GOLDEN VISA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "+351 252 411 411 GOLDEN VISA"

Transcrição

1 GOLDEN VISA The ARI - special arrangement for granting and renewal of residence permit, with exemption of a residence visa, for investment activity in the country - has undergone considerable changes that entered into force on January 29, Changes to the minimum requirements for assigning residence permit motivated by the designated "Investment business activity". - Order in 1661-A/ Amends Order No A/2012 of September 4, 2012, which defines the conditions for the application of the special arrangements for residence permits for investment activity in the country. The main changes relate to the definition and characteristics of possible investments: The acquisition of real estate property shall comprise the acquisition: 1 ) In joint ownership, since each joint owner invests equal to or exceeding 500 thousand euros; 2 ) Through preliminary contract of purchase and sale, with sign equal to or exceeding 500 thousand euros; The investment through purchase of real estate also comprises the possibility to charge them from a value greater than 500 thousand euros; As well as the possibility of giving lease and exploration for commercial, agricultural or tourism purposes. How does the ARI work And which allows this new regime: This new law allows you the investor and your family to live in Portugal and move around the 27 Schengen countries through a residence permit in Portugal. Who can apply? National citizens of any third States, meaning by third States, the States not members of the European Union, nor belonging to the Schengen areawhich conduct an investment activity, either personally or through a corporation in the national territory and for a minimum period of five years. What kinds of investments? Acquisition of real estate property of a value equal to or greater than EUR 500 thousand. What is the required documentation? Passport or other valid travel document Proof of legal entry and stay in the national territory Proof of health insurance Request for consultation of the Portuguese Criminal Record by SEF Criminal record certificate from the country of origin or the country where he resided for more than a year

2 In the case of acquisition of property of a value equal to or greater than EUR 500 thousand - Evidence of having ownership of real estate and may: a) Acquired them in joint ownership, since each joint owner invests amount exceeding EUR 500 thousand, or through promissory contract of purchase and sale, with sign equal to or greater than EUR 500 thousand and should be submitted before the application for renewal of its title ARI acquisition; b) Charge them from a value greater than 500 thousand euros; c) Give renting and operation for commercial, agricultural or tourism purposes. Purchasing or pledge the property purchase where the title recorded statement from a financial institution authorized to exercise its activity in national territory attesting to the effective transfer of capital for the acquisition or holding of sign of commitment to purchase in the equal or greater value 500 thousand euros, and date certificate of land registry, which must always be, in the case of pre-contract and where legally feasible, a record. Proof of contributory situation regularized by submitting negative statement updated debt issued by the Tax and Customs Authority and the Social Security. Taxes applicable to the acquisition of properties: Tax on Real Estate Transfer (IMT), Stamp Duty (IS) and Municipal Property Tax (IMI) Applicable Tax Regime The Portal of Finances provides for information relating to the Fiscal Regime for unusal residents and Double Taxation Agreements signed by Portugal: FA6081B8E9AA/0/- Circular_9_2012_res_n_habituais.pdf convencoes_evitar_dupla_tributacao/convencoes_tabelas_doclib What are the other requirements? Absence of conviction for a crime that is punishable in Portugal by deprivation of liberty for more than one year; It is in the period of prohibition of entry into national territory, following a removal of the Country; Absence of alert in the Schengen Information System; No indication on Integrated Information System for the purposes of non-sef admission. Minimum time requirement Five years for the maintenance of investment activities, which count starts from the date of granting the residence permit.

3 Family regrouping The holder of a Residence Permit for Investment Activity may request family reunification, which is applicable to spouse, minor or disabled dependents of the couple or one of the spouses; children adopted; adult children, dependent on the couple or one spouse who are unmarried and are studying in a school in Portugal; upward in a straight line and 1. degree of the resident or his spouse, who are dependents; younger siblings, provided they are supervised by the resident, in accordance with decision of the competent authority of the country of origin, provided that this decision is recognized by Portugal. Periods of time in Portugal For the renewal of residence permit, applicants must demonstrate citizens have fulfilled the minimum periods of stay in national territory of 7 days, consecutive or otherwise, in the 1st. year, and 14 days in the third year consecutive or in subsequent periods two years. Ability to travel through the Schengen territory The investor may move freely within the Schengen area during the 7 or 14 days. Renewals Renewals will be processed at the end of the first year and at the end of the third and at the end of the fifth year, by checking the maintenance of the requirements. Portuguese nationality At the end of 5 years you can apply for naturalization, provided that are met the necessary requirements.

4 VISTO DOURADO O ARI - regime especial de concessão e renovação de autorização de residência, com dispensa de visto de residência, para actividade de investimento em território nacional - sofreu alterações consideráveis que entraram em vigor no dia 29 de Janeiro de Alterações aos requisitos mínimos de atribuição de autorização de residência motivada pela designada actividade de investimento. - Despacho no 1661-A/2013 Altera o despacho n.º A/2012, de 4 de Setembro de 2012, que define as condições para a aplicação do regime especial de autorização de residência para actividade de investimento em território nacional. As principais alterações prendem-se com a definição e características dos investimentos possíveis: A aquisição de bens imóveis passa a compreender a aquisição: 1) Em regime de compropriedade, desde que cada comproprietário invista valor igual ou superior a 500 mil euros; 2) Através de contrato-promessa de compra e venda, com sinal igual ou superior a 500 mil euros; O investimento através de aquisição de bens imóveis compreende ainda a possibilidade de onerá-los a partir de um valor superior a 500 mil euros; Assim como, a possibilidade de os dar de arrendamento e exploração para fins comerciais, agrícolas ou turísticos. Como funciona o ARI E o que permite este novo regime: Esta nova lei permite-lhe ao investidor e à sua família viver em Portugal e circular livremente pelos 27 países do espaço Schengen através de uma autorização de Residência em Portugal. Quem pode requerer? Os cidadãos nacionais de Estados terceiros, entendendo-se por Estados Terceiros, os Estados não membro da União Europeia, nem pertencentes ao espaço Schengen, que exerçam uma actividade de investimento, pessoalmente ou através de uma sociedade, em território nacional e por um período mínimo de cinco anos. Que tipos de investimentos? Aquisição de bens imóveis de valor igual ou superior a 500 mil euros. Qual é a documentação necessária? Passaporte ou outro documento de viagem válido Comprovativo da entrada e permanência legal em território nacional Comprovativo de seguro de saúde Requerimento para consulta do Registo Criminal português pelo SEF Certificado de registo criminal do país de origem ou do País onde resida há mais de um ano

5 No caso de aquisição de bens imóveis de valor igual ou superior a 500 mil euros - demonstre ter a propriedade de bens imóveis podendo: a) Adquiri-los em regime de compropriedade, desde que cada comproprietário invista valor igual ou superior a 500 mil euros, ou através de contrato -promessa de compra e venda, com sinal igual ou superior a 500 mil euros, devendo apresentar antes do pedido de renovação de ARI o respectivo título de aquisição; b) Onerá-los a partir de um valor superior a 500 mil euros; c) Dar de arrendamento e exploração para fins comerciais, agrícolas ou turísticos. Título aquisitivo ou de promessa de compra dos imóveis de onde conste declaração de uma instituição financeira autorizada ao exercício da sua actividade em território nacional atestando a transferência efectiva de capitais para a sua aquisição ou para efectivação de sinal de promessa de compra no valor igual ou superior a 500 mil euros; e Certidão actualizada da conservatória do registo predial, da qual deve sempre constar, no caso de contrato -promessa e sempre que legalmente viável, o respectivo registo. Prova da situação contributiva regularizada mediante apresentação de declaração negativa de dívida actualizada emitida pela Autoridade Tributária e Aduaneira e pela Segurança Social. Impostos aplicáveis à aquisição de Imóveis: Imposto sobre Transmissões Onerosas de Imóveis (IMT), Imposto de Selo (IS) e Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) Regime Fiscal Aplicável O Portal das Finanças disponibiliza a informação atinente aos Regime Fiscal dos Residentes não habituais e Acordos de Dupla Tributação subscritos por Portugal: FA6081B8E9AA/0/- Circular_9_2012_res_n_habituais.pdf convencoes_evitar_dupla_tributacao/convencoes_tabelas_doclib Quais são os outros requisitos? Ausência de condenação por crime que em Portugal seja punível com pena privativa de liberdade de duração superior a um ano; Não se encontrar no período de interdição de entrada em território nacional, subsequente a uma medida de afastamento do País; Ausência de indicação no Sistema de Informação Schengen; Ausência de indicação no Sistema Integrado de Informações do SEF para efeitos de não admissão. Requisito temporal mínimo Cinco anos para a manutenção das actividades de investimento, cuja contagem se inicia a partir da data da concessão da autorização de residência.

6 Reagrupamento familiar O titular de Autorização de Residência para Actividade de Investimento pode solicitar Reagrupamento Familiar, que é aplicável a cônjuge; filhos menores ou incapazes a cargo do casal ou de um dos cônjuges; menores adoptados; filhos maiores, a cargo do casal ou de um dos cônjuges, que sejam solteiros e se encontrem a estudar num estabelecimento de ensino em Portugal; ascendentes na linha recta e em 1º. grau do residente ou do seu cônjuge, desde que se encontrem a seu cargo; irmãos menores, desde que se encontrem sob tutela do residente, de harmonia com decisão proferida pela autoridade competente do país de origem e desde que essa decisão seja reconhecida por Portugal. Períodos de tempo em Portugal Para efeitos de renovação de autorização de residência, os cidadãos requerentes devem demonstrar ter cumprido os prazos mínimos de permanência em território nacional de 7 dias, seguidos ou interpolados, no 1.º ano, e 14 dias, seguidos ou interpolados, nos subsequentes períodos de dois anos. Possibilidade de viajar pelo Espaço Schengen O investidor poderá circular livremente no Espaço Schengen durante os 7 ou 14 dias. Renovações As renovações processam-se no final do primeiro ano e no final do terceiro e no final do quinto ano, por verificação da manutenção dos requisitos exigidos. Nacionalidade portuguesa Ao final de 5 anos poderá requerer a naturalização, desde que cumpridos os requisitos necessários.

Flash News. Dinis Lucas e Almeida Santos Sociedade de Advogados RL. ARI / Golden Visa NOVAS REGRAS

Flash News. Dinis Lucas e Almeida Santos Sociedade de Advogados RL. ARI / Golden Visa NOVAS REGRAS Flash News Dinis Lucas e Almeida Santos Sociedade de Advogados RL Boutique law firm geral@dlas.pt www.dlas.com.pt 217 816 010 961 277 028 Av. Republica nº 50 7-A 1050-196 Lisboa ARI / Golden Visa NOVAS

Leia mais

GOLDEN VISA Junho 2013 AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA ATRAVÉS DE INVESTIMENTO EM PORTUGAL

GOLDEN VISA Junho 2013 AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA ATRAVÉS DE INVESTIMENTO EM PORTUGAL GOLDEN VISA Junho 2013 AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA ATRAVÉS DE INVESTIMENTO EM PORTUGAL Portugal já está a atribuir os Golden Residence Permit a cidadãos não- Europeus no caso de realização de determinados

Leia mais

GOLDEN VISA. Autorização de Residência INFORMAÇÃO LEGAL I. AUTORIZAÇÃ O DE RESIDÊNCIA PARA INVESTIDORES ESTRANGEIROS

GOLDEN VISA. Autorização de Residência INFORMAÇÃO LEGAL I. AUTORIZAÇÃ O DE RESIDÊNCIA PARA INVESTIDORES ESTRANGEIROS INFORMAÇÃO LEGAL GOLDEN VISA I. AUTORIZAÇÃ O DE RESIDÊNCIA PARA INVESTIDORES ESTRANGEIROS As disposições legais em vigor admitem a possibilidade de cidadãos estrangeiros não residentes na União Europeia

Leia mais

AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA ATIVIDADE DE INVESTIMENTO (ARI) PERGUNTAS MAIS FREQUENTES

AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA ATIVIDADE DE INVESTIMENTO (ARI) PERGUNTAS MAIS FREQUENTES AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA ATIVIDADE DE INVESTIMENTO (ARI) PERGUNTAS MAIS FREQUENTES 1. O que é o regime especial de Autorização de Residência para Atividade de Investimento (ARI)? O regime de ARI

Leia mais

REGIME AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA INVESTIMENTO

REGIME AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA INVESTIMENTO REGIME AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA INVESTIMENTO Despacho n.º 1661-A/2013, de 28 de janeiro de 2013 A Lei n.º 29/2012, de 9 de agosto, que alterou a Lei n.º 23/2007, de 4 de julho, que aprova o regime

Leia mais

Golden Visa. Autorização de Residência para Actividade de Investimento

Golden Visa. Autorização de Residência para Actividade de Investimento Golden Visa Autorização de Residência para Actividade de Investimento Índice I. Sobre a BR (Quem somos) 3 II. BR International Alliance (Presença no Estrangeiro) 3 III. Autorização de Residência para Actividade

Leia mais

GOLDEN RESIDENCE PERMIT PROGRAMME

GOLDEN RESIDENCE PERMIT PROGRAMME GOLDEN RESIDENCE PERMIT PROGRAMME OBTAINING A RESIDENCE PERMIT BY INVESTING IN PORTUGAL The recent changes to the legal rules on entry and stay of foreign nationals in Portugal have introduced (among other

Leia mais

Golden Visa Vistos Gold. Golden Visa Vistos Gold. dossiers. Public Finances and Debt Dívida e Finanças Públicas

Golden Visa Vistos Gold. Golden Visa Vistos Gold. dossiers. Public Finances and Debt Dívida e Finanças Públicas dossiers Public Finances and Debt Dívida e Finanças Públicas Last Update Última Actualização: Next Release Próxima Actualização Copyright 2014 Portugal Economy Probe PE Probe Prepared by PE Probe Preparado

Leia mais

ATRAIR INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PARA PORTUGAL

ATRAIR INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PARA PORTUGAL ATRAIR INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PARA PORTUGAL Os regimes dos Golden Visa e dos Residentes Não Habituais Enquadramento legal António Raposo Subtil / João Ricardo Nóbrega (Managing Partners RSA) ENQUADRAMENTO

Leia mais

Autorização de Permanência e Residência O Regime do Golden Visa

Autorização de Permanência e Residência O Regime do Golden Visa Autorização de Permanência e Residência O Regime do Golden Visa O Direito de Residência dos Cidadãos Europeus Qualquer cidadão da UE tem direito de residir em Portugal, por período até 3 meses, sendo titular

Leia mais

Golden Residence Permit Program BES IMÓVEIS AREA GESTÃO IMOBILIÁRIA

Golden Residence Permit Program BES IMÓVEIS AREA GESTÃO IMOBILIÁRIA Golden Residence Permit Program BES IMÓVEIS AREA GESTÃO IMOBILIÁRIA Em que consiste, razões para a existência do programa e benefício principal Quem pode beneficiar do programa Como beneficiar do programa

Leia mais

Autorização de Permanência e Residência

Autorização de Permanência e Residência Autorização de Permanência e Residência O Direito de Residência dos Cidadãos Europeus Qualquer cidadão da UE tem direito de residir em Portugal, por período até 3 meses, sendo titular de bilhete de identidade

Leia mais

@Telmo Miller GOLDEN VISA. Autorização de Residência para Actividade de Investimento

@Telmo Miller GOLDEN VISA. Autorização de Residência para Actividade de Investimento @Telmo Miller GOLDEN VISA Autorização de Residência para Actividade de Investimento ÍNDICE I. SOBRE A BR (QUEM SOMOS) 3 II. BR INTERNATIONAL ALLIANCE (PRESENÇA NO ESTRANGEIRO) 3 III. AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA

Leia mais

VISTOS GOLD NOVAS MODALIDADES ENTRAM. Novas modalidades: EM FUNCIONAMENTO

VISTOS GOLD NOVAS MODALIDADES ENTRAM. Novas modalidades: EM FUNCIONAMENTO VISTOS GOLD NOVAS MODALIDADES ENTRAM EM FUNCIONAMENTO Podem ser atribuídas Autorizações de Residência para Investimento a cidadãos de Estados terceiros i.e., que não pertençam ao Espaço Schengen, que exerçam

Leia mais

INSTRUÇÕES INSTRUCTIONS

INSTRUÇÕES INSTRUCTIONS INSTRUÇÕES INSTRUCTIONS DOCUMENTAÇÃO A APRESENTAR PELOS CANDIDATOS PARA AVALIAÇÃO Os candidatos devem apresentar para avaliação da candidatura a seguinte documentação: a) Prova da nacionalidade (BI, passaporte.);

Leia mais

AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA ACTIVIDADE DE INVESTIMENTO (ARI)

AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA ACTIVIDADE DE INVESTIMENTO (ARI) AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA ACTIVIDADE DE INVESTIMENTO (ARI) 投 资 与 移 民 门 道 是 专 门 提 供 投 资 与 移 民 服 务 的 独 立 咨 询 机 构 我 们 的 多 学 科 团 队 精 心 研 究, 旨 在 为 客 户 提 供 最 佳 的 商 业 战 略 和 国 际 投 资 方 案 INVESTIMENTO E EMIGRAÇÃO

Leia mais

ATRAIR INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PARA PORTUGAL OS REGIMES DOS GOLDEN VISA E DOS RESIDENTES NÃO HABITUAIS

ATRAIR INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PARA PORTUGAL OS REGIMES DOS GOLDEN VISA E DOS RESIDENTES NÃO HABITUAIS ATRAIR INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PARA PORTUGAL OS REGIMES DOS GOLDEN VISA E DOS RESIDENTES NÃO HABITUAIS ENQUADRAMENTO LEGAL Fontes utilizadas: www.sef.pt; www.portugal.gov.pt ENQUADRAMENTO LEGAL A autorização

Leia mais

Golden Visa. Autorização de Residência para Actividade de Investimento

Golden Visa. Autorização de Residência para Actividade de Investimento Golden Visa Autorização de Residência para Actividade de Investimento Índice I. Sobre a BR (Quem somos) 3 II. BR International Alliance (Presença no Estrangeiro) 3 III. Autorização de Residência para Actividade

Leia mais

Vistos Gold As Novas Regras das Autorizações de Residência para Investidores

Vistos Gold As Novas Regras das Autorizações de Residência para Investidores COELHO RIBEIRO E ASSOCIADOS SOCIEDADE CIVIL DE ADVOGADOS Vistos Gold As Novas Regras das Autorizações de Residência para Investidores CRA Coelho Ribeiro e Associados, SCARL Luís Moreira Cortez Teresa Fanico

Leia mais

Current Nationality Passport Nº Emitido em aos: / / Valido até: / /

Current Nationality Passport Nº Emitido em aos: / / Valido até: / / REPÚBLICA DE ANGOLA REPUBLIC OF ANGOLA MISSÃO CONSULAR DE ANGOLA EM SINGAPURA CONSULAR MISSION OF ANGOLA IN SINGAPORE PEDIDO DE VISTO/VISA APPLICATION TRÂNSITO Transit CURTA DURAÇÃO Brief Duration TURISMO

Leia mais

Perguntas & Respostas

Perguntas & Respostas Perguntas & Respostas 17 de Abril de 2008 Versão Portuguesa 1. O que é uma Certidão Permanente?...4 2. Como posso ter acesso a uma Certidão Permanente?...4 3. Onde posso pedir uma Certidão Permanente?...4

Leia mais

O N O V O R E G I M E D O S V I S T O S D O U R A D O S ( G O L D E N V I S A )

O N O V O R E G I M E D O S V I S T O S D O U R A D O S ( G O L D E N V I S A ) i N º 3 9 / 1 5 O N O V O R E G I M E D O S V I S T O S D O U R A D O S ( G O L D E N V I S A ) INTRODUÇÃO Atendendo à necessidade de atrair investimento estrangeiro para Portugal, o Governo criou, em

Leia mais

REPÚBLICA DE ANGOLA VISA APPLICATION FORM PEDIDO DE VISTO DE ENTRADA

REPÚBLICA DE ANGOLA VISA APPLICATION FORM PEDIDO DE VISTO DE ENTRADA Please complete the form in black ink. Check the boxes that apply and attach Invitation letter or information sent by individual or institution to be contacted in Angola Valid passport Two recent passport

Leia mais

IMMIGRATION Canada. Study Permit. São Paulo Visa Office Instructions. Table of Contents. For the following country: Brazil IMM 5849 E (04-2015)

IMMIGRATION Canada. Study Permit. São Paulo Visa Office Instructions. Table of Contents. For the following country: Brazil IMM 5849 E (04-2015) IMMIGRATION Canada Table of Contents Document Checklist Study Permit (disponible en Portuguese) Study Permit São Paulo Visa Office Instructions For the following country: Brazil This application is made

Leia mais

Casa de lenguas romances Romance Language House Reed Hall Application for Portuguese speakers

Casa de lenguas romances Romance Language House Reed Hall Application for Portuguese speakers Romance Language House Reed Hall Application for Portuguese speakers The current residents of the Casa de lenguas romances, along with the faculty of the Department of Spanish and Portuguese, invite you

Leia mais

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL EMBAIXADA DO BRASIL EM RIADE Informações gerais REGISTRO CONSULAR DE NASCIMENTO Atualizado em outubro de 2014 O registro de nascimento

Leia mais

LÉNIA LOPES ADVOGADA. Gaudium Sciendi, Número 4, Julho 2013 202

LÉNIA LOPES ADVOGADA. Gaudium Sciendi, Número 4, Julho 2013 202 Gaudium Sciendi, Número 4, Julho 2013 202 * A debilidade da economia em Portugal e sobretudo a estagnação do mercado imobiliário levaram o Governo, pela iniciativa do Ministro dos Negócios Estrangeiros

Leia mais

USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 USPTO No. 15143095 WORK PLAN FOR IMPLEMENTATION OF THE UNITED STATES PATENT AND

Leia mais

REPUBLIC OF ANGOLA EMBASSY OF ANGOLA IN THE UNITED STATES OF AMERICA CONSULAR SECTION

REPUBLIC OF ANGOLA EMBASSY OF ANGOLA IN THE UNITED STATES OF AMERICA CONSULAR SECTION REPUBLIC OF ANGOLA EMBASSY OF ANGOLA IN THE UNITED STATES OF AMERICA CONSULAR SECTION 2100-2108 16 TH STREET N.W., WASHINGTON, D.C. 20009 Tel: (202) 785-1156 Fax: (202) 452-1043 PEDIDO DE VISTO / VISA

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS RELATIVO À AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA INVESTIMENTO (ARI)

MANUAL DE PROCEDIMENTOS RELATIVO À AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA INVESTIMENTO (ARI) MANUAL DE PROCEDIMENTOS RELATIVO À AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA INVESTIMENTO (ARI) Índice Índice... 2 Glossário... 4 1. Organização do Processo... 7 Requerimento Inicial... 7 DOCUMENTOS RELATIVOS AO

Leia mais

IMMIGRATION Canada. Temporary Resident Visa. São Paulo Visa Office Instructions. Table of Contents. For the following country: Brazil

IMMIGRATION Canada. Temporary Resident Visa. São Paulo Visa Office Instructions. Table of Contents. For the following country: Brazil IMMIGRATION Canada Table of Contents Document Checklist Temporary Resident Visa (available in Portuguese) Temporary Resident Visa São Paulo Visa Office Instructions For the following country: Brazil This

Leia mais

INTERNATIONAL CRIMINAL COURT. Article 98 TREATIES AND OTHER INTERNATIONAL ACTS SERIES 04-1119

INTERNATIONAL CRIMINAL COURT. Article 98 TREATIES AND OTHER INTERNATIONAL ACTS SERIES 04-1119 TREATIES AND OTHER INTERNATIONAL ACTS SERIES 04-1119 INTERNATIONAL CRIMINAL COURT Article 98 Agreement between the UNITED STATES OF AMERICA and CAPE VERDE Signed at Washington April 16, 2004 NOTE BY THE

Leia mais

Português 207 Portuguese for Business

Português 207 Portuguese for Business Português 207 Portuguese for Business Spring 2012: Porugal and the EU Instructor: Jared Hendrickson Office: 1149 Van Hise Office Hours: Monday and Thursday, 11:00 am-12:00 pm e-mail: jwhendrickso@wisc.edu

Leia mais

REAL ESTATE MARKET IN BRAZIL

REAL ESTATE MARKET IN BRAZIL REAL ESTATE MARKET IN BRAZIL JOÃO CRESTANA President of Secovi SP and CBIC National Commission of Construction Industry SIZE OF BRAZIL Population distribution by gender, according to age group BRAZIL 2010

Leia mais

NOVA LEI DA IMIGRAÇÃO

NOVA LEI DA IMIGRAÇÃO 19 de Junho de 2007 NOVA LEI DA IMIGRAÇÃO Cláudia do Carmo Santos Advogada OBJECTIVOS Desburocratização de procedimentos Adequação da lei em vigor à realidade social Atracção de mão-de-obra estrangeira

Leia mais

FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO DE APOSENTADORIA POR INVALIDEZ APPLICATION FORM FOR BRAZILIAN DISABILITY BENEFIT

FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO DE APOSENTADORIA POR INVALIDEZ APPLICATION FORM FOR BRAZILIAN DISABILITY BENEFIT ACORDO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL ENTRE A REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL E O CANADÁ AGREEMENT ON SOCIAL SECURITY BETWEEN THE FEDERATIVE REPÚBLIC OF BRAZIL AND CANADA FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO DE APOSENTADORIA

Leia mais

REPÚBLICA DE ANGOLA CONSULADO GERAL EM NOVA YORK

REPÚBLICA DE ANGOLA CONSULADO GERAL EM NOVA YORK REPÚBLICA DE ANGOLA CONSULADO GERAL EM NOVA YORK Please attach your photograph here VISA REQUIREMENT FORM Please complete this form in black ink Your current passport and Tick the appropriate box with

Leia mais

PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores

PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores THIS PROGRAM AIMS TO TOAST OUR CUSTOMERS WITH THE OPPORTUNITY TO DISCOVER AND EXPLORE THE FAIAL AND S. JORGE ISLANDS. WE HAVE A WIDE RANGE OF CULTURAL

Leia mais

MEMORANDUM OF UNDERSTANDING BETWEEN THE COMPETENT AUTHORITIES OF THE PORTUGUESE REPUBLIC AND THE GOVERNMENT OF JERSEY

MEMORANDUM OF UNDERSTANDING BETWEEN THE COMPETENT AUTHORITIES OF THE PORTUGUESE REPUBLIC AND THE GOVERNMENT OF JERSEY MEMORANDUM OF UNDERSTANDING BETWEEN THE COMPETENT AUTHORITIES OF THE PORTUGUESE REPUBLIC AND THE GOVERNMENT OF JERSEY The Competent Authorities of the Portuguese Republic and the Government of Jersey in

Leia mais

IN RE: GUARDIAN ADVOCATE OF/ REF: CURATELA ESPECIAL DE

IN RE: GUARDIAN ADVOCATE OF/ REF: CURATELA ESPECIAL DE IN THE CIRCUIT COURT FOR ORANGE COUNTY, FLORIDA PROBATE DIVISION IN RE: GUARDIAN ADVOCATE OF/ REF: CURATELA ESPECIAL DE Case No / N o do Caso: ANNUAL GUARDIAN ADVOCATE REPORT ANNUAL GUARDIAN ADVOCATE PLAN

Leia mais

RECOMENDAÇÕES DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA ENTIDADE REGULADORA DA SAÚDE

RECOMENDAÇÕES DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA ENTIDADE REGULADORA DA SAÚDE RECOMENDAÇÕES DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA ENTIDADE REGULADORA DA SAÚDE Considerando as atribuições e incumbências da Entidade Reguladora da Saúde (ERS) tal como definidas nos n. os 2 e 3 do artigo

Leia mais

Drug registration in Brazil and inspectional framework

Drug registration in Brazil and inspectional framework Drug registration in Brazil and inspectional framework Registro de medicamentos no Brasil e cenário de inspeções internacionais September 2012 José Alexandre Buaiz Neto Drug types recognized by ANVISA

Leia mais

VISA REQUIREMENTS APPLY TO NATIONALS OF ALL COUNTRIES RESIDING IN THE UK ORDINARY VISA REQUIREMENTS

VISA REQUIREMENTS APPLY TO NATIONALS OF ALL COUNTRIES RESIDING IN THE UK ORDINARY VISA REQUIREMENTS REPUBLIC OF ANGOLA Consular Section of the Embassy in The United Kingdom of Great Britain and rthern Ireland 22 Dorset Street London W1U 6QY Tel: 0044 (207) 299 9850 - Fax: 0044 (207) 2999888 E-mail:consulado@angola.org.uk

Leia mais

Erasmus Student Work Placement

Erasmus Student Work Placement Erasmus Student Work Placement EMPLOYER INFORMATION Name of organisation Address Post code Country SPORT LISBOA E BENFICA AV. GENERAL NORTON DE MATOS, 1500-313 LISBOA PORTUGAL Telephone 21 721 95 09 Fax

Leia mais

Isa Silveira Financial Solutions Manager

Isa Silveira Financial Solutions Manager Isa Silveira Financial Solutions Manager Agenda Cisco Capital: New way to do business easylease Low Rate Financing Let s Start Working Together Cisco Confidential 2 Locação Operacional - Financiamento

Leia mais

Formulário para Visto Visa Application Form

Formulário para Visto Visa Application Form CONSULATE GENERAL OF INDIA São Paulo Brazil Av. Paulista, 925 7º Andar CEP 01311-100 São Paulo/SP Telefone: (11) 3171-0340 / Fax: (11) 3171-0342 www.indiaconsulate.org.br Formulário para Visto Visa Application

Leia mais

75, 8.º DTO 1250-068 LISBOA

75, 8.º DTO 1250-068 LISBOA EAbrief: Medida de incentivo ao emprego mediante o reembolso da taxa social única EAbrief: Employment incentive measure through the unique social rate reimbursement Portaria n.º 229/2012, de 03 de Agosto

Leia mais

Guião A. Descrição das actividades

Guião A. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Ponto de Encontro Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO

Leia mais

ST. PAUL S SCHOOL. To be considered Charity of the Year applicants should meet the following requirements:

ST. PAUL S SCHOOL. To be considered Charity of the Year applicants should meet the following requirements: ST. PAUL S SCHOOL CHARITY OF THE YEAR APPLICATION FORM How to apply for funding 1. Application - Requirements and Conditions To be considered Charity of the Year applicants should meet the following requirements:

Leia mais

PEDIDO DE VISTO APPLICATION FOR VISA

PEDIDO DE VISTO APPLICATION FOR VISA Página/Page 1 EMBAIXADA DA REPÚBLICA DE ANGOLA EM SINGAPURA TRÂNSITO Transit PEDIDO DE VISTO APPLICATION FOR VISA CURTA DURAÇÃO Short-term Visa FOTOGRAFIA Picture TURISMO Tourism ORDINÁRIO Ordinary visa

Leia mais

NOVAS VANTAGENS NEW BENEFITS

NOVAS VANTAGENS NEW BENEFITS NOVO PREMIUM O SEU CARTÃO DE SAÚDE YOUR HPA HEALTH GROUP CARD NOVAS VANTAGENS BENEFITS Oferta de Check-Up Básico anual Oferta de Check-Up Dentário anual Descontos entre 10% e 30% nos serviços do Grupo

Leia mais

Portugal num mundo em mudança TROCA DE INFORMAÇÕES BANCÁRIAS, RESIDÊNCIA FISCAL E OUTROS TEMAS

Portugal num mundo em mudança TROCA DE INFORMAÇÕES BANCÁRIAS, RESIDÊNCIA FISCAL E OUTROS TEMAS Portugal num mundo em mudança TROCA DE INFORMAÇÕES BANCÁRIAS, RESIDÊNCIA FISCAL E OUTROS TEMAS Porquê Portugal? Portugal é um país dinâmico, seguro, com uma taxa de criminalidade baixa, trabalhadores altamente

Leia mais

FONTE Aviso do Ministério dos Negócios Estrangeiros (Diário do Governo, I Série n.º 108, p. 493)

FONTE Aviso do Ministério dos Negócios Estrangeiros (Diário do Governo, I Série n.º 108, p. 493) DATA 27.4.1963 FONTE Aviso do Ministério dos Negócios Estrangeiros (Diário do Governo, I Série n.º 108, p. 493) SUMÁRIO Torna público ter sido concluído em Camberra um acordo entre o governo português

Leia mais

Vantagem de Adesão AMERICAN SOCIETY OF PLASTIC SURGEONS Como se Tornar um Membro Internacional:

Vantagem de Adesão AMERICAN SOCIETY OF PLASTIC SURGEONS Como se Tornar um Membro Internacional: Vantagem de Adesão AMERICAN SOCIETY OF PLASTIC SURGEONS Como se Tornar um Membro Internacional: Se você está ativamente envolvido na prática da Cirurgia Plástica ou Reconstrutiva por menos de três (3)

Leia mais

** PESSOA SINGULAR ** 1. SE OPTAR POR EFETUAR O DESPACHO DIRETAMENTE JUNTO DA AUTORIDADE TRIBUTÁRIA E ADUANEIRA ALFÂNDEGA

** PESSOA SINGULAR ** 1. SE OPTAR POR EFETUAR O DESPACHO DIRETAMENTE JUNTO DA AUTORIDADE TRIBUTÁRIA E ADUANEIRA ALFÂNDEGA ** PESSOA SINGULAR ** 1. SE OPTAR POR EFETUAR O DESPACHO DIRETAMENTE JUNTO DA AUTORIDADE TRIBUTÁRIA E ADUANEIRA ALFÂNDEGA Se é uma Pessoa Singular, e quer optar por efetuar o despacho diretamente junto

Leia mais

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO

CARLA ALEXANDRA SEVES DE ANDRADE CANOTILHO Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico da Guarda R E L AT Ó R I O D E AT I V I D A D E P R O F I S S I O N A L N A J. V A R G A S - G A B I N E T E T É C N I C O D E G E S T Ã O E

Leia mais

Redução da carga fiscal Aplicação das Convenções de Dupla Tributação aos fundos de investimento e de pensões

Redução da carga fiscal Aplicação das Convenções de Dupla Tributação aos fundos de investimento e de pensões Redução da carga fiscal Aplicação das Convenções de Dupla Tributação aos fundos de investimento e de pensões Conferência Soluções para a Competitividade Fiscal Ricardo da Palma Borges ricardo@ricardodapalmaborges.com

Leia mais

Imigração em Portugal Enquadramento Legal Folheto Informativo

Imigração em Portugal Enquadramento Legal Folheto Informativo Imigração em Portugal Enquadramento Legal Folheto Informativo Lei de Imigração Viver em Portugal Quais os requisitos de entrada em Portugal? Para entrar em Portugal os estrangeiros devem: 1. Ser portadores

Leia mais

Nacionalidade Portuguesa Folheto Informativo

Nacionalidade Portuguesa Folheto Informativo Nacionalidade Portuguesa Folheto Informativo Lei da Nacionalidade Portuguesa Lei nº 37/81, de 3 de Outubro, com as alterações introduzidas pela Lei nº 25/94, 19 de Agosto Regulamento da Nacionalidade Portuguesa

Leia mais

DATE July 04 th and 05 th, 2009. VENUE Ginásio Gilberto Cardoso Maracanãzinho Rua Professor Eurico Rabelo, S/Nr. Rio de Janeiro/RJ Brasil

DATE July 04 th and 05 th, 2009. VENUE Ginásio Gilberto Cardoso Maracanãzinho Rua Professor Eurico Rabelo, S/Nr. Rio de Janeiro/RJ Brasil DATE July 04 th and 05 th, 2009. VENUE Ginásio Gilberto Cardoso Rua Professor Eurico Rabelo, S/Nr Rio de Janeiro RJ Brazil ORGANIZER Confederação Brasileira de Judô Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro

Leia mais

Searching for Employees Precisa-se de Empregados

Searching for Employees Precisa-se de Empregados ALIENS BAR 1 Searching for Employees Precisa-se de Empregados We need someone who can prepare drinks and cocktails for Aliens travelling from all the places in our Gallaxy. Necessitamos de alguém que possa

Leia mais

ARI AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA ATIVIDADE DE INVESTIMENTO GOLDEN VISAS ESPECIALISTA IMOBILÁRIO EUROPEU

ARI AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA ATIVIDADE DE INVESTIMENTO GOLDEN VISAS ESPECIALISTA IMOBILÁRIO EUROPEU ARI AUTORIZAÇÃO DE RESIDÊNCIA PARA ATIVIDADE DE INVESTIMENTO GOLDEN VISAS ESPECIALISTA IMOBILÁRIO EUROPEU Introdução No ano de 2012, com o objetivo de atrair investimento estrangeiro e aquecer a economia,

Leia mais

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra Mr. Mayor of Sintra

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra Mr. Mayor of Sintra 1/5 REGISTO DE CIDADÃO DA UNIÃO EUROPEIA / REGISTO DE FAMILIAR DE CIDADÃO DA UNIÃO EUROPEIA APPLICATION TO REGISTER A CITIZEN OF THE EUROPEAN UNION / APPLICATION TO REGISTER A FAMILY MEMBER OF A CITIZEN

Leia mais

Intellectual Property. IFAC Formatting Guidelines. Translated Handbooks

Intellectual Property. IFAC Formatting Guidelines. Translated Handbooks Intellectual Property IFAC Formatting Guidelines Translated Handbooks AUTHORIZED TRANSLATIONS OF HANDBOOKS PUBLISHED BY IFAC Formatting Guidelines for Use of Trademarks/Logos and Related Acknowledgements

Leia mais

GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO

GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO PROJECTO PROVAS EXPERIMENTAIS DE EXPRESSÃO ORAL DE LÍNGUA ESTRANGEIRA - 2005-2006 Ensino Secundário - Inglês, 12º ano - Nível de Continuação 1 1º Momento GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO

Leia mais

Interface between IP limitations and contracts

Interface between IP limitations and contracts Interface between IP limitations and contracts Global Congress on Intellectual Property and the Public Interest Copyright Exceptions Workshop December 16, 9-12:30 Denis Borges Barbosa The issue Clause

Leia mais

Incentivos fiscais à reabilitação urbana e legislação relacionada. Tatiana Cardoso Dia 18 de Setembro de 2013 Lisboa

Incentivos fiscais à reabilitação urbana e legislação relacionada. Tatiana Cardoso Dia 18 de Setembro de 2013 Lisboa Incentivos fiscais à reabilitação urbana e legislação relacionada Tatiana Cardoso Dia 18 de Setembro de 2013 Lisboa Incentivos fiscais à Reabilitação Urbana e Nova Lei das Rendas Introdução Como instrumento

Leia mais

I SOCIETÁRIO LEGAL FLASH. LEGAL FLASH I 14 de AGOSTO, 2012

I SOCIETÁRIO LEGAL FLASH. LEGAL FLASH I 14 de AGOSTO, 2012 LEGAL FLASH I SOCIETÁRIO LEGAL FLASH I 14 de AGOSTO, 2012 Lei n.º 29/2012, de 9 de Agosto Novo Regime de Autorização de Residência para Estrangeiros Investidores 2 LEI N.º 29/2012 NOVO REGIME DE AUTORIZAÇÃO

Leia mais

ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS

ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS ESTRUTURA DE CAPITAL: UMA ANÁLISE EM EMPRESAS SEGURADORAS THE CAPITAL STRUCTURE: AN ANALYSE ON INSURANCE COMPANIES FREDERIKE MONIKA BUDINER METTE MARCO ANTÔNIO DOS SANTOS MARTINS PAULA FERNANDA BUTZEN

Leia mais

ÍNDICE PORTUGUÊS INDEX ENGLISH

ÍNDICE PORTUGUÊS INDEX ENGLISH ÍNDICE PORTUGUÊS 1. Características... 2 2. Conteúdo da Embalagem... 3 3. Como usar o Receptor de TV Digital... 3 4. Tela de Vídeo... 6 5.Requisitos Mínimos... 6 6. Marcas Compatíveis... 8 INDEX ENGLISH

Leia mais

Consultoria em Direito do Trabalho

Consultoria em Direito do Trabalho Consultoria em Direito do Trabalho A Consultoria em Direito do Trabalho desenvolvida pelo Escritório Vernalha Guimarães & Pereira Advogados compreende dois serviços distintos: consultoria preventiva (o

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE CONTRATO PARA EMPREGADOS DOMÉSTICOS NOS ESTADOS UNIDOS

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE CONTRATO PARA EMPREGADOS DOMÉSTICOS NOS ESTADOS UNIDOS INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE CONTRATO PARA EMPREGADOS DOMÉSTICOS NOS ESTADOS UNIDOS Candidatos a visto de empregados domésticos, acompanhantes, e/ou empregados contratados por diplomatas em missão estrangeira,

Leia mais

Errata ICB Cadastramento do Patrimônio Adendo 01 ao Edital PRÓ-GESTÃO/BIRD/001/2011

Errata ICB Cadastramento do Patrimônio Adendo 01 ao Edital PRÓ-GESTÃO/BIRD/001/2011 Errata ICB Cadastramento do Patrimônio Adendo 01 ao Edital PRÓ-GESTÃO/BIRD/001/2011 Errata 1: Seção II Folha de Dados da Licitação (FDL) Pág. 28 Cláusula 5.5 letra (d): Coordenador Geral: Diploma de Engenheiro

Leia mais

Guia Fiscal 2012. Índice. Informação Fiscal 7. Região Autónoma da Madeira. Imposto sobre o rendimento das pessoas singulares (IRS)

Guia Fiscal 2012. Índice. Informação Fiscal 7. Região Autónoma da Madeira. Imposto sobre o rendimento das pessoas singulares (IRS) Guia Fiscal 2012 Guia Fiscal 2012 Índice Informação Fiscal 7 Região Autónoma da Madeira 59 Imposto sobre o rendimento das pessoas singulares (IRS) 14 Desvalorizações excepcionais de elementos do activo

Leia mais

ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA DE TROCA DE OBRIGAÇÕES PELO BANIF BANCO INTERNACIONAL DO FUNCHAL, S.A. ( BANIF )

ANÚNCIO DE LANÇAMENTO DE OFERTA PÚBLICA DE TROCA DE OBRIGAÇÕES PELO BANIF BANCO INTERNACIONAL DO FUNCHAL, S.A. ( BANIF ) Banif Banco Internacional do Funchal, S.A. Sede Social: Rua de João Tavira, n.º 30, 9004-509 Funchal, Portugal Capital Social: 780.000.000 Euros Matriculado na Conservatória do Registo Comercial do Funchal

Leia mais

Erasmus Students ADMISSION PROCEDURES AND ERASMUS STUDENTS REGISTRATION PROCEDURES OF HOST COUNTRY DOCUMENTS NEEDED BEFORE DEPARTURE

Erasmus Students ADMISSION PROCEDURES AND ERASMUS STUDENTS REGISTRATION PROCEDURES OF HOST COUNTRY DOCUMENTS NEEDED BEFORE DEPARTURE EN Erasmus Students ADMISSION PROCEDURES AND ERASMUS STUDENTS REGISTRATION PROCEDURES OF HOST COUNTRY All foreign students, except for the European Union Students, need a permit to stay in Portugal. However,

Leia mais

HOW DO YOU BECOME A LAWYER IN BRAZIL?

HOW DO YOU BECOME A LAWYER IN BRAZIL? HOW DO YOU BECOME A LAWYER IN BRAZIL? Doing Business in Brazil: Pathways to Success, Innovation and Access under the Legal Framework Keynote Speaker: Mr. José Ricardo de Bastos Martins Partner of Peixoto

Leia mais

EXHIBITION APPLICATION FORM

EXHIBITION APPLICATION FORM ENTITY DATA: Entity Name [ for invoice ]: Name of Stand * : Website: Address: City: Postal Code: Country: _ VAT Reg..**: Your Purchase Order.: Contact Person: Mr. Mrs. Last Name: First Name: Work Phone:

Leia mais

www.pwc.com.br The PECEX Method

www.pwc.com.br The PECEX Method www.pwc.com.br The PECEX Method Comparison between Brazil and OECD approach Main aspects of Brazilian TP rules as compared with OCDE Guidelines: Sixth Method Few countries adopt the Sixth Method for commodities,

Leia mais

Registration Form - 2013 - ALL - AMÉRICA LATINA LOGISTICA S.A. Version : 3

Registration Form - 2013 - ALL - AMÉRICA LATINA LOGISTICA S.A. Version : 3 Index: Company s Profile ALL AMÉRICA LATINA LOGÍSTICA S.A. Corporate Taxpayers ID (CNPJ/MF) 02.387.241/0001-60 Companies Registry (NIRE) 413 00 019886 Publicly-held Company REGISTRATION FORM General Information

Leia mais

P O R T U G A L - G U I A F I S C A L D O I M O B I L I Á R I O

P O R T U G A L - G U I A F I S C A L D O I M O B I L I Á R I O i P O R T U G A L - G U I A F I S C A L D O I M O B I L I Á R I O INTRODUÇÃO O presente documento tem como objectivo salientar as principais características do regime fiscal aplicável ao património imobiliário

Leia mais

Please do not hesitate to contact us should you need further information on this issue.

Please do not hesitate to contact us should you need further information on this issue. Norma Regulamentar n.º 16/2010-R, de 11 de Novembro, emitida pelo Instituto de Seguros de Portugal A presente Norma Regulamentar regula os procedimentos de registo, junto do Instituto de Seguros de Portugal

Leia mais

Residentes Não Habituais em Portugal ENQUADRAMENTO E CONDIÇÕES

Residentes Não Habituais em Portugal ENQUADRAMENTO E CONDIÇÕES Residentes Não Habituais em Portugal ENQUADRAMENTO E CONDIÇÕES 1 The lawyers provide an excellent level of attention to the client and demonstrate a superb knowledge of the market and the latest legislation.

Leia mais

Angola Tourist visa Application

Angola Tourist visa Application Angola Tourist visa Application IMPORTANT: Please enter your contact information Name: Email: Tel: Mobile: The latest date you need your passport returned in time for your travel: Angola tourist visa checklist

Leia mais

106 BANCO DE PORTUGAL Boletim Estatístico

106 BANCO DE PORTUGAL Boletim Estatístico 106 BANCO DE PORTUGAL Boletim Estatístico B.7.1.1 Taxas de juro sobre novas operações de empréstimos (1) concedidos por instituições financeiras monetárias a residentes na área do euro (a) Interest rates

Leia mais

AVISO DE EVENTO CORPORATIVO: BANIF BCO INTER DO FUNCHAL SA

AVISO DE EVENTO CORPORATIVO: BANIF BCO INTER DO FUNCHAL SA AVISO DE EVENTO CORPORATIVO: Aviso BANIF BCO INTER DO FUNCHAL SA LOCALIZACAO: Lisbon N DE AVISO: LIS_20130927_00754_EUR DATA DE DISSEMINACAO: 27/09/2013 MERCADO: EURONEXT LISBON AVISO DA REALIZAÇÃO DA

Leia mais

Proposta de Criação do Mestrado em Gestão Logística. III - Informação Relativa ao Suplemento ao Diploma

Proposta de Criação do Mestrado em Gestão Logística. III - Informação Relativa ao Suplemento ao Diploma Proposta de Criação do Mestrado em Logística III - Informação Relativa ao Suplemento ao Diploma De acordo com o Despacho RT 41/2005 de 19 de Setembro Universidade do Minho Escola de Economia e Departamento

Leia mais

IATA TRAVEL AGENT CHANGE GUIDE. Portugal. 2015 Change Guide International Air Transport Association 1

IATA TRAVEL AGENT CHANGE GUIDE. Portugal. 2015 Change Guide International Air Transport Association 1 IATA TRAVEL AGENT CHANGE GUIDE Portugal 2015 Change Guide International Air Transport Association 1 CHECK LIST Change of Shareholding - Alteração de Accionistas Abaixo encontram-se mencionados os documentos

Leia mais

Regulations of the Degrees Conferred by the University of Macau

Regulations of the Degrees Conferred by the University of Macau Regulations of the Degrees Conferred by the University of Macau Article 1 Degrees 1. The University of Macau (hereinafter referred to as UM) may confer bacharelatos, bachelor s degrees, master s degrees,

Leia mais

REPÚBLICA DE ANGOLA PEDIDO DE VISTO / VISA APPLICATION TRANSITO TRANSIT CURTA DURAÇÃO SHORT TERM ORDINARIO ORDINARY. Apelidos: Last Name: Data:

REPÚBLICA DE ANGOLA PEDIDO DE VISTO / VISA APPLICATION TRANSITO TRANSIT CURTA DURAÇÃO SHORT TERM ORDINARIO ORDINARY. Apelidos: Last Name: Data: DIP LOMÁTICO DIP LOMATIC OFICIAL OFFICIAL me: Name: Estado Civil Marital Status Data de Nascimento: Date of Birth: País de Nascimento: Country of Birth: Nacionalidade Actual: Current Nationality: Emitido

Leia mais

MINISTÉRIO DO TRABALHO E DA SOLIDARIEDADE SOCIAL

MINISTÉRIO DO TRABALHO E DA SOLIDARIEDADE SOCIAL Diário da República 1.ª série N.º 84 30 de Abril de 2009 2503 3 Either Party may terminate this Treaty at any time by notice in writing to the other Party through diplomatic channels. The termination shall

Leia mais

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt.

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. NORMAS PARA AUTORES As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. COPYRIGHT Um artigo submetido à Revista Portuguesa

Leia mais

Consulado-Geral do Brasil em Londres Processo licitatório para serviços de manutenção de rede

Consulado-Geral do Brasil em Londres Processo licitatório para serviços de manutenção de rede Consulado-Geral do Brasil em Londres Processo licitatório para serviços de manutenção de rede O Consulado-Geral do Brasil em Londres receberá, até 10 de janeiro de 2014, propostas de empresas interessadas

Leia mais

VAI PERMUTAR A SUA CASA? PRESTE ATENÇÃO AO SEGUINTE!

VAI PERMUTAR A SUA CASA? PRESTE ATENÇÃO AO SEGUINTE! VAI PERMUTAR A SUA CASA? PRESTE ATENÇÃO AO SEGUINTE! As normas da compra e venda são aplicáveis aos outros contratos onerosos pelos quais se alienam bens ou se estabeleçam encargos sobre eles, na medida

Leia mais

Lei nº 37/81, de 3 de Outubro

Lei nº 37/81, de 3 de Outubro Lei nº 37/81, de 3 de Outubro TÍTULO I Atribuição, aquisição e perda da nacionalidade CAPÍTULO I Atribuição da nacionalidade Artigo 1.o Nacionalidade originária 1 São portugueses de origem: a) Os filhos

Leia mais

A. Situação / Situation

A. Situação / Situation A. Situação / Situation A Assembleia Mundial da Saúde (OMS) aprova em 1969 o Regulamento Sanitário Internacional, revisto pela quarta vez em 2005. Esta última versão entrou em vigor no plano internacional

Leia mais

Trabalho de Compensação de Ausência - 1º Bimestre

Trabalho de Compensação de Ausência - 1º Bimestre Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio Regular. Rua Cantagalo 313, 325, 337 e 339 Tatuapé Fones: 2293-9393 e 2293-9166 Diretoria de Ensino Região LESTE 5 Trabalho de Compensação de Ausência

Leia mais

TAX & BUSINESS O C E N T R O I N T E R N A C I O N A L D E N E G Ó C I O S D A M A D E I R A ( D E S E N V O L V I M E N T O S R E C E N T E S )

TAX & BUSINESS O C E N T R O I N T E R N A C I O N A L D E N E G Ó C I O S D A M A D E I R A ( D E S E N V O L V I M E N T O S R E C E N T E S ) i N º 1 6 / 1 5 O C E N T R O I N T E R N A C I O N A L D E N E G Ó C I O S D A M A D E I R A ( D E S E N V O L V I M E N T O S R E C E N T E S ) (CINM) O CINM, a que corresponde a Zona Franca da Região

Leia mais

Guião M. Descrição das actividades

Guião M. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Inovação Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do trabalho Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO Guião M Intervenientes

Leia mais