PROCEDIMENTOS DE PINTURA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROCEDIMENTOS DE PINTURA"

Transcrição

1 1

2 PROCEDIMENTOS DE PINTURA 2

3 PROCEDIMENTOS DE PINTURA SISTEMA DE PINTURA PARA ACABAMENTO FINAL EM LATEX PVA PREPARAÇÃO DA SUPERFÍCIE 1. GESSO (PLACA/PASTA) - Aplicar fundo preparador de parede (acrílico) em 1 demão diluído em solvente tipo aguarraz, na proporção 1:1, tomando-se o cuidado com a concentração do fundo preparador, para que o mesmo não deixe a superfície brilhante. De preferência, deve-se aplicar um trecho e verificar se a superfície encontra-se fosca, caso contrário, aumentar a quantidade de diluente até se chegar no ponto desejado. No caso da superfície se encontrar brilhante, proceder lixamento da superfície e adequar a proporção até que a mesma não cause este efeito. OBS: O gesso deve ter sido concluído no mínimo há 30 dias. Não executar pintura sobre gesso em dias de chuva. 2. REBOCO/GESSO ACARTONADO Aplicar selador base PVA ou acrílico em 1 demão diluído com 15% de água APLICAÇÃO DE PINTURA LATEX PVA Aplicar massa corrida PVA em 2 demãos em camadas finas e pressionadas. Esperar secagem mínima de 4 horas em cada demão para proceder lixamento. Lixar para promover aderência da tinta de acabamento e retirar os soltos com escovação da superfície. Aplicar pintura de acabamento Látex PVA, diluído com água, na proporção 10 a 30%(30% quando 1 a demão e 10% para 2 a demão). No caso de banheiros, varandas e locais passíveis de umidade, deve-se adotar por uma tinta de acabamento final Látex Acrílico devendo ser aplicado em 3 demãos, diluído com água na proporção de 20 a 30%(30% quando 1 a e 20% para 2 a demão e 3 a demão, se for necessário). OBS: Nos locais com acabamento final na cor Grafite, misturar as cores branco neve e preto, na proporção 1:2, respectivamente SISTEMA DE PINTURA PARA ACABAMENTO FINAL EM LATEX ACRÍLICO PREPARAÇÃO DA SUPERFÍCIE 1. GESSO (PLACA/PASTA) - Aplicar fundo preparador de parede (acrílico) em 1 demão diluído em solvente tipo aguarraz, na proporção 1:1, tomando-se o cuidado com a concentração do fundo preparador, para que o mesmo não deixe a superfície brilhante. De preferência, deve-se aplicar um trecho e verificar se a superfície encontra-se fosca, caso contrário, aumentar a quantidade de diluente até se chegar no ponto desejado. No caso da superfície se encontrar brilhante, proceder lixamento da superfície e adequar a proporção até que a mesma não cause este efeito. OBS: O gesso deve ter sido concluído por no mínimo 30 dias. 2. REBOCO / GESSO ACARTONADO Aplicar selador acrílico em 1 demão diluído com 15% de água APLICAÇÃO DE PINTURA LATEX ACRÍLICO A) ÁREAS INTERNAS Aplicar massa corrida PVA em 2 demãos em camadas finas e pressionadas. Esperar secagem mínima de 4 horas em cada demão para proceder lixamento. Lixar para promover aderência da tinta de acabamento e retirar os soltos com escovação da superfície. 3

4 Aplicar pintura de acabamento em 03 demãos de látex acrílico, diluído com água na proporção de 20 a 30% na cor a ser definido em projeto (a diluição será 30% quando 1 a e 20% para 2 a demão). B) ÁREAS EXTERNAS Aplicação de massa acrílica em 02 demãos em camadas finas e pressionadas com secagem mínima de 3 horas entre demãos. Lixar para promover aderência e retirar os soltos com escovação da superfície. Aplicar pintura de acabamento em 03 demãos de látex acrílico, diluído com água na proporção de 20 a 30% na cor a ser definido em projeto(a diluição será 30% quando 1 a e 20% para 2 a demão) SISTEMA DE PINTURA PARA ACABAMENTO FINAL EM TEXTURA ACRÍLICA PREPARAÇÃO DA SUPERFÍCIE Lixamento e remoção dos soltos com a escovação da superfície. Aplicar 01 demão de textura diluída em 15% em volume com água ou aplicar base de textura em casos onde o fornecedor já tenha desenvolvido este produto APLICAÇÃO DE TEXTURA ACRÍLICA Aplicar a textura com rolo apropriado. A última passagem do rolo deve ser sempre na vertical de cima para baixo, de modo que as pontas da textura fiquem voltadas para baixo, evitando o acúmulo de poeira e água (observar o consumo mínimo por m²). Para textura em baixo relevo, dilua a textura em 10% (recomendado para área externa - fachadas). Para textura em alto relevo, não diluir (recomendado para área interna) SISTEMA DE PINTURA PARA ACABAMENTO FINAL EM TEXTURIZADO (TEXTURAS ESPECIAIS) PREPERAÇÃO DA SUPERFÍCIE Lixamento e remoção dos soltos com a escovação da superfície. Aplicar 01 demão de textura diluída em 30% em volume com água ou aplicar base de textura em casos onde o fornecedor já tenha desenvolvido este produto APLICAÇÃO DE ACABAMENTO FINAL TEXTURIZADO O acabamento final dependerá do tipo e modelo de textura a ser utilizada, sendo assim, aplicar de acordo com a recomendação de cada fabricante ou pela especificação da arquitetura. As ferramentas utilizadas para aplicação poderão ser: rolo, desempenadeira e objetos diversos. Poderá ser aplicado, dependendo da especificação da arquitetura, um gel envelhecedor, que dará um acabamento envelhecido à superfície SISTEMA DE PINTURA SOBRE MADEIRA PINTURA COM ESMALTE SINTÉTICO PREPARAÇÃO DA SUPERFÍCIE Lixar a superfície manualmente na direção dos veios, para eliminação das fibras e resinas naturais. Retirar o pó restante com pano semi-úmido em solvente tipo raz. Aplicar 01 demão de fundo branco fosco diluído com 10% de solvente tipo raz. 4

5 Aplicar massa óleo, sem diluição para eliminar as imperfeições. Lixar novamente e tirar o pó APLICAÇÃO DO ESMALTE SINTÉTICO Aplicar esmalte sintético (acetinado, fosco ou alto brilho) em 02 demãos, diluído com 10% de solvente tipo raz. Quando da utilização da pistola na aplicação da tinta em esquadrias, deve-se separar local no subsolo para pintura das portas PINTURA COM VERNIZ PREPARAÇÃO DA SUPERFÍCIE Lixar a superfície manualmente na direção dos veios, para eliminação das fibras e resinas naturais. Retirar o pó restante com pano semi-úmido em solvente tipo raz. No caso de superfícies internas, aplicar como primeira demão, seladora concentrada para madeira diluída conforme especificado pelo fabricante. No caso de superfícies externas, aplicar como primeira demão o próprio verniz do acabamento final diluído em solvente tipo raz, na proporção 1:1. Lixar novamente e tirar o pó APLICAÇÃO DE VERNIZ Aplicar em 02 demãos em áreas internas e em 03 ou 04 demãos em áreas externas SISTEMA DE PINTURA SOBRE AÇO CARBONO (FERRO) PINTURA ALQUÍDICA ESMALTE SINTÉTICO PREPARAÇÃO DA SUPERFÍCIE Retirar completamente a carepa de laminação, utilizando lixadeira e escova de aço. Emassar os pontos de solda, fechamentos e viradas. Aplicação de primer (Zarcoral, zarcão) com diluição em 10% com diluente de uso geral APLICAÇÃO DO ESMALTE SINTÉTICO Proceder conforme item OBS: Fazer reforço nos pontos de solda e cantos, em cada demão aplicada PINTURA EPÓXI/POLIURETANO PREPARAÇÃO DA SUPERFÍCIE Retirar completamente a carepa de laminação, utilizando lixadeira e escova de aço ou em caso de estruturas metálicas, fazer a limpeza com jateamento abrasivo padrão SA 21/2 metal quase branco (norma Sueca). Emassar os pontos de solda, fechamentos e viradas. 5

6 Aplicar, imediatamente após a limpeza, macropoxy zinco alumínio ou Sumastic228 primer epoximastic Sumaré (ou similar da marca Internacional), em 01 demão de tal forma que atinja uma película final seca de 120 micrômetros. Antes da aplicação final deverá ser reforçado os pontos de soldas e cantos, utilizando trincha APLICAÇÃO DE PINTURA INTERMEDIÁRIA EPOXÍDICA Aplicar Sher tile HS BR Sumaré(ou similar da marca Internacional), em 01 demão diluído com diluente epoxi na proporção recomendada pelo fabricante, de tal forma que atinja uma película final de 100 micrômetros. Antes da aplicação final deverá ser reforçado os pontos de soldas e cantos, utilizando trincha APLICAÇÃO DE PINTURA DE ACABAMENTO POLIURETÂNO Aplicar como acabamento Sumatane HS brilhante Sumaré(ou similar da marca Internacional), em 02 demãos, diluído com diluente poliuretânico na proporção recomendada pelo fabricante, de tal forma que atinja uma película final seja de 40 micrômetros por demão. Poderá ser aplicado um verniz sobre a pintura de acabamento se a especificação da arquitetura, optar por um acabamento em alto brilho. OBS: Fazer reforço nos pontos de solda e cantos, em cada demão aplicada PINTURA SOBRE AÇO GALVANIZADO PINTURA ALQUÍDICA ESMALTE SINTÉTICO PREPARAÇÃO DA SUPERFÍCIE Lixar levemente a superfície, de forma a produzir maior aderência da pintura. Emassar os pontos de solda, fechamentos e viradas. Aplicação de primer para aço galvanizado(tipo galvite) com diluição em 10% com diluente de uso geral APLICAÇÃO DO ESMALTE SINTÉTICO Aplicar esmalte sintético, em 02 demãos diluído em 10% com solvente tipo raz. Dependendo do tipo e padrão de acabamento, a arquitetura poderá sugerir a forma da aplicação da tinta, podendo ser aplicada com pistola, rolo ou trincha/pincel. Utilizando a pistola para aplicação, se obtém um melhor acabamento, mas com aumento no consumo do material e cuidados maiores deverão ser tomados com a limpeza. OBS: Fazer reforço nos pontos de solda e cantos, em cada demão aplicada PINTURA EPÓXI/POLIURETANO PREPARAÇÃO DA SUPERFÍCIE Lixar levemente a superfície, de forma a produzir maior aderência da pintura. Emassar os pontos de solda, fechamentos e viradas. Aplicar Sumadur SP 530 Sumaré(ou similar da marca Internacional), em 01 demão de tal forma que atinja uma película final seca de 25 micrômetros APLICAÇÃO DE PINTURA INTERMEDIÁRIA EPOXÍDICA Aplicar Sher tile HS BR Sumaré(ou similar da marca Internacional), em 01 demão diluído com diluente epoxi na proporção recomendada pelo fabricante, de tal forma que atinja uma película final de 100 micrômetros. 6

7 APLICAÇÃO DE PINTURA DE ACABAMENTO POLIURETANO Aplicar como acabamento Sumatane HS brilhante Sumaré(ou similar da marca Internacional), em 02 demãos, diluído com diluente poliuretânico na proporção recomendada pelo fabricante, de tal forma que atinja uma película final seja de 40 micrômetros por demão. Poderá ser aplicado um verniz sobre a pintura de acabamento se a especificação da arquitetura, optar por um acabamento em alto brilho CAIAÇÃO Será aplicada com brocha em 03 (três) demãos sobre superfícies predeterminadas em projeto. Deve ser observado a uniformidade da cobertura final PINTURA SOBRE PISO PREPERAÇÃO DA SUPERFÍCIE CIMENTADO QUEIMADO Aplicar ácido muriático diluído a 25% com água e em seguida lavar com bastante água. CIMENTADO lavar com água e detergente neutro, aguardar a secagem completa para pintar. CERÂMICA Limpar a superfície com pano úmido e secar antes de pintar. Após o tratamento de limpeza aplicar, em todos os casos, 01 demão de tinta acrílica recomendada para piso, que suporte abrasão e resistência química, diluído em 30% com água APLICAÇÃO DA PINTURA Aplicar com rolo a 2 a demão de tinta acrílica específica para piso diluído com 10% de água SINALIZAÇÃO Compreende a pintura de 03 (três) faixas, sendo 01 preta e 02 amarelas com a largura de 25cm cada faixa, nos pilares dos estacionamentos indicados no projeto. Sinalização feita com tinta Metalatex acrílico rugoso com quartzo em 02 (duas) demãos. A demarcação das vagas de garagem será com faixas amarelas pintada no piso na largura de 10cm, com tinta própria para piso TRATAMENTO PARA CONCRETO APARENTE Inicialmente será executado o lixamento e raspagem da superfície a ser tratada. Antecede a esta operação, o corte da rebarba de concreto, corte de pontas de ferro, restos de forma etc. Após a limpeza da superfície através do lixamento e raspagem será aplicado uma nata de cimento comum e cimento branco no traço 1:1 e adição de adesivo( bianco ou similar) na proporção indicada pelo fabricante. A aplicação desta pasta deverá eliminar as imperfeições remanescentes, tais como bicheiras ou furos de ancoragem de forma. Será aplicado um lixamento final para acabamento da superfície SISTEMA DE PINTURA ELETROLÍTICA PINTURA A PÓ Este sistema deverá ser aplicado no telhamento metálico da coberta ou em situações onde se recomenda este sistema, como, chapas zincadas e alumínio. 7

8 Mistura mecânica da argamassa colante ou argamassa de rejunte Deverá ser executado por empresa especializada e cor definida pela arquitetura. No caso de telhas que sofrerão processo de cheia (tratamento termo-acústico) deverão ser primeiramente pintadas PINTURA DAS TUBULAÇÕES APARENTES 1.0. Tubulação de gás butano: - Opção 01 - Esmalte sintético alto brilho Duralack Marca Ypiranga, cor Laranja Califórnia-779; - Opção 02 - Esmalte sintético alto brilho Coralit Marca Coral, cor Laranja-351; 2.0. Tubulação de Esgoto: - Opção 01 - Esmalte sintético alto brilho Duralack Marca Ypiranga, cor Preto-712; - Opção 02 - Esmalte sintético alto brilho Coralit Marca Coral, cor Preto-008; 3.0. Tubulação de incêndio: - Opção 01 - Esmalte sintético alto brilho Duralack Marca Ypiranga, cor Vermelho-762; - Opção 02 - Esmalte sintético alto brilho Coralit Marca Coral, cor Vermelho-350; 4.0. Tubulação de Água Pluvial: - Opção 01 - Esmalte sintético alto brilho Duralack Marca Ypiranga, cor Verde Floresta-731; - Opção 02 - Esmalte sintético alto brilho Coralit Marca Coral, cor Verde Folha-651; 4.0. Tubulação de Água Fria (Água potável): - Opção 01 - Esmalte sintético alto brilho Duralack Marca Ypiranga, cor Verde Seda-740; - Opção 02 - Esmalte sintético alto brilho Coralit Marca Coral, cor Verde Nilo-652; 5.0. Eletrodutos: - Opção 01 - Esmalte sintético alto brilho Duralack Marca Ypiranga, cor Cinza Puro-753; - Opção 02 - Esmalte sintético alto brilho Coralit Marca Coral, cor Cinza Escuro-019; 8

O fundo preparador ou selador veda e nivela a superfície; se necessário, pode-se corrigir imperfeições com a massa corrida.

O fundo preparador ou selador veda e nivela a superfície; se necessário, pode-se corrigir imperfeições com a massa corrida. Página 1 de 5 TINTAS E VERNIZES LATEX ACRÍLICO E PVA Criadas para proteger e embelezar as paredes de alvenaria, estruturas metálicas e madeiras, as tintas são aperfeiçoadas para garantir maior desempenho

Leia mais

COMO REALIZAR UMA EXCELENTE PINTURA PREDIAL!

COMO REALIZAR UMA EXCELENTE PINTURA PREDIAL! COMO REALIZAR UMA EXCELENTE PINTURA PREDIAL! Na execução de uma PINTURA, devemos levar em consideração os vários fatores que envolvem as etapas deste processo e suas particularidades. Por exemplo, temos

Leia mais

Aplicações Xadrez Pigmento em Pó

Aplicações Xadrez Pigmento em Pó Dê asas à sua imaginação nas diversas aplicações do Pó Xadrez. Aplicações Xadrez Pigmento em Pó O PÓ XADREZ é um pigmento concentrado que proporciona efeitos decorativos em diversas aplicações. Mais econômico,

Leia mais

Dicas Qualyvinil PROCESSOS DE PINTURA

Dicas Qualyvinil PROCESSOS DE PINTURA Processos de pintura Existem diferentes processos de pintura, mas o segredo para o sucesso e durabilidade do acabamento final, depende invariavelmente da habilidade do profissional e da preparação da superfície.

Leia mais

ORÇAMENTO ESTIMADO Item I Especificação Qude. Preço Unitário Valor Total

ORÇAMENTO ESTIMADO Item I Especificação Qude. Preço Unitário Valor Total Item I Especificação Qude. Preço Unitário Valor Total I.1 I.2 I.3 I.4 I.5 I.6 I.7 I.8 I.9 I.10 I.11 I.12 I.13 I.14 I.15 I.16 TINTA ACRÍLICA COR VERMELHO RUGOSO NR 93, Galão de 3,60 litros, REFERÊNCIA:

Leia mais

SISTEMAS DE PISO EPOXI

SISTEMAS DE PISO EPOXI SISTEMAS DE PISO EPOXI PRODUTO DESCRIÇÃO VEC-601 TUBOFLOOR TEE-556 AUTONIVELANTE Selador epóxi de dois componentes de baixa viscosidade. Revestimento epóxi com adição de sílica para regularização de pisos.

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO 1. Generalidades

MEMORIAL DESCRITIVO 1. Generalidades MEMORIAL DESCRITIVO Memorial descritivo de serviço de pintura geral do prédio da Câmara Municipal de Fortaleza de Minas MG. Compõem este memorial as especificações técnicas acerca dos serviços a serem

Leia mais

MANUAL PRÁTICO DE APLICAÇÃO

MANUAL PRÁTICO DE APLICAÇÃO MANUAL PRÁTICO DE APLICAÇÃO Esperamos que este Manual Prático de Aplicação possa oferecer a você que é usuário das tintas da KING S PAINT, informações importantes para realizar uma pintura de melhor qualidade

Leia mais

PINTURAS EXECUÇÃO. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01 Disc. Construção Civil II

PINTURAS EXECUÇÃO. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01 Disc. Construção Civil II PINTURAS EXECUÇÃO Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01 Disc. Construção Civil II PINTURA EQUIPAMENTOS USUAIS PARA APLICAÇÃO DA PINTURA Ferramentas para PREPARO

Leia mais

Anexo I-A: Serviços de reforma no alojamento de menores da P. J. de Samambaia

Anexo I-A: Serviços de reforma no alojamento de menores da P. J. de Samambaia Serviços de reforma no alojamento de menores da P. J. de Samambaia MEMORIAL DESCRITIVO Anexo I-A: Serviços de reforma no alojamento de menores da P. J. de Samambaia Sumário 1.Considerações gerais...1 2.Serviços

Leia mais

PINTURA DE PISOS INDUSTRIAIS

PINTURA DE PISOS INDUSTRIAIS PINTURA DE PISOS INDUSTRIAIS MANUAL DE BOAS PRÁTICAS E DICAS PARA UMA PINTURA EFICIENTE DE PISO Sempre que desejamos fazer uma pintura de piso, Industrial ou não, devemos ter em mente quais são os objetivos

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO

ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO Item Código comprasnet Qtde Mínima Qtde Máxima Unidade Descrição do Item Valor Unitário Valor mínimo Valor Máximo 01 295318 450,00 860,00 m² Paredes em gesso acartonado

Leia mais

Norma Técnica SABESP NTS 159

Norma Técnica SABESP NTS 159 Norma Técnica SABESP NTS 159 Esquema de pintura para equipamentos e materiais em aço-carbono ou ferro fundido pintados e em contato direto com esgoto Especificação São Paulo Rev. 1 - Outubro - 2001 NTS

Leia mais

TINTAS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho

TINTAS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho TINTAS Conceito Composição química variada, na maioria das vezes orgânica, que apresenta consistência líquida ou pastosa, que aplicada sobre uma superfície, forma um revestimento sólido e contínuo, com

Leia mais

CONSERVANDO TELHADOS

CONSERVANDO TELHADOS A ESCOLHA DA COR Você sabia que o processo industrial empregado na elaboração de tintas ou revestimentos, etc... Somente se encerra com a cura total do produto após sua aplicação! Na maioria dos casos,

Leia mais

COMO INSTALAR : MATERIAIS: IMPORTANTE. O contra piso deve estar:

COMO INSTALAR : MATERIAIS: IMPORTANTE. O contra piso deve estar: COMO INSTALAR : Importante para uma perfeita instalação, obter o resultado especificado pela Revitech Pisos e esperado pelo cliente, a utilização das ferramentas corretas. Ferramentas como a desempenadeira,

Leia mais

Produto Rendimento Espessura Textura Catalisador Aplicações Características. K-4060 Catalise 5 X 1 em volume

Produto Rendimento Espessura Textura Catalisador Aplicações Características. K-4060 Catalise 5 X 1 em volume SISTEMA PU - 4000 - Tintas Industriais Esmalte E-4000 6,5 m2/litro sem diluição. 50 a 60 µm K-4060 Catalise 5 X 1 Excelente acabamento para pintura de caixa eletrônico, ônibus, baús, orelhões, painéis

Leia mais

KIT Nº 14 KIT Nº 2 0.905

KIT Nº 14 KIT Nº 2 0.905 KIT Nº 1 KIT Nº 2 01 Bandeja Grande Ref.0.2823 01 Rolo de Espuma Pop 23 cm Ref.0.13 com cabo Ref. 0.2072 01 Rolo de Espuma Pop 09 cm com cabo Ref. 0.1109. 01 Rolo de Espuma Pop 05 cm c/ cabo Ref. 0.1105

Leia mais

Cerâmicas e porcelanatos

Cerâmicas e porcelanatos Aprenda a limpar cerâmica, porcelanato, laminado, vidro, madeira... De forma geral, pano umedecido e detergente neutro, aplicados depois de varrer a superfície, bastam à limpeza do chão. No caso de alérgicos,

Leia mais

BOLETIM DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS Revisão 006 Julho/2011

BOLETIM DE INFORMAÇÕES TÉCNICAS Revisão 006 Julho/2011 1 - PRODUTO: Acrílico Standard mais rendimento Natrielli. 2 - DESCRIÇÃO: É uma tinta acrílica de alto rendimento apresenta um excelente acabamento em superfícies externas e internas de alvenaria, reboco,

Leia mais

MACTRACOL. Adesivo para chapiscos, argamassas e gesso. Data da última revisão: 01/2010 DEFINIÇÃO

MACTRACOL. Adesivo para chapiscos, argamassas e gesso. Data da última revisão: 01/2010 DEFINIÇÃO Data da última revisão: 01/2010 DEFINIÇÃO MACTRACOL é um adesivo especial à base de resina sintética compatível com cimento, cal, gesso e isopor (EPS). MACTRACOL proporciona às argamassas alto poder de

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA Orçamento Sintético LOTE 01 M/MÊS 600,00 R$ 20,2245 R$ 9.707,78

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA Orçamento Sintético LOTE 01 M/MÊS 600,00 R$ 20,2245 R$ 9.707,78 MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA Orçamento Sintético OBRA : PINTURA GERAL NO COMPLEXO DA PGR DATA: 6/09/ LOTE 0 ITEM DESCRIÇÃO UND. QUANT. TAXAS: LS= 24,33% BASE DE PREÇOS: SINAPI

Leia mais

Boletim Técnico. Cores Azul. Textura Lisa e brilhante.

Boletim Técnico. Cores Azul. Textura Lisa e brilhante. Página 1 de 5 Boletim Técnico Produto Esmalte PU Piscinas Descrição Esmalte PU Piscinas é um esmalte poliuretano bicomponente impermeável ideal para pintura de piscinas de concreto e fibra, deixando-as

Leia mais

ADEPOXI AWWA DF TAR FREE

ADEPOXI AWWA DF TAR FREE DESCRIÇÃO DO PRODUTO Adepoxi TW AWWA é um epóxi modificado de alto sólidos, coaltar free para contato com água potável e produtos alimentícios. Apresenta vantagens com relação a maioria dos produtos tradicionais

Leia mais

Problemas Comuns. Eflorescência

Problemas Comuns. Eflorescência Problemas Comuns Como em qualquer outra área na construção civil, geralmente ocorrem problemas, seja na preparação da superfície ou no acabamento. Os problemas mais freqüentes são: Eflorescência São manchas

Leia mais

AMETISTA PROCEDIMENTOS PRELIMINARES QUE ANTECEDE AS TEXTURAS

AMETISTA PROCEDIMENTOS PRELIMINARES QUE ANTECEDE AS TEXTURAS Manual AMETISTA PROCEDIMENTOS PRELIMINARES QUE ANTECEDE AS TEXTURAS l-avaliçao das superfiçies Verificar se as areas estao secas, isentas de umidade oleo ou graxas,buracos etc... ll-preparaçao de superficies

Leia mais

ANEXO IV ESPECIFICAÇÃO DE PINTURA PARA TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA

ANEXO IV ESPECIFICAÇÃO DE PINTURA PARA TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA Celesc Di Celesc Distribuição S.A. ANEXO IV ESPECIFICAÇÃO DE PINTURA PARA TRANSFORMADORES DE POTÊNCIA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PARA PINTURA SISTEMAS DE PROTEÇÃO ANTICORROSIVA PARA APLICAÇÃO EM : TRANSFORMADORES

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA PINTURA

PROCEDIMENTOS PARA PINTURA PROCEDIMENTOS PARA PINTURA Prof. Marco Pádua Geralmente não é dada a devida importância a qualidade dos serviços de pintura. Sendo a última etapa da construção, as vezes, motivados pela economia procuram-se

Leia mais

MANTA POLIMÉRICA é um impermeabilizante flexível a base de cimentos especiais modificados com polímeros acrílicos de excelente qualidade.

MANTA POLIMÉRICA é um impermeabilizante flexível a base de cimentos especiais modificados com polímeros acrílicos de excelente qualidade. Data da última revisão: 03/2011 DEFINIÇÃO MANTA POLIMÉRICA é um impermeabilizante flexível a base de cimentos especiais modificados com polímeros acrílicos de excelente qualidade. MANTA POLIMÉRICA é fácil

Leia mais

ADEPOXI HTSE (HUMID TOLERANT SURFACE)

ADEPOXI HTSE (HUMID TOLERANT SURFACE) DESCRIÇÃO DO PRODUTO Adepoxi HTSE é um epóxi primer e acabamento de altos sólidos, utilizado sobre superfícies tratadas com hidrojateamento bem como sobre superfícies úmidas (não molhadas) e em condições

Leia mais

PLACOSTIL - Acabamentos

PLACOSTIL - Acabamentos 01 142 PLACOSTIL - Acabamentos Índice da Atividade Massas e Fitas 144 Tratamento ou Execução de Juntas 144 Fitas de Acabamento 144 Massas 145 Tipos de Juntas 146 145 Orientações Gerais 146 Juntas Níveis

Leia mais

CIMENTADO QUEIMADO COM PO DE MARMORE

CIMENTADO QUEIMADO COM PO DE MARMORE CIMENTADO QUEIMADO COM PO DE MARMORE INGREDIENTES: 1)Cimento estrutural ( Branco ou Comum) 2)Pó de mármore 3)Junta de dilatação 4)Oxido de ferro 5)Adesivo para cimento (Bianco) 1)O cimento utilizado para

Leia mais

EMBALAGENS: Componente A Wegpoxi ADA 314 Balde (19 L) Componente B Wegpoxi 3015 componente B 10003158 (1 L)

EMBALAGENS: Componente A Wegpoxi ADA 314 Balde (19 L) Componente B Wegpoxi 3015 componente B 10003158 (1 L) WEGPOXI ADA 314 DESCRIÇÃO DO PRODUTO: Revestimento epoxi poliamida bicomponente, com função antiderrapante. Alta dureza, resistente a água, óleos, sais. Proporciona uma película de alta textura e consequentemente

Leia mais

FISPQ LIMPA PORCELANATO. FICHA DE SEGURANÇA de produtos químicos

FISPQ LIMPA PORCELANATO. FICHA DE SEGURANÇA de produtos químicos LIMPA PORCELANATO CARACTERÍSTICA DO PRODUTO: É um limpador alcalino especialmente formulado para limpeza leve e pesada em pisos tratados com acabamentos acrílicos, pisos não tratados como porcelanato.

Leia mais

Como escolher a tinta adequada a determinado serviço? A resposta a essa questão requer, primeiro, conhecimentos das características

Como escolher a tinta adequada a determinado serviço? A resposta a essa questão requer, primeiro, conhecimentos das características Tintas Um problema Como escolher a tinta adequada a determinado serviço? A resposta a essa questão requer, primeiro, conhecimentos das características e tipos de tintas. Introdução Na aula anterior, vimos

Leia mais

Prefeitura Municipal de Patos de Minas Secretaria Municipal de Administração. PREGÃO Nr. 094/2009 ANEXO I. Proposta de Preços. Processo: 9580/2009

Prefeitura Municipal de Patos de Minas Secretaria Municipal de Administração. PREGÃO Nr. 094/2009 ANEXO I. Proposta de Preços. Processo: 9580/2009 PREGÃO Nr. 094/2009 ANEXO I Proposta de Preços Processo: 9580/2009 Razão Social do Licitante: CNPJ: Insc. Estadual: Endereço: Bairro: Cidade: Estado: Telefone : Fax : e-mail : INFORMACÕES PARA PAGAMENTOS

Leia mais

GUIA PRÁTICO. www.yalen.com.br DE PINTURA PROCEDIMENTOS TÉCNICOS SOLUÇÃO DE PROBLEMAS

GUIA PRÁTICO. www.yalen.com.br DE PINTURA PROCEDIMENTOS TÉCNICOS SOLUÇÃO DE PROBLEMAS www.yalen.com.br GUIA PRÁTICO PROCEDIMENTOS TÉCNICOS SOLUÇÃO DE PROBLEMAS UMA SELEÇÃO DE INFORMAÇÕES NECESSÁRIAS, PARA QUALQUER PROFISSIONAL DA PINTURA. Caro Amigo (a), Este guia foi desenvolvido para

Leia mais

RECOMENDAÇÕES DE USO: Utilizado para pintura de pisos industriais, oficinas, áreas que solicitem sanitização do ambiente. Uso interno e externo.

RECOMENDAÇÕES DE USO: Utilizado para pintura de pisos industriais, oficinas, áreas que solicitem sanitização do ambiente. Uso interno e externo. WEGPOXI ANA 301 DESCRIÇÃO DO PRODUTO: Tinta epoxi poliamina bicomponente, de alto teor de sólidos, com pigmentação especial, de secagem rápida. Revestimento aplicável em uma única demão em alta espessura

Leia mais

Faculdade Sudoeste Paulista Curso de Engenharia Civil Técnicas da Construção Civil

Faculdade Sudoeste Paulista Curso de Engenharia Civil Técnicas da Construção Civil AULA 15 - PINTURA A pintura é um serviço de obra tão importante como qualquer outro, e é um grave erro não lhe dar uma atenção condizente, ela deve ser projetada e executada segundo técnica adequada, não

Leia mais

INDICE 1. CAPA 1. CAPA 2. PRODUTO 3. ARMAZENAMENTO 4. ASSENTAMENTO 5. REJUNTAMENTO 6. LIMPEZA

INDICE 1. CAPA 1. CAPA 2. PRODUTO 3. ARMAZENAMENTO 4. ASSENTAMENTO 5. REJUNTAMENTO 6. LIMPEZA INDICE 1. CAPA 2. PRODUTO 3. ARMAZENAMENTO 4. ASSENTAMENTO 5. REJUNTAMENTO 6. LIMPEZA 7. PROTEÇÃO 8. DECK 9. COTTO 10. EKKO 11. REVESTIMENTOS 12. ENTREGA E SAC 1. CAPA PARABÉNS! Você adquiriu um produto

Leia mais

MICROCIM EP. Micro Cimento Decorativo Revisão: Agosto / 2013. DESCRIÇÃO. Sistema MICROCIM EP: Performance: CARACTERÍSTICAS / VANTAGENS

MICROCIM EP. Micro Cimento Decorativo Revisão: Agosto / 2013. DESCRIÇÃO. Sistema MICROCIM EP: Performance: CARACTERÍSTICAS / VANTAGENS Micro Cimento Decorativo Revisão: Agosto / 2013. DESCRIÇÃO O é um sistema de revestimento decorativo de alta performance, de base cimentícia, com apelo estético rústico, agradável ao toque e ao olhar,

Leia mais

Impermeável Protector Resistente impermeabilizações objectivo - problema - solução objectivo 1 Prevenir a infiltração de água para os pavimentos e paredes das cozinhas, casas de banho, balneários e outros

Leia mais

TINTAS E VERNIZES MCC1001 AULA 7

TINTAS E VERNIZES MCC1001 AULA 7 TINTAS E VERNIZES MCC1001 AULA 7 Disciplina: Materiais de Construção I Professora: Dr. a Carmeane Effting 1 o semestre 2014 Centro de Ciências Tecnológicas Departamento de Engenharia Civil DEFINIÇÃO: TINTAS

Leia mais

OXY-PRIMER CONVERSOR DE FERRUGEM E PRIMER BOLETIM TÉCNICO

OXY-PRIMER CONVERSOR DE FERRUGEM E PRIMER BOLETIM TÉCNICO OXY-PRIMER CONVERSOR DE FERRUGEM E PRIMER BOLETIM TÉCNICO O produto OXY-PRIMER é um tipo de tinta de cobertura cimentosa que não é composto de resinas normais, mas que adere como cimento. O cimento adere

Leia mais

MORADORES DO ASFALTO TÊM VISÃO PRECONCEITUOSA EM RELAÇÃO A FAVELAS

MORADORES DO ASFALTO TÊM VISÃO PRECONCEITUOSA EM RELAÇÃO A FAVELAS CONHECIMENTOS GERAIS de 01 a 20 Leia atentamente o texto a seguir para responder às questões de 01 a 15. TEXTO: MORADORES DO ASFALTO TÊM VISÃO PRECONCEITUOSA EM RELAÇÃO A FAVELAS 5 10 15 20 25 30 Pesquisa

Leia mais

ADEPOXI 2630 PRIMER TINTA EPOXI FOSFATO DE ZINCO ALTA ESPESSURA N - 2630

ADEPOXI 2630 PRIMER TINTA EPOXI FOSFATO DE ZINCO ALTA ESPESSURA N - 2630 ADEPOXI 2630 PRIMER TINTA EPOXI FOSFATO DE ZINCO ALTA ESPESSURA N - 2630 DESCRIÇÃO DO PRODUTO Revestimento epóxi poliamida de alta espessura e baixo teor de voláteis orgânicos, bi-componente, pigmentado

Leia mais

Av Dr. Cardoso de Mello, 1340 - cjto. 131 - Vila Olímpia Cep: 04548-004 - São Paulo - SP Fone/Fax: 11 3054-1480

Av Dr. Cardoso de Mello, 1340 - cjto. 131 - Vila Olímpia Cep: 04548-004 - São Paulo - SP Fone/Fax: 11 3054-1480 www.abrafati.com.br Av Dr. Cardoso de Mello, 1340 - cjto. 131 - Vila Olímpia Cep: 04548-004 - São Paulo - SP Fone/Fax: 11 3054-1480 Rua Júlio Diniz, 56 - cjto 41 - Vila Olímpia Cep: 04547-090 - São Paulo

Leia mais

DESCRIÇÃO E/OU FOLHAS ATINGIDAS

DESCRIÇÃO E/OU FOLHAS ATINGIDAS ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA N : ET-810-CGC-007 USUÁRIO: CEGÁS 1 de 7 FOLHA: OBJETO AMPLIAÇÃO DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE GÁS NATURAL RAMAL DE DISTRIBUIÇÃO PARA ATENDIMENTO A CLIENTES REV. Í N D I C E D E R E

Leia mais

Reforma nas Atuais Dependências da Capela Mortuária do Cemitério Municipal de Indaial MEMORIAL DESCRITIVO

Reforma nas Atuais Dependências da Capela Mortuária do Cemitério Municipal de Indaial MEMORIAL DESCRITIVO Reforma nas Atuais Dependências da Capela Mortuária do Cemitério Municipal de Indaial MEMORIAL DESCRITIVO Indaial, Junho de 2014 CONSIDERAÇÕES INICIAIS Este memorial tem por objetivo descrever e especificar

Leia mais

PINTURA DE KITS Caros modelistas!

PINTURA DE KITS Caros modelistas! PINTURA DE KITS Caros modelistas! Buscamos sempre em nossos trabalhos a representação da realidade em miniatura, e independente de estarmos utilizando materiais de laser cut, plástico, resina ou metal,

Leia mais

Construção de Edícula

Construção de Edícula Guia para Construção de Edícula Guia do montador Mais resistência e conforto para sua vida. As paredes com Placas Cimentícias Impermeabilizadas e Perfis Estruturais de Aço Galvanizado para steel framing

Leia mais

Manual Técnico de Pintura

Manual Técnico de Pintura Manual Técnico de Pintura Prezado Cliente Hidracor, Pensando na melhor forma de atendê-lo e tirar suas dúvidas, a Tintas Hidracor desenvolveu este Manual Técnico de Pintura. Prático e de rápida consulta,

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO Rio Branco, Acre Brasil

MEMORIAL DESCRITIVO Rio Branco, Acre Brasil MEMORIAL DESCRITIVO Rio Branco, Acre Brasil ÍNDICE DO MEMORIAL DESCRITIVO 1. INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE O PROJETO 2. CONSTRUÇÃO 3. INSTALAÇÕES 4. COBERTURA 5. DISPOSIÇÕES FINAIS 1. INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE

Leia mais

Florença Revestimentos Cimentícios Recomendações Técnicas

Florença Revestimentos Cimentícios Recomendações Técnicas Florença Revestimentos Cimentícios Recomendações Técnicas Produto/variações Devido ao processo de fabricação e aplicação de gel envelhecedor, os revestimentos cimentícios, podem apresentar pequenas variações

Leia mais

Norma Técnica SABESP NTS 144

Norma Técnica SABESP NTS 144 Norma Técnica SABESP NTS 144 Esquema de pintura para equipamentos e materiais em aço-carbono ou ferro fundido novos e sujeitos à umidade freqüente Especificação São Paulo Maio - 2001 NTS 144 : 2001 Norma

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO/TÉCNICO

MEMORIAL DESCRITIVO/TÉCNICO MEMORIAL DESCRITIVO/TÉCNICO PROPRIETÁRIO: Prefeitura Municipal de Carmo de Minas. ENDEREÇO: Rua Luiz Gomes, nº. 150, Bairro: Centro, CEP: 37472-000. CNPJ: 18.188.243/0001-60. ENDEREÇO DA OBRA: Rua Euclides

Leia mais

JUSTIÇA FEDERAL DE 1º GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO ADEQUAÇÕES ÀS EXIGÊNCIAS DO CORPO DE BOMBEIROS E PMV

JUSTIÇA FEDERAL DE 1º GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO ADEQUAÇÕES ÀS EXIGÊNCIAS DO CORPO DE BOMBEIROS E PMV 01 DEMOLIÇÕES E RETIRADAS 01.01 Demolição de concreto armado para correção da área de abertura dos poços de ventilação de tomada de ar exterior (devem ter área mínima de Térreo - acesso às galerias m³

Leia mais

ED. PUERTO MADERO MEMORIAL DESCRITIVO

ED. PUERTO MADERO MEMORIAL DESCRITIVO ED. PUERTO MADERO MEMORIAL DESCRITIVO MEMORIAL DE ACABAMENTO PAVIMENTO SEMI-ENTERRADO Garagem Piso: Cimentado áspero. Parede: Pintura PVA branca. Teto: Reboco paulista e pintura PVA. Piso: Cerâmica esmaltada

Leia mais

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES GLOBAIS DE SERVIÇOS E MATERIAIS REFORMA E ADAPATAÇÃO DO PRÉDIO DA ANTIGA CPFL - GRADUAÇÃO

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES GLOBAIS DE SERVIÇOS E MATERIAIS REFORMA E ADAPATAÇÃO DO PRÉDIO DA ANTIGA CPFL - GRADUAÇÃO CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES GLOBAIS DE SERVIÇOS E MATERIAIS REFORMA E ADAPATAÇÃO DO PRÉDIO DA ANTIGA CPFL - GRADUAÇÃO INSTITUTO UNI-FAMEMA / OSCIP Marília/SP ÍNDICE 1. PRELIMINARES. 2. DEMOLIÇÕES E RETIRADAS.

Leia mais

G U I A T É C N I C O

G U I A T É C N I C O Os produtos da Brogliato passam por um processo de controle de qualidade em seu processo produtivo, assim qualquer dano e irregularidade são corrigidos imediatamente na empresa para que os revestimentos

Leia mais

EMBALAGENS: Componente A Lackpoxi N 2288 Aluminio 10002969 Balde (20 L) Componente B Lackpoxi N 2288 componente B 10003000 (20 L)

EMBALAGENS: Componente A Lackpoxi N 2288 Aluminio 10002969 Balde (20 L) Componente B Lackpoxi N 2288 componente B 10003000 (20 L) LACKPOXI N 2288 DESCRIÇÃO DO PRODUTO: Primer epóxi poliamina bicomponente, pigmentado com alumínio. Tolerante a superfícies tratadas com limpeza manual ou mecânica. Revestimento anticorrosivo com alta

Leia mais

REVESTIMENTO DEFACHADA. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I

REVESTIMENTO DEFACHADA. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I REVESTIMENTO DEFACHADA Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I FUNÇÕES DO REVESTIMENTO DE FACHADA Estanqueida de Estética CONDIÇÕES DE INÍCIO

Leia mais

ÍNDICE. Tinta Acrílica 04 06. Tinta Látex Acrílica. Tinta Acrílica Cortex 10 12. Resina Protetora Pedra e Telha. Texturas 16 18.

ÍNDICE. Tinta Acrílica 04 06. Tinta Látex Acrílica. Tinta Acrílica Cortex 10 12. Resina Protetora Pedra e Telha. Texturas 16 18. Tinta Acrílica 04 06 Tinta Látex Acrílica Tinta Acrílica Cortex 10 12 Resina Protetora Pedra e Telha Texturas 16 18 Gel de Efeitos Tinta Piso 22 24 Tinta Gesso Esmalte Base Água 26 30 Esmalte Sintético

Leia mais

FABRICANTES PRINCIPAIS: PLACO LAFARGE KNAUF

FABRICANTES PRINCIPAIS: PLACO LAFARGE KNAUF GESSO FABRICANTES PRINCIPAIS: PLACO LAFARGE KNAUF Paredes de gesso Paredes de blocos de gesso: Construção semelhante a de alvenaria convencional, utilizando-se gesso e massa de gesso em vez de tijolos

Leia mais

PINTURAS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01 Disc. Construção Civil II

PINTURAS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01 Disc. Construção Civil II PINTURAS Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turma C01 Disc. Construção Civil II PINTURA s.f. Ato ou efeito de pintar. Camada de recobrimento de uma superfície, com funções

Leia mais

ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO

ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO 4.1 APRESENTAÇÃO O presente memorial descritivo tem por finalidade determinar os detalhes de acabamento, tipo e a qualidade dos materiais a serem utilizados

Leia mais

Como pintar azulejos e revestimentos cerâmicos para renovar sua cozinha ou banheiro

Como pintar azulejos e revestimentos cerâmicos para renovar sua cozinha ou banheiro Dar fim às estampas antigas, disfarçar manchas do tempo ou até eliminar a aparência da cerâmica. Tudo isso é viável, desde que se use a tinta certa Há duas técnicas para que o jeitão antigo do seu azulejo

Leia mais

Residencial Recanto do Horizonte

Residencial Recanto do Horizonte MEMORIAL DESCRITIVO Residencial Recanto do Horizonte FUNDAÇÃO E ESTRUTURA As Fundações serão executadas de acordo com o projeto estrutural, elaborado de acordo com as normas técnicas pertinentes e baseadas

Leia mais

Guia Técnico de Pintura

Guia Técnico de Pintura Guia Técnico de Pintura III - Telhados, Rufos, III.1 TELHADOS Principais Patologias Com o passar do tempo e muitas vezes também pela falta de manutenção anual, acumulam-se nos telhados de telha de barro,

Leia mais

4- CONSIDERAÇÕES GERAIS

4- CONSIDERAÇÕES GERAIS Prefeitura do Município de São Miguel Arcanjo 1 Secretaria Municipal de Obras e Serviços Praça Antonio Ferreira Leme, 53 Centro CEP 18230-000 SÃO MIGUEL ARCANJO-SP - Fone. 15 3279.8000 e-mail: obras@saomiguelarcanjo.sp.gov.br

Leia mais

CORES Além das cores de catálogo pode-se obter outros tons misturando as cores entre sí.

CORES Além das cores de catálogo pode-se obter outros tons misturando as cores entre sí. TINTA ACRÍLICA PREMIUM MACTRA é uma tinta acrílica fosca com excelente desempenho. Sua FÓRMULA EVOLUTION oferece ótima cobertura, secagem rápida, fácil aplicação e baixo odor, proporcionando uma pintura

Leia mais

Ministério da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE Coordenação Geral de Infraestrutural Educacional CGEST

Ministério da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE Coordenação Geral de Infraestrutural Educacional CGEST Ministério da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE Coordenação Geral de Infraestrutural Educacional CGEST MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO PADRÃO PARA QUADRA POLIESPORTIVA COBERTA COM

Leia mais

Belo Horizonte - MG Interface com Outros Subsistemas

Belo Horizonte - MG Interface com Outros Subsistemas Belo Horizonte - MG Interface com Outros Subsistemas 10/11/2009 Carlos Chaves LOG Gestão de Obras Subsistemas Deus está nos detalhes Mies van der Rohe (1886-1969) Pavilhão alemão na Feira Mundial de Barcelona

Leia mais

VtintaI = / / (Litros) VtintaF = / / (Litros)

VtintaI = / / (Litros) VtintaF = / / (Litros) ANEXO A TINTAS PLANILHA N o 2.18. Observador: Alternativas para redução dos desperdícios de materiais nos canteiros de obra MEDIÇÃO DE ESTOQUE (VtintaI E VtintaF): TINTA LÁ TEX ACRÍLICA OU LÁ TEX PVA A.

Leia mais

Boletim Técnico NAVALZONE 954

Boletim Técnico NAVALZONE 954 DESCRIÇÃO DO PRODUTO: Primer acabamento epoxi modificado bicomponente de alto teor de sólido e alta espessura, com pigmentação anticorrosiva para superfície de aço. Produto desenvolvido para a aplicação

Leia mais

Tratamento de Superfície para diversos Substratos. 1. Aço carbono

Tratamento de Superfície para diversos Substratos. 1. Aço carbono Antes de iniciar uma pintura, preocupe-se em primeiro lugar com a segurança, sua e das pessoas próximas. As tintas em geral possuem certo grau de toxidade, por isso deixe o local o mais arejado possível,

Leia mais

Realize seu sonho venha para o paraíso

Realize seu sonho venha para o paraíso Arraial do Cabo Realize seu sonho venha para o paraíso Arraial do Cabo é o município conhecido como a "capital do mergulho". As praias de águas transparentes e areia muito branca tornam sua costa um dos

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE DOURADO CNPJ 51.814.960/0001-26. Projeto Básico

PREFEITURA MUNICIPAL DE DOURADO CNPJ 51.814.960/0001-26. Projeto Básico Projeto Básico Pintura e reparos na Escola Municipal de Ensino Fundamental Senador Carlos José Botelho 1.0 Objeto Trata-se de obra de pintura e correção de reparos no edifício da escola, tombado pelo Patrimônio.

Leia mais

Quem é craque nas vendas só tem a ganhar. Quem é craque na pintura não fica pra trás.

Quem é craque nas vendas só tem a ganhar. Quem é craque na pintura não fica pra trás. O Craques da Pintura é um programa da Condor que promove o treinamento de vendedores e pintores, visando deixá-los ainda melhores naquilo que fazem. Como nesse time só pinta craque, a Condor não podia

Leia mais

PINTURA DE PISOS INDUSTRIAIS

PINTURA DE PISOS INDUSTRIAIS . PINTURA DE PISOS INDUSTRIAIS MANUAL DE BOAS PRÁTICAS DICAS PARA UMA PINTURA EFICIENTE DE PISO Sempre que desejamos fazer uma pintura de piso, Industrial ou não, devemos ter em mente quais são os objetivos

Leia mais

Viaplus 7000 Revestimento Impermeabilizante Cimentício Flexível com Fibras Sintéticas

Viaplus 7000 Revestimento Impermeabilizante Cimentício Flexível com Fibras Sintéticas Ficha Técnica de Produto Versão 20-08-2015 Viaplus 7000 1 /5 Viaplus 7000 Revestimento Impermeabilizante Cimentício Flexível com Fibras Sintéticas 1. Descrição Revestimento impermeabilizante, flexível,

Leia mais

Composição Básica Emulsão Latex Modificada, pigmentos orgânicos e inorgânicos, cargas minerais, aditivo, antibacteria e água.

Composição Básica Emulsão Latex Modificada, pigmentos orgânicos e inorgânicos, cargas minerais, aditivo, antibacteria e água. Boletim Técnico Produto Casacor Acrílico Fosco Branco Descrição Casa limpa, mais saúde e família protegida. Tudo isso em uma tinta: CASA COR Acrílico Super Premium da Tintas Renner. A sua fórmula especial

Leia mais

Construção. Impermeabilizante liquido para preparo de concreto e argamassa. Descrição do Produto Usos. Características / Vantagens.

Construção. Impermeabilizante liquido para preparo de concreto e argamassa. Descrição do Produto Usos. Características / Vantagens. Ficha do Produto Edição 22/04/2011 Sikacim Impermeabilizante Construção Sikacim Impermeabilizante Impermeabilizante liquido para preparo de concreto e argamassa. Descrição do Produto Usos Características

Leia mais

Hotelaria SAÚDE NOVA COLEÇÃO 2013. A segurança de se sentir bem. Recomendado para os segmentos:

Hotelaria SAÚDE NOVA COLEÇÃO 2013. A segurança de se sentir bem. Recomendado para os segmentos: A segurança de se sentir bem. NOVA COLEÇÃO 2013 Crédito Equipotel 2010 - Arquiteta Jorgina Nello Optima Multisafe (cor 3240861), Aquarelle Wall HFS (cor 3942023) Recomendado para os segmentos: SAÚDE Hotelaria

Leia mais

Dicas para a combinação das cores em casa

Dicas para a combinação das cores em casa O uso de selador antes da pintura fecha os poros da parede e impede que grande quantidade de tinta seja desperdiçada. Tintas com brilho destacam as imperfeições das superfícies. Para paredes com saliências

Leia mais

VEDATOP é um revestimento modificado com polímeros acrílicos, de alta aderência e impermeabilidade.

VEDATOP é um revestimento modificado com polímeros acrílicos, de alta aderência e impermeabilidade. Descrição VEDATOP é um revestimento modificado com polímeros acrílicos, de alta aderência e impermeabilidade. Adere perfeitamente ao concreto, à alvenaria e à argamassa. VEDATOP não é tinta de acabamento,

Leia mais

Coleção 2009 Tiragem: 2.000 Abril/2009 605 - Cabreúva Projeto: Rosenbaum Design RECOMENDAÇÕES PARA A INSTALAÇÃO O CONTRAPISO DEVE ESTAR: - Seco e isento de qualquer umidade: perfeitamente curado, impermeabilizado

Leia mais

ESSENCIAL FLEX HOUSE

ESSENCIAL FLEX HOUSE ESSENCIAL FLEX HOUSE ESPECIFICAÇÕES BÁSICAS DE MATERIAIS R4 A PAVIMENTO TIPO 1 PISOS 1.1 Porcellanato Pana Natural 50x50cm, Tratado da Eliane. No Estar, Jantar, Varandas e Circulação. 1.2 Porcelanato polido

Leia mais

AMETISTA REVESTIMENTOS

AMETISTA REVESTIMENTOS AMETISTA REVESTIMENTOS Ficha técnica MASSA CORRIDA É composta de emulsão acrílica, carga minerais inertes e aditivos solúveis em água, desenvolvida para a execução de quaisquer correções em ambientes internos.

Leia mais

TÉCNICAS DE PINTURA EFEITO TITÂNIO ESCOVADO. A sensação de poder e resistência do titânio em suas paredes e móveis. Curso de Pintura 2010 MATERIAL:

TÉCNICAS DE PINTURA EFEITO TITÂNIO ESCOVADO. A sensação de poder e resistência do titânio em suas paredes e móveis. Curso de Pintura 2010 MATERIAL: Clue de Relacionamento Iquine TÉCNICAS DE PINTURA 03 EFEITO TITÂNIO ESCOVADO A sensação de poder e resistência do titânio em suas paredes e móveis. 1. Após preparação correta da superfície, aplique uma

Leia mais

REVESTIMENTO E TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE ESPECIFICAÇÕES OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 2

REVESTIMENTO E TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE ESPECIFICAÇÕES OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 2 1/26 SUMÁRIO OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 2 01 PISO, SOLEIRA E DEGRAU... 2 02 RODAPÉ... 4 03 PAREDE, TETO E BEIRAL... 5 04 PINTURA... 7 05 REVESTIMENTO ESPECIAL...

Leia mais

Desinfetantes Azulim 5 litros

Desinfetantes Azulim 5 litros Produtos e Informações dos mesmos. Desinfetantes Azulim 5 litros Encontrados nas versões: Eucalipto, Floral, Jasmim, Lavanda, Pinho, Talco, Alecrim e Erva doce. O mercado de desinfetantes em embalagens

Leia mais

VEDAPREN cobre a estrutura com uma membrana impermeável e elástica.

VEDAPREN cobre a estrutura com uma membrana impermeável e elástica. Descrição VEDAPREN cobre a estrutura com uma membrana impermeável e elástica. Características Densidade: 1,02 g/cm 3 Aparência: Cor preta Composição básica: emulsão asfáltica modificada com elastômeros

Leia mais

Internacional SOLUTIONS

Internacional SOLUTIONS Internacional SOLUTIONS SILICONE NEUTRO Silicone neutro Impermeabilizante de uso profissional. Inodoro e com fungicida. ADERE EM: Madeira, concreto, tijolo, vidro, PVC, plástico, alumínio, etc. APLICAÇÃO:

Leia mais

Principais funções de um revestimento de fachada: Estanqueidade Estética

Principais funções de um revestimento de fachada: Estanqueidade Estética REVESTIMENTO DE FACHADA Principais funções de um revestimento de fachada: Estanqueidade Estética Documentos de referência para a execução do serviço: Projeto arquitetônico Projeto de esquadrias NR 18 20

Leia mais

Fundo acabamento epóxi poliamida bicomponente, atóxico. Possui certificado de aprovação para contato com água po tável.

Fundo acabamento epóxi poliamida bicomponente, atóxico. Possui certificado de aprovação para contato com água po tável. WEGPOXI 748 DF DESCRIÇÃO DO PRODUTO: Fundo acabamento epóxi poliamida bicomponente, atóxico. Possui certificado de aprovação para contato com água po tável. RECOMENDAÇÕES DE USO: Recomendado para pintura

Leia mais

APLICAÇÃO DE ELASTRON EM CONCRETO 1,5

APLICAÇÃO DE ELASTRON EM CONCRETO 1,5 APLICAÇÃO DE ELASTRON EM CONCRETO 1,5 1.0 - DESCRIÇÃO Esta literatura tem por finalidade servir de guia de aplicação do Elastron sobre Estruturas de Concreto e a Preparação do Substrato. O Sistema consistirá

Leia mais

Sistema de Paredes Trevo Drywall

Sistema de Paredes Trevo Drywall Nome da Empresa DADOS DO FABRICANTE Trevo Industrial de Acartonados S/A. Endereço Av.Josias Inojosa de Oliveira 5000 - Distrito Industrial do Cariri Juazeiro do Norte - CE - CEP 63045-010 Tel/Fax (88)

Leia mais