Telecom Italia TIM Brasil Plano Plano

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Telecom Italia TIM Brasil Plano 2012 2014 Plano 2012 14"

Transcrição

1 Telecom Italia TIM Brasil Plano LUCA LUCIANI

2 Limitação de Responsabilidade Este documento pode incluir declarações prospectivas. Essas declarações não são declarações de fatos históricos e refletem crenças e expectativas da administração da Empresa. As palavras "antecipa, "acredita, "estima, "espera, "prevê, "planeja, "prediz, "projeta, "objetiva" e palavras similares pretendem identificar essas declarações, que envolvem necessariamente riscos e incertezas conhecidos e desconhecidos, previstos ou não, pela Empresa. Portanto, os resultados operacionais futuros da Empresa podem diferir das atuais expectativas e os leitores não devem basear suas considerações exclusivamente nas informações aqui contidas. Estas declarações prospectivas refletem somente opiniões na data em que foram feitas e a Empresa não é obrigada a atualizá las à luz de novas informações ou desenvolvimentos futuros. LUCA LUCIANI 1

3 Agenda Resultados da TIM Brasil em 2011 Plano da TIM Brasil Perspectivas LUCA LUCIANI 2

4 Três Anos em Síntese: Acelerando o Crescimento e a Rentabilidade Milhões de linhas Adições Líquidas Base de Clientes Expansão da Base de Clientes 3x 13,1 R$ Bi 9,9 Cresci. da 4,7 Receita Líq. 64,1 A/A 51,0 41,1 Total +56% Revenues 0% 13,7 Crescimento da Receita +5% 14,5 +25% +18% 17,1 Empresa com maior crescimento Market share % linhas Liderando o R$ Bi 34% 33% crescimento Market pelo 2º ano share 20% consecutivo incremental 26,5% EBIT Market share 23,6% 25,1% De volta ao nº2 EBITDA-CAPEX EBITDA, EBIT, EBITDA-CAPEX 0,5 0,82 4x 1,2 1,36 2x 1,64 2, EBITDA 3,5 4,2 4,6 LUCA LUCIANI 3

5 Dois Mercados, Uma abordagem: Simplicidade Voice is Good Internet para todos Volume Total de Tráfego de Voz Bilhões de minutos 2x 62,5 86,7 Push on FMS Exemplo: Infinity Web (Usuários únicos diários de internet - Pré pago(mi)) 9x >15Mln de usuários únicos por mês (Pré+Pós) 2,7 38,1 0, Receita de Voz 2011 Surfando a Simplicidade Ago 10 Receita de Dados Receita Bruta de Voz Sainte Receita Bruta de Dados +49%A/A (R$ Bilhões) (R$ bilhões) crescimento +34% 13,4 +67% 3,2 de dados no 4T11 11,3 2,2 10,0 1,9 Dez Liderando o mercado de voz com apenas 2 conceitos: Infinity e Liberty (voz e Internet) LUCA LUCIANI 4

6 Eficiência na Abordagem ao Mercado (i.e.: Pós Pago) Base de Clientes Pós Paga PDD e SAC/ARPU Mln linhas % Receita, meses 0,6 0,7 0,3 0,3 0,2 0,2 0,2 0,3 2,00% Net 1,83% PDD 1,34% Adds 1,04% 0,77% 1,08% 0,95% 0,92% ,1 2,6 2,3 Base +24.5% SAC/ 1,5 1,8 1,6 1,7 Assin. A/A 1,3 ARPU 1T10 2T10 3T10 4T10 1T11 2T11 3T11 4T11 1T10 2T10 3T10 4T10 1T11 2T11 3T11 4T11 Reclamações/1.000 Contas Indicado SMP 11 da Anatel* Receita de Produtos e Capitalização do Subsídio R$ Milhões 1,61 1,85 1,91 1,55 1,17 1,11 1,53 1,47 1,69 1,63 1,10 0,76 Jan 11 Mai 11 Set 11 Dez 11 Rec. de Produtos Subsídio Capitalizado T10 2T10 3T10 4T10 1T11 2T11 3T11 4T11 *Atendimentos relativos a problemas de faturamento LUCA LUCIANI 5

7 Agenda Resultados da TIM Brasil em 2011 Plano da TIM Brasil Perspectivas LUCA LUCIANI 6

8 Contínua remodelação do Mercado Brasileiro de Telecom Transformação do Mercado R$ Bilhões Fixo Móvel 59 (56%) 47 (44%) 60 (52%) 55 (48%) 55 (43%) 71 (57%) 53 (40%) 81 (60%) Vantagens de uma Pure Mobile Relação de Móvel sobre fixa: 60/40 em 2016 Forçar substituição i fixomóvel (voz) Competição da Internet Móvel vs. <2 Mbps de banda larga fixa Voice is Good (Forçando a Substituição Fixo-Movel) Fixo Móvel Alocação de Capital Capacidade 2G Aquisição da Intelig Internet para todos LUCA LUCIANI Fixo Móvel G Coverage TIM Fiber Acquisition (AES Atimus)

9 Capacidade limitada de Banda Larga das operadoras cria 3 oportunidades para TIM % de acessos fixos 100% Preço por minuto 1. SFM Voz Fixo ~70% Móvel 30% Total de Acessos Fixos 80% 24%~ ~6% 20% Somente Vox BB <2Mbps >2Mbps Velocidade Nominal Velocidade Nominal Milhões de clientes 2. SFM Dados 3. TIM Fiber TIM usuários únicos mensais (Pré Pago) Penetração Smartphone 10% 27% Ataque seletivo ao ADSL das operadoras fixas via Naked VDSL ultra BB suportado pela rede de Fibra Ótica de 5.500km entre RJ/SP LUCA LUCIANI 8

10 Forte Expansão da Internet ( Internet para Todos ) Um grande mercado potencial Com alto desejo de uso/comprar Mas, enorme frustração com linha fixa Milhões de Usuários de Internet Brasileiros 195 Famílias Brasileiras Milhões de assinantes Melhor se Exposto a Novo ajusta ao Banda larga C+D SFM Mercado 100% móvel também 117 em dados Mercado Existente 54 Possui acesso próprio 24 Utiliza mas não possui Não utiliza (Até agora) Total Usuários não possuem % das famílias que 80% 60% Fixo C+D 40% Móvel C+D Banda larga A+B Concentrado 20% na principais cidades (RJ+SP) 0% 5% 10% 15% 20% 25% 30% % das famílias com intenção de compra 20% Banda Larga (>2 Mbps) 80% Banda Estreita (< 2Mbps) 15,5 Total de Acessos com Fio Aquisição da AES Atimus permite a TIM oferecer a experiência de Internet para Todos A última experiência em dados móvel (através do projeto FiberToTheSite) Liberty Web Substituição do internet Café para mirar o potencial da Classe C Infinity Web experiência da Ultra Banda Larga para o Residencial e Corporativo (Fixa) TIM Fiber LUCA LUCIANI 9

11 A abordagem da nova rede integrada ( Alavancando a base de fibra ótica da AES Atimus ) Fibra ate o Site/Antena (Evolução 3G+) Fibra ate o Site nas 42 principais cidades (alta capacidade) 3 Carriers por antena (otimização do spectrum) Upgrade para 21 Mbps (HSPA+) dos Node-B existentes Liberty Web Wi-Fi offload (e.g. Rocinha) 10 mil hot spots semi públicos Exemplo da Rocinha e dos 5 principais aeroportos Roteiro para ir além de hot spots ao final de 2012 e até 2014 Infinity Web LUCA LUCIANI 300 Mb Identificação/Billing baseado no SIM SIM Simples para identificar e cobrar WiFi Underlay 100MB 50 Mb MBB Overlay 3 Carriers por antena 3 sub-carriers de 21 MB cada* Total Disponível= 360MB 200 portas <R$500/Famílias Ligação em Cobre ou Fibra Alta capilaridade da rede aérea baseada em fibra (~250 metros até o domicilio) Flexibilidade: ligação rápida até a construção Utilização da rede interna existente TIM Fiber 10

12 Wi-fi Off-load suportando a Internet t para Todos Ex. da Rocinha Opção 1: Adicionando uma Estação Radio base Opção 2: Cobertura com WiFi TIM BTS TIM BTS Um BTS adicional Throughout : 201 Mbps 25 pontos de acesso Distância média: 200m Throughput: 5Ghz TIM BTS TIM BTS TIM BTS Desempenho: p 5,000 conexões simultâneas 1-2 Mbps por usuário Capex Resultados Alcançados R$ e R$ por MBps ~ 300 K 54% Redução do CAPEX ~ Mbps Redução do time to market ~ 137 K 7X ~ 200 Mbps Redução dos custos operacionais Aumento da experiência/velocidade do cliente Execução do Internet para Todos LAN Houses já reduziram em 25% Fortalecimento da imagem com o governo local e federal LUCA LUCIANI 11

13 Agenda Resultados da TIM Brasil em 2011 Plano da TIM Brasil Perspectivas LUCA LUCIANI 12

14 Motores do Crescimento CAGR mi de linhas 3 Ondas de Crescimento 200 mou 25% Incidência de VAS Expansão da Comunidade SFM (Voz) Internet para todos Crescimento da Receita R$ Bilhões XX% 17,1 13,8 14,5 Receita Total 12,8 13,6 15,3 Fixo 0,6 0,7 0,8 Receita de Serviços 12,2 12,9 14,5 Móvel Base de Clientes Móvel SFM Voz (MOU) Internet para todos (Dados Móvel) Milhões de linhas Minutos de utilização por linha Dados como % da Receita de Serviços % XX% XX% 14% 11% 12% +XX% Receita de Voz Sainte LUCA LUCIANI 13

15 Evolução Contínua da Rede Roteiro da rede 2G (TRX Instalados) Roll out 3G 2G Administrando o crescimento 000 TRX % Pop 253 >80% 3G Acelerando o roll-out em HSPA % WiFi FTTS FTTH >10,000 hot spots no final de 2012 Desdobramento nas 42 principais cidades ~1 milhão famílias até % FTTS % do tráfego total 000 km 42 Cidades 14 Cidades 25.0 Backbone Swap + built out Eficiência ~50,000 km em fibra ótica G (TRX Instalados) TIM Fiber não intensiva i em capital Tim Fiber: uma abordagem não intensiva em CAPEX para oferecer Ultra Banda Larga Residencial em SP/RJ Rede Aérea Rede Subterrânea Rede Metropolitana ~500 ~1.700 Equip. de Rua Instalação Rede Interna Modem + ~250 ~125 + ~200 + ~125 + = ~2.400 ~500 LUCA LUCIANI 14

16 Destaques nas principais tendências da TIM Brasil Receita (Plano Novo vs. Antigo) R$ bilhões 14,5 14,5 Novo Antigo 17,1 Receita 15,5 Antecipando 1 ano VU-M em trajetória de queda (-20% em termos reais) na data base 12 fev impacta em aproximadamente 2,5 p.p. a receita e EBITDA Crescimento resultante da base de clientes, MOU e navegação na internet t Em 2012, crescimento da receita em >10% A/A (vs. R$17,1 bilhões em 2011) CAPEX Orgânico (como % da Receita Líquida) R$ bilhões % da Receita Líquida CAPEX 2,8 19,6 17,5 3,0 3,0 3,0 3, Ebitda Capex Sinergias de Rede com a integração da AES Eficiência contínua no Go2Market (sem subsídio, SAC/PDD) Absorvendo a redução na VU-M e o início da TIM Fiber Em 2012, crescimento do EBITDA em >10% A/A (vs R$4,6 bilhões em 2011) Expandindo a capacidade 2G e a cobertura 3G FTTS acelerado nas 42 principais cidades e offloading do Wi-fi Início da TIM Fiber CAPEX estável em R$3 bilhões/ano; R$9 bilhões em 3 anos LUCA LUCIANI 15

Plano industrial 2014-2016 TIM Participações

Plano industrial 2014-2016 TIM Participações Plano industrial 2014-2016 TIM Participações Limitação de Responsabilidade Este documento pode incluir declarações prospectivas. Essas declarações não são declarações de fatos históricos e refletem crenças

Leia mais

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Seminário sobre Telecomunicações APIMEC RIO

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Seminário sobre Telecomunicações APIMEC RIO Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados Seminário sobre Telecomunicações APIMEC RIO As Oportunidades do Mercado de Telecom no Brasil Universalização dos Serviços Através do Móvel Crescimento

Leia mais

RESULTADOS: DESTAQUES

RESULTADOS: DESTAQUES RESULTADOS: DESTAQUES Performance Financeira Receita Líquida (R$ bi) 19,9 18,8 +6% EBITDA (Δ% A/A) 4,1% 1,8% +4% em 2013 4,2% 5,2% 1T 2T 3T 4T Lucro Líquido (R$ bi) 1,4 +4% 1,5 Receita de Dados +21,5%

Leia mais

Aniversário de 15 anos - Rodrigo Abreu. Destaque - Rodrigo Abreu. Operações - Lorenzo Lindner. Marketing - Roger Solé. Live TIM - Rogério Takayanagi

Aniversário de 15 anos - Rodrigo Abreu. Destaque - Rodrigo Abreu. Operações - Lorenzo Lindner. Marketing - Roger Solé. Live TIM - Rogério Takayanagi 1 Agenda Aniversário de 15 anos - Rodrigo Abreu Temas do 2º Trimestre : Destaque - Rodrigo Abreu Operações - Lorenzo Lindner Marketing - Roger Solé Live TIM - Rogério Takayanagi Financeiro - Claudio Zezza

Leia mais

Resultados 4T13_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Fevereiro, 2014.

Resultados 4T13_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Fevereiro, 2014. Resultados 4T13_ Fevereiro, 2014. Destaques do 4T13 e ano de 2013 DESTAQUES Móvel Fixo Operacional Sustentando o crescimento superior em adições de pós-pago resultando em uma maior adoção de dados e crescimento

Leia mais

Apresentação de Resultados. TIM Participações S.A. 1 o TRI

Apresentação de Resultados. TIM Participações S.A. 1 o TRI Apresentação de Resultados TI Participações S.A. 1 o TRI 2013 Agenda Prioridades Estratégicas - Rodrigo Abreu Temas do 1º Trimestre: Destaques - Rodrigo Abreu Rede e Infraestrutura - Rodrigo Abreu Operações

Leia mais

Resultados 3T14_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Novembro de 2014.

Resultados 3T14_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Novembro de 2014. Resultados 3T14_ Novembro de 2014. Disclaimer Esta apresentação pode conter declarações baseadas em estimativas a respeito dos prospectos e objetivos futuros de crescimento da base de assinantes, um detalhamento

Leia mais

Telefônica Brasil Estratégia Segmentada para Maximizar Geração de Valor. Novembro de 2013.

Telefônica Brasil Estratégia Segmentada para Maximizar Geração de Valor. Novembro de 2013. Telefônica Brasil Estratégia Segmentada para Maximizar Geração de Valor Novembro de 2013. Continuamos evoluindo em nosso esforço de integração... Espaço TI Atenção ao Cliente Contratos Unificação e renegociação

Leia mais

Resultados 1T15_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Maio, 2015.

Resultados 1T15_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Maio, 2015. Resultados _ Relações com Investidores Maio, 2015. Disclaimer Esta apresentação pode conter declarações baseadas em estimativas a respeito dos prospectos e objetivos futuros de crescimento da base de assinantes,

Leia mais

Destaques do trimestre

Destaques do trimestre Resultados 3T12 Destaques do trimestre 1 Empresa integrada é líder no índice de satisfação do cliente 2 Líder indiscutível nos segmentos de maior receita com foco na geração de valor 3 Melhora sequencial

Leia mais

Resultados 3T15_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Novembro, 2015. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A.

Resultados 3T15_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Novembro, 2015. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Resultados _ Novembro, 2015. Disclaimer Esta apresentação pode conter declarações baseadas em estimativas a respeito dos prospectos e objetivos futuros de crescimento da base de assinantes, um detalhamento

Leia mais

Brasil Telecom. Café da Manhã com Investidores Unibanco. Fevereiro 2003

Brasil Telecom. Café da Manhã com Investidores Unibanco. Fevereiro 2003 Brasil Telecom Café da Manhã com Investidores Unibanco Fevereiro 2003 1 Estratégia 2 Mercado Metas Metas Garantir a liderança na Região II, focando nos clientes de alto valor. Garantir a liderança na Região

Leia mais

Resultados 2T14_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Julho de 2014.

Resultados 2T14_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Julho de 2014. Resultados _ Julho de 2014. Destaques do DESTAQUES OPERACIONAL FINANCEIRO Crescente market share de pós-pago contribuindo para uma maior adoção de dados e crescimento do ARPU. Crescimento de Acessos Pós-Pagos

Leia mais

serviço de telefonia móvel no Brasil

serviço de telefonia móvel no Brasil TI Brasil - eeting with Investors Fatores de sucesso para expansão do September, 2012 serviço de telefonia móvel no Brasil Seminário de Telecom APIEC-RJ - Set/12 - 50,00 100,00 150,00 200,00 250,00 300,00

Leia mais

Mas afinal, o que é a CONVERGÊNCIA?

Mas afinal, o que é a CONVERGÊNCIA? Tecnologia 40 Mas afinal, o que é a CONVERGÊNCIA? DSL Cabo Fibra Móvel Móvel WiFi em movimento Convergência TERMINAL é poder MULTI- se comunicar ÓTIMO MÍDIA independente de local, dispositivo de acesso

Leia mais

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Expo Money Porto Alegre

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Expo Money Porto Alegre Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados Expo Money Porto Alegre Conhecendo a TIM 15 anos de Listagem na Bolsa TIM: Uma Gigante Brasileira Crescimento Receita Bruta (R$ Bi) 27,8 Base de Clientes

Leia mais

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados do Quarto Trimestre e do ano de 2013

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados do Quarto Trimestre e do ano de 2013 TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados do Quarto Trimestre e do ano de 2013 BM&FBOVESPA* (lote = 1 ação) TIMP3: R$ 12,61 NYSE* (1 ADR = 5 ações ON) TSU: US$ 26.50 (*) preços de fechamento

Leia mais

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA APRESENTAÇÃO CORPORATIVA Julho de 2011 Mercado Brasileiro de Telecomunicações Oi: Perfil, Cobertura e Estratégia Resultados Operacionais e Financeiros Aliança com a Portugal Telecom e Aumento de Capital

Leia mais

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados para o Segundo Trimestre de 2013

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados para o Segundo Trimestre de 2013 TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados para o Segundo Trimestre de 2013 BM&FBOVESPA 1 (Lote = 1 ação) TIMP3: R$8,40 NYSE 1 (1 ADR = 5 ações ON) TSU: US$18,71 (1) preços de fechamento

Leia mais

Divulgação de Resultados. TIM Participações S.A.

Divulgação de Resultados. TIM Participações S.A. Divulgação de Resultados Divulgação de Resultados TIM Participações S.A. TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Divulga seu Resultado Consolidado para o Segundo Trimestre de 2012 BOVESPA 1 (lote = 1 ação) TIMP3: R$ 9,07

Leia mais

Divulgação de Resultados TIM Participações S.A.

Divulgação de Resultados TIM Participações S.A. Divulgação de Resultados TIM Participações S.A. TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados para o Quarto Trimestre e para 2012 BM&FBOVESPA 1 (lote = 1 ação) TIMP3: R$ 8,75 NYSE 1 (1 ADR

Leia mais

A TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados do Primeiro Trimestre de 2014

A TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados do Primeiro Trimestre de 2014 A TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados do Primeiro Trimestre de 2014 BM&FBOVESPA* (lote = 1 ação) TIMP3: R$ 12.46 NYSE* (1 ADR = 5 ações ON) TSU: US$ 28.11 (*) preços de fechamento

Leia mais

Relações com Investidores ÁUDIO CONFERÊNCIA 1T13. Abril 2013

Relações com Investidores ÁUDIO CONFERÊNCIA 1T13. Abril 2013 Relações com Investidores ÁUDIO CONFERÊNCIA Abril 2013 1T13 Estratégia RESIDENCIAL Convergência de serviços com crescimento de Banda Larga e TV Paga MOBILIDADE PESSOAL Crescimento do pós e rentabilização

Leia mais

TIM Participações S.A. Resultados do 1T06. 5 de Maio de 2006

TIM Participações S.A. Resultados do 1T06. 5 de Maio de 2006 TIM Participações S.A. Resultados do 5 de Maio de 2006 1 Principais realizações Desempenho do Mercado Desempenho Financeiro 2 Status da Reestruturação Corporativa Principais realizações Melhorando a Estrutura

Leia mais

Divulgação de Resultados. TIM Participações S.A. 1 º Tri

Divulgação de Resultados. TIM Participações S.A. 1 º Tri Divulgação de Resultados TIM Participações S.A. 1 º Tri 2013 TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados para o Primeiro Trimestre de 2013 BM&FBOVESPA 1 (Lote = 1 ação) TIMP3: R$8,29 NYSE

Leia mais

TELEFÔNICA BRASIL S.A. Companhia Aberta CNPJ MF 02.558.157/0001-62 - NIRE 35.3.001.5881-4 FATO RELEVANTE

TELEFÔNICA BRASIL S.A. Companhia Aberta CNPJ MF 02.558.157/0001-62 - NIRE 35.3.001.5881-4 FATO RELEVANTE TELEFÔNICA BRASIL S.A. Companhia Aberta CNPJ MF 02.558.157/0001-62 - NIRE 35.3.001.5881-4 FATO RELEVANTE A ("Companhia") vem a público, na forma e para os fins da Instrução CVM nº 358/02, em complemento

Leia mais

Brasil Telecom. Gigantes dos Mercados Emergentes UBS Warburg. Dezembro de 2002

Brasil Telecom. Gigantes dos Mercados Emergentes UBS Warburg. Dezembro de 2002 Brasil Telecom Gigantes dos Mercados Emergentes UBS Warburg Dezembro de 2002 1 OSetor de Telecomunicações no Brasil 2 Empresas de Telefonia Fixa Região IV (Somente Longa Distância) Preço Mínimo: US$1.548

Leia mais

Divulgação de Resultados do 4 Trimestre de 2007. Curitiba, 14 de janeiro de 2008

Divulgação de Resultados do 4 Trimestre de 2007. Curitiba, 14 de janeiro de 2008 Divulgação de Resultados do 4 Trimestre de 2007 Curitiba, 14 de janeiro de 2008 No 4T07, a receita da GVT aumentou 29%, a receita relativa ao core business cresceu 37%, o EBITDA aumentou 41% alcançando

Leia mais

Resultados 2T11. Telecomunicações de São Paulo S.A. Vivo Participações S.A. São Paulo, 27 de Julho de 2011.

Resultados 2T11. Telecomunicações de São Paulo S.A. Vivo Participações S.A. São Paulo, 27 de Julho de 2011. Resultados 2T11 Telecomunicações de São Paulo S.A. Vivo Participações S.A. São Paulo, 27 de Julho de 2011. 0 Telefónica Servicios Audiovisuales S.A. / Telefónica España S.A. Título de la ponencia / Otros

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2013 - TIM PARTICIPAÇÕES SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2013 - TIM PARTICIPAÇÕES SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

TIM Participações S.A. e TIM Participações S.A. e empresas controladas

TIM Participações S.A. e TIM Participações S.A. e empresas controladas TIM Participações S.A. e TIM Participações S.A. e empresas controladas Demonstrações Financeiras em 30 de junho de 2014 e Relatório dos Auditores Independentes 1 TIM PARTICIPAÇÕES S.A. DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

Leia mais

Fatores de Sucesso. Carlos Raimar Schoeninger Diretor de Estratégia e RI. Seminário sobre Telecomunicações APIMEC Rio. Telefônica Vivo 27.09.

Fatores de Sucesso. Carlos Raimar Schoeninger Diretor de Estratégia e RI. Seminário sobre Telecomunicações APIMEC Rio. Telefônica Vivo 27.09. Fatores de Sucesso Carlos Raimar Schoeninger Diretor de Estratégia e RI Seminário sobre Telecomunicações APIMEC Rio Telefônica Vivo 27.09.2012 Conteúdo 01 Vivo: uma história de sucesso 02 Desempenho da

Leia mais

Pilares de Crescimento 91,3 % 3.634 municípios cobertos. Mais de 66 milhões. 4.648 Agentes Autorizados. 327 Lojas Próprias. da população tem cobertura

Pilares de Crescimento 91,3 % 3.634 municípios cobertos. Mais de 66 milhões. 4.648 Agentes Autorizados. 327 Lojas Próprias. da população tem cobertura Pilares de Crescimento CAPILARIDADE CLIENTES Mais de 66 milhões de acessos móveis 4.648 Agentes Autorizados 327 Lojas Próprias INFRAESTRUTURA 9.483 pontos de grande varejo 3.634 municípios cobertos 91,3

Leia mais

III Fórum Lusófono das Comunicações ARCTEL-CPLP

III Fórum Lusófono das Comunicações ARCTEL-CPLP III Fórum Lusófono das Comunicações ARCTEL-CPLP Tendências, Panorama e Desafios do Roaming Internacional II Painel Que Mercado na CPLP? Agenda Sobre a Oi Que Mercado na CPLP Panorama Roaming Internacional

Leia mais

Número 03 São Paulo, 15 de julho de 2013. Operadora: Indicadores econômico-financeiros

Número 03 São Paulo, 15 de julho de 2013. Operadora: Indicadores econômico-financeiros Número 03 São Paulo, 15 de julho de 2013 Operadora: Indicadores econômico-financeiros 1. Desempenho Operacional A Claro encerrou 2012 com 65,2 milhões de celulares no país, variação de 8% em relação a

Leia mais

Resultados Janeiro Março / 2014. Resultados 4T13 Telefônica Brasil S.A.

Resultados Janeiro Março / 2014. Resultados 4T13 Telefônica Brasil S.A. Resultados Janeiro Março / 2014 Resultados 4T13 0+ TELEFÔNICA BRASIL ATINGE MARGEM DE 29,8% COM FORTE CONTROLE EM CUSTOS MESMO EM FACE À MAIOR ATIVIDADE COMERCIAL NO PERÍODO DESTAQUES Aceleração no crescimento

Leia mais

www.telemar.com.br/ri Maio - 2004

www.telemar.com.br/ri Maio - 2004 Apresentação Corporativa Maio - 2004 Apresentação Telemar - Agenda 1. Destaques 2003/2004 1 2. Estratégia de Crescimento 3 3. Revisão do Resultado Operacional 12 4. Resultados Financeiros 20 1 Destaques

Leia mais

A TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados para o Quarto Trimestre e para o Ano de 2014

A TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados para o Quarto Trimestre e para o Ano de 2014 A TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados para o Quarto Trimestre e para o Ano de 2014 BM&FBOVESPA* (lote = 1 ação) TIMP3: R$ 12,30 NYSE* (1 ADR = 5 ações ON) TSU: US$22,08 (*) preços

Leia mais

RESULTADOS 2T15 RIO DE JANEIRO, 13 DE AGOSTO DE 2015

RESULTADOS 2T15 RIO DE JANEIRO, 13 DE AGOSTO DE 2015 RESULTADOS RIO DE JANEIRO, 13 DE AGOSTO DE 2015 AVISO IMPORTANTE Esta apresentação contém declarações acerca de eventos futuros, de acordo com o U.S. Private Securities Litigation Reform Act de 1995. São

Leia mais

Novembro 2006. www.telemar.com.br/ri

Novembro 2006. www.telemar.com.br/ri Novembro 2006 www.telemar.com.br/ri Índice Visão Geral Telemar Mercado de Telecom no Brasil Telemar: Destaques Operacionais e Financeiros Anexos 2 Telemar: Visão Geral Empresa líder em serviços integrados

Leia mais

Apresentação institucional CTBC 1T07

Apresentação institucional CTBC 1T07 Apresentação institucional CTBC 1T07 1 Visão geral Empresa integrada de telecomunicações - há mais de 53 anos no mercado de telecom - portfolio completo de serviços - forma de atuação regional (proximidade

Leia mais

RESULTADOS 1T15 Rio de Janeiro, 07 de maio de 2015

RESULTADOS 1T15 Rio de Janeiro, 07 de maio de 2015 Centro de Gerência de Rede Oi Rio de Janeiro - Brasil RESULTADOS Rio de Janeiro, 07 de maio de 2015 AVISO IMPORTANTE Esta apresentação contém declarações acerca de eventos futuros, de acordo com o U.S.

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL 4T12 2012. Informações e Resultados Consolidados (Não Auditados) Relações com Investidores

RELATÓRIO TRIMESTRAL 4T12 2012. Informações e Resultados Consolidados (Não Auditados) Relações com Investidores 4T12 2012 Relações com Investidores RELATÓRIO TRIMESTRAL Informações e Resultados Consolidados (Não Auditados) Este relatório contempla o desempenho operacional e financeiro da Oi S.A. e de suas controladas

Leia mais

TIM Participações S.A. e TIM Participações S.A. e empresas controladas

TIM Participações S.A. e TIM Participações S.A. e empresas controladas TIM Participações S.A. e TIM Participações S.A. e empresas controladas Demonstrações Financeiras em 31 de março de 2014 e Relatório dos Auditores Independentes 1 TIM PARTICIPAÇÕES S.A. DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

Leia mais

Tele Celular Sul. Apresentação dos Resultados do 1º Trimestre/2002

Tele Celular Sul. Apresentação dos Resultados do 1º Trimestre/2002 Tele Celular Sul Apresentação dos Resultados do 1º Trimestre/2002 8 de Maio, 2002 Agenda Estratégia Operacional Realizações no 1º Trimestre/2002 Estratégia Operacional Ações para 2002 Capacidade do CRM

Leia mais

TIM BRASIL MARIO CESAR ARAUJO

TIM BRASIL MARIO CESAR ARAUJO MARIO CESAR ARAUJO Agenda Destaques dos resultados de 2007 O contexto do mercado brasileiro Visão geral do plano 2008-10 Metas para 2008-10 1 Destaques 2007 TIM Brasil está posicionada como líder em valor

Leia mais

10ª CONFERÊNCIA WEBSITE ANUAL SANTANDER AGOSTO DE 2009. Relações com Investidores

10ª CONFERÊNCIA WEBSITE ANUAL SANTANDER AGOSTO DE 2009. Relações com Investidores 10ª CONFERÊNCIA WEBSITE ANUAL SANTANDER AGOSTO DE 2009 Relações com Investidores AGENDA O Mercado de Telecomunicações no Brasil Perfil e Estratégia da Oi Resultados Operacionais e Financeiros Atuação no

Leia mais

TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA LISA

TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA LISA CUSTOMER SUCCESS STORY Maio 2014 TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA LISA PERFIL DO CLIENTE Indústria: Telecomunicações Empresa: TIM Brasil Colaboradores: 12,167 mil EMPRESA

Leia mais

Estar Mais Próximo do Cliente. Divulgação dos Resultados 4T14

Estar Mais Próximo do Cliente. Divulgação dos Resultados 4T14 Estar Mais Próximo do Cliente Divulgação dos Resultados 4T14 CONQUISTAS DO ANO DE 2014 Anúncio Aumento de Capital R$ 2,38 Bi Divulgação 1T14 +30% RB Lançamento Marketplace Americanas.com Conclusão Aumento

Leia mais

Concentração no mercado de telecom Telesíntese 40

Concentração no mercado de telecom Telesíntese 40 Concentração no mercado de telecom Telesíntese 40 Telefonica do Brasil S.A. mar.2015 AGENDA e principais mensagens 1. O negócio de telecomunicações é intensivo em capital e está pressionado pela expansão

Leia mais

TRAJETÓRIA BEM SUCEDIDA

TRAJETÓRIA BEM SUCEDIDA CORPORATE TRAJETÓRIA BEM SUCEDIDA De empresa regional para empresa nacional De 24 cidades em 9 estados para 95 cidades em 17 estados De 800 funcionários em 2000 para 8 mil atualmente Oferta completa de

Leia mais

Divulgação de Resultados 1º Trimestre de 2009

Divulgação de Resultados 1º Trimestre de 2009 GVT (Holding) S.A. Divulgação de Resultados 1º Trimestre de 2009 Curitiba, 22 de Abril de 2009 Curitiba, 22 de abril de 2009: A GVT (Holding) S.A. (Bovespa: GVTT3, Reuters: GVTT3.SA e Bloomberg GVTT3:BZ),

Leia mais

Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009

Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009 Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009 EBITDA atingiu a soma de R$ 391 milhões no ano passado São Paulo, 24 de março de 2010 A Algar Telecom, empresa de telecomunicações do Grupo Algar,

Leia mais

Mobile Device Management MDM. SAP Forum, Fev2014.

Mobile Device Management MDM. SAP Forum, Fev2014. Mobile Device Management MDM SAP Forum, Fev2014. A EMBRATEL ENTREGA Porque é a mais completa operadora de Telecomunicações e TI Referência e líder na oferta de serviços de telecomunicações em toda a América

Leia mais

Como criar um modelo de negócio WiMAX de sucesso

Como criar um modelo de negócio WiMAX de sucesso Como criar um modelo de negócio WiMAX de sucesso Exemplo São Paulo, 19 de novembro de 2008 Copyright 2008 PromonLogicalis. Todos os direitos reservados. Agenda 1 2 3 4 Oportunidade de negócio Análise Técnico-econômica

Leia mais

Divulgação de Resultados do 2º Trimestre de 2008

Divulgação de Resultados do 2º Trimestre de 2008 GVT (Holding) S.A. Divulgação de Resultados do 2º Trimestre de 2008 Curitiba, 14 de julho de 2008 Curitiba, 14 de julho de 2008: A GVT (Holding) S.A. (Bovespa: GVTT3, Reuters: GVTT3.SA e Bloomberg GVTT3:BZ),

Leia mais

Balanço Huawei da Banda Larga 2T12

Balanço Huawei da Banda Larga 2T12 Balanço Huawei da Banda Larga 2T12 www.huawei.com Preparado pela HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTDA Sumário Introdução Banda Larga Fixa Banda Larga Móvel Especial Londres 2012 2 Objetivo e metodologia Acompanhar

Leia mais

3T12 TRADING UPDATE 0

3T12 TRADING UPDATE 0 TRADING UPDATE Lisboa, 8 novembro 2012 0 Aviso importante O presente comunicado contém objetivos acerca de eventos futuros, de acordo com o U.S. Private Securities Litigation Reform Act de 1995. Tais objetivos

Leia mais

Planejamento estratégico da TELCOMP

Planejamento estratégico da TELCOMP Planejamento estratégico da TELCOMP Visão estratégica de tendências setoriais São Paulo, 0 de agosto de 2014 1 Accenture avalia o mercado global de Telecom dentro de grandes tendências principais Consolidação

Leia mais

Telefônica Brasil S.A. 10.05.2012. Resultados 1T12

Telefônica Brasil S.A. 10.05.2012. Resultados 1T12 10.05.2012 Resultados 1T12 Disclaimer Para fins de comparabilidade, os números do 1T11 foram elaborados de forma combinada. Desta forma, as variações anuais aqui apresentadas podem diferir i daquelas informadas

Leia mais

Algar Telecom. Abril de 2013

Algar Telecom. Abril de 2013 Algar Telecom Abril de 2013 Algar Telecom Portfólio diversificado e complementar. Soluções em Telecom e Tecnologia de Processos de negócios Foco na qualidade de atendimento e relacionamento com seus clientes.

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL 4T14 2014. Informações e Resultados Consolidados (Não Auditados) Oi S.A. www.oi.com.br/ri. Relações com Investidores

RELATÓRIO TRIMESTRAL 4T14 2014. Informações e Resultados Consolidados (Não Auditados) Oi S.A. www.oi.com.br/ri. Relações com Investidores 4T14 2014 Relações com Investidores RELATÓRIO TRIMESTRAL Informações e Resultados Consolidados (Não Auditados) Este relatório contempla o desempenho operacional e financeiro da Oi S.A. e de suas controladas

Leia mais

IV SEMINÁRIO DOS RESULTADOS DA LEI DE INFORMÁTICA EDUARDO TUDE. Impactos da Lei de Informática em Telecomunicações. 2 abril 2013, Anhembi, São Paulo

IV SEMINÁRIO DOS RESULTADOS DA LEI DE INFORMÁTICA EDUARDO TUDE. Impactos da Lei de Informática em Telecomunicações. 2 abril 2013, Anhembi, São Paulo IV SEMINÁRIO DOS RESULTADOS DA LEI DE INFORMÁTICA EDUARDO TUDE Impactos da Lei de Informática em Telecomunicações 2 abril 2013, Anhembi, São Paulo Sumário Introdução Serviços de Telecom no Brasil A Indústria

Leia mais

I Fórum Lusófono de Comunicações. Abril. 2010

I Fórum Lusófono de Comunicações. Abril. 2010 I Fórum Lusófono de Comunicações Abril. 2010 Evolução do Setor de Telecomunicações no Brasil Pré-Privatização Monopólio estatal Poucos investimentos Baixa qualidade dos serviços 98 Grande demanda reprimida

Leia mais

Argumentário frente à concorrência. Inteligência Competitiva e Segmentos Residencial

Argumentário frente à concorrência. Inteligência Competitiva e Segmentos Residencial Argumentário frente à concorrência Inteligência Competitiva e Segmentos Residencial Como descobrir quem é a Concorrência: sondando o cliente... Faça as perguntas abaixo para conhecer melhor o cliente e

Leia mais

RESULTADOS 4T14. Rio de Janeiro, 27 de março de 2015

RESULTADOS 4T14. Rio de Janeiro, 27 de março de 2015 RESULTADOS Rio de Janeiro, 27 de março de 2015 AVISO IMPORTANTE Esta apresentação contém declarações acerca de eventos futuros, de acordo com o U.S. Private Securities Litigation Reform Act de 1995. São

Leia mais

Agenda. Visão Geral de 2008. Resultados Financeiros e Operacionais

Agenda. Visão Geral de 2008. Resultados Financeiros e Operacionais Disclaimer Com objetivo de haver comparabilidade na análise de resultados, os comentários de desempenho apresentados não contemplam as modificações contábeis introduzidas pela lei n.º 11.638/07, analisando,

Leia mais

Comunicado à Imprensa. S&P reafirma ratings da Tele Norte Leste Participações S.A.

Comunicado à Imprensa. S&P reafirma ratings da Tele Norte Leste Participações S.A. Comunicado à Imprensa S&P reafirma ratings da Tele Norte Leste Participações S.A. Analistas: Ana Claudia Nunes, São Paulo (55) 11-5501-8956; Reginaldo Takara, São Paulo (55) 11-5501- 8932; Milena Zaniboni,

Leia mais

TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA Service Virtualization

TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA Service Virtualization CUSTOMER SUCCESS STORY Junho 2014 TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA Service Virtualization PERFIL DO CLIENTE Indústria: Telecomunicações Empresa: TIM Brasil Colaboradores:

Leia mais

Portugal Telecom Resultados do 1º Semestre de 2001

Portugal Telecom Resultados do 1º Semestre de 2001 Portugal Telecom Resultados do 1º Semestre de 2001 13 de Setembro de 2001 Princípios Contabilísticos Internacionais Síntese do 1º Semestre de 2001 Principais Acontecimentos do 1º Semestre Forte liderança

Leia mais

TV por Assinatura. Telefonia Fixa. Banda Larga. Respeito

TV por Assinatura. Telefonia Fixa. Banda Larga. Respeito Banda Larga TV por Assinatura Telefonia Fixa Respeito APIMEC RIO Rio de Janeiro, 22 de Novembro de 2013 A GVT é uma empresa autorizada pela Anatel a prestar serviços em todo o país A GVT tem licença STFC

Leia mais

RESULTADOS 3T14. Rio de Janeiro, 13 de Novembro de 2014

RESULTADOS 3T14. Rio de Janeiro, 13 de Novembro de 2014 RESULTADOS Rio de Janeiro, 13 de Novembro de 2014 AVISO IMPORTANTE O presente comunicado contém declarações acerca de eventos futuros, de acordo com o U.S. Private Securities Litigation Reform Act de 1995.

Leia mais

Resultados do 4T05 e do ano de 2005

Resultados do 4T05 e do ano de 2005 Resultados do 4T05 e do ano de 2005 Teleconferência 24/03/2006 1 Considerações Futuras Esta apresentação contém considerações futuras referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados operacionais

Leia mais

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados do Terceiro Trimestre de 2015

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados do Terceiro Trimestre de 2015 TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Anuncia seus Resultados Consolidados do Terceiro Trimestre de 2015 Destaques Operacionais 1º lugar em cobertura 4G: 278 cidades cobertas em outubro de 2015 (+233 cidades vs. Dez/14)

Leia mais

Número 04 São Paulo, 07 de outubro de 2013. Operadora:

Número 04 São Paulo, 07 de outubro de 2013. Operadora: Número 04 São Paulo, 07 de outubro de 2013 Operadora: Indicadores operacionais e financeiros 2º trimestre/2013 1. Desempenho Operacional - Claro No 2º trimestre de 2013 (2T13) a Claro teve aumento de 5,6%

Leia mais

Apresentação APIMEC. Dezembro 2010. Investor Relations. Investor Relations

Apresentação APIMEC. Dezembro 2010. Investor Relations. Investor Relations Apresentação APIMEC Dezembro 2010 AGENDA 03. Mercado Brasileiro de Telecom 06. Oi: Perfil e Estratégia 13. Resultados Operacionais e Financeiros 19. Aliança com a Portugal Telecom Mercado Brasileiro de

Leia mais

Quo Vadis 700MHz? Mario Girasole. 36º Encontro Tele.Síntese Brasília. 4 de fevereiro de 2014. Confidencial

Quo Vadis 700MHz? Mario Girasole. 36º Encontro Tele.Síntese Brasília. 4 de fevereiro de 2014. Confidencial Quo Vadis 700MHz? 36º Encontro Tele.Síntese Brasília 4 de fevereiro de 2014 1 1 Mario Girasole As virtudes do Dividendo Digital para a BL Móvel Arrecadação adicional do setor no PIB com a Banda Larga Móvel*

Leia mais

Apresentação de resultados. Algar Telecom. Reunião Gerencial, 20/05/2008

Apresentação de resultados. Algar Telecom. Reunião Gerencial, 20/05/2008 Apresentação de resultados Algar Telecom 2008 Agenda Segmentos de negócios Concessão e Expansão Resultados de 2008 Agenda Segmentos de negócios Concessão e Expansão Resultados de 2008 Segmentos de negócios

Leia mais

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 11 de fevereiro de 2010.

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 11 de fevereiro de 2010. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 11 de fevereiro de 2010. Embratel Participações S.A. ( Embrapar ) (BOVESPA: EBTP4, EBTP3) detém 99,2 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ), 100,0

Leia mais

Balanço Huawei 3T12. Preparado pela. www.huawei.com HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTDA

Balanço Huawei 3T12. Preparado pela. www.huawei.com HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTDA Balanço Huawei da Banda Larga 3T12 www.huawei.com Preparado pela HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTDA Sumário Introdução Banda Larga Fixa Banda Larga Móvel Considerações Finais 2 Objetivo e metodologia Acompanhar

Leia mais

RELATÓRIO TRIMESTRAL 1T13. Informações e Resultados Consolidados (Não Auditados) Oi S.A. www.oi.com.br/ri. Relações com Investidores

RELATÓRIO TRIMESTRAL 1T13. Informações e Resultados Consolidados (Não Auditados) Oi S.A. www.oi.com.br/ri. Relações com Investidores 1T13 Relações com Investidores RELATÓRIO TRIMESTRAL Informações e Resultados Consolidados (Não Auditados) Este relatório contempla o desempenho operacional e financeiro da Oi S.A. e de suas controladas

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES DO BRASIL EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 15 DE JULHO DE 2015

TELECOMUNICAÇÕES DO BRASIL EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 15 DE JULHO DE 2015 TELECOMUNICAÇÕES DO BRASIL AUDIÊNCIA PÚBLICA NA COMISSÃO DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA, INOVAÇÃO, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA DO SENADO FEDERAL EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 15 DE JULHO DE 2015 R$ 31 bilhões de investimentos

Leia mais

Balanço Huawei da Banda Larga 1T12

Balanço Huawei da Banda Larga 1T12 Balanço Huawei da Banda Larga 1T12 www.huawei.com Preparado pela HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTDA Sumário Introdução Banda Larga Fixa Banda Larga Móvel Especial 4G 2 Objetivo e metodologia Acompanhar o crescimento

Leia mais

DESTAQUES. R$ milhões 3 T 05 2 T 05 Δ% 3 T 04 Δ%

DESTAQUES. R$ milhões 3 T 05 2 T 05 Δ% 3 T 04 Δ% VIVO, O MAIOR GRUPO EMPRESARIAL DE TELEFONIA MÓVEL DO HEMISFÉRIO SUL, DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2005 DA TELESP CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. São Paulo - Brasil, 27 de outubro

Leia mais

APIMEC 3T10 Novembro de 2010

APIMEC 3T10 Novembro de 2010 APIMEC Novembro de 2010 Aviso Importante Esse material pode conter previsões de eventos futuros.tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia, e envolve riscos ou incertezas

Leia mais

1T10 RESULTADOS. Fitch ratings eleva de A para A+(bra) o Rating Nacional de Longo Prazo da Algar Telecom

1T10 RESULTADOS. Fitch ratings eleva de A para A+(bra) o Rating Nacional de Longo Prazo da Algar Telecom RESULTADOS 1T10 Uberlândia MG, Maio de 2010 A Algar Telecom, Empresa integrada de telecomunicações com um portfólio completo de serviços, divulga seus resultados do 1º Trimestre de 2010 (1T10). As Informações

Leia mais

TELEFONIA FIXA E MÓVEL

TELEFONIA FIXA E MÓVEL DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos TELEFONIA FIXA E MÓVEL NOVEMBRO DE 2015 PRODUTOS PLANTA DE TELEFONIA NO BRASIL 2011 Acessos fixos 14,4% Acessos móveis 85,6% FONTE: ANATEL dez/10 PLANTA

Leia mais

DESTAQUES. TCP R$ milhões 3T03 TCO. 3T02 próforma

DESTAQUES. TCP R$ milhões 3T03 TCO. 3T02 próforma VIVO, O MAIOR GRUPO EMPRESARIAL DE TELEFONIA MÓVEL DA AMÉRICA DO SUL DIVULGA OS RESULTADOS CONSOLIDADOS DO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2003 DA TELESP CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. DIRETOR DE RELAÇÕES COM INVESTIDORES:

Leia mais

Apresentação de resultados. Algar Telecom 2T10

Apresentação de resultados. Algar Telecom 2T10 Apresentação de resultados Algar Telecom 2T10 Destaques do 2T10 A Algar ficou com a 6 melhor colocação no setor de Telecomunicações e a 1ª no ranking de rentabilidade, conforme publicado pela Revista Exame

Leia mais

Inovação em Banda Larga. Marco Antonio Folegatti Gerente Geral da América do Sul Telecom Networks

Inovação em Banda Larga. Marco Antonio Folegatti Gerente Geral da América do Sul Telecom Networks Inovação em Banda Larga Marco Antonio Folegatti Gerente Geral da América do Sul Telecom Networks A banda larga beneficia a todos Melhoria na qualidade de vida com FTTH Exemplos em países em desenvolvimento

Leia mais

Teleconferência de Resultados 1T15. 8 de maio de 2015. Magazine Luiza

Teleconferência de Resultados 1T15. 8 de maio de 2015. Magazine Luiza Teleconferência de Resultados 8 de maio de 2015 Magazine Luiza Destaques do Vendas E-commerce Despesas Operacionais EBITDA Luizacred Lucro Líquido Ganhos de market share, principalmente em tecnologia Receita

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2014 - Oi S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2. Balanço Patrimonial Passivo 4

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2014 - Oi S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2. Balanço Patrimonial Passivo 4 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 4 Demonstração do Resultado 6 Demonstração do Resultado Abrangente 7 Demonstração

Leia mais

Net Serviços de Comunicação S.A. Resultados 2T09

Net Serviços de Comunicação S.A. Resultados 2T09 Net Serviços de Comunicação S.A. Resultados 2T09 1 DESTAQUES DO 2T09 2 Base de Clientes TV a Cabo: 3,5 milhões Base de Clientes Net Vírtua: 2,6 milhões Base de Clientes em Voz: 2,3 milhões ARPU: oportunidade

Leia mais

LTE TDD no Brazil Mercado Potencial

LTE TDD no Brazil Mercado Potencial LTE TDD no Brazil Mercado Potencial Centro de Operações no Brasil São Paulo HO 4 escritórios regionais: Rio, Brasília, Recife e Curitiba US$ 1.5 Bn Vendas (2014) ~3000 Funcionários 1 R&D Center 1 Training

Leia mais

Comunicação Sem Fio (Somente em Determinados Modelos)

Comunicação Sem Fio (Somente em Determinados Modelos) Comunicação Sem Fio (Somente em Determinados Modelos) Guia do Usuário Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Microsoft é uma marca registrada da Microsoft Corporation nos Estados Unidos.

Leia mais

Net Serviços de Comunicação S.A Apresentação Expomoney

Net Serviços de Comunicação S.A Apresentação Expomoney Net Serviços de Comunicação S.A Apresentação Expomoney Considerações Futuras Eventuais declarações que possam ser feitas durante essa apresentação, relativas às perspectivas de negócios da Companhia, projeções

Leia mais

4. Perfil Abordagem pure mobile com infraestrutura fixa, para gerar inovação e qualidade com objetivo de criar ofertas que revolucionam.

4. Perfil Abordagem pure mobile com infraestrutura fixa, para gerar inovação e qualidade com objetivo de criar ofertas que revolucionam. 4. Abordagem pure mobile com infraestrutura fixa, para gerar inovação e qualidade com objetivo de criar ofertas que revolucionam. istockphoto.com/yuri_arcurs A TIM Participações S.A. é uma companhia holding

Leia mais

Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ).

Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ). Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 25 de Outubro de 2005. Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ). (Os

Leia mais

Portugal Telecom. Apresentação de Resultados Resultados do 1º Trimestre. 18 Maio 2006

Portugal Telecom. Apresentação de Resultados Resultados do 1º Trimestre. 18 Maio 2006 Portugal Telecom Apresentação de Resultados Resultados do 1º Trimestre 18 Maio 2006 Safe Harbour A presente release contém objectivos acerca de eventos futuros, de acordo com o U.S. Private Securities

Leia mais

Convergência fixo-móvel

Convergência fixo-móvel Convergência fixo-móvel 74 RTI SET 2005 Einar Edvardsen, da Telenor R&D (Noruega) É possível a convergência entre redes fixas e móveis? Um projeto desenvolvido na Europa mostra que sim. A idéia é promover

Leia mais