anos Médico Responsável: Cristiano Ferrari Siqueira - Médico Nuclear CRM

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "anos Médico Responsável: Cristiano Ferrari Siqueira - Médico Nuclear CRM 25.281"

Transcrição

1

2 Médico Responsável: Cristiano Ferrari Siqueira - Médico Nuclear CRM anos Para viver com qualidade é preciso ter em quem confiar. Por isso, há mais de vinte anos, a Vita Imagem trabalha sério para oferecer a você o que há de mais moderno em diagnósticos médicos em Ressonância Magnética, Tomografia Computadorizada, Medicina Nuclear, Ultrassonografia, Mamografia, Densitometria óssea e Raios-x.

3 Tecnologia e confiança à favor da vida. UNIDADE COSTA CAVALCANTI Av. Gramado - Vila A - Foz do Iguaçú-PR UNIDADE CENTRO Travessa Vice Cônsul Eduardo Ramon Bianchi, 46 Foz do Iguaçú-PR CENTRAL DE ATENDIMENTO:

4 S I N T A-SE DE BEM COM A VIDA! Lipoaspiração e lipoescultura Abdominoplastia Mamoplastias Próteses de Mama/Glúteo/Panturrilha Lifting Facial Cirurgia de Pálpebras Otoplastia Rinoplastia Cirurgia de Calvície (Implante capilar) Cirurgia íntima Cirurgias Reconstrutivas Toxina Botulínica e preenchimentos Rua Martins Pena, Jd. Festugato Foz do Iguaçú-PR /

5 Dra. Luiza Knackfuss Silveira Hassan CRM/PR / RQE 2846 Graduada em Medicina pela Universidade Federal de Santa Maria/RS (UFSM) Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) em Passo Fundo/RS Residência Médica em Cirurgia Plástica no Hospital Cristo Redentor/ Grupo Hospitalar Conceição (GHC) em Porto Alegre/RS Título de Especialista em Cirurgia Plástica pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC), Conselho Federal de Medicina (CFM), Associação Médica Brasileira (AMB) e Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP)

6 Índice Revista Saúde Março /2015 Foz do Iguaçú - PR 08 ESPECIAL CAPA O que é ortodontia Lingual? Dr. Merched Damen Neto REVISTA TRIMESTRAL MARÇO/2015 ANO 04 Nº16 Foz do Iguaçú - PR Editora Lopes e Rampani Ltda CNPJ / Umuarama (sede): Rua Paulo Pedrosa de Alencar, Edifício Manhattan Garden CEP: Centro Tel.: Maringá: Av. Humaitá, Centro Empresarial Dalla Costa Sala 303 CEP: Zona 4 Tel.: ESPECIAL CAPA DSD (Digital Smile Design) e Lentes de Contato Dental Dr. Daves Sebastiany Franquia de Foz do Iguaçu 12 O que a OxiFoz pode fazer pela minha saúde? Dr. Gustavo Ferst Kleiniibing Descontrole Emocional Raiva, Ciúmes, Impulsividade e Tristeza Dra. Sigridi Weirich Wolfart Gabriel Gonzalez Maluf Qualidade de Vida no Climatério Dra. Carolina Oderich Fronteiras da Medicina Ressonância Cardíaca Dr. Nillo Posse Wanderley Capa: Odontologia e Bem-estar Primeira Clínica Temática de Foz Dr. Daves Sebastiany Cirurgião Dentista - CRO/PR Dr. Merched Damen Cirurgião Dentista - CRO/PR Foto Capa: Marchetti Direção: Marcelo Adriano Lopes da Silva Ueslei Dias Rampani Layout: Bruno Assunção, João Paulo Zequim, Márcio Garcia, Tatiane Comochena e Vinícius Ribeiro Jornalista Responsável: Marco Antonio dos Santos Circulação: Medianeira, São Miguel do Iguaçu, Matelândia, Missal, Céu Azul, Serranópolis do Iguaçu, Itaipulândia, Santa Terezinha de Itaipu. 26 Lipoescultura Dra. Luiza Knackfuss Silveira Hassan SUPERINTENDENTES: RESPONSÁVEL PELA FRANQUIA: 46 Cuidado especial para seus cabelos Ampolas Kerasys traz hidratação e cuidados aos fios Terra Nova Ueslei Dias Rampani Marcelo Adriano Lopes da Silva Rosana Segovia MATÉRIAS E ANÚNCIOS: Rosana As matérias e imagens veiculadas são de responsabilidade dos seus autores. 6

7 Guia Médico Profissionais médicos participantes desta edição da Revista Saúde. Dra. Carolina Oderich Dr. Gustavo Ferst Kleiniibing Formado na Faculdade de Medicina de Marília-SP (FAMEMA) Médica Ginecologista e Obstetra CRM/PR: RQE: CRM/PR Anestesiologia to S. Pimentel CRM/PR: Residência de Cirurgia Geral (FAMEMA) Residência de Cirurgia Vascular (FAMEMA) Subespecialização de Endovascular Santa Casa de São Paulo Título de Radiologia Intervencionista e Angiorradiologia pela Sociedade Brasileira de Radiologia Intervencionista (Sobrice) Clínica POLIMED Rua Martins Pena, 227 Jd. Festugato Oxifoz Av. Grama, Vila A (Anexo ao Hospital Ministro Costa Cavalcanti) scular RQE: Intervencionista e diologia RQE: 731 Dr. Luiz Augusto S. Pimentel CRM/PR: Cirurgia Vascular RQE: Radiologia Intervencionista e Angiorradiologia RQE: 731 Bioethos: Rua Padre Montoya, Dra. Luiza K. S. Hassan Cirurgiã Plástica CRM/PR: RQE 2846 Rua Martins Pena, 227 Jd. Festugato ya, Centro Dr. Nelson Mendes Psiquiatria: CRM/PR: 3675 RQE: 9733 Hospital Dr. Nelson Mendes: Rua Jorge Sanwais, centro Foz do Iguaçu Dr. Nillo Posse Wanderley Radiologia e Diag. por Imagem RQE: CRM/PR: Av Gramado, Vila A - Travessa Vice Cônsul Eduardo Ramon Bianchi, 46 - Centro - Foz do Iguaçu Dr. Pedro Adriano Martins Franco Dra. Sígridi Weirich Wolfart Mastologia Ginecologia e Obstetrícia: CRM/PR: RQE: 1404 RQE: 288 Rua Padre Montoya, 300 Centro Médica Psiquiatria CRM/PR RQE 2417 Rua Almirante Barroso, 1293 Ed. Pedro Basso - Sala

8 Especial Capa O que é Ortodontia Lingual? É a técnica ortodôntica em que o aparelho fixo é colado na face interna dos dentes. Como estas ficam em contato com a língua é chamada de ortodontia lingual, conhecida também como ortodontia invisível. Vantagem da ortodontia lingual para pacientes. 1. Indicada para pacientes com alto risco de cárie, descalcificações, manchas ou com amelogênese imperfeita. 2. Excelência na estética, não alcançada pelos braquetes cerâmicos. 3. Ótimos resultados sem afetar o sorriso. 4. Prevenção de manchas no esmalte externo; 5. Não precisa ser retirado em ocasiões especiais como 15 anos ou casamentos. 6. Maior confiança nas festas e eventos sociais. 7. A posição de cada dente pode ser avaliada com mais precisão, pois a visão não é obstruída por braquetes e arcos. 8. O perfil e a posição dos lábios do paciente não são distorcidos pela presença dos braquetes. 9. O tecido gengival vestibular não é afetado. 10. O contorno facial é mais real, uma vez que lábios e bochechas não estão projetados pelo volume dos aparelhos vestibulares. 11. Protege os lábios em caso de acidentes de risco. 12. As superfícies vestibulares dos dentes não são danificadas pela colagem, descolagem, remoção de adesivos ou descalcificação originária da placa que envolve os braquetes. 13. Pode-se fazer clareamento durante o tratamento. 14. Permite reconstruções estéticas. Qual o tempo de tratamento na ortodontia lingual? O tempo de tratamento depende do estudo de cada caso, as manutenções podem ser feitas mensalmente. E a media de tempo de tratamento é de dois anos a dois anos e meio, conforme o planejamento de cada caso. Dr. Merched Damen Neto CRO/PR 1625 Cirurgião Dentista Pós graduado em ortodontia e ortopedia funcional dos maxilares Excelência em ortodontia e ortopedia funcional dos maxilares Mestrando em ortodontia e ortopedia funcional dos maxilares Pós graduado em cirurgia oral menor Curso de Aperfeiçoamento Programa de Saúde da Família 8

9 Especial Capa DSD (Digital Smile Design) e Lentes de Contato Dental 1) Qual é a vantagem do Planejamento Digital do Sorriso? A grande vantagem do procedimento é que o cliente pode ver o possível resultado antecipadamente e se forma uma relação de confiança entre o paciente e o cirurgião-dentista. Muitas vezes, as pessoas têm inclinações ortopédicas (face torta) que não podiam ser vistas visualmente e clinicamente. Sentimos a necessidade de tirar fotografias da boca dos clientes para que pudéssemos visualizar melhor, e assim, planejar o tratamento com mais segurança. O planejamento funciona tanto para planejamentos protéticos como cirúrgicos, para a estética rosa (gengivas) e branca (dentes). Permite ainda regular a simetria dos dentes e da gengiva. 2) Em que consiste a técnica? A técnica consiste em uma consulta inicial, em que tiramos várias fotografias do cliente (intraorais e extraorais), para avaliar melhor cada detalhe. Depois fazemos desenhos por cima das imagens e manipulações para chegarmos ao resultado mais próximo dentro de um padrão estético e de acordo com o desejado pelo paciente. 3) Quais os procedimentos que o planejamento pode prever? Dependendo do caso, os dentes podem ser alongados, arredondados, por meio de facetas ultrafinas ( lentes de contato de dentes). Tudo de acordo com um planejamento estético anterior. No final do tratamento, pode ser necessária cirurgia na gengiva, para alongar os dentes. Praticamente não há desgastes dos dentes e o resultado é o mais natural possível. A lente é colocada apenas na parte frontal, portanto, se surgir algum problema em outro ponto do dente, o tratamento poderá ser feito normalmente sem danificar as lentes. A maioria dos clientes lota os consultórios em busca do sorriso perfeito e a tecnologia tem ajudado a transformar sonhos em realidade. Ao final do tratamento, eles saem completamente satisfeitos com a nova vida. Uma das mais novas e avançadas técnicas da Odontologia Estética é sem dúvida o Planejamento Digital do Sorriso (DSD, Digital Smile Design, em inglês) e as Lentes de Contato Dental 4) Existe alguma contra indicação? Apenas não é indicado para as pessoas que não possuem dente algum. Caso, aí de implante dentário. 5) O que é Lente de Contato Dental? Lente de contato dental é uma fina camada de porcelana extremamente dura e resistente. O material, com menos de um milímetro de espessura, é aplicado na parte frontal do dente, cobrindo apenas a linha do sorriso, ou seja, os dentes que aparecem quando a pessoa sorri! 6) Como funciona esta técnica? A técnica é simples e rápida. Com apenas duas sessões, o cliente sai do consultório com um sorriso de capa de revista. E ao contrário do clareamento, que precisa ser refeito a cada dois anos, as lentes de contato dentais não escurecem com o tempo e, o que é melhor, não há desgaste no esmalte dental, na grande maioria dos casos. São inúmeras as indicações. 7) Quais os objetivos e aplicações da lente de contato dental? O objetivo é melhorar a estética dental e de estruturas vizinhas, como gengiva, lábio e rosto. A técnica é capaz de fazer pequenos realinhamentos dentais, clarear o sorriso escurecido pelo tempo ou pelo uso do cigarro ou de outras substâncias, fechar espaços entre dentes (diastema) e até dar um jeito no desgaste provocado pelo ato de ranger os dentes durante o sono (bruxismo) ou pelo excesso de restaurações (resinas antigas). Pessoas que têm o lábio superior baixo, ou seja, que não mostram os dentes quando abrem um sorriso, também podem ser beneficiadas pela técnica. Dr. Daves Sebastiany CRO/PR Cirurgião Dentista Especialista em Implantodontia Pós-Graduado em Cirurgia Plástica Periodontal Pós-Graduado em Ortodontia e Ortopedia Funcional dos Maxilares Excelência em Ortodontia Mestrando em Prótese Dentária Pós-Graduado em Sedação Consciente com Óxido Nitroso Pós-Graduado em Estética Adesiva Pós-Graduado em Resolução Cirúrgica de Dentes Inclusos Credenciamento Invisaling Credenciamento Snap on Smile Membro da Associação Brasileira de Saúde Pós-graduando em Lente de Contato Pós-graduando em DSD (Digital Smile Design) 9

10

11

12 O que a OxiFoz pode fazer pela minha saúde? A Medicina Hiperbárica é uma área da Medicina que estuda a aplicação do Oxigênio puro com equipamentos médicos chamados de Câmara Hiperbárica. Oxigenoterapia Hiperbárica, serve para auxiliar no tratamento de inúmeras doenças, principalmente as que causam déficit de oxigenação (hipóxia) e déficit de cicatrização. Iniciamos com a publicação desta revista um contato mais próximo e contínuo com os pacientes e profissionais de saúde para apresentar as áreas de atuação da Oxifoz. Empresa situada dentro do Hospital Ministro Costa Cavalcanti, que há cinco anos vêm desenvolvendo seu trabalho nas áreas de Medicina Hiperbárica e Curativos Especiais. Delinearemos no decorrer de nossos contatos detalhes dos tratamentos para que cada vez mais pessoas possam conhecer e beneficiar-se dos mesmos. As Câmaras Hiperbáricas são equipamentos médicos que antes eram encontradas somente em grandes centros e que agora estão à disposição de todos, ajudando a salvar vidas, acelerando recuperações e diminuindo sequelas. Os curativos especiais são uma gama de diversos materiais próprios para curativos, sendo principal o Curativo por Pressão Negativa, os quais assim como a Oxigenoterapia Hiperbárica ajudam no tratamento de feridas complexas, desde aquelas causadas por traumas até feridas crônicas. Em sua grande maioria os pacientes recebendo os tratamentos expostos anteriormente não necessitam ficar internados, ou seja vêm ao hospital recebem o tratamento e voltam para casa. 12

13 de Saúde Suplementar e pela Sociedade Brasileira de Medicina Hiperbárica. Dispomos de equipe Multidisciplinar de médicos e Enfermagem especializada na administração da Oxigenoterapia Hiperbárica e dos Curativos Especiais e proporcionamos conforto, segurança e agilidade na resolução dos diversos casos. Esses tratamentos podem ser realizados pela maioria dos pacientes e suas normas de aplicação são regulamentadas pelo Conselho Federal de Medicina, Agência Nacional de Vigilância Sanitária, pela Agência Nacional A OxiFoz pode ajudá-lo nos momentos de maior dificuldade com sua saúde, nas situações para as quais está indicada a Oxigenoterapia Hiperbáricade e os Curativos Especiais, você pode vir a saber se tem indicação, perguntando para o seu médico, ou fazendo uma consulta em nosso ambulatório. Dr. Gustavo Ferst Kleiniibing CRM/PR Fotógrafo: Nilton Rolin Anestesiologia Médico formado pela UFPR. Especialista em Anestesia pela UFPR. Membro da Sociedade Brasileira de Medicina Hiperbárica. Diretor Técnico do Serviço de Medicina Hiperbárica e Tratamento de Feridas do HMCC. MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NA PÁGINA 07 13

14 Descontrole Emocional Raiva, Ciúmes, Impulsividade e Tristeza É comum recebermos em consultório pacientes que sentem-se dominados pelas emoções e não sabem como lidar com estas. Chegam a acreditar que a estabilidade emocional não existe e que o sofrimento não terá fim. Frequentemente têm ataques de raiva, gritam, choram, agridem e depois sentem-se culpados e com muita vergonha. Têm consciência de seu comportamento exagerado, e acabam ficando extremamente inseguros, com medo do abandono. Na tentativa de lidar com o sentimento crônico de vazio e tristeza podem vir a provocar cortes, queimaduras (automutilação), ter atitudes de risco como sexo promíscuo, uso de drogas, e até tentativas de suicídio. Esta desregulação emocional pode estar relacionada a diversos transtornos psiquiátricos, desde transtornos de ansiedade, depressão, transtorno bipolar, psicoses e transtornos da personalidade, principalmente o Transtorno de Personalidade Limítrofe (Borderline). Os pacientes com Transtorno da Regulação das Emoções (TER) apresentam, não só uma dificuldade constante em controlar suas emoções negativas, como também alta sensibilidade a estímulos emocionais negativos, regados a manifestações emocionais intensas, descontrole de comportamento, com dificuldade importante em se acalmar, e com retorno lento ao nível emocional basal. Há tendência em culpar o ambiente social, ao invés de si mesmo, responsabilizando outras pessoas por seus sentimentos e demandas irreais. Tratamento Psicoterápico A Terapia Comportamental Dialética (TCD) é uma das poucas intervenções com dados empíricos e eficácia comprovada. Neste tipo de psicoterapia o paciente aprende a identificar e classificar suas emoções, além de oferece exercícios de relaxamento, intervenções baseadas na aceitação e tolerância ao mal-estar, focando no sentido existencial. Dra. Sigridi Weirich Wolfart CRM/PR Médica Psiquiatra RQE 2417 Formada em Medicina pela Universidade de Marília Especialização em Psiquiatria pela Famerp e Clínica Heidelberg Pós-graduação em Psicoterapia Cognitivo-Comportamental pelo IPTC Membro da Associação Brasileira de Psiquiatria e Associação Paranaense de Psiquiatria Estágio voluntário com duração de 1 ano na Universidade Federal do Paraná em Psiquiatria da Infância e Adolescência 14 MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NA PÁGINA 07

15 O primeiro passo do tratamento é reduzir os comportamentos suicidas e parassuicidas (comportamentos autodestrutivos sem a intenção de se matar). O tratamento de indivíduos suicidas exige um protocolo estruturado para responder a comportamentos suicidas, incluindo comportamentos de ideação e ameaça de suicídio. Neste aspecto, poucos profissionais de psicologia estão realmente capacitados para manejar crises de comportamento suicida. Tratamento Médico Psiquiátrico: Os tratamentos farmacológicos são frequentemente prescritos com base em sintomas alvo específicos apresentados pelo paciente individual. Drogas antidepressivas e estabilizadores do humor podem ser úteis para o humor deprimido e/ou lábil. Drogas antipsicóticas podem ser usadas caso haja distorções do pensamento. É comprovado, por meio de estudos controlados, que a maneira mais eficaz de tratarmos questões tão intensas é através da combinação dos tratamentos médico e psicológico, com uso de medicação e psicoterapia associados, trazendo maior remissão de sintomas e bem-estar ao paciente. Gabriel Gonzalez Maluf CRP 08/16343 Psicólogo Especialista em Terapias Cognitivo-Comportamentais na Infância e Adolescência pelo INFAPA - Porto Alegre/RS. Pós-Graduando em Terapias Cognitivo-Comportamentais para Transtornos de Personalidade pelo INTCC - Porto Alegre/RS. Experiência de atendimento com Crianças e Adultos Vítimas de Violência e Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT). Atuou em Foz do Iguaçu nas instituições Aldeias Infantis SOS e Centro de Nutrição Infantil. Colaborou em 2012 no PRODAH - Programa de Transtorno de Déficit de Atenção / Hiperatividade no Serviço de Psiquiatria da Infância e da Adolescência do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA). 15

16 Psic. Cristina Paranhos Psicóloga Especialista em Terapia Cognitivo-Comportamental (IPTC) Formação em Terapia Focada em Esquemas (Instituto WP Porto Alegre-RS) Formação em Terapia de Aceitação e Compromisso (ACT) e Psicoterapia Analítica Comportamental (FAP) (Instituto Continuum Londrina-PR) CRP 08/18514 Psic. Lílian Zolet Reconhecida por sua eficácia pela Organização Mundial da Saúde Ansiedade, síndrome do pânico Depressão Transtornos alimentares Transtorno obsessivo-compulsivo Psic. Flávia Aouar Cerqueira Psicóloga Mediadora da Aprendizagem Universidade de Brasília (UnB) e Uniamérica Mediadora do PEI pelo Centro Brasileiro da Modificabilidade Cognitiva (SP) e Feuerstein Institute Especialista em Psicologia Positiva (CPAF-RJ) CRP 08/13979 Psic. Ms. Telma Crespo Psic. Ms. Márcia Ebling Avaliação neuropsicológica (funções cognitivas) Mensuração do nível de estresse Psicodiagnóstico Psic. Ms. Viviane Ribeiro )

17 sohnarap anitsirc.cisp -itingoc aiparet me atsilaicepse agolócisp )CTPI( latnematropmoc-ov sameuqse me adacof aiparet me oãçamrof )SR-ergelA otrop PW otutitsni( e oãçatieca ed aiparet me oãçamrof acitílana aiparetocisp e )TCA( ossimorpmoc muunitnoc otutitsni( )PAF( latnematropmoc )RP-anirdnoL 41581/80 PRC teloz nailíl.cisp alep aicácfie aus rop adicehnocer edúas ad laidnum oãçazinagro ocinâp od emordnís,edadeisna arieuqrec rauoa aiválf.cisp megazidnerpa ad arodaidem agolócisp cirémainu e )BnU( ailísarb ed edadisrevinu orielisarb ortnec olep IEP od arodaidem )PS( avtiingoc edadilibacfiidom ad etuttisni nietsreuef e R-FAPC( avtiisop aigolocisp me atsilaicepse 97931/80 PRC FORMINHAS DEoãDOCES E FLORES sserped seratnemila sonrotsnart ovislupmoc-ovissesbo onrotsnart opserc amlet.sm.cisp gnilbe aicrám.sm.cisp oriebir enaiviv.sm.cisp )savitingoc seõçnuf( acigólocisporuen oãçailava essertse ed levín od oãçarusnem ocitsóngaidocisp Fanpage - Forminhas Patrícia Menezes Fone - (45) (residencial) - celular (45) ou (31)

18 Qualidade de Vida no Climatério Climatério não é sinônimo de Menopausa. A menopausa é o período de cessação total da menstruação (após 1 ano completo de ausência de sangramento menstrual), considerado normal se ocorrer a partir dos 40 anos. Já o climatério pode iniciar antes, próximo aos 35 anos mas, usualmente, tem início em torno dos 45 anos de idade. O climatério é o período de transição que a mulher vive para entrar na menopausa. Este período vem sendo mais estudado ultimamente devido ao aumento da expectativa de vida da população e a busca por melhor qualidade de vida. Essa é uma etapa na qual algumas mulheres percebem apenas a pausa total da menstruação e alguns leves sinais de ressecamento da pele e das mucosas. Já outras mulheres podem perceber os mais diversos sintomas, como: calorões intensos, diminuição do desejo sexual, depressão, diminuição da memória, insônia, irritabilidade, piora de dores articulares, ou seja, vários sintomas que acabam por acarretar piora da qualidade de vida. Esse período pode piorar o estado afetivo e emocional das mulheres por estarem sofrendo com sintomas físicos e psíquicos e, na maioria das vezes, não obterem o apoio necessário e a compreensão do grupo com o qual vivem. Por que algumas mulheres passam bem por esse período e outras não? Sabemos hoje que fatores genéticos estão muito envolvidos, assim como a prática regular de exercício físico, a boa alimentação e o peso corporal. Atualmente, diversas pesquisas estão surgindo de forma a tentar qualificar essa fase da vida das mulheres, trazendo o menor número de intervenções possíveis e buscando melhorar a qualidade e o prolongamento de vida. A atual tendência é usar o menor número de medicamentos, individualizando cada caso, principalmente no que tange a terapia de reposição hormonal. Como nessa fase a tendência a ganhar peso também aumenta, mais pela inatividade do que pelas mudanças hormonais, as mulheres com níveis de energia naturalmente lentos necessitam fazer mais exercícios e comer menos. Por isso, recomenda-se nessa fase: Prática REGULAR de exercícios físicos, de aproximadamente 45 minutos 3x por semana; Alimentação rica em frutas frescas, vegetais frescos (crus ou levemente cozidos), pão integral, cereais e massas, peixes e carnes magras, alimentos ricos em cálcio; Estimula-se a ingestão de óleo de linhaça, o equivalente a 1 colher de chá. A qualidade de vida, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), refere-se à percepção do indivíduo sobre a sua posição na vida, no contexto da cultura e dos sistemas de valores em que vive, considerando-se seus objetivos, expectativas e preocupações pessoais. As dimensões que lhe dão significado incluem a manutenção da capacidade funcional, a satisfação pessoal, o estado emocional e a inserção social. Dessa forma, a percepção de qualidade de vida difere muito entre as pessoas. Uma adequada avaliação médica torna possível prevenir e tratar doenças degenerativas e individualizar os aspectos peculiares da vida, fazendo as intervenções necessárias, tendo como objetivo fazer com que as mulheres vivam mais e melhor, principalmente num período tão delicado que requer muita atenção e discernimento por parte dos profissionais de saúde. Dra. Carolina Oderich CRM/PR: Médica Ginecologista e Obstetra RQE: Professora de Medicina da Universidade de Integração Latino Americana (UNILA) Mestre e Doutoranda em Ciências Médicas na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Especialização em Gestação de Alto Risco no Hospital de Clínicas de Porto Alegre Especialização em Uroginecologia no Hospital de Clínicas de Porto Alegre 18 MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NA PÁGINA 07

19 Formado pela Faculdade de Medicina de Marília-SP (FAMEMA) Residência em Cirurgia Geral (FAMEMA) Residência em Cirurgia Vascular (FAMEMA) Subespecialização de Endovascular Santa Casa de São Paulo Dr. Luiz Augusto S. Pimentel CRM/PR: Título de Radiologia Intervencionista e Angiorradiologia pela Sociedade Brasileira de Radiologia Intervencionista (Sobrice) Cirurgia Vascular RQE: Radiologia Intervencionista e Angiorradiologia RQE: 731 Responsável Técnico: Dr. Luiz Gonçalves CRM/PR RQE Rua Padre Montoya, Centro

20 Fronteiras da Medicina Ressonância Cardíaca Ressonância Magnética do Coração, também conhecido como RM Cardíaca, é uma tecnologia médica de ponta na ramo de propedêutica não invasiva, com impressionante acurácia e resolução espacial, para avaliação funcional e estrutural do sistema cardiovascular em tempo real (tecnologia 4D). É derivado dos mesmo princípios físicos dos demais estudos de ressonância magnética, porém com protocolo otimizado especificamente para estudo cardíaco. Dentre as principais diferenças, destaca-se a integração do eletrocardiograma (ECG) durante a aquisição das imagens, assim como parâmetros de alto desempenho e velocidade, permitindo aquisição dos movimentos cardíacos em tempo real. História e nomenclatura O fenômeno da Ressonância Magnética foi inicialmente descrito em estruturas moleculares (1938) e em matriz para proliferação celular (1946), estudos estes que foram angariados com o prêmio Nobel de Medicina em Em 1973 o primeiro aparelho de RM foi construído e sua primeira aplicação médica realizada em Somente sendo difundido na década de 90 no Brasil. Com o avanço da tecnologia de equipamentos e software a distante realidade até então de filmar o coração em movimento, sem necessidade de cirurgia ou procedimentos invasivos se tornou possível. Sequências de imagens de alta velocidade e performance, associado a sincronização dos pulsos de radiofrequência produzidos pela RM e os batimentos cardíacos, são possíveis graças a presença do eletrocardiógrafo. A medida que o estudo de RM tornou- -se mais complexo, suas aplicações cardiovasculares se tornaram mais abrangentes e sofisticadas, atualmente sendo possível fazer avaliações da microestrutura das fibras do miocárdio (tecido cardíaco). Física O princípio físico da RM Cardíaca é o mesmo da RM tradicional, este é baseado na saturação das moléculas de hidrogênio (H) presentes no corpo humano através de impulsos de radiofrequência, obrigando estes átomos a girar em sentido contrário ao eixo magnético natural da Terra (campo magnético terrestre). Este processo libera energia de partículas sub-atômicas que são registradas pela bobina (receptor) e enviadas para o computador central, cujo software tem a finalidade de reconstruir e interpretar, formando imagens da anatomia humana. Técnicas A RM Cardíaca usa uma grande variedade de técnicas para aquisição de imagens orientadas de acordo com a finalidade clínica, as principais são : Contração Cardíaca (CINE) - Aquisição de imagens em tempo real, sendo possível a avaliação da contratilidade cardíaca, disfunções sistólicas, áreas de acinesia ou hipocinesia das paredes do ventrículo esquerdo. O sangue tipicamente aparece brilhante na cor branca (hiperintenso) determinando grande contraste em relação as paredes cardíacas. Visualização de Cicatriz Cardíaca (fibrose) - A sequência tipicamente usada é a chamada spin echo, na qual o sangue aparece preto e com grande resolução de contraste, permitindo avaliar focos de degeneração fibrótica no tecido miocárdico (por exemplo em um coração infartado). Contraste tardio - Fase de grande importância para avaliar fibrose ou necrose do tecido cardíaco em fase crônica, comuns em casos de infarto do miocárdio ou miocardite (infecção), neste estudo utiliza-se de meio de contraste Gadolíneo que é infundido por acesso endovenoso. Perfusão - Etapa do método que permite avaliação de focos de hipoperfusão (isquemia) de fase aguda nas paredes do miocárdio, permitindo diferenciar eventos novos e antigos, assim como destacando a necessidade ou não de intervenção cirúrgica. Neste estudo é necessário a infusão de fármaco com propriedades 20 MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NA PÁGINA 07

21 de estímulo hemodinâmico (RM Cardíaca com Stress), os mais utilizados são dipiridamol e dobutamina, os quais causam um aumento da frequência cardíaca permitindo avaliar assim se o coração sofre com o aumento da sua demanda metabólica (simulando atividades do dia a dia, tal como caminhar e subir escadas). Custo-Benefício Desvantagens - A principal dificuldade do estudo de RM Cardíaca se refere ao tempo de execução do exame (em torno de 40 minutos), assim como a necessidade de treinamento específico e extensivo da equipe de diagnóstico por imagem. É necessário uso de contraste paramagnético e medicamento cronotrópico. Vantagens - Trata-se de um método não invasivo, indolor, com alta qualidade de imagem e acurácia diagnóstica, sendo atualmente considerado o padrão gold- -standard em diversas indicações clínicas. Além disso não utiliza radiação ionizante, podendo produzir imagens 3D e 4D. Riscos Não há comprovação científica de riscos inerentes aos pulsos de radiofrequência ou exposição ao campo magnético do aparelho de RM. Não há exposição a radiação ionizante. Eventuais efeitos colaterais referentes ao meio de contraste para-magnético, assim como o medicamento cronotrópico (stress cardíaco). Pacientes que sofre de claustrofobia apresentam contra-indicação. Indicações Clínicas Infarto Agudo do Miocárdio. Isquemia Miocárdica (Angina). Determinação da Viabilidade Miocárdica (área de tecido morto). Avaliação da Contratilidade Cardíaca e Função Sistólica. Miocardite (infecção do miocárdio). Pericardite (infecção do pericárdio). Insuficiência Cardíaca. Miocardiopatia Hipertrófica. Displasia Arritmogênica do Ventrículo Direito. Hemocromatose Cardíaca (depósito de ferro). Tumor Cardíaco. Cardiopatias Congênitas. Amiloidose Cardíaca. Dr. Nillo Posse Wanderley CRM/PR Médico Especialista em Radiologia e Diag. por Imagem RQE: MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NA PÁGINA 07 21

22 Dra. Joze Accordi Disarz CROPR Cirurgiã Dentista Especialista em DTM e Dor Orofacial Especialista em Implantes Clinico Geral Implantes Estética do sorriso Clareamento a Laser Limpeza Restaurações Lentes de Contato Dental Facetas de Porcelana Coroas Metal Free Próteses em Geral Botox Terapêutico (para tratamento de DTM, dores de cabeça) CROPR Cirurgiã Dentista Rua Edmundo de Barros, 70 Centro Médico - S

Natal VIDA! COM A. ANO NOVO 2015 Abdominoplastia DE BEM DESEJAMOS S I N TA-SE A TODOS E PROSPERO. Lipoaspiração e lipoescultura.

Natal VIDA! COM A. ANO NOVO 2015 Abdominoplastia DE BEM DESEJAMOS S I N TA-SE A TODOS E PROSPERO. Lipoaspiração e lipoescultura. 2 3 DESEJAMOS A TODOS S I N TA-SE DE BEM COM A VIDA! Lipoaspiração e lipoescultura Natal E PROSPERO ANO NOVO 2015 Abdominoplastia Mamoplastias Próteses de Mama/Glúteo/Panturrilha Lifting Facial Cirurgia

Leia mais

2. Quando o implante dental é indicado?

2. Quando o implante dental é indicado? Dúvidas sobre implantodontia: 1. O que são implantes? São cilindros metálicos (titânio) com rosca semelhante a um parafuso que são introduzidos no osso da mandíbula (arco inferior) ou da maxila (arco superior),

Leia mais

Dr. Felipe Groch CRO 101.353 Especialização em Implantes Dentários

Dr. Felipe Groch CRO 101.353 Especialização em Implantes Dentários Nosso consultório odontológico está equipado para oferecer ao produtor rural todos os tratamentos odontológicos disponíveis na atualidade. Segue abaixo uma discriminação detalhada de cada tratamento oferecido

Leia mais

RCC- Radiologia Clínica de Campinas A Imagem da sua Saúde RESSONÂNCIA MAGNÉTICA 3.0 TESLA

RCC- Radiologia Clínica de Campinas A Imagem da sua Saúde RESSONÂNCIA MAGNÉTICA 3.0 TESLA RCC- Radiologia Clínica de Campinas A Imagem da sua Saúde RESSONÂNCIA MAGNÉTICA 3.0 TESLA ABERTURA 70 CM + TIM SUPER ALTO CAMPO - ALTA RESOLUÇÃO MAIOR VELOCIDADE - MAIOR COMODIDADE PREZADO COLEGA Com grande

Leia mais

Médico Responável: Cristiano Ferrari Siqueira - Médico Nuclear CRM 25.281

Médico Responável: Cristiano Ferrari Siqueira - Médico Nuclear CRM 25.281 Médico Responável: Cristiano Ferrari Siqueira - Médico Nuclear CRM 25.281 Para viver com qualidade é preciso ter em quem confiar. Por isso, há mais de vinte anos, a Vita Imagem trabalha sério para oferecer

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM RESSONÂNCIA E TOMOGRAFIA CARDIOVASCULAR

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM RESSONÂNCIA E TOMOGRAFIA CARDIOVASCULAR CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM RESSONÂNCIA E TOMOGRAFIA CARDIOVASCULAR Coordenadores: Drs. Clerio Azevedo e Marcelo Hadlich 1. Objetivos do Programa Proporcionar, aos pós-graduandos, formação especializada

Leia mais

RINOPLASTIA Cirurgia Plástica no Nariz

RINOPLASTIA Cirurgia Plástica no Nariz RINOPLASTIA Cirurgia Plástica no Nariz O que é a Rinoplastia? A rinoplastia, ou cirurgia do nariz, é um procedimento estético que corrige a forma e a funcionalidade do nariz, melhorando tanto o aspecto

Leia mais

ODONTOLOGIA ESTÉTICA

ODONTOLOGIA ESTÉTICA ODONTOLOGIA ESTÉTICA O sorriso enaltece os dentes que podem assim como outros elementos da face denunciar a idade cronológica do ser humano por meio de desgastes ou mesmo pela alteração da cor. Nesse contexto,

Leia mais

Lesão do Ligamento Cruzado Posterior (LCP)

Lesão do Ligamento Cruzado Posterior (LCP) Lesão do Ligamento Cruzado Posterior (LCP) INTRODUÇÃO O ligamento cruzado posterior (LCP) é um dos ligamentos menos lesados do joelho. A compreensão dessa lesão e o desenvolvimento de novos tratamentos

Leia mais

Especialistas em Alcoolismo e Dependência Química

Especialistas em Alcoolismo e Dependência Química Especialistas em Alcoolismo e Dependência Química Entenda como funciona A Clínica Viva desenvolveu um programa intensivo de reabilitação do alcoolismo com abordagem médica e psicoterapêutica individual

Leia mais

Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade física adaptada e saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira O que é a Menopausa?

Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade física adaptada e saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira O que é a Menopausa? Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade física adaptada e saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira O que é a Menopausa? Menopausa é a parada de funcionamento dos ovários, ou seja, os ovários deixam

Leia mais

HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (SERVIÇO DE CARDIOLOGIA E CIRURGIA CARDIOVASCULAR)

HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (SERVIÇO DE CARDIOLOGIA E CIRURGIA CARDIOVASCULAR) HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (SERVIÇO DE CARDIOLOGIA E CIRURGIA CARDIOVASCULAR) REVISÃO DE DOENÇA DE ARTÉRIA CORONÁRIA Seu coração é uma bomba muscular poderosa. Ele é

Leia mais

Fonte: Jornal Carreira & Sucesso - 151ª Edição

Fonte: Jornal Carreira & Sucesso - 151ª Edição IDENTIFICANDO A DEPRESSÃO Querida Internauta, Lendo o que você nos escreveu, mesmo não sendo uma profissional da área de saúde, é possível identificar alguns sintomas de uma doença silenciosa - a Depressão.

Leia mais

Dra Tatiana Caloi Cirurgiã Plástica CREMESP 91347 TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO

Dra Tatiana Caloi Cirurgiã Plástica CREMESP 91347 TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO . TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO 1- EU,, portador (a) do CPF nº, por determinação explícita de minha vontade, reconheço DRA TATIANA MARTINS CALOI, médica inscrita no CREMESP sob o nº 91347, como profissional

Leia mais

Doenças Periodontais. Tratamento e Prevenção. 1º e-book - COS - Clínica Odontológica Soares

Doenças Periodontais. Tratamento e Prevenção. 1º e-book - COS - Clínica Odontológica Soares Doenças Periodontais Tratamento e Prevenção 1º e-book - COS - Clínica Odontológica Soares Gengivite e Periodontite Guia para o paciente Aprenda mais sobre as Doenças Periodontais (de gengiva) As doenças

Leia mais

NORMATIZAÇÃO DO FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE ODONTOLOGIA HOSPITALAR

NORMATIZAÇÃO DO FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE ODONTOLOGIA HOSPITALAR NORMATIZAÇÃO DO FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE ODONTOLOGIA HOSPITALAR Atuação e conceitos da Odontologia Hospitalar e Medicina Oral A Odontologia exercida pela grande maioria dos dentistas brasileiros enfoca

Leia mais

Serviço de Psicologia do Instituto de Neurologia e Cardiologia de Curitiba:

Serviço de Psicologia do Instituto de Neurologia e Cardiologia de Curitiba: Serviço de Psicologia do Instituto de Neurologia e Cardiologia de Curitiba: Tem por objetivo prestar atendimento aos pacientes internados ou de forma ambulatorial no Hospital, bem como aos seus familiares,

Leia mais

AUTOVIOLÊNCIA. Dalila Santos Daniela Soares Colombi

AUTOVIOLÊNCIA. Dalila Santos Daniela Soares Colombi AUTOVIOLÊNCIA Dalila Santos Daniela Soares Colombi Automutilação Conceito: Comportamento autolesivo deliberado, causando dano tissular, com a intenção de provocar lesão não fatal para obter alívio de tensão.

Leia mais

Entendendo a lipodistrofia

Entendendo a lipodistrofia dicas POSITHIVAS Entendendo a lipodistrofia O que é a lipodistrofia? Lipodistrofia é quando o corpo passa a absorver e a distribuir as gorduras de maneira diferente. Diminui a gordura nas pernas, braços,

Leia mais

Um sorriso saudável é o que buscamos, porém existem alguns inimigos da boca que impossibilitam

Um sorriso saudável é o que buscamos, porém existem alguns inimigos da boca que impossibilitam Como tratar e evitar a GENGIVITE e as demais doenças periodontais? Um sorriso saudável é o que buscamos, porém existem alguns inimigos da boca que impossibilitam isso, e um deles é a gengivite. Consultamos

Leia mais

DOENÇAS CARDÍACAS NA INSUFICIÊNCIA RENAL

DOENÇAS CARDÍACAS NA INSUFICIÊNCIA RENAL DOENÇAS CARDÍACAS NA INSUFICIÊNCIA RENAL As doenças do coração são muito freqüentes em pacientes com insuficiência renal. Assim, um cuidado especial deve ser tomado, principalmente, na prevenção e no controle

Leia mais

Qualidade de vida com implantes dentários 1

Qualidade de vida com implantes dentários 1 DENTES BONITOS Qualidade de vida com implantes dentários 1 VOCÊ PODE REALMENTE IMPLANTAR ALEGRIA? Algumas vezes uma pequena peça de titânio pode revitalizar o seu sorriso e estimular a sua autoconfiança.

Leia mais

Escrito por Administrator Ter, 02 de Fevereiro de 2010 09:14 - Última atualização Qua, 10 de Março de 2010 08:44

Escrito por Administrator Ter, 02 de Fevereiro de 2010 09:14 - Última atualização Qua, 10 de Março de 2010 08:44 Mitos e Verdades da Odontologia Mitos: Quanto maior e colorida for nossa escova dental, melhor! Mentira. A escova dental deve ser pequena ou média para permitir alcançar qualquer região da nossa boca.

Leia mais

SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIRURGIA PLÁSTICA REGIONAL MINAS GERAIS AUTORIZAÇÃO DE TRATAMENTO

SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIRURGIA PLÁSTICA REGIONAL MINAS GERAIS AUTORIZAÇÃO DE TRATAMENTO SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIRURGIA PLÁSTICA REGIONAL MINAS GERAIS AUTORIZAÇÃO DE TRATAMENTO Eu,, identidade autorizo o Dr. Jorge Antônio de Menezes, médico cirurgião plástico, membro associado da Sociedade

Leia mais

CUIDADOS DE SAÚDE DESDE O NASCIMENTO ATÉ À ADOLESCENCIA

CUIDADOS DE SAÚDE DESDE O NASCIMENTO ATÉ À ADOLESCENCIA CUIDADOS DE SAÚDE DESDE O NASCIMENTO ATÉ À ADOLESCENCIA A MALO CLINIC cuida da saúde e bem-estar de bebés, crianças e adolescentes. Acreditamos no indivíduo como um todo e por isso mesmo desenvolvemos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CAMPUS DE SOBRAL CURSO DE ODONTOLOGIA PATOLOGIA GERAL E ORAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CAMPUS DE SOBRAL CURSO DE ODONTOLOGIA PATOLOGIA GERAL E ORAL SUB- PATOLOGIA GERAL E ORAL Estomatologia Métodos de Diagnóstico I e II Processos Patológicos PROGRAMA SUGERIDO (PROVA ESCRITA / DIDÁTICA / PRÁTICA) - TEMAS 1. Cistos dos maxilares. 2. Neoplasias benignas

Leia mais

Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada?

Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada? Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada? A avaliação da estética facial, bem como sua relação com a comunicação e expressão da emoção, é parte importante no

Leia mais

PLANO INDIVIDUAL OU FAMILIAR UNIMED. Cuidamos de quem é importante para você

PLANO INDIVIDUAL OU FAMILIAR UNIMED. Cuidamos de quem é importante para você PLANO INDIVIDUAL OU FAMILIAR UNIMED Cuidamos de quem é importante para você plano individual ou familiar Unimed Atenção, respeito e e ciência são pré-requisitos indispensáveis quando se pensa em uma operadora

Leia mais

ASPECTO RADIOGRÁFICO DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL

ASPECTO RADIOGRÁFICO DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL ASPECTO RADIOGRÁFICO DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL Analisando-se a imagem de um dente íntegro, todas as suas partes são facilmente identificáveis, pois já conhecemos sua escala de radiopacidade e posição

Leia mais

Para todos os casos! Implantes-ANKYLOS. Informação ao paciente. Degussa Dental

Para todos os casos! Implantes-ANKYLOS. Informação ao paciente. Degussa Dental Para todos os casos! Implantes-ANKYLOS Informação ao paciente Degussa Dental Fornecido pelo seu cirurgião-dentista: Prezado(a) paciente, Mais cedo ou mais tarde acontece com cada um de nós: os primeiros

Leia mais

Caso Selecionado. Como o olhar analítico da Odontologia Estética reconstrói um sorriso

Caso Selecionado. Como o olhar analítico da Odontologia Estética reconstrói um sorriso Como o olhar analítico da Odontologia Estética reconstrói um sorriso Marcelo Moreira*, Marcelo Kyrillos**, Luis Eduardo Calicchio***, Hélio Laudelino G. de Oliveira****, Márcio J. A. de Oliveira*****,

Leia mais

Homeopatia. Copyrights - Movimento Nacional de Valorização e Divulgação da Homeopatia mnvdh@terra.com.br 2

Homeopatia. Copyrights - Movimento Nacional de Valorização e Divulgação da Homeopatia mnvdh@terra.com.br 2 Homeopatia A Homeopatia é um sistema terapêutico baseado no princípio dos semelhantes (princípio parecido com o das vacinas) que cuida e trata de vários tipos de organismos (homem, animais e plantas) usando

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO Faculdade de Odontologia Departamento de Odontopediatria e Ortodontia

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO Faculdade de Odontologia Departamento de Odontopediatria e Ortodontia UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO Faculdade de Odontologia Departamento de Odontopediatria e Ortodontia DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ODONTOPEDIATRIA 1. ODONTOPEDIATRIA PROFESSOR RESPONSÁVEL:

Leia mais

Imagem Corporal em Cirurgia Plástica

Imagem Corporal em Cirurgia Plástica Imagem Corporal em Cirurgia Plástica Dr. Gabriel Zeitoune - gabrielzeitoune@hotmail.com Cirurgião Plástico Membro Especialista da SBCP Slide show da Aula do Curso de Extensão em Distúrbios Alimentares

Leia mais

MENOPAUSA TERAPIA HORMONAL - TRH UMA CONQUISTA DA MULHER MODERNA - CONHEÇA UM POUCO MAIS!

MENOPAUSA TERAPIA HORMONAL - TRH UMA CONQUISTA DA MULHER MODERNA - CONHEÇA UM POUCO MAIS! MENOPAUSA TERAPIA HORMONAL - TRH UMA CONQUISTA DA MULHER MODERNA - CONHEÇA UM POUCO MAIS! A expectativa de vida de homens e mulheres está aumentando por diversos fatores, principalmente aos avanços da

Leia mais

SORRISO BONITO E SAUDÁVEL PARA TODA A VIDA!

SORRISO BONITO E SAUDÁVEL PARA TODA A VIDA! SORRISO BONITO E SAUDÁVEL PARA TODA A VIDA! INTRODUÇÃO Um sorriso bonito, saudável e harmônico faz toda a diferença! Na autoestima traz diversos benefícios, pois quem sorri abertamente acredita em si mesmo

Leia mais

Dra Tatiana Caloi Cirurgiã Plástica CREMESP 91347 CREMEPE 15002 TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO

Dra Tatiana Caloi Cirurgiã Plástica CREMESP 91347 CREMEPE 15002 TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO . TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO 1- EU,, portador (a) do CPF nº, por determinação explícita de minha vontade, reconheço DRA TATIANA MARTINS CALOI, médica inscrita no CREMESP sob o nº 91347 e no CREMEPE

Leia mais

A gengivite é uma inflamação das gengivas provocada por acumulação de placa bacteriana e tártaro como consequência

A gengivite é uma inflamação das gengivas provocada por acumulação de placa bacteriana e tártaro como consequência Periodontologia É a disciplina da medicina dentária que se dedica à prevenção, diagnóstico e tratamento das doenças das gengivas e das estruturas de suporte dos dentes. A inflamação e o sangramento das

Leia mais

TIPOS DE TRATAMENTOS ONCOLÓGICOS CIRURGIA QUIMIOTERAPIA SISTÊMICA

TIPOS DE TRATAMENTOS ONCOLÓGICOS CIRURGIA QUIMIOTERAPIA SISTÊMICA TIPOS DE TRATAMENTOS ONCOLÓGICOS Prof a Dra. Nise H. Yamaguchi Prof a Dra Enf a Lucia Marta Giunta da Silva Profª. Dra. Enf a Maria Tereza C. Laganá A abordagem moderna do tratamento oncológico busca mobilizar

Leia mais

Há momentos na vida em que os segundos parecem horas, principalmente quando o assunto é saúde. Por isso seriedade, qualidade e agilidade são

Há momentos na vida em que os segundos parecem horas, principalmente quando o assunto é saúde. Por isso seriedade, qualidade e agilidade são Há momentos na vida em que os segundos parecem horas, principalmente quando o assunto é saúde. Por isso seriedade, qualidade e agilidade são fundamentais no processo de um laboratório, levando até cada

Leia mais

CARTA DE INFORMAÇÕES

CARTA DE INFORMAÇÕES Caro(a) paciente, CARTA DE INFORMAÇÕES É objetivo tanto do paciente e de familiares como também de seu cirurgião plástico que tudo dê certo com a cirurgia. Para que o paciente não se depare com surpresas,

Leia mais

Valências Análises Clínicas

Valências Análises Clínicas Análises Clínicas Consultas de várias especialidades Médicas Consultas de várias especialidades de Medicina Complementar Consultas de Nutrição e Dietética Consultas de Psicologia Clínica e Psicopedagogia

Leia mais

ESPECIAL 2014. SAÚDE da Mulher

ESPECIAL 2014. SAÚDE da Mulher ESPECIAL 2014 SAÚDE da Mulher ESPECIAL 2014 SAÚDE da MULHER APRESENTAÇÃO A mulher redefiniu seu papel na sociedade e tem hoje grandes desafios e variadas demandas que terminam por impactar no seu estilo

Leia mais

O que são varizes? IX Semana Estadual de Saúde Vascular

O que são varizes? IX Semana Estadual de Saúde Vascular O que são varizes? Varizes são veias que se tornaram dilatadas e tortuosas ao longo das pernas. Algumas varizes são calibrosas e evidentes na pele. Outras, de menor calibre, chamadas de microvarizes ou

Leia mais

Odontologia e tecnologia

Odontologia e tecnologia Odontologia e tecnologia APSS d e n t a l Uma das dentais que mais crescem no Brasil. Odontologia e tecnologia 1. Tecnologia nos procedimentos 2. Tecnologia na gestão 3. Tecnologia no aprendizado 4. Conclusão

Leia mais

A Estética da Mama CLÍNICA FERNANDO BASTO

A Estética da Mama CLÍNICA FERNANDO BASTO A Estética da Mama A estética da mama responde a costumes étnicos, sociais e culturais. Há não muitos anos, no Brasil as mulheres solicitavam a diminuição do volume do seio, quando a aspiração do inconsciente

Leia mais

Módulo Ambulatorial+Hospitalar +Obstetrícia PREZADO ASSOCIADO

Módulo Ambulatorial+Hospitalar +Obstetrícia PREZADO ASSOCIADO Tabela Comercial UNIFAMÍLIA EMPRESARIAL POR ADESÃO COPARTICIPATIVO 50% Módulo Ambulatorial+Hospitalar +Obstetrícia Cobertura de consultas médicas de pré-natal, exames complementares bem como atendimentos

Leia mais

Resoluções, conquistas e desafios

Resoluções, conquistas e desafios Eventos pré-congresso Cuidados Paliativos Conselhos e Associações de Classe Demências - diagnóstico diferencial TNT Geriatria - Abbott GeriatRio2013 - Programação Preliminar Como responder às demandas

Leia mais

Sua melhor opção. Manual de Orientação 1

Sua melhor opção. Manual de Orientação 1 Sua melhor opção. Manual de Orientação 1 2 Manual de Orientação Julho/2013 (2 a edição) Indice Orientação ao Paciente Introdução 04 Implantes dentais 04 Titânio - a matéria-prima dos implantes 05 Osseointegração

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE NÍVEIS SUPERIOR, MÉDIO E TÉCNICO NO ÂMBITO DO PODER EXECUTIVO DO MUNICÍPIO DE PALMARES

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE NÍVEIS SUPERIOR, MÉDIO E TÉCNICO NO ÂMBITO DO PODER EXECUTIVO DO MUNICÍPIO DE PALMARES CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE NÍVEIS SUPERIOR, MÉDIO E TÉCNICO NO ÂMBITO DO PODER EXECUTIVO DO MUNICÍPIO DE PALMARES AVISO DE RETIFICAÇÃO DE EDITAL Nº 01 A Comissão de Concurso torna publica

Leia mais

Homens: cada idade, uma preocupação estética diferente

Homens: cada idade, uma preocupação estética diferente Vitória (ES), 20 de março de 2007 Homens: cada idade, uma preocupação estética diferente É fato: os homens modernos preocupam-se cada vez mais com a aparência e têm assumido a própria vaidade sem culpa

Leia mais

SulAmérica Odonto Empresarial

SulAmérica Odonto Empresarial SulAmérica Odonto Empresarial O sorriso dos seus colaboradores está em nossos planos. A partir de 100 vidas sulamerica.com.br Sobre a SulAmérica A SulAmérica Seguros, Previdência e Investimentos, com 116

Leia mais

PRP PLASMA RICO EM PLAQUETAS

PRP PLASMA RICO EM PLAQUETAS Por Dr.Marcelo Bonanza PRP PLASMA RICO EM PLAQUETAS O que é a aplicação de Plasma Rico em Plaquetas? As Plaquetas são formadas a partir do Megacariócito que tem origem na medula óssea. Cada Plaqueta guarda

Leia mais

Técnicas radiográficas. Técnicas Radiográficas Intraorais em Odontologia. Técnicas Radiográficas Intraorais. Técnicas Radiográficas

Técnicas radiográficas. Técnicas Radiográficas Intraorais em Odontologia. Técnicas Radiográficas Intraorais. Técnicas Radiográficas Técnicas Radiográficas Intraorais em Odontologia Técnicas radiográficas Divididas em dois grandes grupos: Técnicas Intraorais Profª Paula Christensen Técnicas Radiográficas Técnicas Extraorais Técnicas

Leia mais

Pesquisa O que os brasileiros sabem sobre saude bucal (e o que os dentistas deveriam contar...)

Pesquisa O que os brasileiros sabem sobre saude bucal (e o que os dentistas deveriam contar...) apresentam Patrocínio Realização Pesquisa O que os brasileiros sabem sobre saude bucal (e o que os dentistas deveriam contar...) 1 Pesquisa Saúde Bucal Pesquisa O que os brasileiros sabem sobre saude bucal

Leia mais

TRATAMENTOS ESTÉTICOS Professora: Debora Siqueira

TRATAMENTOS ESTÉTICOS Professora: Debora Siqueira MASSAGEM MODELADORA Indicadas para modelar o corpo e reduzir medidas; além de ser importante no combate contra a celulite; TRATAMENTOS ESTÉTICOS Professora: Debora Siqueira MASSAGEM MODELADORA Esta técnica,

Leia mais

Placa bacteriana espessa

Placa bacteriana espessa A IMPORTÂNCIA DA SAÚDE BUCAL A saúde bucal é importante porque a maioria das doenças e a própria saúde começam pela boca. Por exemplo, se você não se alimenta bem, não conseguirá ter uma boa saúde bucal,

Leia mais

Bem-estar. após os40. aprenda como colocar. você em primeiro lugar

Bem-estar. após os40. aprenda como colocar. você em primeiro lugar Bem-estar após os40 aprenda como colocar você em primeiro lugar Sumário.. Introdução. 02 A mulher aos 40: menos insegurança, maior bem-estar. 03 Você em primeiro lugar: mente sã. 04 Corpo são: a importância

Leia mais

UM SONHO, UMA MISSÃO, UMA CONQUISTA

UM SONHO, UMA MISSÃO, UMA CONQUISTA 2 Business View Brasil Agosto 2015 UM SONHO, UMA MISSÃO, UMA CONQUISTA Diagnóstico humanizado e um nome que é sinônimo de credibilidade Quando um grupo de médicos da cidade de Maringá, no Estado do Paraná,

Leia mais

QUALIDADE E SEGURANÇA EM ASSISTÊNCIA DOMICILIAR E HOSPITALAR

QUALIDADE E SEGURANÇA EM ASSISTÊNCIA DOMICILIAR E HOSPITALAR QUALIDADE E SEGURANÇA EM ASSISTÊNCIA DOMICILIAR E HOSPITALAR HOME CARE Ajudar o paciente a resgatar a qualidade de vida em sua própria residência, é o compromisso do NADH. O atendimento personalizado é

Leia mais

Reabilitação Pós câncer de mama Assistência às mulheres mastectomizadas

Reabilitação Pós câncer de mama Assistência às mulheres mastectomizadas Reabilitação Pós câncer de mama Assistência às mulheres mastectomizadas Profª Drª Fabiana Flores Sperandio O que é câncer de mama? É uma doença que surge quando células da mama sofrem uma mutação e se

Leia mais

EXCELÊNCIA NOS RESULTADOS

EXCELÊNCIA NOS RESULTADOS INSTITUCIONAL 31 anos no mercado odontológico; Presença com sedes em 10 cidades brasileiras, dentre elas 9 capitais; Solidez e tradição na atenção à Saúde Bucal; Mais de 2 milhões de beneficiários; Mais

Leia mais

Colesterol O que é Isso? Trabalhamos pela vida

Colesterol O que é Isso? Trabalhamos pela vida Colesterol O que é Isso? X O que é o Colesterol? Colesterol é uma gordura encontrada apenas nos animais Importante para a vida: Estrutura do corpo humano (células) Crescimento Reprodução Produção de vit

Leia mais

REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE

REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE Adolescência 11 aos 20 anos Mudanças: Amadurecimento biológico Sexual Psicológico Social Características Adolescência Mudança de interesses Conflitos com a família Maior

Leia mais

PROTOCOLO TÉCNICO- IMPLANTODONTIA CEO_ SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

PROTOCOLO TÉCNICO- IMPLANTODONTIA CEO_ SÃO JOSÉ DO RIO PRETO COORDENAÇÃO DE SAÚDE BUCAL ESPECIALIZADA SMS PROTOCOLO TÉCNICO- IMPLANTODONTIA CEO_ SÃO JOSÉ DO RIO PRETO DR. ALESSANDRO CALDEIRA DA SILVA PÓS-GRADUAÇÃO: CIRURGIA-BUCO-MAXILO-FACIAL E IMPLANTODONTIA COORDENAÇÃO

Leia mais

NARIZ. TUDO sobre. cirurgia de

NARIZ. TUDO sobre. cirurgia de TUDO sobre cirurgia de NARIZ Entenda como deve ser feito o planejamento de uma cirurgia de nariz, quais as técnicas mais indicadas, como funciona o procedimento cirúrgico e o processo de recuperação SUMÁRIO

Leia mais

Dra Tatiana Caloi Cirurgiã Plástica CREMESP - 91347 TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO

Dra Tatiana Caloi Cirurgiã Plástica CREMESP - 91347 TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO . TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO 1- EU,, portador (a) do CPF nº, por determinação explícita de minha vontade, reconheço DRA TATIANA MARTINS CALOI, médica inscrita no CREMESP sob o nº 91347, como profissional

Leia mais

Raios X. Riscos e Benefícios. Faculdade Novaunesc. Rosa de Hiroshima. Ney Matogrosso. Tecnologia em Radiologia. Turma: 2011.1

Raios X. Riscos e Benefícios. Faculdade Novaunesc. Rosa de Hiroshima. Ney Matogrosso. Tecnologia em Radiologia. Turma: 2011.1 Rosa de Hiroshima Ney Matogrosso Pensem nas crianças Mudas telepáticas Pensem nas meninas Cegas inexatas Pensem nas mulheres Rotas alteradas Pensem nas feridas Como rosas cálidas Mas, oh, não se esqueçam

Leia mais

MEDICINA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1

MEDICINA. Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 MEDICINA Nome IES: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: MEDICINA Dados de identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo Calvo Galindo Base legal da Mantenedora

Leia mais

A INTERVENÇÃO DA FISIOTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA DE MULHERES NO CLIMATÉRIO RESUMO

A INTERVENÇÃO DA FISIOTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA DE MULHERES NO CLIMATÉRIO RESUMO A INTERVENÇÃO DA FISIOTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA DE MULHERES NO CLIMATÉRIO Bruna de Moraes Perseguim - bruna_kimi@yahoo.com.br Fernanda Aline de Alencar - fernandinha24_aline@hotmail.com Ana Cláudia

Leia mais

Fratura da Porção Distal do Úmero

Fratura da Porção Distal do Úmero Fratura da Porção Distal do Úmero Dr. Marcello Castiglia Especialista em Cirurgia do Ombro e Cotovelo O cotovelo é composto de 3 ossos diferentes que podem quebrar-se diversas maneiras diferentes, e constituem

Leia mais

Harmonia. Caso Selecionado. Sidney Kina e José Carlos Romanini

Harmonia. Caso Selecionado. Sidney Kina e José Carlos Romanini Caso Selecionado Harmonia Sidney Kina e José Carlos Romanini Na busca para encontrar uma composição agradável no sorriso, alguns fatores de composição estética devem ser observados, para orientação na

Leia mais

Prótese de silicone tem prazo de validade; veja respostas sobre implante

Prótese de silicone tem prazo de validade; veja respostas sobre implante Página 1 de 6 22/10/2009-11h42 Prótese de silicone tem prazo de validade; veja respostas sobre implante GABRIELA CUPANI da Folha de S.Paulo Nenhuma prótese de mama dura para sempre. Embora os especialistas

Leia mais

Tapa no visual, VISAGISMO NA ODONTOLOGIA. Sorrisos Incríveis, COM FACETAS DE PORCELANA! Implantes,

Tapa no visual, VISAGISMO NA ODONTOLOGIA. Sorrisos Incríveis, COM FACETAS DE PORCELANA! Implantes, Tapa no visual, VISAGISMO NA ODONTOLOGIA. Sorrisos Incríveis, COM FACETAS DE PORCELANA! Implantes, Tecnologia em implantes não param de avançar! EDITORIAL Uma boca bem desenhada, com dentes perfeitos,

Leia mais

Bem-vindo ao Plano Odontológico Riachuelo!

Bem-vindo ao Plano Odontológico Riachuelo! Bem-vindo ao Plano Odontológico Riachuelo! Sorria! Assim como cerca de 6,2 milhões de brasileiros, você agora poderá contar com os melhores serviços odontológicos do país. Este Plano, resultado de uma

Leia mais

IMAGENS DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL

IMAGENS DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL IMAGENS DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL Em um dente íntegro, suas imagens são facilmente identificáveis, pois já conhecemos a escala de radiopacidade. Estudamos as imagens das estruturas anatômicas, suas

Leia mais

CICATRIZAÇÃO Universidade Federal do Ceará Departamento de Cirurgia Hospital Universitário Walter Cantídio

CICATRIZAÇÃO Universidade Federal do Ceará Departamento de Cirurgia Hospital Universitário Walter Cantídio CICATRIZAÇÃO! Universidade Federal do Ceará Departamento de Cirurgia Hospital Universitário Walter Cantídio Gustavo Rêgo Coêlho Cirurgia do Aparelho Digestivo Transplante de Fígado CICATRIZAÇÃO Aquiles

Leia mais

Hipogonadismo. O que é Hipogonadismo? Causas 25/02/ 2015. Minhavida.com.br

Hipogonadismo. O que é Hipogonadismo? Causas 25/02/ 2015. Minhavida.com.br Hipogonadismo O que é Hipogonadismo? Hipogonadismo é uma doença na qual as gônadas (testículos nos homens e ovários nas mulheres) não produzem quantidades adequadas de hormônios sexuais, como a testosterona

Leia mais

Reabilitação cirúrgica dos Fissurados de lábio e palato. M.Sc.Viviane Marques

Reabilitação cirúrgica dos Fissurados de lábio e palato. M.Sc.Viviane Marques Reabilitação cirúrgica dos Fissurados de lábio e palato M.Sc.Viviane Marques DIAGNÓSTICO 1º diagnóstico: Através da ultrasonografia (Entre a 12ª e 14ª semana de gestação). O diagnóstico das fissuras submucosa

Leia mais

A EMPRESA. Visão. Missão

A EMPRESA. Visão. Missão MANUAL DE RH 2015 A EMPRESA Com mais de 18 anos e com profundo conhecimento sobre saúde bucal, a DENTALPAR destaca-se no mercado odontológico pela qualidade nos serviços prestados e por promover e manter

Leia mais

Produtos Unimed Grande Florianópolis

Produtos Unimed Grande Florianópolis Produtos Unimed Grande Florianópolis A Unimed é o plano de saúde que oferece os melhores médicos do Brasil. Vamos além para que sua saúde seja plena e de qualidade. Para nós, o importante é ver você bem

Leia mais

Centro Av. Frei Pacífico Wagner,653 11660 903 Caraguatatuba SP T F 55 12 3897 2000

Centro Av. Frei Pacífico Wagner,653 11660 903 Caraguatatuba SP T F 55 12 3897 2000 Nome Curso: IMPLANTE. Implantando idéias, um curso diferente. Curso de extensão Universitária Natureza: Teórico prático Data do inicio do curso: 27 de agosto de 2010 Local: Clinica Universitário Módulo

Leia mais

Febre Reumática Sociedade Brasileira de Reumatologia

Febre Reumática Sociedade Brasileira de Reumatologia Febre Reumática CRIAÇÃO E DESENVOLVIMENTO: CREDITO IMAGEM DA CAPA: http://www.guildford.gov.uk/play EDITORAÇÃO: Rian Narcizo Mariano PRODUÇÃO: www.letracapital.com.br Copyright SBR-, 2011 O conteúdo desta

Leia mais

TRANSTORNO AFETIVO BIPOLAR

TRANSTORNO AFETIVO BIPOLAR e Prática Clínica TRATAMENTO ANALÍTICO-COMPORTAMENTAL DO TRANSTORNO AFETIVO BIPOLAR TRATAMENTO ANALÍTICO-COMPORTAMENTAL DO TRANSTORNO AFETIVO BIPOLAR Maria Rita Zoéga Soares Samir Vidal Mussi e cols. Coordenação

Leia mais

GUIA DE SAÚDE BUCAL E TRAUMATISMO DENTAL PARA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA)

GUIA DE SAÚDE BUCAL E TRAUMATISMO DENTAL PARA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA) GUIA DE SAÚDE BUCAL E TRAUMATISMO DENTAL PARA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA) AUTORES Ingryd Coutinho de Oliveira Priscila Cunha Nascimento Discentes da Graduação em Odontologia e Bolsistas de Ensino

Leia mais

FIBROSE: Formação da Fibrose Cicatricial no Pós Operatório e Seus Possíveis Tratamentos.

FIBROSE: Formação da Fibrose Cicatricial no Pós Operatório e Seus Possíveis Tratamentos. CENTRO UNIVERSITÁRIO DAS FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS FMU CURSO DE ESTÉTICA E COSMÉTICA Gresemar Aparecida Silva Vedat Sevilla RA 5250988 Natalia Matos da Silva RA: 6837127 Coordenadora: Prof. Natalie

Leia mais

Dra. Rosângela Ap. de Freitas Albieri TSB: Andre Santos e Clarice R.Silva Secretaria Municipal de Saúde Centro de Especialidades Odontologicas- CEO

Dra. Rosângela Ap. de Freitas Albieri TSB: Andre Santos e Clarice R.Silva Secretaria Municipal de Saúde Centro de Especialidades Odontologicas- CEO SAÚDE BUCAL Dra. Rosângela Ap. de Freitas Albieri TSB: Andre Santos e Clarice R.Silva Secretaria Municipal de Saúde Centro de Especialidades Odontologicas- CEO ANATOMIA BUCAL ANATOMIA DENTAL TIPOS DE DENTES

Leia mais

Você e seus pacientes merecem

Você e seus pacientes merecem ISO 9001:2008 ISO 13485:2003 0120 catálogo 2012 Tecnologia Ultrassônica Você e seus pacientes merecem Tratamentos minimamente invasivos Excelente visualização Melhor acesso Maior conforto Menor sensibilidade

Leia mais

Seminário: "TURISMO DE SAÚDE NO BRASIL: MERCADO EM ASCENSÃO"

Seminário: TURISMO DE SAÚDE NO BRASIL: MERCADO EM ASCENSÃO Seminário: "TURISMO DE SAÚDE NO BRASIL: MERCADO EM ASCENSÃO" FLEURY LINHA DO TEMPO Uma história de sucesso Uma história de sucesso Uma história de sucesso Uma história de sucesso Uma história de sucesso

Leia mais

BLEFAROPLASTIA (cirurgia plástica das pálpebras)

BLEFAROPLASTIA (cirurgia plástica das pálpebras) BLEFAROPLASTIA (cirurgia plástica das pálpebras) Fatores como: idade, textura da pele, distúrbios da acuidade visual, problemas emocionais, etc., poderão deixar como conseqüência sua marca no território

Leia mais

Índice. Como evitar um AVC e um Infarte do miocardio

Índice. Como evitar um AVC e um Infarte do miocardio Como evitar um AVC e um Infarte do miocardio 2 Índice Como evitar um AVC e um Infarte do miocardio... 3 Quantas mortes são causadas por AVC?... 3 Como dimininuir o risco de AVC?... 3 Quais as pessoas com

Leia mais

FACULDADE IPIRANGA TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA ANDREZA DUTRA GOMES DA SILVA LILIANA DE OLIVEIRA MARINHO

FACULDADE IPIRANGA TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA ANDREZA DUTRA GOMES DA SILVA LILIANA DE OLIVEIRA MARINHO FACULDADE IPIRANGA TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA ANDREZA DUTRA GOMES DA SILVA LILIANA DE OLIVEIRA MARINHO A IMPORTÂNCIA DOS TRATAMENTOS ESTÉTICOS NO PRÉ E PÓS- OPERATÓRIO DE CIRURGIA DO CONTORNO CORPORAL

Leia mais

QUESTIONÁRIO PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISSIONAL PARA MÉDICOS, PSICÓLOGOS, FISIOTERAPEUTAS E DEMAIS PRESTADORES DE SERVIÇOS MÉDICOS

QUESTIONÁRIO PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISSIONAL PARA MÉDICOS, PSICÓLOGOS, FISIOTERAPEUTAS E DEMAIS PRESTADORES DE SERVIÇOS MÉDICOS QUESTIONÁRIO PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL PROFISSIONAL PARA MÉDICOS, PSICÓLOGOS, FISIOTERAPEUTAS E DEMAIS PRESTADORES DE SERVIÇOS MÉDICOS O objetivo deste questionário é analisar as atividades

Leia mais

MANUAL DO CREDENCIADO

MANUAL DO CREDENCIADO MANUAL DO CREDENCIADO MANUAL DO CREDENCIADO APRESENTAÇÃO Prezado (a) Doutor (a): A ORAL ODONTO é uma empresa criada e administrada por profissionais dentistas que se dedicam a oferecer os melhores recursos

Leia mais

Médico formado pela. Sobre o Autor. Implante de Silicone nos Seios. Dr. João Carlos Correa Eschiletti

Médico formado pela. Sobre o Autor. Implante de Silicone nos Seios. Dr. João Carlos Correa Eschiletti Sobre o Autor Médico formado pela UFRGS em 1980. Membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, é mestre em Medicina pela Universidade de Porto Portugal. É médico nutrólogo pela Associação

Leia mais

ORIENTAÇÃO GERAL LOMBALGIA DR.ROBERTO ANTONIO ANICHE CRM 54.132 TEOT 04.626 MÉDICO ORTOPEDISTA NOVEMBRO/2008

ORIENTAÇÃO GERAL LOMBALGIA DR.ROBERTO ANTONIO ANICHE CRM 54.132 TEOT 04.626 MÉDICO ORTOPEDISTA NOVEMBRO/2008 ORIENTAÇÃO GERAL LOMBALGIA DR.ROBERTO ANTONIO ANICHE CRM 54.132 TEOT 04.626 MÉDICO ORTOPEDISTA NOVEMBRO/2008 LOMBALGIA O QUE É? Vulgarmente conhecida como dor nas costas, é a dor que acomete a coluna vertebral

Leia mais

REVISAGE 3D Dr. Milton Beltrão Jr. Consultor Facial - Onodera

REVISAGE 3D Dr. Milton Beltrão Jr. Consultor Facial - Onodera REVISAGE 3D Dr. Milton Beltrão Jr. Consultor Facial - Onodera Revisage3D Você verá nesta aula: Definição Envelhecimento; Sistema Tegumentar; Alterações Envelhecimento; Revisage 3D; Indicações e Contra-Indicações;

Leia mais

Praticando vitalidade. Sedentarismo. corra desse vilão!

Praticando vitalidade. Sedentarismo. corra desse vilão! Praticando vitalidade Sedentarismo corra desse vilão! O que é sedentarismo? Sedentarismo é a diminuição de atividades ou exercícios físicos que uma pessoa pratica durante o dia. É sedentário aquele que

Leia mais