Menos um teatro em BH

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Menos um teatro em BH"

Transcrição

1 14 CULTURA Divulgação É Tudo Verdade 16 ESPORTES O Galo voltou Festival de documentário da América Latina será realizado em BH de 24 a 27 de julho. Com programação gratuita, serão exibidas dez produções vencedoras das competições em 2014 Apesar das dificuldades com o gramado e com a falta de ritmo dos jogadores, depois da vitória sobre o Lanús por 1 a 0, Galo está próximo de outro título sul-americano Minas Gerais 18 a 24 de julho de 2014 edição 47 brasildefato.com.br/mg distribuição gratuita 13 CULTURA 10 BRASIL Reprodução Menos um teatro em BH Marina Lana Planos privados terão mais lucro Planos de saúde terão reajuste maior que inflação. Não é para menos que os lucros do setor cresceram 197% em uma década Cultura perde cada vez mais espaço. É a vez do Teatro Klauss Vianna, que em setembro será fechado para dar lugar ao Tribunal de Justiça mineiro. Sem respostas do governo, artistas lutam para manter local, que tem capacidade para 300 poltronas e comporta todo tipo de apresentação 4 e 5 MINAS Edição/Marina Lana/Eficaz Eleição custa. E muito! As campanhas para presidência devem custar quase R$ 1 bilhão. A cada ano, valores aumentam e setores da sociedade que não obtêm financiamento de empresas têm muito menos chance de serem eleitos. Empresas financiam, e o retorno pode vir por mudanças na legislação ou realização de obras, por exemplo, diz Anivaldo Matias, do Comitê de Combate à Corrupção 6 3 MINAS Festival de inverno da UFMG Belo Horizonte recebe evento, com programação extensa e gratuita. Até o dia 26, universidade se abre para discussão e prática da cidadania CIDADES Reprodução Tribunal de Justiça de Minas condenou o banco BMG por assediar idosos por telefone para contratação de crédito. O TJ ordenou ainda veicular contrapropaganda a aposentados e pensionistas

2 2 OPINIÃO editorial Minas Gerais Candidatos milionários As declarações dos bens dos candidatos apresentadas à Justiça Eleitoral para registro de candidaturas permitem muitas reflexões. O patrimônio de Aécio Neves (PSDB), candidato à presidência da república, passou de R$ 617 mil para R$ em quatro anos. Ou seja, desde 2010 ficou quase dois mais rico, um aumento de 303%. O também tucano Pimenta da Veiga, candidato ao governo de Minas, declarou um patrimônio de R$ Quantia suficiente para colocá-lo entre os mais ricos do estado. O crescimento é de 300%, quando comparado à última disputa eleitoral que participou, em 1998, a deputado federal. Chama a atenção o fato de não possuir imóveis em Minas, somente em Brasília e Goiás. Não é para menos, o candidato do PSDB há muito tempo não mora aqui. Mas nem tudo fica esclarecido com as declarações. A Lei do Código Eleitoral determina que a O maior patrimônio de Aécio Neves são cotas da Rádio Arco Íris, no valor de R$ 700 mil Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 pasa, ou fornecedoras do Estado. Do ponto de vista legal, pode até se safar, mas como fica o compromisso com a transparência? O patrimônio de Aécio nos ajuda a refletir sobre outro aspecto. O maior patrimônio dele, segundo sua declaração, são 88 mil cotas da Rádio Arco Íris Ltda, no valor de R$ 700 mil. Em vários países do mundo, políticos não podem ser proprietários de veículos de comunicação. No Brasil a propriedade de rádios, jornais e retransmissoras de TV não só é comum, como cobiçada pelos políticos. O PSDB de Aécio Neves e Pimenta da Veiga é o terceiro partido com maior número de políticos sócios de veículos de comunicação, com 43 proprietários filiados. Perdem apenas para o DEM, com 58 políticos, e para o PMDB, com 48. É por essas e outras que a população está chamada a participar de 1 a 7 de setembro do Plebiscito Popular pela Reforma Política. editorial Brasil Passada a Copa, começa o período eleitoral Uma leitura ampla e abrangente sobre a Copa dependerá de muitas avaliações individuais e coletivas. Nesse espaço, apresentaremos uma contribuição sobre alguns pontos. - A infraestrutura dos equipamentos, transporte, comunicação e estádios funcionaram de acordo com as necessidades do evento e não houve problemas, ao contrário do que a imprensa burguesa pregava insistentemente. - A FIFA continua sendo uma grande empresa privada, que se apropriou do futebol e seu imaginário como fonte de lucro. Os fatos revelados durante a Copa demonstraram que a entidade continua prepotente, desrespeitosa da soberania dos países, corrupta e administrada por meia dúzia de dirigentes europeus (eleitos não se sabe por quem). - A imprensa brasileira e mundial continua sendo cada vez mais uma imprensa dos ricos, e faz unicamente o papel de partido ideológico dos interesses da classe dominante. - O povo brasileiro, sabiamen- te, continua não misturando futebol com política partidária, por mais que a direita e a esquerda assim o tentassem. - A seleção brasileira foi um fiasco. Iludida com sua autopropaganda de que o hexa era inevitável, pagou caro por sua prepotência, sua vaidade e seu amadorismo. Que se amplifique a campanha pela reforma política e ocorra uma adesão massiva ao Plebiscito Popular de 1 a 7 de setembro - A tática anarquista e cega do Não vai ter Copa revelou-se antipopular e completamente isolada dos verdadeiros problemas do povo. Acertada foi a tática dos setores sociais que realizaram mobilizações massivas no período pré-copa e conseguiram acordos e avanços sociais. - O povo festejou nas ruas e acompanhou massivamente a Copa do Mundo em todo o país, transformando o período numa grande festa popular de unidade nacional. Entramos agora num período de disputa política. Os candidatos e suas campanhas eleitorais ainda não entenderam as mudanças após as mobilizações de junho de Repetem as mesmas práticas. Seu afã principal é só ganhar eleições e para isso a prioridade é arrecadar dinheiro entre as empresas financiadoras e contratar marqueteiros. Esperamos que as lutas sociais ganhem novamente fôlego e politizem o debate a respeito de como solucionar os graves problemas estruturais da sociedade brasileira. Que se amplifique a campanha unitária e nacional dos movimentos sociais, pela reforma política, através da convocação de uma Assembleia Constituinte Soberana e Exclusiva, pois o atual Congresso não tem nenhuma vontade política de fazê-la. E que ocorra uma adesão massiva ao Plebiscito Popular de 1 a 7 de setembro. O jornal Brasil de Fato circula semanalmente em todo o país e agora também com edições regionais, em SP, no Rio e em MG. Queremos contribuir no debate de ideias e na análise dos fatos do ponto de vista da necessidade de mudanças sociais em nosso país e no nosso estado. REDE SOCIAL: facebook.com/brasildefatomg correio: para anunciar: / TELEFONE: (31) declaração deve conter origem e mutações patrimoniais. Mas caso o eleitor queira consultar a declaração de Aécio, terá dificuldade de saber seu real patrimônio. Das cinco empresas que declarou ser sócio, duas já eram declaradas em 2010, com mesmo valor patrimonial. No entanto, o Código Eleitoral exige que seja informado o aumento patrimonial dessas empresas, o que não foi feito. Como Aécio também tem sociedade em empresas de participações, cujo objetivo é justamente participar de outras sociedades, também não dá para saber se ele é sócio de empreiteiras, bancos, concessionárias de ônibus, estatais como Cemig e Coconselho editorial minas gerais: Adília Sozzi, Adriano Pereira Santos, Beatriz Cerqueira, Bernadete Esperança, Bruno Abreu Gomes, Carlos Dayrel, Cida Falabella, Cristina Bezerra, Deliane Lemos de Oliveira, Durval Ângelo Andrade, Eliane Novato, Ênio Bohnenberger, Frederico Santana Rick, Frei Gilvander, Gilson Reis, Gustavo Bones, Jairo Nogueira Filho, Joana Tavares, João Paulo Cunha, Joceli Andrioli, José Guilherme Castro, Juarez Guimarães, Laísa Silva, Luís Carlos da Silva, Marcelo Oliveira Almeida, Michelly Montero, Milton Bicalho, Neemias Souza Rodrigues, Nilmário Miranda, Padre Henrique Moura, Padre João, Pereira da Viola, Renan Santos, Rilke Novato Públio, Rogério Correia, Samuel da Silva, Sérgio Miranda (in memoriam), Temístocles Marcelos, Wagner Xavier. Administração: Vinicius Moreno. Distribuição: Larissa Costa. Diagramação: Luiz Lagares. Revisão: Luciana Santos Gonçalves Editora regional: Joana Tavares (Mtb 10140/MG). Repórteres: Maíra Gomes e Rafaella Dotta. Fotógrafa: Marina Lana/AgEficaz. Estagiária: Raíssa Lopes. Endereço: Rua da Bahia, 573 sala 306 Centro Belo Horizonte MG. CEP:

3 tinua com a prática, que, segundo a advogada, gera milhares de fraudes. Em Belo Horizonte, as queixas sobre crédito consignado aumentam a cada ano, segundo dados do Procon Municipal. Em 2010 eram 334 e no ano passado chegaram a 421. A maior parte reclama do grande desconto feito na folha de pagamento, que chega a 30% por empréstimo. Propaganda feita para enganar O BMG foi também líder de publicidade agressiva para os idosos, afirmou Liliam Salgado. Em sua propaganda, o banco traz um casal de idosos ricos e felizes, e apresenta apenas benefícios. Para o desembargador Wanderley Paiva, relator do Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 CIDADES 3 Medida protege idosos contra enganação CUIDADO Banco está proibido de assediar aposentados por meio de telefone e propagandas enganosas Rafaella Dotta Idosos devem ser menos assediados daqui em diante. O Tribunal de Justiça de Minas Gerais determinou multa caso o banco BMG continue realizando contratação de empréstimos por telefone a idosos. A empresa ainda terá que propagandear alertas sobre o risco de superendividamento. A decisão judicial veio em resposta a uma ação civil coletiva movida pelo Instituto Mineiro de Políticas Sociais e Defesa do Consumidor (Polisdec), iniciada em Liliam Salgado, advogada e autora da ação, explica que a contratação de crédito pelo telefone, realizada pelo BMG, já é proibida por instrução normativa do INSS. Mas o banco con- Copa todo fim de semana FUTEBOL AMADOR Times de bairro tentam a sorte em disputas locais e pedem mais incentivo Joana Tavares Grandes jogadores brasileiros, campeões mundiais, começaram sua carreira em equipes amadoras. Ainda hoje, o futebol não profissional carece de espaço adequado, condições de locomoção, tempo livre, material esportivo e remuneração para os atletas. Jogo desde os 9 anos, com 13 joguei no América, fui campeão mineiro, mas aí a equipe inteira foi dispensada. Tentei no Vila Nova e outros times pequenos, fiquei um ano em São Paulo, para ver se conseguia ser revelado, com um contrato profissional, mas não consegui. Aí tive que voltar, justamente por falta de dinheiro, de patrocinador, conta Jhonny Max Martins Silva, de 18 anos, que mora no Santa Lúcia, na região sul da capital. Assim como Jhonny, muitos tentam a sorte em times pequenos. Na comunidade Santa Lúcia, Paulo Roberto Faustino, conhecido como Betão, faz um trabalho comunitário há 30 anos, organizando times de futebol amador. A gente procura formar sujeito homem, o futebol é no decorrer. Revelamos já alguns meninos, que estão encaminhados. Mas falta apoio para nós. Tem muita gente rica, que mora ao redor e não investe na comunidade. Se olhasse o trabalho da gente e valorizasse processo, os consumidores foram induzidos ao erro. A publicidade tornase enganosa por omissão, por constar apenas as facilidades para aquisição e utilização, sem, contudo, advertir sobre os riscos inerentes, afirmou. Para desfazer e minimizar estes malefícios, o TJMG condenou o banco a veicular contrapropaganda a aposentados e pensionistas. O motivo é possibilitar o esclarecimento aos consumidores que acaso ainda estejam iludidos sobre os serviços ofertados pela instituição bancária. Fique de olho! Juros - Este tipo de empréstimo costuma ter os juros mais baixos do mercado. Porém, é bom estar atento à lei: os juros não po- Curt Duo o nosso trabalho, dava para resgatar muita gente, defende. O grande sonho desses futuros atletas é ser visto e escolhido por algum time profissional. Para isso, vale de tudo, até ser visto na televisão, como aconteceu com Guilherme Caíque Gonçalves, de 9 anos. Começou quando um carro da Record foi lá na Serra e me viu jogando bola e gostou de mim. Aí me levou no América. Aí eles vão marcar um teste para eu fazer lá. Se eu passar, eu continuo lá, né?, sonha o menino. dem ser superiores a 2,14% ao mês. Parcelas - O comprometimento máximo é de 60 meses. Contratos - Devem conter o valor total financiado, a taxa mensal e anual de juros, os acréscimos, descontos mensais e a soma total a pagar pelo empréstimo. Agentes - É preciso ter PERGUNTA DA SEMANA Após um mês de Copa do Mundo no Brasil, fica a sensação de ressaca. Alguns ressaca da festa, alguns da tristeza da derrota, outros do excesso de trabalho e alguns da falta dele. A presidenta Dilma afirmou que derrotamos a previsão pessimista e realizamos a Copa das Copas. Na pontuação da FIFA, o Brasil levou 9,25, uma ótima pontuação. Mas protestos e prisões arbitrárias também marcam o evento. E você, que balanço faz da Copa? Tivemos pontos altos e baixos. Gerou muito emprego e foi bom para o esporte, porque reformou muitos estádios. Mas faltou investir mais na saúde e transporte. No geral foi mais negativa: o Brasil não ganhou a Copa, a Dilma foi vaiada. Ricardo Marcos Gabriel, 40, porteiro Reprodução Propaganda pode ser considerada enganosa por omissão, por não advertir sobre riscos cuidado com agentes que abordam idosos de forma inusitada. Somente forneça informações se estiver certo do empréstimo. Limite - Há limite de taxa de juros e de parcelas, mas não se limita o número de empréstimos por aposentado. É aconselhável não acumular empréstimos. Depende da referência. Se olhar o lado dos governos o balanço foi positivo. Veio mais estrangeiro que o esperado, a impressão vista pelos outros países foi melhor. Do ponto de vista do povo brasileiro foi negativo. Os hospitais continuam superlotados, escolas não têm reforma e os professores cada vez mais desvalorizados. Henrique Maciel de Faria Marques, 25, porteiro

4 4 MINAS Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 O alto preço das campanhas eleitorais ELEIÇÕES Campanhas presidenciais vão custar quase R$ 1 bilhão; maioria do financiamento é de empresas privadas Maíra Gomes Para a realização das eleições no Brasil, sejam municipais, federais ou estaduais, é preciso uma grande quantidade de recursos financeiros para o custeio das campanhas eleitorais. No dia 5 de julho, foram entregues à Justiça Eleitoral a documentação completa das candidaturas, com valor estimado de gastos para a corrida eleitoral de 2014 e declaração de bens de cada um. Apenas para as eleições presidenciais, os gastos devem chegar a quase R$ 1 bilhão, totalizando o valor máximo declarado pelos 11 candidatos. Dentre eles, o maior valor está na candidatura à reeleição da presidenta Dilma Rousseff (PT), que estabeleceu como limite de O maior gasto está na produção de programas para o horário eleitoral gratuito gasto R$ 298. O senador Aécio Neves (PSDB) não fica muito atrás, com o valor de R$ 290. O recurso financeiro é destinado à produção de materiais de divulgação, como santinhos e adesivos; estrutura de campanha, como aluguel de sala para comitês, carros, viagens e funcionários; custeio de pesquisas com o eleitorado e outros. No entanto, o doutor em Ciência Política e professor da PUC-Minas Malco Camargos explica que o maior gasto está na produção de programas para o horário eleitoral gratuito na televisão, que é o principal mecanismo para chegar aos eleitores. Isso justifica, segundo o professor, o gasto crescente das campanhas eleitorais. A importância do horário na televisão acaba por gerar também as coligações por interesse, que pretendem apenas aumentar o tempo destinado aos candidatos. Financiar é investir O financiamento das campanhas é feito, principalmente, por meio de doações de empresas privadas. Nas eleições presidenciais de 2010, mais de 70% dos recursos de campanha dos três principais candidatos Dilma Rousseff (PT), José As doações se dão por defesa de interesses das empresas, quando o retorno pode vir por meio de legislação Serra (PSDB) e Marina Silva (então no PV) vieram diretamente de doações de empresas. As doações de pessoas físicas para Dilma e Serra foram quase irrelevantes cerca de 2% do total. Não é doador quem defende as ideias do partido ou projeto esperando que sejam implementadas no futuro. As doações se dão por defesa de interesses das empresas, quando o retorno pode vir por meio de legislação ou no acesso à realização de determinadas políticas públicas, como obras, explica Malco. Os candidatos que não conseguem esses financiamentos têm, então, pouca chance de se eleger, pois quem tem mais poder econômico consegue maior visibilidade e mais cabos eleitorais. Enquanto isso, outros segmentos da sociedade não podem participar das eleições. Ou seja, que democracia é essa que não tem representação do povo, que só é chamado para legitimar alguma coisa de 4 em 4 anos? Só a elite controla tudo, denuncia Anivaldo Matias, coordenador do Comitê Mineiro do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) e professor de engenharia no Cefet.

5 Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 MINAS 5 Candidatos Presidência Bens declarados 2010 Bens declarados 2014 Aumento de Patrimônio Custo Estimado Campanha 2014 Tempo no Programa Eleitoral Gratuito Coligação Dilma Rousseff (PT) Branca, 67 anos Aécio Neves (PSDB) Branco,54 anos R$ R$ 617 mil R$ R$ % 303% R$298 R$ min e 48 seg 4 min e 31 seg PT / PMDB / PSD / PP / PR / PROS / PDT / PC do B / PRB PSDB / PMN / SD / DEM / PEN / PTN / PTB / PTC / PT do B Eduardo Campos (PSB) Branco, 49 anos Luciana Genro (PSOL) Branca, 43 anos Outro formato, menos gastos Este é um modelo que prioriza a influência do poder econômico. Lutamos por uma reforma do sistema político, com a proibição de financiamento de empresas para campanhas eleitorais, pois empresas visam o lucro. Uma pesquisa mostra que, em regra, empresas que doam para candidatos recebem cerca de 20 vezes o valor doado. Eleição virou investimento, ao invés de ser uma coisa que seria pensar o bem comum, declara Anivaldo Matias, coordenador do Comitê Mineiro do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) e professor de engenharia no Cefet. Outro ponto importante da reforma é a implantação do voto do legislativo (vereadores, deputados e senadores) por meio de listas fechadas, em que cada partido apresenta uma lista com seus candidatos, que será votada pelos R$ 520 mil R$ 546 mil R$ 185 mil REFORMA Movimentos propõem mudanças na forma de votação e financiamento eleitores. Em um segundo turno, cada partido teria o número de vagas proporcional ao número de votos recolhidos no primeiro Eleição virou investimento, ao invés de ser uma coisa que seria pra pensar o bem comum momento. Em Belo Horizonte, por exemplo, são 41 vereadores e foram quase 2 mil candidatos no ano passado. Com a lista partidária, seriam apenas 23 campanhas, já que este é o numero de partidos na cidade. Isso diminuiria muito os custos. Assim, também seria possível falar sobre as propostas e projetos de cada partido, o que não ocorre hoje, conclui Anivaldo. (MG) 5% Candidato ao Governo de Minas Gerais Pimenta da Veiga (PSDB) Branco. 67 anos Fernando Pimentel (PT) Branco. 63 anos Fidélis Alcântara (PSOL) Branco. 41 anos Professor Tulio Lopes (PCB) Pardo. 32 anos R$ 150 R$ 900 mil Bens declarados 2010 Total de Candidatos Custo Estimado Campanha 2014 Presidente 11 1 Governador de Minas Gerais R$ R$ min e 49 seg 51 seg Custo Estimado Campanha 2014 R$ 60 R$ 42 Coligação R$ R$ Senador 8* 3** *Candidatos do estado de Minas Gerais **Vagas destinadas aos representantes de Minas Gerais PHS / PRP / PPS / PPL / PSB / PSL Coligação PSDB / PP / DEM / PSD / PTB / PPS / PV / PDT / PR / PMN / PSC / PSL / PTC / PTN / SD PT / PMDB / PC do B / PROS / PRB R$ 2 mil R$ 300 mil PSTU / PSOL R$ 7 mil R$ 500 mil PSB / PPL / PR- TB R$ *

6 6 MINAS Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 Festival de inverno da UFMG discute cidadania em espaço público ABERTO Pela primeira vez em mais de 20 anos, a capital recebe o evento em 2014 Divulgação Thaíne Belissa Portal Minas Livre O Bem Comum será a palavra de ordem na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a partir de sexta-feira (18), quando se inicia o Festival de Inverno promovido pela instituição há 46 anos. A edição de 2014 vai contar com uma série de ações para discutir questões cotidianas relacionadas ao exercício da cidadania no espaço comum. Entre os temas estão o direito à moradia, a mobilidade urbana e a relação entre a sociedade e o meio ambiente. O coordenador do festival, César Guimarães, lembra que a 46ª edição tem uma particularidade im- portante, pois está sendo sediada em Belo Horizonte, o que não acontecia há mais de 20 anos. Ele destaca que o evento é importante não só para universidade, que se abre para os diferentes saberes, mas também para a cidade, que ganha um espaço aberto para a discussão de suas questões. O evento é aberto e vai até o dia 26 de julho. Em todas as atividades que vamos realizar, sejam os encontros, grupos de trabalho ou shows, o objetivo é promover o debate sobre as diferentes maneiras de se viver em comunidade, afirma. O coordenador destaca que, antes mesmo de acontecer, o festival já influenciou a universidade, que está repensando sua relação com a cidade. Território comum Durante o evento, a UFMG se transformará em um território comum, oferecendo bicicletas compartilhadas, ônibus grátis e trilhas internas para a discussão de biodiversidade. A ideia é que esse movimento continue após o evento. Segundo Guimarães, o festival comporta diversos temas, mas todos conectados a um tripé com a representação de três culturas: afrodescendente, indígena e populares urbanas. Ainda de acordo com o coordenador, os finais de tarde serão preenchidos com o Cine Maloca, mostra que reúne produções de indígenas e filmes vinculados aos temas em questão. No período da noite serão realizados shows com artistas locais e de outras partes do país. Durante todo o evento, os participantes também poderão visitar a Feira Tudo, que é um espaço para venda, compra e troca de produtos.

7 Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 MINAS 7 Disputa por água aumentou 32% em 2013 VIOLÊNCIA Estudo sobre zona rural brasileira destaca que água e Amazônia foram os mais afetados negativamente Rafaella Dotta O documento Conflitos no Campo no Brasil 2013, produzido pela Comissão Pastoral da Terra (CPT), teve seu lançamento em Minas Gerais na última terça-feira (15), em Belo Horizonte. O estudo traz informações sobre as disputas por terra, por direitos trabalhistas, pela água e outros, que acontecem em todo o Brasil. Minas Gerais registrou 64 conflitos e teve 24 mil famílias atingidas. 64 conflitos atingiram 24 mil famílias no país O número de conflitos por água é destaque do ano, sendo o maior já registrado. Em 2012 foram 79 disputas, enquanto em 2013 o número aumentou para 104, com a média de 31 mil famílias brasileiras atingidas. Isso revela Quase quatro mil famílias mineiras foram afetadas Produzido pela Comissão Pastoral da Terra (CPT), o estudo é publicado desde 1985, por uma necessidade de documentar o grave problema da violência contra trabalhadores rurais. Esses cadernos se tornaram a mais ampla pesquisa sobre a questão agrária nacional e auxiliam pesquisadores e movimentos sociais, como afirma a coordenadora nacional da CPT, Isolete Wichinieski. Para realizar a pesquisa, a CPT utiliza duas formas de captar informação. A primeira, feita através das regionais da entidade e de outros movimentos, fornece números dos conflitos. A segunda, feita em jornais, boletins governamentais e Os dados são entregues desde 1985 para ministérios, que os utilizam como base para políticas oficiais, oferece mais características e a confirmação dos primeiros números. Apesar do nosso esforço, sabemos que o número documentado é bem menor que a realidade. Essa é só uma amostra do que acontece no Brasil, alerta Isolete. Os dados são entregues ano a ano para os ministérios federais, que os utilizam como base para políticas de proteção a trabalhadores rurais. Brejo dos Crioulos foi o campeão nos conflitos Em Minas Gerais, o maior número de conflitos aconteceu por disputas de terra. Em 2013 foram 35 casos, que afetaram famílias. Em segundo lugar, estão os problemas relacionados à água, com oito casos e famílias. E, não João Renato Diniz Quilombolas lutam por titularização da terra as consequências que hidrelétricas e mineradoras trazem ao país, afirma a coordenadora nacional da CPT, Isolete Wichinieski. Nesses conflitos, vimos famílias que são expulsas pela construção de barragens, ou são atingidas por problemas ambientais, como a contaminação da água e a degradação do solo, conta a coordenadora. Para Isolete, o resultado também aponta a urgência de preservação das comunidades da Amazônia, onde a expulsão de famílias aumentou 63%. menos importante, as ocorrências de trabalho escravo, em que 79 pessoas foram libertadas de seis fazendas do estado. Em entrevista ao Brasil de Fato MG em janeiro deste ano, José Carlos de Oliveira Neto já denunciava o caso que teria mais ocorrências de conflito em 2013: o Brejo dos Crioulos. À época, o quilombola estava em Belo Horizonte recém-saído de uma tentativa de assassinato. Depois deste, foram mais oito conflitos no território de remanescentes de escravos, no Norte de Minas. FATOS EM FOCO Réu no mensalão tucano, Clésio renuncia ao Senado O senador Clésio Andrade (PMDB) declarou na terça (15) sua renúncia ao cargo ocupado no Congresso Nacional alegando problemas de saúde. Andrade é réu no processo do mensalão tucano e, com a renúncia, pode passar a responder na Justiça estadual e não mais no Supremo Tribunal Federal (STF). A manobra garante mais tempo até o seu julgamento e a possível prescrição de alguns crimes. Em nota enviada à imprensa, o parlamentar afirma que vai se dedicar a um tratamento médico nos próximos meses, mas não especifica o problema de saúde enfrentado. Presos da Copa A Operação Firewall, da Polícia Civil do Rio, prendeu 19 ativistas na véspera da final da Copa do Mundo, sábado (12). A alegação é que eles seriam suspeitos de participação em atos de vandalismo e estariam planejando nova ação para a final do Mundial. Uma forte mobilização em defesa da democracia foi ativada, e entidades como Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), parlamentares, organizações de defesa dos Direitos Humanos, Universidades e diversos grupos e organizações se posicionaram em defesa da liberdade imediata dos presos. Após uma luta na Justiça, 12 deles conseguiram habeas corpus, além de outros dois menores de idade. Um grupo de 50 pessoas aguardaram a saída dos ativistas na madrugada de quinta (17), em frente ao Complexo de Bangu. Cinco pessoas continuam presas.

8 8 OPINIÃO Foto da semana Belo Horizonte, 18 a 24 de julho de 2014 PARTICIPE Viu alguma coisa legal? Algum absurdo? Quer divulgar? Mande sua foto para AFP Acompanhando Na edição Governo mineiro quer mudar a Constituição para privatizar...e agora O conflito na Faixa de Gaza, território situado entre Palestina e Israel, já ocasionou 200 mortos e mais de feridos. Os bombardeios seguem constantes há dez dias, por parte do governo israelita, que não cedeu à trégua de cinco horas pedida pelas Nações Unidas. A ajuda internacional pretendia transportar os feridos a uma zona segura Florence Poznanski Carta à presidenta pede asilo de Snowden no Brasil Depois de 5 de junho de 2013, qualquer cidadão no mundo soube da existência de uma ampla estratégia de espionagem cibernética norte-americana, desrespeitando o direito à privacidade online e o sigilo diplomático. Desde então, Edward Snowden, revelador do escândalo, virou o maior inimigo político dos Estados Unidos e vive exilado na Rússia com um visto temporário que vence no final de julho. Indiscutivelmente, essas revelações mudaram em nível global a maneira de considerar a internet e deram maior visibilidade às iniciativas que lutam para democratizá-la. No Brasil, o impacto foi dos mais significativos, com atitudes como o discurso da presidenta Dilma Rousseff na ONU em setembro de 2013, a votação do Marco Civil da Internet e a organização do NETMundial, primeiro encontro mundial e multissetorial discutindo os fundamentos de uma nova governança da rede. Paradoxalmente, apesar de o Brasil ter adquirido em pouco tempo uma posição de liderança na defesa de uma internet regulada e respeitosa dos direitos humanos, ainda não atendeu ao pedido de asilo feito por Snowden quase um ano atrás. Uma posição questionável considerando as aspirações geopolíticas do país sobre o tema e as promessas de esclarecimento dada pelo ministro Gilberto Carvalho no NETMundial, até hoje não foram cumpridas. Por essas razões, a poucos dias do vencimento do visto de Snowden na Rússia, a ONG francesa Internet Sem Fronteiras, junto com o Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC) e diversas organizações nacionais e internacionais assinaram uma carta aberta, exigindo do governo brasileiro um posicionamento oficial sobre o pedido de asilo de Snowden. O ato de entrega da carta ao ministro da Justiça aconteceu em 16 de julho, dia do encerramento da cúpula dos BRICS em Brasília. Florence Poznanski é ativista da organização Internet Sem Fronteiras Fábio Garrido Difícil volta às aulas Este será um mês difícil para milhares de professores e demais trabalhadores em educação da rede estadual de Minas. Isto porque, ao receberem seus vencimentos, perceberam o corte do ponto dos dias parados entre 21 de maio e 4 de junho. Mais uma vez estes trabalhadores foram penalizados por lutarem pelo direito à educação, o que faz da volta às aulas um momento mais difícil do que deveria ser o reencontro com o trabalho que escolhemos para nossas vidas. A greve deste ano, deflagrada em assembleia convocada pelo SindUte-MG, atingiu seus objetivos. Pretendia-se que fosse curta e radical para abrir a negociação com o governo. Em 15 dias, dezenas de rodovias foram fechadas em manifestações e uma superintendência de ensino ocupada por professores. Após cinco horas de bloqueio da MG 010, o governo cedeu à pressão. A categoria conseguiu furar a invisibilidade imposta pelos meios de comunicação. O saldo da negociação foi positivo diante do histórico de falta de diálogo do atual governo. O governo teve de se comprometer a retomar o pagamento da progressão da carreira, a chamar os concursados, e manter uma agenda com o SindUte sobre nossas reivindicações (acompanhe a negociação pelo Isto mostrou a força dos professores quando fazem uma greve com ações diretas. E também aponta para a categoria a urgência da reforma política. A incompletude do artigo sétimo da Constituição e um judiciário elitista impedem a garantia do direito de greve dos servidores públicos. O corte de ponto é a prova deste crime. E o impedimento do direito de greve dos servidores é a negação do direito a serviços públicos de qualidade para toda população. Fábio Garrido é professor de filosofia da Rede Estadual Governo estadual e sua base de deputados apresentaram uma Proposta de Emenda Constitucional que pretende alterar a Constituição do Estado. A PEC 68 facilita a privatização de subsidiárias das estatais, retirando a necessidade de consulta à população e de aprovação da Assembleia para futuras vendas. Para compor a comissão que estudará a PEC, os blocos indicaram deputados que não poderiam assumir os cargos de presidente, vice ou relator, por serem coautores da proposta. Assim, os governistas tiveram que mudar suas indicações. Com o atraso, o debate fica para depois do recesso da Assembleia. Vitória da oposição e dos movimentos sociais. Na edição Elite econômica quer democracia sem povo...e agora Assinado pela presidenta em maio, o decreto da Política Nacional de Participação Social (PNPS) fortalece mecanismos e instâncias de diálogo entre a sociedade civil e o Estado. Ele foi alvo de ataques dos conservadores, como a mídia e o Congresso, que criou Projeto de Lei que acaba com o decreto presidencial. A PNPS está sob novo ataque. No dia 16, foi aprovado requerimento de urgência para o Projeto 1491/14, do deputado Mendonça Filho (DEM-PE), que suspende o decreto presidencial.

9 Belo Horizonte, 18 a 24 de julho de 2014 ENTREVISTA 9 Esta Copa foi surpreendente AVALIAÇÃO O ex-craque Afonsinho analisa a Copa do Mundo e o futuro do futebol brasileiro Bruno Porpetta do Rio de Janeiro (RJ) Afonso Celso Garcia Reis, ou simplesmente Afonsinho, é um ícone da luta por direitos entre jogadores de futebol. Sua batalha com o Botafogo pelo direito de trabalhar em outro clube, conquistada em 1971, serviu de exemplo para o que seria, 27 anos depois, o fim da Lei do Passe no Brasil. Nesta entrevista ao Brasil de Fato, Afonsinho fala sobre a Copa no Brasil e as perspectivas para o nosso futebol depois da competição. Confira: O calendário é uma das necessidades inadiáveis de mudanças profundas no esporte brasileiro Brasil de Fato - Do ponto de vista técnico, o que você achou desta Copa no Brasil? Afonsinho - Até surpreendente. Ficam evidentes três tipos de futebol: o das grandes potências econômicas, com físico de futebol americano e quase nenhum espaço para a criatividade e a dança do futebol; o da Espanha e correlatos, que passaram a apostar na técnica, nesse bolo também os americanos do centro e do sul, além dos asiáticos, por sua condição natural; e os africanos, obrigados a se entortarem para conseguirem participar do sistema FIFA. A surpresa agradável é o bom resultado do grupo latino-americano na primeira fase da Copa. E a seleção brasileira? O que você pensa sobre o time de Felipão? O Brasil fica com as características de seus jogadores, mas jogando fora das suas condições naturais em termos de estratégia. A elitização das chamadas arenas brasileiras é o único legado desta Copa? Ou haverá outros? Sou dos que vão pressionar para reverter, até onde for possível, essa elitização, já diminuída com a preservação da Escola Friedenreich, o Estádio (de Atletismo) Celio de Sou dos que vão pressionar para reverter, até onde for possível, essa elitização do futebol Barros e o Parque Aquático do Maracanã (Júlio Delamare), além do Museu do Índio, etc. A Alemanha mostra o caminho preservando ingressos e locais populares. Passada a Copa, retornamos ao Brasileirão com um calendário muito apertado. As reivindicações dos jogadores, através do Bom Senso FC, propõem mudanças no calendário brasileiro. O que você pensa sobre isso? O calendário é uma das necessidades inadiáveis de mudanças profundas no esporte brasileiro. Lei do Passe Livre A lei 9.615, de 24 de março de 1998, ficou conhecida como Lei Pelé ou Lei do passe livre. Essa norma jurídica extinguiu o passe dos jogadores nos clubes de futebol, instituiu o direito do consumidor nos esportes, disciplinou a prestação de contas por dirigentes de clubes e a criação de ligas e tornou obrigatória a transformação dos clubes em empresas. O ano passado acabou de modo inaceitável em Santa Catarina, e este ano começou com jogo oficial de campeonato do Flamengo com menos de 400 espectadores. Todas as entidades olímpicas têm problemas crônicos, também inadiáveis, e várias iniciativas vão surgindo, como o Bom Senso, os Atletas pelo Brasil - liderados pela Ana Mozer - e etc. Quem são os Afonsinhos e Sócrates do futebol na atualidade? São os líderes dessas organizações, atualizados com os meios modernos de comunicação. Os professores na TV sábado - 8h20 - TV Band Minas quarta - 11h sexta - 20h sábado - 16h - TV Comunitária de BH Divulgação Ex-jogador critica elitização do futebol O programa de TV do Sindicato dos Professores do Estado de Minas Gerais. Temas relacionados à educação e assuntos em debate na sociedade. Filiado à Fitee, Contee e CTB -

10 10 BRASIL Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 Saúde mais cara que a inflação PRIVADO Reajuste na mensalidade dos planos é maior que aumento geral dos preços Pedro Rafael Vilela, de Brasília (DF) Enquanto o índice geral de preços ao consumidor, medido pelo IPCA, subiu 6,28% em um ano, a mensalidade dos planos de saúde recebeu autorização para aumentar 9,65% no mesmo período. A permissão de reajuste foi dada há duas semanas pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), que regula os planos privados, e vai pesar no bolso do trabalhador. A medida atinge 8,8 de consumidores que têm planos individuais e familiares, cerca de 17% de todos os usuários de planos de saúde do país, que já somam mais de 50 de pessoas. Não há dúvida de que vai pesar no orçamento familiar e o consumidor terá que se replanejar para se ajustar aos novos valores, observou Maria Inês Dolci, coordenadora da Proteste Associação de Consumidores, em comunicado divulgado pela instituição. Esse reajuste acima da inflação é maior do que a média de correções salariais. Segundo a Pro- teste, médicos, hospitais e laboratórios também não recebem os valores atualizados. Além disso, a inflação dos serviços de saúde, que baseia as decisões da ANS, foi de 8,95% no último ano, valor ainda menor do que o autorizado. A situação é pior para os de usuários de planos de saúde coletivos, que são a maioria no país, com mais de 80% dos contratos. Nesse caso, os preços nem sequer são regulados pela ANS. A agência A medida atinge 8,8 de consumidores que têm planos individuais e familiares governamental entende que, por serem representados por entidades e não pessoas, esses consumidores teriam mais poder de barganha junto às operadoras. Como não estão submetidos à regulação, esses planos coletivos seguem a lógica de mercado. Tem aumentos que chegam a 30%, denuncia o Entidades formalizam pedido de asilo para Snowden deputado federal Ivan Valente (PSOL-SP). O parlamentar é autor do projeto de lei nº 6715/13, que condiciona o reajuste de todas as modalidades de planos de saúde ao índice de inflação geral dos preços. Wikipedia Há requerimento para instalação de uma CPI para investigar abusos dos planos de saúde O gasto médio das famílias brasileiras com saúde subiu 54% em uma década CPI dos Planos de Saúde Há também um requerimento para instalação de uma CPI para investigar abusos dos planos de saúde. Pesquisa do Instituto Datapopular, em 2013, revelou que o gasto médio das famílias brasileiras com saúde subiu 54% em uma década. De R$ 110 bilhões para R$ 196 bilhões em compra de remédios e pagamento de serviços médicos. Ao mesmo tempo, o faturamento das operadoras de plano de saúde cresceu 197%, atingindo as cifras de R$ 83,4 bilhões em O faturamento é maior do que o reajuste das consultas médicas pagas pelos planos de saúde, que passou de R$ 28 em 2003 para R$ 46 em Os planos de saúde estão no topo das denúncias dos usuários nos Procons. Eles não cumprem os contratos e, além disso, têm uma influência sobre o governo e o Congresso Nacional muito grande, tanto que vários diretores nomeados para a ANS foram executivos das empresas de planos de saúde e estão vinculados a esses interesses, aponta o deputado Ivan Valente. Maria Mello Representantes de mais de 20 entidades da sociedade civil organizada e uma comissão de parlamentares se reuniram na manhã desta quarta-feira (16) com integrantes do Ministério da Justiça para solicitar ao governo brasileiro que assuma uma postura pública em relação ao pedido de asilo feito pelo ex-técnico de informações da CIA e da Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos (NSA), Edward Snowden. Em 2013, Snowden alertou o mundo inteiro sobre ações ilegais de espionagem praticadas pelos Estados Unidos contra vários países, incluindo o Brasil. As denúncias revelaram que os norte-americanos interceptaram s da própria presidenta Dilma Rousseff e da Petrobrás, uma das maiores empresas do mundo. O secretário-executivo do Ministério da Justiça, Marivaldo Pereira, afirmou que não teve acesso a nenhum pedido de asilo formal até o momento, e se comprometeu a encaminhar a análise da carta das entidades à luz dos critérios do Estatuto do Estrangeiro.

11 Avião com 295 cai na fronteira da Ucrânia com a Rússia Um avião da Malaysia Airlines com 295 pessoas caiu nesta quinta-feira (17) na fronteira da Ucrânia com a Rússia. O avião voava de Amsterdã para Kuala Lumpur, afirmou uma fonte da indústria da aviação à agência. O presidente ucraniano, Petro Poroshenko, não descarta a possibilidade de que o avião tenha sido abatido. Ele acrescentou ainda que será criada uma comissão de inquérito para investigar o caso. Em seu facebook, Geraschenko afirmou que o avião teria sido derrubado por um míssil dos militantes pró-rússia que atuam na região. A República Popular de Donetsk, no entanto, rejeitou qualquer envolvimento no incidente. Eles garantem que suas forças de defesa não têm esse tipo de equipamento militar. Mais cedo, o governo ucraniano acusou a Rússia de derrubar um de seus aviões de guerra, modelo Su-25, o que obrigou o piloto a ejetar, segundo Andrei Lisenko, porta-voz do Conselho de Segurança Nacional e Defesa ucraniano. O fato aconteceu dia 16, de acordo com Kiev. Após a notícia da queda do avião, uma série de companhias aéreas já informaram que estão desviando suas rotas para evitar o espaço aéreo ucraniano. (Opera Mundi) Jovens de Israel recusam Exército: Melhor ir para a prisão Activestills.org Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 MUNDO 11 Banco do Brics vai garantir infraestrutura, destaca Dilma ECONOMIA Nova instituição financeira é voltada para países emergentes e em desenvolvimento A presidenta Dilma Rousseff disse na terça-feira (15) que está otimista com a criação do Novo Banco de Desenvolvimento do Brics e de um fundo de reservas para o bloco, que reúne cinco países Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. O banco vai contribuir com recursos para garantir investimentos em infraestrutura. O Acordo Contingente de Reservas, com montante de US$ 100 bilhões, vai contribuir para que esse processo de volatilidade, enfrentado por diversas economias quando da saída dos Estados Unidos da política de expansão monetária, seja mais contido, mais administrado. [Is- Roberto Stuckert Filho/PR Banco terá que ser aprovado pelos parlamentos dos cinco países so] dá segurança, uma espécie de rede de proteção aos países do Brics e aos demais, disse a presidenta. O banco terá capital inicial de US$ 50 bilhões, sendo US$ 10 bilhões em recursos e US$ 40 bilhões em garantias. Depois da assinatura do acordo para a criação, o banco terá que ser aprovado pelos parlamentos dos cinco países. (Da Agência Brasil) Jovens não concordam com ocupação de territórios palestinos Em uma carta endereçada ao primeiro ministro Benjamin Netanyahu e ao povo de Israel, 60 jovens israelenses, de 16 a 19 anos, anunciaram que pretendem se recusar a prestar serviço militar. O motivo: eles não concordam com a ocupação dos territórios palestinos. A iniciativa foi publicada no último domingo (9). Nos territó- rios ocupados são cometidas prisões sem julgamento, tortura e punição coletiva, declaram os jovens. A nova onda de violência começou após o sequestro e homicídio em junho de três jovens israelenses na Cisjordânia, seguido da morte de um jovem palestino, queimado em Jerusalém por extremistas judeus. (Da Agência Brasil)

12 12 VARIEDADES Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 Adiós, Maneco! O último capítulo de Em Família vai ao ar na sexta. Sem grandes mistérios a serem revelados, deve ser um final chocho, como foi toda a história. Manoel Carlos errou a mão. Sua última novela está a léguas de distância do sucesso de outros trabalhos, como Viver a Vida e Mulheres Apaixonadas. A novela se arrastou, mas não pode ser totalmente execrada. Por isso, como somos viciados em novela e a assistíamos sempre juntos, queremos aplaudir e vaiar o bom e o ruim de Em Família. Comecemos pelas vaias, para os que não devem ser exemplos para ninguém, para os que não prestam: Laerte e seu machismo psicopata; Vanessa, sua chatice, implicância e apego ao passado, e Gabriel e sua ambição arrogante. Os três dão asco. Vaiamos também a representação preconceituosa feita do núcleo da comunidade, de Jairo, que passou a imagem que pobre é grosseiro, bandido, vulgar e que não tem saída. Uma lástima! Passemos aos aplausos. Se teve uma história que valeu a pena foi a de Clara, Cadu e Ivan. Clara, o novo e outro amor por Marina. Cadu, o novo coração e a superação da rejeição, Ivan e a naturali- dade de uma criança que entendeu o novo e não questionou o amor dos pais e o lugar da família. A história mostra como pode ser leve ter uma ex-mulher, mãe, filha ou irmã bissexual. Nisso, Maneco inovou. Porém, os aplausos de melhor atuação vão para Viviane Pasmanter e sua venenosa Schirley, Vanessa Gerbelli e a saga de Juliana em busca do filho perdido e Ângela Vieira com sua ácida Branca. As três foram convincentes e certeiras na composição de seus personagens complexos. Ainda assim, Em Família não vai deixar saudade. Que fique o aprendizado de que fórmulas prontas não fazem o gosto do público. É preciso inovar e fazer acontecer na trama, mesmo que a vida cotidiana seja quase sempre sem graça, como a história da última Helena, que de heroína não teve nada. Até a próxima! Joaquim Vela e Janete Oliveira CAÇA-PALAVRAS Revistas COQUETEL Procure e marque, no diagrama de letras, as palavras em destaque na relação. Amiga da Saúde, estou com dificuldade para ter relação porque minha vagina fica seca e dói. Antes não era assim. O que pode estar acontecendo? Anônima Cara leitora, a lubrificação ocorre quando a mulher fica excitada, envolvida com o ato sexual. Transar com outras preocupações na cabeça ou constrangida com alguma situação é uma das principais causas da baixa lubrificação vaginal. Nesse caso, evite transar se não estiver afim, e caso esteja disposta, tente se concentrar somente no ato sexual. Outros problemas, como infecções vaginais, desidratação, e a queda de hormônios natural na fase da menopausa podem causar um ressecamento da vagina. Nesses casos, um lubrifi- Boa noite! Estou pensando em colocar silicone nos seios porque acho pequenos, mas ouvi dizer que depois da cirurgia vou perder a sensibilidade dos mamilos. Isso é verdade? Célia Regina, 23 anos, costureira Querida Célia, é verdade sim. A grande maioria das mulheres que fazem mamoplastias (plásticas nos seios) perdem temporária ou definitivamente a sensibilidade dos mamilos. Isso ocorre porque os nervos que garantem a sensibilidade nesta região, ou ficam muito tensionados ou se rompem durante a cirurgia. O pior é que muitos médicos não avisam isso para as mulheres antes. Pense bem, às vezes nos iludimos com a padronização que a sociedade faz do corpo das mulheres, exigindo que sejam perfeitas, mas ninguém é per- cante vaginal à base de água, encontrado em qualquer farmácia, é solução rápida e segura. Mas é bom consultar um médico para avaliar melhor as causas do ressecamento e tratar, se necessário. feito. Caso resolva mesmo realizar o procedimento, estude todos os detalhes com calma e procure profissionais confiáveis. Mande sua dúvida: Aqui você pode perguntar o que quiser para a nossa Amiga da Saúde Sofia Barbosa Coren MG Enf. No mundo: Filme Maiores bilheterias de 2013 Arrecadação em US$ 1. HOMEM de Ferro 3 1,215,439, Meu MALVADO Favorito 918,278, Velozes e FURIOSOS 788,679, UNIVERSIDADE Monstros 743,516, O Homem de Aço 662,845, GRAVIDADE 615,435, Jogos VORAZES 576,198, Guerra Mundial Z 540,007, Oz MÁGICO e Poderoso 493,311, Além da ESCURIDÃO 467,365,246 No Brasil: Renda do 1º fim de semana, em reais 1. Até que a SORTE nos Separe ,00 2. Somos tão JOVENS ,00 3. Meu PASSADO me Condena ,00 4. Minha Mãe É uma PEÇA O Filme ,00 5. Vai que Dá CERTO ,00 6. FAROESTE Caboclo ,00 7. Crô ,00 8. O CONCURSO ,00 9. Mato sem cachorro , Se Puder... DIRIJA ,00 I T I A T D B O R A H V O C I G A M D J O J K L T R K O U M S Ç S E Z A R O V J R H T J Q V R A Ç G U L R C B I C X K O C X H S N D M U I Ã N F E O J A A N O D O H J R M D V I F I C B J T T E E V I R K H U E V Z M E P U W R A W K P J R I C O S E Ç C S Z S N S D M P W E I K I P E A Ç F M R P F D E X V G U T T C A A C I L O R U O D Q D A D A G I S E Y W E U I M E O W F Y G S D R Ç X S N E V O J B I P I O P C C D X Y J E T S E O R A F P A D N G C T F K C V G H J O P A S S A D O C Z U M Ç X E Y Ç E Solução P A S S A D O O C I G A M O R S S E Z A R O V R V U I O C H S D U Ã N O A N D O R M D I I C T E V R E M E U A R C O Ç C S S D E I E A F R P D V U T A L R O D D A I E I M O R S N E V O J I O J E T S E O R A F A 15 foto: warner bros / filme: gravidade

13 Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 CULTURA 13 Klauss Vianna pode fechar no próximo mês TEATRO Um dos melhores de BH, espaço cultural irá abrigar setores do judiciário Rafaella Dotta vê que o Teatro Klaus Vianna seja transferido para o Circuito Cultural da Praça da Liberdade, mas artistas e apoiadores culturais estão receosos. Quanto tempo vai levar para realocar? Vamos supor que se construa um espaço maravilhoso, mas até lá, a gente fica sem teto?, questiona a bailarina e presidente da Associação Dança Minas, Andréa Anhaia. A assessoria do TJMG afirma que o presidente da entidade irá receber opiniões dos grupos culturais que utilizam o espaço. Em contrapartida, Andréa mostra preocupação. As perguntas já foram feitas ao governo e à prefeitura, mas continuamos sem respostas precisas, declara. Motivos para proteger o Klauss De acordo com a bailarina, o estado e a cidade podem perder um espaço cultural de muita qualidade. Belo Horizonte não tem Um teatro que nasceu da demolição Atualmente, o prédio localizado na Avenida Afonso Pena abriga salas administrativas da operadora Oi, o Teatro Klauss Vianna e o Museu das Telecomunicações. Como a extinção de espaços culturais não é rara em Minas Gerais, o próprio Klauss Vianna é fruto da demolição de outro teatro: o Cine Metrópole, derrubado em À época, artistas se engajaram contra a extinção do Metrópole, pedindo que fosse reconhecido como patrimônio cultural. O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha) entrou com o processo, mas o prédio foi vendido antes da aprovação e se transformou em uma agência do Banco Bra- desco, como conta o fotógrafo Guto Muniz. O governo mineiro afirmou que iria realocar o teatro. Isso demorou mais de O teatro é o mais bem preparado para receber pequenos e médios grupos, com 300 cadeiras Por meio de determinação do Governo de Minas Gerais, o prédio onde está o Teatro Klauss Vianna, hoje administrado pela Oi Futuro, irá se transformar em salas do Tribunal de Justiça. A mudança está programada para setembro deste ano e informações sobre o destino do teatro ainda são imprecisas. No final de 2013, o imóvel da Avenida Afonso Pena, 4001, foi considerado de utilidade pública pelo governo do estado. O motivo da alteração seria o melhor funcionamento do Tribunal, que hoje trabalha descentralizado. Com a mudança para o novo prédio, o judiciário irá economizar com aluguéis de espaços, além de dispor de um prédio em condições de abrigar as diversas áreas da Segunda Instância, afirmou o TJMG em nota. O ajuste entre o governo estadual e a Oi Futuro preum teatro com tão fácil localização quanto o Klauss. Com o seu fechamento, a gente perde plateia, que são as pessoas já acostumadas a frequentar aquele lugar, e perde um local maravilhoso, diz. O teatro é o mais bem preparado para receber pequenos e médios grupos, Marina Lana/Ag. Eifcaz uma década, mas aconteceu. Nasceu daí o Teatro Klauss Vianna, que ocupou parte da sede da Telemig a partir de meados de Quem foi Klauss Vianna? O belo-horizontino nasceu em 1928 e foi bailarino e coreógrafo, além de professor. Ele desenvolveu método próprio para a expressão corporal na dança e no teatro. explica Andréa. Com cerca de 300 poltronas e muito menos burocracia que outros, comporta apresentações que não são grandiosas a ponto de ocupar o Palácio das Artes, mas que precisam de uma boa estrutura. E é preferência para apresentações de dança em Minas Gerais. Divulgação Oi Futuro Fotografados por Guto Muniz, cerca de 35 artistas de Belo Horizonte expressaram seu apoio à preservação do Teatro. A campanha Deixem o espaço do Teatro em Paz, que nasceu em São Paulo, tem o objetivo de defender os teatros contra a especulação imobiliária. Noite nos museus Da redação A noite desta sexta-feira (18) será especial para Belo Horizonte. Pela segunda vez, a capital receberá o evento Noturno nos Museus, em que 30 museus da cidade abrirão suas portas em período estendido. A iniciativa da Fundação Municipal de Cultura e primeira do Brasil é inspirada em ações de outras metrópoles que possuem programação noturna constante. O projeto comemora o Dia Internacional dos Museus e convida o público mineiro a aproveitar as atrações já disponibilizadas pelas instituições também durante a noite e início da madrugada. A programação é variada, e conta com exposições, shows musicais, peças de teatro, apresentações de dança, performances de artes visuais, debates e cortejos artísticos. SERVIÇO As atrações do Noturno nos Museus se encontram no site Para auxiliar os visitantes nas escolhas da noite, um aplicativo de celular foi desenvolvido para situar os participantes em tempo real. A ferramenta pode ser baixada na Play Store, pelo link

14 14 CULTURA Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 AGENDA DO FIM DE SEMANA #ficaadica FESTA JULHINA LITERATURA PERCUSSÃO Arraial do Santê, com barraquinhas organizadas pelos bares da região e quadrilha. Sábado (19) e domingo (20), das 14h às 20h, na Praça Duque de Caxias. TEATRO Grupo Anônimos de Teatro apresenta o espetáculo A Culpa. A peça baseia-se no texto Carta ao Pai, de Franz Kafka, e utiliza elementos da dança experimental. Quarta (23), às 20h, no Grande Teatro do Sesc Palladium (Av. Augusto de Lima, 420, Centro). EXPOSIÇÃO A boa da semana Segunda a quinta-feira MODA Mostra do estilista Ronaldo Fraga apresenta pequena retrospectiva de suas coleções em homenagem a Drummond de Andrade e Guimarães Rosa. Até 01/12, todas as segundas das 10h às 19h, e de terças a sextas das 10h às 21h, no Centro de Referência da Moda - CRModa (Rua da Bahia, 1149, Centro). Mostra Liberdade, do francês Rodolphe Huguet. Os trabalhos do artista transitam entre esculturas, fotografias, desenhos, pinturas e instalações que questionam a natureza da arte. Até 27/07, de terça a domingo das 9h às 21h, no Foyer Augusto de Lima (Av. Augusto de Lima, 420, Centro). Semana do Livro Nacional oferece oficinas, mesas de debate, encontro de jovens autores e sessão de autógrafos com escritores brasileiros. Sábado (19), na Biblioteca Pública Infantil e Juvenil (Rua Carangola, 288, Santo Antônio). INFANTIL Minicurso Ìlù Tambores Falantes ensina a percussão como memória, patrimônio cultural e tradição africana. Os ministrantes serão Samuel Ayobami Akinruli e Luana Carla Martins Campos, do Instituto INSOD. Sexta (18), das 19h30 às 22h30, No Museu Inimá de Paula (Rua da Bahia, 1201, Centro). Projeto Eu, criança, no Museu convida os pequenos para apresentarem aquelas canções que ensaiam em família, em banda, ou até mesmo embaixo do chuveiro. Domingo (20), às 11h, no Memorial Minas (Praça da Liberdade). ARTES PLÁSTICAS Festival Saci tem show de Tiê e peça de Lázaro Ramos O Festival Saci - Sociabilização, Arte e Cultura na Infância apresenta nos dias 19 e 20 de julho uma programação rica voltada para as crianças. O projeto conta com peças de teatro, palestras e mostra de cinema infantil. Também serão realizadas oficinas de massinha, gastrono- Exposição BH, Cidade Luz reúne seis obras dos artistas Warley Desali e José Octavio Cavalcanti. Os trabalhos representam um diálogo entre BH e Paris, capital francesa. Até 09/08, de segunda a sexta das 8h às 21h, e aos sábados das 8h às 16h30, no Salão Cultural da Aliança Francesa (Rua Tomé de Souza, 1418, Savassi). mia, criação de brinquedos e música. Um dos destaques é o show da cantora Tiê, no dia 19, que relembrará as canções que marcaram sua própria infância. Já no dia 20, acontece a exibição da peça A Menina Edith e a Velha Sentada, do ator Lázaro Ramos. SERVIÇO Sexta (18) 10h Palestra Filhos - Doce Tsunami, com Simonete Torres. Entrada franca. 15h30 Mostra de Cinema Infantil. Entrada franca. 17h Tiê Infantil, com Tiê. Ingressos a R$16 e R$ 8 (meia -entrada). Sábado (19) 15h30 Mostra de Cinema Infantil. Entrada Franca. Festival É Tudo Verdade chega à capital O Festival É Tudo Verdade, principal evento dedicado à cultura do documentário na América Latina, chega a Belo Horizonte nesta quinta-feira (24). A mostra apresenta dez produções - entre curtas e longametragens - vencedoras das competições realizadas pelo projeto em Entre os filmes da programação está o brasileiro 20 centavos, do diretor Tiago Tambelli, que aborda a onda de manifestações que ocorreram no país em junho do ano passado e o vencedor da Competição Brasileira de Longas, O Homem Comum, de Carlos Nader. As exibições acontecem no Teatro Oi Futuro até o dia 27, com entrada franca. SERVIÇO Quinta (24) às 20h, sexta (25), sábado (26) e domingo (27) das 16h às 20h30. No Teatro Oi Futuro Klauss Vianna (Av. Afonso Pena, 4001). A entrada é franca. A programação completa pode ser vista no site Como chegar Você pode pegar as linhas 4108, 104, 4107 e h30 A Menina Edith e a Velha Sentada, de Lázaro Ramos. Ingressos a R$16 e R$8 (meia-entrada). No Teatro Oi Futuro Klauss Vianna (Av. Afonso Pena, 4001). Como chegar Você pode pegar as linhas 4108, 104, 4107 e 2102.

15 Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 ESPORTE 15 O jogo das lamentações TERCEIRO LUGAR Consolação para os holandeses, decepção para a fraquíssima seleção brasileira Alemanha, a grande campeã do Mundo FINALÍSSIMA A excelente Alemanha sagrou-se campeã sobre a Argentina de Messi, na prorrogação Leonardo Calixto Decepcionados com o péssimo resultado de 7x1 perante a Alemanha, brasileiros e brasileiras ainda tinham um jogo da Copa para acompanhar: a disputa do 3º lugar contra a Holanda. Os holandeses, por sua vez, encaravam o jogo como um possível prêmio de consolação, pela ótima campanha feita até então. Além do placar (3x0), a diferença entre os jogos contra Alemanha e Holanda está na percepção de como o time brasileiro era realmente fraco. No chamado Minerazzo, houve tempo apenas para constatar o passeio da espetacular seleção alemã sobre um time perdido em campo. No jogo de Brasília, apenas lamentações por ter disputado a Copa em casa com um time sem a mínima estrutura tática. Rafael Ribeiro/CBF Marcelo Pereira Nada mais justo que os alemães levarem a Copa pra casa. Uma equipe impecável, que articula como poucas os três setores do campo, une a experiência de Klose e Schweinsteiger com a maturidade precoce de Müller, Kroos e Özil. Tudo isto em campo na final contra uma Argentina que não mostrou, em suas sete exibições, um futebol de encher os olhos, e apostou todas as fichas na genialidade de Messi que, se por um lado não foi decepcionante como Cristiano Ronaldo, por outro não foi brilhante o suficiente para receber da FIFA o prêmio de melhor da Copa sem uma chuva de críticas. Entretanto, a final em si serviu para que a Argentina ganhasse sua batalha particular contra o Brasil, e mostrar para Felipão que é possível enfrentar o escrete ale- mão. O esquema adotado por Alejandro Sabella, de fechar a defesa e suportar o toque de bola da Alemanha para ganhar oportunidades de contra-ataque com Messi e Higuaín funcionou bem - tanto que foi a alviceleste que esteve mais próxima da vitória durante os primeiros 90 minutos. Foi preciso que a partida chegasse à prorrogação para que Götze recebesse um cruzamento pela esquerda de Schürrle, dominasse no peito com categoria e chutasse cruzado no canto esquerdo de Romero. Pela segunda vez seguida, a Copa foi decidida com um gol na prorrogação. O capitão Lahm repetiu o gesto de Bellini, em 1958, e mostrou a todos a quarta Copa do Mundo conquistada, com todos os méritos, pelos alemães, que têm uma equipe jovem o suficiente para se colocar como a equipe a ser batida na Rússia, em na geral Seleção brasileira de basquetebol Desabafo contra CBF e federações estaduais Mais investimento no futebol feminino Aécio e a CBF A seleção brasileira de basquete iniciou na última quarta-feira (16) a preparação para o campeonato sul-americano masculino. A competição acontecerá entre 24 e 28 de julho, na cidade de Barquísmetro, na Venezuela. O Brasil está no grupo A, ao lado do Paraguai, Equador e Argentina. No outro grupo (B), estão Chile, Peru, Uruguai e Venezuela. Os primeiros colocados da competição garantirão vaga nos Jogos Pan-americanos de Toronto O ex-zagueiro do Corinthians e membro do Bom Senso FC, Paulo André, publicou uma carta contra a organização do futebol nacional e pediu mudanças radicais. Rebatendo a declaração do presidente da CBF, José Maria Marin, o atleta afirmou que não basta a troca do técnico da Seleção para a reformulação do futebol brasileiro. Segundo o jogador, é fundamental a renovação do quadro de dirigentes, já que alguns cartolas comandam o futebol há mais de 40 anos. Num dos trechos da carta, o jogador diz: Olhem para seus umbigos e tenham vergonha do que construíram! Clubes grandes endividados, clubes pequenos sem calendário, estádios vazios, atletas sem salários, etc. E a solução é o novo treinador? #Cansei. Primeira mulher eleita como integrante do comitê executivo da FIFA, a africana Lydia Nsekera aproveitou sua passagem pelo Brasil para pedir às autoridades brasileiras mais investimento no futebol feminino: Faço um apelo para a CBF dar mais ênfase ao futebol feminino, para que cresça da mesma forma que o masculino. O pedido foi feito no Maracanã, na cerimônia de apresentação do Canadá como sede da próxima Copa do Mundo feminina, em Com pouco estímulo dos grandes clubes, as jogadoras brasileiras disputam torneios de pouca visibilidade. As atletas que se destacam recorrem a clubes estrangeiros para seguirem carreira. È o caso da atacante Martha, eleita a melhor do mundo por cinco vezes. Ela atua no futebol sueco. Aécio Neves, o senador mineiro que vive no Rio de Janeiro, pelo visto tem o apoio da Confederação Brasileira de Futebol em No Mineirão, Aécio homenageou o presidente da CBF, José Maria Marín. Como a CBF tem sido alvo de muitas denúncias, Aécio não deu grande destaque ao episódio no qual ele e Marín apertaram as mãos. Depois que o ministro dos esportes, Aldo Rebelo, defendeu a criação de uma Agência Nacional do Futebol, com o objetivo de regular e fiscalizar os assuntos do esporte, a aproximação entre o candidato tucano e a empresa que organiza o futebol brasileiro é mais do que esperada. Para os dirigentes da CBF, a intervenção estatal no futebol representa uma ameaça aos seus interesses privados. Você? Sabia?? Na primeira fase da Copa de 1954, a seleção da Hungria goleou a Alemanha Ocidental por 8 a 3. Apesar dessa derrota acachapante, os alemães se recuperaram e chegaram à final da competição, disputada com a seleção húngara. Dessa vez, a Alemanha Ocidental venceu por 3 a 2, sagrando-se campeã do torneio. Após a reunificação do país, esse título passou a valer como primeira Copa do Mundo conquistada pela Alemanha.

16 16 ESPORTES Belo Horizonte, de 18 a 24 de julho de 2014 OPINIÃO Atlético Se eu deixar de sofrer Rogério Hilário Apesar das dificuldades normais no retorno a uma competição afinal, alguns desfalques permanecem e a falta de ritmo costuma comprometer o desempenho, o Atlético está próximo de outro título sul -americano, a Recopa, talvez o único êxito deste ano tão tumultuado. Levir Culpi, fiel ao seu estilo, alterou a equipe no segundo tempo e acertou. Com Guilherme e Jô, nas vagas de Ronaldinho Gaúcho e André, o time ganhou outra dinâmica e se impôs ao Lanús. Os substituídos apresentavam pouca mobilidade e os suplentes proporcionaram velocidade e alternativas à armação e ao ataque. Não quero parecer pessimista, mas pouco espero de Ronaldinho Gaúcho no restante de seu contrato com o Galo. A meu ver, sua contribuição já é satisfatória, com a conquista da Copa Libertadores. Quanto a André, o banco de reserva lhe cai bem. Jô, Tardelli e Guilherme OPINIÃO Cruzeiro Um bom teste Wallace Oliveira me parecem mais motivados e, portanto, mais úteis nos próximos desafios atleticanos. Espero estar correto, mas sem qualquer receio de me enganar. Com o gramado ruim e escorregadio, a partida da Recopa até emocionou, tantos foram os erros de passe e os escorregões. Sem contar a arbitragem nos torneios continentais. O jogo corre, os árbitros não marcam faltas a qualquer dividida, carrinho ou disputa de bola. Lembra mais a Copa do Mundo. Por isso, dá até preguiça de ver os confrontos no Campeo- Reprodução nato Brasileiro, onde perigo de gol se transforma em falta, ainda mais quando dentro da área. Preciso me reacostumar à mediocridade de nossas competições, após o bem-aventurado Mundial, tão execrado a princípio e depois reconhecido pelos próprios detratores. Como diria o compositor baiano Oscar Penha, o Batatinha, em A Hora da Razão, música consagrada por Caetano Veloso: Se eu deixar de sofrer, como é que vai ser para me acostumar, se tudo é Carnaval, eu não devo chorar, pois eu preciso me encontrar. Andreas Leighton OPINIÃO América Aprendemos com a Copa? Reprodução Durante a Copa, o Cruzeiro disputou cinco amistosos nos Estados Unidos. Venceu o Miami Dade (EUA), por 5 a 1 e 2 a 1, e os mexicanos América, por 5 a 3, Tigres, por 2 a 0, e Chivas, por 2 a 0. Entre estes adversários, cabe destaque ao América do México, campeão do torneio Apertura Éverton Ribeiro e Ricardo Goulart fizeram ótimas atuações. No Brasil, temos acesso restrito ao futebol praticado no exterior. A TV aberta só transmite alguns poucos jogos das principais ligas europeias. Ao nos depararmos com as boas equipes mexicanas na Libertadores, nos surpreendemos com seu alto controle da bola e sua forte marcação. O futebol mexicano não vive o melhor momento técnico. Os comentadores apontam o Clausura 2014 (torneio de fechamento do campeonato nacional) como o mais fraco dos últimos anos. Eles não estão piores, todavia, do que nós, brasileiros, na mais aguda crise de nosso futebol. Lá, eles ainda forneceram 16 dos 23 jogadores convocados pelo treinador Miguel Herrera para a Copa. O Cruzeiro fez um bom teste. Derrotando América e Tigres, provou que pode vencer qualquer adversá- rio no Brasileirão, a exemplo do que fez em Para tanto, será indispensável aos nossos meio campistas, que não tiveram um bom primeiro semestre, manterem o alto rendimento dos amistosos de junho e julho. Contra o Vitória Quinta-feira (17), às 21 horas, o Cruzeiro recebeu o Vitória pela 10ª rodada do Brasileirão. Como este texto foi enviado ao jornal antes da partida, não foi possível comentar o confronto. Bráulio Siffert Ainda demorará algum tempo para ver se a Copa do Mundo terá algum legado efetivo para o futebol brasileiro, dentro e fora de campo. O América, na volta da Série B, continuou com muitos problemas antigos, mas também parece ter aprendido alguma coisa. Mesmo com ingresso a R$ 10, a torcida continua a comparecer em pequeno número. Ainda assim, por possível desorganização e poucos portões abertos, a fila para entrar ficou enorme e muita gente perdeu al- guns minutos do jogo. Dentro de campo, apesar dos erros de passe, da falta de jogadas trabalhadas e das muitas ligações diretas, o América teve meio campo forte, variações táticas e substituições ousadas, características marcantes dos times mais fortes da Copa do Mundo do Brasil. Para ter melhores resultados futuramente, o América precisa investir ainda mais em sua base, traçar planejamento de longo prazo, estabelecer mais parcerias com times e escolas e investir corretamente o dinheiro que recebe.

Tucano nega plano para 2014 e atribui rejeição à ideia, explorada por adversários, de que deixaria prefeitura

Tucano nega plano para 2014 e atribui rejeição à ideia, explorada por adversários, de que deixaria prefeitura Fonte: O Globo 'Ficam dizendo que vou sair de novo' Tucano nega plano para 2014 e atribui rejeição à ideia, explorada por adversários, de que deixaria prefeitura Fernanda da Escóssia, Germano Oliveira,

Leia mais

Janot promete criar nova procuradoria anticorrupção

Janot promete criar nova procuradoria anticorrupção DEBATE Janot promete criar nova procuradoria anticorrupção DE BRASÍLIA - No último debate em busca do aval dos procuradores para permanecer por mais dois anos na chefia do Ministério Público, o procurador-geral

Leia mais

PO 813734A AVALIAÇÃO DA PRESIDENTE DILMA PO 813734B INTENÇÃO DE VOTO PRESIDENTE PO 813734C 50 ANOS DA DITADURA MILITAR Nº CIDADE:

PO 813734A AVALIAÇÃO DA PRESIDENTE DILMA PO 813734B INTENÇÃO DE VOTO PRESIDENTE PO 813734C 50 ANOS DA DITADURA MILITAR Nº CIDADE: PO 813734A AVALIAÇÃO DA PRESIDENTE DILMA PO 813734B INTENÇÃO DE VOTO PRESIDENTE PO 813734C 50 ANOS DA DITADURA MILITAR Nº CPD: Nº CIDADE: CHECAGEM: 1 CHECADO 2 SEM TELEFONE 3 TELEFONE ERRADO 4 NÃO ENCONTRADO

Leia mais

PESQUISA RELATÓRIO 1/2 PESQUISA PRESIDENTE GOVERNADOR - SENADOR CONTRATANTE DA PESQUISA: PARTIDO DA REPÚBLICA-PR MINAS GERIAS ESTADO: MINAS GERAIS

PESQUISA RELATÓRIO 1/2 PESQUISA PRESIDENTE GOVERNADOR - SENADOR CONTRATANTE DA PESQUISA: PARTIDO DA REPÚBLICA-PR MINAS GERIAS ESTADO: MINAS GERAIS PESQUISA RELATÓRIO 1/2 PESQUISA PRESIDENTE GOVERNADOR - SENADOR CONTRATANTE DA PESQUISA: PARTIDO DA REPÚBLICA-PR MINAS GERIAS ESTADO: MINAS GERAIS PERÍODO DE REALIZAÇÃO DOS TRABALHOS: 12 A 19 DE SETEMBRO

Leia mais

Eleições presidenciais no Brasil em 2010: o perfil dos candidatos e de suas alianças

Eleições presidenciais no Brasil em 2010: o perfil dos candidatos e de suas alianças Eleições presidenciais no Brasil em 2010: o perfil dos candidatos e de suas alianças Aline Bruno Soares Rio de Janeiro, julho de 2010. Desde seu início, o ano de 2010 tem se mostrado marcante em relação

Leia mais

Pesquisa de Opinião Pública Nacional. Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral

Pesquisa de Opinião Pública Nacional. Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral Pesquisa de Opinião Pública Nacional Associação dos Magistrados Brasileiros AMB Voto, Eleições e Corrupção Eleitoral Julho de 2008 Roteiro I. Metodologia II. III. IV. Eleições e Política Corrupção eleitoral

Leia mais

GABARITO ATIVIDADE DE CLASSE DESVENDANDO A NOTÍCIA. Pastor recua e garante que nunca irá queimar o Alcorão (Folha UOL/ 10/09/2010)

GABARITO ATIVIDADE DE CLASSE DESVENDANDO A NOTÍCIA. Pastor recua e garante que nunca irá queimar o Alcorão (Folha UOL/ 10/09/2010) GABARITO ATIVIDADE DE CLASSE Questão 1 DESVENDANDO A NOTÍCIA Certos acontecimentos que ganham destaque na mídia internacional costumam, como se diz na linguagem corrente, esconder problemas ou polêmicas

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL Pesquisa e Consultoria Relatório Síntese PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL RODADA 89 CNT 18 a 22 de Junho de 2007 SAS Q 06 - Lote 03 - Bloco J Rua Grão Pará, 737-4º andar Ed. Camilo Cola - 2 o andar

Leia mais

Resultados da 120ª Pesquisa CNT/MDA ELEIÇÃO PRESIDENCIAL 2014

Resultados da 120ª Pesquisa CNT/MDA ELEIÇÃO PRESIDENCIAL 2014 Resultados da 120ª Pesquisa CNT/MDA Brasília, 27/08/2014 A 120ª Pesquisa CNT/MDA, realizada de 21 a 24 de agosto de 2014 e divulgada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), mostra cenários para

Leia mais

CONSTITUINTE EXCLUSIVA E SOBERANA DO SISTEMA POLITICO

CONSTITUINTE EXCLUSIVA E SOBERANA DO SISTEMA POLITICO HQ se lga! i CONSTITUINTE EXCLUSIVA E SOBERANA DO SISTEMA POLITICO CONSTITUINTE EXCLUSIVA E SOBERANA DO SISTEMA POLITICO Defender a CONSTITUINTE é um erro! Erro, por que? A direita vai aproveitar uma Constituinte

Leia mais

LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA

LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA LEI DA MÍDIA DEMOCRÁTICA (versão simples da Lei da Comunicação Social Eletrônica) CAPÍTULO 1 PARA QUE SERVE A LEI Artigo 1 - Esta lei serve para falar como vai acontecer de fato o que está escrito em alguns

Leia mais

Clipping. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO 03 de outubro de 2011 ESTADO DE MINAS

Clipping. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO 03 de outubro de 2011 ESTADO DE MINAS ESTADO DE MINAS 1 2 ESTADO DE MINAS 3 ESTADO DE MINAS http://www.em.com.br PSD de Kassab mira 'órfãos' do PMDB quercista O PSD obteve registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na terça-feira e corre

Leia mais

CANDIDATOS AO GOVERNO DO RIO GRANDE DO SUL

CANDIDATOS AO GOVERNO DO RIO GRANDE DO SUL CANDIDATOS AO GOVERNO DO RIO GRANDE DO SUL CARLOS SCHNEIDER (PMN) Vice: Maximiliano Andrade (PMN) Nome: Carlos Otavio Schneider Partido: Partido da Mobilização Nacional Tempo de horário eleitoral (estimado):

Leia mais

Empresas recuperam em contratos até 39 vezes o valor doado a políticos Seg, 30 de Março de 2015 12:52

Empresas recuperam em contratos até 39 vezes o valor doado a políticos Seg, 30 de Março de 2015 12:52 É política de boa vizinhança. Evidentemente quando você apoia um partido ou um candidato, no futuro eles vão procurar ajudá-lo, afirmou o empresário Cristiano Kok, da empreiteira Engevix, em entrevista

Leia mais

Cem edições para informar e formar cidadãos!

Cem edições para informar e formar cidadãos! ParaTod Mandato do Deputado Tadeu Veneri-PT nº 100 Dezembro 2014 s Acesse: www.tadeuveneri.com.br facebook.com/tadeuveneri Edição Especial Número 100 Cem edições para informar e formar cidadãos! Do primeiro

Leia mais

Relatório de Análise de Mídia Clipping Senado Federal e Congresso Nacional

Relatório de Análise de Mídia Clipping Senado Federal e Congresso Nacional Relatório de Análise de Mídia Clipping Senado Federal e Congresso Nacional Noticiário de fevereiro de 2013 Brasília, março de 2013 SECRETARIA DE TRANSPARÊNCIA Conteúdo 1. Análise de notícias... 3 2. Pré-sal...

Leia mais

Você pode contribuir para eleições mais justas

Você pode contribuir para eleições mais justas Procuradoria Regional Eleitoral no Estado de SP Defesa da democracia, combate à impunidade. Você pode contribuir para eleições mais justas Os cidadãos e as cidadãs podem auxiliar muito na fiscalização

Leia mais

Avaliação governo Dilma Rousseff. Expectativas econômicas. 03 a 05/06/2014. www.datafolha.com.br

Avaliação governo Dilma Rousseff. Expectativas econômicas. 03 a 05/06/2014. www.datafolha.com.br Intenção de voto presidente Avaliação governo Dilma Rousseff Opinião sobre os protestos Expectativas econômicas PO813747 03 a 05/06/2014 INTENÇÃO DE VOTO PARA PRESIDENTE JUNHO DE 2014 DILMA CAI, MAS ADVERSÁRIOS

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO DE JANEIRO Escola Judiciária Eleitoral

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO DE JANEIRO Escola Judiciária Eleitoral TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO DE JANEIRO Escola Judiciária Eleitoral Abril 2013 TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Presidente Desembargadora Letícia De Faria Sardas Corregedor

Leia mais

Histórico das constituições: direito de sufrágio

Histórico das constituições: direito de sufrágio 89 Histórico das constituições: direito de sufrágio André de Oliveira da Cruz Waldemar de Moura Bueno Neto José Carlos Galvão Goulart de Oliveira Graduandos pela Faculdade de Educação, Administração e

Leia mais

Intenção de voto para presidente 2014 PO813734. www.datafolha.com.br

Intenção de voto para presidente 2014 PO813734. www.datafolha.com.br Intenção de voto para presidente 2014 PO813734 19 e 20/02/2014 INTENÇÃO DE VOTO PARA PRESIDENTE FEVEREIRO DE 2014 MESMO COM DESEJO DE MUDANÇA, DILMA MANTÉM LIDERANÇA NA CORRIDA ELEITORAL 67% preferem ações

Leia mais

Plano de lutas PLENO EMPREGO

Plano de lutas PLENO EMPREGO Plano de lutas PLENO EMPREGO a) Impulsionar, junto com as outras centrais sindicais, a campanha nacional pela redução constitucional da jornada de trabalho sem redução de salários; b) Exigir a restrição

Leia mais

Datafolha, propaganda e eleitores nos estados

Datafolha, propaganda e eleitores nos estados Datafolha, propaganda e eleitores nos estados 23 de agosto de 2010 1. Vitória de Dilma no 1º turno Bastou uma semana de horário eleitoral gratuito em rádio e televisão ao lado do presidente Lula para Dilma

Leia mais

AÇOUGUE CULTURAL T-BONE LER PARA CRESCER

AÇOUGUE CULTURAL T-BONE LER PARA CRESCER AÇOUGUE CULTURAL T-BONE LER PARA CRESCER BRASÍLIA / DF 1 APRESENTAÇÃO O Açougue Cultural T-Bone desenvolve desde 2003 vários projetos na área da cultura, o principal é a Biblioteca Comunitária T-Bone,

Leia mais

O que fazer para reformar o Senado?

O que fazer para reformar o Senado? O que fazer para reformar o Senado? Cristovam Buarque As m e d i d a s para enfrentar a crise do momento não serão suficientes sem mudanças na estrutura do Senado. Pelo menos 26 medidas seriam necessárias

Leia mais

Intenção de voto para presidente da República PO813749. www.datafolha.com.br

Intenção de voto para presidente da República PO813749. www.datafolha.com.br Intenção de voto para presidente da República PO813749 01 e 02/07/2014 INTENÇÃO DE VOTO PARA PRESIDENTE JULHO DE 2014 EM MÊS MARCADO POR COPA, DILMA RECUPERA PREFERÊNCIA DE ELEITORES Queda nos votos em

Leia mais

C L I P P I N G DATA: 01.06.2015

C L I P P I N G DATA: 01.06.2015 C L I P P I N G DATA: 01.06.2015 Dívidas de Agnelo serão pagas pela ordem cronológica Para atender à lei, governo reformula cronograma para quitar débitos com mais de 900 fornecedores. Um questionamento

Leia mais

Aécio Neves link: https://www.youtube.com/watch?v=lzrwduegjjm#t=16

Aécio Neves link: https://www.youtube.com/watch?v=lzrwduegjjm#t=16 Aécio Neves link: https://www.youtube.com/watch?v=lzrwduegjjm#t=16 Muda Brasil. Agora é Aécio Locutor: Olha como o mundo dá voltas. Há 30 anos, quando o Brasil sofria uma cruel ditadura e pedia por mudanças,

Leia mais

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ É bom saber... LEI Nº 12.618, DE 30 DE ABRIL DE 2012. Institui o regime de previdência complementar para os servidores públicos federais titulares de

Leia mais

Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais

Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais Fonte: O Globo Data: 16/09/2015 Seção: Economia Versão: Impresso (página 25) e Online Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais Retomada de cobrança

Leia mais

CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA

CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA CONSTRUINDO A DEMOCRACIA SOCIAL PARTICIPATIVA Clodoaldo Meneguello Cardoso Nesta "I Conferência dos lideres de Grêmio das Escolas Públicas Estaduais da Região Bauru" vamos conversar muito sobre política.

Leia mais

Financiamento de Campanhas Eleitorais. Brasília - DF 09/10/2014

Financiamento de Campanhas Eleitorais. Brasília - DF 09/10/2014 Financiamento de Campanhas Eleitorais Brasília - DF 09/10/2014 Democracia representativa Direito de votar e ser votado Financiamento de campanhas Financiamento de campanhas Nº Nome Partido Receitas 21

Leia mais

Novas arenas ampliam público, renda e até gols do Brasileirão

Novas arenas ampliam público, renda e até gols do Brasileirão B O L E T I M OFERECIMENTO SEGUNDA-FEIRA, 17 DE AGOSTO DE 2015 NÚMERO DO DIA R$ 2,3 mi o Palmeiras ganha em média por partida no Allianz Parque; é quem mais arrecada por jogo EDIÇÃO 319 Novas arenas ampliam

Leia mais

Análise Semanal. Edição nº 23 10/07/15 CONJUNTURA ECONÔMICA. Mais um plano

Análise Semanal. Edição nº 23 10/07/15 CONJUNTURA ECONÔMICA. Mais um plano Mais um plano CONJUNTURA ECONÔMICA A chave da agenda positiva tão perseguida pelo governo federal em tempos de crise política e volta da inflação parece ser a preservação dos empregos. Na última terça-feira

Leia mais

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências boletim Jovem de Futuro ed. 04-13 de dezembro de 2013 Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências O Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013 aconteceu de 26 a 28 de novembro.

Leia mais

Pesquisa de Opinião Pública Tema geral: Como o eleitor escolheu seus candidatos em 2010

Pesquisa de Opinião Pública Tema geral: Como o eleitor escolheu seus candidatos em 2010 Pesquisa de Opinião Pública Tema geral: Como o eleitor escolheu seus candidatos em 2010 Apresentação: Somos pesquisadores da Universidade Federal do Ceará e gostaríamos de saber como as pessoas votaram

Leia mais

PESQUISA CNI-IBOPE. Dilma e Marina empatadas em um provável segundo turno. Popularidade da presidente Dilma cresce na comparação com junho

PESQUISA CNI-IBOPE. Dilma e Marina empatadas em um provável segundo turno. Popularidade da presidente Dilma cresce na comparação com junho Indicadores CNI PESQUISA CNI-IBOPE Avaliação do governo e pesquisa eleitoral Dilma e Marina empatadas em um provável segundo turno Na pesquisa estimulada, com a apresentação do disco com os nomes dos candidatos,

Leia mais

REQUERIMENTO nº, de 2015. (Do Sr. Carlos Melles)

REQUERIMENTO nº, de 2015. (Do Sr. Carlos Melles) REQUERIMENTO nº, de 2015 (Do Sr. Carlos Melles) Requer a Convocação de Sessão Solene em 2016, em Homenagem ao vigésimo aniversário da Lei que criou o SIMPLES no Brasil. Senhor Presidente, Representando

Leia mais

PL 64 BOLSA COMPLEMENTAR PARA O PROGRAMA MAIS MÉDICOS

PL 64 BOLSA COMPLEMENTAR PARA O PROGRAMA MAIS MÉDICOS PL 64 BOLSA COMPLEMENTAR PARA O PROGRAMA MAIS MÉDICOS Tendo como argumento aperfeiçoar ainda mais a prestação de serviços de saúde à população, o Executivo traz a esta Casa o Projeto de Lei 64/2014, que

Leia mais

CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS

CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS Sumário - Apresentação... 3 -As três leis básicas... 3 - Como é elaborado o orçamento da União?... 3 Prazos... 4 Esferas... 4 - Quem é responsável pela elaboração

Leia mais

Por que defender o Sistema Único de Saúde?

Por que defender o Sistema Único de Saúde? Por que defender o Sistema Único de Saúde? Diferenças entre Direito Universal e Cobertura Universal de Saúde Cebes 1 Direito universal à saúde diz respeito à possibilidade de todos os brasileiros homens

Leia mais

Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política

Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política No Brasil, há poucas experiências conhecidas de uso de ferramentas de monitoramento de mídias sociais em campanhas políticas. Uma delas

Leia mais

AVALIAÇÃO DO GOVERNO DESEMPENHO PESSOAL DA PRESIDENTE

AVALIAÇÃO DO GOVERNO DESEMPENHO PESSOAL DA PRESIDENTE Resultados da 128ª Pesquisa CNT/MDA Brasília, 21/07/2015 A 128ª Pesquisa CNT/MDA, realizada de 12 a 16 de julho de 2015 e divulgada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), mostra a avaliação dos

Leia mais

GREVE DOS SERVIDORES GARANTE APROVAÇÃO DO PLC 28 NO SENADO, E O FOCO, AGORA, É A SANÇÃO DA PRESIDENTE DILMA

GREVE DOS SERVIDORES GARANTE APROVAÇÃO DO PLC 28 NO SENADO, E O FOCO, AGORA, É A SANÇÃO DA PRESIDENTE DILMA Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal do Estado de Mato Grosso BOLETIM SEMANAL De 29 de junho a 03 de julho de 2015 GREVE DOS SERVIDORES GARANTE APROVAÇÃO DO PLC 28 NO SENADO, E O FOCO,

Leia mais

Vem pra urna! Justiça Eleitoral. Cartório Eleitoral - ES. Cartilha educativa da. Justiça Eleitoral. sobreo poder do voto.

Vem pra urna! Justiça Eleitoral. Cartório Eleitoral - ES. Cartilha educativa da. Justiça Eleitoral. sobreo poder do voto. Vem pra urna! Justiça Eleitoral Cartório Eleitoral - ES www.tre-es.jus.br. #vempraurna Cartilha educativa da Justiça Eleitoral sobreo poder do voto. Material desenvolvido pelo Tribunal Regional Eleitoral

Leia mais

A juventude em luta no país inteiro!

A juventude em luta no país inteiro! A USP é uma universidade pública, gratuita e de qualidade? A resposta para esta questão está em disputa na Universidade de São Paulo. De um lado, sucessivas reitorias fecham as portas da universidade à

Leia mais

Assessoria de Comunicação & Marketing Assessoria de Imprensa e Divulgação

Assessoria de Comunicação & Marketing Assessoria de Imprensa e Divulgação Assessoria de Comunicação & Marketing Assessoria de Imprensa e Divulgação Monitoramento das Notícias da UNISUL Dia 29 de novembro de 2011 JORNAIS O fim da história Diário do Sul Prêmio Finep Notisul SITES

Leia mais

Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, por ocasião da visita à Comunidade Linha Caravaggio

Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, por ocasião da visita à Comunidade Linha Caravaggio Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, por ocasião da visita à Comunidade Linha Caravaggio Chapecó-SC, 23 de junho de 2006 Presidente: É um programa, talvez

Leia mais

O que falta é uma nova lei para garantir a liberdade de expressão do nosso povo. A lei que regulamenta o serviço de radiodifusão completou 50 anos!

O que falta é uma nova lei para garantir a liberdade de expressão do nosso povo. A lei que regulamenta o serviço de radiodifusão completou 50 anos! Para construir um país mais democrático e desenvolvido, precisamos avançar na garantia ao direito à comunicação para todos e todas. O que isso significa? Significa ampliar a liberdade de expressão para

Leia mais

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia em comemoração ao Dia Internacional da Mulher

Discurso do Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia em comemoração ao Dia Internacional da Mulher , Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia em comemoração ao Dia Internacional da Mulher Palácio do Planalto, 12 de março de 2003 Minha cara ministra Emília Fernandes, Minha cara companheira Benedita da

Leia mais

SENSUS. Relatório CAMPANHA DE ESCLARECIMENTO DO TSE ELEIÇÕES 2010 FIELDS COMUNICAÇÃO TSE. 03 a 07 de Novembro de 2010

SENSUS. Relatório CAMPANHA DE ESCLARECIMENTO DO TSE ELEIÇÕES 2010 FIELDS COMUNICAÇÃO TSE. 03 a 07 de Novembro de 2010 Pesquisa e Consultoria Relatório CAMPANHA DE ESCLARECIMENTO DO TSE ELEIÇÕES 2010 FIELDS COMUNICAÇÃO TSE 03 a 07 de Novembro de 2010 Rua Grão Pará 737, 4 andar Cep 30150-341 Belo Horizonte MG Tel. 31-33042100

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL O ELEITOR E A REFORMA POLÍTICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL O ELEITOR E A REFORMA POLÍTICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL O ELEITOR E A REFORMA POLÍTICA JUNHO DE 2007 Dados Técnicos Pesquisa Pesquisa de opinião pública nacional Universo Eleitores e potenciais eleitores brasileiros que

Leia mais

C L I P P I N G DATA: 18.09.2015

C L I P P I N G DATA: 18.09.2015 C L I P P I N G DATA: 18.09.2015 Setor de serviços cresceu 2,1% em julho, menor taxa da série para o mês Alta acumulada em 12 meses também é a menor da série histórica do IBGE. Rondônia teve maior alta,

Leia mais

GUIA INFORMATIVO - CARTÕES DE CRÉDITO

GUIA INFORMATIVO - CARTÕES DE CRÉDITO 2013 GUIA INFORMATIVO - CARTÕES DE CRÉDITO CARTÕES DE CRÉDITO Definição Cartão de crédito é modalidade de pagamento à vista, objeto de um contrato de adesão entre o consumidor e uma administradora de cartões,

Leia mais

PASSADO, PRESENTE E FUTURO DAS DIVISÕES DE BASE NO FUTEBOL DO BRASIL

PASSADO, PRESENTE E FUTURO DAS DIVISÕES DE BASE NO FUTEBOL DO BRASIL PASSADO, PRESENTE E FUTURO DAS DIVISÕES DE BASE NO FUTEBOL DO BRASIL Tenho lido e ouvido muitos comentários nos últimos dias sobre o trabalho de formação no Brasil. Algumas pessoas, alguns profissionais

Leia mais

RELATÓRIO DE ANÁLISE DA MÍDIA

RELATÓRIO DE ANÁLISE DA MÍDIA RELATÓRIO DE ANÁLISE DA MÍDIA CLIPPING SENADO FEDERAL E CONGRESSO NACIONAL NOTICIÁRIO JUNHO DE 2010 SEAI 06/2010 Brasília, julho de 2010 Análise de Notícias Senado Federal e Congresso Nacional 1. Eleições:

Leia mais

Deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) Discurso em 28/10

Deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP) Discurso em 28/10 Diretor: José Francisco de Jesus Pantoja Pereira Gerente de Relações Institucionais: Sheila Tussi da Cunha Barbosa Analista Legislativa: Claudia Fernanda Silva Almeida Assistente Administrativa: Quênia

Leia mais

PROGRAMA DA CHAPA PARTIDO E GOVERNO COM O POVO PARA O PT CONTINUAR LIDERARANDO UM NOVO CICLO DE TRANSFORMAÇÕES NO BRASIL E EM GUARULHOS

PROGRAMA DA CHAPA PARTIDO E GOVERNO COM O POVO PARA O PT CONTINUAR LIDERARANDO UM NOVO CICLO DE TRANSFORMAÇÕES NO BRASIL E EM GUARULHOS PROGRAMA DA CHAPA PARTIDO E GOVERNO COM O POVO PARA O PT CONTINUAR LIDERARANDO UM NOVO CICLO DE TRANSFORMAÇÕES NO BRASIL E EM GUARULHOS "As manifestações são parte indissociável do nosso processo de ascensão

Leia mais

A perspectiva de reforma política no Governo Dilma Rousseff

A perspectiva de reforma política no Governo Dilma Rousseff A perspectiva de reforma política no Governo Dilma Rousseff Homero de Oliveira Costa Revista Jurídica Consulex, Ano XV n. 335, 01/Janeiro/2011 Brasília DF A reforma política, entendida como o conjunto

Leia mais

Leia a íntegra do pronunciamento da presidente eleita Dilma Rousseff

Leia a íntegra do pronunciamento da presidente eleita Dilma Rousseff 31/10/2010 23h56 - Atualizado em 01/11/2010 11h24 Leia a íntegra do pronunciamento da presidente eleita Dilma Rousseff Em Brasília, ela fez primeiro discurso após anúncio do resultado da eleição. Ela afirmou

Leia mais

O que são as diretrizes para Discussão Temática?

O que são as diretrizes para Discussão Temática? O que são as diretrizes para Discussão Temática? As diretrizes para Discussão Temática apresentam conteúdos exclusivos desenvolvidos por meio de pesquisas para a Fundação 1º de Maio. As informações aqui

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO DOCE CNPJ: 18.316.265/0001-69 CEP: 35442-000 ESTADO DE MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO DOCE CNPJ: 18.316.265/0001-69 CEP: 35442-000 ESTADO DE MINAS GERAIS I FEIRA GASTRO-CULTURAL DE RIO DOCE MG De 24/09 à 01/10/2011, o município de Rio Doce abrigará a I Feira Gastro-Cultural que movimentará a cultura, a arte e a culinária no interior na zona da mata mineira.

Leia mais

A Semana no Congresso Nacional

A Semana no Congresso Nacional A Semana no Congresso Nacional Brasília, 10/08/2015 CÂMARA Câmara instalará seis comissões mistas para analisar MPs Relator da CPI do BNDES apresentará plano de trabalho Comissão de Finanças e Tributação

Leia mais

Comissão de Avaliação divulga resultados da pesquisa

Comissão de Avaliação divulga resultados da pesquisa COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE PIAGET CPA Edição nº 01 Abril de 2015 Comissão de Avaliação divulga resultados da pesquisa Alunos, docentes e funcionários avaliaram a instituição. Veja o resultado

Leia mais

Entendendo a Reforma Política no Brasil

Entendendo a Reforma Política no Brasil Entendendo a Reforma Política no Brasil 1- Introdução As manifestações de junho de 2013 trouxeram a tona o questionamento da representatividade do sistema político e eleitoral brasileiro, mostrando a necessidade

Leia mais

Regulamento e informações gerais sobre o concurso Musa do ESTV

Regulamento e informações gerais sobre o concurso Musa do ESTV Regulamento e informações gerais sobre o concurso Musa do ESTV Vitória, ES REGULAMENTO Santo. 1 Quem pode se inscrever? Mulheres com 18 (dezoito) anos completos ou mais, moradoras do Espírito 2 Como se

Leia mais

Plano de Mídia TV PAJUÇARA

Plano de Mídia TV PAJUÇARA Campeonato Alagoano A emoção do Campeonato Alagoano faz parte do Pajuçara Sistema de Comunicação desde 2008. E, de lá pra cá, já virou tradição de todo alagoano acompanhar todos os lances do seu time do

Leia mais

Metodologia AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO. A margem de erro máxima para o total da amostra é 2,0 pontos percentuais.

Metodologia AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO. A margem de erro máxima para o total da amostra é 2,0 pontos percentuais. Junho / 2014 Metodologia Metodologia AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO 2.126 pessoas foram entrevistadas, a partir de 16 anos, de todos os níveis econômicos em todas as regiões do país. As entrevistas

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS

CÂMARA DOS DEPUTADOS CÂMARA DOS DEPUTADOS CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO E INFORMAÇÃO MULHERES NA POLÍTICA Exposição organizada pelo Museu da Câmara dos Deputados mostrando a trajetória da mulher brasileira na política. Centro de

Leia mais

A redução da maioridade penal não é a solução

A redução da maioridade penal não é a solução A redução da maioridade penal não é a solução Mandato do Deputado Estadual Marcelo Freixo 2 Redação: Ana Marcela Terra Bruno Villa Sidney Teles Tomás Ramos Edição: Renata Souza Revisão: Bruno Villa Fotos:

Leia mais

RELATÓRIO DE ANÁLISE DA MÍDIA

RELATÓRIO DE ANÁLISE DA MÍDIA RELATÓRIO DE ANÁLISE DA MÍDIA CLIPPING SENADO FEDERAL E CONGRESSO NACIONAL NOTICIÁRIO ABRIL DE 2011 SEAI 04/2011 Brasília, maio de 2011 Análise de Notícias Senado Federal e Congresso Nacional 1. Universo

Leia mais

Construção das Políticas Públicas processos, atores e papéis

Construção das Políticas Públicas processos, atores e papéis Construção das Políticas Públicas processos, atores e papéis Agnaldo dos Santos Pesquisador do Observatório dos Direitos do Cidadão/Equipe de Participação Cidadã Apresentação O Observatório dos Direitos

Leia mais

CARTILHA DO VOTO CONSCIENTE

CARTILHA DO VOTO CONSCIENTE CARTILHA DO VOTO CONSCIENTE ART. 1, 1 da Constituição Federal de 88: Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição. Voto consciente:

Leia mais

Em crise, São Paulo decide renegociar todos seus contratos

Em crise, São Paulo decide renegociar todos seus contratos B O L E T I M OFERECIMENTO QUARTA-FEIRA, 29 DE JULHO DE 2015 NÚMERO DO DIA US$ 3,6 mi foi o prejuízo da Puma no segundo trimestre; a marca faturou 772,2 mi no período EDIÇÃO 306 Em crise, São Paulo decide

Leia mais

Seis mulheres e o único desejo: um futuro diferente Entrevistadas denunciam desigualdade velada

Seis mulheres e o único desejo: um futuro diferente Entrevistadas denunciam desigualdade velada Terça-feira, 11 de março de 2014 Seis mulheres e o único desejo: um futuro diferente Entrevistadas denunciam desigualdade velada Nádia Junqueira Goiânia - Dalila tem 15 anos, estuda o 2º ano no Colégio

Leia mais

Circuito Usiminas de Cultura

Circuito Usiminas de Cultura 5 Itaúna, 23 de maio de 2014 Miss Comerciária Estadual neste sábado Circuito Usiminas de Cultura resgatam histórias de Itaúna, poderá ser conferida no Varal Fotográfico, da CINEAR. Ele vai reunir fotografias

Leia mais

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR INTRODUÇÃO Você está cansado de falsas promessas uma atrás da outra, dizendo

Leia mais

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #26 Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. Saí da prisão volto coleção Conversas #26 - setembro 2015 - e estou ou não desempregado, para o crime? Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS, da

Leia mais

Núcleo de Cidadania Digital. Apresentam

Núcleo de Cidadania Digital. Apresentam Apresentam Apresentação O que você gostaria de saber sobre a política do nosso país, mas sempre teve dificuldade de entender ou de encontrar? Com base nessa pergunta, feita aos eleitores brasileiros, alunos

Leia mais

Acirrada como não se via desde 1989, a campanha pelo primeiro turno

Acirrada como não se via desde 1989, a campanha pelo primeiro turno Panorama Edição 07 Sexta-feira, 3 de de 2014 Acirrada como não se via desde 1989, a campanha pelo primeiro turno das eleições presidenciais demonstrou a importância da internet e das redes sociais. Elas

Leia mais

Secretário de Segurança nega não ter atendido convocações na Alesp

Secretário de Segurança nega não ter atendido convocações na Alesp Clipping produzido pelo Instituto de Políticas Públicas de Segurança da Fundação Santo André INSEFUSA 12/05/2006 Secretário de Segurança nega não ter atendido convocações na Alesp Diário de São Paulo,

Leia mais

Meio: Jornal do Commercio. Editoria:Cultura Caderno:Estilo de Vida Data: 3/11/2015

Meio: Jornal do Commercio. Editoria:Cultura Caderno:Estilo de Vida Data: 3/11/2015 Meio: Jornal do Commercio Editoria:Cultura Caderno:Estilo de Vida Data: 3/11/2015 Meio: Diário do Amazonas Editoria:Cultura Caderno: Plus Data: 3/11/2015 Meio: D24 AM Editoria:Política Hora: 7h00 Data:

Leia mais

Barreiras sedia a 1ª Conferência Municipal de Políticas Públicas de Juventude FOTOS WASHINGTON LUIZ

Barreiras sedia a 1ª Conferência Municipal de Políticas Públicas de Juventude FOTOS WASHINGTON LUIZ 1 DIÁRIO Barreiras - Bahia - sexta-feira, 25 de janeiro de 2008 ANO OFICIAL 3 - Nº 618 Sexta-feira, 25 de janeiro de 2008 - ANO 3 - Nº 618 Lei nº 675/2005 de 21 de junho de 2005 Barreiras sedia a 1ª Conferência

Leia mais

stf.empauta.com 'Sessão secreta não é compatível com a Carta' NACIONAL ENTREVISTA

stf.empauta.com 'Sessão secreta não é compatível com a Carta' NACIONAL ENTREVISTA 'Sessão secreta não é compatível com a Carta' Lewandowski critica voto secreto no Congresso Para ministro do Supremo, "esse modo de pensar é incompatível com a Constituição" 'Sessão secreta não é compatível

Leia mais

MPPA PARTICIPA DAS CONFERÊNCIAS DE POLITICAS PUBLICAS DE BELÉM E ANANINDEUA.

MPPA PARTICIPA DAS CONFERÊNCIAS DE POLITICAS PUBLICAS DE BELÉM E ANANINDEUA. MPPA PARTICIPA DAS CONFERÊNCIAS DE POLITICAS PUBLICAS DE BELÉM E ANANINDEUA. A promotora de justiça LUCINERY HELENA RESENDE DO NASCIMENTO participou das Conferências Municipais de Políticas para as Mulheres

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Setembro 2011 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS GRADUADOS

Leia mais

Conselho Nacional de Controle Interno

Conselho Nacional de Controle Interno Veículo: Site Congresso em Foco Data: 13/07/2012 Editoria: Lei de Acesso Coluna: - Página: - Só 12% das prefeituras dão atenção a transparência Uma mesma pergunta foi feita às administrações de 133 cidades

Leia mais

Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais

Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais A campanha do prefeito de Duque de Caxias Alexandre Aguiar Cardoso, natural de Duque de Caxias, cidade da região metropolitana do Rio de Janeiro,

Leia mais

CALENDÁRIO DA PROPAGANDA PARTIDÁRIA PARA 2013 SEGUNDO O TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL TSE

CALENDÁRIO DA PROPAGANDA PARTIDÁRIA PARA 2013 SEGUNDO O TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL TSE CALENDÁRIO DA PROPAGANDA PARTIDÁRIA PARA 2013 SEGUNDO O TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL TSE Atualizado em 29.10.2012 DEM - DEMOCRATAS Rede nacional (10 min.): dias 06.06 e 12.12.2013. Geradoras: Empresa Brasil

Leia mais

Evento acontece na cidade de Caxambu e começa nesta sexta (18)

Evento acontece na cidade de Caxambu e começa nesta sexta (18) https://www.educacao.mg.gov.br/imprensa/noticias/178 3-educacao-amplia-interlocucao-com-representantes- do-movimento-sindical Notícia veicula no site Portal da Educação em 17/02/11 Secretária Ana Lúcia

Leia mais

Itaúna, 22 de junho de 2012 - Ano XIX - Edição 622 - R$ 1,00

Itaúna, 22 de junho de 2012 - Ano XIX - Edição 622 - R$ 1,00 Itaúna, 22 de junho de 2012 - Ano XIX - Edição 622 - R$ 1,00 Os ganhadores da Campanha Dias de Amor Diretor de Habitação fala sobre sorteio das 440 casas no sábado POLÍTICA Vereador Gleisinho cria projeto

Leia mais

ATA DA 105ª ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA (AGE) DA ASSOCIAÇÃO DE DOCENTES DO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA

ATA DA 105ª ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA (AGE) DA ASSOCIAÇÃO DE DOCENTES DO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA A D C E F E T - R J ASSOCIAÇÃO DE DOCENTES DO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA SEÇÃO SINDICAL DA A N D E S - SINDICATO NACIONAL Av. Maracanã 229 - Rio de Janeiro - RJ - CEP

Leia mais

Reforma Política Democrática Eleições Limpas 13 de janeiro de 2015

Reforma Política Democrática Eleições Limpas 13 de janeiro de 2015 Reforma Política Democrática Eleições Limpas 13 de janeiro de 2015 A Coalizão é uma articulação da sociedade brasileira visando a uma Reforma Política Democrática. Ela é composta atualmente por 101 entidades,

Leia mais

META 4. LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos.

META 4. LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos. META 4 LEITURA OBRIGATÓRIA Legislação: CRFB/88, arts. 6 o 17; Doutrina: Direitos sociais; Nacionalidade; Direitos Políticos e Partidos Políticos. EXERCÍCIO 1. (FGV - 2008 - Senado Federal - Policial Legislativo

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 68 Discurso na cerimónia de lançamento

Leia mais

Associação Beneficente de Amparo á Família

Associação Beneficente de Amparo á Família Associação Beneficente de Amparo á Família Perfil A Associação Beneficente de Amparo à Família (ABENAF) é uma Organização Não Governamental (ONG), sem fins lucrativos, que tem como objetivo oferecer cultura,

Leia mais

A MAIOR PREMIAÇÃO JOVEM DO MUNDO

A MAIOR PREMIAÇÃO JOVEM DO MUNDO A MAIOR PREMIAÇÃO JOVEM DO MUNDO O Prêmio Jovem Brasileiro (PJB) é a maior premiação jovem do MUNDO, que incentiva e homenageia o protagonismo dos jovens na sociedade. Em 12 anos de história, mais de 500

Leia mais

Relatório da Reunião da Coordenação Estadual de Entidades da CSP-Conlutas do Rio de Janeiro

Relatório da Reunião da Coordenação Estadual de Entidades da CSP-Conlutas do Rio de Janeiro 1 Relatório da Reunião da Coordenação Estadual de Entidades da CSP-Conlutas do Rio de Janeiro Rio de Janeiro, 23 de julho de 2011. Presentes 23 companheiros representantes e observadores das 11 entidades

Leia mais

Todos a favor da agilidade

Todos a favor da agilidade Todos a favor da agilidade Você sabia que agora os inventários, partilhas, separações e divórcios podem ser feitos no cartório? Pois é! Agora os cidadãos tiveram suas vidas facilitadas! Esses atos podem

Leia mais