Diário Oficial Sábado, 20 de setembro de 2014 Ano 13 Edição: 3087 Distribuição gratuita

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Diário Oficial Sábado, 20 de setembro de 2014 Ano 13 Edição: 3087 Distribuição gratuita"

Transcrição

1 Diário Oficial Sábado, Ano 13 Edição: 3087 Distribuição gratuita Raimundo Nogueira Asfalto dá vida nova à Maré Mansa Nesta semana, a Prefeitura iniciou a pavimentação de vias públicas no entorno das Escolas Ary Silva de Souza e Adelaide Fernandes, na Maré Mansa. O bairro, que passa por processo de revitalização, já teve várias ruas asfaltadas, entre elas, a Luiz Custódio do Vale. PÁGINA 5 autorização de curso Ministro da Saúde vem à Cidade na segunda PÁGINA 3 cuidador de idosos Prefeitura abre inscrições para curso gratuito PÁGINA 2 oportunidade PAT oferece 164 vagas de emprego PÁGINA 2

2 2 Diário Oficial Fotos Reprodução inscrições Creas oferece curso de cuidador de idosos Interessados podem se inscrever de 22 a 26 de setembro, na Rua Washington, 700, no Centro D ando oportunidade de qualificação aos munícipes, o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) de Guarujá, localizado na Rua Washington, 700, no Centro, abre inscrições para o curso Cuidador de Idosos. Os interessados podem fazer a matrícula de segunda-feira, 22, a sexta-feira, 26, na sede da entidade, das 8 às 17 horas. O curso começa no dia 6 de outubro. Para fazer a inscrição, os participantes deverão estar munidos de RG e CPF originais e ter mais de 17 anos. O objetivo do curso é capacitar as pessoas para cuidar de idosos, com ou sem limitações, para as atividades da vida diária, incentivando sua autonomia e in- vagas do PAT dependência, além de identificar necessidades e expectativas em relação a vários aspectos da vida cotidiana. O Creas está à disposição da população para esclarecer dúvidas sobre o curso pelo telefone: Os interessados podem fazer a matrícula de segunda-feira, 22, a sexta-feira, 26, na sede da entidade Pintor industrial 40 vagas 6 meses de experiência com comprovação na CTPS Ensino Fundamental completo Caldeireiro de manutenção 40 vagas 6 meses de experiência com comprovação na CTPS Ensino Fundamental completo Auxiliar de manutenção de edificações (elétrica e hidráulica) 2 vagas 6 meses de experiência sem comprovação na CTPS Ensino Fundamental completo Serviços gerais 40 Vagas 6 Meses de Experiência sem comprovação na CTPS Ensino Fundamental completo Observação: ter noção caldeireiro, pintor, elétrica Balconista 1 vaga 6 meses de experiência com comprovação na CTPS Ensino Fundamental completo Eletricista 40 vagas 6 meses de experiência com comprovação na CTPS Ensino Fundamental completo Motoboy 1 vaga 6 meses de experiência com comprovação na CTPS Ensino Fundamental completo PAT - Rua Cunhambebe, 500 Vila Alice/Vicente de Carvalho Tel.: ERRATA expediente A largada da maratona Extreme Run, que acontece neste domingo, 21, será às 7 horas, e não como constou na matéria publicada na página 12, da edição do dia 19 de setembro. Diário Oficial GABINETE DA Avenida Santos Dumont, 800 PABX Bairro Santo Antônio CEP site: DIÁRIO OFICIAL Diretora e editora Wanda Fernandes Mtb Projeto gráfico Diego Rubido Diagramação Diego Rubido e Diego Andrade Noticiário produzido a partir de material da Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Guarujá Impressão: Gráfica Diário do Litoral Tiragem: 10 mil exemplares O noticiário relativo às atividades da Câmara Municipal, bem como a produção e edição de seus atos oficiais, são de responsabilidade exclusiva do Poder Legislativo. E DOE SANGU Colabore DOE VIDA com o Banco de Sangue do Hospital Santo Amaro Unidade Fiscal do Município R$ 2,38

3 Diário Oficial 3 formalização Reprodução Autorização para curso de Medicina sai na segunda cuidados com gestantes e bebês Prefeitura promove capacitação para médicos Com o intuito de melhorar e humanizar o atendimento às gestantes e seus bebês, a Prefeitura promoveu capacitação sobre pré- -natal de baixo risco. A iniciativa da Secretaria de Saúde é um processo de atualização, que envolveu 33 médicos de saúde da família da rede municipal. Destes, 23 pertencem ao Programa Mais Médicos, do Ministério da Saúde e dez do Instituto Corpore. A capacitação aconteceu na última terça-feira, 16, na Escola de Governo. A enfermeira coordenadora da Saúde da Mulher de Guarujá, Mônica Confessor, fala que a oportunidade serve para sensibilizar os profissionais. É para que eles tenham um olhar diferenciado com as gestantes fazendo com que o bebê nasça com saúde. Já passaram por esse processo de capacitação os agentes de saúde da família e enfermeiros, conta. Integrante do Programa Mais Médicos, Camélia Pasquarelli, trabalha na unidade de saúde da família da Vila Rã. Para a médica venezuelana, a atualização esclarece bastante. Serve para que possamos avaliar os fatores de risco e diminuir o índice de mortalidade. Nos acrescenta também por conta da realidade do País, pois mesmo na América Latina, vejo que as preocupações e riscos são semelhantes, pontua. Ao encerrar a atividade, o secretário de Saúde do Município discorreu sobre a relevância da iniciativa da Prefeitura. Esta capacitação tem o objetivo de melhorar o nível de serviço, priorizando a educação continuada como diretriz. Faz o profissional pensar na conduta clínica e trocar experiências com os colegas. É o valor à prevenção de saúde. Obrigado por estarem aqui, agradeceu. Prestando atendimento na Usafa da Vila Áurea, a médica pelo Instituto Corpore, Lillian Lapezura ressalta que na maioria das vezes, a teoria é bem diferente da prática. Como a demanda na Cidade é forte, é sempre bom estar atualizado, salientou a profissional de saúde da família. Outros assuntos como Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST's), planejamento familiar e encaminhamentos do pré-natal para funcionários da rede municipal também foram abordados na capacitação. Um dos palestrantes, o coordenador médico de saúde da Mulher, Raul Lievano, explica que a atualização faz parte de uma estratégia da Secretaria de Saúde, para diminuir a mortalidade no Município. Zarif Ribeiro O ministro da Saúde, Arthur Chioro, vem à Cidade para assinar a autorização de implantação do curso na Cidade O ministro da Saúde, Arthur Chioro, estará na Cidade nesta segunda-feira, 22, Chioro vem assinar a autorização do Curso de Medicina que será implantado na Cidade. O ministro será recepcionado pela chefe do Executivo e pelo secretário de Saúde, às 9 horas, no Casa Grande Hotel, na Praia da Enseada. Guarujá recebeu autorização do Governo Federal para a implantação do Curso de Medicina no último dia 29 de agosto. Com isso, a Cidade está prestes a se transformar em um novo polo de formação para futuros médicos. Mais de 30 profissionais da rede municipal, que atuam na saúde da família, participaram de capacitação sobre pré-natal

4 4 Diário Oficial saúde bucal Ação do Dentinho atende 160 crianças em escola municipal Alunos da Philomeninha participaram da escovação supervisionada e receberam atendimento Nesta semana, a equipe da Unidade de Saúde da Família (Usafa) Jardim dos Pássaros realizou a Ação do Dentinho na Escola Municipal Philomeninha Cardoso de Oliveira, que fica na Avenida Santos Dumont, 305. Cerca de 160 crianças receberam orientações sobre escovação correta. A atividade foi conduzida pela dentista Fernanda Resende Von Borowski e pelas auxiliares de saúde bucal Araci Féa Rodrigues e Lucimary Rodolfo Aguiar. As profissionais examinaram os riscos de cárie que a criança poderia apresentar. Com base no resultado da avaliação, a equipe fez o agendamento para que os pequenos pudessem receber o tratamento na Usafa. A equipe distribuiu escova, creme e fio dental. Se eles escovarem corretamente, não vão crescer tendo tantos problemas bucais, porque a escovação correta também é uma forma de prevenção, destacou Fernanda, enfatizando a importância do trabalho de escovação supervisionada. A professora do Infantil 5, Ana Paula Carreira, também participou da ação, passando infor- mações importantes para a classe. A escova de dente é individual. Não podemos emprestar para o amiguinho. E é necessário trazer todos os dias para usar depois que comer. E depois é importante passar o fio dental, recomendou. PROBLEMAS DA MÁ ESCOVAÇÃO Gengivite: inflamação da gengiva que causa inchaço, vermelhidão e sangramento; Periodontite: inflamação grave e infecção nos ligamentos e ossos que dão suporte aos dentes; pode levar a perda dos dentes; Cáries: deterioração dos dentes, causada pelo acúmulo de bactérias e ingestão de muito alimento com açúcar; Tártaro: calcificação da placa bacteriana, quando a massa de bactérias não sai mesmo após a escovação, permanecendo na base dos dentes. Fotos Isadora Moraes

5 Diário Oficial 5 Fotos Raimundo Nogueira A Prefeitura finalizou os serviços na Rua Luiz Custódio do Vale e iniciou os trabalhos em outras vias do bairro infraestrutura Prefeitura prossegue com obras na Maré Mansa Nesta semana, a Prefeitura iniciou a pavimentação das ruas no entorno das escolas do bairro; a intenção é acabar com as enchentes e facilitar o acesso A Prefeitura dá mais um importante passo para melhorar a infraestrutura da Maré Mansa. Com a finalização das obras da Rua Luiz Custódio do Vale, a Administração iniciou os serviços no entorno das escolas municipais do bairro. De acordo com o engenheiro responsável pela obra, Valter Conrado, as vias de acesso à escola serão pavimentadas, porém antes foram implantadas guias e sarjetas e a preparação de base. "A previsão é que finalizaremos as obras da Maré Mansa até a próxima semana. O prazo dependerá das condições climáticas". As obras de infraestrutura da Maré Mansa é um compromisso assumido pela chefe do Executivo com os moradores do bairro, assim como alunos, pais e funcionários. "Todas intervenções que estamos fazendo em beneficio dos moradores da Maré Mansa é um compromisso assumido junto aos moradores que incessantemente procuram a Prefeitura em busca de uma solução. As unidades escolares foram reformadas e completamente recuperadas pela administração, além de receberam climatização. Agora, pais e estudantes terão acesso à escola, sem ter que driblar a lama, em dias de chuva ", disse a governante. Na Rua 5 está localizada a Escola Ary Silva de Souza e na antiga Rua 7, atual Rua Ébanos, fica a Escola Adelaide Fernandes, ambas as vias passam por obras de revitalização. Era uma tristeza na chuva, quem entrava aqui no comércio trazia a lama da rua e o pessoal reclamava, agora está muito bom, afirmou a comerciante da Rua 5, Aldenir Peixoto de Moraes. A dona de casa Maria Nilda Alves dos Santos leva e busca a filha de 7 anos na Escola Ary Silva de Souza e lembra do transtorno que enfrentava nos dias de chuva. Quando chovia forte, a água chegava a entrar no pátio da frente da escola, contou. A munícipe também vê melhora para as pessoas que vêm até a escola de bicicleta, evitando a lama que era comum em dias de chuva. Bocas de lobo também foram construídas na Rua Ébano. A dona de casa Lindalva Feliciano Dias conta que foi construída uma na esquina da rua onde mora. A rua estava feia e agora está bonita. Com a boca de lobo, também vai resolver esse problema de enchente, disse. Morador da Avenida I, o Aldenir: em dias de chuva, quem entrava aqui no comércio, trazia a lama da rua e reclamava aposentado José Andrini diz que está achando ótimo o serviço da Prefeitura: Era uma buraqueira danada aqui, agora vai melhorar, descreveu Andrini. INVESTIMENTOS As Ruas Luiz Custódio do Vale, Ébanos, Rua 1 e 5 e Avenida 1 integram a programação de intervenções no bairro. Além de Maria Nilda diz que, quando chovia, a água invadia o pátio da escola em que a filha estuda pavimentação, as vias receberam acessibilidade, sinalização de solo e redutores de velocidade, para garantir a segurança dos pedestres. Anteriormente, outras vias da Maré Mansa foram beneficiadas com infraestrutura: ruas 1 a 7, 9, 12, 14, 16, 18, 20, 28, 29 e 31. Além disso, foram entregues 460 títulos especiais de concessão de moradia às famílias do bairro. Andrini: Era uma buraqueira danada aqui, agora vai melhorar

6 6 Diário Oficial segurança Município inicia preparativos para a Temporada de Verão O reforço no policiamento na estação mais quente do ano foi um dos temas da 9ª reunião do Gabinete de Gestão Integrada Municipal Guarujá começa os preparativos para a próxima Temporada de Verão. O reforço no policiamento durante a estação mais quente do ano e no período de férias escolares foi um dos temas abordados durante a 9ª reunião do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM), coordenada pelo secretário-interino de Defesa e Convivência Social. Esse ano o Município está se adiantando nos preparativos para o verão. Queremos acertar todos os detalhes antecipadamente, para evitar transtornos e garantir uma estada harmoniosa entre os envolvidos, frisou o secretário. As discussões ocorreram em conjunto com representantes dos órgãos de segurança: Polícias Civil e Militar, Grupamento de Bombeiros Marítimos (GBMar) e representantes da comunidade por meio dos Conselhos de Segurança Comunitária (Consegs), além de representantes das secretarias de Desenvolvimento e Assistência Social, Operações Urbanas e Educação. De acordo com o comandante interino do 21º Batalhão de Polícia Militar do Interior, Rogério Silva Pedro, os policiais, que virão reforçar o patrulhamento em Guarujá, permanecerão na Cidade de 26 de dezembro a 18 de fevereiro. Nesse verão, a estadia dos militares será mais longa. Isso nos deixa bastante confiantes e nos permite um trabalho mais amplo. O patrulhamento de bicicletas também será mais ostensivo e com um número maior de veículos utilizados pelos policiais. Devemos receber o mesmo efetivo dos anos anteriores, declarou. O comandante também apresentou dados das ocorrências computadas pela Polícia Militar nos últimos meses, que mostram uma redução nos registros de ações criminosas na Cidade, principalmente nos casos de homicídios, roubos de cargas (caminhões de entrega), furtos e roubos de pessoas. O comandante Silva ressaltou que o ideal seria que as estatísticas fossem zeradas. "Trabalhamos sempre para evitar qualquer tipo de crime. Essa é a nossa intenção, que não tenham índices estatísticos, relatou. Também durante o encontro mensal, foi apresentado o novo comandante do Grupamento do Bombeiros Marítimos, o 1º tenente Paulo Sérgio dos Santos, que assume o comando do GBMar em Guarujá, substituindo o também tenente Ricardo Fernandes de Barros Júnior. Santos agradeceu à acolhida e disse que está feliz em trabalhar na Cidade. "Eu tenho muito carinho por Guarujá e estou agradecido por voltar a atuar nas praias do Município. Espero que possamos ter uma temporada bastante tranquila", destacou o novo comandante do GBMar. Assunto foi debatido na última quarta-feira, 17,no Paço Moacir dos Santos Filho Pedro Rezende

7 Diário Oficial 7 políticas para mulheres Contribuição de promotoras legais é tema de palestra Evento voltado a líderes de comunidades contou com a presença de promotora legal de Santo André Raimundo Nogueira Líderes comunitárias de Guarujá se reuniram, na segunda-feira, 15, para assistir à palestra Como você pode contribuir como Promotora Legal Popular. Realizado na Escola de Governo e Gestão Pública, o evento foi idealizado pela Secretaria Municipal de Coordenação Governamental, por meio da Assessoria de Políticas Públicas para Mulheres. Destinado às mulheres que desenvolvem liderança em suas comunidades, levando informação e apoio, o encontro contou a presença da promotora legal popular do município de Santo André, Márcia Garcia. Ela falou das mudanças que ocorreram em sua vida após iniciar o trabalho na comunidade e como passou a fazer a diferença na vida dos munícipes. Ela e as líderes de Guarujá também aproveitaram para trocar experiências a respeito do trabalho. Segundo a assessora de Políticas Públicas para Mulheres da Prefeitura, Eugenia Lisboa, participaram da palestra lideranças dos bairros Santa Rosa, Santa Cruz dos Navegantes, Morrinhos, Pae Cará, Prainha e funcionários do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) e do Centro de Referência Especializado da Assistência Social (Creas). Para Antônia Marques da Silva, promotora legal da Vila Edna, o evento é a oportunidade de adquirir mais uma experiência para utilizar no trabalho realizado em sua comunidade. Com palestras como essas, ganhamos mais conhecimento e podemos multiplicá-lo em nossas comunidades. Esse é o objetivo de todas nós, disse Antônia.

8 8 Diário Oficial cozinha itinerante Diretor do Sesi visita caminhão-cozinha O Governo Municipal manterá toda a infraestrutura da cozinha didática itinerante; a proposta é que o Sesi ofereça profissionais para ministrar cursos de culinária A Prefeitura de Guarujá conquistou, junto ao Governo Federal, um veículo que traz uma cozinha didática itinerante para aulas de culinária nas comunidades. O público alvo são as famílias em situação de vulnerabilidade social, inscritas no Cadastro Único (CadÚnico). O caminhão-cozinha, que conta com eletrodomésticos e equipamentos, como fogão, geladeira, pia, microondas e armários, passará a funcionar até o fim do ano, quando já tiver todos os utensílios. Na última quarta-feira, 17, o veículo recebeu a visita técnica do diretor local do Serviço Social da Indústria (Sesi), Michel Christoforo Kabbach. No início do ano, a Prefeitura buscou a parceria com o Sesi para trazer a mão-de-obra da instituição para a realização do programa. O Governo Municipal trará toda a infraestrutura do caminhão e a proposta é que o Sesi ofereça os profissionais qualificados. O diretor foi recebido pelas secretárias municipais de Desenvolvimento e Assistência Social (titular e adjunta) e Desenvolvimento Empresarial. Também participaram do encontro os diretores de Segurança Alimentar e Nutricional e de Desenvolvimento de Economia Solidária, Pesca e Aquicultura. Ficamos muito felizes com a visita técnica do diretor do Sesi, que veio conhecer nosso caminhão-cozinha. Já temos o Caminhão Feira do Peixe, um trabalho forte com a agricultura familiar e Feira da Cidadania e a meta do governo é avançarmos nas políticas públicas de segurança alimentar, ressaltou a secretária de Desenvolvimento e Assistência Social. Fotos Pedro Rezende Michel Christoforo Kabbach esteve na Cidade, na última quarta

9 Diário Oficial 9 conscientização Exposição de alunos da rede municipal abre a Semana Nacional de Trânsito A Prefeitura preparou uma programação especial para conscientizar motoristas sobre a importância de respeitar os pedestres A exposição dos trabalhos de arte feitos pelos alunos da rede municipal de ensino de Guarujá abriu a programação da Semana Nacional de Trânsito no Município, na manhã da última quinta-feira, 18. A atividade é em alusão ao Dia Nacional do Trânsito celebrado no próximo dia 25. Os trabalhos conscientizam motoristas sobre a importância de respeitar o pedestre que está na faixa, dar preferência a esse público, além de alertarem sobre a importância de respeitar a sinalização e não avançar o sinal vermelho. Para explicar a parceria entre a Secretaria de Educação com o Departamento de Trânsito e Transporte Público do Município, que resultou nos trabalhos elaborados pelos alunos, o coordenador de Artes do Ensino Fundamental II e orientador dos trabalhos, Gerson Rodrigues, contou que a intenção era analisar de que maneira os estudantes vêm o trânsito na Cidade. Conseguimos bem mais que isso, porque tivemos uma adesão de aproximadamente 80 trabalhos enviados. Foi uma ação bastante positiva e desenvolvemos uma proposta pedagógica com histórias em quadrinhos. Para nossa Pedro Rezende surpresa, tivemos até composição de músicas de rap, destacou. Reiterando a participação dos alunos no Concurso Cidadão do Trânsito 2014, a diretora de Trânsito disse que os trabalhos dos alunos vêm ao encontro da programação Nacional, que tem como foco o pedestre. Estamos com uma programação extensa e destinada a esse público, chamando a atenção dos motoristas para a importância de respeitar a sinalização e, consequentemente, o pedestre, explica. Nesta sexta-feira, 19, haveria blitz educativa em semáforos nas esquinas da Avenida Dom Pedro com a Avenida Atlântica, da Avenida Puglisi com Avenida Leomil e da Avenida Adhemar de Barros com a Avenida Prefeito Domingos de Souza. O evento foi cancelado por causa da chuva. Neste sábado, 20, a programação prossegue com a atividade Educação de Segurança e Educação para o Trânsito, na Praça 14 Bis, em Vicente de Carvalho. No local, das 9 às 13 horas, haverá minipista de trânsito e equipamento semafórico. No domingo, 21, acontece a Caminhada Atenção pela Vida em prol de segurança e não a violência no trânsito. A saída será às 15 horas, da Praia de Pitangueiras, sentido Enseada. Já nos dias 22, 23 e 24 de setembro, a equipe de Educação no Trânsito visita as unidades escolares que participam do concurso. A programação será encerrada na quinta-feira, 25, dia Nacional do Trânsito, com palestra sobre o tema e entrega dos prêmios aos vencedores do concurso Prêmio Cidadão do Trânsito. O evento acontece às 16 horas, na sala de reunião do Paço Moacir dos Santos Filho. juventude e trabalho Projeto qualifica e insere jovens no mercado O terceiro ciclo do Projeto Juventude e Trabalho, que capacita jovens de 15 a 29 anos para o ingresso no mercado de trabalho, tem início na próxima quarta-feira, 24. Agora, com 60 alunos inscritos, o curso disponibiliza mentores para cada um dos participantes acompanharem o método de ensino. O objetivo do projeto, que nasceu da parceria entre a Agenda Pública, o Programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania e a Prefeitura de Guarujá, é combinar qualificação profissional à ampliação de redes, além de estimular o diálogo entre o poder público e representantes sociais, sobre políticas públicas de emprego e renda para a juventude. Segundo o assessor especial de Políticas Públicas para Juventude da Prefeitura de Guarujá, Fábio Antunes, o curso mostrou resultados já nos primeiros ciclos. Em 2013, as cidades que aderiram ao projeto juntamente com Guarujá, Santos e Cubatão, alcançaram a marca de 80% dos ex-alunos já inseridos no mercado de trabalho. Ele falou ainda sobre a expectativa para o novo ciclo, com o aumento de vagas. Esta ampliação de 30 para 60 participantes pode significar mais pessoas aproveitando os benefícios do curso e com novas perspectivas de carreira profissional, contou. Outro diferencial destacado por Antunes é o método aplicado pelo Projeto: o Mentoring Networking, que garante acompanhamento de mentores a todos os alunos participantes, como forma de apoio e incentivo para a conclusão do ciclo. As aulas acontecem na Escola Municipal 1 de Maio, que fica na Avenida Adriano Dias dos Santos, 611, no Jardim Boa Esperança, em Vicente de Carvalho. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone

10 10 Diário Oficial ATOS OFICIAIS GABINETE D E C R E T O N.º Dispõe sobre a abertura de crédito adicional suplementar, autorizada pela Lei Municipal n.º 4.068, de 12 de dezembro de MARIA ANTONIETA DE BRITO, Prefeita Municipal de Guarujá, no uso de suas atribuições legais; Considerando o Contrato Administrativo n.º 62/2009 firmado entre a Caixa Econômica Federal e o Município de Guarujá, conforme processo administrativo n.º 31596/146413/2010, que previa o desembolso financeiro ao erário; Considerando que foi verificado, pela Diretoria de Execução e Controle Financeiro da Secretaria Municipal de Finanças, o repasse financeiro no valor de R$ ,00 (novecentos e cinquenta mil reais), no presente exercício, referente aos Termos de Aditamento n.ºs 3 e 4 do Contrato supracitado; Considerando que o referido recurso não foi previsto quando da elaboração da lei orçamentária de 2014, em setembro de 2013; e, Considerando o que consta no processo administrativo n.º 32581/186070/14; D E C R E T A : Art. 1.º Fica aberto ao orçamento corrente, com fundamento na autorização contida no inciso I do artigo 8.º da Lei Municipal n.º 4.068, de 12 de dezembro de 2013, o crédito adicional suplementar no valor de R$ ,00 (novecentos e cinquenta mil reais), conforme programação constante do Anexo I deste Decreto. Art. 2.º O crédito aberto por este Decreto será coberto com o repasse financeiro pela Caixa Econômica Federal, no presente exercício, no valor de R$ ,00 (novecentos e cinquenta mil reais), referente aos Termos de Aditamento n.ºs 3 e 4 do Contrato Administrativo n.º 62/2009, código de aplicação 6 e fonte de recurso Art. 3.º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Registre-se e publique-se. Prefeitura Municipal de Guarujá, em 19 de setembro de ORÇ /rdl Registrado no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que o digitei e assino D E C R E T O N.º Altera a Estrutura Regimental das Secretarias que especifica e dá outras providências. MARIA ANTONIETA DE BRITO, Prefeita Municipal de Guarujá, no uso das atribuições que a lei lhe confere; Considerando a necessidade de reformular o organograma da Prefeitura Municipal de Guarujá, com o escopo de atender com excelência os Princípios da Administração Pública, notadamente o da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência; Considerando, outrossim, o disposto na Lei Municipal n.º 4.004, de 28 de março de 2013; e, 3 Considerando, ainda, a necessidade de se adequar a estrutura do Gabinete do Prefeito Municipal, da Secretaria Municipal de Defesa e Convivência Social, da Secretaria Municipal de Finanças, da Secretaria Municipal de Cultura, da Secretaria Municipal de Operações Urbanas, e da Secretaria Municipal de Educação, visando melhor atender ao interesse público; D E C R E T A : Art. 1.º Fica suprimido da estrutura regimental do Gabinete do Prefeito Municipal, disposta no Anexo II, do Decreto n.º , de 06 de março de 2013, e demais alterações, 01 (um) cargo de Supervisor II, símbolo FG-S5. Art. 2.º Ficam suprimidos da estrutura regimental da Secretaria Municipal de Finanças, disposta no Anexo II, do Decreto n.º , de 06 de março de 2013, e demais alterações, 02 (dois) cargos de Supervisor III, símbolo FG-S6. Art. 3.º Fica suprimido da estrutura regimental da Secretaria Municipal de Educação, disposta no Anexo II, do Decreto n.º , de 06 de março de 2013, e demais alterações, 01 (um) cargo de Assessor Especial IV, símbolo DAS-10. Art. 4.º Fica acrescido na estrutura regimental da Secretaria Municipal de Defesa e Convivência Social, disposta no Anexo II, do Decreto n.º , de 06 de março de 2013, e demais alterações, 01 (um) cargo de Supervisor II, símbolo FG-S5. Art. 5.º Ficam acrescidos na estrutura regimental da Secretaria Municipal de Cultura, disposta no Anexo II, do Decreto n.º , de 06 de março de 2013, e demais alterações, 01 (um) cargo de Supervisor III, símbolo FG-S6, e 01 (um) cargo de Assessor Especial IV, símbolo DAS-10. Art. 6.º Fica acrescido na estrutura regimental da Secretaria Municipal de Operações Urbanas, disposta no Anexo II, do Decreto n.º , de 06 de março de 2013, e demais alterações, 01 (um) cargo de Supervisor III, símbolo FG-S6. Art. 7.º Permanecem inalteradas as demais disposições contidas nos Decretos n.º s , , , , e , todos de 06 de março de Art. 8.º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 9.º Revogam-se as disposições em contrário. Registre-se e publique-se. Prefeitura Municipal de Guarujá, em 19 de setembro de /rdl Registrado no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que o digitei e assino D E C R E T O N.º Institui Comissão Permanente de Eventos e Publicidade e dá outras providências. MARIA ANTONIETA DE BRITO, Prefeita Municipal de Guarujá, no exercício de suas funções legais; Considerando que o planejamento e organização dos diversos eventos realizados pela Administração Pública Municipal constitui atividade secundária para as Secretarias Municipais, Considerando ser de interesse público relevante; Considerando a necessidade de análise técnica apurada, garantindo a ordem pública e a segurança na realização de eventos pela Administração Pública ou terceiros no Município; e, Considerando que durante o ano são realizadas ações promocionais e de publicidade, licenças eventuais promocionais vinculadas ou não aos eventos, que aumentam consideravelmente no período de alta temporada, e ensejam a concessão de licenças eventuais promocionais; D E C R E T A : Art. 1.º Fica instituída a Comissão Permanente destinada a deliberar sobre estes eventos e conduzir o processo de concessão de licenças eventuais promocionais. Art. 2.º A Comissão será integrada pelos representantes a seguir relacionados, sob a Presidência

11 Diário Oficial 11 do membro indicado na alínea a, e, na sua ausência, do membro representado na alínea d : a) Maria Eunice Ribeiro Leão Grötzinger - Pront. n.º ; b) José Carlos Rodriguez - Pront. n.º ; c) Ercília Kunie Kudamatsu - Pront. n.º ; d) Ana Paula Rodrigues Metropolo - Pront. n.º ; e) Paulo Roberto da Costa e Silva - Pront. n.º ; f) Odair Dias Filho - Pront. n.º ; g) Élson Maceió dos Santos - Pront. n.º ; h) André Luiz Barbosa da Silva - Pront. n.º ; i) Eliane Pinheiro Belfort Mattos - Pront. n.º ; j) Jair Pereira - Pront. n.º 6.125; k) Edinéia Marcelino Zeferino Monfardini - Pront. n.º ; l) Patrícia Coelho Vigna - Pront. n.º ; m) Eduardo Elói do Nascimento Neto - Pront. n.º ; n) Raimundo Silva Filho Pront. n.º ; o) Eliane Ribeiro dos Santos Silva - Pront. n.º ; p) Liliane de Alcântara Araújo Pront. n.º ; q) Roberto Jamir de Aguiar Pront. n.º Parágrafo único. Sempre que se fizer necessário, a Comissão poderá convidar representantes de outros órgãos os quais possam ter relação direta ou indireta com o evento a ser analisado. Art. 3.º São atribuições desta Comissão: I - analisar a documentação, instruir os processos e decidir sobre a oportunidade e conveniência das ações de publicidade, propaganda, marketing e congêneres realizados por terceiros no Município de Guarujá, vinculadas ou não aos eventos realizados na Cidade, que necessitem de concessão de licenças eventuais promocionais; II - propor normatização para a atividade de concessão de licenças eventuais promocionais; III elaborar relatório anual detalhado dos trabalhos realizados pela Comissão, informando a relação de eventos realizados e das licenças eventuais promocionais concedidas. 1.º É de responsabilidade da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Portuário - SEDEP, após regular procedimento e juntada da documentação pertinente pelo interessado, a emissão das licenças, e de responsabilidade da Secretaria Municipal de Finanças - SEFIN, a fiscalização, durante a realização destas ações. 2.º A decisão sobre a oportunidade e conveniência das ações promocionais e de publicidade de que trata o inciso I deste artigo é de responsabilidade do Presidente da Comissão, respaldada no parecer dos técnicos integrantes desta Comissão e, na sua ausência, do membro representado na alínea d do artigo 1.º. 3.º O relatório previsto no inciso III deste artigo deverá ser protocolizado no Gabinete do Prefeito, com cópia para Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Portuário - SEDEP, e Secretaria Municipal de Finanças - SEFIN. Art. 4.º A participação na Comissão instituída através deste Decreto será considerada de serviço público relevante, não ensejando qualquer remuneração. Art. 5.º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário, em especial o Decreto n.º , de 24 de janeiro de Registre-se e publique-se. Prefeitura Municipal de Guarujá, em 19 de setembro de GAB /rdl Registrado no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que o digitei e assino Portaria N.º 931/ MARIA ANTONIETA DE BRITO, MUNICIPAL DE, usando das atribuições que a Lei lhe confere; e, Considerando o que consta no processo administrativo n.º 11364/80083/2013; R E S O L V E: CONCEDER a redução da jornada de trabalho à servidora ELAYNE GONÇALVES FALCÃO Pront. n.º , Inspetor de Alunos, conforme disposto no art. 271, da Lei Complementar n.º 135/2012, passando a vigorar a partir da sua publicação no Diário Oficial do Município, pelo período de 01 (um) ano. Registre-se, publique-se e dê-se ciência. Prefeitura Municipal de Guarujá, 18 de setembro de ADM GP /rdl Registrada no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que a digitei e assino Portaria N.º 932/ MARIA ANTONIETA DE BRITO, MUNICIPAL DE, usando das atribuições que a Lei lhe confere, R E S O L V E : EXONERAR a Sr.ª FLÁVIA OLIVEIRA DE MENDONÇA SEGURO Pront. n.º , do cargo de provimento em comissão, símbolo DAS-10, de Assessor Especial IV, junto ao Gabinete do Prefeito Municipal. Registre-se, publique-se e dê-se ciência. Prefeitura Municipal de Guarujá, 19 de setembro de Chefe de Gabinete GAB /rdl Registrada no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que a digitei e assino Portaria N.º 933/ MARIA ANTONIETA DE BRITO, MUNICIPAL DE, usando das atribuições que a Lei lhe confere, R E S O L V E : NOMEAR a Sr.ª FLÁVIA OLIVEIRA DE MENDONÇA SEGURO, para o cargo de provimento em comissão, símbolo DAS-9, de Assessor Especial III, junto ao Gabinete do Prefeito Municipal. Registre-se, publique-se e dê-se ciência. Prefeitura Municipal de Guarujá, 19 de setembro de Chefe de Gabinete GAB /rdl Registrada no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que a digitei e assino Portaria N.º 934/ MARIA ANTONIETA DE BRITO, MUNICIPAL DE, usando das atribuições que a Lei lhe confere, R E S O L V E : NOMEAR a Sr.ª GLÁUCIA DE MELO SILVINO, para o cargo de provimento em comissão, símbolo DAS-10, de Assessor Especial IV, junto ao Gabinete do Prefeito Municipal. Registre-se, publique-se e dê-se ciência. Prefeitura Municipal de Guarujá, 19 de setembro de Chefe de Gabinete GAB /rdl Registrada no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que a digitei e assino Portaria N.º 935/ MARIA ANTONIETA DE BRITO, MUNICIPAL DE, usando das atribuições que a Lei lhe confere, R E S O L V E : NOMEAR a Sr.ª LILIAN RABELLO MEIRELES, para o cargo de provimento em comissão, símbolo DAS-7, de Assessor Especial I, junto à Diretoria de Trânsito e Transporte Público. Registre-se, publique-se e dê-se ciência. Prefeitura Municipal de Guarujá, 19 de setembro de Secretário Municipal de Defesa e Convivência Social GAB /rdl Registrada no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que a digitei e assino Portaria N.º 936/ MARIA ANTONIETA DE BRITO, MUNICIPAL DE, usando das atribuições que a Lei lhe confere, R E S O L V E : NOMEAR o Sr. IVANILDO FERREIRA GUIMARÃES, para o cargo de provimento em comissão, símbolo DAS-10, de Assessor Especial IV, junto à Secretaria Municipal de Cultura. Registre-se, publique-se e dê-se ciência. Prefeitura Municipal de Guarujá, 19 de setembro de Secretário Municipal de Cultura GAB /rdl Registrada no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que a digitei e assino Portaria N.º 937/ MARIA ANTONIETA DE BRITO, MUNICIPAL DE, usando das atribuições que a Lei lhe confere, R E S O L V E : NOMEAR o Sr. LUIZ FRANCISCO VICENSOTTI, para o cargo de provimento em comissão, símbolo DAS-6, de Assessor Estratégico IV, junto à Secretaria Municipal de Educação. Registre-se, publique-se e dê-se ciência. Prefeitura Municipal de Guarujá, 19 de setembro de Secretário Municipal de Educação GAB /rdl Registrada no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que a digitei e assino Portaria N.º 938/ MARIA ANTONIETA DE BRITO, MUNICIPAL DE, no uso de suas atribuições que a Lei lhe confere; R E S O L V E : DESIGNAR a servidora MÔNICA LOPES DE BRITO Pront. n.º , para responder como Supervisor III (FG-S6), junto à Diretoria da Guarda Civil Municipal. Registre-se, publique-se e dê-se ciência. Prefeitura Municipal de Guarujá, 19 de setembro de Secretário Municipal de Defesa e Convivência Social SEDECON /rdl Registrada no Livro Competente GAB, em Pront. n.º , que a digitei e assino DESPACHO Processo Administrativo n.º 18716/186749/2013 Concorrência Pública n.º 05/2014 Objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM DE- SENVOLVIMENTO DE PROJETO DE PARTICIPAÇÃO COMUNI- TÁRIA NA ÁREA HABITACIONAL PARA APOIAR A PREFEITURA MUNICIPAL DE NO PROJETO INTEGRADO DE URBA- NIZAÇÃO NO ASSENTAMENTO SUBNORMAL, DENOMINADO FAVELA PORTO CIDADE, DENTRO DO PROGRAMA DE ACELE- RAÇÃO DO CRESCIMENTO. I - Vistos. Conforme relatado às fls. 665/666 do processo administrativo em epígrafe, conheço dos recursos interpostos pelas empresas NAUMITRA ENGENHARIA LTDA., RECORRENTE [1] e RODVIAS ENGENHARIA MUNICIPAL LTDA - EPP, RECORRENTE [2], para, considerando às contrarazões e a recomendação ofertada pela Comissão Permanente de Licitação de Obras e Serviços de

12 12 Diário Oficial Engenharia, INDEFIRIR o recurso da RECORRENTE [1] e DEFERIR o recurso da RECORRENTE [2], e, portanto, REFORMAR PARCIAL- MENTE decisão de habilitação às fls. 544/545, para fazer constar a empresa RODVIAS ENGENHARIA MUNICIPAL LTDA - EPP, ora RECORRENTE [2], como HABILITADA, com fundamento no 4º do art. 109 da Lei Feeral 8.666/93. II Em ato contínuo, fica designado o dia 24 de setembro às 14h00 para sessão de abertura do envelope nº 2 - PROPOSTA junto à Diretoria de Compras e Licitações. III - Publique-se. Guarujá, 19 de Setembro de DUINO VERRI FERNANDES Secretário Municipal de Infraestrutura e Obras DESPACHO Processo Administrativo n.º 33479/186749/2013 Concorrência Pública n.º 06/2014 Objeto: DEMOLIÇÃO DE 488 UNIDADES HABITACIONAIS NO BAIRRO MORRINHOS AV. ANTENOR PIMENTEL, 300 (EM- PREENDIMENTO HABITACIONAL DENOMINADO CONJUNTO RESIDENCIAL VILLA DO SOL ). I - Vistos. Conforme relatado às fls.1851/1853 do processo administrativo em epígrafe, conheço dos recursos interpostos pelas empresas S.O.S DEMOLIDORA E TERRAPLANAGEM LTDA EPP e DEMOLIDORA ABC LTDA EPP, para, considerando às contrarazões e a recomendação ofertada pela Comissão Permanente de Licitação de Obras e Serviços de Engenharia, INDEFIRIR os recursos, mantendo-se inalterada a decisão de habilitação às fls. 1720/1721. II Em ato contínuo, fica designado o dia 24 de setembro às 09h30 para sessão de abertura do envelope nº 2 - PROPOSTA junto à Diretoria de Compras e Licitações. III - Publique-se. Guarujá, 19 de Setembro de DUINO VERRI FERNANDES Secretário Municipal de Infraestrutura e Obras ATOS OFICIAIS SECRETARIAS MUNICIPAIS ADMINISTRAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE PMG CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS, COM PROVA, PROVA PRÁTICA E FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA EDITAL 001/2014 SESAU SAMU A PREFEITURA MUNICIPAL DE PMG, através da Secretaria Municipal de Administração ADM, no uso de suas atribuições legais, torna público que fará realizar, sob responsabilidade da Universidade Municipal de São Caetano do Sul USCS, nos termos do disposto no processo administrativo nº.39527/2013, e da dispensa de Licitação com publicação no Diário Oficial do Município de Guarujá, conf. Proc. Adm. Nº31568/2014, Concurso Público para o Provimento de Vagas, com Prova, Prova Prática e Formação de Cadastro Reserva Edital 001/2014 SESAU/SAMU, pelo Regime Jurídico Único Estatutário nos termos constantes da Lei Complementar Nº.135/2012 e suas alterações, destinado a selecionar candidatos, objetivando o provimento das vagas existentes, das que vierem a vagar e das que vierem a ser criadas durante a validade deste, Concurso Público para os cargos relacionados neste Edital, de acordo com as instruções especiais abaixo transcritas: INSTRUÇÕES ESPECIAIS CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1. Os cargos e o número de vagas são os estabelecidos na TABE- LA DE HABILITAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO FINAL; as habilitações e salários, são os estabelecidos no Anexo I; o valor de inscrição e jornada de trabalho são os estabelecidos no Capítulo XI do presente Edital; e no Anexo II, a descrição sumária das atividades. 2. O Edital estará à disposição dos interessados no Diário Oficial do Município de Guarujá, podendo ser acompanhado no endereço eletrônico: 3. O Concurso Público terá validade por 02 (dois) anos, podendo ser prorrogado uma única vez por igual período, a contar da data de sua homologação. Os candidatos aprovados poderão ser nomeados para os cargos existentes, colocados neste Concurso Público para o provimento das vagas existentes, das que vierem a vagar e das que vierem a ser criadas, durante a validade deste Concurso, sob o Regime Jurídico Único Estatutário nos termos constantes da Lei Complementar Nº.135/2012 e suas alterações. 4. O período de validade estabelecido para este Concurso Público não gera obrigatoriedade para a Prefeitura Municipal de Guarujá de aproveitar, neste período, todos os candidatos classificados. O aproveitamento dos classificados dar-se-á gradualmente, conforme necessidades da Prefeitura Municipal de Guarujá, obedecida rigorosamente, a lista final de candidatos classificados. 5. O cadastro de candidatos, formado por candidatos classificados excedentes à disponibilidade de vagas atuais, assegurará aos candidatos que dele fizerem parte, prioridade na convocação para contratação futura, decorrente da existência de vagas para os cargos colocados neste Concurso Público, nos termos do presente Edital, no período de sua validade. CAPÍTULO II DAS INSCRIÇÕES 6. As inscrições serão recebidas no período de 6 a 19 de outubro de Serão efetuadas exclusivamente via Internet, por meio do endereço eletrônico: exceto para aqueles com direito a isenção de pagamento (Seção II). 7. O interessado não poderá, em hipótese alguma, requerer devolução da importância paga e/ou alteração do código referente a opção a que estiver se candidatando, mesmo que, posteriormente, seja constatado erro por parte do candidato, ao registrar o código da opção desejada. 8. A devolução da importância paga somente ocorrerá se o Concurso Público não se realizar, sendo que a responsabilidade da devolução será única e exclusivamente da Universidade Municipal de São Caetano do Sul USCS. 9. O preenchimento correto da Ficha de Inscrição será de total responsabilidade do candidato. 10. As informações prestadas na Ficha de Inscrição são de inteira responsabilidade do candidato, cabendo aos executores o direito de excluir deste Concurso Público aquele que preenchê-la com dados incorretos, bem como aquele que prestar informações inverídicas, ainda que o fato seja constatado posteriormente, sob pena de praticar o crime previsto no artigo 299, do Código Penal, além da responsabilidade civil pelos eventuais prejuízos que causou ou vierem a causar à Universidade Municipal de São Caetano do Sul USCS e a Prefeitura Municipal de Guarujá. 11. O candidato ao se inscrever, estará declarando, sob as penas da Lei, satisfazer as seguintes condições: a) Estar de acordo com os termos do presente Edital; b) Ser brasileiro, nato ou naturalizado, ou gozar das prerrogativas previstas no artigo 12 da Constituição Federal e demais disposições de Lei, no caso de estrangeiros; c) Estar em pleno exercício de seus direitos civis e políticos; d) Estar quite com a Justiça Eleitoral, apresentando o documento comprobatório; e)ter a idade mínima de 21 (vinte e um) anos para o Condutor de Veículo de Urgência, e de 18 (dezoito) anos para as demais funções, completos na data do encerramento das inscrições; f) Quando do sexo masculino, estar quite com o Serviço Militar; g) Não ter sido, quando do exercício do cargo, emprego ou função pública, demitido por justa causa ou a bem do serviço público; h) Até a data da apresentação dos documentos para a nomeação, possuir a escolaridade e a habilitação exigida para o exercício do emprego, de acordo com o estabelecido no Anexo I do presente Edital. I) Não registrar antecedente(s) criminal(is) ou, no caso deste(s), ter cumprido integralmente a(s) pena(s) imposta(s). J)Não estar, no ato da apresentação, incompatibilizado para nomeação junto ao poder público; k) Não estar respondendo a processo relativo ao exercício da profissão. L) Não ser aposentado por Invalidez, e nem estar com idade de aposentadoria compulsório nos termos do Art. 40, Inciso II da Constituição Federal; m) Não receber, no ato da nomeação, proventos de aposentadoria oriundos de cargo, emprego ou função exercidos perante a União, Território, Estado, Distrito Federal, Município e suas Autarquias, Empresas ou Fundações, conforme preceitua o Art. 37, 10 da Constituição Federal, com Emenda Constitucional nº 20 de 15/12/1998, ressalvadas as acumulações permitidas pelo Inciso XVI do citado dispositivo constitucional, os cargos eletivos e os cargos ou empregos em comissão; n) Não ter sido condenado por crime contra o Patrimônio, Administração e a Fé Pública, os Costumes e os previstos na Lei Federal , de 23/08/2006; o) Gozar de boa saúde física e mental e não ter deficiência incompatível com o exercício das funções atinentes ao cargo a que concorre, a ser comprovada por inspeção médica oficial realizada por profissionais designados pela Prefeitura Municipal de Guarujá; 11.1 O candidato somente poderá se inscrever para um dos cargos deste Concurso Público. No caso do candidato inscrever-se para mais de um cargo, considerar-se-á a última inscrição efetivada paga. 12. No ato da inscrição NÃO serão solicitados comprovantes das habilitações contidas no Anexo I do presente Edital, e das exigências contidas no item 11 deste Capítulo. No entanto, será automaticamente eliminado do cadastro de candidatos inscritos e habilitados, o candidato que não os apresentar na data da convocação para apresentação dos documentos para nomeação na Prefeitura Municipal de Guarujá, sendo declarada nula a sua inscrição e todos os atos dela decorrentes. SEÇÃO I INSCRIÇÃO PELA INTERNET 13. O candidato deverá, no período de inscrição, acessar o endereço eletrônico: ler atentamente o Edital 001/ SESAU SAMU, preencher corretamente a Ficha de Inscrição e emitir o boleto bancário com o valor de inscrição correspondente. 14. Pagar o valor de inscrição na rede bancária de compensação (qualquer banco) ou via Internet, por meio de pagamento de ficha de compensação por código de barras, conforme valor constante no Capítulo XI deste Edital O pagamento do valor de inscrição não poderá ser efetuado por meio das seguintes modalidades: depósito bancário, em Casas Lotéricas, em Supermercados, ou quaisquer outras formas que não sejam a prevista no item 14 (pagamento de ficha de compensação por código de barras) Para o pagamento do valor de inscrição somente poderá ser utilizado o boleto bancário gerado no ato da inscrição, até a data limite do encerramento das inscrições, respeitando o horário bancário O pagamento da importância correspondente ao valor da inscrição poderá ser efetuado em dinheiro ou em cheque, em qualquer agência bancária A inscrição por pagamento em cheque somente será considerada efetuada após a respectiva compensação. Se, por qualquer razão, o cheque for devolvido, a inscrição do candidato será automaticamente cancelada. 15. O deferimento da inscrição dependerá do correto e completo preenchimento da Ficha de Inscrição e pagamento do valor de inscrição. 16. A efetivação da inscrição ocorrerá após a confirmação, pelo banco, do pagamento do boleto referente ao valor de inscrição. A pesquisa para acompanhar a situação da inscrição deverá ser feita no endereço eletrônico 72 (setenta e duas) horas após o encerramento do período de inscrições. Caso seja detectada falta ou falha de informação, o candidato deverá entrar em contato com a Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS, por intermédio dos telefones (0xx11) ou , nos dias úteis, das 9h00 às 16h00, para verificação do ocorrido. 17. Após as 23h59min (horário de Brasília) do último dia de inscrição, a Ficha de Inscrição não estará mais disponibilizada no endereço eletrônico A inscrição é caracterizada pelo preenchimento da ficha e pelo pagamento do boleto bancário, portanto, não serão considerados como inscrições os cadastros preenchidos sem o respectivo pagamento Não será possível preencher a Ficha de Inscrição, no período correspondente, e pagar o valor de inscrição, no dia seguinte ao de encerramento das inscrições.

13 Diário Oficial A Prefeitura Municipal de Guarujá e a Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS não se responsabilizarão por solicitações de inscrições, via Internet, não recebidas por motivo de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, bem como outros fatores de ordem técnica que impossibilitem a transferência de dados. SEÇÃO II REQUERIMENTO PARA INSCRIÇÃO COMO CANDIDATO ECONOMICAMENTE HIPOSSUFICIENTE 19. O candidato que, nos termos dos critérios abaixo discriminados, se declarar como economicamente hipossuficiente, poderá requerer a isenção do valor de inscrição, de acordo com o requerimento ANEXO IV, e com os seguintes procedimentos: a) comparecer entre os dias 06 a 10 de outubro de 2014 das 10:00hs às 16:00hs, pessoalmente, no Ginásio de Esportes Duque de Caxias - Tejereba, sito à Praça Horácio Lafer, s/nº. Bairro Enseada - GUARUJA SÃO PAULO; b) preencher o requerimento de Inscrição (ANEXO IV) e a Declaração (ANEXO V) comprobatória de sua condição de hipossuficiência econômica, para o Concurso Público Edital 001/2014 SESAU SAMU da Prefeitura Municipal de Guarujá, declarando estar atendendo às exigências do respectivo Edital que rege o presente Concurso Público; c) apresentar para análise, sob sua integral responsabilidade, a seguinte documentação: Carteira de Trabalho e Previdência Social CTPS, com identificação do último registro funcional, onde não deve constar a vigência de contrato de trabalho (demonstração da condição de desempregado) ou que comprove estar empregado e receber como renda até um salário mínimo; e documento que comprove a vigência de seguro desemprego, se houver; d) apresentar o original e cópia dos documentos citados acima, sendo que as cópias ficarão retidas para posterior análise da condição apresentada. e) A condição para o deferimento da hipossuficiência econômica é a entrega, no local indicado no item 19, letra a, da documentação comprobatória. 20. O candidato tomará ciência do deferimento ou indeferimento no ato de sua inscrição como economicamente hipossuficiente, não cabendo recurso para tal. SEÇÃO III INSCRIÇÃO DE CANDIDATOS COM DEFICIÊNCIA OU EM CONDIÇÃO DE NECESSIDADES ESPECIAIS 21. Nos termos do que dispõe o artigo 38 do Decreto Federal nº de 20/12/99, inciso II, serão destinados, quando possível, 5% das vagas de cada cargo posto à disposição, a candidatos com deficiência. 22. O candidato, antes de se inscrever, deverá verificar se as atribuições do cargo, especificadas no Anexo II deste Edital, são compatíveis com a deficiência que possui. 23. O candidato deverá: a) Preencher a Ficha de Inscrição, conforme especificado nos itens de 1 a 18, inclusive registrando o tipo de deficiência que possui e se há necessidade da prova: ou em Braile, ou ampliada, ou de alguma outra condição especial para sua realização. b) Pagar o valor da inscrição correspondente, de acordo com o Capítulo XI do presente Edital. c) Nos termos do artigo 39, inciso IV do Decreto Federal nº.3298 de 20/12/99, o candidato em condição de necessidades especiais, dentro do prazo previsto para as inscrições, deverá obrigatoriamente, entregar junto a Prefeitura Municipal de Guarujá Paço Raphael Vitiello, sito à Av. Santos Dumont, nº.640 Bairro Santo Antônio Guarujá SP, (térreo sala 33), das 12 às 16 horas - LAUDO MÉDICO original ou cópia autenticada emitido por órgão e profissional competente de saúde, atestando a espécie e o grau ou nível da deficiência que possui, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doença CID, bem como a provável causa da deficiência, inclusive para assegurar a previsão de adaptação de sua prova. O laudo médico apresentado, deverá ser expedido com prazo máximo de 60 (sessenta) dias antes do término das inscrições A candidata que tiver necessidade de amamentar durante a realização das provas deverá proceder conforme estabelecido no item 23, letra a, e levar no dia da realização da prova um acompanhante, que ficará em sala reservada para essa finalidade e que será responsável pela guarda da criança. A candidata nesta condição, que não levar acompanhante, não realizará as provas Não haverá compensação do tempo de amamentação a favor da candidata. A criança deverá permanecer em local designado, acompanhado de familiar ou terceiro, adulto responsável, indicado pela candidata. 24. O candidato que não declarar possuir deficiência ou alguma condição de necessidades especiais, no ato da inscrição, e não atender ao solicitado no item 23, deste Edital, não será considerado pessoa em condição de necessidades especiais e, não poderá impetrar recurso a favor de sua situação. 25. Não terá a prova especial preparada, seja qual for o motivo alegado, o candidato que não a solicitar nos termos do item 23, letra a, deste Edital. 26. Aos candidatos em condição de necessidades especiais aplicam-se, no que couber, as normas constantes do Decreto Federal nº de 20/12/ Serão consideradas pessoas com deficiência(s) aquelas que se enquadrarem nas categorias discriminadas nos artigos 3º. e 4º. do Decreto Federal nº de 20/12/99 e na condição definida na Súmula 377/STJ de 5/5/ Não serão considerados como deficiência, os distúrbios passíveis de correção O candidato que faz uso de aparelho auditivo deverá entregar laudo médico específico (original e cópia autenticada em cartório) emitido nos últimos 60 (sessenta) dias, no qual conste ser indispensável o uso do referido aparelho durante a realização das provas. O instituto analisará a viabilidade do uso do aparelho auditivo. 29. As pessoas com deficiência, resguardadas as condições especiais previstas no Decreto Federal nº de 20/12/99, participarão do Concurso Público em igualdade de condições com os demais candidatos no que se refere ao conteúdo das provas, à avaliação, e aos critérios de aprovação, ao horário, ao local de aplicação das provas, e à nota mínima exigida para todas as vagas O candidato com deficiência que necessitar de tempo adicional para realização das provas deverá requerê-lo, no ato da inscrição, especificando na Ficha de Inscrição essa condição, com justificativa acompanhada de parecer emitido por especialista da área de sua possível deficiência, entregue junto com os documentos constantes do item 23, letra c. 30. Aos deficientes visuais (cegos), serão oferecidas provas no sistema Braile e suas respostas deverão ser transcritas também em Braile. Os referidos candidatos deverão levar para esse fim, no dia da aplicação da prova, reglete e punção. Aos deficientes visuais (amblíopes) serão oferecidas provas ampliadas, com tamanho de letra correspondente a corpo Não haverá, qualquer que seja a hipótese alegada, leitura de prova para candidato com deficiência visual (cego) ou restrições similares O atendimento às condições solicitadas ficará sujeito a análise de viabilidade e razoabilidade do pedido. 32. Não havendo candidatos aprovados, para o atendimento previsto neste item, a(s) vaga(s) será(ão) preenchida(s) por candidatos sem deficiência(s), na estrita observância da Lista Geral de Classificação Final. 33. O candidato com deficiência(s) que, não realizar a inscrição conforme instruções constantes neste Edital 001/2014 SESAU SAMU, não poderá impetrar recurso a favor de sua situação, qualquer que seja o motivo alegado Será excluído do Concurso Público, o (a) candidato (a) que tiver deficiência considerada incompatível com as atribuições da função. CAPÍTULO III DAS FORMAS DE AVALIAÇÃO 34. A AVALIAÇÃO será realizada através da aplicação de PROVA OBJETIVA com 50 (cinquenta) questões objetivas, de conhecimentos específicos, com 4 (quatro) alternativas de múltipla escolha com valor de 2 (dois) pontos para cada questão, na escala de 0 (zero) a 100 (cem) pontos A PROVA OBJETIVA será eliminatória e classificatória, mediante aplicação do critério de Nota de Corte A prova prática de Condutores de Veículos de Urgência, consistirá em análise do candidato relativo a: a) Verificação do veículo (valendo de 0 (zero) a 100 (cem) pontos); b) Leitura do painel (valendo de 0 (zero) a 100 (cem) pontos); c) Condução do Veículo Ambulância Resgate (dirigibilidade) (valendo de 0 (zero) a 100 (cem) pontos As notas da prova prática serão somadas e dividas por três e seu resultado, somado a nota da Prova Objetiva (34.1) e dividida por dois, resultando na nota final A Nota de Corte corresponderá ao limite de VAGAS TOTAIS estabelecido na Tabela de Habilitação e de Classificação Final Em decorrência do que estabelece o item somente serão convocados para realização da prova prática para Condutores de Veículos de Urgência os primeiros 81 classificados e os que estiverem empatados na nota da prova objetiva em 81º lugar Os candidatos que, mesmo com nota na prova objetiva superior a 50 (cinquenta) pontos que se classificarem abaixo da posição 81º não serão convocados para a prova prática de direção de veículo de urgência, exceto os que estiverem empatados na 81ª posição na classificação da prova objetiva O candidato deverá, no momento de realização da prova prática, estar portando CNH Categoria D e e Habilitação como Condutor de Veículo de Urgência, originais O candidato que obtiver pontuação inferior a 50 (cinquenta) pontos, nos termos constantes deste Edital, será excluído do Concurso Público, não obtendo classificação, mesmo que incluso na Nota de Corte, e poderá obter informação relativa ao seu desempenho na PROVA OBJETIVA no site mediante identificação pelo seu número de inscrição e CPF A PROVA OBJETIVA versará sobre assuntos do Conteúdo Programático (Anexo III) O tempo máximo para a realização da PROVA OBJETIVA será de 03 (três) horas, nele incluído o tempo necessário para a transcrição das respostas: da Folha de Resposta Intermediária para a Folha de Resposta Definitiva A Nota Final do candidato será igual à nota obtida na PROVA OBJETIVA, e para os Condutores de Veículos de Urgência ver item ( ) 35. Os candidatos serão listados pela ordem decrescente do valor da nota final, de acordo com cada opção Obtida a lista por ordem decrescente, na PROVA OBJETIVA, nos termos do item anterior, aplicar-se-á o critério de Nota de Corte com o objetivo de se obter, quando possível, uma lista decandidatos classificados até o limite de VAGAS TOTAIS estabelecido na Tabela de Habilitação e de Classificação Final. TABELA DE HABILITAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO FINAL COD FUNÇÃO QUANT DE VAGAS VAGAS PARA PESSOAS DEFICIENTES TOTAL DE VAGAS DISPONIVEIS CADASTRO RESERVA CADATRO RESERVA PARA PESSOAS DEFICIENTES TOTAL QUE COMPORÃO A CLASSIFICAÇÃO FINAL 01 MÉDICO SOCORRISTA ENFERMEIRO TÉCNICO DE ENFERMAGEM CONDUTOR DE VEICULOS

14 14 Diário Oficial CAPÍTULO IV DAS PROVAS OBJETIVAS 36. No dia da realização das etapas do certame, na hipótese do candidato não constar das listagens oficiais relativas aos locais de prova estabelecidos no edital de convocação, a CAIP/USCS procederá à inclusão do referido candidato, através de preenchimento de formulário específico, mediante a apresentação do comprovante de inscrição e do documento original de identidade do candidato A inclusão de que trata o item 36 será realizada de forma condicional e será confirmada pela CAIP/USCS na fase de julgamento das etapas do certame, com o intuito de se verificar a pertinência da referida inclusão Constatada a improcedência da inscrição de que trata o item 3, a mesma será automaticamente cancelada sem direito à reclamação, independentemente de qualquer formalidade, considerados nulos todos os atos dela decorrentes. 37. Na prova com questões objetivas o candidato receberá o Caderno de Questões e a Folha intermediária de Respostas. A Folha Definitiva de Respostas será entregue ao candidato mediante a devolução do Caderno de Questões da prova objetiva. 38. O candidato deverá transcrever as respostas da prova para a Folha Intermediária e, em seguida, para a Folha Definitiva de Respostas, com caneta esferográfica transparente de tinta azul ou preta, bem como assinar no campo apropriado. O preenchimento dos dados é de responsabilidade do candidato. 39. A Folha Definitiva de Respostas é o único documento válido para a correção eletrônica e que deverá ser entregue no final da prova ao fiscal de sala. 40. Não será computada questão com emenda ou rasura, ainda que legível, nem questão não respondida ou que contenha mais de uma resposta, mesmo que uma delas esteja correta Não deverá ser feita nenhuma marca fora do campo reservado às respostas ou à assinatura, pois qualquer marca poderá ser lida pelas leitoras ópticas, prejudicando o desempenho do candidato. 41. Em hipótese alguma, haverá substituição do Caderno de Questões ou da Folha Definitiva de Respostas. 42. Distribuídos os Cadernos de Questões aos candidatos e, na remota hipótese de verificarem-se falhas de impressão, o Coordenador do Colégio, antes do início da prova, diligenciará no sentido de: a) substituição dos Cadernos de Questões defeituosos; b) em não havendo número suficiente de Cadernos para a devida substituição, procederá à leitura dos itens onde ocorreram falhas, usando, para tanto, um Caderno de Questões completo; c) se a ocorrência verificar-se após o início da prova, o Coordenador do Colégio estabelecerá prazo para compensação do tempo usado para regularização do caderno. 43. Os dois últimos candidatos presentes na sala, só poderão retirar-se juntos, assinando, na ocasião, a Folha de Ocorrência de Prova e acompanhando o Aplicador de Prova para a entrega das mesmas junto a Administração do Concurso Público O candidato após a entrega da prova, não poderá permanecer junto às dependências da Unidade Educacional onde se realiza o certame. 44. A Folha de Respostas Intermediária ficará em poder do candidato para posterior conferência do gabarito. 45 A pontuação relativa à(s) questão(ões) eventualmente anulada(s) será atribuída a todos os candidatos presentes à prova. 46. Qualquer dúvida relacionada à questão de prova poderá ser registrada em impresso próprio (Folha de Ocorrência de Prova), fornecido pela autoridade competente da sala, no decorrer ou término da prova. 47. Em hipótese alguma haverá segunda chamada, vistas, revisão de provas ou de resultados, em quaisquer das formas de avaliação, nas diferentes fases do Concurso Público, seja qual for o motivo alegado. 48. Por razões de ordem técnica, de segurança e de direitos autorais adquiridos, a Universidade Municipal de São Caetano do Sul USCS, não fornecerá exemplares do Caderno das Provas a candidatos ou a Instituições de Direito Público ou Privado, mesmo após o encerramento do Concurso Público. CAPÍTULO V DOS PROCEDIMENTOS 49. As provas serão realizadas no município de Guarujá, preferencialmente em dias de domingo ou feriados A convocação para a realização das provas será efetuada mediante publicação dos competentes Editais de Convocação no Diário Oficial do Município de Guarujá, podendo ser acompanhado através do endereço eletrônico É de responsabilidade do candidato a obtenção das informações referentes à realização das provas. 50. Não serão admitidas solicitações, anteriores ou posteriores, de aplicação de provas em local, dia e horário fora dos preestabelecidos. 51. Somente será admitido à sala de provas o candidato que estiver munido de um dos seguintes documentos: Cédula Oficial de Identidade; ou de Carteira expedida por Órgão ou Conselho de Classe; ou de Carteira de Trabalho e Previdência Social; ou de Certificado de Reservista; ou de Carteira Nacional de Habilitação com fotografia, na forma da Lei 9053/2007 Código de Trânsito Brasileiro; ou de Passaporte brasileiro. Como o documento não ficará retido, será exigida a apresentação do original, não sendo aceitas cópias, ainda que autenticadas. O documento deve estar em perfeito estado de conservação, de forma a permitir, com clareza, a identificação do candidato Não serão aceitos, por serem documentos destinados a outros fins, protocolos, Certidão de Nascimento, Título Eleitoral, Boletim de Ocorrência, Carteira Nacional de Habilitação emitida anteriormente à Lei 9.503/97, carteira de estudante, crachás, identidade funcional de natureza privada Não serão aceitos protocolos, cópias dos documentos citados, ainda que autenticadas, ou quaisquer outros documentos não constantes deste Edital Os documentos não poderão ter rasuras e deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir, com clareza, a identificação do candidato e sua assinatura. 52. Os candidatos deverão comparecer ao local da prova pelo menos 30 (trinta) minutos antes da hora marcada, munidos de comprovante de inscrição e de um dos documentos citados no item anterior, caneta esferográfica transparente de tinta azul ou preta, lápis preto n.2 e borracha. 53. O candidato deverá conferir os seus dados pessoais quando do recebimento da prova. Caso haja alguma divergência com os dados da Ficha de Inscrição, deverá o mesmo solicitar ao fiscal aplicador da prova que registre em folha de ocorrência a divergência e a devida correção. 54. Será vedado ao candidato se ausentar do recinto. Em casos especiais, será acompanhado pelo fiscal. 55. Não haverá segunda chamada, seja qual for o motivo alegado para justificar o atraso ou a ausência do candidato, com ou sem necessidade especial. 56. Será excluído do Concurso Público, o candidato que: a) apresentar-se após o horário estabelecido ou em local diferente do designado; b) não comparecer à prova seja qual for o motivo alegado; c) não apresentar o documento de identidade exigido; d) ausentar-se da sala de prova sem o acompanhamento do fiscal, ou antes, de decorridos 30 (trinta) minutos do início das provas; e) for surpreendido em comunicação com outras pessoas ou utilizando-se de livros, notas, impressos não permitidos ou calculadora; f) estiver portando ou fazendo uso de qualquer tipo de equipamento eletrônico de comunicação; g) lançar mão de meios ilícitos para a execução das provas; h) não devolver integralmente o material recebido, exceto a Folha de Respostas Intermediária; i) perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos; j) agir com descortesia em relação aos examinadores e seus auxiliares ou autoridades presentes; k) não permitir, se solicitado, a coleta de sua assinatura e/ou de sua impressão digital. l) não informar aos examinadores, auxiliares ou autoridades presentes, da existência de parentes até 3º. Grau na mesma sala de prova; m) caso exista a necessidade do candidato se ausentar da sala de prova para atendimento médico ou hospitalar, o mesmo não poderá retornar ao local de sua prova, sendo automaticamente eliminado do certame Também será excluído do certame o candidato que permitir o funcionamento de qualquer tipo de equipamento eletrônico durante a realização das etapas do Concurso Público, mesmo que este esteja acondicionado em embalagem fornecida para a guarda de pertences Ao ingressar no local de realização das etapas, o candidato deverá, obrigatoriamente, manter desligado qualquer aparelho eletrônico que esteja sob sua posse, incluindo os sinais de alarme e os modos de vibração e silencioso. O uso de quaisquer funcionalidades de aparelhos, tais como bip, telefone celular, aparelhos sonoros, receptor/transmissor, gravador, agenda eletrônica, notebook ou similares, calculadora, tablet, relógio digital com receptor, resultará na exclusão do candidato do certame, mesmo que o aparelho esteja dentro do envelope de segurança distribuído pelo fiscal. 57. Os candidatos serão identificados em definitivo, por ocasião da realização das provas, em todas as etapas, se necessário, mediante aplicação de metodologia alicerçada em digitalização, para se obter a segurança necessária em relação aos candidatos presentes às provas. 58. Durante a realização das etapas do certame, o candidato que desejar ir ao banheiro deverá solicitar ao fiscal da sala sua saída e este designará um fiscal volante para acompanhá-lo no deslocamento, devendo o candidato manter-se em silêncio durante todo o percurso, podendo, antes da entrada no sanitário e depois da utilização deste, ser submetido a revista por meio de detector de metais. CAPÍTULO VI DA DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS, DA HABILITAÇÃO E DA CLASSIFICAÇÃO 59. A classificação será única para cada cargo codificado. 60. Na hipótese de igualdade de nota final, constituem-se, sucessivamente, critérios de desempate, com base nas informações declaradas por ocasião da inscrição, o candidato: a) com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, nos termos da Lei Federal nº , de 1º. de outubro de 2003, entre si e frente aos demais, sendo dado preferência ao de idade mais avançada; b) que tiver maior número de filhos menores; c) que obtiver maior nota na disciplina de conhecimento específico; d) de idade elevada menor que 60 (sessenta) anos; e) persistindo o empate, a escolha será feita através de sorteio. 61. Os candidatos serão classificados em ordem decrescente de nota final, em lista de classificação para cada função. 62 Os candidatos classificados serão enumerados em duas listas, sendo uma geral (todos os candidatos aprovados, incluindo nesta listagem os candidatos inscritos como deficientes, mesmo se sua nota for inferior a nota mínima, observando-se o que consta no item deste Edital e outra especial (pessoas com deficiência) O candidato cuja deficiência não for configurada constará apenas da lista de Classificação Final Geral. 63 Não ocorrendo inscrição no Concurso Público ou aprovação de candidatos com deficiência, será elaborada somente a Lista de Classificação Final Geral. 64. O gabarito da prova estará a disposição junto ao Diário Oficial do Município de Guarujá, de acordo com o cronograma.

15 Diário Oficial 15 CAPÍTULO VII DOS RECURSOS 65. Será admitido recurso quanto à realização das provas, gabarito das provas objetivas e do resultado preliminar do Concurso Público. 66. Os recursos deverão ser interpostos nos seguintes prazos: I. 1 (um) dia útil da data da realização das provas; II. 2 (dois) dias úteis da data da divulgação no Diário Oficial do Município de Guarujá, para os atos expedidos pela Comissão do Concurso Público, citados como passíveis de recursos no Capítulo X. 67. O prazo de interposição de recurso será contado tendo como termo inicial o 1. (primeiro) dia útil subseqüente do evento que lhe deu origem. 68. Todos os recursos deverão ser protocolados no horário das 12 às 16 horas, no Paço Municipal Raphael Vitiello: Av. Santos Dumont, 640 (térreo sala 33), Bairro Santo Antonio, Guarujá SP. 69. O recurso deverá conter as seguintes informações: a) nome do candidato; b) número de inscrição; c) nome e número do documento de identidade; d) nome do cargo para o/a qual se inscreveu, bem como o respectivo código; e) número e ano do Edital do Concurso Público; f) endereço completo, telefone e ; g) número(s) da(s) questão(ões), o questionamento e a respectiva fundamentação ou embasamento legal; h) local, data e assinatura do candidato. 70 Não será aceito recurso interposto por correio, fac-símile (fax), telex, Internet, telegrama ou outro meio que não o especificado neste Edital. 71. O recurso interposto fora do respectivo prazo será indeferido, sendo considerado, para tanto, a data de seu protocolo no local especificado no item Não serão apreciados os recursos que forem apresentados: em desacordo com as especificações contidas neste capítulo; fora do prazo estabelecido sem fundamentação lógica e consistente; com argumentação idêntica a outros recursos anteriormente interpostos pelo mesmo candidato. 73. No caso de provimento do recurso interposto dentro das especificações, este poderá, eventualmente, alterar a nota/classificação preliminar obtida pelo candidato para uma nota/classificação superior ou inferior, ou ainda poderá ocorrer a desclassificação do candidato que não obtiver nota mínima exigida para aprovação. 73. A Banca Examinadora constitui última instância para recurso, sendo soberana em suas decisões, razão pela qual não caberão recursos adicionais A decisão do recurso será dada ao conhecimento do candidato requerente, mediante publicação no Diário Oficial do Município de Guarujá. 74. Não haverá, em hipótese alguma, vistas das provas. CAPÍTULO VIII DA CONVOCAÇÃO E DA NOMEAÇÃO 75. A convocação e a nomeação obedecerão rigorosamente à classificação obtida pelo candidato que será integrante de lista final de classificação A convocação para a nomeação será feita pela Secretaria Municipal de Administração - ADM, por intermédio do Diário Oficial do Município de Guarujá, sendo considerado desistente o candidato que não comparecer, na data e horário determinados no Diário Oficial do Município de Guarujá, ao endereço determinado no instrumento de convocação Os candidatos terão o prazo de 03 (três) dias úteis para se apresentar no endereço informado em Edital, quando da sua convocação para fins de nomeação; Os candidatos após terem atendido o item , terão o prazo máximo de 15 (quinze) dias para retornarem com o Laudo Médico Admissional e com toda a documentação exigida pelo Edital deste Concurso Público, para fins de nomeação O não cumprimento dos prazos estabelecidos nos itens e , ocasionará a exclusão do candidato do Concurso Público O candidato deverá cumprir todos os prazos para entrega dos documentos exigidos, quais sejam: a) Cédula de Identidade (RG); b) Cadastro de Pessoa Física (CPF); c) Título de Eleitor e Certidão de Quitação Eleitoral ; d) Carteira Profissional Original (quantas possuir), e cópia da página com foto (frente e verso); e) 02 (duas) fotos 2X2 ou 3X4, coloridas; f) Comprovante de inscrição do PIS/PASEP, mais pesquisa junto a CEF e/ou Banco do Brasil; g) Aos estrangeiros, comprovante de naturalização ou Carteira de Identidade; h) Certificado Militar, para os homens com idade inferior a 45 anos; i) Diploma que concluiu o curso do cargo especificado ao qual se candidatou, reconhecido pelo MEC e, quando solicitado, Registro no Conselho respectivo (devidamente regular e atualizado); j) Declaração de Bens ou, cópia do Imposto de Renda (Bens) do ano em curso; k) Atestado de Antecedentes Criminais l) Declaração de vínculo e/ou exoneração de outros órgãos públicos. m) Não estar respondendo a processo relativo ao exercício da profissão. 76. A nomeação do candidato decorrerá da assinatura de Portaria emitida pela Prefeitura Municipal de Guarujá, a qual reger-se-á pelos preceitos legais da Lei Complementar nº.135/2012 e suas alterações. 77. A aprovação no Concurso Público, não implica em obrigatória nomeação do candidato aprovado, cabendo a Administração Direta, o direito de aproveitar os candidatos, observando a ordem de classificação final, os critérios de conveniência e oportunidade, o limite de vagas existentes, das que vierem a vagar e das que forem criadas posteriormente, durante o prazo de validade do presente Concurso Público, a exclusivo critério e necessidade do serviço público, bem como obedecendo aos limites impostos pelo art.169 1º da Constituição Federal e pela Lei Complementar 101 de 04/05/ O período de estágio probatório será em conformidade com as Leis Municipais vigentes. 79. Não será nomeado o candidato que, na data indicada para a entrega da documentação, não possuir os requisitos exigidos para o cargo conforme previsto neste Edital. 80. A nomeação dos candidatos ficará condicionada à apresentação dos documentos exigidos pela Secretaria Municipal de Administração - ADM, quando da convocação. 81. Não será fornecido ao candidato, qualquer documento comprobatório de classificação junto ao Concurso Público, valendo para esse fim a Classificação Final e a Homologação junto ao Diário Oficial do Município. 82. O candidato obriga-se a manter atualizado seu endereço junto à Prefeitura Municipal de Guarujá, durante o período de validade deste Concurso Público. 83. Os candidatos que atenderem à convocação para a nomeação e recusarem-se ao preenchimento de vaga serão excluídos em caráter irrevogável e irretratável do cadastro de candidatos, sendo o fato formalizado em Termo de Desistência. 84. Por ocasião da convocação, o candidato será submetido a exame médico específico, pelo corpo técnico da Prefeitura Municipal de Guarujá, especificamente designado para este fim, ou entidades credenciadas pela mesma, e a exames laboratoriais, para avaliação de sua capacidade física e mental no desempenho das tarefas/competências/atribuições, pertinentes ao cargo a que concorre. Tudo de caráter eliminatório Quando do ato da convocação, será informado ao candidato a data de efetivação dos exames médicos. O não cumprimento ao determinado com relação a data, ensejará a desclassificação do concursado Após a nomeação do candidato, a deficiência existente não poderá ser argüida para justificar a readaptação funcional ou a concessão de aposentadoria, salvo se dela advierem complicações que venham a produzir incapacidade ocupacional parcial ou total Os nomeados estarão sob o Regime Jurídico Único Estatutário Regime Próprio da Previdência Social RPPS Lei Complementar nº.135/2012 e suas alterações 85. Se houver alteração na estrutura de cargos e salários do Quadro Funcional da Prefeitura Municipal de Guarujá, o aproveitamento dos candidatos dar-se-á considerando as atividades para os cargos contidos neste Edital, mantendo-se a classificação obtida. 86. Será automaticamente eliminado do cadastro de candidatos habilitados o candidato que não apresentar os documentos exigidos neste Capítulo no prazo estipulado pela Secretaria Municipal de Administração ADM, da Prefeitura Municipal de Guarujá. 87. O não comparecimento no prazo estipulado, quando convocado, implicará em sua exclusão e desclassificação em caráter irrevogável e irretratável do Concurso Público Edital 001/2014 SESAU SAMU. A comprovação, quando for o caso, dar-se-á por meio de publicação no Diário Oficial do Município de Guarujá. 88. Não será deferido, pedido de Licença Sem Vencimentos, para tratar de qualquer assunto, aos nomeados pelo Concurso Público enquanto o mesmo estiver em estágio probatório (03) três anos. CAPÍTULO IX DAS DISPOSIÇÕES FINAIS 89. A inscrição do candidato implicará o conhecimento, a tácita e integral aceitação das condições do Concurso Público estabelecidas neste Edital, das quais não poderá alegar desconhecimento ou incompreensão. 90. A inexatidão das afirmativas contidas em documentos apresentados, ainda que verificadas posteriormente, eliminará o candidato do Concurso Público, anulando-se os atos decorrentes da inscrição. 91. Os atos relativos ao Concurso Público serão publicados, no Diário Oficial de Guarujá, na seção da Secretaria Mun. de Administração - ADM, sempre assinadas pela Comissão do Concurso Público, ou por seu presidente, não se aceitando justificativa para o desconhecimento ou incompreensão dos prazos e condições neles assinalados. 92. Não serão aceitos pedidos de revisão de prova ou de nota, ou, ainda, vistas de prova, Folha de Resposta Definitiva, qualquer que seja a hipótese alegada. 93. À Prefeitura Municipal de Guarujá é facultada a homologação parcial ou total do Concurso Público. 94. Decorridos 120 (cento e vinte) dias da homologação do Concurso Público, e não se caracterizando óbice administrativo ou legal, é facultada a incineração das provas e demais registros escritos, mantendo-se, entretanto, pelo período de validade do Concurso Público, os registros eletrônicos a ele referentes. 95. A qualquer tempo poder-se-á anular a inscrição, prova e/ou tornar sem efeito a nomeação do candidato, em todos os atos relacionados ao Concurso Público, quando constatada a omissão, declaração falsa ou diversa da que devia ser escrita, com a finalidade de prejudicar direito ou criar obrigação. 96. Antes da realização das provas, o candidato poderá desistir formalmente de sua inscrição ao Concurso Público, encaminhando requerimento específico para a Comissão do Concurso Público, no endereço, horário e formato previstos nos itens 68 e 69 deste Edital. 97. Comprovada a inexatidão ou irregularidades descritas neste Capítulo, o candidato estará sujeito a responder por Falsidade Ideológica de acordo com o artigo 299 do Código Penal. 98. Os itens deste Edital poderão sofrer eventuais alterações, atualizações ou acréscimos enquanto não consumada a providência ou evento que lhes disser respeito, circunstância que será mencionada em Edital ou aviso a ser publicado junto ao Diário Oficial do Município de Guarujá. 99. As despesas relativas à participação do candidato no Concurso Público e à apresentação para nomeação e exercício correrão exclusivamente por conta e responsabilidade do próprio candidato Prescreverá em um ano, a contar da data em que for publicada a homologação do resultado final, o direito de ação contra quaisquer atos relativos a este Concurso Público A Prefeitura Municipal de Guarujá e a USCS não se responsabilizam por quaisquer cursos, textos, apostilas e outras publicações referentes a este Concurso Público À Prefeitura Municipal de Guarujá é facultada a anulação parcial ou total do Concurso Público, antes de sua homologação, se constatada irregularidade substancial insanável É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar todas as publicações e avisos referentes a este Concurso Público.

16 16 Diário Oficial 104. A Prefeitura Municipal de Guarujá não emitirá Declaração de Aprovação no certame, pois a própria publicação no Diário Oficial do Município de Guarujá é documento hábil para fins de comprovação da aprovação A Prefeitura Municipal de Guarujá e a USCS não se responsabilizam por eventuais prejuízos ao candidato decorrentes de: a) endereço não atualizado; b) endereço de difícil acesso; c) correspondência devolvida pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos - ECT por razões diversas de fornecimento e/ou endereço errado do candidato; d) correspondência recebida por terceiros; e) ausência de pessoas, no endereço indicado pelo candidato, para assinar o documento comprobatório de recebimento do telegrama Os questionamentos relativos a casos omissos ou duvidosos serão julgados pela Comissão de Concurso Público da Prefeitura Municipal de Guarujá, conjuntamente com a USCS, e a decisão final caberá à Comissão do Concurso Público Por necessidade do Serviço Público e a critério único e exclusivo do Chefe do Executivo, o nomeado poderá, a qualquer tempo, ser lotado junto a qualquer Secretaria no âmbito do Poder Público Municipal de Guarujá Depois de cumprida todas as etapas do Concurso Público Edital 001/2014 SESAU SAMU, o mesmo será Homologado no todo ou em parte pelo Chefe do Executivo da Prefeitura Municipal de Guarujá, e publicado junto ao Diário Oficial do Município de Guarujá. CAPÍTULO X CRONOGRAMA PREVISTO EVENTO DATAS PROVÁVEIS Recebimento das Inscrições 6 a 19/10/2014 Ultima data para pagamento da taxa de inscrição 20/10/2014 Recebimento das inscrições de candidatos economicamente hipossuficientes 6 a 10/10/2014 Publicação no Diário Oficial do Município da lista dos candidatos inscritos, podendo ser acompanhada pelo site 23/10/2014 Data reserva para interposição de recurso referente a lista dos candidatos inscritos 24/10/2014 Publicação no Diário Oficial do Município da CONVOCAÇÃO para realização da PROVA OBJETIVA, podendo ser acompanhada pelo site 31/10/2014 Realização da PROVA OBJETIVA 9/11/2014 Data reservada para interposição de recurso referente a aplicação da PROVA OBJETIVA. 10/11/2014 Publicação no Diário Oficial do Município do GABARITO da PROVA OBJETIVA, podendo ser acompanhado pelo site 12/11/2014 Data reservada para interposição de recurso referente ao GABARITO da PROVA OBJETIVA 13/11/2014 Publicação no Diário Oficial do Município das NOTAS dos candidatos na PROVA OBJETIVA e da CLASSIFICAÇÃO PRELIMINAR, podendo ser acompanhada pelo site 19/11/2014 Data reservada para interposição de recurso referente às NOTAS DOS CANDIDATOS na PROVA OBJETIVA e da CLASSIFICAÇÃO PRELIMINAR, podendo ser acompanhada pelo site 20/11/2014 Publicação no Diário Oficial do Município da CONVOCAÇÃO para realização da PROVA PRÁTICA dos Condutores de Veículos, podendo ser acompanhada pelo site 26/11/2014 Realização da PROVA PRÁTICA para Condutores de Veículos. 30/11/2014 Data reservada para interposição de recurso referente a aplicação da PROVA PRATICA dos Condutores de Veículos. 1º/12/2014 Publicação no Diário Oficial do Município das NOTAS dos candidatos na PROVA PRÁTICA e da CLASSIFICAÇÃO PRELIMINAR, dos Condutores de Veículos, podendo ser acompanhada pelo site 4/12/2014 Data reservada para interposição de recurso referente à CLASSIFICAÇÃO PRELIMINAR dos Condutores de Veículos 5/12/2014 Publicação no Diário Oficial do Município da CLASSIFICAÇÃO FINAL do Concurso Público Edital 001/2014 SESAU SAMU, e sua HOMOLOGAÇÃO (em data a ser determinada pela chefe do executivo) podendo ser 12/12/2014 acompanhada pelo site CAPÍTULO XI VALOR DE INSCRIÇÃO E JORNADA SEMANAL DE TRABALHO CÓD. FUNÇÃO VR. DA INSCRIÇÃO R$ JORNADA DE TRABALHO 01 Médico Socorrista 70,00 *12 hs/semanais 02 Enfermeiro 70,00 30 hs/semanais 03 Técnico de Enfermagem 60,00 40 hs/semanais 04 Condutor de Veículos 40,00 40 hs/semanais * Jornada semanal mínima de 12 (doze) horas. Guarujá, 19 de setembro de Waldyr Tamburús Presidente da Comissão do Concurso Público ANEXO I CÓD. FUNÇÃO HABILITAÇÃO SALARIO BASE (R$) GAPP ADICIONAL INSALUBR. 01 Médico Socorrista Superior Especifico e CRM 588,60 P/ PLANTÃO SIM SIM 02 Enfermeiro Superior Especifico e COREN 3.295,50 NÃO SIM 03 Técnico de Enfermagem Ensino Médio Completo e Formação em Curso de Técnico de Enfermagem e COREN 3.238,00 NÃO SIM Ensino Fundamental Completo CNH letra 04 *Condutor de Veículos D - e Habilitação como Condutor de Veículo de Urgência 1.416,00 NÃO SIM *Ao Condutor de Veículos de Urgência, adicional de 25% incidente sobre o vencimento inicial. GAPP (Plantão Semanal de 2ª a 6ª.)...R$ 400,00 GAPP (Plantão Final de Semana)...R$ 600,00 Adic. de Insalubridade...R$ 144,80 ANEXO II DESCRIÇÃO SUMÁRIA DOS REQUISITOS, COMPETÊNCIAS E ATRIBUIÇÕES DAS FUNÇÕES 109. Requisitos: Médicos: a) Devidamente registrado no Conselho Regional de Medicina de sua jurisdição. b) Habilitado ao exercício da medicina pré-hospitalar, atuando nas áreas de regulação médica, suporte avançado de vida, em todos os cenários de atuação do pré-hospitalar e nas ambulâncias; c) Equilíbrio emocional e autocontrole; d) Capacidade física e mental para a atividade; e) Iniciativa e facilidade de comunicação; f) Destreza manual e física para trabalhar em unidades móveis; g) Capacidade de trabalhar em equipe; h) Disponibilidade para a capacitação e re-certificação periódica Competências/Atribuições: Exercer a regulação médica do sistema; conhecer a rede de serviços da região; manter uma visão global e permanentemente atualizada dos meios disponíveis para o atendimento pré-hospitalar e das portas de urgência, checando periodicamente sua capacidade operacional; recepção dos chamados de auxílio, análise da demanda, classificação em prioridade de atendimento, seleção de meios para atendimento (melhor resposta), acompanhamento do atendimento local, determinação do local de destino do paciente, orientação telefônica; manter contato diário com os serviços médicos de emergência integrados ao sistema; prestar assistência direta aos pacientes nas ambulâncias, quando indicado, realizando os atos médicos possíveis e necessários ao nível pré-hospitalar; exercer o controle operacional da equipe assistencial; fazer controle de qualidade do serviço nos aspectos inerentes à sua profissão; avaliar o desempenho da equipe e subsidiar os responsáveis pelo programa de educação continuada do serviço; obedecer às normas técnicas vigentes no serviço; preencher os documentos inerentes à atividade do médico regulador e de assistência pré-hospitalar; garantir a continuidade da atenção médica ao paciente grave, até a sua recepção por outro médico nos serviços de urgência; obedecer ao código de ética médica Enfermeiros: a) Diploma de enfermeiro devidamente registrado no Conselho Regional de Enfermagem de sua jurisdição; b) Certificado de especialização em APH, com carga horária mínima de 360 hs., reconhecido pelo MEC; c) Habilitado ao exercício de enfermagem em Pré-Hospitalar Móvel devendo, além das ações assistenciais, prestar serviços administrativos e operacionais em sistemas de atendimento pré-hospitalar; d) Equilíbrio emocional e autocontrole; e) Disposição para cumprir ações orientadas; f ) Iniciativa e facilidade de comunicação; g) Destreza manual e física para trabalhar em unidades móveis; h) Capacidade de trabalhar em equipe; i) Disponibilidade para a capacitação e re-certificação periódica Competências/Atribuições: Supervisionar e avaliar as ações de enfermagem da equipe no Atendimento Pré-Hospitalar Móvel; executar prescrições médicas por telemedicina; prestar cuidados de enfermagem de maior complexidade técnica a pacientes graves e com risco de vida, que exijam conhecimentos científicos adequados e capacidade de tomar decisões imediatas; prestar a assistência de enfermagem à gestante, a parturiente e ao recém nato; realizar partos sem distócia; participar nos programas de treinamento e aprimoramento de pessoal de saúde de urgência, particularmente nos programas de educação continuada; fazer controle de qualidade do serviço nos aspectos inerentes à sua profissão; subsidiar os responsáveis pelo desenvolvimento de recursos humanos para as necessidades de educação continuada da equipe; obedecer a Lei do Exercício Profissional e o Código de Ética de Enfermagem; conhecer equipamentos e realizar manobras de extração manual de vítimas Técnicos em Enfermagem: a) Titular do certificado ou diploma de Técnico de Enfermagem, devidamente registrado no Conselho Regional de Enfermagem de sua jurisdição; b) Certificação de Capacitação em APH, com carga horaria mínima de 60 hs; c) Disposição pessoal para a atividade; d) Capacidade física e mental para a atividade; e) Disposição para cumprir ações orientadas; f) Disponibilidade para capacitação e re-certificação periódica; g) Capacidade de trabalhar em equipe Competências/Atribuições: Assistir ao enfermeiro no planejamento, programação, orientação e supervisão das atividades de assistência de enfermagem; prestar cuidados diretos de enfermagem a pacientes em estado grave, sob supervisão direta ou à distância do profissional enfermeiro; participar de programas de treinamento e aprimoramento profissional especialmente em urgências/emergências; realizar manobras de extração manual de vítimas Condutores de Veículos: CNH categoria (ver na legislação do SAMU). a) Profissional de nível básico habilitado a conduzir veículos de urgência padronizados pelo código sanitário e pelo presente regulamento como veículos terrestres, obedecendo aos padrões de capacitação e atuação; b) Disposição pessoal para a atividade; c) Equilíbrio emocional e autocontrole;

17 Diário Oficial 17 d) Disposição para cumprir ações orientadas; e) Habilitação profissional como motorista de veículos de transporte de pacientes, de acordo com a legislação em vigor (Código Nacional de Trânsito), com registro na CNH; Carteira Nacional de Habilitação Categoria D ; f) Capacidade de trabalhar em equipe; g) Disponibilidade para a capacitação e re-certificação periódica Competências/Atribuições: Conduzir veículo terrestre de urgência destinado ao atendimento e transporte de pacientes; conhecer integralmente o veículo e realizar manutenção básica do mesmo; estabelecer contato radiofônico (ou telefônico) com a central de regulação médica e seguir suas orientações; conhecer a malha viária local; conhecer a localização de todos os estabelecimentos de saúde integrados ao sistema assistencial local, auxiliar a equipe de saúde nos gestos básicos de suporte à vida; auxiliar a equipe nas imobilizações e transporte de vítimas; realizar medidas reanimação cardiorespiratória básica; identificar todos os tipos de materiais existentes nos veículos de socorro e sua utilidade, a fim de auxiliar a equipe de saúde. ANEXO III CONTEÚDO PROGRAMÁTICO PARA TODOS OS CARGOS LEGISLAÇÃO Lei nº 8.080/90, de 19/9/1990: Dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde, a organização e o funcionamento dos serviços correspondentes e dá outras providências. Portaria nº 2048/GM, do Ministério da Saúde, de 05/11/2002: Aprova o Regulamento Técnico dos Sistemas Estaduais de Urgência e Emergência. Portaria nº 1863/GM, do Ministério da Saúde, de 29/9/2003: Institui a Política Nacional de Atenção às Urgências, a ser implantada em todas as unidades federadas, respeitadas as competências das três esferas de gestão. Portaria nº 1864/GM, do Ministério da Saúde, de 29/9/2003: Institui o componente pré-hospitalar móvel da Política Nacional de Atenção às Urgências, por intermédio da implantação de Serviços de Atendimento Móvel de Urgência em municípios e regiões de todo o território brasileiro: SAMU 192. MÉDICO SOCORRISTA: Manual de Regulação Médica das Urgências; Manual ACLS/ATLS/ PHTLS/Transporte Aeromédico/PALS/FCCS. ENFERMEIRO: Atendimento pré-hospitalar do politraumatizado: ABCDE do trauma, transporte do politraumatizado, cinemática do trauma, epidemiologia do trauma, prevenção do trauma, resgate veicular; Atendimento de urgência e emergência frente a distúrbios cardiovasculares, neurológicos, metabólicos, respiratórios, gineco-obstétricos, pediátricos, psiquiátricos; Traumatismos não-intencionais, violência e suicídios; Atendimento ao trauma de face e pescoço, cranioencefálico, de coluna, músculo-esquelético, torácico, abdominal, da pelve; Agentes físico- químicos e trauma; Suportes básico e avançado de vida a adultos, crianças e gestantes; Situações especiais de ressuscitação: hipotermia, afogamento, parada cardíaca associada ao trauma, choque elétrico e eletrocussão, emergências cardiotoxicológicas; Princípios gerais de biossegurança; Aspectos éticos e deontológicos do exercício da enfermagem. TÉC. DE ENFERMAGEM: Cuidados de enfermagem em emergências cardiovasculares: parada cardíaca, choque hipovolêmico, síncope, isquemia, infarto do miocárdio, insuficiência cardíaca congestiva, hipertensão e arritmias; Cuidados de enfermagem em emergências respiratórias: insuficiência respiratória aguda, obstrução das vias aéreas superiores, pneumotórax, embolia pulmonar, asma e doença pulmonar obstrutiva crônica; Cuidados de enfermagem em emergências metabólicas: emergências diabéticas, desequilíbrios ácido-básicos, insolação, hipotermia e desequilíbrios hidroeletrolíticos; Cuidados de enfermagem em emergências ginecológicas e obstétricas: sangramento vaginal, gravidez ectópica, sangramento no terceiro trimestre, doença hipertensiva da gravidez, violência sexual e parto de emergência; Cuidados de enfermagem em emergências psiquiátricas: paciente suicida, paciente violento e paciente depressivo; Cuidados de enfermagem em emergências pediátricas: crises convulsivas, crises asmáticas, obstrução das vias aéreas superiores e parada cardíaca; Cuidados de enfermagem no trauma: traumatismo múltiplo, traumatismo craniano, lesão na coluna espinhal, traumatismo torácico, traumatismo intra abdominal, queimaduras, ferimentos e afogamentos. CONDUTOR DE VEÍCULOS: Legislação e Sinalização de Trânsito; Normas gerais de circulação e conduta; Sinalização de Trânsito; Direção defensiva; Primeiros Socorros; Proteção ao Meio Ambiente; Cidadania; Noções de mecânica básica de autos; Atendimento pré-hospitalar de urgência em suporte básico de vida em parada cardíaca, emergências respiratórias, obstétricas (parto de emergência), psiquiátricas (paciente suicida, paciente violento) e no trauma (traumatismo múltiplo, traumatismo craniano, lesão na coluna espinhal, traumatismo torácico, traumatismo intra-abdominal, queimaduras, ferimentos e afogamentos, segurança da cena). ANEXO IV MODELO DE REQUERIMENTO DE SOLICITAÇÃO DE ISENÇÃO DE TAXA DE INSCRIÇÃO À Universidade Municipal de São Caetano do Sul - USCS Eu,..., RG nº..., CPF nº..., venho requerer a isenção do pagamento do valor da inscrição para o cargo de......, do Concurso Público Edital 001/2014 SESAU SAMU, da Prefeitura Municipal de Guarujá PMG, nos termos da legislação municipal, e do referido Edital, juntando a competente documentação, assumindo, sob as penas da Lei, que esta é verdadeira e idônea. Nestes termos Pede deferimento Guarujá,...de outubro de assinatura do(a) candidato (a) ANEXO V MODELO DE DECLARAÇÃO PARA CANDIDATO DESEMPREGADO DECLARAÇÃO Eu,..., RG nº..., CPF nº..., DECLARO, sob pena das sanções cabíveis, para fins de isenção do pagamento do valor da inscrição, para o cargo..., prevista na legislação municipal, nos termos do Concurso Público Edital 001/2014 SESAU SAMU, da Prefeitura Municipal de Guarujá PMG, que me encontro atualmente, na condição de desempregado (a) Nestes termos Pede deferimento Guarujá,...de outubro de assinatura do(a) candidato (a) COMUNICADO AOS SERVIDORES A partir do dia 24/09/2014, para abertura de processos administrativos e requerimentos serão necessárias as seguintes informações: - Nome - CPF - Prontuário - Endereço - Telefone para contato Flavio Poli Secretário de Administração EDITAL DE CONVOCAÇÃO A Prefeitura Municipal de Guarujá, Estado de São Paulo, através da Secretaria Mun. de Administração ADM, convoca a candidata abaixo relacionada, aprovada junto ao Processo Seletivo para o Provimento de Vagas, Com Prova, Prova Prática e Formação de Cadastro Reserva - Edital nº.001/2013 SESAU/ SAMU ENFERMEIRO PADRÃO Contratação Temporária pelo Regime Jurídico Administrativo, sem vínculo trabalhista ou estatutário, nos termos dos artigos 600 a 605, da Lei Complementar nº.135/2012, nos termos do disposto no Processo Administrativo nº.1802/2014: CLASSIF. Nº. DE INSCR. NOME DA SELECIONADA 10º THALYSE ROSSIGNOLI PEREIRA A candidata acima mencionada, deverá comparecer no prazo de 03 (três) dias úteis a saber: 23, 24 e 25/09/2014 (3ª., 4ª. e 5ª. feira), junto ao Recursos Humanos (térreo sala 33) da Pref. Mun. de Guarujá Paço Raphael Vitiello, sito a av. Santos Dumont, nº.640, bairro de Santo Antonio Guarujá, sendo que nos dias 23 e 25/09/2014 (3ª. e 5ª. feira) das 09hs00 às 11hs00., e no dia 24/09/2014 (4ª. feira) das 14hs00 às 16hs00., para fins de contratação. Guarujá, 18 de setembro de Diego Bezerra Pereira Diretor de Gestão de Pessoas ADM GP fagm EDITAL DE CONVOCAÇÃO A Prefeitura Municipal de Guarujá, Estado de São Paulo, através da Secretaria Mun. de Administração ADM, convoca a candidata abaixo relacionada, aprovada em Concurso Público Edital nº.001/2011 SEDESC ASSISTENTE SOCIAL LEI COMPLEMEN- TAR Nº.135/2012, conforme o que foi decidido no Processo Administrativo nº.14235/2013: CLASSIF. Nº.INSCR. NOME DA CONCURSADA 52º MICHELLE OLIVEIRA SOARES PAOLI A candidata acima mencionada, deverá comparecer no prazo de 03 (três) dias úteis, a saber: 23, 24 e 25/09/2014 (3ª., 4ª. e 5ª. feira), junto ao Recursos Humanos (térreo - sala 33) da Prefeitura Municipal Paço Raphael Vitiello, sito a Av. Santos Dumont, nº.640, Bairro de Santo Antonio Guarujá, sendo que nos dias 23 e 25/09/2014 (3ª. e 5ª. feira) das 09hs00 às 11hs00., e no dia 24/09/2014 (4ª. feira) das 14hs00 às 16hs00., para fins de processo admissional. Guarujá, 18 de setembro de 2014 Diego Bezerra Pereira Diretor de Gestão de Pessoas ADM GP fagm EDITAL DE CONVOCAÇÃO A Prefeitura Municipal de Guarujá, Estado de São Paulo, através da Secretaria Mun. de Administração ADM, convoca a candidata abaixo relacionada, aprovada em Concurso Público Edital nº.002/2011 SESAU SERVENTE (AGENTE DE SERVIÇOS GE- RAIS) LEI COMPLEMENTAR Nº.135/2012, conforme o que foi decidido no Processo Administrativo nº.20438/ SEDUC: CLASSIF. Nº.INSCR. NOME DA CONCURSADA 339º MARIA TELMA BRUNO DA SILVA EVANGELISTA A candidata acima mencionada, deverá comparecer no prazo de 03 (três) dias úteis, a saber: 23, 24 e 25/09/2014 (3ª., 4ª. e 5ª. feira), junto ao Recursos Humanos (térreo sala 33), da Prefeitura Municipal - Paço Raphael Vitiello, sito a Av. Santos Dumont, nº.640, Bairro de Santo Antonio Guarujá, sendo que nos dias 23 e 25/09/2014 (3ª e 5ª. feira) das 09hs00 as 11hs00., e no dia 24/09/2014 (4ª. feira) das 14hs00 às 16hs00., para fins de processo admissional. Guarujá, 18 de setembro de Diego Bezerra Pereira Diretor de Gestão de Pessoas ADM GP fagm SAÚDE Extrato do PLANO OPERATIVO DE ATENÇÃO PACTUADA PARA HOSPITAL SANTO AMARO Convenentes: Município de Guarujá por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde, e o Hospital Santo Amaro, CNPJ: / ; Objeto: Integrar o Hospital Santo Amaro ao Sistema Único de Saúde- SUS e definir sua inserção na rede regionalizada hierarquizada de ações e serviços de saúde, visando a

18 18 Diário Oficial garantia da atenção integral à saúde dos munícipes que integram a região de saúde no qual o Hospital está inserido e, conforme Plano Operativo em que deverão ser ofertadas Consultas Ambulatoriais, Procedimentos de Urgência Ambulatorial, Serviços de Apoio à Diagnose e Terapia em Média e Alta Complexidade, Cirurgias Ambulatoriais, Internações em Especialidades e em UTI; Processo administrativo nº: 44956/2013; Valor: R$ ,08; Dotação orçamentária: e 3721; Inicio de Vigência: 12 (doze) meses a partir de 10 de janeiro de 2014; Data de Assinatura: 19 de setembro de 2014; Guarujá, 19 de setembro de 2014; JAMILE CRISTINA FAVERO - Pront. n.º , que o digitei e publico. MEIO AMBIENTE Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente COMDEMA Edital 002/2014 Convocação Reunião Ordinária nº 001/2014 O Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente COMDEMA convoca todos os seus Conselheiros e convida os demais interessados a participarem da 1ª Reunião Ordinária a realizar-se no dia 26 de setembro de 2014 às 19h na UNAERP Campus Guarujá, sito à Av. Dom Pedro I, Enseada - Guarujá/SP. 1 Assuntos gerais; 2 - Comunicados da Secretaria; 3 Apresentação para DELIBERAÇÃO do Projeto de Ampliação do Terminal Marítimo da Dow Brasil no Guarujá. A exposição será Prefeitura realizada pelos Engº Municipal Agrônomo Eduardo de Guarujá Brito Bastos, Diretor de Relações Institucionais da DOW do Brasil, ESTADO Eng.º Químico DE SÃO Vinicio PAULO Stancati Jr., Líder de Cadeia Integrada de Suprimentos para a Dow América Latina e Eng.º Agrônomo Sérgio Pompéia, Presidente da CPEA. SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE Guarujá, 19 de setembro de Adilson Cabral da Silva Presidente do COMDEMA Antonio Portaria Lopes SEMAM da Silva Nº010/2014 Secretário Executivo Portaria SEMAM O Secretário Nº010/2014 municipal do Meio Ambiente, em atendimento O Secretário a municipal lei nº 3.937, do Meio publica Ambiente, os resultados em atendimento das análises feitas a lei nº pela 3.937, CETESB publica no os período resultados de 17 de das Agosto análises de feitas 2014 pela a 14 CETESB de Setembro no período de de 17 de agosto de 2014 a 14 de setembro de Balneabilidade das Praias de Guarujá Período de 17/08/2014 até 14/09/2014 Praia Local de Amostragem Agosto * UFC / 100 ml Setembro ** Qualidade IPORANGA Própria PEREQUÊ Imprópria PERNAMBUCO Própria ENSEADA (ESTR. DE PERNAMBUCO) Própria ENSEADA (AV. ATLÂNTICA) Própria ENSEADA (R. CHILE) Imprópria ENSEADA (AV. SANTA MARIA) Própria PITANGUEIRAS (AV. PUGLISI) Imprópria PITANGUEIRAS (R. SILVA VALADÃO) Própria ASTÚRIAS Própria TOMBO Própria GUAIÚBA Própria *Limite *Limite de de Balneabilidade: Balneabilidade: 100 UFC/ UFC/100 ml. ml. **Pelo critério critério do Órgão do Ambiental Órgão Ambiental de acordo com de a Resolução acordo com CONAMA a Resolução 274/00: Densidades CONAMA superiores 274/00: a 100 UFC Densidades / 100 ml de enterococos superiores em a duas 100 ou UFC mais / amostras 100 ml de um enterococos conjunto de cinco em duas semanas, ou ou mais valores amostras superiores de a um 400 conjunto UFC / 100 ml de na cinco última amostragem, semanas, caracterizam ou valores a impropriedade superiores a da 400 praia para UFC recreação / 100 de ml contato na última primário. amostragem, caracterizam Fonte: CETESB a impropriedade da praia Secretaria para recreação do Meio de Ambiente, contato primário. em 18 de setembro de Adilson Cabral da Silva Secretário Interino do Meio Ambiente Fonte: CETESB Secretaria do Meio Ambiente, em 18 de Setembro de Acesse CULTURA EDITAL 008/14 O Secretário Municipal de Cultura, no uso de suas atribuições serve-se do presente edital para convocar os Membros do Grupo de Trabalho destinado a implementar o Plano Municipal de Cultura para participarem da reunião ordinária no dia 24 de setembro de 2014, às 16 horas, na Secretaria Municipal de Cultura, sito à Avenida Presidente Vargas nº 266, Parque Estuário Vicente de Carvalho, Guarujá, com a seguinte pauta: Plano de Mobilização; Calendário de Ações. ODAIR DIAS FILHO Secretário Interino de Cultura DESENVOLVIMENTO E ASSISTÊNCIA SOCIAL Edital de Convocação O CMDCF - Conselho Municipal da Condição Feminina, vem por meio desta, convocar todas as Conselheiras de Direito, Titulares e Suplentes e ao público em geral para participar da Reunião Ordinária do dia 25 de Setembro de 2014 às 09h30, na Casa dos Conselhos, Situado na Rua Montenegro, nº 455, Centro/Guarujá, com a seguinte pauta. Leitura da ata Anterior; Discussão e Deliberação do Evento Outubro rosa; Assunto gerais; Guarujá, 18 de setembro de Dr.ª Roseli Aparecida Costa Veiga de Morais Presidente EDITAL DE CONVOCAÇÃO O CMAS Conselho Municipal de Assistência Social vem por meio deste, convocar a todos os conselheiros de Direito Titulares e Suplentes para participar de 5ª reunião ordinária Biênio 2014/2016, no dia 24 de setembro de 2014, primeira chamada às 9 horas e em segunda às 9h30, na sede do conselho sito à rua: Montenegro, nº 455, centro, casa dos conselhos, com a seguinte pauta: Informes da presidente; Leitura e aprovação da Ata da 4ª reunião ordinária Biênio 2014/2016; Deliberação sobre pendências referentes à inscrições de entidades e organizações sociais; Aprovação da prestação de contas do recurso federal utilizado no primeiro semestre do exercício de 2014; Devolutiva das Metas já realizadas pela SEDEAS referentes as que Deliberadas na IX Conferência Municipal de Assistência Social 2014/2017; Assuntos gerais. Guarujá, 18 de setembro de Lúcia Helena da Silva Presidente EDITAL DE CONVOCAÇÃO 011/2014/MAC. O Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (COMSEA), vem por meio deste, CON- VOCAR os representantes governamentais titulares e suplentes e não governamentais titulares e suplentes integrados na Lei n 3294 de 10 de janeiro de 2006, do Biênio 2012/2014 legalmente eleitos em assembleia, como as instituições do 3º setor que operam na área da alimentação, que queiram realizar seus cadastro para á participação como membro do COMSEA na forma regimental, para a Assembleia Extraordinária do ano de 2014 a ser realizada no dia 24 de setembro de 2014, primeira chamada às 13h30 e a segunda chamada 14 horas na Casa dos Conselhos, Rua Montenegro Nº 455 Centro/Guarujá, com a seguinte pauta: a) Formação da Comissão Eleitoral. b) Eleição para a Presidência do Colegiado. c) Assuntos gerais. Guarujá, 15 de setembro de Marcos Antônio Costa Presidente Lindolfa Ferreira Lima dos Santos Secretária CIPA Comissão Interna de Prevenção de Acidentes Adilson Cabral da Silva Secretário Interino do Meio Ambiente

19 Diário Oficial 19 EDITAL 03/14 Dispõe sobre as diretrizes de matrículas para o ano letivo de 2015 nas Unidades Municipais que oferecem atendimento de Educação Infantil - segmento creche. PRISCILLA MARIA BONINI RIBEIRO, Secretária de Educação do Município de Guarujá, no uso de suas atribuições legais, torna públicas as diretrizes referentes à admissão para o ano letivo de 2015, nas unidades municipais e conveniadas que oferecem Educação Infantil segmento creche, para crianças a partir de 4 meses a 3 anos e 11 meses. 1-Da Fundamentação Legal: - Constituição Federal/88, EC 53/06, EC 59/09; - Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional LDBEN Nº 9394/96; - Lei nº 8.069/90 que dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente; -Lei 11700/08 que dispõe sobre a garantia de vaga na escola pública - Lei 2546/97 que cria o Sistema Municipal de Ensino; - Decreto Nº 7492/2011 que institui o Plano Brasil Sem Miséria; -Resolução CNE/CEB Nº 05/2009, ficam estabelecidas as diretrizes das inscrições e matrículas para Educação Infantil/Ano Letivo 2015 segmento creche; -Lei Municipal 4020/13. 2-Da Apresentação: A Educação Infantil, primeira etapa da Educação Básica, tem como finalidade o desenvolvimento integral da criança em seus aspectos físicos, psicológico, intelectual e social, complementando a ação da família e da comunidade. A Educação Infantil ( segmento creche) será oferecida em: -Creches, para crianças de quatro meses até 3 anos e 11 meses de idade; 3-Dos Objetivos Este Edital tem por objetivo geral orientar as inscrições e matrículas das crianças, nas unidades municipais e conveniadas de Educação Infantil de Guarujá. Ampliar o acesso da população em situação de extrema vulnerabilidade aos serviços públicos. 3.1-O Edital de Matrícula tem como objetivos específicos: -divulgar este edital à direção das unidades, aos pais ou responsáveis legais e a toda comunidade para fins de inscrição e matrícula do público alvo da Educação Infantil (creche); -realizar inscrição em qualquer época do ano letivo, atendidas as disposições legais; -realizar a matrícula, sempre que houver vagas, de crianças transferidas; -cadastrar e atualizar os dados no Sistema de Cadastro de Alunos Prodesp e Sigem; -informar à família da responsabilidade de atualizar os dados da ficha cadastral e/ou matrícula a cada mudança de endereço residencial, telefone, local de trabalho. E no mês de setembro, ficam as famílias responsáveis em atualizar todas as informações, preenchimento novamente a ficha cadastral; -efetuar a matrícula de crianças com deficiência. 4- Dos Critérios para Matrícula: -Considerando que a educação infantil pública, gratuita e de qualidade é direito de toda criança, sem requisito de seleção; -Considerando que a demanda é maior que a capacidade física EDUCAÇÃO instalada, não obstante o intenso investimento que a municipalidade tem feito anualmente no setor para ampliação das vagas com a construção de creches; -Considerando que a construção de creches demanda suporte financeiro e tempo; -Até que se consiga disponibilizar a totalidade de vagas, as matrículas obedecerão a um processo seletivo, que será realizado dentro de cada unidade, com as seguintes regras: -Residência dos pais ou responsáveis no município de Guarujá/SP; -Crianças cadastradas nas unidades conforme determina a Lei Municipal 4.020/13; -Crianças cuja família é beneficiária do Programa Bolsa Família; -Crianças que se encontrem em situação de risco social e pessoal; -Crianças cujos pais estejam trabalhando e apresentem a menor renda familiar Dos procedimentos: -A matrícula deverá ser efetuada pelos pais ou responsável legal pela criança. 5-Freqüência da criança 5.1-Comparecimento 5.2- Comunicar, por escrito, no ato da matrícula, ao responsável pela criança, que as ausências a partir de 5 (cinco ) dias consecutivos devem ser justificadas; - Entrar em contato com o responsável legal para esclarecimentos, após 5 (cinco) dias consecutivos de ausência sem justificativa; 5.3-Afastamentos; O afastamento da criança motivado por situações particulares poderá ser concedido pela unidade, com prazo limite de até 30 (trinta) dias, devendo ser comunicado pela família com antecedência e por escrito O afastamento da criança para tratar da saúde, fica resguardado a vaga, desde que o atestado seja apresentado até o quinto dia de ausência à Direção da unidade. 5.4-Cancelamento da Matrícula: É o desligamento definitivo da criança na unidade em que está matriculada. O cancelamento da matrícula decorre da iniciativa da família ( pai, mãe ou responsável legal), devendo os interessados preencher solicitação do cancelamento da matrícula junto à secretaria da unidade. O cancelamento da matrícula só poderá ser efetivado pela unidade, nos casos em que for constatada a apresentação de documentação falsa ou adulterada. 5.5-Abandono da Vaga Ocorre nas situações em que a criança apresenta 15 dias de faltas consecutivas, sem que a família informe o motivo da ausência, esgotadas todas as tentativas de localização e reintegração, registrando os contatos, caracterizando abandono de vaga. 6-Da Composição e Organização das Turmas As turmas serão organizadas considerando-se a idade das crianças. As turmas mistas só serão permitidas mediante autorização da Diretoria de Educação Infantil da Secretaria Municipal de Educação. O número de crianças poderá variar considerando as dimensões de espaço físico e avaliação da diretoria de Educação Infantil, assegurada a qualidade do atendimento. 6.1-Da documentação: O Diretor da unidade é responsável pela regularidade da documentação das crianças matriculadas, cabendo-lhe também a constante atualização dos registros na ficha cadastral e no Sistema de Cadastro de Alunos - Prodesp. Em toda a documentação escolar da criança, deverá ser registrado o seu nome completo, sem abreviações. Será nula de qualquer efeito a matrícula que for realizada com apresentação de documentação falsa ou adulterada, ficando o responsável passível das penas que a lei determinar. No ato de matrícula é indispensável à apresentação exigida, conforme segue: - Certidão de nascimento (cópia simples) e original; - Comprovante de residência no município do Guarujá em nome do responsável (apresentar cópia de qualquer um dos seguintes documentos: conta de luz, telefone, contrato de aluguel, carnê de IPTU ou outros documentos emitidos por órgãos oficiais); -Declaração de guarda emitida pelo Juizado da Infância e Juventude para as crianças que convivem com o responsável legal; -Carteira de vacinação atualizada; -Beneficiário da Bolsa Família, deve apresentar comprovante; -As suspeitas de fraudes nas declarações e documentos apresentados para fins de matrícula, serão encaminhadas ao Ministério Público da Comarca de Guarujá. 7-Das inscrições: No período de 1 a 10 de outubro de 2014, estaremos recadastrando as crianças que estão na lista de cadastro das unidades municipais e conveniadas, visando à atualização de dados. Caso, tal atualização não seja realizada, a criança será retirada desta lista. Para efetuar o recadastramento, os pais ou responsáveis deverão comparecer à unidade onde aguardam a vaga, de segunda a sexta-feira das 8 às 17 horas, munidos de certidão de nascimento da criança e comprovante de residência. As inscrições novas serão realizadas no período de 27 a 31 de outubro de 2014, nas secretarias das unidades de segunda a sexta-feira das 8 às 17 horas. As matrículas serão realizadas de acordo com o número de vagas disponíveis em cada unidade no período de 8 a 12 de dezembro de 2014, de segunda a sexta-feira das 9 às 16 horas Das Transferências No decorrer do ano letivo de 2015, as transferências ficam condicionadas à existência de vagas. 8-Das Disposições Gerais: -Ficam impedidas de se inscreverem em mais de uma unidade escolar; A realização da matrícula e a freqüência da criança nas unidades de ensino municipais não poderão ser vinculadas à exigência de qualquer tipo de cobrança financeira ou imposição de condições relativas ao material escolar, uniforme, ou equivalente; É responsabilidade do Diretor, cadastrar e manter atualizados os dados dos alunos no Sistema; As informações constantes nas declarações das famílias ou responsáveis legais serão de inteira responsabilidade dos signatários, e, caso, sejam inverídicas, os mesmos poderão responder de acordo com a legislação vigente. Guarujá, 16 de setembro de PRISCILLA MARIA BONINI RIBEIRO Secretária Municipal de Educação Siga o Diário Oficial no

20 20 Diário Oficial Reprodução hermínia neves vitiello Escola promove semana de direito à educação inclusiva Unidade de ensino realizará palestras de 22 a 26 de setembro, quando é comemorado o Dia Nacional do Surdo A rede municipal de ensino de Guarujá está realizando ações diferenciadas nas escolas por conta do Setembro Azul Movimento Surdo. A EM Hermínia Neves Vitiello (Rua João Thomas Tangary, 95, Santa Rosa) inicia uma programação nesta segunda-feira, 22, em alusão à 12ª Semana de Ação Mundial - Direito à Educação Inclusiva: Por uma Escola e um Mundo para Todos. O intuito da 12ª Semana de Ação Mundial - Direito à Educação Inclusiva, dentro do Setembro Azul, é promover discussões nas escolas para que integrem da melhor maneira ações de inclusão educacional. A unidade escolar vai apresentar diferentes palestras com o objetivo principal de conscientizar alunos e pais, abordando assuntos como autismo, deficiência auditiva e física. A EM Hermínia Neves Vitiello impulsiona diferentes atividades de conscientização durante todo o ano, sempre preocupada em trabalhar o aspecto de respeito à diversidade dos alunos e o relacionamento humano entre as crianças. A inclusão de alunos com deficiência deve ser trabalhada desde pequeno. Por isso, promovemos da forma mais simples a prática desses aspectos com todos que freqüentam a nossa escola, explicou a orientadora de ensino da unidade, Juliana Leão Pereira. Para a diretora de Educação Infantil da Seduc, ações como esta são pontuais para fortalecer a inclusão dos alunos com algum tipo de deficiência nas escolas. Realizando exercícios diferenciados com os estudantes, a unidade escolar trata todos com igualdade de oportunidades e direitos, salientou. SETEMBRO AZUL - MOVIMENTO SURDO É a favor da educação e cultura da comunidade surda. Tornou-se efetivo nacionalmente em março de 2011, quando as discussões e mobilizações em defesa do Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES) tomaram maiores proporções. O mês de setembro ganha destaque pelo Movimento, pois no dia 26 é comemorado o Dia Nacional do Surdo. Todos os anos são realizadas atividades pelo Brasil. No Guarujá, estão programadas palestras para todo o mês.

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PAROBÉ EDITAL Nº 023/2013 SELEÇÃO PÚBLICA PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA MÉDICO VETERINÁRIO

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PAROBÉ EDITAL Nº 023/2013 SELEÇÃO PÚBLICA PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA MÉDICO VETERINÁRIO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PAROBÉ EDITAL Nº 023/2013 SELEÇÃO PÚBLICA PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA MÉDICO VETERINÁRIO O PREFEITO MUNICIPAL DE PAROBÉ no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

EDITAL Nº 21/2013. 1.1- Profissional/Carga Horária/Número de Vagas/Requisitos para a contração /Vencimentos. n.º de Vagas. Reserva Vagas PNE *

EDITAL Nº 21/2013. 1.1- Profissional/Carga Horária/Número de Vagas/Requisitos para a contração /Vencimentos. n.º de Vagas. Reserva Vagas PNE * EDITAL Nº 21/2013 RICARDO PINHEIRO SANTANA, Prefeito do Município de Assis, no uso de suas atribuições legais, TORNA PÚBLICO o presente Edital de Abertura do Concurso Público nº 01/2013 para preenchimento

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIO Nº 001/2015

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIO Nº 001/2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIO Nº 001/2015 ABERTURA DE INSCRIÇÕES A Prefeitura Municipal de Lucélia, Estado de São Paulo, por seu Prefeito Osvaldo Saldanha que este subscreve, FAZ SABER que

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAGUARI SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAGUARI SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 006/2010, DE 12 DE JULHO DE 2010. ARAGUARI MINAS GERAIS 1 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 006/2010 A Prefeitura Municipal de Araguari MG, através

Leia mais

EDITAL, Nº 001, de 22 de maio de 2015. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA

EDITAL, Nº 001, de 22 de maio de 2015. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA EDITAL, Nº 001, de 22 de maio de 2015. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA A Presidente da Comissão do Processo de Contratação Temporária por necessidade de excepcional interesse

Leia mais

PREFEITURA DE MONTES CLAROS SECRETARIA MUNCIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO

PREFEITURA DE MONTES CLAROS SECRETARIA MUNCIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO EDITAL nº 005/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA DA SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA, ESPORTE E JUVENTUDE A Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GUARUJÁ PMG CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA

PREFEITURA MUNICIPAL DE GUARUJÁ PMG CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA PREFEITURA MUNICIPAL DE GUARUJÁ PMG CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA EDITAL 001/2011 SEDUC REPUBLICAÇÃO POR INCORREÇÃO A PREFEITURA MUNICIPAL DE GUARUJÁ PMG, através

Leia mais

Prefeitura do Município de Carapicuíba Estado de São Paulo

Prefeitura do Município de Carapicuíba Estado de São Paulo EDITAL Nº 0005/2011 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO A Comissão Permanente de Acompanhamento de Processos Seletivos do Município de Carapicuíba, nomeada pelo Decreto Municipal n.º 3.918 de 30 de setembro

Leia mais

MUNICÍPIO DE TRÊS PASSOS PODER EXECUTIVO

MUNICÍPIO DE TRÊS PASSOS PODER EXECUTIVO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 029/2015 José Carlos Anziliero Amaral, Prefeito Municipal de Três Passos, Estado do Rio Grande do Sul, no uso de suas atribuições legais, torna público a abertura

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE EDITAL N 001/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE EXCEPCIONAL INTERESSE

Leia mais

PROJETO DE LEI N 504/2013

PROJETO DE LEI N 504/2013 PROJETO DE LEI N 504/2013 AUTORIZA A CONCESSÃO DE AUXÍLIO TRANSPORTE AOS ESTUDANTES DE CURSO SUPERIOR E CURSO TÉCNICO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O Povo do Município de Nepomuceno, Minas Gerais, por seus

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DEPARTAMENTO DE GESTÃO DO TRABALHO E EDUCAÇÃO EM SAÚDE

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DEPARTAMENTO DE GESTÃO DO TRABALHO E EDUCAÇÃO EM SAÚDE EDITAL N 005/2013. PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DEPARTAMENTO DE GESTÃO DO TRABALHO E EDUCAÇÃO EM SAÚDE PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATACÃO TEMPORÁRIA DE TÉCNICOS EM RADIOLOGIA

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2014 EDITAL Nº 001/2014

CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2014 EDITAL Nº 001/2014 CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2014 EDITAL Nº 001/2014 O Município de Piratininga, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições legais, torna público que será realizado, através da Empresa Astral Assessoria

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETÁRIA MUNICIPAL DE GESTÃO FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE CUIABÁ - FUNEC EDITAL Nº. 002/2014 CUIABA-VEST

PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETÁRIA MUNICIPAL DE GESTÃO FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE CUIABÁ - FUNEC EDITAL Nº. 002/2014 CUIABA-VEST PREFEITURA MUNICIPAL DE CUIABÁ SECRETÁRIA MUNICIPAL DE GESTÃO FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE CUIABÁ - FUNEC EDITAL Nº. 002/2014 CUIABA-VEST A Prefeitura Municipal de Cuiabá por intermédio da Secretaria Municipal

Leia mais

PROCESSO SELETIVO N 001/2014 CONTRATAÇÃO DE JOVENS APRENDIZES

PROCESSO SELETIVO N 001/2014 CONTRATAÇÃO DE JOVENS APRENDIZES PROCESSO SELETIVO N 001/2014 CONTRATAÇÃO DE JOVENS APRENDIZES O Diretor Presidente da COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DE PASSO FUNDO CODEPAS, no uso de suas atribuições legais, e conforme determina o art.

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N 002/2015 PRAZO DETERMINADO

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N 002/2015 PRAZO DETERMINADO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N 002/2015 PRAZO DETERMINADO ABERTURA DE INSCRIÇÕES -, com sede na Avenida Cel. Clementino Gonçalves, 1290 em Santa Cruz do Rio Pardo-SP, torna público a abertura

Leia mais

PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC

PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC A Prefeitura Municipal de Caruaru/PE divulga a realização do CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS para o provimento dos cargos de Professor

Leia mais

EDITAL 002/2015 UNIÃO POPULAR DE MULHERES DE CAMPO LIMPO E ADJACÊNCIAS. EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES CONVÊNIO SMADS nº 176/SMADS/2015

EDITAL 002/2015 UNIÃO POPULAR DE MULHERES DE CAMPO LIMPO E ADJACÊNCIAS. EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES CONVÊNIO SMADS nº 176/SMADS/2015 EDITAL 002/2015 UNIÃO POPULAR DE MULHERES DE CAMPO LIMPO E ADJACÊNCIAS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO n 02/15 NA MODALIDADE TÉCNICA E PREÇO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFISSIONAL PARA

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2014 EDITAL Nº 001

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2014 EDITAL Nº 001 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2014 EDITAL Nº 001 Abre inscrições para o processo seletivo simplificado destinado à contratação temporária de excepcional interesse público para funções de Professor

Leia mais

MUNICÍPIO DE ITAPEMIRIM CNPJ 27.174.168/0001-70

MUNICÍPIO DE ITAPEMIRIM CNPJ 27.174.168/0001-70 12 DE FEVEREIRO DE 2015 Informativo Oficial do Municipio de Itapemirim - Criado pela Lei Municipal nº 1.928/05 e Regulamentado pelo Decreto nº 2.671/05 - Ano IX - 1618 DECRETOS DECRETO Nº. 8.552 /2015

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ONÇA DE PITANGUI ESTADO DE MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE ONÇA DE PITANGUI ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL RETIFICADO Nº 001 EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO DE ASSISTENTE SOCIAL. A Prefeitura Municipal de Onça de Pitangui - MG, através do prefeito municipal, no uso de suas atribuições legais, torna público

Leia mais

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL Edital de Abertura de Inscrição Processo Seletivo Simplificado Regional para contratação de Agente de Organização Escolar/2015 A Comissão Especial de Contratação

Leia mais

REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - Os concursos para seleção de candidatos aos cargos públicos dos órgãos de administração direta e indireta, da Prefeitura

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBORIÚ SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO E ASSISTENCIA SOCIAL EDITAL Nº 001/2013

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMBORIÚ SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO E ASSISTENCIA SOCIAL EDITAL Nº 001/2013 EDITAL Nº 001/2013 Abre inscrições e define normas para o Processo seletivo simplificado destinado a admissão de pessoal em caráter temporário para a formação de cadastro de reserva. O Município de Camboriú,

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL EDITAL DE ABERTURA Nº. 118/2012 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA E EMERGENCIAL

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL EDITAL DE ABERTURA Nº. 118/2012 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA E EMERGENCIAL EDITAL DE ABERTURA Nº. 118/2012 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA E EMERGENCIAL CÁSSIO LUIZ FREITAS MOTA, Prefeito Municipal de Canguçu, Estado do Rio Grande do Sul, no uso de suas

Leia mais

A Comissão Especial de Contratação por Tempo Determinado CE CTD da Diretoria de Ensino - Região Guarulhos Norte, com fundamento no inciso

A Comissão Especial de Contratação por Tempo Determinado CE CTD da Diretoria de Ensino - Região Guarulhos Norte, com fundamento no inciso Edital de 24/07/2015 Processo Seletivo Simplificado Regional para contratação de Agente de Organização Escolar/2015 A Comissão Especial de Contratação por Tempo Determinado CE CTD da Diretoria de Ensino

Leia mais

Processo Seletivo Simplificado Edital nº004/2015

Processo Seletivo Simplificado Edital nº004/2015 Processo Seletivo Simplificado Edital nº004/2015 O Secretário Municipal de Orçamento e Gestão no uso de suas atribuições legais e de acordo com as Leis Municipais nºs 2.174/97, 2.270/98, 3248/09 e Decreto

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011 PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011 A Fundação de Educação Tecnológica e Cultural da Paraíba FUNETEC/PB, pessoa jurídica

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA O Diretor Presidente do Departamento Municipal de Eletricidade de Poços de Caldas DME-PC, no uso de suas atribuições, considerando

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA PROCESSO SELETIVO PÚBLICO EDITAL Nº. 01/2010, REFERENTE À CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA O Diretor Presidente do Departamento Municipal de Eletricidade de Poços de Caldas DME-PC, no uso de suas atribuições, considerando

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ Ladeira Laurindo José da Silva, 40 Queluz/SP CEP: 12.800-000 Tel.: (12) 3147.1405 / 3147.1396 Processo Seletivo Simplificado Edital nº 02/2013 Processo seletivo para preenchimento,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO SEBASTIÃO DO PARAÍSO SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE E AÇÃO SOCIAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO SEBASTIÃO DO PARAÍSO SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE E AÇÃO SOCIAL EDITAL PROCESSO SELETIVO Nº 012/2011 MÉDICO DE SAÚDE DA FAMÍLIA A Prefeitura Municipal de São Sebastião do Paraíso, nos termos da Lei Municipal 2.904/02 e Lei Municipal Nº.3.553/Projeto de Lei Nº. 3.778

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARAU EDITAL DE SELEÇÃO Nº 20/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO POR PRAZO DETERMINADO

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARAU EDITAL DE SELEÇÃO Nº 20/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO POR PRAZO DETERMINADO PREFEITURA MUNICIPAL DE MARAU EDITAL DE SELEÇÃO Nº 20/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO POR PRAZO DETERMINADO O Prefeito Municipal de Marau, no uso de suas atribuições, visando a contratação

Leia mais

EDITAL ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 001/2015

EDITAL ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 001/2015 EDITAL ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 001/2015 De ordem do Senhor Presidente da Fundação Instituto Tecnológico de Osasco, através da Comissão especialmente constituída por meio da Portaria nº

Leia mais

EDITAL Nº 10/2015 CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO. Disponibilidade do Edital de Abertura do Processo 10 de fevereiro de 2015

EDITAL Nº 10/2015 CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO. Disponibilidade do Edital de Abertura do Processo 10 de fevereiro de 2015 Fl. 01/08 EDITAL Nº 10/2015 PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO POR TEMPO DETERMINADO DE PROFISSIONAIS MÉDICOS PARA ATENDER NO PRONTO DE ATENDIMENTO PEDIÁTRICO PAP. Aos quatro dias

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO LIMPO PAULISTA ESTADO DE SÃO PAULO DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL N 001/11

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO LIMPO PAULISTA ESTADO DE SÃO PAULO DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL N 001/11 PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPO LIMPO PAULISTA ESTADO DE SÃO PAULO DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL N 001/11 Prefeito Municipal de Campo Limpo Paulista, Dr. Armando Hashimoto, faz saber que nos dias úteis

Leia mais

DESCRITIVO DO PROCESSO SELETIVO PARA O CARGO DE AUXILIAR ODONTOLÓGICO PARA AS UNIDADES DE BERTIOGA, CAMPINAS, JUNDIAÍ E GRANDE SÃO PAULO

DESCRITIVO DO PROCESSO SELETIVO PARA O CARGO DE AUXILIAR ODONTOLÓGICO PARA AS UNIDADES DE BERTIOGA, CAMPINAS, JUNDIAÍ E GRANDE SÃO PAULO DESCRITIVO DO PROCESSO SELETIVO PARA O CARGO DE AUXILIAR ODONTOLÓGICO PARA AS UNIDADES DE BERTIOGA, CAMPINAS, JUNDIAÍ E GRANDE SÃO PAULO O presente documento é uma divulgação oficial de todos os critérios

Leia mais

1. No item 4, Das inscrições, ONDE SE LÊ:

1. No item 4, Das inscrições, ONDE SE LÊ: O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE CUIABÁ e o SECRETÁRIO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições, nos termos estabelecidos no subitem 16.31, torna pública a seguinte retificação ao Edital supracitado,

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 003/2015

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 003/2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 003/2015 PROCESSO DE SELEÇÃO PARA INGRESSO DE ALUNOS AO CURSO BÁSICO DA ESCOLA MUNICIPAL DE MÚSICA MAESTRO IVAN SILVA. A Escola Municipal de Música Maestro Ivan Silva da

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2014 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2014 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2014 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA 1. 0 - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Edital de Processo Seletivo Simplificado para contratação por prazo determinado. A Prefeitura

Leia mais

EDITAL Nº 028/2009-PRORH CONCURSO PÚBLICO

EDITAL Nº 028/2009-PRORH CONCURSO PÚBLICO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA PRÓ-REITORIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 028/2009-PRORH CONCURSO PÚBLICO A Pró-Reitora de Recursos H umanos da Universidade Federal de Juiz

Leia mais

SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIOS

SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIOS NÍVEL SUPERIOR REALIZAÇÃO: Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas U F S C a r EDITAL Nº 011/2012 O Pró-Reitor de Gestão de Pessoas da Universidade

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA A CONTRATAÇÃO DE MÃO DE OBRA POR TEMPO DETERMINADO Nº 05/2013

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA A CONTRATAÇÃO DE MÃO DE OBRA POR TEMPO DETERMINADO Nº 05/2013 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA A CONTRATAÇÃO DE MÃO DE OBRA POR TEMPO DETERMINADO Nº 05/2013 A SECRETARIA MUNICIPAL DE GESTÃO, com fundamento na Lei Complementar nº 225, de 29 de dezembro

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº 01/2010 O Dr. EMIDIO DE SOUZA, Prefeito do Município de Osasco, por intermédio da Portaria nº 1330, de 28 de dezembro de 2010, torna público

Leia mais

Nº 02/2015, 02 2015, 1. DAS FUNÇÕES, VAGAS, SALÁRIO, REQUISITOS E CONDIÇÕES PARA A INSCRIÇÃO. 1.1 ENGENHEIRO CIVIL _ 01 _ - SMITUR _

Nº 02/2015, 02 2015, 1. DAS FUNÇÕES, VAGAS, SALÁRIO, REQUISITOS E CONDIÇÕES PARA A INSCRIÇÃO. 1.1 ENGENHEIRO CIVIL _ 01 _ - SMITUR _ EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº001/2015 A Prefeitura do Município de Piraí do Norte, Bahia, no uso de suas atribuições legais TORNA PÚBLICO a abertura de inscrições para o PROCESSO SELETIVO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 9030002-01/2013

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 9030002-01/2013 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 90002-01/2013 INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO DE PROFISSIONAIS A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA

Leia mais

O presente documento é uma divulgação oficial de todos os critérios e procedimentos estabelecidos pelo SESC para este processo seletivo.

O presente documento é uma divulgação oficial de todos os critérios e procedimentos estabelecidos pelo SESC para este processo seletivo. DESCRITIVO DO PROCESSO SELETIVO PARA O CARGO DE AUXILIAR ODONTOLÓGICO PARA AS UNIDADES DE CAMPINAS, CATANDUVA, JUNDIAÍ, PIRACICABA, SÃO JOSÉ DO RIO PRETO E SOROCABA O presente documento é uma divulgação

Leia mais

EDITAL N. 002/2013/FMS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE MEDICOS PROC- 311/2013

EDITAL N. 002/2013/FMS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE MEDICOS PROC- 311/2013 EDITAL N. 002/2013/FMS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE MEDICOS PROC- 311/2013 O, pessoa jurídica de direito público, inscrito no CNPJ sob o nº. 15.845.340/0001-90, estabelecido com sua

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO, Nº 272/04/2015, PROCESSO Nº 4391/2015

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO, Nº 272/04/2015, PROCESSO Nº 4391/2015 * CIDADE SÃO PAULO, FATEC SEBRAE EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO, Nº 272/04/2015, PROCESSO Nº 4391/2015 Publicado no D.O.E. de 15/08/2015 Seção I página 221 O Diretor

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO POR TEMPO DETERMINADO PARA A FUNÇÃO DE EDUCADOR INFANTIL

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO POR TEMPO DETERMINADO PARA A FUNÇÃO DE EDUCADOR INFANTIL EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO POR TEMPO DETERMINADO PARA A FUNÇÃO DE EDUCADOR INFANTIL O Secretário Municipal de Educação, no uso de suas atribuições legais previstas no art.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA FATEC HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SANTA MARIA-HUSM

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA FATEC HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SANTA MARIA-HUSM UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA FATEC HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SANTA MARIA-HUSM EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 06/13 INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO DE

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 003/2014

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 003/2014 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 003/2014 ABRE INSCRIÇÕES E BAIXA NORMAS PARA SELEÇÃO DE EDUCADORES E INSTRUTORES SOCIAIS PARA ATUAREM NOS PROGRAMAS: DE ERRADICAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL PETI E MULHER DE

Leia mais

CIDADE SÃO PAULO, FACULDADE DE TECNOLOGIA DE ITAQUERA - PROFESSOR MIGUEL REALE.

CIDADE SÃO PAULO, FACULDADE DE TECNOLOGIA DE ITAQUERA - PROFESSOR MIGUEL REALE. * CIDADE SÃO PAULO, FACULDADE DE TECNOLOGIA DE ITAQUERA - PROFESSOR MIGUEL REALE. EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO, Nº 257/10/2015, PROCESSO Nº 5263/2015. Publicado no

Leia mais

Estado de Santa Catarina Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania Diretoria Administrativa e Financeira Gerência de Gestão de Pessoas

Estado de Santa Catarina Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania Diretoria Administrativa e Financeira Gerência de Gestão de Pessoas ESTADO DE SANTA CATARINA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2015/SJC. A SECRETÁRIA DE ESTADO DA JUSTIÇA E CIDADANIA, no uso de suas atribuições e com base na Lei Complementar nº 260 de 22/01/2004,

Leia mais

ESTADO DO ESPÍRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL N.

ESTADO DO ESPÍRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL N. ESTADO DO ESPÍRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL N.º 006/2014 O Município de Vitória, por intermédio da Secretaria de Administração

Leia mais

USCS Virtual Edital/Manual do Candidato Vestibular EAD 2º Semestre 2014

USCS Virtual Edital/Manual do Candidato Vestibular EAD 2º Semestre 2014 USCS - UNIVERSIDADE MUNICIPAL DE SÃO CAETANO DO SUL USCS Virtual Edital/Manual do Candidato Vestibular EAD 2º Semestre 2014 Inscrições: até 30/JULHO/2014 Prova: 3/AGOSTO/2014 Início das aulas: 9/AGOSTO/2014

Leia mais

5.2. Avaliação das cópias dos títulos entregues, que serão valorados na escala de 0 (zero)

5.2. Avaliação das cópias dos títulos entregues, que serão valorados na escala de 0 (zero) Prefeitura Municipal de Esteio EDITAL Nº 01/2014 SMEE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL POR TEMPO DETERMINADO PARA ATENDER A NECESSIDADE TEMPORÁRIA DE EXCEPCIONAL INTERESSE PÚBLICO

Leia mais

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA POSSE NO CARGO PÚBLICO

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA POSSE NO CARGO PÚBLICO PREFEITURA MUNICIPAL DE OLHO D ÁGUA DAS FLORES CNPJ: nº 12.251.468/0001-38 Avenida 02 de Dezembro, nº 426 - Centro. Fone/Fax: (82) 3623.1280 e-mail: prefeituraoaflores@ig.com.br DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

Leia mais

E S T A D O D O R I O G R A N D E D O S U L

E S T A D O D O R I O G R A N D E D O S U L EDITAL Nº 2335 DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA Nº. 001/2014 O Prefeito Municipal de Caçapava do Sul, no uso de suas atribuições, torna público

Leia mais

I - INSTRUÇÕES ESPECIAIS. Salário R$ 773,34 + abono salarial de 318,20 II - DAS INSCRIÇÕES

I - INSTRUÇÕES ESPECIAIS. Salário R$ 773,34 + abono salarial de 318,20 II - DAS INSCRIÇÕES EDITAL ABERTURA CONCURSO PÚBLICO Nº. 001/2013 A Câmara Municipal de Ipuã, Estado de São Paulo, por meio de sua Comissão Examinadora de Concurso Público, nomeada pelo Ato da mesa nº. 02/2013, de 25 de fevereiro

Leia mais

Prefeitura de Candiota

Prefeitura de Candiota Prefeitura de Candiota EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO 002/2015 Edital de Processo Seletivo Simplificado para contratação de 01 (um) médico ginecologista, pelo prazo determinado até 31/12/2015.

Leia mais

EDITAL N.º 102/2009 (*) retificado

EDITAL N.º 102/2009 (*) retificado Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ UNIFEI Reitoria EDITAL N.º 102/2009 (*) retificado O Reitor da Universidade Federal de Itajubá - UNIFEI, no uso de suas atribuições e nos termos da

Leia mais

ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE ANDIRÁ

ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE ANDIRÁ ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE ANDIRÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº. 01/2014 - S Dispõe sobre a abertura de Processo Simplificado de Seleção para oferecimento de vagas de estágio

Leia mais

ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 015/2013

ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 015/2013 ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 015/2013 A FUNDAÇÃO DE APOIO INSTITUCIONAL AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO, entidade de Direito Privado, inscrita no CNPJ sob nº 66.991.647/0001-30

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO - REGIÃO NORTE 2

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO - REGIÃO NORTE 2 DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO NORTE 2 Edital de Abertura de Inscrição Processo Seletivo Simplificado Regional para contratação de Agente de Organização Escolar/2015 A Comissão Especial de Contratação por

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO INTEGRAL EDITAL Nº 02/2014

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO INTEGRAL EDITAL Nº 02/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO INTEGRAL EDITAL Nº 02/2014 EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE COORDENADORES DE EDUCAÇÃO INTEGRAL, QUE ATENDERÃO

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO 001/12 COMPANHIA DE GÁS DA BAHIA BAHIAGÁS PROCESSO SELETIVO PARA PROGRAMA DE ESTÁGIO

EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO 001/12 COMPANHIA DE GÁS DA BAHIA BAHIAGÁS PROCESSO SELETIVO PARA PROGRAMA DE ESTÁGIO EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO 001/12 COMPANHIA DE GÁS DA BAHIA BAHIAGÁS PROCESSO SELETIVO PARA PROGRAMA DE ESTÁGIO A COMPANHIA DE GÁS DA BAHIA - BAHIAGÁS torna público, para conhecimento dos interessados,

Leia mais

HOSPITAL GERAL DE VILA PENTEADO HOSPITAL GERAL DOUTOR JOSÉ PANGELLA DE VILA PENTEADO MÉDICO (ÁREA: ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA) PROCESSO SELETIVO Nº

HOSPITAL GERAL DE VILA PENTEADO HOSPITAL GERAL DOUTOR JOSÉ PANGELLA DE VILA PENTEADO MÉDICO (ÁREA: ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA) PROCESSO SELETIVO Nº HOSPITAL GERAL DE VILA PENTEADO HOSPITAL GERAL DOUTOR JOSÉ PANGELLA DE VILA PENTEADO MÉDICO (ÁREA: ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA) PROCESSO SELETIVO Nº 004 / 08 EDITAL Nº 026 / 08 O Hospital Geral Doutor José

Leia mais

Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013

Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013 1 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013 José Carlos A. Amaral, Prefeito de Três Passos em exercício, no uso de suas atribuições legais, torna público a abertura

Leia mais

Estado da Bahia Prefeitura Municipal de Ilhéus Secretaria de administração PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 02/2015

Estado da Bahia Prefeitura Municipal de Ilhéus Secretaria de administração PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 02/2015 Estado da Bahia Prefeitura Municipal de Ilhéus Secretaria de administração PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 02/2015 A Comissão de Seleção, instituída através da Portaria n 140/2015, torna pública

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA Nº 001/2009.

EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA Nº 001/2009. EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA Nº 001/2009. A PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE VOTUPORANGA, Estado de São Paulo, torna público na forma prevista no Artigo 37

Leia mais

P refeitu ra d o M u n icíp io d e L o n d rin a E stad o d o P araná

P refeitu ra d o M u n icíp io d e L o n d rin a E stad o d o P araná P refeitu ra d o M u n icíp io d e L o n d rin a E stad o d o P araná DECRETO N 526 DE 30 DE MAIO DE 2011 SÚMULA: Dispõe sobre a concessão de licença para tratamento de saúde do servidor e para o acompanhamento

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR TEMPORÁRIO

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR TEMPORÁRIO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR TEMPORÁRIO EDITAL Nº05/2012 BR-020,S/N/ Primavera São Raimundo Nonato PI FONE: (0xx89) 3582-182

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CORUMBÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE GESTÃO PÚBLICA E S C O L A D E G O V E R N O

PREFEITURA MUNICIPAL DE CORUMBÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE GESTÃO PÚBLICA E S C O L A D E G O V E R N O PREFEITURA MUNICIPAL DE CORUMBÁ SECRETARIA MUNICIPAL DE GESTÃO PÚBLICA E S C O L A D E G O V E R N O Processo nº 18284/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO TEMPORÁRIO DE AGENTE DE APOIO ESCOLAR-II, FUNÇÃO:

Leia mais

Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro. RESOLUÇÃO CM nº 12/2014

Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro. RESOLUÇÃO CM nº 12/2014 RESOLUÇÃO CM nº 12/2014 Dispõe sobre o Concurso Público de provas ou provas e títulos para provimento de cargos efetivos do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro O CONSELHO DA MAGISTRATURA DO

Leia mais

Prefeitura Municipal de Campo Limpo Paulista Diretoria de Administração

Prefeitura Municipal de Campo Limpo Paulista Diretoria de Administração CONCURSO PÚBLICO Nº 001/12 RETIFICAÇÃO DO EDITAL 001/12 Prefeito Municipal de Campo Limpo Paulista, Dr. Armando Hashimoto, faz saber que nos dias úteis compreendidos entre 20 de abril e 07 de maio de 2012,

Leia mais

Rio Grande do Norte, 12 de Janeiro de 2016 Ano 2016 No 1575

Rio Grande do Norte, 12 de Janeiro de 2016 Ano 2016 No 1575 ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA CRUZ GABINETE DA PREFEITA EDITAL N 001/2016 - EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Regulamenta o Processo Seletivo Simplificado para provimento

Leia mais

Edital nº 02/2015 SELEÇÃO PÚBLICA PARA CONTRATAÇÃO EMERGENCIAL DE PROFESSORES, EM CARÁTER TEMPORÁRIO, PARA SUPRIR CARÊNCIAS NAS ESCOLAS MUNICIPAIS.

Edital nº 02/2015 SELEÇÃO PÚBLICA PARA CONTRATAÇÃO EMERGENCIAL DE PROFESSORES, EM CARÁTER TEMPORÁRIO, PARA SUPRIR CARÊNCIAS NAS ESCOLAS MUNICIPAIS. Edital nº 02/2015 SELEÇÃO PÚBLICA PARA CONTRATAÇÃO EMERGENCIAL DE PROFESSORES, EM CARÁTER TEMPORÁRIO, PARA SUPRIR CARÊNCIAS NAS ESCOLAS MUNICIPAIS. A Prefeitura Municipal de Guaíba, através da Secretaria

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO ACRE Tribunal de Justiça - Presidência

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO ACRE Tribunal de Justiça - Presidência EDITAL N o 9/2012. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO ACRE, DESEMBARGADOR ADAIR LONGUINI, TORNA PÚBLICA A ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PRESTADORES

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLICADO Nº 003/2015 CONTRATAÇÃO POR TEMPO DETERMINADO EDITAL N 001/2015

PROCESSO SELETIVO SIMPLICADO Nº 003/2015 CONTRATAÇÃO POR TEMPO DETERMINADO EDITAL N 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLICADO Nº 003/2015 CONTRATAÇÃO POR TEMPO DETERMINADO EDITAL N 001/2015 SÚMULA: DISPÕE SOBRE O REGULAMENTO GERAL DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO POR TEMPO DETERMINADO.

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROGRAMA HABITACIONAL REGULAMENTO PARA SELEÇÃO DO PROGRAMA "PRÓ-MORADIA"

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROGRAMA HABITACIONAL REGULAMENTO PARA SELEÇÃO DO PROGRAMA PRÓ-MORADIA EDITAL DE SELEÇÃO DE PROGRAMA HABITACIONAL REGULAMENTO PARA SELEÇÃO DO PROGRAMA "PRÓ-MORADIA" O Conselho Municipal de Habitação do Município de Jeceaba - MG e a Prefeitura Municipal de Jeceaba, no uso

Leia mais

Edital - Processo Seletivo 2015 Verão FACULDADE DE ENGENHARIA E INOVAÇÃO TÉCNICO PROFISSIONAL EDITAL Nº 007 DE 10 DE SETEMBRO DE 2014

Edital - Processo Seletivo 2015 Verão FACULDADE DE ENGENHARIA E INOVAÇÃO TÉCNICO PROFISSIONAL EDITAL Nº 007 DE 10 DE SETEMBRO DE 2014 EDITAL PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR VERÃO 2015 1 Edital - Processo Seletivo 2015 Verão FACULDADE DE ENGENHARIA E INOVAÇÃO TÉCNICO PROFISSIONAL EDITAL Nº 007 DE 10 DE SETEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO/VESTIBULAR

Leia mais

ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ

ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ ASSESSOR JURIDICO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N. 001/2013 A PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ, ESTADO DO RONDÔNIA,

Leia mais

Amazonas, 13 de Fevereiro de 2013 Diário Oficial dos Municípios do Estado do Amazonas ANO IV Nº 0781 RESOLVE

Amazonas, 13 de Fevereiro de 2013 Diário Oficial dos Municípios do Estado do Amazonas ANO IV Nº 0781 RESOLVE CONSIDERANDO a necessidade de reorganização do Quadro de Pessoal Comissionado para a próxima Gestão Administrativa do Município de Urucurituba, Exercício 2013/2016; RESOLVE Art. 1.º - NOMEAR, na forma

Leia mais

DESCRITIVO DO PROCESSO SELETIVO PARA O CARGO DE ASSISTENTE ADMINISTRATIVO FUNÇÃO DE PRODUTOR AUDIOVISUAL

DESCRITIVO DO PROCESSO SELETIVO PARA O CARGO DE ASSISTENTE ADMINISTRATIVO FUNÇÃO DE PRODUTOR AUDIOVISUAL DESCRITIVO DO PROCESSO SELETIVO PARA O CARGO DE ASSISTENTE ADMINISTRATIVO FUNÇÃO DE PRODUTOR AUDIOVISUAL O presente documento é uma divulgação oficial de todos os critérios e procedimentos estabelecidos

Leia mais

ADEFOM - ASSOCIAÇÃO DE DEFICIENTES DO OESTE DE MINAS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 001/2015

ADEFOM - ASSOCIAÇÃO DE DEFICIENTES DO OESTE DE MINAS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 001/2015 ADEFOM - ASSOCIAÇÃO DE DEFICIENTES DO OESTE DE MINAS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Nº 001/2015 A "Adefom" (Associação do Deficiente do Oeste de Minas), em atendimento a Resolução 007/2013 CMAS/DIV de 06/03/2013,

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOAS Secretaria Municipal de Educação

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE CANOAS Secretaria Municipal de Educação EDITAL DE SELEÇÃO DE PROFISSIONAIS PARA A COORDENAÇÃO MUNICIPAL E PROFESSORES DE ENSINO FUNDAMENTAL, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E EDUCAÇÃO CIDADÃ PARA ATUAREM NO PROGRAMA NACIONAL DE INCLUSÃO DE JOVENS

Leia mais

DESCRITIVO DO PROCESSO SELETIVO PARA MONITOR DE ESPORTES PARA AS UNIDADES DO SESC NO ESTADO DE SÃO PAULO

DESCRITIVO DO PROCESSO SELETIVO PARA MONITOR DE ESPORTES PARA AS UNIDADES DO SESC NO ESTADO DE SÃO PAULO DESCRITIVO DO PROCESSO SELETIVO PARA MONITOR DE ESPORTES PARA AS UNIDADES DO SESC NO ESTADO DE SÃO PAULO O presente documento é uma divulgação oficial de todos os critérios e procedimentos estabelecidos

Leia mais

E D I T A L PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 002/2015 SEMSA/MANAUS

E D I T A L PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 002/2015 SEMSA/MANAUS E D I T A L PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 002/2015 SEMSA/MANAUS A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA), no uso de suas atribuições legais, e tendo em vista a autorização

Leia mais

GABINETE DO MINISTRO PORTARIA NORMATIVA Nº 8, DE 2 DE JULHO DE

GABINETE DO MINISTRO PORTARIA NORMATIVA Nº 8, DE 2 DE JULHO DE Ministério da Educação GABINETE DO MINISTRO PORTARIA NORMATIVA Nº 8, DE 2 DE JULHO DE 2015 Dispõe sobre o processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil - Fies referente ao segundo semestre de

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015 A Comissão Organizadora do Processo Seletivo, designada através da Portaria nº 096/2015, no uso de suas atribuições

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ATUAÇÃO NO PROJETO CENTRO DE REFERÊNCIA EM DIREITOS HUMANOS

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ATUAÇÃO NO PROJETO CENTRO DE REFERÊNCIA EM DIREITOS HUMANOS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ATUAÇÃO NO PROJETO CENTRO DE REFERÊNCIA EM DIREITOS HUMANOS EDITAL Nº 002/2014 DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA PROFISSIONAIS DA ÁREA DE PSICOLOGIA A Fundação Guimarães

Leia mais

1ª RETIFICAÇÃO DO EDITAL Nº 01, DE 28 DE SETEMBRO DE 2015

1ª RETIFICAÇÃO DO EDITAL Nº 01, DE 28 DE SETEMBRO DE 2015 1ª RETIFICAÇÃO DO O Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí, Desembargador RAIMUNDO EUFRÁSIO ALVES FILHO, no uso de suas atribuições, nos termos estabelecidos no subitem 15.39, torna pública

Leia mais

PREFEITURA DE JUIZ DE FORA Secretaria de Administração e Recursos Humanos

PREFEITURA DE JUIZ DE FORA Secretaria de Administração e Recursos Humanos EDITAL N.º 249 SARH PROCESSO DE CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE COORDENADOR PEDAGÓGICO A SECRETÁRIA DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS e o SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições, tornam público

Leia mais

HOSPITAL GERAL DE VILA NOVA CACHOEIRINHA

HOSPITAL GERAL DE VILA NOVA CACHOEIRINHA HOSPITAL GERAL DE VILA NOVA CACHOEIRINHA HOSPITAL GERAL DE VILA NOVA CACHOEIRINHA DR. ÁLVARO SIMÕES DE SOUZA SERVIÇO DE RECURSOS HUMANOS EDITAL nº 004/2008 PROCESSO SELETIVO - MÉDICO (ESPECIALIDADE: PEDIATRIA)

Leia mais

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DE BRASÍLIA PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL MÉDIO NOTA Nº E-042/2013

EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DE BRASÍLIA PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL MÉDIO NOTA Nº E-042/2013 EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS DIRETORIA REGIONAL DE BRASÍLIA PROCESSO PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE NÍVEL MÉDIO NOTA Nº E-042/2013 A EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS, empresa

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA VITÓRIA DO PALMAR SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO SELEÇÃO PÚBLICA POR TÍTULOS - EDITAL Nº 014/2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA VITÓRIA DO PALMAR SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO SELEÇÃO PÚBLICA POR TÍTULOS - EDITAL Nº 014/2015 PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA VITÓRIA DO PALMAR SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO SELEÇÃO PÚBLICA POR TÍTULOS - EDITAL Nº 014/2015 EDUARDO CORRÊA MORRONE, Prefeito Municipal de Santa Vitória do Palmar/RS, através

Leia mais

Cód. Cargos Vagas Escolaridade/Exigências Remuneração. Ensino Fundamental Completo (8a Série)

Cód. Cargos Vagas Escolaridade/Exigências Remuneração. Ensino Fundamental Completo (8a Série) A PREFEITURA MUNICIPAL DE TATUÍ, TORNA PÚBLICA a Reti-Ratificação do Edital Resumo, fazendo-se o acréscimo do cargo de Engenheiro Civil ao Concurso Público PMT 0/2008, conforme cláusula deste Edital. A

Leia mais