Ciclo do mosquito da Dengue

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ciclo do mosquito da Dengue"

Transcrição

1 DENGUE

2 2,5 bilhões de pessoas em risco 100 milhões de casos por ano Estimativa de casos de FHD 100 mil óbitos por ano 100 países endêmicos 121 mil casos no RJ em óbitos (42% em crianças de 0 a 15 anos) Panorama da Dengue

3 Ciclo do mosquito da Dengue

4 Condutas de combate à Dengue

5 Municípios Infestados por Aedes aegypti municípios municípios duplicação de municípios infestados Fonte: SES

6 Casos por Capitais

7 Sorotipos circulantes no Brasil (2001 a 2006) Múltiplas infecções Alto risco de entrada de DEN 4 pela Venezuela Nenhum DEN 1 DEN 1 e 2 DEN 1, e 3 DEN 1, 2 e

8 Campanhas de Combate à Dengue Pesquisa MS 91% dos entrevistados se sentem informados sobre como se pega dengue 96% dos entrevistados recordam-se das campanhas 55% acham que, se o vizinho não tomar as precauções necessárias para evitar o mosquito, as medidas que ele mesmo adota não adiantarão

9 Criadouros do Mosquito

10

11

12 AÇÕES IMPLEMENTADAS PELO GOVERNO DO ESTADO NO COMBATE À EPIDEMIA DE DENGUE 2008

13 Eixos de Atuação Prevenção e Controle de Vetores Mobilização Social Ações Assistenciais

14 Prevenção e Controle Lei do Governador permitindo entrada dos agentes de saúde em imóveis abandonados e àqueles cuja entrada não é permitida Decreto do Governador suspendendo a cessão de médicos e enfermeiros para outros órgãos do Executivo, Legislativo e Judiciário bombeiros atuam diretamente em residências, empresas, depósitos e espaços públicos no Rio de Janeiro, Campos dos Goytacazes e Angra dos Reis imóveis visitados depósitos inspecionados. Busca aérea de criadouros do mosquito com utilização de helicóptero para identificação e marcação por GPS para ação de equipe de terra. Implantação do Rio Contra Dengue. Bombeiros já receberam denúncias e atuaram em focos confirmados do mosquito da dengue

15 Ações da Secretaria de Governo: 72 comunidades Baixada Fluminense Niterói São Gonçalo Itaboraí Rio de Janeiro 20 mil imóveis vistoriados 4 mil capas de caixa d água instaladas 1 tonelada de lixo recolhida Mobilização Social

16 Ações Assistenciais Objetivo principal: Diminuir a letalidade

17 Ações Assistenciais ões Assistenciais Organizar o sistema - Novo fluxograma para atendimentos dos pacientes com suspeita de dengue

18 Ações Assistenciais ões Assistenciais Criação dos Centros de Referência e Hidratação para Dengue

19 Ações Assistenciais ões Assistenciais Criação dos Centros de Referência e Hidratação para Dengue CENTROS DE REFERÊNCIA E HIDRATAÇÃO PARA DENGUE (atendimentos por dia) Atendimentos Hidratação Venosa Exames Laboratoriais CH Retiros dos Artistas CH UPA 24h Santa Cruz CH UPA 24h Campo Grande CH HCAMP Exercito Mal. Hermes CH HCAMP Aeronáutica Barra CH HCAMP Marinha Nova Iguaçu CH Duque de Caxias CH Parque Ary Barroso CH Centro Dengue Campos CH Angra dos Reis CH Hosp. Andaraí CH Iaserj Gávea CH Eduardo Rabelo CH CBMERJ Méier CH Hosp Est. Albert Schweitzer CH Hosp Alberto Torres TOTAL

20 Ações Assistenciais ões Assistenciais Abertura de leitos de enfermaria e UTI exclusivos para Dengue

21 Ações Assistenciais ões Assistenciais Abertura de leitos de enfermaria e UTI exclusivos para Dengue

22 Ações Assistenciais ões Assistenciais Abertura de leitos de enfermaria e UTI exclusivos para Dengue Abertura de 529 NOVOS LEITOS de ENFERMARIA: Abertura de 326 novos leitos de enfermaria na Rede Própria do Estado 177 leitos para adultos 149 leitos para pediatria Contratação de 203 novos leitos de enfermaria na rede universitária e privada credenciada ao SUS 100 leitos na Santa Casa de Misericórdia RJ 40 leitos no Clinica N. Sra. Piedade Magé 35 leitos do Sanatório Oswaldo Cruz de Correias 20 leitos no IPPMG-UFRJ 8 leitos no IFF-FIOCRUZ Oferta de 46 NOVOS LEITOS de UTI Abertura de 19 novos leitos de UTI PEDIÁTRICA na Rede Própria do Estado Contratação de 27 leitos de UTI PEDIÁTRICA na rede universitária e privada credenciada ao SUS

23 Ações Assistenciais Transporte de Pacientes Contratação de vans (auxílio Secretaria de Governo) para transporte dos pacientes das emergências do hospitais para os Centros de Referência e Hidratação para Dengue Acordo com a FETRANSPOR para transporte dos pacientes das emergências do hospitais para os Centros de Referência e Hidratação para Dengue Colocação de 15 novas ambulâncias SAMU (básica e UTI) para transferência de pacientes dos Centros de Referência e Hidratação para Dengue para os leitos de Enfermaria ou UTI dos hospitais Criação do Comitê de Investigação de Óbitos diretrizes para os próximos anos

24 Ações ões Assistenciais Transferência de Pacientes Referência para Centro de Referência e Hidratação para Dengue Hosp. Cardoso Fontes Hosp. Est. Pedro II Hosp. Est. Rocha Faria Hosp. Est. Carlos Chagas Hosp. Munic. Lourenço Jorge Hosp. Munic. Nova Iguaçu Hosp. Munic. Ismélia da Silveira Hosp. Est. Getúlio Vargas Hosp. Campos dos Goytacazes Hosp. Munic. Angra dos Reis Hosp. Andaraí Hosp. Munic. Miguel Couto Hosp. Munic. Salgado Filho Hosp. Est. Albert Schweitzer Hosp. Est. Alberto Torres Hosp. Est. Rocha Faria Hosp. Munic. Leonel Brizola Hosp. Munic. Nova Iguaçu v CH Retiro dos Artistas CH UPA 24h Santa Cruz CH UPA 24h Campo Grande CH HCAMP Exército Mal. Hermes CH HCAMP Aeronáutica Barra CH HCAMP Marinha Nova Iguaçu CH Duque de Caxias CH Parque Ary Barroso CH Centro Dengue Campos CH Angra dos Reis CH Hosp. Andaraí CH Iaserj Gávea CH CBMERJ Méier CH Hosp Est. Albert Schweitzer CH Hosp. Est. Alberto Torres CH Eduardo Rabelo CH Mesquita CH UPA 24h Belford Roxo

25 Ações ões Assistenciais Campanhas de Doação de Sangue Implantação de 3 ônibus de coleta de sangue volante com aumento de 100% de doadores

26 Reunião do Governador com Secretariado Criação do Comitê Rio Contra Dengue 2009: 1 representante de cada Secretaria ou Empresa Pública Conselho Técnico Consultivo especialistas da Fiocruz e Universidades de todo o Brasil Comitê de Notórios Concurso Público para a soldados para combate à dengue Força Estratégica Estadual para Vigilância em Saúde Secretaria de Educação: Gincana Brigadas de pais e alunos Livro do Menino Maluquinho contra Dengue - Ziraldo Secretaria de Obras: CEDAE - Visitadores seriam capacitados no combate ao mosquito EMOP - Recolhimento de todo o lixo das obras do PAC EMOP Empresas do PAC irão instalar capas de caixa d água

27 Reunião do Governador com Secretariado Secretaria do Ambiente: FEEMA convênio com empresas dedetizadoras para atuarem no combate ao mosquito Articulação com empresas de coleta de lixo da região metropolitana para aumentar a capacidade de coleta Aumento da capacidade de recolhimento de pneus Secretaria de Desenvolvimento: IPEM campanha junto a taxistas Secretaria de Ciência e Tecnologia: Cartilha para professores que atuarão como multiplicadores Secretaria de Transportes: Super Via limpeza das linhas de trem Secretaria de Segurança: Mobilização da PM e Polícia Civil no combate ao mosquito Projeto de Lei para leilão de viaturas apreendidas Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos: Restaurantes Populares no combate à Dengue

28 Propostas para 2009 Mudança da estratégia de combate ao vetor (mosquito) Melhoria no monitoramento Centralização das ações pelo Corpo de Bombeiros Mobilização das comunidades Intensa educação nas escolas Campanhas publicitárias durante todo o ano Aumentar cobertura de atenção básica (ACS, ESF) Rede de Assistência Hierarquizada e Integrada Plano de Contingência

29 MOBILIZAÇÃO!!!!

RELATÓRIO PARTICIPANTES. Dr. Sandro Alex de Oliveira Cezar, Diretor Executivo da Confederação Nacional dos Trabalhadores da Seguridade Social (CNTSS)

RELATÓRIO PARTICIPANTES. Dr. Sandro Alex de Oliveira Cezar, Diretor Executivo da Confederação Nacional dos Trabalhadores da Seguridade Social (CNTSS) Minuta RELATÓRIO Da audiência pública visando esclarecimentos sobre ações e métodos de combate à epidemia de dengue no Município do Rio de Janeiro, realizada em 7 de maio de 2008 (10ª Reunião Extraordinária

Leia mais

Mais de 206 mil imóveis visitados em Combate à Dengue De acordo com a Secretaria de Saúde, 59% das vistorias previstas já foram realizadas.

Mais de 206 mil imóveis visitados em Combate à Dengue De acordo com a Secretaria de Saúde, 59% das vistorias previstas já foram realizadas. www.portalamazonia.com.br Coluna: Mais de 206 mil imóveis visitados em Combate à Dengue Mais de 206 mil imóveis visitados em Combate à Dengue De acordo com a Secretaria de Saúde, 59% das vistorias previstas

Leia mais

TEXTO BÁSICO PARA SUBSIDIAR TRABALHOS EDUCATIVOS NA SEMANA DE COMBATE À DENGUE 1

TEXTO BÁSICO PARA SUBSIDIAR TRABALHOS EDUCATIVOS NA SEMANA DE COMBATE À DENGUE 1 TEXTO BÁSICO PARA SUBSIDIAR TRABALHOS EDUCATIVOS NA SEMANA DE COMBATE À DENGUE 1 A Dengue A dengue é uma doença infecciosa de origem viral, febril, aguda, que apesar de não ter medicamento específico exige

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL Procuradoria da República no Estado de Roraima

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL Procuradoria da República no Estado de Roraima MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL Procuradoria da República no Estado de Roraima RECOMENDAÇÃO Nº 001/2011 MPF/RR P R DC Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão OBJETO: Inquérito Civil Público nº 1.32.000.000111/2010-37.

Leia mais

Veículo de Comunicação da AHERJ. Associação de Hospitais do Estado do Rio de Janeiro Ano XIII Nº 102 Novembro / Dezembro de 2011

Veículo de Comunicação da AHERJ. Associação de Hospitais do Estado do Rio de Janeiro Ano XIII Nº 102 Novembro / Dezembro de 2011 N 991219341-0/2010 DR/RJ Veículo de Comunicação da AHERJ. Associação de Hospitais do Estado do Rio de Janeiro Ano XIII Nº 102 Novembro / Dezembro de 2011 A DENGUE NO RIO As autoridades de saúde pública

Leia mais

Dengue: situação epidemiológica e estratégias de preparação para 2014

Dengue: situação epidemiológica e estratégias de preparação para 2014 Dengue: situação epidemiológica e estratégias de preparação para 2014 Secretaria de Vigilância em Saúde Jarbas Barbosa 11 de novembro de 2013 Casos Prováveis e internações por dengue/fhd Brasil, 1986-2013*

Leia mais

Taxa de incidência da dengue, Brasil e regiões, 1998-2001

Taxa de incidência da dengue, Brasil e regiões, 1998-2001 1 reintrodução da dengue no Brasil em 1986 pelo Estado do Rio de Janeiro um sério problema de Saúde Pública, com 8 epidemias associadas aos sorotipos 1, 2 e 3 taxas de incidência: novo aumento a partir

Leia mais

Gestão da dengue no município de Niterói

Gestão da dengue no município de Niterói Gestão da dengue no município de Niterói Fundação Municipal de Saúde de Niterói Veronica Alcoforado de Miranda Coordenação do Núcleo de Educação Permanente e Pesquisa A questão da reemergência da dengue

Leia mais

Francisco Paz 09/12/2015

Francisco Paz 09/12/2015 Estado do Rio Grande do Sul Secretaria de Estado de Saúde DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA VÍRUS: DESAFIOS PARA A GESTÃO Plano de Intensificação do combate ao Aedes aegypti Francisco Paz 09/12/2015 Ações estaduais

Leia mais

1 SADS- Serviço de Atendimento Domiciliar em Saúde. 1 Projeto Dengue. 1 Consultório na Rua. 1 Central de Ambulâncias

1 SADS- Serviço de Atendimento Domiciliar em Saúde. 1 Projeto Dengue. 1 Consultório na Rua. 1 Central de Ambulâncias Equipamentos de Saúde Gerenciados pelo CEJAM em Embu das Artes 11 Unidades Básicas de Saúde com 25 equipes de Estratégia Saúde da Família 1 SADS- Serviço de Atendimento Domiciliar em Saúde 1 Projeto Dengue

Leia mais

Controle do Aedes aegypti e ações intersetoriais

Controle do Aedes aegypti e ações intersetoriais II eminário DENGUE: desafios para políticas integradas de ambiente, atenção e promoção da saúde Controle do Aedes aegypti e ações intersetoriais Instituto Oswaldo Cruz FIOCUZ Laboratório Fisiologia e Controle

Leia mais

ANEXO VI 3583 REAPARELHAMENTO, ATUALIZAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO TECNOLÓGICO DOS POSTOS ADUANEIROS 2247 SISTEMA INTEGRADO DE COMÉRCIO EXTERIOR- SISCOMEX

ANEXO VI 3583 REAPARELHAMENTO, ATUALIZAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO TECNOLÓGICO DOS POSTOS ADUANEIROS 2247 SISTEMA INTEGRADO DE COMÉRCIO EXTERIOR- SISCOMEX PROGRAMA: 0910 ADEQUAÇÃO DE RODOVIAS FEDERAIS 5850 ADEQUAÇÃO DE RODOVIAS FEDERAIS 5851 ADEQUAÇÃO DE TRECHOS RODOVIÁRIOS NA REGIÃO SUDESTE 5868 ELABORAÇÃO DE PROJETOS DE CAPACIDADE DE RODOVIAS PROGRAMA:

Leia mais

Prefeitura trabalha para melhorar a saúde PREFEITURAFAZ. no SUS Contagem.

Prefeitura trabalha para melhorar a saúde PREFEITURAFAZ. no SUS Contagem. PREFEITURAFAZ INFORMATIVO DA PREFEITURA DE CONTAGEM CONTAGEM - Nº 13 - JUNHO DE 2008 Prefeitura trabalha para melhorar a saúde A Prefeitura de Contagem, em parceria com o Governo Federal, através do Ministério

Leia mais

CLIPPING IMPRESSO Página: -- Data: 04/10/2011. Enfoque: (X) Positivo ( ) Negativo ( ) Neutro NOTÍCIAS

CLIPPING IMPRESSO Página: -- Data: 04/10/2011. Enfoque: (X) Positivo ( ) Negativo ( ) Neutro NOTÍCIAS Editoria: Notícias www.manausonline.com.br Coluna: -- Prefeitura inicia programação do Outubro Rosa, movimento de prevenção ao câncer de mama ( ) Matéria articulada pela assessoria de imprensa -- NOTÍCIAS

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO RS. EDUCAÇÃO Informações da Secretaria Estadual da Educação (RS) repassadas a ZH em julho de 2013.

GOVERNO DO ESTADO DO RS. EDUCAÇÃO Informações da Secretaria Estadual da Educação (RS) repassadas a ZH em julho de 2013. GOVERNO DO ESTADO DO RS EDUCAÇÃO Informações da Secretaria Estadual da Educação (RS) repassadas a ZH em julho de 2013. Investimento geral em educação na atual gestão R$ 17.826.973.025,67 Eixos de destaque:

Leia mais

Clipping Eletrônico Domingo dia 26/10/2014

Clipping Eletrônico Domingo dia 26/10/2014 Clipping Eletrônico Domingo dia 26/10/2014 Jornal Diário do Amazonas Sociedade Pág. 19-26 de outubro de 2014 Jornal Em Tempo Saúde e Bem Estar Pág. F1-26 de outubro de 2014 Jornal Em Tempo Saúde e Bem

Leia mais

OBSERVAÇÃO DOS CONHECIMENTOS E PRÁTICAS DA POPULAÇÃO, DE UMA MICROÁREA DE UM BAIRRO DO RECIFE-PE SOBRE DENGUE

OBSERVAÇÃO DOS CONHECIMENTOS E PRÁTICAS DA POPULAÇÃO, DE UMA MICROÁREA DE UM BAIRRO DO RECIFE-PE SOBRE DENGUE OBSERVAÇÃO DOS CONHECIMENTOS E PRÁTICAS DA POPULAÇÃO, DE UMA MICROÁREA DE UM BAIRRO DO RECIFE-PE SOBRE DENGUE TEIXEIRA, A.Q. (¹) ; BRITO, A.S. (²) ; ALENCAR, C.F. (2) ; SILVA, K.P. (2), FREITAS, N.M.C.

Leia mais

Prefeitura Municipal de Jacobina publica:

Prefeitura Municipal de Jacobina publica: Prefeitura Municipal de Jacobina 1 Terça-feira Ano IX Nº 798 Prefeitura Municipal de Jacobina publica: Decreto Nº 089 de 10 de Fevereiro de 2014 - Prorroga a situação de emergência no Município de Jacobina

Leia mais

COMUNIDADE ACADÊMICA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSERIDA NA MOBILIZAÇÃO CONTRA DENGUE

COMUNIDADE ACADÊMICA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSERIDA NA MOBILIZAÇÃO CONTRA DENGUE COMUNIDADE ACADÊMICA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSERIDA NA MOBILIZAÇÃO CONTRA DENGUE MACHADO, Luana Pequeno Vasconcelos¹; SOUSA, Bruna Katiele de Paula²; VALADÃO, Danilo Ferreira³; SIQUEIRA, João

Leia mais

Programa do curso do Agente de Comunitário de Saúde e Agente de Combate as Endemias

Programa do curso do Agente de Comunitário de Saúde e Agente de Combate as Endemias Programa do curso do Agente de Comunitário de Saúde e Agente de Combate as Endemias Biologia do Aedes Aegypti, O mosquito Aedes aegypti se desenvolve por meio de metamorfose completa e seu ciclo de vida

Leia mais

Comissão de Saúde da Câmara dos Vereadores do Rio questiona SMS e defende instalação de CPI para investigar desrespeito à Lei das OSs

Comissão de Saúde da Câmara dos Vereadores do Rio questiona SMS e defende instalação de CPI para investigar desrespeito à Lei das OSs Comissão de Saúde da Câmara dos Vereadores do Rio questiona SMS e defende instalação de CPI para investigar desrespeito à Lei das OSs O plenário da Câmara Municipal do Rio de Janeiro ficou lotado durante

Leia mais

Saúde mais Perto de Você

Saúde mais Perto de Você Saúde mais Perto de Você FINANCIAMENTO DA ATENÇÃO BÁSICA Ano PAB fixo PAB variável Estruturação + Construção e Ampliação Valor total 2010 R$ 3,65 Bi R$ 5,92 Bi R$ 147 Mi R$ 9,73 Bi 2012 R$ 4,42 Bi R$ 8,31

Leia mais

ANEXO I TERMO DE COMPROMISSO DE APOIO À ASSISTÊNCIA HOSPITALAR

ANEXO I TERMO DE COMPROMISSO DE APOIO À ASSISTÊNCIA HOSPITALAR ANEXO I TERMO DE COMPROMISSO DE APOIO À ASSISTÊNCIA HOSPITALAR Pelo presente termo de compromisso, de um lado a Secretaria de Estado da Saúde do Estado do Rio de Janeiro/ Fundo Estadual de Saúde, com endereço

Leia mais

PLANO ESTRATÉGICO PARA ENFRENTAMENTO DA DENGUE NO CEARÁ 2011

PLANO ESTRATÉGICO PARA ENFRENTAMENTO DA DENGUE NO CEARÁ 2011 2 PLANO ESTRATÉGICO PARA ENFRENTAMENTO DA DENGUE NO CEARÁ 2011 RISCO Pico Abril e Maio Desafios identificados na assistência Superlotação nas emergências dos hospitais (municípios estão concentrando o

Leia mais

1. História - Combate à Dengue: Identificação de Ações

1. História - Combate à Dengue: Identificação de Ações BAHIA Período: de 30/03 a 06/04/2009 HISTÓRIA NEGATIVA 1. História - Combate à Dengue: Identificação de Ações Nome da entidade: Escritório de Advocacia Nome completo do parceiro: Michelle Stephanie Santos

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Secretaria de Relações Institucionais Subchefia de Assuntos Federativos

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Secretaria de Relações Institucionais Subchefia de Assuntos Federativos Agenda de Compromissos Governo Federal e Municípios 1. Erradicar a extrema pobreza e a fome 2. Educação básica de qualidade para todos 3. Promover a igualdade entre os sexos e a autonomia das mulheres

Leia mais

Resolução Normativa RN 259

Resolução Normativa RN 259 Resolução Normativa RN 259 (Publicada em 17/06/11, alterada pela RN 268 de 20/10/11 e complementada pela IN/DIPRO nº n 37 de 07/12/11) Gerência de Regulação 27 de janeiro de 2012 Apresentação da Norma

Leia mais

Secretaria de Estado da Saúde

Secretaria de Estado da Saúde Aedes aegypti ovos larvas pupas Inseto adulto Aedes aegypti É o mosquito que transmite Dengue Leva em média 7 dias de ovo a adulto; Tem hábitos diurnos; Vive dentro ou próximo de habitações humanas; A

Leia mais

PROVA FORMAÇÃO DE AGENTE DE COMBATE A ENDEMIAS Prefeitura Municipal de Ouro Preto 1- Assinale a alternativa que define o que é epidemiologia.

PROVA FORMAÇÃO DE AGENTE DE COMBATE A ENDEMIAS Prefeitura Municipal de Ouro Preto 1- Assinale a alternativa que define o que é epidemiologia. 1- Assinale a alternativa que define o que é epidemiologia. a) Estudo de saúde da população humana e o inter relacionamento com a saúde animal; b) Estudo de saúde em grupos de pacientes hospitalizados;

Leia mais

{dybanners}1,1,,meioweb Links Patrocinados{/dybanners} Fonte: Ministério da Saúde

{dybanners}1,1,,meioweb Links Patrocinados{/dybanners} Fonte: Ministério da Saúde {dybanners}1,1,,meioweb Links Patrocinados{/dybanners} Fonte: Ministério da Saúde Balanço preliminar divulgado pelo Ministério da Saúde confirma tendência de redução de casos em relação ao ano passado

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE. Dengue no Brasil Informe epidemiológico 17/2009 Monitoramento CGPNCD

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE. Dengue no Brasil Informe epidemiológico 17/2009 Monitoramento CGPNCD MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Dengue no Brasil Informe epidemiológico 17/2009 Monitoramento CGPNCD Período: Semana epidemiológica 1 a 26 de 2009 As notificações de casos suspeitos

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE Prefeitura Municipal de Afonso Cláudio Estado do Espírito Santo

SECRETARIA MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE Prefeitura Municipal de Afonso Cláudio Estado do Espírito Santo ATA DE REUNIÃO DE ORIENTAÇÃO SOBRE A IMPLANTAÇÃO DA COLETA SELETIVA NO MUNICÍPIO DE AFONSO CLÁUDIO E DIVULGAÇÃO DO MUTIRÃO DE LIMPEZA DE QUINTAIS E TERRENOS, REALIZADA COM OS MORADORES DOS BAIRROS JOÃO

Leia mais

SMSA divulga resultado do LIRAa de outubro

SMSA divulga resultado do LIRAa de outubro SMSA divulga resultado do LIRAa de outubro O Levantamento do Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) de outubro demonstra que 0,7% dos imóveis pesquisados em Belo Horizonte contam com a presença do mosquito

Leia mais

DECRETO MUNICIPAL N O 2462/2015 Data: 28 de maio de 2015

DECRETO MUNICIPAL N O 2462/2015 Data: 28 de maio de 2015 DECRETO MUNICIPAL N O 2462/2015 Data: 28 de maio de 2015 HOMOLOGA REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ MUNICIPAL DE MOBILIZAÇÃO E PREVENÇÃO NO CONTROLE A DENGUE DE ITAPOÁ. de suas atribuições legais, SERGIO FERREIRA

Leia mais

AEDES AEGYPTI - O IMPACTO DE UMA ESPÉCIE EXÓTICA INVASORA NA SAÚDE PÚBLICA

AEDES AEGYPTI - O IMPACTO DE UMA ESPÉCIE EXÓTICA INVASORA NA SAÚDE PÚBLICA AEDES AEGYPTI - O IMPACTO DE UMA ESPÉCIE EXÓTICA INVASORA NA SAÚDE PÚBLICA Porto Alegre, junho de 2016 1. O vetor Originário da África, o mosquito Aedes aegypti tem duas subespécies, Aedes aegypti formosus

Leia mais

NOTA TECNICA SAÚDE-N. 26-2015. Título: CNM alerta municípios em áreas de risco do mosquito Aedes aegypti

NOTA TECNICA SAÚDE-N. 26-2015. Título: CNM alerta municípios em áreas de risco do mosquito Aedes aegypti NOTA TECNICA SAÚDE-N. 26-2015 Brasília, 01 de dezembro de 2015. Área: Área Técnica em Saúde Título: CNM alerta municípios em áreas de risco do mosquito Aedes aegypti Fonte: Dab/MS/SAS/CNS 1. Em comunicado

Leia mais

MANEJO AMBIENTAL PARA O CONTROLE DA DENGUE. Lucia Mardini

MANEJO AMBIENTAL PARA O CONTROLE DA DENGUE. Lucia Mardini MANEJO AMBIENTAL PARA O CONTROLE DA DENGUE Lucia Mardini MANEJO AMBIENTAL PARA O CONTROLE DA DENGUE DENGUE É A MAIS IMPORTANTE ARBOVIROSE URBANA, PERIURBANA E RURAL SÓ EXISTE PELA PRESENÇA DO Aedes aegypti

Leia mais

Assembléia Legislativa da Paraíba

Assembléia Legislativa da Paraíba LEI Nº 10636 de 21/01/2016 - Lei Ordinária INSTITUI NO ÂMBITO DO ESTADO DA PARAÍBA O MÊS DE JUNHO VERMELHO,DEDICADO Á CAMPANHA DE INCENTIVO A DOAÇÃO DE SANGUE E DÁ OUTRAS LEI Nº 10635 de 21/01/2016 - Lei

Leia mais

Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de respostas.

Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de respostas. Prezado(a) candidato(a): Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de respostas. Nº de Inscrição Nome ASSINALE A RESPOSTA

Leia mais

ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL

ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL Das Atribuições dos Profissionais dos Recursos Humanos Atribuições comuns a todos os profissionais que integram a equipe: Conhecer a realidade das famílias pelas

Leia mais

Clipping Eletrônico Quarta-feira dia 20/05/2015. Menos mulheres estão doando leite materno em Manaus, diz Fiocruz

Clipping Eletrônico Quarta-feira dia 20/05/2015. Menos mulheres estão doando leite materno em Manaus, diz Fiocruz Clipping Eletrônico Quarta-feira dia 20/05/2015 Portal D24 AM- Saúde 20 de maio de 2015. Fonte: http://new.d24am.com/noticias/saude/menos-mulheres-estaodoando-leite-materno-manaus-fiocruz/134218 Menos

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 02/2010 AGENTE DE COMBATE ÀS ENDEMIAS

PROCESSO SELETIVO Nº 02/2010 AGENTE DE COMBATE ÀS ENDEMIAS PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO DE SELEÇÃO E INGRESSO PROCESSO SELETIVO Nº 02/2010 AGENTE DE COMBATE ÀS ENDEMIAS ETAPA 2 CURSO INTRODUTÓRIO INSTRUÇÕES

Leia mais

Resultado do LIRAa. Março / 2014. Responsáveis pela Consolidação dos Dados: Romário Gabriel Aquino 18048 Bruno Rodrigues Generoso 17498

Resultado do LIRAa. Março / 2014. Responsáveis pela Consolidação dos Dados: Romário Gabriel Aquino 18048 Bruno Rodrigues Generoso 17498 Resultado do LIRAa Março / 2014 Responsáveis pela Consolidação dos Dados: Romário Gabriel Aquino 18048 Bruno Rodrigues Generoso 17498 Levantamento Rápido de Índices LIRAa O LIRAa foi desenvolvido em 2002,

Leia mais

SECRETARIA DE TRANSPORTES

SECRETARIA DE TRANSPORTES COMITÊS TÉCNICOS DA ALAMYS 18ª Reunião Intermediária PROJETOS DE MOBILIDADE PARA O ESTADO DO RIO DE JANEIRO Julio Lopes SECRETÁRIO GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO MAIO 2013 Nossas Metas Copa das Confederações

Leia mais

Secretaria de Vigilância em Saúde Informe Epidemiológico da Dengue Análise de situação e tendências - 2010

Secretaria de Vigilância em Saúde Informe Epidemiológico da Dengue Análise de situação e tendências - 2010 MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Secretaria de Vigilância em Saúde Informe Epidemiológico da Dengue Análise de situação e tendências - 21 A Secretaria de Vigilância em Saúde, em trabalho

Leia mais

Programa Nacional de Controle da Dengue - PNCD PLANO DE CONTINGÊNCIA AREA DA ASSISTÊNCIA

Programa Nacional de Controle da Dengue - PNCD PLANO DE CONTINGÊNCIA AREA DA ASSISTÊNCIA Programa Nacional de Controle da Dengue - PNCD PLANO DE CONTINGÊNCIA AREA DA DENGUE: PLANO DE CONTINGÊNCIA - AREA DA DIRETRIZES GERAIS PARA ELABORAÇÃO E EXECUÇÃO DO PLANO DE CONTIGÊNCIA Apoio Ministério

Leia mais

DECRETO N.º 34377 DE 31 DE AGOSTO DE 2011

DECRETO N.º 34377 DE 31 DE AGOSTO DE 2011 DECRETO N.º 34377 DE 31 DE AGOSTO DE 2011 Institui ESTADO DE ALERTA CONTRA A DENGUE e dispõe sobre a prevenção e o controle da transmissão e a atenção primária à saúde nos casos de dengue na Cidade do

Leia mais

Secretaria de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres 1º Fórum de Violência contra a Mulher: Múltiplos olhares

Secretaria de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres 1º Fórum de Violência contra a Mulher: Múltiplos olhares Secretaria de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres 1º Fórum de Violência contra a Mulher: Múltiplos olhares Campinas, Abril de 2014 Violência contra as Mulheres: dados Internacional: 1 de cada

Leia mais

CLIPPING IMPRESSO Página: -- Data: 04/10/2011. Enfoque: (X) Positivo ( ) Negativo ( ) Neutro NOTÍCIAS

CLIPPING IMPRESSO Página: -- Data: 04/10/2011. Enfoque: (X) Positivo ( ) Negativo ( ) Neutro NOTÍCIAS Editoria: Notícias www.manausonline.com.br Coluna: -- Prefeitura inicia programação do Outubro Rosa, movimento de prevenção ao câncer de mama (X) Press-release da assessoria de imprensa ( ) Matéria articulada

Leia mais

O mosquito da dengue pode matar. E é ainda mais perigoso para gestantes. Proteja-se.

O mosquito da dengue pode matar. E é ainda mais perigoso para gestantes. Proteja-se. O mosquito da dengue pode matar. E é ainda mais perigoso para gestantes. Proteja-se. 2015 2 Mobilização contra a microcefalia O governo federal está mobilizado para enfrentar o aumento de casos de microcefalia

Leia mais

Mobilização contra a microcefalia

Mobilização contra a microcefalia Mobilização contra a microcefalia O governo federal está mobilizado para enfrentar o aumento de casos de microcefalia no país. Até novembro de 2015, mais de mil bebês nasceram com suspeita deste grave

Leia mais

DIVISÃO DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE DIVISÃO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE

DIVISÃO DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE DIVISÃO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE DIVISÃO DE VIGILÂNCIA AMBIENTAL EM SAÚDE DIVISÃO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE O que é a Dengue? A dengue é uma doença infecciosa causada por um vírus chamado flavivirus,

Leia mais

O POPULAR Capa Tarja Preta: Novas denúncias contra deputado

O POPULAR Capa Tarja Preta: Novas denúncias contra deputado 27 de novembro O POPULAR Capa Tarja Preta: Novas denúncias contra deputado O POPULAR Capa Ciams fecha de surpresa para reforma O POPULAR Página 02 Cidades Comurg encontra irregularidades em lixo hospitalar

Leia mais

Situação da Dengue no Rio Grande do Sul. Francisco Zancan Paz Secretário Adjunto e Diretor Geral Secretaria Estadual da Saúde/RS

Situação da Dengue no Rio Grande do Sul. Francisco Zancan Paz Secretário Adjunto e Diretor Geral Secretaria Estadual da Saúde/RS Situação da Dengue no Rio Grande do Sul Francisco Zancan Paz Secretário Adjunto e Diretor Geral Secretaria Estadual da Saúde/RS VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA Vigilância Epidemiológica Processo contínuo e sistemático

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Secretaria da Saúde Complexo Regulador Estadual Central de Regulação das Urgências/SAMU. Nota Técnica nº 10

Estado do Rio Grande do Sul Secretaria da Saúde Complexo Regulador Estadual Central de Regulação das Urgências/SAMU. Nota Técnica nº 10 Estado do Rio Grande do Sul Secretaria da Saúde Complexo Regulador Estadual Central de Regulação das Urgências/SAMU Nota Técnica nº 10 LIBERAÇÃO E SOLICITAÇÃO DE AMBULÂNCIA DO SERVIÇO DE ATENDIMENTO MÓVEL

Leia mais

PLANO DE CONTINGÊNCIA DE DENGUE / CHIKUNGUNYA / ZIKA VÍRUS 2014/2015

PLANO DE CONTINGÊNCIA DE DENGUE / CHIKUNGUNYA / ZIKA VÍRUS 2014/2015 PLANO DE CONTINGÊNCIA DE DENGUE / CHIKUNGUNYA / ZIKA VÍRUS 2014/2015 Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro V1. 1 Página 1 Sumário 1. Introdução...

Leia mais

ANEXO 06 RELATÓRIO FOTOGRÁFICO CONSOLIDADO DE ATIVIDADES AÇÕES ESTRUTURANTES P.30 META-ATIVIDADE PACTUAÇÃO

ANEXO 06 RELATÓRIO FOTOGRÁFICO CONSOLIDADO DE ATIVIDADES AÇÕES ESTRUTURANTES P.30 META-ATIVIDADE PACTUAÇÃO ANEXO 06 RELATÓRIO FOTOGRÁFICO CONSOLIDADO DE ATIVIDADES AÇÕES ESTRUTURANTES P.30 META-ATIVIDADE PACTUAÇÃO Figura 60: Entrega de microscópio doado pelo do CHTP ao Município de Alta Floresta Figura 65:

Leia mais

Estudo Estratégico n o 6. Mobilidade urbana e mercado de trabalho na Região Metropolitana do Rio de Janeiro Danielle Carusi Machado e Vitor Mihessen

Estudo Estratégico n o 6. Mobilidade urbana e mercado de trabalho na Região Metropolitana do Rio de Janeiro Danielle Carusi Machado e Vitor Mihessen Estudo Estratégico n o 6 Mobilidade urbana e mercado de trabalho na Região Metropolitana do Rio de Janeiro Danielle Carusi Machado e Vitor Mihessen PANORAMA GERAL Processo de urbanização: expansão territorial

Leia mais

Ações de Vigilância Epidemiológica, Perspectivas e Desafios para o enfrentamento de uma nova epidemia

Ações de Vigilância Epidemiológica, Perspectivas e Desafios para o enfrentamento de uma nova epidemia Superintendência de Vigilância em Saúde Gerência de Vigilância Epidemiológica das Doenças Transmissíveis Coordenação de Dengue e Febre Amarela Ações de Vigilância Epidemiológica, Perspectivas e Desafios

Leia mais

2. Operações de emergência

2. Operações de emergência Programa Nacional de Controle da Dengue CGPNCD/DEVEP Controle vetorial da Dengue (duas operações básicas) 1. Operações de rotina 2. Operações de emergência 1 Controle da Dengue (duas operações básicas)

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO AMAZONAS CETAM. Centro de Educação Tecnológica do Amazonas

GOVERNO DO ESTADO DO AMAZONAS CETAM. Centro de Educação Tecnológica do Amazonas GOVERNO DO ESTADO DO AMAZONAS CURSO INTRODUTÓRIO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA PARA AGENTES DE COMBATE AS ENDEMIAS ALUNO (A): PROFESSOR (A): CETAM Centro de Educação Tecnológica do Amazonas SUMÁRIO

Leia mais

Fed Estado DF O cálculo da União não X possui percentual de aplicada em saúde

Fed Estado DF O cálculo da União não X possui percentual de aplicada em saúde Anexo RELATÓRIO DE INDICADORES DE MONITORAMENTO E AVALIAÇÃO DO PACTO PELA SAÚDE - 2007 A. INDICADORES PRINCIPAIS Denominação Método de Cálculo Fonte Parâmetro/Meta Nacional/ Referência Situação Local Meta

Leia mais

Plano MAX 400 PLUS DUQUE DE CAXIAS SÃO JOÃO DE MERITI NITERÓI / SÃO GONÇALO NITERÓI SÃO GONÇALO BARRA MANSA CAMPOS DOS GOYTACAZES

Plano MAX 400 PLUS DUQUE DE CAXIAS SÃO JOÃO DE MERITI NITERÓI / SÃO GONÇALO NITERÓI SÃO GONÇALO BARRA MANSA CAMPOS DOS GOYTACAZES Rede Credenciada - Hospitais Rede Credenciada - Hospitais ANDARAÍ HOSPITAL SAMCI ANDARAÍ IU IU IU BARRA DA TIJUCA MAX CARDIOBARRA BARRA CLÍNICA PRONTO-SOCORRO IU PS24 IU PS24 HOSPITAL DAS CLÍNICAS RIO

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DAS AÇÕES DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE - 2008/2009

PROGRAMAÇÃO DAS AÇÕES DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE - 2008/2009 PROGRAMAÇÃO DAS AÇÕES DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE - 2008/2009 1.Notificação AÇÃO 1.1 Realizar notificação dos casos de sífilis em gestante 48.950 casos de sífilis em gestantes notificados. 1.2 Definir Unidades

Leia mais

Instituto Couto Maia

Instituto Couto Maia Instituto Couto Maia Hospital Couto Maia 1853: ato de criação do Hospital de Isolamento de Monte Serrat Objetivo: assistir pacientes com febre amarela desembarcados de navios mercantes Construção de 160

Leia mais

É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya (CHIKV), transmitido pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus.

É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya (CHIKV), transmitido pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus. Chikungunya O QUE É O que é Chikungunya? É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya (CHIKV), transmitido pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus. O que significa o nome? Significa

Leia mais

Plano de Contigência da Dengue em Minas Gerais 2009

Plano de Contigência da Dengue em Minas Gerais 2009 Plano de Contigência da Dengue em Minas Gerais 2009 Elaboradores Elaine de Andrade Azevedo Assessoria de Normalização/ SES Josiane Batista da Silva Coordenação de Urgência e Emergência/SES Thaís Abreu

Leia mais

Secretaria de Vigilância em Saúde Informe Epidemiológico da Dengue Análise de situação e tendências - 2010

Secretaria de Vigilância em Saúde Informe Epidemiológico da Dengue Análise de situação e tendências - 2010 MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Secretaria de Vigilância em Saúde Informe Epidemiológico da Dengue Análise de situação e tendências - 21 A Secretaria de Vigilância em Saúde, em trabalho

Leia mais

PREFEITURA DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE CENTRO DE CONTROLE DE ZOONOSES DENGUE

PREFEITURA DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE CENTRO DE CONTROLE DE ZOONOSES DENGUE DENGUE O que é? A dengue é uma doença febril aguda, causada por vírus, transmitido pelo mosquito Aedes aegypti (Brasil e Américas) e Aedes albopictus (Ásia). Tem caráter epidêmico, ou seja, atinge um grande

Leia mais

unidades, serviços e ações que interagem para um objetivo comum: a promoção, proteção e recuperação da Saúde.

unidades, serviços e ações que interagem para um objetivo comum: a promoção, proteção e recuperação da Saúde. O SISTEMA DE SAÚDE PÚBLICA EM SANTA CATARINA Fevereiro/2013 SUS S O SUS é um SISTEMA, um conjunto de unidades, serviços e ações que interagem para um objetivo comum: a promoção, proteção e recuperação

Leia mais

UNASA VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA. Programa Nacional de Controle da Dengue

UNASA VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA. Programa Nacional de Controle da Dengue UNASA VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA Programa Nacional de Controle da Dengue Instituído em 24 de julho de 2002 Presidente da República ernando Henrique Cardoso Ministro da Saúde Barjas Negri Presidente da undação

Leia mais

A TOXICOLOGIA NO SUS: EXPERIÊCIAS, DESAFIOS E PERSPECTIVAS. Sérgio Yoshimasa Okane CGMAC/DAET/SAS/MS CGUE E CGFM-SUS/DAHU/SAS/MS

A TOXICOLOGIA NO SUS: EXPERIÊCIAS, DESAFIOS E PERSPECTIVAS. Sérgio Yoshimasa Okane CGMAC/DAET/SAS/MS CGUE E CGFM-SUS/DAHU/SAS/MS A TOXICOLOGIA NO SUS: EXPERIÊCIAS, DESAFIOS E PERSPECTIVAS Sérgio Yoshimasa Okane CGMAC/DAET/SAS/MS CGUE E CGFM-SUS/DAHU/SAS/MS Sumário de Apresentação Contexto de Criação da FN-SUS Escopo de atuação,

Leia mais

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: SAÚDE PÚBLICA JANEIRO/2012

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: SAÚDE PÚBLICA JANEIRO/2012 RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: SAÚDE PÚBLICA JANEIRO/2012 Pesquisa CNI-IBOPE CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA - CNI Robson Braga de Andrade Presidente Diretoria Executiva - DIREX José Augusto Coelho

Leia mais

Super Dicas de SUS. Prof. Marcondes Mendes. SUS em exercícios comentados Prof Marcondes Mendes

Super Dicas de SUS. Prof. Marcondes Mendes. SUS em exercícios comentados Prof Marcondes Mendes Super Dicas de SUS Prof. Marcondes Mendes SUS em exercícios comentados Prof Marcondes Mendes 1. Evolução histórica da organização do sistema de saúde no Brasil Prevenção Modelo de Saúde Sanitarista Campanhismo

Leia mais

CTMA - Gerencial Relação de Atos de Destinação de Mercadorias

CTMA - Gerencial Relação de Atos de Destinação de Mercadorias Pág: 1/ 23. 1/2010 11/01/2010 Partes/peças veículos; 2/2010 11/01/2010 Armas e munições; 3/2010 19/01/2010 4/2010 19/01/2010 5/2010 19/01/2010 6/2010 28/01/2010 700100 2009 755 Retorno Total 7/2010 19/02/2010

Leia mais

12 DE ABRIL DE 2011. Editais Quatro Barras. Notícias on-line. www.agoraparana.com.br

12 DE ABRIL DE 2011. Editais Quatro Barras. Notícias on-line. www.agoraparana.com.br 12 DE ABRIL DE 2011 caderno de editais Editais Quatro Barras 14 12 DE ABRIL DE 2011 ANO XVIII N 0 2090 Editais Quatro Barras Renegociação de dívidas dos Estados vai ser discutida em Curitiba nesta sexta-feira

Leia mais

NOTA TÉCNICA 10 2009 DIRETRIZES NACIONAIS PARA A PREVENÇÃO E CONTROLE DE EPIDEMIAS DE DENGUE. Brasília, 30 de junho de 2009.

NOTA TÉCNICA 10 2009 DIRETRIZES NACIONAIS PARA A PREVENÇÃO E CONTROLE DE EPIDEMIAS DE DENGUE. Brasília, 30 de junho de 2009. NOTA TÉCNICA 10 2009 DIRETRIZES NACIONAIS PARA A PREVENÇÃO E CONTROLE DE EPIDEMIAS DE DENGUE Brasília, 30 de junho de 2009. Sumário: 1. Introdução 2. Componentes 2.1. Assistência 2.2. Vigilância Epidemiológica

Leia mais

Campanha de prevenção e controle da Dengue nos Campi da UFSC. Comissão Plano de Prevenção à Dengue

Campanha de prevenção e controle da Dengue nos Campi da UFSC. Comissão Plano de Prevenção à Dengue Campanha de prevenção e controle da Dengue nos Campi da UFSC Comissão Plano de Prevenção à Dengue (Portaria Nº 1829/2015/GR/UFSC) Carlos José de Carvalho Pinto CCB/MIP (Presidente) Adriana Rodrigues secretária

Leia mais

ARCO METROPOLITANO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE OBRAS

ARCO METROPOLITANO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE OBRAS DO RIO DE JANEIRO HISTÓRICO 1974 - passou a integrar o Plano Rodoviário Estadual (PRE) como RJ-109, rodovia planejada do trecho entre a BR 040 e a BR 101 (Sul) 1977 e 1984 - O Estado contratou projeto

Leia mais

Clipping Eletrônico Sexta-feira dia 14/11/2014

Clipping Eletrônico Sexta-feira dia 14/11/2014 Clipping Eletrônico Sexta-feira dia 14/11/2014 Jornal Em Tempo - Dia a Dia - Página C1 14/11/2014 Jornal Em Tempo - Dia a Dia - Página C5 14/11/2014 Portal Acrítica - Saúde - 13 de novembro de 2014 Av.

Leia mais

Período de incubação nos seres humanos, varia de 3 a 15 dias, mais comum de 5 a 6 dias, isto significa que o paciente vai sentir os sintomas depois

Período de incubação nos seres humanos, varia de 3 a 15 dias, mais comum de 5 a 6 dias, isto significa que o paciente vai sentir os sintomas depois DENGUE DENGUE : DOENÇA QUE MATA DENGUE FORMAS CLÍNICAS DA DENGUE Assintomática Oligossintomática Dengue clássica Dengue grave Febre hemorrágica Dengue com Complicações transmissão Dengue é transmitida

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Plano de Contingência para a Introdução do Vírus Chikungunya

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Plano de Contingência para a Introdução do Vírus Chikungunya MINISTÉRIO DA SAÚDE Plano de Contingência para a Introdução do Vírus Chikungunya Brasil 2014 MINISTÉRIO DA SAÚDE Secretaria de Vigilância em Saúde Departamento de Vigilância das Doenças Transmissíveis

Leia mais

Dengue:situação atual e desafios. Giovanini Evelim Coelho

Dengue:situação atual e desafios. Giovanini Evelim Coelho Dengue:situação atual e desafios Giovanini Evelim Coelho Coordenador da CGPNCD Zonas de risco de transmissão de dengue Fonte:OPS/OMS 100 milhões de casos por ano Número de países com notificações de dengue

Leia mais

Agente de Combate a Endemias

Agente de Combate a Endemias Leia atentamente o texto a seguir para responder às questões de 01 a 08. TEXTO: Agente de Combate a Endemias 5 10 15 20 Vistoria de residências, depósitos, terrenos baldios e estabelecimentos comerciais

Leia mais

CARTA DAS OUVIDORIAS PÚBLICAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

CARTA DAS OUVIDORIAS PÚBLICAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CARTA DAS OUVIDORIAS PÚBLICAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Em 08 e 09 de julho de 2015, na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), realizouse o II Fórum de Ouvidorias Públicas do Estado do Rio de Janeiro. Participaram

Leia mais

NÚCLEO HEMOTERAPIA DE NOVA IGUAÇU HOSPITAL GERAL DE NOVA IGUAÇU NÚCLEO DE HEMOTERAPIA ZONA SUL - INSTITUTO NACIONAL DE CARDIOLOGIA

NÚCLEO HEMOTERAPIA DE NOVA IGUAÇU HOSPITAL GERAL DE NOVA IGUAÇU NÚCLEO DE HEMOTERAPIA ZONA SUL - INSTITUTO NACIONAL DE CARDIOLOGIA Região 1 HEMORIO - HEMOCENTRO COORDENADOR Rua Frei Caneca, 8 Horário para Doações: diariamente de 07h às 18h (inclusive sábados, domingos e feriados) Tel.: 21 2505-0750/2505-6750 Tel.: 0800-2820708 (Disque

Leia mais

Aqui o Mosquito da Dengue não entra!

Aqui o Mosquito da Dengue não entra! Aqui o Mosquito da Dengue não entra! Nomes: Denise Teresinha M. da Silva Luciana Maria Mülhmann Maria Alice Barreto de Azeredo Simone Carla de Souza Sumário 1. Título Projeto: Aqui O Mosquito da Dengue

Leia mais

CONTROLE DA DENGUE EM BANDEIRANTES, PARANÁ: IMPORTÂNCIA DA CONTINUIDADE

CONTROLE DA DENGUE EM BANDEIRANTES, PARANÁ: IMPORTÂNCIA DA CONTINUIDADE CONTROLE DA DENGUE EM BANDEIRANTES, PARANÁ: IMPORTÂNCIA DA CONTINUIDADE DAS AÇÕES PREVENTIVAS Marcelo Henrique Otenio 1 Regina H. F. Ohira 2 Simone Castanho S. Melo 3 Ana Paula Lopes Maciel 4 Edmara Janey

Leia mais

Nota Técnica N.º 29 /14 Recife, 09 de outubro de 2014. Assunto: Notificação dos casos suspeitos da Febre Chikungunya

Nota Técnica N.º 29 /14 Recife, 09 de outubro de 2014. Assunto: Notificação dos casos suspeitos da Febre Chikungunya Nota Técnica N.º 29 /14 Recife, 09 de outubro de 2014 Assunto: Notificação dos casos suspeitos da Febre Chikungunya 1. Características da doença A Febre do Chikungunya (CHIKV) é uma doença causada por

Leia mais

SE CORRER O BICHO PEGA, SE FICAR O BICHO PICA PREVENÇÃO E CONTROLE DA DENGUE NO AMBIENTE DE TRABALHO

SE CORRER O BICHO PEGA, SE FICAR O BICHO PICA PREVENÇÃO E CONTROLE DA DENGUE NO AMBIENTE DE TRABALHO SE CORRER O BICHO PEGA, SE FICAR O BICHO PICA PREVENÇÃO E CONTROLE DA DENGUE NO AMBIENTE DE TRABALHO Autores Adão Vieira Gonçalves Adhemar Augusto Craveiro Neide Aparecida Leão Guesso Sandra Inêz Moura

Leia mais

Dengue a mais nova endemia "de estimação"?

Dengue a mais nova endemia de estimação? Dengue a mais nova endemia "de estimação"? A Dengue, no Estado do Rio de Janeiro, encontra-se no 2 o ano do seu reconhecimento, tendo sido introduzida no início de 1986, talvez desde janeiro. Evoluiu,

Leia mais

Febre amarela no Brasil: recomendações para a vigilância, prevenção e controle doi: 10.5123/S1679-49742011000100011

Febre amarela no Brasil: recomendações para a vigilância, prevenção e controle doi: 10.5123/S1679-49742011000100011 Nota Técnica Febre amarela no Brasil: recomendações para a vigilância, prevenção e controle doi: 10.5123/S1679-49742011000100011 Yellow Fever in Brazil: Recommendations for Surveillance, Prevention and

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE SVES - Coordenação de Vigilância Epidemiológica. São Luís (MA). Fevereiro/2009

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE SVES - Coordenação de Vigilância Epidemiológica. São Luís (MA). Fevereiro/2009 PREFEITURA DE SÃO LUÍS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE SVES - Coordenação de Vigilância Epidemiológica São Luís (MA). Fevereiro/2009 PLANO EMERGENCIAL DE MOBILIZAÇÃO CONTRA DENGUE 09 A 13/02/2009 Introdução

Leia mais

Gráfico 1 Frequência dos casos notificados por semana epidemiológica no município do Rio de Janeiro nos anos de 2011 e 2012:

Gráfico 1 Frequência dos casos notificados por semana epidemiológica no município do Rio de Janeiro nos anos de 2011 e 2012: Boletim nº 07 Terça-Feira 24/01/12 O número de casos acumulados notificados de dengue, nos anos de 2011 e 2012, até o momento, foi de 78.062 e 532 casos, respectivamente. Na semana 03 do ano de 2012 (15/01

Leia mais

Mobilização Social. Núcleo de Mobilização Social da Assessoria de Comunicação Social - SES/MG

Mobilização Social. Núcleo de Mobilização Social da Assessoria de Comunicação Social - SES/MG Mobilização Social 2013 Núcleo de Mobilização Social da Assessoria de Comunicação Social - SES/MG Mobilizar é convocar vontades para atuar na busca de um propósito comum, sob uma interpretação e um sentido

Leia mais

b. Completar a implantação da Rede com a construção de hospitais regionais para atendimentos de alta complexidade.

b. Completar a implantação da Rede com a construção de hospitais regionais para atendimentos de alta complexidade. No programa de governo do senador Roberto Requião, candidato ao governo do estado pela coligação Paraná Com Governo (PMDB/PV/PPL), consta um capítulo destinado apenas à universalização do acesso à Saúde.

Leia mais

Tel.: 21-2868-8134/2868-8126 Referência: Próximo ao Campus da UERJ e ao lado do Hospital Universitário Pedro Ernesto

Tel.: 21-2868-8134/2868-8126 Referência: Próximo ao Campus da UERJ e ao lado do Hospital Universitário Pedro Ernesto Postos de doação HEMORIO - HEMOCENTRO COORDENADOR Rua Frei Caneca, 8 Horário para Doações: diariamente de 7 as 18h (inclusive sábados, dogos e feriados) Tel.: 21 2332-8611 Tel.: 0800-2820708 (Disque Sangue)

Leia mais

Política de Saúde da Pessoa Idosa

Política de Saúde da Pessoa Idosa Política de Saúde da Pessoa Idosa Conselho Estadual de Saúde LUCYANA MOREIRA Março/2015 O TEMPO É IRREVERSÍVEL Pernambuco em dados: PERNAMBUCO: 8.796.448 hab. 937.943 pessoas idosas 10,7% (IBGE- Censo

Leia mais

Secretaria de Vigilância em Saúde Informe Epidemiológico da Dengue Análise de situação e tendências - 2010

Secretaria de Vigilância em Saúde Informe Epidemiológico da Dengue Análise de situação e tendências - 2010 MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Secretaria de Vigilância em Saúde Informe Epidemiológico da Dengue Análise de situação e tendências - 21 A Secretaria de Vigilância em Saúde, em trabalho

Leia mais

Plano Municipal de Combate ao Mosquito Vetor de Transmissão da Dengue

Plano Municipal de Combate ao Mosquito Vetor de Transmissão da Dengue Plano Municipal de Combate ao Mosquito Vetor de Transmissão da Dengue Funchal, Novembro de 2012 ÍNDICE Resumo executivo... 2 I Introdução... 4 II Objetivo... 5 III Estratégia de atuação... 5 IV Área de

Leia mais