22, 23 e 24 de Setembro de 2005 Biblioteca Municipal de Beja

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "22, 23 e 24 de Setembro de 2005 Biblioteca Municipal de Beja"

Transcrição

1 22, 23 e 24 de Setembro de 2005 Biblioteca Municipal de Beja - Onde pode retirar as fichas de inscrição (...) quando as vozes do mundo passam por entre as suas folhas, a árvore sorri e escuta as histórias, contos ou lendas que ficaram presas na folhagem e que agora se agitam como asas. Só ela conhece os segredos que o vento traz e semeia pelos campos. Só ela conhece a dimensão da sua raiz. Só ela sabe como os seus frutos demoraram a crescer. Uma árvore assim feita de palavras é coisa nunca vista... e, por isso, em Setembro, são muitos os que a vêm visitar, sentar-se à sombra dela e ler, ouvir e contar. Organização: Câmara Municipal de Beja / Biblioteca Municipal de Beja, Associação para a Defesa do Património Cultural da Região de Beja Parceiros: Instituto Português do Livro e das Bibliotecas, Serviço de Educação e Bolsas da Fundação Calouste Gulbenkian Apoios: Escolar Editora, Região de Turismo Planície Dourada

2 PROGRAMA quase definitivo! h Entrega de pastas 22 de Setembro 10.00h Leituras cruzadas pelas entidades promotoras do encontro 10.30h... ajuda-me a olhar! Pep Duran 11.30h A estética e a poética na literatura de recepção infantil Fernando Fraga Azevedo 14.30h/ 17.30h - OFICINAS 18.30h Entre a prosa poética de um Cinzento Capuchinho ao Como quem diz em verso miudinho! - Matilde Rosa Araújo e António Torrado trocam livros e conversas 22.00h Noite dos Aprendizes do Contar noite de contos assegurada pelos participantes do encontro 24.00h Olh ó pitisco! os petiscos e as música que quisermos e soubermos partilhar

3 PROGRAMA quase definitivo! de Setembro 9.30h... se não me falha a memória! Conversas à porta de casa com poetas e contadores da tradição 10.30h Oralidades a Sul Paulo Lima 11.00h Romanceiro Tradicional para a infância - Aliete Galhoz 12.00h O Zé Craveiro não vai de modas! - trovas e romances por José Craveiro 14.30h/ 17.30h - OFICINAS 18.30h O conto também tem seu mando lançamento do livro Os dez mandamentos dos contos de Maria Teresa Meireles, Emília Traça e Ana de Freitas pela Editora Apenas FESTIVAL DE NARRAÇÃO 23 SETEMBRO Eu conto para que tu sonhes 21.30h Tim Bowley e Cassilda Regueiro 22.30h António Fontinha e Charo Pita 23.30h - Jorge Serafim pirateando com os Piratas de Alejandria

4 PROGRAMA quase definitivo! de Setembro 10.00h Ler com sentido, ler com os sentidos Carlos do Rosário e José Luís Polanco 11.30h Contares e Recontares retrato de um contador de histórias Tim Bowley e Cassilda Regueiro 14.30h/ 17.30h - OFICINAS 18.00h - O lugar onde moram as palavras no dizer dos escritores Alice Vieira e Gustavo Martin Garzo. FESTIVAL DE NARRAÇÃO- 24 SETEMBRO Eu conto para que tu Sonhes 21.30H Marta Escudero 22.30H Carles Garcia Domingues e Cristina Taquelim 24.00h A árvore das palavras... projecto a três mãos e três vozes!

5 OFICINAS Inscrições serão efectuadas durante as manhãs de cada dia no secretariado do encontro Literatura infantil e média - Maurício Leite 22, 23, 24 de Setembro Contar com livros - Pep Duran 22 e 23 de Setembro Escrever para ler José Luís Polanco - 22 e 23 de Setembro Viver o conto - da leitura a oralidade Charo Pita 22 de Setembro Princípios de leitura criativa Paulo Condessa - 22, 23, 24 de Setembro Ler o livro todo: da capa à contracapa João Paulo Cotrim - 22, 23, 24 de Setembro Ler a ilustração - Ju Godinho e Eduardo Filipe 23 e 24 de Setembro Escrever para ler José Fanha 24 de Setembro O que me contam os contos Tim Bowley e Cassilda Rgueiro 22 de Setembro Raconte Tapis - Tapetes que contam histórias Tarak 24 de Setembro A animação à leitura e escrita. Jogando com a compreensão leitora Carles Garcia Domingues - 22 de Setembro O que me contam os contos Carles Garcia Domingues 23 de Setembro Leitura em voz alta - Carlos Paulo - 22, 23, 24 de Setembro Como viajam os contos Marta Escudero 23 e 24 de Setembro ACTIVIDADES PARALELAS Livros na Banca venda de Livros Exposição de originais de ilustração : Rei Artur, Guinevere e Lancelot. História de Amor e de Guerras Ilustrações de Octavia Mónaco para texto Beatrice Masini, (Livros Horizonte, 2005 ). Comissariado de Ju Godinho e Eduardo Filipe Era uma vez nas EB2,3 Sessões de contos nas escolas Eb2,3 do Concelho Contos em línguas várias nas Secundárias Sessões de contos nas escolas secundárias do concelho Contos sem parar Sessões de contos para jardins-de-infância e escolas de primeiro ciclo do concelho de Beja na rua da biblioteca. Com os contadores Patrícia Amaral, Maurício Leite, Ana Santos. Marcações através do telefone Os Papa contos Sessões para pais e filhos na rua da biblioteca com Tapetes que contam histórias, Charo Pita, Luzia do Rosário, Letícia Hertman, Ana Santos, Maurício Leite Tapetes que contam histórias Exposição de tapetes com animação para jardimde-infância por Nuno Coelho, Luís Carmelo e Tarak. Marcações através do telefone Serões na Aldeia Serões em Salvada e Albernoa com os contadores Horácio Santos, José Craveiro, Patrícia Pereira

6 Inscrição Individual (ano 2005) Nome: Profissão: Morada: Telf: Local de trabalho Telf: Junto envio Cheque Nº : Data: / / Recibo a passar em nome de : Vai contar na Noite dos Andarilhos Sim Não Assinatura: Enviar inscrição e pagamento até 9 de Setembro de 2005 para: Palavras Andarilhas / Secretariado Biblioteca Municipal de Beja R. Luís de Camões S/N Beja Técnicos a contactar : Rita Monteiro / Cristina Taquelim Valor de inscrição: 40 pagos na altura da inscrição. Recepção de recibo no momento de entrega das pastas. Cheque emitido à ordem de: Associação para a Defesa do Património Cultural da Região de Beja.

7 Inscrição Institucional (ano 2005) Caracterização da instituição : Nome: Morada: Telf/ Fax: / Nº Contribuinte : Nº de técnicos a inscrever: Requisição Nº: Junto envio Cheque Nº: Emissão de recibo em nome de Data: / / ( colocação dos dados dos técnicos no verso da presente folha ) Enviar inscrição e pagamento até 9 de Setembro de 2005 para: Palavras Andarilhas / Secretariado Biblioteca Municipal de Beja R. Luís de Camões S/N Beja Valor de inscrição: 40 que deverão ser liquidados até 9 de Setembro. Técnicos a contactar : Rita Monteiro / Cristina Taquelim Requisição/Cheque emitido à ordem de: Associação para a Defesa do Património Cultural da Região de Beja / Rua Capitão João Francisco de Sousa, Nº30, 1º, 7800 Beja, Nº de Contribuinte nº

8 Técnicos a inscrever: Inscrição Institucional (ano 2005) Nome: Profissão: Morada pessoal : Telefone pessoal pessoal : Vai contar na Noite dos Andarilhos Sim Não Nome: Profissão: Morada pessoal : Telefone pessoal pessoal : Vai contar na Noite dos Andarilhos Sim Não Nome: Profissão: Morada pessoal : Telefone pessoal pessoal : Vai contar na Noite dos Andarilhos Sim Não Nome: Profissão: Morada pessoal : Telefone pessoal pessoal : Vai contar na Noite dos Andarilhos Sim Não

9 INSCRIÇÃO INSTITUCIONAL (ano 2005) ESTAFETA DOS CONTOS Instituição: Morada: Telf: Fax: Bibliotecário/responsável: E - mail de contacto : Indicar aqui o nome do contador que irá participar na estafeta NOME DO CONTADOR: Idade: Profissão: Morada: Telf: (trabalho) Telf: (pessoal) de contacto : Participou no ano anterior: sim não * Este ano estamos a tentar solicitar às rádios locais a cobertura das sessões em cada concelho. Envie-nos por favor o nome e o da rádio local mais próxima Rádio : Enviar até 9 de Setembro de 2005 para : Palavras Andarilhas / Secretariado Biblioteca Municipal de Beja R. Luís de Camões S/N Beja / Telefone: / Fax: /Técnicos a contactar : Rita Monteiro / Cristina Taquelim

10 ESTAFETA DOS CONTOS (2005) QUEM PODE PARTICIPAR? Este ano a estafeta vai começar no dia 22 de Setembro, durante o encontro. Podem entrar na estafeta todas as bibliotecas da Rede de Leitura Pública, bibliotecas apoiadas pelo IPLB ou Municipais, Ludotecas, Centros Lúdicos, Associações que trabalhem com as palavras, com os Livros, com as Leituras e Património Oral. Os contadores podem ser bibliotecários, técnicos de bibliotecas, animadores, docentes, idosos, crianças, actores, todos os que amam os contos e queiram participar. Cada instituição participante deverá assegurar a organização de uma sessão na sua biblioteca e o transporte dos seus técnicos à biblioteca seguinte.cada sessão não deverá exceder as 60 crianças. No último ano, participaram 53 bibliotecas utilizando várias formas de contar, desde a leitura em voz alta com livro em presença até à narração usando apenas como recurso o gesto e a voz. COMO PARTICIPAR?! Preenchendo e enviando a ficha em anexo até 9 de Setembro. Depois de reunidas todas as inscrições será feito o itinerário, tendo em conta a proximidade geográfica das instituições participantes, de forma a que todos os dias úteis se realize uma sessão de contos de manhã e outra à tarde. Este itinerário será comunicado por fax ou a todas as instituições participantes, pelo que é importante o envio destas duas informações na ficha de inscrição. COMO FUNCIONA A ESTAFETA DE CONTOS?! A primeira biblioteca, agendada no itinerário, fará uma sessão de contos para crianças ou adultos. O seu contador sairá de seguida para a biblioteca mais próxima levando consigo o testemunho conto que entregará ao próximo contador e ao público que aí estiver para ouvir. Esta segunda biblioteca terá de encontrar, localmente ou dentro do seu grupo de técnicos, alguém que conte um conto e que parta para a seguinte biblioteca, passando o testemunho o livro da estafeta. É objectivo da estafeta nunca deixar cair o testemunho e em todos os espaços deverá haver sempre alguém que possa receber o conto e dar continuidade ao itinerário da estafeta de contos. O livro da estafeta é um instrumento indispensável de preencher, já que é o único registo escrito do que durante os vários meses vai acontecendo. Este ano pensamos em introduzir uma nova proposta e que consiste em iniciar cada sessão com a leitura de um poema de um autor português. Bom trabalho!

2-7 Fevereiro 2015 ORGANIZAÇÃO: COM O ALTO PATROCÍNIO DE:

2-7 Fevereiro 2015 ORGANIZAÇÃO: COM O ALTO PATROCÍNIO DE: 2-7 Fevereiro 2015 ORGANIZAÇÃO: COM O ALTO PATROCÍNIO DE: PARCEIROS: MEDIA PARTNER: APRESENTAÇÃO A Fundação O Século leva a cabo em 2015 o 1º Encontro Internacional da Literatura Infanto-Juvenil da Lusofonia,

Leia mais

BIBLIOTECA MUNICIPAL DA FIGUEIRA DA FOZ AGENDA DE ANIMAÇÃO CULTURAL. abril 2013 DIA 2

BIBLIOTECA MUNICIPAL DA FIGUEIRA DA FOZ AGENDA DE ANIMAÇÃO CULTURAL. abril 2013 DIA 2 BIBLIOTECA MUNICIPAL DA FIGUEIRA DA FOZ AGENDA DE ANIMAÇÃO CULTURAL abril 2013 DIA 2 COMEMORAÇÕES DO DIA INTERNACIONAL DO LIVRO INFANTIL ERA UMA VEZ!... ATELIER DE CONSTRUÇÃO DE HISTÓRIA No Dia Internacional

Leia mais

PROGRAMA DE METODOLOGIA DO ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA 11ª Classe

PROGRAMA DE METODOLOGIA DO ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA 11ª Classe PROGRAMA DE METODOLOGIA DO ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA 11ª Classe Formação de Professores para o Pré-Escolar e para o Ensino Primário Opção: Ensino Primário Ficha Técnica Título Programa de Metodologia

Leia mais

BIBLIOTECA MUNICIPAL DA FIGUEIRA DA FOZ

BIBLIOTECA MUNICIPAL DA FIGUEIRA DA FOZ BIBLIOTECA MUNICIPAL DA FIGUEIRA DA FOZ AGENDA DE ANIMAÇÃO CULTURAL OUTUBRO 2012 1 de outubro COMEMORAÇÃO DO DIA INTERNACIONAL DA MÚSICA A Biblioteca assinala esta data com a realização de uma ação cultural

Leia mais

SE O MEU TELEMÓVEL VOASSE

SE O MEU TELEMÓVEL VOASSE SE O MEU TELEMÓVEL VOASSE CONCURSO SOBRE OS DIREITOS DAS CRIANÇAS 1. Apresentação TEMA GERAL DIREITO À DIFERENÇA EU MAIS TU REGULAMENTO DO CONCURSO O IAC-CEDI, Centro de Estudos, Documentação e Informação

Leia mais

Maio mês da cidade Dia 17 de 2012 Feriado Municipal

Maio mês da cidade Dia 17 de 2012 Feriado Municipal Maio mês da cidade Dia 17 de 2012 Feriado Municipal Exposições na Cafetaria e Átrio da Biblioteca Municipal De 18 de Maio a 9 de Junho Exposição Gonçalves Correia a utopia de um cidadão org. Biblioteca

Leia mais

Fernando Azevedo. Universidade do Minho

Fernando Azevedo. Universidade do Minho Fernando Azevedo Universidade do Minho Saber Ler o mundo de forma não ingénua Preencher, com eficiência, os espaços em branco do texto Mobilizar o conhecimento dos quadros de referência intertextuais Dialogar

Leia mais

BIOÉTICA E ÉTICA MÉDICA

BIOÉTICA E ÉTICA MÉDICA BIOÉTICA E ÉTICA MÉDICA CIDES EXT. TELEFONE Direção - Doutor Rui Nunes 26845 220426845 Lic. Filipa Santos (Secretariado) 26840 220426840 Doutora Guilhermina Rego 26844 220426844 Mestre Ivone Duarte 26841

Leia mais

LER a partir dos 8 anos GUIA DE LEITURA MARIAALZIRACABRAL. O livro qu e. só queria. ser lido JOSÉ JORGE LETRIA. Ilustrações de Daniel Silva

LER a partir dos 8 anos GUIA DE LEITURA MARIAALZIRACABRAL. O livro qu e. só queria. ser lido JOSÉ JORGE LETRIA. Ilustrações de Daniel Silva LER a partir dos 8 anos GUIA DE LEITURA MARIAALZIRACABRAL O livro qu e só queria ser lido JOSÉ JORGE LETRIA Ilustrações de Daniel Silva Apresentação da obra Esta é a história de um livro triste. Triste

Leia mais

6 Estimular a Criatividade

6 Estimular a Criatividade OZARFAXINARS N.2 DEZEMBRO 2005 121 6 Estimular a Criatividade Como aspecto menos valorizado pela Escola, a criatividade pode estimular novas formas de o jovem se relacionar com o mundo, desenvolvendo atitudes

Leia mais

Plano de Formação 2015/2016

Plano de Formação 2015/2016 Nº da ação Plano de Formação 2015/ Título e registo de acreditação Formadores Destinatários Modalidade /Nº de horas Datas de início/custos Local 1 Quadros interativos multimédias em Línguas Estrangeiras

Leia mais

Objectivos Proporcionar experiências musicais ricas e diversificadas e simultaneamente alargar possibilidades de comunicação entre Pais e bebés.

Objectivos Proporcionar experiências musicais ricas e diversificadas e simultaneamente alargar possibilidades de comunicação entre Pais e bebés. O estudo do desenvolvimento musical da criança é um campo de trabalho privilegiado pela CMT, tendo em conta o perfil curricular de alguns dos seus elementos, com ligações ao meio universitário. Um pouco

Leia mais

Um lugar de encontro...sempre!

Um lugar de encontro...sempre! Um lugar de encontro...sempre! Caro leitor e amigo, Em Novembro continuamos com um programa bastante diversificado, abrangendo várias faixas etárias e áreas temáticas. Destacamos as actividades para pais

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO EDITAL N 001 DO IV FESTIVAL DE ARTES DAS ESCOLAS DE PALMAS (FAES-PALMAS) SEMED/PMP/TO, DE 09 DE MARÇO DE 2012. Abertura- A Secretaria Municipal

Leia mais

Newsletter 92 - Dezembro 2013 Siga-nos: grupos de leitores 73ª Sessão. infoliteracia Correio Eletrónico ADULTOS

Newsletter 92 - Dezembro 2013 Siga-nos: grupos de leitores 73ª Sessão. infoliteracia Correio Eletrónico ADULTOS ADULTOS Newsletter 92 - Dezembro 2013 Siga-nos: As Bibliotecas Municipais de Oeiras desejam a todos os seus leitores e amigos Feliz Natal e um 2014 cheio de boas leituras! grupos de leitores 73ª Sessão

Leia mais

O livro que falava com o vento e outros contos

O livro que falava com o vento e outros contos LER a partir dos 10 anos GUIA DE LEITURA MARIAALZIRACABRAL O livro que falava com o vento e outros contos JOSÉ JORGE LETRIA Ilustrações de Alain Corbel Apresentação da obra O Livro Que Falava com o Vento

Leia mais

ENPAR 2010 II Encontro de Partilhas: Práticas Educativas de Cidadania

ENPAR 2010 II Encontro de Partilhas: Práticas Educativas de Cidadania Contextualização: A cidadania, na sua prática, implica, de cada indivíduo e do mundo que o rodeia, uma tomada de consciência em contínua evolução, porque se realiza na História. Ou seja, acompanha as mudanças

Leia mais

20 a 23 de novembro de 2008 Galpões da Rotunda. Autor homenageado Ariano Suassuna

20 a 23 de novembro de 2008 Galpões da Rotunda. Autor homenageado Ariano Suassuna 20 a 23 de novembro de 2008 Galpões da Rotunda Autor homenageado Ariano Suassuna Apresentação : Realização: Patrocínio: Apresentação : Apoio: O 2º FELIT foi realizado nos Galpões da Rotunda, que integram

Leia mais

Boletim informativo da Delegação Regional do Sul da Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas Nº 21 / Janeiro 2010

Boletim informativo da Delegação Regional do Sul da Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas Nº 21 / Janeiro 2010 1 Notícia BAD Sul Boletim informativo da Nº 21 / 2010 ISSN 1646-9437 SUMÁRIO Editorial Destaque Projecto de promoção da leitura Entre a (voz) e as palavras Em Foco - no País Prémio Raul Proença 2008 10º

Leia mais

Formação de Português 2013/2014

Formação de Português 2013/2014 Formação de Português 2013/2014 Oficina de formação: Ler para compreender, interpretar, reagir e apreciar 6.ª sessão Objetivos do ensino da leitura de poesia Alimentar o gosto pela sonoridade da língua

Leia mais

Plano de Promoção de Leitura no Agrupamento

Plano de Promoção de Leitura no Agrupamento AGRUPAMENTO DE ESCOLAS MOSTEIRO E CÁVADO Plano de Promoção de Leitura no Agrupamento 1. Apresentação do plano 2. Objectivos gerais 3. Orientações 4. Objectivos específicos 5. Actividades 6. Avaliação 1

Leia mais

Uma experiência em ensinar e aprender linguagem escrita

Uma experiência em ensinar e aprender linguagem escrita Uma experiência em ensinar e aprender linguagem escrita 55 Ana Teberosky neste capítulo propomos uma experiência sobre linguagem escrita cujo enfoque é a interação entre os materiais, a atuação dos professores

Leia mais

SINOPSE DA ACTIVIDADE:

SINOPSE DA ACTIVIDADE: LOCAL: Bib. da Penha de França NOME DA ACTIVIDADE: Histórias divertidas_oficina SINOPSE DA ACTIVIDADE: A partir de um jogo de cartões com personagens, locais e objetos mágicos, serão construídas histórias

Leia mais

O Dia Mundial da Poesia comemora-se a 21 de março, tendo sido criado na 30ª Conferência Geral da UNESCO realizada a 16 de novembro de 1999.

O Dia Mundial da Poesia comemora-se a 21 de março, tendo sido criado na 30ª Conferência Geral da UNESCO realizada a 16 de novembro de 1999. O Dia Mundial da Poesia comemora-se a 21 de março, tendo sido criado na 30ª Conferência Geral da UNESCO realizada a 16 de novembro de 1999. A data visa fazer uma reflexão sobre a livre criação de ideias

Leia mais

Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês

Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês Criar ambientes de partilha; Proporcionar momentos de incentivo à leitura e ao relevo das ilustrações; Facilitar e promover a criatividade e imaginação;

Leia mais

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES 2010/2011. Área Disciplinar: Português

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES 2010/2011. Área Disciplinar: Português Ida ao teatro: Um eléctrico chamado desejo, de Tenessee Williams - Contribuir para o desenvolvimento, nos alunos, de estratégias de escuta global e selectiva; - Proporcionar aos alunos a oportunidade de

Leia mais

12CNG CONGREssO NaCiONal de GEOtECNia GUIMArães 2010

12CNG CONGREssO NaCiONal de GEOtECNia GUIMArães 2010 26 A 29 de abril. GUIMARãES 2010 geotecnia e desenvolvimento sustentável Convite A Sociedade Portuguesa de Geotecnia (SPG) e o Departamento de Engenharia Civil da Universidade do Minho (DEC-UM) têm a honra

Leia mais

Nesta edição, poderá consultar o programa de Oficinas de páscoa e primavera e escolher entre 13 propostas diferentes.

Nesta edição, poderá consultar o programa de Oficinas de páscoa e primavera e escolher entre 13 propostas diferentes. O ficinas Sazonais P E L O U R O D A I N O V A Ç Ã O E Procurando alargar as atividades de educação ambiental aos períodos de férias escolares, em particular às famílias, o Pelouro da Inovação e Ambiente

Leia mais

Retratos de Trabalho

Retratos de Trabalho Retratos de Trabalho Retratos de Trabalho é uma exposição fotográfica organizada pela Cidade das Profissões e pelo Museu da Indústria do Porto que convida a comunidade do Porto a revisitar profissões e

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES (proposta de atividades) Bibliotecas do Agrupamento 2014/2015

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES (proposta de atividades) Bibliotecas do Agrupamento 2014/2015 Metas do Projecto Educativo: PLANO ANUAL DE ATIVIDADES (proposta de atividades) Bibliotecas do 2014/2015 1- A Indisciplina. 2 A Desmotivação dos Alunos Face à Escola e o Insucesso. 3 O Envolvimento dos

Leia mais

EXERÍCIOS DE MODELAGEM DE BANCO DE DADOS

EXERÍCIOS DE MODELAGEM DE BANCO DE DADOS EXERÍCIOS DE MODELAGEM DE BANCO DE DADOS Exercício 1 Construa o modelo Entidades-Relacionamentos a partir da seguinte descrição do sistema: Uma empresa de venda de automóveis retende implementar um sistema

Leia mais

AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014

AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014 AGENDA DE NOVEMBRO E DEZEMBRO DE 2014 O Agrupamento de Escolas N.º2 de Abrantes tem como um dos seus objetivos a plena integração na comunidade de que faz parte. Surge assim como natural a divulgação das

Leia mais

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES (3ª ACTUALIZAÇÃO)

PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES (3ª ACTUALIZAÇÃO) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PÚBLICAS DO CONCELHO DE PROENÇA-A-NOVA (3ª ACTUALIZAÇÃO) (3ª Actualização JULHO/2008) 1 Mês: Abril/2008 ANULAR (Estava na 1ª versão sem data) ANULAR (estava na 2ª versão para o 3º

Leia mais

Livros Falados. Regulamento

Livros Falados. Regulamento Livros Falados Regulamento O Plano Nacional de Leitura/PNL, a VISÃO Júnior, a Direção Geral da Saúde/DGS, o Oceanário de Lisboa e a Rede de Bibliotecas Escolares/RBE convidam as crianças e os jovens do

Leia mais

Projeto Pedagógico e cultural. Histórias da Lusofonia: A ARTE DO DIZER E DO CONTAR

Projeto Pedagógico e cultural. Histórias da Lusofonia: A ARTE DO DIZER E DO CONTAR Projeto Pedagógico e cultural Histórias da Lusofonia: A ARTE DO DIZER E DO CONTAR Quem conta histórias/estórias ultrapassa o tempo e o sonho e transmite, em palavras doces e brandas, alegria para viver

Leia mais

b. Promover a contribuição das artes e humanidades, assim como das ciências, na educação para sustentabilidade.

b. Promover a contribuição das artes e humanidades, assim como das ciências, na educação para sustentabilidade. Integrar, na educação formal e na aprendizagem ao longo da vida, os conhecimentos, valores e habilidades necessárias para um modo de vida sustentável. b. Promover a contribuição das artes e humanidades,

Leia mais

BIBLIOTECA DA ESCOLA SEDE. Turmas Dinamizadoras. Comunidade 2ª feira

BIBLIOTECA DA ESCOLA SEDE. Turmas Dinamizadoras. Comunidade 2ª feira BIBLIOTECA DA ESCOLA SEDE Data Horário Atividades Durante - Exposição dos trabalhos realizados por a manhã professores, alunos e pais/encarregados de educação do Agrupamento no âmbito dos - Equipa das

Leia mais

A água é um fator chave para o desenvolvimento sustentável. Precisamos dela para a saúde, segurança alimentar e progresso económico

A água é um fator chave para o desenvolvimento sustentável. Precisamos dela para a saúde, segurança alimentar e progresso económico A Parceria Portuguesa para a Água e a empresa municipal Águas do Porto organizam, nos dias 7 e 8 de maio, no Teatro Rivoli, a conferência Água para o Desenvolvimento Pontes e Parcerias nos Países de Língua

Leia mais

À DESCOBERTA DAS RAÍZES DO JAPÃO

À DESCOBERTA DAS RAÍZES DO JAPÃO À DESCOBERTA DAS RAÍZES DO JAPÃO Neste curso em oito sessões, João Paulo Oliveira e Costa, professor catedrático e especialista em história do Japão, apresenta as grandes linhas e os momentos especiais

Leia mais

- INFORMAÇÃO. Agricultura Familiar e Comercialização de Proximidade

- INFORMAÇÃO. Agricultura Familiar e Comercialização de Proximidade APRESENTAÇÃO - INFORMAÇÃO Agricultura Familiar e Comercialização de Proximidade A ATAHCA organiza nos dias 10 e 11 de Outubro em Vila Verde um encontro abordando o tema Agricultura Familiar e Comercialização

Leia mais

c u r r i c u l u m v i t a e

c u r r i c u l u m v i t a e c u r r i c u l u m v i t a e Informação pessoal Nome Morada Telefone 912079346 Fax Sousa, Cláudia Cristina Assunção Rua Miguel Bombarda, n.º 3, 4ºDto Viseu Correio electrónico floresdelivro@gmail.com

Leia mais

LEITURA E ESCRITA: O LÚDICO NO ESPAÇO ESCOLAR

LEITURA E ESCRITA: O LÚDICO NO ESPAÇO ESCOLAR LEITURA E ESCRITA: O LÚDICO NO ESPAÇO ESCOLAR Katia Maria de Oliveira CUSTODIO, Ketulem Cristina Vieira ARANTES, Ducéria TARTUCI, Maria Marta Lopes FLORES. Ângela Aparecida DIAS Departamento de Educação,UFG

Leia mais

Apoio à Divulgação do projeto nas escolas

Apoio à Divulgação do projeto nas escolas Apoio à Divulgação do projeto nas escolas A LEITURA Um bem essencial Estimular o gosto pelos livros Diversificar experiências de leitura Detetar dificuldades Intervir o mais cedo possível Um projecto de

Leia mais

Um lugar de encontro...sempre!

Um lugar de encontro...sempre! Um lugar de encontro...sempre! Caro(a) leitor(a) e amigo(a), Em Outubro são várias as razões para nos visitar: com o início do ano lectivo temos várias actividades para grupos e outras para famílias, assim

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSEFA DE ÓBIDOS DEPARTAMENTO DO PRÉ-ESCOLAR

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSEFA DE ÓBIDOS DEPARTAMENTO DO PRÉ-ESCOLAR AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSEFA DE ÓBIDOS DEPARTAMENTO DO PRÉ-ESCOLAR PLANO DE ACTIVIDADES 2006/2007 INTENCIONALIDADE EDUCATIVA O menino tem a capacidade rara de maravilhar-se, de inventar a realidade para

Leia mais

FARMÁCIASGAP CONHEÇA-NOS NUM MINUTO

FARMÁCIASGAP CONHEÇA-NOS NUM MINUTO FARMÁCIASGAP CONHEÇA-NOS NUM MINUTO Quem somos O grupo FARMACIASGAP existe desde 2006 e conta com quatro farmácias distribuídas geograficamente pelos distritos de Lisboa e Setúbal. O nosso principal objectivo

Leia mais

meadas de livros PROGRAMA DE PROMOÇÃO DO LIVRO E DA LEITURA 2010-2011 CONTACTOS cola-te à leitura

meadas de livros PROGRAMA DE PROMOÇÃO DO LIVRO E DA LEITURA 2010-2011 CONTACTOS cola-te à leitura CONTACTOS BM BELÉM - 213 616 620 Rua da Junqueira, 295 BM CAMÕES - 213 422 157 Largo do Calhariz, 17-2º esq. BM DAVID MOURÃO-FERREIRA - 218 536 337 Rua Padre Abel Varzim, 7D - Casal dos Machados BM MARIA

Leia mais

Disponível em: http://www.portacurtas.com.br/filme.asp?cod=2844

Disponível em: http://www.portacurtas.com.br/filme.asp?cod=2844 Filme: Juro que vi: O Curupira Gênero: Animação Diretor: Humberto Avelar Ano: 2003 Duração: 11 min Cor: Colorido Bitola: 35mm País: Brasil Disponível em: http://www.portacurtas.com.br/filme.asp?cod=2844

Leia mais

9.ª EDIÇÃO 24 Fevereiro a 02 Março ORGANIZAÇÃO SINDICATO DOS JOGADORES PROFISSIONAIS DE FUTEBOL PRODUÇÃO RM PREMIUM EVENTS

9.ª EDIÇÃO 24 Fevereiro a 02 Março ORGANIZAÇÃO SINDICATO DOS JOGADORES PROFISSIONAIS DE FUTEBOL PRODUÇÃO RM PREMIUM EVENTS 9.ª EDIÇÃO 24 Fevereiro a 02 Março ORGANIZAÇÃO SINDICATO DOS JOGADORES PROFISSIONAIS DE FUTEBOL PRODUÇÃO RM PREMIUM EVENTS conceito O futebol, fonte de paixão e emoção, continua a potenciar extremismos

Leia mais

Avaliação do Projecto Curricular

Avaliação do Projecto Curricular Documento de Reflexão Avaliação do Projecto Curricular 2º Trimestre Ano Lectivo 2006/2007 Actividade Docente desenvolvida Actividade não lectiva Com base na proposta pedagógica apresentada no Projecto

Leia mais

Um lugar de encontro...sempre!

Um lugar de encontro...sempre! Caro(a) leitor(a) e amigo(a), Um lugar de encontro...sempre! Num mês que se adivinha frio, a Biblioteca surge como uma alternativa, onde pode disfrutar de momentos bem passados, num local aconchegante

Leia mais

Plano de Atividades da Rede de Bibliotecas de Mealhada. Ano Letivo 2012-2013

Plano de Atividades da Rede de Bibliotecas de Mealhada. Ano Letivo 2012-2013 Plano de Atividades da Rede de Bibliotecas de Mealhada Ano Letivo 2012-2013 Domínio de Intervenção: 1. Planeamento e Gestão 1.1. Cooperação / Articulação Inter-bibliotecas Grupo de Trabalho Concelhio Objectivos:

Leia mais

Plano Anual de Atividades PNL. Ano Letivo - 2014-2015

Plano Anual de Atividades PNL. Ano Letivo - 2014-2015 Plano Anual de Atividades PNL Ano Letivo - 2014-2015 Ler é... «Aprender, refletir, relacionar, descobrir, crescer, viajar no tempo e no espaço é, acima de tudo, um infinito e incomparável prazer». Rosa

Leia mais

Newsletter 67 - Setembro 2011 Siga-nos: Café com letras Maria Teresa Horta

Newsletter 67 - Setembro 2011 Siga-nos: Café com letras Maria Teresa Horta ADULTOS Café com letras Maria Teresa Horta 28.Setembro - 21h30 Newsletter 67 - Setembro 2011 Siga-nos: Maria Teresa Horta nasceu em Lisboa. Estudou na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Jornalista

Leia mais

Câmara Municipal de Lisboa

Câmara Municipal de Lisboa Câmara Municipal de Lisboa Direcção Municipal de Cultura Divisão de Gestão de Bibliotecas O REGICÍDIO, 100 ANOS DEPOIS (1908-2008) PROGRAMAÇÃO HEMEROTECA MUNICIPAL DE LISBOA BIBLIOTECA MUSEU REPÚBLICA

Leia mais

Formação em Gestão de Fundos de Investimento Imobiliário 2009. 28 e 29 de Outubro Hotel Trópico, Luanda

Formação em Gestão de Fundos de Investimento Imobiliário 2009. 28 e 29 de Outubro Hotel Trópico, Luanda Formação em Gestão de Fundos de Investimento Imobiliário 2009 28 e 29 de Outubro Hotel Trópico, Luanda Formação em Gestão de Fundos Imobiliários A formação em Gestão de Fundos de Investimento Imobiliário

Leia mais

Museu e Memória: os objectos contam a sua história Os objectos que encontras nos museus contam diversas histórias, sobre quem os fez, onde foram

Museu e Memória: os objectos contam a sua história Os objectos que encontras nos museus contam diversas histórias, sobre quem os fez, onde foram 4 Museu e Memória: os objectos contam a sua história Os objectos que encontras nos museus contam diversas histórias, sobre quem os fez, onde foram feitos e quando foram feitos. Queres saber algumas das

Leia mais

Centro de Informação Europeia Jacques Delors. Oferta formativa

Centro de Informação Europeia Jacques Delors. Oferta formativa Oferta formativa 2009/2010 Centro de Informação Europeia Jacques Delors DGAE / Ministério dos Negócios Estrangeiros Curso de Formação «A Cidadania Europeia e a Dimensão Europeia na Educação» Formação acreditada,

Leia mais

Centro de Competência de Ciências Sociais Departamento de Ciências da Educação 1º Ciclo de Ciências da Educação. Programa. Unidade Curricular

Centro de Competência de Ciências Sociais Departamento de Ciências da Educação 1º Ciclo de Ciências da Educação. Programa. Unidade Curricular Centro de Competência de Ciências Sociais Departamento de Ciências da Educação 1º Ciclo de Ciências da Educação Programa Unidade Curricular Gestão de Projectos em Educação Área Científica Educação Regência

Leia mais

Projectos aprovados recebem um apoio de dois milhões de euros

Projectos aprovados recebem um apoio de dois milhões de euros NOTA DE IMPRENSA Projectos aprovados recebem um apoio de dois milhões de euros PROGRAMAÇÃO CULTURAL EM REDE A NORTE RECEBE NOVOS APOIOS DO ON.2 A autoridade de gestão do ON.2 O Novo Norte (Programa Operacional

Leia mais

Escola Básica 23 do Estreito de Câmara de Lobos

Escola Básica 23 do Estreito de Câmara de Lobos Lista de livros adoptados para o 5º Ano Ciências da Natureza 978-989-647-163-7 CSI 5 - Ciências Sob Investigação - 5.º Ano Vítor Lima, Adriana Ramos Educação Física 978-972-41-3837-4 O Movimento 5º/6º

Leia mais

ISPA Instituto Universitário

ISPA Instituto Universitário ISPA Instituto Universitário Marketing na Saúde Uma ferramenta para todos os profissionais de saúde. "Está na altura de dominar melhor o mercado" 18 e 25 de Outubro 2014, ISPA (12 horas intensivas) Destinatários

Leia mais

Associação Portuguesa de Apoio a África. Escolinha Primária e Biblioteca da FL Vida Projeto Mais Além

Associação Portuguesa de Apoio a África. Escolinha Primária e Biblioteca da FL Vida Projeto Mais Além Associação Portuguesa de Apoio a África Escolinha Primária e Biblioteca da FL Vida Projeto Mais Além Moçambique Dondo 2013 APOIAR Objetivo Geral: Desenvolver Projetos no Sector da Educação e da Saúde para

Leia mais

PROJETO DE LEITURA PRÉ-LEITURA

PROJETO DE LEITURA PRÉ-LEITURA PROJETO DE LEITURA PRÉ-LEITURA ATIVIDADES ANTERIORES À LEITURA INTENÇÃO: LEVANTAR HIPÓTESES SOBRE A AUTORA, SOBRE O LIVRO, INSTIGAR A CURIOSIDADE E AMPLIAR O REPERTÓRIO DO ALUNO Para o professor Ou isto

Leia mais

Histórias com sombras

Histórias com sombras Histórias com sombras Oficina de planificação, preparação e apresentação de um teatro de sombras Descobrir as técnicas para construção de um teatro de sombras, é a proposta desta oficina, em que as crianças

Leia mais

LER a partir dos 6 anos GUIA DE LEITURA MARIAALZIRACABRAL. Histórias a rimar. para ler e brincar ALEXANDRE PARAFITA. Ilustrações de Elsa Navarro

LER a partir dos 6 anos GUIA DE LEITURA MARIAALZIRACABRAL. Histórias a rimar. para ler e brincar ALEXANDRE PARAFITA. Ilustrações de Elsa Navarro LER a partir dos 6 anos GUIA DE LEITURA MARIAALZIRACABRAL Histórias a rimar para ler e brincar ALEXANDRE PARAFITA Ilustrações de Elsa Navarro Apresentação da obra Trata-se de um conjunto de poemas curtos,

Leia mais

Equipa de Animação Pedagógica Mosteiro dos Jerónimos e Torre de Belém

Equipa de Animação Pedagógica Mosteiro dos Jerónimos e Torre de Belém Visita com Atelier -Animais do Mundo Era uma vez um rei chamado Manuel I que gostava de animais... Vamos através da história deste Mosteiro, conhecer os animais que no séc. XVI chegavam a Lisboa vindos

Leia mais

O legado de AGOSTINHO DA SILVA 15 anos após a sua morte i

O legado de AGOSTINHO DA SILVA 15 anos após a sua morte i O legado de AGOSTINHO DA SILVA 15 anos após a sua morte i LUÍS CARLOS SANTOS luis.santos@ese.ips.pt Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal 1- Agostinho da Silva, um adepto da Educação

Leia mais

As propostas do. Dimensão Histórica Cívica Artística Social Pedagógica

As propostas do. Dimensão Histórica Cívica Artística Social Pedagógica As propostas do LIVRO Livre Dimensão Histórica Cívica Artística Social Pedagógica Dimensão Histórica: Conhecimento do passado histórico: 25 de Abril, Estado Novo, Guerra Colonial, Descolonização e Democracia;

Leia mais

* Tempo = 45minutos Grupo 300 Página 1 de 8

* Tempo = 45minutos Grupo 300 Página 1 de 8 Conteúdos Objectivos/Competências a desenvolver Tempo* Estratégias Recursos Avaliação Apresentação: Turma e professor Programa Critérios de avaliação Normas de funcionamento Conhecer os elementos que constituem

Leia mais

Na abertura de mais um COLE: compromissos e emoções - TEXTO DE ABERTURA 17º COLE

Na abertura de mais um COLE: compromissos e emoções - TEXTO DE ABERTURA 17º COLE Na abertura de mais um COLE: compromissos e emoções - TEXTO DE ABERTURA 17º COLE O COLE nasceu criado. Parece contraditório dizer a expressão nascer criado, mas a idéia é de que o COLE, ao nascer, não

Leia mais

magazine A inaugurar a época de bom tempo e de boas sardinhas

magazine A inaugurar a época de bom tempo e de boas sardinhas magazine DESTAQUES Junho 2012 Santos populares Amera 3.0 Planos ambiciosos de animação edição 34 90 exemplares www.amera.com.pt 21 444 75 30 SANTOS POPULARES A inaugurar a época de bom tempo e de boas

Leia mais

SOBRE ESTE LIVRO > SIGAM AS PISTAS...

SOBRE ESTE LIVRO > SIGAM AS PISTAS... As pistas e propostas de trabalho que se seguem são apenas isso mesmo: propostas e pistas, pontos de partida, sugestões, pontapés de saída... Não são lições nem fichas de trabalho, não procuram respostas

Leia mais

MEDIATECA PLANO DE ACTIVIDADES 2009/2010

MEDIATECA PLANO DE ACTIVIDADES 2009/2010 Mediateca Plano de Actividades 2009/2010 pág. 1/6 Introdução MEDIATECA PLANO DE ACTIVIDADES 2009/2010 A Mediateca estrutura-se como um sector essencial do desenvolvimento do currículo escolar e as suas

Leia mais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais A 796 Neuza Soraia Rodrigues Carvalhas Direito e Processual 729 Maria Teresa Barros Ferreira Direito e Processual 938 Rute Isabel Bexiga Ramos Direito e Processual 440 Inês Lopes Raimundo Direito e Processual

Leia mais

Inscrição. Encontra se aberta a participação a interessados exteriores às instituições que integram a organização da Conferência.

Inscrição. Encontra se aberta a participação a interessados exteriores às instituições que integram a organização da Conferência. Inscrição Encontra se aberta a participação a interessados exteriores às instituições que integram a organização da Conferência. As inscrições são limitadas ao número de 30. Preço da inscrição 25 000$00

Leia mais

colégio santo américo

colégio santo américo prosa centro de estudos 1º semestre / 2010,,,,, colégio santo américo P a l e s t r a s A arte do desenho na educação O desenho é um fazer criativo e reflexivo, imprescindível na escola. Seu percurso na

Leia mais

NOME Grau Académico Título Especialista Vínculo Laboral Acumulação. Não. Sim. Quadro de pessoal da API

NOME Grau Académico Título Especialista Vínculo Laboral Acumulação. Não. Sim. Quadro de pessoal da API A ESEI Maria Ulrich é uma escola do ensino superior particular e cooperativo cuja entidade instituidora e contratadora é a Associação de Pedagogia Infantil (API). No artigo 22º dos seus estatutos, clarifica

Leia mais

Contação de Histórias PEF

Contação de Histórias PEF Contação de Histórias PEF Qual a importância da narração oral? -Exerce influência tanto sobre aspectos intelectuais quanto emocionais da criança. -Tem a capacidade de estimular a imaginação, a criatividade

Leia mais

GOA BOARD OF SECONDARY AND HIGHER SECONDARY EDUCATION STD XII PORTUGUESE- S.L. II. MODEL PAPER MARCH 2016 onwards O PÃO DOS OUTROS

GOA BOARD OF SECONDARY AND HIGHER SECONDARY EDUCATION STD XII PORTUGUESE- S.L. II. MODEL PAPER MARCH 2016 onwards O PÃO DOS OUTROS GOA BOARD OF SECONDARY AND HIGHER SECONDARY EDUCATION STD XII PORTUGUESE- S.L. II MODEL PAPER MARCH 2016 onwards TIME: 2 HRS 30 MINS MAX. MARKS: 80 Texto 1 Leia o texto com atenção: O PÃO DOS OUTROS A

Leia mais

DESAFIAR, EMPREENDER E INOVAR QUALIFICAR O DESENVOLVIMENTO SOCIAL LOCAL 17 20 JAN 11 SANTA MARIA DA FEIRA

DESAFIAR, EMPREENDER E INOVAR QUALIFICAR O DESENVOLVIMENTO SOCIAL LOCAL 17 20 JAN 11 SANTA MARIA DA FEIRA DESAFIAR, EMPREENDER E INOVAR QUALIFICAR O DESENVOLVIMENTO SOCIAL LOCAL 17 20 JAN 11 SANTA MARIA DA FEIRA desafiar, empreender e inovar qualificar o desenvolvimento social local De 17 a 20 de Janeiro de

Leia mais

ANALISAR OBJECTOS ARTÍSTICOS

ANALISAR OBJECTOS ARTÍSTICOS ANALISAR OBJECTOS ARTÍSTICOS Um dos aspectos essenciais à história da arte, à antropologia e à museologia, a análise de objectos artísticos e antropológicos é o tema deste workshop em 10 sessões, orientado

Leia mais

Apoio à Preparação de Voluntários de Leitura Um projeto de cidadania Missão Potenciar o desenvolvimento de uma rede nacional de volutariado na área da promoção da leitura. Objectivos centrais Apoiar iniciativas;

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Plano Anual de Atividades Ano letivo O Plano Anual de Actividades constitui-se como um documento orientador das actividades desenvolvidas 2015/2016 ao longo do ano lectivo. Desta forma, nas páginas que

Leia mais

Agenda de junho 2012

Agenda de junho 2012 Agenda de junho 2012 Exposições temporárias 01 a 30 de junho de passagem pelo ambiente Criado em 5 de junho de 1972, pela Assembleia Geral da ONU, o Dia Mundial do Meio Ambiente, foi o marco da abertura

Leia mais

Planificação Anual Departamento 1.º Ciclo

Planificação Anual Departamento 1.º Ciclo Modelo Dep-01 Agrupamento de Escolas do Castêlo da Maia Planificação Anual Departamento 1.º Ciclo Ano: 2º Ano letivo 2013.2014 Disciplina: Estudo do Meio Turmas : 2º ano Professores: todos os docentes

Leia mais

BIBLIOTECA MUNICIPAL de LOULé

BIBLIOTECA MUNICIPAL de LOULé BIBLIOTECA MUNICIPAL de loulé PROJECTO LEIA O Projeto LEIA Leitura Assistida, visa a inclusão social, facilitando e promovendo a aplicação de ferramentas inclusoras orientadas para uma população em isolamento

Leia mais

PLANO DE PROMOÇÃO DA LEITURA. Agrupamento de Escolas Mosteiro e Cávado

PLANO DE PROMOÇÃO DA LEITURA. Agrupamento de Escolas Mosteiro e Cávado PLANO DE PROMOÇÃO DA LEITURA Agrupamento de Escolas Mosteiro e Cávado 2014 1.Apresentação do plano 2. Objetivos gerais 3. Orientações 4. Objetivos específicos 5. Atividades 6. Avaliação 7. Aneos A leitura

Leia mais

PROGRAMA REDE SOCIAL Co-financiado pelo Estado Português, Ministério da Segurança Social e do Trabalho PLANO DE ACÇÃO 2005-2006

PROGRAMA REDE SOCIAL Co-financiado pelo Estado Português, Ministério da Segurança Social e do Trabalho PLANO DE ACÇÃO 2005-2006 PROGRAMA REDE SOCIAL Co-financiado pelo Estado Português, Ministério da Segurança Social e do Trabalho PLANO DE ACÇÃO 2005-2006 Documento elaborado pelo: Conselho Local de Acção Social do Concelho do Núcleo

Leia mais

LITERATURA INFANTIL: INTERAÇÃO E APRENDIZAGEM

LITERATURA INFANTIL: INTERAÇÃO E APRENDIZAGEM LITERATURA INFANTIL: INTERAÇÃO E APRENDIZAGEM Adriana Bragagnolo i ( Universidade de Passo Fundo) 1. NOTA INICIAL O presente texto objetiva socializar reflexões a respeito da literatura infantil no cenário

Leia mais

Ficha Técnica Edição CM Lourinhã Sector de Acção Social CM Torres Vedras Sector de Assuntos Sociais, Saúde e Habitação

Ficha Técnica Edição CM Lourinhã Sector de Acção Social CM Torres Vedras Sector de Assuntos Sociais, Saúde e Habitação Ficha Técnica Edição CM Lourinhã Sector de Acção Social CM Torres Vedras Sector de Assuntos Sociais, Saúde e Habitação Coordenação Mafalda Teixeira Coordenadora da Rede Social da Lourinhã Nélia Feliciano

Leia mais

VAMOS PROCURAR A ARQUITETURA 2ª Edição I ESPAÇOS PÚBLICOS

VAMOS PROCURAR A ARQUITETURA 2ª Edição I ESPAÇOS PÚBLICOS VAMOS PROCURAR A ARQUITETURA 2ª Edição I ESPAÇOS PÚBLICOS A Secção Regional do Norte da Ordem dos Arquitectos (OASRN) convida todas as Instituições de Ensino da Região Norte, a participar na 2ª edição

Leia mais

HISTÓRIAS DA AJUDARIS

HISTÓRIAS DA AJUDARIS CIDADANIA COM AFETOS Pequenos Gestos, Grandes Corações! HISTÓRIAS DA AJUDARIS AJUDARIS: "Pequenos Gestos, Grandes Corações" Instituição Particular de Solidariedade Social de Utilidade Pública Registo IPSS

Leia mais

XVIII JORNADAS PEDAGÓGICAS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

XVIII JORNADAS PEDAGÓGICAS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL XVIII JORNADAS PEDAGÓGICAS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL LEARNSCAPES Paisagens educativas Paisagens educativas (LearnScapes) definem-se como "locais onde um programa de aprendizagem foi desenhado para permitir

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MARCO DE CANAVESES Nº 1 (150745) Actividades/Iniciativas Objectivos Intervenientes/ Público-alvo

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MARCO DE CANAVESES Nº 1 (150745) Actividades/Iniciativas Objectivos Intervenientes/ Público-alvo Escola E.B. 2,3 de Toutosa Ano letivo: 2013/2014 PLANO ANUAL DE ACTIVIDADES BIBLIOTECA ESCOLAR D Gestão da BE Actividades diárias: ü Orientação do serviço das Assistentes Operacionais ü Orientação do trabalho

Leia mais

SEQUÊNCIA DE ENSINO _ APRENDIZAGEM Nº1 COMPETÊNCIAS OBJETIVOS CONTEÚDOS ESTRATÉGIAS AVALIAÇÃO TEMPO

SEQUÊNCIA DE ENSINO _ APRENDIZAGEM Nº1 COMPETÊNCIAS OBJETIVOS CONTEÚDOS ESTRATÉGIAS AVALIAÇÃO TEMPO SEQUÊNCIA DE ENSINO _ APRENDIZAGEM Nº1 COMPETÊNCIAS OBJETIVOS CONTEÚDOS ESTRATÉGIAS AVALIAÇÃO TEMPO Competência(s) Visada(s) de Comunicação: componentes linguística, discursiva/textual, sociolinguística

Leia mais

PROPOSTA DE PROGRAMA DE ACÇÃO PEDAGÓGICA SOBRE ARQUITECTURA, CIDADE E TERRITÓRIO PARA CRIANÇAS ANDREIA SALAVESSA

PROPOSTA DE PROGRAMA DE ACÇÃO PEDAGÓGICA SOBRE ARQUITECTURA, CIDADE E TERRITÓRIO PARA CRIANÇAS ANDREIA SALAVESSA PROPOSTA DE PROGRAMA DE ACÇÃO PEDAGÓGICA SOBRE ARQUITECTURA, CIDADE E TERRITÓRIO PARA CRIANÇAS ANDREIA SALAVESSA OLHAR PARA VER OBJECTIVOS O desafio passa por analisar o meio construído segundo as suas

Leia mais

------- Maria Conceição Leite Cabral --------------------------------------------------------------------------------------- ------- Maria José

------- Maria Conceição Leite Cabral --------------------------------------------------------------------------------------- ------- Maria José ATA Nº 6 ------- Aos cinco dias do mês de novembro do ano de dois mil e treze, nesta cidade de Matosinhos e Edifício dos Paços do Concelho, encontram-se reunidos: Dr.ª Clarisse Castro, Diretora do Departamento

Leia mais

A NOVA LEI DAS ASSOCIAÇÕES PÚBLICAS PROFISSIONAIS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES

A NOVA LEI DAS ASSOCIAÇÕES PÚBLICAS PROFISSIONAIS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES A NOVA LEI DAS ASSOCIAÇÕES PÚBLICAS PROFISSIONAIS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES 24 e 25 de Setembro de 2014 PROGRAMA Entidades organizadoras Instituto de Ciências Jurídico-Políticas Coordenação científica

Leia mais

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014 5º1 1 ANA CATARINA R FREITAS SIM 2 BEATRIZ SOARES RIBEIRO SIM 3 DIOGO ANTÓNIO A PEREIRA SIM 4 MÁRCIO RAFAEL R SANTOS SIM 5 MARCO ANTÓNIO B OLIVEIRA SIM 6 NÁDIA ARAÚJO GONÇALVES SIM 7 SUNNY KATHARINA G

Leia mais