BIOLOGIA. 1) Observe o modelo esquemático abaixo que representa um mecanismo que gera moléculas de ATP.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "BIOLOGIA. 1) Observe o modelo esquemático abaixo que representa um mecanismo que gera moléculas de ATP."

Transcrição

1 BIOLOGIA 1) Observe o modelo esquemático abaixo que representa um mecanismo que gera moléculas de ATP. Sobre ele, foram feitas as seguintes afirmativas. I. Essa fase ocorre no hialoplasma, onde estão as enzimas que catalisam as suas reações. II. A molécula de glicose é ativada por gasto inicial de duas moléculas de ATP. III. São produzidas duas moléculas de nicotinamida adenina nucleotídeo na forma oxidada. IV. A energia liberada da quebra da glicose será armazenada por desfosforilação. Estão corretas as afirmativas, a) I e II. b) II e III. c) I e IV. d) II e IV. e) III e IV. ) Relacione as colunas e depois assinale a alternativa que mostra a correlação correta. Estrutura/Organelas 1- Microtúbulos - Centríolos 3- Ribossomos 4- Reticulo endoplasmático 5- Complexo golgiense Função ( ) Síntese de esteroides ( ) Síntese de proteínas ( ) mantêm a forma da célula ( ) Empacotar e secretar proteínas ( ) Formação dos cílios e flagelos a) b) c) d) e) Conhecimentos Específicos Grupo 1 1

2 3)... Ando tão à flor da pele, que qualquer beijo de novela me faz chorar... (Zeca Baleiro). Assinale a alternativa que descreve o tecido animal mostrado na frase. a) Formado por uma matriz intracelular rígida, rica em fosfato de cálcio, íons magnésio, potássio e sódio. b) Formado pela epiderme de origem ectodérmica mais a derme constituída de tecido conjuntivo subjacente. c) Formado de fibras colágenas e elásticas com glicídios e glicoproteínas que lhe dão rigidez e flexibilidade. d) Formado pela derme de origem ectodérmica mais a hipoderme constituída de tecido conjuntivo subjacente. e) Formado por uma matriz intracelular rígida, rica de fibras colágenas e elásticas e fosfato de cálcio. 4) Observe o esquema abaixo: Sobre ele foram feitas as seguintes afirmações: I. Mostra moléculas de 1= DNA; = RNAm; 3 = enzimas. II. O mecanismo biológico demonstrado é o processo de transcrição e tradução. III. O local de ocorrência do processo é o citoplasma. IV. O processo ocorre numa célula eucariótica, pois nela encontramos ribossomos apenas no reticulo endoplasmático. Estão corretas as afirmativas a) I e II. b) I e III. c) I e IV. d) II e III. e) II e IV. Conhecimentos Específicos Grupo 1

3 5) Sobre o esquema abaixo foi dito que: I. Em 1, um grupo de proteínas sinaliza que a mitose deve começar. II. Em, a célula está passando da metáfase para a prófase. III. Em 3, ocorre divisão do núcleo e do citoplasma. IV. Em 4, cada célula tem a metade de seu material genético. Então a) I, II, III e IV são corretas. b) III e IV são corretas. c) II e IV são corretas. d) I e II são corretas. e) I e III são corretas. Conhecimentos Específicos Grupo 1 3

4 6) Associe os glóbulos brancos com as suas respectivas funções e, depois, assinale a alternativa correta. Classe Características A. Neutrófilos ( ) liberam histamina, participando das reações alérgicas. B. Eosinófilos ( ) fagocitam microorganismos e células mortas. C. Basófilos ( ) aparecem em grande número em caso de alergias. D. Monócitos ( ) podem ser citotóxicos ou supressores. E. Linfócitos ( ) têm capacidade de diapedese. a) ABCED. b) CDBEA. c) DCEBA. d) BDECA. e) ECABD. 7) O mecanismo abaixo mostra uma catálise enzimática. Sobre as moléculas envolvidas foi dito que: I. A enzima torna a reação possível em temperaturas altas, compatíveis com os níveis de vida. II. O substrato deve ser especifico para a enzima no processo. III. A enzima necessita de um cofator ou de uma coenzima para funcionar. IV. O complexo enzima-substrato é uma união forte de ligações covalentes. Estão corretas as afirmativas a) I, II, III e IV. b) I e II apenas. c) II e III apenas. d) II, III e IV apenas. e) I, III e IV apenas. Conhecimentos Específicos Grupo 1 4

5 8) João e Maria possuem pigmentação cutânea normal e apresentam um genótipo (1), porém, seus filhos podem ser albinos. O gene para albinismo é () não se manifestando em pessoas (3). São indivíduos albinos aqueles que apresentam genótipo (4). Na sentença acima, os números (1), (), (3) e (4) devem ser completados de forma correta e, respectivamente, por: a) AA, dominante, homozigotas e aa. b) AA, recessivo, homozigotas e Aa. c) Aa, dominante, heterozigotas e aa. d) Aa, dominante, heterozigotas e AA. e) Aa, recessivo, heterozigotas e aa. 9) John Fowles disse que a morte não está na natureza das coisas, é a natureza das coisas. Mas o que morre é a forma. A matéria é imortal. De acordo com essa frase, é correto dizer que: a) o processo de decomposição da matéria inorgânica e orgânica incorpora a natureza substâncias através dos ciclos biogeoquímicos. b) o processo de decomposição da matéria inorgânica somente incorpora a natureza substâncias através dos ciclos biogeoquímicos. c) o processo de decomposição da matéria orgânica somente incorpora a natureza substâncias através dos ciclos biogeoquímicos. d) o processo de organificação da matéria inorgânica somente incorpora a natureza substâncias através dos ciclos biogeoquímicos. e) o processo de desorganificação da matéria orgânica somente incorpora a natureza substâncias através dos ciclos biogeoquímicos. Conhecimentos Específicos Grupo 1 5

6 10) Compare os dois esquemas abaixo. Eles demonstram I. A polarização da fibra nervosa no nódulo de Ranvier. II. Propagação saltatória dos impulsos na fibra nervosa. III. A diminuição da propagação do impulso nervoso na ausência de mielina. IV. Inversão de cargas elétricas na fibra nervosa em potencial de repouso. Estão corretas as afirmativas a) I e II b) I e III c) II e III d) II e IV. e) III e IV Conhecimentos Específicos Grupo 1 6

7 QUÍMICA 11) A estrutura abaixo representa uma molécula de adrenalina. Nessa molécula, são encontradas as funções orgânicas: a) Fenol, Álcool e Amina b) Amina, Álcool e Ácido Carboxílico c) Fenol, Amina e Amida d) Éster, Amina e Fenol e) Amina, Éster e Ácido Carboxílico 1) Um químico deseja determinar a pureza de uma amostra de carbonato de cálcio. Para isso, reage 100 gramas de carbonato de cálcio impuro com ácido clorídrico. Ele recolhe o gás gerado e verifica que foram produzidos 39,6 gramas de gás. Sabendo que as impurezas não reagem com o ácido clorídrico, a pureza do carbonato de cálcio analisado é de: CaCO 3 + HCl CaCl + H O + CO Massas atômicas (u): Ca = 40; H = 1; Cl = 35,5; O = 16 a) 60 % b) 70 % c) 80 % d) 90 % e) 100 % 13) Alguns sais metálicos apresentam coloração bastante intensa quando em solução aquosa. Permanganato de potássio, KMnO 4, por exemplo, apresenta cor violeta bem vivo, enquanto sulfato de cobre, CuSO 4 exibe uma coloração azul, permitindo identificar qualitativamente a natureza dessas soluções. A coloração dessas soluções pode estar relacionada à presença de um elemento de transição. Esses elementos possuem seu(s) elétron(s) mais energético(s) situado(s) no subnível d. Dos elementos abaixo, assinale aquele que apresenta maior número de elétrons no subnível d. a) Na b) Cl c) Ca d) Sc e) Fe Conhecimentos Específicos Grupo 1 7

8 14) Sobre a tabela periódica dos elementos, é correto afirmar: a) Os elementos químicos estão dispostos em ordem decrescente de massas atômicas. b) Em uma mesma família, os elementos geralmente apresentam o mesmo número de elétrons na última camada. c) Em um mesmo período, os elementos apresentam propriedades físico-químicas semelhantes. d) Os gases nobres estão dispostos no mesmo período. e) Nitrogênio e oxigênio pertencem à mesma família. 15) Os apreciadores de vinho costumam recomendar que ele seja consumido assim que a garrafa for aberta. Isso porque, depois da garrafa aberta, o vinho pode azedar, devido à transformação do etanol em ácido acético. Essa transformação, mostrada abaixo, é uma reação química do tipo: a) Carbonização b) Substituição c) Redução d) Adição e) Oxidação 16) Um airbag é um dispositivo destinado a proteger motoristas e passageiros em caso de colisão. Seu acionamento se dá segundo a reação química não balanceada abaixo, a partir de azida de sódio (NaN 3 ) e óxido férrico (Fe O 3 ), gerando um grande volume de nitrogênio gasoso. x NaN 3 (s) + y Fe O 3 (s) z Na O(s) + w Fe(s) + t N (g) Após o balanceamento da equação, a soma dos coeficientes estequiométricos inteiros x, y, z, w e t é igual a: a) 1 b) 16 c) 9 d) 13 e) 6 17) Ao se dissolver uma determinada quantidade de cloreto de amônio em água a 30 ºC, a solução resultante apresenta temperatura mais baixa, em torno de 0 ºC. Essa transformação caracteriza um processo: a) Isotérmico b) Adiabático c) Endotérmico d) Isotônico e) Exotérmico Conhecimentos Específicos Grupo 1 8

9 18) Considere a tabela abaixo: Material [H + ] (mol/l) [OH - ] (mol/l) Água do mar 1 x x 10-6 Refrigerante 1 x x Café 1 x x 10-9 Desinfetante 1 x x 10-4 Sobre os materiais mostrados na tabela, apresentam caráter alcalino apenas: a) Café e desinfetante. b) Café e água do mar. c) Café e refrigerante. d) Água do mar e desinfetante. e) Água do mar e refrigerante. 19) A obtenção de ferro a partir de óxido de ferro ocorre conforme a equação: Fe O CO Fe + 3 CO Partindo-se de 4,8 kg de óxido de ferro, qual a massa de ferro obtida admitindo-se que o rendimento da reação seja de 80%? Massas molares (g/mol): C = 1; O = 16; Fe = 56 a) 3,40 kg b),69 kg c) 1,33 kg d) 4,80 kg e) 1,67 kg 0) A figura a seguir exibe as curvas de pressão máxima de vapor para dois líquidos A e B A Pressão máxima de vapor B Temperatura A partir dessas curvas, pode-se concluir que: a) o líquido B é mais volátil que o líquido A. b) a temperatura de ebulição de A será maior se a pressão do sistema for reduzida. c) se o líquido A for um solvente puro, o líquido B poderia ser uma solução de um soluto não volátil nesse solvente. d) se o líquido B for um solvente puro, o líquido A poderia ser uma solução de um soluto não volátil nesse solvente. e) a temperatura de ebulição de A é maior do que a temperatura de ebulição de B. Conhecimentos Específicos Grupo 1 9

10 Conhecimentos Específicos Grupo 1 10

11 FÍSICA 1) Se a velocidade escalar de um automóvel é negativa: a) o movimento é fisicamente impossível. b) o sentido do movimento discorda do atribuído à trajetória. c) o movimento é progressivo. d) o movimento é retrógrado. e) a aceleração é sempre zero. ) Dois automóveis, denominados A e B, partem simultaneamente de um mesmo ponto com cada um v A 3m / s e v B 4m/ s deles com velocidade constante de: entre si e a distância entre eles após 0 segundos é: a) 140 m b) 0 m c) 100 m d) 1000 m e) 80 m. Percorrem trajetórias perpendiculares 3) A velocidade escalar de uma bola de gude, rolando sobre um plano inclinado passa de ZERO para 490 cm/ s em cinco segundos. Sua aceleração é de: a) b) c) d) e) 9,8m / s 980m / s 9,8cm / s 98cm / s 980cm / s 4) Uma partícula atirada verticalmente para baixo, no vácuo, com velocidade de 100 m / s, após percorrer 65 m, terá uma velocidade aproximadamente igual a: a) 150 m / s b) 00 m/ s c) 50 m/ s d) 15 m / s e) 100 m / s 5) Se um ponto material estiver em equilíbrio, então: a) sua velocidade escalar é constante. b) está em repouso somente. c) está em movimento uniforme somente. d) está em repouso OU em movimento retilíneo uniforme. e) está acelerado. Conhecimentos Específicos Grupo 1 11

12 6) Pensando em um par de forças ação e reação, é correto afirmar que: a) primeiro surge a ação e depois de algum tempo surge a reação. b) são forças iguais em módulo, direção e sentido. c) são forças iguais em modulo, mas com sentidos contrários e por isso se anulam. d) sempre ocorrem na Terra. e) atuam em corpos distintos sempre. 7) Um automóvel de massa 1000 kg é freado uniformemente quando sua velocidade era 0 m/ s e para após percorrer 50 m. Qual é a força aplicada pelos freios? a) a) 400 N b) b) 4.000N c) c) 5.000N d) d) 8.000N e) e) 800 N 8) O peso de um corpo é: a) igual a sua massa. b) igual a sua massa dividido pela gravidade. c) igual a sua massa mais a gravidade. d) igual a sua massa menos a gravidade. e) igual a sua massa multiplicado pela gravidade. 9) Em relação à força de atrito estático, pode-se dizer que: a) é constante. b) sua intensidade pode aumentar indeterminadamente. c) ela equilibra a(s) força(s) que tenta(m) provocar o movimento. d) seu módulo é zero quando o objeto está parado. e) seu módulo é máximo quando o objeto está em movimento. 30) Num movimento circular uniforme: a) a aceleração tangencial é nula e a aceleração radial não é nula. b) a aceleração tangencial é nula e a aceleração radial também é nula. c) a aceleração tangencial não é nula e a aceleração radial também não é nula. d) a aceleração tangencial não é nula e a aceleração radial é nula. e) não existem acelerações tangencial e radial. Conhecimentos Específicos Grupo 1 1

13 MATEMÁTICA 31) Considere o fluxo de sangue em um vaso sanguíneo. Um segmento de uma artéria ou de uma veia pode ser encarado como um tubo cilíndrico de raio constante R, conforme figura abaixo. Admita, agora, um fluxo laminar. Seja r a distância a qualquer ponto do líquido a partir do eixo do tubo. Então a velocidade v é uma função de r, ou seja, v=v(r) e o domínio dessa função é o intervalo 0 r R. Essa função foi experimentalmente descoberta por J.L. Poiseuille e é dada pela expressão: v P 4 L ( r) R r Onde: SIGLA SIGNIFICADO L Representa o comprimento do tubo (cm) P A diferença de pressão entre os dois extremos do tubo (dina/cm = cm -1 g s - ) R O raio de um círculo de uma seção transversal do tubo (cm) ɳ Viscosidade do líquido Para o sangue humano sua viscosidade, em média, é 0, 07. O sangue flui através de uma 3 arteríola (capilar arterial largo) de comprimento L = 0 mm e diâmetro de cm. Em uma 3 extremidade, a pressão é maior do que na outra e essa diferença é P 4 10 dina/cm. Com base nas informações acima, marque a alternativa incorreta. a) A velocidade mais alta é de 1,185 cm. s b) Quanto mais próximo da parede da arteríola menor é a velocidade. c) A velocidade mais alta é atingida quando r 0. d) Se r R então a velocidade será nula. e) O gráfico que representa a função v(r) é uma parábola com concavidade voltada para cima. Conhecimentos Específicos Grupo 1 13

14 3) Um determinado biorritmo pode ser descrito aproximadamente pela Fórmula y,5 1,5 cos t 5 1, onde t representa o tempo medido em horas. Para t=0, 1,,, 4h, o valor máximo de y ocorre às h. a) 5 b) 7 c) 11 d) 17 e) 3 Leia o texto atentamente e responda as questões 33 e 34. Ao utilizar sites de buscas na internet o usuário terá possibilidades de efetuar combinações de palavras que deverão ser pesquisadas. Por exemplo, no site de busca Google, o usuário poderá efetuar as seguintes combinações de busca: Se o usuário digitar palavras separadas com um espaço entre elas, a busca é feita por uma palavra e/ou a outra palavra. Se o usuário digitar palavras entre aspas, a busca é feita pela expressão (frases exatas). Se o usuário digitar um sinal de (menos) na frente de uma palavra, a busca é feita excluindo-se os sites que contenham tal palavra. Com base nessas regras, um usuário realizou a seguinte pesquisa: -"UNIFOA campus Três Poços" - vestibular engenharia. Considere os conjuntos: V que é formado por todos os sites que contém a palavra vestibular, F que é formado por todos os sites que contém a expressão UNIFOA campus Três Poços e B que é formado por todos os sites que contém a palavra engenharia. 33) Dos diagramas de Venn abaixo, qual melhor representa o conjunto que contém o resultado da busca? a) d) b) e) c) Conhecimentos Específicos Grupo 1 14

15 34) O conjunto que representa o resultado da busca pode ser representado matematicamente, utilizando noções de teorias de conjuntos por: a) F V B b) F V B c) B FV d) F V B F V e) F V B 35) A menor unidade de informação usada pelo computador é 1 bit. O byte (B) é a unidade de medida utilizada para medir, por exemplo, o armazenamento de dados. Cada byte é composto por 8 bits que podem armazenar um caracter (uma letra, um número ou um símbolo). Outras unidades também são utilizadas: Unidade Descrição Valor Valor Aproximado B Byte 8 bit Não há KB Kilobyte 104 B 1000 B MB Megabyte 104 KB 1000 KB GB Gigabyte 104 MB 1000 MB TB Terabyte 104 GB 1000 GB Suponha que um usuário possua um smartphone com conexão 3G de 1 Mbit/s (1 megabit por segundo). Se esse usuário deseja compartilhar no facebook, efetuando upload, o arquivo de um vídeo, de 30 MB, que acabou de gravar com seus amigos durante o jogo da Copa do Mundo entre Brasil e Croácia, qual o tempo, aproximadamente, em minutos, necessários para a transmissão desse vídeo. Sabe-se que durante a transmissão a conexão não sofrerá oscilações na taxa de transmissão e ficará toda reservada para transmissão desse vídeo. a) 5 b) 4 c) 3 d) e) 6 36) Em eletricidade, as leis Kirchhoff e a lei de Ohm dizem o seguinte: Lei de Ohm: força elétrica = resistência x corrente, ou seja, E = R I. Lei da corrente (nós): A soma das correntes que entram em qualquer nó é igual à soma das correntes que saem dele. Lei da voltagem (circuitos): A soma das quedas de voltagem ao longo de qualquer circuito é igual à voltagem total em torno do circuito (fornecida pelas baterias). O circuito elétrico representado na ilustração abaixo pode ser modelado pelo sistema linear I1 I I3 I1 4I3 10, onde I 1, I e I 3 são as correntes nos nós do circuito. 5I 4I3 14 Conhecimentos Específicos Grupo 1 15

16 Figura 1 - Circuito elétrico alimentado por baterias Resolvendo esse sistema linear, podemos determinar que a corrente I1 vale: a) d) 19 b) e) c) ) Uma empresa de telefonia móvel do Brasil tem dois planos para comunicação móvel. Esses dois planos diferem pelos critérios de cobrança. Plano Econômico Pacote de dados de 100 MB (100 megabytes) por R$ 3,50 Cada megabyte excedente do pacote de dados por R$ 0,75. Plano Executivo Pacote de dados de 300 MB (300 megabytes) por R$ 60,00 Cada megabyte excedente do pacote de dados por R$ 0,35. Com base nas afirmações acima, podemos afirmar que: I. o custo do plano econômico pode ser representado, matematicamente, por: 3,5 se d 100 C ( d), onde C é o custo e d a quantidade de megabytes utilizados. 3,50 d se d 100 II. o custo do plano executivo pode ser representado, matematicamente, por: 60 se d 300 C ( d), onde C é o custo e d a quantidade de megabytes utilizados. 0,35d - 45 se d 300 III. O valor da conta de uma pessoa que usa 00 megabytes será menor se ela optar pelo plano executivo. Das afirmações acima, é(são) verdadeira(s): a) Todas b) I e III c) II e III d) I e) II Conhecimentos Específicos Grupo 1 16

17 38) Um estudante do curso de Direito precisa de uma nota superior ou igual a 6,7 para passar na disciplina de Direito Tributário I. Durante o curso dessa disciplina o estudante obteve nota 8 na primeira avaliação e 5 na segunda avaliação. Porém as avaliações têm pesos diferentes. A primeira tem peso 4 e a segunda tem peso 6. Com essas informações, podemos concluir que o estudante de Direito: a) Foi reprovado na disciplina com média, aproximadamente, de 6,. b) Foi aprovado na disciplina com média, aproximadamente, de 6,8. c) Foi reprovado na disciplina com média, aproximadamente, de 6,6. d) Foi aprovado na disciplina com média, aproximadamente, de 7,3. e) Foi aprovado na disciplina com média, aproximadamente, de 7,7. 39) Numa empresa há uma caixa d'água cilíndrica feita de concreto armado. Essa caixa tem 40 cm de diâmetro interno e 60 decímetros de altura. Para manter essa caixa cheia a empresa instalou uma bomba com capacidade de bombear 4 litros de água por segundo. Sabendo que o nível de água na caixa é, exatamente, um terço de sua altura, podemos dizer que o tempo que a bomba deverá permanecer ligada para encher a caixa d'água será de aproximadamente: Dado: 1 m 3 = 1000 litros de água, pi = 3. a) 1 hora e 3 minutos b) 1 hora e 47 minutos c) horas d) 1 hora e 1 minutos e) 45 minutos 40) A tabela abaixo representa a distribuição de frequência dos salários de um grupo de 40 empregados de uma empresa, em certo mês. O salário médio desses empregados, nesse mês, foi: Número da classe Salário do mês Número de empregados (em reais) 1000 a ,01 a ,01 a ,01 a a) maior do que R$ 305,00 b) menor do que R$ 05,00 c) maior do que R$ 30,00 e menor do que R$ 400,00 d) maior do que R$ 400,00 e menor do que R$ 530,00 e) maior do que R$ 05,00 e menor do que R$ 305,00 Conhecimentos Específicos Grupo 1 17

PROVA DE QUÍMICA - 1998 Segunda Etapa

PROVA DE QUÍMICA - 1998 Segunda Etapa PROVA DE QUÍMICA - 1998 Segunda Etapa QUESTÃO 01 Num laboratório químico, havia três frascos que continham, respectivamente, um alcano, um álcool e um alqueno. Foram realizados experimentos que envolviam

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2006 QUESTÕES OBJETIVAS

PROCESSO SELETIVO 2006 QUESTÕES OBJETIVAS 3 PROCESSO SELETIVO 2006 QUESTÕES OBJETIVAS QUÍMICA 01 - O dispositivo de segurança que conhecemos como air-bag utiliza como principal reagente para fornecer o gás N 2 (massa molar igual a 28 g mol -1

Leia mais

Resolução: 0,86ºC. x = 0,5 mol etanol/kg acetona. 0,5 mol 1000 g de acetona. 200 g de acetona. y = 0,1 mol de etanol. 1 mol de etanol (C 2 H 6 O) 46 g

Resolução: 0,86ºC. x = 0,5 mol etanol/kg acetona. 0,5 mol 1000 g de acetona. 200 g de acetona. y = 0,1 mol de etanol. 1 mol de etanol (C 2 H 6 O) 46 g (ACAFE) Foi dissolvida uma determinada massa de etanol puro em 200 g de acetona acarretando em um aumento de 0,86 C na temperatura de ebulição da acetona. Dados: H: 1 g/mol, C: 12 g/mol, O: 16 g/mol. Constante

Leia mais

A limpeza de pisos de mármore normalmente é feita com solução de ácido clorídrico comercial (ácido muriático).

A limpeza de pisos de mármore normalmente é feita com solução de ácido clorídrico comercial (ácido muriático). 61 b A limpeza de pisos de mármore normalmente é feita com solução de ácido clorídrico comercial (ácido muriático). Essa solução ácida ataca o mármore, desprendendo gás carbônico, segundo a reação descrita

Leia mais

REVISÃO QUÍMICA. Profº JURANDIR QUÍMICA

REVISÃO QUÍMICA. Profº JURANDIR QUÍMICA REVISÃO QUÍMICA Profº JURANDIR QUÍMICA DADOS 01. (ENEM 2004) Em setembro de 1998, cerca de 10.000 toneladas de ácido sulfúrico (H 2 SO 4 ) foram derramadas pelo navio Bahamas no litoral do Rio Grande

Leia mais

QUÍMICA QUESTÃO 41 QUESTÃO 42

QUÍMICA QUESTÃO 41 QUESTÃO 42 Processo Seletivo/UNIFAL- janeiro 2008-1ª Prova Comum TIPO 1 QUÍMICA QUESTÃO 41 Diferentes modelos foram propostos ao longo da história para explicar o mundo invisível da matéria. A respeito desses modelos

Leia mais

CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente BIOLOGIA I TRIMESTRE A descoberta da vida Biologia e ciência Origem da vida

Leia mais

Questão 61. Questão 63. Questão 62. alternativa B. alternativa B. alternativa D

Questão 61. Questão 63. Questão 62. alternativa B. alternativa B. alternativa D Questão 61 A limpeza de pisos de mármore normalmente é feita com solução de ácido clorídrico comercial (ácido muriático). Essa solução ácida ataca o mármore, desprendendo gás carbônico, segundo a reação

Leia mais

UFMG - 2004 3º DIA QUÍMICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

UFMG - 2004 3º DIA QUÍMICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR UFMG - 2004 3º DIA QUÍMICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Química Questão 01 Os metais alcalinos, ao reagirem com água, produzem soluções dos respectivos hidróxidos e gás hidrogênio. Esta tabela apresenta

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO QUÍMICA CADERNO DE QUESTÕES 2014/2015

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO QUÍMICA CADERNO DE QUESTÕES 2014/2015 Informações de Tabela Periódica CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO QUÍMICA CADERNO DE QUESTÕES 2014/2015 Folha de Dados Elemento H C N O F Al Cl Zn Sn I Massa atômica (u) 1,00 12,0 14,0

Leia mais

MASSA ATÔMICA. 1u corresponde a 1,66.10-24 g, que equivale aproximadamente à massa de um próton ou de um nêutron.

MASSA ATÔMICA. 1u corresponde a 1,66.10-24 g, que equivale aproximadamente à massa de um próton ou de um nêutron. Cálculos Químicos MASSA ATÔMICA Na convenção da IUPAC (União Internacional de Química Pura e Aplicada) realizada em 1961, adotou-se como unidade padrão para massa atômica o equivalente a 1/12 da massa

Leia mais

2º ANO QUÍMICA 1 PROFª ELAINE CRISTINA. Educação para toda a vida. Colégio Santo Inácio. Jesuítas

2º ANO QUÍMICA 1 PROFª ELAINE CRISTINA. Educação para toda a vida. Colégio Santo Inácio. Jesuítas 2º ANO QUÍMICA 1 1 mol 6,02.10 23 partículas Massa (g)? Massa molar Cálculo do número de mols (n) Quando juntamos duas espécies químicas diferentes e, não houver reação química entre elas, isto é, não

Leia mais

A) Escreva a equação que representa a semi-reação de redução e seu respectivo potencial padrão.

A) Escreva a equação que representa a semi-reação de redução e seu respectivo potencial padrão. QUÍMICA QUESTÃ 01 Aparelhos eletrônicos sem fio, tais como máquinas fotográficas digitais e telefones celulares, utilizam, como fonte de energia, baterias recarregáveis. Um tipo comum de bateria recarregável

Leia mais

Segundo a Portaria do Ministério da Saúde MS n.o 1.469, de 29 de dezembro de 2000, o valor máximo permitido (VMP) da concentração do íon sulfato (SO 2

Segundo a Portaria do Ministério da Saúde MS n.o 1.469, de 29 de dezembro de 2000, o valor máximo permitido (VMP) da concentração do íon sulfato (SO 2 11 Segundo a Portaria do Ministério da Saúde MS n.o 1.469, de 29 de dezembro de 2000, o valor máximo permitido (VMP) da concentração do íon sulfato (SO 2 4 ), para que a água esteja em conformidade com

Leia mais

Resolução Comentada - Química

Resolução Comentada - Química Resolução Comentada - Química UFTM 2013 1 Fase Vestibular UFTM 2013 1 Resolução Prova de Química Tipo 1 Questão 76 A soja é considerada um dos alimentos mais completos em termos de propriedades nutricionais,

Leia mais

Lista de Exercícios 4 Indústrias Químicas Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza

Lista de Exercícios 4 Indústrias Químicas Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza Lista de Exercícios 4 Indústrias Químicas Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza 1) a-) Calcular a solubilidade do BaSO 4 em uma solução 0,01 M de Na 2 SO 4 Dissolução do Na 2 SO 4 : Dado: BaSO

Leia mais

Matriz - Prova de recuperação modular- Cursos profissionais Física e Química- Módulo Q3- Reações Químicas Duração da Prova: 90 min (prova escrita)

Matriz - Prova de recuperação modular- Cursos profissionais Física e Química- Módulo Q3- Reações Químicas Duração da Prova: 90 min (prova escrita) Matriz - Prova de recuperação modular- Cursos profissionais Física e Química- Módulo Q3- Reações Químicas Duração da Prova: 90 min (prova escrita) O presente documento divulga informação relativa à prova

Leia mais

A resposta correta deve ser a letra B.

A resposta correta deve ser a letra B. ITA - 1999 1- (ITA-99) Assinale a opção CORRETA em relação à comparação das temperaturas de ebulição dos seguintes pares de substâncias: a) Éter dimetílico > etanol; Propanona > ácido etanóico; Naftaleno

Leia mais

Sobre as substâncias representadas pelas estruturas I e II, é INCORRETO afirmar:

Sobre as substâncias representadas pelas estruturas I e II, é INCORRETO afirmar: 8 GABARITO 1 1 O DIA 2 o PROCESSO SELETIVO/2005 QUÍMICA QUESTÕES DE 16 A 30 16. Devido à sua importância como catalisadores, haletos de boro (especialmente B 3 ) são produzidos na escala de toneladas por

Leia mais

COLÉGIO SANTA TERESINHA R. Madre Beatriz 135 centro Tel. (33) 3341-1244 www.colegiosantateresinha.com.br

COLÉGIO SANTA TERESINHA R. Madre Beatriz 135 centro Tel. (33) 3341-1244 www.colegiosantateresinha.com.br PLANEJAMENTO DE AÇÕES DA 2 ª ETAPA 2015 PERÍODO DA ETAPA: 01/09/2015 á 04/12/2015 TURMA: 9º Ano EF II DISCIPLINA: CIÊNCIAS / QUÍMICA 1- S QUE SERÃO TRABALHADOS DURANTE A ETAPA : Interações elétricas e

Leia mais

ALUNO(a): Observe o esquema a seguir, no qual I e II representam diferentes estruturas citoplasmáticas.

ALUNO(a): Observe o esquema a seguir, no qual I e II representam diferentes estruturas citoplasmáticas. GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: DISCIPLINA: SÉRIE: 3º ano ALUNO(a): Lista de Exercícios NOTA: No Anhanguera você é + Enem Questão 01) Observe o esquema a seguir, no qual I e II representam diferentes estruturas

Leia mais

QUÍMICA. Questão 31. Questão 32

QUÍMICA. Questão 31. Questão 32 QUÍMICA Questão 3 Em 9,9 g de um sal de cálcio encontra-se 0,5 mol desse elemento. Qual a massa molar do ânion trivalente que forma esse sal? Dado: Ca 40 g/mol. (A) 39 g/mol. (B) 278 g/mol. (C) 63,3 g/mol.

Leia mais

ATENÇÃO: O DESENVOLVIMENTO TEÓRICO DAS QUESTÕES É OBRIGATÓRIO

ATENÇÃO: O DESENVOLVIMENTO TEÓRICO DAS QUESTÕES É OBRIGATÓRIO IX Olimpíada Capixaba de Química 2011 Prova do Grupo II 2 a série do ensino médio Fase 02 Aluno: Idade: Instituição de Ensino: Coordenador da Instituição de Ensino: ATENÇÃO: O DESENVOLVIMENTO TEÓRICO DAS

Leia mais

Reações Químicas Reações Químicas DG O QUE É UMA REAÇÃO QUÍMICA? É processo de mudanças químicas, onde ocorre a conversão de uma substância, ou mais, em outras substâncias. A + B REAGENTES C +

Leia mais

Centro de Educação Integrada

Centro de Educação Integrada Centro de Educação Integrada 1º ANO BIOLOGIA Origem da vida Citologia Teoria da geração espontânea e biogênese. Teoria de Oparin e Haldane. Panspermia. Criacionismo. Os primeiros seres vivos. Água. Sais

Leia mais

AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DO CURSO DE LICENCIATURA EM ENGENHARIA QUÍMICA E BIOLÓGICA DO INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA

AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DO CURSO DE LICENCIATURA EM ENGENHARIA QUÍMICA E BIOLÓGICA DO INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA Página 1 de 12 Provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do ensino superior para titulares de Diploma de Especialização Tecnológica, Decreto-Lei n.º 113/2014, de

Leia mais

Conteúdo para Recuperação Final de Química. 1 ano do Ensino Médio. Bimestre Apostila Tema Páginas

Conteúdo para Recuperação Final de Química. 1 ano do Ensino Médio. Bimestre Apostila Tema Páginas Conteúdo para Recuperação Final de Química 1 ano do Ensino Médio Bimestre Apostila Tema Páginas 1 1 2 Substâncias e átomos: tipos de substâncias, simples ou composta, íons, núcleo e eletrosfera, isótopos,

Leia mais

grandeza do número de elétrons de condução que atravessam uma seção transversal do fio em segundos na forma, qual o valor de?

grandeza do número de elétrons de condução que atravessam uma seção transversal do fio em segundos na forma, qual o valor de? Física 01. Um fio metálico e cilíndrico é percorrido por uma corrente elétrica constante de. Considere o módulo da carga do elétron igual a. Expressando a ordem de grandeza do número de elétrons de condução

Leia mais

Prova de Química e Biologia

Prova de Química e Biologia Provas Especialmente Adequadas Destinadas a Avaliar a Capacidade para a Frequência dos Cursos Superiores do IPVC dos Maiores de 23 Anos Prova de Química e Biologia Prova modelo Prova Específica de Química

Leia mais

Revisão: Química inorgânica Soluções aquosas

Revisão: Química inorgânica Soluções aquosas QUÍMICA è Revisão: Química inorgânica Hidróxidos fortes família 1A e 2A (exceto Ca e Mg) Ácidos fortes nº de oxigênios nº de hidrogênios > 2, principalmente nítrico (HNO 3 ), clorídrico (HCl) e sulfúrico

Leia mais

química FUVEST ETAPA Resposta QUESTÃO 1 QUESTÃO 2 c) Determine o volume adicionado da solução

química FUVEST ETAPA Resposta QUESTÃO 1 QUESTÃO 2 c) Determine o volume adicionado da solução Química QUESTÃO 1 Um recipiente contém 100 ml de uma solução aquosa de H SO 4 de concentração 0,1 mol/l. Duas placas de platina são inseridas na solução e conectadas a um LED (diodo emissor de luz) e a

Leia mais

QUESTÃO 01 Analise este gráfico, em que se mostra o resultado de um experimento de decomposição térmica de uma substância orgânica:

QUESTÃO 01 Analise este gráfico, em que se mostra o resultado de um experimento de decomposição térmica de uma substância orgânica: QUESTÃO 01 Analise este gráfico, em que se mostra o resultado de um experimento de decomposição térmica de uma substância orgânica: 1. Considere que, durante esse experimento, a diminuição de massa se

Leia mais

RESOLUÇÃO DA PROVA DE QUÍMICA DA UFRGS 2011

RESOLUÇÃO DA PROVA DE QUÍMICA DA UFRGS 2011 RESOLUÇÃO DA PROVA DE QUÍMICA DA UFRGS 2011 Questão 26 Como a questão pede a separação do sólido solúvel do líquido, o único processo recomendado é a destilação simples. Lembrando que filtração e decantação

Leia mais

QUÍMICA Prova de 2 a Etapa

QUÍMICA Prova de 2 a Etapa QUÍMICA Prova de 2 a Etapa SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. Leia atentamente as instruções que se seguem. 1 - Este Caderno de Prova contém sete questões, constituídas de itens e subitens, e é composto de dezesseis

Leia mais

Pág. 1. COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO - COPESE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD CONCURSO VESTIBULAR 2009 2ª Fase PROVA DE QUÍMICA

Pág. 1. COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO - COPESE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD CONCURSO VESTIBULAR 2009 2ª Fase PROVA DE QUÍMICA Questão 1: As bebidas alcoólicas contêm etanol e podem ser obtidas pela destilação do álcool (ex. whiskey e vodka) ou pela fermentação de uma variedade de produtos como frutas e outros vegetais (ex. vinho

Leia mais

UNESP- 2013- Vestibular de Inverno

UNESP- 2013- Vestibular de Inverno UNESP- 2013- Vestibular de Inverno 1-Compostos de crômio têm aplicação em muitos processos industriais, como, por exemplo, o tratamento de couro em curtumes e a fabricação de tintas e pigmentos. Os resíduos

Leia mais

Profa. Maria Fernanda - Química nandacampos.mendonc@gmail.com

Profa. Maria Fernanda - Química nandacampos.mendonc@gmail.com Profa. Maria Fernanda - Química nandacampos.mendonc@gmail.com Testes para identificar a gravidez Como é possível identificar se uma mulher está grávida? Após os sintomas apresentados acima, normalmente

Leia mais

-2014- CONTEÚDO SEPARADO POR TRIMESTRE E POR AVALIAÇÃO CIÊNCIAS 9º ANO 1º TRIMESTRE

-2014- CONTEÚDO SEPARADO POR TRIMESTRE E POR AVALIAÇÃO CIÊNCIAS 9º ANO 1º TRIMESTRE -2014- CONTEÚDO SEPARADO POR TRIMESTRE E POR AVALIAÇÃO CIÊNCIAS 9º ANO 1º TRIMESTRE DISCURSIVA OBJETIVA QUÍMICA FÍSICA QUÍMICA FÍSICA Matéria e energia Propriedades da matéria Mudanças de estado físico

Leia mais

VI OLIMPÍADA BAIANA DE QUÍMICA 2011

VI OLIMPÍADA BAIANA DE QUÍMICA 2011 VI OLIMPÍADA BAIANA DE QUÍMICA 2011 RESPONDA AS QUESTÕES DE 1 a 30, MARCANDO UMA DAS ALTERNATIVAS DE ACORDO COM O QUE SE PEDE QUESTÃO 1 Peso 2 A dissolução do cloreto de amônio, NH 4 Cl(s), em água ocorre

Leia mais

Leitura e interpretação de gráficos: Cada vez mais os vestibulares exigem essa competência

Leitura e interpretação de gráficos: Cada vez mais os vestibulares exigem essa competência Leitura e interpretação de gráficos: Cada vez mais os vestibulares exigem essa competência Por: George Schlesinger Existem diversos tipos de gráficos: linhas, barras, pizzas etc. Estudaremos aqui os gráficos

Leia mais

SOLUÇÕES. 3) (UNIFOR) O gráfico seguinte dá a solubilidade em água do açúcar de cana em função da temperatura.

SOLUÇÕES. 3) (UNIFOR) O gráfico seguinte dá a solubilidade em água do açúcar de cana em função da temperatura. SOLUÇÕES 1) (FEI) Tem-se 500g de uma solução aquosa de sacarose (C 12 H 22 O 11 ), saturada a 50 C. Qual a massa de cristais que se separam da solução, quando ela é resfriada até 30 C? Dados: Coeficiente

Leia mais

EQUILÍBRIO QUÍMICO 1

EQUILÍBRIO QUÍMICO 1 EQUILÍBRIO QUÍMICO 1 1- Introdução Uma reação química é composta de duas partes separadas por uma flecha, a qual indica o sentido da reação. As espécies químicas denominadas como reagentes ficam à esquerda

Leia mais

Exercícios 3º ano Química -

Exercícios 3º ano Química - Exercícios 3º ano Química - Ensino Médio - Granbery 01-ufjf-2003- Cada vez mais se torna habitual o consumo de bebidas especiais após a prática de esportes. Esses produtos, chamados bebidas isotônicas,

Leia mais

U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D E M I N A S G E R A I S SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO.

U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D E M I N A S G E R A I S SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D E M I N A S G E R A I S QUÍMICA Prova de 2 a Etapa SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. Leia atentamente as instruções que se seguem. 1 - Este Caderno de Prova contém cinco

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ PRISE/PROSEL- 1ª ETAPA DISCIPLINA QUIMICA EIXO TEMÁTICO: MATÉRIA, TRASFORMAÇÕES QUÍMICAS E AMBIENTE

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ PRISE/PROSEL- 1ª ETAPA DISCIPLINA QUIMICA EIXO TEMÁTICO: MATÉRIA, TRASFORMAÇÕES QUÍMICAS E AMBIENTE PRISE/PROSEL- 1ª ETAPA EIXO TEMÁTICO: MATÉRIA, TRASFORMAÇÕES QUÍMICAS E AMBIENTE COMPETÊNCIA HABILIDADE CONTEÚDO - Compreender as transformações químicas em linguagem discursivas. - Compreender os códigos

Leia mais

Professora Sonia - Química para o Vestibular Questões Resolvidas Hidrólise Salina (com respostas e resoluções no final)

Professora Sonia - Química para o Vestibular Questões Resolvidas Hidrólise Salina (com respostas e resoluções no final) Questões Resolvidas Hidrólise Salina (com respostas e resoluções no final) 01. (Uftm) Em soluções aquosas de acetato de sódio, o íon acetato sofre hidrólise: 3 l 3 CH COO (aq) + H O( ) CH COOH (aq) + OH

Leia mais

TERMODINÂMICA EXERCÍCIOS RESOLVIDOS E TABELAS DE VAPOR

TERMODINÂMICA EXERCÍCIOS RESOLVIDOS E TABELAS DE VAPOR TERMODINÂMICA EXERCÍCIOS RESOLVIDOS E TABELAS DE VAPOR Prof. Humberto A. Machado Departamento de Mecânica e Energia DME Faculdade de Tecnologia de Resende - FAT Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Leia mais

Resolução da Prova de Química Vestibular UFRGS 2006 Prof. Emiliano Chemello

Resolução da Prova de Química Vestibular UFRGS 2006 Prof. Emiliano Chemello Níveis de dificuldade das Questões Fácil 11 questões Médio 14 questões Difícil 5 questões Resolução da Prova de Química Vestibular UFRGS 2006 Prof. Emiliano Chemello www.quimica.net/emiliano chemelloe@yahoo.com.br

Leia mais

Física. Resolução. Q uestão 01 - A

Física. Resolução. Q uestão 01 - A Q uestão 01 - A Uma forma de observarmos a velocidade de um móvel em um gráfico d t é analisarmos a inclinação da curva como no exemplo abaixo: A inclinação do gráfico do móvel A é maior do que a inclinação

Leia mais

Quando juntamos duas espécies químicas diferentes e, não houver reação química entre elas, isto é, não houver formação de nova(s) espécie(s), teremos

Quando juntamos duas espécies químicas diferentes e, não houver reação química entre elas, isto é, não houver formação de nova(s) espécie(s), teremos SOLUÇÕES Quando juntamos duas espécies químicas diferentes e, não houver reação química entre elas, isto é, não houver formação de nova(s) espécie(s), teremos uma MISTURA Quando na mistura tiver apenas

Leia mais

QUÍMICA CELULAR NUTRIÇÃO TIPOS DE NUTRIENTES NUTRIENTES ENERGÉTICOS 4/3/2011 FUNDAMENTOS QUÍMICOS DA VIDA

QUÍMICA CELULAR NUTRIÇÃO TIPOS DE NUTRIENTES NUTRIENTES ENERGÉTICOS 4/3/2011 FUNDAMENTOS QUÍMICOS DA VIDA NUTRIÇÃO QUÍMICA CELULAR PROFESSOR CLERSON CLERSONC@HOTMAIL.COM CIESC MADRE CLÉLIA CONCEITO CONJUNTO DE PROCESSOS INGESTÃO, DIGESTÃO E ABSORÇÃO SUBSTÂNCIAS ÚTEIS AO ORGANISMO ESPÉCIE HUMANA: DIGESTÃO ONÍVORA

Leia mais

Qualidade Ambiental Química

Qualidade Ambiental Química Qualidade Ambiental Química Programa Revisão dos Conceitos Básicos de Química e Estatística Poluição o Ar e a Química da Troposfera Reações Químicas ligadas à Emissão de Poluentes da Atmosfera Bibliografia

Leia mais

IME - 2005 3º DIA QUÍMICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

IME - 2005 3º DIA QUÍMICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR IME - 2005 3º DIA QUÍMICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Química Questão 01 Considerando os elementos químicos Be, B, F, Ca e Cs, classifique-os em ordem crescente de acordo com as propriedades periódicas

Leia mais

Lista I de exercícios de estequiometria e balanceamento de equações Química Geral e Experimental I Prof. Hamilton Viana

Lista I de exercícios de estequiometria e balanceamento de equações Química Geral e Experimental I Prof. Hamilton Viana 1. O iso-octano é um combustível automotivo. A combustão desse material ocorre na fase gasosa. Dados a massa molar do iso-octano igual a 114g/mol, o volume molar de gás nas "condições ambiente" igual a

Leia mais

Aluno(a): Instituição de Ensino: Município: Coordenador da Instituição de Ensino: ATENÇÃO: O DESENVOLVIMENTO TEÓRICO DAS QUESTÕES É OBRIGATÓRIO

Aluno(a): Instituição de Ensino: Município: Coordenador da Instituição de Ensino: ATENÇÃO: O DESENVOLVIMENTO TEÓRICO DAS QUESTÕES É OBRIGATÓRIO IX Olimpíada Capixaba de Química 2011 Prova do Grupo I 1 a série do ensino médio Fase 01 Aluno(a): Instituição de Ensino: Município: Coordenador da Instituição de Ensino: ATENÇÃO: O DESENVOLVIMENTO TEÓRICO

Leia mais

AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL

AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL AGRUPAMENTO de ESCOLAS de SANTIAGO do CACÉM Ano Letivo 2015/2016 PLANIFICAÇÃO ANUAL Documento(s) Orientador(es): Programa de Física 12.º ano homologado em 21/10/2004 ENSINO SECUNDÁRIO FÍSICA 12.º ANO TEMAS/DOMÍNIOS

Leia mais

TIPOS DE MÉTODOS ELETROANALÍTICOS

TIPOS DE MÉTODOS ELETROANALÍTICOS CONDUTOMETRIA TIPOS DE MÉTODOS ELETROANALÍTICOS CONDUTOMETRIA Baseia-se em medições de condutância das soluções iônicas (seio da solução). A condução de eletricidade através das soluções iônicas é devida

Leia mais

1) Calcular, em m/s, a velocidade de um móvel que percorre 14,4Km em 3min. a) ( ) 70m/s b) ( ) 80 m/s c) ( ) 90m/s d) ( ) 60m/s

1) Calcular, em m/s, a velocidade de um móvel que percorre 14,4Km em 3min. a) ( ) 70m/s b) ( ) 80 m/s c) ( ) 90m/s d) ( ) 60m/s SIMULADO DE FÍSICA ENSINO MÉDIO 1) Calcular, em m/s, a velocidade de um móvel que percorre 14,4Km em 3min. a) ( ) 70m/s b) ( ) 80 m/s c) ( ) 90m/s d) ( ) 60m/s 2) Um avião voa com velocidade constante

Leia mais

IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Física Questão 01 Um pequeno refrigerador para estocar vacinas está inicialmente desconectado da rede elétrica e o ar em seu interior encontra-se

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA. Prof. João Neto

ESTEQUIOMETRIA. Prof. João Neto ESTEQUIOMETRIA Prof. João Neto 1 Lei de Lavoisier Leis Ponderais Lei de Dalton Lei de Proust 2 Fórmula molecular Fórmula mínima Tipos de Fórmulas Fórmula eletrônica ou de Lewis Fórmula Centesimal Fórmula

Leia mais

QUÍMICA PRIMEIRA ETAPA - 1997 - TARDE

QUÍMICA PRIMEIRA ETAPA - 1997 - TARDE QUÍMICA PRIMEIRA ETAPA - 1997 - TARDE QUESTÃO 01 Um estudante listou os seguintes processos como exemplos de fenômenos que envolvem reações químicas: I adição de álcool à gasolina. II fermentação da massa

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDOS DE QUÍMICA 1 etapa/14 2 Série Ensino Médio

ROTEIRO DE ESTUDOS DE QUÍMICA 1 etapa/14 2 Série Ensino Médio ROTEIRO DE ESTUDOS DE QUÍMICA 1 etapa/14 2 Série Ensino Médio Aluno (a): Turma n Mol Massa de átomos molécula, íons, mol e determinação de fórmula química Aspectos quantitativos das reações químicas. Relações

Leia mais

EXAME QUALIFICAÇÃO UERJ 2015. MATERIAL RETIRADO DO SITE: http://www.revista.vestibular.uerj.br/

EXAME QUALIFICAÇÃO UERJ 2015. MATERIAL RETIRADO DO SITE: http://www.revista.vestibular.uerj.br/ EXAME QUALIFICAÇÃO UERJ 2015 MATERIAL RETIRADO DO SITE: http://www.revista.vestibular.uerj.br/ 01. Observe na tabela a distribuição percentual dos principais elementos químicos cujos átomos, combinados,

Leia mais

CONTEÚDOS DE QUÍMICA POR BIMESTRE PARA O ENSINO MÉDIO COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO

CONTEÚDOS DE QUÍMICA POR BIMESTRE PARA O ENSINO MÉDIO COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO DE QUÍMICA POR BIMESTRE PARA O ENSINO MÉDIO COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO GOVERNADOR DE PERNAMBUCO Paulo Henrique Saraiva Câmara SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO E ESPORTES Frederico

Leia mais

FÍSICA. Questões de 01 a 04

FÍSICA. Questões de 01 a 04 GRUPO 1 TIPO A FÍS. 1 FÍSICA Questões de 01 a 04 01. Considere uma partícula presa a uma mola ideal de constante elástica k = 420 N / m e mergulhada em um reservatório térmico, isolado termicamente, com

Leia mais

ATENÇÃO ESTE CADERNO CONTÉM 10 (DEZ) QUESTÕES E RESPECTIVOS ESPAÇOS PARA RESPOSTAS. DURAÇÃO DA PROVA: 3 (TRÊS) HORAS

ATENÇÃO ESTE CADERNO CONTÉM 10 (DEZ) QUESTÕES E RESPECTIVOS ESPAÇOS PARA RESPOSTAS. DURAÇÃO DA PROVA: 3 (TRÊS) HORAS ATENÇÃO ESTE CADERNO CONTÉM 10 (DEZ) QUESTÕES E RESPECTIVOS ESPAÇOS PARA RESPOSTAS. DURAÇÃO DA PROVA: 3 (TRÊS) HORAS A correção de cada questão será restrita somente ao que estiver registrado no espaço

Leia mais

Versão 2. Utiliza apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta.

Versão 2. Utiliza apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta. Teste Intermédio de Físico-Química Versão 2 Teste Intermédio Físico-Química Versão 2 Duração do Teste: 90 minutos 18.04.2013 9.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de janeiro????????????

Leia mais

c = c = c =4,20 kj kg 1 o C 1

c = c = c =4,20 kj kg 1 o C 1 PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DO TESTE INTERMÉDIO - 2014 (VERSÃO 1) GRUPO I 1. H vap (H 2O) = 420 4 H vap (H 2O) = 1,69 10 3 H vap (H 2O) = 1,7 10 3 kj kg 1 Tendo em consideração a informação dada no texto o calor

Leia mais

Gabarito Química - Grupo A. 1 a QUESTÃO: (1,0 ponto) Avaliador Revisor

Gabarito Química - Grupo A. 1 a QUESTÃO: (1,0 ponto) Avaliador Revisor VESTIB LAR Gabarito Química - Grupo A 1 a QUESTÃO: (1,0 ponto) Avaliador Revisor Muitos álcoois, como o butanol (C 4 H 10 O), têm importância comercial como solventes e matériasprimas na produção industrial

Leia mais

IME 2005 Bernoulli Resolve

IME 2005 Bernoulli Resolve IME 005 Bernoulli Resolve Questão 0 Considerando os elementos químicos Be, B, F, Ca e Cs, classifiqueos em ordem crescente de acordo com as propriedades periódicas indicadas: a) raio atômico b) primeira

Leia mais

UFMG - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

UFMG - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR UFMG - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Física Questão 01 Durante uma brincadeira, Rafael utiliza o dispositivo mostrado nesta figura para lançar uma bolinha horizontalmente. Nesse

Leia mais

Professores: Gilberto / Gustavo / Luciano / Maragato CURSO DOMÍNIO. Comentário: Energia de Capacitor. Comentário: Questão sobre atrito

Professores: Gilberto / Gustavo / Luciano / Maragato CURSO DOMÍNIO. Comentário: Energia de Capacitor. Comentário: Questão sobre atrito Professores: Gilberto / Gustavo / Luciano / Maragato CURSO DOMÍNIO A prova de física exigiu um bom conhecimento dos alunos. Há questões relacionadas principalmente com a investigação e compreensão dos

Leia mais

química 2 Questão 37 Questão 38 Questão 39 alternativa C na alternativa B. Sabendo-se que a amônia (NH 3)

química 2 Questão 37 Questão 38 Questão 39 alternativa C na alternativa B. Sabendo-se que a amônia (NH 3) química 2 Questão 37 Questão 38 abendo-se que a amônia (N 3) é constituída por moléculas polares e apresenta boa solubilidade em água. o diclorometano (2 2) não possui isômeros. ua molécula apresenta polaridade,

Leia mais

SIMULADO DE QUÍMICA. 1) Para eliminar a poeira e outras impurezas sólidas do ar, muitos aparelhos de purificação usam método da:

SIMULADO DE QUÍMICA. 1) Para eliminar a poeira e outras impurezas sólidas do ar, muitos aparelhos de purificação usam método da: SIMULADO DE QUÍMICA 1) Para eliminar a poeira e outras impurezas sólidas do ar, muitos aparelhos de purificação usam método da: a) ( ) filtração; b) ( ) flotação; c) ( ) separação de mistura; d) ( ) ventilação.

Leia mais

QUÍMICA COMENTÁRIO DA PROVA DE QUÍMICA

QUÍMICA COMENTÁRIO DA PROVA DE QUÍMICA COMENTÁRIO DA PROVA DE QUÍMICA Prova boa, com questões claras e nível superior ao do ano passado. Nota-se, no entanto, a falta de uma revisão criteriosa, feita por algum professor da área, que não tenha

Leia mais

QUESTÕES DE QUÍMICA DA UNICAMP PROVA DE 2014.

QUESTÕES DE QUÍMICA DA UNICAMP PROVA DE 2014. QUESTÕES DE QUÍMICA DA UNICAMP PROVA DE 2014. 1- Prazeres, benefícios, malefícios, lucros cercam o mundo dos refrigerantes. Recentemente, um grande fabricante nacional anunciou que havia reduzido em 13

Leia mais

TC Revisão 2 Ano Termoquímica e Cinética Prof. Alexandre Lima

TC Revisão 2 Ano Termoquímica e Cinética Prof. Alexandre Lima TC Revisão 2 Ano Termoquímica e Cinética Prof. Alexandre Lima 1. Em diversos países, o aproveitamento do lixo doméstico é quase 100%. Do lixo levado para as usinas de compostagem, após a reciclagem, obtém-se

Leia mais

b) Calcule o número de oxidação do fósforo e as cargas formais dos átomos de fósforo, oxigênio e hidrogênio na estrutura.

b) Calcule o número de oxidação do fósforo e as cargas formais dos átomos de fósforo, oxigênio e hidrogênio na estrutura. QUÍMICA 01. ácido sulfúrico, assim como o íon hidrogenossulfato, reage com bases fortes, como hidróxido de sódio, liberando calor para as vizinhanças. Dados: M (g.mol-1) H = 1,008; = 15,999; S = 32,06;

Leia mais

Questão 1. Questão 2. Resposta

Questão 1. Questão 2. Resposta Questão 1 Água pode ser eletrolisada com a finalidade de se demonstrar sua composição. A figura representa uma aparelhagem em que foi feita a eletrólise da água, usando eletrodos inertes de platina. a)

Leia mais

Introdução. Muitas reações ocorrem completamente e de forma irreversível como por exemplo a reação da queima de um papel ou palito de fósforo.

Introdução. Muitas reações ocorrem completamente e de forma irreversível como por exemplo a reação da queima de um papel ou palito de fósforo. Introdução Muitas reações ocorrem completamente e de forma irreversível como por exemplo a reação da queima de um papel ou palito de fósforo. Existem também sistemas, em que as reações direta e inversa

Leia mais

Exemplos de aceleração Constante 1 D

Exemplos de aceleração Constante 1 D Exemplos de aceleração Constante 1 D 1) Dada a equação de movimento de uma partícula em movimento retilíneo, s=-t 3 +3t 2 +2 obtenha: a) A velocidade média entre 1 e 4 segundos; e) A velocidade máxima;

Leia mais

Química Fascículo 07 Elisabeth Pontes Araújo Elizabeth Loureiro Zink José Ricardo Lemes de Almeida

Química Fascículo 07 Elisabeth Pontes Araújo Elizabeth Loureiro Zink José Ricardo Lemes de Almeida Química Fascículo 07 Elisabeth Pontes Araújo Elizabeth Loureiro Zink José Ricardo Lemes de Almeida Índice Propriedades Coligativas...1 Exercícios...3 Gabarito...5 Propriedades coligativas Propriedades

Leia mais

Vestibular UFRGS 2015. Resolução da Prova de Física

Vestibular UFRGS 2015. Resolução da Prova de Física Vestibular URGS 2015 Resolução da Prova de ísica 1. Alternativa (C) O módulo da velocidade relativa de móveis em movimentos retilíneos de sentidos opostos pode ser obtido pela expressão matemática: v r

Leia mais

O CITOPLASMA E SUAS ORGANELAS

O CITOPLASMA E SUAS ORGANELAS O CITOPLASMA E SUAS ORGANELAS Citoplasma região entre a membrana plasmática e o núcleo (estão presentes o citosol e as organelas). Citosol material gelatinoso formado por íons e moléculas orgânicas e inorgânicas

Leia mais

A) a existência do oceano líquido é uma hipótese possível, pois um sal solúvel só forma uma mistura homogênea com a água, quando ela está líquida.

A) a existência do oceano líquido é uma hipótese possível, pois um sal solúvel só forma uma mistura homogênea com a água, quando ela está líquida. TEXTO PARA A QUESTÃO 1. Sonda espacial detecta sal de cozinha em lua de Saturno A análise da composição química do anel mais externo de Saturno revelou a presença de 98% de água, 1% de cloreto de sódio,

Leia mais

Escola de Engenharia de Lorena USP - Cinética Química Capítulo 05 Reações Irreversiveis a Volume Varíavel

Escola de Engenharia de Lorena USP - Cinética Química Capítulo 05 Reações Irreversiveis a Volume Varíavel 1 - Calcule a fração de conversão volumétrica (ε A) para as condições apresentadas: Item Reação Condição da Alimentação R: (ε A ) A A 3R 5% molar de inertes 1,5 B (CH 3 ) O CH 4 + H + CO 30% em peso de

Leia mais

IESA-ESTUDO DIRIGIDO 1º SEMESTRE 8º ANO - MANHÃ E TARDE- DISCIPLINA: CIÊNCIAS PROFESSORAS: CELIDE E IGNÊS. Aluno(a): Turma:

IESA-ESTUDO DIRIGIDO 1º SEMESTRE 8º ANO - MANHÃ E TARDE- DISCIPLINA: CIÊNCIAS PROFESSORAS: CELIDE E IGNÊS. Aluno(a): Turma: IESA-ESTUDO DIRIGIDO 1º SEMESTRE 8º ANO - MANHÃ E TARDE- DISCIPLINA: CIÊNCIAS PROFESSORAS: CELIDE E IGNÊS Aluno(a): Turma: Querido (a) aluno (a), Este estudo dirigido foi realizado para que você revise

Leia mais

GABARITO DO SIMULADO DISCURSIVO

GABARITO DO SIMULADO DISCURSIVO GABARITO DO SIMULADO DISCURSIVO 1. (Unifesp 013) O atleta húngaro Krisztian Pars conquistou medalha de ouro na olimpíada de Londres no lançamento de martelo. Após girar sobre si próprio, o atleta lança

Leia mais

LIGAÇÕES QUÍMICAS TEORIA CORPUSCULAR

LIGAÇÕES QUÍMICAS TEORIA CORPUSCULAR LIGAÇÕES QUÍMICAS 5 TEORIA CORPUSCULAR 1 INTRODUÇÃO O fato de os gases nobres existirem na natureza como átomos isolados, levou os cientistas KOSSEL e LEWIS a elaborar um modelo para as ligações químicas.

Leia mais

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2011-2 GABARITO DA PROVA DISCURSIVA DE QUÍMICA

UFJF CONCURSO VESTIBULAR 2011-2 GABARITO DA PROVA DISCURSIVA DE QUÍMICA UFJF CNCURS VESTIBULAR 2011-2 GABARIT DA PRVA DISCURSIVA DE QUÍMICA Questão 1 Sabe-se que compostos constituídos por elementos do mesmo grupo na tabela periódica possuem algumas propriedades químicas semelhantes.

Leia mais

a) Qual a configuração eletrônica do cátion do alumínio isoeletrônico ao gás nobre neônio?

a) Qual a configuração eletrônica do cátion do alumínio isoeletrônico ao gás nobre neônio? Questão 1: O Brasil é o campeão mundial da reciclagem de alumínio, colaborando com a preservação do meio ambiente. Por outro lado, a obtenção industrial do alumínio sempre foi um processo caro, consumindo

Leia mais

04. Com base na lei da ação e reação e considerando uma colisão entre dois corpos A e B, de massas m A. , sendo m A. e m B. < m B.

04. Com base na lei da ação e reação e considerando uma colisão entre dois corpos A e B, de massas m A. , sendo m A. e m B. < m B. 04. Com base na lei da ação e reação e considerando uma colisão entre dois corpos A e B, de massas m A e m B, sendo m A < m B, afirma-se que 01. Um patrulheiro, viajando em um carro dotado de radar a uma

Leia mais

Resolução de Provas 2009

Resolução de Provas 2009 Resolução de Provas 2009 01.No bebedouro doméstico representado na figura, a água do garrafão virado para baixo, de boca aberta, não vaza para o recipiente onde ele se apóia, devido à pressão atmosférica.

Leia mais

As questões de 31 a 34 referem-se ao texto abaixo.

As questões de 31 a 34 referem-se ao texto abaixo. QUÍMICA As questões de 31 a 34 referem-se ao texto abaixo. Em diversos países, o aproveitamento do lixo doméstico é quase 100%. Do lixo levado para as usinas de compostagem, após a reciclagem, obtém-se

Leia mais

Projeto Embuá Unidade de Aprendizagem: ENERGIA

Projeto Embuá Unidade de Aprendizagem: ENERGIA Projeto Embuá Unidade de Aprendizagem: ENERGIA Energia para realizar reações químicas: eletrólise do iodeto de potássio aquoso Existem reações químicas não espontâneas, mas que são realizadas com rapidez

Leia mais

Propriedades Físicas das Soluções

Propriedades Físicas das Soluções Propriedades Físicas das Soluções Solução (def): é uma mistura homogénea de duas ou mais substâncias. Solvente: componente da solução do mesmo estado físico, por exemplo água numa solução aquosa Soluto:

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO FÍSICA CADERNO DE QUESTÕES

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO FÍSICA CADERNO DE QUESTÕES CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO FÍSICA CADERNO DE QUESTÕES 1 a QUESTÃO Valor: 1,00 A L 0 H mola apoio sem atrito B A figura acima mostra um sistema composto por uma parede vertical

Leia mais

SÉRIE: 9º ano EF Exercícios de recuperação final DATA / / DISCIPLINA: QUÍMICA PROFESSOR: FLÁVIO SUGESTÕES DE QUESTÕES

SÉRIE: 9º ano EF Exercícios de recuperação final DATA / / DISCIPLINA: QUÍMICA PROFESSOR: FLÁVIO SUGESTÕES DE QUESTÕES SÉRIE: 9º ano EF Exercícios de recuperação final DATA / / DISCIPLINA: QUÍMICA PROFESSOR: FLÁVIO SUGESTÕES DE QUESTÕES TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO Na(s) questão(ões) a seguir escreva no espaço apropriado

Leia mais

Aula 2: O estudo da matéria

Aula 2: O estudo da matéria KROTON S.A. UNIC EDUCACIONAL LTDA. ENGENHARIA DE PRODUÇÃO 2015/1 Aula 2: O estudo da matéria A Matéria Conceitos; Tudo que tem massa e ocupa lugar no espaço. - O que é massa? - Como se afere a massa de

Leia mais

FIEB FUNDAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DE BARUERI CURSINHO PREPARATÓRIO PARA VESTIBULARES PROVA DE QUÍMICA 2016

FIEB FUNDAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DE BARUERI CURSINHO PREPARATÓRIO PARA VESTIBULARES PROVA DE QUÍMICA 2016 FIEB FUNDAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DE BARUERI CURSINHO PREPARATÓRIO PARA VESTIBULARES PROVA DE QUÍMICA 2016 NOME: INSCRIÇÃO: RG: E-MAIL: TEL: INSTRUÇÕES Verifique se este caderno corresponde a sua opção

Leia mais