PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR PNAE: IIII Encontro Catarinense de Alimentação Escolar

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR PNAE: IIII Encontro Catarinense de Alimentação Escolar"

Transcrição

1 PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR PNAE: IIII Encontro Catarinense de Alimentação Escolar

2 Atualização sobre a compra da Agricultura Familiar Resolução do FNDE nº04/2015 Olavo Braga COSAN - CECANE/SC

3 No mínimo 30% dos recursos devem ser usados na compra de produtos oriundos da agricultura familiar Lei /09 - Art. 14 1º - A aquisição de que trata este artigo poderá ser realizada dispensando-se o procedimento licitatório, desde que os preços sejam compatíveis com os vigentes no mercado local, atendam os princípios do art. 37 da CF/88 e os alimentos atendam às exigências do controle de qualidade estabelecidas nas normas que regulamentam a matéria.

4 Chamada Pública 1º do Art. 20 da Res. 26/2013 Quando a E.Ex optar pela dispensa do procedimento licitatório, nos termos do 1º do art. 14 da Lei nº /09, a aquisição será feita mediante prévia chamada pública - procedimento administrativo voltado à seleção de proposta específica para a aquisição de gêneros alimentícios provenientes da agricultura familiar. Vantagens: - Não há disputa de preços entre organizações da agricultura familiar; - Segurança para o gestor e para o agricultor; - Prioridade para a aquisição da produção local;

5 Quem pode participar? - Grupo Formal: cooperativa ou associação da agricultura familiar com DAP jurídica; - Grupo Informal: grupo de agricultores familiares com DAP física; - Fornecedor Individual: agricultores familiares com DAP física, não organizados em grupo.

6 Agricultura Familiar Ciclo de Execução Entregar os produtos Verificar o orçamento Articular com os atores Assinar o contrato Elaborar o cardápio Selecionar o Projeto de Venda Definir o preço de aquisição Receber o Projeto de Venda Elaborar o Projeto de Venda Divulgar a chamada pública

7 1. Orçamento Identificar o valor do repasse realizado pelo Governo Federal baseado no Censo Escolar do ano anterior ao atendimento; Definir o percentual de compra da agricultura familiar a ser efetuado; - Responsabilidade: Entidade Executora

8 2. Articulação entre os atores sociais Secretaria de Agricultura/ Entidade de Assistência Técnica e Extensão Rural / ATER; Nutricionista Cardápio; Gestor Compra; Representações da Agricultura Familiar condições de atendimento; Responsabilidade: Entidade Executora

9 3) Elaboração do cardápio - Considerar produção local; - Considerar sazonalidade; Responsabilidade: Entidade Executora

10 4) Pesquisa de Preços; Nova redação para o Art Resolução CD/FNDE nº 4, de 2 de abril de Altera a redação dos artigos 25 a 32 da Resolução CD/FNDE nº 26, de 17 de junho de É realizada pela EEx. em, no mínimo, 3 mercados em âmbito local, priorizando a feira do produtor da agricultura familiar, - Na pesquisa de preços acrescer os insumos exigidos no edital, tais como frete, embalagens, encargos etc. O preço médio apurado é o preço de aquisição. - Os preços de aquisição deverão ser publicados no edital da chamada pública, e serão os preços pagos ao agricultor familiar pela venda do gênero alimentício. - Modelo de pesquisa de preços na Resolução CD/FNDE nº 4/2015.

11 5) Elaboração de Chamada Pública - Vigência; - Especificação dos gêneros alimentícios; -Quantidade; - Publicar os preços que serão pagos aos gêneros alimentícios; - Regras para o fornecimento local e cronograma de entrega; - 20 dias - Prazo mínimo em que as chamadas públicas devem ficar abertas; - Modelo de chamada pública na Resolução CD/FNDE nº 4, de 2 de abril de Responsabilidade: Entidade Executora

12 6) Elaboração do Projeto de Venda Nova redação para o Art Resolução CD/FNDE nº 4, de 2 de abril de Altera a redação dos artigos 25 a 32 da Resolução CD/FNDE nº 26, de 17 de junho de Estabelece o limite individual de venda para o agricultor familiar na comercialização para o PNAE por entidade executora; - O limite individual de venda do agricultor familiar = R$ ,00 por DAP Familiar /ano/entidade executora; - Para a comercialização com grupos formais: valor máximo = nº de AF inscritos na DAP jurídica x R$ ,00 DAP /ano/eex.

13 Resolução CD/FNDE nº 4, de 2 de abril de Altera a redação dos artigos 25 a 32 da Resolução CD/FNDE nº 26, de 17 de junho de Cabe às cooperativas e/ou associações a responsabilidade pelo controle do atendimento do limite individual de venda. - Cabe às EEx. a responsabilidade pelo controle do limite individual de venda nos casos de comercialização com os grupos informais e agricultores individuais. A estas também compete o controle do limite total de venda das cooperativas e associações.

14 6) Elaboração do Projeto de Venda - Os projetos de venda apresentados podem contemplar parcialmente a demanda; - Modelo de projeto de venda na Resolução CD/FNDE nº 4 de 2 de abril de Responsabilidade: agricultores familiares ou suas organizações

15 7) Recebimento e seleção do projeto de venda - Princípios: Localidade e organização produtiva Responsabilidade: Entidade Executora Os projetos de venda habilitados serão divididos em grupos: I - grupo de projetos de fornecedores locais. II - grupo de projetos de fornecedores do território rural. III - grupo de projetos do estado. IV grupo de projetos de outros estados. 2º - Em cada grupo de projetos, será observada a seguinte ordem de prioridade para seleção: I os assentamentos de reforma agrária, as comunidades tradicionais indígenas e as comunidades quilombolas; II os fornecedores de gêneros alimentícios certificados como orgânicos ou agroecológicos; III os Grupos Formais sobre os Grupos Informais e estes sobre os Fornecedores Individuais; Em caso de persistir o empate, será realizado o sorteio, ou havendo consenso poderá optar-se pela divisão no fornecimento entre os finalistas.

16 Seleção do projeto de venda - Resolução nº4 de 2/4/2015: Os projetos de venda habilitados serão divididos em grupos e entre os grupos, observar a seguinte a ordem de prioridade para seleção: Projetos de venda de AF locais Projetos de venda de AF do território rural Projetos de venda de AF do Estado Projetos de venda de outros estados

17 Seleção do projeto de venda - Resolução nº4 de 2/4/2015: Projetos de venda de AF locais Projetos de assentamentos da reforma agrária, comunidades indígenas e quilombolas Projetos de fornecedores de gêneros orgânicos Grupos formais sobre os informais sobre os fornecedores individuais

18 7) Recebimento e seleção do projeto de venda - Princípios: Localidade e organização produtiva Responsabilidade: Entidade Executora Nova redação para o Art Resolução CD/FNDE nº 4, de 2 de abril de Altera a redação dos artigos 25 a 32 da Resolução CD/FNDE nº 26, de 17 de junho de Grupos de assentados da reforma agrária, comunidades indígenas e quilombolas: 50% + 1 dos associados; - No caso de empate entre os grupos formais terá prioridade o grupo com maior porcentagem de agricultores familiares na composição. - No caso de grupos informais, terá prioridade o grupo com maior porcentagem de agricultores familiares assentados da reforma agrária, comunidades indígenas ou quilombolas:

19 Seleção do projeto de venda - Resolução nº4 de 2/4/2015: - Grupos de assentados da reforma agrária, comunidades indígenas e quilombolas: 50% + 1 dos associados; - No caso de empate entre os grupos formais acima, terá prioridade o grupo com maior porcentagem de agricultores familiares na composição. - No caso de grupos informais, terá prioridade o grupo com maior porcentagem de agricultores familiares assentados da reforma agrária, comunidades indígenas ou quilombolas:

20 TERRITÓRIOS RURAIS A concepção de território utilizada pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e aprovada pela Resolução nº 52 do Conselho Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável CONDRAF em 16 de fevereiro de 2005 é de: espaço físico, geograficamente definido, não necessariamente contínuo, compreendendo cidades e campos, caracterizado por critérios multidimensionais, tais como o ambiente, a economia, a sociedade, a cultura, a política e as instituições e uma população com grupos sociais relativamente distintos, que se relacionam interna e externamente por meio de processos específicos, onde se pode distinguir um ou mais elementos que indicam identidade e coesão social, cultural e territorial.

21 8) Amostra para controle de qualidade Responsabilidade: Entidade Executora 9) Contrato de Aquisição - Modelo de contrato na Resolução CD/FNDE nº - Regido pelas regras do edital e pelo capítulo IV da Lei nº 8.666/93 10) Entrega dos produtos - Assinatura do Termo de Recebimento; - É obrigatória a emissão de nota fiscal, nota do produtor ou nota avulsa; - Possibilidade de substituição dos gêneros alimentícios; Ministério da Educação

22 Resolução CD/FNDE nº 4, de 2 de abril de Altera a redação dos artigos 25 a 32 da Resolução CD/FNDE nº 26, de 17 de junho de 2013 Altera a redação do Art. 26 que define onde deverão ser divulgados os editais da chamadas públicas; Inclui documento para habilitação dos projetos de venda dos agricultores familiares no Art. 27;

23 E.E. atendendo o percentual mínimo E.E. compraram menos de 30% Não compraram Dados preliminares da compra da Agricultura Familiar para alimentação escolar - Brasil (parciais 4943 PC s) 780 (15%) 2485 (48%) 2568 (50%) 2776 (56%) 3194 (65%) Aquisições da agricultura familiar R$ , (34%) 1550 (30%) 1592 (31%) 1402 (28%) 1210 (25%) 2627 (51%) 1104 (21%) 977 (19%) 768 (16%) 539 (10%) R$ ,10 R$ ,30 R$ ,87 R$ ,30

24 Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação FNDE Diretoria de Ações Educacionais DIRAE Coordenação-Geral do Programa Nacional de Alimentação Escolar CGPAE Coordenação de Segurança Alimentar e Nutricional COSAN /5551/5501/5663

Programa Nacional de Alimentação Escolar

Programa Nacional de Alimentação Escolar Programa Nacional de Alimentação Escolar II Seminário Alimentação Escolar e Mercados Institucionais da Agricultura Familiar Jaboticabal/SP outubro 2015 MISSÃO DO PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR. ISABEL CRISTINA ALMEIDA Nutricionista

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR. ISABEL CRISTINA ALMEIDA Nutricionista PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR ISABEL CRISTINA ALMEIDA Nutricionista Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Novidades da Resolução nº 26, 17/06/2013 Programa Nacional de Alimentação Escolar

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO

DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO Chamada Pública n.º 2/2016 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar, no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE, com dispensa de licitação,

Leia mais

AGRICULTURA FAMILIAR NO PNAE

AGRICULTURA FAMILIAR NO PNAE AGRICULTURA FAMILIAR NO PNAE Atendimento universal 26 estados e o distrito federal 5.571 municípios 170.000 escolas ABRANGÊNCIA 47 milhões de alunos 130 milhões de refeições servidas diariamente R$ 3,5

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO

DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO Chamada Pública n.º 2/2016 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar, no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE, com dispensa de licitação,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAÇAPAVA DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAÇAPAVA DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE CAÇAPAVA DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Chamada Pública n.º 02/2016, para aquisição de gêneros alimentícios diretamente da Agricultura Familiar e do Empreendedor Familiar

Leia mais

MODALIDADE - COMPRA INSTITUCIONAL

MODALIDADE - COMPRA INSTITUCIONAL MODALIDADE - COMPRA INSTITUCIONAL 1. Introdução O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) tem sua origem no Programa Fome Zero. A partir dessa concepção cria-se o Programa de Aquisição de Alimentos. Instituído

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO EE EDWIRGES COELHO DERZI 0399 DEODÁPOLIS- MS

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO EE EDWIRGES COELHO DERZI 0399 DEODÁPOLIS- MS Chamada Pública n.º 02/2016 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar, no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE, com dispensa de licitação,

Leia mais

Alimentação Escolar nas Instituições de Ensino das Redes Públicas Estaduais. Novembro, 2011

Alimentação Escolar nas Instituições de Ensino das Redes Públicas Estaduais. Novembro, 2011 Alimentação Escolar nas Instituições de Ensino das Redes Públicas Estaduais Novembro, 2011 AMOSTRAGEM: 20 UFs 14,5 MILHÕES DE ESTUDANTES BENEFICIADOS EM 21.853 INSTITUIÇÕES DE ENSINO 3 BILHÕES DE REFEIÇÕES

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA VIPROC: /2016

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA VIPROC: /2016 EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA VIPROC: 0366143/2016 Chamada Pública n.º 01/2016, para aquisição de gêneros alimentícios diretamente da Agricultura Familiar e do Empreendedor Familiar Rural conforme 1º do art.14

Leia mais

O encontro da Agricultura Familiar com a Alimentação Escolar

O encontro da Agricultura Familiar com a Alimentação Escolar O encontro da Agricultura Familiar com a Alimentação Escolar www.mda.gov.br/alimentacaoescolar Ministério da Educação Ministério do Desenvolvimento Agrário A partir de agora a Agricultura Familiar passa

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO

DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO Chamada Pública n.º 2/2016 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar, no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE, com dispensa de licitação,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 74, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 74, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2015 RESOLUÇÃO Nº 74, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2015 MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME SECRETARIA NACIONAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL DOU de 25/11/2015 (nº 225, Seção 1, pág. 55) Estabelece

Leia mais

ARROIO GRANDE/RS Cidade Simpatia, Terra de Mauá.

ARROIO GRANDE/RS Cidade Simpatia, Terra de Mauá. ARROIO GRANDE/RS Cidade Simpatia, Terra de Mauá. EMATER Associação Riograndense de Empreendimento de Assistência Técnica e Extensão Rural ASCAR Associação Sulina de Crédito e Assistência Rural Escritório

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO DE FORTE VELHO

ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO DE FORTE VELHO ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO DE FORTE VELHO O Conselho Escolar de Forte Velho, pessoa jurídica de direito público, com sede à Rua Professor Antônio Elias S/N, fone (83) 36641107 Bairro

Leia mais

Programa Nacional de Alimentação. Marcel Francisco Alvim de Oliveira Abril 2013. Escolar PNAE

Programa Nacional de Alimentação. Marcel Francisco Alvim de Oliveira Abril 2013. Escolar PNAE Programa Nacional de Alimentação Marcel Francisco Alvim de Oliveira Abril 2013 Escolar PNAE ATENDIMENTO DO PNAE Recursos FNDE: Per capitas R$ 1,00 (creches) R$ 0,50 (pré escola) R$ 0,30 (EF, EM, EJA) R$

Leia mais

Maria Luiza da Silva MEC/FNDE/PNAE

Maria Luiza da Silva MEC/FNDE/PNAE Maria Luiza da Silva MEC/FNDE/PNAE Art. 14. da Art. 14. Do total dos recursos financeiros repassados pelo FNDE, no âmbito do PNAE, no mínimo trinta por cento deverá ser utilizado na aquisição de gêneros

Leia mais

OPERACIONALIZAÇÃO DA LEI 11.947/2009 COMPRA DA AGRICULTURA FAMILIAR

OPERACIONALIZAÇÃO DA LEI 11.947/2009 COMPRA DA AGRICULTURA FAMILIAR Seminário de Formação dos atores envolvidos na execução do PNAE OPERACIONALIZAÇÃO DA LEI 11.947/2009 COMPRA DA AGRICULTURA FAMILIAR Me. Ana Laura Benevenuto de Amorim Nutricionista Assessora Técnica São

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO

DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO Chamada Pública n.º 2/2016 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar, no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE, com dispensa de licitação,

Leia mais

PNAE Programa Nacional de Alimentação Escolar. As ações para a Agricultura Familiar e o Controle Social

PNAE Programa Nacional de Alimentação Escolar. As ações para a Agricultura Familiar e o Controle Social PNAE Programa Nacional de Alimentação Escolar As ações para a Agricultura Familiar e o Controle Social Missão: Contribuir para a melhoria da educação por meio de ações educativas de alimentação e nutrição

Leia mais

Políticas brasileiras de segurança alimentar e nutricional: compras públicas da agricultura familiar

Políticas brasileiras de segurança alimentar e nutricional: compras públicas da agricultura familiar Políticas brasileiras de segurança alimentar e nutricional: compras públicas da agricultura familiar Tópicos de abordagem Políticas públicas para a agricultura familiar Contexto e criação dos instrumentos

Leia mais

APM da Escola Estadual Indígena Guilhermina da Silva

APM da Escola Estadual Indígena Guilhermina da Silva Chamada Pública n.º 001/2016 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar, no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE, com dispensa de licitação,

Leia mais

A MANDIOCA NA AGRICULTURA FAMILIAR

A MANDIOCA NA AGRICULTURA FAMILIAR A MANDIOCA NA AGRICULTURA FAMILIAR 13º CONGRESSO BRASILEIRO DE MANDIOCA Kelma Christina M. S. Cruz Botucatu/SP, 15 de julho de 2009 SISAN Alimentação Escolar PAA Política de Abastecimento Sociobio diversidade

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR, AGRICULTURA FAMILIAR E SEGURANÇA ALIMENTAR O Programa de Alimentação Escolar do Município de São Paulo

AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR, AGRICULTURA FAMILIAR E SEGURANÇA ALIMENTAR O Programa de Alimentação Escolar do Município de São Paulo AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR, AGRICULTURA FAMILIAR E SEGURANÇA ALIMENTAR O Programa de Alimentação Escolar do Município de São Paulo Assessoria do Gabinete Departamento de Alimentação Escolar

Leia mais

No dia e hora abaixo discriminados, na Escola acima especificada.

No dia e hora abaixo discriminados, na Escola acima especificada. Chamada Pública n.º 02/2015 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar com Dispensa de Licitação, Lei n.º 11.947 (16/06/2009) e Resolução n.º 26 do FNDE (17/06/2013).

Leia mais

Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar

Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar Maio de 2014 AGRICULTURA FAMILIAR LEI Nº 11.326, DE 24 DE JULHO DE 2006 Art. 3º considera-se agricultor familiar e empreendedor familiar rural

Leia mais

O Desenvolvimento da Agricultura e Política Rural

O Desenvolvimento da Agricultura e Política Rural 7º Seminário Estadual de Agricultura O Desenvolvimento da Agricultura e Política Rural Deputado Estadual José Milton Scheffer Vice-Presidente da Comissão de Agricultura e Política Rural da ALESC Território

Leia mais

ALIMENTAÇÃO ESCOLAR E AGRICULTURA FAMILIAR

ALIMENTAÇÃO ESCOLAR E AGRICULTURA FAMILIAR ALIMENTAÇÃO ESCOLAR E AGRICULTURA FAMILIAR ALIMENTAÇÃO ESCOLAR E AGRICULTURA FAMILIAR Com a aprovação da Lei nº 11.947, de 16 de junho de 2009, e da Resolução FNDE nº 38, de 16 de julho de 2009, as escolas

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO 1 GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR INSTRUMENTO DE CHAMADA PÚBLICA Nº 01 /2015 GÊNEROS ALIMENTÍCIOS DA AGRICULTURA FAMILIAR Chamada Pública

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR PNAE: Cardápios na Alimentação Escolar

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR PNAE: Cardápios na Alimentação Escolar PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR PNAE: Cardápios na Alimentação Escolar Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação FNDE Coordenação-Geral do Programa Nacional de Alimentação Escolar CGPAE Coordenação

Leia mais

Monitoramento e Avaliação do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE

Monitoramento e Avaliação do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE Monitoramento e Avaliação do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE ABRANGÊNCIA Extensão territorial:8.514.876,59 9 km 2 Alcance: 5.570 municípios, 26 estados, DF e escolas técnicas federais.

Leia mais

Compra e Venda da Produção da Agricultura Familiar para a Alimentação Escolar

Compra e Venda da Produção da Agricultura Familiar para a Alimentação Escolar Compra e Venda da Produção da Agricultura Familiar para a Alimentação Escolar Hilda Lorena Freitas Agente PNAE/REBRAE Cecane/UNB A partir da Lei n. 11.947/2009 Art. 14. Do total dos recursos financeiros

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR-PNAE

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR-PNAE PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR-PNAE PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR - PNAE 10 ELEMENTOS CHAVE Objetivo Apresentar o componente nutricional inserido na alimentação escolar Metodologia

Leia mais

Programa Nacional de Alimentação Escolar Pnae. Aquisição de produtos da AGRICULTURA FAMILIAR para a ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

Programa Nacional de Alimentação Escolar Pnae. Aquisição de produtos da AGRICULTURA FAMILIAR para a ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Programa Nacional de Alimentação Escolar Pnae Aquisição de produtos da AGRICULTURA FAMILIAR para a ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Junho de 2014 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO 3 FUNCIONAMENTO 6 Quem compra... 6 Quem vende...

Leia mais

Prestação de Contas do Programa Nacional de Alimentação Escolar

Prestação de Contas do Programa Nacional de Alimentação Escolar Prestação de Contas do Programa Nacional de Alimentação Escolar Orvalina Ornelas Nascimento Santos Coordenadora-Geral de Contabilidade e Acompanhamento de Prestação de Contas Prestação de Contas: Quem

Leia mais

Programa Nacional de Alimentação Escolar Pnae. Aquisição de produtos da AGRICULTURA FAMILIAR para a ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

Programa Nacional de Alimentação Escolar Pnae. Aquisição de produtos da AGRICULTURA FAMILIAR para a ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Programa Nacional de Alimentação Escolar Pnae Aquisição de produtos da AGRICULTURA FAMILIAR para a ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Junho de 2014 PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Dilma Rousseff MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Henrique

Leia mais

E C O N Ô S O C E N T A L. Cultura e Tradição

E C O N Ô S O C E N T A L. Cultura e Tradição 3º. Seminário Responsabilidade Social com Foco nos Atores Interessados 7 a 8/10/2008 Biodiesel e Agricultura Familiar www.biodiesel.gov.b PNPB Pilares de Sustentação PNPB S O C I A L E C O N Ô M I C O

Leia mais

2. FONTE DE RECURSO Projeto/Atividade Fonte de Recurso Natureza da Despesa

2. FONTE DE RECURSO Projeto/Atividade Fonte de Recurso Natureza da Despesa EDITAL CHAMADA PÚBLICA 03-2016 CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2016 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar com dispensa de licitação, Lei nº 11.947, de 16/07/2009,

Leia mais

PORTARIA INTERMINISTERIAL MDA e MDS e MMA Nº 239 DE 21 DE JULHO DE 2009

PORTARIA INTERMINISTERIAL MDA e MDS e MMA Nº 239 DE 21 DE JULHO DE 2009 PORTARIA INTERMINISTERIAL MDA e MDS e MMA Nº 239 DE 21 DE JULHO DE 2009 Estabelece orientações para a implementação do Plano Nacional de Promoção das Cadeias de Produtos da Sociobiodiversidade, e dá outras

Leia mais

SUMÁRIO DA APRESENTAÇÃO

SUMÁRIO DA APRESENTAÇÃO Agricultura Familiar na Alimentação Escolar SUMÁRIO DA APRESENTAÇÃO Lei 11.947/09 Visão de Futuro, Oportunidades e Desafios PAA e Programa Nacional de Alimentação Escolar Necessidades Alimentação Escolar

Leia mais

AGRICULTURA FAMILIAR NA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

AGRICULTURA FAMILIAR NA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Por meio da Lei nº 11.947/2009, a Agricultura Familiar passa a fornecer gêneros alimentícios a serem servidos nas escolas da Rede Pública de Ensino. Conheça a Lei: Lei nº 11.947/2009 Dispõe sobre o atendimento

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 577/2012

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 577/2012 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE ELDORADO DO SUL SECRETARIA DE COMPRAS E PATRIMÔNIO DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 577/2012 O Município de Eldorado do Sul comunica

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 78/2015

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 78/2015 CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 78/2015 AQUISIÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS SEM LICITAÇÃO DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR O MUNICÍPIO DE NÃO-ME-TOQUE, pessoa jurídica de direito público, com

Leia mais

EMATER-RIO LEI DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR. Green rio JUNHO 2016

EMATER-RIO LEI DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR. Green rio JUNHO 2016 EMATER-RIO LEI DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Green rio JUNHO 2016 A EMATER RIO é uma empresa vinculada à Secretaria Estadual de Agricultura e Pecuária, responsável pela execução de programas e projetos de Assistência

Leia mais

CENTRO COLABORADOR EM ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO DO ESCOLAR - CECANE/SC

CENTRO COLABORADOR EM ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO DO ESCOLAR - CECANE/SC CENTRO COLABORADOR EM ALIMENTAÇÃO E NUTRIÇÃO DO ESCOLAR - CECANE/SC COORDENADOR Prof. Francisco de Assis Guedes de Vasconcelos SUB-COORDENAÇÃO PESQUISA Prof. Cristine Garcia Gabriel Prof. Janaina das Neves

Leia mais

Atuações da CEAGESP e do CECANE nas ações de fortalecimento da Agricultura Familiar. Ana Laura Benevenuto de Amorim e Fabiane Mendes da Camara

Atuações da CEAGESP e do CECANE nas ações de fortalecimento da Agricultura Familiar. Ana Laura Benevenuto de Amorim e Fabiane Mendes da Camara Atuações da CEAGESP e do CECANE nas ações de fortalecimento da Agricultura Familiar Ana Laura Benevenuto de Amorim e Fabiane Mendes da Camara São Paulo, 2014 UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE SAÚDE

Leia mais

CURSO POLÍTICAS PÚBLICAS NO SEMIÁRIDO DO NORDESTE: PARTICIPAÇÃO E JUVENTUDE. Profº Guilherme Soares UFRPE

CURSO POLÍTICAS PÚBLICAS NO SEMIÁRIDO DO NORDESTE: PARTICIPAÇÃO E JUVENTUDE. Profº Guilherme Soares UFRPE POLÍTICAS PÚBLICAS NO SEMIÁRIDO DO NORDESTE: PARTICIPAÇÃO E JUVENTUDE. Profº Guilherme Soares UFRPE : POLÍTICAS PÚBLICAS NO SEMIÁRIDO DO NORDESTE: Módulo III O AMBIENTE OPERACIONAL DAS POLÍTICAS PÚBLICAS:

Leia mais

PNAE. Passos para executar o PROGRAMA NACIONAL DE

PNAE. Passos para executar o PROGRAMA NACIONAL DE PNAE Passos para executar o PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR EXPEDIENTE Presidência da República Ministério da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação FNDE Diretoria de Ações Educacionais

Leia mais

ANÁLISE DAS AQUISIÇÕES DA AGRICULTURA FAMILIAR COM OS RECURSOS DO PNAE

ANÁLISE DAS AQUISIÇÕES DA AGRICULTURA FAMILIAR COM OS RECURSOS DO PNAE ANÁLISE DAS AQUISIÇÕES DA AGRICULTURA FAMILIAR COM OS RECURSOS DO PNAE Osni Morinishi Rocha Resumo A CNM realiza o presente estudo para avaliar o cumprimento pelos gestores municipais da Lei 11.947/2009,

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE. Governadora do Estado ROSALBA CIARLINI SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA, DA PECUÁRIA E DA PESCA SAPE.

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE. Governadora do Estado ROSALBA CIARLINI SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA, DA PECUÁRIA E DA PESCA SAPE. GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE Governadora do Estado ROSALBA CIARLINI SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA, DA PECUÁRIA E DA PESCA SAPE. Secretário TARCÍSIO DANTAS BEZERRA INSTITUTO DE ASSISTENCIA

Leia mais

Alimentação, saúde e qualidade de vida de escolares quilombolas

Alimentação, saúde e qualidade de vida de escolares quilombolas Alimentação, saúde e qualidade de vida de escolares quilombolas Profª Dra Estelamaris T Monego Faculdade de Nutrição UFG CECANE UFG/Centro-Oeste emonego@fanut.ufg.br Programa Nacional de Alimentação Escolar

Leia mais

AQUISIÇÃO DE PRODUTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

AQUISIÇÃO DE PRODUTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR AQUISIÇÃO DE PRODUTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR 2ª edição - versão atualizada com a Resolução CD/FNDE nº 04/2015 w w w. fn d e. g ov. b r Presidência da República Dilma Rousseff

Leia mais

PARA GESTORES PÚBLICOS

PARA GESTORES PÚBLICOS UM BOM NEGÓCIO PARA O DESENVOLVIMENTO LOCAL PARA GESTORES PÚBLICOS 1 2014 - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado de Minas Gerais - Sebrae. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. É

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO 11/05/2015 15:40:27 FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO Lei nº 11.947, de 16 de junho de 2009. Resolução CD/FNDE nº 26, de 17 de junho de 2013. CONSELHO

Leia mais

Agricultura familiar e mercados: algumas reflexões

Agricultura familiar e mercados: algumas reflexões Agricultura familiar e mercados: algumas reflexões Claudia Job Schmitt CPDA/UFRRJ 1. A construção social dos mercados na agricultura camponesa e familiar: perspectivas de análise 2. Diversidade e historicidade

Leia mais

2. DATA, LOCAL E HORA PARA ENTREGA DOS ENVELOPES 3. DATA, LOCAL E HORA PARA ABERTURA DOS ENVELOPES

2. DATA, LOCAL E HORA PARA ENTREGA DOS ENVELOPES 3. DATA, LOCAL E HORA PARA ABERTURA DOS ENVELOPES EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Chamada Pública n.º 05/ 2015 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar com Dispensa de Licitação, Lei n.º 11.947 (16/06/2009) e Resolução

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PUBLICA Nº. 01/2015 PROCESSO Nº. 28/2015

EDITAL DE CHAMADA PUBLICA Nº. 01/2015 PROCESSO Nº. 28/2015 EDITAL DE CHAMADA PUBLICA Nº. 01/2015 PROCESSO Nº. 28/2015 Chamada Pública n.º 01/2015, para aquisição de gêneros alimentícios diretamente da Agricultura Familiar e do Empreendedor Familiar Rural conforme

Leia mais

VISITA IFNMG 13 de outubro de 2014

VISITA IFNMG 13 de outubro de 2014 VISITA IFNMG 13 de outubro de 2014 EXPERIÊNCIA DO IFSULDEMINAS NA AQUISIÇÃO DE PRODUTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR - PNAE IFSULDEMINAS IFSULDEMINAS IFSULDEMINAS Pouso Alegre, MG A atuação da Extensão no processo:

Leia mais

Produção Orgânica: Requisitos legais para a produção, processamento, controle e informação da qualidade

Produção Orgânica: Requisitos legais para a produção, processamento, controle e informação da qualidade Produção Orgânica: Requisitos legais para a produção, processamento, controle e informação da qualidade José Cleber Dias de Souza Comissão da Produção Orgânica do RS CPOrg/RS DPDAG/SFA/RS Ministério da

Leia mais

SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 360, DE 2016

SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 360, DE 2016 SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 360, DE 2016 Altera a lei nº 11.947, de 16 de junho de 2009, para estabelecer o reajuste anual do valor per capita do PNAE, definindo o IPCA como índice utilizado

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO

DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO Chamada Pública n.º 2/2016 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar, no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE, com dispensa de licitação,

Leia mais

CAPÍTULO II Fornecedores SEÇÃO I Qualificação de fornecedores de produtos e insumos

CAPÍTULO II Fornecedores SEÇÃO I Qualificação de fornecedores de produtos e insumos REGULAMENTO PRÓPRIO PARA CONTRATAÇÃO DE OBRAS, SERVIÇOS E COMPRAS COM RECURSOS PROVENIENTES DO PODER PÚBLICO. CONSIDERANDO a necessidade de estabelecer normas de padronização para aquisição de materiais,

Leia mais

EDITAL Nº 009/2015 CHAMADA PÚBLICA Nº 001/2015

EDITAL Nº 009/2015 CHAMADA PÚBLICA Nº 001/2015 EDITAL Nº 009/2015 CHAMADA PÚBLICA Nº 001/2015 AQUISIÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR COM DISPENSA DE LICITAÇÃO, LEI N.º 11.947, DE 16/07/2009, RESOLUÇÃO CD/FNDE

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2016

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2016 PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2016 Altera a lei nº 11.947, de 16 de junho de 2009, para estabelecer o reajuste anual do valor per capita do PNAE, definindo o IPCA como índice utilizado para o cálculo

Leia mais

Fatec Ipiranga EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 06/ 2015 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2015.

Fatec Ipiranga EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 06/ 2015 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2015. EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 06/ 2015 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2015. O Diretor da Faculdade de Tecnologia do Ipiranga FATEC IPIRANGA, no uso de suas atribuições legais, faz saber que

Leia mais

Passo a passo. para venda e aquisição dos produtos da agricultura familiar para atendimento da alimentação escolar.

Passo a passo. para venda e aquisição dos produtos da agricultura familiar para atendimento da alimentação escolar. Passo a passo para venda e aquisição dos produtos da agricultura familiar para atendimento da alimentação escolar 16 Revista CoopAlimento PNAE O Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) é o maior

Leia mais

COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO EDITAL Nº 014/2016. São João do Piauí, 21 de outubro de 2016

COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO EDITAL Nº 014/2016. São João do Piauí, 21 de outubro de 2016 COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO EDITAL Nº 014/2016 São João do Piauí, 21 de outubro de 2016 A Diretoria Geral do Campus São João do Piauí, através da Coordenação de Extensão, torna público este Edital que estabelece

Leia mais

Of. nº 39/2016. Guaporé, 06 de junho de 2016.

Of. nº 39/2016. Guaporé, 06 de junho de 2016. Of. nº 39/2016. Guaporé, 06 de junho de 2016. Senhora Presidente, Encaminho nesta Casa Legislativa, para apreciação e votação dos nobres Edis, o projeto de lei legislativa nº 08/2016, que DISPÕE SOBRE

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS

EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTAS A Profa. Gisele Fernanda Mouro, Coordenadora Substituta do Núcleo de Estudos Agroecologia e Produção Orgânica do Território Vale do Ivaí, torna público o presente Edital

Leia mais

AVISO DE PRORROGAÇÃO DE EDITAL

AVISO DE PRORROGAÇÃO DE EDITAL AVISO DE PRORROGAÇÃO DE EDITAL CHAMADA PÚBLICA DE COMPRA N. 001/2016 Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE Departamento de Educação O PREFEITO MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE PIRAJU, Estado

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO LEÃO SAMPAIO UNILEÃO COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO LIGA ACADÊMICA DE SAÚDE MENTAL - LASAM.

CENTRO UNIVERSITÁRIO LEÃO SAMPAIO UNILEÃO COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO LIGA ACADÊMICA DE SAÚDE MENTAL - LASAM. CENTRO UNIVERSITÁRIO LEÃO SAMPAIO UNILEÃO COORDENAÇÃO DE PESQUISA E EXTENSÃO LIGA ACADÊMICA DE SAÚDE MENTAL - LASAM Edital 31/2016 Dispõe sobre o processo seletivo de membros e colaborador da Liga Acadêmica

Leia mais

COMISSÃO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA, ABASTECIMENTO E DESENVOLVIMENTO RURAL

COMISSÃO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA, ABASTECIMENTO E DESENVOLVIMENTO RURAL COMISSÃO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA, ABASTECIMENTO E DESENVOLVIMENTO RURAL PROJETO DE LEI N o 3.366, DE 2012 Inclui os 1º e 2º, ao art. 14, da Lei nº 11.947, de 16 de junho de 2009, e dá outras providências.

Leia mais

Edital nº 7 de 2016 TRANSCRIÇÃO DE VÍDEOS II

Edital nº 7 de 2016 TRANSCRIÇÃO DE VÍDEOS II Edital nº 7 de 2016 TRANSCRIÇÃO DE VÍDEOS II O Instituto Pólis pretende selecionar um profissional para a transcrição de vídeos com o registro de oficinas e cursos realizados no Litoral Paulista pelo Observatório

Leia mais

ENTENDENDO O CARDÁPIO. Centro Colaborador de Alimentação e Nutrição do Escolar (CECANE)

ENTENDENDO O CARDÁPIO. Centro Colaborador de Alimentação e Nutrição do Escolar (CECANE) ENTENDENDO O CARDÁPIO Centro Colaborador de Alimentação e Nutrição do Escolar (CECANE) O que é um cardápio? CARDÁPIO DO PNAE É a relação das preparações de alimentos a serem oferecidas em uma refeição.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO 09/11/2015 15:21:04 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO RESOLUÇÃO Nº 4, DE 2 DE ABRIL DE 2015 Altera a redação dos artigos 25 a 32 da Resolução/CD/FNDE

Leia mais

UNESP. ASSISTÊNCIA TÉCNICA E EXTENSÃO RURAL: conceitos e objetivos. Antonio Lázaro Sant Ana (Prof. Unesp Ilha Solteira) Abril de 2014

UNESP. ASSISTÊNCIA TÉCNICA E EXTENSÃO RURAL: conceitos e objetivos. Antonio Lázaro Sant Ana (Prof. Unesp Ilha Solteira) Abril de 2014 UNESP UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO CÂMPUS DE ILHA SOLTEIRA Disciplina Comunicação e Extensão Rural Curso de Agronomia ASSISTÊNCIA TÉCNICA E EXTENSÃO RURAL: conceitos e objetivos

Leia mais

RELATÓRIO DE CONSULTORIA CONTRATO IA-OS-001/2016

RELATÓRIO DE CONSULTORIA CONTRATO IA-OS-001/2016 RELATÓRIO DE CONSULTORIA CONTRATO IA-OS-001/2016 PROJETO: PDRSX 055-2014 NESSA (155-2014) CÂMARA TÉCNICA: CT-08: EDUCAÇÂO Educação no Campo - Habilitação Profissional Técnico em Agroindústria Integrado

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA NA GESTÃO DA CADEIA LOGÍSTICA

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA NA GESTÃO DA CADEIA LOGÍSTICA RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA NA GESTÃO DA CADEIA LOGÍSTICA Coordenadoria de Economia Mineral Diretoria de Geologia, Mineração e Transformação Mineral Premissas do Desenvolvimento Sustentável Economicamente

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE SECRETARIA ESPECIAL DE SAÚDE INDÍGENA

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE SECRETARIA ESPECIAL DE SAÚDE INDÍGENA MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE SECRETARIA ESPECIAL DE SAÚDE INDÍGENA ORIENTAÇÕES PARA O ACOMPANHAMENTO DAS CONDICIONALIDADES DE SAÚDE DO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA DE FAMÍLIAS INDÍGENAS

Leia mais

Edital MDA/DPMR e INCRA/DD/DDA Nº 01/2014

Edital MDA/DPMR e INCRA/DD/DDA Nº 01/2014 Ministério do Desenvolvimento Agrário MDA Diretoria de Políticas para Mulheres Rurais DPMR Instituto Nacional de Reforma Agrária INCRA Diretoria de Desenvolvimento de Projetos de Assentamento DD Coordenação

Leia mais

Brasília, 19 de janeiro de Introdução

Brasília, 19 de janeiro de Introdução Chamada Pública nº 01 /2012 CET-UnB/FNDE Brasília, 19 de janeiro de 2012. Chamada Pública para seleção de municípios para participar do projeto Educando com a Horta Escolar e a Gastronomia - Formação de

Leia mais

ANEXO IV QUADRO DE ATRIBUIÇÕES, POR CARGO ATRIBUIÇÕES

ANEXO IV QUADRO DE ATRIBUIÇÕES, POR CARGO ATRIBUIÇÕES ANEXO IV QUADRO DE ATRIBUIÇÕES, POR CARGO CARGO Auxiliar de Serviços Gerais I Merendeira I Fiscal de Obras e Edificações I ATRIBUIÇÕES Manter limpos os móveis, arrumar e manter limpos os locais de trabalho;

Leia mais

Sistemática Convencional x Check List

Sistemática Convencional x Check List 1) Analisa a operação Atualização Crédito Aprovado Proposta contendo as condições de Financiamento: Dados do comprador (CNPJ, endereço, local de instalação,cnae, etc...); CNAE Solicitação de Carta de Finalidade,

Leia mais

Assunto: posicionamento da Coordenação Geral do Programa de Alimentação Escolar a respeito da aquisição de suco de laranja para a alimentação escolar.

Assunto: posicionamento da Coordenação Geral do Programa de Alimentação Escolar a respeito da aquisição de suco de laranja para a alimentação escolar. Nota Técnica nº 01/2012 CGPAE/DIRAE/FNDE Assunto: posicionamento da Coordenação Geral do Programa de Alimentação Escolar a respeito da aquisição de suco de laranja para a alimentação escolar. A Coordenação

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO JABOATÃO DOS GUARARAPES / PE SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL SECRETARIA EXCUTIVA DE EDUCAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DO JABOATÃO DOS GUARARAPES / PE SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL SECRETARIA EXCUTIVA DE EDUCAÇÃO ANEXO II DO EDITAL DE REGULAMENTO CADASTRO DE FORNECEDORES DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS DIRETAMENTE DA AGRICULTURA FAMILIAR OU DO EMPREENDEDOR FAMILIAR PROJETO DE VENDA DE GÊNERO ALIMENTÍCIOS DA AGRICULTURA

Leia mais

1ª CHAMADA PÚBLICA CONAB/SUREG - RJ Nº 001/2014.

1ª CHAMADA PÚBLICA CONAB/SUREG - RJ Nº 001/2014. 1ª CHAMADA PÚBLICA CONAB/SUREG - RJ Nº 001/2014. 1ª Chamada Pública para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar, no âmbito do PAA, para suplementação alimentar de grupos populacionais

Leia mais

PASSO A PASSO - PARA A COMPRA E VENDA DA PRODUÇÃO DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

PASSO A PASSO - PARA A COMPRA E VENDA DA PRODUÇÃO DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR PASSO A PASSO - PARA A COMPRA E VENDA DA PRODUÇÃO DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR 1º passo: Definição do Orçamento: Repasse dos Recursos Federais e Previsão Orçamentária O repasse ocorre

Leia mais

IV CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL

IV CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL IV CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL PERNAMBUCO RELATÓRIO FINAL COMISSÃO EECUTIVA Pesqueira/PE Setembro/2011 1 IV CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL ALIMENTAÇÃO

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO EXTERNA SIMPLIFICADA DE BOLSISTAS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E AO EMPREGO (PRONATEC)

PROCESSO DE SELEÇÃO EXTERNA SIMPLIFICADA DE BOLSISTAS DO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E AO EMPREGO (PRONATEC) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROCESSO DE SELEÇÃO EXTERNA SIMPLIFICADA

Leia mais

VAGA REMANESCENTE DO PROGRAMA DE MONITORIA REMUNERADA DA UTFPR EDITAL 05/2016-DIRGRAD

VAGA REMANESCENTE DO PROGRAMA DE MONITORIA REMUNERADA DA UTFPR EDITAL 05/2016-DIRGRAD Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Câmpus Guarapuava Diretoria de Graduação e Educação Profissional VAGA REMANESCENTE DO PROGRAMA DE MONITORIA REMUNERADA DA UTFPR EDITAL

Leia mais

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância Edital n 014/2010 DEAD / IFMA Seleção Simplificada

Leia mais

Critério: MENOR PREÇO GLOBAL.

Critério: MENOR PREÇO GLOBAL. Cotação Prévia de Preço n 25/2016 Convênio nº 775707/2012 MTE/SENAES Projeto: Centro de Formação e Apoio a Assessoria Técnica em Economia Solidária da Região Sul CFES Regional Sul. Critério: MENOR PREÇO

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA ESPECIALIZADA (PESSOA FÍSICA) Contrato por Produto Nacional

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA ESPECIALIZADA (PESSOA FÍSICA) Contrato por Produto Nacional TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE CONSULTORIA ESPECIALIZADA (PESSOA FÍSICA) Contrato por Produto Nacional Número e Título do Projeto: BRA/09/004 Fortalecimento da CAIXA no seu processo de internacionalização

Leia mais

Passo-a-passo para compra e venda da Agricultura Familiar para a Alimentação Escolar

Passo-a-passo para compra e venda da Agricultura Familiar para a Alimentação Escolar Passo-a-passo para compra e venda da Agricultura Familiar para a Alimentação Escolar Passo-a-passo Quem vende Quem compra Grupo Formal Cooperativa ou Associação com DAP jurídica Entidades Executoras Grupo

Leia mais

DEPARTAMENTO LEGISLATIVO DA CÂMARA MUNICIPAL DE fortaleza, em iç" de ckr~uj. de 2011.

DEPARTAMENTO LEGISLATIVO DA CÂMARA MUNICIPAL DE fortaleza, em iç de ckr~uj. de 2011. INDICAÇÃO No02 5/_1_2_~ 11~ "Dispõe sobre a criação do Cargo de Coordenador de Creches no Município de Fortaleza e dá outras providências." o Vereador abaixo signatário, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

Edital de Seleção de Pessoal 001/2008

Edital de Seleção de Pessoal 001/2008 Jacobina/BA, 25 de Agosto de 2008. Edital de Seleção de Pessoal 001/2008 A Comissão de Seleção de Pessoal da COFASPI - Cooperativa de Assistência a Agricultura Familiar Sustentável do Piemonte, instituída

Leia mais

Agenda. Contexto. O Nordeste Territorial. Fórum de Governança da Atividade Econômica. Formas de Financiamento

Agenda. Contexto. O Nordeste Territorial. Fórum de Governança da Atividade Econômica. Formas de Financiamento Agenda Contexto O Nordeste Territorial Fórum de Governança da Atividade Econômica Formas de Financiamento Área de atuação do BNB Nordeste: 1.554,4 mil Km 2 Semi-árido: 974,4 mil Km 2 (62,7% do território

Leia mais

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO. GABINETE DO MINISTRO INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 2, DE 29 DE JANEIRO DE 2007.

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO. GABINETE DO MINISTRO INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 2, DE 29 DE JANEIRO DE 2007. MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO. GABINETE DO MINISTRO INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 2, DE 29 DE JANEIRO DE 2007. O MINISTRO DE ESTADO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO, no uso da atribuição

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS FACULDADE DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS FACULDADE DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS FACULDADE DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO FUNDAMENTOS DA EDUCAÇÃO Edital de Seleção CURSO DE APERFEIÇOAMENTO: A DIVERSIDADE EM SALA

Leia mais

b. Comprovante de regularidade de matrícula em nível superior na instituição de origem (original); c. Histórico Escolar do curso de origem contendo ca

b. Comprovante de regularidade de matrícula em nível superior na instituição de origem (original); c. Histórico Escolar do curso de origem contendo ca EDITAL FATEC MAUÁ Nº. 01/2017 de 25 de novembro de 2016. O Diretor da Fatec-Mauá - Faculdade de Tecnologia de Mauá, no uso de suas atribuições legais, faz saber que estão abertas inscrições para participação

Leia mais