PROGRAMA DE MONITORIA - ENGLISHPRO EDITAL Nº 01/2016 DE 25 DE ABRIL DE 2016

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROGRAMA DE MONITORIA - ENGLISHPRO EDITAL Nº 01/2016 DE 25 DE ABRIL DE 2016"

Transcrição

1 PROGRAMA DE MONITORIA - ENGLISHPRO EDITAL Nº 01/2016 DE 25 DE ABRIL DE 2016 A Coordenação Geral Acadêmica juntamente com a Coordenadoria de Apoio e Suporte ao Aluno (CASA) torna público que, no período de 26 e 27 de abril de 2016, estarão abertas as inscrições para o Programa de Monitoria relativo ao EnglishPro modalidade presencial. Este edital dispõe de vagas voluntárias para os alunos matriculados na modalidade do curso a que este documento se refere, que estejam cursando os seguintes níveis: FUNDAMENTALS A e FUNDAMENTALS B. I. DO PROGRAMA DE MONITORIA A monitoria tem como objetivo valorizar a participação dos alunos em atividades acadêmicas, especialmente no que diz respeito a seu relacionamento com outros alunos que necessitam de apoio em determinados pontos da disciplina língua inglesa trabalhada no programa internacional EnglishPro. Enquanto estratégia pedagógica, a ação visa contribuir para a melhoria da qualidade do ensino do alunado, para a ampliação da interação do alunomonitor com o corpo docente e discente da Instituição, além de propiciar a este a participação efetiva no processo de ensino-aprendizagem, despertando o seu interesse para a carreira docente.

2 III. DA CARGA HORÁRIA O aluno desenvolverá a atividade de monitor cumprindo uma carga horária de 02 (duas) horas semanais, distribuídas em comum acordo com o setor CASA. Assim, os monitores atenderão conforme o quadro de horários a ser definido e divulgado. IV. DAS ATIVIDADES DO MONITOR 1. O monitor deverá realizar atendimento individual ou a grupo de alunos, a fim de elucidar dúvidas, resolver problemas propostos pelos professores e/ou sugeridos pelos alunos; estudar, esclarecer conceitos e acompanhar o desenvolvimento de atividades realizadas pelos alunos. 2. O monitor deverá entregar, sempre que houver monitorias, o relatório de atendimento de monitoria assinado depois de finalizá-las. O relatório aqui mencionado deverá conter: assuntos abordados no atendimento, avaliação do desenvolvimento do aluno e opcionalmente sugestões para melhoria deste. Haverá modelo próprio para preenchimento pelo aluno-monitor. 3. É dever do monitor cumprir a carga horária acordada, como também os horários estabelecidos para a monitoria. 4. Estão vedadas e excluídas do escopo das atividades dos monitores a realização das atividades como: substituição do professor na regência de aulas; correção de provas; atribuição de notas; realização de atividades administrativas e participação em atividades de monitoria durante o horário de suas aulas. 5. O monitor deve zelar pelos equipamentos e espaços físicos que possa vir a utilizar nas atividades de monitoria.

3 V. DO PERÍODO DE PARTICIPAÇÃO NO PROGRAMA A participação dos alunos, no programa apresentado nesse edital, será de maio a julho de 2016, podendo ser prorrogada mediante solicitação da Supervisão do Curso. VI. DAS VAGAS 1. Disciplinas e números de vagas: Haverá duas vagas disponibilizadas para este semestre, distribuídas da seguinte forma: Um (01) monitor ficará responsável pelos tópicos pertinentes ao nível Fundamental A e outro pelos ministrados no nível Fundamental B. 2. As vagas serão preenchidas por ordem de classificação. VII. DOS PRÉ-REQUISITOS PARA A INSCRIÇÃO 1. Ter concluído o nível para o qual é candidato 2. Ter disponibilidade de 02 (duas) horas semanais. 3. Estar regularmente matriculado em um dos cursos de graduação da Faculdade Martha Falcão DeVry no semestre , período de vigência do contrato. VIII. DOS IMPEDIMENTOS PARA A INSCRIÇÃO 1. Concorrer à seleção ou estar em dois ou mais projetos/programas, simultaneamente, mesmo sendo Monitoria, Iniciação Científica e Extensão). 2. Possuir pendências junto à Instituição NAAF, Biblioteca, etc.) ou estar em situação escolar sub judice. 3. Haver sido dispensado, anteriormente, de programas de Monitoria, de Iniciação ou de Extensão por não apresentar desempenho satisfatório. 4. Ter sofrido punições disciplinares na Instituição.

4 IX. DA INSCRIÇÃO As inscrições serão realizadas de 26 e 27 de abril de 2016, por meio de Formulário de Inscrição, devidamente preenchido, no prazo estabelecido neste Edital, através de ficha de inscrição disponibilizada no setor CASA. X. DOS CRITÉRIOS DO PROCESSO 1. O processo de seleção ocorrerá em três etapas: 1.1. Preenchimento do formulário de inscrição: verificação do correto preenchimento do formulário e da veracidade das informações Realização das provas escrita e oral Correção e divulgação dos resultados (Os alunos aprovados devem alcançar a média 7,0) XI. DA DATA, LOCAL E HORÁRIO DAS AVALIAÇÕES 1. As avaliações (provas oral e escrita) serão realizadas nas dependências da FMF DeVry, no período e horários estabelecidos e divulgados no setor CASA. 2. O candidato deverá comparecer ao setor CASA para confirmar o local e o horário da prova com antecedência de 48h da avaliação. 3. O acesso à sala de aplicação das provas só será permitido até 30 minutos depois do horário marcado. Após esse prazo, o aluno estará automaticamente desclassificado. Uso obrigatório de canetas azul ou preta e apresentação de documento oficial de identificação com foto. DIAS E HORÁRIOS DISPONIBILIZADOS 28/04/ :00 PM 29/04/ :00 PM

5 XII. DA DIVULGAÇÃO DO RESULTADO O resultado será divulgado no dia 02 de maio de 2016, no CASA. Atenção: O candidato é responsável por buscar o resultado no setor mencionado. XIII. DOS BENEFÍCIOS 1. A participação no Programa de Monitoria assegurará ao monitor voluntário 15 (quinze) horas por semestre computadas como atividades PEX - Programa de Experiências e o recebimento do Certificado de Monitoria, também por semestre, desde que tenha desempenhado suas tarefas com eficiência até o final do período de participação no programa descrito neste Edital. 2. O aluno selecionado que não cumprir os requisitos e prazos do edital, para formalização dos termos de compromisso, perde automaticamente o vínculo com o programa. 3. A monitoria já conta como projeto acadêmico e internacional, para fins de participação no programa internacional Academic Award. XIV. DA FORMALIZAÇÃO DOS CANDIDATOS CLASSIFICADOS 1. Os candidatos aprovados deverão comparecer ao setor CASA, no dia 02 de maio de 2016, para formalização do processo, com assinatura do termo de compromisso, devendo estar devidamente matriculado na graduação ou na pós-graduação no semestre de e ter sido aprovado no nível do semestre anterior. 2. Os candidatos classificados que não comparecerem nos períodos definidos anteriormente, perderão, automaticamente, a vaga conquistada no processo.

6 XV. DO CRONOGRAMA DESCRIÇÃO E DATAS PERÍODO DE INSCRIÇÃO 26/04/2016 e 27/04/2016 PERÍODO DE DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 02/05/2016 ASSINATURA DO CONTRATO 02/05/2016 INCÍCIO EFETIVO DA FUNÇÃO 04/05/2016 XVI. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS 1. Durante a realização da prova o candidato não poderá se ausentar da sala. 2. A monitoria é uma atividade complementar à formação do aluno e, portanto, não gera qualquer vínculo empregatício do aluno-monitor com a Instituição, o aluno-monitor assinará um Termo de Compromisso, juridicamente elaborado, dispondo sobre a forma de pacto dessa relação, com base na legislação pertinente ao assunto. Esse documento estará disponível na CASA. 3. A monitoria será renovada de acordo com a deliberação da CASA, mediante aprovação do Diretora Geral da Instituição. 4. Os casos não previstos neste edital serão submetidos à comissão de seleção, para análise e definição da resolução. 5. Em virtude de necessidades eventuais, a Coordenação Geral Acadêmica e a CASA reservam-se o direito de alterar qualquer informação contida neste Edital. Atenciosamente, Giorgio Souto Gonçalves Coord. Geral Acadêmico Profª. Helena Rosa Vieira Lima Diretora Geral

Faculdade DeVry Martha Falcão

Faculdade DeVry Martha Falcão Faculdade DeVry Martha Falcão PROGRAMA DE MONITORIA 2017.2 EDITAL Nº 02/2017 DE 12 DE MAIO DE 2017 A Coordenação Geral Acadêmica juntamente com a Coordenadoria de Apoio e Suporte ao Aluno (CASA) torna

Leia mais

Faculdade Boa Viagem

Faculdade Boa Viagem Faculdade Boa Viagem CENTRO DE EMPREENDEDORISMO E INTERNACIONALIZAÇÃO EDITAL Nº 02/2017 DE 01 DE AGOSTO DE 2017 O Centro de Empreendedorismo e Internacionalização (CEI) juntamente com a Coordenadoria de

Leia mais

Faculdade Boa Viagem

Faculdade Boa Viagem Faculdade Boa Viagem CENTRO DE EMPREENDEDORISMO E INTERNACIONALIZAÇÃO EDITAL Nº 01/2017 DE 01 DE FEVEREIRO DE 2017 O Centro de Empreendedorismo e Internacionalização (CEI) juntamente com a Coordenadoria

Leia mais

Faci DeVry PROGRAMA DE MONITORIA EDITAL Nº 01/2016 DE 01 DE FEVEREIRO DE 2016

Faci DeVry PROGRAMA DE MONITORIA EDITAL Nº 01/2016 DE 01 DE FEVEREIRO DE 2016 Faci DeVry PROGRAMA DE MONITORIA 2016.1 EDITAL Nº 01/2016 DE 01 DE FEVEREIRO DE 2016 A Coordenação Geral Acadêmica juntamente com a Coordenadoria de Apoio e Suporte ao Aluno (CASA) torna público que, no

Leia mais

Faculdade Boa Viagem

Faculdade Boa Viagem Faculdade Boa Viagem PROGRAMA DE MONITORIA 27.2 EDITAL Nº /27 DE 29 DE MAIO DE 27 A Coordenação Geral Acadêmica juntamente com a Coordenadoria de Apoio e Suporte ao Aluno (CASA) torna público que, no período

Leia mais

Centro Universitário do Vale do Ipojuca UNIFAVIP DeVry Pró-reitoria Acadêmica

Centro Universitário do Vale do Ipojuca UNIFAVIP DeVry Pró-reitoria Acadêmica Centro Universitário do Vale do Ipojuca UNIFAVIP DeVry Pró-reitoria Acadêmica PROGRAMA DE MONITORIA 2014.2 EDITAL Nº 05/2014 DE 11 DE JULHO DE 2014 A Pró-reitoria Acadêmica torna público que, no período

Leia mais

VAGA REMANESCENTE DO PROGRAMA DE MONITORIA REMUNERADA DA UTFPR EDITAL 05/2016-DIRGRAD

VAGA REMANESCENTE DO PROGRAMA DE MONITORIA REMUNERADA DA UTFPR EDITAL 05/2016-DIRGRAD Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Guarapuava Diretoria de Graduação e Educação Profissional VAGA REMANESCENTE DO PROGRAMA DE MONITORIA REMUNERADA DA UTFPR EDITAL

Leia mais

FACULDADE DO NORTE GOIANO - FNG PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DA FNG EDITAL 01/2017

FACULDADE DO NORTE GOIANO - FNG PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DA FNG EDITAL 01/2017 FACULDADE DO NORTE GOIANO - FNG PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DA FNG EDITAL 01/2017 A Diretoria acadêmica da Faculdade do Norte Goiano da cidade de Porangatu estado de Goiás, no uso de suas atribuições

Leia mais

Fanor DeVry PROGRAMA DE MONITORIA - ENGLISHPRO 2016.1 EDITAL Nº 01/2016 DE 05 DE ABRIL DE 2016

Fanor DeVry PROGRAMA DE MONITORIA - ENGLISHPRO 2016.1 EDITAL Nº 01/2016 DE 05 DE ABRIL DE 2016 Fanor DeVry PROGRAMA DE MONITORIA - ENGLISHPRO 2016.1 EDITAL Nº 01/2016 DE 05 DE ABRIL DE 2016 A Coordenação Geral Acadêmica juntamente com a Coordenadoria de Apoio e Suporte ao Aluno (CASA) torna público

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DO IFCE EDITAL 05/2017

PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DO IFCE EDITAL 05/2017 PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA DO IFCE EDITAL 05/27 O Diretor Geral do Campus de Ubajara do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Ceará, no uso de suas atribuições estatutárias e regimentais,

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria Art. 1º - Entende-se por Monitoria, uma modalidade de ensino e aprendizagem que contribui para a formação integrada

Leia mais

DeVry Fanor PROGRAMA DE MONITORIA EDITAL Nº 01/2017 DE 16 de janeiro de 2017

DeVry Fanor PROGRAMA DE MONITORIA EDITAL Nº 01/2017 DE 16 de janeiro de 2017 DeVry Fanor PROGRAMA DE MONITORIA 2017.1 EDITAL Nº 01/2017 DE 16 de janeiro de 2017 A Coordenação Geral Acadêmica juntamente com a Coordenadoria de Apoio e Suporte ao Aluno (CASA) torna público que, no

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DE MONITORIA

REGULAMENTO GERAL DE MONITORIA CENTRO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ REGULAMENTO GERAL DE MONITORIA FAFIL/FAECO/FAENG Índice Capítulo I Das Finalidades 3 Capítulo II - Das Inscrições dos Alunos 3 Capítulo III - Dos critérios de

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA DO ISEPRO

PROGRAMA DE MONITORIA DO ISEPRO PROGRAMA DE MONITORIA DO ISEPRO EDITAL /25 A Direção Geral do Instituto Superior de Educação Programus ISEPRO, através da Coordenação do SAP, no uso de suas atribuições regimentais e regulamentares, tornam

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO EDITAL N. 002/2016

PROGRAMA DE MONITORIA COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO EDITAL N. 002/2016 PROGRAMA DE MONITORIA COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO EDITAL N. 002/2016 O Diretor de Campus da Faculdade de Tecnologia e Ciências, a Coordenação do Curso de Direito e o Núcleo de Atividades Acadêmicas NAAC

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC MINAS UNIDADE BELO HORIZONTE CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GASTRONOMIA

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC MINAS UNIDADE BELO HORIZONTE CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GASTRONOMIA EDITAL Nº01/2017 DESELEÇÃO INTERNA DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC MINAS UNIDADE BELO HORIZONTE CHAMADA PARA O PROCESSO DE INSCRIÇÃO 2017 DO PROGRAMA

Leia mais

EDITAL Nº 072/2016 PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE BOLSA NA MODALIDADE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA

EDITAL Nº 072/2016 PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE BOLSA NA MODALIDADE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA EDITAL Nº 072/2016 PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE BOLSA NA MODALIDADE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA A Reitoria do Centro Universitário Senac torna pública a abertura das inscrições do processo de seleção

Leia mais

Edital FUNIARP / MONITORIA nº 024/2016

Edital FUNIARP / MONITORIA nº 024/2016 Edital FUNIARP / MONITORIA nº 024/2016 Dispõe sobre a abertura das inscrições para o Programa de Monitoria do Curso de Engenharia Civil da UNIARP. A REITORIA DA UNIVERSIDADE DO ALTO VALE DO RIO DO PEIXE,

Leia mais

b) possuir carga horária disponível para a realização das atividades do Programa; c) ser professor da disciplina no período vigente das monitorias.

b) possuir carga horária disponível para a realização das atividades do Programa; c) ser professor da disciplina no período vigente das monitorias. EDITAL Nº 03/2016 - CONSEPE A Direção da Faculdade Herrero torna públicos os procedimentos e normas para inscrição e seleção de Monitores 2016/2. Este Edital está em conformidade com a RESOLUÇÃO Nº 11/2010

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Ponta Grossa Diretoria de Graduação e Educação Profissional

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Ponta Grossa Diretoria de Graduação e Educação Profissional Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Ponta Grossa Diretoria de Graduação e Educação Profissional PROGRAMA DE MONITORIA E MONITORIA VOLUNTÁRIA DA UTFPR EDITAL 018/2014

Leia mais

LABORATÓRIO RÁDIO EDITAL N. º 008/2013. (alunos a partir do 2º período de jornalismo)

LABORATÓRIO RÁDIO EDITAL N. º 008/2013. (alunos a partir do 2º período de jornalismo) CONCURSO DE MONITORIA LABORATÓRIO RÁDIO EDITAL N. º 008/2013 (alunos a partir do 2º período de jornalismo) I. DAS VAGAS, BOLSA DE MONITORIA, REGIME JURÍDICO E CARGA HORÁRIA. 1- Número de vagas: 02(duas)

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N º 01 /2016

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N º 01 /2016 1 CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N º 01 /2016 A Coordenação do Curso de Arquitetura e Urbanismo, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas

Leia mais

FACULDADE UNIGRAN CAPITAL

FACULDADE UNIGRAN CAPITAL FACULDADE UNIGRAN CAPITAL PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA ACADÊMICA DE ENSINO E EXTENSÃO PARA OS CURSOS SUPERIORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA (BACHARELADO E LICENCIATURA) DA FACULDADE UNIGRAN CAPITAL NA CATEGORIA

Leia mais

EDITAL DIREC-GP 02/2016

EDITAL DIREC-GP 02/2016 1 Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Diretoria de Relações Empresariais e Comunitárias Comissão de Cultura PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ EDITAL DIREC-GP 02/2016

Leia mais

VOTO CONSU de 26/04/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA

VOTO CONSU de 26/04/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA VOTO CONSU 2012-04 de 26/04/2012 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA 2012 CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º O Programa de Monitoria do Centro Universitário Adventista de São Paulo UNASP é um programa

Leia mais

EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA

EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA 2016-1 I DO PROCESSO SELETIVO: A Faculdade de Ensino Superior da Amazônia Reunida - FESAR, através da Coordenação de Pesquisa e Extensão, comunica ao corpo discente

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA PIM PLANO ANUAL DE MONITORIA

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA PIM PLANO ANUAL DE MONITORIA Of Circular /2011 FAPAC - Faculdade Presidente Antônio Carlos. ITPAC-INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS PORTO LTDA. Rua 02 Qd. 07 - Jardim dos Ypês Porto Nacional TO CEP 77.500-000 Fone:

Leia mais

SELEÇÃO SIMPLIFICADA BOLSAS DE EXTENSÃO IFCE/CID

SELEÇÃO SIMPLIFICADA BOLSAS DE EXTENSÃO IFCE/CID SELEÇÃO SIMPLIFICADA BOLSAS DE EXTENSÃO IFCE/CID A Diretora do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Ceará, campus Limoeiro do Norte, no uso de suas atribuições estatutárias e regimentais,

Leia mais

PROGRAMA DE MONITORIA DA FACULDADE DE MEDICINA DE ITAJUBÁ

PROGRAMA DE MONITORIA DA FACULDADE DE MEDICINA DE ITAJUBÁ PROGRAMA DE MONITORIA DA FACULDADE DE MEDICINA DE ITAJUBÁ TÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I CARACTERÍSTICAS DO PROGRAMA Artigo 1º - O Programa de Monitoria, mantido pela Faculdade de Medicina de Itajubá,

Leia mais

EDITAL PIBID FESL Nº 03/2015 SELEÇÃO DE BOLSISTAS ID

EDITAL PIBID FESL Nº 03/2015 SELEÇÃO DE BOLSISTAS ID EDITAL PIBID FESL Nº 03/2015 SELEÇÃO DE BOLSISTAS ID A Direção Acadêmica e a Coordenação do PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA DA FACULDADE DE EDUCAÇÃO SÃO LUIS tornam público a abertura

Leia mais

PRÓ-REITORIA ACADÊMICA EDITAL DE MONITORIA Nº 05

PRÓ-REITORIA ACADÊMICA EDITAL DE MONITORIA Nº 05 PRÓ-REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DOS CURSOS DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO E CIVIL EDITAL DE MONITORIA Nº 05 A Direção Geral e de Graduação torna público o presente Edital de Concurso Público composto de

Leia mais

Faculdade Adventista da Bahia. Regulamento de Monitoria Acadêmica Fisioterapia

Faculdade Adventista da Bahia. Regulamento de Monitoria Acadêmica Fisioterapia Faculdade Adventista da Bahia Regulamento de Monitoria Acadêmica Fisioterapia Cachoeira BA Abril de 2011 Capítulo I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente regulamento disciplina o Programa de Monitoria

Leia mais

REDAÇÃO MODELO EDITAL N. º 066/2011. ( Somente alunos a partir do 3º ao 7º períodos do Curso de Jornalismo)

REDAÇÃO MODELO EDITAL N. º 066/2011. ( Somente alunos a partir do 3º ao 7º períodos do Curso de Jornalismo) CONCURSO DE MONITORIA REDAÇÃO MODELO EDITAL N. º 066/2011 ( Somente alunos a partir do 3º ao 7º períodos do Curso de Jornalismo) I. DAS VAGAS, BOLSA DE MONITORIA, REGIME JURÍDICO E CARGA HORÁRIA. 1- Número

Leia mais

FACULDADE SÃO FRANCISCO DE JUAZEIRO-BA

FACULDADE SÃO FRANCISCO DE JUAZEIRO-BA EDITAL N. 1 SELEÇÃO DE ALUNOS PARA MONITORIA DA EMPRESA JÚNIOR, ESCRITÓRIO MODELO E LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS DA FACULDADE SÃO FRANCISCO DE

Leia mais

EDITAL PARA A SELEÇÃO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/CAPES/UNESP

EDITAL PARA A SELEÇÃO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/CAPES/UNESP EDITAL PARA A SELEÇÃO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/CAPES/UNESP - 2015 A Faculdade de Engenharia de Guaratinguetá - FEG- UNESP, torna público o processo

Leia mais

1. DOS FUNDAMENTOS E OBJETIVOS DO ESTÁGIO DE DOCÊNCIA

1. DOS FUNDAMENTOS E OBJETIVOS DO ESTÁGIO DE DOCÊNCIA ESTÁGIO DE DOCÊNCIA DO MESTRADO DA ESCOLA SUPERIOR DOM HELDER CÂMARA 1º SEMESTRE DE 2017 1. DOS FUNDAMENTOS E OBJETIVOS DO ESTÁGIO DE DOCÊNCIA O candidato ao estágio de docência deve ser um aluno regularmente

Leia mais

Considerando a necessidade de acompanhar, orientar e preparar melhor os acadêmicos no

Considerando a necessidade de acompanhar, orientar e preparar melhor os acadêmicos no Of Circular /2011 FAPAC - Faculdade Presidente Antônio Carlos. ITPAC-INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS PORTO LTDA. Rua 02 Qd. 07 - Jardim dos Ypês Porto Nacional TO CEP 77.500-000 Fone:

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Ponta Grossa Diretoria de Graduação e Educação Profissional

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Ponta Grossa Diretoria de Graduação e Educação Profissional 1 Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Ponta Grossa Diretoria de Graduação e Educação Profissional PROGRAMA DE MONITORIA E MONITORIA VOLUNTÁRIA DA UTFPR EDITAL 05/2016-

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS CABO DE SANTO AGOSTINHO COORDENAÇÃO DO CENTRO DE LIBRAS E LÍNGUAS

Leia mais

SOCIEDADE UNIVERSITÁRIA REDENTOR DE ITAPERUNA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA

SOCIEDADE UNIVERSITÁRIA REDENTOR DE ITAPERUNA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA SOCIEDADE UNIVERSITÁRIA REDENTOR DE ITAPERUNA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA EDITAL PARA VAGAS DE MONITORIAS MEDICINA 2017/1 Pelo presente edital ficam estabelecidas as regras para as vaga de monitorias,

Leia mais

2.2 São obrigações do monitor: a) executar integralmente o programa proposto pelo orientador; b) ler bibliografia específica do módulo;

2.2 São obrigações do monitor: a) executar integralmente o programa proposto pelo orientador; b) ler bibliografia específica do módulo; EDITAL Nº001 /2016 - COORD. DE MEDICINA/UFRR Boa Vista, 16 de Maio de 2016 Dispõe sobre Processo de Seleção para vagas de monitores do curso de Medicina da UFRR. A Coordenação do Curso de Bacharelado em

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2016 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2016 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR 1 CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 02/2016 A Coordenação do Curso de ARQUITETURA E URBANISMO, da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ CAMPUS DE TUCURUÍ DIRETORIA DE ENSINO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ CAMPUS DE TUCURUÍ DIRETORIA DE ENSINO EDITAL N o 006/2015 SELEÇÃO DE DISCENTES PARA ATUAR NA MONITORIA, INICIAÇÃO À DOCÊNCIA E MONITORIA DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL INDIVIDUALIZADO DO CÂMPUS TUCURUÍ DO IFPA O Instituto Federal de Educação,

Leia mais

Faculdade Processus REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS

Faculdade Processus REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DO PROJETO DAS ATIVIDADES DE MONITORIA DO CURSO DE DIREITO DA FACULDADE PROCESSUS Dispõe sobre a oferta de atividades de Monitoria no curso de graduação da Faculdade Processus e dá outras providências.

Leia mais

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM 003/2016

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM 003/2016 EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM 003/2016 Chamada para submissão de Projetos de Iniciação Científica e Tecnológica A Direção Geral da FACULDADE

Leia mais

Programa de Incentivo à Pesquisa Acadêmica PIPA

Programa de Incentivo à Pesquisa Acadêmica PIPA Programa de Incentivo à Pesquisa Acadêmica PIPA ` REGULAMENTO União da Vitória, PR 2014 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INCENTIVO À PESQUISA ACADÊMICA PIPA, DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE UNIÃO DA VITÓRIA DOS PRINCÍPIOS

Leia mais

EDITAL Nº 01, DE 09 DE MAIO DE 2012

EDITAL Nº 01, DE 09 DE MAIO DE 2012 COORDENAÇÕES DO CST EM SISTEMAS DE TELECOMUNICAÇÕES E BACHARELADO EM ENGENHARIA ELÉTRICA EDITAL Nº, DE 09 DE MAIO DE 22 APRESENTAÇÃO O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB)

Leia mais

ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL LUTERANA DO BRASIL EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA MONITORES N 001/2017

ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL LUTERANA DO BRASIL EDITAL DE ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA MONITORES N 001/2017 ..~. W'OSt'~",." : '" ~,..: ~ ~, +C'H""~ CENTRO UNIVERSITARIO LUTERANO DE PALMAS UlIRA Recredenciado pela Portaria Ministerial no1.162, de 13/10/16, D.O.U no198, de 14/10/2016 ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL LUTERANA

Leia mais

NORMATIZAÇÃO CGA N o 04/2015

NORMATIZAÇÃO CGA N o 04/2015 NORMATIZAÇÃO CGA N o 04/2015 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES NORMATIZAÇÃO DE ATIVIDADES DE MONITORIA 1.1 - O presente documento reúne as normas estabelecidas para o Programa de Monitoria desenvolvido no Instituto

Leia mais

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA 1. Quais são os requisitos para obtenção de bolsa monitoria? a) o discente deve estar regularmente matriculado no período letivo em

Leia mais

PRÓ REITORIA DE GESTÃO E SUSTENTABILIDADE ACADÊMICA - PROGESA COORDENADORIA DE PROJETOS PEDAGÓGICOS - CPP DIVISÃO DE ESTÁGIO E MONITORIA DEM

PRÓ REITORIA DE GESTÃO E SUSTENTABILIDADE ACADÊMICA - PROGESA COORDENADORIA DE PROJETOS PEDAGÓGICOS - CPP DIVISÃO DE ESTÁGIO E MONITORIA DEM PRÓ REITORIA DE GESTÃO E SUSTENTABILIDADE ACADÊMICA - PROGESA COORDENADORIA DE PROJETOS PEDAGÓGICOS - CPP DIVISÃO DE ESTÁGIO E MONITORIA DEM EDITAL Nº 04/201 - DEM/CPP/PROGESA/UEMASUL PROCESSO SELETIVO

Leia mais

REGULAMENTO DA MONITORIA. para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu. discentes; magistério superior.

REGULAMENTO DA MONITORIA. para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu. discentes; magistério superior. i.e PRÓ-REITORIA ACADÊMICA REGULAMENTO DA MONITORIA Art. 1º. O presente regulamento estabelece as regras para o exercício da Monitoria nos Cursos de Graduação da Universidade Iguaçu UNIG, por meio de programas

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA MONITORIA LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA

EDITAL DE SELEÇÃO PARA MONITORIA LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA EDITAL DE SELEÇÃO PARA MONITORIA LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA O Colegiado do Curso Superior de Análise e Desenvolvimento de Sistema do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, no uso

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA PIM PLANO ANUAL DE MONITORIA

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA PIM PLANO ANUAL DE MONITORIA Of Circular /2011 FAPAC - Faculdade Presidente Antônio Carlos. ITPAC-INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS PORTO LTDA. Rua 02 Qd. 07 - Jardim dos Ypês Porto Nacional TO CEP 77.500-000 Fone:

Leia mais

PROGRAMA DE ESTÍMULO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO (MONITORIA) EDITAL 01/2015. I. Da Caracterização do Programa de Estímulo ao Ensino de Graduação- Monitoria

PROGRAMA DE ESTÍMULO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO (MONITORIA) EDITAL 01/2015. I. Da Caracterização do Programa de Estímulo ao Ensino de Graduação- Monitoria PROGRAMA DE ESTÍMULO AO ENSINO DE GRADUAÇÃO (MONITORIA) EDITAL 01/2015 DISPÕE SOBRE O EDITAL 01/2015 DO PROGRAMA DE ESTÍMULO AO ENSINO DA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO QUE VISA A OFERECER A ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 18/2016 PROCESSO SELETIVO DESTINADO À COMUNIDADE INTERNA COMPLEMENTAÇÃO DE VAGAS REMANESCENTES

EDITAL Nº 18/2016 PROCESSO SELETIVO DESTINADO À COMUNIDADE INTERNA COMPLEMENTAÇÃO DE VAGAS REMANESCENTES SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS CABO DE SANTO AGOSTINHO COORDENAÇÃO DO CENTRO DE LIBRAS E LÍNGUAS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI EDITAL DEF Nº 01/2017 SELEÇÃO DE MONITOR REMUNERADO DO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA FLORESTAL, DA FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI, CAMPUS JK O

Leia mais

Programa de Iniciação Científica da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas PIC DIREITO SP

Programa de Iniciação Científica da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas PIC DIREITO SP Programa de Iniciação Científica da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas PIC DIREITO SP Edital n o 01/2017 Seleção de Projetos de Pesquisa A Coordenadoria do Mestrado Acadêmico e Pesquisa

Leia mais

DIREITO EDITAL PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA E BOLSISTA

DIREITO EDITAL PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA E BOLSISTA DIREITO EDITAL PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA E BOLSISTA A Coordenação do Curso de Direito da Faculdade da Cidade do Salvador no uso de suas atribuições e de acordo com o que dispõe o Regulamento 005/05,

Leia mais

EDITAL 01/2016 ABERTURA DE SELEÇÃO INTERNA PARA MONITOR-BOLSISTA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (GTI) I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

EDITAL 01/2016 ABERTURA DE SELEÇÃO INTERNA PARA MONITOR-BOLSISTA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (GTI) I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES EDITAL 01/2016 ABERTURA DE SELEÇÃO INTERNA PARA MONITOR-BOLSISTA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (GTI) I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES A FAI Faculdades de Itapiranga/SC, no uso de suas atribuições

Leia mais

EDITAL N.º 02/2016 DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS DE PESQUISA

EDITAL N.º 02/2016 DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS DE PESQUISA EDITAL N.º 02/2016 DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS DE PESQUISA Pelo presente edital, o Projeto de Pesquisa de Implantação e Consolidação do Laboratório de Inflação e Custo de Vida da região Metropolitana de Belém

Leia mais

EDITAL Nº 016/ SELEÇÃO DE MONITORIA DISCENTE 2016/2

EDITAL Nº 016/ SELEÇÃO DE MONITORIA DISCENTE 2016/2 EDITAL Nº 016/2016 - SELEÇÃO DE MONITORIA DISCENTE 2016/2 CURSOS DE ENGENHARIA AMBIENTAL E SANITÁRIA, ENGENHARIA CIVIL, ENGENHARIA ELÉTRICA, ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, ENGENHARIA MECÂNICA, ARQUITETURA E URBANISMO,

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA 1 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE MONITORIA FORTALEZA, 2016 2 SUMÁRIO CAPÍTULO I... 3 DA MONITORIA... 3 CAPÍTULO II... 3 DOS OBJETIVOS... 3 CAPÍTULO III... 3 DA SELEÇÃO... 3 CAPÍTULO IV... 5 DOS REQUISITOS

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRO-REITORIA DE POS GRADUAÇÃO E PESQUISA COORDENAÇÃO DE PESQUISA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRO-REITORIA DE POS GRADUAÇÃO E PESQUISA COORDENAÇÃO DE PESQUISA EDITAL Nº 1, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO A Coordenação de Pesquisa (COPES), setor vinculado a Pro-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (POSGRAP) da Universidade Federal de Sergipe, comunica

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS UNIDADE ACADÊMICA ESPECIAL DE ESTUDOS GEOGRÁFICOS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS UNIDADE ACADÊMICA ESPECIAL DE ESTUDOS GEOGRÁFICOS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS UNIDADE ACADÊMICA ESPECIAL DE ESTUDOS GEOGRÁFICOS NORMAS COMPLEMENTARES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO DE MONITORES DA UNIDADE ACADÊMICA ESPECIAL DE ESTUDOS

Leia mais

EDITAL Nº 01/ NEVICOM. Programa de Extensão UNIVERSIDADE SEM FRONTEIRAS - USF. Subprograma INCUBADORA DOS DIREITOS SOCIAIS

EDITAL Nº 01/ NEVICOM. Programa de Extensão UNIVERSIDADE SEM FRONTEIRAS - USF. Subprograma INCUBADORA DOS DIREITOS SOCIAIS EDITAL Nº 01/ 2013- NEVICOM Programa de Extensão UNIVERSIDADE SEM FRONTEIRAS - USF Subprograma INCUBADORA DOS DIREITOS SOCIAIS A Coordenadora do NÚCLEO DE ESTUDOS DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR CONTRA

Leia mais

EDITAL 004/2016 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO

EDITAL 004/2016 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO EDITAL 004/2016 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO ABERTURA O Diretor Geral do câmpus Araraquara do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, torna pública,

Leia mais

EDITAL Nº 01/2017 DPE/CELLE PROCESSO SELETIVO À COMUNIDADE INTERNA E EXTERNA

EDITAL Nº 01/2017 DPE/CELLE PROCESSO SELETIVO À COMUNIDADE INTERNA E EXTERNA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO. CAMPUS RECIFE DIREÇÃO DE PESQUISA PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO CENTRO DE LIBRAS E LÍNGUAS ESTRANGEIRAS EDITAL Nº 01/2017

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACCAMP

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACCAMP PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FACCAMP A iniciação científica é a integração das atividades de graduação e pós-graduação da Instituição que permite a iniciação do acadêmico de graduação na pesquisa científica.

Leia mais

I - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

I - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE DIREITO UNICERP RESOLUÇÃO N 01/2014 Institui a monitoria acadêmica do Curso de Direito e dá outras providências. I - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - A monitoria acadêmica do

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO AO ENSINO

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO AO ENSINO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO AO ENSINO EDITAL DE MONITORIA 2016 A Universidade Potiguar UnP, através da Pró-Reitoria Acadêmica ProAcad, através do Núcleo de Apoio Psicopedagógico NAPe, torna público

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO AO ENSINO

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO AO ENSINO EDITAL DE MONITORIA 2017 A Universidade Potiguar UnP, através da Pró-Reitoria Acadêmica ProAcad, por meio do Núcleo de Acessibilidade e apoio Psicopedagógico NAPe, torna público o presente Edital e convida

Leia mais

EDITAL/VICE-REITORIA/DIRGRAD/N.017/2017

EDITAL/VICE-REITORIA/DIRGRAD/N.017/2017 EDITAL/VICE-REITORIA/DIRGRAD/N.017/2017 Processo Seletivo para monitoria voluntária na disciplina de Avaliação Psicológica III, do Curso de Psicologia da Unoesc, Unidade de Pinhalzinho. O Vice-reitor de

Leia mais

EDITAL PROGRAMA DE MONITORIA 1º SEMESTRE DE 2016

EDITAL PROGRAMA DE MONITORIA 1º SEMESTRE DE 2016 EDITAL PROGRAMA DE MONITORIA 1º SEMESTRE DE 2016 A Diretora da FATEC-CARAPICUÍBA, Prof.ª Dra. Marcia Pires de Araújo, no uso de suas atribuições legais, atendendo à Deliberação CEETEPS - 12, de 14/12/2009

Leia mais

EDITAL DA N.º 01/2017

EDITAL DA N.º 01/2017 EDITAL DA N.º 01/2017 DIVULGA AS VAGAS CONTEMPLADAS E INFORMA OS PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE MONITORES PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE MONITORIA PIM 2017. O Diretor Acadêmico da FAE São

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS NATURAIS E EXATAS DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA HERBÁRIO SMDB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS NATURAIS E EXATAS DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA HERBÁRIO SMDB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS NATURAIS E EXATAS DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA HERBÁRIO SMDB EDITAL Nº. 01/2014 Edital de Seleção de Bolsistas de Extensão para

Leia mais

EDITAL Nº 15/2017 PROCESSO SELETIVO DESTINADO À COMUNIDADE INTERNA E EXTERNA PARA COMPLEMENTAÇÃO DE VAGAS REMANESCENTES

EDITAL Nº 15/2017 PROCESSO SELETIVO DESTINADO À COMUNIDADE INTERNA E EXTERNA PARA COMPLEMENTAÇÃO DE VAGAS REMANESCENTES SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS CABO DE SANTO AGOSTINHO CENTRO DE LIBRAS E LÍNGUAS ESTRANGEIRAS

Leia mais

FACULDADE UNIGRAN CAPITAL

FACULDADE UNIGRAN CAPITAL FACULDADE UNIGRAN CAPITAL PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA ACADÊMICA DE ENSINO E EXTENSÃO PARA OS CURSOS SUPERIORES DA FACULDADE UNIGRAN CAPITAL NA CATEGORIA DE MONITOR VOLUNTÁRIO PARA O 2015.1. EDITAL

Leia mais

EDITAL Nº 09/ PROEX

EDITAL Nº 09/ PROEX EDITAL Nº 09/2014 - PROEX 1. DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS DIVULGA O PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE FORMAÇÃO EM IDIOMA ESTRANGEIRO NA MODALIDADE DE CURSOS DE INGLÊS NÍVEL BÁSICO PARA OS CAMPI DA UNIVASF

Leia mais

FACER FACULDADES FACULDADE DE JARAGUÁ PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA

FACER FACULDADES FACULDADE DE JARAGUÁ PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA FACER FACULDADES FACULDADE DE JARAGUÁ PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA INTRODUÇÃO O exercício da Monitoria constitui-se em uma atividade de grande relevância, especialmente, por estimular no aluno de graduação

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA NORMAS ESPECÍFICAS

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA NORMAS ESPECÍFICAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA NORMAS ESPECÍFICAS I COMPOSIÇÃO DA COMISSÃO COORDENADORA DE PROGRAMA CCP A Comissão Coordenadora de Programa (CCP) do Programa de Pós-Graduação em Matemática do

Leia mais

EDITAL Nº 02/ Processo Seletivo de Bolsistas para o PIBID/UNIFRA -

EDITAL Nº 02/ Processo Seletivo de Bolsistas para o PIBID/UNIFRA - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO - CAPES CENTRO UNIVERSITÁRIO FRANCISCANO PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL Nº 02/2011 - Processo Seletivo de Bolsistas para o PIBID/UNIFRA - O Centro Universitário Franciscano, por

Leia mais

ANATOMIA HUMANA EDITAL N. º 011/2015. I. DAS VAGAS, REMUNERAÇÃO, REGIME JURÍDICO E CARGA HORÁRIA.

ANATOMIA HUMANA EDITAL N. º 011/2015. I. DAS VAGAS, REMUNERAÇÃO, REGIME JURÍDICO E CARGA HORÁRIA. CONCURSO DE MONITORIA ANATOMIA HUMANA EDITAL N. º 011/2015. I. DAS VAGAS, REMUNERAÇÃO, REGIME JURÍDICO E CARGA HORÁRIA. 1- Número de vagas: 01 vaga 2- O aluno no exercício da função de monitor receberá

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO FACULDADE NACIONAL DE DIREITO. Edital Interno. Programa de Monitoria 2012

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO FACULDADE NACIONAL DE DIREITO. Edital Interno. Programa de Monitoria 2012 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO FACULDADE NACIONAL DE DIREITO Edital Interno Programa de Monitoria 2012 A Coordenação de Graduação da Faculdade Nacional de Direito torna público que a Pró- Reitoria

Leia mais

EDITAL DE TUTORIA ACADÊMICA 2016/1 UNIFESP CAMPUS SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

EDITAL DE TUTORIA ACADÊMICA 2016/1 UNIFESP CAMPUS SÃO JOSÉ DOS CAMPOS EDITAL DE TUTORIA ACADÊMICA 2016/1 UNIFESP O Instituto de Ciência e Tecnologia da UNIFESP Campus São José dos Campos TORNA PÚBLICO os requisitos, procedimentos e o funcionamento do Projeto de Tutoria Acadêmica

Leia mais

UFF UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PROGRAD PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIVISÃO DE MONITORIA PROGRAMA DE TUTORIA EDITAL

UFF UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PROGRAD PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIVISÃO DE MONITORIA PROGRAMA DE TUTORIA EDITAL UFF UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PROGRAD PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIVISÃO DE MONITORIA PROGRAMA DE TUTORIA EDITAL O Pró-Reitor de Graduação da Universidade Federal Fluminense, no uso de suas atribuições

Leia mais

EDITAL Nº 16 de 09 DE FEVEREIRO DE 2017

EDITAL Nº 16 de 09 DE FEVEREIRO DE 2017 EDITAL Nº 16 de 09 DE FEVEREIRO DE 2017 Processo seletivo para o Programa de Monitoria no Período 2017/01 dos Cursos de Engenharia Civil e Engenharia Elétrica. A Diretoria e a Coordenação Acadêmica, através

Leia mais

Regulamento do Laboratório de Anatomia Humana do Curso de Graduação em Enfermagem do Centro Universitário Norte do Espírito santo - CEUNES

Regulamento do Laboratório de Anatomia Humana do Curso de Graduação em Enfermagem do Centro Universitário Norte do Espírito santo - CEUNES Regulamento do Laboratório de Anatomia Humana do Curso de Graduação em Enfermagem do Centro Universitário Norte do Espírito santo - CEUNES Dispõe sobre os deveres, responsabilidades e proibições referentes

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 197/2015

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 197/2015 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 197/2015 Dispõe sobre as normas e fixa o calendário e o número de vagas para os Processos Seletivos - UNITAU 2016, para os Cursos de Licenciatura e Superior de Tecnologia, na modalidade

Leia mais

Universidade Presidente Antônio Carlos UNIPAC Pró-reitoria de Pesquisa, Extensão, Pós-graduação e Cultura Assessoria de Pesquisa

Universidade Presidente Antônio Carlos UNIPAC Pró-reitoria de Pesquisa, Extensão, Pós-graduação e Cultura Assessoria de Pesquisa Universidade Presidente Antônio Carlos UNIPAC Pró-reitoria de Pesquisa, Extensão, Pós-graduação e Cultura Assessoria de Pesquisa NORMAS E PROCEDIMENTOS DO PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA

Leia mais

EDITAL Nº 05/2017 PROCESSO SELETIVO DESTINADO À COMPLEMENTAÇÃO DE VAGAS DO CURSO DE ESPANHOL COMUNICATIVO

EDITAL Nº 05/2017 PROCESSO SELETIVO DESTINADO À COMPLEMENTAÇÃO DE VAGAS DO CURSO DE ESPANHOL COMUNICATIVO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS CABO DE SANTO AGOSTINHO COORDENAÇÃO DO CENTRO DE LIBRAS E LÍNGUAS

Leia mais

FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE COORDENAÇÃO INSTITUCIONAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA - PIBID/CAPES/FVJ

FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE COORDENAÇÃO INSTITUCIONAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA - PIBID/CAPES/FVJ FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE COORDENAÇÃO INSTITUCIONAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA - PIBID/CAPES/FVJ EDITAL PARA SELEÇÃO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA

Leia mais

UNIVERSIDADE VALE DO RIO DOCE UNIVALE Fundação Percival Farquhar Entidade Mantenedora

UNIVERSIDADE VALE DO RIO DOCE UNIVALE Fundação Percival Farquhar Entidade Mantenedora UNIVERSIDADE VALE DO RIO DOCE UNIVALE Fundação Percival Farquhar Entidade Mantenedora EDITAL UNIVALE Nº 016/2016 A Universidade Vale do Rio Doce - UNIVALE abre inscrição para Seleção de Monitores para

Leia mais

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - Este regulamento visa orientar os alunos referente aos objetivos, critérios, procedimentos e mecanismos de

Leia mais

PROGRAMA DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA REGULAMENTO

PROGRAMA DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA REGULAMENTO Faculdade de Direito de Ipatinga FADIPA Programa de Pesquisa e Iniciação Científica - PROPFADIPA Assessoria de Pesquisa - APESQ PROGRAMA DE PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA REGULAMENTO 1 INFORMAÇÃO GERAL

Leia mais

Aprova a criação da função de Monitor e suas respectivas normas

Aprova a criação da função de Monitor e suas respectivas normas RESOLUÇÃO Nº 522/85 Aprova a criação da função de Monitor e suas respectivas normas Faço saber que o Conselho Universitário, nos termos do disposto na alínea a do art 51 do Estatuto, aprovou e eu promulgo

Leia mais

EDITAL N 021/2016/IFTO/CAMPUS PALMAS, DE 14 DE JUNHO DE 2016.

EDITAL N 021/2016/IFTO/CAMPUS PALMAS, DE 14 DE JUNHO DE 2016. EDITAL N 02/206/IFTO/, DE 4 DE JUNHO DE 206. PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE MONITORES PARA O ENSINO MÉDIO INTEGRADO, PROEJA E TÉCNICO SUBSEQUENTE VAGAS OCISOSAS O DIRETOR GERAL DO INSTITUTO FEDERAL

Leia mais

REGULAMENTO DA MONOGRAFIA FINAL DO CURSO DE DIREITO. Título I Do Núcleo de Monografia

REGULAMENTO DA MONOGRAFIA FINAL DO CURSO DE DIREITO. Título I Do Núcleo de Monografia REGULAMENTO DA MONOGRAFIA FINAL DO CURSO DE DIREITO Este regulamento destina-se a normatizar as atividades relacionadas com o Projeto de Monografia e a Monografia de Conclusão do Curso de Graduação em

Leia mais

EDITAL INTERNO 01/ COMISSÃO DE SELEÇÃO DE ALUNOS PARA O PROGRAMA PET ELÉTRICA

EDITAL INTERNO 01/ COMISSÃO DE SELEÇÃO DE ALUNOS PARA O PROGRAMA PET ELÉTRICA EDITAL INTERNO 01/2017 - COMISSÃO DE SELEÇÃO DE ALUNOS PARA O PROGRAMA PET ELÉTRICA A COMISSÃO DE SELEÇÃO do processo seletivo para o Programa de Ensino Tutorial (PET) do Curso de Graduação em Engenharia

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTUDANTES PET COMPUTAÇÃO-

EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTUDANTES PET COMPUTAÇÃO- 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL Pró-Reitoria de Graduação EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTUDANTES PET COMPUTAÇÃO- Aos alunos do Curso de Ciência da Computação e Engenharia da Computação desta Universidade:

Leia mais