHADOS Ação Declaratória... - Ação Rescisória Agravo Regimental... 9 Mandado de Segurança Agravo de Instrumento em recurso de revista Agravo de instrumento em recurso ordinário... 7 Recurso em Matéria Administrativa... 2 Ação Anulatória... 7 Dissídio coletivo... 3 Restauração de Autos... 1 Recursos de revista Agravo de petição Oposição... - Ação Cautelar... 2 TOTAL FONTE Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região TRT

7 Anuário Estatístico do Município de Belém JUSTIÇA 7 Tabela Processos remetidos ao Ministério Público do Trabalho, segundo a espécie, no Município de Belém 2010 ESPÉCIE PROCESSOS ENCAMINHADOS A ANU Ação Anulatória... 3 AC Ação Cautelar... 3 AG Agravo Regimental AI Agravo de Instrumento AP Agravo de Petição AR Ação Rescisória CC- Conflito de Competência... 9 HC Habeas Corpus... 6 IUJ Incidente de Uniformização da Jurisprudência... 3 MS Mandato de Segurança RO Recurso Ordinário ROPS Recurso Ordinário em Procedimento Sumaríssimo RXOF Remessa Ex Oficio... - SUSP - Exceção de suspeição... 1 ED - Embargo de declaração... 1 RMA - Recurso de Matéria Administrativa... 1 TOTAL FONTE Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região TRT Tabela Processos devolvidos pelo TST, segundo a espécie, no Município de Belém 2010 ESPÉCIE PROCESSOS DEVOLVIDOS Ação Rescisória Agravo Regimental Mandado de Segurança Recurso Ordinário... 2 Dissídio Coletivo... 7 Ação Anulatória... 6 Agravo de Instrumento... 4 Recurso em Matéria Administrativa... - Agravo de instrumento em recurso de revista Agravo de instrumento em recurso ordinário... 1 Remessa ex-oficio... - Remessa ex-oficio e recurso ordinário... - Agravo de petição... - Habeas corpus... - TOTAL FONTE Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região TRT

8 JUSTIÇA Anuário Estatístico do Município de Belém 2011 Tabela Processos devolvidos pelo Tribunal Superior do Trabalho para novo julgamento, no Município de Belém 2010 ESPÉCIE PROCESSOS DEVOLVIDOS 1ª Turma 2ª Turma 3ª Turma 4ª Turma RO / REXRO RO Recurso Ordinário AP Agravo de Petição ROPS Recurso Ordinário em procedimento sumaríssimo ED TOTAL FONTE Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região TRT Tabela Agravo de Instrumento devolvido pelo TST, no Município de Belém-2010 AGRAVO DE INSTRUMENTO 1ª TURMA 2ª TURMA 3ª TURMA 4ª TURMA TOTAL Providos Promovidos em parte Não Promovidos / Negado Não conhecidos Negados seguimento/despacho Extinto Acordo Desistências Prejudicados Outras Decisões TOTAL FONTE-Tribunal Regional do Trabalho da 8ª região-trt Tabela Processos distribuídos, autuados e julgados, na seção de classificação e distribuição, segundo a vara, no Município de Belém VARA DISTRIBUIÇÃO AUTOMÁTICA PROCESSOS DISTRIBUÍDOS E AUTUADOS DISTRIBUIÇÃO DE DEPENDÊNCIA TOTAL PROCESSOS JULGADOS ª vara ª vara ª vara ª vara ª vara ª vara ª vara ª JEF Cível JEF Virtual ª JEF Criminal ª JEF Criminal Turma Recursal TOTAL FONTE - Justiça Federal do Estado do Pará

9 Anuário Estatístico do Município de Belém JUSTIÇA 9 MOVIMENTO ELEITORAL E ELEITORES Tabela Demonstrativo de eleitores, seções eleitorais, no Município de Belém 1998 /2009 ANO Seções Eleitores FONTE Tribunal Regional Eleitoral - TRE Tabela Eleitores, por sexo, segundo a faixa etária, no Município de Belém 2010 FAIXA-ETÁRIA ELEITORES POR SEXO TOTAL MASCULINO FEMININO SEM INFORMAÇÃO 16 anos anos a 20 anos a 24 anos a 34 anos a 44 anos a 59 anos a 69 anos a 79 anos Superior a 79 anos Inválida TOTAL FONTE Tribunal Regional Eleitoral - TRE

10 JUSTIÇA Anuário Estatístico do Município de Belém 2011 ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR Tabela Demonstrativo de atendimento realizado pela Diretoria de Proteção ao Consumidor, segundo a área, no Município de Belém 2009 ATENDIMENTO ÁREA PESSOAL TOTAL POR TELEFONE Informações Formalizadas Alimentos Assuntos Financeiros Habitação Produtos Saúde Serviços essenciais Serviços privados TOTAL FONTE Grupo Executivo de Proteção ao Consumidor - PROCON Tabela Reclamações mais incidentes, segundo o assunto na Diretoria de Proteção ao Consumidor, no Município de Belém 2009 RECLAMAÇÕES ASSUNTO Ranking % Quantidade Cartão de Credito... 1º 18, Telefone (Convencional, Celular, Interfone, etc.)... 2º 11, Banco Comercial... 3º 8, Telefonia Celular... 4º 8, Energia Elétrica... 5º 7, Telefonia Fixa (Plano de Expansão / Compra e venda / Locação)... 6º 7, Microcomputador / Produtos de Informática... 7º 6, Outros contratos... 8º 2, Água e esgoto... 9º 2, Financeira... 10º 1,83 89 TOTAL FONTE Grupo Executivo de Proteção ao Consumidor PROCON

11 Anuário Estatístico do Município de Belém JUSTIÇA 11 Tabela Reclamações feitas contra prestadores de serviços na Diretoria de Proteção ao Consumidor, segundo o tipo, no Município de Belém 2009 RECLAMADOS TIPO Ranking % Quantidade Cobrança indevida... 1º 24, Cobrança indevida / abusiva... 2º 14, Produto entregue com danos/defeitos... 3º 9, Falta de peça para reposição... 4º 6, Não entrega/demora na entrega do produto... 5º 5, Garantia (abrangência, cobertura, etc.)... 6º 4, Serviço não fornecido(entrega/instalação/nãocumprimentodaoferta/contrato) 7º 3, Divida sobre cobrança/valor reajuste/contrato/orçamento... 8º 2, Lançamento não reconhecido na fatura... 9º 2,00 97 Produto causou danos materiais... 10º 1,75 85 Total FONTE Grupo Executivo de Proteção ao Consumidor PROCON

12 JUSTIÇA Anuário Estatístico do Município de Belém 2011 Tabela Estabelecimentos visitados pela Diretoria de Proteção ao Consumidor, segundo a especificação, no Município de Belém 2009 (Continua) ESPECIFICAÇÃO ESTABELECIMENTOS VISITADOS % Açougue... 4 Assistência Técnica... 7 Auto Peça... 5 Banco... 4 Bar... 6 Bar e restaurante Barraca de praia Casa lotérica Casas noturna... 8 Cinema... 2 Clínica Médica... 4 Colégio Concessionária... 7 Curso... 5 Distribuidora de bebida... 4 Eletrodoméstico Eletroeletrônico... 6 Empresa de transporte rodoviário... 4 Empresa aérea... 2 Escola Fábrica de água mineral... 6 Faculdade... 4 Farmácia Foto... 5 Hospital... 6 Hotel Joalheria Lanchonete Livraria Loja de colchão Loja de confecção Loja de departamentos ,26 0,46 0,33 0,27 0,40 6,66 11,85 0,67 0,53 0,13 0,27 3,13 0,47 0,33 0,27 0,87 0,40 0,27 0,13 3,99 0,40 0,27 0,80 0,33 0,40 1,86 0,93 5,13 1,86 0,80 7,32 1,80

13 Anuário Estatístico do Município de Belém JUSTIÇA 13 Tabela Estabelecimentos visitados pela Diretoria de Proteção ao Consumidor, segundo a especificação, no Município de Belém 2009 (Conclusão) ESPECIFICAÇÃO ESTABELECIMENTOS VISITADOS % Loja de informática Loja de móveis... 8 Loja de variedade... 4 Loja de aparelho celular... 8 Loja de brinquedo Magazine Matadouro... 6 Material de construção Meio a meio Mercadinho Mercado municipal... 4 Mercado Motel... 5 Ótica Panificadora Perfumaria Pizzaria 12 Plano de saúde... 3 Posto de combustível Pousada Restaurante Revenda de gás Salão de beleza Sapataria Supermercado Telefonia... 7 Venda de água Venda de marisco Vidraçaria... 5 TOTAL FONTE Grupo Executivo de Proteção ao Consumidor - PROCON 0,67 0,53 0,27 0,53 0,87 1,26 0,40 0,80 0,73 11,25 0,27 0,93 0,33 1,00 2,33 0,33 0,80 0,20 0,80 3,99 2,46 0,87 2,20 1,80 8,52 0,47 0,80 0,67 0,33 100,00

14 JUSTIÇA Anuário Estatístico do Município de Belém 2011 Tabela Demonstrativo mensal de atendimento ao consumidor realizado pela Diretoria de Proteção ao Consumidor, no Município de Belém 2009 MÊS ATENDIMENTO Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro TOTAL FONTE Grupo Executivo de Proteção ao Consumidor - PROCON Tabela Produtos apreendidos, removidos e inutilizados, fiscalizados pela Diretoria de Proteção ao Consumidor, segundo a medida, no Município de Belém MEDIDA PRODUTOS Quilograma ,436 Litro ,175 Unidades FONTE Grupo Executivo de Proteção ao Consumidor - PROCON Tabela Reclamações feitas na Diretoria de Proteção ao Consumidor, segundo as atividades, no Município de Belém 2009 ATIVIDADES RECLAMAÇÕES Reclamações Formalizadas Resolvidas Proc. Adm. Decididos Valor de Multas Aplicadas em UPF s (Unidade de Padrão Fiscal) Informações prestadas Total de atendimentos Média mensal de atendimentos Média diária de atendimentos Audiências realizadas Conciliações FONTE Grupo Executivo de Proteção ao Consumidor PROCON

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL Seção de São Paulo SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA STJ. Atualizado em 08/09/2015

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL Seção de São Paulo SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA STJ. Atualizado em 08/09/2015 SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA STJ Atualizado em 08/09/2015 RESOLUÇÃO STJ/GP N. 3 DE 5 DE FEVEREIRO DE 2015. Dispõe sobre o pagamento de custas judiciais e porte de remessa e retorno de autos no âmbito do

Leia mais

RESOLUÇÃO STJ N. 1 DE 4 DE FEVEREIRO DE 2014.

RESOLUÇÃO STJ N. 1 DE 4 DE FEVEREIRO DE 2014. RESOLUÇÃO STJ N. 1 DE 4 DE FEVEREIRO DE 2014. Dispõe sobre o pagamento de custas judiciais e porte de remessa e retorno de autos no âmbito do Superior Tribunal de Justiça. O PRESIDENTE DO SUPERIOR TRIBUNAL

Leia mais

FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES CURSO DE DIREITO PRÁTICA JURÍDICA

FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES CURSO DE DIREITO PRÁTICA JURÍDICA FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES CURSO DE DIREITO PRÁTICA JURÍDICA Regras Básicas para as Atividades de Prática Jurídica a partir do ano letivo de 2013 Visitas Orientadas 72 Horas Obrigatórias Visitas Justiça

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE SERGIPE ARQUIVO GERAL DO JUDICIÁRIO

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE SERGIPE ARQUIVO GERAL DO JUDICIÁRIO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE SERGIPE ARQUIVO GERAL DO JUDICIÁRIO TABELA DE TEMPORALIDADE DE DOCUMENTOS UNIFICADA - JUSTIÇA ESTADUAL - 1º GRAU - MENOR INFÂNCIA E JUVENTUDE CLASSES CNJ Correspondente Código

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação ORGANIZAÇÃO BÁSICA DAS DISCIPLINAS CURRICULARES

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação ORGANIZAÇÃO BÁSICA DAS DISCIPLINAS CURRICULARES UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS Pró-Reitoria de Graduação 2007/1 ORGANIZAÇÃO BÁSICA DAS DISCIPLINAS CURRICULARES Disciplina: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO Curso: DIREITO Código CR PER Co-Requisito Pré-Requisito

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 543, DE 13 DE JANEIRO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 543, DE 13 DE JANEIRO DE 2015 RESOLUÇÃO Nº 543, DE 13 DE JANEIRO DE 2015 Dispõe sobre as Tabelas de Custas e a Tabela de Porte de Remessa e Retorno dos Autos e dá outras providências. O PRESIDENTE DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, no uso

Leia mais

CORREGEDORIA-GERAL PROVIMENTO Nº 001 DE 13 DE MARÇO DE 2002. CONSIDERANDO as conclusões apresentadas pelo Fórum de Juízes Distribuidores da 2ª Região;

CORREGEDORIA-GERAL PROVIMENTO Nº 001 DE 13 DE MARÇO DE 2002. CONSIDERANDO as conclusões apresentadas pelo Fórum de Juízes Distribuidores da 2ª Região; CORREGEDORIA-GERAL PROVIMENTO Nº 001 DE 13 DE MARÇO DE 2002 A Excelentíssima Doutora MARIA HELENA CISNE CID, Corregedora- Geral da Justiça Federal da 2ª Região, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

Leia mais

Instrução Normativa nº 03, de 11 de setembro de 2006.

Instrução Normativa nº 03, de 11 de setembro de 2006. Instrução Normativa nº 03, de 11 de setembro de 2006. Dispõe sobre o Sistema Integrado de Protocolização e Fluxo de Documentos Eletrônicos do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região (e-doc). O Juiz-Presidente

Leia mais

Questões Fundamentadas do Regimento Interno do TRT 5ª Região Art. 1º ao 72. Concurso 2013

Questões Fundamentadas do Regimento Interno do TRT 5ª Região Art. 1º ao 72. Concurso 2013 Para adquirir a apostila 160 Questões Fundamentadas Do Regimento Interno do TRT Bahia 5ª Região - Art. 1º ao 72 acesse o site www.odiferencialconcursos.com.br S U M Á R I O Apresentação...3 Questões...4

Leia mais

Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho. Manual de Orientações do 2º Grau

Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho. Manual de Orientações do 2º Grau Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho Manual de Orientações do 2º Grau Versão 3.0 06/06/2011 laboração: Comitê Gestor Nacional do Sistema e-gestão Desembargadora Ana Paula Pellegrina Lockmann TRT 15ª

Leia mais

Tabela 5.76 - Dez maiores ocorrências mensais registradas no PROCON Juiz de Fora, 2008

Tabela 5.76 - Dez maiores ocorrências mensais registradas no PROCON Juiz de Fora, 2008 Janeiro Fevereiro Telefonia celular 370 13,50 Telefonia celular 372 14,50 Cartão de crédito 334 12,19 316 12,31 294 10,73 Cartão de crédito 281 10,95 Banco comercial 230 8,39 Banco comercial 199 7,76 expansão,/compra

Leia mais

INSTITUIÇÕES DE DIREITO PUBLICO E PRIVADO MÓDULO 18 COMPETÊNCIA

INSTITUIÇÕES DE DIREITO PUBLICO E PRIVADO MÓDULO 18 COMPETÊNCIA INSTITUIÇÕES DE DIREITO PUBLICO E PRIVADO MÓDULO 18 COMPETÊNCIA Índice 1. Competência...3 1.1. Critérios Objetivos... 3 1.1.1. Critérios Subjetivos... 4 1.1.2. Competência Territorial... 4 2. Dos Processos...4

Leia mais

O empregado caminhando na empresa, cai e se machuca vai pedir uma indenização na justiça do trabalho. (empregado x empregador);

O empregado caminhando na empresa, cai e se machuca vai pedir uma indenização na justiça do trabalho. (empregado x empregador); Turma e Ano: Flex B (2014) Matéria / Aula: Processo do Trabalho / Aula 04 Professor: Leandro Antunes Conteúdo: Procedimento Sumário, Procedimento Sumaríssimo. A competência para julgar acidente de trabalho:

Leia mais

Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho

Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho de Orientações do 1º Grau (Incluídas as regras de negócio das informações extraídas do PJe-JT) Versão 1.0 22/07/2015 Revisão e Atualização: Comitê Gestor Nacional

Leia mais

Poder Judiciário. Tabela 1 Poder Judiciário Primeira Instância Segunda Instância

Poder Judiciário. Tabela 1 Poder Judiciário Primeira Instância Segunda Instância O é a instituição encarregada de administrar justiça por meio dos tribunais. Sua função é assegurar o amparo, proteção ou tutela dos direitos dispostos nas leis. A Suprema Corte de Justiça é a máxima autoridade

Leia mais

Manual de Rotinas do Procedimento Cível Comum Ordinário. Protocolo

Manual de Rotinas do Procedimento Cível Comum Ordinário. Protocolo 29 Protocolo 2. DISTRIBUIÇÃO A previsão legal dos atos de distribuição e registro está no Código de Processo Civil, nos artigos 251 a 257. A distribuição tem a função de dividir os processos entre juízos

Leia mais

1 - AÇÕES DE JURISDIÇÃO CONTENCIOSA OU QUE ASSUMAM ESTE CARÁTER

1 - AÇÕES DE JURISDIÇÃO CONTENCIOSA OU QUE ASSUMAM ESTE CARÁTER Tabela de honorários de advogados dativos - 2013 (Resolução-Conjunta TJMG/AGE/ OAB 001/2013) ANEXO I - PARTE ESPECIAL 1 - AÇÕES DE JURISDIÇÃO CONTENCIOSA OU QUE ASSUMAM ESTE CARÁTER Salvo outra disposição

Leia mais

LEI Nº 10.259, DE 12 DE JULHO DE 2001.

LEI Nº 10.259, DE 12 DE JULHO DE 2001. LEI Nº 10.259, DE 12 DE JULHO DE 2001. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, Dispõe sobre a instituição dos Juizados Especiais Cíveis e Criminais no âmbito da Justiça Federal. Faço saber que o Congresso Nacional

Leia mais

ANÁLISE DOS ATENDIMENTOS DE 2003

ANÁLISE DOS ATENDIMENTOS DE 2003 ANÁLISE DOS ATENDIMENTOS DE 2003 1 - ATENDIMENTOS DE 2.003 Foram atendidas 74.531 pessoas no ano de 2.003, pelas seguintes formas de atendimento: Pessoalmente...23.060 Telefone:...25.739 Carta:...101 Internet:...11.859

Leia mais

a) conjunto de atos administrativos tendentes ao reconhecimento de uma situação jurídica pertinente à relação entre o Fisco e o contribuinte

a) conjunto de atos administrativos tendentes ao reconhecimento de uma situação jurídica pertinente à relação entre o Fisco e o contribuinte Unidade VIII I. PROCESSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO 1. Acepções e espécies a) conjunto de atos administrativos tendentes ao reconhecimento de uma situação jurídica pertinente à relação entre o Fisco e o

Leia mais

GUIA RÁPIDO PRODUTIVIDADE MAGISTRADOS SEGUNDO GRAU

GUIA RÁPIDO PRODUTIVIDADE MAGISTRADOS SEGUNDO GRAU MESA DIRETORA DO TJBA DES. MARIO ALBERTO HIRS Presidente DES. ESERVAL ROCHA 1º Vice-presidente DESA. VERA LÚCIA FREIRE DE CARVALHO 2ª Vice-presidente DESA. IVETE CALDAS SILVA FREITAS MUNIZ Corregedora-geral

Leia mais

SUMÁRIO. Apresentação Lista de Abreviaturas

SUMÁRIO. Apresentação Lista de Abreviaturas SUMÁRIO Apresentação Lista de Abreviaturas PARTE 1 - VADE MECUM Índice da Constituição da República Constituição da República Ato das Disposições Transitórias Índice do Código Civil Lei de introdução ao

Leia mais

Cadastro de Reclamações Fundamentadas 2012 PROCON Fortaleza Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor - SINDEC

Cadastro de Reclamações Fundamentadas 2012 PROCON Fortaleza Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor - SINDEC CADASTRO DE RECLAMAÇÕES FUNDAMENTADAS DO - ANO 2012 SISTEMA NACIONAL DE INFORMAÇÕES DE DEFESA DO CONSUMIDOR - SINDEC O que é SINDEC? O Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor SINDEC é um

Leia mais

Anexo Tabela única de classes da 2ª Região

Anexo Tabela única de classes da 2ª Região CLASSE 01000 AÇÕES ORDINÁRIAS Anexo Tabela única de classes da 2ª Região CORRESPONDÊNCIA NA TABELA ÚNICA DE CLASSES DO DA 01001 ORDINÁRIA / TRIBUTÁRIA 29 AÇÃO ORDINÁRIA (PROCEDIMENTO COMUM 07 ORDINÁRIO)

Leia mais

ATENDIMENTO PROCON/MS 2015 (ANUAL) RANKING 20 + ATENDIDAS PROCON 2015

ATENDIMENTO PROCON/MS 2015 (ANUAL) RANKING 20 + ATENDIDAS PROCON 2015 GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL SECRETARIA DE ESTADO DE DIREITOS HUMANOS, ASSISTÊNCIA SOCIAL e TRABALHO SUPERINTENDÊNCIA PARA ORIENTAÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR PROCON/MS Junho, 930 Centro CEP 79.002-430

Leia mais

2 FASE DIREITO CIVIL ESTUDO DIRIGIDO DE PROCESSO CIVIL 2. Prof. Darlan Barroso - GABARITO

2 FASE DIREITO CIVIL ESTUDO DIRIGIDO DE PROCESSO CIVIL 2. Prof. Darlan Barroso - GABARITO Citação 2 FASE DIREITO CIVIL ESTUDO DIRIGIDO DE PROCESSO CIVIL 2 Prof. Darlan Barroso - GABARITO 1) Quais as diferenças na elaboração da petição inicial do rito sumário e do rito ordinário? Ordinário Réu

Leia mais

ENUNCIADOS DO FORUM NACIONAL DA MEDIAÇÃO E CONCILIAÇÃO

ENUNCIADOS DO FORUM NACIONAL DA MEDIAÇÃO E CONCILIAÇÃO ENUNCIADOS DO FORUM NACIONAL DA MEDIAÇÃO E CONCILIAÇÃO Semestralmente o Fórum Nacional da Mediação e Conciliação se reúne e promove discussões objetivando levantar boas práticas que possam aprimorar o

Leia mais

TABELA DE CUSTAS (Lei nº 9.289, de 04 de julho de 1996) ANEXO I da Portaria/PRESI/COREJ 152 de 18 de abril de 2012 TABELA I DAS AÇÕES CÍVEIS EM GERAL

TABELA DE CUSTAS (Lei nº 9.289, de 04 de julho de 1996) ANEXO I da Portaria/PRESI/COREJ 152 de 18 de abril de 2012 TABELA I DAS AÇÕES CÍVEIS EM GERAL PORTARIA/PRESI/COREJ 152 DE 18/04/2012 Dispõe sobre normas gerais para pagamento de custas judiciais e porte de remessa e retorno dos autos no âmbito da justiça federal e altera tabela de custas. O DESEMBARGADOR

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSEPE 50/98 APROVA O REGULAMENTO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL DE ADVOCACIA DA FD EM CONVÊNIO COM A OAB/SP.

RESOLUÇÃO CONSEPE 50/98 APROVA O REGULAMENTO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL DE ADVOCACIA DA FD EM CONVÊNIO COM A OAB/SP. RESOLUÇÃO CONSEPE 50/98 APROVA O REGULAMENTO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL DE ADVOCACIA DA FD EM CONVÊNIO COM A OAB/SP. O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE, no uso da atribuição

Leia mais

SUMÁRIO 1. DICAS PARA A REALIZAÇÃO DE UMA BOA PROVA

SUMÁRIO 1. DICAS PARA A REALIZAÇÃO DE UMA BOA PROVA SUMÁRIO 1. DICAS PARA A REALIZAÇÃO DE UMA BOA PROVA 2. PRINCIPAIS TEMAS DISCUTIDOS NA JUSTIÇA DO TRABALHO 2.1 Gratuidade de Justiça 2.2 Honorários Advocatícios 2.3 HOMOLOGAÇÃO DE VERBAS RESCISÓRIAS E MULTA

Leia mais

SUMÁRIO. Nota do autor... 9 Apresentação e estrutura do livro... 11 Lista de Abreviaturas de Termos Processuais e Legais... 13

SUMÁRIO. Nota do autor... 9 Apresentação e estrutura do livro... 11 Lista de Abreviaturas de Termos Processuais e Legais... 13 SUMÁRIO Nota do autor... 9 Apresentação e estrutura do livro... 11 Lista de Abreviaturas de Termos Processuais e Legais... 13 Parte I DIREITO MATERIAL... 17 Abuso do poder econômico... 17 Captação ilícita

Leia mais

III Códigos relativos às audiências de conciliação (correspondentes ao código 970 do CNJ):

III Códigos relativos às audiências de conciliação (correspondentes ao código 970 do CNJ): PORTARIA CONJUNTA PRESI/COGER/COJEF/SISTCON 86 DE 07/05/2013 Dispõe sobre o lançamento das movimentações processuais referentes aos processos que tramitam no Sistema de da Justiça Federal da 1ª Região

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS, PARA INGRESSO NA CARREIRA DA MAGISTRATURA DO ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL Nº 03/2013

CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS, PARA INGRESSO NA CARREIRA DA MAGISTRATURA DO ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL Nº 03/2013 PONTO 1 Direito Penal Conceito de Direito Penal. História do Direito Penal. História do Direito Penal Brasileiro, Doutrinas e Escolas Penais. Sistemas Penitenciários. Direito Processual Penal Princípios

Leia mais

FACULDADE DE EDUCAÇÃO SÃO LUÍS CURSO DE DIREITO ESTÁGIO SUPERVISIONADO 2011/2015. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I 3º. Período

FACULDADE DE EDUCAÇÃO SÃO LUÍS CURSO DE DIREITO ESTÁGIO SUPERVISIONADO 2011/2015. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I 3º. Período Art.41 O programa de Estágio Supervisionado compreende as atividades de prática jurídica simulada e real: (Regulamento do Curso). 1- O discente deverá comparecer em todos os encontros agendados, sábados,

Leia mais

Poder Judiciário Brasileiro

Poder Judiciário Brasileiro Poder Judiciário Brasileiro TSE TST STF STJ CNJ STM TU TRE S TRT S TR TRF S TJ S TR TME JUÍZES JUNTA JUÍZES JEF JUÍZES JÚRI JUÍZES JÚRI JEC CJM CJM Poder Judiciário Brasileiro TSE TST STF STJ CNJ STM TU

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE PERNAMBUCO Conselho da Magistratura PROVIMENTO N 01/2007 (DOE 18/05/07)

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE PERNAMBUCO Conselho da Magistratura PROVIMENTO N 01/2007 (DOE 18/05/07) PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE PERNAMBUCO Conselho da Magistratura PROVIMENTO N 01/2007 (DOE 18/05/07) EMENTA: Orienta os juízes sobre a competência do Juizado de Violência Doméstica

Leia mais

GABINETE DA CORREGEDORIA SETOR DE CORREIÇÃO/2014 3º JUIZADO ESPECIAL FEDERAL DO RIO DE JANEIRO JUIZ FEDERAL TITULAR DR. MARCO FALCÃO CRITSINELIS

GABINETE DA CORREGEDORIA SETOR DE CORREIÇÃO/2014 3º JUIZADO ESPECIAL FEDERAL DO RIO DE JANEIRO JUIZ FEDERAL TITULAR DR. MARCO FALCÃO CRITSINELIS GABINETE DA CORREGEDORIA SETOR DE CORREIÇÃO/2014 3º JUIZADO ESPECIAL FEDERAL DO RIO DE JANEIRO JUIZ FEDERAL TITULAR DR. MARCO FALCÃO CRITSINELIS Partindo de levantamentos realizados no questionário da

Leia mais

PROVIMENTO CONJUNTO Nº 13, DE 5 DE NOVEMBRO DE 2014.

PROVIMENTO CONJUNTO Nº 13, DE 5 DE NOVEMBRO DE 2014. PROVIMENTO CONJUNTO Nº 13, DE 5 DE NOVEMBRO DE 2014. Regulamenta os procedimentos a serem adotados no âmbito da Justiça do Trabalho da 4ª Região em virtude da implantação do PJe- JT, revoga o Provimento

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL PENAL IV

DIREITO PROCESSUAL PENAL IV AULA DIA 25/05/2015 Docente: TIAGO CLEMENTE SOUZA E-mail: tiago_csouza@hotmail.com DIREITO PROCESSUAL PENAL IV Procedimento Sumaríssimo (Lei 9.099/95) - Estabelece a possibilidade de conciliação civil,

Leia mais

= PIB Dados D PJ PIB G 1

= PIB Dados D PJ PIB G 1 ANO-BASE 2003 1. INSUMOS, DOTAÇÕES E GRAUS DE UTILIZAÇÃO DESPESAS 1.1. DESPESA DA JUSTIÇA FEDERAL SOBRE O PIB G 1 DPJ PIB Dados D PJ PIB G 1 1ª Região 735.982.911 418.705.626.864 0,176% 2ª Região 433.545.338

Leia mais

SUMÁRIO. Questões comentadas dos exames da OAB - 2ª edição

SUMÁRIO. Questões comentadas dos exames da OAB - 2ª edição SUMÁRIO Questões comentadas dos exames da OAB - 2ª edição Apresentação - Marco Antonio Araujo Junior Sobre os autores 1.1 Introdução princípios e poderes 1.2 Ato administrativo 1.3 Organização da Administração

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4ª REGIÃO PORTARIA Nº 59, DE 14 DE MARÇO DE 2008. Dispõe sobre alterações no Manual de Atribuições da Seção Judiciária do Paraná e estabelece outras providências. O VICE-PRESIDENTE, NO EXERCÍCIO DA PRESIDÊNCIA DO

Leia mais

CAPÍTULO XII DO PLANTÃO JUDICIÁRIO SEÇÃO I DAS DISPOSIÇÕES COMUNS. Subseção I. Competência

CAPÍTULO XII DO PLANTÃO JUDICIÁRIO SEÇÃO I DAS DISPOSIÇÕES COMUNS. Subseção I. Competência CAP. XII - 1 CAPÍTULO XII DO PLANTÃO JUDICIÁRIO SEÇÃO I DAS DISPOSIÇÕES COMUNS Subseção I Competência 1. O Plantão Judiciário destina-se exclusivamente: 1 a) ao conhecimento dos pedidos de habeas corpus

Leia mais

Art. 2º Recebidos os ofícios requisitórios (precatórios) da Autarquia, estes serão remetidos, de imediato, à Procuradoria Jurídica.

Art. 2º Recebidos os ofícios requisitórios (precatórios) da Autarquia, estes serão remetidos, de imediato, à Procuradoria Jurídica. NORMA DE EXECUÇÃO/INCRA/Nº 14, DE 31 DE MAIO DE 2001 (Publicação: Diário Oficial n 110-E, de 7/6/2001, seção 1, pág. 123 e Boletim de Serviço n 24, de 11/6/2001) Estabelece procedimentos técnicos e administrativos

Leia mais

eduardocambi@hotmail.com

eduardocambi@hotmail.com eduardocambi@hotmail.com - Sociedade tecnológica e de consumo: transforma tudo rapidamente. - Direito - influenciado pela cultura: é resultado das idéias, valores e normas compartilhadas em um grupo social.

Leia mais

GABINETE DA CORREGEDORIA SETOR DE CORREIÇÃO/2014

GABINETE DA CORREGEDORIA SETOR DE CORREIÇÃO/2014 GABINETE DA CORREGEDORIA SETOR DE CORREIÇÃO/2014 23ª VARA FEDERAL DO RIO DE JANEIRO JUÍZA FEDERAL TITULAR DRA. MARIA AMELIA ALMEIDA SENOS DE CARVALHO JUÍZA FEDERAL SUBSTITUTA DRA. LUCIANA DA CUNHA VILLAR

Leia mais

SUMÁRIO NOTA DO AUTOR À TERCEIRA EDIÇÃO

SUMÁRIO NOTA DO AUTOR À TERCEIRA EDIÇÃO SUMÁRIO NOTA DO AUTOR À TERCEIRA EDIÇÃO... 15 PREFÁCIO... 17 INTRODUÇÃO... 19 Capítulo I FLEXIBILIZAÇÃO... 21 1.1. Definição... 21 1.2. Flexibilização da norma... 23 1.3. Flexibilizar a interpretação e

Leia mais

CASTAGNA MAIA ADVOGADOS ASSOCIADOS

CASTAGNA MAIA ADVOGADOS ASSOCIADOS CASTAGNA MAIA ADVOGADOS ASSOCIADOS Luis Antônio Castagna Maia Betânia Hoyos Figueira Vieira Cecília Maria Lapetina Chiaratto Andréia Gomes Ceregatto Janaína Barcellos Anna Carolina Pagano Michel Adam Lima

Leia mais

VGL NEWS ANO 9 - INFORMATIVO 141-01 DE AGOSTO A 15 DE AGOSTO DE 2009 ASSUNTOS FISCAIS. Tributos e Contribuições Federais

VGL NEWS ANO 9 - INFORMATIVO 141-01 DE AGOSTO A 15 DE AGOSTO DE 2009 ASSUNTOS FISCAIS. Tributos e Contribuições Federais 1 de 5 19/5/2012 17:32 VGL NEWS ANO 9 - INFORMATIVO 141-01 DE AGOSTO A 15 DE AGOSTO DE 2009 ASSUNTOS FISCAIS Tributos e Contribuições Federais PRAZOS PARA APRESENTAÇÃO DA DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO: Conceito: é o recurso adequado para a impugnação das decisões que denegarem seguimento a outro recurso.

AGRAVO DE INSTRUMENTO: Conceito: é o recurso adequado para a impugnação das decisões que denegarem seguimento a outro recurso. AGRAVO DE INSTRUMENTO: Conceito: é o recurso adequado para a impugnação das decisões que denegarem seguimento a outro recurso. Por que se diz instrumento: a razão pela qual o recurso se chama agravo de

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DESEMB. FEDERAL RELATOR 3 A TURMA DO E. TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4 A REGIÃO

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DESEMB. FEDERAL RELATOR 3 A TURMA DO E. TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4 A REGIÃO ADVOCACIA-GERAL DA UNIÃO PROCURADORIA-GERAL FEDERAL PROCURADORIA FEDERAL ESPECIALIZADA-INSS EXCELENTÍSSIMO SENHOR DESEMB. FEDERAL RELATOR 3 A TURMA DO E. TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 4 A REGIÃO AGRAVO

Leia mais

Relatório de Atividades desenvolvidas pela DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE ALAGOAS de Janeiro a Dezembro de 2002. Capital Área Cível

Relatório de Atividades desenvolvidas pela DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE ALAGOAS de Janeiro a Dezembro de 2002. Capital Área Cível Relatório de Atividades desenvolvidas pela DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO DE ALAGOAS de Janeiro a Dezembro de 2002. Capital Área Cível Atendimentos 11874 Ações ajuizadas 1770 Acordos 1135 Contestações 307

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL OAB

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL OAB PADRÃO DE RESPOSTAS PEÇA PROFISSIONAL Contratado pela empresa Clínica das Amendoeiras, em razão de uma reclamação trabalhista proposta em 12.12.2012 pela empregada Jussara Péclis (número 1146-63.2012.5.18.0002,

Leia mais

PROCEDIMENTO SUMÁRIO e SUMARÍSSIMO

PROCEDIMENTO SUMÁRIO e SUMARÍSSIMO PROCEDIMENTO SUMÁRIO e SUMARÍSSIMO 1. Procedimento Sumário e Sumaríssimo 1.1 Generalidades I. Processo de Conhecimento (artigo 272 Livro I): b) Comum: a.1) Ordinário (regra geral) a.2) Sumário (275) b)especiais

Leia mais

DATA DE POSSE: 15 de outubro de 2012, com nomeação pela Presidenta Dilma Rousseff, publicada no D.O.U do dia 09.10.2012

DATA DE POSSE: 15 de outubro de 2012, com nomeação pela Presidenta Dilma Rousseff, publicada no D.O.U do dia 09.10.2012 TÂNIA REGINA SILVA RECKZIEGEL DESEMBARGADORA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 4ª REGIÃO DATA DE POSSE: 15 de outubro de 2012, com nomeação pela Presidenta Dilma Rousseff, publicada no D.O.U

Leia mais

CNJ REDUZ PRESSÃO SOBRE TRIBUNAIS E JUÍZES EM 2.011

CNJ REDUZ PRESSÃO SOBRE TRIBUNAIS E JUÍZES EM 2.011 CNJ REDUZ PRESSÃO SOBRE TRIBUNAIS E JUÍZES EM 2.011 Mariana Ghirello Todo ano, o Conselho Nacional de Justiça se reúne com os presidentes dos Tribunais de Justiça para identificar as necessidades do Poder

Leia mais

EXAME DA OAB 2011.1 2ª FASE DIREITO DO TRABALHO REVISÃO DE TEMAS DE DIREITO DO TRABALHO E DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO

EXAME DA OAB 2011.1 2ª FASE DIREITO DO TRABALHO REVISÃO DE TEMAS DE DIREITO DO TRABALHO E DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO EXAME DA OAB 2011.1 2ª FASE DIREITO DO TRABALHO REVISÃO DE TEMAS DE DIREITO DO TRABALHO E DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO ATUALIZAÇÕES - NOVA SÚMULA 426 DO TST DEPÓSITO RECURSAL. UTILIZAÇÃO DA GUIA GFIP.

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL XVIII EXAME DE ORDEM UNIFICADO

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL XVIII EXAME DE ORDEM UNIFICADO PADRÃO DE RESPOSTA - PEÇA PROFISSIONAL O Município Beta instituiu por meio de lei complementar, publicada em 28 de dezembro de 2012, Taxa de Iluminação Pública (TIP). A lei complementar previa que os proprietários

Leia mais

CLASSES PROCESSUAIS DO 1º GRAU DA JUSTIÇA ESTADUAL ( % ) VRTEES'S R$

CLASSES PROCESSUAIS DO 1º GRAU DA JUSTIÇA ESTADUAL ( % ) VRTEES'S R$ PROCESSO CÍVEL E DO TRABALHO Outros Procedimentos Atos e expedientes Habilitação para Casamento 2 214 23 239 Art. 20, II Lei 9.94/13 ISENTO Instrução de Rescisória 240 SEM CUSTAS - Já abrangidas nas custas

Leia mais

CLASSES PROCESSUAIS DO 1º GRAU DA JUSTIÇA ESTADUAL ( % ) VRTEES'S R$

CLASSES PROCESSUAIS DO 1º GRAU DA JUSTIÇA ESTADUAL ( % ) VRTEES'S R$ PROCESSO CÍVEL E DO TRABALHO Outros Procedimentos Atos e expedientes Habilitação para Casamento 2 214 237 239 Art. 20, II Lei 9.974/13 ISENTO Instrução de Rescisória 240 Já abrangidas nas custas da ação

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO DE PROCEDIMENTOS PARA OS CÁLCULOS NA JUSTIÇA FEDERAL

MANUAL DE ORIENTAÇÃO DE PROCEDIMENTOS PARA OS CÁLCULOS NA JUSTIÇA FEDERAL MANUAL DE ORIENTAÇÃO DE PROCEDIMENTOS PARA OS CÁLCULOS NA JUSTIÇA FEDERAL SUMÁRIO Apresentação...7 CAPÍTULO I CUSTAS PROCESSUAIS...8 1 Diretrizes gerais...8 1.1 Normatização...8 1.2 Arrecadação... 1.3

Leia mais

Processo Administrativo Fiscal no Âmbito da Receita Federal do Brasil. Ricardo Antonio Carvalho Barbosa DRJ/Fortaleza/CE 1 13/11/12 RACB RACB

Processo Administrativo Fiscal no Âmbito da Receita Federal do Brasil. Ricardo Antonio Carvalho Barbosa DRJ/Fortaleza/CE 1 13/11/12 RACB RACB 1 Processo Administrativo Fiscal no Âmbito da Receita Federal do Brasil Ricardo Antonio Carvalho Barbosa DRJ/Fortaleza/CE 1 13/11/12 1 2 Relação Tributária Fisco Contribuinte Relação Tributária Ex Lege

Leia mais

2. TABELAS PROCESSUAIS UNIFICADAS DO PODER JUDICIÁRIO

2. TABELAS PROCESSUAIS UNIFICADAS DO PODER JUDICIÁRIO 1. APRESENTAÇÃO O Conselho Nacional de Justiça CNJ, a fim de melhorar os serviços prestados pela Justiça aos cidadãos, visando aprimorar a coleta de informações estatísticas essenciais ao planejamento

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO PROVIMENTO Nº 1.743/2010 Estabelece normas e procedimentos para aplicação do Programa de Gestão de Documentos Arquivísticos do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. O CONSELHO SUPERIOR DA MAGISTRATURA,

Leia mais

TABELA DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS DA OAB/RS

TABELA DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS DA OAB/RS 1. ATIVIDADES AVULSAS OU EXTRAJUDICIAIS 1.1 Consulta R$ 200,00 Consulta em condições excepcionais R$ 500,00 1.2 Hora intelectual R$ 500,00 1.3 Acompanhamento ou exame de documentos em órgão público R$

Leia mais

GUIA DO PREPARO RECURSAL: Como preencher o Documento de Arrecadação Judicial e Extrajudicial (DAJE). No âmbito dos Juizados Especiais

GUIA DO PREPARO RECURSAL: Como preencher o Documento de Arrecadação Judicial e Extrajudicial (DAJE). No âmbito dos Juizados Especiais GUIA DO PREPARO RECURSAL: Como preencher o Documento de Arrecadação Judicial e Extrajudicial (DAJE). No âmbito dos Juizados Especiais Este guia foi organizado para facilitar a elaboração e apresentação

Leia mais

Confira no mapa ao lado os Estados que obrigam a prestação da Carta Fiança / Fiança Bancária por parte da empresa

Confira no mapa ao lado os Estados que obrigam a prestação da Carta Fiança / Fiança Bancária por parte da empresa RR AP Confira no mapa ao lado os Estados que obrigam a prestação da Carta Fiança / Fiança Bancária por parte da empresa desenvolvedora do PAF-ECF. As Medidas Judiciais que desobrigam a prestação da Carta

Leia mais

PARTE I O DIREITO DA VÍTIMA OU OFENDIDO EM FASE A CONSEQUÊNCIA DA PRÁTICA DO DELITO CAPÍTULO I DOS DIREITOS HUMANOS

PARTE I O DIREITO DA VÍTIMA OU OFENDIDO EM FASE A CONSEQUÊNCIA DA PRÁTICA DO DELITO CAPÍTULO I DOS DIREITOS HUMANOS PARTE I O DIREITO DA VÍTIMA OU OFENDIDO EM FASE A CONSEQUÊNCIA DA PRÁTICA DO DELITO CAPÍTULO I DOS DIREITOS HUMANOS 1, Os Direitos Humanos...,...,...,... 01 2. Comentários sobre Alguns Artigos da Declaração

Leia mais

Inventário e Partilha

Inventário e Partilha 108 Inventário e Partilha Flávia de Azevedo Faria Rezende Chagas 1 O palestrante, Dr. Sérgio Ricardo de Arruda Fernandes, iniciou sua explanação abordando a abertura da via extrajudicial, prevista na Resolução

Leia mais

Valor da URH URH de Agosto: R$ 121,60

Valor da URH URH de Agosto: R$ 121,60 TABELA DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS OAB/DF Valor da URH URH de Agosto: R$ 121,60 APRESENTAÇÃO Prezado(a) Colega, Bastante oportuna a publicação da Tabela de Honorários, uma vez promovida a sua necessária

Leia mais

2 - FORO JUDICIAL - OUTROS DOCUMENTOS

2 - FORO JUDICIAL - OUTROS DOCUMENTOS 2 - FORO JUDICIAL - OUTROS DOCUMENTOS 2-1 - Acórdãos 2-1 - Acórdãos 5 anos* 5 anos X - *Cópias de acórdãos -1-1 - -1-2 - -1-3 - 2-1-1 - Acórdãos - conclusões 2-1-2 - Acórdãos - publicados 2-1-3 - Acórdãos

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO. Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira

ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO. Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira QUINTA SELEÇÃO PARA ADMISSÃO AO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO PROCESSUAL CIVIL E DO TRABALHO

Leia mais

TÍTULO I DAS CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIAS DO RECLAMANTE

TÍTULO I DAS CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIAS DO RECLAMANTE Insubsistente pelo advento da Lei 10.035, de 25.10.2000, DOU de 26.10.2000. PROVIMENTO Nº 208 (*) Dispõe sobre os procedimentos relativos à execução de contribuições sociais a teor do disposto no artigo

Leia mais

Metas Nacionais do Poder Judiciário 2014

Metas Nacionais do Poder Judiciário 2014 - 2014 Glossários e Esclarecimentos Versão 2 - Março / 2014 Secretaria- Geral Departamento de Gestão Estratégica Metas Nacionais do Poder Judiciário 2014 Glossários e Esclarecimentos Versão 2 Março / 2014

Leia mais

2 - Qualquer pessoa pode reclamar seu direito nos Juizados Especiais Cíveis?

2 - Qualquer pessoa pode reclamar seu direito nos Juizados Especiais Cíveis? Tribunal de Justiça do Estado de Goiás Juizados Especias Perguntas mais freqüentes e suas respostas 1 - O que são os Juizados Especiais Cíveis? Os Juizados Especiais Cíveis são órgãos da Justiça (Poder

Leia mais

CRONOGRAMA GERAL 26 de março às 9h30 04 de maio 06 de maio 22 de maio - 30 de maio

CRONOGRAMA GERAL 26 de março às 9h30 04 de maio 06 de maio 22 de maio - 30 de maio CRONOGRAMA GERAL 26 de março às 9h30 Apresentação pesquisa 04 de maio Fechamento comercial 06 de maio Entrega do material 22 de maio - Evento de premiação 30 de maio Publicação da revista Considerando

Leia mais

I INFORMAÇÕES GERAIS

I INFORMAÇÕES GERAIS I INFORMAÇÕES GERAIS 1. Guias de Recolhimento das Custas DARF Documentos de Arrecadação de Receitas Federais V. Instrução Normativa STN nº 736/2007 Onde pagar nas agências da Caixa Econômica Federal ou,

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS PODER JUDICIÁRIO JUÍZO DE DIREITO DA VARA DO ÚNICO OFÍCIO DE BOCA DA MATA EDITAL DE SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS

ESTADO DE ALAGOAS PODER JUDICIÁRIO JUÍZO DE DIREITO DA VARA DO ÚNICO OFÍCIO DE BOCA DA MATA EDITAL DE SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS ESTADO DE ALAGOAS PODER JUDICIÁRIO JUÍZO DE DIREITO DA VARA DO ÚNICO OFÍCIO DE BOCA DA MATA EDITAL DE SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS O Doutor ANDRÉ GUASTI MOTTA, MM Juiz de Direito Titular da Comarca de Boca da

Leia mais

A executada PATRÍCIA DOMINGUES DOS SANTOS opôs embargos à execução às fls. 862/875 dos autos.

A executada PATRÍCIA DOMINGUES DOS SANTOS opôs embargos à execução às fls. 862/875 dos autos. PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 8ª REGIÃO 7ª VARA DO TRABALHO DE BELÉM Processo: 0000239-19.2012.5.08.0007 Exequente : ANTONIO CLAUDIO DARWICH CNPJ/CPF:044.002.007-79 BORGES LEAL Executado

Leia mais

O CONVÊNIO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO E A UNIVERSIDADE DO OESTE PAULISTA: RESULTADOS ESTATÍSTICOS (ANO BASE 2007) DO CARTÓRIO DO

O CONVÊNIO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO E A UNIVERSIDADE DO OESTE PAULISTA: RESULTADOS ESTATÍSTICOS (ANO BASE 2007) DO CARTÓRIO DO O CONVÊNIO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO E A UNIVERSIDADE DO OESTE PAULISTA: RESULTADOS ESTATÍSTICOS (ANO BASE 2007) DO CARTÓRIO DO ANEXO II DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL DA UNOESTE... 969

Leia mais

1. PRINCÍPIOS DOS JUIZADOS ESPECIAIS CRIMINAIS art. 62 da Lei 9.009/95 2. OBJETIVOS DO JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL

1. PRINCÍPIOS DOS JUIZADOS ESPECIAIS CRIMINAIS art. 62 da Lei 9.009/95 2. OBJETIVOS DO JUIZADO ESPECIAL CRIMINAL 1 PROCESSO PENAL PROCESSO PENAL PONTO 1: Princípios dos Juizados Especiais Criminais PONTO 2: Objetivos PONTO 3: Competência PONTO 4: Fase Policial PONTO 5: Fase Judicial PONTO 6: Recursos PONTO 7: Atos

Leia mais

Prefeitura Municipal de Nova Ubiratã Gestão: 2001/2004 LEI N 200/2001 DATA: 20 DE DEZEMBRO DE 2001

Prefeitura Municipal de Nova Ubiratã Gestão: 2001/2004 LEI N 200/2001 DATA: 20 DE DEZEMBRO DE 2001 LEI N 200/2001 DATA: 20 DE DEZEMBRO DE 2001 SÚMULA: SÚMULA REGULAMENTA OS SERVIÇOS DE FISCALIZAÇÃO REALIZADOS EM ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS, INDUSTRIAIS, PRESTADORES DE SERVIÇOS, E DA OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

VALOR ATUAL IGPM ACUMULADO CORREÇÃO PARTE GERAL: 1 - Ações de Jurisdição Contenciosa ou que assumam este caráter: 2.084,74 3,8476 80,21 2.

VALOR ATUAL IGPM ACUMULADO CORREÇÃO PARTE GERAL: 1 - Ações de Jurisdição Contenciosa ou que assumam este caráter: 2.084,74 3,8476 80,21 2. 2 0 0 7 PARTE GERAL: 1 - Ações de Jurisdição Contenciosa ou que assumam este caráter: 2.084,74 3,8476 80,21 2.164,95 2 - Recursos: A) interposição de qualquer recurso 1.042,37 3,8476 40,11 1.082,47 B)

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI N o 10.259, DE 12 DE JULHO DE 2001. Vigência Regulamento Dispõe sobre a instituição dos Juizados Especiais Cíveis e Criminais no

Leia mais

FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES CURSO DE DIREITO PRÁTICA JURÍDICA

FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES CURSO DE DIREITO PRÁTICA JURÍDICA FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES CURSO DE DIREITO PRÁTICA JURÍDICA Regras Básicas para as Atividades de Prática Jurídica a partir do ano letivo de 2010 Visitas Orientadas 72 Horas 36 horas para atividades

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO DISTRITO FEDERAL E DOS TERRITÓRIOS. Conforme Portaria GPR Nº 1107, de 15 de setembro de 2009.

REGIMENTO INTERNO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO DISTRITO FEDERAL E DOS TERRITÓRIOS. Conforme Portaria GPR Nº 1107, de 15 de setembro de 2009. REGIMENTO INTERNO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO DISTRITO FEDERAL E DOS TERRITÓRIOS Conforme Portaria GPR Nº 1107, de 15 de setembro de 2009. PARTE PRIMEIRA DA ORGANIZAÇÃO, DA COMPOSIÇÃO E DA COMPETÊNCIA DO

Leia mais

Procuradoria da Dívida Ativa - PG-05

Procuradoria da Dívida Ativa - PG-05 Procuradoria da Dívida Ativa - PG-05 Neste REFIS, somente débitos inscritos em Dívida Ativa; Débitos não inscritos poderão ser incluídos, se requerida a inscrição até 30/04/2012 diretamente no órgão de

Leia mais

3. PROCESSO: CONCEITO E FINALIDADE... 27 3.1. Processo eleitoral e seu caráter público... 27 3.2. Processo coletivo... 28

3. PROCESSO: CONCEITO E FINALIDADE... 27 3.1. Processo eleitoral e seu caráter público... 27 3.2. Processo coletivo... 28 STF00094716 Sumório 1. DIREITO ELEITORAL................. 19 2. PROCESSO ELEITORAL................ 25 3. PROCESSO: CONCEITO E FINALIDADE............... 27 3.1. Processo eleitoral e seu caráter público......

Leia mais

ENUNCIADOS. Suspensão Condicional do Processo. Lei Maria da Penha e Contravenções Penais

ENUNCIADOS. Suspensão Condicional do Processo. Lei Maria da Penha e Contravenções Penais ENUNCIADOS Suspensão Condicional do Processo Enunciado nº 01 (001/2011): Nos casos de crimes de violência doméstica e familiar contra a mulher não se aplica a suspensão condicional do processo. (Aprovado

Leia mais

ANEXO II PLANO DIRETOR DE DESENVOLVIMENTO URBANO AMBIENTAL DE CAPÃO DA CANOA GRUPOS DE ATIVIDADES.

ANEXO II PLANO DIRETOR DE DESENVOLVIMENTO URBANO AMBIENTAL DE CAPÃO DA CANOA GRUPOS DE ATIVIDADES. 1 ANEXO II PLANO DIRETOR DE DESENVOLVIMENTO URBANO AMBIENTAL DE CAPÃO DA CANOA GRUPOS DE ATIVIDADES. 1.HABITAÇÃO 2.MEIOS DE HOSPEDAGEM 3.COMÉRCIO VAREJISTA I 4.COMÉRCIO VAREJISTA II 5.COMÉRCIO VAREJISTA

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO fls. 109 Registro: 2015.0000135393 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento nº 2030641-49.2014.8.26.0000, da Comarca de São Paulo, em que é agravante FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO

Leia mais

Desembargador Federal Francisco Barros Dias Curriculum Vitae

Desembargador Federal Francisco Barros Dias Curriculum Vitae Desembargador Federal Francisco Barros Dias Curriculum Vitae Novembro/2006 Francisco Barros Dias Curriculum Vitae Dados Pessoais Nome Francisco Barros Dias Nome em citações bibliográficas DIAS, F. B. Sexo

Leia mais

Inteiro Teor (869390)

Inteiro Teor (869390) : Acórdão Publicado no D.J.U. de 19/10/2005 EMENTA PREVIDENCIÁRIO. REVISÃO DA RMI. IRSM DE FEVEREIRO/94 (39,67%). NÃO RETENÇÃO DE IRRF. JUROS MORATÓRIOS. 1. Os salários de contribuição devem ser reajustados,

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL X EXAME DE ORDEM UNIFICADO

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL X EXAME DE ORDEM UNIFICADO PADRÃO DE RESPOSTA - PEÇA PROFISSIONAL Em ação de indenização, em que determinada empresa fora condenada a pagar danos materiais e morais a Tício Romano, o Juiz, na fase de cumprimento de sentença, autorizou

Leia mais

ANEXO IV TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO TABELA DE TEMPORALIDADE E DESTINAÇÃO DE DOCUMENTOS - ÁREA- FIM

ANEXO IV TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO TABELA DE TEMPORALIDADE E DESTINAÇÃO DE DOCUMENTOS - ÁREA- FIM TABELA DE TEMPORALIDADE E DE DOCUMENTOS - ÁREA- FIM 700 ATIVIDADES JUDICIÁIS DE 1ª INSTÂNCIA 710 VARAS DO TRABALHO 710.1 - Alvará de Seguro Desemprego Original - Requerente Até retirada Via - Pasta 2 anos

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DE RORAIMA COLÉGIO DE PROCURADORES DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DE RORAIMA COLÉGIO DE PROCURADORES DE JUSTIÇA EXTRATO DA ATA DA SÉTIMA SESSÃO ORDINÁRIA DO EGRÉGIO COLÉGIO DE PROCURADORES DE JUSTIÇA DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE RORAIMA 2014. Data: 24/11/2014 Horário: 9h Local: Sala de reuniões dos Órgãos

Leia mais

(continuação) Moderna (Didier): questões de admissibilidade ao julgamento do mérito e questões de mérito.

(continuação) Moderna (Didier): questões de admissibilidade ao julgamento do mérito e questões de mérito. Turma e Ano: Direito Público I (2013) Matéria / Aula: Processo Civil / Aula 23 Professor: Edward Carlyle Monitora: Carolina Meireles (continuação) Objeto da Cognição (conhecimento do juiz) Teoria tradicional:

Leia mais