Sensores: de proximidade 5 (2 emissores e 3 receptores) O SEU ROBOT pode: PROJETAR UM FEIXE DE LUZ E TRANSPORTAR OBJETOS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sensores: de proximidade 5 (2 emissores e 3 receptores) O SEU ROBOT pode: PROJETAR UM FEIXE DE LUZ E TRANSPORTAR OBJETOS"

Transcrição

1

2 PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS O PROJETO O SEU ROBOT lhe dá a chance de utilizar hoje a tecnologia do futuro. Desenvolvido para incorporar muitas das características dos robots humanóides de tecnologia mais avançada, ele consegue ver, sentir, falar e se mover de acordo com as ordens que recebe. OSEU ROBOT é um projeto realizado pela RoboTech, empresa fundada por dois membros do Advanced Robotics Technology and Systems Laboratory (ARTS Lab) da Scuola Superiore Sant Anna de Pisa, na Itália. Este centro de investigação, um dos mais importantes da Europa, trata principalmente do desenvolvimento e estudo de aplicações de robótica. Entre seus muitos projetos colabora, por exemplo, com a Waseda University de Tóquio na produção de um dos andróides mais avançados do mundo. Destas experiências nasceu O SEU ROBOT, que incorpora as mais sofisticadas soluções de engenharia. Durante a realização do projeto, a RoboTech desenvolveu dispositivos e software que permitem que O SEU ROBOT possa ver, sentir e responder às pessoas. Além disso, graças à tecnologia Bluetooth, pode se comunicar sem fios com computadores e celulares e, assim, você pode ver o que ele vê e controlar todos os seus movimentos. O SEU ROBOT foi criado pelos especialistas em robótica da RoboTech (abaixo), empresa que pertence ao ARTS Lab (acima) e integrada à Scuola Superiore Sant Anna de Pisa, Itália. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Dimensões (alt. x larg. x prof.): 40 cm (em pé) x 28,5 cm x 31 cm (aprox.) Peso: 2 kg (aprox.) Pilhas: 8 pilhas AA (alcalinas ou recarregáveis) Duração das pilhas: 4 horas aprox. (em uso contínuo) Velocidade: 30 cm/s máx. (conforme o tipo de piso) Motores: 7 motores CC com codificador Graus de liberdade: 7 executados + 4 não executados Sensores: de proximidade 5 (2 emissores e 3 receptores) de tato: 1 (na cabeça) de luz: 2 de temperatura: 1 LED: 26 Visor: 1, LCD alfanumérico, 16 caracteres x 2 linhas Memória Flash: 16 MB RAM: 16 MB Capacidade de gravação de som: 150 segundos (aprox.) Resolução máxima CMOS: 640 x 480 Ferramentas de mão: 2 (lanterna e bandeja para transportar objetos) Portas externas: USB e RS232 Requisitos do sistema: Windows 98, 2000 ou XP Raio de ação Bluetooth: 10 a 30 metros aprox. (conforme o ambiente) Compatibilidade Bluetooth: O SEU ROBOT pode ser controlado da maior parte dos celulares e PDA compatíveis com Bluetooth e de qualquer dispositivo que suporte J2ME com MIDP 2.0 ou MIDP JSR-135 (Mobile Media API) e JSR-82 (Java API para dispositivos Bluetooth). Em pode ser consultada uma lista atualizada dos produtos Bluetooth. Na lista não foram incluídos alguns dados relativos aos elementos instaláveis na breadboard nem às porta-ferramentas acopláveis aos braços. FALAR E EXECUTAR ORDENS VERBAIS O SEU ROBOT entende e executa mais de 50 ordens verbais. Pode, ainda, ativar uma password biométrica especial para que obedeça exclusivamente à sua voz. DETECTAR E REAGIR A MOVIMENTO O SEU ROBOT pode analisar as imagens de sua câmera e detectar áreas de movimento e cor, o que permite que ele localize e siga um objeto em movimento. SEGUIR AS INSTRUÇÕES DE SEU PC, INCLUSIVE VIA INTERNET O PROJETO Com o software que será entregue durante a coleção para instalar no seu computador, você poderá controlar seu robot sem estar em casa, enviando ordens através da internet. Além disso, poderá acrescentar ao SEU ROBOT novas funções, programando-o a partir do seu computador. Para isso, os menos experientes poderão utilizar uma interface de controle muito fácil de usar. Por outro lado, se tiver experiência e preferir programá-lo utilizando o mesmo código usado pelos engenheiros profissionais, também poderá fazê-lo. O SEU ROBOT é compatível com Java, uma das linguagens de programação mais utilizadas hoje em dia. PROJETAR UM FEIXE DE LUZ E TRANSPORTAR OBJETOS INTERAGIR COM O PC E COM O CELULAR VIA BLUETOOTH O SEU ROBOT dispõe de um módulo Bluetooth interno para interagir com o computador ou com o celular compatíveis com Bluetooth. Você também pode receber dados do robot e ver em tempo real, por exemplo no visor do celular, aquilo que O SEU ROBOT está captando com a câmera que tem incorporada. Nos braços do SEU ROBOT podem ser instaladas várias ferramentas comutáveis: uma lanterna, uma bandeja para transportar pequenos volumes, uma mão com três dedos para apanhar objetos e transportá-los e um comando universal.

3 FASES DE MONTAGEM CONSTRUA SEU ROBOT FASES DE MONTAGEM A montagem do SEU ROBOT não traz dificuldades. É montado por módulos, cada um deles concluídos seguindo instruções simples que você encontrará nos fascículos, e que são apresentados aqui. FASE 1 MONTAGEM DA CABEÇA A primeira fase consiste em montar a cabeça de seu robot, que incorpora diversos componentes eletrônicos e mecânicos. Você terá de montar o motor e as engrenagens para que possa mover a cabeça, assim como os sensores que permitirão a ele reagir e demonstrar emoções. FASE 2 DETECTOR DE SOM, ALIMENTAÇAO e TRONCO Na segunda fase são incorporados o módulo detector de som que permitirá a ele receber ordens verbais, assim como o sistema de alimentação das diferentes peças e o motor do pescoço, que permite ao SEU ROBOT virar para a direita e para a esquerda. Nesta segunda fase também é entregue uma parte do tronco. FASE 3 PLACA-MAE E MÓDULO DE VOZ Junto com a placa-mãe, o módulo de voz é a peça principal da terceira fase. Na verdade, graças a este último módulo (e com a ajuda do microfone e do alto-falante instalados no tronco) O SEU ROBOT consegue interagir verbalmente: reconhece as ordens verbais previamente programadas e responde com ações e frases curtas. FASE 4 BLUETOOTH O módulo Bluetooth é o componente principal da quarta fase de montagem. Ao final desta etapa de montagem, e graças à instalação do circuito correspondente, O SEU ROBOT poderá dialogar com o PC e com o celular, desde que estes sejam compatíveis com Bluetooth. Depois de instalar o software correspondente, você poderá controlar à distância os movimentos e as funções do robot, bem como monitorar alguns de seus elementos. FASE 5 O CÉREBRO e A CÂMERA A fase 5 é fundamental porque corresponde à montagem do cérebro e do sistema de visão. Quando terminada, O SEU ROBOT já poderá gravar imagens e reagir aos objetos que tiver à frente, além de expressar seu estado de ânimo mediante o movimento corporal, os sons e a iluminação dos LEDs. FASE 7 BREADBOARD E INTERNET FASE 6 NAVEGAÇAO CHIP CMOS Os chips CMOS são sensores luminosos utilizados nas câmeras digitais (como o CCD). Os mais avançados proporcionam uma imagem quase tão boa como os CCD, mas consomem cem vezes menos energia, o que aumenta bastante a autonomia das pilhas. Outra vantagem é precisarem de muito menos circuitos eletrônicos externos, permitindo que o chip possa ser instalado na cabeça do SEU ROBOT sem problemas de espaço. A sexta fase abrange tudo o que diz respeito ao sistema de navegação e locomoção do robot. Na verdade, trata-se de uma fase transversal porque algumas das peças já foram entregues anteriormente. O sistema de navegação permite que O SEU ROBOT se mova sobre as rodas e evite os obstáculos que possa encontrar no caminho graças aos sensores e ultra-sons alojados na parte da frente, além de levantar e sentar. No final da fase número sete, O SEU ROBOT disporá de uma placa breadboard que ampliará suas funções com novos dispositivos que você queira incorporar a ele. Além disso, por meio do software do terceiro CD-ROM você poderá controlar O SEU ROBOT mesmo através da internet. FASE 8 BRAÇOS E 1 A SÉRIE DE FERRAMENTAS DE MAO A oitava fase corresponde aos braços do SEU ROBOT. Cada um é acionado por um motor elétrico situado no ombro e podem ser controlados graças a um chip eletrônico. Além disso, os braços funcionam como portas de expansão (com uma ficha do tipo mini-usb) às quais podem se ligar as ferramentas da mão, como por exemplo uma bandeja e uma lanterna LED. TECNOLOGiA BLUETOOTH Bluetooth é uma tecnologia de comunicação padrão que permite que qualquer tipo de equipamento eletrônico incluindo computadores, celulares e MP3 possam se comunicar entre si sem fios. Os dispositivos Bluetooth procuram outros equipamentos que disponham desta tecnologia e ligam-se automaticamente. O chip Bluetooth de O SEU ROBOT liga-o ao seu PC ou celular e permite que os dois dispositivos comuniquem-se um com o outro. Assim, você poderá interagir com o robot por meio do celular (utilizando-o como um controle remoto à distância) ou do computador. O sistema deve o nome a um rei dinamarquês do século X chamado Harald Bluetooth que uniu as tribos da região da Escandinávia. O símbolo moderno que representa Bluetooth (à direita) combina os antigos caracteres para as letras H e B. FASE 9 SENSORES, MAO E COMANDO À DISTÂNCIA A última fase da construção do SEU ROBOT inclui a montagem dos sensores de proximidade por infravermelho, que permitem detectar a presença de objetos perto do robot, e duas novas ferramentas: uma mão com três dedos, que é uma espécie de mão robótica com a qual O SEU ROBOT pode segurar e largar objetos pequenos; e um comando universal capaz de controlar os aparelhos domésticos que, como a televisão, o equipamento HI-FI ou o ar condicionado, funcionam por infravermelho.

4 OS FASCÍCULOS A OBRA EDITORIAL OS FASCICULOS Nos fascículos você encontrará instruções detalhadas para montar as peças que vão sendo entregues. Os fascículos também lhe permitirão descobrir todos os segredos do mundo fascinante da robótica e ficar sabendo como será a tecnologia do futuro. Arobótica é uma das pioneiras da tecnologia porque combina alguns dos sistemas mais avançados da engenharia e da informática do mundo moderno. À medida que você for construindo O SEU ROBOT, experimentará essa avançada tecnologia. Cada fascículo é composto por quatro grandes seções que tratam de temas concretos da robótica. Assim você conhecerá todos os detalhes dessa ciência apaixonante. Aprenderá, por exemplo, as características dos diferentes robots já desenvolvidos, compartilhará as idéias visionárias dos grandes cientistas e se aproximará da investigação que desenvolvem os robots do futuro. A ROBÓTICA EM AÇÃO Atualmente são utilizados robots em milhares de aplicações práticas, desde a colheita de frutas à montagem de carros, passando pela exploração dos oceanos. Muitas das funções desses robots industriais estão presentes no SEU ROBOT e você poderá explorar as funções das máquinas mais avançadas. FICÇÃO E REALIDADE O conceito de robot foi desenvolvido muito antes de eles existirem. E ainda é assim hoje: os primeiros projetos parecem ficção científica, mas passados alguns anos tornam-se realidade. Nesta seção aprenderemos a separar a ficção da realidade. PIONEIROS Nesta seção você conhecerá os designers e os cientistas visionários cujas investigações ampliam os limites da inteligência artificial e da robótica. Poderá explorar seus modelos e partilhar suas idéias sobre o aspecto e as capacidades dos robots do futuro. Ao longo da coleção serão colocados à venda 4 fichários, para que você possa arquivar suas fichas corretamente. PASSO A PASSO NOTA DO EDITOR: As características dos componentes e a ordem de entrega da coleção podem ser alteradas por imperativos técnicos alheios à editora. Nesta seção são dadas instruções de montagem detalhadas de cada uma das peças que compõem O SEU ROBOT. Com fotografias esclarecedoras e diagramas ilustrativos, é explicado passo a passo como montar as peças e todas as técnicas que você precisa saber.

5 COMO GARANTIR UMA COLEÇÃO COMPLETA: Compre sempre no mesmo ponto de venda; Faça reserva para garantir seu exemplar; Solicite as edições atrasadas ao seu jornaleiro. Para informações sobre esta e outras coleções, o Serviço de Apoio ao Cliente está sempre ao seu dispor. Ligue (11) Segunda a sexta, das 8h às 20h, e sábados, das 9h às 15h HÁ MAIS DE DEZ ANOS TRAZENDO PARA O BRASIL AS MELHORES COLEÇÕES DE TODO O MUNDO

SUMÁRIO. Motivação Contextualização Objetivo Desenvolvimento. Aplicação Discussão Conclusão Perguntas. Hardware Software

SUMÁRIO. Motivação Contextualização Objetivo Desenvolvimento. Aplicação Discussão Conclusão Perguntas. Hardware Software SUMÁRIO Motivação Contextualização Objetivo Desenvolvimento Etapas de preparação Hardware Software Aplicação Discussão Conclusão Perguntas MOTIVAÇÃO Interesse em novas tecnologias Interesse no desenvolvimento

Leia mais

COMPROVAR O FUNCIONAMENTO DOS MOTORES

COMPROVAR O FUNCIONAMENTO DOS MOTORES PASSO A PASSO COMPROVAR O FUNCIONAMENTO DOS MOTORES COMPROVAÇÃO Com a montagem do módulo Braços chegou o momento de testar os motores que se colocaram no robot entre os fascículos 18 e 22. Amontagem correcta

Leia mais

CONSTRUÇÃO DE VEÍCULO MECATRÔNICO COMANDADO REMOTAMENTE

CONSTRUÇÃO DE VEÍCULO MECATRÔNICO COMANDADO REMOTAMENTE CONSTRUÇÃO DE VEÍCULO MECATRÔNICO COMANDADO REMOTAMENTE Roland Yuri Schreiber 1 ; Tiago Andrade Camacho 2 ; Tiago Boechel 3 ; Vinicio Alexandre Bogo Nagel 4 INTRODUÇÃO Nos últimos anos, a área de Sistemas

Leia mais

Para existência de um sistema de informação, fazem-se necessários três componentes, são eles:

Para existência de um sistema de informação, fazem-se necessários três componentes, são eles: RESUMO Um sistema de informação é composto de três componentes, Hardware, Software e Peopleware. Para quantificar a memória do equipamento é utilizado um sistema de medida, ou seja, o byte, que significa

Leia mais

5 Sistema Experimental

5 Sistema Experimental 5 Sistema Experimental Este capitulo apresenta o sistema experimental utilizado e é composto das seguintes seções: - 5.1 Robô ER1: Descreve o robô utilizado. É dividida nas seguintes subseções: - 5.1.1

Leia mais

INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO COM ROBÔS LEGO

INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO COM ROBÔS LEGO RAYNER DE MELO PIRES ANA PAULA SUZUKI ANDRÉ REIS DE GEUS GABRIELA QUIRINO PEREIRA SALVIANO LUDGÉRIO FELIPE GOMES INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO COM ROBÔS LEGO JULHO DE 2010 SUMÁRIO 1 O que é o NXT?...4 2 Explicando

Leia mais

A PLACA DO COMANDO À DISTÂNCIA

A PLACA DO COMANDO À DISTÂNCIA A PLACA DO COMANDO À DISTÂNCIA COMPONENTES 1. A peça entregue com este último fascículo da colecção é uma placa electrónica muito importante porque permite controlar o comando à distância universal de

Leia mais

Introdução. Conteúdo da embalagem. Especificações. Versão Portuguesa SWEEX.COM

Introdução. Conteúdo da embalagem. Especificações. Versão Portuguesa SWEEX.COM MP001/MP002/MP003/MP004 Sweex Black Sea MP3 Player 128 MB/256 MB/512 MB/1GB Introdução Gostaríamos de agradecer o facto de ter adquirido este Leitor MP3 da Sweex. Com este leitor MP3 compacto pode em toda

Leia mais

CABOS DA PLACA DE PROTÓTIPOS

CABOS DA PLACA DE PROTÓTIPOS CABOS DA PLACA DE PROTÓTIPOS COMPONENTES 1. 2. Para realizar qualquer circuito na placa de protótipos são necessários os cabos de ligação entregues com este fascículo, com o qual também é fornecido um

Leia mais

Câmera com Iluminador Infravermelho

Câmera com Iluminador Infravermelho Câmera com Iluminador Infravermelho Manual de Instruções 051118, VER.: 2.0, NO.: 040115 Obrigado por adquirir o nosso produto. Antes de operar esta unidade, por favor, leia este manual de instruções cuidadosamente

Leia mais

VPCSB15GB. Intel Core i5-2410m (2.30GHz com Turbo Boost até 2.90GHz) AMD Radeon HD 6470M (512MB) + Intel HD Graphics

VPCSB15GB. Intel Core i5-2410m (2.30GHz com Turbo Boost até 2.90GHz) AMD Radeon HD 6470M (512MB) + Intel HD Graphics VPCSB15GB Intel Core i5-2410m (2.30GHz com Turbo Boost até 2.90GHz) AMD Radeon HD 6470M (512MB) + Intel HD Graphics Windows 7 Professional 500GB HDD 4GB DDR3 SDRAM (expansível até 8GB) Tela VAIO Plus de

Leia mais

Câmera CFTV Digital Sem Fio

Câmera CFTV Digital Sem Fio Câmera CFTV Digital Sem Fio Manual do Usuário Você acaba de adquirir um produto Leadership, testado e aprovado por diversos consumidores em todo Brasil. Neste manual estão contidas todas as informações

Leia mais

Passo 3: Posicionando a Câmera na Prova Didática Teórica ou na Prova de Defesa da Produção Intelectual

Passo 3: Posicionando a Câmera na Prova Didática Teórica ou na Prova de Defesa da Produção Intelectual Este manual descreve um procedimento para o registro de Concursos Públicos por meio de áudio e vídeo utilizando-se recursos tecnológicos básicos i. A gravação segue o disposto na Resolução 020/09 da UFSM

Leia mais

LOUSA INTERATIVA MANUAL

LOUSA INTERATIVA MANUAL LOUSA INTERATIVA MANUAL Obrigado por comprar uma lousa Mastervision o Quadro Branco Interativo da Arquimedes Automação e Informática. A Arquimedes respresenta a marca MarterVision sob licença da empresa

Leia mais

Prof.Msc Jocênio Marquios Epaminondas. http://www.twitter.com/jocenio

Prof.Msc Jocênio Marquios Epaminondas. http://www.twitter.com/jocenio Prof.Msc Jocênio Marquios Epaminondas http://www.jocenio.pro.br email:prof.jocenio@jocenio.pro.br http://www.twitter.com/jocenio A escrita, os primeiros registos: Os primeiros registos gráficos feitos

Leia mais

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO As respostas das atividades deverão ser mais simples e completas possíveis e baseadas nas aulas (vídeo-aula). Acrescentei mais informações para servirem de material de apoio aos estudos para avaliações

Leia mais

Rodrigo Baleeiro Silva Engenheiro de Controle e Automação. Introdução à Engenharia de Controle e Automação

Rodrigo Baleeiro Silva Engenheiro de Controle e Automação. Introdução à Engenharia de Controle e Automação Rodrigo Baleeiro Silva Engenheiro de Controle e Automação (do latim Automatus, que significa mover-se por si) ; Uso de máquinas para controlar e executar suas tarefas quase sem interferência humana, empregando

Leia mais

Caso necessite de mais equipamentos ou em caso de dúvidas, favor enviar email para domingolegal@bistecnologia.com.br

Caso necessite de mais equipamentos ou em caso de dúvidas, favor enviar email para domingolegal@bistecnologia.com.br Instalar os equipamentos é tão fácil quanto afixar um quadro. Se você preferir, pode contratar os serviços de qualquer pessoa para afixar os equipamentos. A BIS já envia todos os equipamentos pré-configurados

Leia mais

I. Conhecendo sua Câmera 1. Conhecendo e instalação

I. Conhecendo sua Câmera 1. Conhecendo e instalação I. Conhecendo sua Câmera 1. Conhecendo e instalação 1 Botão Exibição 2 Botão LED LIG/DESL 3 Botão Modo (DV / DSC) 4 Botão Obturador 5 Botão para cima 6 Botão Ok 7 Porta AV/USB 8 Botão Direito 9 Botão Menu

Leia mais

ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA QUALISTAR MODELO CA 8332

ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA QUALISTAR MODELO CA 8332 ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA QUALISTAR MODELO CA 8332 Especialmente concebido para serviços de controlo e manutenção de edifícios industriais ou administrativos, o Qualistar CA 8332 permite obter

Leia mais

Programa A busca da formação integral de adolescentes que habitam as periferias e bolsões de miséria em Cascavel/PR através da saúde, do meio

Programa A busca da formação integral de adolescentes que habitam as periferias e bolsões de miséria em Cascavel/PR através da saúde, do meio Programa A busca da formação integral de adolescentes que habitam as periferias e bolsões de miséria em Cascavel/PR através da saúde, do meio ambiente, da cultura e da tecnologia O que é computador? O

Leia mais

TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO

TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO O que é a Informática? A palavra Informática tem origem na junção das palavras: INFORMAÇÃO + AUTOMÁTICA = INFORMÁTICA...e significa, portanto, o tratamento da informação

Leia mais

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA Introdução a microinformática William S. Rodrigues HARDWARE BÁSICO O hardware é a parte física do computador. Em complemento ao hardware, o software é a parte lógica, ou seja,

Leia mais

AEC Access Easy Controller. Guia de Referência

AEC Access Easy Controller. Guia de Referência AEC Access Easy Controller Guia de Referência Índice 3 1. AEC - Vista Geral do Sistema 4 2. AEC - Componentes Principais 6 3. AEC - Configuração 7 4. AEC - Benefícios 8 5. AEC - Como encomendar? 10 6.

Leia mais

ANEXO 3 AO COMUNICADO: SÃO PAULO E SANTA CATARINA ALTERAÇÃO DE ACORDO DE ST.

ANEXO 3 AO COMUNICADO: SÃO PAULO E SANTA CATARINA ALTERAÇÃO DE ACORDO DE ST. ANEXO 3 AO COMUNICADO: SÃO PAULO E SANTA CATARINA ALTERAÇÃO DE ACORDO DE ST. Abrangência: operações interestaduais originadas do Estado de São Paulo e destinadas ao Estado de Santa Catarina. Produto: eletrônicos,

Leia mais

KVM CPU Switch 4 Portas Manual do Usuário

KVM CPU Switch 4 Portas Manual do Usuário P R E F Á C I O Este é um produto da marca GTS Network, que está sempre comprometida com o desenvolvimento de soluções inovadoras e de alta qualidade. Este manual descreve, objetivamente, como instalar

Leia mais

Quadro de Comando 24V SMD CAN ISO 9001. 32 bits. A modernização necessária para seu elevador! 240m/min. Até 48. Componentes. Alimentação.

Quadro de Comando 24V SMD CAN ISO 9001. 32 bits. A modernização necessária para seu elevador! 240m/min. Até 48. Componentes. Alimentação. Quadro de Comando Componentes SMD Processador 32 bits Alimentação 24V Até 48 Comunicação CAN pavimentos Velocidade até Apenas conexões* 240m/min 27 Empresa com Duplex, Triplex e Quadriplex ISO 9001 A modernização

Leia mais

Como è feito computador

Como è feito computador Como è feito computador O computador contém uma parte elétrica e uma parte eletrónica. Parte elétrica é usada para transformar e dinstribuir a eletricidade que vem para os vários componentes. Parte eletrónica

Leia mais

Versão Portuguesa. Introdução. Conteúdo da embalagem. Importante! WC002 Sweex USB Webcam 100K with Microphone

Versão Portuguesa. Introdução. Conteúdo da embalagem. Importante! WC002 Sweex USB Webcam 100K with Microphone WC002 Sweex USB Webcam 100K with Microphone Introdução Gostaríamos de agradecer o facto de ter adquirido a Sweex USB Webcam 100K with Microphone. Com esta webcam poderá, de uma forma fácil, conversar com

Leia mais

Baseado na portaria n 373 de 25 de fevereiro de 2011 do Ministério do Trabalho e Emprego;

Baseado na portaria n 373 de 25 de fevereiro de 2011 do Ministério do Trabalho e Emprego; Características Baseado na portaria n 373 de 25 de fevereiro de 2011 do Ministério do Trabalho e Emprego; Poderá ser utilizado por empresas autorizadas por convenção ou acordo coletivo a usar sistemas

Leia mais

1 Introdução... 4. Características... 4 Requisitos do Dispositivo... 5. 2 Conhecendo o dispositivo... 6

1 Introdução... 4. Características... 4 Requisitos do Dispositivo... 5. 2 Conhecendo o dispositivo... 6 Índice 1 Introdução... 4 Características... 4 Requisitos do Dispositivo... 5 2 Conhecendo o dispositivo... 6 Verificação dos itens recebidos... 6 Painel Frontal... 7 Painel Traseiro... 8 3 Conectando o

Leia mais

Como usar a robótica pedagógica aplicada ao currículo

Como usar a robótica pedagógica aplicada ao currículo 1 Congresso sobre práticas inovadoras na educação em um mundo impulsionado pela tecnologia Workshop: Como usar a robótica pedagógica aplicada ao currículo Palestrante: João Vilhete Viegas d'abreu Núcleo

Leia mais

IRISPen Air 7. Guia Rápido. (Windows & Mac OS X)

IRISPen Air 7. Guia Rápido. (Windows & Mac OS X) IRISPen Air 7 Guia Rápido (Windows & Mac OS X) Este Guia Rápido do Usuário ajuda você a começar a usar o IRISPen Air TM 7. Leia este guia antes de utilizar o scanner e o respectivo software.todas as informações

Leia mais

DEPARTAMENTO DE MTEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS

DEPARTAMENTO DE MTEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS DEPARTAMENTO DE MTEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS Planificação da Disciplina de Informática Vocacional 3º ciclo Componente de Formação Vocacional Anos Letivos de 2014/2015 e 2015/2016 Manual adotado:

Leia mais

Características. Gráficos em tempo real, incluindo medições, gráfico de barras, parciais de circuito, tempos de volta, e texto.

Características. Gráficos em tempo real, incluindo medições, gráfico de barras, parciais de circuito, tempos de volta, e texto. Vídeo VBOX Pro combina em um só equipamento um aquisitor de dados GPS e multi câmeras de alta qualidade para gravação de vídeo e displays em tempo real. Gravação de Multi Câmeras Combinando até quatro

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 009/2013

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 009/2013 ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 009/2013 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DO OBJETO LOTE 01: EQUIPAMENTOS DE ILUMINAÇÃO Kit fundo Chroma Key Tecido cor azul (B255, G0, R0) 01 01 Montável em estrutura de alumínio

Leia mais

Ser a primeira opção para empresas que buscam soluções que combinem mobilidade, entretenimento e interatividade.

Ser a primeira opção para empresas que buscam soluções que combinem mobilidade, entretenimento e interatividade. MISSÃO Fornecer todas as ferramentas necessárias que possibilitem levar entretenimento e interatividade a todos os usuários de telefones móveis e fixo. OBJETIVO Ser a primeira opção para empresas que buscam

Leia mais

GUIA BÁSICO PARA PRODUÇÃO DE UM FILME DIGITAL

GUIA BÁSICO PARA PRODUÇÃO DE UM FILME DIGITAL A Filmagem O roteiro foi preparado, a câmera está pronta e então chegou o grande dia de se começar a filmar. Ótimo, mas antes de ligar a câmera, temos que atentar para alguns detalhes básicos. Mas espere

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS CURSO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO Sistemas Operacionais 1- Introdução aos SOs Prof. Sílvio Fernandes Disciplina Sistemas

Leia mais

Câmeras. Internas. www.foscam.com.br

Câmeras. Internas. www.foscam.com.br Câmeras Internas IP WIRELESS FOSCAM FI9821W A câmera IP FOSCAM FI9821W é uma solução para clientes que procuram um equipamento de alto desempenho, com compressão de imagem H.264 e resolução Megapixel.

Leia mais

Comunicações a longas distâncias

Comunicações a longas distâncias Comunicações a longas distâncias Ondas sonoras Ondas electromagnéticas - para se propagarem exigem a presença de um meio material; - propagam-se em sólidos, líquidos e gases embora com diferente velocidade;

Leia mais

Flexi-Scope Tirar fotos e vídeo até 200x de ampliação

Flexi-Scope Tirar fotos e vídeo até 200x de ampliação Flexi-Scope Tirar fotos e vídeo até 200x de ampliação Utilizador GUIA DO USUÁRIO www.tts-shopping.com Informações Importantes n Guarde estas instruções para consulta futura. n Não permita que seu Flexi-Scope

Leia mais

Introdução a Robótica, do NXT ao Arduino

Introdução a Robótica, do NXT ao Arduino Introdução a Robótica, do NXT ao Arduino Com Alex Aquino III Workshop de Sistemas Embarcados do Semiárido do Nordeste & 3 Workshop Técnico Científico de Computação De 12 a 15 de Março de 2013 em Mossoró/RN

Leia mais

INFORMÁTICA BÁSICA AULA 02. Docente: Éberton da Silva Marinho e-mail: ebertonsm@gmail.com

INFORMÁTICA BÁSICA AULA 02. Docente: Éberton da Silva Marinho e-mail: ebertonsm@gmail.com 1 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE INFORMÁTICA BÁSICA AULA 02 Docente: Éberton da Silva Marinho e-mail: ebertonsm@gmail.com 04/06/2014 2 SUMÁRIO O computado Componentes

Leia mais

Tecnologia da Informação

Tecnologia da Informação Tecnologia da Informação Componentes Sistema Informação Hardware - Computadores - Periféricos Software - Sistemas Operacionais - Aplicativos - Suítes Peopleware - Analistas - Programadores - Digitadores

Leia mais

1 Como seu Cérebro Funciona?

1 Como seu Cérebro Funciona? 1 Como seu Cérebro Funciona? UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC (UFABC) O cérebro humano é capaz de processar as informações recebidas pelos cinco sentidos, analisá-las com base em uma vida inteira de experiências,

Leia mais

b) Estabilizador de tensão, fonte no-break, Sistema Operacional, memória principal e memória

b) Estabilizador de tensão, fonte no-break, Sistema Operacional, memória principal e memória CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA SISUTEC DISCIPLINA: INTRODUÇÃO A COMPUTAÇÃO PROF.: RAFAEL PINHEIRO DE SOUSA ALUNO: Exercício 1. Assinale a opção que não corresponde a uma atividade realizada em uma Unidade

Leia mais

Apresentação. www.modelix.com.br Tel: (11) 3858-0099 - contato@modelix.com.br

Apresentação. www.modelix.com.br Tel: (11) 3858-0099 - contato@modelix.com.br COMBO 8.0 Solução Escolar Modelix A Solução Educacional Modelix, é um programa criado especialmente a fim de suprir as necessidades de implantação de um curso de robótica. Seja ele para escolas de ensino

Leia mais

USO DA ARQUITETURA AURA - AUTONOMOUS ROBOT ARCHITECTURE EM UM ROBÔ EXPLORADOR DE LABIRINTO CONTROLADO POR RASPBERRY PI.

USO DA ARQUITETURA AURA - AUTONOMOUS ROBOT ARCHITECTURE EM UM ROBÔ EXPLORADOR DE LABIRINTO CONTROLADO POR RASPBERRY PI. USO DA ARQUITETURA AURA - AUTONOMOUS ROBOT ARCHITECTURE EM UM ROBÔ EXPLORADOR DE LABIRINTO CONTROLADO POR RASPBERRY PI. Resumo João Paulo Fernandes da Silva¹, Willame Balbino Bonfim 1. joaopauloibge@hotmail.com

Leia mais

Composição do MDK-Prog e MDK-Prog Plus

Composição do MDK-Prog e MDK-Prog Plus A Modelix Robotics está lançando no mercado brasileiro dois kits de Robótica aplicada, ideal para quem deseja iniciar o aprendizado de programação de robôs e eletrônica, usando o Software Modelix System

Leia mais

Duas capacidades de armazenamento de digitais. Opção para 1.900 digitais (padrão) ou 9.500 digitais opcional);

Duas capacidades de armazenamento de digitais. Opção para 1.900 digitais (padrão) ou 9.500 digitais opcional); Características Possui estrutura com design moderno e LEDs que indicam a confirmação de registros; Exclusivo sistema de hibernação quando o equipamento encontra-se sem energia vinda da rede elétrica, o

Leia mais

MANUAL DE QUADRO BRANCO INTERACTIVO

MANUAL DE QUADRO BRANCO INTERACTIVO MANUAL DE QUADRO BRANCO INTERACTIVO Obrigado por adquirir um Quadro Interativo Bi-Bright. Visite-nos em www.bibright.com Bi-Bright Comunicação Visual Interactiva S.A. Bi-Bright S.A. Rua Cais da Estação,

Leia mais

O Laboratório de Garagem

O Laboratório de Garagem Oficina de Robótica O Laboratório de Garagem O Laboratório de Garagem foi fundado em 2010 e tem como proposta ser uma iniciativa voltada para a integração, colaboração e apoio aos desenvolvedores independentes

Leia mais

GS 16SVR960 Sistema de Gravação de Vídeo - 960H - 16 canais

GS 16SVR960 Sistema de Gravação de Vídeo - 960H - 16 canais www.gigasecurity.com.br GS 16SVR960 Sistema de Gravação de Vídeo - 960H - 16 canais Gravador de vídeo Fonte bivolt Proteção de surto HD opcional Acesso via internet Sistema de gravação de vídeo Muito mais

Leia mais

Catálogo de Produtos - Gestão Gráfica

Catálogo de Produtos - Gestão Gráfica Catálogo de Produtos - Gestão Gráfica Flexibilidade, confiabilidade e segurança na detecção de incêndios. Sistemas Endereçáveis Analógicos Módulos e Cartões de Comunicação Dispositivo de Análise de Laço

Leia mais

SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO)

SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO) SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO) Há vários tipos de sistemas de gravações digitais. Os mais baratos consistem de uma placa para captura de vídeo, que

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Engenharia de Software O que é a engenharia de software É um conjunto integrado de métodos e ferramentas utilizadas para especificar, projetar, implementar e manter um sistema. Método É uma prescrição

Leia mais

Sistema de Leitura da Porta de Mouse do PC

Sistema de Leitura da Porta de Mouse do PC FUNDAÇÃO ESCOLA TÉCNICA LIBERATO SALZANO VIEIRA DA CUNHA Projeto para Trabalho Trimestral de Física Curso: Técnico em Eletrônica Turma: 4312 Data: 18/10/2005 Sala : 224 Aluno: Cleber Moraes n : 5 Aluno:

Leia mais

Motorola Phone Tools. Início Rápido

Motorola Phone Tools. Início Rápido Motorola Phone Tools Início Rápido Conteúdo Requisitos mínimos... 2 Antes da instalação Motorola Phone Tools... 3 Instalar Motorola Phone Tools... 4 Instalação e configuração do dispositivo móvel... 5

Leia mais

Arquitetura e Organização de Computadores Introdução à Organização do Computador

Arquitetura e Organização de Computadores Introdução à Organização do Computador 1 Arquitetura e Organização de Computadores Introdução à Organização do Computador Professor: João Paulo de Brito Gonçalves Curso: Sistemas de Informação Introdução 2 O Computador é uma ferramenta que

Leia mais

Módulo de captura de imagens do sistema Scisoccer

Módulo de captura de imagens do sistema Scisoccer 1 Módulo de captura de imagens do sistema Scisoccer Rafael Antonio Barro [1] Jailton Farias de Carvalho [2] Resumo: Este artigo descreve como funciona o módulo de captura de imagens do software Sci-soccer,

Leia mais

Informática Aplicada Revisão para a Avaliação

Informática Aplicada Revisão para a Avaliação Informática Aplicada Revisão para a Avaliação 1) Sobre o sistema operacional Windows 7, marque verdadeira ou falsa para cada afirmação: a) Por meio do recurso Windows Update é possível manter o sistema

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES Obrigado por adquirir este produto. Por favor, leia essas instruções cuidadosamente para garantir melhores resultados do seu aparelho. SOBRE O PRODUTO A MINIMAXX é a menor câmera de

Leia mais

Webcam Magnética Night Vision 8MB

Webcam Magnética Night Vision 8MB Webcam Magnética Night Vision 8MB Manual do Usuário Você acaba de adquirir um produto Leadership, testado e aprovado por diversos consumidores em todo Brasil. Neste manual estão contidas todas as informações

Leia mais

Robótica com Arduino CDI. Professor: Paulo Marcos Trentin

Robótica com Arduino CDI. Professor: Paulo Marcos Trentin Robótica com Arduino CDI Professor: Paulo Marcos Trentin Apresentações Professor: Paulo Marcos Trentin Email: paulo@paulotrentin.com.br Site: www.paulotrentin.com.br Graduando 9ª fase do curso de Ciências

Leia mais

Resolução máxima de 12,0 mega pixels com capa fina G-Shot D5123 G-Shot D5123 G-Shot D5123 G-Shot D5123

Resolução máxima de 12,0 mega pixels com capa fina G-Shot D5123 G-Shot D5123 G-Shot D5123 G-Shot D5123 Resolução máxima de 12,0 mega pixels com capa fina A mais nova câmera digital CMOS de 5,0 mega pixels a G-Shot D5123, foi lançada pela Genius. Este novo estilo tem uma aparência preta nobre, e a G-Shot

Leia mais

Testador de dureza de frutas

Testador de dureza de frutas Guia do Usuário Testador de dureza de frutas Modelo FHT200 Introdução Parabéns pela sua compra do Testador de Dureza de Frutas Modelo FHT200 da Extech. O testador é usado para medir a dureza (maturação)

Leia mais

Comunicado de imprensa

Comunicado de imprensa Comunicado de imprensa Multifuncionais PIXMA MP550 e PIXMA MP560 oferecem impressão inteligente e de elevada qualidade a utilizadores domésticos e amantes de fotografia PIXMA MP550 PIXMA MP560 Lisboa,

Leia mais

o Não tente usar WQV Link 2.0 com uma câmera CASIO WQV-1 ou WQV-2. Use o WQV Link 1.0 (WQV-1, WQV-2) apropriado.

o Não tente usar WQV Link 2.0 com uma câmera CASIO WQV-1 ou WQV-2. Use o WQV Link 1.0 (WQV-1, WQV-2) apropriado. Leia isto primeiro! Usuários de Microsoft Windows 98/98SE o Você pode encontrar o guia do usuário para WQV Link 2.0 no CD-ROM. Consulte o guia do usuário para maiores informações sobre os procedimentos

Leia mais

Hardware e Software. Professor: Felipe Schneider Costa. felipe.costa@ifsc.edu.br

Hardware e Software. Professor: Felipe Schneider Costa. felipe.costa@ifsc.edu.br Hardware e Software Professor: Felipe Schneider Costa felipe.costa@ifsc.edu.br Agenda Hardware Definição Tipos Arquitetura Exercícios Software Definição Tipos Distribuição Exercícios 2 Componentesde um

Leia mais

Baseado na portaria n 373 de 25 de fevereiro de 2011 do Ministério do Trabalho e Emprego;

Baseado na portaria n 373 de 25 de fevereiro de 2011 do Ministério do Trabalho e Emprego; Características Baseado na portaria n 373 de 25 de fevereiro de 2011 do Ministério do Trabalho e Emprego; Poderá ser utilizado por empresas autorizadas por convenção ou acordo coletivo a usar sistemas

Leia mais

Fundamentos da Informática

Fundamentos da Informática 1 PROCESSAMENTO DE DADOS I - FUNDAMENTOS A) CONCEITO DE INFORMÁTICA - é a ciência que estuda o tratamento automático e racional da informação. B) PROCESSAMENTO DE DADOS 1) Conceito Processamento de dados

Leia mais

Computador Máquina que processa uma grande quantidade de dados com rapidez e precisão.

Computador Máquina que processa uma grande quantidade de dados com rapidez e precisão. Introdução à informática - Noções Básicas de Informática; - O que é software / hardware; - Como funciona um computador; - Componentes de um computador; - Tipos de computador; - Periféricos; - Ligar e desligar

Leia mais

Headphone com Microfone sem Fio USB

Headphone com Microfone sem Fio USB Headphone com Microfone sem Fio USB Manual do Usuário Você acaba de adquirir um produto Goldship, testado e aprovado por diversos consumidores em todo Brasil. Neste manual estão contidas todas as informações

Leia mais

Programa de Atualização de Pontos do Lince GPS

Programa de Atualização de Pontos do Lince GPS Esse programa atualiza os pontos do software Lince GSP em aparelhos portáteis, como navegadores e celulares. A Robotron mantém um serviço de fornecimento de pontos de controle de velocidade aos aparelhos

Leia mais

Controladores Lógicos Programáveis (CLPs)

Controladores Lógicos Programáveis (CLPs) Controladores Lógicos Programáveis (CLPs) A UU L AL A Uma empresa fabrica clipes em três tamanhos: grande, médio e pequeno. Seus clientes consomem os produtos dos três tamanhos, mas a empresa nunca conseguiu

Leia mais

Conceitos Básicos de Informática. Antônio Maurício Medeiros Alves

Conceitos Básicos de Informática. Antônio Maurício Medeiros Alves Conceitos Básicos de Informática Antônio Maurício Medeiros Alves Objetivo do Material Esse material tem como objetivo apresentar alguns conceitos básicos de informática, para que os alunos possam se familiarizar

Leia mais

Precaução com a Câmera

Precaução com a Câmera Menu Precauções... 1 Especificação Técnica... 2 Descrição da câmera... Descrição da Montagem da Câmera... 5 Instalação da bateria... 7 Função Ligar e Desligar... 8 Seqüência de vídeos... 8 Menu de configurações...

Leia mais

Tecnologia e Informática

Tecnologia e Informática Tecnologia e Informática Centro Para Juventude - 2014 Capitulo 1 O que define um computador? O computador será sempre definido pelo modelo de sua CPU, sendo que cada CPU terá um desempenho diferente. Para

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo TRANSMISSÃO DE INFORMAÇÃO SEM FIO Plano de aula Autor: Prof. Orivaldo Gonçalves de Mello (E.E. Pe Simon Switzar) Alunos da 2ª e 3ª séries ensino médio da E.E. Pe Simon Switzar Raphaela Rodrigues Tatiane

Leia mais

Programa de Instalação do Lince GPS

Programa de Instalação do Lince GPS Esse programa instala o software Lince GSP em aparelhos portáteis que tenham GPS, como navegadores e celulares. O software Lince GPS é um programa destinado a alertar sobre a aproximação a pontos previamente

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO PORTUGUÊS

GUIA DO USUÁRIO PORTUGUÊS GUIA DO USUÁRIO Placa de controle de vigilância por vídeo AXIS T8310 Joystick de vigilância por vídeo AXIS T8311 Teclado de vigilância por vídeo AXIS T8312 Roda de avanço/retrocesso rápido de vigilância

Leia mais

Painel de Controle e Configurações

Painel de Controle e Configurações Painel de Controle e Configurações Painel de Controle FERRAMENTAS DO PAINEL DE CONTROLE: - Adicionar Hardware: Você pode usar Adicionar hardware para detectar e configurar dispositivos conectados ao seu

Leia mais

Alarme Automotivo com mensagem para móvel utilizando Arduino

Alarme Automotivo com mensagem para móvel utilizando Arduino Alarme Automotivo com mensagem para móvel utilizando Arduino Maycon Cirilo dos Santos¹, Wyllian Fressatti¹ ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil mayconsi2012@gmail.com, wyllian@unipar.br

Leia mais

ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA MODELO PQM-701 CLASSE A SEGUNDO NORMA 6100-4-30

ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA MODELO PQM-701 CLASSE A SEGUNDO NORMA 6100-4-30 ANALISADOR DE QUALIDADE DE ENERGIA MODELO PQM-701 CLASSE A SEGUNDO NORMA 6100-4-30 Suporte redes do tipo: Monofásico; Bifásico, com neutro comum; Trifásico com ligação estrela com e sem neutro Trifásico

Leia mais

Como Montar uma Rede Wireless Passo-a-Passo

Como Montar uma Rede Wireless Passo-a-Passo Outras apostilas em: www.projetoderedes.com.br Como Montar uma Rede Wireless Passo-a-Passo Redes Wireless estão em franco crescimento. Novas redes são implementadas, com soluções mais rápidas, abrangentes

Leia mais

EMENTA DA DISCIPLINA Hardware e dispositivos de E/S Sistema Operacional Editor de Texto

EMENTA DA DISCIPLINA Hardware e dispositivos de E/S Sistema Operacional Editor de Texto www.francosampaio.com Informática Curso de Administração de Empresas Prof. Franco Sampaio URCAMP Universidade da Região da Campanha EMENTA DA DISCIPLINA Hardware e dispositivos de E/S Sistema Operacional

Leia mais

RELÓGIO FILMADORA SPORT Manual de Uso

RELÓGIO FILMADORA SPORT Manual de Uso RELÓGIO FILMADORA SPORT Manual de Uso 1. Conhecendo o produto 1: Ajuste hora relogio 2: Microfone 3: Camera 4: Botão para Video 5: Entrada USB 6: Botão para Foto e Audio 7: Luz indicadora de função 2.

Leia mais

Scanners Manual Básico. Um guia prático e rápido para conhecer o melhor tipo de equipamento para seus trabalhos.

Scanners Manual Básico. Um guia prático e rápido para conhecer o melhor tipo de equipamento para seus trabalhos. Scanners Manual Básico Um guia prático e rápido para conhecer o melhor tipo de equipamento para seus trabalhos. Tipos de Scanners Diferentes tipos de scanners funcionam de diferentes maneiras. Conheça

Leia mais

Manual do Data Logger Perceptec DL12 One Way. Descartável

Manual do Data Logger Perceptec DL12 One Way. Descartável Manual do Data Logger Perceptec DL12 One Way Descartável Conteúdo: 1 - Apresentação 2 - Características 3 - Instalação do sistema 4 - Funcionamento 5 - Especificações 6 - Certificado de Garantia 7 - Certificado

Leia mais

Manual do Usuário Android Neocontrol

Manual do Usuário Android Neocontrol Manual do Usuário Android Neocontrol Sumário 1.Licença e Direitos Autorais...3 2.Sobre o produto...4 3. Instalando, Atualizando e executando o Android Neocontrol em seu aparelho...5 3.1. Instalando o aplicativo...5

Leia mais

Automação Residencial

Automação Residencial Automação Residencial F. A. Dias G. M. de Paula L. S. de Oliveira G.F. Vieira 1 CEFET-MG, Brasil Contexto Social e Profissional, 2009 Graduação em Engenharia Mecatrônica Motivação Questão fundamental O

Leia mais

De: Luis Alberto Katz Data: Janeiro 17 2007 Número: PA1906

De: Luis Alberto Katz Data: Janeiro 17 2007 Número: PA1906 ANÚNCIO DE PRODUTO De: Luis Alberto Katz Data: Janeiro 17 2007 Número: PA1906 Fluke 345 Alicate de medição de qualidade de energia Apresentamos o alicate de medição de qualidade de energia mais avançado

Leia mais

U S B A D A P T E R B L U E T O O T H

U S B A D A P T E R B L U E T O O T H C O M M U N I C AT I O N S U P P O R T U S B A D A P T E R B L U E T O O T H C L A S S 1 M A N U A L N I - 7 0 7 5 2 8 C O M M U N I C AT I O N S U P P O R T U S B A D A P T E R B L U E T O O T H C L A

Leia mais

Conceitos Básicos sobre Sistema de Computação

Conceitos Básicos sobre Sistema de Computação Conceitos Básicos sobre Sistema de Computação INFORMÁTICA -É Ciência que estuda o tratamento automático da informação. COMPUTADOR Equipamento Eletrônico capaz de ordenar, calcular, testar, pesquisar e

Leia mais

mobile PhoneTools Guia do Usuário

mobile PhoneTools Guia do Usuário mobile PhoneTools Guia do Usuário Conteúdo Requisitos...2 Antes da instalação...3 Instalar mobile PhoneTools...4 Instalação e configuração do telefone celular...5 Registro on-line...7 Desinstalar mobile

Leia mais

Módulo 1 Introdução às Redes

Módulo 1 Introdução às Redes CCNA 1 Conceitos Básicos de Redes Módulo 1 Introdução às Redes Ligação à Internet Ligação à Internet Uma ligação à Internet pode ser dividida em: ligação física; ligação lógica; aplicação. Ligação física

Leia mais

ANALISADORES DE POTÊNCIAS E QUALIDADE DE ENERGIA MODELOS QUALISTAR CA 8334B E QUALISTAR PLUS CA 8335

ANALISADORES DE POTÊNCIAS E QUALIDADE DE ENERGIA MODELOS QUALISTAR CA 8334B E QUALISTAR PLUS CA 8335 ANALISADORES DE POTÊNCIAS E QUALIDADE DE ENERGIA MODELOS QUALISTAR CA 8334B E QUALISTAR PLUS CA 8335 Medem todos os parâmetros de tensão, corrente e potência para um diagnóstico completo de uma instalação

Leia mais

Característica K132 K220 K223 K112L K112H

Característica K132 K220 K223 K112L K112H Microscópios Possuem design ergonômico, ajustes coaxiais de fácil acesso e de alta precisão, foco ajustável, objetivas de excelente contraste que proporcionam imagens nítidas e claras. Os microscópios

Leia mais